Issuu on Google+

Boletim Informativo

Edição 5 29 de Outubro de 2012

@

Universidade Estadual do Piauí ASCOM UESPI


Expediente: Elias Monteiro (Chefe da Ascom), Sammara Jericó (Chefe de redação), Wallace Rodrigues (Chefe de divisão), Aldenora Cavalcante (Produtora), Jhayson Phillipe (Estagiário e Diagramador), Luana Torres (Estagiária), Aldenice Sousa (Estagiária), Eliaquim Lopes (Estagiário), Luícia Ferreira (Estagiária), Pablo Henrique (Projeto Gráfico).


Sumário Reportagens I Seminário de Docência do Ensino Superior da UESPI na cidade de Oeiras

5

Aula de campo de Pedagogia em São Raimundo Nonato

8

ESPECIAL: UESPI promove ensino superior de qualidade no Piauí

11

Programa PASOS faz homenagem ao Dia do Piauí

16

Notícias 3º Encontro Acadêmico de Letras no Campus Clóvis Moura

18

VII Encontro de Literatura e Linguística discute temas relacionados a linguaguem 

19

Curso de Zootecnia em Corrente organiza o I curso de Formulação de Ração para Ruminantes e Não Ruminantes 

21

Alunos do ensino a distância participam de Curso de Espanhol em Teresina 

22

Notas COMUNICADO: Adiamento do I Encontro de Práticas Pedagógicas Interdiciplinares

29

Certificados dos cursos de Especialização do Programa Nacional de Formação em Administração Pública

29

NEAD prorroga período de inscrições para Professor Pesquisador Conteudista

30

Resultado das Eleições para Diretor de Centro e Coordenador de Curso

30

PREX realiza seleção de estagiário para Núcleo de Estudo em Memória e Acervo

30

Representante Editoras Internacionaid faz apresentação sobre Acervo Digital da UESPI

31

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós Graduação ministra palestra para Turma do CEGSP

31


Reportagens I Seminário de Docência do Ensino Superior da UESPI na cidade de Oeiras A formação continuada, ensino, pesquisa extensão, organização didático-pedagógica e a estrutura administrativa e acadêmica foram os principais temas discutidos na terça feira (23), no I Seminário Sobre Docência do Ensino Superior da Universidade Estadual do Piauí-Uespi. A abertura oficial ocorreu na cidade de Oeiras-PI, no Campus Possidônio Queiroz, e ainda irá acontecer em outras datas nos Campi de Floriano, Bom Jesus, Parnaíba e Teresina. O Seminário é uma exigência dos Editais de n° I, II, III, IV e VI/ 2011. Foto ASCOM

O I Seminário de Docência no Ensino Superior ainda está acontecendo durante toda quarta feira (24), e conta com a participação de mais de 40 docentes dos Campi de Oeiras e Picos.

Diretora e Professora Esp. Francisca Inês Santos Martins, Campus Possidônio Queiroz

As boas vindas aos novos docentes da Uespi foram dadas pela Professora Esp. e Diretora do Campus de Oeiras, Francisca Inês Santos Martins, que exaltou o prazer de poder colaborar com a realização do encontro. “É um grande prazer para o Campus de Oeiras poder sediar um

Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

5


evento desse porte e ajudar na formação dos novos professores da Uespi”, afirmou.

Foto ASCOM

Logo após a fala da Diretora, houve a apresentação de um vídeo sobre o Hino do Piauí e do Grupo Bandolins de Oeiras formado pelos jovens Vinicius Virgínio, Wellestron Martins e pelas senhoras Dona Maria Antonieta Maranhão e Dona Zezé Cabeceira.

Foto ASCOM

Abertura do I Seminário Sobre Docência do Ensino Superior. À direita o Grupo Bandolins de Oeiras

Em seguida, a Professora Msc. e Coordenadora do Evento, Ana Célia de Sousa Santos, deu início ao Seminário demonstrando os aspectos positivos de ser um docente atuante na Uespi. “Os novos professores podem ajudar a Coordenadora do seminário, Professora Msc. melhorar nossa universidade Ana Célia de Sousa Santos através do tripé ensino, pesquisa e extensão. E que cada professor tem a função de ajudar a planejar o desenvolvimento da Uespi”, afirma. A professora disse ainda que o objetivo principal do evento é oportunizar a todos os docentes o conhecimento da instituição a partir da estrutura de organização de cada pró-reitoria de ensino. E dando continuidade ao seminário, o Professor Msc. e Doutorando, Raimundo Dutra Araújo, proferiu a palestra “A Formação Docente e 6

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


“A valorização social do título professor universitário é uma posição de status e que carrega uma identidade. E é a partir dessa premissa que o docente precisa ter uma formação continuada e ser bem preparado para a ser um professor universitário”, comenta o professor Raimundo Dutra.

