Page 1

CIDADES Funcionårio de empresa de engenharia tem a cabeça esmagada por viga de ferro 11 EXEMPLAR DO ASSINANTE

QUINTA-FEIRA

MACEIĂ“ - ALAGOAS - 5 de janeiro de 2012 - NÂş 1336 - R$ 1,50

ASSESSORIA

tribunahoje.com

Ferro nega plano para matar Dudu Hollanda e MaurĂ­cio Tavares O deputado CĂ­cero Ferro (PMN) negou ontem, por meio de seu advogado, Welton Roberto, ter elaborado plano para assassinar os deputados Dudu Hollanda

(PSD) e MaurĂ­cio Tavares (PTB), e convocou a imprensa para uma coletiva hoje pela manhĂŁ para reafirmar sua versĂŁo. Ferro, segundo informou a PolĂ­cia Federal

de Pernambuco Ă PolĂ­cia Federal alagoana, teria tramado as mortes dos dois parlamentares, que seriam cometidas por policiais militares. A assessoria da PF/AL

comunicou ontem que não se pronunciarå sobre o caso. A Polícia Civil, que estaria investigando o atentado, tambÊm não prestou ontem nenhuma informação. 00 SANDRO LIMA

FUNCIONĂ RIOS da Eletrobras cortaram luz de prefeituras

COMBATE AO CALOTE

Eletrobras anuncia que cortou fornecimento de energia de 6 prefeituras A Eletrobras anunciou ontem ter cortado o fornecimento de energia elĂŠtrica de seis prefeituras alagoanas que devem mais de R$ 7 milhĂľes e de grandes hospitais privados e de companhias de abastecimento de ĂĄgua - estes com dĂ­vida de R$

17 milhĂľes. Os nomes das prefeituras e demais atingidos nĂŁo foram divulgados. O gerente do departamento comercial da EletrobrĂĄs, Edson Lima, disse que autuarĂĄ tambĂŠm outras companhias de ĂĄguas, do Estado e de municĂ­pios. 00

ALTA TEMPORADA

HotÊis de Maceió estarão 100% ocupados atÊ o dia 21 A temporada de cruzeiros marítimos foi aberta ontem pela manhã com a chegada do MSC Música ao Porto de Jaraguå, com milhares de turistas. Vinda de Recife, a embarcação deixou Maceió às 16h, UXPRD6DOYDGRU$WpR¿QDOGDWHPSRUDGDHVWmRSUHYLVWRVQDYLRVHPFKHJDGDV$LQGDRQWHPD Prefeitura de Maceió e a Associação Brasileira da Indústria de HotÊis (Abih) informaram que atÊ o dia GHVWHPrVWRGRVRVKRWpLVGDFDSLWDO0DFHLyHVWDUmRFRPGHRFXSDomR. 3iJVH

ASSESSORIA / PMM

NĂƒO DIVULGADO

Arcebispo nĂŁo sabia da expulsĂŁo dos trĂŞs padres O arcebispo metropolitano de MaceiĂł, dom Antonio Muniz, disse ontem que sĂł ÂżFRXVDEHQGRGDH[SXOVmR dos monsenhores Luiz Marques e Raimundo Gomes e do padre Edilson Duarte dos quadros da Igreja por meio da Tribuna Independente. A H[SXOVmRGRVWUrVUHOLJLRVRV teve grande repercussĂŁo em Arapiraca e no paĂ­s. PĂĄg. 9

ALMEIDA assinou portarias de efetivação de agentes nas presenças de dirigentes sindicais

SĂƒO PAULO

CASO ERIC

MACEIĂ“

Lula começa agora sessão de radioterapia

Caseiro confessa ter escondido a arma de Judarley

CĂ­cero Almeida efetiva 388 agentes de saĂşde

2H[SUHVLGHQWH/XODLQLFLRX ontem no Hospital Sírio LibaQrVHP6mR3DXORVHVV}HV de radioterapia e uma sessão complementar de quimioterapia para combater o câncer de laringe diagnosticado em outuEURGRDQRSDVVDGR(OH¿FRX seis horas internado. Påg. 7

JoĂŁo Alfredo, caseiro de Judarley Oliveira, que ĂŠ acusado de matar o modelo Eric Ferraz na noite de rĂŠveillon, foi preso ontem com uma pistola que pode ser a do crime. Ele confessou na delegacia que guardou a arma a pedido de Judarley. PĂĄg. 00

O prefeito CĂ­cero Almeida assinou ontem as portarias que efetivam 339 agentes de combate Ă s edemias e 49 agentes comunitĂĄrios de saĂşde nos quadros da Secretaria Municipal de SaĂşde. A medida atendeu Ă  Emenda Constitucional 51/2006, que

LULA conversa com o mĂŠdico apĂłs a sessĂŁo de radioterapia TEMPO Bom a parcialmente nublado com possiblidades de chuvas em ĂĄreas isoladas

MĂ­nima

20Âş

MĂĄxima

30Âş

MarĂŠs

00:56 07:13 13:17 19:39

1.7 0.6 1.7 0.5

FINANÇAS DÓLAR COMERCIAL R$ 1,82 R$ 1,82 DOLAR PARALELO R$ 1,88 R$ 1,99 OURO: R$ 94,95 POUPANÇA: 0,5315%

regulariza a situação desses trabalhadores desde que tenham sido contratados antes de sua promulgação e enfrentado concurso pĂşblico. “A SaĂşde de MaceiĂł vive novo momentoâ€?, disse o presidente do Sindicato da categoria, Fernando Cândido. 00

WELTON ROBERTO

‘Vereadores de Pilar continuam com mandatos’ O advogado Welton Roberto garantiu ontem que os vereadores de Pilar, que foram alvo da Operação Pesca Bagre, da PolĂ­cia Federal, continuam WRGRVH[HUFHQGRQRUPDOPHQte seus mandatos, porque nĂŁo houve decisĂŁo judicial transitada em julgado. PĂĄg. 4


TribunaIndependente

2 POLĂ?TICA 0$&(,Ă?48,17$)(,5$'(-$1(,52'(

PolĂ­tica

MinistÊrio Público de Contas ainda analisa critÊrios para posse de vaga &DVRDYDJDGHFRQVHOKHLURGR7ULEXQDOGH&RQWDVGR(VWDGR¿TXHFRPR MinistÊrio Público de Contas, ainda são estudados os critÊrios de indicação, PDVSRUFRQWDGDTXHVWmRGDLGDGHDYDJDSRGHDFDEDU¿FDQGRFRPR SURFXUDGRU*XVWDYR+HQULTXH³2VGHPDLVPHPEURVDWXDOPHQWHQmR SUHHQFKHPHVWHFULWpULRGDLGDGH´FRORFRXRSURFXUDGRUFKHIHGR0LQLVWpULR Público de Contas, Ricardo SchneiderHPHQWUHYLVWDjTribuna Independente

Em fevereiro, BulhĂľes se aposenta

$SRVHQWDGRULDGHH[SUHVLGHQWHGR7ULEXQDOGH&RQWDVTXHGHYHDFRQWHFHUGLDDEUHGLVSXWDSRUYDJDQRSOHQR LUIS VILAR REPĂ“RTER

O

ex-presidente e conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas, Isnaldo Bulhþes, deve se aposentar no próximo mês de fevereiro. Ele deixa o cargo pela aposentadoria FRPSXOVyULD ÀFDQGR QR SOHno atÊ o limite måximo permitido por lei. Com sua saída, abre-se vaga para mais um conselheiro, o que deve iniciar mais uma briga de bastidores entre a Assembleia Legislativa do Estado e o

MinistÊrio Público de Contas, que evoca para si o direito de compor a corte do Tribunal. Na Assembleia, um dos deputados estaduais que sonha com o posto de conselheiro Ê o presidente da Casa de Tavares Bastos, Fernando Toledo (PSDB). Toledo jå tentou ocupar a vaga na legislatura passada, quando a disputa foi com os auditores do Tribunal de Contas do Estado. Toledo – em conjunto com deputados aliados – chegaram a aprovar uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que permi-

tiria ao governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) indicar qualquer nome para a composição do pleno. O presidente do parlamento estadual sofreu derrota na Justiça e acabou não alcançando a vaga. Antes mesmo disso, Toledo jå havia tentado chegar por meio dos bastidores políticos – conforme informaçþes de fontes – mas na Êpoca não teve correlação de forças, e a Assembleia acabou indicando como conselheiros Rosa Albuquerque, Cícero AmÊlio e Maria Cleide, a Clåudia Brandão.

$548,92

Os dois últimos citados são ex-deputados. Com a aposentadoria de Bulhþes abre uma nova chance, mas tão difícil para Toledo quanto as outras. Nos bastidores políticos tambÊm se cogita a possibilidade de Isnaldo Bulhþes -~QLRU 3'7  ² TXH p ÀOKR do conselheiro Isnaldo Bulhþes – entrar na disputa. O ex-presidente do TC entrou com o pedido de aposentadoria no início deste mês e deve ser aposentado no próximo dia 16 de fevereiro compulsoriamente.

CRITÉRIOS LEGAIS

MP de Contas reivindica indicação de vaga Com a aposentadoria de Bulhþes, os bastidores fervilham e se movimentam para YHU FRP TXHP ÀFD D YDJD deixada pelo ex-presidente. PorÊm, distante dos bastidores, quem busca a vaga – com base em critÊrios legais – Ê o MinistÊrio Público de &RQWDV FRPR FRQÀUPD VHX procurador-chefe, Ricardo Schneider.

O procurador explicou que houve uma discussĂŁo dentro do prĂłprio MinistĂŠrio PĂşblico de Contas que – com base nos critĂŠrios estabelecidos por lei – se chegou Ă conclusĂŁo de que a vaga seria de um dos nomes do MP. “NĂłs estudamos o caso e tomaremos todas as medidas para que a vaga de conselheiro seja nossaâ€?, salien-

tou Schneider. Caso a ALE entre na disputa, o que se terå Ê algo próximo do que ocorreu na última renovação de composição do pleno. O fato de o Tribunal de Contas ser composto – em grande parte – por ex-deputados estaduais H VRIUHU IRUWH LQà XrQFLD GD Assembleia Legislativa para a indicação de conselheiros

foi o que lhe rendeu críticas de setores da imprensa – por exemplo – em 2007, quando IRL GHà DJUDGD D 2SHUDomR Taturana. Dois dos atuais conselheiros – Clåudia Brandão e Cícero AmÊlio – foram indicados pelo parlamento estadual, mesmo estando indiciados no inquÊrito da Polícia Federal. (L.V.)

AMPCON

Associação entra com mandado de segurança Um passo importante dado pelo MP de Contas – por meio da Associação Nacional do MinistĂŠrio PĂşblico de Contas (Ampcon) – foi ter dado entrada com um mandado de segurança junto ao Poder JudiciĂĄrio, tendo como impetrado o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas, Fernando Toledo; o presidente do Tribunal de Contas de Alagoas, Luiz EustĂĄquio Toledo e o prĂłprio governador Teotonio Vilela Filho (PSDB). A Associação pede que – em carĂĄter liminar – que as autoridades co-autoras (ou seja, Assembleia, Governo e Tribunal) “abstenham-se de iniciar, dar andamento, ou Ă€QDOL]DURSURFHVVRGHLQYHVtidura no cargo de conselheiro do Tribunal de Contas de Alagoas de pessoa estranha Ă carreira de procurador do MinistĂŠrio PĂşblico Especial, bem como que obrigue o Tribunal de Contas a enviar a lista composta por membros do MinistĂŠrio PĂşblico, para a escolha da vagaâ€?, coloca o

documento. No pedido da Ampcon ainda hĂĄ uma citação direta Ă aposentadoria de Isnaldo %XOK}HV FRQĂ€UPDQGR TXH ela deve ocorrer atĂŠ o dia 16 de fevereiro, como citado. “O conselheiro aposentar-se-ĂĄ compulsoriamente, fato que ensejarĂĄ o surgimento de uma vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do EstaGRGH$ODJRDVÂľFRQĂ€UPD2 mandado foi encaminhado durante o recesso do Tribunal de Justiça do Estado, como nĂŁo ĂŠ matĂŠria de urgĂŞncia ainda nĂŁo se teve a decisĂŁo, como explicou Schneider. “AtĂŠ onde sei, nĂŁo foi apreciada ainda. Deve seguir o trâmite normal de distribuição, pelo Tribunal entender que nĂŁo ĂŠ uma questĂŁo de urgĂŞnciaâ€?, frisou. Com o retorno do JudiciĂĄrio, a ação deve ser apreciada e SRGH Mi VLJQLĂ€FDU XPD LPportante vitĂłria do MP de Contas na garantia da vaga de conselheiro. Fernando Toledo nĂŁo foi encontrado para comentar ação. (L.V.)

$548,92

Mandado de segurança tem como impetrado Fernando Toledo

Isnaldo Bulhþes conclui sua função no TC e disputa se inicia

MACEIĂ“

Almeida assina portarias nomeando agentes de saĂşde O prefeito CĂ­cero Almeida (PP) assinou, na manhĂŁ da quarta-feira (4), as portarias de nomeação de 49 novos agentes comunitĂĄrios de saĂşde e 339 agentes de combate Ă s endemias para o quadro da Secretaria Municipal de SaĂşde (SMS). A puEOLFDomRVDLQR'LiULR2Ă€FLDO desta quinta-feira (5). Para o prefeito, a nomeDomR GHVVHV SURĂ€VVLRQDLV trazendo-os para o quadro efetivo da prefeitura, ĂŠ de fundamental importância para o trabalho que ĂŠ desenvolvido na ĂĄrea da saĂşde em MaceiĂł. “Sabemos da luta e dedicação que estes agentes de saĂşde travaram para chegar a este momento. Agora, MaceiĂł passa a contar em seu quadro com SURĂ€VVLRQDLV H[SHULHQWHV gabaritados e, principalmente, que vestem a camisa da saĂşde com muito amorâ€?, disse Almeida. A nomeação atende Ă  determinação da Emenda Constitucional 51/2006, que regulariza a situação dos agentes comunitĂĄrios

de saĂşde e dos agentes de combate Ă s endemias contratados antes da sua promulgação, sem concurso pĂşblico, desde que tenham enfrentado processo de seleção pĂşblica. O presidente do Sindicato dos Agentes ComunitĂĄrios de SaĂşde (Sindacs/ AL), Fernando Cândido, reconheceu a importância da nomeação para a categoria e enalteceu o empenho do prefeito CĂ­cero Almeida para que o valor dos agentes de saĂşde fosse reconhecido. “O prefeito CĂ­cero Almeida sabe do trabalho incansĂĄvel e dedicado que os agentes de saĂşde realizam em MaceiĂł. A saĂşde em MaceiĂł vive um novo momento e esta ĂŠ mais uma vitĂłria alcançada por esta adminisWUDomRÂľDĂ€UPRX Na avaliação do secretĂĄrio municipal de SaĂşde, Adeilson Loureiro, alĂŠm de trazer um ganho para a categoria, a efetivação dos agentes de saĂşde vai representar uma economia para os cofres pĂşblicos.

AGENTES

6HFUHWiULRGL]TXHQRPHDo}HVEHQHĂ€FLDPRPDFHLRHQVH Para o secretĂĄrio municipal de SaĂşde, Adeilson Loureiro, “esta ĂŠ uma ação em que todas as partes envolviGDVVDHPEHQHĂ€FLDGDVSULQcipalmente a população de MaceiĂł, que conta com um TXDGUR GH SURĂ€VVLRQDLV GH VD~GH VXSHUTXDOLĂ€FDGRVÂľ disse. Ainda durante a assinatura da portaria, o presidente do sindicato da categoria,

Fernando Cândido, relatou que representa tal conquisWD SDUD RV SURĂ€VVLRQDLV GH saĂşde, apĂłs uma luta de quatro anos. “Estamos iniciando o ano com a garantia de dias melhores para toda a categoria. Desde 2007, vĂ­amos lutando por esta conquista e agora, ao vĂŞ-la se concretizar, temos um sentimento confortante de dever cumpridoâ€? –

disse. Fernando Cândido ainda agradeceu o apoio de “todos que tornaram possĂ­vel esse sonhoâ€?. “Gostaria de, em nome de todos os agentes de saĂşde, agradecer ao vereador Galba Novaes [PRB], que sempre esteve presente, desde o inĂ­cio, nos apoiando e intervindo a nosso favor. TambĂŠm agradeço ao prefeito

CĂ­cero Almeida, que tomou essa importante decisĂŁo de nos efetivar, baseado na emenda constitucional de nÂş 51â€?, completou o presidente do Sindicato dos Agentes de SaĂşde, Fernando Cândido. O vereador Galba Novaes tambĂŠm agradeceu ao prefeito CĂ­cero Almeida pelo empenho e dedicação Ă causa do segmento. “Tenho acompanhado

toda a batalha desta categoULDHÀFRPXLWRIHOL]SRUYHU que, mais uma vez, o chefe do Executivo municipal cumpre seu dever. Este Ê o GHYHU GH WRGD ÀJXUD SROtWLca: retribuir as expectativas HFRQÀDQoDTXHIRUDPGHSRsitadas em nós, quando nos elegemos�, destacou o presidente do Legislativo municipal. AlÊm das autoridades ci-

tadas na matÊria, como Galba Novaes e Cícero Almeida, ainda estiverem presentes na assinatura das nomeaçþes a vereadora Fåtima Santiago; os secretårios municipais do Trabalho, Abastecimento e Economia Solidåria, Arnóbio Cavalcanti; da Saúde, Adeilson Loureiro; de Comunicação, Marcelo Firmino; e de Governo, Pedro Alves.


TribunaIndependente

Cotidiano LININHO NOVAIS - contato@lininho.com

Tribunal da inquisição?!

A

Igreja CatĂłlica aguardou apenas o veredicto da Justiça VREUHRFDVRGHSHGRĂ€OLDHQYROYHQGRRVSDGUHVQDFLGDGH GH$UDSLUDFDSDUDWDPEpPHPLWLURSDUHFHUĂ€QDOQR processo disciplinar. Sem direito ao tĂŁo pregado “PerdĂŁoâ€? os padres envolvidos foram expulsos, apĂłs longos anos de serviços sacerdotais prestados Ă â€œSanta Madre, a Igrejaâ€?; deixam suas batinas apĂłs um escândalo que nem parecia tĂŁo escandaloso, para quem conhece de fato a histĂłria e as verdades (res)guardadas entre as paredes santas.

Pediu para sair

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012 POLĂ?TICA

Advogado nĂŁo crĂŞ em plano para matar deputados Welton Roberto, advogado do deputado CĂ­cero Ferro, nega envolvimento de seu cliente em trama de morte NIGEL SANTANA REPĂ“RTER

A saída de Pinto de Luna da SMTT jå era prevista, porÊm o que muitos não acreditavam era que fosse tão råpida. Luna deixa a superintendência sem muitas novidades, o caos no trânsito de Maceió continua o mesmo, as velhas sucatas que chamamos de transporte público não mudaram, e com isso foi apenas uma passagem sem muito brilho.

P

Complicou Continua a quebra de braço entre o deputado JHC e a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, e pelo visto muita coisa vai acontecer. Agora -+&YDLGDUSXEOLFLGDGHjIROKDGHSDJDPHQWRGDVJUDWL¿FDo}HVHVSHFLais, com direito a nome e sobrenome e valores. Preparem a tarja preta!

No futuro Vereador por MaceiĂł, o pastor JoĂŁo Luiz tem pensado em desistir da politica e dedicar-se integralmente aos projetos religiosos. Mas segundo HOHFRQÂżGHQFLRXGHVVHDVVXQWRVyWUDWDUiHPSRUTXHHVVHDQRD campanha jĂĄ estĂĄ na rua.

oliciais militares, pistoleiros a caminho de Maceió, execução dois deputados estaduais - Dudu Hollanda (PSD) e Maurício Tavares (PTB), justamente na virada de ano. Tudo isso Ê um resumo de uma suposta trama criada, tambÊm supostamente, pelo do deputado Cícero Ferro (PMN), suplente da coligação, e consequentemente sem imunidade parlamentar. O maquiavÊlico plano teria sido desarticulado pela Polícia Federal de Recife e FRQÀUPDGDSHOD6XSHULQWHQdência em Alagoas. Mesmo assim, ninguÊm sabe onde

estĂŁo detidos os ‘jagunços’ que estariam em dois veĂ­culos. A notĂ­cia do suposto assassinato dos parlamentares causou reboliço na sociedade e na segurança pĂşblica, ao ponto de uma reuniĂŁo ter sido agendada no dia 30 de dezembro com Dudu Hollanda e Raimundo Tavares, irmĂŁo de MaurĂ­cio. Ă€ imprensa, o delegado-geral da PolĂ­cia Civil, JosĂŠ Edson )UHLWDVFRQĂ€UPRXTXHD3RlĂ­cia Federal havia lhe repassado a denĂşncia, e que por bem, achou melhor avisar aos deputados, e ainda disponibilizar segurança a eles. A delegada Ana Luiza Nogueira, Ă frente da DivisĂŁo Especial de Investiga-

çþes e Capturas (Deic), tambÊm participou da reunião, e não comentou mais o assunto. Durante a quarta-feira, o celular de Ana Luiza estava desligado. JosÊ Edson tambÊm não foi encontrado. CONTRADIÇÕES 1R ÀQDO GD WDUGH GH RQtem, o advogado de Cícero )HUUR:HOWRQ5REHUWRDÀUmou que fontes ligadas a ele na Polícia Civil souberam de informaçþes repassadas pela Superintendência da Polícia Federal de Recife, que por sua vez, não se posiciona sobre o fato. Para o advogado, um factóide foi criado para chamar atenção do Estado, porÊm, nada fora comprovado e ninguÊm apareceu preso. ARQUIVO

Boca calada Como sempre, a Policia Federal adota a postura do silĂŞncio, mesmo quando hĂĄ um caso de interesse pĂşblico a exemplo do suposto plano GHH[HFXomRGHGRLVGHSXWDGRVHVWDGXDLV$SUySULD3)TXHFRQÂżUPRX que o deputado Cicero Ferro seria o mandante, baixou uma ordem que ninguĂŠm abre a boca para dizer nada.

SerĂĄ que vai?

Ficha suja

O ex-presidente e senador FerQDQGR&ROORUQmRFRQ¿UPDPDVWHP deixado claro que poderå entrar na disputa pela Prefeitura de Maceió; se o fato se concretizar, poderå ser a surpresa dessa eleição.

Se realmente a Lei da Ficha Limpa tiver validade para as eleiçþes deste ano, o sonho de Ronaldo Lessa em voltar à vida pública como prefeito de Maceió vai se tornar um pesadelo.

Vaga do MP Com o pedido de aposentadoria do conselheiro Isnaldo Bulhþes, abre-se mais uma vaga no pleno do Tribunal de Contas. Apesar de cobiçada pelo deputado estadual Fernando Toledo, hå quem defenda que a vaga deve ¿FDUFRPXPPHPEURGR0LQLVWpULR3~EOLFRGH&RQWDVXPDGHIHVDTXHp feita pelo secretårio do gabinete civil, Alvaro Machado.

Pela imprensa O vereador tucano França Junior deixou claro sua indignação ao saber, por meio da imprensa, que o governador Teotonio Vilela visitaria a cidade de Palmeira dos Ă?ndios na manhĂŁ de ontem. França sequer foi informado e disparou: “E olhe que sou tucano!!! Seja bem-vindo, mas jĂĄ tenho compromisso pra hojeâ€?.

Cuidado: pardais JĂĄ estĂŁo instalados os novos redutores de velocidades ao longo da BR-104 no trecho de acesso a MaceiĂł, colocados em locais onde os atropelamentos sĂŁo constantes: resta saber quando terĂĄ inicio o funcionamento. A medida ĂŠ importante, mas tambĂŠm ĂŠ preciso educar os pedestres que fazem “malabarismosâ€? diante do trânsito.

Quem serĂĄ?

Por telefone

Durante caminhada pelo parque Ceci Cunha, o prefeito Luciano BarERVDFRQÂżUPRXSDUDRÂżQDOGHVWH mĂŞs o anĂşncio de quem serĂĄ o seu candidato a prefeito de Arapiraca. Grande ĂŠ a expectativa para conhecer o nome de quem terĂĄ o apoio de Barbosa.

Tentaram de todo modo uma aproximação entre RogÊrio 7HR¿ORH$OYHV&RUUHLDSDUDXP consenso na disputa pela prefeitura de Arapiraca, mesmo sem bons resultados, os postulantes deverão seguir em caminhos separados.

‡2GHSXWDGRHVWDGXDO-RmR+HQULTXH&DOGDVPDUFRXSDUDKRMHjVK na sede do MinistĂŠrio PĂşblico, o depoimento que irĂĄ explicar as denĂşncias sobre o pagamento de vantagens supostamente indevidas aos servidores da Assembleia Legislativa. ‡$FRPLVVmRHVSHFLDOGHVLJQDGDSHORSURFXUDGRUJHUDOGH-XVWLoD(Guardo Tavares, para coordenar o desenvolvimento do concurso para promotores de Justiça do MinistĂŠrio PĂşblico Estadual se reĂşne na prĂłxima VHJXQGDIHLUD  jVKSDUDGHÂżQLUDOJXQVGHWDOKHVFRPRDVHOHomRGD empresa que pretende elaborar edital e provas, bem como decidir datas do certame. ‡(VWDUmRDEHUWDVHPGHMDQHLURGHDVLQVFULo}HVGHFDQGLGDWRV a bolsas de estudos em instituiçþes particulares por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni) do MinistĂŠrio da Educação. O perĂ­odo VHHVWHQGHUiDSHQDVDWpRGLD ‡$(VFROD6XSHULRUGH$GYRFDFLD (6$ GD2UGHPGRV$GYRJDGRVGR Brasil em Alagoas (OAB/AL) abriu inscriçþes para o Curso de FĂŠrias Direito Civil: Recentes Alteraçþes e TendĂŞncias Atuais, que acontecerĂĄ HQWUHGHMDQHLURHGHIHYHUHLURGHVHPSUHjVK

‡2MRUQDOLVWD)OiYLR*RPHVGH%DUURVHVWiGHOLFHQoDGXUDQWHRPrV de janeiro.

Deputado CĂ­cero Ferro exigiu, por meio de seu advogado, provas de envolvimento em plano

PLANO

Em coletiva, Cícero Ferro deve esclarecer envolvimento em caso O silêncio do deputado Cícero Ferro (PMN) chegou a incomodar. Uma grave denúncia estava espalhada em todo o Estado e o parlamentar em absoluta reclusão. À tarde, o advogado Welton Roberto publicou em seu Twitter que Ferro daria uma entrevista coletiva a partir das 10h, desta quinta-feira, 5, na Assembleia. Antes do pronunciamenWRRÀFLDORDGYRJDGRJDUDQWLXTXH)HUURÀFRXVXUSUHVR com as acusaçþes que lhe

foram imputadas. “O depuWDGRIH]TXHVWmRGHĂ€FDUGLVponĂ­vel a todos os questionamentos da PolĂ­cia Civil, que estĂĄ Ă frente desse caso. No entanto, os indĂ­cios desse suposto crime que seria cometido nĂŁo estĂŁo na PC. Tudo foi repassado pela PolĂ­cia Federal de Recife, que agora se nega a detalhar os fatosâ€?, critica Welton. SĂƒO MEUS AMIGOS! O advogado, em entrevista Ă  Tribuna Independente, argumentou que

seria um disparate cometer esse crime contra dois parlamentares que ele conhece hĂĄ mais de 30 anos. Em termos de amizade com MaurĂ­cio Tavares, CĂ­cero Ferro tem conhecimento hĂĄ 20 anos, e seus mandatos na Assembleia Legislativa tiveram a companhia dele. Com Dudu Hollanda, Ferro conhece toda a sua famĂ­lia e jĂĄ chegou a dizer no parlamento alagoano que dividiu dias de trabalho com seu pai, AntĂ´nio Hollanda. (N.S)

BARRA

SILĂŠNCIO

O candidato a prefeito da Barra de São Miguel, JosÊ Medeiros Nicolau, o Zezeco, foi colocado na lista de políticos que seriam executados supostamente a mando do deputado estadual Cícero Ferro (PMN). Assim que soube da trama, na noite de terça-feira (3), Zezeco disse que entrou em contato com a Secretaria de Defesa Social, e as informaçþes que lhe foram repassadas não indicam que ele seria um dos alvos dos policiais militares supostamente contratados pelo deputado.

