Page 1

» MAIS MÉDICOS NO RN RECEBE 19 NOVOS ESTRANGEIROS NO PRÓXIMO SÁBADO • NATAL 7

FUNDADOR: ALUÍZIO ALVES - 1921 - 2006

Ano 63 • Número 182 • Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

EXEMPLAR DO ASSINANTE

HOJE É O DIA DO MACARRÃO

Mário Bortolotto fala de teatro, música e literatura na Cientec/FliQ

Hoje, 25 de outubro, Dia Mundial do Macarrão, é o momento ideal para se pensar e principalmente saborear a variedade que a receita oferece. « FDS 6 E 7 »

Dramaturgo brasileiro que mais possui peças encenadas, Mário Bortolotto é a atração da feira a partir das 20h15. « VIVER 1 »

51,1% dos domicílios do RN possuem veículos privados segundo maior índice do NE

EXEMPLAR DO ASSINANTE

28,6% dos domicílios do RN possuem pelo menos um carro maior índice do NE

Estado terá R$ 397 mi do PAC 2 para infraestrutura « OBRAS » A segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (o PAC2) vai liberar R$ 397 milhões para treze projetos de infraestrutura apresentados por nove prefeituras do Rio Grande do Norte. Natal e Parnamirim terão os maiores percentuais dos recursos. Parnamirim receberá R$ 186 milhões (46,85% do total), enquanto a prefeitura da capital conseguiu incluir dois projetos, com obras em bairros na Zona Norte da capital, somando R$ 165 milhões (41,5% do total). « PÁGINA 6 »

METADE DOS DOMICÍLIOS DO RN POSSUI VEÍCULOS O dado consta do Comunicado Indicadores de Mobilidade Urbana da PNAD 2012, divulgado ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). No Nordeste, o RN ocupa o segundo lugar e o 11º no ranking nacional. « PÁGINA 8 »

natal Exército treina tropas para o Haiti em Natal O 19º Contingente da Companhia de Engenharia de Força de Paz do Haiti, está treinando em Natal para viajar daqui a dois meses. « NATAL 7 »

« PASSE LIVRE » PM deixa para hoje retirada de manifestantes da Câmara

« CONTAS PÚBLICAS » Governo tem ‘expectativa’ de pagar 95% da folha dia 31

« FESTA DO BOI » Anorc contesta ação do MPE sobre contrato do Parque

A Polícia Militar deixou para hoje a retirada dos manifestantes que ocupam o prédio da Câmara Municipal de Natal. Ontem, Supremo Tribunal de Justiça negou habeas corpus preventivo impetrado pelo grupo. « NATAL 1 E 2 »

Em nota, o Executivo disse que espera pagar o salário de outubro de 95% dos servidores até o dia 31. O percentual deve atingir quem ganha até R$ 5 mil. Para o restante, há “perspectiva” de receber uma semana depois. « PÁGINA 3 »

O inquérito do Ministério Público aponta o uso do Parque Aristófanes Fernandes para favorecimento particular da Anorc. O presidente da entidade, Marcos Aurélio de Sá, diz que todos os documentos contábeis estão abertos ao MP. « NATAL 3 »

Ensaiando a dança da vitória

EMANUEL AMARAL

geral Questões jurídicas do Enem são superadas A correção das redações do Enem já enfrentou três ações civis públicas neste ano. União venceu embates e garante realização das provas. « PÁGINA 7 »

colunistas Woden Madruga Chegada à Ribeira se transformou em um “Pórtico do inferno”. « PÁGINA 2 »

Cláudio Humberto Estratégia dos ‘black blocs’ seria fazer uma vítima fatal durante protestos. « PÁGINA 6 »

O América treinou ontem à tarde no estádio Nazarenão. O Alvirrubro enfrenta o Ceará amanhã, às 15h20 sem modificações. Rodrigo Pimpão - em grande fase - é um dos destaques do time. « PÁGINA 12 »

« TURISMO » Companhias que quiserem

extinguir voos perderiam rotas mais rentáveis

esporte

Secretários querem punição por corte de voos

ABC enfrenta novo julgamento no STJD

A proposta que o Fórum Nacional dos Secretários de Turismo apresentou à Secretaria Nacional de Aviação Civil foi debatida ontem no 2º Seminário de Desenvolvimento Turístico, que está ocorrendo em Natal.« PÁGINAS 9 E 10 »

48

TOTAL DE PÁGINAS DESTA EDIÇÃO: páginas

FALE CONOSCO: PABX: Redação:

Assinaturas: 4006-6100 Venda avulsa: 4006-6113 Comercial:

4006-6111 Classificados: 4006-6103 Circulação: 4006-6173 Reclamações:

4006-6161 4006-6103 4006-6111

REDAÇÃO (pauta): pauta@tribunadonorte.com.br HOME PAGE: www.tribunadonorte.com.br

NO FACEBOOK

facebook.com/tribunarn

Acusado de impedir o BOA/MG de entrar em campo, no Frasqueirão, para aquecer, o ABC será julgado hoje e pode perder mando de campo. « PÁGINA 14 »

NO TWITTER

@tribunadonorte

PREÇO DESTA EDIÇÃO:

R$ 1,50


2

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Jornal de WM WODEN MADRUGA [ woden@terra.com.br ]

Entre as Rocas e a Ribeira Para se chegar hoje ao bairro da Ribeira o cidadão é forçado a passar pelo “pórtico do inferno” que, por uma dessas ironias bem natalenses, fica no oitão da Igreja do Bom Jesus das Dores. Ali se abraçam as avenidas Cordeiro de Farias e a Rio Branco. A primeira descendo de Petrópolis; a segunda vinda da Cidade Alta. Querendo chegar no velho bairro abandonado tem que passar por lá. Não há outro corredor. A não ser que o cristão venha pelas Rocas ou descendo de bote pelo Potengi desembarque (se puder) no cais da Tavares de Lira. Uma terceira alternativa seria o trem, desapeando na estação da Praça Augusto Severo. Mesmo assim com essas alternativas, 95% das pessoas – dirigindo seus automóveis ou utilizando o transporte público – para chegar ao bairro têm que passar pelo “pórtico do inferno”, que há mais de seis meses foi implantado ali por conta de um serviço de esgotamento sanitário que não tem fim. Ocupa o encontro dessas duas avenidas (Rio Branco e Cordeiro de Farias) mais trechos da rua Teotônio Freire e avenida Tavares de Lira ou Praça José da Penha. Vale ressaltar que se trata de uma obra particular, de uma imobiliária, com a omissão da Prefeitura e da Caern. Modelo perfeito de absurdo. Para evitar ou diminuir todos esses transtornos, tenho tentado chegar à Ribeira rodeando pelas Rocas. Como saindo do Barro Vermelho e chegar à Ribeira através das Rocas, que fica depois da Ribeira? Logo que você deixa a avenida Deodoro e pega, pela esquerda, a Cordeiro de Faria, poucos metros adiante, à direita, dobra na rua Cel. Felinto Elízio. No começo é uma ladeirinha, uma rua que deve ter assim uns quatrocentos metros de extensão, ligando a Cordeiro de Farias com a Esplanada Silva Jardim. A Cel. Felinto Elízio separa a Ribeira das Rocas, assim como também a Esplanada Silva Jardim separa os dois bairros fazendo um “L”. Os urbanistas da Prefeitura, ao lado de seus peagadês em “mobilidade urbana”, bem que poderiam transformar a Felinto Elízio em alternativa para se chegar à Ribeira sem passar pela Praça José da Penha e fazer aquele S absurdo em frente à Igreja do Bom Jesus, evitando-se também o trânsito emperrado da Duque de Caxias. O cara desceria pela Felinto Elízio, chegaria à Esplanada Silva Jardim e logo em frente se deslumbraria com a beleza do pré-

dio da antiga Estação da Central hoje sede do Dnocs. Perfeita a sua restauração. O Porto fica um pouco mais adiante, dois quarteirões, depois de cruzar com a Almino Afonso e a Duque de Caxias. Sim, a Silva Jardim precisa também de uma repaginada. Avenida larga, bonita, com muita história. Frei Miguelinho teria nascido ali. A rua Cel. Felinto Elízio cruza com duas ruas antes de chegar à Silva Jardim: a Theotônio Freire e a General Glicério, que foi uma das mais importantes ruas da Ribeira, moradia de gente importante. Se quiser saber de sua história leia o excelente livro de memórias de Francisco Fausto Paula de Medeiros. Viva Getúlio Vagas – As areias brancas da memória. O autor morou lá e lembra de seus vizinhos e vizinhas. Uma delas, a cantora e atriz Terezinha Maia, que fazia com Marisa Machado a dupla Nigth and Day da Rádio Poti. Cantavam em inglês. Na Felinto Elízio, antes de você chegar à Silva Jardim e já vendo o belo edifício do Dnocs, passa-se em frente ao Motel Joia, onde se lê na sua fachada “Renovando uma tradição”. Ah, as tradições do Joia! Mas, nem tudo é alumbramento. Ao pé da ladeira da Felinto Elízio, saindo da Cordeiro de Farias, tem estacionada uma carroceria de um caminhão sem cabine sacaneando o fluxo do trânsito. Está ali há meses. Alguém da Prefeitura poderia passar por lá e desvendar esse mistério (quem sabe, espionagem norte-americana...). Mais: tem um poste próximo com o sinal de estacionamento proibido. Livre deste trambolho do caminhão e com uns quatro buracos tapados, a rua Felinto Elízio seria uma boa alternativa para a “mobilidade urbana” da Ribeira, renovando suas tradições.

nos campos de futebol, teríamos uma educação de qualidade. - Há um convencimento de que o problema da educação é essencialmente um problema de falta de pressão em cima dos governantes, do baixo envolvimento dos pais e do engajamento da comunidade. - É isso mesmo. - A pesquisa faz parte de um movimento que será lançado na próxima semana, batizado de Mundial da Educação, para engajar as cidades da Copa nas suas escolas. Já conta com adesões que vão do movimento Todos pela Educação, Unicef, entidades representativas de secretários estaduais e municipais da educação, além de fundações empresariais.

Televisão A Assembleia Legislativa realizará uma sessão especial no dia 31, quinta-feira, para comemorar os 10 anos de fundação da TV-Assembleia. A proposta é do presidente da Casa, deputado Ricardo Motta.

Vinícius Quem for hoje à Cientec verá o espetáculo “Vinícius – uma canção pelo ar...”, homenageando o Poetinha no seu centenário. Roteiro de Danilo Guanais com direção de João Marcelino. No palco a Orquestra Sinfônica da UFRN e mais os artistas, cantores e cantoras, Alzeny Melo, Lysia Quindé, Eric Von Sohsten, Quitéria Kelly, Hilkélia Carlem e Rogério Ferraz. Patrocínio do Sesc. Começa às 20 horas, no anfiteatro da Praça Cívica da UFRN.

Biografia Foi adiada para novembro a votação, na Câmara dos Deputados, do projeto que libera a publicação de biografias não autorizadas. O blog de Ancelmo Gois, através do Datagois, anda fazendo uma pesquisa (enquete) “você acha que as biografias precisam de autorização do biografado?”. O último placar deu: NÃO, 90,98%; SIM, 9,02%.

Empresa Jornalística Tribuna do Norte Av. Tavares de Lira, 101 - Ribeira - Natal/RN CEP: 59010-200 Fone: (PABX) 4006-6100 Fax: (0xx84) 4006-6124 Endereço eletrônico: www.tribunadonorte.com.br

Vivências, lembranças NEI LEANDRO DE CASTRO

não havia aiatobás nos céus do Leblon... Depois saíram juntos, desconfia-se para onde.

escritor

T

om Jobim dava expediente num bar da Cobal do Leblon, bebendo o seu uisquinho de cada dia. O problema era o assédio dos chatos, que sentavam à sua mesa, sem pedir permissão e começavam a aborrecer com suas conversas. Um desses chatos desandou a falar: - Todas as palavras da língua portuguesa começadas com al vêm do árabe, como alfaiate, alfinete, álgebra, alfazema... Tom se levantou e disse: - Eu vou al banheiro... – e desapareceu. eee Tom era um sedutor incorrigível. Tínhamos uma amiga em comum, por isso de vez em quando eu me sentava à sua mesa. Certa vez, apareceu uma mulher muito bonita e os dois ficaram paquerando. Tom a chamou para ver os aiatobás: descreveu para ela o vôo dos pássaros, e a menina bonita suspirava de emoção. O detalhe é que

Brum

Diretor Presidente: Henrique Eduardo Alves Superintendente: José Roberto Cavalcanti Diretor Adm. e Operações: Ricardo Luiz de V. Alves Diretor Financeiro: Agnelo Alves Filho Diretor de Redação: Carlos Peixoto cpeditor@tribunadonorte.com.br Gerente Comercial: Eliane Rocha Gerente de Marketing: Ricélia Santiago Gerente de Circulação: Thales Vilar

eee Essa já foi contada, mas vale a pena ler de novo. No lançamento de um livro de Tristão de Athayde, entrei na fila dos autógrafos, que era imensa. Ao chegar minha vez, estendi o livro, com o meu nome num papel e aguardei. Antes de autografar, Tristão me perguntou: O que você é? - Não sou nada –respondi. No autógrafo, ele escreveu: “Prezado Nei Leandro: Não se perca pela modéstia.” eee Numa outra noite de autógrafos de um dos livros de Pedro Nava, eu disse que o admirava tanto que tinha precisado beber três doses de uísque para ter coragem de me aproximar dele. Nava, bonachão, respondeu: - “Por que você não troca essa admiração por uma amizade? Apareça lá em casa.” – E me deu seu endereço.

Tom a chamou para ver os aiatobás: descreveu para ela o vôo dos pássaros, e a menina bonita suspirava de emoção. O detalhe é que não havia aiatobás nos céus do Leblon..." Fui a sua casa, na Glória e nos tornamos amigos. Ele contava histórias engraçadas, como a de ter parafusado todos os móveis de sua sala, para evitar que sua mulher mudasse o lugar do sofá e das cadeiras. Num dia, de repente, tomei conhecimento de que Pedro Nava havia se suici-

dado com um tiro de revólver na cabeça, num banco de praça, perto de sua casa. Foi um choque. Lá se ia um dos maiores escritores do Brasil, o nosso melhor memorialista de todos os tempos. eee A moreninha estonteante está feliz e não está prosa. Convenceu o bardo amado a viajar com ela para Paris, em dezembro, e passear com ele de mãos dadas pelas margens do Sena. Depois irão a Florença, onde o bardo já passou três meses, com uma bela alemãzinha, que pagou todas as despesas para ter o poeta da Rua São João com exclusividade. O bardo não saiu do quarto do hotel, que ficava em frente das Galleria del’Uffizzi. Retumbou três dias seguidos e quase mata de esgotamento a Fraulein. eee Pensamento da semana: “Chama-se de tíquete nervoso um pedacinho de papel que lhe dá o direito de andar no ônibus do hospício.” (Roberto Rodrigues Roque)

Cartas

[ www.rabiscosdobrum.zip.net ]

Salários É lamentável a postura adotada pela atual administração do Estado com relação ao pagamento do servidores públicos, nós que driblamos o orçamento familiar para manter em dia nossas contas e impostos (água, luz, telefone, plano de saúde, prestação de imóvel, IPVA, IPTU, dentre outros), temos que nos submeter a esse absurdo. Era só o que faltava: trabalhar e não ter o direito de receber o que lhe é devido e no dia certo. E como ficam as contas em atraso? Quem vai pagar os juros ou justificar o atraso? laudilenedavi@hotmail.com

Câmara (1)

Comunicação e participação cidadã JUCIANO DE SOUSA LACERDA prof. Dr. do PPG em Estudos da Mídia/UFRN e coordenador acadêmico do VIII Muticom

Educação e futebol Lendo a coluna de Gilberto Dimenstein, “Se educação fosse igual a futebol”, na Folha de S. Paulo: - E se o brasileiro fosse tão exigente com o desempenho da educação como é exigente com o futebol? Essa questão foi lançada pelo movimento Todos pela Educação e, neste mês, se converteu numa pesquisa realizada com internautas pelo ibope através de seu braço de pesquisas on-line (Conecta). - A resposta revela como a mentalidade do brasileiro está mudando diante de temáticas sociais. Resultado: nada menos do que 90%, ou seja, todos, concordam com a ideia de que se o brasileiro prestasse tanta atenção no que ocorre nas salas de aulas com

opinião

E

ntre o início do Século XX e os anos de 1940, tivemos grandes transformações na sociedade ocidental: duas guerras mundiais, uma grande crise internacional e o surgimento de regimes totalitários como o Nazismo (Alemanha), Facismo (Itália) e um modelo de governo comunista na antiga União Soviética, mas fortemente marcado por um totalitarismo de estado. Além disso, pudemos perceber o surgimento de um “totalitarismo” de mercado, nos Estados Unidos, com o fortalecimento de um mercado em que consumir para crescer e desenvolver era quase uma política de estado. No meio de tudo isso, vimos a consolidação do campo midiático na sociedade ocidental. O cinema se consolidou como modelo comercial, o padrão Hollywood. O rádio comercial se sobrepôs aos modelos das sociedades educativas. A imprensa se constituiu como indústria da informação, vendendo notícias e tendo a publicidade comercial como aliado. E veio a Televisão. Como disse Eliseo Verón, pesquisador argentino, se tratava da Sociedade Midiática, em que os meios de comunicação de massas se consolidaram. Nessa sociedade midiática, como sociedade de massas, cada um de nós era visto como inClassificados Redação Fax Venda Avulsa Assinatura Natal Reclamações Natal ASSINATURA Mensal (à vista) Semestral (à vista) Anual (à vista)

4006-6161 4006-6113 4006-6124 4006-6100 4006-6111 4006-6111 R$ 43,00 R$ 258,00 R$ 516,00

divíduo isolado que era diretamente influenciado pelas estratégias informativas, pelas campanhas publicitárias de mercado e de estado. Surgiu no senso comum da época, um conjunto de hipóteses que diziam que nós éramos totalmente influenciados pelos meios de comunicação. A chamada Teoria da Bala Mágica, ou seja, os conteúdos dos meios de comunicação de massas nos atingiam como uma bala. É por isso que viramos “público alvo” para os publicitários, editores de jornal, produtores de cinema e televisão. Éramos vistos como uma massa que não tinha ideias próprias; simplesmente, passivos diante das manobras dos meios de comunicação. Vieram outras pesquisas sociais, influenciadas pelas teorias dos grupos sociais, e se percebeu que nós conversávamos entre nós, e nos influenciávamos também, não só a mídia. Daí, começaram a dar um maior valor a decisões do público. Então, foram percebendo que os efeitos da mídia eram limitados ou em longo prazo. Pensadores como o jamaicano Stuart Hall, um dos fundadores da Escola dos Estudos Culturais na Inglaterra, apontaram nos anos 60 que cada um de nós é ativo na relação com os meios de comunicação. Nós compreendemos as mensagens midiáticas e, no mínimo, podemos concordar com elas (leitura dominante), discordar com algumas ideias e concordar com outras (leitura

PREÇO DO EXEMPLAR Rio Grande do Norte 3ª a Sábado Domingo Outro Estado 3ª a Sábado Domingo

negociada) ou não concordar de jeito nenhum com aquilo que nos é informado ou publicizado (leitura de oposição). Bom, foi um avanço percebermos que os públicos não são passivos diante dos meios de comunicação de massas. Mas será que participar da comunicação na sociedade contemporânea pode se resumir a ser receptor ativo/crítico das mensagens da TV, dos jornais e revistas impressos, do cinema, do rádio e mesmo da Internet? Queremos mais! Queremos também ter o direito de, organizados em nossos grupos sociais e comunitários, ter canais para produzir e fazer circular nossos pensamentos, notícias, ideias, imagens, músicas, textos etc. Principalmente, quando falamos de meios de comunicação que usam o espaço eletroeletrônico para transmissão de dados, pois se trata de um bem público que é cedido, na forma de concessão, para grandes empresários e, principalmente, políticos. É preciso um novo marco regulatório para as comunicações sociais no Brasil que preservem o direito de o cidadão ter pluralidade de oferta, ter canais para se manifestar, de saber dos fatos e conhecer os produtos culturais de sua região, não somente de alguns centros importantes do País. Vamos conhecer no VIII Muticom experiências em que a sociedade também é participante do processo da comunicação.

A juíza deveria ter também determinado que esses desocupados, antes de darem o fora da Câmara, limpassem todo o emporcalhamento que fizeram no prédio. Por outro lado, quando a Câmara retomar seu funcionamento normal, precisa fortalecer o sistema de segurança, inclusive só permitindo o acesso às seções das pessoas que estejam de mãos limpas e espírito desarmado. albertosbezerril@uol.com.br

Câmara (2) Eu não entendo como as pessoas fazem manifestação por tudo. Exigir passagem de ônibus de graça é um absurdo. O estudante já paga a metade. Isso é só para denEgrir a imagem do prefeito. Manifestação contra a corrupção está correta, mas o que querem é uma vergonha, é para aparecer. Cadê as famílias desses jovens que não mostram a realidade e o perigo dessas ações? netinha@supercabo.com.br

Passe livre Aqui não é os Emirados Árabes, Abu Dabi, que tem recurso para dar a todo mundo. Quem vai pagar a conta? Não é possível dar passagem a todas as pessoas, embora queiramos isso. Não há almoço grátis. Alguém tem que pagar a conta. Mas vereadora se preparando para ser deputada, vai jogando conversa fora. ibcosta1@gmail.com

FILIADO AO

R$ 1,50 R$ 2,50

FILIADO AO INSTITUTO VERIFICADOR DE CIRCULAÇÃO

R$ 2,00 R$ 3,20

REPRESENTANTE NACIONAL – Pereira de Souza & Cia Ltda: Rio de Janeiro : (O21)2544-3070 – São Paulo: (011) 3259-6111

FILIADO À ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS

REDE CABUGI DE COMUNICAÇÃO TRIBUNA DO NORTE 4006-6100 Rádio Globo/Cabugi (AM) Natal 4006-6180 104 (FM) Parnamirim 3272-3737 Rádio Difusora de Mossoró (AM) 3316-3181/2181/3317-6167 Rádio Cabugi do Seridó (AM) J. do Seridó 3472-2759 Rádio Baixa Verde (AM)J. Câmara 3262-2498 Pereira de Souza(SP) 11/3259-6111 Pereira de Souza(RJ) 21/2544-3070


política

Notas & Comentários [ colunanotas@tribunadonorte.com.br ]

Expectativa Caberá ao secretário de Planejamento e Finanças, Obery Rodrigues, anunciar na próxima segunda-feira como será o pagamento dos servidores referente ao mês de outubro. Por enquanto, segundo a nota oficial que foi publicada no portal do Governo do Estado ontem, há apenas uma “expectativa” de que 95% dos funcionários públicos estaduais recebam até o dia 31 de outubro.

Julgamento O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte iniciou o julgamento do prefeito de Ielmo Marinho, Bruno Patriota, que é acusado de captação ilícita de sufrágio, como é tecnicamente denominada a “compra de voto”. O parecer do Ministério Público Eleitoral foi favorá-

vel à cassação do prefeito. Mas o relator do processo no TRE, juiz Nilson Cavalcanti, votou contra a punição de Bruno Patriota. O julgamento ficou temporariamente suspenso diante do pedido de vista do juiz federal Eduardo Guimarães. Não há data para que seja retomada.

Programa O presidente estadual do PR, deputado federal João Maia reuniu ontem integrantes da Executiva Estadual do partido para discutir temas que serão apresentados durante o programa de televisão da legenda que será veiculado nos pró-

ximos dias. Estiveram no encontro o prefeito de CearáMirim, Antônio Peixoto, o deputado estadual George Soares, a presidente do PR Mulher, Shirley Targino, e o presidente da Federação da Agricultura, José Vieira.

Reação A governadora Rosalba Ciarlini elevou o tom quando foi instigada ontem a repercutir as críticas feita pela vice-prefeita e ex-governadora Wilma de Faria. Rosalba concedia entrevista na rádio 94 FM. O apresentador questionou sobre as declarações recentes de Wilma de Faria que teria apontado deficiências na atual administração.

“Meu governo não tem escândalos e tenho uma postura de combate à corrupção, não titubeamos em demitir quem comete atos lesivos ao bem público”, afirmou Rosalba, em referência a operações que investigaram supostas irregularidades em órgãos públicos, no período em que a ex-governadora administrou o Estado.

Avaliação Durante a entrevista de ontem à emissora de rádio, Rosalba Ciarlini também defendeu que há melhorias da Educação e na Saúde Pública. Segundo a governadora, os indicadores da rede estadual de ensino começam a mostrar resultados. Ela afirmou que o Rio Grande do Norte não é mais “lanterninha”

nas provas que avaliam o desempenho dos estudantes que passam pelas escolas estaduais. Na saúde, afirmou Rosalba, uma das realizações foi a ampliação do Samu para várias regiões do Estado e a instalação do hospital da Mulher em Mossoró.

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Governo tem expectativa de pagar 95% da folha até dia 31 « CONTAS PÚBLICAS » Nota publicada no portal do Estado informa sobre

intenção de liberar salário mas não apresenta faixas que serão contempladas ALEX REGIS

O

Governo do Estado informou ontem a “expectativa” para o pagamento dos salários do mês do funcionalismo. Por meio de uma nota, a gestão estadual registrou que espera pagar o salário de outubro de 95% dos servidores até o dia 31 deste mês. O percentual deve atingir quem ganha até R$ 5 mil. Os restantes 5% terão a “perspectiva” de receber uma semana depois, segundo o comunicado. As informações são da Secretaria de Planejamento e das Finanças (Seplan), cujo titular, Obery Rodrigues, deve conceder uma entrevista coletiva na segunda-feira (28), para explicar como se dará a reprogramação da folha de pessoal e para expor a situação do orçamento. Ao todo, o Estado possui cerca de 102 mil servidores, os quais custam aos cofres públicos quase R$ 300 milhões/mês. Ontem, o Governo publicou na edição do Diário Oficial o remanejamento de R$ 9.713.742,31 no orçamento. Deste valor, R$ 6.582.205,00 serão aportados para o pagamento de aposentados e pensionistas do Estado. A Seplan já havia dado conta de um déficit mensal da ordem de R$ 29 milhões mensais oriundos do Fundo Previdenciário. Para arcar com o custo, o Governo direcionou para os aposentados recursos que seriam gastos em diversas áreas, como preservação do patrimônio público, ações da Secretaria de Agricultura e Pesca e no programa de segurança alimentar. O valor é utilizado porque a contribuição patronal e dos servidores não é suficiente para quitar os valores.

Rosalba Ciarlini vai reunir os auxiliares da equipe econômica para definir o pagamento

delas é a frustração de R$ 52 milhões na projeção de repasses do Fundo de Participação dos Estados (FPE). Para ele, o desequilíbrio entre o que se arrecada e se gasta no Estado é o motivo para a crise no pagamento da folha. A forma como o Executivo vai proceder o pagamento dos salários ainda não está definida. O Governo tem permissão para remanejar livremente valores no orçamento com fim de contemplar os vencimentos dos servidores, bem como para viabilizar ações nas Secretarias de Saúde e Segurança. Mas para garantir a remoção de recursos nas demais áreas dispõe de uma margem de 5% de todo o orçamento. E essa margem já foi totalmente utilizada. A saída encontrada foi pedir à Assembleia Legislativa autorização para remanejar mais 3% do OGE com fim de cobrir despesas de custeio e manutenção.

NÚMERO

9,7 milhões de reais foram remanejados pelo Governo

Para o custeio da folha de inativos e pensionistas, o Governo recolhe 11% dos salários dos servidores e paga 22% sobre os vencimentos dos trabalhadores. Outro problema é o fato de a gestão Rosalba Ciarlini não haver conseguido, até agora, viabilizar os recursos necessários para o pagamento dos 60% do décimo terceiro salário do funcionalismo. O provisionamento do montante não está sendo realizado plenamente e é uma preocupação a mais. De acordo com Obery, as dificuldades orçamentárias do estado têm uma explicação. Uma

« INTEGRA DA NOTA DO GOVERNO DO ESTADO » O governo tem praticado uma política fiscal muito responsável e acho que nós não estamos precisando de nenhum conselho.” GILBERTO CARVALHO ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, ao rejeitar as críticas feitas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) em relatório divulgado no qual a instituição financeira sugeriu mudanças na política fiscal brasileira

O projeto de lei que criminaliza atos de crueldade contra animais está pronto para ser votado pelo plenário da Câmara dos Deputados. Ontem, informou a Agência Câmara de notícias, os deputados aprovaram de forma simbólica o requeri-

mento de urgência para a votação da proposta. Com isso, a matéria será votada diretamente no plenário. O projeto estabelece que quem cometer maus-tratos de forma intencional a animais poderá ser preso por até cinco anos.

Iniciativa A discussão da proposta que criminaliza o crime contra animais veio à tona após ativistas resgatarem 178 beagles do Instituto Royal, em São Roque, São Paulo, na última sexta-feira (18). Diante do ocorrido, os deputados chegaram a criar uma comissão externa para auxiliar nas investigações em andamento sobre o instituto e fizeram on-

tem (23) uma audiência pública na Câmara com o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp. De autoria do deputado Ricardo Tripoli (PSDB-SP), o projeto foi aprovado pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, em 2012, e neste ano pela de Constituição e Justiça da Câmara.

Ocupação A Câmara Municipal permanece, por mais um dia, com a área de acesso ocupada, apesar da Justiça ter emitido uma ordem para reintegração de posse. E os

O Governo do Estado esclarece que, de acordo com informações da Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan) baseado nos repasses do Governo Federal, a expectativa é de que 95% dos servidores do funcionalismo

estadual terão seus salários depositados até o dia 31 do vigente mês. Para os 5% de servidores restantes, a perspectiva é de que os vencimentos sejam pagos na semana seguinte. Ao todo, o Estado possui cerca de 102 mil ser-

vidores. Na próxima segunda-feira (28), em entrevista coletiva em horário a ser definido, o secretário de Estado do Planejamento, Obery Rodrigues, irá se pronunciar oficialmente sobre o assunto.

BATE-PAPO Agnelo Alves / Deputado estadual

Punição

manifestantes que ocupam o local hostilizam de forma cada vez mais enfática os jornalistas. Sempre que ultrapassam o limite, depois vão ainda mais longe.

3

Como o senhor está acompanhando esta discussão sobre a proposta de orçamentamento e as dificuldades financeiras do Estado?

Estamos ouvindo e discutindo sobre uma peça fictícia chamada orçamento. O mais grave é que agora também é falsa. Veja, além fictício, o orçamento que está em vigor, teve uma intervenção do Governo que decretou o corte de 10% nos poderes Legislativos, Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Constas. Mesmo assim, o Governo enviou o projeto para 2014 sem diminuir esse percentual que constava no decreto de ajuste. Portanto, a peça é falsa. Então, como deputado, me sinto sem condições de votar a proposta nos termos enviados. O projeto não levou em consideração sequer o que estaria economizando e que está “sub judice”. Qual deve ser então a reação da Assembleia?

Defendo que, até o pronunciado definitivo do Judiciário,

“A tendência é a situação se agravar cada vez mais” JOÃO GILBERTO

não se vote o orçamento de 2014. E essa indefinição sobre o pagamento dos salários dos servidores...

A governadora parece que

não sabe como e quando será o pagamento. O Governo pagou setembro com arrecadação de outubro. Como agora vai pagar o de outubro? A tendência é a situação se agravar cada vez mais.

REMUNERAÇÃO PREFEITURA DE NATAL ANTECIPAR PAGAMENTO A Prefeitura de Natal vai antecipar o pagamento do mês de outubro do funcionalismo para a próxima sexta-feira (25). O pagamento estava previsto inicialmente para os dias 29, 30 e 31, de acordo com os números finais de matrícula. A antecipação é em função do Dia do Servidor Público, comemorado no dia 28 de outubro. A Secretaria Municipal de Administração e Gestão Estratégica (Segelm) confirmou que o pagamento de todos os 21.497 servidores da Prefeitura do Natal (ativos, inativos e pensionistas) será efetuado no dia 25, independentemente do final da matrícula. O pagamento dos servidores municipais deverá injetar R$ 52 milhões na economia da cidade.

Governadora lamenta dificuldades A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) afirmou que o Estado passa por uma crise financeira, provocada por frustrações de receitas. Mas lembrou obras e ações que estão sendo realizadas pela gestão, graças a operações de crédito e ao empenho para recuperar as condições de investimentos. Ao tratar de política optou por falar de “transparência”. “Nós estamos passando por uma grave crise financeira, que não é um privilégio somente do Rio Grande do Norte, mas também de outros estados do Brasil. Mas no nosso Governo existe transparência, pois a honestidade é a marca maior do meu Governo”, frisou. Em uma clara alusão à ex-governadora Wilma de Faria, ironizou: “Na minha gestão não existe escândalos de corrupção, as obras são acabadas sem alarde e não há contratação de bandas para shows fantasmas”. As declarações foram dadas ontem pela manhã à rádio 94 FM. A governadora preferiu não adiantar o desfecho do pagamento da folha de pessoal, cujo calendário está comprometido devido à falta de recursos do Estado. Segundo ela, o Governo está se esforçando para viabilizar os valores necessários ao pagamento das remunerações. Em entrevista à TRIBUNA DO NORTE, no início da semana, a chefe do Executivo chegou a afirmar que remunerará todos os servidores, mas que ainda esperava viabilizar os recursos.


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

política

LDO é aprovado em sintonia com orçamento impositivo « CONTAS PÚBLICAS » Relatório da Lei de Diretrizes orçamentárias é votado com propostas do presidente da Câmara, Henrique Alves ASSESSORIA

O

relatório da Lei de Diretrizes Orçamentarias de 2014 (LDO), aprovado ontem, na Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional, contém várias propostas do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves. A LDO será levada ao plenário do Congresso já em sintonia com o orçamento impositivo para emendas parlamentares e reduz as contrapartidas dos municípios e universidades na execução de projetos conveniados com o governo federal. O relatório, aprovado pelos 40 deputados e senadores que integram a Comissão de Orçamento, foi elaborado pelo deputado Danilo Forte (PMDB-CE). A proposta do relator, que ainda depende de votação em plenário, em sessão conjunta da Câmara e do Senado, substitui o projeto original encaminhado ao Congresso Nacional pelo poder Executivo. A LDO torna obrigatória a execução de emendas individuais de autoria dos deputados e senadores ao Orçamento Geral da União. “É obrigatória a execução orçamentária e financeira, de forma equitativa, da programação incluída por emendas individuais em lei orçamentária, em montante correspondente a 1,2% da receita corrente líquida realizada no exercício anterior”, diz o texto.

Henrique Eduardo participa de reunião com o ministro da Educação e reitores sobre LDO

Henrique Alves ressaltou a transparência do chamado “orçamento impositivo” para que as emendas sejam aprovadas. “Essas emendas vão ser, previamente, divulgadas em audiências públicas realizadas pelos estados e municípios beneficiados com a destinação dos recursos”, afirmou. No caso de impedimento de ordem técnica ou legal no empenho do crédito decorrente de emenda parlamentar, o Poder Legislativo será justificado do impedimento e terá até sessenta dias, após a notificação, para indicar ao Poder

Executivo o remanejamento da programação cujo impedimento não tiver sido superado.

Redução A contrapartida mínima para execução de obras dos convênios foi reduzida de 2% para 0,1% no caso de municípios com até cinquenta mil habitantes. Já para os municípios acima de 50 mil habitantes, localizados nas áreas prioritárias de desenvolvimento como as regiões de atuação da Sudene e Sudam, Nordeste e Norte, a contrapartida mínima também será de 0,2% e de 1% para a

região da Sudeco, o Centro-Oeste. A LDO incluiu também as instituições de ensino superior estaduais e municipais entre os beneficiados com a redução de contrapartidas para transferências de recursos do Orçamento Geral da União. O limite mínimo será de 0,1% e o máximo de 1%. A proposta foi sugerida ao relator pelo deputado Henrique Eduardo Alves com base em encontro com reitores da Associação Brasileira de Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem).

