__MAIN_TEXT__

Page 1

informa

INFORMATIVO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO • 14/mai a 27/mai de 2018 | nº 535

Ciência e diversão: professores da Ufes participam do Pint of Science Pesquisas serão apresentadas em bares de Vitória

C

inco professores da Ufes estão entre os convidados para participar do Pint of Science, festival internacional que combina ciência e cerveja e que será realizado pela primeira vez em Vitória. O evento acontece simultaneamente em 20 países nos dias 14, 15 e 16 de maio e tem o objetivo de ser um espaço de divulgação científica em que pesquisadores das mais diferentes áreas são convidados a compartilhar com a sociedade, em um bar, suas pesquisas e estudos. A ideia é que a ciência seja desmistificada e discutida de forma leve com o público. O Pint of Science chegou ao Brasil em 2015 e, agora, é realizado no Espírito Santo sob a coordenação do professor do Departamento de Física da Ufes Laércio Ferracioli. Além de Vitória, mais 50 cidades brasileiras também vão sediar o festival. “O Pint of Scien-

ce é um evento que busca mostrar para a sociedade o valor de um estudo científico e o quanto ele impacta a vida das pessoas. É uma oportunidade única e um desafio, principalmente para o pesquisador, que terá de encontrar alternativas compreensíveis de falar sobre seus estudos. A ciência precisa achar um espaço para se comunicar melhor com a sociedade”, destaca o professor do Departamento de Oceanografia da Ufes Alex Bastos, que falará sobre os estudos desenvolvidos acerca do impacto da lama da Samarco no Rio Doce. Durante o festival, os pesquisadores conversam com o público e respondem perguntas, e não há formalidades como inscrição ou emissão de cer-

Programação em Vitória

com Klinger Barbosa Alves. Local: Bar do João, em Santa Martha.

14 de Maio Ilha de Trindade e Arquipélago Martin Vaz, palestrante João Gasparini. Local: Bar do João, em Santa Martha.

Sinais cerebrais para comandos de equipamentos, com Teodiano Filho. Local: Bar Abertura, em Jardim da Penha.

Bioindicadores Ambientais com Tatiana Heid Furley. Local: Bar Abertura, em Jardim da Penha. O ciclo da água nas cidades do futuro, com Ricardo Franci. Local: Bar Salsa da Praia, na Praia do Canto. 15 de Maio Real Science e fake science na nossa vida,

Informa-535.indd 1

Febre Amarela Silvestre, Sérgio Lucena. Local: Bar Salsa da Praia, na Praia do Canto. 16 de Maio Quando o rio virou lama, com Alex Bastos. Local: Bar Abertura, em Jardim da Penha. Novos desafios e fronteiras do envelhecimento saudável com Daniel Gomes. Local: Bar Salsa da Praia, na Praia do Canto.

tificados. Também não é preciso pagar entrada, apenas o que for consumido nos estabelecimentos que sediam o evento. Assim como Bastos, outros pesquisadores também concordam que há certa barreira de comunicação entre os estudiosos e a comunidade em geral. É o caso do professor do Departamento de Engenharia Ambiental Ricardo Franci, que afirma: “A ideia do festival é genial e nos põe em situação desafiadora para conseguirmos trazer a informação de forma descontraída e compreensível para o público leigo”. Além dos professores Alex Bastos e Ricardo Franci, vão participar ainda os professores Teodiano Filho, do Departamento de Engenharia Elétrica; Sérgio Lucena, do Departamento de Ciências Biológicas; e Daniel Gomes, do Departamento de Ciências da Saúde. O nome inglês do festival se refere ao copo inglês comum para se beber cervejas chamado Pint. Em tradução livre, o nome do evento seria Copo da Ciência.