O presidente da Assembleia Legislativa, Fernando Toledo (PSDB), estava sendo aguardado pela imprensa a se pronunciar sobre mais um suposto caso envolvendo aquele Poder. As ameaças aos deputados Hollanda e Tavares não foram comentadas por Toledo, que em fÊrias, parece estar incomunicåvel. Sempre que tentamos entrar em contato com o presidente da ALE, seu celular estå desligado. Durante coletiva que serå dada por Cícero Ferro, a presença de Toledo Ê aguardada.

Candidato a prefeito tambĂŠm era alvo

Fernando Toledo nĂŁo se pronunciou

3

DĂšVIDA

Nem Hollanda acredita em trama de morte Paulatinamente novos rumos foram dados a mais uma histĂłria que poderia acabar em tragĂŠdia em Alagoas. De licença mĂŠdica por quatro meses, o deputado estadual Dudu Hollanda (PSD) foi enfĂĄtico ao dizer que o delegado da PolĂ­cia Federal, Daniel Granjeiro, lhe informou sobre o plano de execução, do qual ele seria a vĂ­tima. “Eu acredito no que me foi repassado pelo delegado da PolĂ­cia Federal, Daniel Granjeiro, que ĂŠ um homem sĂŠrio. O delegado me contou do plano, supostamente armado pelo deputado CĂ­cero Ferroâ€?, ressaltou Dudu Ă reportagem da Tribuna Independente. Hollanda lembrou novamente que esteve reunido com os delegados Paulo Cerqueira, secretĂĄrio-adjunto de Defesa Social, e Ana Luiza Nogueira, chefe do Deic. Tomado ciĂŞncia dos fatos, o parlamentar salientou que a versĂŁo da PC e mais a do delegado da PolĂ­cia Federal nĂŁo deveriam, em alguma hipĂłtese, ser deixada de lado. “Estive atento a tudo e estou convivendo agora com essa situação. Por outro lado, eu nĂŁo quero acreditar que Ferro estaria por trĂĄs dessa trama. O deputado atuou na Assembleia Legislativa com meu pai e com meu irmĂŁo. Esse ano ele estĂĄ no mesmo mandato que o meu e essa notĂ­cia surpreende a todosâ€?, pontua. A PF, como jĂĄ ĂŠ de praxe, adotou a postura do silĂŞncio. Nenhum delegado fala nada, a assessoria pouco comenta e apenas uma nota reforçando que nada sairia daquela instituição foi encaminhada Ă  imprensa na tarde de ontem. A ordem ĂŠ do superintendente em exercĂ­cio, JoĂŁo Baptista. TAVARES De fĂŠrias em Portugal, o deputado MaurĂ­cio Tavares sequer emitiu uma nota comentando as supostas ameaças de morte contra a sua pessoa. Em contato com o gabinete do parlamentar, a reportagem recebeu a notĂ­cia de que tudo poderia ser esclarecido quando Tavares retornasse de Portugal, ainda esta semana. Raimundo Tavares se reportou aos meios de comunicação: “Meu irmĂŁo nĂŁo irĂĄ mudar a rotina. Ele estĂĄ viajando, e particularmente eu nĂŁo acredito nessa denĂşncia. É preciso continuar acompanhando o desenrolar dos fatos, mas reitero que o deputado CĂ­cero Ferro nĂŁo faria XPDFRLVDGHVVDVÂľFRQĂ€RX Raimundo Tavares e Dudu Hollanda se encaminharam Ă  residĂŞncia do deputado Marcelo Victor (PTB), onde conversaram sobre as ameaças de morte que MaurĂ­cio e Hollanda estariam sofrendo. Ficou acordado que Victor levaria o caso ao conhecimento do presidente, deputado Fernando Toledo (PSDB). (N.S)


TribunaIndependente

4 POLĂ?TICA MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

BARTOLOMEU DRESCH bartolomeu_dresch@hotmail.com.br

Reservas internacionais

O

%UDVLOIHFKRXFRPXPYROXPHUHFRUGHQDVUHVHUYDV internacionais. De acordo com o Banco Central, as reservas EUDVLOHLUDVDWLQJLUDP86ELOK}HVRX86 ELOK}HVDPDLVTXHHPTXDQGRHODVDWLQJLUDP86 ELOK}HV2DXPHQWRFRUUHVSRQGHDHpDWULEXtGRSULQFLSDOmente ĂĄs compras do BC no mercado Ă vista de câmbio para conter DGHVYDORUL]DomRGRGyODU$VPDLRUHVFRPSUDVDFRQWHFHUDPDLQGD no primeiro semestre quando a entrada de dĂłlares no mercado LQWHUQRIRUoRXR%DQFRDID]HULQWHUYHQo}HVGLiULDV1RFRPXQLFDGR GLYXOJDGRSHOR%DQFR&HQWUDO´RGyODUDWLQJLXVXDFRWDomRPtQLPD QRDQRQRGLDGHMXOKRFKHJDQGRDYDOHU5ID]HQGRFRP TXHRJRYHUQREDL[DVVHQRPHVPRGLDD0HGLGD3URYLVyULD TXHDXWRUL]DYDR&RQVHOKR0RQHWiULR1DFLRQDO &01 DHVWDEHOHFHUFRQGLo}HVHVSHFtĂ€FDV'HQWUHHODVDFREUDQoDGHDWpGR YDORUGDRSHUDomRFRPWtWXORVRXYDORUHVPRELOLiULRVTXHHQYROYD GHULYDWLYRVGHRXWURVDWLYRVĂ€QDQFHLURVÂľ$UHGXomRGD6HOLFUHSULVDGDQDVGXDVUHXQL}HVVHJXLQWHVGR&RPLWrGH3ROtWLFD0RQHWiULD &RSRP Ir]FRPTXHDWD[DEiVLFDGHMXURVIHFKDVVHRDQRHP $PXGDQoDGDSROtWLFDPRQHWiULDHRDXPHQWRGDWD[DomRGDVRSHUDo}HVH[WHUQDVĂ€]HUDPFRPTXHDFRWDomRGRGyODUVHUHFXSHUDVVH possibilitando ao BC abandonar as intervençþes diĂĄrias no mercado de câmbio.

Chicão no clåssico Elevado ao primeiro time de årbitros da FIFA no Brasil, o alagoano Francisco Carlos Nascimento, Chicão, deve apitar o clåssico entre CRB e CSA, dia 14, na primeira rodada do campeonato alagoano de 2012. Chicão entra em campo jå ostentando a logomarca da FIFA no uniforme. AlÊm dele, tambÊm compþem o novo quadro de årbitros brasileiros da entidade: PÊricles Cortez, Marcelo Henrique, Heber Roberto Lopes, Ricardo Marques Ribeiro, Paulo CÊsar Oliveira, Sandro Meira Ricci, Evandro RogÊrio Roman, Wilson Luiz Seneme e Leandro Vuaden. Durante o período de aspirante ao quadro da FIFA, Chicão foi sistematicamente avaliado em suas atuaçþes, participou de cursos diversos atÊ alcançar seu objetivo. A partir de agora o alagoano esta credenciado a apitar competiçþes sulamericanas e dependendo do desempenho chegar a comandar jogos internacionais.

Recorde turĂ­stico O Museu do Louvre em Paris foi visitado em 2011 por 8,8 milhĂľes de SHVVRDVFRQÂżUPDQGRRSULPHLUROXJDUGDSUHIHUrQFLDPXQGLDO+RXYH uma alta de 5% em relação ao ano anterior, e ela ĂŠ atribuĂ­da ĂĄ visitação estrangeira (66%), especialmente dos Estados Unidos e do Brasil. Depois aparecem os turistas da ItĂĄlia, AustrĂĄlia, China, Espanha, Alemanha e RĂşssia. Outro motivo que estimulou o recorde foram as exposiçþes paralelas do Museu que atraĂ­ram 510 mil pessoas, como “Rembrandt e a ÂżJXUDGR&ULVWR´HÂł1R5HLQRGH$OH[DQGUHR*UDQGH´2XWURVORFDLVPDLV visitados na França foram o castelo de Versailhes (6 milhĂľes de visitantes), o Centro Pompidou (3,6 milhĂľes), o Museu D’Orsay (2,9 milhĂľes) e o museu do Quai Branly (1,3 milhĂŁo).

Açþes de segurança TÊcnicos do MinistÊrio da Justiça, liderados pela secretåria Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, chegam hoje a Alagoas para participar de um estudo estratÊgico de combate å violência em Alagoas. Serão dois dias de debates com tÊcnicos alagoanos na elaboração de açþes para UHGXomRHVSHFLDOPHQWHGRWUi¿FRGHGURJDVHGRQXPHURGHKRPLFtGLRV A vinda do grupo do MinistÊrio da Justiça foi acertada ainda em 2011, quando foi estabelecido um compromisso entre todas as esferas de governo (federal, estadual e municipal) para desenvolver políticas públicas de FRPEDWHjFULPLQDOLGDGH

SacrifĂ­cio humano

Redução da dengue

Dois homens foram presos pela polícia do distrito de Bijapur, na região de Chattisgarh, (zona central da India) acusados de terem degolado e extraído o fígado de uma menina de sete anos, para oferecê-lo aos deuses em troca de uma boa colheita. Os criminosos eram tios da criança. Na região onde aconteceu o assassinato a população acredita que para obter uma boa colheita pQHFHVViULRVDFUL¿FDUXPDQLPDO (frango ou cordeiro) a cada ano, e de uma menina jovem a cada doze anos. Em åreas tribais da India não são raros os sacrifícios humanos e os linchamentos de mulheres acusadas de bruxaria, mesmo com as campanhas do governo para acabar com tais pråticas.

Alagoas fechou o ano de 2011 com uma redução de 80% nos casos de dengue em relação a 2010, segundo o último Boletim Epidemiológico do ano divulgado pela Secretaria de Saúde. Em 2010 foram registrados 54.200 casos, contra 10.647 YHUL¿FDGRVHP8PGDGRTXH UHÀHWHEHPHVWDGUiVWLFDUHGXomR estå nas últimas duas semanas de Dezembro passado, quando na penúltima semana registrou-se 80 casos e na última, apenas 40 QRWL¿FDo}HV$UHGXomRIRLREWLGD graças ao trabalho desenvolvido pelo Estado em parceria com os municípios e principalmente pelo envolvimento da população, que seguiu as orientaçþes das autoridades da saúde em Alagoas.

Pesca bagre: vereadores recorrem contra decisĂŁo Para advogado, 17ÂŞ Vara Criminal nĂŁo tem competĂŞncia para atuar no caso VICTOR AVNER REPĂ“RTER

O

s vereadores de Pilar TXH IRUDP DOYRV GD Operação Pesca Bagre querem reverter a decisĂŁo da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado GH $ODJRDV 7-$/  $ GHIHVDGRVSROtWLFRVYDLLPSHWUDU um embargo de declaração QHVWD VH[WDIHLUD   SDUD recomeçar o processo judicial. A alegação ĂŠ de que a 17ÂŞ Vara Criminal da Capital nĂŁo tem competĂŞncia para julgar o caso. O problema ĂŠ que, ao reanalisar a punição dos vereadores, os desembargadores da Câmara Criminal decidiram retirar o crime de IRUPDomR GH TXDGULOKD GD FRQGHQDomR$GHFLVmRIRLSXblicada no DiĂĄrio da Justiça de ontem (4). De acordo com Welton Roberto, advogado dos vereadoUHV 3DWUtFLD 5RFKD 37GR%  e DamiĂŁo dos Santos, o Tota (PSL), a alteração na sentenoD ID] FRP TXH D Â? 9DUD Ă€TXH LPSHGLGD GH DWXDU QR FDVR ´6HP R FULPH GH IRU-

DICOM-TJ

PDomRGHTXDGULOKDQmRID] sentido a tramitação do proFHVVRQDÂ?9DUDÂľSRQWXDR GHIHQVRU Para resolver o empecilho, Welton Roberto vai impetrar um recurso na Corte alagoana. “NĂłs vamos entrar com um embargo de declaraomR QD VH[WDIHLUDÂľ DĂ€UPD o advogado, que tambĂŠm ĂŠ GHIHQVRU GRV H[YHUHDGRUHV Paulo Urbano e JosĂŠ Hosano, punidos pela Justiça. A medida pode prolongar ainda mais o andamento do processo judicial. DECISĂƒO REFORMADA $ PRGLĂ€FDomR QD GHFLVmR contra os vereadores de Pilar VH GHX HP VHVVmR UHDOL]DGD QR FRPHoR GH GH]HPEUR GR ano passado. Na ocasiĂŁo, os PDJLVWUDGRV DPHQL]DUDP as puniçþes estabelecidas SHOR MXt]R GH SULPHLUR JUDX LQFOXVLYH UHGX]LQGR SHQDV H valor das multas. Apesar das mudanças na sentença, a 17ÂŞ 9DUD&ULPLQDOIRLFRQVLGHUDda competente para julgar o FDVR$DomRIRLUHODWDGDSHOR desembargador OtĂĄvio Praxedes. Desembargador OtĂĄvio Praxedes foi o relator do processo no TJ

“EM EXERCĂ?CIOâ€?

Vereadores não tiveram mandatos cassados Ao contrårio do que tem sido divulgado, os vereadores condenados pela 17ª Vara Criminal da Capital não tiveram seus mandatos cassados. Segundo Welton Roberto, nenhum de seus clientes deixou de trabalhar na Câmara Municipal de Pilar mesmo com a decisão judicial de primeira instância. ´(OHV QmR IRUDP FDVVDGRV 7RGRV HVWmR QR H[HUFt-

FLR GR PDQGDWRÂľ GHFODUD De acordo com o advogado, os vereadores sĂł podem ser punidos apĂłs a decisĂŁo judicial transitar em julgado. “A cassação ĂŠ uma consequĂŞncia do trânsito em julgado, o TXH DLQGD QmR KRXYHÂľ SRQtua Welton Roberto. 1RHQWDQWRVHFRQĂ€UPDda a validade da Lei da Ficha Limpa, os vereadores serĂŁo impedidos de se candida-

tar nas eleiçþes de outubro. “Isso ainda vai depender da anĂĄlise do STF [Supremo 7ULEXQDO)HGHUDO@ÂľUHVVDOWD Welton Roberto. OPERAĂ‡ĂƒO 'HĂ DJUDGD HP  D 2SHUDomR 3HVFD %DJUH IRL UHDOL]DGDHPSDUFHULDGRHQtĂŁo Gecoc, hoje denominado Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime OrgaQL]DGR *DHFR  H GLYHUVRV

BARRA DE SANTO ANTÔNIO

Justiça arquiva ação da Câmara Municipal CAIO LOUREIRODICOM/TJ

Cerca de 5.000 påssaros mortos caíram sobre a cidade de Beebe, no Arkansas (EUA) no primeiro dia do ano. As aves caíram sobre casas, quintais e estradas da cidade. A causa da morte dos påssaros não foi esclarecida, mas resultados preliminares mostraram que as aves morreram por alguma razão física, jå que não houve constatação de nenhum tipo de doença. O fenômeno não Ê novidade no local. Em Janeiro de 2010 cerca de 3 mil aves morreram em circunstâncias misteriosas na mesma cidade. As próximas anålises se concentrarão em indícios químicos. Ambientalistas atribuem å morte dos påssaros aos fogos de artifício usados nas comemoraçþes da virada do ano.

SebastiĂŁo Costa Filho decidiu pelo arquivamento do processo

O Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas (TJ/AL) arquivou um mandado de segurança impetrado pela Câmara Municipal da Barra de Santo AntĂ´nio. O presidente da Casa, vereador Marcos Rios (PRTB), havia entrado com a ação para conseguir ter acesso aos recursos do duodĂŠcimo do ĂłrgĂŁo. Mas, de acordo com o desembargador SebastiĂŁo Costa Filho, o TJ/AL nĂŁo tem competĂŞncia para julgar o caso. Em sua decisĂŁo, publicada ontem (4), o magistrado MXVWLĂ€FD TXH QmR SRGH ID]HU o “julgamento de mandados de segurança contra atos de SUHIHLWRPXQLFLSDOÂľ Na decisĂŁo, Costa Filho explica que a ação deveria ser direcionada Ă primeira instância. “Considerando a incompetĂŞncia deste Tribu-

‡&LQpÂżORVEUDVLOHLURVHVWmRRWLPLVWDVFRPDVHVWUpLDVSURMHWDGDVSDUD 2012. Alguns jĂĄ com bilheteria garantida como “Batman – O Cavaleiro GDV7UHYDV5HVVXUJH´HÂł2+REELWÂą8PD-RUQDGD,QHVSHUDGD´DOpPGRV VXSHUKHUyLVÂł2V9LQJDGRUHV´HÂł2(VSHWDFXODU+RPHP$UDQKD´

SEM SUCESSO

RECURSO

A expectativa dos advogados de JosÊ Maria Tenório (PMN) foi frustrada pelo desembargador Edivaldo Bandeira Rios. O magistrado negou habeas corpus ao ex-deputado estadual na segunda-feira (2), mas cometeu um equívoco ao citar o parecer do MinistÊiro Público ²D¿UPRXTXHHUDFRQWUiULRj soltura, quando, na verdade, era favoråvel. Por conta da falha, a defesa de ZÊ Maria esperava que a decisão fosse revisada. O magistrado corrigiu o erro, mas manteve o ex-deputado preso.

Apesar da negativa do desembargador Edivaldo Bandeira Rios, a defesa de JosÊ Maria Tenório acredita em uma decisão favoråvel ao habeas corpus na Câmara Criminal do Tribunal de Justiça. Na sextafeira (6), os advogados Diego Duca e Rodrigo Alcântara vão impetrar um agravo regimental para que o pedido seja analisado pelos demais desembargadores. O argumento Ê de que ZÊ Maria cumpre todos os critÊrios para obter liberdade condicional, RTXHLQMXVWL¿FDVXDSULVmR

Chuva de pĂĄssaros

‡&RWDGRVSDUDR2VFDUYmRFKHJDUSRUDTXLÂł$,QYHQomRGH+XJR&DEUHW´GH0DUWLP6FRUVHVHÂł-(GJDU´GH&OLQW(DVWZRRGHÂł2V'HVFHQGHQWHV´GH$OH[DQGHU3D\QH ‡(QWUHRVÂżOPHVFRQVLGHUDGRVFXOWVHVWmRÂł'ULYH´HVWUHODGRSRU5\DQ *RVOLQJRGUDPDVH[XDOÂł6KDPH´FRP0LFKHO)DVVEHQGHUHÂł&DUQDJH´GH Roman Polansky. O cinema nacional traz atraçþes como “Eu Receberia DV3LRUHV1RWLFLDVGRVVHXV/LQGRV/iELRV´FRP&DPLOD3LWDQJDHÂł;LQJX´ sobre a saga dos IrmĂŁos Villas Boas. ‡9HUHPRVDLQGDÂł´GH)HUQDQGR0HLUHOOHVGLULJLQGR-XGH/DZ $QWKRQ\+RSNLQVH5DFKHO:HLV](DLQGDÂł$'DPDGH)HUUR´FRP0HU\O 6WUHHSLQWHUSUHWDQGR0DUJDUHWK7DWFKHUHÂł0\:HHN:LWK0DULO\Q´VREUH 0DULO\Q0RQURH ‡(DLQGDÂł2V+RPHQVTXHQmR$PDYDPDV0XOKHUHV´GRURPDQFH KRP{QLPRDSURGXomRGD'LVQH\Âł-RKQ&DUWHU´RHVSHUDGRÂł$V$YHQWXUDVGH7LPWLP´HDLQGDÂł&ORXG$WODV´GH$QG\H/DQD:DFKRZVNL GH Matrix) com Tom Hanks e Haile Berry.

yUJmRVGD3ROtFLD&LYLO 3&  de Alagoas. A investigação apurou o desvio, em quatro anos, GH FHUFD GH 5  PLOK}HV do duodÊcimo da Câmara Municipal de Pilar, atravÊs GH IUDXGHV HP OLFLWDo}HV H no pagamento de diårias. 2 HVTXHPD IRL RUJDQL]DGR SRU GH] YHUHDGRUHV H H[YHreadores, alÊm de diretores ÀQDQFHLURVGRyUJmR 9$

Bandeira Rios mantĂŠm ZĂŠ Maria TenĂłrio preso

Defesa vai entrar com agravo regimental

nal de Justiça para processar e julgar originariamente mandado de segurança conWUD DWR GH SUHIHLWR PXQLFLpal, nĂŁo conheço da inicial, determinando seu imediato DUTXLYDPHQWRÂľGHWHUPLQD CONFUSĂƒO Marcos Rios impetrou mandado de segurança apĂłs DSUHIHLWD&LoRX 37% GHSRVLWDU R GXRGpFLPR UHIHUHQWH D GH]HPEUR HP MXt]R &RPR o Poder JudiciĂĄrio estava em recesso, os recursos sĂł poderiam ser retirados com cerca de um mĂŞs de atraso, geranGRSUHMXt]RVDR/HJLVODWLYR 'H DFRUGR FRP D SUHIHLWXUDRUHSDVVHIRLUHDOL]DGR atravĂŠs de depĂłsito porque Ki LQFHUWH]D VREUH D SUHVLdĂŞncia da Câmara. É que existe um processo na JustioDSDUDGHĂ€QLUTXHPpRUHDO FKHIHGDLQVWLWXLomR


TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

POLĂ?TICA

5

Prefeituras e hospitais sem energia Eletrobras salienta que acumulado de inadimplência alcança R$ 225 milhþes; sifra representa 5% do faturamento EDITORIA DE POL�TICA COM ASSESSORIA

A

Eletrobras Distribuição Alagoas continua sua busca pela recuperação de receita com a prestação do serviço de energia elĂŠtrica. Nesta quarta-feira (04), as açþes de corte foram direcionadas para os grandes clientes da distribuidora. As ĂĄreas administrativas de seis prefeituras municipais que devem mais de R$ 7 milhĂľes, de grandes hospitais privados e companhias de abastecimento de ĂĄgua e esgoto completam a lista do corte com dĂ­vidas que somam mais de R$ 17 milhĂľes. “Vamos adotar todos os trâmites legais para a notiĂ€FDomR SUpYLD DR 3RGHU 3~blico Estadual e Municipal sobre o corte das companhias d’ågua; jĂĄ nas unidades hospitalares serĂĄ feita uma intervenção localizada, em que serĂŁo preservadas

as instalaçþes dos centros ciU~UJLFRV 87,V H SyVRSHUDWyULR¾DÀUPRX(GVRQ/LPD gerente do Departamento Comercial. /LPD FRPSOHPHQWD ´SRU VH WUDWDUHP GH JHVWRUHV S~blicos de serviços essenciais à população, eles têm por obrigação manter suas conWDVGHHQHUJLDHPGLD¾ AlÊm de suspender o fornecimento, a distribuidora poderå negativar o cliente HPyUJmRGHFRQVXOWDGHSURWHomR DR FUpGLWR FRPR 63& 6HUDVDHQR&DGDVWUR,QIRUmativo dos crÊditos não quiWDGRV GH yUJmRV H HQWLGDGHV federais (Cadin). 2 HQWH S~EOLFR LQVFULWR no Cadin pode sofrer restriçþes relativas ao repasse de verbas federais e estaduais e à celebração de convênios, contratos e de operaçþes de FUpGLWR FRP UHFXUVRV S~EOLcos. A Eletrobras tem registrado inadimplência acumulada em mais de R$ 225

DIVULGAĂ‡ĂƒO

milhþes, o que drena cerca de 5% do faturamento da empresa e compromete sua capacidade de investimento em melhorias do sistema elÊtrico. A classe industrial Ê a maior devedora, com um saldo superior a R$ 67 milhþes, seguida pela residencial com mais de R$ 42 milhþes; pela rural, com R$ 38 milhþes; e a comercial, com mais de R$ 28 milhþes. O atraso no pagamento da fatura de energia elÊtrica enseja a cobrança de multas de 2%, juros de mora de 1% ao mês, alÊm da correção monetåria. A distribuidora conta com uma ampla estrutura GH DUUHFDGDomR RV FOLHQWHV podem pagar as contas de OX]QDV&DVDV/RWpULFDVQDV Agências da Caixa Econômica Federal (valores de atÊ R$ 1 mil) e nos Agentes Arrecadadores credenciados pela 3DJ)DFLOH0XOWL%DQN O cliente pode ainda solicitar ao seu banco o cadastro no dÊbito automåtico. Eletrobras Distribuição AlagoasFRQ¿UPRXTXHRPDLRUGHYHGRUGHHQHUJLDGRHVWDGRpRVHWRULQGXVWULDO SANDRO LIMA

SEGURANÇA

Membros do MJ chegam para discutir parcerias com o Estado

JoĂŁo Henrique CaldasVHUiRXYLGRSRUXPJUXSRGHWUrVSURPRWRUHVGR0LQLVWpULR3~EOLFRGR(VWDGR

8PD FRPLVVmR GH LQWHJUDQWHVGDF~SXODGR0LQLVtÊrio da Justiça desembarca, nesta quinta-feira (5), em 0DFHLy SDUD ID]HU XPD YLsita tÊcnica ao Estado e deÀQLUFRPRRJRYHUQRIHGHUDO pode ajudar Alagoas no combate à violência. Entre os representantes do MinistÊrio estão a secretåria Nacional de Segurança 3~EOLFD5HJLQD0LNLHRGLretor-geral do Departamento de Força Nacional, major Aragon. O grupo serå recebiGRSHORJRYHUQDGRU7HRWRQLR 9LOHOD)LOKR 36'% jVK QR 3DOiFLR 5HS~EOLFD GRV 3DOPDUHV RQGH LUi GLVFXWLU uma maior parceria entre

EXPLICAÇÕES

DIZ PROMOTOR

Depoimento de deputado JHC DFRQWHFHQHVWDTXLQWDQR03( O deputado estadual João Henrique Caldas 371  PDUFRX SDUD HVWD quinta-feira, às 9h, o depoiPHQWRQR0LQLVWpULR3~EOLFR do Estado de Alagoas que irå H[SOLFDU DV GHQ~QFLDV VREUH o pagamento de vantagens supostamente indevidas aos servidores da Assembleia /HJLVODWLYD GR (VWDGR SRU PHLRGD*UDWLÀFDomRSRU'Hdicação Excepcional (GDE). João Henrique Caldas fez duras acusaçþes no pleQiULR GD &DVD GH 7DYDUHV %DVWRVQRPrVGHSDVVDGRP chegando atÊ a bater boca com o presidente da AssemEOHLD/HJLVODWLYDGR(VWDGR

)HUQDQGR7ROHGR 36'%  $SyVDGHQ~QFLD-+&IRL convidado pelos promotores GH -XVWLoD 6LGUDFN 1DVFLmento, Norma Medeiros e -DP\O *RQoDOYHV %DUERVD SDUD VDEHU VH HOH UHDÀUPD WXGR TXH Mi IRL GLWR FRQÀUmando ou não as acusaçþes sobre o mau uso da GDE. O grupo de promotores foi designado em uma portaria do procurador-geral de -XVWLoD (GXDUGR 7DYDUHV 2 03( WDPEpP H[LJLX D remessa de documentos que comprovem a fraude e a pråtica de atos de improbidade administrativa. Segundo JHC, o paga-

mento da GDE ĂŠ feito sem nenhum controle e sem registro nos contracheques dos servidores lotados nos gabinetes dos deputados. O deputado protocolou um documento na Assembleia informando que devolveu DR7HVRXUR(VWDGXDO5 PLODWUDYpVGHXPGHSyVLWR QDFRQWD~QLFDGR(VWDGR De acordo com o parlamentar, ao todo, o desvio, somados os 27 gabinetes, poderia atingir R$ 70 milhĂľes em uma legislatura. Fernando 7ROHGRQHJRXDH[LVWrQFLDGH irregularidades e garantiu a legalidade da GDE, baseada em uma lei estadual.