Foto ASCOM

os Desafios Atuais para o Ensino Superior: Como os professores do ensino superior se identificam profissionalmente?”. Foi com esta pergunta que o professor ministrante deu início a discussão em torno do tema da palestra.

Professor Msc. Raimundo Dutra Araújo

Segundo o professor, a formação do docente universitário de fato não existe, pois ela é uma formação continuada e ocorre durante a graduação com os eventos, seminários, cursos e continua depois de graduado, neste caso na carreira de professor universitário com a formação nos cursos de especialização, mestrado e doutorado. “ Os docentes tem a responsabilidade de ensinar em todas às áreas de conhecimento e tem que se preocupar com a pesquisa, o ensino e a extensão, e apostar sempre na qualificação profissional”, conclui Em seguida, a palestra do professor ministrante se fundamentou sobre o envolvimento dos docentes com a gestão administrativa da universidade, como na administração dos próprios colegiados dos cursos, coordenações, pró-reitorias e assembléias. O seminário que objetiva mostrar também a estrutura administrativa acadêmica da Uespi descreveu para os docentes no primeiro dia do evento como funciona todas as Pró-Reitorias de Ensino da Instituição.

Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

7


Foto ASCOM

O seminário retomou as atividades hoje pela manhã e encerra suas atividades com a presença do Professor e Reitor Carlos Alberto Pereira da Silva e com as Mesas temáticas, com três temas: “A Organização do Trabalho Pedagógico”; “Avaliação Institucional e dos Cursos de Graduação” e “Uso das TIC’s nos Cursos de Graduação”.

Sobre a importância do seminário a Zoologa e Professora Msc. do Curso de Ciências Biológicas de Picos, Daniela Correia Granjeiro ressaltou que “o seminário pode ajudar na formação docente do professor e ensinar como funciona a instituição de fato.”

Por Eliaquim Lopes - Estagiário / Sammara Jericó - Chefe de Redação

Foto ASCOM

Aula de Campo de Pedologia em São Raimundo Nonato

Atividade de campo em são Raimundo Nonato-PI

8

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Como atividade da disciplina de Pedologia do curso de Geografia da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) Campus Ariston Dias Lima, em São Raimundo Nonato, 28 alunos do 3 período participaram de uma aula de campo desenvolvida no último dia 17, no Parque Nacional da Serra da Capivara.

Foto ASCOM

De acordo com o Professor Juscelino Lima, a aula de campo objetivou fazer uma aproximação entre teoria e prática, uma vez que esta disciplina estuda os processos de natureza de formação, transformação, distribuição e qualidade dos solos pelos diferentes espaços geográficos, particularmente, observando o contexto local.

O estudo do solo da região ainda precisa de muitos estudos

“A aula de campo porta-se como um precioso instrumento no processo de ensino e aprendizagem ao possibilitar um ‘diálogo’ mais direto e objetivo entre teoria e prática. Quando se refere a disciplinas de Geografia Física (no caso em questão, a disciplina de Pedologia), se reveste de especial sentido, uma vez que permite aos futuros professores e geógrafos em formação um contato mais aberto e dinâmico principiado em teoria em sala de aula e concretizado na prática, levando os alunos a construírem reflexões sobre as dinâmicas de transformação que a natureza promove sobre os modelados terrestres e destes na produção dos solos e nesse ínterim o papel e ligação que o homem apresenta junto a estes recursos”, explicou o professor Juscelino. Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

9


Quanto aos estudos do solo que estão sendo feitos no sudeste do Piauí, o docente revela que eles ainda são incipientes. “Existem algumas limitadas Dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado que falam especificamente sobre tal recurso natural, estando estas produções mais ligadas a existência da massa fitogeográfica (vegetação) ou ainda questões relacionadas a disseminação do processo de desertificação na areá visitada. Assim, esta disciplina que tem 60 h de duração se reveste de extrema importância pois possibilita uma contato mais humano sobre uma temática física”, explicou.

Foto ASCOM

Para todos que fizeram parte da aula de campo, ficou claro que o estudo do solo também inclui uma atenção ao contexto social do local e sua população. “Foi uma preocupação conseguir uma “fala” de alguns moradores adjacentes ao parque, pois enxergamos que quando se estuda uma tema da Geografia Física não deve haver limitação ao objeto de estudo físico (no caso, os solos), mas promover uma compreensão mais apurada que permita construir reflexões sobre problemas, situações que margeiam as famílias em questão acerca das condições de vida local e uso dos solos para sobrevivência atestando daí algumas respostas obtidas junto a algumas famílias visitadas”, conclui o professor.

