__MAIN_TEXT__

Page 1

informa Arquivo Supecc

INFORMATIVO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO • 10/julho a 23/julho de 2017 | nº 524

A capacitação visa contribuir para o desenvolvimento do servidor, sua eficiência e a melhoria dos serviços prestados

Qualificação: Resolução estabelece normas para afastamento de servidores A partir de agora, o afastamento do servidor será definido por uma comissão s servidores técnico-administrativos em Educação da Ufes têm novas normas de afastamento para participação em cursos de capacitação nas modalidades de qualificação e aperfeiçoamento estabelecidas pela Resolução nº 21/2017, aprovada pelo Conselho Universitário no dia 8 de junho. O objetivo é manter e ampliar a qualidade dos técnicos-administrativos na prestação de serviços da Universidade, garantindo a capacitação como complemento de sua formação profissional, tornando-os mais aptos a desenvolver suas atividades. Segundo a resolução, caracterizase como afastamento para capacitação a dispensa total ou parcial do servidor de seu cargo, para participar de diferentes modalidades de formação, atualização e aperfeiçoamento profis-

O

sional, que visam contribuir para o seu desenvolvimento e para a melhoria de sua eficiência e para a qualidade dos serviços prestados, de acordo com as necessidades da Instituição. A vice-reitora Ethel Maciel destaca que esse foi um compromisso assumido pela gestão com os servidores técnico-administrativos: “Nós nos empenhamos para agilizar o processo de elaboração da resolução e de inclusão do assunto na pauta do Conselho Universitário para votação. É uma forma de beneficiar aqueles que buscam se qualificar e progredir na carreira”. Comissão – O pró-reitor de Gestão de Pessoas da Ufes, Cleison Faé, explica que, antes, o afastamento dos técnicos ficava a critério da chefia imediata. Era ela quem decidia se

o servidor poderia se afastar ou não. Com as novas regras, o processo de liberação ficou mais democrático, pois cada unidade de nível estratégico da estrutura organizacional da Universidade deverá formar uma Comissão de Planejamento da Capacitação de Servidores Técnico-Administrativos em Educação (CPCS), que analisará os processos de liberação dos servidores para qualificação. A eleição para a escolha dos membros da CPCS deve ser realizada ainda neste mês de julho. “Essa Comissão terá a responsabilidade de enviar, anualmente, ao Departamento de Desenvolvimento de Pessoas da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (DDP/Progep), o planejamento interno de capacitação dos seus servidores para o ano seguinte, incluindo a programação das licenças, os nomes dos servidores e os critérios de afastamento. Esse planejamento deverá ser incorporado ao Plano Anual de Capacitação dos Servidores Técnico-Administrativos em Educação da Ufes”, enfatizou o pró-reitor. O texto da Resolução nº 21/2017 está disponível na íntegra no site do Departamento de Administração dos Órgãos Colegiados Superiores (Daocs): www.daocs.ufes.br .


foto do leitor Este espaço está aberto para a publicação de fotos sobre a Ufes, produzidas por você, leitor. A imagem deve ter alta resolução e formato horizontal. O envio pode ser feito para o e-mail fotodoleitor@ufes.br. Na mensagem, é importante informar o local onde foi registrada a imagem, o nome do autor, sua relação com a Ufes (se estudante, técnico-administrativo, professor ou funcionário de empresa terceirizada) e telefone para contato. A cada edição, uma foto será selecionada para publicação. Saguis próximo ao prédio IC-IV, no Centro de Educação, campus de Goiabeiras. Foto da estudante de Biologia Ana Carla Lírio

agenda acadêmica - 2017/2 O semestre letivo está terminando, mas já há vários eventos agendados para o segundo semestre de 2017. Programe-se! Colóquio de História e Doenças Quando: 16 a 18 de agosto, às 14h Onde: Auditório do IC-II, no Centro de Ciências Humanas e Naturais (CCHN), campus de Goiabeiras Realização: Programa de Pós-Graduação em História Informações: http://lhpl.ufes.br/ Semana de Engenharia de Produção Quando: 21 a 25 de agosto Onde: Centro Tecnológico da Ufes, campus de Goiabeiras Realização: Departamento de Engenharia de Produção Informações: http://www.sep.ufes.br/