$ODJRDV H D 8QLmR QD iUHD da Segurança. 8P GRV REMHWLYRV GR (Vtado Ê justamente fazer com que a Força Nacional instale sua base do Nordeste, em 0DFHLyRTXHUHSUHVHQWDULD um reforço importante no combate ao crime em Alagoas. Esta semana, Vilela UHVVDOWRXTXHDSUySULDSUHVLGHQWD'LOPD5RXVVHII 37  garantiu um apoio mais incisivo do governo federal no combate à violência. A visita tÊcnica deve durar dois dias, tempo em que 5HJLQD 0LNL R PDMRU $UDgon e outros representantes do MinistÊrio da Justiça vão acompanhar palestras apre-

sentadas pelo secretĂĄrio de Estado da Defesa Social, DĂĄrio Cesar, sobre o contexto governamental em Alagoas, e de outros integrantes da pasta, que vĂŁo falar sobre os vĂĄrios temas relacionados Ă segurança. As apresentaçþes acontecem no Hotel 3RQWD9HUGH Nesta sexta-feira (6), Ă s 14h, a comitiva do MinistĂŠULR IDUi XPD YLVLWD j %DVH GH 3ROtFLD &RPXQLWiULD GR Jacintinho, onde tambĂŠm IRL LPSODQWDGR R 3URJUDPD Ronda CidadĂŁ. “Vamos mostrar estes dois modelos de policiamenWR TXH YrP GDQGR FHUWRÂľ destacou DĂĄrio Cesar.

3XQLomRFRQWUDRSHUDGRUD7,0 VHUiDSUHVHQWDGDSUy[LPRGLD 3RU PHLR GR EORJ GD � 3URPRWRULD GH $UDSLUDFD seu titular, promotor Saulo Ventura, ressaltou estå estudando todo o material reFROKLGR SHOD &RPLVVmR 3DUODPHQWDU GH ,QTXpULWR GD $VVHPEOHLD /HJLVODWLYD GR Estado, a respeito da investigação sobre o serviço oferecido pela empresa de telefoQLDGD7,0HP$ODJRDV De acordo com Ventura, o resultado deste estudo serå divulgado por ele no dia 13 janeiro, onde as providências contra a empresa serão DQXQFLDGDV ´3URYLGrQFLDV serão tomadas para que os direitos dos consumidores

sejam respeitados pela operadora de telefonia celular LQYHVWLJDGDÂľGL]RWH[WR Saulo Ventura lembra que “os serviços de telefonia celular prestados pela RSHUDGRUD 7,0 QD FLGDGH de Arapiraca estĂŁo sendo investigados pelo MinistĂŠrio 3~EOLFR GHVGH R PrV GH VHtembro de 2010, quando foi LQVWDXUDGRR,QTXpULWR&LYLO FRPDĂ€QDOLGDGHGHLQYHVWLgar os possĂ­veis abusos praWLFDGRVÂľ Durante o perĂ­odo de instrução, Ventura presidiu trĂŞs audiĂŞncias, sendo uma S~EOLFD H PDLV GXDV UHXQLĂľes com os representes da

$JrQFLD 1DFLRQDO GH 7HOHcomunicaçþes (Anatel) para resolver o problema. 6HJXQGR D 3URPRWRULD D ÀVFDOL]DomR H R UHVSHFWLYR UHODWyULR VmR LPSUHVcindíveis para a tomada de qualquer posicionamento MXGLFLDO 8PD YH] TXH DLQGD GH DFRUGR FRP R yUJmR o simples relato dos consumidores acerca do problema não Ê capaz de oferecer subVtGLRV VXÀFLHQWHV SDUD TXH D7XWHOD-XUtGLFDGR(VWDGR fosse oferecida na forma de proteção ao consumidor. AsVLPR03JDQKRXVXEVtGLRV SDUD ÀUPDU SRVLFLRQDPHQWR FODURHÀUPH

IPANEMA

MUNICĂ?PIOS

COLISEU

A prefeita de Santana do Ipanema, Renilde Bulhþes (PTB), anunciou os valores de rateio dos recursos do Fundeb e reajuste correspondente ao retroativo da data-base que Ê o mês de março. Segundo ela, o valor do rateio estå na ordem de R$ 1.038,37 e o valor do retroativo deve chegar atÊ a R$ 600,00. A prefeita disse ainda que estå buscando agilidade junto sua equipe para que seja realizado, ainda no mês de janeiro, concurso público na administração municipal.

O deputado federal Maurício Quintella Lessa (PR) comemorou, ontem, no Twitter, a liberação de recursos do MinistÊrio dos Esportes para a construção de ginåsio de esportes no município de Olho D’à gua das Flores. AlÊm dele, outros três serão construídos. Os municípios de Senador Rui Palmeira, Cajueiro e Monteirópolis serão agraciados. Outra vitória do deputado foi o empenho de verbas do MinistÊrio da Saúde para a construção do Centro de Atendimento Psicossocial (Caps), de Quebrangulo.

A organização do Coliseu Extreme Fight, evento de MMA (Artes Marciais Mistas), realizado ano passado em Maceió, agradeceu ao prefeito Cícero Almeida (PP) o apoio recebido para a produção do evento. Almeida foi agraciado com uma placa de reconhecimento a esse apoio, entregue a ele por empresårios que organizaram a disputa entre atletas de MMA em Alagoas. O evento contou com uma VXSHUHVWUXWXUDDWOHWDVUHQRPDGRVHUHFRQKHFLGRVSUR¿VVLRQDLVGH arbitragem.

Renilde BulhĂľes quer concurso pĂşblico

Quintella consegue ginĂĄsios e Caps para AL

CĂ­cero Almeida recebe homenagem


6

OPINIAO

TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

OpiniĂŁo

Um episĂłdio a mais

H

å poucos dias, políticos apareceram na televisão para desejar aos alagoanos um feliz ano novo, de prosperidade, saúde e paz. Em apenas dois dias do ano, a população foi surpreendida por dois fatos, divulgados amplamente na imprensa local e que demonstram que os desejos transmitidos em mídia eletrônica estão muito longe de serem concretizados. O assassinato do modelo Erik Ferraz e o suposto plano para assassinar deputados estaduais dão uma GLPHQVmR GH TXH D SDFLÀFDomR GR pequeno e pobre Estado de Alagoas p XP GHVDÀR PXLWR GLVWDQWH GH VHU cumprido. No primeiro caso, as investigaçþes revelam que o acusado alÊm de ser reincidente em vårios crimes tambÊm deu claras evidências de que ti-

nha como opção o instinto de crueldade, depois que a polĂ­cia encontrou material de tortura em uma das casas da famĂ­lia. Sinal de que a impunidade ĂŠ uma certeza absoluta, como jĂĄ fora abordada neste espaço. Sobre o suposto plano de assassinatos de deputados, a informação causou surpresa para a população que imagina que tudo possa ocorrer no Poder Legislativo, menos em meio a uma espĂŠcie de “Big Brotherâ€? de desmandos administrativos haja alguĂŠm com a capacidade de criar um paredĂŁo de fuzilamento de verdade. Certamente, o Legislativo alagoano nĂŁo serĂĄ o mesmo depois da divulgação do suposto plano, sendo o caso verdadeiro ou nĂŁo. É mais um episĂłdio que entra nos anais de nossa histĂłria jĂĄ tĂŁo marcada por cenas sangrentas.

MARCOS ANTONIO DANTAS DE OLIVEIRA sabecomquemestafalando.blogspot.com Engenheiro AgrĂ´nomo, mestre em Desenvolvimento SustentĂĄvel, membro da Academia Brasileira de ExtensĂŁo Rural, vice-presidente da Sociedade dos Engenheiros AgrĂ´nomos de Alagoas e membro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Rural SustentĂĄvel.

Futuro incerto para muitos? O Fundo MonetĂĄrio Internacional/FMI alerta: “[um problema na economia global] estĂĄ relacionado a tensĂľes sociais borbulhando abaixo da superfĂ­cieâ€? e “alimentadas pelo desemprego recorde entre jovens – como uma das principais da crise econĂ´micaâ€? (Gazeta de Alagoas, 16/set/2011). SĂł 32,5% dos jovens brasileiros tinham emprego formal em 2006 [RelatĂłrio: Trabalho Decente e Juventude no Brasil da OIT]. E entre os jovens brasileiros, e para aqueles que residem e labutam em atividades agrĂ­colas e nĂŁo agrĂ­colas, no lugar rural, o desemprego estrutural e conjuntural estĂĄ tambĂŠm associado ao alto grau de informalidade do setor agropecuĂĄrio: 90% das atividades Ă margem da lei [com ocupaçþes e rendas SUHFiULDV H LQVWiYHLV@ GLĂ€FXOWD R acesso Ă  previdĂŞncia social e os tĂŞm levado Ă  prostituição infantoMXYHQLOHDRWUiĂ€FRGHGURJDVSRU exemplos; e ao baixo grau de escolaridade [“Na Escola Ana Carolina, em CraĂ­bas, irmĂŁos com 9,11,15 e 17 anos sequer sabem assinar o prĂłprio nomeâ€?(Tribuna Independente,07/jul/2011)] – jovens rurais HPSHULJR(XPDOHLWXUDUHĂ H[LYD sobre a juventude rural - Estudos GR0'$FRQĂ€UPDPGHTXH os maiores Ă­ndices de migração – em ĂŞxodo - no meio rural ocorrem entre mulheres de 15 a 19 anos e homens de 20 a 24 anos. Essa migração em ĂŞxodo compromete a sucessĂŁo familiar, no negĂłcio agrĂ­-

cola e nĂŁo agrĂ­cola [Lei 11.326]. Atenção para a predominância de adolescentes e adultos jovens de 15 a 24 anos [em torno de 20% da população (Censo de 2010)], essa ĂŠ a idade ativa para o estudo como para o trabalho [respeitando o ECA], e pode oportunizar um salto na qualidade de vida de todos. Um alerta - Pesquisa da USP, citada por Ari Cipola, 2001: “uma pessoa que começa a trabalhar aos 7 anos vai receber em mĂŠdia ao longo da vida 50% menos do que receberia se tivesse iniciado aos 21 anos, no mercado de trabalhoâ€?. O IBGE trata a população economicamente ativa com pessoas de 10 anos ou PDLV R TXH FRQĂ€UPD R WUDEDOKR infanto-juvenil em documentos RĂ€FLDLV E o Brasil como a 6ÂŞ economia do mundo, e com renda per capita anual de 11,000 dĂłlares, em 2010, pode prescindir do trabalho infanto-juvenil. HĂĄ muito riqueza gerada [estimativa de PIB em 2,4 trilhĂľes de dĂłlares e de tributos prĂłximo a 1,5 trilhĂľes de reais para este ano] e a ser distribuĂ­da equitativamente com todos. Outro agravante: 59,1% dos nordestinos sĂŁo extremamente pobres, 56,4% deles vivem no campo e 51,7% deles sĂŁo jovens rurais de atĂŠ 19 anos (Censo 2010). Em Alagoas, 41,4% dos domicĂ­lios com pelos menos um morador de 18 anos ou menos de idade estava em situação de Insegurança Alimentar (Pnad, 2009).

A faixa etĂĄria de jovens de 15 a 29 anos alongada ĂŠ uma agenda de trabalho [Emenda Constitucional nÂş 65], nĂŁo prioriza os 25 milhĂľes de jovens de 15 a 24 anos, mais necessitados principalmente no estudo. E nas metrĂłpoles: SĂŁo Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife, Salvador e Porto Alegre, eles estĂŁo estudando mais e trabalhando menos - “a proporção de jovens de 15 a 17 anos ocupados ou que buscam emprego caiu 27% em oito anos (Noticias.uol.com.br, 09/ set/11). E uns poucos tĂŞm Ăłtima escolarização e mesada - mesada dos Ă€OKRVGHDQRVDWp5 9HMD 18/fev/2011). Uma das saĂ­das da condição de pobre ĂŠ a escolarização. E pela educação ruim de muitos, aos jovens, a servidĂŁo consentida. SĂł o acesso e a permanĂŞncia na escola reforçam a tese de que cumprir normas de conduta ĂŠ condição vital Ă vida digna: o bem-estar estĂĄ SDUDDFLGDGDQLDFRPRDĂ€VFDOL]Dção das leis estĂĄ para o controle dos recursos naturais e tributos. E assim, garantir-lhes a repartição dos tributos, o acesso e acumulação de riqueza, e aos bens primĂĄrios: riqueza privada e pĂşblica, prerrogativas, alimentação, inteligĂŞncia, autorrespeito, liberdade, escolarização, felicidade... . Aos jovens rurais, ĂŠ necessĂĄrio ocupar espaços pĂşblicos e nĂŁo pĂşblicos para iniciar algo novo, inclusive para o empreendedorismo, ora como cidadĂŁos iguais e livres.

CELSO LUNGARETTI Edita o blog http://naufrago-da-utopia.blogspot.com/ Escritor e jornalista

Foto da Dilma e o teatrinho militar

INOCĂŠNCIO NĂ“BREGA inocnf@gmail.com Jornalista

O ParĂĄ, se dividido Ao GrĂŁo-ParĂĄ pertenciam a AmazĂ´nia brasileira, Mato Grosso e parte do MaranhĂŁo. Seu imenso territĂłrio favorecia Ă pirataria do comĂŠrcio exterior, ciente de sua exuberante diversidade. Para administrĂĄ-la melhor criou-se a Companhia de ComĂŠrcio do ParĂĄ e MaranhĂŁo, que importou 38 mil escravos. Mais tarde se misturariam aos nativos, em face das perseguiçþes que sofriam. No sĂŠculo XIX, a preocupação maior seria com os brasileiros. Forte vigilância militar impedia os contatos com a Revolução Pernambucana de 1817. Os navios, provindo do nordeste, eram revistados. “O Paraenseâ€?, jornal dos insurretos Alberto Patroni e Batista Campos, e a Cabanagem, do Angelim, deixaram as Cortes de Lisboa e do Rio em polvorosa. Implantava-se o espĂ­rito insurrecional desse povo. A cobiça estrangeira seguia de olho nesse poten-

cial econômico. No auge da exploração do låtex, o Brasil doou hectares de terra à Good-Year, sob protestos do padre Cícero. Nova agressão, Getúlio Vargas cria, por decreto, o Território do Amapå, garantindo a uma empresa, tambÊm estadunidense, explorar, por 50 anos, o manganês. FHC privatiza, por preço de banana, a estatal Vale do Rio Doce, transformada em oligopólio que consolida seus manifestos interesses de dominação na região, ao lado de madeireiras, agropecuaristas e políticos, sem compromissos com a Nação. Hoje, a Vale lidera a exportação de ferro no mundo; opera em mais de 9 mil kms de malha ferroviåria e 10 terminais portuårios próprios. Seu SRGHULR p GHVDÀDGRU DWXDQdo de forma monocråtica em região do Parå, ignorando leis e autoridades constituídas, não recolhendo, devidamente, os impostos. O dÊbito

chega a milhþes de reais. Só inventa cidades e indiFD VHXV JHVWRUHV LQà XLQGR nas decisþes políticas e econômicas nos sob sua órbita. Agricultores que penetrarem HP à RUHVWDV H UHVHUYDV ELRlógicas, que diz serem suas, são presos pelos Guardas da Vale. Se dividido o Parå, nos estados de Tapajós e Carajås, um dispêndio de R$ 4,2 bilhþes não darå para cobrir uma centena de novos cargos eletivos, desembargadores e de outros escalþes. Indígenas, poderiam ser expulsos, LQWHQVLÀFDomR GD YLROrQFLD H a natureza destruída. Portanto, a Vale a maior EHQHÀFLDGDGHVVDWUDQVDomR poderia interferir na votação de projetos nacionais, fazendo uso dessa måquina nos respectivos Parlamentos. Em boa hora os paraenses não permitiram que o crime se consumasse, no plebiscito de 11 de dezembro último. A história, falou mais alto. FILIADO AO

Jorgraf UM PRODUTO:

Rua da Praia, 134 - sala 303 - centro - Maceió Alagoas Endereço Comercial: Av. Menino Marcelo - 10.440 - Serraria Maceió - Alagoas - CEP: 57.083.410 CNPJ: 08.951.056/0001 - 33

Cooperativa dos Jornalistas H*UiÂżFRVGRHVWDGRGHDODJRDV

JĂĄ que fui citado na imprensa como um dos rĂŠus clicados no PHVPRORWHGDIRWRJUDĂ€DGH da presidente Dilma Rousseff, vale a pena falar um pouco sobre como, durante a ditadura de 1964/85, encenavam-se julgamentos nas auditorias militares para MXVWLĂ€FDUDVVHQWHQoDVTXHRVVHUviços de InteligĂŞncia e o comando das Forças Armadas previamente estipulavam. Deu n’O Globo: “No começo de 2011, quando o paĂ­s assistia meio incrĂŠdulo Ă festança de chegada ao poder de uma mulher e ex-guerrilheira, caĂ­ram nas mĂŁos do pesquisador Vladmir Sachetta, por acaso, trĂŞs fotos que revelavam um dos momentos mais marcantes da ‘terrorista’ Vanda. As fotos sĂŁo da presidente Dilma Rousseff no frescor de seus 22 anos, com ar rebelde, e de seu ex-marido Carlos AraĂşjo, em depoimento na Primeira Auditoria Militar do Rio, em novembro de 1970. Sachetta (...) procurava imagens de militares da AeronĂĄutica envolvidos no sequestro, desaparecimento e morte de Rubens Paiva. Caiu nas mĂŁos dele uma pasta com o tĂ­tulo Justiça Militar. Na Ăşltima pĂĄgina, encontrou as fotos de Dilma, AraĂşjo e do estudante Celso Lungaretti, feitas por um fotĂłgrafo da Ăšltima Hora (...) e publicadas uma sĂł vez, na capa do jornal, em 18 de novembro de 1970. ...no arquivo do jornal, no dia da publicação, a foto de Dilma UHFHEHX D VHJXLQWH LGHQWLĂ€FDomR no verso: ‘1 Auditoria do ExĂŠrcito (Julgamento dos terroristas Celso Lungaretti, Carlos Franklin PaixĂŁo de AraĂşjo e Dilma Rousseff Linhares). Na foto a estudante terrorista Dilma Rousseff Linhares quando era sumariada’â€?. A minha foto atĂŠ agora nĂŁo encontrei; a da Dilma estĂĄ espalhadĂ­ssima na internet; e na bioJUDĂ€D DXWRUL]DGD GD SUHVLGHQWH (A vida quer ĂŠ coragem) aparece a do Max (Carlos Franklin PaixĂŁo de AraĂşjo).

PRESIDENTE Antonio Pereira Filho DIRETOR ADMINISTRATIVO FINANCEIRO: JosĂŠ Paulo Gabriel dos Santos Editor geral: Ricardo Castro

Respondi a quatro processos, os da VPR e da VAR-Palmares, em São Paulo e no Rio de Janeiro. Isto porque ingressei na VPR em abril/1969, a organização se fundiu com o Colina no meio do ano (formando a VAR) e em outubro reconstituímos a VPR, depois de racharmos no Congresso de Teresópolis. 1RIXQGRRVPLOLWDUHVQmRÀ]Hram direito a lição de casa, pois eu militei na VPR nos dois Estados, mas só militei na VAR em SP. DeYHULDWHUÀFDGRGHIRUDGRSURFHVVR da VAR no RJ - exatamente aquele de que a notícia trata. Eu só me lembrava da Vanda no Congresso do racha, quando nos colocamos em campos opostos. Mas, como vårios jornalistas andaram me ligando para saber se eu tinha algo de interessante a relatar sobre a nova presidente não tinha -, cheguei a pensar que provavelmente nos haveríamos reencontrado como rÊus de um ou dos dois processos da VAR. Agora LVWRHVWiFRQÀUPDGR Apesar de jå se terem passado PDLVGHTXDWURGpFDGDVÀFRPHLR perplexo por haver esquecido tão completamente muito do que rolou nas auditorias. Talvez porque aquele jogo de cartas marcadas me entediasse mortalmente: graças às informaçþes que reunira como comandante de Inteligência da VPR e da VAR, eu tinha absoluta certeza de que as sentenças eram previaPHQWHGHÀQLGDVSHORDOWRFRPDQdo, a partir das avaliaçþes da 2ª Seção do ExÊrcito, do Cenimar e GR&LVDVyFDEHQGRjTXHOHVÀJXrantes simularem que estavam nos julgando. Foi mais um descalabro da ditadura, submeter civis à Justiça 0LOLWDUFRPRÀFLDLVGD$UPDUHVpectiva e um juiz auditor fazendo as vezes de jurados isentos. Se fosse para valer, que chance teríamos? Nenhuma, nossa condenação seria inevitåvel segundo as leis de exceção impostas pelos que haviam estuprado a liberdade. E, não sendo para valer, eles

eram obrigados a obedecer às ordens recebidas. Era tudo tão patÊtico que, certa vez, em pleno julgamento, o advogado de ofício começou a não falar coisa com coisa. Percebendo que ele estava bêbado, o juiz auditor o expulsou e designou outro, que foi obrigado a improvisar a defesa... em cerca de dez minutos! Suspenderam a sessão para o cafezinho e ele passou os olhos pelo processo. Na reabertura fez sua arenga, apelando para generalidades e platitudes, jå que não conseguira inteirar-se das especiÀFLGDGHVGRFDVR A lembrança mais nítida que conservo Ê a de Matos (Clåudio de Souza Ribeiro) com olhar perdido, parecendo nem reconhecer os antigos companheiros. Ele vinha dos movimentos da marujada que antecederam o golpe e chegou atÊ a ser comandante da VPR e da VAR. Mas, entrou em crise, afastou-se da militância e foi levar vida de civil numa aldeia de pescadores, montando casa com uma militante de base que desistiu da luta por ele. Traído (sexualmente...) por ela e diante da perspectiva de ser abandonado, assassinou-a e foi entregar-se à polícia. Acabou no DOI-Codi, suplicando para que o matassem e ouvindo a resposta de que lå só morria quem eles queriam, não aqueles que queriam morrer. Vê-lo reduzido a trapo me chocou e consternou. Era o único de nós que estava algemado em plena auditoria, sentado com um agente de cada lado - temiam que ele realmente desse cabo da vida. Sua história Ê dilacerante. Por último: muitos internautas comentaram que, na foto da Dilma, os militares escondiam a cara por vergonha. Não, era por paúra mesmo. Temiam ser retaliados, como se não soubÊssemos que seu papel era decorativo. Se havia contas a acertarmos, era com os torturadores, com seus PDQGDQWHVFRPRVÀQDQFLDGRUHV da repressão etc. Não com esses atores de quinta categoria.

Nosso noticiĂĄrio nacional ĂŠ fornecido pelas agĂŞncias: AgĂŞncia Folha e AGĂŞncia Nordeste PABX: 82.3311.1338 COMERCIAL: 82.3311.1330 - 3311. 1331 REDAĂ‡ĂƒO: 82.3311.1328 - 3311.1329 CENTRAL DE ASSINANTE: 82.3311.1308 - 3311.1309 comercial.tribunaindependente@gmail.com redação.tribunaindependente@gmail.com

ricardocastro@tribuna-al.com.br

DIRETORA COMERCIAL: Marilene Canuto

OS ARTIGOS ASSINADOS SĂƒO DE RESPONSABILIDADE DOS SEUS AUTORES. NĂƒO REPRESENTANDO, NECESSARIAMENTE, A OPĂ?NIĂƒO DESTE JORNAL.


TribunaIndependente

Brasil

MACEIÓ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

BRASIL

7

Justiça pede a retirada de microblogs que alertam sobre pontos de blitze A Justiça do Espírito Santo determinou que duas páginas mantidas nas redes sociais Facebook e Twitter, com o objetivo de avisar sobre pontos de blitze de trânsito na Região Metropolitana da Grande Vitória, fossem imediatamente retiradas do ar. O juiz Alexandre Farina LopesD¿UPDTXHRVSHU¿V³YLRODPDRUGHP S~EOLFD´HWRUQDPLQH¿FD]HVDVDo}HVGR3RGHU([HFXWLYRSDUD ¿VFDOL]DURVPRWRULVWDVTXHGLULJHPVREHIHLWRGRiOFRRO

Lula inicia sessões de radioterapia

Ex-presidente voltou ao Hospital Sírio-Libanês para eliminar resíduos do tumor diagnosticado na laringe

O

RICARDO STUCKERT/

ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passou parte do dia de ontem no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde iniciou uma série de sessões de radioterapia para o tratamento de um câncer de laringe, diagnosticado em outubro do ano passado. Lula, que chegou por volta das 10h40, saiu da casa de saúde às 16h45. O tratamento durou 15 minutos. De acordo com o boletim médico, o ex-presidente passou por “tratamento combinado de radio e quimioterapia de maneira ambulatorial”. Segundo Paulo Okamoto, presidente do Instituto Cidadania, organização não-governamental criada por Lula, o ex-presidente “reagiu bem ao tratamento e tudo correu dentro da normalidade prevista pelo médicos”. Ainda conforme Okamoto, o ex-presidente recebeu a visita do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSB). Depois, assistiu à partida Corinthians x Santos (PB), válida pela Copa São Paulo. O time pelo qual Lula torce aplicou uma goleada de 9x0. “O presi-

dente está bem, almoçou e viu o jogo como ele gosta de ver. Começou o tratamento com o pé direito. Ele está se alimentando normalmente”. Desde o início do tratamento, Lula passou por três sessões de quimioterapia. Agora, ele deverá voltar ao hospital durante as próximas seis ou sete semanas para se submeter à radioterapia, em um total de 30 a 35 sessões. Okamoto não descartou a possibilidade de alugar um ÁDWQDUHJLmRGXUDQWHRWUDWDmento. “Inicialmente, ele virá (de São Bernardo do Campo, a 33 km de São Paulo) todos os dias. Estamos pensando em outras alternativas, caso o WUkQVLWRÀTXHPXLWRUXLP3RU enquanto, está tranquilo.” Além da radioterapia, o ex-presidente fez uma consul- Lula é recebido pelos médicos João Luis Fernandes e Samir Hanna para iniciar sessão de radioterapia no Hospital Sírio-Libanês ta com fonoaudiólogo e deverá passar por nutricionista. Nesse tratamento, o paciente recebe a radiação sobre o local do tumor e áreas próximas. A radiação age também sobre tecidos e órgãos que estiverem no trajeto do feixe de radiação. O objetivo é eliminar os resíduos do tumor que, ao ser diagnosticado, tinha 3 cm.