« DIVERGÊNCIAS »

Dilma quer combate à guerra cibernética Presidenta afirma que alegações dos Estados Unidos são inadmissíveis

A

presidenta Dilma Rousseff afirmou ontem que as alegações de combate ao terrorismo por parte da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA, do original em inglês) são usadas como “álibi” para uma “guerra cibernética”. Segundo a presidenta, a espionagem de governos, empresas e cidadãos de diversos países por parte do governo norte-americano é “inadmissível” e é necessária a criação de um marco internacional da internet para garantir que a rede seja um “espaço democrático” protegido contra a violação de diretos civis. Em entrevista à rádio Itatiaia, de Belo Horizonte, a presidenta lembrou que a espionagem do governo norte-americano monitorou comunicações dela, além de outros chefes de Estados, como a primeira-ministra alemã, Angela Merkel. Para a petista, um marco “multilateral” para a “governança internacional” da internet é uma forma de garantir a “efetiva proteção” de dados e a “privacidade dos cidadãos e das empresas”. “Para impedir qualquer argumentação de combate ao terrorismo, que não cabe nem no meu caso e acredito que não caiba também no caso da violação da primeira-ministra Angela Merkel, impedir que isso seja usado como um álibi para a guerra cibernética”, disse. Dilma acredita que “crescentemente” haverá uma reação

internacional à espionagem norte-americana porque “nenhuma nação democrática vai admitir essa quebra da soberania, essa violação dos direitos humanos, civis de sua população”. De acordo com a presidenta, é “isso que se faz” por meio dos serviços secretos dos EUA. E, sem especifica quais, disse que o Brasil tomará “uma série de medidas” contra a prática. No mês passado, as denúncias de espionagem levaram Dilma a cancelar visita oficial aos Estados Unidos e a presidenta também usou o tema em seu discurso na abertura da reunião do G20 na Organização das Nações Unidas (ONU). A presidenta usou a proposta de marco civil da internet que tramita no Congresso brasileiro como referência para a neutralidade e a inviolabilidade de dados na internet porque, para Dilma, a rede é “essencial no que se refere à construção da democracia no mundo”. GERO BRELOER

Primeira-ministra alemã, Angela Merkel


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

política

5

Dilma venceria no primeiro turno « IBOPE » Com Marina no lugar de Eduardo Campos, ela teria mais que o dobro dos

votos do governador de Pernambuco. Mas a atual presidenta lidera nos diversos cenários WILSON DIAS

PEDRO FRANÇA

Líder do PSB avalia resultado como animador

P

esquisa Ibope em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo mostra que, se as eleições fossem hoje, a presidenta Dilma Rousseff (PT) venceria no 1º turno seus prováveis adversários: Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). Com Marina Silva no lugar de Campos, a oposição reforçaria as suas chances. A possibilidade técnica de 2º turno, porém, só ocorre hoje quando o cenário inclui a ex-ministra do Meio Ambiente no lugar do governador de Pernambuco e o exgovernador tucano José Serra no lugar do senador mineiro. Em uma eventual segunda rodada da disputa, Dilma venceria com folga Marina, Campos, Aécio e Serra, aponta o Ibope. Nas simulações de 1º turno, Dilma aparece com 39% a 41% das intenções de voto nos quatro cenários avaliados. Em três deles, ela teria hoje mais do que a soma das preferências pelos adversários - condição necessária para vencer no primeiro turno A vantagem da presidenta (41%) é folgada quando seus adversários são Aécio (14%) e Campos (10%). Nesse quadro - o mais provável, dada a composição de forças existente hoje no PSDB e no PSB -, Dilma tem 17 pontos porcentuais a mais do que a soma dos concorrentes. No cenário com Serra, o tucano teria 18%, quatro pontos a mais que Aécio. Campos continuaria com seus 10% e Dilma oscilaria para 40%. A vantagem da presidenta sobre a soma dos adversários seria menor, mas ainda confortável: 12 pontos. A situação muda com a inclusão de Marina nas simulações não porque ela consiga tirar votos de Dilma, mas por causa da queda acentuada no número de indecisos. No cenário com Dilma e Aécio, Marina aparece com 21%, mais do que o dobro do índice de Campos - embora a petista e o tucano tenham apenas oscilado para baixo, respectivamente, dois pontos e um ponto porcentual. A vantagem da presidenta sobre a soma dos rivais, nesse caso, encolhe para cinco pontos. Na alternativa com Dilma e Serra, Marina volta a aparecer com 21%, atrás da petista (39%) e na frente do tucano (16%). A vantagem da presidenta sobre os adversários somados, porém, praticamente desaparece: 39% a 37%, dentro da margem de erro da pesquisa, de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. Segundo Márcia Cavallari, diretora executiva do Ibope Inteligência, o que explica a vantagem menor de Dilma nos cenários testados com Serra e Marina é o fato de esses candidatos serem mais conhecidos pelo eleitorado do que Campos e Aécio. Marina pretendia se candidatar à Presidência pela Rede Sustentabilidade, partido que vinha organizando desde o ano passado.

Dilma Rousseff tem a preferência independente do adversário FÁBIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

Marina Silva ficou sem partido, mas se filiou ao PSB

Pesquisa eleitoral Sondagem do Ibope para a Rede Globo Cenário 1 Dilma Roussef (PT)

41%

Aécio Neves (PSDB)

14%

22% Branco/ Nulo/ Nenhum

13%

Eduardo Campos (PSB)

Não sabe

10% Cenário 2 Dilma Roussef (PT)

39% Marina Silva (PSB)

21% Aécio Neves (PSDB)

16% Branco/ Nulo/ Nenhum

11%

Não sabe

13% Cenário 3 Dilma Roussef

39%

Marina Silva (PSB)

21% José Serra (PSDB)

16%

15% Branco/ Nulo/ Nenhum

10% Não sabe

Pesquisa feita entre os dias 12 a 21 deste mês, em 143 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais

PT comemora e PSDB muda estratégia O PT comemorou o resultado da pesquisa do Ibope, afirmando que a sociedade brasileira quer a reeleição da presidente Dilma Rousseff. Para o PSB, o governador Eduardo Campos foi o único pré-candidato a crescer 150%. Já o PSDB afirmou que é preciso mudar a estratégia de campanha para forçar o segundo turno na eleição presidencial do ano que vem, visto que a ex-senadora Marina Silva está fora da disputa. Essas foram as reações dos partidos diretamente envolvidos na pré-campanha, que teve início no final do ano passado, pri-

meiro com o lançamento do nome do senador tucano Aécio Neves (MG) à Presidência pelo expresidente Fernando Henrique Cardoso e depois com a proposta da reeleição de Dilma Rousseff pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em fevereiro deste ano. De acordo com a pesquisa do Ibope, Dilma venceria em primeiro turno, em qualquer cenário.

Diálogo “A pesquisa comprovou que a sociedade quer a reeleição da presidente Dilma Rousseff”, disse o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), ex-líder do partido e

candidato a presidente da legenda “Acho que a presidente Dilma demonstrou a solidez do governo e a capacidade de diálogo, visto que deu resposta imediata às manifestações de junho”, acrescentou ele. Paulo Teixeira disse que a estabilidade da presidente nas pesquisas, ficando entre 30% e 41% desde junho só reforça a ideia de que o governo dela tem estrutura capaz de resistir às crises políticas, como a das manifestações de rua de junho. “É um governo aprovado pelo povo brasileiro. E o governo dela é o que o povo quer”, acrescentou o deputado.

Aécio Neves é o escolhido pelos dirigentes nacionais do PSDB DIVULGAÇÃO

Eduardo Campos não é conhecido pelo eleitorado da região Sul

O líder do PSB na Câmara, deputado Beto Albuquerque (RS), afirmou que o resultado da pesquisa Ibope só anima o partido a trabalhar mais. Segundo ele, Dilma alcançou o teto e não deverá ultrapassar a casa dos 40%, 41%, enquanto Eduardo Campos cresceu 150%. “Na última pesquisa nosso pré-candidato tinha 4%. Agora está com 10%. Fomos os únicos a crescer 150%”, disse ele. “Isso demonstra o acerto da aliança que fizemos com Marina Silva”. ‘Para Beto Albuquerque, o crescimento de Eduardo Campos, o estacionamento de Dilma em torno de 40% e o pouco rendimento de Aécio Neves, que ficou em 14%, só vem reforçar a ideia de que a sociedade se cansou da polarização da disputa em torno do PT/PSDB. “Nós somos o novo. Nossa candidatura terá uma caminhada muito forte. Tudo demonstra que a aliança com Marina foi o caminho certo”. Já o senador tucano Alvaro Dias (PR) falou que o resultado da pesquisa Ibope confirmou previsão que fez logo que Marina Silva aderiu a Eduardo Campos. “Foi uma péssima estratégia para a oposição. Com ela, tínhamos a garantia do segundo turno. Com a saída dela, perdemos uma candidatura competitiva. Vamos ter de reavaliar nossa estratégia de luta contra o governo do PT”, disse ele.


6

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Cláudio Humberto [ ch@claudiohumberto.com.br - www.claudiohumberto.com.br]

Libra: Ameaça de morte Os ministros Edison Lobão (Minas e Energia), José Cardozo (Justiça) e o diretor da Agência Brasileira de Inteligência, viveram momentos de tensão absoluta no leilão do campo de Libra, na segunda (21), no Rio de Janeiro. A inteligência da Polícia Federal obteve informação de que a estratégia dos ‘black blocs’ para ganhar repercussão internacional era fazer uma vítima fatal – policial ou manifestante – durante os protestos.

Espionagem entre amigos, isso não se faz” Chanceler alemã Ângela Merkel, sobre a bisbilhotice americana em seu celular

Terrorismo

QG contra crise

O comitê-gestor ficou tão aflito com a ameaça de aparecer um cadáver, a qualquer momento, que o leilão se tornou secundário.

Além dos ministros e da Polícia Federal, quatro generais de quatro estrelas foram escalados para compor o comitê responsável pelo leilão.

Fim do suplício

Meu cargo, minha vida

Após horas de sufoco, ministros comemoraram, aliviados, o resultado pífio do leilão, cujo vencedor foi o único a apresentar proposta.

Nas contas do PROS, pela regra atual, a bancada - composta por 17 deputados em exercício – tem direito a 57 cargos de natureza especial.

Dissídio de petroleiros A greve rendeu aos petroleiros o maior índice de reajuste de todas as categorias, e conquistas como mais um salário bruto para o funcionário e inúmeras vantagens, inclusive para inativos. Já a greve dos ban-

cários, combinada para não passar de férias, deu em quase nada. É a diferença entre o sindicalismo eficiente e a pelegada decadente dos bancários, especialista em defender os próprios interesses.

Pode isso...

...TSE?

A ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil), utilizou do seu Twitter, ontem, para preparar terreno para a sua candidatura ao governo paranaense.

“No PR 100 cidades são contempladas pelo PAC para saneamento e pavimentação”, disparou Gleisi, sem medo de antecipar campanha.

Ainda com Aécio Dono do Solidariedade, o deputado Paulo Pereira (SP) afirmou que sua legenda, por ora, permanece no projeto Aécio Neves para presidente.

Omissão

E agora?

Ex-presidente da Bolívia, Jorge Quiroga reclama que presidenta Dilma ignorou sua carta, enviada em junho, pedindo ao Brasil para recorrer à OEA e ONU a fim de obter salvo-conduto para o opositor Roger Molina.

Na contramão do discurso ambientalista radical da exsenadora Marina Silva, recémfiliada ao PSB, um terço da bancada do partido na Câmara integra atualmente a Frente Parlamentar da Agropecuária.

Articulação Apesar do desejo expresso de Lídice da Mata (PSB-BA) de disputar o governo, Geddel Vieira Lima (PMDB) costura para ser candidato de um chapão da oposição, que poderia ser palanque para Eduardo Campos.

Tudo, menos isso Após a negativa de Fernando Gabeira para disputar a Presidência em 2014, o PV agora tem apostado na candidatura

do médico sanitarista Eduardo Jorge. Tudo para não precisar apoiar a ex-verde Marina Silva.

Alto e avante

Sempre os cargos

O governo Dilma ligou turbinas para atrair investidores internacionais que, inseguros com a economia brasileira após protestos que tomaram o país em junho, querem esperar o resultado das eleições em 2014.

Sob o comando do novo Pros, Eurípedes Jr. defende que, em vez de aumentar máquina, o presidente da Câmara, Henrique Alves, redistribua aos partidos os cargos de natureza especial que já existem.

Bateu recorde Ligada à governadora potiguar Rosalba Ciarlini (DEM), a prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, já acumula cinco cassações por abuso de poder, uso da máquina, compra de votos e captação ilícita de sufrágio.

Marco Civil O presidente da Câmara, Henrique Alves (PMDB-RN), disse ao relator do Marco Civil da Internet, Alessandro Molón

(PT-RJ), que quer colocar a matéria em votação na próxima quarta. Só falta o governo arrematar.

Pensando bem... ...na privatização do Campo de Libra, no Rio, a balança pesou mesmo para a presidenta Dilma, que disparou nas pesquisas.

geral

PAC aprova R$ 397 milhões para infraestrutura no RN « DESENVOLVIMENTO » Projetos incluídos na 2ª etapa do Programa de Aceleração do Crescimento contemplam nove municípios potiguares

DIVULGAÇÃO

T

reze projetos de infraestrutura elaborados por nove prefeituras do Rio Grande do Norte foram incluídos na segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2). Os projetos, totalizando R$ 397 milhões, foram anunciados ontem pela presidenta Dilma Rousseff em solenidade que contou a presença do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves. Os recursos serão aplicados em obras de esgotamento sanitário, abastecimento de água, pavimentação, drenagem e qualificação de ruas em Natal, Mossoró, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Currais Novos, Ipanguaçu, Parelhas, Passa e Fica e Santa Cruz. Natal receberá 41,56% das verbas previstas para o Rio Grande do Norte. Os recursos serão destinados a obras estruturantes nos bairros Lagoa Azul e Nossa Senhora da Apresentação e nas comunidades de Brasil Novo e Novo Horizonte. Em Parnamirim, o projeto incluído no PAC-2, no valor de R$ 186 milhões, garante o esgotamento sanitário em áreas não contempladas no projeto original, como Cajupiranga, Coophab e demais áreas de expansão imobiliária. O prefeito Maurício Marques disse que a aprovação do projeto é a garantia de que Parnamirim será a primeira grande cidade do Rio Grande do Norte a ter todos os bairros com sistema de esgotamento sanitário. “A primeira etapa do saneamento já está em funcionamento, beneficiando os moradores de Liberdade e Primavera; a segunda está em andamento e a terceira está garantida agora.” Maurício disse que a prefeitura terá de cumprir um ritual de prazos que vai até o final de novembro do próximo ano e previu o início das obras da terceira e última etapa do esgotamento sanitário em 2015. “Vamos começar por Nova Parnamirim, que é o bairro mais populoso da cidade.” Além de Nova Parnamirim, a terceira etapa do saneamento contempla Emaús, Parque Industrial, Cajupiranga, Coophab, Parque das Árvores e áreas de expansão, totalizando cerca de 100 mil habitantes. O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado, que foi a Brasília ficou decepcionado com a aprovação apenas do projeto de engenharia para as obras de saneamento do município. “Como vamos inaugurar um aeroporto internacional sem saneamento? O projeto de engenharia nós já estamos tocando com recursos próprios”, explicou Jaime, que ontem mesmo pediu ajuda aos deputados Henrique Alves e João Maia. O projeto do esgotamento sanitário de São Gonçalo está orçado em R$ 117 milhões e será executado em três etapas. “Temos pressa na aprovação do projeto”, disse Jaime. Pela previsão da Inframérica, o aeroporto será inaugurado em abril do próximo ano, a tempo de receber os vôos internacionais com torcedores que virão assistir aos jogos da Copa do Mundo da Fifa. O prefeito acha que inaugurar o aeroporto sem o esgotamento sanitário seria um ponto negativo para o governo federal. Os projetos para Mossoró totalizam R$ 30 milhões e são destinados a obras de pavimentação asfáltica de oito bairros e ao saneamento básico da área urbana da cidade. Santa Cruz receberá R$ 5 milhões, assim como Currais Novos. Os demais municípios - Ipanguaçu, Parelhas e Passa e Fica - receberão R$ 2 milhões cada.

Presidenta Dilma conversa com Henrique antes do anúncio dos projetos aprovados pelo PAC-2

Obras de infraestrutura Projetos do Rio Grande do Norte incluídos no PAC-2 FINANCIAMENTO Parelhas à Pavimentação e drenagem na área

Mossoró à Pavimentação asfáltica e qualificação de vias nos bairros São Manoel, Costa e Silva, Alto do Sumaré e Dom Jaime Câmara

Ipanguaçu Pavimentação e qualificação de vias urbanas

à à Pavimentação asfáltica e qualificação de vias nos bairros Santa Delmira, Barrocas e Rincão

Passa e Fica Pavimentação e qualificação de ruas

à à Pavimentação asfáltica e qualificação de vias nos bairros Aeroporto e Belo Horizonte

Santa Cruz Pavimentação e qualificação de ruas

à

Currais Novos à Pavimentação e drenagem

ORÇAMENTO GERAL DA UNIÃO (OGU)

DISTRIBUIÇÃO DOS RECURSOS PARA O RN

Parnamirim Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário

Santa Cruz

à

São Gonçalo do Amarante à Elaboração do Projeto de Engenharia do Esgotamento Sanitário

Natal à Elaboração de projetos de engenharia de ampliação do sistema de abastecimento de água

Mossoró à Projeto de Engenharia do Sistema de Esgotamento Sanitário

à Saneamento integrado de Nossa Senhora da Apresentação e Lagoa Azul

à Ampliação do esgotamento sanitário da sede municipal Bacia 2

1,26% 1,51% Outros

1,26% Currais Novos

7,56% Mossoró

46,85% Parnamirim

41,56% Natal

Natal terá mais de 40% dos recursos ROQUE SÁ/AG. TEMPO

A Prefeitura do Natal conseguiu a inclusão de dois projetos que somam cerca de R$ 165 milhões, o equivalente a 41,5% dos recursos. Os recursos serão aplicados nos bairros de Lagoa Azul e Nossa Senhora da Apresentação e nas comunidades de Brasil Novo e Novo Horizonte. O prefeito Carlos Eduardo participou da solenidade de anúncio das novas obras do PAC 2, no Palácio do Planalto, e enalteceu o trabalho desenvolvido pelos técnicos da Prefeitura na elaboração dos projetos. “Valeu a pena o sonho, o trabalho, a insistência e a persistência”, disse o prefeito. Carlos Eduardo lembrou que desde junho foi várias vezes a Brasília com os projetos e os técnicos para que fossem feitas as adaptações necessárias. Os serviços a serem executados seguem os mesmos moldes do que foi feito no bairro de Nossa Senhora da Apresentação, entre os anos de 2007 e 2008, quando ele era prefeito. “Serão cerca de 700 ruas beneficiadas com obras de drenagem e pavimentação, além de ações de urbanização, incluindo a construção de Centros Integrados de Atendimento ao Trabalhador, Ecoponto, quadra poliesportiva, urbanização de praças, construção da nova sede do

Carlos Eduardo destaca trabalho de técnicos da prefeitura

Centro de Controle de Zoonoses, Núcleo de Saúde da Família, Escola Municipal de Ensino Fundamental, reassentamento de comunidades, trabalho sócio ambiental e a criação do Parque Ecológico de Lagoa Azul, bem como obras de ampliação e melhorias da rede de abastecimento d’água.” Nos bairros de Nossa Senhora da Apresentação e Lagoa Azul, serão aplicados cerca de R$ 153 milhões de reais, incluindo essas ações e, ainda, a construção de 220 unidades habitacionais vinculadas ao programa Minha Casa, Minha Vida. Os projetos do loteamento Novo Horizonte

e no conjunto Brasil Novo estão orçados em cerca de R$ 12 milhões e preveem basicamente obras de drenagem e pavimentação. “Vamos dar um salto de qualidade na infraestrutura da Zona Norte de nossa cidade que ainda é a mais carente em termos de estrutura urbana”, apontou o prefeito. No bairro de Lagoa Azul, residem cerca de 70 mil pessoas que serão beneficiadas, entre elas os moradores de Nova Natal, Eldorado, Câmara Cascudo, Cidade Praia, Nordelândia, Boa Esperança e Parque Industrial, esse já no bairro de Nossa Senhora da Apresentação.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

geral

7

MEC vence ações e blinda redação « ENEM » Mais de 7 milhões de estudantes iniciam amanhã a batalha por uma vaga no ensino

superior através do Exame Nacional do Ensino Médio. Provas serão aplicadas em 1.661 municípios ELZA FIÚZA/ABR

S

ão Paulo (AE/ABr) - A correção das redações do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - centro de controvérsias nas edições passadas - já enfrentou três ações civis públicas neste ano. O exame começa amanhã, e 7,1 milhões de participantes são esperados. As ações propostas pelo Ministério Público Federal (MPF) no Ceará e pela Defensoria Pública do Rio pedem, além do acesso à correção, direito a recurso para mudar a nota - o que é vetado pelo edital do Enem, assim como ocorre em outros vestibulares. Desde 2012, o exame tem vista da redação, com detalhe das notas de cada uma das cinco competências. O acesso é só para fim pedagógico. Em dois processos, o governo conseguiu tutela antecipada e, em outro, uma liminar contrária ao Enem foi cassada em segunda instância. Desde 2009, foram 13 ações civis públicas contra o exame. O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Luiz Claudio Costa, diz que houve grande avanço nesse ponto da prova. “Prefiro pensar que essas ações foram uma onda, que estamos superando”, diz ele. “O ponto principal é que aprimoramos.” Costa cita a mudança no edital para anular redações com deboche, como a que trazia uma receita de macarrão instantâneo, aumento do tempo de treinamento da equipe e novos critérios para corretores. Agora, os textos seguem para a terceira correção caso haja diferença de cem pontos nas duas primeiras leituras - antes, eram 200 (em escala de 1 mil). Discrepância de 80 pontos nas competên-

Calendário do Enem Confira dicas e dias de aplicação das provas em 2013 Outubro de 2013 Dia 26/10/2013 Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Tempo para a prova: 4h30

7.173.574 inscritos 15,7 milhões

Cadernos de questões Os cadernos são apresentados em cinco cores diferentes: azul, amarelo, branco, rosa e cinza. Antes de iniciar a prova, o participante deve verificar se o caderno contém a quantidade de questões indicada no Cartão-Resposta.

Qualquer espécie de consulta ou comunicação com outro participante Utilizar lápis, lapiseira, borracha, livros, manuais, impressos, anotações e quaisquer dispositivos eletrônicos Utilizar óculos escuros e artigos de chapelaria, tais como: boné, chapéu, viseira, gorro e similares Deixar a sala de provas antes de decorridas duas horas do início do exame

candidato pode até aproveitar os últimos dias que antecedem a prova para repassar conteúdos de disciplinas em que tenha dificuldade, mas sem exagero. “Não adianta pensar que no último dia tem que resolver tudo, tem que fazer todos os exercícios e no dia seguinte ir para a prova morto”, acrescenta. Para a véspera, ele sugere que os estudantes descansem dos meses seguidos de preparação, pois vão enfrentar dez horas de provas durante os dois dias do Enem. “A sexta tem que ser para descansar, relaxar, não estudar, porque a tendência de você estudar em cima da hora da prova é embolar os conteúdos, ficar com medo e achar que sabe me-

nos do que sabe de verdade. Cria uma ansiedade que vai te prejudicar na prova no dia seguinte”. A mesma avaliação é feita pelo professor de química José Maurício Vieira dos Santos, do Sistema Elite de Ensino, do Rio de Janeiro. Para ele, o estudante tem que se “desconectar” do estudo antes da prova. “É melhor que ele vá ao cinema, nadar, jogar bola e desconecte, saia do ar um pouco porque se ele se preparou o ano todo como se deve, ele está cansado e precisa se desconectar umas 72 horas, 48 horas, antes da prova”. Outra dica é que os candidatos mantenham a rotina no dia anterior ao da prova para que o organismo não estranhe.

São Paulo (AE) - A preparação das escolas que obtiveram a maior e a menor média em São Paulo no Enem de 2011 - o último com dados divulgados - mostra os esforços de um lado para sair da última posição e do outro para permanecer no primeiro lugar. Enquanto no Colégio Objetivo Integrado as aulas são em tempo integral e os alunos fazem provas similares ao Enem desde o 1º ano do ensino médio, na Escola Estadual Aquilino Ribeiro, em Guaianases, os professores ainda precisam explicar a importância do exame. No Objetivo Integrado, TVs anunciam a melhor média do País no Enem de 2011. O colégio é direcionado a alunos “olímpicos”, que concorrem em competições de conhecimento. Os 44 alunos do 3.º ano do ensino médio farão o Enem. Eles têm entre 16 e 17 anos e se dedicam integralmente aos estudos. A mensalidade custa R$ 1 973. “Não há divisão por nota, mas os alunos que procuram ensino integral já são seres humanos diferenciados”, diz a coordenadora, Vera Antunes. Neste ano, a escola fez quatro simulados para o exame, além de duas provas por bimestre que valem nota, nos mesmos moldes do Enem. Já no Aquilino Ribeiro, os alunos trabalham e ainda não têm “sede pela universidade”, segundo a diretora, Maria Tereza de Almeida, para justificar a baixa adesão ao exame nacional. São 151 alunos no último ano do ensino médio - todos no período noturno - e somente 30 devem fazer o Enem. Não houve simulado.

« EDUCAÇÃO »

« TRÂNSITO »

Professores do Estado encerram greve no Rio

Justiça multa Eike e Thor em R$ 500 mil

R

R

Abertura dos portões Início das provas Atenção: horário de verão

Provas impressas

1.661

Municípios onde haverá provas

Dia 27/10/2013 Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Matemática e suas Tecnologias. Tempo para a prova: 5h30

167.673

candidatos inscritos no RN PROIBIDO

11h00 12h00

Luiz Claudio Costa destaca medidas para aprimorar o Enem

“É melhor ir ao cinema, nadar, jogar bola. Se ele se preparou o ano todo, está cansado e precisa se desconectar umas 72 horas, 48 horas, antes da prova" JOSÉ MAURÍCIO VIEIRA Professor

cias também resulta em outra correção. O professor de Letras Benedito Antunes, da Unesp, diz que o grande número de textos é um desafio. “Com todos numa sala, é mais fácil ajustar o trabalho dos corretores”, diz. No Enem, eles trabalham de casa. “Mas a matriz com os critérios a serem avaliados é muito boa.” Desaceleração Nesta reta final, professores recomendam desacelerar o ritmo de estudos e relaxar para chegar no dia do exame com a cabeça descansada. O professor de história Paulo Eduardo dos Santos, do Colégio Garriga de Menezes, do Rio de Janeiro, diz que o

Apesar de derrota, Goiás avança e pega o Flamengo « COPA DO BRASIL » Equipe goiana foi beneficiada pelo regulamento e se classificou para semifinal por ter marcado mais gols como visitante

MÁRCIO MERCANTE/AGÊNCIA O DIA

R

io (AE) - Apesar de perder por 3 a 2 para o Vasco, ontem, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, o Goiás se classificou para a fase semifinal da Copa do Brasil, beneficiado por ter vencido o primeiro confronto por 2 a 1, em Goiânia. Agora, o time do Centro-Oeste vai enfrentar o Flamengo em busca de vaga para a final da competição. A outra semifinal, definida na última quarta, será disputada por Grêmio e Atlético Paranaense. Com um time misto, por causa da luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Vasco iniciou o jogo a todo vapor, pressionando o Goiás e contando com o incentivo da torcida. Com 16 minutos, já vencia por 2 a 0, dois gols marcados por Thalles, atacante formado nas categorias de base do clube. No primeiro, ele aproveitou boa jogada de Fagner pela direita. No outro, chutou com categoria de fora da área e surpreendeu o goleiro Renan. Como perdeu o jogo em Goiânia por 2 a 1, com a vantagem inicial o Vasco estaria classificado para a semifinal da Copa do Brasil. Mas a reação do visitante não tardou. E teve a participação direta do atacante Walter. Aos 18 minutos, ele deixou Hugo, sem marcação, diante de Alessandro. O ex-flamenguista completou para o gol e diminuiu. Logo depois, o auxiliar de ar-

NÚMEROS

De joelhos, Juninho lamenta que a vitória não tenha sido suficiente para fazer o Vasco ir adiante

bitragem Cleber Gil errou ao assinalar impedimento em um gol do zagueiro Luan, do Vasco. Se ele não se equivocasse, o placar seria de 3 a 1 para o dono da casa. Mas, no segundo tempo, Walter ajeitou de peito a bola na medida para Amaral empatar. Em seguida, o melhor do Goiás na temporada acusou dores musculares e deixou o campo chorando. O Goiás então recuou demais o time e deu espaço para os ataques do Vasco. Aos poucos, o técnico Dorival Júnior começou a botar em campo os titulares que eram poupados no banco de reservas. Em um lance pela es-

querda, Willie, que acabara de entrar, fez 3 a 2 para o Vasco. Mas o resultado não sofreu nenhuma outra alteração e o time goiano se classificou. Justiça O Vasco entrou ontem com pedido no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) de efeito suspensivo para a punição aplicada a Juninho pernambucano, suspenso por dois jogos por causa de uma falta em Paulinho e um gesto considerado obsceno no clássico disputado contra o Flamengo, pelo Brasileirão. A resposta do STJD deve ser dada nesta sexta.

Metas diferentes entre extremos no ensino de SP

FICHA TÉCNICA VASCO GOIÁS Alessandro; Fagner, Renato Silva, Luan e Yotún; Sandro Silva (Willie), Fillipe Soutto (Pedro Ken), Juninho Pernambucano e Jhon Cley (Marlone); Thalles e Reginaldo. Técnico: Dorival Júnior

3 2 Renan; Vítor, Ernando, Rodrigo e William Matheus; Amaral, David, Eduardo Sasha (Júnior Viçosa) e Roni (Thiago Mendes); Hugo e Walter (Welinton Júnior). Técnico: Enderson Moreira.

Local - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). Árbitro - Luiz Flávio de Oliveira (SP). Renda - R$ 439.900,00. Público - 29.937 pagantes.

io (AE) - Após 78 dias de greve, os professores da rede estadual do Rio decidiram ontem encerrar a paralisação. A assembleia da categoria, promovida no Club Municipal, na Tijuca (zona norte), reuniu cerca de mil professores, estendeu-se por mais de quatro horas e foi bastante tumultuada. Um grupo de educadores protestou por considerar que o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio (Sepe-RJ), que representa a categoria, adiantou-se à assembleia ao firmar um acordo, na terça-feira, prevendo o fim da greve. Durante uma reunião convocada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux, da qual participaram representantes do sindicato e do governo do Rio, foi firmado acordo que previa a volta às aulas, sob pena de os professores não receberem pelos dias sem trabalho. Logo em seguida à reunião, dois dias antes da assembleia, a Secretaria Estadual da Educação divulgou nota confirmando o fim da paralisação. Ontem, um grupo contrário ao encerramento da greve estendeu uma faixa em que se lia “Direção pelega, com a base não tem arrego”. Outros profissionais exigiram a retirada da faixa e tentaram destruí-la, mas foi estendida novamente. Também houve discursos pelo fim da greve. Ao fim do debate, a maioria decidiu retomar o trabalho. O governo do Estado anunciou que “haverá aulas aos sábados e nos dias de semana após o horário de aula normal.

io (AE) - A 10ª Vara Cível do Rio determinou que o empresário Eike Batista e o filho dele, Thor, paguem multa de R$ 500 mil à família do ajudante de caminhoneiro Wanderson Pereira dos Santos, que morreu atropelado por Thor em março de 2012. O valor é cobrado pela família de Wanderson como punição a Thor por ele ter divulgado, em depoimento à Justiça, que pagou R$ 630 mil a parentes de Wanderson. Segundo a decisão do juiz Ricardo Cyfer, Eike e Thor podem recorrer da multa, mas só depois de recolher o valor da multa ou indicar um bem de valor semelhante que sirva como garantia do pagamento. Após o acidente, mesmo alegando não ter culpa pelo atropelamento, Thor fez um acordo com a família do ajudante de caminhoneiro. Ofereceu R$ 315 mil à mulher de Wanderson, Cristina, e R$ 315 mil à tia que criou o rapaz, Vicentina. Ao firmar o acordo, em 22 de março de 2012, os envolvidos se comprometeram a não divulgar valores, sob pena de ter de pagar R$ 500 mil à parte contrária. Os R$ 630 mil foram pagos um mês depois. Segundo o advogado da família de Wanderson, Cleber Rumbelsperger, Thor contou sobre o acordo e não pediu que fosse decretado segredo de Justiça. No dia 15 de maio, o Ministério Público divulgou o acordo e desde então, segundo o advogado, Cristina e Vicentina passaram a ser incomodadas por familiares e amigos que pedem dinheiro a elas.


8

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

geral

Maioria tem carro próprio em casa « TRANSPORTES » Estudo do Ipea mostra que 51,1% dos domicílios do Rio Grande do Norte têm carro próprio para deslocamento dos moradores. Avanço do automóvel agrava o trânsito nas grandes cidades ALEX RÉGIS

dividual nos grandes centros urbanos, principalmente nas regiões com menor porcentual de motorização (Norte e Nordeste), nos próximos anos”, destaca o comunicado. Observando os dados sobre posse de veículos por unidade da Federação, Santa Catarina e Paraná, além do Distrito Federal, aparecem com maior porcentual de posse de veículos privados. Em Santa Catarina, 74,3% dos domicílios têm transporte privado; no Paraná, 67,7%; e no Distrito Federal, 64,1%.

Posse de automóveis ou motocicletas - ano 2012 Domicílio com transporte privado

38,4

RN

PB

Rio Grande do Norte

CE

SE

MA

BRASIL

Frota automóveis, motos e motonetas

Domicílios com posse de veículos

Natal

265.871

83,06%

Mossoró

94.103

85,45%

Parnamirim

59.422

84,56%

Carro

Moto

Total

419.396

==

27,3

48,4

PE

BA

16,8 18,3

24,0 19,5

23,9 23,9

21,6 19,5

31,2

30,2 20,7

13,5

PI

32,4

41,0

43,0

45,2

47,6 25,7 27,9

Moto

36,1

Carro 51,1

Com relação ao tempo de deslocamento de casa para o trabalho, o estudo aponta que grande parte da população (66%) gasta até 30 minutos no percurso diariamente. Mas a tendência, destaca o documento, é de piora em função do crescente aumento da taxa de motorização da população, o que demandará grande investimento dos governos nas próximas décadas, em contraposição à ausência das últimas décadas. O trabalho mostrou ainda que as políticas de auxílio ao transporte, como o vale-transporte, atingem pouco as classes sociais mais baixas. “Os dados apontam também para a necessidade de se criar novas políticas públicas que venham a beneficiar os deslocamentos das pessoas com maior vulnerabilidade socioeconômica”, destaca o texto.

Frota no Nordeste

28,6 29,8

documento do Ipea

58,4

CONCLUSÃO DO ESTUDO

Automóveis, motocicletas e motonetas representam 83% da frota de veículos de Natal

47,8

Os dados apontam para a necessidade de se criar novas políticas públicas que venham a beneficiar as pessoas com maior vulnerabilidade”

18,3

M

ais da metade dos domicílios no Rio Grande do Norte (51,1%) dispõem de automóveis ou motocicletas para os deslocamentos de seus moradores. O dado consta do Comunicado Indicadores de Mobilidade Urbana da PNAD 2012, divulgado ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). No Nordeste, o RN ocupa o segundo lugar e o 11º no ranking nacional. Natal com 265,8 mil automóveis, motocicletas e motonetas; Mossoró com 94,1 mil e Parnamirim com 59,4 mil, concentram metade da frota de veículos usados no transporte particular. Esses números são referentes a 2012. Em Mossoró, os automóveis, motos e motonetas representavam 85,4% da frota, segundo números do IBGE. Em Natal essa porcentual é de 83% e em Parnamirim de 84,5%. Segundo o documento do Ipea, dados como esses, que são semelhantes no Brasil, retratam a mudança do perfil de mobilidade da população, cada vez mais estruturado no uso de veículos privados. “De 2008 para 2012, por exemplo, o porcentual de domicílios que possuía automóvel ou motocicleta subiu nove pontos porcentuais (45% em 2008 para 54% de posse em 2012), sendo que as motocicletas tiveram o maior incremento no período”, diz o comunicado. O estudo destaca, no entanto, que, se por um lado esse dado indica que a população, incluindo os segmentos de menor renda, está tendo acesso a esse bem durável, por outro, “significa grandes desafios para os gestores dos sistemas de mobilidade, em função da maior taxa de motorização da população brasileira, com reflexos diretos sobre a degradação das condições de mobilidade de todos (maior poluição, acidentes e congestionamentos)”. Esse desafio torna-se ainda maior tendo em vista que uma grande parte da população ainda não tem veículos privados à disposição. “O que indica uma possível piora das externalidades negativas do transporte in-

AL

Deslocamento De casa para o trabalho (minutos) São Paulo Rio de Janeiro Belo Horizonte Porto Alegre Recife Fortaleza Salvador

45,6 47,0 36,6 30,0 38,0 31,7 39,7

Operário gasta uma hora para ir ao trabalho Brasília (ABr) - Aproximadamente 20% dos trabalhadores das regiões metropolitanas brasileiras gastam mais de uma hora por dia no deslocamento de casa para o local de trabalho, segundo o estudo do Ipea. Feito com base nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2012, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o estudo indica que a situação vem piorando, uma vez que 20 anos antes os trabalhadores das regiões metropolitanas que enfrentavam esse tipo de situação correspondiam a 14,6%. Considerando o conjunto de trabalhadores brasileiros, 10% levam mais de uma hora nesse trajeto e 65,9% gastam menos de meia hora. Em razão do tamanho e da complexidade dos sistemas de mobilidade urbana, o Rio de Janeiro (24,7%) e São Paulo (23,5%) apresentam os maiores percentuais de trabalhadores que perdem mais tempo no percurso. Na região metropolitana do Rio, gasta-se em média 47 minutos e na de São Paulo, 45,6 minutos. Segundo o técnico de planejamento e pesquisa do Ipea Carlos Henrique Carvalho, essa é uma situação que tem impacto negativo na produtividade dessa parcela da população. “Não se pode esperar que a produtividade [desses trabalhadores] seja igual à de um que leva menos de 30 minutos, por exemplo, para chegar ao trabalho. Isso traz fortes impactos do ponto de vista social e também econômico, já que a produtividade é comprometida em razão do desgaste que esse trabalhador tem ao levar muito tempo e em condições muitas vezes desfavoráveis de transporte”, disse. O advogado carioca Rodrigo Oliveira, de 36 anos, leva em média uma hora e 30 minutos de carro, diariamente, para chegar ao trabalho, no centro do Rio de Janeiro. Antes, ele precisava pegar ônibus e metrô para fazer o trajeto. Depois de seis meses, contabilizou a leitura de 14 livros nas viagens de ida e de volta. Por causa dessa maratona, ele acabou desistindo do transporte público. Morador da Barra da Tijuca, zona oeste carioca, ele conta que o trajeto, feito de carro, só não é pior porque a paisagem ajuda a aliviar o estresse. “Já morei em São Paulo e era muito pior. Chegava em casa, na volta do trabalho, muito mais desgastado. Aqui no Rio pelo menos tem o visual da orla que é muito bonito e ajuda a não ficar estressado”, disse. De acordo com o levantamento do Ipea, na outra ponta do ranking aparece Porto Alegre, que é a cidade onde os trabalhadores gastam, em média, menos tempo no trajeto entre a casa e o trabalho: 30 minutos. Carvalho acredita que isso pode estar relacionado ao fato de a capital gaúcha ter uma extensa rede de corredores de transporte público, além de uma melhor distribuição das atividades econômicas pelo espaço geográfico. Ele também citou o caso de Belém, que, juntamente com Salvador, é local que registrou maior aumento do tempo gasto no percurso entre 1992 e 2012. No conjunto das regiões metropolitanas, os trabalhadores passaram a gastar 40,8 minutos em 2012. Vinte anos antes, despendiam 36,4 minutos.