10/05/2018 17:46:20


foto do leitor Este espaço está aberto para a publicação de fotos sobre a Ufes, produzidas por você, leitor. A imagem deve ter alta resolução e formato horizontal. O envio pode ser feito para o e-mail fotodoleitor@ufes.br. Na mensagem, é importante informar o local onde foi registrada a imagem, o nome do autor, sua relação com a Ufes (se estudante, técnico-administrativo, professor ou funcionário de empresa terceirizada) e telefone para contato. A cada edição, uma foto será selecionada para publicação. Intervenção na área verde do prédio da administração do Centro de Artes, campus de Goiabeiras. Foto de Gabriela Peixoto de Oliveira, estudante do 4º período do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda

agenda acadêmica 9º Encontro Capixaba de Assistentes Sociais Data: 15 de maio Local: Mesa principal – auditório do Centro de Ciências Exatas (CCE). Oficinas – Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE) – campus de Goiabeiras Realização: Conselho Regional de Serviço Social 17ª Região (Cress) Informações: https://www.sympla.com. br/ix-encontro-capixaba-de-assistentessociais-2018__269794 Colóquio 50 anos: reverberações de maio de 1968 na França e no Brasil Data: 22 e 25 de maio Local: Cine Metrópolis – campus de Goiabeiras

Realização: Laboratório de Estudos Urbanos e Regionais (Laburp) Informações: coloquiomaio1968@gmail. com ou página do evento no Facebook

XVIII Semana Jurídica – Direito Ufes Data: 22 a 24 de maio Local: Mesa de abertura - Teatro Universitário. Demais mesas – Auditório

Manoel Vereza – Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE) – campus de Goiabeiras Realização: Centro Acadêmico de Direito Roberto Lyra Filho (Carlf) Informações: https://www.carlf.com.br/ events/xviii-semana-juridica-direito-ufes-1 ou página do evento no Facebook Brav@s Companhei@s e Fantasmas: VIII Seminário sobre o(a) autor(a) Capixaba. Homenagem a Haydée Nicolussi Data: 19 de junho, das 9 às 21h30 Local: Auditório do IC II – campus de Goiabeiras Realização: Núcleo de Estudos e Pesquisas da Literatura do Espírito Santo (Neples) Informações: http://www.letras.ufes.br/

Sugestões de pauta: 4009-2383, 4009-2203, 4009-2204 ou jornalismo.supecc@ufes.br / Edição digital disponível em: comunicacao.ufes.br/edições-2018 UFES - Universidade Federal do Espírito Santo Reitor: Reinaldo Centoducatte Vice-Reitora: Ethel Maciel Informa - Uma produção da Secretaria de Comunicação da Ufes. Superintendente de Cultura e Comunicação (interina) e jornalista responsável: Thereza Marinho Jornalistas: Ana Paula Vieira, Camila Fregona, Hélio Marchioni, Jorge Medina, Letícia Nassar, Luiz Vital e Nábila Corrêa Estagiária: Karla Silveira, Lorraine Paixão Revisão: Márcia Rocha Programação Visual: Evandro Campos, Leonardo Paiva, Mariana Simões Apoio: Aurenice Cruz, Brunella Perez, Deborah Constancio, Eliza Gobira Endereço: Av. Fernando Ferrari nº 514, Goiabeiras-Vitória/ES - CEP: 29075-910 Tiragem: 3 mil exemplares Impressão: Scribo

2 Informa-535.indd 2

14/mai a 27/mai de 2018

10/05/2018 17:46:26


Foto: Arquivo Supecc

Administração Central

Pesquisa ouviu mais de 3 mil pessoas da comunidade universitária

CPA apresenta Relatório da Autoavaliação Institucional Documento também aponta um plano de ações de melhorias para a Ufes

J

á está disponível para consulta o novo Relatório de Avaliação Institucional da Ufes, o RAI 2017, divulgado pela Comissão Própria de Avaliação (CPA) com o objetivo de indicar à comunidade as potencialidades e fragilidades da Instituição e promover a qualidade das ações de ensino, pesquisa e extensão. A versão completa do RAI 2017 pode ser encontrada no site avaliacaoinstitucional.ufes.br. A pesquisa realizada como base para o relatório ouviu mais de 3 mil membros da comunidade acadêmica, entre servidores técnicos, professores e estudantes de cursos presenciais e a distância. A metodologia utilizada pela CPA segue os cinco eixos avaliativos do Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior: Planejamento e Avaliação Institucional; Desenvolvimento Institucional; Políticas Acadêmicas; Políticas de Gestão; e Infraestrutura Física. Os resultados foram apresentados em quatro partes. A primeira delas foi a pesquisa com a comunidade universitária, e um comparativo com dados apurados em 2013 e 2015. A segunda foi a pesquisa com os gestores a partir das fragilidades apontadas no RAI 2016, mostrando as ações implementadas e o plano de realização de