NOVA LEI

DENGUE

Em cem dias entrará em vigor a Política Nacional de Mobilidade Urbana sancionada pela presidenta Dilma Rousseff e publicada ontem QR 'LiULR 2ÀFLDO GD 8QLmR A nova lei tem o intuito de integrar, melhorar e tornar mais acessíveis os diferentes modos de transporte, visando a mobilidade de pessoas e cargas no país. O documento esclarece também direitos dos usuários, como o de ser informado, nos pontos de embarque e desembarque, sobre itinerários, horários, tarifas dos serviços e modos de interação com outros modais. As regras TXH GHÀQHP DV WDULIDV D VHrem cobradas também estão estipuladas. De acordo com a nova política, os entes federativos poderão fazer uso de instrumentos de gestão como restrição e controle de acesso e circulação, permanente ou temporário, de veículos motorizados em locais e horários predeterminados.

O Ministério da Saúde aprovou os projetos de 1.159 cidades para ações contra a dengue. A medida permitirá que os municípios recebam 20% a mais do que os repasses regulares do Teto de Vigilância e Promoção à Saúde. Ao todo, serão R$ 92,8 milhões adicionais. Os SODQRV LQFOXHP D TXDOLÀFDção das ações de prevenção e controle da doença. Mais de PLOK}HVVHUmREHQHÀFLDdas. Alagoas teve 72 municíSLRV EHQHÀFLDGRV2 Q~PHUR de municípios selecionados é 17% maior do que os 989 previstos em outubro, “Os municípios selecionados assinam um termo de adesão. É um comprometimento,junto com o ministério da Saúde, de ampliar as ações de combate ao mosquito transmissor, a vigilância dos casos e noWLÀFDo}HV H RUJDQL]DomR GD assistência aos pacientes”, disse o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Mobilidade Cidades terão urbana possui mais verbas política nacional para o combate


8

MUNDO

TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

Mundo

Peso de 470 quilos livra mulher da pena de morte nos Estados Unidos Um mulher foi absolvida da pena de morte porque os advogados dela conseguiram provar que ela seria gorda demais para ter conseguido cometer o crime de assassinato do sobrinho, de dois anos, no Texas, Estados Unidos. O crime aconteceu em 2008. Mayra Rosales, 31 anos, pesa cerca de 470 kg e na ocasião disse que caiu em cima do sobrinho Eliseo para proteger sua irmã Jaime, que batia na cabeça do pequeno com uma escova de cabelo. Ela mentiu para proteger a irmã da pena.

Republicana diz estar fora da disputa Deputada Michelle Bachmann desiste de concorrer Ă s prĂŠvias que escolherĂŁo o candidato a presidente dos EUA

A

acirrada disputa pela indicação republicana à Casa Branca se estreitou ontem com a desistência da deputada Michele Bachmann, ligada ao movimento conservador Tea Party, enquanto o governador do Texas, Rick Perry, decidiu permanecer na corrida, apesar do mau resultado no caucus (eleição primåria) da vÊspera em Iowa. Bachmann, que nasceu em Iowa, decidiu desistir GHSRLV GH ÀFDU HP VH[WR H último lugar no caucus de terça-feira no Estado. Essa rodada inaugural da disputa republicana foi vencida pelo ex-governador de Massachusetts, Mitt Romney, com uma vantagem de apenas oito votos sobre o ex-senador

Rick Santorum, em um total de 122 mil votos. O resultado foi tambÊm uma vitória para Santorum, que hå poucas semanas era um coadjuvante na disputa e agora se credencia como principal nome conservador contra o moderado Romney. Bachmann, que chegou a liderar as pesquisas entre os republicanos, vinha numa trajetória declinante nos últimos meses, e nesta quarta-feira decidiu jogar a toalha, pedindo a seus partidårios que apoiem o candidato que o Partido Republicano escolher para enfrentar o democrata Barack Obama na eleição geral de novembro. Confundindo os analistas, Perry anunciou que vai continuar candidato, apesar

do quinto lugar em Iowa. Inicialmente, ele disse que viajaria ao Texas para reavaliar os rumos da sua campanha. A volatilidade na disputa republicana ĂŠ uma boa notĂ­cia para Obama, que estĂĄ montando uma grande estrutura para arregimentar doaçþes e eleitores, e registra uma recuperação na sua poSXODULGDGH UHĂ HWLQGR D PHlhora nos Ă­ndices de desemprego. Ao anunciar sua desistĂŞncia, a conservadora Bachmann acusou Obama de estar levando os Estados Unidos para o socialismo. “Nosso paĂ­s estĂĄ em serĂ­ssimos apuros, e esta pode ser a Ăşltima eleição para mudar os rumos da naçãoâ€?, disse ela.

CHRIS CARLSON

ALEMANHA

Presidente admite erro mas nĂŁo sai

Michelle Bachmann desiste de concorrer às eleiçþes dos EUA

DESEDUCAĂ‡ĂƒO

Chile elimina expressĂŁo ‘ditadura militar’ de livros O governo chileno decidiu eliminar dos livros escolares a expressĂŁo “ditadura militarâ€? em referĂŞncia Ă gestĂŁo de Augusto Pinochet (19731990), para passar a utilizar “regime militarâ€?. “Geralmente ĂŠ mais usada a expressĂŁo regime militarâ€?, explicou o ministro da Educação, Harald Beyer. As

expressþes são mais gerais. A mudança foi adotada após uma sessão extraordinåria do Conselho Nacional de Educação. Segundo o ministro, o Chile realmente viveu um regime ditatorial naquele período, mas a decisão pela mudança foi tomada após consulta a vårios educadores.

O presidente alemĂŁo, &KULVWLDQ :XOII DĂ€UPRX RQtem que nĂŁo pensa em renunciar, em meio Ă polĂŞmica por ter aceitado um emprĂŠstimo controverso em condiçþes vantajosas, mas admitiu como um “grave erroâ€? a ligação que fez ao popular jornal Bild para tentar impedir a divulgação do caso. “Assumo com tranquilidade minha responsabilidade, mas nĂŁo cometi nenhuma irregularidadeâ€?, garantiu Wulff, em entrevista Ă s emissoras de televisĂŁo pĂşblicas alemĂŁs ARD e ZDF, acrescentando que com sua ligação ao jornal sĂł pretendeu “atrasarâ€? a publicação dessas informaçþes para proteger sua famĂ­lia. ApĂłs semanas sob pressĂŁo por suspeitas de corrupção, em seus tempos de chefe do Governo da Baixa SaxĂ´nia, Wulff negou ter cometido qualquer irregularidade, tanto ao aceitar um emprĂŠstimo de uma famĂ­lia de empresĂĄrios como ao passar suas fĂŠrias na ItĂĄlia, Espanha e outros lugares, convidado por homens de negĂłcios locais. Sua ligação ao Bild, dois dias antes da divulgação da primeira notĂ­cia sobre o caso, foi “um grave erroâ€?.


TribunaIndependente

MACEIÓ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

Cidades

CIDADES

9

PM prende um por direção perigosa e recupera moto em bairros de Arapiraca Uma guarnição da Polícia Militar prendeu um homem por direção perigosa e recuperou um veículo no bairro Manoel Teles e em um sítio da Zona Rural, ambos no município de Arapiraca. Na primeira ação, os policiais realizavam rondas em Cacimbinhas quando depararam com Ronyere Simplício da Silva, 20 anos, conduzindo uma Moto Honda CG 150 KS de maneira irresponsável, “empinando” o veículo. A moto também estava com documentação irregular. Outra ação, desta vez, na zona rural de Arapiraca, recuperou uma moto Yamaha/Factor YBR 125, de cor vermelha, que possuía queixa de roubo. A guarnição conduziu a moto à Central de Polícia e devolveu o veículo ao proprietário.

Arcebispo não sabia de expulsão de padres Dom Antônio Muniz, da arquidiocese de Maceió, disse que soube da decisão após reportagem da Tribuna Independente DANIEL MAIA REPÓRTER

O

arcebispo de Maceió, Dom Antônio Muniz, afirmou ontem que só tomou conhecimento da decisão da Santa Sé, a respeito da expulsão dos três sacerdotes das paróquias de Arapiraca acusados de pedofilia, por meio da imprensa, após a divulgação da decisão com exclusividade pela Tribuna Independente. “Não estou informado sobre o assunto. Nem sei se o Dom Valério emitiu alguma nota pública. Ele já emitiu?”, indagou à reportagem. De acordo com Dom Antônio Muniz, o bispo da diocese de penedo, Dom Valério Brêda, nem sequer ligou para o arcebispo para comunicar uma decisão de tamanha relevância à comunidade cristã de Alagoas. A notícia só se tornou pública por meio do padre Daniel Nascimento, também

da diocese de Penedo, que foi licenciado para acompanhar os procedimentos da Santa Sé em Alagoas. De acordo com o padre, desde a última semana de 2011, todos os sacerdotes e ex-coroinhas arrolados na decisão receberam a notificação do afastamento definitivo dos sacerdotes em suas residências. Mesmo assim, o representante da arquidiocese de Maceió deixou claro que o procedimento de publicação da sentença não transcorreu de maneira fora do comum. “É sempre dessa maneira. Fica a cargo do bispo responsável a notificação e divulgação de todos os fatos de sua circunscrição, no caso, Dom Valério Brêda, que representa a diocese de Penedo”, relatou. A previsão é que ainda este mês a comunidade eclesiástica possa se reunir e apreciar detalhadamente o conteúdo da sentença. ALAGOAS 24 HORAS

Dom Muniz admite que procedimento feito por bispo não foi errado, mas houve falta de comunicação entre os membros da Igreja Católica

ALGUNS PERDOAM

Católicos divergem quanto a decisão de afastamento Em menos de 24 horas após a divulgação, pela Tribuna Independente, da expulsão dos padres de Arapiraca acusados de pedofilia, a imprensa nacional tomou conhecimento da decisão do Vaticano que afasta definitivamento os monsenhores Luiz Marques e Raimundo Gomes, e o padre Edilson Duarte de suas atribuições eclesiásticas. Após a reportagem ter divulgado a susbstituição dos sacerdotes nas paróquias de Arapiraca, a sensação que tomou o Estado de Alagoas foi um misto de misericórdia e alívio. Bem em frente à histórica Igreja do Livramento, localizada no bairro do Centro, católicos assíduos ou de batismos, concordaram veementemente com a sentença da Santa Sé, como foi o caso de Aparecida Viana, promotora de vendas. “Eu acho que a pena foi bem aplicada. Não há mais clima para que eles voltem a celebrar missa na Igreja. As pessoas não confiariam mais. Acho que a Igreja deve ter

misericórdia, mas não pode permitir que eles voltem para a função de representantes de Deus novamente”, disse. A cabeleireira Maria Lúcia, que é católica, acredita no perdão e na permanência dos sacerdotes na Igreja, ainda que não seja com as participações nos cultos. “De alguma forma, eles deveriam contribuir com as atividades da Igreja. Seria um exagero dizer que eles poderiam voltar a celebrar missas, mas eles são seres humanos propícios aos erros”, defende. O jornalista Éder Patriota se diz a favor da decisão da Igreja, e vai além, diz que, no século XXI é necessário uma reformulação dos preceitos religiosos católicos para que os descumprimentos de celibato possam ser reavaliados. “Tem que haver punição para esse tipo de coisa, pois eles firmaram um compromisso celibatário. Mas eu também entendo que a Igreja Católica tem que repensar sobre isso. Os padres deveriam se casar”, argumenta.


10

CIDADES

TribunaIndependente

MACEIÓ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

Téo assegura tratamento contra drogas Governador visitou comunidades terapêuticas no interior de Alagoas e se comprometeu em empregar ex-usuários ASSESSORIA

EDITORIA DE CIDADES COM ASSESSORIA

NA CHEGADA

Dupla assalta clientes em nova “saidinha”

O

governador Teotonio Vilela visitou ontem a Comunidade Terapêutica Sagrada Família, em Rio Largo, e a Comunidade Acolhedora Divina Misericórdia, em Palmeira dos Índios, e assegurou que o governo continuará dando apoio às ações de recuperação dos dependentes químicos no Estado. Téo Vilela ressaltou que o programa Acolhe Alagoas, da Secretaria de Estado da Promoção da Paz (Sepaz), atende atualmente cerca de 700 jovens dependentes químicos em Alagoas. Vilela prometeu conversar com os empresários que investem em Alagoas para sensibilizá-los da importância de empregar mais pessoas que saíram dessas comunidades, livres da dependência química. “Vamos mostrar ao empresariado que é tão importante quanto o tratamento aqui dentro, o emprego lá fora, a recuperação da cidadania”, afirmou. Acompanhado dos secretários Jardel Aderico, da Sepaz, Alexandre Toledo, da Secretaria de Saúde, e Dário Cesar, da Secretaria de Defesa Social, além do deputado Federal Givaldo Carimbão, o governador conversou com dependentes químicos em tratamento e reafirmou o compromisso com os jovens na inserção deles no mercado de trabalho após o tratamento. “Temos projeto de qualificação profissional para os jovens recuperados. Não adianta sair daqui sem oportunidade”, defendeu.

BRENO AIRAN REPÓRTER

Teotonio Vilela ressaltou durante visitas o projeto Acolhe Alagoas, que atende cerca de 700 jovens dependentes de drogas em Alagoas

SANATÓRIO

Funcionários de hospital ameaçam parar Os trabalhadores do Hospital Sanatório estão determinados a cruzar os braços em movimento de greve, suspendendo atendimentos até a direção da unidade definir uma data para pagamento dos salários dos meses de novembro e dezembro. Hoje, a partir das 7 horas, os trabalhadores estarão reunidos em assembleia com a direção do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem no Estado de Alagoas

(Sateal), para ajustar os últimos detalhes da paralisação. Diante dos atrasos, muitos funcionários só estariam conseguindo chegar ao hospital para dar expediente porque contam com caronas de parentes e amigos. Alguns estariam sendo obrigados a irem ao trabalho a pé. “A jornada longa e massacrante tem provocado exaustão física, com o registro de pessoas que passaram mal durante o serviço. Tudo isso

porque o Hospital também não está repassando os vale-transporte”, afirma a nota divulgada ontem pela direção do Sateal. “Sem dinheiro, não é possível pagar o aluguel, a escola dos filhos, o cartão de crédito. Não dá para se locomover nem comer. Imagine o trabalhador, pai ou mãe de família, ter que preservar a saúde dos pacientes internados quando a sua própria vida está desabando. O que nos impressio-

na é que a diretoria [do hospital] tem pleno conhecimento de tudo que está acontecendo e simplesmente ignora a precariedade das condições dos seus funcionários, que não estão exigindo nada além daquilo que têm por direito”, ressalta o presidente do Sateal, Mário Jorge Filho. A reportagem entrou em contato com o Hospital Sanatório, mas nenhum diretor da unidade estava disponível para dar entrevista.

Na terça-feira (3), no município de Santana do Ipanema, agentes do 34º Distrito Policial (DP) registraram um fato, no mínimo, inusitado. Em uma modalidade quase contrária à conhecida “saidinha de banco”, os assaltantes, dessa vez, abordaram a vítima quando ela chegava à agência bancária para sacar dinheiro. Dois homens ficaram ponteando os clientes quando eles iam chegando a uma agência da Caixa Econômica Federal, no Centro da cidade de Santana do Ipanema. A dupla agiu quando o gerente e um funcionário da concessionária Convém Honda estavam indo depositar uma quantia de cerca de R$ 26 mil. Um deles estava armado e pediu a maleta em que as vítimas levavam o dinheiro vivo. Os assaltantes estavam em uma moto Honda CG 150 Fan, de cor vermelha, e fugiram do local rapidamente. Ninguém reagiu e ninguém ficou ferido. Apesar das buscas feitas pelos policiais civis, nenhum dos dois bandidos foi encontrado.


TribunaIndependente

AĂ?LTON VILLANOVA ailton.villanova@gmail.com

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

CIDADES

11

Preso, caseiro confessa que escondeu arma de Judarley JoĂŁo Alfredo, 23, guardava pistola, algemas e aparelho de choque de suspeito ANA PAULA OMENA REPĂ“RTER

O Coisa de louco

P

or estas bandas, existiu um psiquiatra chamado Alulcinådio Loucaldo, que, vez ou outra, não se limitava apenas ao exercício de sua especialidade mÊdica. Quando cismava da parada, ele costumava dar uma de motorista de ônibus, quando não estava exercitando o seu lado excêntrico de vendedor de chapÊus de palha no mercado público. Uma das suas últimas proezas foi a seguinte: trabalhar como coveiro, embora não fosse chegado a um defunto. A Êpoca em que se ligava somente no barato psiquiåtrico, doutor Alulcinådio ganhou a oportunidade de chefiar uma unidade de enfermos mentais mantida pelo governo. Revolucionou. Ou melhor, complicou o sistema, inventando mÊtodos escalafobÊticos de medidas terapêuticas, utilizando, por exemplo, o hitleriano modelo do choque elÊtrico como terapia auxiliar no tratamento de doenças mentais. Nos seus raros momentos de lucidez, permitia que os pacientes recebessem tratamento humano. Num desses lapsos, que coincidiu com a Êpoca natalina, ele resolveu testar alguns pacientes para ver quais poderiam passar as festas de fim de ano em casa. Chamou seus auxiliares e determinou que eles enfileirassem a turma no påtio do hospital. Isto feito, dirigiu-se ao primeiro interno: - Samuel, se você acertar na resposta da pergunta que vou lhe fazer, vai passar o Natal em casa, certo? - Certo, doutor! - Então, vamos lå... O que Ê uma coisa de couro que se usa nos pÊs, para caminhar? O louco pensou, pensou e perguntou: - Tem cadarço? - Tem. - Então, Ê sapato! - Muito bem. Acertou! O louco saiu e cochichou no ouvido do mais próximo: - O teste Ê fåcil! Ele vai te fazer uma pergunta e tu pedes pra ele explicar se tem cadarço... Se ele disser que tem, aí tu respondes que Ê sapato, entendeste? - Entendi. Doutor Alulcinådio chamou o seguinte paciente e lascou lå: - O que Ê uma coisa de metal, com quatro rodas e um motor que a gente usa para andar? O paciente botou a cuca pra pensar e, ao cabo de uns três minutos, perguntou ao doutor: - Tem cadarço? - Tem não! – respondeu o psiquiatra. - Então, Ê chinelo!

Quase, quase... Rechonchudo, Euglapídio Pereira, o Pidinho, sempre foi um cara comportado e muito bem educado. Talvez por isso as pessoas sempre acharam que ele era abichalhado. Um dia, resolveu dar uma de macho, antes que... Era boquinha da noite, quando Pidinho pegou o revólver do pai e deu três tiros no vizinho chamado Orgaspo, conhecido nas redondezas como um tremendo tarado. Enquanto ele era levado pro IML, Pidinho embarcava num camburão da polícia, rumo à Delegacia de Plantão. No momento em que o escrivão quaOL¿FDYD3LGLQKRQRDXWRGHSULVmRHP ÀDJUDQWHRGHOHJDGRLQTXLULD

- Por que vocĂŞ matou seu vizinho, rapaz? E Pidinho, retorcendo as mĂŁoziQKDVJRUGLQKDV - Sabe, doutor... ĂŠ que... ele... ele queria me comer. Todo santo dia ele me tentava. Bastava eu pĂ´r o pĂŠ na rua, ele jĂĄ chegava junto e me cantava! AtĂŠ que hoje eu perdi a paciĂŞncia, doutor! - Matar o cara sĂł por causa disso, rapaz? Por que vocĂŞ nĂŁo tentou levar um papo com ele, numa boa? - Bem que eu tentei, seu delegado. Deus sabe que eu tentei. Mas o problema ĂŠ que ele estava quase me convencendo!

delegado titular de Viçosa, Belmiro Cavalcante, prendeu na tarde de ontem o caseiro João Alfredo Santos Silva, de 23 anos de idade, que confessou ter guardado uma pistola, algemas, aparelho de choque e um cacete pertencente ao suspeito de ter matado o modelo Eric Ferraz, 24 anos, no dia 1º de janeiro passado. O caseiro disse que Judarley Leite Oliveira, 24, acusado de participação na morte de Eric, pediu para que ele guardasse o material na casa da mãe, no Conjunto Mutirão, årea 3, número 21, na Rua I, no município de Viçosa, Alagoas. O pedido foi feito no último domingo.

Darley, como ĂŠ conhecido, ainda estĂĄ foragido, mas o delegado salientou que estĂĄ no encalço do suspeito e a qualquer momento poderĂĄ ocorrer a prisĂŁo dele. O caseiro JoĂŁo Alfredo foi ouvido na Delegacia da cidade, passou pelo Instituto MĂŠdico Legal de MaceiĂł (IML) e retornou para Viçosa. “O crime do caseiro ĂŠ afiançåvel e ele pode ser soltoâ€?, disse o delegado. Belmiro Cavalcante acrescentou que o homem foi agredido por outros presos quando esteve na Delegacia de Viçosa. O irmĂŁo de Judarley, o policial civil Jaysley Leite de Oliveira, de 31 anos, foi preso na terça-feira. Testemunhas afirmaram que o policial, lotado no 23Âş Distri-

to Policial de Pilar, tambÊm teria atirado no modelo na noite de RÊveillon. Segundo o delegado, Jaysley, durante depoimento, teria negado participação no crime, acusando o irmão Darley, no entanto uma testemunha revelou que o autor dos disparos teria sido o agente da Polícia Civil. A prisão do policial tem caråter temporårio e foi determinada pelo juiz da Comarca de Viçosa, Luciano Andrade de Sousa. Jaysley ficarå detido na Casa de Custódia da Polícia Civil I, no bairro do Farol, em Maceió. Uma testemunha que foi baleada durante a ação criminosa tambÊm foi ouvida pelo delegado de Viçosa. Familiares de Judarley te-

ACIDENTE DE TRABALHO

Homem morre esmagado após tentar pegar sozinho viga de ferro PETRÔNIO VIANA ALANA BERTO REPÓRTERES

O funcionårio de uma empresa de engenharia, identificado como Damião Muniz, de 48 anos, morreu na tarde de ontem, vítima de um acidente de trabalho. De acordo com testemunhas, Muniz, que fazia serviços gerais na empresa, teria tentado pegar uma viga de ferro de aproximadamente dois metros de cumprimento que estaria em um caminhão na sede da empresa, a Unus Engenharia, localizada na Rua Marquês de TamandarÊ, principal via do bairro de Santa AmÊlia.

PorÊm, Muniz não teria suportado o peso da viga, que caiu, acertando sua cabeça. Tudo aconteceu diante de um sobrinho dele, que estava no local na hora do acidente e teria ficado em estado de choque. O peso da viga era tanto que foram necessårios três homens para tirå-la de cima do funcionårio morto. Vårias viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros chegaram a se deslocar atÊ a empresa, mas Muniz não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Guarniçþes do 5° Batalhão da Polícia Militar foram acionadas para isolar a

årea do acidente. Chocados, os funcionårios se trancaram no prÊdio da empresa, onde permaneceram durante todo o tempo em que a PM e o Samu estiveram no local. Eles não quiseram fazer declaraçþes à reportagem da Tribuna Independente. De acordo com o cabo Núbio, do 5° BPM, o rosto de Muniz ficou desfigurado e ele teve perda de massa encefålica. Viaturas do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto MÊdico Legal (IML) foram chamadas para os devidos procedimentos. O caso deverå ser investigado pelo delegado Gilson Rêgo, do 5° Distrito Policial. ALANA BERTO

DegenerescĂŞncia a trĂŞs Na alcovitice de um quarto de motel, Rosibauro pilotava a Maria EucĂĄlida QXPDERDQDPDLRUFRPSHWrQFLD'HUHSHQWHFRPHoRXDUDWHDUÂł&RI$UI Cof...â€? Mas continuou insistindo. AtĂŠ que, nĂŁo aguentando mais, capotou, roncando e babando que nem touro velho. - O que ĂŠ que vocĂŞ tem, meu amor? – apavorou-se EucĂĄlida, a fogosa criatura com quem Rosibauro transava havia mais de meia hora, segundo ela prĂłpria avaliou. A verdade ĂŠ que Rosibauro estava tendo um infarto violento. Enquanto EucĂĄliGDWHQWDYDUHDQLPiORHOHUHYLUDYDRVROKRVHDSHODYD - Eu... es... estou mor... morrendo! Me le... Me le...ve pro hospi... hospital... O socorro pro Rosibauro veio rĂĄpido e num tempo considerado recorde ele estava sendo atendido na unidade coronariana de um grande hospital da cidade. Ao seu lado, Maria EucĂĄlia chorava que nem bezerro desmamado quando, subitamente, entrou na parada a “matrizâ€?, isto ĂŠ, a esposa do cara, dona CarĂłtida. (ODIX]LORXDDPDQWHGRPDULGRFRPRVROKRVHFRPSOHWRX - Matou o meu marido, nĂŁo foi, sua criminosa? - Ele ainda nĂŁo morreu nĂŁo, sua burra! – rebateu a outra. - Mas vai morrer e a culpada serĂĄ vocĂŞ! - Pelo menos morrerĂĄ feliz! 1HVVHSRQWRGDGLVFXVVmRRPpGLFRLQWHUIHULX - SilĂŞncio! Isto aqui ĂŠ um hospital! Bate-boca aqui dentro, nĂŁo! Se quiserem discutir, vĂŁo discutir lĂĄ fora! (XFiOLDGHIHQGHXVH - Eu sĂł estava dizendo a essa idiota que se o Rosinho morrer, morrerĂĄ feliz. A gente estava fazendo um amor legal, doutor, quando ele infartou... (&DUyWLGDDHVSRVD - Amor? RĂĄ, rĂĄ...! Chama safadeza de amor, ĂŠ? (XFiOLDUHWUXFRLXÂżUPH - VocĂŞ diz isso porque nĂŁo sabe o que ĂŠ uma “tesouraâ€?, um “aviĂŁozinhoâ€?, um “alicateâ€?, uma “chinesa voadoraâ€?, uma “chuca-chucaâ€?... - Calem a boca! – ordenou o mĂŠdico, jĂĄ com ĂĄgua na boca. - Isso tudo?! Ah, meu Deus! – gemeu a esposa, sem importar-se com a bronca do mĂŠdico. – Comigo, o canalha era sĂł na base do “papai e mamĂŁeâ€?, ou no “feijĂŁo com arrozâ€?! $KPLQKDÂżOKDYRFrQmRVDEHRTXHHVWiSHUGHQGR4XHPPDQGDVHUEDEDFD"ÂąDOÂżQHWRXDDPDQWH - Eu nunca aprendi fazer essas coisas... 4XHPQmRVDEHDSUHQGHVXDLQFRPSHWHQWH MĂŞs e tanto depois, completamente refeito, Rosibauro e as duas mulheres inauguravam um relacionamento novo, a trĂŞs, cuja palavra de ordem era a “carga todaâ€?, ou “sexo sem limiteâ€?, ideia da prĂłpria dona CarĂłtida, a esposa do safado.

riam dito na terça-feira que o acusado iria se apresentar Ă polĂ­cia na terça-feira, mas nĂŁo aconteceu. REUNIĂƒO O governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) recebe hoje, Ă s 15 horas, no PalĂĄcio RepĂşblica dos Palmares, Edglenes dos Santos, pai do modelo Eric Ferraz. Numa cena triste para os alagoanos, Edglenes se acorrentou a uma pedra no Centro de Marechal Deodoro para cobrar a prisĂŁo do acusado pelo assassinato do filho. Ainda na terça, Edglenes participou de uma audiĂŞncia com o secretĂĄrio de Articulação PolĂ­tica do governo, RogĂŠrio TeĂłfilo. O secretĂĄrio foi o responsĂĄvel por marcar a reuniĂŁo com o governador.