TELEFONES ÚTEIS

DÓLAR COMERCIAL

DÓLAR TURISMO

Receita: 3220-2200 Procon Estadual: 3232-6869 Procon Municipal: 3232-9050 DRT RN: 3220-2000

Compra: R$ 2,2030 Venda: R$ 2,2040

Compra: R$ 2,9600 Venda: R$ 3,1570

DÓLAR PARALELO

LIBRA ESTERLINA

Compra: R$ 2,2000 Venda: R$ 2,3100

Compra: R$ 3,5659 Venda: R$ 3,5675

MAURÍCIO TOLMASQUIM, DA EPE, COMEMORA NÚMERO RECORDE DE INSCRIÇÕES PARA LEILÃO DE ENERGIA. Página 10

NA TN ONLINE Hotsite da Tribuna mostra a interiorização da indústria, as oportunidades de negócios e empregos. tribunadonorte.com.br/costurandoodesenvolvimento

economia Editora: Renata Moura [ renatamoura@tribunadonorte.com.br ]

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 25 de outubro de 2013

Fórum quer punir quem cortar voos « TURISMO » O Fórum Nacional dos Secretários de Turismo propôs à Secretaria de Aviação Civil que corte rotas ‘mais rentáveis’ das empresas aéreas que extinguirem voos. A extinção tem afetado o turismo no país e no RN ALEX REGIS

ANDRIELLE MENDES Repórter

C

ompanhias aéreas que quiserem extinguir voos perderão outras rotas mais rentáveis. Essa é a proposta que o Fórum Nacional dos Secretários de Turismo (Fornatur) apresentou à Secretaria Nacional de Aviação Civil e que será discutida, no próximo dia 8, entre os membros do Fórum e a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) - que representa cinco das maiores companhias aéreas que atuam no país (Avianca, Azul, Gol, TAM e Trip). O assunto esteve em pauta ontem no 2º Seminário de Desenvolvimento Turístico, que será encerrado hoje, em Natal. A proposta, segundo o Fornatur, é que a possível “punição” evite que novos voos regulares sejam cancelados. Os cancelamentos têm afetado todos os estados, incluindo o Rio Grande do Norte. De acordo com levantamento realizado pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH/RN), o RN perdeu pelo menos 300 dos 340 voos freta-

O Fórum Nacional dos Secretários de Turismo está reunido em Natal para discutir problemas e soluções para o crescimento do setor

dos e cerca de 100 mil passageiros no período de 2011 a 2013. “As companhias aéreas deixam de operar certas rotas, de forma unilateral, e não comunicam isso. Perdendo trechos rentáveis, vão pensar melhor na hora de extinguir voos”, diz o presidente do Fórum, Ronald Ázaro. De acordo com ele, a previsão é que as companhias apresentem uma contraproposta no encontro do dia 8, e que uma de-

finição sobre o assunto saia até o final de novembro. “Ainda estamos em fase de negociação. Quem sabe depois disso, não saia uma imposição do governo federal”, diz Ázaro.

Imposto O Fórum também defende a redução da alíquota do Imposto sobre a Circulação de Bens e Prestação de Serviços (ICMS) que incide sobre o querosene de

aviação para incentivar o fretamento de aeronaves e aumentar o número de voos fretados por operadoras de turismo. A proposta, que já havia sido apresentada pela direção da CVC, maior operadora de turismo da América Latina, ao governo do RN, foi apresentada ontem pelo presidente da operadora, Luiz Falco, ao Fornatur. O Fórum diz enxergar na redução do ICMS uma forma de rea-

quecer o turismo e se prontificou a elaborar um modelo de convênio a ser firmado entre governos e operadoras de turismo, e encaminhar para todas as secretarias de turismo do país até o início de novembro. A autorização para desoneração, no entanto, vai depender do interesse de cada estado. No RN, a proposta é discutida há pelo menos três meses, de acordo com Renato Fernandes, secretário estadual de Turismo.

O governo, que segundo ele, discutia uma solução jurídica para conceder o incentivo, parece ter encontrado na proposta de Luiz Falco uma saída para reduzir a alíquota e ajudar a desonerar os custos das companhias aéreas. “Ele propôs que os governos firmem convênios com as operadoras por um período determinado. Vamos apresentar essa alternativa para a equipe jurídica e técnica do governo. Esperamos ter uma resposta em novembro”, diz Renato. Para o presidente da CVC, o momento de aprovar a redução da alíquota é agora. “Estamos na boca da alta temporada. Tem que ser agora, que há demanda, para atrair esses passageiros”. A CVC teria novos voos para o RN, se houvesse desoneração, disse Falco. “Se desonerarem o combustível para 300 aeronaves, eu trago 300 voos. É simples. Eu sei onde estão os passageiros”, acrescentou.

+

PÁGINA 10

Ceará deve reduzir ICMS sobre querosene de aviação.


10

economia

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Negócios &Finanças

SECRETÁRIO-ADJUNTO DE TURISMO DO CEARÁ

LUIZ ANTÔNIO FELIPE [ laf@tribunadonorte.com.br]

Emprego se mantém O desemprego no Brasil sobe em setembro e fica em 5,4%, segundo a pesquisa mensal do IBGE. Um percentual aceitável, especialmente, se comparado com outros países como os europeus Grécia, Espanha e Portugal, com taxas alarmantes acima dos 20%. Em setembro do ano passado, a taxa de desemprego no Brasil havia ficado em 5,4%. A mínima recorde, registrada em dezembro do ano passado, é de 4,6%. O rendimento médio real habitual ficou em R$ 1.908,00 em setembro, o que representou avanço de 1% sobre agosto, e alta de 2% na comparação com setembro de 2012. No momento, com o ciclo natalino, o País entra no período das contratações temporárias.

CONSUMO Analistas consideram que o baixo desemprego é um dos principais fatores para o bom desempenho do consumo nos últimos anos, embora tenha havido desaceleração em 2013. Ele também é uma das causas da inflação, que se mantém acima do centro da meta do governo há três anos e deve continuar elevada nos próximos anos.

Recuperação

Negociação

A atividade e o emprego na construção civil melhoram em setembro, apesar da contração, diz a sondagem mensal da CNI. O índice de atividade do setor marcou 49,7 pontos no mês passado, ante 47 no anterior. Na comparação com setembro de 2012, quando o índice foi de 49,2 pontos, também houve avanço. A indústria de construção civil operou, em média, com 70% da capacidade em setembro, mesma taxa de igual mês do ano passado.

Com a prorrogação, o Feirão Limpa Nome Online continua até a meia noite de amanhã (26). O serviço – oferecido de forma pioneira pela Serasa Experian desde outubro do ano passado – dá a possibilidade de negociar suas dívidas sem sair de casa. O grande volume de acessos também provocou a adesão de outras empresas ao Feirão, como o Banco Itaú e as Casas Bahia.

BALANÇO No mundo, o lucro do banco espanhol Santander saltou 77% nos nove primeiros meses do ano. O banco teve lucro líquido de 3,3 bilhões de euros, sendo a maior parte na América do Sul. O faturamento da Unilever caiu 6,5% no 3º trimestre, enquanto o lucro da Colgate-Palmolive fica estável em US$$ 656 milhões. A Ford viu o seu lucro líquido cair 22% no terceiro trimestre. Nenhum prejuízo, apenas lucros menores.

Pontualidade dos micros As micro e pequenas batem recorde em pontualidade de pagamentos, que atingiu 96,4% em setembro passado, recorde histórico para a série mensal iniciada em janeiro de 2006, de acordo com indicador Serasa Experian. Isto significa que durante o mês passado, a cada 1.000 pa-

gamentos realizados, 964 foram quitados à vista ou com atraso máximo de sete dias. As micro e pequenas empresas do setor comercial apresentaram o maior nível de pontualidade de pagamentos em setembro de 2013: 96,8%. Já as industriais registraram pontualidade de 95,7%

MOBILIDADE O brasileiro mais pobre gasta, em média, 30 minutos para chegar ao trabalho, segundo o Ipea que analisou dados da PNAD sobre mobilidade urbana. Apesar de ter melhorado a renda e aumentado a posse de veículos automotores, a população pobre ainda enfrenta os maiores problemas de mobilidade urbana nas grandes cidades brasileiras. Falta muito para melhorar a infrestrutura.

Destinar corretamente pneus usados e resíduos industriais sem agredir o meio ambiente é possível. Podem se transformar em energia para a produção de cimento. Em 2012, cerca de 1,32 milhão de toneladas de resíduos – entre eles 226 mil toneladas de pneus – foram destruídas nos fornos de cimento. Os números representam um crescimento de 30% na atividade de coprocessamento em relação a 2011.

1

O programa “Cliente Consciente Merece Desconto”, do Bompreço, já concedeu R$ 1,7 milhão em desconto a clientes que não levaram para casa sacolas descartáveis. O dado, referente às lojas da rede no Nordeste, significa 56 milhões de embalagens plásticas a menos circulando no meio ambiente. Lançado em 2009, o programa estimula o uso racional das sacolas. No Brasil, o número de sacolas evitadas chega a 115 milhões.

2

»ENTREVISTA » MARCOS POMPEU ‘Esperamos tornar o Ceará um hub para companhias aéreas’

Desde o início de outubro, a Whirlpool Latin America, dona das marcas Brastemp, Consul e KitchenAid, deixou de enviar os resíduos gerados na unidade de São Paulo para aterros. Em 2011, a empresa lançou o desafio “Resíduo Zero”, com o objetivo de eliminar o envio de resíduos industriais para aterros, até 2014. Além de São Paulo, as unidades de Rio Claro e Manaus também já alcançaram a meta.

3

EMPREGO A BSPAR Delphi tem com uma vaga aberta para técnico em Construção Civil, com conhecimento do pacote Office e AutoCad, além de facilidade em levantamento quantitativo e elaboração de orçamento e projetos. A construtora oferece planos de saúde e odontológico e ticket-refeição. Enviar o currículo para recrutamento@bspardelphi.com.br até hoje, 25. PALESTRA O VIII Encontro de Contabilidade do Tocantins terá a presença do contador potiguar Rui Cadete, que neste sábado (26) fará a palestra magna de encerramento do evento para falar aos empresários contábeis sobre a gestão de suas empresas, motivando-os a inovar e crescer.

FESTIVAL As principais lojas de vinho do RN organizam hoje a segunda edição da Vinexpo Natal. As tradicionais lojas do segmento estarão juntas no Spaço Guinza da Via Costeira, com 120 vinhos de várias regiões do mundo e também nacionais, além de um buffet especial.

« TURISMO » O secretário-adjunto de Turismo do Ceará diz que o estado vai reduzir ICMS para atrair voos FOTOS:ALEX REGIS

O

Ceará, um dos estados que mais recebem turistas no Nordeste, largou na frente e será o primeiro da região a votar uma lei que autoriza a redução da alíquota do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) que incide sobre o querosene de aviação. A redução, que será de 17% para 4%, segundo o secretário-adjunto do estado, Marcos Pompeu, vai valer para todos os voos regulares, e deverá aumentar em pelo menos 300% o fluxo de turistas no estado. A lei já está pronta e será votada na próxima semana. A expectativa é que seja aprovada pela Assembleia Legislativa e passe a vigorar ainda este ano. Poderia falar um pouco sobre a experiência do Ceará, no que diz respeito a redução da cobrança do imposto?

O Ceará encaminhou para a Assembleia Legislativa um decreto de lei que reduz a alíquota de ICMS para 4% e que deverá ser votado já na próxima semana.

cidade de transformar o Ceará num hub (espécie de ponto de conexão de passageiros e centro de distribuição de cargas) para as companhias aéreas. Com isso o estado terá um incremento muito grande no número de voos e no fluxo de turistas. A lei no Ceará beneficia os voos regulares. E com relação aos voos fretados pelas operadoras de turismo, como a CVC?

O presidente da CVC apresentou uma proposta para os membros do Fórum Nacional dos Secretários de Turismo e ficou decidido que o modelo de desoneração, a partir de convênio, sugerido por ele, vai ser repassado para os secretários de turismo pelo Fórum. Não tenho dúvida de que essa iniciativa poderá incrementar o número de voos fretados, que são voos de turismo, de férias, em todo o país. Que resultados vocês esperam com a aprovação da lei?

O incremento é muito significativo. Transformar o Ceará num hub de companhias aéreas elevaria o fluxo de turistas em 300%, em média. Qual a situação do Ceará, em termos de oferta de voos?

Qual a expectativa com relação à votação? Aqui no RN iniciativa semelhante é discutida há meses....

Os deputados estão muito sensíveis à situação. O próprio secretário titular de Turismo, Bismarck Maia, fez uma apresentação para os deputados, mostrando o impacto que essa lei poderá ter. Ela tem a capa-

Transformar o Ceará num hub de companhias aéreas elevaria o fluxo de turistas em 300%, em média.”

A oferta de voos para Fortaleza, entre julho e setembro, de acordo com dados da CVC, caiu 3%. Trata-se de uma redução muito pequena. Temos voos regulares com a TAP, estamos retomando alguns voos com a Alitalia Airlines, e buscando voos com outras companhias. Acho, porém, que assim como o Ceará, outros estados também devem buscar novos voos.

Leilão tem adesão recorde « ENERGIA » Mais de 900 projetos, somando 35,067 mil MW de energia, estão inscritos para o leilão que o governo promoverá em dezembro

O

número de projetos inscritos para o o leilão de energia A-5/2013, que será realizado no dia 13 de dezembro visando à contratação de eletricidade para abastecer o mercado em 2018, bateu recorde, informou ontem a Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Ao todo, foram cadastrados 929 projetos, o maior número registrado desde que o governo federal passou a realizar leilões públicos para contratação de energia, em 2005. Os empreendimentos totalizam uma capacidade instalada de 35,067 mil Megawatts (MW). A licitação será disputada por hidrelétricas, térmicas a carvão, gás natural, biogás e biomassa, PCHs, usinas eólicas e usinas solares. A energia eólica é a fonte com maior número de projetos inscritos, 670, o que representa uma capacidade instalada de 16,42 mil MW. A segunda fonte com a maior quantidade de usinas cadastradas foi a solar, com 162 projetos, somando 3,891 mil MW. “Essa grande oferta potencial nos traz tranquilidade, ao assegurar um volume de proje-

Os projetos de energia eólica são maioria entre os inscritos no leilão: O RN está na disputa

tos mais do que suficiente para atender à demanda de energia elétrica em 2018”, disse o presidente da EPE, Mauricio Tolmasquim. Para ele, o leilão de dezembro será o que despertará mais interesse de investidores nacionais e internacionais.

Estados Dentre os Estados, a Bahia lidera o número de projetos, com 334 empreendimentos, boa parte da fonte eólica. Em segundo

lugar vem o Rio Grande do Sul, com 174 empreendimentos, novamente com grande parte de usinas eólicas. O Rio Grande do Norte vem em seguida, com 135 projetos. O RN cadastrou projetos de energia eólica e solar. Teve o terceiro maior número de projetos e a terceira maior oferta de energia eólica entre os estados. Foram 125 projetos de eólicas, somando 3.059 MW. Os números estão atrás da Bahia (com 239

projetos e 5.929 MW) e do Rio Grande do Sul (com 163 projetos e 3.719 MW). No caso da energia solar, o RN cadastrou 10 projetos, somando 265 MW - atrás da Bahia (84 projetos e 2.063 MW) e de Minas Gerais (11 usinas com 325 MW). Todos os projetos passarão pela fase de habilitação, em que uma série de documentos é analisada. Apenas os que forem aprovados nessa etapa irão para a disputa.


economia

e-turismo ANTONIO ROBERTO ROCHA [antonioroberto@tribunadonorte.com.br ]

Natal sedia seminário Natal sedia nesta sexta-feira, a partir das 15h, no Centro de Eventos Praiamar, o II Seminário de Desenvolvimento Turístico do Nordeste. Estarão presentes vários parlamentares que integram a Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados e a Comissão de Desenvolvimento Econômico de Turístico do Senado. Em meio ao seminário, a senadora baiana Lídice da Mata receberá o título de cidadã morte-rio-grandense. O evento terá a participação de vários secretários e dirigentes estaduais de Turismo, que ontem participaram, também no Praiamar, de reuniões setoriais do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes de Turismo (Fornatur) e da Fundação CTI Nordeste. Também estão em Natal presidentes estaduais da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), que ontem se reuni-

ram em assembléia nacional na sede da ABIH-RN. A articulação deste ciclo de encontros e debates foi do presidente da ABIH Nacional, Enrico Fermi, cuja candidatura à reeleição foi recentemente lançada. O pleito será no final de novembro e, por enquanto, ainda não há chapa de oposição, o que traz a sensação de que o dirigente potiguar fez um trabalho reconhecido.

Ação de mídia espontânea O evento que lançaria o "Natal em Natal" em Campinas no próximo dia 1º foi cancelado. Na verdade, foi substituído por uma ampla press-trip na capital potiguar, de 5 a 9 de novembro. Na programação, os jornalistas almoçarão no dia 6 com os organizadores do "Natal em Natal" e participarão da abertura do evento, à noite. Já nos dias 7 e 8 farão passeios pelo litoral, para também mostrar em suas matérias, além do evento cultural do final do ano, as opções de lazer que seus leitores terão no verão. A hospedagem da imprensa será no Ocean Palace, que também receberá, no mesmo período, um grupo de agentes de viagens do

interior paulista. A vinda dos jornalistas é um ação integrada da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Natal (Seturde) e do empresariado (30 hotéis e quatro agências de receptivo). Estão sendo convidados editores ou repórteres de Turismo, Cultura ou Economia dos principais mercados emissores para a capital potiguar: São Paulo (capital, Campinas, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto), Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Brasília e Goiânia, além de jornalistas de Cuiabá e Campo Grande, cidades que terão fretamentos semanais para Natal no verão.

Happy-hour para turistas A agência Anauê Receptivo, de Ana Maria Costa, acaba de implantar um tour diferente: Happy-hour em Natal. O passeio acontece às quartas-feiras, das 19h às 23h30, e percorre um circuito de bares em Petrópolis, Tirol, Lagoa Nova e Ponta Negra. São três paradas. A primei-

ra no 294, na Avenida Deodoro. Depois na rua Ângelo Varela, onde os turistas se dividem entre o Cervantes e o Dom Vinícius. Por último, os visitantes conhecem o Alto de Ponta Negra, onde podem escolher o bar ou restaurante e esticar a noitada, se quiserem.

Cardápio ou outdoor? A novidade da combalida orla de Ponta Negra (que só não é pior do que a orla da Praia dos Artistas, do Meio e do Forte) fica por conta dos restaurantes, que resolveram fazer grandes painéis com seus cardápios na entrada. Muitos utilizam até a parede externa

para expor a lista de pratos, em letras enormes. Se já não bastasse tanta poluição visual e exagero, alguns deles anunciam com alarde pratos para três ou quatro pessoas, o que – convenhamos – é pouco sutil. Cardápio, enfim, virou outdoor em Ponta Negra.

Mais uma ausência Como já era esperado, a Emprotur não terá estande no Festival do Turismo de Gramado, que se realizará de 7 a 10 de novembro na Serra Gaúcha. Falta dinheiro. E vontade. Com isso, vários hoteleiros de Natal desistiram de participar do evento. Com isso, operadores e agentes de viagem do Sul e Mercosul deixam de vender Natal. Com isso,

Maceió e Porto de Galinhas avançam cada vez mais no mercado, a partir da ausência de nosso destino. Aliás, a capital potiguar já não é mais a vice-campeã nacional de vendas. Porto Seguro se mantém em primeiro. Depois vem Maceió. Perder a terceira colocação no ranking de vendas seria o caos para o Turismo potiguar.

Presidente da CVC em Natal Quem esteve em Natal ontem, participando da reunião do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur), foi o presidente da CVC, Luiz Eduardo Falco, que já assumiu vicepresidências na Tam e na Oi. Falco soltou o verbo. Disse quem sem a desoneração do transporte aéreo o Turismo do

Nordeste tende a sucumbir. Ele defende ICMS zero no querosene de aviação para voos fretados na alta temporada. Não custa lembrar: o combustível representa, atualmente, 40% do custo de uma operação aérea. Leiam matéria com o presidente da CVC no blog e-turismo, no portal desta TRIBUNA DO NORTE.

Perspectiva O quarto voo semanal da Tap para Natal, que começa a operar no dia 15 de dezembro, deverá ser mantido durante todo o ano de 2014. Um dos motivos é o fato de Natal ser uma das sedes da Copa do Mundo, o que tende a gerar maior fluxo de europeus.

11

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Com expansão no gatilho, Cattan abre 1ª loja em Natal « NEGÓCIOS » Rede pernambucana do varejo de moda estreou na capital com uma ‘loja de rua’, mas já está de olho também nos shoppings

JOANA LIMA

A

brir pelo menos mais quatro lojas no Rio Grande do Norte nos próximos dois anos. Esta é a intenção da Cattan, empresa de varejo de moda que estreou ontem em Natal. O grupo pernambucano quer abrir mais duas lojas de rua - a exemplo da inaugurada ontem com acesso pelas avenidas Rio Branco e Princesa Isabel, no Centro - e duas em shoppings centers. A localização ainda não foi definida. As negociações, esclarece Flávio Catão, presidente da rede, ainda não tiveram início. "Vamos observar como as vendas dessa unidade se comportarão primeiro. Elas servirão de parâmetro", explicou. Natal, segundo ele, foi escolhida pela força do varejo de moda. A unidade inaugurada ontem na cidade chega a ser uma das maiores do grupo, que costuma abrir lojas com até 300 metros quadrados.A estreia em Natal, observa Flávio, marca a expansão do grupo no Nordeste. A rede, que já conta com 55 lojas na Região, espera abrir mais cinco até o final do ano. A meta, segundo Flávio, é abrir mais dez lojas em 2014 e dar continuidade assim aos planos de expansão, que ganharam mais força há dois anos, quando o conceito das lojas mudou. "Passamos a atuar com fast fashion (moda rápida). Antes buscávamos apenas preço e qualidade. Hoje buscamos preço, qualidade e agilidade", afirma Fernando Catão, fundador da rede. Por enquanto,os planos fo-

Flávio Catão, presidente da rede: Meta de abrir mais dez lojas em 2014 na região e novas no RN

RAIO-X CATTAN Segmento: varejo de moda Número de lojas: 55 Onde atua: Paraíba,Bahia, Sergipe,Maranhão,Pernambuco, Rio Grande do Norte Número de colaboradores: 1,3 mil,incluindo 25 na loja que abriu ontem em Natal Faturamento e projeção de investimentos: Não informados Fonte:Empresa

ra do Nordeste só incluem o Norte. "Queremos entrar nos próximos anos nessa região",

afirma Flávio. O fato de abrir uma loja ao lado de grandes redes como Riachuelo, C&A e Renner parece não preocupar o grupo pernambucano, que atua há quase 40 anos no segmento e pratica preços semelhantes ao praticados pela Riachuelo e C&A, por exemplo. "Concorrência é boa. A concentração de lojas atrai clientes", justifica o presidente da rede. A desaceleração do comércio observada em alguns estados também não parece intimidar o grupo. "Não acredito em crise. Acredito em trabalho bem feito", afirma Flávio Catão.Apesar de se considerar um otimista nos negócios, Fernando Catão, fundador

da rede, reconhece que é preciso ter cautela na hora de abrir novas lojas. "Sempre tivemos cuidado na hora de abrir novas unidades, para não avançarmos muito rápido. Se não houver um apoio técnico nem uma equipe preparada para a expansão, a gente começa a patinar, por isso preferimos agir com cautela", disse. A rede preferiu não informar quanto investiu na abertura da loja em Natal nem quanto investirá na inauguração das outras cinco lojas previstas para este ano. O faturamento do grupo também não foi revelado. As informações, justificaram os executivos, são consideradas estratégicas.

Governo vai regular vendas « SEGUROS » Além de restringir a venda das apólices, o governo poderá multar lojas que obrigarem o cliente a comprar a “garantia estendida”

MAGNUS NASCIMENTO

B

rasília (AE) - O governo decidiu restringir a venda de seguros em lojas e abriu a possibilidade de multar o estabelecimento que obrigar o consumidor a adquirir com o produto a chamada garantia estendida. O novo regulamento foi aprovado ontem pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) e entra em vigor na próxima semana. A nova legislação prevê mudanças nas apólices para que os lojistas deixem de ser representantes dos consumidores, como são hoje, e passem a ser considerados representantes das seguradoras. Com isso, serão fiscalizados pela Superintendência de Seguros Privados (Susep) e responsabilizados e multados em caso de irregularidades. Para a maioria das sanções previstas nessa legislação, as multas variam de R$ 10 mil a R$ 500 mil. A alteração também permite que as seguradoras respondam solidariamente pelas infrações praticadas por seus representantes. Elas terão ainda de supervisionar os varejistas. As novas normas proíbem a venda casada, que já é vedada pelo Código de Defesa do Consumidor, de produtos com o seguro garantia estendida. Ao colocar a questão na legislação, a irregularidade passa a ser alvo de sanções também por parte da Susep. Fica proibida ainda a concessão de desconto condicionada à aquisição desse tipo de seguro. A prática dava ao varejista a vantagem de pagar menos imposto. O desconto, quando houver, não poderá depender da aquisição da garantia. Como geralmente as duas

Com as novas regras, o consumidor poderá desistir da garantia estendida em até sete dias

NÚMERO

R$ 500 mil É a quanto poderão chegar as multas previstas na legislação que regula a venda de seguros em lojas

garantias (do fabricante e a estendida) cobrem os mesmos problemas de fabricação, o lojista terá de explicar ao cliente o que não é coberto pelo seguro. Normalmente, o cliente só fica sabendo das restrições quando lê o manual dentro da caixa, após comprar o produto.

Desistência Outra mudança é o direito de

desistência da garantia estendida em até sete dias. Antes, o cliente podia devolver o produto dentro desse prazo, mas não podia cancelar o seguro. As lojas ficam ainda obrigadas a ter pessoal treinado para atender ao consumidor. “Fizemos uma fiscalização em janeiro e verificamos, sobretudo, falta de informações. O cliente sequer sabia que estava comprando um seguro (quando comprava a garantia estendida)”, disse Luciano Portal Santanna, superintendente da Susep. A superintendência também ficará responsável por analisar a remuneração excessiva das seguradoras aos varejistas, caso a caso. Produtos que paguem comissões consideradas muito al-

tas poderão ter a venda proibida. Além da garantia estendida, o Conselho regulou outros pontos de venda de seguros em estabelecimentos em varejo. Basicamente, a ideia é evitar que sejam vendidas apólices de valor muito elevado. O teto, em geral, varia de R$ 24 mil a R$ 60 mil. O objetivo é fazer com que essas empresas comercializem produtos mais simples e adequados à população atendida. “Tudo isso está sendo feito para reduzir os problemas que a gente tem observado e, ao mesmo, tempo criar legislação que permita o crescimento e a massificação desse mercado”, afirmou o secretário executivo do Ministério da Fazenda, Dyogo Oliveira.


NO FACEBOOK

Confira a charge que o Brum fez na coluna Apito Final, relacionada ao esporte. facebook.com/tribunarn

12

NO RÁDIO

HOJE NA TV

11h - Globo Esportivo 17h - Globo Esportivo 21h - Panorama Esportivo

13h - Mundial Sub-17 : Argentina x Canadá; SporTV 2 21h50 - Série B: Avaí x Bragantino; SporTV

www.radioglobonatal.com.br

FELIPÃO ANTECIPA QUE VAI CONVOCAR DIEGO COSTA PARA AMISTOSOS • PÁGINA 14

BLOG DO CIRÍACO

Veja a opinião do blogueiro sobre os jogos de ABC e América pela 32ª rodada da série B. www.tribunadonorte.com.br/blogdociriaco

esportes

Editor: Itamar Ciríaco itamar@tribunadonorte.com.br• Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 25 de outubro de 2013

A mesma casa, o mesmo time « BRASILEIRO SÉRIE B » O treinador Leandro Sena aguarda apenas a definição da situação de Márcio Passos,

que está realizando tratamento de uma dor na coxa e será reavaliado, para definir o time que joga amanhã EMANUEL AMARAL

O

América vai repetir o time que vem atuando no confronto contra o Ceará. A informação foi passada pelo próprio treinador Leandro Sena que disse não pretender modificar uma fórmula que vem dando certo. Dada a importância da partida, o time será formado com três volantes, o comandante alvirrubro irá promover o retorno de Márcio Passos, que cumpriu suspensão na derrota para o Boa Esporte. Se existia alguma dúvida quanto a quem ocuparia as posições de meio-campo, ele será formado por Márcio Passos, Coutinho, Fabinho e Régis. Mesmo Passos tendo sido poupado do treino realizado ontem, no estádio Nazarenão, em Goianinha. O jogador sentiu um desconforto na musculatura da coxa e foi substituído por Adriano Pardal na ocasião. Márcio Passos não está vetado e vai ser realizado hoje para saber a evolução do seu caso com o tratamento realizado. Para Sena, Cascata ainda vai continuar como opção para qualquer eventualidade, uma vez que está se prevenindo contra possíveis surpresas em termos do surgimento de novas contusões. “Cascata é um jogador importante, mas que passou muito tempo parada. Então temos de agir com o máximo de cuidado possível no retorno desse atleta. Precisamos de jogadores que estejam podendo render 110% neste momento, não estamos livres do risco de rebaixamento e sabemos que essa tranquilidade atual pode se acabar em caso de um resultado negativo contra o Ceará. A questão é que não vou arriscar a perder Cascata para o restante da competição”, ressaltou Sena. Quanto ao confronto diante dos cearenses Leandro Sena é simples na definição, para ele o clube alencarino está disputando um campeonato completamente diferente do disputado pelos americanos. “O Ceará é um adversário muito qualificado e pode parecer estranho falar isso, mas ele disputa uma outra competição. O Ceará é um candidato forte ao

Leandro Sena comandou um treino de apronto, ontem no Nazarenão, mas já antecipou que não pretende realizar modificações e vai manter time com três volantes JÚNIOR SANTOS

acesso e também precisa da vitória, por isso acredito num confronto muito franco neste sábado”, opina o treinador americano. Pelo que demonstrou no trabalho coletivo, o América não vai abrir mão de jogar ofensivamente, a derrota recente contra o Boa Esporte não abalou o grupo e o trabalho que vem sendo realizado durante a semana foi endereçado justamente para mostrar que o grupo teve um comportamento considerado muito bom, principalmente na segunda metade da partida. “Nosso segundo tempo foi bastante produtivo, conseguimos buscar o resultado por duas ocasiões e fomo derrotados devido a uma infelicidade. Mas não apaga o bom rendimento da equipe”, afirmou Leandro Sena que deseja ver o grupo apresentando o mesmo espírito de luta contra o Ceará.

Catarinenses abrem hoje a 32ª rodada

Ceará A equipe do Ceará parece já ter suas apostas para a partida contra o América: a bola parada e o posicionamento tático. Por dois dias consecutivos, o Alvinegro alencarino realizou treinou onde o técnico Sérgio Soares priorizou esses dois tipos de atividades. O meia Ricardinho foi destaque no site oficial do Ceará. Se preparando para o jogo contra o América, o jogador afirmou que está motivado para o compromisso. “Faltam apenas sete partidas para o fim do campeonato, mas nós temos que pensar jogo a jogo... Sabemos que o Ceará tem força para chegar ao objetivo, por isso, não vai faltar motivação por parte do grupo, que vai lutar muito para trazer esses três pontos fora de casa”, afirmou Ricardinho ao site oficial do Ceará.

Presidente Rubens Guilherme também será julgado hoje no STJD

ABC tem outra disputa jurídica hoje no STJD O ABC tem, mais uma vez, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva – STJD pela frente. O clube enfrenta hoje o julgamento relativo a denúncia de que teria impedido os jogadores do BOA Esporte/MG de entrar em campo para aquecer antes da partida, pela Série B do Campeonato Brasileiro, no estádio Frasqueirão. O clube pode perder até seis mandos de campo e ser punido com multa de até R$ 100 mil. O presidente abecedista, Rubens Guilherme, já de acordo com o novo Código Civil, também será julgado e poderá ser suspenso de suas funções caso o clube venha a ser condenado e considerado culpado pelas ações. O ABC está enquadrado em cinco artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva – CBDJ. O 258 (Assumir conduta contrária a disciplina e ética desportiva ) é o que pode causar as perdas de mandos de campo. 243 – A (Atuar, de forma contrária à ética desportiva, com o fim de influenciar o resultado de

partida, prova ou equivalente) , no 243- B “Constranger alguém, mediante violência, grave ameaça ou por qualquer outro meio, a não fazer o que a lei permite ou a fazer o que ela não manda”, no 211 § único (Deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infra-estrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização) e no 191, as penas são todas de multa. Enquanto encara mais uma disputa jurídica, em campo o time sofre com desfalques para o jogo contra o Oeste, em Itápolis. Sem contar com alguns titulares, o técnico Roberto Fernandes recebeu, ontem, a confirmação de que não poderá contar o o seu capitão, Daniel Paulista, nem no jogo de amanhã, nem tampouco no clássico contra o América, dia 2, no Frasqueirão. O atleta recebeu o terceiro amarelo no jogo contra o Paysandu e na sequência foi expulso. Dessa forma, a legislação obriga o jogador a cumprir dois jogos de suspensão automaticamente.

São Paulo (AE) - O futebol de Santa Catarina é um dos destaques da Série B do Campeonato Brasileiro deste ano, com os quatro times brigando pelo acesso à elite. Hoje, quando será aberta a 32.ª rodada, três deles - menos o Joinville - irão entrar em campo para se manterem vivos. A Chapecoense é quem tem a situação mais confortável, seguida pelo Avaí e mais atrás está o Figueirense, que joga todas as suas fichas no confronto direto contra o Icasa. Vice-líder com 59 pontos e vindo de três empates seguidos, a Chapecoense aposta na volta de Bruno Rangel - artilheiro isolado da Série B, com 27 gols - para conquistar um bom resultado diante do desesperado Atlético Goianiense, no estádio Serra Dourada, em Goiânia. Sem ganhar há dois jogos - um empate e uma derrota -, o adversário está na zona de rebaixamento, em 18.º lugar com 31 pontos, e nem se vencer deixa a degola. Após a vitória sobre o Paysandu por 2 a 0, em Belém, o Avaí chegou aos 50 pontos e continuou próximo ao G4 - o grupo de acesso -, em quinto lugar e um jogo a menos que os adversários. Hoje, o time recebe o Bragantino, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, e a expectativa é de casa cheia. Na 12.ª colocação, com 39 pontos, os paulistas tentam se distanciar da degola. A situação mais complicada é a do Figueirense, que está na 10.ª colocação com 46 pontos e tem pela frente um confronto direto contra o Icasa, no estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte (CE). Uma das surpresas desta Série B, devido ao elenco modesto, o time cearense tem um ponto a mais que os catarinenses e se encontra na sétima posição. A rodada continua amanhã com mais seis partidas. O Palmeiras recebe o São Caetano, no estádio do Pacaembu e garante o acesso em caso de um simples empate. Joinville e Paraná fazem confronto direto pelo G4.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

esportes

Apito Final EVERALDO LOPES e_lopes@tribunadonorte.com.br

Quem vem pela frente Com ABC e América cada um tendo de enfrentar sete adversários, os riscos e as chances estão mais do que delineados. Nesse particular, o ABC leva um pouco de vantagem porque tem quatro jogos em casa e três fora, enquanto o América inverte os papéis, com três no “Nazarenão” e quatro na casa do adversário. Para o ABC, dos jogos fora, dois podem ser encarados como barra pesada: Figueirense (9º lugar) e América Mineiro (6º), mas tem a vantagem de encarar o forte time do Avaí no “Frasqueirão”. Dos sete jogos, em casa são tidos como “batíveis”, Icasa e ASA. Quanto ao arquirrival América/RN, o leitor que faça a avaliação. Pelo menos três adversários são duros: Chapecoense, Avaí e São Caetano, este, por ser em S. Paulo.