ações. Em terceiro lugar, o Relatório apresenta uma análise global em relação ao Plano de Desenvolvimento Institucional; e, por último, um plano de ações de melhorias para a Ufes. A presidente da CPA, Eliana Zandonade, ressaltou que o plano de ação apresentado no RAI 2017 destaca três pontos: Segurança, Infraestrutura e Acessibilidade, sendo que o item Infraestrutura foi o que apresentou maior índice de fragilidade: “Na avaliação geral, os itens de insatisfação de 2013 melhoraram em 2017, principalmente entre os professores. Já os os estudantes apontaram como maior fragilidade a acessibilidade para pessoas com deficiência”, enfatizou. Apresentação – Segundo Eliana, o RAI 2017 está sendo divulgado para os diversos gestores da Ufes. A primeira apresentação foi realizada aos membros do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade (Cepe). Já estão agendadas apresentações no Conselho Universitário, nas pró-reitorias e na Prefeitura Universitária. A CPA, responsável pela coordenação dos processos internos de avaliação, produziu o relatório com apoio da Secretaria de Avaliação Institucional da Ufes (Seavin).

Ufes prepara Semana do Conhecimento de 2018 Representantes dos Centros de Ensino e das Pró-Reitorias de Graduação, de Pesquisa e de Extensão já começaram a se reunir para organizar a Semana do Conhecimento na Ufes de 2018, que será realizada entre os dias 15 e 19 de outubro, nos quatro campi da Universidade. A Semana do Conhecimento na Ufes é realizada como parte da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que este ano abordará o tema Ciência para a Redução das Desigualdades e ocorrerá de 15 a 21 de outubro. O tema foi baseado na Agenda 2030, estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU), e seus 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), em particular o ODS 10 – Redução das Desigualdades. Na primeira reunião, realizada no dia 26 de abril, foram apresentadas propostas de eventos e atividades desenvolvidos por diversos setores e unidades da Ufes. Para este ano, a Semana contará com uma novidade, o lançamento do projeto Ciência Móvel, que, por meio de um furgão e de uma van, possibilitará levar experimentos científicos a eventos em locais fora da Universidade. “Desde 2015, a Semana do Conhecimento na Ufes faz parte do calendário acadêmico. É um evento que mobiliza grande parte dos nossos professores, pesquisadores, técnicos-administrativos e estudantes, além de atrair centenas de pessoas à Universidade”, afirma o coordenador do evento, Armando Biondo.    Na Ufes, a Semana do Conhecimento inclui a Jornada de Iniciação Científica, a Jornada Integrada de Extensão e Cultura, a Mostra de Profissões e o Circuito de Difusão e Popularização da Ciência e Tecnologia. Em 2017, cerca de 15 mil pessoas visitaram os campi da Ufes durante o evento.