Viga de ferro FRPGRLVPHWURVGHFRPSULPHQWRFDLXQDFDEHoDGRIXQFLRQiULRTXHWHYHURVWRGHVÂżJXUDGR

CARROS ROUBADOS

Polícia prende homem acusado de receptação

Agentes da Divisão Especial de Investigação de Capturas (Deic) prenderam ontem Valdeci Manoel da Silva. A prisão foi feita em cumprimento a mandado expedido pelo juiz George Leão de Omena Duarte, da 12ª Vara Criminal da Capital. Valdeci estava foragido desde junho do ano passado, quando teve a prisão decretada. Ele Ê acusado de receptação de veículo roubado. O acusado havia sido detido em fevereiro de 2010, em uma rodovia próximo à cidade de São Miguel dos Campos. No momento da prisão, ele estava de posse de uma caminhonete Ford Ranger, roubada horas antes de um comerciante – proprietårio de uma padaria situada no Conjunto JosÊ Tenório, no bairro da Serraria, em Maceió. Após investigaçþes, os agentes da Deic - da Polícia Civil - conseguiram localizar e prender o acusado no bairro do Clima Bom, tambÊm em Maceió, onde ele residia atualmente. Valdeci foi ouvido pela delegada Ana Luiza Nogueira, na sede da Deic, e serå encaminhado à Casa de Custódia da Capital, onde ficarå à disposição da Justiça alagoana.

POLĂ?CIA CIVIL

USADOS

O delegado-geral da PolĂ­cia Civil, JosĂŠ Edson Freitas, recebeu ontem, na sede da instituição, em Jacarecica, representantes do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol). A reuniĂŁo foi o primeiro contato entre o Sindpol e o atual gestor da PC. O delegado-geral apresentou projetos de melhorias que pretende pĂ´r em prĂĄtica durante sua gestĂŁo. Ele explicou que estĂĄ sendo montando um plano de ação para 2012. “A reuniĂŁo foi proveitosa porque dialogamos para a construção de uma proposta que atenda RVLQWHUHVVHVGDVSDUWHVTXHFRPS}HPQRVVDLQVWLWXLomR´DÂżUPRX

O Sesc em Alagoas realiza entre os dias 9 e 13 de janeiro, a 22ª Feira de Troca de Livros. A ação acontece na unidade do bairro do Poço, das 9 horas às 17 horas. Cada participante pagarå uma taxa de dois reais, referente à permissão para exposição dos livros. Não serå permitida a comercialização de livros do MEC e do professor. A Feira de Troca de Livros tambÊm acontece na unidade Sesc Arapiraca, no período de 11 a 13 de janeiro, tambÊm das 9 horas às 17 horas.

Delegado-geral estå montando plano de ação Feira de Troca de Livros no Sesc começa dia 9


12

CIDADES

TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

Entre a cruz e a espada

O

deputado estadual Gilvan Barros estĂĄ em silĂŞncio. No centro das atençþes, dois irmĂŁos disputam a sucessĂŁo municipal de Girau do Ponciano, seu principal reduto polĂ­tico. De um lado, o vice-prefeito Gilberto Barros reclama a condição de bola da vez; do outro lado o empresĂĄrio Bastos Barros garante que “sou do bemâ€? e estĂĄ na briga por uma das cadeiras mais cobiçadas do Agreste alagoano, atualmente ocupado pelo sobrinho David Barros.

Briga de gigantes

Que bobagem!!!

É uma briga de gigantes. Não tenha dúvida disso. Os dois lados, alÊm do parentesco em primeiro grau, possuem, alÊm do bastão político, fortunas incalculåveis, acumuladas ao longo dos anos, após a morte do irmão, prefeito Enoque de Barros, vítima de acidente automobilístico em um trevo próximo à cidade de São Miguel dos Campos.

Minha gente. É preciso deixar de lado certas picuinhas polĂ­ticas, alimentadas por “puxa-sacosâ€? que querem se perpetuar no poder. É importante deixar claro que a deputada federal CĂŠlia Rocha nĂŁo pode ser candidata a prefeita de Arapiraca devido ao envolvimento pessoal com o atual prefeito Luciano Barbosa.

“Baba-ovosâ€? $JRUDÂżFDPHLRG~]LDGHÂłEDEDRYRV´GHIHQGHQGRRLQGHIHQViYHOSDUD aparecer. Ora, que vĂŁo para a ponte que caiu. Que bobagem. Os tempos sĂŁo outros. AlĂŠm do mais, Luciano Barbosa ĂŠ um grande prefeito e tem condiçþes plenas de eleger o seu sucessor. Agora, ĂŠ preciso dar um basta nessa besteira de dizer que CĂŠlia ĂŠ candidata a prefeita, como se fosse a “salvadora da pĂĄtriaâ€?. Que coisa feia.

Fora de questão CÊlia pode atÊ ser candidata, mas só se for em outra cidade. Em Arapiraca, a sua candidatura estå fora de questão. A não ser que houve mudanças na Lei. (¿PGHFRQYHUVD

Chamando a atenção

Mobilizando

Iniciativa pioneira em todo o País, o Plano Decenal de Desenvolvimento de Arapiraca estå chamando a atenção de gestores públicos e lideranças políticas de outros municípios. Na manhã desta quinta-feira (5), o presidente da Câmara de Vereadores de Murici, Anizio Amorim, o Anizão (PMDB), e os vereadores por Palmeira dos �ndios, França Júnior (PSDB) e por Campo Grande, Saulo Moura, irão marcar presença na Escola de Governo CÊlia Rocha, para conhecer RVWUDEDOKRVGHVHQYROYLGRVQDVR¿FLQDV temåticas.

O Plano estå mobilizando representantes dos 220 mil moradores e integrantes dos poderes públicos de Arapiraca. As atividades tiveram início no dia 1º de dezembro de 2011, com a realização das primeiras reuniþes de trabalho, que serão encerradas no dia 11 de MDQHLURFRPD2¿FLQD de Comunicação.

Empresårios 'HSRLVVHUmRUHDOL]DGDVPDLVGH]R¿FLQDVHPFRPXQLGDGHVSRORQD zona rural de Arapiraca. O gestor do Plano Decenal de Desenvolvimento, o ex-superintendente da Caixa Econômica Federal em Alagoas, 3DXOR6pUJLR%DUER]DGH0HORDGLDQWDTXHQDR¿FLQD³$UDSLUDFD das Oportunidades� desta quinta-feira (5) o prefeito Luciano Barbosa (PMDB) tambÊm estarå presente juntamente com um grupo de 30 empresårios locais. Eles irão debater temas como infraestrutura urbana e atração de investimentos, com a geração de mais emprego e renda para o município e região.

Encerramento

Projetos

$VR¿FLQDVVHUmRHQFHUUDGDVGLDGH janeiro e, em seguida, o grupo irå atÊ as comunidades rurais. Cada reunião temåtica contarå com a participação de SHVVRDVWRWDOL]DQGRDR¿QDOGRV trabalhos, um contingente de aproximadamente 1.500 cidadãos e cidadãs arapiraquenses. A elaboração do Plano ainda inclui reunião com representantes do Fórum de Desenvolvimento Local, Integrado e Sustentåvel (FDLIS) - entidade com representantes de 60 segmentos sociais do município, incluindo lideranças comunitårias, sindicalistas, empresårios, lojistas, integrantes de movimentos culturais e da juventude, entre outros.

O Plano Decenal consiste na criação de 14 Câmaras Setoriais, com foco em projetos para açþes de educação, saúde, agricultura, geração de emprego e renda, cultura, lazer, infraestrutura urbana, bem como outras åreas sociais, para que seja planejado o desenvolvimento do município pelos próximos dez anos. Cada câmara setorial serå composta por 30 membros, sendo dez do poder público e os demais integrantes dos diversos segmentos da sociedade civil organizada.

Redes sociais Com o objetivo de democratizar ainda mais o acesso das pessoas às atividades para a elaboração do Plano Decenal de Desenvolvimento de Arapiraca, a coordenação dos trabalhos estå ampliando as açþes para as redes sociais. Paulo SÊrgio Barboza de Melo explica que, alÊm de criação de um site FRQWHQGRDWpDJRUDRVUHODWyULRVGDVR¿FLQDVMiUHDOL]DGDVFRPDVRFLHdade, agora chegou a vez de os internautas que utilizam o twitter darem sua contribuição com as suas sugestþes para o planejamento do futuro de Arapiraca pelos próximos dez anos. ³0DLVGHSHVVRDVSDUWLFLSDUDPDWLYDPHQWHGDVR¿FLQDV'HDFRUdo com o coordenador do Plano Decenal, a meta Ê tornar mais dinâmica a participação e o acesso das pessoas. Ele destacou a qualidade e o FRPSURPLVVRGRJUXSRFRPRVXFHVVRGDVR¿FLQDVMiUHDOL]DGDVHR apoio efetivo do prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa (PMDB), para a realização dos trabalhos com a sociedade. ... A Fundação Apolônio Sales de Desenvolvimento Educacional (Fadurpe) divulga o resultado provisório das provas de títulos do concurso público da Prefeitura de Arapiraca, para o preenchimento dos cargos de professor/educação infantil, professor – atividades/sÊries iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano), professor do Ensino Fundamental žDRžDQR QDVGLVFLSOLQDV/tQJXD3RUWXJXHVD*HRJUD¿D+LVWyULD Ciências, Inglês, Religião, Artes e Educação Física. ... A lista dos candidatos a procurador e agentes de trânsito tambÊm foram disponibilizadas no site da prefeitura de Arapiraca.

Reforma de 163 escolas começa na sexta-feira Unidades apresentam problemas na infraestrutura e criam risco a alunos e professores

A

s obras de reforma em caråter de urgência de 163 escolas da rede pública estadual começam sexta-feira (6). Neste mesmo dia, às 10 horas, no Palåcio República dos Palmares, o governador Teotonio Vilela Filho, junto com o secretårio de Estado da Educação, Adriano Soares, entrega as ordens de serviço para o começo das obras. A medida Ê consequência do Decreto de Urgência na Educação publicado pelo governador no final do ano passado no Diårio Oficial do Estado. O documento determina a recuperação de 163 escolas públicas estaduais cuja infraestrutura ofereça risco à segurança de alunos, servidores e pais. Haverå reforma de escolas nos municípios de Maceió, Arapiraca, Campo Alegre - onde houve desabamento do teto -, Santana do Ipanema, Paripueira, Porto Real do ColÊgio, União dos Palmares, Pão de Açúcar, Olho d’à gua das Flores, Viçosa, Olivença, Carneiros, Mata Grande, Delmiro Gouveia, Japaratinga, Matriz de Camaragibe, Passo de Camaragibe, São Luiz do Quitunde, Atalaia,

ALAGOAS ĂšLTIMA HORA

Escola de Campo Alegre, onde houve desabamento de teto, serĂĄ contemplada com a obra emergencial

Palmeira dos Ă?ndios, Belo Monte, Paulo Jacinto, Feliz Deserto, Pilar, Penedo, Batalha, Capela, Cajueiro, Ibateguara e Joaquim Gomes. INVESTIMENTOS AlĂŠm das escolas reformadas em carĂĄter de urgĂŞncia, o governo de Ala-

goas tambÊm vai promover a recuperação de mais 200 unidades da rede pública estadual atÊ o final deste ano. Todos os imóveis serão dotados de instrumentos de acessibilidade. Após a conclusão das reformas, a Secretaria de Estado da Educação e do Es-

porte (SEE) vai implantar o Planejamento e Controle da Manutenção Predial (PCM), onde empresas serão contratadas para realizar um trabalho de conservação, executando pequenos reparos como retelhamento, infiltraçþes e recuperação de instalaçþes elÊtricas.

CONTRA A DENGUE

MunicĂ­pios recebem mais de R$ 2 milhĂľes MinistĂŠrio da SaĂşde aprovou liberação de verba para 72 cidades alagoanas O MinistĂŠrio da SaĂşde aprovou a liberação de mais de R$ 2 milhĂľes para 72 municĂ­pios alagoanos que apresentaram projetos para combater a dengue. A medida vai permitir que as cidades recebam 20% a mais que os repasses regulares do Teto de Vigilância e Promoção Ă SaĂşde para o desenvolvimento dos planos, que incluem a qualificação das açþes de prevenção e o controle da doença. As administraçþes municipais que mais receberĂŁo recursos sĂŁo MaceiĂł, que terĂĄ cerca de R$ 789 mil; Arapiraca, com mais de R$ 182 mil; Rio Largo, com cerca de R$ 64 mil; Palmeira dos Ă?ndios, com cerca de R$ 56 mil; Penedo, que terĂĄ mais de R$ 49 mil, e UniĂŁo dos Palmares, com quase R$ 48 mil. Segundo a superintendente de Vigilância em SaĂşde da Secretaria Estadual de SaĂşde (Sesau), Sandra Canuto, a seleção teve como base o nĂşmero de casos da doença. “Foram escolhidas aquelas que jĂĄ estĂŁo com o problema hĂĄ bastante tempo. O ministĂŠrio fez uma anĂĄlise baseada, principal-

SANDRO LIMA /ARQUIVO

Incidência da doença nas cidades contempladas foi requisito para liberação de recurso complementar

mente, na alta incidência de casos, para conceder essa liberação�, diz. Em todo o País, 1.159 cidades foram selecionadas. Os recursos estão na ordem dos R$ 92,8 milhþes e os selecionados assinarão um termo se comprometendo a ampliar as açþes, a

organização da assistĂŞncia aos pacientes e a vigilância contra a dengue. REDUĂ‡ĂƒO Em 2011, Alagoas fechou o ano com redução de 80% nos casos de dengue em comparação com 2010. De acordo o Ăşltimo Boletim EpidemiolĂłgico divul-

gado pela Sesau, em 2011, foram notificadas 10.647 ocorrências da doença, contra 54.200 em 2010. A redução foi bem maior que a registrada pelo País, de 25%. AtÊ o final de novembro, foram notificados 742.364 casos suspeitos no Brasil.

CRACK

SAĂšDE

A Polícia Militar prendeu ontem dois homens acusados de SRUWHHWUi¿FRGH entorpecentes, nos bairros do Feitosa e Cidade Universitåria. Erasmo Carlos Lopes, de 22 anos, foi preso na Cidade Universitåria com duas pedras de crack. No momento da ação, o acusado resistiu à voz de prisão. Na Avenida Chico Mendes, bairro do Feitosa, foi preso Thiago Silva dos Santos, de 20 anos, com 17 pedras de crack, duas bombinhas de maconha e R$ 77,40 em espÊcie. Os acusados foram conduzidos à Central de Polícia.

A Vigilância SanitĂĄria de Alagoas faz um alerta para quem quer curtir o calor o verĂŁo. Segundo a nutricionista MĂĄrcia Alves, este perĂ­odo do ano pode ocasionar diversos problemas para a saĂşde. Os principais sĂŁo a desidratação e as infecçþes intestinais, causados pela falta de ĂĄgua e sais minerais no organismo e pela ingestĂŁo de alimentos contaminados ou mal armazenados. “Uma YH]TXHQmRUHSRPRVRVOtTXLGRVHQXWULHQWHVÂżFDPRVYXOQHUiYHLV Ă desidratação, que pode ser agravada com o consumo de comidas estragadasâ€?, avisa.

PM prende duas pessoas com drogas em Maceió Vigilância faz alerta para período do verão


TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

Economia

ECONOMIA

13

Gestor da Sefaz estuda mudança no Fundo de Participação dos Estados Após vasto estudo desenvolvido pela Escola de Administração Fazendåria (Esaf), especialistas vinculados a oito secretarias estaduais da Fazenda – entre eles o representante de Alagoas, o gerente de Gestão Fiscal e Estatística da Sefaz/AL, Wagner Cunha e Torres – desenvolveram um novo modelo para distribuição dos recursos federais ligados ao Fundo de Participação dos Estados (FPE). O estudo aponta os principais problemas do atual modelo de divisão. A nova proposta de rateio, vista com simpatia pela årea econômica do governo federal, garante que não haverå perdas para os Estados do Nordeste e passa a considerar critÊrios de variåveis sociais e econômicas.

Hotelaria com 100% de ocupação Informação ĂŠ da Associação Brasileira da IndĂşstria de HotĂŠis, que seguem lotados atĂŠ o dia 21 de janeiro na capital DIVULGAĂ‡ĂƒO

Recepção de turistas nos dias 29 e 30 do mês passado foram bem aceitas

19 A 22

ALAGOAS

Operação Ă€VFDOL]DEDUHV e restaurantes A temporada de verĂŁo jĂĄ começou em Alagoas. Sol, praia e muita badalação sĂŁo os maiores atrativos para os turistas que escolhem este paraĂ­so para passar as fĂŠrias. Para garantir maior segurança dos produtos e serviços oferecidos aos visitantes e Ă população local, o Procon – ĂłrgĂŁo vinculado Ă  Secretaria de Estado da Mulher, da Cidadania e dos Direitos Humanos – realiza, a partir desta quinta-feira, o Procon VerĂŁo. Durante o mĂŞs de janeiUR RV Ă€VFDLV GR yUJmR YmR percorrer os Litorais Norte H 6XO UHDOL]DQGR Ă€VFDOL]Dção em bares, restaurantes e pontos turĂ­sticos. Entre as atividades realizadas, estaUmR D YHULĂ€FDomR GD FREUDQça indevida do couvert artĂ­stico e da taxa do serviço de garçom, a exigĂŞncia de consumação mĂ­nima, a diferenciação da compra com cartĂŁo ou Ă  vista (em dinheiro), a emissĂŁo da Nota Fiscal Alagoana, alĂŠm de dar dicas sobre aluguel por temporada. CALENDĂ RIO 1HVWD TXLQWD RV Ă€VFDLV do Procon/AL estarĂŁo na Barra de SĂŁo Miguel, das 10h Ă s 15h. De acordo com o FRRUGHQDGRU GD Ă€VFDOL]DomR JoĂŁo Lessa, os estabelecimentos serĂŁo inspecionados e orientados a seguir as normas estabelecidas pelo CĂłdigo de Defesa do Consumidor - CDC. “A princĂ­pio, pretendemos fazer uma visita educativa, mas, se observarmos irregularidades, vamos fazer a autuação devidaâ€?, explica o coordenador. Segundo o CDC, as multas podem variar de R$ 400,00 a R$ 6 milhĂľes.

A

tĂŠ o dia 21 deste mĂŞs, a hotelaria de MaceiĂł estarĂĄ com 100% de ocupação. A informação ĂŠ da Associação Brasileira da IndĂşstria de HotĂŠis (Abih), que começou o ano colhendo os frutos das açþes de promoção realizada no ano passado, em parceria com as secretarias de Turismo do MunicĂ­pio (Semptur) e do Estado (Setur). Segundo a secretĂĄria municipal de Promoção do Turismo, Claudia PessĂ´a, a recepção aos turistas nos dias 29 e 30 do mĂŞs passado foi bem aceita pelos visitantes que escolheram MaceiĂł para passar o RĂŠveillon e as fĂŠrias. Dayse Campos, turista de Manaus, aterrissou em MaceiĂł no dia 30 para passar as fĂŠrias na cidade com a famĂ­lia. “JĂĄ sĂŁo oito anos seguidos que venho a MaceiĂł. Eu amo esta cidade. As praias sĂŁo lindas e o povo maravilhoso; e este ano foi melhor, ganhei picolĂŠ e uma lemEUDQoD GR ERUGDGR GH Ă€Op Meu sonho ĂŠ morar nesta

VERĂƒO

cidade assim que me aposentarâ€?, contou Dayse. Hotelaria com casa lotada e os navios continuam chegando ao Porto. Nesta quinta-feira aporta na cidade o navio PH Reisen Artania, com capacidade para 1.200 passageiros HWULSXODQWHV$WpRĂ€QDO do mĂŞs serĂŁo mais 10 cruzeiros aquecendo a economia da cidade. SĂƒO PAULO Promover MaceiĂł ĂŠ uma das açþes prioritĂĄrias da Secretaria Municipal de Promoção do Turismo, que participa neste mĂŞs do workshop da CVC em SĂŁo Paulo, que deve reunir em dois dias de evento mais de 12 mil agentes de viagens da RegiĂŁo Sudeste. “Começamos 2012 muito bem, e tradicionalmente teremos o Carnaval com casa lotada. Neste ano serĂĄ inaugurado mais um hotel do grupo Ritz na Praia de Cruz das Almas e a secretaria continuarĂĄ promovendo MaceiĂł para repetir o sucesso, com mais turistas aquecendo a economia da cidadeâ€?, disse Claudia PessĂ´a.

Feira dos Municípios serå inspirada MC Música abre temporada no nobre artesanato alagoano 2012 de cruzeiros Falta pouco para o início da Feira dos Municípios, que acontecerå de 19 a 22 de janeiro, no Centro de Convençþes, em Maceió. O evento jå Ê considerado tradicional no Estado e darå aos visitantes uma noção da diversidade cultural e artística de Alagoas, alÊm de fomentar o comÊrcio local em plena alta temporada turística. Entre as novidades deste ano, a feira terå decoração inspirada no toque mågico dos artesãos. Com o tema

Arte com as Mãos, o acontecimento homenagearå os mestres que trançam a palha, esculpem a madeira e dão forma à arte alagoana em sua grande diversidade. Os municípios inscritos pretendem inovar e criar um ambiente que tenha a cara não só de sua cidade, mas do Estado como um todo. AlÊm disso, 6 estandes de grandes empresas, a exemplo do Sebrae, estarão participando do evento. Considerando a beleza própria de cada re-

giĂŁo participante, tambĂŠm serĂĄ promovido durante o perĂ­odo, um concurso onde serĂĄ eleita a Miss Municipal. SĂŁo esperadas cerca de 30 candidatas que concorrerĂŁo ao tĂ­tulo. O Governo do Estado tambĂŠm apĂłia a iniciativa por acreditar nela como um grande instrumento de divulgação. Para a secretĂĄria estadual, Danielle Novis, representa uma vitrine do Estado. â€œĂ‰ o momento de mostrar nĂŁo sĂł para o turistaâ€?.

PILAR

A temporada de cruzeiros marítimos 2011/2012 no Brasil e em Alagoas Ê a maior jå realizada. A capital alagoana terå atÊ, o fechamento da temporada, 13 navios em 42 chegadas. O mês de janeiro começou com a chegada do primeiro navio do ano, o MSC Música. Mais de três mil turistas passaram pela estação receptiva do Porto de Maceió ontem pela manhã. O navio se despediu às 16h com destino a Salvador. Turistas brasileiros e estrangeiros desembarcaram

nesta quarta-feira (4) para conhecer as belezas naturais do Estado. Como o espanhol Miguel Bodrone, que visita o Estado pela segunda vez. “Ficamos, eu e minha famĂ­lia, cerca de 15 dias hospedados num hotel da capital; agora, voltamos para apreciar ainda mais as belezas desse lugar maravilhosoâ€?, disse. A brasileira Gissy Cardoso tambĂŠm vem Ă capital pela segunda vez. “Dessa vez vim de cruzeiro com um grupo que nĂŁo conhece o Estado, vamos aproYHLWDUÂľDĂ€UPD


14

ECONOMIA

TribunaIndependente

0$&(,Ă?48,17$)(,5$'(-$1(,52'(

HWMRUQDOLVWD#JPDLOFRP

KLÉVERSON LEVY – ,17(5,12 NOHYHUVRQOHY\#JPDLOFRP

Amaro Jorge (PP), de JacuĂ­pe, deve anunciar sucessor

%

em provåvel que o prefeito de Jacuípe, Amaro Jorge (PP), possa anunciar o seu candidato a prefeito na Festa de Reis, TXHDFRQWHFHQHVWHÀQDOGHVHPDQD A expectativa Ê grande para saber qual o nome do sucessor que terå o apoio da atual administração. Amaro vem comandando o município desde sua primeira vitória nas urnas, em 2004, e depois, quando foi reeleito em 2008. Administração valorizou os servidores públicos, organizou a casa e realizou diverVDVREUDVGHLQIUDHVWUXWXUDQDFLGDGH$WpRÀPGHVHXPDQGDWRR gestor ainda pretende entregar 400 casas populares.