Onde anda o Remo?

Armstrong de volta

O Clube do Remo fechou as portas? Um torcedor paraense atualmente residindo em Natal, me faz a pergunta: aonde anda o tradicionalíssimo Clube do Remo, outrora uma força? Fundado em 1905, isto é, com mais de um século de existência (precisamente 108 anos), participou do primeiro Campeonato Nacional em 1972 (nome primitivo do Campeonato Brasileiro), tendo, inclusive, derrotado o ABC no Machadão por 1x0. O Remo não está nem na série “D”.

Contando novamente com a presença do presidente do clube, o Alecrim/FC tenta domingo chegar à final da Copa Ecohause. A semifinal reúne o sub 20 do América/RN x Fluminense/RJ, arbitragem de Suelson Diógenes e, logo depois Alecrim x Ferroviário/CE, com Lenilson Lima no apito. Ingresso custa R$ 20,00, meia entrada R$ 10,00. O estádio é o “Ninho do Periquito”, lembrando que o campeão da copa tem prêmio de R$ 50 mil.

Urucubaca Considerado um dos clubes mais simpáticos do Nordeste, o Fortaleza há anos vive o inferno astral, uma luta sem fim para descolar da série “C”, e não consegue. Já teve a chance em duas decisões em casa, a última na Arena Castelão, contra o Oeste em 2012, e há duas semanas enfrentou o Sampaio Cor-

Massa revela que negocia com a equipe Williams

« LIGA EUROPA »

Sem Paulinho, Tottenham vence e está perto da vaga

« FÓRMULA 1 » Piloto brasileiro afirma que também tem negociado com outras equipes, mas a vaga de Pastor Maldonado deve ser mesmo ocupada por ele

N

ova Délhi (AE) - O brasileiro Felipe Massa admitiu ontem que conversou com a Williams sobre a possibilidade de pilotar pela equipe na temporada de 2014 da Fórmula 1, mas negou que tenha um acordo fechado. Além disso, destacou, na véspera do início das atividades do GP da Índia, que vem conversando com várias escuderias para definir o seu futuro. “Não tenho nada a dizer nesse momento”, afirmou inicialmente Massa, para só depois comentar mais diretamente as especulações. “Quando for a hora certa, eu vou comentar. Com certeza eu estou falando com algumas equipes, incluindo até mesmo a Williams”, completou o brasileiro, que será substituído pelo finlandês Kimi Raikkonen na Ferrari no próximo campeonato. Massa reiterou o discurso de

que não vai se transferir para uma equipe pequena - a Williams é uma das mais tradicionais competidoras da Fórmula 1, mas está longe dos seus melhores momentos, tanto que somou só um ponto nesta temporada. Além disso, o brasileiro rejeitou a possibilidade de usar seus patrocinadores para assegurar uma vaga. “Eu não vou para uma equipe pequena. Eu vou para uma equipe que tem possibilidades de construir um bom carro. Eu não sou um piloto pagante, por isso não vou ir para um time só porque eu tenho um patrocinador. Eu irei pela minha experiência e pelo que já alcancei em minha carreira”, afirmou. Com apenas quatro provas para o fim do campeonato, Massa sabe que precisa definir o seu futuro logo, mas garantiu que também está concentrado em

ajudar a Ferrari a assegurar o vice-campeonato do Mundial de Construtores. “Eu quero fazer o melhor que puder para marcar o máximo de pontos possíveis”, disse. “O time ainda está lutando pelo segundo lugar no campeonato e isso é muito importante para nós. E é a única coisa que tenho em minha mente”. Com 90 pontos, Massa ocupa apenas a sétima colocação no Mundial de Pilotos e participa neste domingo, no circuito de Buddh, de uma das suas últimas corridas pela Ferrari, sua equipe na Fórmula 1 desde 2006. O piloto venezuelano Pastor Maldonado, que pode perder a vaga para Massa se mostrou favorável às investigações do governo de seu país sobre escândalo de corrupção que envolve verbas liberadas para pilotos do país. LECA BRUNO

rea , porém jogou fora a oportunidade, cedendo o empate já nos descontos. Este ano, o Tricolor alencarino disputou 52 partidas, venceu 23, empatou 13 e perdeu 16, ou seja, deixou de vencer menos do que de ganhar. Bota urucubaca nisso. O atual presidente vive atormentado pela torcida coral.

Confraria Com a paciência de Jó, o ex-presidente José Rocha continua presidente, porém do Conselho Deliberativo, começa a se animar com a procura das cadeiras cativas da Arena América. É que, o adquirente dessa localidade, automaticamente ganha uma cadeira na futura Arena das Dunas, mas com uma observação: a cadeira da futura arena América tem a validade de seis anos, e o preço é R$ 5 mil. A da Arena das Dunas, o prazo é de 15 anos. Para manter a chama acesa, uma vez por mês (sempre um sábado) José Rocha e Carlos Gurgel reúnem os amigos para mostrar o andamento das obras. É a confraria da visita.

Reforços 2014

Reforços (2)

Quem é coxo parte cedo, como apregoa o refrão popular. Por isso, o Potiguar de Mossoró está conversando com o provável elenco/2014, visando a Copa do Nordeste, Estadual e Copa do Brasil. Os jogadores já contatados são Weverson, Paulo (ex-Bahia de Feira de Santana, George (lateral), Fidélis, Rogério e Alexandre, quase todos baianos, e ainda Thiago Granja, Raylan e o avançado Índio.

O treinador é Arnaldo Lira, que andava sumido do Nordeste, e agora reaparece. O atacante baiano João Neto quase acertou, mas pediu R$ 10 mil mensais, sem pestanejar. O clube agradeceu e deu tchau tchau. Muito caro. A apresentação já tem dada: será dia 20 de novembro. Quanto ao Baraúnas, está sem presidente, João Dehon afirma não topar assumir um clube sem dinheiro.

Humor “O jornalista esportivo é o único profissional que vê o ANTES, o DURANTE e o DEPOIS, ou seja, ele assiste os treinamentos, vai aos jogos e depois comparece ao vestiário.” (do jornalista Marcelo Rezende, que cobriu três Copas do Mundo.)

Humor (2) “O cara (jogador desconhecido) mora em um gueto, de repente está lá em um clube grande, mas ninguém sabe quem ele é, de onde veio. Tem vez, estreia fazendo logo dois gols, e aí todo mundo quer saber quem ele é. Logo, passa a ter acesso a um monte de regalias (Marcelo Rezende, relembrando seu tempo de repórter esportivo).

« CARTÃO AMARELO »

13

L

ondres, 24 (AE) - O Tottenham manteve os 100% de aproveitamento na atual edição da Liga Europa com mais uma vitória nesta quinta-feira. Mesmo atuando longe de seus domínios, na Moldávia, o time do brasileiro Paulinho, que não atuou porque foi poupado, derrotou o Sheriff por 2 a 0 e ficou perto da classificação no Grupo K, após a realização de três rodadas. O resultado levou o Tottenham aos nove pontos, contra quatro do segundo colocado Anzhi, que bateu o Tromso por 1 a 0 nesta quinta, e dois do Sheriff, a três rodadas para o fim da primeira fase. Tottenham e Sheriff voltam a se enfrentar no dia 7 de novembro, desta vez em Londres, e uma vitória pode garantir a classificação aos ingleses. Mesmo com um time misto, já que poupou seus principais jogadores como Paulinho, Townsend e Soldado para o Campeonato Inglês, o Tottenham não teve grande dificuldade para chegar à vitória. Um dos poucos titulares em campo, Vertonghen abriu o placar logo aos 12 minutos. No segundo tempo, Defoe marcou e definiu a vitória. Pelo Grupo I, Lyon e Betis venceram e agora dividem a liderança. As duas equipes chegaram aos cinco pontos e estão empatadas nos critérios de desempate. Nesta quinta, o Lyon passou por 1 a 0 pelo Rijeka, com o gol de Grenier já no segundo tempo. Pelo mesmo placar, o Betis derrotou o Vitória de Guimarães, com o gol de Vadillo, também na etapa final. Principal rival do Betis, o Sevilla não teve a mesma sorte e ficou apenas no empate por 1 a 1 diante do Liberec, fora de casa, mas segue na ponta do Grupo H, com sete pontos. Rabusic marcou o primeiro para os checos, que tiveram Kovar expulso na etapa final. Os espanhóis aproveitaram para reagir e chegaram ao empate já aos 43 minutos, com Vitolo.

Depois de perder o lugar na equipe Ferrari, Felipe Massa pode reaparecer agora na Williams

« FLUMINENSE »

« BOTAFOGO »

« FLAMENGO »

« CRUZEIRO »

Luxemburgo testa um time ofensivo

Desafio é evitar o abatimento

Hernane vive dia de herói no Rio

Mineiros perdem mando de campo

Sob pressão, depois de estacionar nos 36 pontos e ocupar agora a 15ª posição no Campeonato Brasileiro, o Fluminense se prepara para enfrentar o Vitória, domingo, no Maracanã. Ontem, o técnico Vanderlei Luxemburgo testou o time com três atacantes: colocou Rhayner ao lado de Biro Biro e Rafael Sóbis. Claro indício de que ele quer ver o time agressivo, disposto a se distanciar da zona de rebaixamento. A diferença do Fluminense para o Vasco, que abre a zona de rebaixamento, é de apenas três pontos (36 a 33). O time de Luxemburgo já está sem vencer há seis partidas.

A preocupação dos botafoguenses após a derrota por 4 a 0 para o Flamengo, na noite de quarta-feira, pelas quartas de final da Copa do Brasil, é evitar uma queda de confiança e energia para a sequência do Brasileirão Cenário semelhante foi visto em 2007, quando o Botafogo foi eliminado pelo River Plate na Copa Sul-Americana e perdeu quatro jogos seguidos no campeonato nacional, deixando escapar a vaga na Libertadores. O temor se renova agora. No entanto, a crença é de que este grupo é mais qualificado e experiente, com capacidade para dar a volta por cima e continuar na faixa de classificação da Libertadores.

A vida de Hernane agora é outra. Depois de marcar três gols em um clássico eliminatório, é natural que o assédio aumente e ele passe a ser chamado de herói. Mas, a cada jogo que passa, o atacante mostra que não é um sucesso passageiro. Já são 31 gols marcados na temporada, com os três que fez contra o Botafogo na noite de quartafeira, que levaram o Flamengo às semifinais da Copa do Brasil. “O momento que estou passando hoje eu já esperava, porque eu me vejo dentro e fora de campo muito profissional, e as coisas acontecem com quem trabalha”, discursou o atacante Hernane.

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) puniu ontem o Cruzeiro com a perda de um mando de campo por conta de incidentes envolvendo seus torcedores no clássico diante do Atlético Mineiro, no dia 13 de outubro, no estádio Independência. A diretoria cruzeirense não perdeu tempo e prometeu recorrer da sentença. Se não tiver êxito, a equipe deverá atuar longe de Belo Horizonte diante do Grêmio, no dia 10 de novembro, pela 33.ª rodada do Campeonato Brasileiro. No clássico mineiro, integrantes de torcidas organizadas do Cruzeiro entraram em conflito entre si e com a polícia, além de terem disparado bombas.


14

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

esportes

Felipão convocará Diego Costa

« ARENA PANTANAL » Governador admite atraso

« COPA 2014 » A nova chamada para integrar a Seleção Brasileira em jogos amistosos

deve encerrar a polêmica sobre uma possível participação do jogador pela Espanha

R

io de Janeiro (RJ) - A definição do futuro de Diego Costa está próxima de um desfecho positivo para a Seleção Brasileira. O técnico Luiz Felipe Scolari confirmou à TV Globo que convocará o atacante do Atlético de Madri para os amistosos contra Honduras e Chile, nos dias 16 e 19 de novembro, em Miami (EUA) e Toronto (CAN), respectivamente. A lista oficial será divulgada apenas no dia 31 de outubro. Felipão passou toda a quartafeira decidindo quais jogadores chamará para as partidas. Ciente de que o treinador chamará Diego, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) enviou carta à Fifa informando que contará com o atacante, cobiçado também pela Espanha.”Colocamos à direção que temos a intenção mais uma vez de convocá-lo, pois já o convocamos nos jogos da Rússia e Itália. Para que possamos ter uma análise definitiva sobre esse atleta, que é brasileiro e está tendo um destaque bastante grande pelo Atlético de Madri. A carta foi enviada à Fifa informando nossa intenção, que é a de convocá-lo na próxima quinta-feira”, revela o treinador. Diego Costa já foi convocado por Felipão para os amistosos contra Itália e Rússia, em março, entrando no segundo tempo de ambas as partidas. Como não

DIVULGAÇÃO

Colocamos à direção (da CBF) que temos a intenção mais uma vez de convocá-lo (Diego Costa)” FELIPÃO Técnico da Seleção

participou de competições internacionais pelo Brasil, porém, o regulamento da Fifa permite que ele defenda a Espanha, uma vez que possui dupla cidadania. O técnico da Seleção Brasileira, no entanto, garante que conta com o jogador. “Se hoje tivesse que dar a lista para a Copa do Mundo, o Diego Costa seria convocado. Eu quero ele. Levarei três atacantes. O primeiro da lista é o Fred, que está machucado, mas estará na Copa. O segundo é o Diego Costa e tenho que buscar um terceiro”, diz Felipão.

Preços A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, disse nesta quinta-feira que o governo federal vai utilizar “tudo que tem ao seu alcance” para evitar abuso de preços na rede de hotelaria e nas passagens áreas duran-

te a Copa do Mundo de 2014. Ela foi uma das participantes da primeira reunião do Comitê de Acompanhamento de Preços, Tarifas e Qualidade de Serviços para a Copa do Mundo, criado justamente com essa finalidade. “Nós queremos entrar num acordo com essas empresas, ou seja, que elas possam oferecer um preço bom e justo. Se nós tivermos abuso de preço, o Estado brasileiro vai tomar as providências, sim. Vai utilizar de tudo que tem ao seu alcance para que a gente possa ter um equilíbrio nos preços”, afirmou a ministra da Casa Civil. Criado por determinação da presidente Dilma Rousseff, o Comitê é composto, além da Casa Civil, pelos ministérios do Esporte, Justiça e Turismo, além da Secretaria de Aviação Civil (SAC), com a participação dos ministérios da Fazenda (Receita Federal e Secretaria de Acompanhamento Econômico) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Na reunião de ontem, explicou a ministra, o Ministério do Esporte fez exposição sobre sorteio de ingressos, a tabela de jogos e a atuação da Fifa na preparação do Mundial, enquanto o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) realizou uma avaliação sobre a questão das companhias áreas e a rede hoteleira.

O governador de Mato Grosso, Silval Barbosa (PMDB), reiterou ontem que pretende entregar a Arena Pantanal dentro do prazo dado pela Fifa, até 31 de dezembro, embora tenha admitido que, diante do problema na licitação da compra das cadeiras do estádio de Cuiabá, talvez haja um atraso de uns 10 a 15 dias. “Não estamos trabalhando com essa hipótese, mas isso poderá ocorrer se o impasse não for resolvido logo”, avisou. Em sua última visita ao Brasil, no começo do mês, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, passou por Cuiabá e revelou preocupação com o risco de atraso na conclusão agora admitida pelo governador do Mato Grosso.

hoje na tv 6h30 - Fórmula 1: treino livre do GP da Índia; SporTV 11 horas - Mundial Sub-17 de Futebol: Suécia x México; SporTV 2 13 horas - UFC: pesagem oficial; SporTV 14 horas - Mundial Sub-17 de Futebol: Argentina x Canadá; SporTV 2 16h30 - Campeonato Alemão: Stuttgart x Nuremberg; ESPN Brasil 19h30 - Série B: Atlético-GO x Chapecoense; SporTV 2 21h50 - Série B: Avaí x Bragantino; SporTV 22 horas - NHL: St. Louis Blues x Vancouver Canucks; ESPN+ SÁBADO 0h30 - Circuito Mundial de Vôlei de Praia: Grand Slam de Xiamen; Esporte Interativo l

Estrela do espanhol é disputado pelo Brasil e pelos espanhóis


TEMPO HOJE

NO FACEBOOK

Máx.: 29ºC Mín.: 25ºC Parcialmente nublado

Curta e compartilhe charge de Brum.

facebook.com/tribunarn

TÁBUA DE MARÉS

Preamar 08h15-1.8 - 20h34-1.8 Baixa-mar 01h53 -0.7 - 13h58-0.8

NA TN ONLINE

TENENTE-CORONEL LUIZ FABIANO FALA SOBRE TREINAMENTO DE TROPAS PARA O HAITI. PÁGINA 5

Confira novidades da Coluna do Consumicor.

tribunadonorte.com.br

natal Editora: Margareth Grilo [ margareth@tribunadonorte.com.br ]

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 25 de outubro de 2013

PM deixa para hoje remoção de militantes que ocupam Câmara « PASSE LIVRE » Decisão foi emitida pela 2ª Vara da Fazenda Pública, às 16h da quarta-feira.

Na tarde de ontem, Comando da PM reuniu oficiais para definir estratégias de desocupação ADRIANO ABREU

ADRIANO ABREU

GABRIELA FREIRE E VALDIR JULIÃO repórteres

A

Polícia Militar deixou para hoje a retirada dos manifestantes que ocupam ohall de entrada da Câmara Municipal de Natal (CMN). A postura da PM foi questionada pelo procurador geral da Câmara, Eriberto Costa Neves, já que mais de 30h se passaram desde que a juíza Francimar Dias deferiu o pedido de reintegração de posse impetrado pela Mesa Diretora. “Estamos feito bonecos, para cima e para baixo sem saber o que será feito. Queremos saber quando eles vão cumprir a decisão”, reclamou o procurador. Na tarde de ontem, Costa Neves fez duas tentativas para que a ordem judicial fosse cumprida o mais rápido possível: uma no início da tarde, quando tentou audiência de urgência com a juíza Francimar Dias, no Fórum Miguel Seabra Fagundes (2ª Vara da fazenda Pública), e outra no fim do tarde, quando foi até ao Quartel da PM, onde afirmou ter ido conversar com o Coronel Araújo. “Ele está descumprindo uma decisão judicial”, afirmou. Para cumprir a reintegração de posse, a magistrada determinou a presença do comandante geral da PM, coronel Francisco Araújo Silva, para evitar excessos na execução. Araújo garantiu que a decisão será cumprida e que respeita a opinião do procurador. “Estamos agindo com a cautela que é solicitada na decisão”, disse. A declaração foi dada após o término da reunião realizada para discutir o cumprimento da decisão judicial. Além do comandante-geral da PM, participaram o comandante de policiamento metropolitano, da Rocam, Polícia Ambiental, 5º Batalhão, Choque, Cavalaria e Companhia Feminina. O objetivo era discutir as estratégias para a desocupação. Por volta das 12h15, o grupo de manifestantes fechou a rua Jundiaí, na lateral da Câmara, interrompendo o fluxo de veículos no sentido das avenidas Prudente de Morais-Salgado Filho. Um pouco antes,

Estamos agindo com a cautela que é solicitada na decisão” CORONEL FRANCISCO ARAÚJO comandante da Polícia Militar

manifestantes usando máscaras que cobriam todo o rosto, impediram o trabalho da equipe de reportagem do Novo Jornal. De posse de bandeiras, placas e megafone, cercaram o repórter fotográfico Vlademir Alexandre e o repórter Sílvio Andrade impedindo o exercício da profissão de ambos. A ocupação do pátio externo do prédio da Câmara Municipal começou no dia 15, após os vereadores a votação que manteve o veto do prefeito Carlos Eduardo ao projeto de lei 98 /2013, de autoria da vereadora Amanda Gurgel (PSTU) e que institui o passe-livre para todos os estudantes de Natal. A Prefeitura de Natal já conclui projeto que limita o benefício aos estudantes da rede municipal de ensino, mediante controle da frequência escolar. Documento será enviado à Cãmara com o reinício dos trabalhos legislativos. Apesar de decidir pela saída dos manifestantes, a juíza Francimar Dias negou a solicitação da CMN de que o grupo mantivesse, no mínimo, 500 metros de distância do prédio, com o argumento de que as sessões são públicas e abertas à toda a população.

+

PÁGINA 2

Militantes recorrem ao STJ para manter ocupação

JÚNIOR SANTOS

Comando da Polícia Militar reuniu oficiais do policiamento metropolitano, da Rocam, Polícia Ambiental, 5º Batalhão, Choque, Cavalaria e Companhia Feminina

Militantes do Passe Livre cobram presença do comandante da PM, coronel Araújo, na ação de desocupação, conforme estabelece a decisão da 2ª Vara da Fazenda Pública. Pela manhã, um grupo intimidou uma equipe de jornalistas da cidade


2

natal

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

STJ nega pedido de habeas corpus « PASSE LIVRE » Recurso foi negado pelo ministro Og Fernandes com base no artigo 210 do regimento interno do STJ. Decisão aguarda publicação. Grupo quer negociar com Mesa Diretora termos da votação do substitutivo JÚNIOR SANTOS

O

Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília, indeferiu, liminarmente, na noite de ontem, 24, o pedido de Habeas Corpus preventivo feito pelos manifestantes do Movimento Passe Livre que ocupam o hall de entrada da Câmara Municipal de Natal desde o último dia 15. A decisão foi do ministro Geraldo Og Nicéia Marques Fernandes, com base no artigo 210 do regimento interno do STJ. Decisão aguarda publicação. O advogado do MPL, Lailson Pereira de Aguiar, havia protocolado o pedido de HB preventivo para que não seja feito o uso da força policial, nem o cumprimento do mandado de reintegração de posse do prédio, determinada pela Justiça estadual. O pedido tinhaas assinaturas de 19 manifestantes. Segundo Dayvson Moura, outro integrante da equipe jurídica de apoio ao grupo, os manifestantes concordam em deixar a área de entrada da Câmara Municipal, mas antes querem negociar com a Mesa- diretora os termos da votação do substitutivo que a Prefeitura promete enviar para a lei do passe livre vetada na semana passada. Foi Davyson Moura quem assinou, por volta das 11h de ontem, a notificação entregue pelo oficial de Justiça Luiz Teixeira, com a determinação para a desocupação. O oficial de Justiça chegou acompanhado por uma guarnição do Batalhão de Choque da Polícia Militar. O oficial questionou se o grupo deixaria o local de forma espontânea e só obteve como res-

PRINCIPAIS FATOS DO MOVIMENTO 2/outubro – Câmara Municipal aprova, em primeira votação, por unanimidade, Projeto de Lei 98/2013, que institui a gratuidade para estudantes no Sistema de Transporte Público Coletivo da capital potiguar, proposto pela vereadora Amanda Gurgel (PSTU). 8/out – Vereadores aprovam projeto por unanimidade, em segunda e última votação.

Pela manhã, com reforço policial, oficial foi à Câmara. Integrante do MPL foi notificado de decisão ADRIANO ABREU

Eriberto Costa fez críticas à PM

posta que “os manifestantes querem discutir a ocupação e aguardam a presença do comandante geral da PM, coronel Francisco Araújo”. A desocupação foi determinada pela juíza da 2ª Va-

ra da Fazenda Pública do município, Francimar Dias. Barracas, bandeiras e faixas estão instaladas no hall de entrada, jardins e calçada da CMN. O procurador geral da Câmara Municipal, Eriberto Costa Neves, que foi à tarde ao Fórum Miguel Seabra Fagundes e tentou falar com a juiza da 2ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Francimar Dias Araújo da Silva, entende que a magistrada deveria determinar que o mandado de reintegração tenha cumprimento imediato. Para ele, o comandante da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, coronel Francisco Araújo Silva, negou-se a cumprir a determinação judicial por duas vezes: no fim da tarde da quarta-feira (23), quando alegou um problema de redação para não

assinar o ofício da Justiça, e outra no começo da manhã de ontem. Segundo Eriberto Costa Neves, o coronel Araújo chegou a falar com um procurador da Câmara no Quartel da PM, às 7 horas da manhã, mas depois saiu para dar uma entrevista a uma emissora de TV e só voltou às 11h. “Ele [o coronel] alegou que não podia cumprir a decisão judicial, porque não havia uma determinação expressa, oficiando que ele acompanhasse o oficial de Justiça Luiz Teixeira Barbosa”, queixou-se o procurador-geral da CMN. Costa Neves afirmou, ainda, que o entendimento do coronel Araújo Silva era de que os manifestantes “podiam sair pacificamente” do saguão externo da Câmara Municipal de Natal.

15/out – Manifestantes do Movimento Passe Livre ocupam saguão externo e de entrada do Palácio Frei Miguelinho, sede da Câmara Municipal de Natal (CMN), na rua Jundiaí, nº 546, Tirol. Na sessão ordinária desse mesmo dia, com o voto contra de apenas 10 vereadores (o mínimo exigido era de 15), a Câmara de vereadores mantém o veto integral ao projeto de Lei do Passe Livre estudantil. 16/out – Ato da Mesa Diretora da CMN suspende a realização de audiências públicas e sessões legislativas nos dias 16 e 17, voltando às suas atividades no dia 21 deste mês. 17/out – A Câmara Municipal de Natal registra Boletim de Ocorrência, no 1º Distrito Polícia, denunciando a depredação do patrimônio público durante o começo da ocupação da sede do Poder Legislativo, às 18 horas do dia 15 de outubro. - No mesmo dia, os vereadores Amanda Gurgel (PSTU), Marcos do Psol e Sandro Pimentel (Psol) entram com ação cautelar na 2ª Vara da Fazenda Pública, da Comarca de Natal, pedindo a anulação dos efeitos da sessão ordinária da CMN, que manteve o veto do prefeito Carlos Fonte – site Tribuna do Norte/TJRN e STJ

Eduardo Alves (PDT) a aprovação da Lei do Passe Livre. 21/out - A CMN decidiu manter suspensas as atividades até que o acesso da população às dependências do Palácio Padre Miguelinho e a segurança dos vereadores e servidores sejam garantidas, tendo em vista a necessidade de ordem para o retorno dos trabalhos legislativos. O ato de nº 021/2013 da mesa diretora da CMN foi publicado na edição do dia seguinte do “Diário Oficial do Município”. 22/out – A desembargadora Zeneide Bezerra, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, indefere habeas corpus preventivo do Movimento Passe Livre contra eventual uso da força policial contra os manifestantes. 23/out – A juíza Francimar Dias Araújo da Silva determina a reintegração de posse do prédio da Câmara Municipal. - A juiza Francimar Dias também extingue sem julgamento do mérito, a ação dos vereadores do Psol e do PSTU, no sentido de anular os efeitos da sessão ordinária da Câmara, que manteve o veto do prefeito à Lei do Passe Livre, por entender que não havia interesse de agir e o caso era uma questão “interna corporis” da Câmara. 24/out – O advogado do Movimento Passe Livre protocola habeas corpus preventivo, no STJ, contra uso da força policial para desocupação da Câmara Municipal. Os autos são distribuídos para o ministro Herman Benjamim.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

natal

3

ARQUIVO TN

MPRN abre ação civil contra Anorc « CONVÊNIO » Inquérito mostra que, de 2006 a 2009, a receita total relativa à Festa do Boi

foi de R$ 4,5 milhões. Despesas ficaram em R$ 1,8 milhão. Anorc nega irregularidades

JUNIOR SANTOS

DAÍSA ALVES VINÍCIUS MENNA repórteres

O

Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ajuizou ontem ação civil pública pedindo a anulação do convênio entre Governo do Estado e Associação dos Norte-Riograndense de Criadores (Anorc) para utilização do Parque Estadual Aristófanes Fernandes. Segundo o MPRN, o convênio existente e válido até 31 de dezembro 2015 é viciado e não se configura com natureza de uma cooperação mútua. Segundo a ação do MP, a exploração do Parque de Exposições Aristófanes Fernandes tem representado arrecadação de elevada quantia pública. No período em análise, de 2006 a 2009, a receita total relativa à Festa do Boi foi de R$ 4,5 milhões e o recurso proveniente do convênio foi de R$ 875,5 mil, enquanto as despesas somaram R$ 1,8 milhão. Entre as irregularidades, estão a falta de documentos de comprovação de receitas e despesas que contemplam a totalidade dos recursos destinados. O Ministério Público também alega que há despesas consideradas incompatíveis com o objeto dos convênios, além de extratos bancários que não contemplam a totalidade das saídas dos recursos. O MP argumenta que não houve a apresentação – que é obrigatória – do Balanço Patrimonial de 2006, 2007 e 2009. A dissonância dos valores é demonstrada no detalhamento das contas de cada ano relativas à Festa do Boi. Nos relatórios da perícia, em 2008, o MP constatou receita de R$ 1,270 milhão, sendo R$ 260 mil originários do convênio cooperação-financeira e R$ 199.249,15 em despesa do ano citado. O MP questiona a lucratividade do uso do espaço, a exemplo dos recursos arrecadados em 2009, no valor de R$ 1.422.852,76 milhão, apenas relativo à Festa do Boi. O inquérito levanta ainda a existência de sucessivos convênios com Secretaria Estadual de Agricultura (Sape) com tempo excessivo de vigência, não precedidos por processo licitatório, desde a década de 90 até os dias atuais, tendo o convênio atual finalidade voltada aos interesses da Anorc. Em coletiva de imprensa, ontem, a diretoria da Associação informou que não foi comunicada oficialmente da ação. Segundo o presidente da Anorc, Marcos Aurélio de Sá, ao longo dos 23 anos em que atua no espaço, a entidade proporcionou melhorias que já somam mais de R$ 20 milhões. “Esse dinheiro foi captado pela Anorc, mas foi todo investido dentro do Parque. Nenhum diretor tirou um centavo daqui, nós nem recebemos salários”, afirmou. Com relação à obrigatoriedade de um processo licitatório para a celebração dos contratos entre Governo do Estado e Anorc, a entidade declarou que não vê necessidade de uma licitação, já que esta se propõe a realizar ações compatíveis com a realidade do parque e se compromete a investir na melhoria do local. O presidente da Anorc acrescentou que todos os documentos contábeis estão abertos ao Ministério Público e que todo o dinheiro proveniente do poder público, via convênio, teve contas prestadas e aprovadas. “Se o Ministério Público tiver qualquer dúvida, pode vir aqui que nós apresentaremos”, disse. A utilização de servidores públicos do Governo por parte da Anorc também é averiguada pelo MP. Segundo Marcos Aurélio, os serviços de dois servidores do Governo do Estado no Parque ocorre apenas em caráter eventual.

Simone Dutra, do Sindsaúde

« GREVE »

Justiça estadual considera paralisação na saúde legal Segundo MP, exploração do Parque de Exposições Aristófanes Fernandes tem representado arrecadação de elevada quantia pública

Demonstrativo de Contas Festas no Parque Aristófanes Fernandes Detalhamento de cada ano das contas relativas ao evento “Festa do Boi” realizado pela Anorc/RN e analisado pela perícia Ano

Receita

Despesas

2006*

R$ 940.000,00

R$ 457.706,66

2007

R$ 956.141,81 (sendo R$ 260.000,00 oriundo do convênio de cooperação-financeira)

R$322.213,67

2008

R$1.270.435,00 (sendo R$260.000,00 oriundo ao convênio decooperação-financeira)

R$ 199.249,15

R$ 1.422.852,76 (sendo 355.500,00 oriundo do convênio de cooperação-financeira)

R$ 850.684,89

2009

R$ 4.589.429,57

R$ 1.829.854,37

R$ 875.5000,00

foi o total no período de 2006 a 2009

foi o total da despesa no período analisado

foi o valor repassado pelo Governo do Estado de 2007 e 2009

Quadro contendo informações quanto ao ano da celebração de cada convênio e prazo de vigência, do Parque Aristófanes Fernandes. Data do convênio Prazo de vigência

12/03/1990 3 anos

Data do convênio Prazo de vigência

14/03/1994 4 anos

Data do convênio Prazo de vigência

20/08/2000 4 anos

Data do convênio Prazo de vigência

19/09/2003 19/09/2003 a 31/12/2006

Data do convênio Prazo de vigência

12/08/2008 12/08/2008 a 31/12/2015

Os recursos são investidos no Parque. Ao início do convênio o imóvel tinha 10 mil m² de área, hoje chegam a quase 30 mil” TARCÍSIO BEZERRA Secretário adjunto da Sape

Fonte: Ministério Público

Sape foi consultada sobre Carnatal O inquérito instaurado pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) aponta que o uso da área do Parque Estadual Aristófanes Fernandes para a realização do Carnatal acarreta em favorecimento particular da Associação Norte-Riograndense de Criadores (Anorc). O presidente da entidade, Marcos Aurélio de Sá, fez ponderações. “Acho que o Ministério Público está certo em questionar a realização do Carnatal aqui dentro. A diretoria não se opõe, mas é uma questão que diz respeito ao Governo do Estado, a Destaque e a Anorc ”, explicou Marcos Aurélio. Nos autos do inquérito civil, o Ministério Público Estadual argumenta que a “negociação para a realização do Carnatal pode culminar com mais uma utilização do Parque (bem público) para fins par-

ticulares, conferindo mais uma considerável vantagem financeira em favor da Anorc, sempre às custas da exploração de bem público, em total descompasso com Lei e a Constituição Federal e, pior, à revelia do Estado, real proprietário do bem”. O presidente da Anorc disse que a demanda da Destaque foi encaminhada à Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sape), que teria consultado a governadora Rosalba Ciarlini. “A governadora disse que não tinha nenhuma objeção à realização da festa no Parque”, explicou. O convênio entre Governo do Estado e Anorc prevê o aluguel da área, desde que informado antecipadamente à Sape e com o devido consentimento. Segundo o secretário adjunto da Sape, Tarcísio Bezerra, a lucratividade com os eventos realizados pela

Associação no espaço conveniado são revertidos para manutenção e melhoramentos no próprio Parque. “Os recursos são investidos no Parque. Ao início do convênio o imóvel tinha 10 mil m² de área, hoje chegam a quase 30 mil. Só em custo de manutenção se gasta de R$ 40 mil por mês”, alega. O secretario informou que não foi notificado, mas se colocou à disposição da Justiça para prestar esclarecimentos. Com o aluguel do Parque para a Destaque, a Anorc esperava obter R$ 200 mil, além de 20% da bilheteria e 20% da receita de estacionamento, o que geraria um total de aproximadamente R$ 350 mil, segundo a Associação. “Houve queda na receita prevista para a última Festa do Boi, de aproximadamente R$ 400 mil, por isso não fomos contra o evento”, acrescentou.

A governadora disse que não tinha nenhuma objeção à realização da festa no Parque” MARCOS AURÉLIO DE SÁ presidente da Anorc/RN

Assembleia JOÃO MARIA ALVES

PGE tem dificuldades para obter contratos de comodato Dado o conhecimento das irregularidades no convênio da Anorc com o Governo do Estado, a TRIBUNA DO NORTE procurou a Procuradoria Geral do Estado (PGE) para visualização dos demais contratos de comodato, ou sessões de áreas, entre o estado e Associações, ou empresas privadas, a fim de verificar a atual situação legal delas. A PGE, por meio da Procuradora de Patrimônio e Meio Ambiente, Ana Carolina Monte Procópio de Araújo, relatou que há dificuldade em realizar o levantamento dos dados, em razão da falta de tecnologia no arquivamento dos contratos. A documentação não é digitalizada,

exigindo conferência manual dos contratos. “Há interesse nosso sim de discutir esta questão, mas não é possível levantar todos os contratos no mesmo dia”, relatou a procuradora que está no cargo há pouco mais de um mês. Ela acrescenta que encontra dificuldades para reunir documentação no âmbito da PGE. O pedido para que verificasse a situação dos contratos de comodato do Parque Aristófanes Fernandes, também não foi atendido para o mesmo dia. “Estamos à disposição para visita do local, da Secretaria de Administração. Tudo é procurado de forma manual e isso leva muito tempo”, afirma.

