Issuu on Google+


As margens do Nilo


São raros os livros que têm sido tão editados, traduzidos e comentados como os Elementos de Euclides. Na antiga Grécia, esta obra foi comentada por Proclo (412 ­ 485), Herão (c. 10 ­ 75) e Simplício (490 ­ 560); na Idade­Média foi traduzida em latim e árabe; após a descoberta da imprensa, fizeram­se dela numerosas edições em todas as línguas europeias.

A primeira destas edições foi a de Campano (1220 ­ 1296), em latim, publicada em 1482, edição usada por Pedro Nunes (1502 ­ 1578).


O Q u i n to P o s tu l a d o d e E u


c l i d e s n a l i n h a d o te m p o


A Geometria EsfĂŠrica ĂŠ a Geometria de curvatura positiva


.


s ero úm . s n a " as "O e t r t r e r ". m e n sa eô to g c e s f ô r r a je t sem não e o iza m br etr que do sô o) ã om i ge aqu oca lat us re col (P De n t t á ". a. o e es des e t r Nã e i o i d a ôm . " m m g e o " u jo t r e de und a c s ex ran m inh ua og mo al d s é na ta eu ver e re " D g o ma ­ s ha

"C

A

A

ma

tem

Ge

áti

ca,

de

mo

om

oh

áe

etr

str

ia

éa

art

ed

er

ad

ac

ioc (P inar oin so ca bre ré) a s

a (E s re uc ai lid s p es ar de a c Al h e ex ga an r dri à G a) eom

do g são eral, evi é fu den nd ( F t e s a me n eli por ta x K si lm l e i me s e n t e n) m a as. ciê

fig

"S c i ê e mp r qu ncia e m etr nã e pro acab e par ia. o e po am ece r u a p cio to o s s n a ma e s t r a e m o m dos nh as áx de o q nc a a i mo u m u e ia da tod qu a p r sc isiç az esp os ois ão, er n éci aq as u e ã n e (G ão o é de les qu au e p e ss a p o co aixã que Ca r e n h o e s t rl F sen eci pel ud r i e ç a , me n a m a m d e r ma t o e s m s e r ich s o e s a. iam ) a t o i m a Em e n t de ap ver e es ati ren da ta ng diz de, ir a ag o me e m, ta" .

ur

as

ma

ld

ese

nh

ad

as

.


W A N D E R L E Y PI V A T T O B R U M


A geometria que nos cerca