3 Informa-535.indd 3

10/05/2018 17:46:29


Introcomp 2018 inscreve estudantes do ensino médio Com o objetivo de atrair jovens para a área de programação, o Programa de Educação Tutorial Engenharia (PET) da Computação da Ufes criou o projeto Introdução à Computação (Introcomp) para estudantes do ensino médio da rede pública da Grande Vitória. As inscrições para o Introcomp 2018 são gratuitas e estão abertas até o dia 8 de junho no endereço eletrônico introcomp.ufes.br. O processo seletivo inclui presença obrigatória na aula expositiva que ocorrerá no dia 23 de junho e uma prova de lógica que será aplicada nos laboratórios do projeto, no Centro Tecnológico da Ufes, nos dias 30 e 31 de junho. Serão disponibilizadas 40 vagas para os alunos da rede estadual e 40 vagas para os estudantes da rede federal de ensino. Promovido e criado no final de 2010, o Introcomp proporciona aos estudantes a oportunidade de explorar as tecnologias da informação e aprender sobre programação de computadores, bem como serem capazes de resolver problemas por meio da computação, promovendo a criatividade e o raciocínio lógico. As aulas serão aos sábados e terão início no dia 14 de julho, no prédio CT IX, no Centro Tecnológico, campus de Goiabeiras. O curso terá duração aproximada de seis meses (de julho a dezembro), sendo dividido em dois módulos: básico e avançado. Ao final do curso, os alunos poderão participar do preparatório para a Olimpíada Brasileira de Informática (OBI), que será realizada no primeiro semestre de 2019. A formatura do curso está prevista para o dia 15 de dezembro. O projeto Introcomp é coordenado pela professora do Departamento de Informática da Ufes Roberta Lima Gomes. Quaisquer dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail introcomp@ inf.ufes.br ou pelo telefone 4009-2139.

4 Informa-535.indd 4

Foto: L’École Télécom Paristech

Acontece na Ufes

L’École Télécom Paristech é uma das instituições do Acordo de Duplo Diploma com a Ufes

Do Brasil à França: um curso, dois diplomas As parcerias para obtenção de duplo diploma começaram pelos cursos de Engenharia, mas podem beneficiar todos os cursos

O

s estudantes de Engenharia Elétrica da Ufes ganharam neste ano a oportunidade de obterem dois diplomas estudando na L’École Télécom Paristech, uma escola de engenharia da França. Essa possibilidade é garantida por um Acordo de Cooperação para Duplo Diploma firmado entre o Colegiado de Engenharia Elétrica da Ufes e a instituição francesa. “O Duplo Diploma permite ao aluno ir ao exterior cursar determinadas disciplinas em uma universidade parceira e, ao voltar, ter essas disciplinas validadas, dando-lhe o direito de obter os dois diplomas”, explica a secretária de Relações Internacionais da Ufes, Patrícia Alcântara Cardoso. Atualmente, a Ufes mantém acordos de cooperação para duplo diploma com quatro escolas francesas de engenharia: a École Nationale Superior de Art et Métiers, que faz parceria com o Colegiado de Engenharia de Produção; a École des Mines de Douai, com o Colegiado de Engenharia Civil; a Université de Lorraine/École des Mines de Nancy, com os colegiados de Engenharia Ambiental e de Engenharia de Produção; e a L’École Télécom Paristech, com o Colegiado de Engenharia Elétrica. “Por enquanto, nem todos os cursos têm o

duplo diploma, mas todos podem ter. Essa é uma iniciativa que deve ser promovida por um professor de cada colegiado. É possível a dupla diplomação em todas as áreas do conhecimento e com vários países”, pontua. Critérios – O edital para obtenção de Duplo Diploma é aberto anualmente pela Coordenação de Mobilidade para o Exterior e publicado no site internacional.ufes.br. Os critérios de seleção variam conforme o acordo. “No geral, os estudantes já devem ter finalizado os dois primeiros anos de curso. Os de Engenharia Civil precisam já ter cursado os cinco primeiros semestres”, detalha Patrícia Cardoso. Ela explica ainda que os estudantes brasileiros que vão para o exterior têm três semestres de aulas, um estágio de verão de três meses e um estágio obrigatório de um semestre que pode ser realizado em qualquer lugar do mundo. A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), por meio do projeto Brafitec, oferece aos estudantes de graduação dos cursos de Engenharia de Produção e Engenharia Elétrica, do campus de Goiabeiras, uma bolsa para sua mobilidade e estadia nos três primeiros semestres. 14/mai a 27/mai de 2018

10/05/2018 17:46:30


Foto: stockvault.net

Acontece na Ufes

Iniciativa homenageia o Dia Internacional da Enfermagem, celebrado em 12 de maio

CCS recebe Semana Brasileira de Enfermagem “A centralidade da enfermagem nas dimensões do cuidar” é o tema do evento