N

esta quinta-feira, 24, o Sindsaúde foi notificado de decisão judicial, declarando a legalidade da greve dos servidores da saúde. A decisão foi tomada em resposta ao pedido de liminar feito pela Procuradoria do Município, solicitando a abusividade da greve, ilegalidade, corte dos salários e multa diária, em caso de descumprimento. A decisão também foi comunicada ao Sindas e ao Sinsenat, sindicatos que também representam servidores da saúde e que integram a greve unificada dos servidores municipais. “Não havia motivo para declarar a ilegalidade. Nossa greve tem mantido os serviços de saúde do município. A falta de atendimento nas unidades acontece todos os dias e é responsabilidade da prefeitura”, declarou Simone Dutra, coordenadorageral do Sindsaúde. A decisão da Justiça determina que os sindicatos mantenham 50% dos servidores trabalhando em todas as unidades de saúde, básicas e de pronto-atendimento. Em caso de descumprimento, os sindicatos terão que pagar multa diária de R$ 10 mil. O Sindsaúde vinha mantendo o mínimo de 30% nas unidades de pronto-atendimento, Maternidades e no Samu. Neste último, o percentual já era de 50% ou mais, com três das seis ambulâncias básicas em atendimento, além das três unidades de UTI móvel. Na manhã desta quinta-feira, 24, os servidores do SAMU haviam decidido colocar mais uma unidade básica em circulação, ampliando para quatro das seis unidades básicas. Outras três unidades permanecem quebradas, além das seis motolâncias. Além disso, desde o início do movimento grevista, os servidores não se ausentam do local de trabalho, ficando em alerta para qualquer “código vermelho”, caso com acidentes com múltiplas vítimas, como acidentes graves de trânsito, incêndios ou desabamentos.

Os servidores realizam nova assembleia nesta sexta-feira, 25, às 9h, no Auditório do Sinpol (Av. Rio Branco, 825). Eles discutirão a decisão judicial, as próximas atividades da greve unificada, que terá uma marcha no dia 30, até a prefeitura.

Negociação

Marcos Aurélio de Sá diz que dinheiro foi investido no Parque

Após a decisão judicial, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) convocou uma reunião da Mesa Permanente de Negociação do SUS de Natal, para a próxima terça-feira, às 17h, no auditório da SMS. Na pauta, a retomada da discussão feita com o prefeito Carlos Eduardo, sobre as reivindicações dos servidores da saúde. “Esperamos que o governo avance nas negociações, que garanta o cumprimento da database nesta ano, recuperando os nossos salários que estão congelados”, afirmou Simone Dutra.


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

natal


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

natal

Natal fará parte de livro preparado pela “Família Muller”

EMANUEL AMARAL

Casal afirma que turismo precisa se organizar

« TURISMO » Casal viaja pelo mundo há 12 anos e

foi escolhido para descrever e divulgar, em livro, os destinos turísticos das 12 cidades-sedes da Copa 2014

U

m mergulho lado a lado com golfinhos, sobretudo se os animais são uma fêmea e um filhote, é uma das experiências vivenciadas no Rio Grande do Norte, a serem relatadas no livro “Arte, Cultura e Turismo no País da Copa”, que está sendo preparado para ser lançado em março de 2014, em Brasília. Como uma das 12 capitais do Brasil que vão sediar jogos da Copa de 2014, Natal também está incluída nesse roteiro, que trouxe à cidade à Família Muller. Com a experiência de 12 anos na “estrada” eles foram escolhidos para descrever e divulgar um dos destinos turísticos da Copa. “Na verdade, cada destino tem uma surpresa, tem claro, alguma coisa especial em todos eles, dizer que não, é mentira”, diz a pedagoga Luciana Muller, que acompanha o marido, o administrador de empresas Ronny, desde que o filho Matheus, de 15 anos, tinha seis meses de idade, mas que só não veio a Natal porque faz intercâmbio cultural nos Estados Unidos. “Aqui, o aqui o diferencial que nós encontramos foi a Praia do Curral, em Pipa, onde os golfinhos estão ali, nadam do lado da gente, nunca tinha visto uma coisa dessas”, afirmou Luciana.

Ronny conta que a família já passou por experiência parecida no México, nadando ao lado de um tubarão-baleia, ou com um peixeboi, na Flórida, EUA. “O peixe-boi é muito curioso e quando a gente chegava na nossa cara, virava que nem um cachorrinho”, conta. Segundo Luciana, a diferença para o peixe-boi, que embora selvagem, “não tem medo de ser humano”. Já os golfinhos de Pipa são arredios, diferente dos treinados em cativeiro nos Estados Unidos. “Os machos se apresentam justamente para tirar o foco de onde estão as fêmeas com os filhotes, isso é uma coisa que nunca vimos, é inédito”, diz ela. Além de fazer um citytour por Natal, o casal Muller também visita, a exemplo do que fez em outras oito capitais-sedes da Copa, mais três destinos turísticos do Rio Grande do Norte até este sábado (26). Depois de passarem por Pipa e Tibau do Sul e São Miguel do Gostoso, eles ainda visitam a praia de Maracajaú, em Maxaranguape e Touros. Em seguida, eles complementam o tour para o livro em Fortaleza (CE) e Belo Horizonte (MG). “Para cada capital, a gente visita mais três destinos que tenham logística e estrutura turística”, dis-

se Ronny. O livro está sendo feito em parceria com a Bellini Cultural, uma das empresas mais conceituadas em projetos culturais no Brasil, e será escrito em português e em inglês, além de ter uma edição em Braille e de ser disponibilizado na internet. Ronny informou que o livro não deverá ser vendido, mas será distribuído as secretarias de Turismo dos Estados onde ocorrerão jogos da Copa do Mundo. A publicação é apoiada pelo Ministério da Cultura, onde vão divulgar os atrativos turísticos das 12 capitais que receberão os jogos da Copa do Mundo de 2014 e mais quatro destinos dentro do estado, com estrutura e potencial turístico relevante. A “Família Muller” já lançou dois livros sobre o turismo de aventura. O primeiro foi “Para onde nós vamos? Os roteiros de viagens da Família Muller”, que relata viagens a 12 destinos nacionais e cinco internacionais. O segundo livro foi “Bem-vindo à FLÓRIDA! Guia para explorar o Sunshine State”. Segundo Muller, a partir daí dai a coisa começou a crescer, “de uma revista passou para duas, para três, e quando a gente viu, escrevíamos para 12 revistas, viramos turistas profissionais”, comentou.

5

Em Natal, Ronny e Luciana Muller visitaram o Centro de Turismo FOTOS: DIVULGAÇÃO

Casal também fez passeios e conheceu as dunas de Jenipabu

Família Muller em uma das viagens feitas pelo Rio São Francisco

Com mais de uma década de andanças pelo exterior e interior do Brasil, o casal Muller disse que nunca enfrentou problemas ou surpresas em suas viagens. “Sempre somos bem recebidos, é tudo muito bem planejado”, conta o administrador Ronny Muller, 49 anos. A mulher dele, Luciana, de 46 anos, contou que no país, “mesmo quando não éramos a Família Muller [que ficou conhecida pelos dois livros que já publicou, entrevistas em programas de TV e artigos e reportagens publicadas em jornais e revistas, nunca teve dificuldades] a recepção sempre foi boa. “O brasileiro tem essa cultura de receber bem, é isso que a gente precisa, fomentar esse turismo”, disse ela. Em comparação com a experiência das viagens feitas a países como Argentina e Peru, na América do Sul, México e Estados Unidos, na América do Norte, o casal afirma que o Brasil necessita de organização para fomentar o turismo interno “porque o nosso país é riquíssimo”. Para Ronny, um dos problemas enfrentados pelo turismo interno “é o alto custo”, devidos os impostos, a ponto de uma passagem aérea ser mais barata para o estrangeiro do que dentro do próprio brasileiro. Por essa razão, exemplificou ele, é que só 20% dos turistas que visitam o pantanal de Mato Grosso Sul são de brasileiros, o restante é de estrangeiros. Ronny destaca que um fator positivo para o incremento do turismo é a união entre as partes envolvidas, como o governo, agências de turismo e hotéis, como exemplo São Miguel do Gostoso, no litoral norte do Estado, que ganhou destaque no sul e sudeste do país.


6

natal

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

« ELIANA LIMA » elianalima@tribunadonorte.com.br

“Minha esposa se envolveu em um acidente de trânsito hoje e esperou 8 hrs pelo CPTRAN. Absurdo. Desprezo com o contribuinte” Do vereador Janiel Hercílio, do município de Várzea, ontem, no Twitter

EV

JOAONETOFOTOS.COM

Corra!

1 – OS MONSTROS

Que a polícia não vem aí! As viaturas tipo Ranger do Grupo de Operação Tática da Polícia Militar estão paradas em Macau, Currais Novos, Caicó, Jardim, Patu, Alexandria, Canguaretama, Santa Cruz, Mossoró, Natal, e mais.

No palco do Praia Devassa, reúnem-se amanhã os feras do melhor da música potiguar: Carlinhos e Fernando Suassuna (Mad Dogs), Jolian Azevedo (Sonzera), Diogo das Virgens (D’Vibe), para soltar o som na Festa de 21 anos do Dom Quixote

Motivo Foram bloqueadas por falta de pagamento. Meses de atraso. Atualmente, quatro empresas locam viaturas para as polícias Militar e Civil. Todos os carros contam com um dispositivo sob controle das empresas para acionar bloqueio em caso, por exemplo, de roubo. Agora também por motivo de atraso no pagamento do aluguel.

2

1

2 – COMEMORAÇÃO... JOAONETOFOTOS.COM

JOAONETOFOTOS.COM

3 - ...DE VIDA... Os filhos do aniversariante: Alexandre Macedo, Ana Lídia e Carlos Cabral

E mais Num pátio que fica no bairro de Ribeira, 54 viaturas da Polícia Civil, que atendem a capital e o interior, estão paradas por falta de manutenção. Precisam de óleo, troca de filtro, de pneus, pastilha de freio, etc e mais. Até duas delegacias móveis, novas, estão encostadas ao relento.

Complicou E os pneus novos que chegaram para reposição nas viaturas tipo Sandero estão errados. Chegaram de aro 13, mas as rodas do Sandero são para 15.

Grito silencioso Problemas não apenas com as viaturas, mas também com os policiais. Diante da insatisfação. As Diárias Operacionais, que deveriam receber por atividades extras, estão atrasadas desde fevereiro. Cada uma custa R$ 50,00. Trabalho que policiais se submetem em dias de folga para ajudar na complementação dos parcos salários.

Enquanto isso... A bandidagem está fortemente equipada.

Mudança de planos O deputado federal Paulo Wagner (PV), que chegou ao Cerrado com apenas 50 mil

Na celebração de 90 anos de Manoel Cabral de Macedo, Jussier Santos parabeniza o aniversariante e sua Maria da Conceição Freitas de Macedo

4 - ...LONGA

3

4

votos, acomodado na coligação proporcional, não tentará a reeleição. Vai disputar uma vaga na Assembleia Legislativa.

CMN para reduzir o recesso parlamentar de 90 dias para 45 dias, Lucena é contra a redução. Então.

Bom

Aperto

Uma coisa é certa: o carisma de Paulo Wagner continua em alta pelo interior do Estado, entre jovens e idosos. Também na periferia da capital dos magos-eleitores. Já está deixando em situação de preocupação alguns parlamentares.

Da leitora Ana Flávia, em comentário no blog Abelhinha sobre o processo que os vereadores de esquerda ingressaram na Justiça – já declarado extinto – para suspender a sessão que manteve o veto do prefeito Carlos Eduardo ao Passe Livre: - “Por que os vereadores Sandro (Pimentel), Marcos Antônio e Amanda (Gurgel) não fazem doações dos seus salários e de verbas de gabinete para os estudantes?”.

Pimenta nos... Como se sabe, as atividades parlamentares na Câmara Municipal de Natal estão suspensas devido ao acampamento de manifestantes na entrada, que a Justiça determinou ontem a desocupação.

...Olhos alheios Pois bem, o vereador Fernando Lucena (PT) bradou que cobrará desconto no salário dos vereadores pelos dias parados durante a manifestação.

Curioso Na polêmica proposta da

Nos festejos, Vicente Serejo faz análise sobre 2014 para Wilma de Faria e José Maurício

Falha... A governadora Rosalba está isolada politicamente. Em eventos e solenidades do próprio governo, é comum a ausência de auxiliares.

...De quem? Curiosa que só ela, a Abelhinha foi saber o motivo de tantas ausências. O grito foi um só: “Não fui convidado(a)!”.

Viiixeee...

Anotações Para citar alguns exemplos em que muitos faltaram: Festa do Boi, visita no Arena das Dunas, jogos escolares, encontro com prefeitos, etc e mais. Presença marcante somente dos auxiliares mossoroenses. E agora uma claque com camiseta personalizada e mais.

Estudo A dermatologista Regina Jales, professora da UFRN, deu uma pequena pausa no consultório e voou para São Paulo. Na capital paulista, participou do Congresso Latino americano de Dermatoscopia, uma subespecialidade da Dermatologia que trabalha o diagnóstico precoce do câncer de pele.

Baco A Adega São Cristóvão, Casa dos Vinhos e Grand Cru ganharam o reforço da Magazzino Vinhos & Cozinha para a II Vinexpo Natal, que acontece no Spaço Ginza, hoje, das 16h às 22h, com bufê especial, participação de representan-

Reforma começa em dezembro

tes e sommeliers. São 120 rótulos nacionais e de várias regiões do mundo. As vagas são limitadas.

sus, Lar Bom Jesus em Pium, Instituto dos Cegos, Creche João Augusto no Planalto e a creche Vovó Marluce.

Pirulitos

Holofotes

No Crocokids Buffet, Julianne e Robinson Faria festejam hoje os quatro anos dos gêmeos Gabriel e Maria Luíza.

Anninha Melo é a entrevistada de hoje no programa Sintonia da TV Assembleia, 20h. À jornalista Adalgisa Emídia, fala sobre a experiência com outros profissionais na Europa e curiosidades de quem trabalha há 40 anos como cabeleireira.

Leque Presidente da Redecon RN, Luiz Antônio Lacerda recebe hoje o diretor de Formação Profissional e coordenador Nacional da Universidade Anamaco, José Carlos de Araújo. Em reunião, o diretor apresentará para os associados um projeto da Anamaco, com o objetivo de fechar uma parceria com a Redecon, disponibilizando cursos online, divididos em módulos, para os colaboradores da empresa, que terão a oportunidade de se qualificar na modalidade de ensino a distância.

« COLMEIA » àHoje tem coro de parabéns para

Marlene Barbosa Tinoco e o filho Lindberg Tinoco, conselheiro Paulo Roberto Alves, Kadu Severiano, Felipe Lira, Breno Câmara. à Amanhã tem ‘A Farra’ na Pepper’s

Hall, ao som do serjanejo do paulista Thiago Farra. Também, a banda Farra de Playboy e DJ Gunner.

Solidariedade

à Sucesso nas duas edições

Da gincana Plante e Semei Solidariedade, os alunos do NEC/Piguinho arrecadaram doações para a Casa Menino Je-

anteriores, a Ecocil realiza de hoje a domingo o ‘3º Feirão Ecocil Servidores Públicos’, na central de venda, ao lado do Makro.

JOÃO MARIA ALVES

« MERCADO MODELO » Prefeitura vai investir R$ 3 milhões na restauração

do prédio, localizado nas Rocas. Nova estrutura terá 88 blocos e elevadores

A

Prefeitura do Natal lançou edital de licitação para reforma do Mercado Modelo das Rocas. O vencedor do processo licitatório será conhecido no dia 25 de novembro. O novo mercado terá investimento acima de R$ 3 milhões. Serão 88 boxes, praça de alimentação e elevadores de acessibilidade.

A Prefeitura remanejou R$ 2,216 milhões da Secretaria de Comunicação para o serviço e os outros R$ 842 mil são oriundos de recursos federais. A obra deve ser iniciada ainda em dezembro e terá a duração de um ano. A reforma é a retomada de um projeto que estava paralisado desde 2009 e teve que ser refeito pe-

lo executivo municipal. O tempo parado fez com que o esqueleto do Mercado sofresse desgaste. Além das obras do Mercado Modelo, a Prefeitura está fazendo serviços de reforma das praças Irmão Vitória e do Pátio da Feira, que ficam na mesma região, já estão em andamento e a Praça do Por do Sol, em frente ao

mercado do peixe, passará por um processo de urbanização. Além disso, a Prefeitura fará a construção de uma nova praça em frente ao Hospital dos Pescadores, com computadores, acesso à internet, biblioteca, dvdteca, cdteca, gibiteca. Projeto será mantido em parceria com o Sistema Fiern.

Obras do Mercado das Rocas estão paralisadas desde 2009


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

natal

7

Exército treina tropas para o Haiti « MISSÃO DE PAZ » Treinamento começa neste sábado nas ruas de Natal e envolve cerca de 250 militares, que vão atuar na Força de Paz do país caribenho. Na primeira semana de dezembro, grupo segue para o Haiti FOTOS: MAGNUS NASCIMENTO

FELIPE GALDINO repórter

A

partir de amanhã, Natal e Porto Príncipe, capital do Haiti, terão algo em comum: os militares brasileiros nas ruas. Cerca de 250 oficiais dão início ao Exercício Avançado de Operações de Paz (EOAP), um treinamento que visa preparar as tropas a missão de paz no país caribenho, que tem a presença das Nações Unidas em seu território desde 2004. O 19º Contingente da Companhia de Engenharia de Força de Paz do Haiti – em inglês, Braengcoy [Brazilian Engineering Company] deve pegar um avião com destino ao Haiti na primeira semana de dezembro. O Brasil integra a Missão de Paz da ONU desde 2004. Os militares atuam tanto na parte de segurança, como na área de engenharia. É esse segundo grupo que se encontra em Natal. O trabalho deles no país devastado por desastres naturais, como terremotos, e por graves problemas sociais, como a miséria, é ajudar a levantar estruturalmente o país. “Fazemos tudo o que for necessário para a melhoria da infraestrutura local: reconstrução de escolas, perfuração de poços, reparos em estradas. Isso tudo é de nossa competência”, explicou o tenente-coronel Luiz Fabiano Mafra Negreiros, que atua como chefe da Divisão de Ensino Integrado do Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB). É essa unidade que coordena o treinamento nas ruas natalenses, de amanhã até o dia 31. O contingente de Engenharia é composto por 250 militares. Apenas quatro são mulheres, e 19 deles são potiguares. O resto da tropa é formada por homens de todo o país. A EAOP começa amanhã, mas desde o dia 21 deste mês, a Braengcoy realiza o chamado Exercício Básico de Operações de Paz (EBOP), nas instalações do 7º Batalhão de Engenharia de Combate (7º BE Cmb). Essa fase preparatória termina hoje para as atividades avançadas serem iniciadas. Segundo o tenente-coronel Negreiros, a capital potiguar vai se transformar, em alguns pontos, em um pedaço da capital haitiana. “Costumamos dizer que trazemos o Haiti para dentro do Brasil quando fazemos essas atividade. Fazemos aqui o que vamos fazer lá, são as situações que poderão acontecer enquanto estivermos por lá”, explicou. A simulação já começa no

ì MISSÕES Produção de massa asfáltica para estradas; Perfuração de poços artesanais; Lançamento de grandes cargas; Desobstrução de vias; Construção de prédios, estradas e terraplenagem; Especialização em destruição de artefatos explosivos.

planejamento. A equipe responsável pelas 150 atividades está centralizada no Hotel Chapéu de Couro, em Nova Descoberta, ao lado do 7º BE Cmb, sob coordenação do tenente-coronel Negreiros. A base operacional, onde se concentra o comando, fica numa sala, tal qual esses militares vão encontrar em Porto Príncipe. Desde já, os oficiais organizam como vão executar cada exercício. Dentro do 7º BE Cmb também há simulações. Um alojamento está funcionando no local e os militares realizam atividades. Ontem, uma ponte foi concluída dentro do terreno militar. Uma das atividades da Engenharia é o tratamento da água a ser consumida pela tropa no Haiti, que conta com uma má qualidade do recurso, com risco iminente de cólera. Uma miniestação de tratamento também foi montada. O sargento Jacirclei Câmara, que integra a turma de suprimento d’água, explica que a UFOR-1012, equipamento usado para a purificação da água, explica que a máquina dessaliniza e clareia o recurso. “Nem vírus e muito menos bactéria passam nesse tratamento, o que é muito importante num país com uma qualidade tão ruim de água”, afirma. No treinamento, além das situações fictícias, realizadas com a ajuda de apoiadores e da própria população local, haverá ações concretas. “Se uma atividade for para perfurarmos um poço, vamos perfurar; se o planejado for levantar o muro de uma escola, vamos levantar. Essa é a vantagem da Engenharia para a população, porque quando saímos do local, as estruturas ficam para o benefício local”, enfatizou. O comando do EOAP também destaca que vai empregar munição de festim, para o treinamento, e não haverá qualquer risco para as comunidades.

Além de situações fictícias, ações concretas são realizadas durante o treinamento. Ontem, uma ponte foi concluída na base militar

Natal sedia exercícios até final de 2015 O 19º Contingente da Companhia de Engenharia de Força de Paz do Haiti, ou Baengcoy, está treinando em Natal para viajar daqui a dois meses para o Haiti. Mas pelos próximos dois anos a Cidade do Sol também sediará o treinamento das próximas equipes até o 22º Contingente. Como cada grupo fica por cerca de seis meses no exterior, até o final de 2015 a capital potiguar servirá como capital haitiana para os homens da engenharia militar brasileira. As duas últimas cidades a sediarem o Exercício foi Pindamonhangaba (SP) e Aquidauana (MS). Não é a primeira vez que a capital natalense se torna capital haitiana para a equipe de engenharia do Exército. O 16º Contingente se preparou há cerca de um ano e meio na “Cidade do Sol”. Ao todo, a nova tropa que vai compor o efetivo brasileiro em Porto Príncipe vai contar com cerca de 1.450 homens. Isso porque além dos 250 militares da Engenharia que treinam em Natal, 1.200 soldados da Infantaria estão neste momento em Campinas (SP), no mesmo processo de preparação.

Base operacional, onde se concentra o comando, segue moldes da sala em Porto Príncipe

A troca de contingentes é feita de forma gradativa. Aos poucos os homens de uma tropa saem do país ocupado, ao passo que os outros embarcam para assumir as mesmas posições. “Vamos por partes. Vão 50 homens e voltam 50; depois mais 50 viajam e voltam 50”, disse o tenente-coronel Negreiros.

Missão cumprida O tenente-coronel Luiz Fabiano Mafra Negreiros vai para sua segunda missão no Haiti. Ele

esteve presente no primeiro contingente que atuou no país ainda em 2004. Para o militar, desde então a situação no Haiti melhorou consideravelmente. “Nossa missão vem sendo um extremo sucesso. Fui ao primeiro contingente e vemos uma melhora no país, vemos que a população tem mais qualidade de vida. Pode até não parecer, mas nossa presença tem sido muito benéfica pra os haitianos”, opinou Negreiros. A missão da ONU tem como metas estabilizar o Haiti, pacifi-

car e desarmar grupos guerrilheiros e rebeldes, promover eleições livres e informadas, colaborar com o desenvolvimento institucional e econômico do país. Porém, diante da estabilização política e o controle da violência, as Nações Unidas trabalham para a retirada gradativa dos militares estrangeiros do Haiti. O contingente brasileiro é o maior da Missão de Paz e já teve 1.750 homens, mas em maio passado, a ONU pediu a retirada de 300 militares.

RN recebe 19 estrangeiros no sábado « MAIS MÉDICOS » Profissionais vão atuar nos municípios de Natal, Caraúbas, Nova Cruz e Touros, a partir do dia 03 de novembro. Atualmente, 50 médicos, entre brasileiros e estrangeiros, já atuam no Rio Grande do Norte

M

ais dezenove médicos estrangeiros chegam para trabalhar no Rio Grande do Norte no próximo sábado (26). Os profissionais serão recepcionados por técnicos da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e apoiadores do Ministério da Saúde, na Base Aérea de Natal, às 11h20, em voo da Força Aérea Brasileira (FAB). No período de 29 de outubro a 1º de novembro, os profissionais estrangeiros irão passar por uma qualificação e acolhimento promovido pela Sesap. Eles vão conhecer os serviços e regiões de saúde, as áreas técnicas da secretaria e as características da população dos municípios onde irão atuar. Após esse momento, os profissionais seguem para os municípios a que foram designados.

EMANUEL AMARAL

Os 19 profissionais irão atuar nos municípios de Natal, Caraúbas, Nova Cruz e Touros, a partir do dia 03 de novembro. Segundo a Sesap, esses profissionais passaram por um período de qualificação em Fortaleza, no Ceará, que durou 15 dias, onde puderam conhecer mais sobre o SUS, clínica médica e especificidades da cultura local. Na primeira etapa do Programa Mais Médicos o Estado recebeu 43 profissionais que foram para os municípios de Alexandria, Bom Jesus, Caraúbas, Extremoz, Ielmo Marinho, Lagoa de Pedras, Macaíba, Monte Alegre, Natal, Olho d’Agua do Borges, Porto do Mangue, Riacho da Cruz, Serra Caiada, Touros, Ceará Mirim, São Miguel do Gostoso, São Tomé, São Miguel e Riacho de Santana.

Da segunda fase, que começou no dia 1º de outubro, já estão trabalhando sete médicos brasileiros, nos municípios de Touros, Tenente Laurentino Cruz, Ielmo Marinho, Upanema, Viçosa, Boa Saúde e Rio do Fogo. Cada município recebeu um profissional. No Brasil, o Programa Mais Médicos obteve a adesão de 4.025 municípios e 35 distritos indígenas. Na última terça-feira (22), a presidenta Dilma Rousseff sancionou a Lei do Programa Mais Médicos. O texto final, conforme a modificação feita pelo Congresso Nacional transfere ao Ministério da Saúde a responsabilidade de emitir os registros dos médicos formados em outros países, cabendo a fiscalização da atuação dos profissionais aos Conselhos Regionais de Medicina.

Elizabeth Dantas é uma dentre os 50 profissionais que já atuam em municípios potiguares


8

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

natal


TELEFONES ÚTEIS Detran STTU Reboque 24h

3234-1214 3232-9120 3201-2960

NOVIDADE

Fiat apresenta ao mercado nacional o Freemont 2014. PÁGINA 2

UTILITÁRIO ESPORTIVO

A Topcar convida os natalenses para conhecer o Mitsubishi Pajero esporte 2014. PÁGINA 2

CARLOS MIRANDA, O ETERNO INSPETOR DO SERIADO ‘VIGILANTE RODOVIÁRIO’, FALA AO A&M • PÁGINA 4

SEGURANÇA

Ande de motocicleta com cautela e respeito à legislação do trânsito. PÁGINA 5

autos&motores Editor: Fernando Siqueira [fernandosiqueirarn@gmail.com

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 25 de outubro de 2013

PG Prime Chrysler lança o 'Durango’ « PRODUTO » O Dodge Durango "Crew" é um veículo dos mais cobiçados pelos amantes dos SUVs

(utilitários-esportivos) em todo o mundo. Um automóvel que supera as mais otimistas expectativas

C

omercializado no Brasil desde março, o Dodge Durango "Crew" chega à Capital potiguar (Natal) para conquistar seu lugar no mercado de Utilitários-Esportivos. Fabricado em Detroit, Estados Unidos, vem equipado com motor 3.6 litros, V6 Pentascar, gasolina, de 286 cavalos de potência e câmbio automático. Além disso, disponibiliza 7 lugares, dispostos em três fileiras de bancos (os bancos das duas primeiras contam com aquecimento); luxo, uma das características dos produtos da marca; desempenho e muito conforto. Focado no espaço e utilidade, o Durango "Crew" disponibiliza mais de 30 porta-objetos; 28 configurações de bancos e área de bagagem de até 2.390 litros. É possível, por exemplo, transportar um sofá de 1,80 metro. A PG Prime Chrysler, concessionária autorizada da marca em Natal, está promovendo uma campanha especial para a compra do Dodge Durango "Crew", oferecendo um bônus excelente. Assim, o carropassaacustarR$159.900,00. Originalmente, custa R$ 185.750,00.

Dodge Durango "Crew" Conhecido pelo "design" diferenciado e estilo agressivo, o Dodge Durango "Crew" é um veículo luxuoso e confortável. Seu nome, "Durango", é uma homenagem a uma cidade do Estado norte-americano do Colorado, velho Oeste dos Estados Unidos. Suas medidas o

tornam espaçoso, com 5,08 metros de comprimento e 2,17 metros de largura. Com todas essas dimensões, a boa calibragem das suspensões e direção, deixa o veículo "leve" na cidade e na estrada. ODodgeDurango"Crew" tem 8 airbags; sistema multimídia com 9 alto-falantes, subwoofer, amplificador de 500 WATTS, leitor de CD e DVD, tela de 6,5 polegadas e HD interno de 30 GB; tração 4x4 integral (AWD); freios ABS nas quatro rodas; ESC (controle eletrônico de estabilidade); lanterna de neblina; auxílioeletrônicoemaclivesedeclives; revestimento interno dos bancos em couro; bancos dianteiros com ajustes elétricos e memorizador; coluna de direção ajustável em altura e profundidade; "bluetooth" com comando de voz; rodas de alumíniode18polegadaseporta-malas com acionamento elétrico. Para Leonardo Medeiros, gerente de vendas da PG Prime Chrysler, esta é uma oportunidade única. "O preço que estamos praticando no Dodge Durango "Crew" éextremamenteatrativo,principalmente levando em consideração todas as características do modelo e seu valor de tabela, que é de R$ 185.750,00". Leonardo também ressalta que a PG Prime Chrysler está disponibilizando, na loja da avenida Prudente de Morais, uma unidade do Durango "Crew" para test-drive. Maiores informações poderão ser prestadas através do telefone 84.3209.7810. FOTOS: DIVULGAÇÃO

1

2

3

1

Beleza, conforto, segurança, luxo, desempenho superior e economia. Assim é o Dodge Durango "Crew", um veículo que leva você a qualquer lugar

2 3

Internamente, o modelo oferece um belo e completo painel, além de luxo, conforto e muito espaço para bagagem A traseira do Durango "Crew" guarda harmonia de linhas e de elegância. Um conjunto realmente fantástico


2

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Especulando AURINO ARAÚJO

Estória do Fusca (228)

O

empresário pernambucano Roberto da Fonte era proprietário de uma concessionária Volkswagen na cidade de Vitória de Santo Antão, naquele Estado.

autos & motores

Fiat apresenta ao mercado brasileiro o “Freemont” « CÂMBIO » Equipado com câmbio automático, o modelo ficou ainda mais esperto e confiável, excelente para a cidade e a estrada

FOTOS: DIVULGAÇÃO

A A cidade fica perto de um paraíso denominado “Chã Grande”, onde um engenheiro civil que tinha negócios em Natal, possui um aprazível sítio no qual recebe os amigos que se deliciam com as belezas daquele recanto e sempre voltam com várias frutas colhidas no momento, do variado pomar ali existente. Daí que, certa vez, dois natalenses amigos do engenheiro foram visita-lo. Um deles, era, também, amigo de Roberto e à caminho de Chã Grande, pararam em sua revenda para um papo, cafezinho e que tais. Pois é que, nos fundos de sua grande loja, o homem tinha uma “criação” de Fuscas, o que encantou os visitantes – ambos apreciadores do carrinho. Conversa vai, conversa vem, a visita ao amigo de Chã Grande findou tornando-se coisa de segundo plano, uma vez que surgiu o interesse dos dois passantes em comprar os Fusquinhas de Roberto que – coincidentemente – mostrou-se interessado em vende-los. As negociações que se seguiram, merecem comparação com eventual pugna entre um judeu e um árabe, um querendo comprar algo do outro... Porque, naquela ocasião, as

regras foram literalmente enquadradas no axioma que reza: “amigos, amigos, negócios à parte” – civilizadamente aceitas por vendedor e compradores. Finalmente, os dois saíram de lá com negócio fechado em seis dos Fuscas de Roberto da Fonte. O sétimo – um 56 alemão de janelinha oval – não teve jeito. Um deles, mais interessado, chegou mesmo a oferecer preço altíssimo. Apelos de toda espécie, rogo, bajulação, nada disso funcionou. E eles foram almoçar em Chã Grande com um misto de euforia e frustração, esta, amenizada pela magnífica paisagem descortinada dos alpendres do anfitrião. Na semana seguinte, uma carreta trouxe para Natal as seis relíquias... NÃO FOI POSSÍVEL COMPRAR AQUELE FUSCA ALEMÃO Após tanto “bajular”, Oferecer preço caro, O Fusquinha, muito raro, NÃO FOI POSSÍVEL COMPRAR. Foi duro, se conformar, Com aquela decisão E foi grande, a frustração, Pelo negócio perdido Em não ter adquirido, AQUELE FUSCA ALEMÃO

Fiat Automóveis do Brasil acaba de apresentar ao mercado nacional o "Freemont" modelo 2014. O veículo, que é muito admirado pelas famílias, apresenta como principal novidade o câmbio automático de SEIS velocidades, que substitui o de QUATRO. Na versão "topo de linha", a precision, agora há sistema multimídia com tela de 8,4 polegadas, além de navegador GPS. Com essas atualizações. A tabela de preço sugerido passou para R$ 102.000,00. O crossover sai da fábrica com direção hidráulica; "airbags" frontais, laterais e do tipo cortina; banco do motorista com regulagem elétrica; câmera de ré; controles de estabilidade e anticapotamento e freios ABS. Teto solar, bancos com aquecimento e rodas de liga leve de 19 polegadas, são opcionais. Versão da Fiat para o Journey, da Dodge, marca do grupo Chrysler, agora controlado pela montadora italiana, o "Freemont" se destaca pela dirigibilidade, conforto, espaço e design.

Desempenho O "Freemont" tem propulsor 2.4, a gasolina, que entrega 172 cavalos de potência e 22,4 mkgf de torque. O quatro cilin-

Conforto, desempenho, qualidade incontestável. Eis o Fiat "Freemont" modelo 2014. Excelente

dros não mudou, mas o comportamento do veículo melhorou substancialmente, graças às marchas extras do câmbio. Mesmo assim, mais potência ou menos peso poderia melhorar ainda mais o produto, levando a transmissão a trabalhar menos, a fim de deixar o modelo mais esperto ainda e vencer a inércia, retomar velocidade e fazer ultrapassagens. Detalhe muito importante do Fiat "Freemont": as suspensões

não transmitem as imperfeições do terreno aos ocupantes, nem deixam que a carroceria role em demasia nas curvas. Os freios, a disco nas quatro rodas, atendem bem às solicitações do motorista. Internamente, o acabamento e o espaço são excelentes. É bem verdade que os bancos da terceira são comedidos em tamanho. Também foram concebidos para transportar crianças e adultos em uma excepcionalidade.

Com os três bancos em uso, o porta-malas fica com menos 145 litros de capacidade. Na segunda fileira de bancos, o destaque são os assentos laterais, que podem ser elevados. Basta puxar uma "corda" para transportar crianças com mais de 5 anos de idade. No "Freemont" modelo 2014 o motorista dispõe dos comandos à mão e o tamanho do volante é excelente. A direção hidráulica é ótima, leve em manobras.

“Ar” requer todo cuidado « PEÇA » Filtro do ar-condicionado que tem preço fixado no mercado de autopeças a partir de R$ 38,00 deve ser trocado periodicamente

A

primavera se instalou recentemente e, com mudança de estação, o arcondicionado do automóvel solicita atenção especial. O inverno deste ano não foi dos mais rigorosos, mas é provável que o sistema tenha sido menos usado. "A falta de uso regular é a principal origem dos problemas do sistema", afirma um dos diretores da Refrigeração Fernandes. O especialista recomenda ligar o ar-condicionado do carro de 15 a 30 minutos pelo menos duas vezes por semana. "Isso faz o gás refrigerante circular e purifica os componentes", adverte Ferenandes. Outro problema comum é o acúmulo de impurezas no filtro do ar-condicionado, também

sistema. É comum haver folhas, poeira, pedaços de insetos e cabelos que ficam no aparelho e começam a se decompor", explica o responsável pela Refrigeração Fernandes. Segundo os profissionais consultados, os filtros são projetados para durar, no máximo, 15.000 quilômetros ou um ano. Mas, dependendo das condições em que o carro trafega, esse período pode ser reduzido.