“Esta disciplina, que tem 60 h de duração, se reveste de extrema importância pois possibilita uma contato mais humano sobre uma temática física”, afirma o professor Juscelino Lima

10

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


ESPECIAL: UESPI promove ensino superior de qualidade no Piauí Em 190 anos de história o Piauí se configura hoje no cenário nacional como um dos estados de grande notoriedade não apenas pela riqueza artesanal e produção agrícola. A data de aniversário, 19 de outubro, lembra um importante momento para o estado: a adesão à independência do Brasil. Grandes mudanças aconteceram ao longo de mais de um século, e a educação tem papel relevante na construção da história. Sobretudo a educação superior se destaca como importante ferramenta de inclusão e transformação social, fornecendo aos piauienses a chave para o crescimento e espaço no contexto nacional e mesmo internacional. A Universidade Estadual do Piauí, como braço do desenvolvimento da educação no Estado, tem impulsionado a melhoria na qualidade de vida dos piauienses. “A UESPI tem assumido o compromisso de oportunizar aos piauienses o acesso a um conhecimento acadêmico através de um curso de graduação, seja bacharelado ou licenciatura, presencial ou a distância, contribuindo para a democratização do ensino superior e possibilitando a inserção de mais profissionais qualificados no mercado de trabalho, cumprindo, dessa forma, com o seu papel como uma instituição pública que se consolida no desenvolvimento do ensino, pesquisa e extensão”, ressalta o Sociólogo e Mestre em Políticas Públicas, Prof. Roberto Álvares Rocha. O Conhecimento como chave para uma carreira de sucesso

César Aguiar de Andrade é um exemplo de que a realização profissional está diretamente ligada ao empenho na formação universitária. Licenciado em História e Pós-Graduado em Teoria e Metodologia da História, ele resolveu apostar em mais uma formação, e novamente optou pela UESPI: Bacharelado em Ciencias Juridicas Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

11


Foto ASCOM Foto ASCOM

(Direito), curso que concluiu em 2008. “São infindáveis as formas de contribuição que a instituição deu a minha formação. Os mestres que nos oferecem o melhor de si, as palestras e cursos de extensão a interação democrática e os amigos que mostraram caminhos do conhecimento que eu nem imaginava” e acrescenta “o maior desafio de minhas profissões, pois atuo como professor e advogado, é lutar sempre por novos saberes, César Aguiar formou-se em dois cursos pela novos conhecimentos para que UESPI, entre eles o Curso de Direito, que este ano recebeu três selos todos os dias possa oferecer o de qualidade OAB. melhor de mim aos meus alunos e constituintes”, conclui César Aguiar de Andrade que atua como Professor de História da Rede Estadual e Advogado em matéria Civil, Trabalhista e Previdenciária. Outros cursos também revelam histórias de sucesso como a de Israel Almondes. Aluno do Curso de Engenharia Elétrica da UESPI por 5 anos, ele afirma que tem orgulho em dizer que é fruto da instituição e que esta tem significativa contribuição em sua formação. “Em muito, tenho que agradecer a esta instituição, pois ” No quesito superação os alunos da UESPI ela me ensinou valores são campeões”, afirma Israel Almondes. muito importantes. Através do meu curso, tive a oportunidade de fazer MBA na quinta melhor escola de negócios do mundo (FDC - Fundação Dom Cabral em Minas 12

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Gerais) e estar cursando Mestrado Profissional na área de energia na Universidade Federal do Maranhão (UFMA).Pude trabalhar na maior cervejaria do mundo (AB-Inbev)”. Com apenas 24 anos, Israel Almondes, atualmente, trabalha em uma das maiores empresas do Brasil (VALE S.A.) e está na Austrália onde participa de um curso.

Através do uso de tecnologias o Sistema Universidade Aberta do Brasil (SISUAB) tem revolucionado as formas de ensinar e aprender mostrando que uma educação superior de qualidade não tem fronteiras, como assegura a Diretora do Núcleo de Educação à Distancia(NEAD), Profa. Dra. Marcia Percilia. “O NEAD/UESPI contribui ao acesso gratuito e público de qualidade para as pessoas que não podem migrar para os grandes centros permanecendo em seu local de origem”, finaliza a Diretora.

Foto ASCOM

Foto ASCOM

Ensino a Distância: transformando realidades no Piauí

Professora Maria do Socorro de Simões destaca a importância social do NEAD na região

Mais informações: http://www.uespi.br/

Em Simões, município localizado a 442 quilômetros da capital Teresina, a modalidade de ensino a distância tem feito a diferença na realidade local, conforme aponta Maria do Socorro Bento Reis Carvalho, Coordenadora do Pólo. “Nosso Estado está de Parabéns! Pois muitas pessoas que antes não tinham acesso à educação superior hoje estão incluídas na universidade. A EaD como Boletim Informativo

13


Foto ASCOM

modalidade de Ensino chega de forma diferente levando o aluno a pensar, ser autônomo e estudar mais, o que resulta na melhoria da qualidade de vida em Simões e cidades vizinhas”, corrobora a Coordenadora.