A

Associação Brasileira de Enfermagem (ABEn) – Seção Espírito Santo – em parceria com o Departamento de Enfermagem, o Programa de PósGraduação em Enfermagem, o Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes e o Sindienfermeiros – realiza nos dias 17 e 18 de maio a 79ª Semana Brasileira de Enfermagem (SBEn). O evento ocorre em homenagem ao Dia Internacional da Enfermagem, celebrado em 12 de maio, e será realizado no auditório Rosa Maria Paranhos, no Centro de Ciências da Saúde (CCS), campus de Maruípe. Com o tema “A centralidade da enfermagem nas dimensões do cuidar”, a Semana tem como objetivo discutir conceitos de cuidar e cuidado para a Enfermagem na sociedade atual; compartilhar experiências bem-sucedidas nos âmbitos da assistência, do ensino, da investigação, da gestão e em outros cenários de atuação da enfermagem; e reforçar a saúde como direito do cidadão e dever do Estado. Campanha mundial – A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou em março deste ano o Projeto Agora, com o objetivo de valorizar o status e a participação de profissionais de Enfermagem nas instâncias de gestão. O

projeto, que tem como patrona a duquesa de Cambridge, Kate Middleton, também prevê o estímulo à criação de programas de treinamento e empregabilidade, pois, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), faltarão 9 milhões de enfermeiros, enfermeiras e parteiras no mercado para satisfazer as necessidades de saúde da população mundial até 2030. Para a professora do Departamento de Enfermagem Leila Massaroni, a iniciativa da OMS ressalta a importância desses profissionais na composição da equipe de saúde, pois eles atendem os pacientes considerando, também, o contexto biopsicossocial, isto é, o ser humano em sua integralidade. Ela destaca que um aspecto relevante é entender que, com o conceito ampliado de saúde, o usuário possui necessidades referentes à sua saúde, e apenas não necessidades médicas. “No mundo atual, o contexto assistencial está balizado nos conceitos do cuidado integral, compartilhado e realizado por equipe multiprofissional e interdisciplinar”, diz a professora. Mais informações sobre a a 79ª Semana Brasileira de Enfermagem (SBEn) estão disponíveis no endereço eletrônico http://semanadeenfermagem.ufes.br/.

Ufes integra Rede Iberoamericana de Universidades Promotoras da Saúde A Ufes é agora integrante da Rede Iberoamericana de Universidades Promotoras da Saúde (Riups). O certificado de adesão foi entregue no dia 26 de abril à assessora de Políticas de Gestão da Ufes e professora do Departamento de Enfermagem (CCS), Leila Massaroni, durante o I Encontro da Rede Brasileira de Universidades Promotoras da Saúde (Rebraups), realizado na Universidade de Brasília (UnB), de 25 a 27 de abril. O principal objetivo desse evento foi reunir instituições de pesquisa e ensino superior que participam da Riups para fundar a Rede Brasileira. Segundo Leila, ao se filiar a essa rede, a Ufes assume a proposta de se constituir e se reafirmar como Universidade Promotora da Saúde, ou seja, a área da saúde faz parte de seu projeto, e, como Instituição de Ensino Superior (IES), tem como responsabilidade social estabelecer políticas institucionais que promovam a saúde e qualidade de vida da comunidade interna (profissionais e estudantes) e da comunidade externa (população). “É necessário que as IES assumam para si tal responsabilidade, compreendendo que saúde não é promovida apenas pelo setor de saúde, pois a promoção à saúde é realizada por complexas interações, depende de diferentes fatores e está distribuída em cinco campos: políticas públicas saudáveis, criação de ambiente favorável à saúde, reforço da ação comunitária, desenvolvimento de habilidades pessoais e reorientação dos serviços de saúde”, salienta a professora Leila.