Preços Falta de uso é a principal causa de problema no sistema

chamado de filtro de cabine. Isso prejudica consideravelmente o desempenho do aparelho, causa proliferação de fungos e mau

ESPECIAL: Mitsubishi Pajero Sport 2014 A Mitsubishi apresenta a linha 2014 do Pajero Sport com atualizações no visual. Semelhante ao Pajero Dakar produzido no Brasil, o modelo será vendido na Rússia, Leste Europeu, Oriente Médio e África do Sul. Entre as principais mudanças, destaque para os retoques no conjunto frontal e o acréscimo de novos equipamentos. Na parte mecânica não foram feitas alterações Por fora, o Pajero Sport 2014 incorpora grade frontal redesenhada (agora com novos filetes cromados), para-choque remodelado, setas integradas aos retrovisores, rodas de liga leve de 16 ou 17? com design inédito, entre outros. Na cabine, destaque para novo sistema de navegação, bancos revestidos em couro de qualidade superior e ar condicionado automático. O modelo ficou muito interessante. Vamos torcer para que essas modificações sejam incorporadas ao nosso Pajero Sport produzido no Brasil.

cheiro. "Esses fungos surgem em aparelhos com má manutenção ou devido à entrada de sujeira no

As peças de reposição do sistema são relativamente baratas. O filtro de cabine do Kia Soul, por exemplo, custa em torno de R$ 34.00. A carga de gás, aproximadamente R$ 120,00 e assim por diante.


autos & motores

Circulando

Linha do Século

A Nissan divulgou recentemente a lista de preços do novo Sentra, que já chegou à Natal. As novidades, além das efetuadas no design, são os valores da opção base (R$ 60.990,00 e intermediária, que custa R$ 65.990,00). 1 .Versão 2.0 "S": R$ 60.990,00 (câmbio manual de 6 marchas); 2 .versão2.0 "SV": R$ 65.990,00 (automático, CVT); 3 . versão 2.0 "SL": R$ 71.990,00 (automático, CVT). A Nissan diz que atualizou o motor 2.0 da versão anterior, prometendo respostas mais rápidas. Com sistema "flex", o carro não traz mais o tanquinho para gasolina de partida a frio. O propulsor de alumínio recebeu alterações técnicas no cabeçote e pistões. Também há nova calibração no sis-

tema de injeção. São 140 cv e 20 kgfm de torque. Com as novidades, o carro ficou mais econômico. O câmbio continua CVT, mas recebeu melhorias, com 60% de componentes novos, 13% mais leve e 40% menos atrito que a geração anterior. Desde a versão inicial, o carro trás faróis e lanternas em LED, além de partida sem chave. Seu entre-eixos aumentou em 1,5 cm, totalizando 2,70 m. O comprimento é 6 cm maior, 4,62 m, e o porta-malas comporta agora 428 litros contra os 442 litros de antes. DIVULGAÇÃO

Detroit (cidade do automóvel, que ultimamente entrou em processo de decadência, em consequência da crise que se instalou no setor), mas foi em Highland Park que ele alcançou um grande volume de produção. Com peças e funcionários distribuídos ao longo da linha, a Ford conseguiu reduzir o tempo de fabricação de um veículo de DOZE horas e 30 minutos para CINCO horas e 50 minutos. A uma pessoa

leiga no assunto, até pode parecer pouco, mas o feito foi uma verdadeira e incontestável "revolução" no processo produtivo da época. Graças à sensibilidade de Henry Ford, o Modelo "T" ganhou notoriedade em todo o mundo, inclusive no Brasil, onde se confundiu com os sonhos de consumo de toda "família", sendo, atualmente, considerado relíquia.

Financiamento: carros Honda A Motoeste, concessionária autorizada Honda em Natal, está oferecendo condições especiais na compra dos veículos FIT, Civic, e City Sport MT. Agora você pode comprar um FIT zero quilômetro a partir de R$ 49.900,00 com 60% de entrada e o restante em 24 meses com taxa ZERO de juros. A mesma política de financiamento é estendida a toda linha do Sedã Civic (preço: a partir de R$ 66.000,00 e restante em 24 meses). O City Sport MT tem preço fixado em R$ 57.500,00, à vista ou com entrada de 40% e o saldo financiado em 24 parcelas iguais, sem incidência de juros. Uma oportunidade, sem dúvida, imperdível para aqueles que desejam comprar ou trocar o seu veículo por um zero quilômetro da marca mais apreciada do Brasil

Caminhões de "cascalho", além de "pedras" soltas na estrada e "granizo", integram a rotina em cidades e estradas. Mas o contato das "pedras" originadas pelos três são com o parabrisa do carro pode render uma grande dor de cabeça e prejuízo. Em caso de danos à peça, raramente é possível repará-la. Na maioria das vezes, é preciso substituí-la. O para-brisa do veículo pode ser recuperado se o diâmetro da "trinca" tiver o tamanho máximo de uma moeda de R$ 1,00 e ocorrer a mais de 3 centímetros das bordas. Caso o dano ocorra do lado do motorista, o para-brisa tem que ser trocado independentemente da extensão e o mais rápido possível. Isso porque a rachadura pode prejudicar a visibilidade. Artesanal, o conserto dura mais de meia hora. Com a ajuda de um bisturi, a "trinca" é aberta e dentro dela é aplicada uma resina. A secagem, com a luz ultravioleta, auxilia na cristalização da resina, que depois passa por raspagem para a retirada do excesso. Os especialistas recomen-

AUTO-SHOPPING

dam que o reparo seja feito imediatamente após a "trinca" surgir, visto que ela pode se alastrar até por razões simples do dia-a-dia. O estrago se torna maior e mais rápido se o carro passar por trepidação e/ou buraco, ou sofrer um choque térmico. Há risco de o para-brisa quebrar. Além de impedir a plana visão, a "trinca" com mais de 10 cms de comprimento e 4 cms de diâmetro configura "infração grave" , que rende 5 pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação), multa no valor de R$ 127,69 e retenção do carro para regularização.

A comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 3547/12, que regulamenta a divulgação do ano/modelo do veículo no certificado de registro de veículo (CRV) e no certificado de licenciamento anual CLA. Pelo projeto, as fábricas estão autorizadas a mudar a nomenclatura ano/modelo para o ano posterior somente a partir de 1º- de setembro de cada ano (este ano, por exemplo, ano/modelo 13/14), acabando com a farra de mudança do modelo em qualquer época do ano, muitas vezes ainda em janeiro, o que gera confusão na cabeça do consumidor e desvalorização do carro recémcomprado como modelo do ano corrente (13/13, por exemplo). A proposta tramita em caráter conclusivo.

Rastreador Executivo do governo federal garante que o mesmo desistirá de "obrigar" que todos os carros produzidos no Brasil e importados venham com rastreador a partir de 1º- de janeiro de 2014. A afirmação oficial guarda relação com dificuldades técnicas para tráfego de dados, que de fato existem na rede celular. Tentativa de saída honrosa para algo que nunca devia ter sido cogitado.

Roda sem ar Fantástico, a Sul Coreana Hankook apresentou no Salão Internacional do Automóvel de Frankfurt (Alemanha) deste ano um conceito de pneu bem diferente. Batizado de i-Flex, o produto junta pneu e roda em um conjunto único e é feito com material sintético de poliuretano. As vantagens são: redução de peso e aumento da segurança, visto que não existe risco de esvaziamento. Na mostra alemã, o pneu estava equipando um automóvel Volkswagen "up!", na medida de 14 polegadas.

Película Você sabia que a "película" que se coloca nos vidros dos carros para atenuar a luz do sol e inibir a ação dos ladrões, tem prazo de validade e avisa quando chega a hora da troca? O prazo é de 3 a 10 anos. E atenção, quando for trocar a película do vidro traseiro, cuidado para não danificar aqueles filetes que servem para desembaçar o vidro. Para tanto, é preciso "aquecer" o vidro antes de puxar a película.

Cuidado com a "trinca" no vidro

3

Ano/Modelo

[fernandosiqueirarn@gmail.com]

Novo Nissan Sentra modelo 2014

A histórica linha de montagem móvel da Ford Motor Company, em Highland Park, Detroit, nos Estados Unidos, comemorou, dia 7, 100 anos de existência. O badaladíssimo automóvel Ford Modelo "T", que foi o primeiro sucesso de comercialização do mundo automotivo, alcançando a marca histórica de 15.000.000 de unidades, foi produzido inicialmente na fábrica de Piquette Avenue, também em

Trânsito Livre

FERNANDO SIQUEIRA

Preços sugeridos

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Vendas A ABEIVA (Associação Brasileira dos Importadores de Veículos Automotores), sem fábrica no País, alinhada ao cenário de carros este ano, rebaixou suas "previsões" de comercialização. Anteriormente, projetava 120.000 unidades entre seus mais de 30 associados. Agora, com resultados computados até setembro, calcula algo em torno de 117.000 unidades este ano, independentemente de variação cambial.

Agora é fácil estacionar « TECNOLOGIA » Cada vez mais populares no Brasil, os sensores de estacionamento são recursos muito úteis na hora de fazer a baliza DIVULGAÇÃO

E

stacionar o automóvel em uma "vaga" apertada é muitas vezes um desafio, até para motoristas altamente experientes. Os outros carros aparecem no retrovisor, mas pode haver obstáculos difíceis de ver, como canteiros e carrinhos de supermercado. Para ajudar nessa tarefa, os sensores de estacionamento, antes restritos a veículos de luxo, estão cada vez mais populares. O funcionamento do sistema é muito simples: sensores no parachoque traseiro (em alguns modelos, também no dianteiro) detectam a aproximação de um objeto e enviam um aviso à central instalada na cabine, que permite "bips" de alerta. Muitas concessionárias vendem o dispositivo como acessório. Os preços partem de aproximadamente R$ 390,00. As fábricas de automóveis alertam que a instalação do equipamento fora das concessionárias autorizadas pode "comprometer"

Há automóveis com dispositivos instalados nos parachoques dianteiro e traseiro

a garantia do carro. "Se houver um problema e for constatado que a causa do mesmo foi a instalação do sensor, há perda da garantia da parte elétrica", afirma um gerente de concessionária de Natal e justifica: "nos carros de tecnologia mais avançada, qualquer fio ligado errado pode queimar o módulo central". Vale salientar, que apenas os dispositivos que foram instalados

na fábrica do veículo são ligados ao módulo acima mencionado. Os instalados como acessórios são conectados a uma pequena central independente, junto à lâmpada de ré, cujo calor aciona os sensores.

Manutenção Os sensores de estacionamento não costumam apresentar defeito, porque são sistemas robustos, que usam tecnologia simples

e baixa amperagem. Por serem ligados à luz de ré, porém, podem deixar de funcionar corretamente se a lâmpada queimar. Os equipamentos que vêm de fábrica têm manutenção mais complicada, devido à tecnologia sofisticada. Em caso de colisão do carro, não basta trocar o sensor atingido. É necessário recalibrar todo o sistema e poucas oficinas têm o equipamento para isso.


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

autos & motores

Carlos Miranda: o eterno inspetor « SERIADO » O inspetor do seriado Vigilante Rodoviário conta como foi fazer o papel na primeira série de televisão nacional e por que decidiu entrar para a Polícia Rodoviária de São Paulo

FOTOS: DIVULGAÇÃO

N

o dia 03 de janeiro do longínquo 1962, foi ao ar pela primeira vez, na TV Tupi, canal 4, após o jornal "Repórter Esso", o primeiro seriado da televisão brasileira,"O Vigilante Rodoviário" No total, foram 38 episódios, nos quais o Inspetor Carlos Miranda e seu cão, Lobo, lutavam contra o crime, a bordo de uma motocicleta Harley-Davidson, ano-modelo 1952, ou de um automóvel Simca Chambor, 1959, na altura do quilômetro 38 da Rodovia Anhanguera (SP), onde a maior parte dos episódios foi filmada, devido ao clima ensolarado durante boa parte do ano, fator fundamental para as filmagens externas. O seriado foi um grande sucesso de público. E não foi por acaso. Segundo o ator Carlos Miranda, o Inspetor Carlos, protagonista da série, em recente entrevista a SUELI OSÓRIO, da revista Mundo Fiat, naquela época, só eram exibidas na TV brasileira duas séries: As Aventuras de Rin-Tin-Tin (estrelada por um cão pastor alemão), e Lanceiros de Bengala, série de aventura feita para a TV norte-americana (em 1956). A ideia do seriado Vigilante Rodoviário foi de Ary Fernandes, que imaginava criar um herói brasileiro, um patrulheiro, que não atuasse sozinho. Para acompanhá-lo em suas aventuras, ele pensou em um CÃO, que seria seu companheiro e andaria na motocicleta, algo inédito até então. "Na época não tínhamos um herói, uma referência. Pensamos, inicialmente, no Exército ou Aeronáutica mas, há 50 anos, seria difícil. Naquele tempo não podíamos nem sair com a bandeira nacional nas ruas", relata Carlos Miranda. Adhemar de Barros, governador do Estado de São Paulo, tinha criado a Polícia Rodoviária do Estado de São Paulo, em 1948, para dar emprego aos pracinhas que haviam lutado na Segunda Guerra Mundial, e o cineasta se inspirou nesses profissionais, para dar vida ao seu protagonista. Inicialmente, Carlos Miranda atuaria na produção do seriado. "Ary e Palácios (referindose a Alfredo Palácios, produtor do seriado) tinham começado os testes com atores iniciantes. Foram 130 candidatos", relembra Carlos. Mas Ary Fernandes, diretor, não aprovou nenhum deles. Aí, umas pessoas da pro-

cachê simbólico", explica Carlos Miranda. A audiência do seriado era de 67%. "Na época, como só 30% das casas tinha televisão, isso significava quase 90% dos lares. Tenho muito orgulho disso. Para levar o seriado a mais pessoas, o produtor e o diretor resolveram transformar cada quatro episódios em um filme longa-metragem e lançar no cinema, pois em quase todas as cidades do Brasil havia um cinema", argumenta Miranda.

Da ficção para a realidade

Nos dias atuais, Carlos Miranda participa de encontros de automóveis antigos realizados em vários Estados do Brasil

dução e Ignez, mulher de Fernandes, sugeriram que Carlos Miranda, chamado carinhosamente de Carlinhos, fizesse o teste. Carlos lembra, muito bem, daquele dia. "Eu calço 43 e meu número de blusão é 52, mas me deram botas 41 e um blusão 50 para fazer o teste. Eu estava todo encolhido", conta Miranda aos risos. E o mais interessante: Carlos não pilotava motocicletas, outra dificuldade que teve de enfrentar no teste e também no papel. "Naquela época, os atores brasileiros faziam qualquer coisa. A gente tinha de se esforçar", explica Miranda. Ao ver Carlos Miranda vestido de policial rodoviário, Ary Fernandes ficou convicto de que tinha encontrado o protagonista do seriado. O seriado era filmado em película de cinema de 35 milímetros. Carlos conta que cada episódio demorava 12 dias para ser produzido. "A gente filmava, dublava, levava para o laboratório. A máquina que copiava, transformava de 35mm para 16mm, a fim de poder ser exibido na TV", explica Carlos Miranda. Apenas o primeiro episódio, O Diamante Grão Mongol, sobre ladrões internacionais que entraram no Brasil pelo porto

Carlos Miranda se lembra, com saudade, do seu querido cão Lobo

de Santos (SP), foi filmado na Rodovia Anchieta, em São Bernardo do Campo, no ABC paulista. A neblina prejudicava as filmagens no local. Quando o seriado começou a ser exibido na TV Tupi, em 1962, o sucesso foi uma surpresa. "Cada episódio do Vigilante Rodoviário era aproximadamente dez vezes mais caro que o de As Aventuras de Rin Tin Tin", exlica Carlos Miranda Os Estados Unidos tinham muitas emissoras de TV e os seriados norte-americanos eram exibidos em muitos países,

o que tornava seu custo bem mais barato. O único patrocinador do seriado brasileiro era a Nestlé. "A verba de produção era ínfima. Durante as filmagens, o pai do Ary fazia comida para a gente". Comíamos muito arroz com linguiça", relembra.

Lobo Uma das histórias mais marcantes de Carlos Miranda foi a escolha do CÃO Lobo. O seu dono era policial e o animal havia feito propaganda de uma marca de

móveis de aço. Ele residia em Suzano (SP) e seu nome era King. "Achamos que o nome não tinha nada a ver com o CÃO de um seriado brasileiro. Então, o batizamos de "LOBO", explica Carlos. Ary Fernandes perguntou ao seu dono se ele andava na motocicleta. Ele respondeu que isso ele nunca tinha feito, mas, segundo Miranda, Fernandes o conduziu até a motocicleta e ele subiu sem que precisasse mandar. Carlos Miranda também contou que, em uma ocasião, LOBO salvou uma criança de ser atropelada na estrada ao correr atrás de uma bola. "Ele pegou a menina pela saia e a trouxe para o carro. Era um cão muito especial", relembra emocionado Carlos.

Campeã de audiência Segundo Carlos Miranda, eles trabalharam 3 anos para rodar os 38 episódios. "Eu ganhava 2 salários mínimos e tinha 2 filhos para criar", relata Miranda. Mas valeu a pena. Como recorda o titular de o Vigilante Rodoviário, na segunda semana de exibição, a série era campeã de audiência. "Nós lançamos atores como Ary Toledo, Ary Fontoura, Stênio Garcia, Mílton Gonçalves e Rosa Maria Murtinho, que trabalhavam com um

O inspetor Carlos ficou tão conhecido, que o ator Carlos Miranda foi convidado a entrar no quadro de pessoal da Polícia Rodoviária de São Paulo, em 1965, onde ingressou após prestar concurso e cursar a Academia Militar. "Eu aprendi muito com a série. Todo mundo tinha como princípio fazer o melhor. Gostei muito de tudo aquilo que vivi, e resolvi entrar para a Polícia Rodoviária", conta Carlos Miranda. Lá, Miranda ajudou a criar o setor de Relações Públicas, montou um cinema, um laboratório fotográfico e um programa de TV. "Quando cheguei à Polícia Rodoviária era conhecidíssimo. Fiz comerciais para a TV sobre o trabalho corporativo", relembra Carlos Miranda. Em 1990, Miranda foi para a reserva remunerada como Tenente Coronel e, em 1992, foi citado no Livro dos Recordes (Guiness Book)como sendo o único ator a se tornar, na realidade o personagem que havia interpretado na ficção. Ele registrou suas memórias e também a história do seriado em um livro, intitulado Inspetor Carlos, o Eterno Vigilante. Hoje, aos 79 anos, o Inspetor Carlos reside em Águas da Prata, no interior do Estado de São Paulo, e participa, com frequência, de Encontros de Carros Antigos por todo o Brasil, levando seu automóvel "Simca Chambord", modelo 1959, igual ao que usava no seriado, que foi restaurado por ele. Nesses eventos, ele resgata a memória da TV e do cinema brasileiros. Carlos Miranda também faz palestras em universidades, escolas, empresas e comemorações cívicas sobre o trabalho que a Polícia Militar do Estado de São Paulo desenvolve em favor da população.

Dez formas de se perder a garantia do automóvel Leia e descubra algumas maneiras de ter que desembolsar muito dinheiro mesmo com seu veículo teoricamente salvaguardado As rodas enormes com pneus de baixo perfil são a combinação perfeita para se perder a "garantia" . Ignorar a troca do óleo lubrificante, deixar de fazer revisão periódica, turbinar o motor e acessórios inadequados são alguns procedimentos que detonam a garantia. São muitas as "jogadas" à disposição do proprietário do carro para pôr fim à cobertura da fabricante. Elas vão, desde as alterações bizarras, como rodas enormes e pneus de perfil muito baixo, às disputas com muita valentia das curvas de quarteirão no bairro como se fosse um piloto no autódromo. Leia com atenção e se prepare para saber exatamente como detonar tudo. Não vale arrependimento.

xilindró por até 2 anos, a "garantia" do veículo é automaticamente cancelada.

7 . Óleo lubrificante. O sugerido (e devidamente especificado no manual do proprietário) é que o condutor troque o óleo do carro em prazos pré-determinados. O esquecimento dessa providência implica em perda da "garantia".

8 . Eletrizando. Quaisquer instalações que afetem a parte elétrica e sejam feitas sem o devido respaldo da fabricante são válidas para aqueles que desejam perder a "garantia" do veículo de sua propriedade. Sistema de som, vidros elétricos, faróis de milha, trava elétrica e afins, podem causar a perda da "garantia".

1 . Quem avisa é bom aluno. O fabricante sugere idas constantes às oficinas das concessionárias para a realização de "revisões". Tal atividade periódica (que ocorre usualmente a cada 10.000 kms) serve para a preservação do veículo e também para a manutenção de sua "garantia". Não fazer a revisão no prazo estipulado é a solução mais rápida para o proprietário do carro "desavisado" ser penalizado.

2 . Mudando tudo. Fazer modificações no carro: dar aquela incrementada esperta no mesmo longe da oficina recomendada pela fabricante, também é motivo de perda da "garantia".

3 . Apimentando o veículo. Jamais instale acessórios não permitidos pela montadora do veículo. Troca do chicote, adição de sistema de som incrementado,

rodões etc. Tudo isso vai trazer muito stress e prejuízo, tenha certeza.

4 . Infeliz fuga. Após uma colisão, ao invés de levar o carro acidentado à concessionária, o proprietário do carro leva-o a uma oficina independente. Resultado: problema com a "garantia". 5 . Maratona. Muitos imaginam que a "garantia" dura um determinado período

e que, durante esse tempo, tudo pode acontecer. Engano. Por exemplo, a quilometragem é um fator negligenciado por muitos clientes, que acabam ficando a ver navios.

6 . Veloz e furioso. Se o fabricante do automóvel descobrir que você é o novo Toretto da área...Atirar o carro de sua esposa aos leões das ruas é passível de punição. Além de crime com chances de

9 . BIG FOOT. Colocar rodas gigantes no carro compromete a originalidade do mesmo, podendo atingir de forma danosa a suspensão, o monobloco e o seu bolso. Portanto ... 10 . Muito veneno é pouco. "Envenenar" o veículo (reprogramar o "chip" do módulo da injeção eletrônica, entre outros, é caminhar a passos largos para o cancelamento da "garantia".


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

autos & motores

5

Volvo lança hatchback V40 R-Design « CARACTERÍSTICAS » Mais desempenho, esportividade e estilo em nova versão do hatchback

com 210 cavalos de potência e muitos outros apelos que o tornam um automóvel jovial

A

Volvo Cars do Brasil lança no País a nova versão esportiva do seu hatchback premium: o Novo V40 RDesign. O modelo, que traz a assinatura de performance da marca escandinava, chega trazendo desempenho extra e um pacote exclusivo de equipamentos que ressalta o design e o caráter esportivo do carro. A versão chega para reforçar a gama - agora composta pelas versões Dynamic e R-Design - do V40, um dos carros mais tecnológicos e seguros já lançados na história da montadora sueca. Para reforçar o caráter esportivo da versão, o V40 R-Design usa o eficiente motor 2.0 turbo, de cinco cilindros em linha, que recebeu aprimoramentos técnicos para elevar sua potência em 30 cv, garantindo desempenho superior na versão esportiva. Com isso, o motor T5 rende 210 cv a 6.000 rpm (ante 180 cv a 5.000 rpm da versão Dynamic T4) e 30,6 kgf.m de torque, disponível entre 2.700 rpm e 5.000 rpm. Isso permite que a aceleração de 0 a 100 km/h seja feita em apenas 6,9 segundos. A versão Dynamic, como comparação, completa a mesma tarefa em 8,7 segundos. O R-Design também é equipado com o sistema Start-Stop, que desliga o carro nas paradas, economizando combustível e reduzindo as emissões de poluentes. A transmissão é automática de seis velocidades Geartronic, com a opção de trocas manuais na alavanca. Com uma precisa combinação de carroceria com alta rigidez torcional e baixo centro de gravidade, que proporciona um comportamento esportivo e preciso, o V40 R-Design oferece total controle por parte do condutor. A direção elétrica, com três opções de ajuste, garante condução agradável em todos os tipos de piso e condições.

Visual reforçado Com novos para-choques

FOTOS: DIVULGAÇÃO

dianteiro e traseiro, o Volvo V40 R-Design ganha um caráter mais esportivo, reforçado pelas rodas de 18 polegadas Ixion - uma assinatura dos modelos R-Design - e pelo sistema de escapamento com saídas duplas. Essa versão traz ainda o teto solar panorâmico de série. O interior do Volvo V40 é desenhado para oferecer o máximo de ergonomia e conforto para os ocupantes. O painel amplo cria, com o desenho das laterais de porta, uma sensação de estar em um carro de maiores dimensões. A versão R-Design traz bancos ainda mais envolventes e esportivos, volante e pedaleiras R-Design, bem como outros detalhes marcantes. O painel de instrumentos digital personalizável, que utiliza a tecnologia TFT LCD, recebeu nesta versão um novo grafismo no modo Elegance, que remete à linha R-Design, com fundo azul. Além disso, o painel ainda oferece dois outros modos de visualização, conforme o momento de condução: Eco, que prioriza os dados de consumo, e Performance, que traz à tona a esportividade do hatchback, destacando as informações mais usadas durante a condução esportiva, como a rotação do motor, apresentada pelo contagiros. Esse sistema garante uma experiência intuitiva e descomplicada ao motorista.

Sensus Connected Touch O V40 R-Design também poderá ser equipado com o inovador sistema Sensus Connected Touch, sucesso na Europa e recém-lançado no Brasil. O dispositivo multimídia, que será vendido como acessório, torna possível navegar na internet, ouvir milhares de estações de rádio online, assistir a filmes no Youtube e acessar redes sociais, dentre outras funções, usando a conexão de internet 3G ou 4G de um modem ou celular. A nova tecnologia faz uso de uma inovadora tela touch screen

O Volvo V40 R-Desing é símbolo de tecnologia, modernidade, sedução e, acima de tudo, a incontestável segurança

de sete polegadas, que utiliza feixes de raios infravermelhos para identificar os toques. Em uma interface que utiliza a tecnologia Android - que pode ser atualizada constantemente - será possível instalar diversos aplicativos que tornarão ainda mais interativa a experiência com um automóvel da Volvo Cars. O dispositivo também permite transformar o carro em um hotspot, distribuindo o sinal de internet para a conexão simultânea de outros dispositivos. Por meio da porta USB, o sistema também faz a leitura de tocadores portáteis, tanto de áudio como de vídeo.

Mais equipamentos na linha 2014 A linha 2014 do Volvo V40 ficou ainda mais completa. Agora, tanto a versão Dynamic como a

R-Design trazem, de série, faróis xênon adaptativos, retrovisores rebatíveis eletricamente com leds e base com acabamento black piano, molduras dos vidros com friso de alumínio e, internamente, descansa-braço central deslizante para os ocupantes da frente. Além disso, o Volvo V40 traz um conjunto completo de equipamentos de comodidade e segurança. De série, o hatchback vem com ar-condicionado digital, direção elétrica com três níveis de regulagem, painel de instrumentos digital (Eco, Elegance e Performance), sistema de áudio de alta performance com 8 altofalantes, conexão bluetooth para iPod e outros tocadores digitais e tela de 7 polegadas. Também de série, o Novo Volvo V40 traz bancos e volante revestidos de couro (com regu-

Ande de moto com cautela

lagem elétrica e memória para o motorista), sensores de estacionamento traseiro, de chuva e crepuscular, piloto automático, sistema Keyless Start, que dispensa a chave convencional para partida do veículo e as rodas de liga-leve Segomo, de 17 polegadas, para a versão Dynamic, e 18 polegadas Ixion para a versão RDesign. Na segurança, o Novo V40 traz de série o consagrado sistema City Safety, sete airbags (frontais, laterais, de cortina e de joelho (somente para o motorista), freios ABS, sistema de proteção contra impactos laterais (SIPS), controle dinâmico de estabilidade e tração (DSTC) e controle avançado de estabilidade (ASC).

Segurança e tecnologia Com a chegada da versão R-

Design, o pacote Sport deixa de ser oferecido. Os demais pacotes, High Tech e Safety, continuam disponíveis para ambas as versões. O pacote High Tech acrescenta ao hatchback o sistema de navegação GPS integrado ao painel, câmera traseira de estacionamento, Park Assist, e o leitor de DVD. O pacote Safety, por sua vez, integra os sistemas BLIS, de detecção de ponto cego, de piloto automático adaptativo, de alerta ao condutor, de detecção de pedestres, de leitura de placas de sinalização, de assistente de mudança de faixa, de alerta de tráfego lateral, bem como airbag externo para pedestres. O V40 está disponível em todas as concessionárias da marca com os seguintes preços: R$ 122.950,00 (Dynamic T4) e R$ 138.950,00 (R-Design).

« COMPONENTE »

« CUIDADOS » É absolutamente imprescindível respeitar as normas de

Quando substituir a chave do automóvel é preciso

C

A chave do carro é um item de fundamental importância para todo motorista

trânsito, conhecer a legislação, ter respeito e preservar a segurança omprar uma motocicleta é muito fácil. Difícil é transitar com ela nas ruas e estradas. Por que? Porque as pessoas que as pilotam o fazem de maneira imprudente (está comprovado: a maior causa dos acidentes com motocicletas é a imprudência do condutor. Chega a 88% ). O excesso de velocidade no trânsito é outra causa relevante. Quem causa o acidente? Motociclistas (37%); motoristas de carros (37%); a via (18%) e o veículo, seja ele carro ou moto, (8%). Daí concluirmos que os comportamentos do motociclista e do motorista são o principal "fator" dos acidentes.

Primeiros socorros Sinalize o local; não mexa na vítima;nuncatireocapacetedoacidentado; ligue para o socorro (SAMU, fone 192).

No trânsito Procure sempre ocupar seu espaço de forma consciente. Mantenha o farol da motocicleta aceso, mesmoduranteodia.Antesdemudar de direção sinalize com o pisca-pisca. Mantenha uma distância segura dos outros veículos. Atente para os pontos cegos. No trânsito das cidades ou em rodovias, esteja sempre alerta. Nunca pilote entre os veículos. Use a faixa da DIREITA.

Cuide bem da motocicleta Está comprovado: 8% dos acidentes com motocicletas ocorrem por falta de manutenção

Pilotagem

Postura: cabeça levantada sempre na vertical; visão mais adiante possível; coluna ereta, ombros e braços relaxados; Cotovelos ligeiramente flexionados; punhos abaixados em relação às mãos; quadril próximo ao tanque, joelhos pressionando levemente o tanque de combustível; pés paralelos ao chão. Para pilotar a motocicleta é obrigatória a Carteira Nacional de Habilitação categoria "A". Depois de tirar sua habilitação, procure um dos cursos gratuitos de pilotagem para ampliar seus conhecimentos a respeito do "universo" da moto. Pesquisas apontam que os acidentes ocorrem por 67% dos motociclistas aprendeu a pilotar sozinho; 45% tinha moto há menos de 2 anos; 23% não é habilitado.

Pesquisas registram, que o baixo uso do vestuário de proteção está relacionado com a maior frequência das fraturas de membros inferiores e superiores.

Equipamentos

Uso de álcool ou drogas

Antes de comprar o capacete use uma fita métrica para saber o tamanho exato de sua cabeça. Ao afivelar o capacete certifique-se de que a cinta não está ultrapassando o queixo. Mantenha a viseira limpa e sempre abaixada.

Roupas Use sempre roupas claras, de tecido resistente; calça de boca estreita; jaqueta de zíper e punho justo; luvas de couro e calçados e botas com maior resistência e fechados.

Alguns estudos apontam que, UMA em cada QUATRO vítimas de acidentes com moto estava sob o efeito de álcool e/ou drogas. Em 21% dos acidentes de motos ficou comprovado o uso de drogas e ou álcool. Ao pilotar você interage com o meio de forma constante, agindo e reagindo segundo os estímulos. A utilização de álcool e/ou drogas, altera o reflexo da pessoa, criando uma situação de alto risco.

Frenagem

A distância necessária para uma

frenagem segura a uma velocidade de 50 km/hora é a seguinte: 35 metros utilizando somente o freio traseiro; 24 metros utilizando somente o freio dianteiro e 18 metros utilizando os freios dianteiro e traseiro. FIQUE LIGADO!

Bicicletas

No trânsito, seja bem visível. Use capacete e roupa clara, chamativa e refletiva. Nunca "pedale" na contra-mão. É a maior causa de acidentes graves. Respeite para ser respeitado(a): pare nos sinais de trânsito, siga o que mandam a sinalização e a lei. Não esqueça que bicicleta e equipamentos devem sempre estar em boas condições. Use bicicleta com pneus apropriados e freios regulados e em perfeito estado de funcionamento.

A

quele que nunca "perdeu" ou teve "furtada" a chave do automóvel não tem idéia das consequências que esse malefício pode lhe proporcionar, notadamente ao seu bolso. E as coisas ficaram mais sérias com a evolução dos "componentes". Ao agregarem recursos de conforto e tecnologias de segurança, as chaves dos carros se sofisticaram e suas reposições passaram a custar até R$ 4.000,00. Os modelos mais atuais contêm Chips que enviam informações para o automóvel, permitindo a ignição do motor. É preciso ter cuidado: se o chip for danificado, a leitura pelo "miolo" de contato será prejudicada, impedindo a "partida". Lembre-se, a chave do seu carro não pode cair no chão, nem se molhar. Em alguns casos, bastará a troca do chip, que custará a partir de R$ 80,00. Em outros, será preciso adquirir outra chave. Vale lembrar, que na reposição de uma chave perdida ou furtada, o segredo será alterado. Por isso, se você tiver guardado a chave reserva deverá levá-la ao chaveiro para que seja reconfigurada para a nova codificação.

Veja o preço aproximado para troca dos diversos tipos de chaves.

TIPOS DE CHAVES Chave tipo YALE Modelo mais antigo, foi usada pelas fábricas de automóveis até os anos 1990. Como não tem nenhum tipo de segredo eletrônico, basta o encaixe mecânico da chave no cilindro para abrir as portas e também acionar a "partida" do carro. Reposição: entre R$100,00 e R$ 150,00. Chave codificada Traz dentro do seu corpo um chip, que se comunica com uma antena instalada no "miolo" da ignição. O corpo serrilhado abre as portas, mas é pela leitura do chip que ocorre a "partida" do motor do carro. Reposição: R$ 150,00, para um Celta. Chave pantográfica Variação das codificadas. Seu corpo não é recortado nas laterais, mas liso, e percorrido por um sulco. Pode ter sistema "canivete" e "controle remoto" embutido para a abertura das portas. Reposição: em torno de R$ 330,00. Cartão Pouco comum ainda, é usado em modelos os Renault Fluence. A chave embutida serve apenas para a abertura das portas em caso de emergência. Numa pane elétrica, por exemplo. Reposição: R$ 607,00. Chave tipo Keyless Emite sinal de forma contínua e destrava a porta quando o motorista se aproxima do veículo. Ainda que a partida seja acionada por "botão" no painel, a presença da chave é importante, pois é ela que "libera" o sinal para a ignição. Reposição: vai de R$ 2.000,00 até R$ 4.000,00.


6

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

autos & motores


QQCOISA

Resenha poética fala sobre “Decomposição do nu” de Nei Leandro de Castro. PÁGINA 4

LITERATURA

HOJE NA TV

Maria Marcela Freire, de Currais Novos, vence o Prêmio Luís Carlos Guimarães de Poesia. PÁGINA 4

Contraplano aborda o tema Pornochanchada. E na TV Brasil, um especial relembra Glauber. PÁGINA 2

SÉRIE FRANCESA CAMPEÃ DE AUDIÊNCIA, “LES REVENANTS” ESTREIA NO MAX. PÁGINA 2

BLOG AGITOS E BALADAS Confira vídeo com os principais programas de lazer da cidade.

tribunadonorte.com.br/agitosebaladas

viver Editora: Cinthia Lopes[cadernoviver@tribunadonorte.com.br]

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 25 de outubro de 2013

ITAÚ CULTURAL

Curtindo a “faixa-bônus” da vida

Bortolotto atua para além de suas peças. Já fez papel no longa “Augustas” e estará na minissérie “A Teia”, prevista para ir ao ar em janeiro, na TV Globo

PAULA RAGUCCI

Escritor e ator, é o dramaturgo brasileiro que mais possui peças encenadas, fã de quadrinhos e dono de uma boa prosa, Mário Bortolotto é a atração desta sexta-feira na Cientec/FliQ. Ele conversa com Carlos Fialho sobre temas que fazem parte da sua intensa rotina: “Teatro, Música e Literatura na boca da noite” YUNO SILVA repórter

O

paranaense Mário Bortolotto ultrapassou a barreira do meio século de vida como o dramaturgo brasileiro que possui o maior número de peças encenadas. É daquelas pessoas intensas, que joga nas onze e só faz o que gosta. Ator e diretor, dono de teatro, escritor, poeta e dramaturgo, cantor e compositor, roqueiro vidrado em quadrinhos e televisão, ele não perde a oportunidade para uns goles acompanhado de boa prosa. Mas nada de ficar jogando conversa fora, para ele tudo acaba sendo aproveitado – mais cedo ou mais tarde – no palco, em alguma música ou texto. Notívago, de personalidade forte fácil de ser identificada na multidão, o carrancudo Bortolotto só se incomoda mesmo é com “encheção de saco”. O figura desembarca em Natal nesta sexta-feira, para um bate-papo (às 20h15) com o jovem escriba Carlos Fialho sobre

“Teatro, Música e Literatura na boca da noite”. O encontro fecha a edição 2013 da Feira de Livros e Quadrinhos de Natal (FLiQ), evento que acontece concomitante à 19ª Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN (Cientec) desde terça na Praça Cívica do Campus. No anfiteatro, palco principal da Cientec, a atração principal da noite é o projeto Parcerias Sinfônicas do Sesc-RN e Orquestra Sinfônica da UFRN, que apresenta o show “Vinícius, uma canção pelo ar...” a partir das 20h. Toda a programação é gratuita. Como de praxe, Bortolotto não tem nada planejado para hoje a noite: “Nunca preparo nada, chego e vejo o que as pessoas querem conversar”, disse Mário por telefone ao VIVER. Questionado sobre onde se sente mais à vontade, se no teatro, na música ou na literatura, ele é direto: “Faço teatro há muito tempo, estou bem familiarizado; sou um apaixonado pela literatura; e é na música onde mais me divirto”. Virou o ano com a adaptação

“Mulheres”, romance do alemão Charles Bukowski (1920-1994) publicado em 1978, mas, inquieto, está em cartaz com outros três espetáculos no seu Teatro e Bar Cemitério de Automóveis, na Consolação: “A pior das intensões”, “Borrasca” e “Dias e noites” – nos dois primeiros assina texto, direção, iluminação e sonoplastia, no segundo também atua, e o terceiro só não é responsável pelo texto. “Minhas peças, por mais dramáticas, sempre têm humor. Ácido, negro, crítico. Faço o que estou afim de fazer”, disse Bortolotto, que prefere ignorar referências externas gratuitas. “Processo tudo. O que escrevo vem muito do que leio, assisto. É tudo intuição mesmo. Um papo informal que tenho no bar já pode virar assunto”. Ele diz ser “chato” viver em uma época “politicamente correta” e garante que não faz as coisas para atacar nem para agradar ninguém: “As pessoas têm todo o direito de não gostar do meu trabalho, mas não de ficar me enchendo o saco!”