14ª Semana de Engenharia Quando: 11 a 15 de setembro Onde: Centro Tecnológico da Ufes, campus de Goiabeiras Realização: Empresa Junior de Engenharia da Universidade Federal do Espírito Santo (CT Junior) Informações: https://semanadaengenharia.com/ XI Semana de História – Golpes e Revoluções: Utopia, Desilusão e Lutas Sociais Quando: 16 a 20 de outubro, às 14h Onde: Auditório do IC-II, no Centro de Ciências Humanas e Naturais (CCHN), campus de Goiabeiras Realização: Centro Acadêmico Livre de História (Calhis) e Departamento de História Informações: http://www.historia.ufes.br/

XV Semana de Filosofia – Filosofia, Educação e Estado Quando: 6 a 10 de novembro, às 8h Onde: Salas do IC-III, anexo do CCHN e prédio Barbara Weinberg, no Centro de Ciências Humanas e Naturais (CCHN), campus de Goiabeiras Realização: Centro Acadêmico de Filosofia (Cafil) Informações: Página do evento no Facebook XIX Congresso de Estudos Literários de I Congresso de Libras Quando: 20 e 21 de novembro, às 9h Onde: Auditório do IC-2, no Centro de Ciências Humanas e Naturais (CCHN), campus de Goiabeiras Realização: Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) Informações: xixcel.mulheres@gmail.com

Sugestões de pauta: 4009-2383, 4009-2203, 4009-2204 ou jornalismo.supecc@ufes.br / Edição digital disponível em: comunicacao.ufes.br/edições-2017 UFES - Universidade Federal do Espírito Santo Reitor: Reinaldo Centoducatte Vice-Reitora: Ethel Maciel Informa - Uma produção da Agência Ufes. Superintendente de Cultura e Comunicação (interina) e jornalista responsável: Thereza Marinho Jornalistas: Ana Paula Vieira, Camila Fregona, Hélio Marchioni, Jorge Medina, Letícia Nassar, Luiz Vital e Nábila Corrêa Estagiários: Ana Luisa Monteiro, Ana Luíza Dias, Isabella Altoé, Lucas Santos e Vinícius Viana. Revisão: Márcia Rocha Programação Visual: Evandro Campos, Juliana Braga e Leonardo Paiva Apoio: Aurenice Cruz, Brunella Perez, Eliza Gobira Endereço: Av. Fernando Ferrari nº 514, Goiabeiras-Vitória/ES - CEP: 29075-910 Tiragem: 4 mil exemplares Impressão: Scribo

2

10/julho a 23/julho de 2017


Reprodução do Facebook

Administração Central

Ufes matricula seu primeiro estudante com Síndrome de Down Rodolfo vai ocupar uma vaga no curso de Gemologia uando o segundo semestre de 2017 começar, vários estudantes estarão realizando o sonho de ingressar em um curso superior na Ufes. Mas um deles, em especial, representará o sonho de muitas famílias integradas por pessoas portadoras de necessidades especiais: Rodolfo Pinheiro Bernardi, convocado para ingressar em uma vaga no curso de Gemologia, será o primeiro estudante da Universidade portador da Síndrome de Down. Segundo informações da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) e do Núcleo de Acessibilidade da Ufes (Naufes), não há registros anteriores de estudantes com essa síndrome na Universidade. O estudante, de 25 anos, foi convocado na  terceira chamada da lista de espera do processo seletivo Sisu/ Ufes/2017/1, para ingresso nos cursos presenciais de graduação no segundo semestre de 2017 nos campi de Vitória e São Mateus. Sua matrícula foi realizada no dia 3 de julho, juntamente com os demais candidatos convocados. Para a irmã do estudante, Paola Pinheiro Bernardi Primo, a aprovação de

Q

O ingresso de Rodolfo na Ufes também foi comemorado nas redes sociais

Rodolfo em sua primeira tentativa no processo seletivo deixou a família em êxtase: “Foi uma mistura de êxtase e surpresa. Ele sempre disse que queria estudar na Ufes e ele é muito determinado. Se acontecesse, seria ótimo, mas a gente entendia as limitações. Quando vimos a convocação, foi fantástico! Estamos muito felizes com a realização do sonho dele. Essa é a verdadeira inclusão, e o Sisu tem proporcionado isso”, destaca. Acessibilidade – Segundo dados do Naufes, criado em 2011, a Ufes possui atualmente 158 estudantes com alguma deficiência (auditiva, visual, física, intelectual, múltiplas deficiências, autismo ou transtorno global de desenvolvimento) em seus diversos cursos. Cabe à Universidade, por meio do Naufes, promover, coordenar e execu-