Jacuípe – Festa de Reis 1DURWDGHFRPHPRUDo}HVQRVPXQLFtSLRVDODJRDQRVHPMDQHLUR-DFX tSHWDPEpPDSUHVHQWDDJUDQGH)HVWDGH5HLV%DVWDQWHWUDGLFLRQDOR HYHQWRDWUDLPLOKDUHVGHSHVVRDVSDUDDSURFLVVmRGHVWDVH[WDIHLUD   $OpPGDSDUWHUHOLJLRVDRSUHIHLWR$PDUR-RUJH 33 DJUDGDDRVPXQtFL SHVFRPRVVKRZVGD%DQGD$QMR$]XOKRMH  HDPDQKm  pDYH]GD &RPSDQKLDGR&DO\SVR(VWDpD~OWLPD)HVWDGH5HLVFRPDQGDGDSHOR SUHIHLWR$PDUR-RUJHQD3UHIHLWXUDGH-DFXtSH

Inhapi

Miss Piranhas

$FRQWHFHKRMHDWUDGLFLRQDO )HVWDGH5HLVGH,QKDSL2HYHQWR UHDOL]DGRSHODSUHIHLWXUDPXQLFLSDO DFRQWHFHHPSDOFRPRQWDGRQD3UDoD &HQWUDOGDFLGDGHRQGHDQWHVGRV VKRZVpUHDOL]DGDD0LVVDGH5HLV RUJDQL]DGDSHODSDUyTXLDORFDO$ FRPLVVmRRUJDQL]DGRUDHVSHUDXP S~EOLFRGHFLQFRPLOSHVVRDVSDUD FXUWLURVVKRZVGRFDQWRUVHUWDQHMR (GVRQ%XHQR%DQGD%HLMR$UGHQWHH %UDVDVGR)RUUy$JUDQGHDWUDomRGD IHVWDpDEDQGD&DYDOHLURVGR)RUUy

$PLVV$ODJRDV6WHIDQLH &DUYDOKR4XLQWHODWHYHRQRPH FLWDGRQDOLVWDGLVSRQLELOL]DGD SHOD0HVD'LUHWRUDGD$VVHP EOHLD/HJLVODWLYDGH$ODJRDV $/( QRFDVRGD*UDWLÂżFDomR GH'HGLFDomR([FHSFLRQDO *'( $SHVDUGHWHUVLGRHOHLWD PLVV3LUDQKDV6WHIDQLHpQDWXUDO GDFLGDGHGH2OKRGÂśĂˆJXDGDV )ORUHV'HSRLVDEHOtVVLPDROKR GDJXHQVHIRLHOHLWDPLVV$ODJRDV (QD$/("

Tapera 2EORJGR(YDQGUR&DUGRVRGLYXOJRXTXHDWpRPrVGHIHYHUHLUREHP SUy[LPRDR&DUQDYDOVHUmRGLYXOJDGRVRVQRPHVTXHHQIUHQWDUmRR JUXSRGRDWXDOSUHIHLWRGH6mR-RVpGD7DSHUD-DUEDV5LFDUGR 36'%  TXHGHVLVWLXGHGLVSXWDURSOHLWRHPRXWXEURGHVWHDQR(PUHXQLmRHQWUH RVOLGHUHVGR3739357%H36'&TXHIRUPDPREORFRGHRSRVLomR IRUDPHVFROKLGRVRH[SUHVLGHQWHGD&kPDUDGH9HUHDGRUHVVDUJHQWR 3HUHWHRSUHVLGHQWHGD$FHVVH&RQVXOWRUHV(GLOVR5DPRVHRYHUHDGRU (YDQGUR&DUGRVR 37 FRPRSUpFDQGLGDWRVDSUHIHLWR1RDQRSDVVDGR HPHYHQWRVGDVXDJHVWmR-DUEDVMXURXTXHQmRGLVSXWDULDDUHHOHLomR

Correios – Capela

Barra de SĂŁo Miguel

0DLVXPDDJrQFLDGRV&RUUHLRV HP$ODJRDVpDOYRGRVEDQGLGRV 1RÂżPGDWDUGHGDWHUoDIHLUD KRPHQVIRUWHPHQWHDUPD GRVLQYDGLUDPHDVVDOWDUDPRV &RUUHLRVGRPXQLFtSLRGH&DSHOD QD=RQDGD0DWDGR(VWDGR &RPRVHPSUHEHPRXVDGRVWUrV EDQGLGRVUHQGHUDPRYLJLODQWHGD DJrQFLDHDQXQFLDUDPRDVVDOWR 3DUDRDOtYLRGHWRGRVRVTXH HVWDYDPSUHVHQWHVQLQJXpP ÂżFRXIHULGR2JUXSRFRQVHJXLX OHYDUXPDJUDQGHTXDQWLDHPGL QKHLUR3RUpPpQRWyULRTXHHP DQRHOHLWRUDODJrQFLDEDQFiULDV VmRDVVDOWDGDV0DVGHVGHR DQRSDVVDGRTXHRDOYRPDLRU WHPVLGRRV&RUUHLRVDTXLHP $ODJRDV$WpTXDQGR"

1DYLVLWDTXHIH]DR3URMHWR%DUUL QKDQD%DUUDGH6mR0LJXHODMR JDGRUD0DUWDIRLDWUDomRSULQFLSDO 3RURXWURODGRSUHVHQoDVLOXVWUHV WDPEpPQmRGHL[DUDPGHVHU GHVWDTXHQRHYHQWRGDPHOKRUMR JDGRUDGRPXQGR$OpPGRSUHIHLWR 5HJLQDOGR$QGUDGH 37% HVWDYD QRJUXSRGH0DUWDDH[SUHIHLWDGH (VWUHODGH$ODJRDVÆQJHOD*DUURWH 33 HDSUpFDQGLGDWDDSUHIHLWD GD%DUUD7DFLDQD)HUUR 301  ¿OKDGRGHSXWDGRHVWDGXDO&tFHUR )HUUR 301 1DWHQWDWLYDGHTXH VHXQRPHGHFROHHQWUHRVSRSX ODUHV7DFLDQDHVSDOKRXVRUULVRV SDUDWRGRVRVSUHVHQWHVFRPR ~QLFRREMHWLYRYHUVXDFDQGLGDWXUD DODYDQFDUGLDQWHGDVSUy[LPDV SHVTXLVDVQRPXQLFtSLR

Festival de Verão – Francês &RPHoDDPDQKmXPGRVHYHQWRVPDLVHVSHUDGRVQHVWHLQtFLRGHDQR HP$ODJRDV2)HVWLYDOGH9HUmRGD3UDLDGR)UDQFrVHP0DUHFKDO'H RGRURDEUHDWHPSRUDGDGHYHUmRQDVEHOtVVLPDVSUDLDVGR/LWRUDO1RUWH GR(VWDGR1HVWDVH[WDIHLUDVHDSUHVHQWDPQDSULPHLUDQRLWHDVEDQGDV $VDGHJXLD5HYHODomR%HORH1HWLQKR1RGLD  ID]HPVKRZV $YL}HVGR)RUUy7LPEDODGD&DYDOHLURVGR)RUUyH&LGDGH1HJUD(QR ~OWLPR¿QDOGHVHPDQDGDIHVWDSDVVDPSRUOi&KLFOHWHFRP%DQDQD *DURWD6DIDGD%RUD%RUDH1HJUD&RU

Pão de Açúcar - Festa de Reis 9DLDWpRGRPLQJR  D)HVWDGH5HLVGH3mRGH$o~FDU7RGRVRV GLDVRPXQLFtSLRWHUiVKRZVPXVLFDLVFRPSHWLo}HVHVSRUWLYDVHYHQWRV FXOWXUDLVHUHOLJLRVRV+RMHpGLDGHFXUWLU0DQR:DOWHUH*DWLQKD 0DQKRVD$PDQKm)RUUy0DLRU1RVVD%DQNDH'M7XFD6iEDGR SDVVDUmRSRUOi%DODQoD%UDVLO%RUD%RUD3DGUH-RmR]LQKR'M7XFD %DQGD(PRo}HVH)RUUyGD3HJDomR3DUDHQFHUUDUQRGRPLQJRR FDQWRU5LFDUGR&KDYHV'M7XFD&DYDOHLURVGR)RUUy([SUHVVR)RUUyQH MR$)RUUR]DGDH%DWH3DSR

Penedo - Bom Jesus dos Navegantes $WpRGLDGHVWHPrVDFRQWHFHPDV)HVWLYLGDGHVDR%RP-HVXVGRV 1DYHJDQWHVHP3HQHGR(VWHDQRDVFRPHPRUDo}HVDR%RP-HVXVGRV 1DYHJDQWHVFRPSOHWDPDQRVGH&XOWXUD(VSRUWH7XULVPR5HOLJLmR /D]HU&LGDGDQLDHPXLWRPDLV$SURJUDPDomRRÂżFLDOpDVHJXLQWHDPD QKmDSUHVHQWDPVH$OFHX9DOHQoD$UHUr7XDWDUDH*DOmGR%UHJD 6iEDGR&DYDOHLURVGR)RUUy3HGUR*XLOKHUPH3DSR6pULR$[HULIHH 7DWDX'RPLQJR.HO0RQDOLVDH%DQGD 3DOFR5HOLJLRVR H-RDQQD 7RGRVRVGLDVRVVKRZVFRPHoDUmRDSDUWLUGDVKQD2UODGDFLGDGH

Jogadora Marta em Estrela de AL 6HHVSDOKRXQR)DFHERRNTXHDMRJDGRUDGDVHOHomREUDVLOHLUDGH IXWHERODDODJRDQD0DUWDHDDWUL]$PDQGD3LQKHLURGRSURJUDPD=RUUD 7RWDOGD79*ORERHVWDUmRQRSUy[LPRGLDHP(VWUHODGH$ODJRDV $VGXDVYmRFXUWLURVKRZGDEDQGD$YL}HVGRIRUUy2FRQYLWHSDUWLXGR VHFUHWiULRPXQLFLSDOGH*RYHUQRGD3UHIHLWXUDGH(VWUHODGH$ODJRDV $UOLQGR*DUURWH 33 TXHWDPEpPpFDQGLGDWRDSUHIHLWR

$FHVVH tribunahoje.com $LQIRUPDomRTXHYRFrQmRWLQKDQRVHXGLDDGLD

Cidade Digital garante tecnologia aos carentes 3URJUDPDpÂżQDQFLDGRSHOR%DQFR0XQGLDOFRPHVWUXWXUDItVLFDHWHFQROyJLFD

U

m dos programas digitais mais esperados para em 2012 Ê o Cidade Digital, que jå estå sendo implantado em diversos municípios de todo País. Em Alagoas, o projeto Ê fruto de uma parceria entre o Governo do Estado e o Governo Federal. O programa conta com ÀQDQFLDPHQWR GR %DQFR Mundial, um investimento de R$ 3 milhþes. Inicialmente, quatro cidades alagoanas foram contempladas e terão estrutura física e tecnológica, que serão implantadas por meio da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia e Informação (Secti) e pela Funda-

AMERICANA

ção de Amparo Ă Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), com apoio das prefeituras. Os primeiros municĂ­pios a receber o Cidade Digital sĂŁo Quebrangulo, Paulo Jacinto, Viçosa e Palmeira dos Ă?ndios. â€œĂ‰ um projeto-piloto em Alagoas, no qual o governo estĂĄ apostando muitoâ€?, ressaltou o secretĂĄrio de Estado da CiĂŞncia, Tecnologia e Inovação, Eduardo Setton. De acordo com Setton, o Cidade Digital vai oferecer Ă  população carente acesso Ă  tecnologia e outras oportunidades. A intenção ĂŠ tambĂŠm modernizar a gestĂŁo pĂşblica

e oferecer novos serviços e facilidades para as pessoas, levando mais cidadania aos alagoanos. No Cidade Digital, a população terĂĄ acesso - por PHLR GH XPD UHGH VHP Ă€R (WI-FI) - aos diversos conteĂşdos do mundo digital, como bibliotecas, portais educacionais, de segurança, de saĂşde e de comunicação, alĂŠm de realizar serviços. O projeto prevĂŞ a instalação de dez quiosques nesses municĂ­pios alagoanos. SISTEMA “Quem estiver em um raio de 300 metros, sejam elas residĂŞncias ou atĂŠ emSUHVDV VH EHQHĂ€FLDUmR FRP internet gratuitaâ€?, revela o

secretĂĄrio, acrescentando que o Centro de Gerenciamento das Redes vai funcionar sob a supervisĂŁo de SURĂ€VVLRQDLV GD )DSHDO HP MaceiĂł, que estĂŁo sendo preparados para garantir o pleno funcionamento do sistema interligado. Os quiosques contarĂŁo com pelos menos cinco computadores e comitĂŞs responsĂĄveis pelo funcionamento e segurança dos equipamentos. O Centro de Gerenciamento comandarĂĄ todos os espaços interligados pela rede e terĂĄ salas de videoconferĂŞncia, de convivĂŞncia e de geração de conteĂşdo, entre outras. DIVULGAĂ‡ĂƒO

Abertura para etanol traz vantagens a AL Depois de muita luta – com atĂŠ campanha na TV norte-americana – o protecionismo americano para a inserção do etanol produzido QR %UDVLO FKHJD DR Ă€P 1R Ăşltimo dia de 2011, a tarifa de restrição dos Estados Unidos da AmĂŠrica ao etanol da cana-de-açúcar perdeu a validade e nĂŁo foi renovada pelo Congresso Americano. A medida animou o setor sucroenergĂŠtico, sobretudo o alagoano, que ĂŠ um dos maiores produtores de cana-de-açúcar do paĂ­s. De acordo com o presidente do Sindicato da IndĂşstria do Açúcar e Ă lcool do Estado de Alagoas (Sindaçúcar/AL), Pedro RobĂŠrio Intenção ĂŠ modernizar a gestĂŁo pĂşblica e oferecer novos serviços Ă população, diz secretĂĄrio Eduardo Setton de Melo Nogueira, o Estado vai ter posição vantajosa nĂŁo 2012 apenas por apresentar um nĂşmero expressivo na produção como tambĂŠm por ter logĂ­stica portuĂĄria satisfatĂłria para acolher a demanda internacional. Entretanto, segundo Pedro RobĂŠrio, o efeito positivo dessa abertura nĂŁo serĂĄ imeNem bem passou o Natal, shopping e desde o ano passado, do para ir Ă s compras com mais GLDWR QR %UDVLO ´3ULPHLUR R a primeira semana de janeiro ela ĂŠ realizada sempre na pri- economia. paĂ­s vai ter que fornecer para Na rede supermercadista o mercado interno jĂĄ que ainda nem acabou, mas os con- meira quinta-feira do ano. Com DLQGD QmR VRPRV DXWRVVXĂ€- sumidores ganham mais uma isso, muitos clientes fazem a *%DUERVD D WHPSRUDGD GH SUHcientes em etanol. Tivemos, oportunidade para continuar programação de compras neste ços especiais jĂĄ começou. AtĂŠ inclusive, que importar dos com o ritmo acelerado de com- perĂ­odo. Isso tambĂŠm assegura o prĂłximo sĂĄbado (7) itens de EUA para atender o abaste- pras, a partir desta quinta-feira para o mĂŞs de janeiro uma movi- eletro de vĂĄrias marcas estarĂŁo cimento principalmente nos (5), quando começa a primeira mentação positiva, quando tra- com atĂŠ 70% de desconto nas loFDUURV Ă H[ TXH VRIUHX XPD grande liquidação de 2012 no dicionalmente o varejo registra MDVGR*%DUERVD(QWUHHOHV79V uma desaceleração nas vendas, de LED e LCD, aparelhos de queda nos Ăşltimos temposâ€?, MaceiĂł Shopping. AtĂŠ domingo (8), mais de 200 depois do perĂ­odo natalinoâ€?, ex- DVD, computadores, notebooks, explicou. impressoras, fogĂľes, refrigeOutro ponto positivo pontos de venda participam da plica. Durante o Ăşltimo mĂŞs de radores, lavadoras de roupas, destacado pelo presidente ação, que oferece produtos como do Sindaçúcar Alagoas ĂŠ o vestuĂĄrio, calçados, brinquedos, dezembro, mais de um milhĂŁo FRQGLFLRQDGRUHVGHDUOLTXLGLĂ€estĂ­mulo que a abertura do eletroeletrĂ´nicos, mĂłveis e ou- e duzentas mil pessoas passa- cadores, ventiladores, entre oumercado dos Estados Unidos tros com descontos que variam ram pelo shopping. Nos quatro tros. As ofertas sĂŁo vĂĄlidas para vai gerar em outros paĂ­ses. de 10 a 50%, alĂŠm de facilidades dias da liquidação, o shopping WRGDVDVORMDV*%DUERVDGH0D“Os EUA sĂŁo referĂŞncia para nas compras feitas Ă  vista e com funciona em horĂĄrio normal; de ceiĂł e Eletro Shows localizados o mundo e esperamos que o cartĂŁo de crĂŠdito. quinta a sĂĄbado, de 10 atĂŠ 22h; nas cidades de Palmeira dos Ă?na Europa e a Ă sia acompaDe acordo com o gerente e no domingo, de 12h (lojas ân- dios, Delmiro Gouveia, TeotĂ´nio nhem o exemplo, internacio- comercial do shopping, Carlos coras e Praça de Alimentação) Vilela, SĂŁo SebastiĂŁo, Atalaia e nalizando mercadosâ€?, disse Rodas, os lojistas ainda come- atĂŠ 21h. No domingo, as demais Santana do Ipanema. Na aquiNogueira, lembrando que o moram as vendas de dezembro, lojas abrem a partir de 15h. sição dos produtos os clientes Ăşnico etanol que passa no quando foi registrado um au*%$5%26$ podem aproveitar ainda o parceteste de produto renovĂĄvel mento mĂŠdio de 10% em relação Tradicionalmente janeiro ĂŠ ODPHQWRFRPRFDUWmR*%DUERVD ĂŠ o da cana-de-açúcar ainda ao ano anterior. “A liquidação jĂĄ o mĂŞs das liquidaçþes. Parte dos e pagar suas compras em atĂŠ que existam outras fontes. faz parte do calendĂĄrio anual do consumidores aguarda o perĂ­o- dez vezes, sem juros.

Shopping Maceió faz primeira liquidação de hoje atÊ domingo


TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

ESPORTES 15

Palmeirense Marcos encerra carreira Goleiro, de 38 anos, se apresentou ontem, conversou com a diretoria e anunciou sua decisĂŁo de se aposentar

O

Santo se cansou. Aos 38 anos, Marcos Roberto Silveira dos Reis, maior Ă­dolo da histĂłria recente do Palmeiras e goleiro do quinto tĂ­tulo mundial da seleção brasileira (em 2002, na Coreia e no JapĂŁo), anunciou sua aposentadoria ontem. Marcos se reapresentou com o restante do grupo, conversou com o gerente de futebol CĂŠsar Sampaio e comunicou sua decisĂŁo de se aposentar usando um palavrĂŁo em tom de lamentação, com uma postura muito abatida. A informação da aposentadoria foi repassada Ă imprensa em entrevista coletiva por CĂŠsar Sampaio, que foi companheiro de Marcos na maior conquista do Palmeiras, a Libertadores de 1999. “Tivemos uma reuniĂŁo com o Marcos agora, e ele oficializou que pendurou as chuteiras. Ele disse que ia refletir bastante nessas fĂŠrias, conversou com os familiares, sinalizou que era o momento de

parar e a gente engrandece a pessoa, o que ele representou e representa para instituiçãoâ€?, emendou o gerente de futebol. A assessoria do Palmeiras jĂĄ confirmou que haverĂĄ um jogo de despedida, provavelmente no meio do ano. Mas ainda nĂŁo hĂĄ nada definido - nem adversĂĄrio, nem data. Havia a possibilidade de a despedida ser no amistoso com o Ajax, marcado para o dia 14, no Pacaembu, mas o prĂłprio Marcos pediu para nĂŁo jogar. “As pessoas que estĂŁo promovendo o jogo (com o Ajax) tentaram convencĂŞ-lo e ele disse que nĂŁo queria. AtĂŠ entendo tambĂŠm que podemos fazer algo melhor. Agora teria um prazo curto de tempo, temos de fazer um megaeventoâ€?, disse CĂŠsar Sampaio. Na Ăşltima renovação de contrato do goleiro, feita ainda durante a gestĂŁo Luiz Gonzaga Belluzzo, ficou acertado que Marcos poderia escolher uma função a ser exercida

no prĂłprio clube assim que parasse de jogar - seja administrativa, como dirigente, ao lado de CĂŠsar Sampaio, seja na comissĂŁo tĂŠcnica, ao lado de FelipĂŁo, em cargo ainda a ser definido. Segundo Sampaio, Marcos ganharĂĄ mais dois meses de fĂŠrias para se decidir e, entĂŁo, comunicar sua decisĂŁo, jĂĄ em março. “Ele deve viajar com a famĂ­lia, terĂĄ essas fĂŠrias por merecimento. Conversamos bastante e ele ainda nĂŁo tem essa posição de qual setor ele vai trabalhar. Pelo que eu conheço do Marcos, nĂŁo o enxergo como alguĂŠm interno num cargo administrativo dentro de uma sala. Eu o vejo muito mais na parte esportiva e creio que deve ser mais Ăştil lĂĄ. Em entrevistas recentes, concedidas durante “peladasâ€? de fim de ano, Marcos vinha dizendo que caberia ao tĂŠcnico Luiz Felipe Scolari decidir se ele continuaria ou nĂŁo a jogar. Sampaio garantiu, porĂŠm, que a decisĂŁo foi do prĂłprio goleiro.

TERRA

Goleiro Marcos, Ă­dolo do Palmeiras, conversou com a diretoria e anunciou decisĂŁo de se aposentar UOL

COLORADOS

BMG termina contratos com clubes do paĂ­s

Dagoberto faz homenagem Ă esposa e provoca euforia da torcida do Inter O atacante Dagoberto foi apresentado oficialmente ontem pela direção do Internacional. O jogador chegou no EstĂĄdio Beira-Rio como a principal contratação para a temporada de 2012. Na apresentação, Dagoberto fez questĂŁo de homenagear sua mulher Thaisa, vestindo a camisa 20, nĂşmero que ele irĂĄ utilizar durante toda a temporada. “Foi uma conversa que eu tive com a minha esposa. A gente casou no dia 20 de dezembro e eu resolvi fazer esta homenagem, unindo o Ăştil ao agradĂĄvelâ€?, disse Dagoberto. O atacante surgiu para o

futebol no time do PSTC-PR e logo em seguida se transferiu para o AtlÊtico-PR, onde fez parte do elenco do time campeão brasileiro de 2001. Em 2007, o atacante acabou indo para o São Paulo, onde atuou em 241 jogos e marcou 61 gols, conquistando mais dois campeonatos brasileiros, em 2007 e 2008. Ao todo, 29 jogadores estiveram presentes no vestiårio colorado. A principal novidade foi o atacante Dagoberto, que durante a manhã assinou a sua rescisão de contrato com o São Paulo e conseguiu chegar a tempo para apresentação no Estådio Beira-Rio.

A apresentação contou tambĂŠm com a presença de vĂĄrios conselheiros e dirigentes do Inter, que acompanharam atentamente o discurso do presidente Giovanni Luigi e do vice de futebol LuĂ­s AnĂĄpio. Ambos ressaltaram a importância do grupo de jogadores e a necessidade de manter o vestiĂĄrio blindado para conquistar tĂ­tulos em 2012. “Precisamos de uma obsessĂŁo por vitĂłrias e temos convicção em vocĂŞs. É importante que o grupo esteja unido e resolva todas as suas questĂľes dentro do vestiĂĄrio. Nosso 2012 serĂĄ de conquistasâ€?, disse Luis. TERRA

FIM DA FARRA

Felipe Massa segue com posto ameaçado na escuderia Ferrari

PALAVRA DO PRESIDENTE

Ferrari divulga candidatos para lugar de Felipe Massa

Atacante se casou em 20 de dezembro; na camisa, irĂĄ lembrar a data em homenagem a esposa

O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, divulgou ontem uma lista de possĂ­veis candidatos Ă vaga de Felipe Massa na escuderia italiana. Em entrevista ao jornal Corriere dello Sport, Montezemolo disse que ficou impressionado com o desempenho de alguns pilotos na Ăşltima temporada. “Jenson Button foi excelenteâ€?, disse o italiano, referindo-se ao vice-campeĂŁo que atualmente corre pela McLaren. “Mark Webber ĂŠ um bom segundo piloto, e Nico Rosberg saiu-se muito bem com um carro pouco competitivoâ€?, afirmou. Montezemolo disse tambĂŠm que ĂŠ bom que a escuderia forme os seus prĂłprios

pilotos. “Sergio Perez corre pela Sauber, mas foi formado na academia da Ferrariâ€?, disse. Apesar de manter o contrato com Massa em 2012, o italiano admitiu que a equipe estĂĄ aberta a opçþes para a vaga de companheiro de Fernando Alonso. “2012 ĂŠ um ano crucial para Felipe. NĂłs nĂŁo ficamos satisfeitos com a sua Ăşltima temporada, e nem eleâ€?, afirmou. Montezemolo, entretanto, ponderou que nĂŁo poderia esquecer que Felipe Massa foi muitas vezes mais rĂĄpido que Michael Schumacher e Kimi Raikkonen. “Ele ajudou Kimi a vencer o mundial de pilotos e um ano depois faltou pouco para ele ser o campeĂŁoâ€?, disse.

CLĂ?NICA

REFORÇO

se reapresentaram ontem no CT Joaquim Grava, e passaram por exames com mĂŠdicos oftalmologistas e otorrinolaringologistas. Nos prĂłximos dias, iniciarĂŁo tambĂŠm os trabalhos fĂ­sicos para perder o excesso de peso acumulado no perĂ­odo inativo. Gradativamente, a FRPLVVmRWpFQLFDFRPHoDUi os primeiros treinos no JUDPDGRHFRPEROD27LPmRIDUiGRLVDPLVWRVRVGXUDQWHDSUp WHPSRUDGD'LDHQIUHQWDR)ODPHQJRHP/RQGULQD-iGLD encara a Portuguesa, no Pacaembu, no jogo da entrega das faixas dos campeĂľes brasileiros das SĂŠries A e B.

O atacante Denis Marques, que chegou a defender o Flamengo e teve uma boa passagem pelo AtlÊtico Paranaense, foi anunciado como mais novo reforço do Santa Cruz para o Campeonato Pernambucano. Em 2011, Denis Marques passou nove meses sem jogar, mas D¿UPDTXHHVWiPRWLYDGRSDUDYROWDUDRIXWHEROSUR¿VVLRQDO³(VWDYD DXPERPWHPSRMiSDUDGRSRURSção própria mesmo, mas graças a Deus estou com vontade de voltar a jogar futebol e por isso escolhi o Santa Cruz, que Ê uma equipe que tem uma torcida imensa�, explicou.

Temporada do Corinthians começa com exames Alagoano Denis Marques fecha com Santa Cruz Os jogadores do Corinthians

A berrante sigla laranja nos uniformes brasileiros se tornou uma marca do banco BMG, líder entre as empresas que patrocinam times do país. Em 2011, o logotipo mineiro foi estampado em 31 agremiaçþes, ou 10,3% dos 301 clubes que participaram da primeira divisão dos campeonatos estaduais. Pois a farra de milhþes de reais vai acabar. Hå dois meses, os executivos do banco vêm informando os dirigentes dos grandes clubes que não haverå mais sequência nos patrocínios, iniciando uma saída gradativa do mercado da bola. São Paulo e Vasco foram os primeiros a não firmar novos acordos. O Santos, que renovou recentemente por R$ 15 milhþes, deve ser um dos últimos da fila. Jå o Sport tinha o banco como patrocinador-master desde a SÊrie B de 2010. Agora, o Rubro-negro pernambucano tambÊm vai buscar um novo investidor. O desejo da milionåria empresa mineira, com o braço BMG Sports, Ê continuar trabalhando no futebol, mas, emprestando jogadores e dinheiro aos clubes, alÊm de expandir sua marca na Europa, sem precisar se expor tanto com a sua conhecida letras laranjas estampadas na camisa. Segundo algumas fontes, a administração do banco jå começa a comunicar aos clubes que não irå renovar seus respectivos contratos e o último time que deve perder esse patrocínio Ê o Santos, que utilizou e destacou a marca, a única, durante o mundial de clubes, realizado no Japão. Em Alagoas, ASA, CSA e CRB terão os contratos encerrados.


16 ESPORTES

TribunaIndependente

MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

Esportes

&6$DÂżUPDTXHHQFHUURXRSULPHLURFLFOR GHFRQWUDWDo}HVSDUDWHPSRUDGD A direção do CSA encerrou o primeiro ciclo de contrataçþes para a temporada 2012. Os Ăşltimos reforços foram Camilo e LeĂ­s. Agora o tĂŠcnico Celso Teixeira vai avaliar o atual grupo dentro do Alagoano. Ele disse que vai utilizar duas formaçþes nos amistosos contra River Plate e Central, respectivamente sĂĄbado (7) e segunda-fera (9). “Agora vamos observar como se comportam os jogadores nos prĂłximos jogos, inclusive os que vamos fazer QR&DPSHRQDWR$ODJRDQR6yDSDUWLUGDtGHSHQGHQGRGDVGHÂżFLrQFLDV encontradas, ĂŠ que vamos novamente em busca de reforçosâ€?, disse Celso. Hoje pela manhĂŁ o elenco faz trabalho fĂ­sico e Ă tarde mais um tĂĄtico.