“Minhas peças, por mais dramáticas, sempre têm humor. Ácido, negro, crítico. Faço o que estou a fim de fazer” MÁRIO BORTOLOTTO, dramaturgo

“Atirem no Dramaturgo” Vítima de um assalto em 2009, quando reagiu e acabou baleado, Mário diz estar “na faixa bônus” de sua vida. “Sobrevivi, e como estou por aqui o jeito é continuar produzindo. Mas não mudei nada, já prestava bastante atenção nos detalhes. A diferença é que agora o corpo dói em lugares que antes não doía”, garantiu. Dessa passagem Bertolotto criou o blog atiremnodramaturgo.zip.net, onde escreve sobre tudo (o autor não atualiza desde maio). Como ator, acumula atuação, além das próprias montagens, no filme “Augustas”, de Francisco Cesar Filho, lançado em 2012, e na minissérie policial “A Teia” – com estreia prevista para janeiro na TV Globo. Ele faz um bandido, chefe de quadrilha, onde também ‘trabalha’ o personagem de Paulo Vilhena. “Só aceitei por causa do roteiro (do Bráulio Mantovani), gosto de me divertir no trabalho, foi meio como brincar de mocinho e bandido. Não que a minissérie não seja séria, mas foi bem divertido, recusei vários trabalhos na TV por não gostar do texto, do personagem. Prefiro ficar em casa escrevendo, do que um mês preso em algum projeto que não me agrada”.

Caindo na estrada A vontade de trabalhar com teatro ou qualquer coisa no cam-

po das artes vem de pequeno, quando brincava de representar personagens, ler HQ e ver televisão. “Fui tomando gosto e sabia que teria que trabalhar em algo assim quando crescesse”. Aos 12 anos foi ser seminarista por livre e espontânea vontade, apesar de saber que “não queria ser padre. Fiquei cinco anos, terminei o ginásio por lá, até que me expulsaram. Descobriram que não tinha vocação, enganei os padres por muito tempo”. O Seminário foi a forma que encontrou para “sair de casa e cair na estrada”. Quando foi expulso, já estava com idade de se alistar no Exército: “Passei um ano lendo e jogando futebol, foi o melhor ano da minha vida. Quando não estava na biblioteca estava no bar”. Bortolotto usou o alistamento como argumento para não ser obrigado pelo meu pai a procurar um emprego ‘normal’. “Depois de ser dispensado, fui pra São Paulo estudar teatro”. Fã das tirinhas do Angeli, em 1982 fundou o grupo de teatro Chiclete com Banana – quando os quadrinhos ficaram famosos decidiu mudar o nome para Cemitério de Automóveis, “para não acharem que estávamos pegando carona”. Compositor e vocalista da banda Saco de Ratos Blues, em 2000 Mário ganhou o Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes) pelo conjunto da obra.

Programação # FLiQ . 16h - Palestra “Vestindo seu personagem preferido: dicas de cosplay”, com Petra Leão . 18h – Palestra “Educação Empreendedora”, com Henderson César França . 19h – Entrega de premiação aos vencedores do 7º Prêmio Cosern Literatura de Cordel; Desfile e concurso de Cosplay na Vila da Cultura . 20h15 – Bate-papo: “Teatro, Música e Literatura na boca da noite”, com Mário Bortolotto e Carlos Fialho

# Cientec Vila da Cultura . 10h e 17h - Música e Poesia, com Paulo Varela . 14h – Contadores de Histórias Raízes Potiguares . 15h – Poesia em Movimento Sempre Cantante . 16h – Auto do Boi de Reis Guajiru (São Gonçalo do Amarante); Resistência da Lata da Vila de Ponta Negra

Escola de Música . 14h – Banda da APABB – Tributo à Jovem Guarda 14h30 – Os Saltimbancos: a amizade em canções 14h45 – Banda Arrelia 15h30 - Show de Marcos Silva (MPB) 16h20 – Recital de Piano “Para sempre Oriano” 17h10 – Show de Daniel Costa (MPB) 18h – Banda Via Única 18h50 – Tom França (voz e violão) 19h – Banda Cidadão 193 (rock) 20h – Show “O Cheiro da Manga”, de Ananda Krishna

Anfiteatro 18h30 – Projeto Sanfona Itinerante 20h – Show “Vinícius, uma canção pelo ar...”, parcerias Sinfônicas do Sesc-RN e Orquestra Sinfônica da UFRN


2

viver

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

« CANAL ZAP »

FLÁVIA CIRINO E-MAIL PARA ESTA COLUNA: CANALZAP@CARTAZNOTICIAS.COM.BR LUIZA DANTAS/CZN

No mundo da propaganda

Clube das ‘’empreguetes’’

Os especiais de final de ano da Record estão movimentando o banco de atores da emissora. De folga das novelas desde “Rebelde”, Luciano Szafir já tem seu retorno à tevê acertado. Após um convite do diretor Edgar Miranda, com quem trabalhou em “Vidas Opostas”, o ator irá participar da série “Coisa de Casal”, especial de fim de ano do canal. Na história escrita por Letícia Dornelles e Bosco Brasil, Luciano será Vitor, dono de uma agência de publicidade viciado em trabalho. “O personagem é bastante metódico, arrogante e detalhista. Quando li o texto, achei a proposta muito legal”, explica. Com as gravações previstas para o próximo mês, parte do elenco e equipe já se encontram para os primeiros trabalhos da produção, que tem chances de emplacar na grade fixa de 2014. “Vou começar a pensar no meu personagem a partir das leituras. O bom é que em obras fechadas temos mais tempo de composição. É algo bem diferente de tudo que já fiz

Com estreia prevista para 2014, “Geração Brasil”, novela que irá substituir ‘’Além do Horizonte”, próxima das sete, já está em fase de pré-produção e escalação de elenco. Escrita por Filipe Miguez e Izabel de Oliveira, o folhetim contará com boa parte do elenco de “Cheias de Charme”. Humberto Carrão, que atualmente está no ar como o Fabinho de “Sangue Bom”, será um dos protagonistas. Além dele, Taís Araújo e Isabelle Drummond, que se despede da história de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari, também estão confirmadas na trama. As duas deram vida às ‘’empreguetes’’ Penha e Cida, respectivamente.

Mas que calor na tevê. O elenco está muito bom”, valoriza. Atraído pelo gênero da comédia, Luciano está empolgado em fazer parte de um seriado, formato pouco expressivo em sua trajetória. “Gosto de comédia quando é

bem escrita. A comédia é uma vertente que funciona muito bem na tevê. O texto é repleto de situações engraçadas e bem construídas”, elogia ele, que segue contratado da Record até 2016.

O forte calor está sendo uma das principais dificuldades durante as gravações de ‘’Em Família’’. Elenco e equipe de produção sofrem com as altas temperaturas da cidade de Goiás, que registra máxima de 36 ºC. O município será cenário para a fictícia Esperança, local em que

« NOVELAS »

É o fim do caminho A temporada 2013 dos programas da Globo chegam ao fim em breve. O ‘’Esquenta!’’, que deve permanecer na grade até dezembro, tem sua última gravação agendada para o próximo dia 30. Desde o início do ano, a produção comandada por Regina Casé se tornou fixa. Além do ‘’Esquenta!’’, ‘’Pé na Cova’’, ‘’Amor & Sexo’’ e ‘’The Voice Brasil’’ chegam ao fim em dezembro.

Sessão nostalgia A exibição dos quatro episódios inéditos de ‘’Sai de Baixo’’ fez o Viva liderar a audiência da tevê paga. De olho no sucesso do canal a cabo, a Globo levará ao ar os episódios a partir de 3 de novembro. Dennis Carvalho, que fez parte da equipe original do programa e dirigiu também os novos episódios, ressaltou o clima de nostalgia do reencontro. ‘’Foi uma das maiores experiências da minha vida. Ríamos muito.”

Foi bem A acertada escolha de Astrid Fontenelle à frente do ‘’Saia Justa’’, do GNT. A apresentadora tem pulso firme durante as discussões mais acaloradas e sabe se posicionar diante de qualquer assunto.

Foi mal O vergonhoso jogral feito por Fernando Rocha e Flávia Freire no ‘’Diário do Leite’’, do ‘’Bem Estar’’. Os apresentadores dividem a narração do quadro, tornando o tom da produção infantiloide. ★★★

Hoje, o ‘’Som Brasil’’ recebe Chitãozinho & Xororó e Roberta Miranda para o programa especial sertanejo. ★★★

Nesta sexta, em ‘’A Mulher do Prefeito’’, os desabrigados do Pitangão sofrem com a falta de água. ★★★

O SBT dá início, nesta sexta, ao “Teleton 2013”.

« PROGRAME-SE »

Bruno vai embora apressado da casa de Aline

Peteleco diz a Odilon que conheceu uma menina engraçada

Malhação Globo 17:30 Zico, Anita e Frédéric tentam tranquilizar Cadelão. Martin e Micaela fingem ser namorados, e Cadelão desiste de falar com ele. Todos ficam surpresos com o visual de Soraia. Cadelão encontra o anel que Martin deu para Gislaine. Ben consegue entrar no restaurante e observa a despensa sem ser visto.

Chiquititas SBT, 20:30 Gabi pega na não de Mili e chama a atenção de Valentina, que diz que há anos ela não expressava uma reação dessas. Em conversa com Cintia, Carol diz que está a disposição para voltar a trabalhar no orfanato. No parque, Mili acha que vai ser beijada por Duda, mas o beijo não acontece.

Joia Rara Globo 18:00 Manfred sugere a Ernest que Silvia vá para os Himalaias para atrapalhar a viagem. Peteleco diz a Odilon que conheceu uma menina engraçada, referindo-se a Pérola. Franz tenta explicar para Amélia sobre sua volta para a casa de Ernest, mas ela despreza o ex-marido.

Amor à vida Globo 21:00 Félix e Paloma discutem. Bruno vai embora apressado da casa de Aline. Félix fala para Eron que Atílio investigará as contas do hospital. Eudóxia compra roupas novas para Valdirene. Amarilys fala para Niko que não deixará que ele fique com Fabrício.

Sangue Bom Globo 19:00 Maurício confessa a Malu que desconfia de seu amor. Todos na Crash Mídia se surpreendem com Brunetty. Renata incentiva Érico a ir para o show de Palmira Valente. Amora pede perdão a Malu. Giane não acredita na redenção de Amora. Socorro decide contar o que sabe sobre Amora para Gilson e Salma.

Pecado Mortal Record 22:30 Patrícia tenta se soltar mas é ameaçada pelo sequestrador. Carlão flagra Danilo com Lili. Carlão ameaça contar toda a verdade para Omar. Patrícia percebe que foi sequestrada por Michele. Otávio se irrita ao ver Laura com Anjo. Das Dores flagra Xuxu e Pedro juntos.

Mortos retornam a vida. Esse é o fio condutor da minissérie de terror começa a ser exibida no Brasil dia 30 de outubro

Max estreia série francesa de sucesso “Les Revenants” A HBO Latin America anuncia a estreia da primeira temporada da minissérie francesa Les Revenants, uma das séries de maior audiência dos últimos anos, que vai ao ar em toda a América Latina no dia 30 de outubro no canal MAX. Indicada ao Emmy Internacional, a intensa e misteriosa trama se passa em uma cidadezinha montanhosa na França, onde vive uma comunidade cheia de dúvidas morais, existenciais e que tem que enfrentar um fenômeno fora do comum. Lá, os mortos retornam inesperadamente à cidade com a mesma forma humana de quando eram vivos. Além disso, não se lembram de sua morte e, sem noção de tempo e espaço, não sabem que aquele lugar não é mais o mesmo. Cada um dos oito episódios desta primeira temporada é dedicado a um personagem diferente que está determinado a recomeçar

sua vida. Pouco a pouco, eles descobrem que não são os únicos a passar por esse estranho acontecimento que ainda vem acompanhado por uma série de crimes perturbadores parecidos com os cometidos por um assassino no passado. O elenco principal conta com Camille (Yara Pilartz), uma jovem que morreu há quatro anos em um acidente com um ônibus escolar; sua irmã gêmea, Léna (Jenna Thiam); e seus pais Jérome (Frédéric Pierrot) e Claire (Anne Consigny) – que se casou com Pierre (Jean-François Sivadier) alguns anos depois. O elenco traz também Simon (Pierre Perrier), que morreu há dez anos, pouco antes do casamento com sua namorada grávida Adele; e Julie (Céline Sallette) uma enfermeira que namorava Laure (Alix Poisson) e foi atacada e assassinada há sete anos.

« DESTAQUES DE HOJE »

Contraplano: “Quem Tem Medo da Pornochanchada?” - Sesc TV, 21h O “comportamento” baseado nos clássicos da pornochanchada. Este olhar contará com a troca de ideias entre o palhaço, ator e dramaturgo Hugo Possolo e o professor e curador de Artes Plásticas Tadeu Chiarelli, sob mediação do jornalista Miguel De Almeida. A discussão de como a vida é interpretada pela chamada sétima arte é o fio condutor do programa. Para instigar e motivar o debate são exibidas sequências de Amada Amante (Cláudio Cunha), A Dama do Lotação (Neville de Almeida).

se passam as primeiras fases do folhetim de Manoel Carlos.

Episódio inédito de ‘A Mulher do Prefeito’ Globo, 22h30 Irritada com a falta de previsão para a saída dos desabrigados de seu estádio, Maria Fernanda (Malu Galli) corta o fornecimento de água do Pitangão. Sem opção de lugar para realocar os moradores de Jardim Catarina e com orçamento comprometido, Aurora (Denise Fraga) tenta solucionar a situação. Enquanto enfrenta a crise, a prefeita precisa lidar com a decepção de ver Seixas (Felipe Abib) iniciando um affair e a dificuldade de convencer Luiza (Giulia Shanti) a desistir de sair de casa.

Padre Fábio: “Sou o patrono das velhinhas e me orgulho” - Cana Viva, 20h15 Pe. Fábio de Melo não é um líder religioso comum. Idolatrado por uma legião de fãs de todas as idades, ele sabe que transmitir a palavra de Deus por intermédio de seus livros e canções é uma grande responsabilidade, mas também fonte de orgulho. No “Viva o Sucesso”, ele fala sobre a emoção de exercer sua vocação: “Fico comovido ao ouvir as coisas que eu escuto. Sou o patrono das velhinhas e me orgulho de ser. Às vezes, me dizem: ‘Padre Fábio, troquei o Rivotril pelo seu programa.’”

Também estão na trama Swann Nambotin, no papel de Victor, um adolescente assassinado há 30 anos junto com a família; Guillaume Gouix como Serge, que matou brutalmente várias mulheres até que seu irmão Toni (Grégory Gadebois) o enterrou vivo; Ana Girardot é Lucy, que retorna após ter sido morta por Serge depois que ele voltou à vida. Clotilde Hesme interpreta Adele, que estava grávida da filha Chloé, iria casar com Simon quando ele morreu, e agora vai se casar com Thomas (Samir Guesmi). Les Revenants é uma mistura de suspense e terror, e tem direção de Fabrice Gobert e Frédéric Mermoud. A série é baseada no filme de Robin Campillo (2004), que analisa como seria se os mortos voltassem à vida e, com tom contemporâneo, cria um drama psicológico cheio de insinuações e ambiguidades.

cinthialopes@tribunadonorte.com.br

A Conspiração da Lâmpada Elétrica Philos (qualquer horário) O Philos, serviço de video on demand da Globosat especializado em documentários e espetáculos, apresenta entre os destaques de outubro o doc “A Conspiração da Lâmpada Elétrica”, que trata sobre o ciclo descartável dos produtos: Houve um tempo em que bens de consumo eram feitos para durar. Até que, em 1920, um grupo de empresários percebeu que quanto mais seus produtos durassem, menos eles lucrariam. Desde então, fabricantes reduzem a vida útil de produtos para aumentar vendas.

Diverso aborda vida e obra de Glauber Rocha Tv Brasil, 16h30 De forma mais poética do que propriamente informativa, o Diverso vai tratar da vida e da obra de Glauber Rocha, o maior cineasta brasileiro. Sua conhecida trajetória como um dos maiores nomes do cinema mundial do século XX - refletida em filmes como Terra em transe e Idade da Terra revelam um enorme e apurado poder artístico e poético, aliado a um forte senso político e revolucionário. Entre os entrevistados destacam-se a mãe D. Lúcia Rocha, a filha Paloma Rocha.

«HORÓSCOPO • BÁRBARA ABRAMO » Áries 21/03 a 20/04 O foco é o lar, a família, o bemestar ali na intimidade onde poucos entram. Planos de reforma do imóvel, um parente que chega com boas notícias. Hospitalidade é a exigência do dia. Resolva um assunto de dinheiro com a família; chance de acertar em cheio!

Touro 21/04 a 20/05 Viagem de trabalho traz satisfação, a conversa com um amigo revela e acalma, uma entrevista tem sucesso. Um dia produtivo, variado, interessante também para você alimentar o espírito e a alma com assuntos diferentes. Evite ser possessivo com seu amor.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Orquestração astral perfeita para você resolver um problema de dinheiro, pedir aumento para o chefe, receber os louvores por uma tarefa bem feita. Sua autoconfiança também está mais firme. Mostre seus talentos e amplie seu espaço com uma boa chance que surge.

Câncer 21/06 a 21/07 Expansão pessoal, caminhos que se abrem, oportunidades que chegam na hora certa. Sua sensibilidade para captar o momento está ótima. Gente poderosa e bem situada está ouvindo você. Lua e Mercúrio unem razão e expressão. Finanças em alta.

Leão 22/07 a 22/08 Você tem uma proteção confiável, e pode pedir ajuda a ela se precisar hoje. Pessoas que não aparecem, mas que torcem por você. Anjos capazes de acolher e proteger seus passos. Mas é preciso que tudo fique nos bastidores. Seja muito discreto.

Virgem 23/08 a 22/09 Lua e Júpiter anunciam inserção social e entrada fácil em meios poderosos e bem relacionados. Um mecenas pode investir em você. Seus dotes de conselheiro estão sendo valorizados também. Novos clientes surgem. Acerte o passo no amor.

Libra 23/09 a 22/10 Mostre empenho e cuidado pessoal na profissão, fique de olho nas dicas do chefe. Você pode crescer e ser reconhecido ao mostrar este empenho. Além disso, há popularidade e destaque em jogo. A saúde está um tanto frágil, desacelere e cuide-se mais.

Escorpião 23/10 21/11 Você está mais intuitivo e sensível do que nunca! Parece até que lê o futuro, como um vidente em tempo integral. Que essa capacidade o oriente e o ajude a orientar outras pessoas. Viagens, espiritualidade e percepção aguda em destaque.

Sagitário 22/11 a 21/12 Semana termina com pique de arte, sensibilidade, encontro com amigos e pessoas queridas. Para você, é a chance de diminuir o ritmo e captar as tendências. Muita coisa vai começar a ficar clara, a começar pelo amor. Alguém de Peixes mexerá com seu coração.

Capricórnio 22/12 a 20/01 Foco nos detalhes operacionais e ligação com muita gente são os destaques de hoje, no campo profissional. Mostre esmero e controle da situação. Planejamento em dia! No campo emocional, um amigo pode ser a pessoa certa para entender suas preocupações.

Aquário 21/01 a 19/02 Sol e Netuno indicam que seu trabalho ou sua carreira dependem de um toque de emoção e arte para decolarem de vez, alçando sua reputação mais alto. Questões familiares requerem jogo de cintura, e não julgamentos implacáveis hoje.

Peixes 20/02 a 20/03 Como hoje você tem plateia e gente interessada em suas artes e ideias, vá no embalo e mostre a que veio. Sonhos esclarecedores, bons contatos com gente de fora do país, chance de novas viagens, mas para tudo isso, dê os passos agora.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

viver RICARDO LOPES

3

CLEWER SANCHES

Rock Revisão

George Azevedo

O Colégio Diocesano Santa Luzia realizará, hoje, véspera do ENEM, o segundo “Rock Revisão” no Hotel Thermas, com a participação de seis professores de Curitiba de diversas disciplinas que darão dicas pra o ENEM, de forma precisa e divertida. Além de professores, eles são músicos e por meio de canções populares farão paródias e dicas para os alunos dos segundos e terceiros anos do Dió. E claro, vão sair prontinhos para as provas que acontecerão neste fim de semana.

Halleluya

georgeazevedo@tribunadonorte.com.br

A Terra de Santa Luzia vai sediar o maior festival de artes integradas do país, o Halleluya, que vem a ser um evento promovido pela Comunidade Católica Shalom em várias cidades do Brasil e do exterior. Será hoje e amanhã na Estação das Artes com vários parques temáticos e muitas atrações musicais. A abertura acontecerá logo mais às 18h30, com celebração eucarística presidida pelo bispo diocesano, Dom Mariano Manzana, e show das bandas Tautobios (CE), PJ Samba (RN) e Adoração e Vida (SP).

Halloween Carlos Augusto Araújo, o Big Boss do CCAA Mossoró, vai reunir a meninada, hoje, para muita diversão no Halloween Teen do CCAA que vai rolar na própria escola com direito a sala de artes e sessão de cinema com o filme Transilvânia, sem falar na tenda eletrônica com os hits do DJ Balinha.

Coleguinhas A Tenda Music Club se prepara para receber mais um grande show, hoje, que promete ser casa cheia. Trata-se da dupla Simone e Simaria, as badaladíssimas Coleguinhas, que vão soltar o forrozão a partir das 23h, ao lado de Matheus Fernandes e DJ Juninho.

Grande abraço para o empresário Rútilo Coelho, que está aniversariando hoje

A arquiteta Narjara Souza em festa pela passagem do aniversário ao lado do mui amado Flávio Massad ESTUDIO 473

Lizana vem aí!!! A colunista Lizana Lima é só capricho com sua festa “Celebre 2013”, que acontecerá no dia 1º de novembro, véspera de feriado, nos salões do Requinte Buffet com super produção assinada pela Master Produções e Eventos. E animação é o que não vai faltar ao som de André Luvi, Forró dos 3, Elizabeth Freitas e o DJ Balinha. As senhas continuam à venda na Don’Ana Boutique.

Chaveiro A entrega das primeiras unidades do Residencial Cristais do Alto teve início esta semana sob as mãos da diretora administrativa do Grupo SF, Carol Fernandes, que recebeu Sr. Olímpio Rodrigues e sua filha Carla, proprietários da primeira unidade entregue, entre muitos outros moradores. Todos receberam um presentinho lindo da empresa.

Danuza D’Sales foi um show à parte na “Noite Branca” recebendo os convidados de Rodrigo Loureiro. Pura fechação!!!

{

Lá vêm os noivos!!! Circula convite de casamento da priminha Mariana Azevedo com Francisco Rêgo, que acontecerá no dia 30 de novembro em cerimônia na Matriz Nossa Senhora da Apresentação, em Natal, seguido de festão no Versailles Recepções/Cidade Jardim. E é com muito prazer que estarei lá apadrinhando o casal.

}

» RAIO X » eee Entre os destaques da Casa Mix 2013, vale ressaltar o loft modelo assinado pelos arquitetos Leonardo Suassuna, Rejane Torres, Melina Carlos e Ângela Mazoto. O evento segue até amanhã, 26, na Praça de Eventos de Mossoró. eee A cantora Nida Lira é atrações do Planeta Água do Hotel Thermas, hoje, às 20h. eee No Espaço Happy Hour do Tenda Restaurante vai rolar muito MPB, hoje, ao som de Ivan Junior, a partir das 21h. eee O empresário Rútilo Coelho vai receber amigos e familiares, hoje, para comemorar mais um ano de vida com festão em sua residência, às 21h. eee Parabéns para Izabelle Cantídio Fernandes Diógenes, Elano Barra e a arquiteta Narjara Souza que estão aniversariando, hoje.

DIVULGAÇÃO

Teste seu português TEREZINHA BELOTE CHAMAN

“Não espere pelo juízo final. Ele ocorre diariamente”. Ler sempre foi um grande prazer para mim. Mas existem ocasiões em que o prazer torna-se uma paixão. Isto ocorre todas as vezes em que leio alguns “monstros sagrados”, como por exemplo, Charles Chaplin. Quem não o conhece? É um prazer reproduzir um de seus textos. A vida me ensinou... Dizer adeus às pessoas que amo, Sem tirá-las do meu coração; Sorrir às pessoas que não gostam de mim, Para mostrar-lhes que sou diferente do que elas pensam; Fazer de conta que tudo está bem, quando isso não é verdade, Para que eu possa acreditar que tudo vai mudar; Calar-me para ouvir; Aprender com meus erros . Afinal, eu posso ser sempre melhor. Lutar contra as injustiças; Sorrir quando o que mais desejo é gritar todas as minhas dores para o mundo, Ser forte, quando os que amo estão com problemas; Ser carinhoso com todos que precisam do meu carinho; Ouvir todos que só precisam desabafar; Amar aos que me machucam ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos; Perdoar incondicionalmente, Pois já precisei desse perdão; Amar incondicionalmente, Pois também preciso desse amor; Alegrar a quem precisa; Pedir perdão; Sonhar acordado; Acordar para a realidade (sempre que fosse necessário); Aproveitar cada instante de felicidade; Chorar de saudade, sem vergonha de demonstrar; Me ensinou ter olhos para “ver e ouvir estrelas”, embora nem sempre consiga en-

tendê-las; Ver o encanto do pôr-do-sol; Sentir a dor do adeus e do que se acaba, sempre lutando para preservar tudo o que é importante para a felicidade do meu ser; Abrir minhas janelas para o amor; Não temer o futuro; Me ensinou e está me ensinando: aproveitar o presente, como um presente que da vida recebi e usá-lo como um diamante que eu mesmo tenha que lapidar, dando-lhe forma da maneira que eu escolher. Obs.: na coluna da semana passada, onde se lê: A algum tempo, tive o prazer de conversar, na praia de Itapuã, Salvador/BA, com Juca Chaves. LEIA-SE: Há algum tempo... Teste o seu Português 01 – O baile de 15 anos é a _________, o __________ da mulher na sociedade. a( b( c( d(

) iniciação – noviciado; ) iniciassão – noviciato; ) inissiação – novissiado; ) inisiasão – novissiato.

02 – Sua ideia é ____________, merece nota ____. a ( ) maguinífica - deis; b ( ) maignífica - deiz; c ( ) magnífica - dez. 03 – Qual o plural correto da palavra qualquer? a( b( c( d(

) qualqueres; ) quaisquer; ) qualquers; ) quaisqueres.

04 – As folhas de _________ _________ com o calor. a ( ) ascelga – muxaram;

b ( ) asselga – murxaram; c ( ) aselga – mucharam; d ( ) acelga – murcharam. 05 – Não coma esse queijo. Ele está com sabor __________. a( b( c( d(

) rançozo; ) rançoso; ) ransozo; ) ransoso.

06 – Que palavra devo utilizar: sirena ou sirene? A _________ da escola avisa a hora do intervalo. 07 – Você pode me dar o endereço de sua __________? a( b( c( d(

) manicure; ) manicuro; ) manicura; ) manicuri.

08 – Estamos preocupados com a __________ de nossos funcionários. a( b( c( d( e(

) igides; ) higides; ) hijidez; ) hijides; ) higidez.

09 – A ______ está feia. A _______ está preta. a( b( c( d(

) coiza; ) couza; ) coisa; ) cousa.

10 – Vou colocar todo o __________ em um _______. a ( ) farinácio – pireques; b ( ) farináceo – pirex; c ( ) farináseo – pirequiz.

Respostas do Teste o seu Português nº. 280 Resp 4.: d – As folhas de acelga murcharam com o calor. Acelga (= hortaliça de folhas enrugadas, ovais e compridas. Folhas externas verde-escuras e Resp 3.: b – O plural correto da palavra qualquer é quaisquer. Qualquer (= pronome indefinido, usado para se referir, indeterminadamente, à pessoa ou coisa). Ex.: Quaisquer temperos não servem! Têm de ser de qualidade. Resp 2.: c – Sua ideia é magnífica, merece nota dez. Magnífica (= maravilhosa, esplêndida). Resp 1.: a – O baile de 15 anos é a iniciação, o noviciado da mulher na sociedade. Iniciação (= começo, início). Noviciado (= aprendizagem, preparo).

Resp 7.: a – c – Você pode me dar o endereço de sua manicure / manicura? Obs.: As formas manicura e manicuro são pouco usadas. Manicuro (= forma masculina de manicura). Manicure (= forma de masculino e feminino) Resp 6.: A sirene / sirena da escola avisa a hora do intervalo. Ambas as formas estão corretas. A mais frequente é sirene, forma fiel à original francesa, sirene. A forma sirena é aportuguesada. Resp 5.: b – Não coma esse queijo. Ele está com sabor rançoso. Rançoso (= que tem cheiro forte e sabor acre). folhas internas verde-claras; couve chinesa). Murchar (= perder o viço, o frescor).

Resp 10.: b – Vou colocar todo o farináceo em um pirex. Farináceo (= que contém farinha). Pirex (= utensílio de cozinha feito com vidro muito resistente a altas temperaturas). Pirex do inglês pyrex. Resp 9.: c – d – A coisa / cousa está feia. A coisa / cousa está preta. Coisa / cousa (= termo genérico para indicar uma entidade material ou ideal, concreta ou abstrata). Cousa, menos utilizado. Resp 8.: e – Estamos preocupados com a higidez de nossos funcionários. Higidez (= saúde, bem-estar). quem cuida das unhas das pessoas.

Professora de Língua Portuguesa,com especialização em Lingüística de Texto.Mestre em Comunicação pela Unesp de Bauru e doutoranda em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP, jornalista e produtora do quadro "Teste o seu Português",Programa Mestre-Cuca - da CNT.Colunista semanal dos jornais Diário do Grande ABC (SP) e Jornal de Araraquara (SP).

O sebista e jornaleiro Martinho monta hoje sua tradicional hemeroteca em Candelária

São Martinho, a feira cultural de um jornaleiro diferente « LEITURA » Jornaleiro, escritor, sebista, Martins Sampaio dedica a vida estimulando a leitura através da hemeroteca ao ar livre TÁDZIO FRANÇA repórter

M

artins Sampaio de Souza, o Martinho, é escritor autodidata, e um tipo diferenciado do que se conhece por ‘jornaleiro’. Ele faz de uma calçada em Candelária o cenário para estimular a leitura: é a ideia por trás da feira cultural idealizada por ele há mais de duas décadas, e que recentemente foi retomada. A Feira de São Martinho, hemeroteca e espaço cultural, está montada hoje (sexta), das 7h da manhã até às 20h, na Rua Maria Quitéria, 3550. A banca exibe jornais, revistas, camisetas, além da obra própria escrita por Martinho. “Só os jornais e as revistas da banca estão à venda. Os outros materiais são obras que escrevi e estão dispostas apenas à leitura”, diz Martinho. A banca de revista recebe outdoors de 20 metros quadrados, livros de fábu-

las (infantis ou sátiras adultas), faixas, e camisetas com mensagens impressas em serigrafias. A produção cultural de Martinho não está à venda, ele as utiliza apenas como meio de transmitir seus slogans, logotipos, personagens, ficção, autobiografia, poesia, histórias em quadrinhos, e pensamentos em geral. A Hemeroteca e Espaço Cultural do Elefante estão, não por acaso, montada na antiga cigarreira que pertenceu ao pai de Martinho. O escritor e jornaleiro reafirma com seu projeto a paixão pelas publicações impressas, que agora dividem espaço com os meios eletrônicos online, iPads e demais tecnologias modernas. “Atualmente poucas pessoas se interessam pela leitura tradicional impressa. A feira e hemeroteca são formas de estimular uma volta para os veículos tradicionais e mostrar que eles ainda importam e têm o que mostrar”, afirma.

Martinho conta que começou esse projeto em 1990, fruto de sua paixão pela escrita. “Pretendia cursar engenharia mecânica, mas preferi seguir meu sonho de infância e me dediquei à escrita”, diz. A feira já foi itinerante, mas pelo fato do jornaleiro fazer tudo sozinho, optou por ter apenas um ponto fixo. “Eu começo a montagem da hemeroteca de madrugada, para que já esteja tudo pronto quando as pessoas começarem a circular na rua”, ressalta. A feira também tem seu lado “esportivo”: Martinho já foi praticante de canoagem, e pretende estimular a prática entre os visitantes de sua hemeroteca. Segundo ele, agora as feiras são semanais, todas as sextas-feiras. Serviço: Feira de São Martinho – Hemeroteca e Espaço Cultural do Elefante. Sexta, das 7 às 20h, na Rua Maria Quitéria, 3550, Candelária.


4

viver

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013 ARQUIVO

Trocando de idade hoje com os parabéns da coluna: conselheiro do TCE, Paulo Roberto Chaves Alves. Parabéns duplos para Marlene Barbosa Tinoco e o filho Lindberg Barbosa Tinoco, vivas para Neide Medeiros Maciel, Vanderson Oliveira e Gustavo Medeiros.

Caos Um verdadeiro samba do criolo doido: assim é que se encontra o trânsito de Natal. E não é só nas áreas das faladas e prometidas obras de mobilidade da Copa, o descaso está por onde se anda. A falta de gerência da Semobi sem fiscais e quadro de profissionais da engenharia de trânsito competente é a causa maior. Enquanto neguinho fica na asa do avião atrás de dinheiro para as faladas obras, a cidade paga com o descaso do trânsito.

Em ocasião de brindes ao Boulevard casal Lucinha e Luizinho Dantas

Hashtag

Palacete

Cumprimentos

Não se esforce pra ser alguém conhecido. Queira ser alguém que vale a pena conhecer!”

Levou quase um ano, mas finalmente Madonna conseguiu. A cantora, que colocou sua mansão de Beverly Hills à venda em janeiro, fechou negócio nesta semana por R$ 43,8 milhões, lucrando cerca de R$ 17,5 milhões.

DESCONHECIDO

Saturadas

Em idade nova amanhã, a Governadora Rosalba Ciarlini dá uma pausa na agenda de hoje, final da manhã, a partir das 11hs., para receber cumprimentos de amigos e colaboradores, na Governadoria. Ocasião organizada pelas assessoras do Gabinete.

Se ligue! No nosso blog, leia sobre o HD que cientista estão desenvolvendo e que pode durar 1 milhão de anos.> O escolhido para viver Christian Grey no cinema, o galã de “50 Tons de Cinza”, foi o britânico Jamie Dornan.>

Na banca

O aplicativo gratuito Pixsta leva o Instagram para o seu desktop. O app gratuito permite ver, curtir e comentar fotos do Instagram no PC, mas ainda falta uma opção para postar novas imagens via Desktop.

Cidade do Sol, a edição especial da revista Cláudia comemorando 52 anos. Na capa Andréa Beltrão e Fernanda Torres, mais dicas de moda, saúde, beleza e consumo.

de poemas oferecendo condições de produzir novas versões. Tal atitude desmancha a idéia da unicidade da obra de arte no melhor estilo teoria benjaminiana. Assim sendo deixa o produto artístico sem áurea. Desdobrado e estilhaçado para sucessivas apropriações criativas. O poema encerra estrutura e processos passando a existir. Nessa mesma direção ainda que em outro polo temático Anchieta Fernandes o autor de “Por uma vanguarda nordestina” distribuiu e organizou em oito quadros o poema “OLHO” (1967) sugerindo animação gráfico-visual em andamentos internos descolando e acrescentando linhas

CEDIDA

Uma casa no valor de 31 milhões de euros, é a morada do bispo católico Franz-Peter Tebartz-van Elst, em Limburgo, na Alemanha. A notícia não agradou ao papa Francisco, conhecido por sua simplicidade, que assim que soube afastou o bispo até que a investigação do caso seja concluída.

Movimento

Feirão

> Logo mais às 19h30, acontece mais uma edição do Clube do Choro, no Solar Bela Vista. > Às 19h, Antônio Nahud lança o livro “Pequenas Histórias do Delírio Humano”, na Cientec.>

De hoje à domingo, a Ecocil promove mais um Feirão do serviço Público. Nesta terceira edição, que acontece no Stand ao lado do Makro, off especial para os imóveis do grupo.