tar programas, políticas e ações voltadas para a mobilidade e acessibilidade, além de acompanhar e fiscalizar as políticas de inclusão, visando à garantia de ingresso, acesso, permanência e mobilidade no ambiente acadêmico. O Núcleo realiza o atendimento a esses estudantes, de acordo com as necessidades que eles apresentam.   “Há algum tempo a Universidade vem investindo na política de inclusão. No caso do Rodolfo, o Naufes vai identificar se há a necessidade de um bolsista para acompanhá-lo atuando como facilitador ou se será necessária alguma intervenção no ambiente do curso. A coordenação do curso também estará preparada para dar o apoio pedagógico necessário”, afirma a pró-reitora de Graduação da Ufes, Zenólia Figueiredo.

Cursos de pós-graduação poderão manter reserva de vagas O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Ufes (Cepe), em sessão ordinária realizada no dia 5 de julho, na Sala das Sessões dos Conselhos Superiores, decidiu autorizar os Programas de Pós-Graduação de Artes, Ciências Sociais, Comunicação e Territorialidades e Psicologia a manterem o sistema de reserva de vagas

étnico-raciais já adotado no processo de ingresso em seus respectivos cursos de mestrado e/ou doutorado. Essa autorização está condicionada à aprovação de cada edital de processo seletivo pelo Conselho Departamental ao qual o programa está vinculado. Os demais programas de pós-graduação da Ufes que quiserem adotar o sis-

tema de reserva de vagas deverão se submeter à autorização do Conselho Departamental. A autorização concedida pelo Cepe deverá ser mantida até que o Conselho estabeleça as normas gerais para o sistema de reserva de vagas em todos os cursos de pós-graduação da Universidade.

3


Lucas Santos / Arquivo Supecc

Acontece na Ufes

Ceunes sedia 6º Simpósio do Produtor de Conilon O Centro Universitário Norte do Espírito Santo (Ceunes/Ufes) realiza no dia 10 de agosto, no Auditório Central, o 6º Simpósio do Produtor de Conilon. Com o tema “Gestão e manejo com sustentabilidade”, este ano o evento propõe discutir sobre o equilíbrio e o planejamento da cafeicultura, com palestras associadas ao manejo da produção. O simpósio é destinado a agricultores da região, técnicos do segmento e estudantes do curso de Agronomia, incentivando a integração entre a comunidade acadêmica e a população local. A coordenação é do professor do Departamento de Ciências Agrárias e Biológicas (DCAB) do Ceunes, Fábio Luiz Partelli, em parceria com a Empresa Júnior de Agronomia da Universidade, a Projagro. O evento ocorrerá durante todo o dia com palestras, debates e atividades práticas, além da participação de profissionais de destaque nacional na área, como o ex-ministro da Agricultura Alysson Paolinelli. Os inscritos terão direito a receber um livro do evento e participarão do sorteio de uma roçadeira motorizada.

A equipe faz parte de um projeto de extensão do Centro Tecnológico

Estudantes da Ufes presentes na Competição Baja SAE Brasil Na competição, estudantes aplicam na prática o que aprendem em sala de aula ormada por estudantes de Engenharia, a equipe de minibaja Vitória Baja vai representar a Ufes na Competição Baja SAE Brasil - Etapa Sudeste 2017, nos dias 19 e 20 de agosto, na cidade de Piracicaba (SP). A equipe da Ufes vai concorrer com 33 equipes da região Sudeste, totalizando 660 estudantes participantes. Minibajas são protótipos de veículos com motor de menor potência, construído para competições entre estudantes de Engenharia, com as tecnologias desenvolvidas nos cursos. A equipe Vitória Baja – tricampeã no enduro de resistência da etapa Sudeste, nos anos de 2011, 2012 e 2013 – faz parte de um projeto de extensão do Centro Tecnológico da Universidade, criado em 1997, cuja proposta é projetar, fabricar e montar, sob a supervisão de professores, um car-

F

ro offroad monoposto que consiga ultrapassar qualquer tipo de obstáculo. Atualmente, a equipe é formada por 20 estudantes dos cursos de Engenharia Mecânica, Engenharia de Produção e Engenharia Elétrica. O estudante de Engenharia Mecânica da Ufes Renan Eymard, atual capitão da equipe, destaca que o projeto oferece uma visão prática da Engenharia. “Aplicar o conhecimento da sala de aula e atuar como uma empresa nos permite aprender a trabalhar em equipe. Nossa expectativa é ficar entre os cinco primeiros colocados nessa etapa regional. A competição é realizada pela Sociedade de Engenheiros Automotivos Brasil (SAE Brasil). A etapa Sudeste é uma preparação para a competição nacional, que será realizada em março de 2018, em São José dos Campos (SP).