Alice de Lira destaca o que o NEAD proporcionou para a vida: “oportunidade de emprego e acesso a novas tecnologias”

A aluna de Letras Inglês, Alice de Lira Nascimento, é prova de que a educação a distância gera conhecimento e promove a inclusão digital possibilitando assim a integração de saberes. “Ser aluna EaD é gratificante de todas as formas. Tem me possibilitado oportunidades de trabalho, conhecimento e acesso as novas tecnologias, pois eu era totalmente inexperiente nesse campo,” explique.

O NEAD conta, atualmente, com 23 polos de apoio presencial em todas as regiões do Estado. “As pesquisas aqui na UESPI têm sido extremamente importante porque tem gerado contribuições significativas para o desenvolvimento social do Piauí” O Piauí e a Universidade Estadual do Piauí-UESPI, nos últimos anos, tem vivenciado um panorama novo em relação ao trabalho de pesquisa, que têm desenvolvido e dado mais dinamismo a muitos setores piauienses, como a economia, a saúde, o agronegócio, a agricultura familiar e a pecuária. Hoje, o principal projeto de pesquisa dentro da UESPI está relacionado ao Projeto GERATEC, onde alunos e professores pesquisam a cadeia produtiva do coco babaçu. “Já foi descoberto na pesquisa que há uma relação entre o câncer de colo de útero observado nas quebradeiras de coco e a atividade de quebrar coco”, comenta o Pró-Reitor. 14

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Ainda segundo o Professor Geraldo Luz já foram observados também que o óleo do coco babaçu pode ser transformado em biocombustível, tanto em biodiesel como em diesel renovável. Os valores agregados a toda a cadeia produtiva beneficia desde as quebradeiras de coco até os empresários que trabalham com o óleo e a casca do coco para fazer carvão. No campus de Parnaíba, há o desenvolvimento de pesquisas voltadas para aquicultura e a pesca. As pesquisas realizadas em Parnaíba giram em torno do mapeamento da população de caranguejo e o impacto da coleta deste crustáceo sobre a própria população ribeirinha. No Núcleo de União, o pesquisador Professor Dr. Firmino Barbosa trabalha com os estudantes o projeto de pesquisa que trás a reinserção da Galinha Caipira à comunidade da região e do semiárido. “A conservação de galinhas caipiras adota um sistema de produção para ser atendido em larga escala, tanto para atender o mercado interno como também o externo,” afirma o professor Firmino. O ponto de destaque neste projeto para o Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação é o valor que hoje é dado à galinha caipira em detrimento dos frangos de corte graças ao reconhecimento desta pesquisa. Em Picos, as pesquisas são feitas com caju, mel, caprino e ovino. E em Uruçuí e Bom Jesus, os projetos de pesquisas são voltados paras as Ciências Agrárias no intuito de desenvolver as culturas do Cerrado e atender a população carente, o produtor rural e o agricultor familiar e ajudar a fortalecer o agronegócio e os empresários. O impacto social dos projetos de pesquisa dentro da comunidade é também reconhecido através dos resultados das pesquisas realizadas com os programas PET(Programa de Educação Tutorial) e PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência). Estes programas atendem a rede estadual de ensino dentro do município de Teresina. “O uso de metodologias alternativas para o ensino tem promovido um aumento da eficiência de aprendizagem dos alunos do ensino médio,” afirma o Pró-Reitor.Os programas PET e PIBID são financiados pelo governo federal e contam hoje com convênio da Secretaria de Educação do Estado- SEDUC. Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

15


“As pesquisas aqui na UESPI têm sido extremamente importante porque tem gerado contribuições significativas para o desenvolvimento social do Piauí”, conclui o Pró-Reitor. Por: Aldenice Sousa/ Luana Torres/ Eliaquim Lopes – estagiários ASCOM/ Sammara Jericó – Chefe de Redação

Programa PASOS faz homenagem ao Dia do Piauí

Foto ASCOM

Enaltecer o ser piauiense, valorizar as riquezas naturais e ressaltar a cultura. Esses foram um dos objetivos da homenagem ao Dia do Piauí promovida na quinta, 18, pela Universidade Estadual do Piauí (UESPI) através do Programa de Apoio ao Servidor (PASOS) em parceria com o Instituto do Patrimônio Humano e Artístico Nacional (IPHAN).

Imagens que exaltam a beleza do Piauí

A apresentação, que aconteceu no Hall de Entrada do Palácio Pirajá, contou com a execução do hino do Piauí, entrega de folders, exposição de banners de cidades e regiões turísticas do Estado e vídeos, que retratam imagens e momentos históricos.