5 Informa-535.indd 5

10/05/2018 17:46:32


Editais de pós-graduação

Foto: Arquivo Supecc

Acontece na Ufes

A Ufes está com editais abertos para inscrição de cursos de mestrado e doutorado em diversas áreas. Confira as oportunidades: Mestrado em Matemática O Programa de Pós-Graduação em Matemática (PPGMat/Ufes) está com inscrições abertas para mestrado até o dia 30 de maio. Poderão concorrer às 10 vagas os estudantes graduados nas áreas de Ciências Exatas e da Terra e Engenharias. Os interessados podem se inscrever na secretaria do PPGMat/Ufes, via Sedex ou pelo e-mail ppgmat.ufes. inscricao@gmail.com Mais informações no site www.matematica.ufes.br. Mestrado e doutorado em História A coordenação do Programa de Pós-Graduação em História divulgou editais ofertando 23 vagas de mestrado e 15 de doutorado. Os candidatos têm de 1 a 30 de agosto para efetuar a inscrição. A taxa cobrada é de R$ 130 para o curso de mestrado e R$ 180 para o doutorado; a isenção pode ser solicitada entre 1 e 10 de agosto. As inscrições serão realizadas exclusivamente pelos e-mails mestrado. historia.ufes@gmail.com ou doutorado.historia.ufes@gmail.com, a depender da opção escolhida. Informações sobre critérios de seleção e provas podem ser obtidas no endereço eletrônico www.historia. ufes.br ou por meio dos telefones (27) 4009-2324 / 4009-5254.

As ações têm o objetivo de auxiliar os estudantes e promover a inovação pedagógica

Prograd apresenta projetos de ensino e apoio acadêmico São 32 projetos e programas que visam à melhoria da qualidade da educação na Ufes

A

Pró-Reitoria de Graduação da Ufes (Prograd) iniciou neste mês de maio uma série de encontros para apresentar os Projetos de Ensino e os Programas Institucionais de Apoio Acadêmico (PIAA) do ano de 2018. O PIAA inclui projetos de suporte aos graduandos nas disciplinas em que têm dificuldade de aprendizado, e projetos cujo foco é o ensino, apresentando propostas pedagógicas diferentes para os cursos. Essas ações têm o objetivo de diminuir a evasão, retenção e desligamento de estudantes dos cursos de graduação, além de promover a inovação pedagógica. Ao todo, a Prograd tem 32 projetos e programas cadastrados, 13 do PIAA e 19 projetos de ensino. O primeiro encontro ocorreu no dia 4 de maio, com a apresentação de oito projetos, entre eles o Grupo de Estudos de Física (GEF), como suporte

às disciplinas do ciclo básico; Orientação para leitura e redação de textos acadêmicos em Economia; e Nivelamento em Matemática Básica. “Os programas deste ano estão direcionados para a questão da diminuição da evasão e retenção em diferentes disciplinas, como as de projeto de final de curso, de cálculo, álgebra, interpretação de textos da área de Economia. São 32 projetos e programas que visam à melhoria da qualidade da educação na Ufes”, diz a pró-reitora de Graduação, Zenólia Figueiredo. A apresentação dos projetos também está agendada para os dias 14 e 15 de maio no campus de São Mateus; e no dia 24, no campus de Alegre. Mais informações sobre os projetos de ensino e o PIAA estão disponíveis no site www.prograd.ufes.br, na aba “programas especiais”.

Universidade vai sediar II Escola de Física de Altas Energias A Ufes vai sediar entre os dias 16 e 27 de julho, no Centro de Ciências Exatas, no campus de Goiabeiras, a II Escola de Física de Altas Energias. A proposta é tratar de temas que estão no imaginário da ficção científica e das pessoas como os buracos negros e o bóson de Higgs, partícula que ficou famosa com o nome “partícula de Deus”. A Escola tem como público-alvo estu-

6 Informa-535.indd 6

dantes do último ano do curso de Física e áreas afins, mas também está aberta ao público interessado no tema. As inscrições poderão ser feitas até 20 de junho no endereço sthephy.wixsite.com/home. Nesta edição, serão ministrados quatro minicursos sobre aspectos importantes para o estudo das interações fundamentais, bem como aplicações de teoria quântica de campos em matéria

condensada e na presença de campo de gravitação clássico. A primeira edição da Escola de Física de Altas Energias aconteceu em 2016, no Instituto de Física de São Carlos, da Universidade de São Paulo (USP). O evento tem o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, do Centro de Ciências Exatas e do Departamento de Física da Ufes. 14/mai a 27/mai de 2018

