Issuu on Google+

Cleide Riva Campelo Sorocaba, Fev./Marรงo 2012 Oficina Cultural Grande Otelo


Iroko i s贸!


Sem Natureza, Não Há Corpo: A Vida Em Rede • Toque Irôko – Odum Orím – Grupo Ofá • Os deuses (sonho dos homens), a natureza (sonho da vida), a vida (sonho dos deuses): 3 lados da mesma moeda.


Iroko, o Tempo


Sons do Vento Primordial – Odum Orím; grupo Ofá


Para quem tem a “bença” do dono da gameleira branca • Paulo Cesar Pinheiro: Gameleira Branca, com Gloria Bonfim


sagrada madeira da vida que abriga nossos corpos


Preceito de João de Camargo: reverência às raízes • “para quem tem licença, a porteira do mundo nunca tranca; • Para quem tem a ‘bença’ do dono da gameleira branca.” (Paulo César Pinheiro) • Iroko = Chlorophora excelsa (África)= gameleira branca (Brasil) • Iroko: cultuado no Brasil pela nação Ketu; e, como “Loko” pela nação Jeje. Corresponde ao “Nhisi Tempo” na Angola/Congo.


Herança da Terra • Na cosmologia tupi, os deuses do tempo estão circunscritos na celebração dos ritos (portanto, o tempo circular, mítico) e • No tempo do corpo (portanto, o deus do tempo presente) • Defendo, como pesquisadora das culturas, a preservação de nossa peculiar noção do tempo como a de um “sítio histórico”. • O jeito brasileiro de lidar com o tempo é uma manifestação da alma tupi e deve ser preservado.


Tempo brasileiro


Herança Européia • Chronos = o Tempo • Cronos = filho de Urano, cortou fora os testículos do pai, inaugurando a segunda geração dos deuses .Para não ser destronado, devora os próprios filhos. Seu filho Zeus, entretanto, escapa, e mais tarde faz com que Cronos vomite os filhos engolidos e com o auxílio de um deles acorrenta o pai, mutila-o e inaugura a terceira geração dos deuses. • Assim: Urano seria o caos que antecede a criação, a efervescência . Cronos é o que corta, divide; é tempo regulador, que inibe toda criação, não permite a evolução da vida: é o cotidiano sempre igual, que nunca avança, tempo simétrico. E Zeus, representa o novo começo, a partir da ordem, é o tempo evolutivo. É o tempo do entendimento, tempo da semiose. É o tempo da criação em que buscamos viver nossos sonhos.


Tempo Europeu


Tempo Europeu


Tempo Europeu


Tempo Europeu


Chronos , de Ron Fricke • Reflexões sobre o tempo: facebook, corpos em rede • Filme de Ron Fricke • Experimentações corporais sobre o tempo


Corpos em Rede - Oficina n.1