16

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Foto ASCOM Foto ASCOM

Apresentação no hall de entrada com a participação dos servidores da UESPI

Para Manoel Vicente, servidor da Divisão de Movimentação e Controle (DMC) da UESPI, a organização do evento está de parabéns. “Eu gostei e está muito bom, pois estamos conhecendo muito mais o nosso Estado através dessa exposição. Os pontos turísticos são muito bonitos. Parabéns”, afirmou Salomé Ferreira, técnica-administrativa da Assessoria de Comunicação da UESPI, Manoel Vicente, servidor da UESPI: “O PASOS está de revela que o evento foi surpreendente. parabéns pela bela exposição” “Para mim, o evento trouxe a todos nós o sentimento de valorização ao nosso Piauí. O PASOS fez uma bela homenagem, gostei muito e parabéns ao Programa”, finaliza. Por: Luana Torres (estagiária-ASCOM)/ (Chefe de Redação)

Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

17


Notícias 3º Encontro de Acadêmico de Letras no Campus Clóvis Moura Entre 12 e 14 de novembro ocorrerá o 3º ENAL - Encontro Acadêmico de Letras, do campus Clóvis Moura. Nesta edição, o tema abordado será Linguagens e Ensino e há uma vasta programação, dentre elas estão: conferências, mesas redondas, minicursos, comunicações e atividades culturais. “A oportunidade da comunidade acadêmica dialogar e discutir sobre a relação entre a língua e a literatura sobre seu ensino a partir da concepção de letramento na perspectiva literária e linguística que envolve também as novas tecnologias. A importância de discutir os temas com pesquisadores de outras IES como a UFOP, UFC, UFBA e UEMA. A expectativa é conseguir atingir o maior número de participantes possível, tanto do Clóvis Moura como do Torquato Neto e que possibilite diálogos importantes na formação de graduandos e graduados de áreas afins”, citou o Prof. Dr. e Coordenador do curso de Letras Português, Diógenes Buenos Aires de Carvalho. As incrições encontram-se abertas e podem ser feitas tanto presencial como por e-mail. Ao serem feitas por e-mail (3enal2012@ gmail.com), o inscrito deverá anexar a fixa de inscrição e o comprovante de pagamento. De forma presencial, devem ser feitas na Coordenação do curso de Letras Português do campus Clóvis Moura. Dados para o depósito bancário: Caixa Econômica Federal - Agência: 2004, Operação: 001, Conta Corrente: 10053-1. O prazo para realização das inscrições 18

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


será até o dia 12 de novembro para ouvintes e até o dia 5 de novembro para quem for apresentar trabalhos. Toda programação encontra-se no link: http://www.3enaluespi.blogspot.com.br Cleydson Serra, acadêmico do 8º bloco de Letras Português, acredita que o evento pode trazer conhecimentos para quem deseja ser docente. “Irei participar mesmo estando atribulado com a monografia, pois vejo as palestras importantes para nós, futuros professores, inclusive na prática em sala de aula. Outro fator importante é a vinda de professores das instituições de outros Estados, uma vez que podemos ter outra visão de conhecimento e não ficarmos restritos somente aos professores daqui”, afirma. “Conhecer vários outros projetos de linguística e literatura, outros professores. Será minha primeira participação e irei apresentar um projeto da minha orientadora professora Bárbara Olímpio Ramos de Melo, diretora presidente da FAPEPI”, mencionou Leidiane Cardoso Saraiva, estudante do 3º bloco de Letras Português do campus Clóvis Moura. Por Jhayson Phillipe (Estagiário – ASCOM)/ Sammara Jericó (Chefe de Redação – ASCOM)

Foto ASCOM

VII Encontro de Literatura e Linguística discute temas relacionados a linguagem

Mais de duzentos estudantes participam do segundo dia do Encontro/ foto: ASCOM

Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

19


Foto ASCOM

O VII Encontro de Linguística e Literatura prossegue com sua programação e na manha da quinta-feira (25) contou com duas mesas redondas, que aconteceu no Auditório Central da Universidade Estadual do Piauí.

Foto ASCOM

Em sua apresentação a Profa. Silvana Calixto discorreu acerca do uso da Metáfora na construção de sentidos

A primeira mesa redonda foi orientada pelos professores Dra. Silvana Maria Calixto Lima, Dra. Nize da Rocha Paraguassu Martins e Dr. Raimundo Francisco Gomes, todos docentes do Curso de Letras da UESPI. A mesa destacou o estudo de casos sob a perspectiva da Semântica, área que estuda a construção de significados sob a ótica da própria língua portuguesa. “Podemos olhar o mundo sob várias perspectivas . A Semântica vê o aspecto da linguagem pela própria linguagem e, nesse caso, não leva em conta a subjetividade de quem fala ou escreve”, explicou a Profa. Dra. Nize da Rocha. “A linguagem pode ser analisada sob diferentes perspectivas”, ressaltou a Profa. Nize da Rocha.