10/05/2018 17:46:35


Foto: Arquivo Supecc

Acontece na Ufes

O museu está localizado no Centro de Ciências Agrárias e Engenharias, em Jerônimo Monteiro

Muses recebe a 16ª Semana Nacional de Museus O evento é dirigido principalmente a estudantes do ensino infantil, fundamental e médio

E

ntre os dias 15 e 19 de maio, o Museu de História Natural do Sul do Estado do Espírito Santo (Muses) recebe a 16ª Semana de Museus, evento nacional organizado pelo Instituto Brasileiro de Museus, que este ano traz o tema “Museus hiperconectados: novas abordagens, novos públicos”. O evento é gratuito e dirigido principalmente a estudantes do ensino infantil, fundamental e médio, com atividades como oficinas temáticas e visitas guiadas. Localizado na unidade do Centro de Ciências Agrárias e Engenharias da Ufes em Jerônimo Monteiro, na região

Sul do Estado, o Muses está em funcionamento desde 2013 e conta com um amplo acervo nas áreas de zoologia, parasitologia, botânica, geologia e paleontologia. Para a semana, os visitantes vão encontrar uma coleção diversa como a Geológica, que conta com rochas e minerais de origens intrigantes como o primeiro meteorito a cair em terras capixabas, e a Paleontológica, que mantém fósseis e réplicas de micro-organismos, rastros e até um coprólito, que são fezes fossilizadas. Mais informações podem ser obtidas em muses.ufes.br

Inscrições abertas para Simpósio Capixaba de Avaliação de Tecnologias em Saúde Estão abertas as inscrições para o I Simpósio Capixaba de Avaliação de Tecnologias em Saúde. O evento tem como objetivo informar aos profissionais de saúde do Espírito Santo sobre a importância da realização de estudos com qualidade metodológica. O evento será realizado nos dias 25 e 26 de maio de 2018, no Teatro

Universitário, no campus de Goiabeiras, e contará com a presença de palestrantes de instituições de reconhecimento nacional. “A sistemática da Avaliação de Tecnologias em Saúde (ATS) possibilita estabelecer critérios racionais, levando em conta os aspectos clínicos, técnicos, operacionais, econômicos, éticos e

Simpósio homenageia 50 anos do Hucam Gerar e compartilhar o conhecimento está no DNA da Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam-Ufes). E no ano do cinquentenário de sua fundação, a instituição segue sua vocação ao promover no dia 16 de maio o Simpósio Hucam 50 anos. O evento ocorrerá no auditório Rosa Maria Paranhos, no Centro de Ciências da Saúde, das 8 às 17 horas.  O evento vai abordar assuntos que estão na vanguarda da assistência e formação em saúde em quatro painéis temáticos: Gestão em Saúde; Cuidado Integral; Tecnologia, e Qualidade de vida do estudante e residente. O objetivo é promover um momento de formação e troca de experiências, envolvendo servidores, estudantes, professores e convidados. Além de pesquisadores da Ufes, o simpósio terá a presença dos professores da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), Chao Lung Wen, autoridade científica em telemedicina, e Patrícia Tempski, referência em estudos sobre qualidade de vida e bem-estar dos estudantes e residentes em saúde; e do médico da Sociedade Beneficente Israelita Albert Einstein, Eduardo Cordioli. O evento também terá transmissão por videoconferência para a Rede Universitária de Telemedicina (Rute). A programação completa está disponível no portal da Ufes.

sociais, ao contexto de investigação, promovendo o subsídio na tomada de decisão e na formulação de políticas em saúde baseadas em evidências”, explica um dos organizadores, o professor do Departamento de Computação e Eletrônica (Decel) no campus de São Mateus Francisco de Assis Santos. As inscrições são gratuitas e os interessados podem se inscrever por meio do endereço eletrônico www. simposioats.med.br

