Issuu on Google+

Unidade Local de Saúde de Matosinhos, E.P.E. Apresentação Institucional


”Valor primordial da vida e dignidade da pessoa humana, atitude de serviço, atenção e cortesia, compaixão e respeito, competência e eficiência.”

A Primeira Unidade Local de Saúde em Portugal


Quem somos


Unidade Local de Saúde de Matosinhos foi criada em 1999

Integra:

Hospital Pedro Hispano

Cuidados de Saúde Primários - ACES M

Cuidados Continuados

A Primeira Unidade Local de Saúde em Portugal inspirou a criação de outras ULS. Hoje em dia existem sete ULS no nosso País.


Quem somos Instituição Pública Integrada no Serviço Nacional de Saúde Natureza de Gestão Empresarial Autonomia: Financeira Administrativa Localizada no Concelho de Matosinhos


Onde estamos Centro de Saúde de Centro deLeça Saúdeda dePalmeira Leça da Palmeira U.S.F. Leça

U.S.F. Dunas

U.S.F. Maresia

U.C.S.P. Perafita

U.C.C. Leça Palmeira

U.C.S.P. S. Cruz Bispo

Centro de Saúde de S. Mamede

Centro de Saúde de Matosinhos Centro de Saúde de Leça da Palmeira U.S.F. Oceanos

U.S.F. Horizonte

U.C.S.P. Matosinhos

U.C.C. Matosinhos

U.S.F. Porta do Sol

U.S.F. Infesta

U.C.S.P. S. Mamede

U.C.C. S. Mamede

Matosinhos

Centro de Diagnóstico Pneumológico

Centro de Saúde de Sra. da Hora

Unidade de Saúde Pública

S.A.S.U. Hospital Pedro Hispano

U.S.F. Lagoa

Privados I/II/III

U.C.S.P. S. Hora

U.C.C. S. Hora

Cuidados Continuados


Concelho de Matosinhos 63,2 Km2 169.303 habitantes 184.003 inscritos 176.643 inscritos com médico de família: 96%

Taxa de Natalidade: 10,0% Taxa de Mortalidade: 8,5%

Matosinhos

Índice de Envelhecimento: 102,5 Índice Dependência de Idosos: 18,8 Esperança de vida ao nascimento: 78.5

Referência para os concelhos de Vila do Conde e Póvoa de Varzim, com uma população de cerca de 313.775 inscritos.


Visão, Missão e Valores Visão

Missão

Valores

Satisfazer todas as necessidades em saúde à população do Concelho de Matosinhos, assumindo a integração dos diferentes níveis, desde a educação para a saúde e dos autocuidados, aos tratamentos continuados e paliativos e à referenciação para outros níveis da rede hospitalar.

Acessibilidade simplificada e facilitada, equidade garantida, integração eficaz e comprometida, produtividade e eficiência na utilização dos recursos e diminuição das necessidades em saúde, desde logo para as doenças evitáveis, e uma população mais consciente para assumir estilos de vida saudáveis.

Valor primordial da vida e dignidade da pessoa humana, atitude de serviço, atenção e cortesia, compaixão e respeito, competência e eficiência.


A nossa estrutura


A nossa oferta, infra-estruturas e equipamentos Especialidades Médicas

Infra-estruturas

Anestesiologia Cardiologia Gastroenterologia Ginecologia Neonatologia Neurologia Obstetrícia Oncologia Oftalmologia Ortopedia Pediatria Pneumologia Urologia ....

401 Camas 29 Berçários 22 camas de Convalescença 9 salas Bloco Central 7 Salas de Parto 3 Salas Ambulatório 9 cadeirões Hospital de Dia 16 vagas Medicina Hiperbárica 70 Gabinetes de Consulta 1 Farmácia

Equipamentos Ressonância Magnética: 1 Tomografia Computorizada: 2 Radiologia: 13 Ecografia: 6 Angiografia:1


Modelo de Financiamento • A ULSM é financiada por cada habitante do Concelho de Matosinhos: 635,72€ per capita.

• Montante máximo de financiamento a receber do Ministério da Saúde em 2011, relacionado com serviços de saúde prestados a beneficiários do Serviço Nacional de Saúde e outros subsistemas públicos: 107 629 439,00€.


Modelo de Financiamento – Objectivos de Qualidade e Eficiência • De forma a receber o montante máximo de financiamento, a ULSM deve cumprir com os objectivos de qualidade e eficiência contratualizados com o Ministério da Saúde;

• 10% do total do financiamento encontra-se indexado a estes objectivos, que estão alinhados com as políticas do Plano Nacional de Saúde Português: – 3% relacionados com os Cuidados de Saúde Primários; – 3% relacionados com os Cuidados Hospitalares; – 4% relacionados com o cumprimento de indicadores económicos.