A segunda mesa redonda faz uma análise sobre o currículo do curso de Letras da instituição e o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes, prova realizada para avaliar o rendimento dos alunos no inicio e término do curso superior. A discussão é mediada pela Profa. Dra. Iveuta de Abreu Lopes juntamente com a Profa. Dra. Teresinha de Jesus Ferreira e a MSc. Joselita Izabel de Jesus, professoras da instituição. 20

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Foto ASCOM

Para Aline Meireles, aluna do terceiro bloco do Curso de Letras da UESPI, o evento promove novas oportunidades. “Aqui é possível compartilhar conhecimentos e perspectivas dentro da área de Letras, e ainda nos traz conteúdos necessários a nossa formação”, conclui.

“O Encontro aborda temas necessários a nossa formação”, afirma a estudante Aline Meireles

Estão previstos apresentação de trabalhos no período da tarde e uma conferência sobre “Consciência fonológica e aprendizagem da escrita no ciclo da infância” com a Profa. Dra. Norma Suely Campos Ramos, a partir das 19:00 horas.

As atividades do VII Encontro de Linguística e Literatura foram encerradas na tarde da quinta-feira (25). Por : Aldenice Sousa - estagiária ASCOM/ Sammara Jericó – Chefe de Redação

Curso de Zootecnia em Corrente organiza o I Curso de Formulação de Ração para Ruminantes e Não Ruminantes O I Curso de Formulação de Ração para Ruminante e Não Ruminante, Campus Jesualdo Cavalcanti Barros em Corrente começou dia 22 e vai até 07 de novembro e está sendo realizado no próprio Campus. O curso tem como objetivo conhecer as exigências nutricionais de diversas espécies animais, formular dietas em diferentes condições de produção e manipular os softwares de formulação de ração. O curso é uma realização da Universidade Estadual do Piauí, Coordenação do Curso de Bacharelado em Zootecnia, Centro Acadêmico de Zootecnia e do Grupo de Estudos: Produção de Ruminantes no Nordeste-PROUMEN. Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

21


Sobre a importância do curso, o doutorando em Produção de Não Ruminantes, o Professor Msc. Antônio Hosmylton Ferreira, afirma que “tal evento aprimora o exercício da profissão de zootecnista devido a relevância atual da nutrição de precisão”. E para a estudante do curso e membro da comissão organizadora do evento, Marcela Barros Bezerra, “o curso é uma forma de incentivar os estudantes e profissionais da área a abrirem novos horizontes, e promover o desenvolvimento e lucratividade para o estado”, conclui Marcela Bezerra.

Foto ASCOM

Alunos do ensino a distância participam de Curso de Espanhol em Teresina

Interação dos Alunos EaD com os professores

22

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Nesta semana está acontecendo o “VIII curso de atualização e capacitação para professores de língua espanhola das escolas públicas estaduais”. Este curso tem a presença de vários alunos dos polos do NEAD, alunos estes que vieram de longe para poder adquirir mais conhecimento sobre sua área de atuação e a sala de aula. “Sou professor provisório e vejo o curso como forma de se atualizar na área, levar o melhor para o aluno em sala de aula”, afirmou Demilson Gomes, aluno do polo de Oeiras. Já Manoel Cesário, também do polo de Oeiras, citou que está sendo importante, pois oferece instrumentos técnicos para sala de aula, além do aperfeiçoamento na didática de ensino.

Foto ASCOM

A professora e aluna do polo de Água Branca, Maria da Cruz de Sousa, comentou em que sua participação está somando tanto para sua formação acadêmica como para sua profissão. “Enriquece o vocabulário, a gente adquire conhecimentos”, afirma a professora do interior do Estado.Para Lúbia Faeth é estudante do polo de Uruçuí e quando perguntada quanto ao contato com alguns nativos da língua espanhola presentes no curso, ela afirmou que “com o contato aprendemos como são algumas pronúncias, ficamos totalmente imersos nos quesitos aprender e ensinar”.

Alunos no laboratório para a aula técnica.

Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

23


Foto ASCOM

Os alunos foram unânimes quanto ao sistema EaD e falaram que há sim dificuldades, pois nem todos têm condições de comprar um computador e ter internet ou conseguir acesso nas lan house, mas isso é algo que estimula ainda mais a vontade de aprender, ou seja, as dificuldades são superadas quando se trata da vontade de se realizar profissionalmente e que muitas vezes as dificuldades fazem é ajudar.

A sala de vídeo do CCHL tornou-se pequena para os alunos de espanhol

Por: Jhayson Phillipe (estagiário-ASCOM)/ Sammara Jericó (Chefe de Redação)

Foto ASCOM

Servidores da UESPI participam de Oficina de Reciclagem

A ofi cina contou com a participação dos funcionários da UESPI e foi ministrada pelo instrutor Severino da Silva, da Fundação Municipal de Cultura

24

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Foto ASCOM

A oficina contou com a participação dos funcionários da UESPI e foi ministrada pelo instrutor Severino da Silva, que há mais de 25 anos trabalha com reaproveitamento de produtos da natureza e transforma-os em produtos artesanais e decorativos. “Achei ótima a iniciativa da Participação dos Servidores na reciclagem de Semana de Valorização do material, dentre eles garrafas pet, latas e Servidor. Geralmente em depósitos de alimentos outros lugares não oferecem essa programação diversa e com bastante troca de conhecimento. Aqui encontrei pessoas que já possuem habilidades artísticas e isso facilita ainda mais o trabalho”, revela o instrutor.