7 Informa-535.indd 7

10/05/2018 17:46:37


Cultura

agenda cultural Leo Jaime canta Beatles na Ufes O Teatro Universitário recebe nesta quinta-feira, 17, às 21 horas, a apresentação do Clube Big Beatles com um convidado muito especial: o músico e multimídia Leo Jaime, que se consagrou na década de 1980 ao fazer parte da formação original da banda João Penca e seu Miquinhos Amestrados. Ele é autor de diversos hits do rock nacional e de trilhas sonoras de filmes e telenovelas. O Projeto Sócio de Carteirinha do Clube Big Beatles recebe todo mês, no Teatro Universitário, um grande nome da música brasileira para cantar e tocar exclusivamente clássicos dos Beatles. A banda Clube Big Beatles tem 25 anos de carreira e está no Hall da Fama do International Beatle Week, o festival dos Beatles de Liverpool. Teatro recebe O Som e a Sílaba, de Miguel Falabella De 18 a 20 de maio, o Teatro Universitário recebe o espetáculo O Som e a Sílaba, de Miguel Falabella. O espetáculo conta a história de Sarah Leighton (Alessandra Maestrini), uma jovem com diagnóstico de autismo altamente funcional, com habilidades específicas em algumas áreas, entre elas a música, e sua relação com Leonor Delise (Mirna Rubim), sua professora de canto. A música vai unir essas duas mulheres e esse encontro mudará a vida de ambas. Recheado com árias, duetos e trechos de óperas, O Som e a Sílaba celebra o mistério da mente humana, com um texto terno, engraçado e comovente. Sessões às 21h no dias 18 e 19, e às 18h no dia 20. Ingressos na bilheteria do teatro ou em www.tudus.com.br.

8 Informa-535.indd 8

5ª Flic começa dia 23 no campus de Goiabeiras N

este mês de maio a Ufes se transformará no principal espaço da produção literária capixaba. Entre os dias 23 e 27, o campus de Goiabeiras vai receber a 5ª Feira Literária Capixaba (Flic), com nove palestras, 22 mesas-redondas e o lançamento de 70 obras de autores do Espírito Santo. A abertura oficial da feira ocorrerá às 19 horas do dia 23. O evento será realizado no auditório do Centro de Ciências Exatas (CCE), com arena jovem e a tenda cultural onde a programação terá início sempre a partir das 9 horas. A previsão da organização é de que cerca de 10 mil pessoas de todo o Estado visitem a Flic, que é aberta ao público. A feira terá atividades como contação de histórias, música, balé, apresentações folclóricas, leituras poéticas, livros gigantes, lançamento de CDs, teatro, saraus, leitura inclusiva, trova e oficinas, entre outras. No último dia do evento, haverá a entrega do

3º Prêmio Capixaba de Literatura Afonso Cláudio de Freitas Rosa, nas categorias Ensaio e Ilustração. Identidade – Para os organizadores, a Flic é uma importante estratégia de fomento à economia criativa e de incentivo à leitura, além de ser uma proposta de reflexão sobre a identidade cultural do Espírito Santo. A programação com atrações para crianças, jovens e adultos, visa proporcionar um ambiente cultural diversificado. A realização da Flic 2018 é da Academia Espírito-santense de Letras (AEL), da Academia Feminina Espírito-santense de Letras (Afesl) e do Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo (IHGES), com apoio do Governo do Estado, do Sebrae e da Prefeitura de Vitória. O apoio institucional é da Secretaria de Cultura da Ufes e da Rede Gazeta. Confira a programação completa em www.ufes.br.

14/mai a 27/mai de 2018

10/05/2018 17:46:40

Profile for Universidade Federal do Espírito Santo

Jornal Informa | Ufes | n° 535 | 14/05/2018  

Jornal da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) destinado à divulgação das atividades desenvolvidas pelas áreas de ensino, pesquisa...

Jornal Informa | Ufes | n° 535 | 14/05/2018  

Jornal da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) destinado à divulgação das atividades desenvolvidas pelas áreas de ensino, pesquisa...

Profile for ufes
Advertisement