PPGHIS publica 38ª edição da revista Dimensões O Programa de Pós-Graduação em História (PPGHIS) acaba de publicar a 38ª edição da revista Dimensões – Revista de História da Ufes, periódico semestral voltado para a publicação de artigos inéditos e resenhas de autoria de mestres, doutorandos e doutores. A editora-chefe da revista, professora Patrícia Merlo, destaca que esta edição

4

apresenta estudos originais que recortam desde trajetórias, passando por representações, música e impressos: “Dialogando com diferentes temporalidades e objetos, as pesquisas revelam um pouco da variedade de temáticas, usos de fontes e possibilidades de diálogo com distintas metodologias para uma compreensão mais ampla da própria história”.

A professora também informou que já está aberto o prazo para o envio de contribuições para o dossiê da 39ª edição, que abordará o tema “Constitucionalismo e soberania: justiça e juízes na cultura política liberal”. O prazo para submissão vai até 31 de julho de 2017. A revista está publicada em http:// periodicos.ufes.br/dimensoes . 10/julho a 23/julho de 2017


Arquivo Pessoal

Acontece na Ufes

Professor Josimar Ribeiro (ao centro, de óculos) com integrantes do seu grupo de pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Química do CCE/Ufes

Professor receberá prêmio internacional por contribuição à ciência e tecnologia A cerimônia de premiação será realizada no dia 23 de agosto, na Suécia professor Josimar Ribeiro, do Departamento de Química do Centro de Ciências Exatas (CCE) da Ufes, recebeu uma premiação internacional por sua contribuição no campo da ciência e tecnologia de materiais avançados. Ribeiro integra o Grupo de Pesquisa e Desenvolvimento em Eletroquímica do Programa de Pós-Graduação em Química, e foi premiado com a Medalha Cientista do Ano de 2017, pela Associação Internacional de Materiais Avançados (IAAM), com sede na Suécia. O pesquisador da Ufes receberá a premiação no dia 23 de agosto, em cerimônia no evento European Advanced Materials Congress, que será realizado em Estocolmo. “Há cerca de 10 anos, eu e meu grupo de pesquisa estamos desenvolvendo eletrocatalisadores para atuar em célula a combustível, um sistema alternativo e ambientalmente amigável de geração de energia elétrica”, explica o professor. Ele diz que esses materiais são basicamente constituídos por platina, considerado um metal nobre e de custo elevado no mercado. “A importância do resultado da pesquisa é que conseguimos diminuir a presença desse metal no catalisador, passando de 90% para 50%, ou seja,

O

uma redução de custo da ordem de 40% e com a produção de energia mais limpa”, acrescenta Josimar Ribeiro. Segundo ele, o resultado mostrou que, mesmo com a redução de platina, a eficiência da atividade eletrocatalítica dos materiais permaneceu praticamente a mesma. “O prêmio é um reconhecimento às pesquisas que desenvolvemos na Ufes, e indica que estamos no caminho certo para produzir energia elétrica de forma sustentável e limpa, sem agredir o meio ambiente. Nossa meta é que, em futuro próximo, todos possam utilizar essa tecnologia na vida cotidiana, para a geração de energia limpa para veículos elétricos, e também em celulares, notebooks, tablets e outros equipamentos”, disse. Pesquisa – A International Association of Advanced Materials (IAAM) é uma organização internacional com foco no desenvolvimento de materiais avançados. Possui cerca de 50 mil membros de universidades, laboratórios independentes de pesquisa e de indústrias. É um fórum de pesquisa e de educação para o campo de materiais avançados, que organiza conferências regulares, homenageia pesquisadores e realiza publicações científicas na área.

