Issuu on Google+

UFPA - CAPANEMA

Volume 1, edição 1

EDITORIAL Estamos lançando a primei-

Avançamos muito ao ção, mas sim de con-

ra edição do nosso infor- longo do tempo, su- tribuição para com o mativo Ação”,

“Campus elaborado

em peramos

desafios, sonho de muitos de

pela transpomos obstácu- nossos

Assessoria de Comunica-

jovens

que

los que pareciam im- estão na Universida-

ção Institucional - AS- possíveis e hoje nós

de ou que posterior-

COM do Campus de Ca-

mente ingressarão, e,

temos a oportunida-

panema-PA. Nosso objeti- de de apresentar uma aqui terão a oportu-

Nesta edição: RESENHA HISTÓRICA DO CAMPUS

2

NOVOS CAMINHOS

2

vo é contribuir com a co- UFPA melhor para os

nidade de conquistar

municação das atividades

estudantes de Capa-

melhores condições

desenvolvidas em nossas

nema e região e isso

de vida e de trabalho

dependências a nível acadê-

é motivo para come- por meio de uma

mico e institucional. Nesse morar. Bem verdade

educação libertadora

primeiro número, traze- que ainda não esta-

capaz de somar com

mos em nossas páginas

mos com a estrutura seus projetos pesso-

uma breve resenha históri- que

desejaríamos, ais. Contamos com a

INAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA

3

ca do Campus, nosso obje-

entretanto, o pior já sua ajuda para que

WEB RÁDIO UFPA CAPANEMA

3

tivo é situar a nossa comu-

passou.

BLOCO MULTIFUNCIONAL

3

INTENSIVÃO ENEM

3

CAMINHOS DE REFLEXÃO

4

Seguimos

nidade no tempo já que com as nossas lutas,

juntos

possamos

construir uma UFPA

partimos da máxima de para que coisas maio- mais fortalecida. que o passado é história, o

res possam vir, e isso

futuro um mistério e o

não é um desejo ape-

presente uma dádiva.

nas de pura ostenta-


Uma resenha histórica Como grande parte dos núcleos da UFPA, Capanema também começou com uma escola do município na parte central da cidade. Em 1992, a Universidade Federal do Pará, por meio do Campus Universitário de Bragança, firmou um convênio com a prefeitura para a criação do núcleo de Capanema, ficando até o ano de 2001 ligado ao Campus bragantino. O primeiro vestibular foi realizado no ano de 1994 para o curso de Ciências Contábeis (regime intervalar), com oferta de 50 vagas e funcionamento na Escola Maria Myrtes. Em 27 de 1996, foi

inaugurado o prédio onde o núcleo funciona atualmente (2013) .

Em 2010, com a gestão do Prof. Dr. Álvaro da Costa Lobo Filho é aprovado o Regimento do Campus Universitário de Capanema. Com isso a universidade se torna, portanto, responsável pelo Campus. Lembra-se, a guisa de recordação, que o regimento encontrou muitas dificuldades para ser aprovado, mas devido à persistência do Prof. Álvaro o resultado da

votação para a aprovação foi positiva e aclamada festivamente pelos que estavam, naquela cerimônia, ocorrida no prédio da reitoria em Belém.

De 2001-2004, o Campus de Bragança transferiu a administração e a responsabilidade do Núcleo de Capanema para o antigo centro socioeconômico, hoje, o instituto de Ciências Sociais e Aplicadas, sendo naquele momento a servidora Neusaly Dib Taxi, coordenadora do núcleo. O núcleo ficou ligado à vicereitoria durante o período de 2004 até maio de 2009, sob a administração da professora Marlene Rodrigues Medei-

ros Freitas e, posteriormente da Professora Regina Fátima Barroso. Em 09 de novembro de 2005, a servidora Walmeire Alves de Melo Costa foi nomeada coordenadora do núcleo de Capanema. Em 18 de maio de 2009, o Conselho Superior Universitário (CONSUN) aprovou a criação do Campus Universitário de Capanema, com a resolução nº 673, de 19 de maio de 2009. Em junho de 2009, um convênio de 20 anos foi assinado entre a prefeitura e a Universidade Federal do Pará, comprometendo o gestor municipal a ser parceiro da universidade no Campus criado.

“A participação e a presença do professor Álvaro Lobo, do ano passado para cá, é a razão pela qual se vive este momento de mudança. Sem a sua ousadia e determinação, o avanço não seria possível. Ousadia que por vezes incomoda. Porque assim ele busca alterar a realidade das coisas para superar aquilo que se espera”. Prof. Dr. Carlos Maneschy

Página 2

Por ocasião da visita do Magnífico Reitor Dr. Carlos Maneschy à Capanema, durante o seminário do PARFOR, assim ele se pronunciou: “A participação e a presença do professor Álvaro Lobo, do ano pas-

sado para cá, é a razão pela qual se vive este momento de mudança. Sem a sua ousadia e determinação, o avanço não seria possível. Ousadia que por vezes incomoda. Porque assim ele busca alterar a realidade das coisas para superar aquilo que se espera”.

Novos Caminhos Manhã do dia 29 de Outubro, data importante para o CAMPUS da UFPA Capanema! Neste dia ocorreu a primeira reunião com a comissão de articulação para o reconhecimento junto ao MEC deste Campi. O evento contou com a participação da representante do poder executivo, profª. Ana Adelaide, secretária de

educação, Profº. Solon, coordenador da Universidade Aberta do Brasil (UAB), vereador Rogério Silva do PC do B e o coordenador do Campus de Capanema Profº Dr. Álvaro Lobo. Juntos, em luta por uma Universidade mais fortalecida, democrá-

tica e com maior qualidade de Ensino, pesquisa e extensão para a nossa região.


INAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA Em 25/10 de 2013 foi realizado nas dependências do Campus I da UFPA Capanema a inauguração da biblioteca interna, que a partir dessa data passa a disponibilizar o seu acervo para as consultas e empréstimo de livros por parte dos acadêmicos dos cursos regulares, intensivos e da Plataforma Freire. Ressaltamos que esta biblioteca constitui numa iniciativa de suprir a carência que se tinha anteriormente de acesso aos títulos, o que dificultava a realização de trabalhos de pesquisa como também de outras atividades extraclasse. Em entrevista,

WEB RÁDIO .

Profº. Álvaro Lobo destacou que uma nova biblioteca institucional já faz parte de um grande projeto a ser implantado no Campus II num futuro próximo. O bloco será acompanhado de um auditório para a promoção dos eventos da instituição e melhor servir à comunidade estudantil.

cessário que o aluno tenha em mãos: Rg e número de matricula. O horário de funcionamento da b i b l i o t e c a é de segunda à sexta-feira, no período de 8:00 às 12:00h e de 14:00 às 18:00h .

As inscrições para adquirir as carteirinhas de acesso à biblioteca já estão sendo realizadas. Os interessados deverão procurar os responsáveis pela biblioteca no Campus I na Av. Barão de Capanema. O prazo de entrega é de 8 dias. É ne-

O Campus de Capanema inaugurou no último dia 11 de novembro de 2013 a Web Rádio UFPA Capanema. A mesma consiste numa plataforma de transmissão de áudio ao vivo via internet que ainda está em fase de testes. O objetivo da emissora é criar um canal de informação, utilizando materiais simples e interatividade com a comunidade por meio da valorização do repertório musical e de programas educativos produzidos em outras emissoras que contribuam com a cultura acadêmica. No momento, enfrentamos o desafio de alcançar uma boa transmissão. Solucionando os problemas de internet, acreditamos ser possível tal intento. Por causa do pouco espaço, ainda não temos estúdio nem locuções ao vivo, quiçá no futuro consigamos promover essa interação com o amigo ouvinte. Acesse: www.webradioufpacapanema.blogspot.com e fique por dentro.

BLOCO MULTIFUNCIONAL Em breve também estará sendo inaugurado o mais novo prédio multifuncional da UFPA Capanema, com novas salas e maior disposição operacional, localizado no Campus II às margens da BR 308 da rodovia CapanemaBragança para melhor acomodar as atividades acadêmicas e reduzir os vários problemas de espaço que temos enfrentado ultimamente. Estamos aguardando somente o término das

Volume 1, edição 1

obras de pavimentação e a ligação de energia elétrica. Mais uma conquista para a nossa comunidade acadêmica!

No dia 21/10/2013 por volta das 8:00 h deu-se início ao Intensivão ENEM no auditório do Campus da UFPACapanema. O projeto teve por objetivo contribuir com a comunidade estudantil oferecendo gratuitamente aulões de revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio que aconteceu nos dias 26 e 27 de outubro.

Página 3


V ENCONTRO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA ANTIGA E MEDIEVAL

Estudantes do curso intensivo de história e do curso intensivo de pedagogia do Campus de Capanema participaram do evento que aconteceu nos dias 8, 9 e 10 de outubro em São Luís-MA promovido pela Universidade Estadual do Maranhão—UEMA em parceria com a Universidade Federal Fluminense—UFF, o encontro que acontece a cada dois anos tem como objetivos Manter a periodicidade dos eventos de Antiga e Medieval no Maranhão e fortalecer a área no norte e nordeste. Além de Construir um intercâmbio de discussão de ideias

#DO SONHO À REALIDADE “O PASSADO É UMA ROUPA QUE NÃO NOS SERVE MAIS”

Alunos do campus com o Prof. Anderson Nodachi -

“Tudo o que um sonho precisa para entre pesquisadores nacionais e internacionais de História Antiga e Medieval ampliando, dessa forma, o debate historiográfico e as pesquisas. na área.

PRODUÇÃO

Av. Barão de Capanema— Centro Cep. 68700-010 Capanema-PA Tel: (91) 3462-1881 Email: ascom.cuncap@outlook.com

Curta nossa página no Facebook

UFPA CAPANEMA

ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado”. Roberto Shinyashiki

CAMINHOS DE REFLEXÃO Em tempos bem antigos, um rei colocou uma pedra enorme no meio de uma estrada. Então, ele se escondeu e ficou observando para ver se alguém tiraria a imensa rocha do caminho. Alguns comerciantes e homens muito ricos do reino passaram por ali e simplesmente deram a volta pela pedra. Alguns até esbravejaram contra o rei dizendo que ele não mantinha as estradas limpas, mas nenhum deles tentou sequer mover a pedra dali. De repente, passa um simples camponês com uma

boa carga de vegetais. Ao se aproximar da imensa rocha, ele pôs de lado a sua carga e tentou removêla dali. Com muito esforço e suor, ele finalmente conseguiu mover a pedra para o lado da estrada. Ele, en-

tão, voltou a pegar a sua

carga de vegetais quando notou que havia uma bolsa no local onde estava a pedra. A bolsa continha muitas moedas de ouro e uma nota escrita pelo rei que dizia que o ouro era para a pessoa que tivesse removido a pedra do caminho. O camponês aprendeu o que muitos nunca entenderam: Toda dificuldade contém uma oportunidade para melhorarmos nossa condição. Reflita sobre esta conhecida história e repense suas atitudes. Se você sempre contorna os problemas, eles continuam lá, e sempre você terá que se deparar novamente com eles.


Informativo UFPA-CAPANEMA Nov./2013