Foto ASCOM

Foto ASCOM

A Semana de Valorização dos Servidores da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), na quarta, 24, foi contemplada com uma “Oficina de Reciclagem” com a técnica artesanal de marmorização por imersão. O evento é em parceria da Pró-Reitoria de Extensão (PREX) através do Programa de Apoio ao Servidor (PASOS) com a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves.

Com base em esmalte sintético, tintas vernil vitral e criatividade, produtos ganham nova roupagem

Mais informações: http://www.uespi.br/

Matilde Sousa, do Departamento de Assistência e Obrigações Sociais (DAOS) diz sobre a oficina: “Já trabalho com garrafas pet e tecido estampado e essa foi uma grande oportunidade de aprender novas habilidades.

Boletim Informativo

25


Foto ASCOM

Sobre a situação da reciclagem em Teresina, o professor revela que existem muitas cooperativas para recolhimento e venda de materiais usados, mas para a sua transformação são poucas. “Para essa técnica de artesanato, poucas são as cooperativas que trabalham com isso, falta conhecimento e incentivos para a sua propagação”, expõe.

Para Maria Irene, interação e conhecimento foram as marcas da ofi cina

Há 12 anos, Maria Irene de Sousa é servidora da UESPI do Departamento de Controle Acadêmico e Diplomação (DCAD) e diz que é louvável a programação da Semana. “Além de propiciar relaxamento, eu tive a oportunidade de interagir com outras pessoas e adquirir conhecimento. Nunca pensei que no meu trabalho fosse conhecer essas novas técnicas de decoração e agora que aprendi, posso ter lucro na confecção dos produtos e ensinar aos outros. Espero que tenha mais iniciativas como essas”, finaliza.

Por: Luana Torres e Jhayson Phillipe (estagiários-ASCOM) / Sammara Jericó (Chefe de Redação)

Diretor Adjunto visita polos do Ensino a Distância no interior do Estado Elesbão Veloso, Valença do Piauí, Inhuma e Monsenhor Gil foram os polos que receberam a visita do Diretor Adjunto do Núcleo de Educação a Distância da Universidade Estadual do Piauí (NEAD/UESPI), Prof. Raimundo Isídio de Sousa. O objetivo foi conhecer a estrutura, os recursos humanos, as ações desenvolvidas e, principalmente, verificar as medidas saneadoras das pendências apontadas pela CAPES/MEC - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 26

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Foto ASCOM Foto ASCOM

Polo de Elesbão Veloso foi o primeiro município a receber a vista técnica do Diretor Adjunto do NEAD/UESPI

“Em Elesbão Veloso, procedemos a uma reunião com a Coordenadora do polo, Maria de Fátima Sousa Rabelo, e funcionários de apoio. Constatamos que a placa externa de visualização já se encontra instalada e a conclusão da pintura no local”, explicou o Prof. Isídio. No município de Valença do Piauí, a reunião foi realizada com a Coordenadora do Polo, Maria de Fátima Barros Santos, com a Diretora do Campus da UESPI, Annejose Sousa Lima Verde Carvalho, servidores e tutores do polo e do Campus, Francisco Cruz, Francisco Pereira, Ivo Xavier, Maria Cheila Fonseca, Polo de Valença: “tratamos da integração das ações e dos espaços do polo e campus” Darlene Costa, Edinalva Lima, Ranier Nunes, Cledenildo Gonçalves. De acordo com o Prof. Isídio, o encontro tratou “sobre a integração das ações e dos espaços do polo e campus, empréstimo de equipamentos e material entre o polo e o campus, serviços para melhorar o funcionamento da diretoria, a sala de tutoria, o laboratório de informática, a biblioteca, as salas de aula, entre outros pontos”. Em Inhuma, foi constatado que as reformas para melhorar a estrutura do polo e, consequentemente, atender melhor o corpo Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

27


Foto ASCOM

Foto ASCOM

docente e discente já estavam concluídas, como a adequação das dependências para garantir a acessibilidade, faltando apenas os ajustes em outras dependências. “Além disso, conversamos com o Prefeito do município sobre a internet e ele afirmou que está providenciando melhorias na qualidade dos serviços”, afirmou Em Inhuma, foi constatado que as reformas para melhorar a estrutura do polo o Prof. Isídio no encontro com a foram realizadas. Coordenadora do polo, Graça Aguiar, com o Prefeito Moacir Gonçalves de Carvalho, o Assessor da Prefeitura, Edmércio Gonçalves e a Tutora presencial, Regina Célia Macedo.

No Polo de Monsenhor Gil, foram discutidas questões acadêmicos e as condições didático-pedagógicas dos tutores a distância.