Museu de Ciências da Vida realiza 2º Workshop de Plastinação O Museu de Ciências da Vida da Ufes realiza entre os dias 1º e 4 de agosto, das 8 às 17 horas, o 2º Workshop Internacional de Plastinação. O evento será realizado no Laboratório de Plastinação do Departamento de Morfologia do Centro de Ciências da Saúde (CCS), no campus de Maruípe. A plastinação é uma técnica que consiste em extrair os líquidos corporais, como água e lipídios, por meio de métodos químicos – evitando que haja a decomposição dos materiais –, substituindo-os por resinas elásticas de silicone. Essa técnica tem como vantagem a conservação dos corpos, sem necessidade de manutenção. O método também permite a exposição de músculos, veias, cérebro e sistema nervoso sem qualquer risco de dano aos corpos e sem necessidade de câmaras frias para a conservação, fazendo com que o público tenha uma visão mais próxima do real de um corpo em vida. O laboratório de Plastinação da Ufes trabalha para expandir essa técnica para todo o País, com o objetivo de popularizar o conhecimento sobre anatomia. O evento contará com palestras, discussões teóricas e também um “hands-on-training”, um treinamento no qual os participantes terão contato prático com a técnica e toda a estrutura de um Laboratório de Plastinação. As palestras e o treinamento serão ministrados pelos professores Carlos Baptista, da University of Toledo (USA), Athelson Stefanon Bittencourt, da Ufes, e Rafael Cisne de Paula, da Universidade Federal Fluminense (UFF). Mais informações sobre o evento estão disponíveis no endereço eletrônico http://mcv.ufes.br/ workshop2017.

5


Acontece na Ufes

Editais de pós-graduação A Ufes está com editais abertos para inscrições em cursos de mestrado em diversas áreas. Confira as oportunidades: Biodiversidade Tropical – Mestrado (5 vagas): inscrições até 14 de julho, na Secretaria Unificada de Pós-Graduação (Supgrad) do Centro Universitário Norte do Espírito Santo (Ceunes), em São Mateus. Informática – Mestrado (33 vagas): inscrições até 14 de julho. Os documentos da inscrição devem ser enviados para o email ppgi@ inf.ufes.br. Um dos pré-requisitos para participar da seleção do mestrado é realizar o Exame Nacional para Ingresso na Pós-Graduação em Computação (Poscomp), que recebe inscrições por meio do site www.fundatec.org.br até o dia 15 de agosto. Economia – Mestrado (18 vagas): O processo seletivo para ingresso no mestrado será feito exclusivamente por meio do Exame de Seleção Nacional da Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (Anpec), cujas inscrições vão até 31 de julho. Informações podem ser obtidas no site www.anpec.org.br . Os candidatos classificados deverão entregar a documentação exigida na Secretaria do Programa, no Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE), campus de Goiabeiras. Ciências Sociais – Mestrado (32 vagas): inscrições entre os dias 29 de agosto e 15 de setembro, na Secretaria Integrada de Programas de Pós-Graduação (SIP), localizada no campus de Goiabeiras. O programa também oferece 32 vagas para aluno especial, e as inscrições podem ser feitas nos dias 01 e 02 de agosto, no mesmo local. Os editais específicos de cada curso estão disponíveis no site da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação: www.prppg.ufes.br . Mais informações: (27) 4009-2434

6

Pesquisadores se reúnem em Vitória para discutir câncer de cabeça e pescoço Profissionais da Ufes e de instituições nacionais e internacionais participarão do evento, que abordará os avanços no tratamento dos pacientes Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia da Ufes, com apoio da Secretaria de Relações Internacionais (SRI) e do Hospital Santa Rita de Cássia, realiza no dia 14 de julho, das 14h às 18h10, o I Simpósio de Câncer de Cabeça e Pescoço. O evento será realizado no auditório do Hospital Santa Rita de Cássia, em Vitória, e tem como tema central “Conduta clínica frente aos novos desafios”. As inscrições para participar do evento estão abertas e podem ser feitas por meio do endereço eletrônico isccpes@gmail.com . Com o objetivo de debater os recentes avanços no tratamento dos pacientes portadores de câncer de cabeça e pescoço, o simpósio contará com a presença de vários especialistas e pesquisadores da Ufes e de instituições nacionais e internacionais. Entre os temas que serão discutidos estão as perspectivas e os novos tratamentos da doença, os desafios dos quimioterápicos no tratamento e as contribuições da patologia para a