Vigilância Sanitåria aprova Rei PelÊ para clåssico CRB x CSA

TRAPICHAO.COM

/DXGRIRLFRQÂżUPDGRRQWHPQD)HGHUDomR$ODJRDQD GH)XWHERO )$) HMRJRHVWiFRQÂżUPDGRSDUDGLD

C

om direito à quebra-debraço entre o secretårio adjunto de Esportes de Alagoas, Jorge VI - e que tambÊm Ê o alto mandatårio do CSA - e o presidente da Federação Alagoana de Futebol, o Estådio Rei PelÊ foi, enfim, nesta quarta-feira, liberado pela Vigilância Sanitåria para os jogos do Campeonato Alagoano. Daí, estå assegurado o clåssico das multidþes para as 17h (local) do próximo dia 14 no Trapichão. Ressaltando de que esta-

va convicto de tudo iria correr bem, Jorge VI lembrou que o processo estava em andamento desde 7 de junho. “Nada tinha a ver com o calendĂĄrio do futebol em Alagoas. É uma rotina que venceu em agosto e a Visa nĂŁo tinha ido antesâ€?, comentou Sexto, acrescentando que nĂŁo havia necessidade de Gustavo FeijĂł fazer terrorismo. Da parte da FAF, a alternativa que estava sendo encontrada seria atĂŠ o fato de trocar a rodada de abertura pela segunda caso o EstĂĄdio

Rei PelÊ não fosse liberado em tempo. Com a garantia de que o clåssico vai ser mesmo disputado no dia 14, a direção do CRB deve começar a vendagem de ingressos na próxima terça-feira aos preços de R$ 15 (arquibancada baixa), R$ 30 (arquibancada alta) e R$ 100 (cadeira). Por outro lado, continuam pendentes de regularização os estådios Nelson Feijó e Rubens Canuto (Pilar), JosÊ Gomes da Costa (Murici) e Gerson Amaral (Coruripe). TRAPICHAO.COM

(VWiGLR5HL3HOp estĂĄ aprovado para os jogos do Campeonato Alagoano 2012 e tambĂŠm Copa do Brasil

(675(,$58,0

1275$3,&+­2

Alagoanos não CRB realiza jogo-treino vencem na Copa contra seleção amadora SP de Juniores Após ter confirmado que Aloísio Chulapa, que estå

$ODJRDQR)UDQFLVFR Carlos do Nascimento conquista o escudo Fifa para temporada 2012

25*8/+2$/$*2$12

Francisco Carlos do Nascimento ĂŠ indicado como ĂĄrbitro Fifa 2012 A arbitragem alagoana vive um momento histĂłrico. Francisco Carlos do Nascimento foi confirmado como ĂĄrbitro Fifa em 2012. O alagoano teve Ăłtima atuação na temporada 2011 e entrou como forte candidato ao escudo. Ele estava no quadro de Aspirantes Fifa desde 2010 e foi uma grata aposta do presidente da ComissĂŁo Nacional, SĂŠrgio Correa. Francisco Carlos vai ocupar a vaga de SĂĄlvio SpĂ­nola Fagundes Filho, que anunciou a sua aposentadoria em novembro do ano passado. ChicĂŁo disse estar muito emocionado e dedicou este reconhecimento Ă famĂ­lia. “Sei de todos que torceram

e acreditaram em mim. Os amigos, a equipe da Federação, a imprensa e principalmente a Deus e minha famĂ­liaâ€?, desabafou. Em Alagoas nunca existiu um ĂĄrbitro que chegasse ao posto maior, que ĂŠ o Fifa. O ĂĄrbitro Marlon Reinoldson foi aspirante por muitos anos. No site do Sindicato dos ĂĄrbitros de Alagoas, o presidente Charles Hebert postou congratulaçþes. “A diretoria do Sindafal e todos os demais associados comemoram e parabenizam o nosso diretor e ĂĄrbitro Francisco Carlos do Nascimento (ChicĂŁo) pela brilhante ascensĂŁo ao quadro internacional da Fifa. Primeiro alagoa-

no na histĂłria a fazer parte deste quadro como ĂĄrbitro central. Os outros foram JosĂŠ Elias Guedes e Ticiana FalcĂŁo (ex-assistentes)â€?, diz a nota HĂŠrcules Martins, presidente da ComissĂŁo Estadual de Arbitragem, a informação ĂŠ uma grande vitĂłria. “Estamos muito felizes por tudo. É uma vitĂłria pessoal do Francisco Carlos, mas tambĂŠm de toda a arbitragem alagoanaâ€?, finalizou. A oficialização sĂł deverĂĄ acontecer depois do dia 11 de janeiro quando a CBF retorna do recesso. Na oportunidade, ChicĂŁo deve ser informado sobre o perĂ­odo de entrega do escudo Fifa.

CRB e CSA estrearam de forma negativa na Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano. O Galo foi derrotado por 1x0 pelo AtlÊtico Mineiro, em jogo realizado na tarde desta quarta-feira em Porto Feliz. O time azulino sofreu um balaio de gols: perdeu para o Coritiba por 5x1, na cidade de Taboão da Serra. O gol do AtlÊtico foi marcado por Paulo Henrique, aos 41 minutos da etapa final. Com esse resultado, o CRB fica na lanterna do grupo R, jå que na outra partida o Desportivo Brasil e Criciúma empataram em 2x2. O CSA terminou o primeiro tempo jå perdendo por 3x0, gols anotados por William, JosÊ Rafael e Gustavo. No segundo tempo, sofreu mais dois, marcados por JosÊ Rafael e Alex. Apesar da goleada sofrida na estreia, a equipe azulina não ocupa a última posição do Grupo V, uma vez que no critÊrio de desempate, por ter um gol marcado, fica na frente do Taboão da Serra, goleado por 4x0 pelo São Caetano. Na 2ª rodada, såbado que vem, a partir das 15h (de Maceió), o CRB enfrenta o Deportivo Brasil, enquanto o CSA encara o Taboão da Serra. .

o CRB não realizarå mais nenhum amistoso antes da estreia no Campeonato Alagoano de 2012, programada para acontecer no dia 14 de janeiro (såbado), às 17 horas, contra o CSA, no Estådio Rei PelÊ, a direção regatiana definiu que o Galo realizarå um jogo-treino nesta quinta-feira (5), às 15h30, no Estådio Rei PelÊ, contra a seleção de Coqueiro Seco. Por se tratar de um jogo-treino, não serå cobrado ingresso. Todo o elenco regatiano estarå à disposição do tÊcnico Paulo Comelli para esta partida, exceto o atacante

com uma entorse no joelho e continua no Departamento MÊdico . 5()25d2 A direção do CRB confirmou mais uma contratação para 2012. Trata-se do meio-campo Everton, de 23 anos e que estava no Palmeiras. O jovem foi indicação do dirigente Alarcon Pacheco. Everton chega para preencher a vaga de Marco Antônio, que foi liberado pelo CRB de forma amigåvel para um time de Minas Gerais. No currículo o reforço tem passagens pela Ponte Preta, Marília e Bragantino. TRAPICHAO.COM

7LPHGR&5% realiza treinamentos na Pajuçara e faz jogo-treino hoje


TribunaIndependente

O

cineasta australiano Bruce Beresford (do premiado ‘Conduzindo Miss Daisy’) dirige o longa ‘O Ăšltimo Dançarino de Mao’ com delicadeza e sensibilidade. Na tela temos uma histĂłria inspiradora de coragem, determinação e amor pontuada por excelentes nĂşmeros de dança. Beresford escapa habilmente de alguns clichĂŞs, recai em outros, mas, no conjunto, realiza um ÂżOPHTXHPHUHFHDDWenção do espectador. Baseado numa histĂłria real, o longa ĂŠ a adaptação do best VHOOHUDXWRELRJUiÂżco ‘Adeus China: O Ăšltimo Bailarino de

0$&(,Ă?48,17$)(,5$'(-$1(,52'(

DIVERSĂƒO&ARTE

The Killers lançarå quarto ålbum em 2012

Ator ĂŠ o Ăşnico brasileiro no elenco de nova sĂŠrie da Disney

27KH.LOOHUVHVWiFRPSRQGRP~VLFDVSDUDVHXTXDUWR iOEXPTXHVHUiODQoDGRDLQGDHVWHDQR(PHQWUHYLVWD à rådio BBC, o vocalista Brandon Flowers garante que a banda lançarå novo material em 2012, mas ainda não tem FHUWH]DVHQRPHLRRXQR¿QDOGRDQR(OHUHYHORXRQRPH GHDSHQDVXPDFDQomR³%DWWOHERUQ´³1yVHVWDPRVQD IiEULFDWUDEDOKDQGR´GLVVH%UDQGRQ)ORZHUV³-iHVFUHYHPRVPXLWDVP~VLFDVPDVHODVQmRHVWmRSURQWDV´

$QRYDVpULHGRFDQDOSDJR'LVQH\&KDQQHOMiWHPQRPHHHOHQFRGH¿QLGRV³9LROHWWD´p uma co-produção entre AmÊrica Latina e Europa, Oriente MÊdio e à frica, mas terå um URVWLQKREHPFRQKHFLGRSRUDTXLSamuel Nascimento serå o único brasileiro no elenco GDQRYDVpULH&RQKHFLGRFRPRR'-GH³4XDQGR7RFDR6LQR´RDWRUYDLHQFDUDURGHVD¿RGHWUDEDOKDUFRPDUWLVWDVGD$UJHQWLQD(VSDQKD,WiOLDHDWpGD8FUkQLD³9LROHWWD´ se passa na Argentina e conta a história de uma adolescente que retorna a Buenos $LUHVGHSRLVGHWHUYLYLGRYiULRVDQRVQD(XURSD&RPRHPRXWUDVVpULHVGD'LVQH\D QRYDSURGXomRYDLFRQWDUFRPPXLWDP~VLFD

FEITO PARA EMOCIONAR )LOPH³2~OWLPRGDQoDULQRGH0DR´HVWUHLDQR&LQH 6HVLHQUHGRXVDKLVWyULDHGDQoDSDUDPRVWUDUD busca de um indivíduo por sua liberdade

Mao’, de Li Cunxin. Começa em 1979 com o personagem central chegando aos Estados Unidos para estudar na Companhia Houston Ballet, do Texas. Em seguida, ÀDVKEDFNVQRVOHvam à província rural de Qingdao, onde Li vive em condiçþes de subsistência ao lado dos muitos irmãos e dos pais. Aos 11 anos, sua vida muda para sempre quando Ê selecionado por um grupo de inspetores do governo para ir a

Pequim e torna-se um bailarino na Academia Madame Mao Dance. Todo o desenrolar dessa primeira SDUWHGR¿OPHTXH se concentra no amadurecimento do personagem e suas provaçþes, conta com excelente reconstituição de Êpoca, fruto de um trabalho de direção de arte elogiåvel. Os dois jovens

atores que vivem Li antes da fase adulta (Wen Bin Huang, quando criança, e Guo Chengwu como adolescente) imprimem verdade e emoção a seus papÊis e alicerçam o terreno

para o ator Chi Cao, que nos Estados Unidos aprende a apreciar a liberdade do paĂ­s e apaixona-se por uma dançarina, o que o leva a nĂŁo querer mais voltar para sua terra natal. A situação causa estresse diplomĂĄtico entre as naçþes e faz com que REDLODULQRÂżTXHSURLbido de voltar Ă China para rever seus familiares. eQDSDUWHGRÂżOPH ambientada na AmĂŠrica que notamos alguns dos problemas da produção. O choque cultural de Li ĂŠ desenvolvido apelando-se para toda sorte de clichĂŞs, que incluem olhares de admiração para arranha-cĂŠus, queixo caĂ­do diante de um caixa eletrĂ´nico cuspindo dinheiro e desconforto no ambiente descontraĂ­do e iluminado de uma danceteria. Da mesma forma simplĂłria sĂŁo exploradas as questĂľes polĂ­ticas, levadas de forma maniqueĂ­sta e rasa: de um lado os chineses retrĂłgrados e insensĂ­veis, do outro a AmĂŠrica amante da liberdade e paradisĂ­aca. Apesar dessas e de outras “escorregadasâ€?, que incluem alguns diĂĄlogos mal elaborados, ‘O Ăšltimo Dançarino de Mao’ se redime em seus 15 miQXWRVÂżQDLVFRPXP desfecho forte, feito com o intuito claro de emocionar, sim, mas de cinema verdadeiramente bem realizado. Em tempo: vale destacar a Ăłtima atuação de Bruce Greenwood (de Super 8). Ele interpreta Ben Stevenson, diretor artĂ­stico da Companhia Houston Ballet, sem as afetaçþes e maneirismos que muitos atores costumam imprimir em personagens homossexuais.

1


2

TribunaIndependente

DIVERSĂƒO&ARTE MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

XXII Feira de Troca De 9 a 13 de janeiro, o Sesc realiza a XXII Feira de Troca de Livros. A ação acontecerá na unidade Sesc-Poço, das 9h às 17h, e para participar não será necessário um cadastro prévio. Cada participante pagará uma taxa de dois reais, referente à permissão para exposição dos livros. Vale ressaltar TXHQmRVHUiSHUPLWLGDDFRPHUFLDOL]DomRGHOLYURVGR0(&HGRSURIHVVRU$)HLUDGH7URFDGH/LYURVWDPEpPDFRQWHFHVLPXOWDQHDPHQWHQDXQLGDGH 6HVF$UDSLUDFDQRSHUtRGRGHDGHMDQHLURGDVKjVK0DLVLQIRUPDo}HVSHORVWHOHIRQHV 3RoR H $UDSLUDFD 

Reggae O reggae vai invadir o histórico bairro de Jaraguå. A partir das 22h, no dia 25 de janeiro, acontece o show de gravação do primeiro DVD do DJ Rey Roots. A noite ainda conta com a sonoridade dos DJs Thuppa, Nene Roots, Mousa Pedra, Djavan Roots e muito mais. No espaço Reggae Night (Praça Dois Leþes, em Jaraguå). Contato: 3235-6950.

Festejo no museu 3DVVDGRVRVIHVWHMRVGH¿PGHDQR o Museu ThÊo Brandão (Avenida da Paz) abre os trabalhos de 2012 com a comemoração do Dia de Santos Reis. Na próxima sexta-feira, 6, a partir das KRS~EOLFRSRGHFRQIHULUDVFRUHV ritmos, cantos e danças da Cantoria de Reis do Núcleo de Cultura Popular CÊu na Terra, do Rio de Janeiro, Reisado Virgem dos Pobres de Bananal, da cidade de Viçosa, e Chegança Silva -DUGLPGDFLGDGHGH&RTXHLUR6HFR As salas de exposiçþes temporårias estarão abertas com a exposição do acervo de chapÊus e coroas do guerUHLURDODJRDQRTXHIRUDPUHVWDXUDGRV Tudo aberto ao público.

Shows A temporada de show nas praias do Litoral Norte começa amanhã, na Praia do Francês. No primeiro dia se apresentam Asa de à guia, Revelação, Belo e Netinho. A música continua nos dias 13 e 20 deste mês com Cidade Negra, Chiclete com Banana, Netinho e muito mais. No total são atraçþes de peso. Mais informaçþes: 3235-6550 e no estande Viva Alagoas (Maceió Shopping).

30 anos depois

Para homenagear Elis Regina, uma das maiores intĂŠrpretes da mĂşsica brasileira, no prĂłximo dia 19, data de 30 anos de sua morte, serĂĄ realiza o show ‘Saudades de Elis – 30 anos’, Grito de Carnaval CD religioso no Teatro Gustavo Leite. Dez artistas O radialista e compositor EdĂŠcio Lopes serĂĄ homenageado com Padre FĂĄbio de Melo volta aos palcos alagoanos reverenciam o talento da o primeiro baile de carvanal. O evento serĂĄ realizado no dia 7 para uma sĂŠrie de shows de lançamento cantora: Leureny, Wilma AraĂşjo, Igbode janeiro na Vox Room, no JaraguĂĄ. O baile serĂĄ agitado por do novo CD e DVD, No Meu Interior Tem nan Rocha, Wilma Miranda, Dida Lyra, $OOLVRQ&XQKD FKRULQKR ,JERQDQH:LOPD VDPED 2UTXHVWUD Deus. Em MaceiĂł, a apresentação estĂĄ Cris Braun, Fernanda GuimarĂŁes, Nara do maestro Almir Medeiros (frevo) e o cantor Claudionor Germarcada para o dia 5 de fevereiro, Ă s Cordeiro, Junior Almeida, Elaine KunPDQRTXHJUDYRXYiULDVP~VLFDVGH(GpFLR/RSHV3UHoR5 19h, no GinĂĄsio do Sesi, no Trapiche da dera e Irina Costa. A direção musical Barra. Ingressos: Livraria Paulinas, MaceiĂł (indivudual); R$ 200 (mesa). Pontos de Venda: Maxhu’s. Telefone: ĂŠ assinada por FĂŠlix Baigon, direção  'LQKR9DVFRQFHORV RXZZZHGHFLRORSHVFRPEU Shopping e Livraria ParĂĄclitos. Mais inforCĂŞnica de JosĂŠ MĂĄrcio Passos e uma PDo}HV banda de primeira: Dinho Zampier (teclado), Jiuliano Gomes (teclado), Vermelho e Preto Van Silva (Baixo), Tony Augusto (guitarra) e Allyson Paz (bateria). Venda No dia 21 de janeiro de 2012 ocorrerĂĄ a prĂŠvia carnavalesca Vermelho e Preto. O evento estĂĄ marcado para de Ingressos a partir do dia 29 de DFRQWHFHUQR-DUDJXi7rQLV&OXEHHRWHPDVHUiÂľ1R(VFXULQKRGR&LQHPDÂś$DQLPDomRÂżFDUiSRUFRQWDGDV EDQGDV3DWXVFRGH5HFLIHH2UTXHVWUDGH)UHYRGH=X]DH7KDLVGH2OLQGD$VPHVDVHVWmRVHQGRYHQGLGDVSRU dezembro no estande Sue Chamusca VDOmRFOLPDWL]DGR5H5 VyFLRV -iQD4XDGUDFREHUWD5H5 VyFLRV 2%XIIHW$OO,QFOX- QR0DFHLy6KRSSLQJ3UHoRV5H 20 (meia) – PlatĂŠia / R$ 30 e 15 (meia) VLYHFRPXtVTXHFHUYHMDUHIULJHUDQWHVHWLUDJRVWR'XUDQWHDIHVWDKDYHUiFRQFXUVRGHIDQWDVLDVFRPSUHPLação. Data: 21 de janeiro de 2012. Pontos de Venda: Secretaria do JaraguĂĄ Tenis Clube. Telefone: Reservas de – Mezanino. PHVD FALE CONOSCO - A Agenda ĂŠ um serviço gratuito de orientação ao leitor. Os interessados em divulgar eventos, shows e exposiçþes podem enviar material atravĂŠs do endereço: tiagenda@hotmail.com

RESUMO DE NOVELAS GLOBO 18h A VIDA DA GENTE

Manuela expulsa Eva de sua casa. Marcos pede para a ex-mulher ajudå-lo com as despesas GH6R¿D$OLFHDFUHGLWDTXH5HQDWRFRQVHJXLUi se estabilizar na concessionåria. Júlia sofre com a partida de Manuela. Laudelino Ê levado para a cirurgia. Júlia sai com Ana para um SLTXHQLTXH/~FLRFRQYHUVDFRPD&HOLQDVREUH Ana. Lourenço vai ao encontro de Rodrigo com Tiago, mas apenas os observa de longe. Ele se HPRFLRQDDRYHUR¿OKR

GLOBO 19h AQUELE BEIJO

Alberto ĂŠ obrigado a passar o terreno do Covil do Bagre para o nome de Maruschka. Dalva FRQÂżGHQFLDD2WtOLDTXHGHVFRQÂżDGDVDWLWXGHV GH2OJDQR/DU%ULJLWWHÂżFDFKRFDGDDRGHVFREULUTXH$JHQRUYDLVHFDVDUFRP%HOH]LQKD Sarita se preocupa com o futuro da comunidade DRGHVFREULUTXH$OEHUWRWHYHTXHSDVVDUR Covil do Bagre para o nome de Maruschka. Maruschka oferece a sociedade da Comprare para Grace Kelly.

GLOBO 21h FINA ESTAMPA

Severino e Clara se incomodam com o comportamento de Fred. Teodora pede para adiantar sua visita a Quinzinho. Antenor tira uma foto de 3DWUtFLDH$OH[DQGUHVHEHLMDQGRQDIDFXOGDGH 7HUH]D&ULVWLQDDÂżUPDTXH)UHGVHUiRFKHIGR “Le Velmontâ€? se ele ajudĂĄ-la a fechar o novo UHVWDXUDQWHGH5HQr5DIDHOGL]TXHTXHUVH FDVDUFRP$PiOLDGHSRLVTXHOLPSDUVHXQRPH 7HUH]D&ULVWLQDDFUHGLWDTXH*ULVHOGDVHMDD ÂżQDQFLDGRUDGRQRYRUHVWDXUDQWHGH5HQr

RECORDE 21h VIDAS EM JOGO

2SROLFLDOGL]D0DUJDULGDTXHDVSHVVRDV TXHSDVVDUDPPDOFRPHUDPSHL[H(ODp obrigada a ir atĂŠ a delegacia. Welligton diz aos FRPSDQKHLURVGR&DULRFDVTXHYDLVHFDVDU QDVHPDQDVHJXLQWH5LWDSHGHTXH)UDQFLVFR FRQYHQoD3DWUtFLDDVDLUGDPDQVmR'LODFRQWD SDUDVXDSDWURDTXHFRQVHJXLXRHPSUHJRQD FDVDGH0DUL]HWH'HSRLVTXH'LODYDLHPERUD DHPSUHViULDÂżFDVR]LQKDHPFDVD$XJXVWD FRQVHJXHHVFDSDUGRTXDUWRGDFOtQLFD


TribunaIndependente

0$&(,Ă?48,17$)(,5$'(-$1(,52'( 5$3+$(/',$679*/2%2

FLĂ VIO RICCOFRODERUDomR-RVp&DUDORV1HU\ZZZWZHWWHUFRPĂ€DYLRULFFR

Chegada da Nielsen ainda ĂŠ uma aposta no escuro

A aproximação da Globo com o SBT, por enquanto como resultado, teve apenas o repasse do carnaval. Futebol e outros produtos, como ¿OPHVHVHULDGRVDWpDJRUDSHOR menos, não entraram nas conversas.

chegada da Nielsen para concorrer com o Ibope nas pesquisas de audiĂŞncia da TV ĂŠ aguardada atĂŠ com certa ansiedade pelos diretores das emissoras concorrentes da Globo. 7RGRVHQWHQGHPRXĂ€QJHPHQWHQGHUTXHD (VWiFRQÂżUPDGR SDUWLUGLVVRWXGRVHPRGLĂ€FDUiHPUHODomRDRV Luciano do Valle foi credenciado e irĂĄ resultados que hoje sĂŁo fornecidos. comandar as transmissĂľes dos Jogos Cabe lembrar que no começo da dĂŠcada passada, OlĂ­mpicos de Londres pelo canal Bandsports. Silvio Santos foi levado a montar uma dessas $5HFRUGFRPRGHWHQWRUDRÂżFLDO HPSUHVDVD'DWDQH[XVFRPDPHVPDĂ€QDOLdos direitos, nĂŁo colocou nenhum empecilho. dade. Um trabalho muito bem desenvolvido pelo engenheiro Alfonso Aurin. Depois de tudo SURQWRVHYHULĂ€FRXTXHDVGLIHUHQoDVDSRQWDGDV &RPHoDDJRUD 1RÂżQDOGRDQRSDVVDGRRVWUDEDOHUDPDEVROXWDPHQWHLQVLJQLĂ€FDQWHVHTXHHP hos foram iniciados, mas ainda de QDGDMXVWLĂ€FDUDPRVLQYHVWLPHQWRVUHDOL]DGRV maneira muito tĂ­mida. Para nĂŁo aumentar o prejuĂ­zo, SS rapidamente Agora, de forma mais agressiva, a Record começa a decidir detalhes da acabou com o negĂłcio. sua prĂłxima “Fazendaâ€?, que irĂĄ se O que se espera da Nielsen, pelo menos das realizar entre os meses de abril, maio TVs interessadas, ĂŠ a realização de um trabalho e junho. mais amplo, que possa atingir maior nĂşmero de pessoas e outros meios, como as parabĂłlicas, por (VSRUWH O Superintendente de Esportes e exemplo. Resta saber no que isso vai dar.

Bate-rebate

Jornalismo da Rede TV!, AmĂŠrico Martins, tem procurado negociar a compra de novos produtos esportivos. O boxe, por exemplo, estĂĄ entre as suas prioridades para as noites de sĂĄbado.

0DLVXP

9DLHYHP Silvio Santos passa em Orlando a maior parte das suas fĂŠrias e DVVLPGHYHFRQWLQXDUDWpRÂżQDOGR prĂłximo mĂŞs. Existem programas gravados atĂŠ lĂĄ. Mas, de vez em quando, ele tem vindo ao Brasil por dois ou trĂŞs dias, para tratar de assuntos pessoais, que nada tem a ver com o SBT.

1RYDDÂżOLDGD A TV Clube, de Recife, começa segunda-feira, dia 9, a transmitir a programação da Rede Record. Para marcar essa nova parceria, haverĂĄ uma JUDQGHIHVWDQR(VSDoR8VLQD'RLV,UPmRVjVKFRPDXWRULGDGHVH convidados. Na ocasiĂŁo, a cabeça de rede estarĂĄ representada por Honorilton Gonçalves, Alexandre Raposo e Douglas Tavolaro, alĂŠm das presenças de Mylena Ciribelli, Janine Borba, Gianne Albertoni, Guilherme Berenguer, Rayana Carvalho e Ana Paula PadrĂŁo, que, inclusive, farĂĄ sua participação no “Jornal da Recordâ€? direto do Recife.

3RVLomR

1RYRIRUPDWR

A Record, via assessoria, nĂŁo FRQÂżUPDRODQoDPHQWRGHXP programa nas manhĂŁs, apresentado por Ana Paula PadrĂŁo, para concorrer com o novo projeto de FĂĄtima Bernardes na Globo. Diz que essa possibilidade nĂŁo existe, apesar dos muitos comentĂĄrios a respeito na emissora.

O “Astrosâ€? volta a ser apresentado pelo SBT no dia 16, no lugar do “Qual ĂŠ o Seu Talento?â€? e com a mesma equipe. Ricardo Mantoanelli, diretor, vai apostar num formato sĂŠrio, em que cada jurado irĂĄ escolher e produzir um talento musical. Os quatro VHOHFLRQDGRVLUmRSDUDDJUDQGHÂżQDO e a decisĂŁo caberĂĄ ao pĂşblico.

HORĂ“SCOPO PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

Š Revistas COQUETEL 2012

Proteção CafÊ com leite da janela de quartos (pop.) infantis 1ª vogal

ExercĂ­cio Vaqueiro que antecede a prova Perspicaz

Estudioso como Caio Prado JĂşnior

O tempo passado Ir para a farra

Abrandar Letras centrais de "ruga"

Arma de lâmina larga e curta

Inscrição em sanitårios masculinos (?) Peixoto, jornalista brasileiro

Instrumento medieval Transtorno Obsessivo-Compulsivo (sigla)

Ave de rapina Aparelho lacrador

Que desperta olhares (fem.) Zilda Arns, mĂŠdica "Erva", em "caatinga"

O

C

Grupo de ilhas MarquĂŞs de (?), avenida do Carnaval do Rio

(?) Brown, autor de "O CĂłdigo Da Vinci"

Drible desconcertante (fut.)