Em Monsenhor Gil, foi realizada a reunião com a Coordenadora do Polo, Norma Suely Vieira de Abreu Andrade, e as tutoras presenciais Ana da Costa Araújo Soares e Luciana Ferreira Oliveira. “Além das pendências do polo, discutimos as questões acadêmicos, as condições didático-pedagógicas dos tutores a distância, novos cronogramas, como o PENEAD e o 3º semestre, a aquisição de acervo bibliográfico, o incentivo financeiro para o polo de acordo com a lei 12.695, de 25.07.2012, que dispõe sobre a inclusão dos polos presenciais do sistema Universidade Aberta do Brasil na assistência financeira do Programa Dinheiro Direto na Escola, entre outros pontos”, finalizou o prof. Raimundo Isídio. 28

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


Notas COMUNICADO: Adiamento do I Encontro de Práticas Pedagógicas Interdiciplinares A Coordenação Geral do PARFOR da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), INFORMA que I Encontro de Práticas Pedagógicas Interdisciplinares somente acontecerá no dia 27 de Novembro de 2012 e não mais no dia 30 de Outubro. A mudança se deve às questões de espaço porque o número de inscritos superou todas as expectativas da organização. A programação do evento permanece da mesma forma.

Certificados dos curso de Especialização do Programa Nacional de Formação em Administração Pública A Coordenação Pedagógica do Núcleo de Educação a Distância (NEAD/UESPI), comunica aos alunos que concluíram os cursos de Especialização em Gestão Pública, Gestão Pública Municipal e Gestão em Saúde do Programa Nacional de Formação em Administração Pública - PNAP, que a solicitação dos Certificados devem ser feitos via Protocolo da UESPI tanto na capital como no interior do Estado. INFORMATIVO: /system/ckeditor_assets/attachments/299/ informativo_aluno_pnap.pdf?1351167315 Mais informações: http://www.uespi.br/

Boletim Informativo

29


NEAD prorroga período de inscrição para Professor Pesquisador Conteudista A Comissão Organizadora do Processo Seletivo Simplificado do Núcleo de Educação a Distância (NEAD/UESPI), INFORMA que o prazo de inscrição do concurso para Professor Pesquisador Conteudistapara foi prorrogado para os professores efetivos da Universidade Estadual do Piauí (UESPI). O Edital NEAD/UESPI/UAB de nº 008/2012 encontra-se disponível no site: http://siteead.uespi.br/ NOVO CRONOGRAMA PARA INSCRIÇÃO: /system/ckeditor_ assets/attachments/298/cronograma_inscricoes.pdf?1351166551

Resultado das Eleições para Diretor de Centro e Coordenador de Curso A Universidade Estadual do Piauí-UESPI através do Presidente da Comissão Central Eleitoral, Henrique Barbosa Costa, divulga o Resultado das Eleições para Diretor de Centro e Coordenador de Curso desta IES no site: www.uespi.br

PREX realiza seleção de estagiário para Núcleo de Estudo em Memória e Acervo A Pró-Reitoria de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários(PREX) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), através da Divisão de Assistência ao aluno e ao Graduado (DAAG), torna público o edital para seleção de 01 estagiário para o Núcleo de Estudo em Memória e Acervo (NEMA). As inscrições serão realizadas nos dias 26 a 29 de outubro de 2012. na PREX. Será ofertada 01 vaga para o turno da tarde, com horário 30

Boletim Informativo

Mais informações: http://www.uespi.br/


do estágio de 14:00 às 18:00 h para estudantes dos cursos de Letras, Biblioteconomia, História e Ciências da Computação. Edital no site.

Representante Editoras Internacionais apresentação sobre o Acervo Digital da UESPI

faz

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI) através da Coordenação das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) promoveu uma palestra sobre o fomento da Biblioteca Digital na UESPI. O evento aconteceu com a presença de Antonio Ribeiro, Gerente da empresa EBSCO, do Rio de Janeiro. O palestrante representa importantes editoras internacionais e, por isso, mostrou aos participantes algumas opções de e-books que o mercado está disponibilizando para as instituições.

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós Graduação ministra palestra para Turma do CEGSP A Universidade Estadual do Piauí por meio de uma parceria com a Policia Militar do Piauí (PM/PI) promoveu, no Auditório do Quartel do Comando Geral da PM-PI, uma palestra sobre “A Importância da Ciência e da Tecnologia na Contemporaneidade”, ministrada pelo Professor e Pró-Reitor de Pesquisa e Pós Graduação da UESPI, Dr. Geraldo Eduardo da Luiz Junior. A palestra aconteceu na solenidade de abertura do 6º Curso de Especialização em Segurança Pública (CEGSP) e contou com a participação de 30 Capitães da Corporação oriundos da capital e do interior.


ASCOM UESPI


Boletim Uespi 5