O

conduta terapêutica em tumores de cabeça e pescoço. Sintomas – O câncer de cabeça e pescoço é caracterizado por tumores que atingem a mucosa da via aerodigestiva superior, compreendida pela boca, faringe e laringe. Os sintomas mais comuns são aparecimento de nódulos, feridas que não cicatrizam, dor de garganta persistente, dificuldade para engolir e alteração ou rouquidão na voz. Os fatores de risco da doença são o consumo de álcool, o tabagismo e a má condição de higiene oral, que representam 75% dos casos diagnosticados. A infecção com o vírus do papiloma (HPV) também é um fator de risco para alguns tipos de cânceres de cabeça e pescoço, como o câncer de orofaringe, que envolve particularmente as amígdalas ou a base da língua. A melhor prevenção, segundo os especialistas, é não fumar e não consumir bebidas alcoólicas em excesso, além de manter hábitos saudáveis de higiene bucal. 10/julho a 23/julho de 2017


Reprodução do Facebook / Mariana Dornelas

Cultura

Cia de Dança Andora Ufes representará a cultura brasileira na Itália

Programa Sorvetinho abre espaço para novos músicos

O grupo apresentará ritmos que vão do xaxado nordestino ao samba carioca

Durante toda a semana, o programa Sorvetinho FM apresenta, das 14 às 17 horas, na Rádio Universitária 104,7 FM, a diversidade da música produzida no Espírito Santo. Mas é nas tardes de sexta-feira que novos artistas ganham espaço para divulgar músicas autorais. Com programação variada, o programa tem o objetivo de difundir e promover artistas do Espírito Santo de todos os gêneros, revelando canções inéditas produzidas por músicos locais. A partir dessa proposta, o Sorvetinho acolhe sons de todos os ritmos e estilos para serem lançados às sextas-feiras. Os interessados em divulgar seus trabalhos no programa devem enviar um e-mail para acervo.sorvetinho@gmail.com , contendo a música no formato mp3 320 kbps, de preferência em radio edit (versão reduzida e modificada de uma música, utilizada em rádios), juntamente com uma foto e um link público da canção. Além de tocar sua música na rádio, a equipe produz uma arte de divulgação para as redes sociais. A programação completa da Rádio Universitária também pode ser ouvida por meio do site www. universitariafm.ufes.br .

Cia de Dança Andora Ufes foi selecionada para representar a cultura brasileira em dois festivais internacionais de Folclore na Itália, o XVI Festival Internazionale Del Folklore Di Roccalumera, que será realizado entre 1 e 5 de agosto, e o XX Festival Internazionale Di Caltavuturo, de 6 a 14 do mesmo mês. Para a apresentação na Itália, o grupo pretende levar ritmos que vão do xaxado nordestino até o tradicional samba carioca, sem esquecer dos ritmos capixabas. O repertório ainda incluirá o congo, o som dos tambores do Ticumbi e figuras lendárias do Estado, como Boi Pintadinho, Mulher do Jongo e Pássaro de Fogo. Com passagens por diversos eventos internacionais, como uma turnê pelo México em 2015 e no 10º Festival Internacional de Cultura y Danza Latinoamericana, realizado no Chile no início deste ano, o grupo leva a sério o trabalho de divulgar a cultura capixaba e brasileira em outros países. “Sabemos da responsabilidade de representar o Brasil em mais um importante festival internacional, mas acreditamos no elevado potencial que o grupo possui. Além dos dançarinos, também contamos com músicos expe-

A

rientes para reproduzir as várias músicas que marcam a nossa história”, ressalta a coordenadora Milainy Ludmila. Os festivais serão realizados na região da Sicília e, para ajudar com os custos da viagem, os integrantes da Cia Andora de Dança estão realizando uma campanha de financiamento coletivo. É possível fazer a doação por meio do link www.catarse.me/cia_de_ danca_andora_na_italia_f1d2. Projeto – A Cia de Dança Andora Ufes é fruto de um projeto de ensino, pesquisa e extensão do Centro de Educação Física e Desportos (CEFD) e tem como objetivo a formação de professores para o ensino do folclore em escolas e comunidades do Espírito Santo. O grupo já participou de importantes eventos nacionais e já representou o Brasil em festivais na França e em Portugal, além de ter realizado uma turnê pelo México em 2015. Por ser um grupo universitário e parafolclórico, seu repertório é bastante diversificado e se estende por várias regiões do Brasil. Atualmente, a Cia de Dança Andora é constituída por 24 membros, entre músicos, dançarinos e equipe técnica. A participação é aberta a toda a comunidade.