Refúgio Restaurante italiano Pedaço de vidro Ter fÊ; acreditar

Aproveite

O poeta como BasĂ­lio da Gama

Tecido de calças Pedido de repetição

Instituto AnĂ­sio Teixeira (sigla)

A DĂĄdiva do (?): o Egito (Hist.)

2

Solução

S H I A M U A L A D T O

I A D O R I D A G A E A L O C N D O A D A C A N T I A D C R A E E R S O R F L B R I B R U N I A T S S E T M

E

R O B E R T O D I N A M I T E

BANCO

Remo, em inglĂŞs Tecla de micros

Flamengo (red.) Bairro de SĂŁo Paulo

(?) Baldwin, ator de "Os Infiltrados"

B G S T O R A C I A G A D A U D E Z E V I S C R E A T O L A R A A N D O T O O A R A R L A L I E T A C A

Refletor do palco teatral Primeiradama da França Vincule; associe Mídia substituída pelo CD

Pamela (?), atriz canadense

3/oar. 4/nilo — spot. 6/alaúde — årcade. 8/gandaiar — tratoria. 11/historiador.

Tristeza; pena A letra do plural

Anno Domini (abrev.)

E P S A S P U C A F I

T

OlĂ­vio Presidente Dutra, do Vasco polĂ­tico em 2011 (fut.) gaĂşcho

Ă RIES - (21/3 a 19/4) – Entre hoje e sĂĄbado astral permite a vocĂŞ se associar a quem tem como viabilizar projetos de longo alcance, pode ter UHODomRFRPFDUUHLUDHSURÂżVVmR VĂŞnus em AquĂĄrio atĂŠ 15/1 ressalta poder de amizades bem informadas em seu presente. Cor FavorĂĄvel: Azul Royal TOURO – (20/4 a 20/5) – De sonho sĂł nĂŁo se vive e vocĂŞ sabe muito bem disso, mas agora o cenĂĄrio permite dar um passo concreto na realização de um ideal, especialmente se tem a ver com amigos e familiares. Marte confere mais energia e pique a vocĂŞ atĂŠ julho de 2012 Cor FavorĂĄvel: Branco Neve GĂŠMEOS – (21/5 a 21/6) – Saturno e Netuno em ângulo suave trabalham juntos por arte e cultura em grande escala - vocĂŞ pode ser um mensageiro! No trabalho, proponha algo inspirador; um superior irĂĄ ouvir e dar razĂŁo a suas ideias. AtĂŠ sĂĄbado, vocĂŞ estĂĄ com mais sorte. No amor, nĂŁo se deixe dominar pela insegurança, faça um esforço para nĂŁo complicar mais a sua vida. Cor FavorĂĄvel: Amarelo Ouro CĂ‚NCER – (22/6 a 22/7) – Lua e JĂşpiter no trabalhador Touro exalta a capacidade de comunicação consistente e de valores claros no trato com todo tipo de gente. Viagens e UHODFLRQDPHQWRVVHEHQHÂżFLDPGH DERUGDJHQVFDOPDV$XWRFRQÂżDQoD ajuda no amor. Cor FavorĂĄvel: Verde Claro LEĂƒO – (23/7 a 22/8) – Boa comunicação decide direção de projeto comum. JĂşpiter expande sua vida SURÂżVVLRQDOGHVGHRQWHPRSRUWXQLdades e sorte, um convite que vem em boa hora, a sensibilidade para captar direçþes pouco claras, fĂŠ na prĂłpria capacidade. Cor FavorĂĄvel: Cinza VIRGEM – (23/8 a 22/9) – MercĂşrio, seu regente, age como um elemento de ligação entre o idealista que mora em vocĂŞ e o trabalhador consciente das limitaçþes. Viagens, publicaçþes, contatos com gente de fora do seu circulo dinamizam sua vida. Certezas estĂŁo sendo criadas. Cor FavorĂĄvel: Azul Celeste

Mariah Rocha participa do “VĂ­deo Game VerĂŁoâ€?, na Globo, na prĂłxima semana, com apresentação de AndrĂŠ Marques

Autor de “Fina Estampaâ€?, Aguinaldo Silva gostaria que as Ăşltimas cenas de Griselda (Lilia Cabral) e Guaracy (Paulo Rocha) fossem realizadas em Portugal. “Queria ir com eles e, como eles, nunca mais voltarâ€?, revela, em tom de desabafo, deixando claro que anda muito insatisfeito por aqui. De qualquer forma, Aguinaldo acha a que a “viagemâ€? dos personagens nĂŁo serĂĄ autorizada. Quanto a ele, tudo certo: o autor embarca dia 21 para Portugal e irĂĄ escrever por lĂĄ os Ăşltimos 30 capĂ­tulos da novela.

Ficou nisso

O “CQCâ€? deve apresentar, na volta do programa em fevereiro, mais um novo repĂłrter, desta vez para ocupar a vaga do Danilo Gentili, TXHDJRUDÂżFDHPGHÂżQLWLYRFRPR seu programa de todas as noites. Este integrante jĂĄ estĂĄ escolhido, mas o seu nome e se ĂŠ homem ou mulher, nĂŁo serĂŁo divulgados tĂŁo cedo.

3

'LVWkQFLD

TV TUDO

A

DIVERSĂƒO&ARTE

¡ Trabalho da atriz Beth Goulart em “Vidas em Jogoâ€?, novela da Record, sempre muito bom, vai crescer ainda mais. Ă‚1RÂżQDOGRDQRSDVVDGR Juliana Paes teve seu contrato renovado na Globo. ¡ Juliana Alves, atriz, idem, na mesma data. ¡ O Ăşnico compromisso de Roberto Carlos com a Globo, ao longo de todo este ano, serĂĄ o especial de dezembro. ¡ NĂŁo hĂĄ nada previsto antes disso. Pelo menos atĂŠ agora. ¡ A participação de Tony Ramos em “Avenida Brasilâ€? serĂĄ apenas no primeiro capĂ­tulo. Ă‚'HSRLVGLVVRHOHÂżFDUiÂłJXDUdadoâ€? para o remake de “Guerra GRV6H[RV´FRQIRUPHÂżFRXDFHUtado com o autor Silvio de Abreu GHVGHRÂżQDOGHÂł3DVVLRQH´ Ă‚%DQGFRQWLQXDFRQÂżUPDQGR para a semana do dia 16 as alteraçþes no “SP Aconteceâ€?, programa esportivo da hora do almoço. ¡ AlĂŠm da mudança no prĂłprio tĂ­tulo do programa.

&¡HVWĂ€QL Em “Fina Estampaâ€?, entre outros mĂŠritos, Aguinaldo Silva encontrou para JosĂŠ Mayer no Pereirinha um tipo diferente daquele interpretado em seus inĂşmeros outros trabalhos anteriores. 1DGDPDLVJUDWLÂżFDQWHSDUDXP ator, e para o prĂłprio pĂşblico, do que isso. Ficamos assim. Mas amanhĂŁ tem mais. Tchau!

NO RIO LIBRA – (23/9 a 22/10) – Aceite a responsabilidade de tornar real uma aspiração que mexe com mais pessoas - nestes dias seu arsenal intelectual estĂĄ mais poderoso! 2VGHVHQWHQGLPHQWRVYmRÂżFDQGR pra trĂĄs. Se vocĂŞ decidir, muitos irĂŁo atrĂĄs. Faça a sua escolha. Cor FavorĂĄvel: Laranja ESCORPIĂƒO – (23/10 a 21/11) – SĂŁo ainda muitos detalhes para resolver, acumulo de demandas pequenas, e isso nĂŁo ĂŠ nada glamuroso. Mas uma musica toca no fundo: a harmonia entre um estilo de vida ideal e a sua possibilidade do momento. Parece que algo se ajeita. Cor FavorĂĄvel: Rosa SAGITĂ RIO – (22/11 a 21/12) – Sol em CapricĂłrnio mantem vibraçþes positivas pra vocĂŞ engatar soluçþes HSURMHWRVQRFDPSRÂżQDQFHLURWXGR que estĂĄ fazendo nesta direção irĂĄ vingar nos meses vindouros. Um amigo que tem poder pode abrir porta para vocĂŞ, fale com ele. Cor FavorĂĄvel: LilĂĄs CAPRICĂ“RNIO – (22/12 a 19/1) – Quando vocĂŞ fala apenas o que WHPVHQWLGRVHXSRGHUEULOKDHÂżFD acima de intempĂŠries e de famas ocasionais. Estas sĂŁo para outros, vocĂŞ sabe onde quer chegar - mais ainda agora. Mantenha a discrição. Mostre apenas suas obras. Cor FavorĂĄvel: Violeta AQUĂ RIO – (20/1 a 18/2) – VocĂŞ LQVSLUDHSDUHFHTXHÂżQDOPHQWHKi quem o escute, e alguma chance de inserção num meio conservador vocĂŞ tem agora - ĂŠ como nadar com facilidade entre tubarĂľes, sem ser mordido por eles. Mova-se com UHÂżQDPHQWRHYHQoDDSDUDGD1R amor, NĂŁo hesite em fazer alguns sacrifĂ­cios ou cedĂŞncias. Cor FavorĂĄvel: Marrom Escuro PEIXES – (19/2 a 20/3) -CenĂĄrio astral privilegia o bom senso, a medida certa, moderação, racionalidade, reÂżQDPHQWR,GHDLVHQFRQWUDPIRUPDV aceitĂĄveis na sociedade agora. VocĂŞ pode ser um agente disso. Tem de ser claro, usar a comunicação com maestria. No amor, uma atração que julgou ser outro sentimento pode KRMHFKHJDUDRÂżPYDLVHQWLUVH mais livre. Cor FavorĂĄvel: Vermelho Cereja

James Blunt nega estigma de uma mĂşsica sĂł

E

le nĂŁo gosta de ser chamado de artista de uma mĂşsica sĂł (“one hit wonderâ€?, no jargĂŁo da indĂşstria IRQRJUiĂ€FD  PDV -DPHV Blunt sabe que nĂŁo pode colocar o pĂŠ no palco sem cantar o seu maior sucesso, a chorosa balada “You’re beautifulâ€?. Foi essa mĂşsica, lançada em

2005, a responsåvel pelo seu sucesso — desde então, foram mais de 18 milhþes de discos vendidos e cinco indicaçþes ao Grammy — e possivelmente vai ser ela o ponto alto do seu show no Rio, no próximo dia 20, no Citibank Hall.— Claro que essa Ê a minha canção mais conhecida, e Ê natural que o público sempre queira ouví-la — diz Blunt, em entrevista — Mas acho que jå provei que não sou um

artista de um sucesso sĂł. Minha carreira nĂŁo se limita a “You’re beautifulâ€?. Essa ĂŠ a segunda passagem de Blunt pelo Brasil — ele esteve no paĂ­s em 2009, abrindo os shows de Elton John, a quem considera uma espĂŠcie de padrinho musical. O mĂşsico e compositor britânico estĂĄ hĂĄ um ano na estrada com a turnĂŞ do seu terceiro disco, “Some kind of troubleâ€? (de  TXH vai ser encerrada com uma apresentação em Londres, em fevereiro. Nestes shows, acredita estar mostrando uma outra faceta do seu trabalho, mais alegre, mais para cima, mais rock and roll. Parte da inocĂŞncia de Blunt foi perdida antes mesmo que ele abraçasse a carreira musical. Filho de um militar, ele serviu no Kosovo, em 1999, como capitĂŁo do ExĂŠrcito, e garante que os seis meses que passou na guerra o afetaram profundamente.


4

TribunaIndependente

DIVERSĂƒO&ARTE MACEIĂ“ - QUINTA-FEIRA, 5 DE JANEIRO DE 2012

felipe1camelo@gmail.com felipecamelo@saladaonline.com.br camelofelipecamelo.blogspot.com

Cacife pra estarem em Búzios, Capri, Caribe... Celso & Flåvia Barros Correia têm. Mas preferem as åguas da Pajuçara. Ele, no whiskinho e charuto, ela só na champanhota. Recebiam amigos de BelÊm que vieram + 1 x pra virada do ano por aqui. ChiquÊÊÊrrimos queridos

Ferveção

HĂĄ tantos anos morando em Nova York, Sandra Lessa jĂĄ ĂŠ americana toda. Mas nĂŁo esquece as origens alagoanas, e sempre nesta ĂŠpoca do ano baixa por aqui elevando a temperatura da ĂĄrea. Atributos pra isso nĂŁo lhe faltam. “Very Much, So Muchâ€?

E hoje, o fervido e talentoso performĂĄtico Pierre Pelegrini movimenta JaraguĂĄ com + 1 DragchĂł, superbrechĂł de fantasias pro AlĂŠm da Praia e da Net VozeirĂŁo Carnaval que se aproxima. Das 7 Ă s 10 da 'HSRLVGDVIHVWDVGHÂżQDOGHDQRDJDURWDGDHVWi Felipe, meu querido! Antes de mais noite na Rua CristĂłvam Colombo, ao lado em fĂŠrias e pra fugir 1 pouco do sol e continuar nada, um 2012 maravilhoso pra vocĂŞ, GR0HUFDGRGH-DUDJXi1DFHQDGHVÂżOHH se divertindo MaceiĂł Shopping pode “ajudarâ€? com muita paz, amor, boas companhias, SHUIRUPDQFHGDVWRSJUDJV3kQWDOD%XWWHUĂ€\ aos pais nesta missĂŁo, com diversas opçþes de sabedoria, coragem e muito trabalho LavĂ­nia Burtner, Melyna Star Ryos e Ashilley lazer e entretenimento, entre elas, FĂłrmula Kids, (prazeroso!). Que 2012 e os anos vinHarley. + a topdrag e DJ importadĂ­ssima de TXHÂżFDUijGLVSRVLomRGRVÂľEDL[LQKRVÂśDJRUDHP douros sejam os melhores da sua vida! Recife, Thânia Tumulto. TambĂŠm na cena, janeiro, na praça de eventos do shopping, onde 2ÂżFLDOL]DQGRSRUDTXLRVDJUDGHFLPHQWRV delĂ­cias do Buffet Chez Marie, Lamary e 51 as crianças poderĂŁo pilotar carrinhos elĂŠtricos no Ă  coluna do dia 21/12. Quanto carinho! (sĂł nas caipirinhas). Claro que vale presença. circuito montado especialmente pra este evento. Agradeço muitĂ­ssimo pela amizade, inDurante a brincadeira educativa, as crianças vĂŁo centivo e tĂŁo belas palavras! Amei a foto! se familiarizar com leis de trânsito e desenvolver Se ainda a tiver, me envia. Espero revĂŞa coordenação motora. A pista conta com placas -lo em breve, curta muitĂ­ssimo esse inĂ­cio de trânsito, balizadores luminosos, protetores de Ano-Novo, muita luzzzzz pra vocĂŞ, laterais e sonorização similar Ă s das pistas de queridĂŁo! Um cheiro; obrigado mais uma corrida de verdade. Outra opção ĂŠ a colĂ´nia de vez por tudo! Bruno Sandesâ€?. E-mail do fĂŠrias do Game Station, que acontece atĂŠ o dia 3 meu querido barĂ­tono dos + talentosos, de março. Os participantes podem curtir 1 manhĂŁ Bruno Sandes, reagindo Ă  publicação de inteira de brincadeiras nas mĂĄquinas do Game 1 foto sua no aniversĂĄrio de Selma Britto, Station, alĂŠm de atividades lĂşdicas tradicionais que coloquei aqui na Coluna no Ăşltimo como pintura, desenho, quebra-cabeças e dia 21. Quanto Ă s “Belas palavrasâ€?, sĂł jogos de tabuleiro, alĂŠm de 1 lanche, tudo isso expressei o que sei e sinto sobre seu taacompanhado por 1 monitor do parque. Renata lento e dom. E repito aqui, esse ‘menino’ Pais, da MĂ­dia Nova, assessorando e levando o vai muito longe. NĂŁo tenho dĂşvida, serĂĄ pequeno Rodrigo pra brincar lĂĄ. Se diverte tanto 1 dos + importantes do mundo. Guardem quanto ele. o nome dele: Bruno Sandes.

Sempre produzida como se IRVVHGHVÂżODU Vera Lerner feliz toda, recebendo RÂżOKmR PHX amigo desde o Marista) Carlinhos Lerner, que veio virar o ano aqui com sua bem-amada e muitos amigos GH%HOpP TXH jĂĄ se sentem em casa quando estĂŁo por aqui). 60TĂŁo Sejam bem- 1Âş convite do ano recebi de Zequinha MaranhĂŁo. A partir das 6 da tarde do prĂłximo domingo, 8, recebe 20 seletos vindos todos, convidados pra comemorar + 1 aniversĂĄrio. Com a simpatia de sempre, Regina, os ‘meninos’ e 3 respectivas ‘nosempre UDVÂśSX[DPRFRURGHÂł3DUDEpQVSUDYRFr´QDKRUDGHDSDJDUDYHODHHQÂżDURGHGmRQREROR2E

“O projeto VerĂŁo Mais SaudĂĄvel, promovido pela Secretaria de Estado da SaĂşde (Sesau) em parceria com a Unimed Alagoas, acontece na sexta-feira (13), das 16h Ă s 20h, no estacionamento do Alagoinhas - na Ponta Verde, e serĂĄ realizado ainda na manhĂŁ do sĂĄbado (14), das 6h Ă s 10h. A ação acontece tambĂŠm nos dias 20 e 21 de janeiro, no mesmo horĂĄrio. Com o projeto, MaceiĂł vai contar com uma sĂŠrie de atividades especiais para manter a saĂşde em dia. Como divulgado anteriormente, o projeto nĂŁo acontece neste fim de semana (6 e 7 de janeiro)â€?.

“Como consequĂŞncia do trabalho integrado entre Estado e municĂ­pios, Alagoas fecha 2011 com redução de 80% nos casos de Dengue em FRPSDUDomRFRP,VVRSRUTXHVHJXQGRR~OWLPR%ROHWLP(SLGHPLROyJLFRGLYXOJDGRSHOD6HVDXHPIRUDPQRWLÂżFDGRVFDVRV contra 10.647 em 2011. Para se ter ideia da redução, na penĂşltima semana de dezembro de 2011 foram contabilizados 80 casos e, na semana VXEVHTXHQWHDVQRWLÂżFDo}HVFDtUDPSDUDRTXHUHSUHVHQWDXPDTXHGDGHTXDVH5HDOLGDGHTXHVHUHSHWLXDRORQJRGRDQRVHJXQGR destaca a superintendente de Vigilância em SaĂşde, Sandra Canuto. Mas, mesmo diante desta redução expressiva dos casos de Dengue e que, segundo a superintendente de Vigilância em SaĂşde, comprova a importância das açþes realizadas pela Sesau, os alagoanos necessitam perPDQHFHUYLJLODQWHV5HDOLGDGHTXHVHGHYHDRIDWRGHPHVPRGLDQWHGDJUDQGHUHGXomRGHFDVRVIRUDPFRQÂżUPDGDVGH]PRUWHVSRUGHQJXH´ Texto da jornalista Elza Amaral, que coordena a Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da SaĂşde de Alagoas. Concordo em gĂŞnero, nÂş e grau com minha amiga Elza. Mesmo com esta redução ĂŠ preciso continuar vigilante quanto aos focos de ĂĄgua parada, pra evitar TXHHVWHPDOGLWRPRVTXLWRQmRVHSUROLIHUH$ÂżQDOPRUUHUGHSLFDGDpRÂżPGDSLFDGDOLWHUDOPHQWH

Nota de solidariedade

A

Comissão Estadual de Jornalistas em Assessoria de Comunicação (Cejac) lamenta o ocorrido com a Assessoria de Comunicação da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do Parå, aviltada pela Diretoria Interventora do órgão, ao tempo em que se solidariza com os jornalistas e estagiårios vitimados pela ação dissonante dos propósitos da Ordem, que deveria prezar pela transparência democråtica.

Novidades da Equipe Agências de Assessoria A partir do próximo mês, os jornalistas em assessoria de comunicação terão novidades da equipe &HMDF$¿PGHHVWUHLWDUPHOKRU RVFRQWDWRVFRPRVSUR¿VVLRQDLV algumas açþes de comunicação serão aplicadas. AlÊm desta coluna semanal, teremos outras ferramentas de informação. Para que você possa acompanhar nossas iniciativas atualize seu e-mail junto à Cejac. AlÊm disso, se você quer ver a sua ascom na nossa coluna, envie-nos seu release! O e-mail Ê cejac.al@gmail.com. Torne este HVSDoRHIHWLYDPHQWHVHXH¿TXHSRU dentro de tudo.

A coluna parabeniza o desempenho HRSUR¿VVLRQDOLVPRGDVDJrQFLDVGH comunicação Algo Mais Consultoria e Assessoria e A[+]mais Imprensa pelo trabalho de assessoria de imprensa prestado aos rÊveillons EnchantÊ Celebration e Absoluto. Ambas foram responsåveis por colocar Maceió na rota dos destinos mais procurados do Brasil para a noite da virada. Jornalistas de diversos veículos de comunicação dos Estados de Sergipe, Pernambuco e Distrito Federal vieram cobrir os eventos e voltaram com a sensação de pauta cumprida. Agora, as agências alagoanas colhem o saldo positivo das festas, alÊm de obter um clipping bastante recheado.

Webwriting nas empresas A Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje) lançou o Âł&RPR´XPHYHQWRTXHUH~QHGLYHUVRVSURÂżVVLRQDLVGDFRPXQLFDomRHP palestras e workshops sobre como as empreses resolvem seus problemas GHIRUPDFULDWLYD'LYHUVRVSURÂżVVLRQDLVGHSRQWDDSUHVHQWDUmRVHXVFDVHV e o prĂłximo ĂŠ Luiz Vitiello, consultor em comunicação empresarial, que no dia 18 de janeiro, Ă s 9 horas, farĂĄ uma palestra com o tema “Como cuidar do webwriting nas empresasâ€?. Webwriting ĂŠ um conjunto de tĂŠcnicas que auxiliam na distribuição de conteĂşdo informativo em ambientes digitais como, por exemplo, as diversas camadas de um site, as intranets, CDs– ROM e wireless. O campo para webwriters ĂŠ bastante vasto. A palestra serĂĄ na sede da Aberje em SĂŁo Paulo e ĂŠ gratuita para os associados. Maiores informaçþes http://www.aberje.com.br/eventos/2011/como/default.asp.

+ 1 exclusividade nas vitrines e prateleiras nas lojas Flu Look, os óculos solares Stylux. A coleção traz modelos pra todos os gostos, nos estilos clåssico, casual, fashion e esportivo. As peças, produzidas em acetato ou metal, tambÊm têm a opção de lentes polarizadas. Quem me informa por e-mail Ê Marcus Ramone, do Marketing da rede de Mårcio Nutels.

(UUDWD2ÂżFLDO

Fim da Picada

ASSESSORIA& Comunicação

Stylux

Meu Deus, o tempo parece que não passa pra ela. Querida Betânia Canuto não envelhece, apura. Acho que o segredo, alÊm da genÊtica, Ê viver feliz no maior alto astral. 4XHPTXLVHU¿FDUDVVLP melhor copiar. Repararam na latinha de Coca-Cola? Pois Ê, ainda por cima, toma refrigerante. Mas se você não tem esse DNA, esqueça o refri. Siga só a energia e a alegria

AOS 87 ANOS

Morre o escritor e editor tcheco Josef Skvorecky

PrĂŞmio Top Etanol Integrantes de ĂĄreas tĂŠcnicas, universitĂĄrios, pĂłs-graduados, mestres, doutores, jornalistas, fotĂłgrafos e inventores tĂŞm atĂŠ o dia 29 de fevereiro de 2012 para se inscrever no PrĂŞmio Top Etanol. A premiação reconhecerĂĄ trabalhos acadĂŞmicos matriculados no perĂ­odo de 2009 a 2011, relacionados ao tema “Agroenergia e Meio Ambienteâ€?.O prĂŞmio tambĂŠm destacarĂĄ descobertas, aperfeiçoamentos tecnolĂłgicos ou novidades VLJQLÂżFDWLYDVGHFDUiWHUWHFQROyJLFRTXH FRQWULEXDPSDUDRXVRPDLVHÂżFLHQWHGR etanol no Brasil. Os autores das maiores inovaçþes em transportes, geração de energia industrial e utilização do etanol como insumo industrial na produção de bioplĂĄstico receberĂŁo, cada um, R$ 5.000. Para maiores Informaçþes e inscriçþes para as diversas modalidades HFDWHJRULDVGHSUHPLDomRÂżFKDVGH inscrição e regulamento acesse o site www.premiotopetanol.com.br.

Encontro Amanhã (6), o Museu ThÊo Brandão comemora o Dia de Santos Reis com um Encontro de Folguedos Natalinos. O evento celebra os 60 anos da IV Semana do Folclore Nacional e terå a participação dos seguintes grupos: Cantoria de Reis, do Rio de Janeiro; Reisado Virgem dos Pobres de Bananal, de Viçosa (AL); e Chegança Silva Jardim, de Coqueiro Seco (AL). A iniciativa tem como objetivo promover o intercâmbio entre os grupos participantes, reunidos para trocas de experiências e conhecimentos. À noite, a partir das 18h, serå aberto ao público com as apresentaçþes dos folguedos natalinos. A Sala Festejar Alagoano serå reaberta, apresentando seu importante acervo de chapÊus e coroas de guerreiro que passaram por processo de restauração. As salas de exposiçþes estarão abertas à visitação com entrada franca. Mais informaçþes pelos telefones (82) 3221-2651 e 3221-2977.

O

escritor e editor tcheco, Josef Skvorecky, que publicou as obras do expresidente Vaclav Havel e de outros autores perseguidos pelo regime comunista, morreu aos 87 anos em Toronto, no Canadå, vítima de um câncer, segundo meios de comunicação tchecos e canadenses. Skvorecky e sua mulher, a tambÊm escritora Zdena Salivarova, criaram em Toronto a editora Sixty-Eight Publishers depois de deixarem a Checoslovåquia por causa da invasão soviÊtica de 1968. A editora

publicou um total de 227 tĂ­tulos. VĂĄrios luminares da geração anticomunista de artistas tchecos morreram no ano passado, entre eles Havel, em dezembro, e tambĂŠm os escritores Ivan Martin Jirous, Arnost Lustig e Jiri Grusa. Os livros publicados por Skvorecky costumavam ser contrabandeados para a ChecoslovĂĄquia, burlando a rigorosa censura vigente nas dĂŠcadas de 1970 e 80. “Foi legal que os livros fossem publicados em tcheco, lindamente feitos, e entĂŁo contraban-

deados para cĂĄ, para que milhares de pessoas os lessemâ€?, disse Ivan Klima, escritor que tambĂŠm foi vĂ­tima da censura. “Eles (Skvorecky e DHVSRVD VDFULĂ€FDUDP sua prĂłpria escrita para fazer isso. Skvorecky era um excelente autorâ€?, disse ele Ă Reuters. Skvorecky recebeu vĂĄrios prĂŞmios literĂĄrios e tambĂŠm a Ordem do CanadĂĄ e a Ordem do LeĂŁo Branco, maior condecoração tcheca, entregue a ele por Havel. O autor lecionou literatura na Universidade de Toronto atĂŠ se aposentar, em 1990.

Edição número 1336 5 de janeiro de 2012  

Edição Digital Jornal Tribuna Independente TribunaHoje.com

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you