Modelo de Financiamento – Objectivos de Qualidade e Eficiência

“Os valores sublinhados no Plano Nacional de

Saúde

são

os

de

justiça

social,

universalidade, equidade e respeito pela pessoa

humana,

solicitude

e

solidariedade.” “WHO Avaliação do PNS Portugal 2004-2010”


O que fazemos


A nossa procura • Cerca

de

98%

da

procura

respeita

a

beneficiários do Serviço Nacional de Saúde e outros subsistemas públicos (ADSE, SADPSP, SAD-GNR;

• Os restantes 2% são cobertos por seguros de saúde.


ULSM num dia de 2010… 2.025 Consultas Médicas de Cuidados Primários 885 Consultas Externas no Hospital 17 Doentes intervencionados em Ambulatório 7 Partos 38 Sessões de Hospital de Dia 243 Atendimentos nas Urgências 57 Doentes Saídos 29 Doentes intervencionados no Bloco Central Mais de 1.600 exames de diagnóstico Mais de 5.000 análises clínicas


Indicadores de Qualidade em 2010 Peso das primeiras consultas no total de consultas mĂŠdicas:  31% Demora mĂŠdia (dias):  7,1 Partos por cesariana:  37,8% Peso da Cirurgia de AmbulatĂłrio no total da Cirurgia Programada:  48%


Indicadores de Qualidade em 2010

Mediana do tempo de espera para uma consulta (dias):

84

Mediana do tempo de espera para uma cirurgia programada (meses):

2,8


Indicadores de Qualidade em 2010 96% de crianças vacinadas aos 2 anos de idade  98% de crianças vacinadas aos 6 anos de idade  78% de grávidas com uma primeira consulta médica no primeiro trimestre

 42 domicílios médicos por 1.000 habitantes  224 domicílios de enfermagem por 1.000 habitantes


Cuidados de Saúde Primários Consultas ACES M 574.362

557.276

2008

2009

580.225

2010

Var. 2008/2010

1,02%




Cuidados Hospitalares Consulta Externa 217.462

227.142

225.780

Var. 2008/2010

3,8%

2008

2009



2010

Sess천es Hospital Dia

8.014

8.900

9.739

Var. 2008/2010

28,4%

2008

2009

2010




Cuidados Hospitalares Doentes Saídos – GDH Médicos 10.952

11.174

10.430

Var. 2008/2010

- 4,8%

2008

2009



2010

Doentes saídos – GDH Cirúrgicos 6.649

6.906

6.742

Var. 2008/2010

1,4%

2008

2009

2010




Cuidados Hospitalares GDH de Ambulat贸rio 7.314

7.636

Var. 2008/2010

7.191

- 1,7%

2008

2009



2010

Urg锚ncias 90.987

86.777 73.542

Var. 2008/2010

-19,4% 8.677

2008

7.297

6.008

2009 Urg. Obstetricia/Ginecologia

2010 Urg. Geral




Recursos Humanos


Recursos Humanos Efectivos por local de trabalho ULSM Hospital Pedro Hispano Cuidados Primรกrios Cuidados Continuados Total

2010 1.739 454 30 2.223


Recursos Humanos Efectivos por categoria profissional ULSM Dirigente

2010 21

MĂŠdico

537

InformĂĄtica

14

Enfermeiro

764

Docente

1

Outro pessoal

886 Total

2.223


Performance Econ贸micoFinanceira


Performance Económico-Financeira 138,7

Redução do Custo Total: 0,96% 136,4 M€

135,9 2009 2010

134,6

Total de Custos

Total de Proveitos

Aumento da Receita Total: 1,69%


Performance Económico-Financeira 4,1 0,6

-3,2

M€

2009 -6,0

2010

-8,1 -10,6

Resultados Operacionais

EBITDA

Resultado Líquido


Principais actividades de Investimento e Desenvolvimento


Actividades de Investimento e Desenvolvimento Infra-estruturas

Reestruturação de: Unidade de Cirurgia de Ambulatório Unidade de Cuidados Intensivos Consulta Externa do HPH Área Materno-Infantil Hospital de Dia


Actividades de Investimento e Desenvolvimento Diferenciação no âmbito Organizacional

 Consolidação da Estrutura em Departamentos  Implementação do Balanced Scorecard  Aposta na Integração de Cuidados Primários e Hospitalares  Compromisso com a Qualidade  Comunicação como vector fundamental


Actividades de Investimento e Desenvolvimento

Diferenciação no domínio dos Sistemas de Informação

 Plataforma de Business Intelligence  Reestruturação do Circuito do Processo Clínico  Consolidação da Prescrição Electrónica  Esforço de redução do Risco Clínico


Unidade Local de Saúde de Matosinhos, E.P.E. Perto de si‌


Apresentação Institucional