7


Cultura

agenda cultural Teatro Universitário Estreia dia 13 a comédia “A Inocência Está Perdida”, com Matheus Ceará. No espetáculo, o humorista volta às suas origens, contando os causos de seus avós e as experiências vividas com sua esposa e seus filhos. A peça fica em cartaz nos dias 13, 14 e 15 de julho. Em seu 9º ano de existência, o Projeto Sócio de Carteirinha do Clube Big Beatles traz mais um convidado para o palco do Teatro da Ufes. No dia 20 de julho, o baterista da banda Paralamas do Sucesso, João Barone, se junta ao grupo capixaba no show que tem início às 21 horas. Os ingressos para todas as atrações podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro, no campus de Goiabeiras, das 15 às 20 horas, ou pelo site  www.tudus.com.br .  Galeria de Arte Espaço Universitário Continua em cartaz na Galeria de Arte Espaço Universitário (GAEU) a exposição Fissuras, do artista Rafael Pagatini. Com temática voltada para o regime militar brasileiro, a mostra relaciona a arte com a política e a história capixaba e nacional. O trabalho retrata ainda o discurso do progresso e os vínculos de poder a fim de refletir sobre a memória durante o período ditatorial. Fissuras fica aberta para visitação até o dia 1º de setembro, de segunda a sexta-feira, das 7 às 19 horas. Biblioteca Central Últimos dias para visitar a exposição A Presença Ausente do Traço, da artista Greicy Kelly Teixeira. A mostra está aberta para visitação até 28 de julho, de segunda a sexta-feira, das 7 às 21 horas.

Informa volta em agosto A equipe da Superintendência de Cultura e Comunicação da Ufes comunica que a circulação do jornal Informa será interrompida devido ao recesso acadêmico. O jornal volta a circular no próximo mês de agosto.

8

Coral de estudantes cantará a diversidade Os interessados em participar podem se inscrever de 17 a 31 de julho ombinar música com questões sociais é a proposta do novo coral que será formado na Ufes. Fruto de parceria entre a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis e Cidadania (Proaeci) e o Departamento de Música, a ideia é apresentar para a comunidade acadêmica um grupo que cante a diversidade. Segundo o pró-reitor Gelson Junquilho, o objetivo do projeto é formar um coral engajado. “Nossa ideia é formar um outro tipo de coral, que leve o debate político por meio da música, com repertório relacionado à diversidade, à cidadania, aos direitos sociais e a ações afirmativas”, explica. Ele afirma que, por meio da música, o coral abordará temas como cultura afrobrasileira e indígena, relações de gênero, diversidade sexual e saúde mental. Ao todo serão oferecidas 30 vagas para estudantes da Ufes, assistidos ou não pelo Programa de Assistência

C

Estudantil (Proaes) da Universidade. O projeto também ofertará duas bolsas a estudantes do curso de Música que fazem parte do Proaes, para atuar na coordenação do coral juntamente com o professor e músico Antônio Celso Ribeiro, que auxiliará tecnicamente os coralistas. Para realizar a inscrição,- os interessados devem comparecer entre 17 a 31 de julho, no Departamento de Projetos e Acompanhamento ao Estudante, localizado no prédio do Restaurante Universitário do campus de Goiabeiras, das 8 às 17 horas. A seleção dos candidatos será realizada em setembro. O nome do coral ainda está em processo de escolha pelos estudantes cadastrados no Proaes, cerca de cinco mil atualmente. Mais informações podem ser obtidas pelo número 4009-2193, ou diretamente na Proaeci, localizada no Centro de Vivência, campus de Goiabeiras.

10/julho a 23/julho de 2017

Profile for Universidade Federal do Espírito Santo

Jornal Informa | Ufes | n° 524 | 10/07/2017  

Jornal da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) destinado à divulgação das atividades desenvolvidas pelas áreas de ensino, pesquisa...

Jornal Informa | Ufes | n° 524 | 10/07/2017  

Jornal da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) destinado à divulgação das atividades desenvolvidas pelas áreas de ensino, pesquisa...

Profile for ufes
Advertisement