Abraços para o gente boa PG Prime Vanderson Oliveira em idade nova

Maria Marcela Freire, de Currais Novos, como vencedora da 13ª edição

O

Quase-resenhas

A versão do autor não limita e permite várias interpretações ou interferências”

Humildade Sibele em pose com o amado Paulo Roberto Alves que rasga folhinha hoje

« CONCURSO » Prêmio Luís Carlos Guimarães (FJA) anuncia a poetisa

DÁCIO GALVÃO [ daciogalvao@globo.com ]

O

As gorduras saturadas da manteiga, do queijo e da carne vermelha não são tão prejudiciais para o coração, é o que afirma estudo publicado na revista médica "British Medical Journal". Segundo o especialista, as pessoas consomem todo tipo de produtos desnatados contêm grandes quantidades de açúcares acrescentados.

A nova poesia premiada

QQCoisa poema visual “Decomposição do nu”, de Nei Leandro de Castro, publicado na revista portuguesa “Hidra” em 1969 carrega a noção probabilística. Aparece o numeral inicial, algarismo “1”, e vai sequencialmente até o algarismo “9”. Cada numeral dispõe de quantidade(s) de quadro(s) estatístico(s) correspondente(s) à própria quantificação numérica. Exemplos: o número 1 tem apenas uma versão decomposta. O 4 tem quatro versões; o 9, tem nove... A versão realizada pelo autor não limita e permite procedimentos para várias outras interpretações ou interferências. As fragmentações das representações gráficas dos numerais remetem a instigadoras formas eróticas humanas. O corpo feminino -os contornos as linhas- vai quadro a quadro abolindo a diluição de gélidos números estabelecendo inusitadas proporções sensuais gráfico-icônicas. Cumpre-se novamente a radicalização de um postulado fundamental: diria Wlademir Dias-Pino, em 1933, “Palavras: elementos dispensados ao poema”. Radicalização pelo desenho geométrico. A fragmentação dessas imagens sensuais provoca interpretação produtiva: a funcionalidade informacional de pictogramas humanos podendo ser signos indiciais sinais comunicantes linguagem universal. Ao leitor caberá intervenções criativas resultando em mais e mais versões ou codificações de novos horizontes. O poema quando visto estimula um leitor participante consumidor

O papo de Larissa/George Maranhão e a anfitriã Boulevard Larissa Galvão Arruda BLOGJOTAOLIVEIRA

jotaoliveira@tribunadonorte.com.br

Parabéns!

Jota Oliveira

Vivas para o casal gente fina Olímpio Maciel e Neide. Ela em nova primavera

BLOGJOTAOLIVEIRA/JOÃO NETO

BLOGJOTAOLIVEIRA/BOBFLASH

retas, e um ponto podendo num átimo significar uma circunferência, uma letra “O”, ou mesmo já na condição de ícone a pupila de um olho humano. Num jogo semiótico, signo ressignificando signo, só a partir do terceiro quadrado o ponto se fixa. Pára o deslocamento A busca semântica pelo substantivo (olho) ou pelo verbo (olho) só se assimila quando a leitura chega ao último quadro. O poema sugere a leitura ocidental e convencional da esquerda para a direita entendendo-se o primeiro quadro da esquerda superior sendo o do início da leitura. A estruturação gradual vai simultaneamente juntando envolvendo elementos gráficos (retas, pontos, quadrados, circunferência) perseguindo a formação vocabular e a geometrização de um olho, de um olhar mono-ocular. É curiosa a coincidência probabilística. A quantidade de quadros e a quantidade de letras na leitura verbal (olho/olho) chegam a oito no total. Constitui-se, pois, somatório redundante, por ser hormônio no resultado trazendo estatísticas de letras iguais às estatísticas de estruturas (oito) nas quais o poema respira e se move. A visualização e a verbalização tencionam e resultam em resolução estética própria. O desenho os caracteres vão se formando concomitantes trazendo a iconização geométrica induzindo a decodificação descontraída de apelo comunicacional bastante original. Esse poema recebeu tratamento sonoro de Cid Campos e oralização de Walter Silveira num surpreendente resultado experimental fixado no CD “Poemúsica”.

resultado do Prêmio Luís Carlos Guimarães de Poesia foi anunciado ontem pela Fundação José Augusto: a poetisa Maria Marcela Freire, de Currais Novos, foi grande vencedora. Márcio Rodrigo Xavier Simões, de Caicó, e o mossoroense Paulo de Macedo Caldas Neto, ficaram, respectivamente, com o segundo e terceiro lugares. Os três irão receber premiação em dinheiro (R$ 3,8 mil, R$ 2,8 mil e R$ 1,8 mil) e terão suas poesias publicadas em livro a ser editado pela Gráfica Manimbu, que também irá incluir poemas das doze menções honrosas selecionadas entre os 119 inscritos. Ainda não há data definida para o lançamento. “O Prêmio Luís Carlos Guimarães cumpriu seu propósito, que é fazer surgir novos talentos poéticos, pois o primeiro lugar veio do sertão de Currais Novos; o segundo e terceiros lugares, consolidam dois nomes já conhecidos na nossa cena literária: Márcio Simões, ensaísta e poeta com livro publicado, pro-

ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS, por Maria Marcela Freire

Antes que nosso desejo se faça sol no amanhecer duma noite Antes que esse sol resolva noite ser Antes que a noite nos cubra de ternuras Antes que nossos corpos sejam nossos lençóis Antes que o eu seja nós olhemo-nos, amor, que nesse singular instante de pura adoração e existência a vida e o amor habitam em nós

prietário da editora Sol Negro; e Paulo Caldas, ensaísta, poeta e professor do IFRN em Ipanguassu, crítico de grande fôlego teórico”, comentou o professor Márcio de Lima Dantas, que coordenou o processo público de seleção dos vencedores ocorrido na tarde de quarta-feira (23) no

Salão Nobre do Teatro Alberto Maranhão. Maria Marcela Freire, 32, também conhecida no universo poético como ‘Mamafrei’, é formada em Letras pela UFRN, já ministrou oficinas de poesia e coordenou o projeto de extensão “Poesia Potiguar & Cia” entre 2008 e 2009 em Currais Novos. A publicação coletiva prevista na 13ª edição do Prêmio Luís Carlos Guimarães será seu primeiro registro em livro. A comissão julgadora, formada por Adriano de Sousa, poeta e editor do selo Flor de Sal; e os jornalista Yuno Silva e Daniel Dantas Lemos, ainda selecionou doze nomes destacados como Menção Honrosa os poetas João Andrade, Araceli Sobreira Benevides, Alexandre Magnus Abrantes de Albuquerque, Paulo André Benz, Goreth Serra, Adriano Charles Cruz, Margareth Pereira Dias (Margot Marie), Marina Rabelo, Alessandro de Lima Nóbrega, Luiz Renato Dantas de Almeida, Luiz Luz e Mário Gerson Fernandes de Oliveira.

« AUDIOVISUAL »

Goiamum recebe inscrições até hoje

A

s inscrições para a quarta Mostra Competitiva Nacional de Curtas do Goiamum Audiovisual encerra inscrições hoje. Podem participar realizadores que possuem obras de até 20 minutos, produzidas entre 2012 e 2013, nos gêneros ficção, documentário, animação e experimental. Entre as novidades da mostra competitiva está a criação de uma categoria exclusiva para filmes potiguares. As exibições do Goiamum deste ano ocorrem de 25 a 29 de novembro

– o evento está entre os festivais que contarão com apoio da Prefeitura, dentro da programação do Cine Natal. Interessados em participar da Mostra devem solicitar regulamento e ficha de inscrição através do e-mail: mostrasgoiamum@gmail.com. As produções locais estarão automaticamente inseridas na Desentoca, mostra sem caráter competitivo a ser exibida em diversos pontos da cidade, as chamadas ‘Tocas’. “O objetivo é conhecer o que a gente produz.

Esse material irá compor uma coletânea em DVD repassada para bibliotecas, TVs públicas e instituições ligadas ao meio audiovisual”, informou Pedro Fiuza, diretor de Mostras do Goiamum. Até o momento, 148 filmes foram inscritos, sendo 24 do RN. Criado em 2007, o Goiamum Audiovisual tem como meta principal fomentar o segmento a partir do tripé exibição, capacitação e discussão em torno de políticas públicas para o setor.


+

Vai uma noite de terror? Veja os Halloweens do Peppers Hall, Aquária, Amnesia e Spaço Mix Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 25 de outubro de 2013

« PÁGINA 5 »

FIM DE SEMANA É UM SUPLEMENTO DA TRIBUNA DO NORTE. NÃO PODE SER VENDIDO SEPARADAMENTE.

ART CAMILA CAHÚ

Neste 25 de outubro, celebre o Dia Mundial do Macarrão, experimente as melhores “pastas” e conheça quais os tipos e receitas preferidas dos brasileiros PÁGS 6 E 7 »


2

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Editora: Cinthia Lopes Repórter: Tádzio França. End: Av. Tavares de Lira, 101 - Ribeira. Fone: 4006-6113/6128/6117. E-mail: cadernoviver@tribunadonorte.com.br

MEU PROGRAMA LEGAL

Vivendo uma suave canção

JOÃO MARIA ALVES

MIRABÔ DANTAS músico e escritor

O

compositor – e agora também escritor – potiguar Mirabô Dantas traduz seu fim de semana em uma canção tranquila, ritmada, simples e favorável à natureza. O músico que foi o homenageado de 2013 do Prêmio Hangar, tem uma longa e variada carreira que ele mesmo resume com precisão: “Tenho um CD autoral chamado ‘Mares Potiguares’, onde interpreto dez canções. Como escritor estarei relançando no próximo mês o livro ‘Umas Histórias Outras Canções’. Tenho músicas gravadas por Elba Ramalho, Leci Brandão, Terezinha de Jesus, Quinteto Violado, Valéria Oliveira e Liz Rosa, Camila Masiso e outros artista brasileiros. No Rio de Janeiro, onde vivi por 20 anos, fiz trilhas sonoras para teatro e cinema. Também fui diretor do Sindicato dos Músicos do RJ”. Com esse currículo, o feliz morador de Pium prefere programas simples. Como uma música para se ouvir embalado numa rede, com o mar ao fundo. “Meu lugar favorito em Natal é o Parque das Dunas, local de muito verde. Principalmente aos domingos quando acontece os shows instrumentais com artistas potiguares trazidos pelo projeto Som da Mata. Já quando quero pegar a estrada pra curtir o interior do Rio Grande do Norte, meu ponto favorito é Areia Branca. É um lugar que indico pra todo mundo, não só por ter nascido lá, mas porque

“Não como carne, por isso meu roteiro gastronômico costuma ser limitado. Por isso prefiro os restaurantes de frutos do mar” tem um fim de tarde especialíssimo: lá o sol se põe no mar, um lindo espetáculo da natureza! Habitualmente não como carne, por isso meu roteiro gastronômico costuma ser um tanto limitado. Acho que por isso mesmo prefiro os restaurantes que servem frutos do mar. Quando estou em Natal (moro em Pium) almoço sempre no Camarão & Cia, um self-service na Praça de alimentação do Praia Shopping. Acho uma boa alternativa. Também não sou muito de bar: vou pouco, porque quase não bebo. Mas gosto do Zen Bar Café, em Pium. É um local que conta com uma programação de filmes e música ao vivo muito boa. Geralmente recebe bons projetos musicais com artistas locais. Cinema: minha preferência recai geralmente nos clássicos. Prefiro falar dos meus diretores favoritos. Gosto dos filmes de Glauber Rocha, Pasolini, Fellini, Chaplin, Almodovar, Roman Polanski e Lina Vertmuller. Indico alguns títulos essenciais, como ‘O Anarquista’, de Lina, e ‘A Dança dos Vampiros’, de Polanski, dois clássicos obrigatórios.”

Este é um serviço gratuito, oferecido aos leitores da TRIBUNA DO NORTE com objetivo de orientá-los na hora de escolher sua opção de lazer, roteiro gastronômico ou programa cultural de fim de semana. As informações de serviço contidas no caderno foram fornecidas por donos de bares, produtores, donos de restaurantes e casas noturnas. É importante checar antecipadamente, pois não nos responsabilizamos pelas mudanças de horários e preços.


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

3

VINHOS

Unidos em torno

do vinho A

s importadoras locais se unem novamente para apresentar novos sabores ao apreciadores de vinhos da cidade e incrementar o mercado. As novidades de quatro adegas diferentes estarão à mostra na 2ª edição da Vinexpo Natal, hoje (sexta), das 16 às 21h no Spaço Guinza, Via Costeira. A feira recebe este ano a participação da Magazzino Vinhos & Cozinha, juntando forças à Grand Cru, Adega São Cristóvão, e A Casa dos Vinhos. Juntas, apresentarão 120 rótulos diferentes para o deleite dos participantes. “A Vinexpo é um evento que gera expectativas no mercado, o objetivo maior é despertar o consumidor para o novo”, afirma Marcelo Chianca, da Magazzino, sobre o potencial educativo da feira de vinhos. Ele está acompanhado na produção por Alexandre Santana (Adega São Cristóvão), Luiz Pedor (Casa dos Vinhos) e Rodrigo Lima (Grand Cru). Cada loja apresentará 30

2ª edição da Vinexpo Natal, hoje (sexta), das 16 às 21h no Spaço Guinza, Via Costeira. A feira recebe este ano a participação da Magazzino Vinhos & Cozinha, juntando forças à Grand Cru, Adega São Cristóvão, e A Casa dos Vinhos. FOTOS: ADRIANO ABREU

Com tradição no ramo dos vinhos, Marcelo Chianca, Alexandre Santana, Rodrigo Lima e Luiz Pedor vão expor os melhores vinhos exclusivos de suas lojas e importadoras

rótulos diferentes. As degustações poderão ser acompanhadas por um buffet no local. “A gente pode até dar umas dicas para quem quiser harmonizar na hora”, brinca Marcelo.

Brindes Longe do Óbvio Entre os vinhos tintos, brancos e espumantes estarão diversos exemplares que as prateleiras mais comuns ainda não mostraram. “A gente dá prioridade aos rótulos menos comerciais, aos menos conhecidos. O objetivo é apresentar um material diferenciado para quem estiver na feira”, diz Marcelo. Ele adianta que levará da adega da Magazzino vinhos da Europa, como alguns tops portugueses, do Chile e Argentina, e também do Líbano (do vale do Beka), a maior novidade do seu acervo atual. Vários representantes e sommeliers virão a Natal por ocasião da Vinexpo. Marcelo Chianca ressalta que trará Rafaela Barros, representante da importa-

dora Zahil, de São Paulo. Além da informação, o evento também possibilita que o participante conheça uma grande variedade de vinhos em uma única noitada. Equipes especializadas entre as quatro lojas servirão as pessoas. Outra vantagem adicional é o desconto que os visitantes que comprarem vinho no evento terão nas respectivas lojas, duran-

te o mês de novembro. Os produtores da Vinexpo consideram que o evento está de fato consolidado, mesmo senso tão jovem. Na primeira edição conseguiu seu intento ao atrair mais de 200 participantes – o que é considerado um grande número para o ainda incipiente mercado consumidor natalense. “O interesse é reflexo de um mercado que está fi-

cando maduro. E há também um público jovem mais interessado principalmente pelo saudável que o consumo de vinho já mostrou que possui. É um despertar”, conclui Marcelo Chianca. Serviço: II Vinexpo. Sexta-feira, das 16 às 21h. Entrada: R$100 por pessoa. Mais informações pelo 3212-1477.


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

LAZER

Feirinha movimenta Petrópolis

8ª edição da Feira de Artes de Petrópolis acontece neste sábado e domingo, na Praça das Flores. Chef Leo Tavares serve ‘caldinho gourmet’ e Pedro Mendes faz happy hour DIVULGAÇÃO

A

rtesanato potiguar, peças antigas, telas, flores, plantas ornamentais, gastronomia e música. Tudo junto ao gosto do freguês na 8ª edição da Feira de Artes de Petrópolis, sábado e domingo, na Praça das Flores. As novidades deste fim de semana são a brinquedoteca, para o público infantil, e as iguarias preparadas pelo chef Leo Tavares, além dos doces sem conservantes de Cláudia Medeiros. A programação cultural do sábado começará às 13h, com a mostra de gastronomia regional do chef Leo Tavares, apresentando iguarias como o caldinho ‘gourmet’ de jerimum, macaxeira e feijão; das 13 às 17h terá brinquedo-

Artesanato utilitário, objetos de arte, gastronomia e brinquedoteca são alguns atrativos

choro e samba. No domingo, das 13 às 17h, terá programação musical com brinquedoteca, Chico Bethoven e a banda Choro de Elefante, uma sessão de RPG direcionada aos fãs desses jogos, Agacir tocando samba de raiz, e encerramento às 18h com música ambiente. O projeto é uma realização da OPDS – Organização Potiguar para o Desenvolvimento Sustentável -, sob a produção cultural do jornalista Toinho Silveira, e apoio operacional do Sebrae, Sesc, Sesi e Prefeitura do Natal. Serviço:

teca voltada para crianças dos 03 aos 10 anos de idade; das 15 às 18h o cantor e compositor Pedro Men-

des fará uma apresentação especial para o evento; das 18 às 20h, será a vez do grupo 4 Cantos, to-

cando standards do jazz, blues e MPB; e encerrando, das 20 às 22h, show com Ivando Monte e trio de

8ª Feira de Artes de Petrópolis. Sábado e domingo, das 10 às 20h, na Praça das Flores. Acesso gratuito.

« PARQUE »

Brechó de Capim Macio recebe Circuito Natal de Música JONISA PRATES

O

s Amigos do Parque de Capim Macio celebram 5 anos de preservação da área verde com edição especial do Brechó Cultural, este próximo domingo (27) a partir das 10h. As atrações escaladas fazem parte do projeto Circuito Natal de Música, e traz shows de Maíra Salles e João Vítor e Família Pádua. O grupo Sinhá Jambô abre as atividades no palco ainda na parte da manhã. Todas as atividades são gratuitas e acontecem sob as árvores, com sombra garantida mesmo ao meio dia. Além de música, o público terá à disposição produtos artesanais, roupas e acessórios transados (novos e usados), bijuterias, comidinhas, mudas de plan-

SOM SEM PLUGS

Sob as árvores do parque, atividades e apresentações lúdicas

Cantora Maíra Salles se apresenta no final da tarde

tas, livros e CDs – pessoas interessadas em expor podem se inscrever no local, lá na hora, e montar banquinha, basta levar a própria estrutura. A organização do evento sugere contribuição sim-

Fundação Capitania das Artes, Semsur e Urbana.

bólica de R$ 5 por estande. Esta é a 12ª edição do Brechó Cultural, iniciativa de moradores de Capim Macio, artistas e artesãos; a primeira a contar com apoio da Prefeitura do Natal, da

Serviço Brechó Cultural do Parque de Capim Macio - Edição especial de aniversário

5 anos (área verde por trás do supermercado Extra da Roberto Freire). Domingo, 27, das 10h às 17h, com shows gratuitos de Maíra Salles, Sinhá Jambô e João Vítor e Família Pádua.


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

5

FESTAS

Baladas do terror É hora de carregar na maquiagem e arrasar na fantasia de zumbis, vampiros e outros personagens macabros. Festas de Halloweens estão por aí e animam o final de semana

Q

uando balada e fantasia se juntam, a alegria dos festeiros é certa. O Halloween se aproxima, e os primeiros agitos já se manifestam no roteiro natalense. Pode adiantar a encomenda da fantasia, caprichar na maquiagem, ou apenas tirar a roupa preta do armário: a temporada de monstros, zumbis, vampiros e super-heróis está aberta. O Pepper’s Hall solta as primeiras bruxas na balada com a festa “Pepper’s Fantasy”, nesta sextafeira, a partir das 22h. A casa receberá decoração temática, e terá concurso de fantasia que premiará os três mais originais com brindes especiais. A noite vai ter os sons da banda iSamba, de Recife, do cantor Caddu Rodrigues, e do projeto Sax in The House. Quem não tiver fantasia, pode usar algum adereço divertido, avisou a produção. O Aquária Hotel, em Ponta Negra, fará Halloween no sábado em clima de “thriller”: trará para animar a festa o ator e dançarino cearense Gleidson Jackson, que está entre os 10 melhores covers do mundo do eterno ‘rei do pop’. Junto com seus bailarinos, Gleidson promete surpreender o público com efeitos especiais e coreografias inspiradas nas turnês “Dad”, “Dangerous”, “History” e “This is It” do cantor americano. A banda Mobydick fará a trilha rocker da festa. A noitada terá um buffet a cargo do chef Ítalo Sales, com iguarias no clima da festa: canapé “Olho que tudo Vê” de Cenoura, cream cheese e azeitonas pretas; salada Halloween de repolho ro-

xo com cenoura; salada “Teia” de ovos; enrolado de salsicha “Dedo de Bruxa”; “Pães por Deus” de abóbora com passas, torradas da escuridão com pão preto,

etc. O som começa às 19h. Quem quiser soltar as bruxas bem longe de Natal, o destino é São Miguel do Gostoso: vai

rolar a 3ª edição do Halloween Spaço Mix, sábado, a partir das 22h. Além do DuSouto, a banda anfitriã dessa balada, a festa também terá batidas do MC Priguissa, DJ Zé Caxangá e seus convidados. De samba a funk a ragga a brega, terá de tudo pra dançar. Um aviso: o uso de fantasia é obrigatório, portanto, a ordem é caprichar bastante. A boate Amnesia Club, na zona norte, promoverá no sábado a 3ª edição de seu Halloween, oferecendo horas extras de balada para os festeiros mais resistentes: a festa começará às 23h e só termina às 8 horas da manhã. O Halloween after hours da Amnesia terá animação das bandas Somzueira (axé) e 3Passos (pop/rock), mais os DJs Nato, Dsuris, Bass Line 21, Sady Luiz, e Blanda vs Kinhu.

ROTEIRO DAS BRUXAS Pepper’s Fantasy. Sexta, no Peppe’s Hall, Ponta Negra. Os ingressos na hora: R$ 25 (mulher) e R$ 30 (homem). Tel.: 3236-2886. Halloween do Aquária Natal Hotel. Sábado, às 19h, orla de Ponta Negra. Entrada: R$80. Tel.: 30926806. III Halloween Spaço Mix, em São Miguel do Gostoso. Sábado, às 22h. Entrada: R$20 (antecipado) e R$30 (no dia). III Halloween Amnesia Club. Sábado, das 23 às 8h. Informações: 8804-4257. Halloween do Wesley no Wesley’s Bar (antigo Gringo’s), Sábado, dia 02 de novembro. Av Praia de Ponta Negra, 9012 -loja 1. Halloween do Whiskritório Sexta-feira, 01 de novembro, shows com Feels Strings, D’Vibe, Super Famosos (tocando clássicos do cinema), e DJ Samir (hip hop). Fantasia e open bar. Rua Enico Monteiro, 1851 – Capim Macio. Hora: das 20h às 3h.

ART CAMILA CAHÚ


6

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

MASSAS ALDAIR DANTAS

ì

TÁDZIO FRANÇA repórter

O

brasileiro adora uma boa massa. A maioria ainda não aproveita toda a diversidade que vem dos fornos italianos, mas a presença de alguma massa no prato é garantida. Hoje, 25 de outubro, Dia Mundial do Macarrão, é o momento ideal para se pensar e principalmente saborear a variedade que a receita oferece. Uma pesquisa recente da Associação Brasileira das Indústrias de Massas Alimentícias e Pão & Bolo Industrializados (Abima) analisou os 40 formatos de massa comercializados no Brasil: o espaguete se destacou como o mais apreciado por 57% dos brasileiros. O mercado se abre cada vez mais para os produtos de qualidade, sejam artesanais ou industrializados. A pesquisa da Abima revelou que 99,6% dos brasileiros consomem algum tipo de massa. É uma paixão nacional, apesar de o potencial de consumo ainda não ser explorado como se deve. “O brasileiro aproveita pouco a diversidade que um alimento como o macarrão oferece. O nosso desafio é mostrar essa versatilidade. Enquanto no Brasil produzimos macarrão em cerca de 40 formatos diferentes, na Itália são mais de 600. Tais núme-

ALGUMAS VARIEDADES DE MACARRÃO

Festa do Macarrão! Dia 25 de outubro é a data em que se comemora o Dia Mundial do Macarrão, prato apreciado por várias cozinhas pelo mundo. Confira onde encontrar as massas artesanais ou como escolher o melhor grano duro, além de conferir o evento “É ora di Pasta!” hoje no Magazzino

ros deixam claro que ainda temos muito potencial de consumo”, afirmou Cláudio Zanão, presidente de Abima. O macarrão é um nome genérico para vários tipos de massas, como penne, talharim, raviolli, cannelloni, cappellinni, farfalle, fusilli, rigatoni, espaguete, nhoque, entre muitos outros. Con-

forme a pesquisa da Abima, a preferência pelo espaguete é ainda maior nas regiões Norte e Nordeste: 76%. Em segundo lugar, em âmbito nacional, está o fusilli, com 15% de preferência; a lasanha vem em seguida, com 5%, o penne com 3%, e o talharim com 2%. O Brasil é o terceiro maior produtor de macarrão,

Anelli: massa em formato cilíndrico e cortada em pequenos anéis Bucatini: massa semelhante ao penne, mas menor Calzone: tipo de rocambole rechead Cappelletti: massa em formato circular de 5cm de diâmetro recheada com carne e moldada à mão Conchiglie: massa em forma de conchas pequenas Farfalle: conhecido no Brasil como “gravatinha” ou “borboleta” Fettuccinne: massa similar ao tagliarini Fusilli: massa retangular de 15/20cm, enrolada com o auxílio de uma vareta Gnocchi (Nhoque) massa feita com batatas, farinha de trigo e ovos, cortada ou enrolada em pequenos pedaços Lasanha: massa retangular e larga. recheada e levada ao forno com molho Maccheroni: nome genérico para macarrão em algumas regiões da Itália Panzoni: espécie d ravioli recheado Penne: massa cortada em pequenos tubos, diagonalmente Ravióli: massa recheada com ricota ou espinafre. Pode ter o formato de meio círculo ou quadrado Rigatoni: massa cilíndrica de 3cm de diâmetro Tagliatelle: mais larho que tagliarini Tortellone: massa recheada com carnes, nozes, mortadela ou abóbora, cortada em forma de meia-lua


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

7

MASSAS ì

ficando atrás apenas dos Estados Unidos e, claro, da Itália.

ALGUMAS É Ora di Pasta! VARIEDADES No Magazzino O professor e gourmet italiaDE MACARRÃO nelli: massa em ormato cilíndrico e ortada em equenos anéis ucatini: massa emelhante ao enne, mas menor alzone: tipo de ocambole recheado appelletti: massa m formato circular e 5cm de diâmetro, echeada com carne moldada à mão onchiglie: massa m forma de onchas pequenas arfalle: conhecido o Brasil como gravatinha” ou borboleta” ettuccinne: massa milar ao tagliarini usilli: massa etangular de 5/20cm, enrolada om o auxílio de ma vareta nocchi (Nhoque): massa feita com atatas, farinha de igo e ovos, cortada u enrolada em equenos pedaços asanha: massa etangular e larga. É echeada e levada o forno com molho Maccheroni: nome enérico para macarrão em lgumas regiões da ália anzoni: espécie de avioli recheado enne: massa ortada em equenos tubos, iagonalmente avióli: massa echeada com ricota u espinafre. Pode er o formato de meio círculo ou uadrado igatoni: massa líndrica de 3cm de iâmetro agliatelle: mais arho que tagliarini ortellone: massa echeada com arnes, nozes, mortadela ou bóbora, cortada em orma de meia-lua.

no Michele Maisto celebra o macarrão em Natal há 15 anos com a ‘È Ora di Pasta! - Festa do Macarrão’, cuja edição de 2013 acontece hoje (claro), às 19h30, na Magazzino Vinhos & Cozinha. “Nosso evento é único no Brasil por trazer, além da comida, um conjunto de documentos que explica a verdadeira origem deste alimento”, afirma. O menu, elaborado por ele, é o seguinte: panuozzo, salada caprese e caponata (entradas); rigatoni al sugo e mozzarella, espaguete com camarão e creme de berinjela, fusilli ao gorgonzola e nozes (pratos principais). O cantor Paolo Fiore fará a trilha sonora no mesmo tom. “O macarrão agrada tanto porque, além de saboroso, é fácil de fazer e versátil”, simplifica Michele. Defensor da cozinha italiana original, ele destaca o crescimento do consumo de massas frescas na cidade, junto com a diversidade de boas marcas indus-

trializadas que o mercado natalense vem recebendo. “Já vejo gente um farfalle maior, um fusilli diferente. E claro, os molhos, que são essenciais”, diz. Entre as marcas italianas de massas secas que ele sugere, estão Divella, Barilla, Colavita, De Cecco, Colavita, Camp’Oro, e Paganini.

Massas Finas As massas frescas também entraram na pesquisa da Abima. “É um prato sofisticado que passou a ser mais acessível com o aumento do poder aquisitivo”, disse Cláudio Zanão. Essas massas estão presentes principalmente nas regiões Sul e Centro-oeste, sendo que 36% dos consumidores pertencem às classes A e B. Sem conservantes e aditivos, as massas frescas ganham mais sabor e valor. A Della Nona Massas Caseiras, em Ponta Negra, adotou o pastifício caseiro há quatro anos e meio. A casa oferece nove tipos de massas, todas feitas à base de farinha de trigo, água e ovo, e cortadas em um maquinário italiano especial. “O ovo dá mais sabor à massa”, diz Manuella Dias, que comanda o negócio junto com o

ì NÚMEROS DA MASSA 99,6% dos brasileiros consomem algum tipo de massa 57% dos brasileiros preferem o espaguete 76% dos nordestinos também preferem o espaguete 40 formatos de macarrão são fabricados ou comercializados no Brasil 600 formatos de macarrão são fabricados na Itália Marcas preferidas Divella Barilla Paganini Colavita Capellini De Cecco Camp’oro Petybon

marido Serge Pittet. A Della Nona não vende a massa congelada. “Recomendamos que o cliente, ao levar, ponha na geladeira durante três dias no máximo”, diz. O pastifício fornece para alguns dos melhores restaurantes da cidade, como Guinza, Chefs, Labiata, Camarões (Natal Shopping), e Olympo Recepções. Outra particularidade das massas da Della Nona é a variação de cores, que é feita de forma totalmente natural. Há massas verdes feita com espinafre, vermelha sabor tomate, e preta com tinta de lula. Manuella afirma que desistiu de trabalhar com a farinha grano duro pelo fato de encarecer demais o produto, e apresentar problemas de conservação. A Massa Mia tem 21 anos de mercado em fabricação de massas caseiras em Natal. É a pioneira do formato. Serve massa pré-cozida, recheada, e que basta ir ao forno pra ficar pronta. “Nosso desafio foi unir a praticidade do produto congelado com a qualidade do produto artesanal”, diz o proprietário Caio Lima. Atualmente foram incorporadas massas integrais, sem glúten ou lactose.

Caio Lima conta ter desistido de trabalhar com espaguete devido a umidade do ar em Natal, que atrapalhava o ponto ideal da massa, mas manteve outros favoritos do natalense, como lasanha, canellone, conchiglie, e rondelle. Aliás, o prato mais pedido é uma criação da casa: o rondelle de carne de sol com molho funghi. Há sete opções em molhos para escolher. A Massa Mia não vende suas massas para supermercados pelo fato da demanda ser grande, e o produto ser artesanal. Patrizia Capitani, do restaurante Luna Rossa, tem uma produção de massas 90% caseira. “É a melhor massa, mas o que me surpreendeu é que o natalense está finalmente querendo uma massa al dente. O ponto é essencial para a qualidade da massa”, conclui. Serviço: É ora di pasta! - Festa do Macarrão. Sexta, das 19h30 às 22h, na Magazzino Vinhos & Cozinha. Preço: R$50. Onde: Rua Potengi, 576, Petrópolis. Tel.: 3212-1477. Della Nona. Tel.: 3219-5831 Massa Mia. Tel.: 3202-5833 Luna Rossa. Tel.: 3213- 9327


8

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

ESPETÁCULOS

Vinicius está no ar A

Cientec – Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura – 2013 terminará em clima de celebração ao centenário de Vinícius de Moraes. O espetáculo “Vinícius, uma canção pelo ar...” será apresentado sexta, às 19h, no anfiteatro da praça cívica da UFRN. O show faz parte do projeto Parcerias Sinfônicas, promovido pelo Sistema Fecomércio RN através do Sesc, e fará apenas quatro apresentações por cidades do RN. A de hoje será a segunda. O espetáculo reúne os talen-

Espetáculo reúne a Orquestra Sinfônica da UFRN e artistas Lysia Condé, Alzeny Nelo, Hilkélia, Erick Von Sohsten, Rogério Ferraz e Quitéria Kelly em torno da obra do ‘poetinha’ BISMARCK

tos da Orquestra Sinfônica da UFRN dividindo o palco com os artistas potiguares Lysia Condé, Alzeny Melo, Hilkélia Carlem, Erick Von Sohsten, Rogério Ferraz e Quitéria Kelly. “Vinícius: uma canção pelo ar...” divide-se em quatro estações do ano, as quais representam momentos distintos da vida de Vinicius de Moraes e suas parcerias artísticas: Tom Jobim, Toquinho, Baden Powell e Carlos Lyra. Asestaçõesnãoseguempelarealidadenatural,mastransfiguramsua ordem para compor uma atmosfe-

ra de sonho, que conduz do inverno (a introspecção de Tom Jobim) ao verão (a espontaneidade de Toquinho), passando pelo outono (a terra, a raiz, Baden Powell) e primavera (a clareza e sedução, Carlos Lyra). Orepertórioincluiclássicoscomo“A felicidade”, “Soneto de fidelidade”, “Tarde em Itapuã” e “Eu sei que vou te amar”. O roteiro é de Danilo Guanais e João Marcelino. Serviço:

Espetáculo relaciona obra de Vinicius com estações climáticas

Vinícius, uma canção pelo ar. Sexta, às 19h, na Cientec 2013, anfiteatro da UFRN. Acesso gratuito.

« SHOW »

Coral Harmus leva a ópera para o baião ANCHIETA XAVIER

O

que a música italiana barroca do século 18 tem a ver com o baião do século 20? O Coral Harmus cruza os caminhos mais uma vez para mostrar que os clássicos podem soar bem juntos no espetáculo “Ópera Baião”, que terá segunda edição hoje (sexta), às 20h, no Teatro Alberto Maranhão. O repertório junta Antonio Vivaldi e Luiz Gonzaga, sob a regência da maestrina Leninha Campos. Erudito e popular se encontram. A Camerata Luiz Gonzaga é uma das participações especiais do espetáculo, garantindo a sintonia maior com o xote e o baião do autor de “Asa branca”, “Xote das meninas”, “ABC do sertão”, “Luar do sertão”, “Que nem jiló”, entre outras. Já Vivaldi, teve seu auge em 1723, quando publicou seu Opus 8, que continha “As quatro estações”, a série para orquestras e violinos mais popu-

Na Ópera Baião, Harmus faz a fusão de Vivaldi com Gonzagão

lar do mundo até hoje. Ele compôs 477 concertos e 46 óperas. A banda PSI também participa do espetáculo. Formada pelos professores Dayvyd Lavaniery, Maxymme Melo, Igor Marcel e Paulo Vitor, o PSI consiste na apresentação de um trio de

forró pé-de-serra (sanfona, triângulo e zabumba), algumas vezes acompanhado de outros dois instrumentos (baixo e violão) e outros acessórios de percussão. A direção cênica é de Márcio Rodrigues, e a direção musical é do pianista Humberto Luiz. O Har-

DIVULGAÇÃO

Banda Psi, formada por músicos da UFRN, participa do concerto

mus tem em seu histórico apresentações em São Paulo, com o maestro Martinho Luter, e no Rio de Janeiro, com a maestrina Mara Campos. Em 2012 lançou seu segundo DVD, “Dos Pés à cabeça”, com a participação da Cia. de Dança do TAM, e participou do lançamento

do CD “Brasileiro para ouvir e tocar”, de Humberto Luiz. Serviço: Ópera Baião com o Coral Harmus. Sexta, às 20h, no TAM. Entrada: R$40 (inteira) e R$20 (estudante). Tel.: 3222-3669


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

9

PALCOS

O comboio da comédia em pé S

e um comediante ‘em pé’ já causa barulho, imagine quando o número salta para cinco. É o que apresenta o espetáculo Comédia ao Vivo, que virá pela primeira vez a Natal neste domingo, às 19h, no Teatro Riachuelo. O quinteto é formado por Fábio Rabin, Luiz França, Murilo Gun, Diogo Portugal e Mauricio Meirelles, todos renomados no meio stand-up comedy nacional. O Comédia ao Vivo foi considerado a melhor apresentação de stand-up de 2009 pela revista Época. É uma junção de talentos jovens, de humoristas criados entre apresentações nos bares e Internet. Fábio Rabin é o nome mais conhecido da turma. Já passou pelo Pânico na TV e Comédia MTV, onde trabalhou ao lado de Marcelo Adnet e Tatá Werneck. Fez trabalhos como

Comédia ao Vivo traz a Natal o quinteto de humoristas Fábio Rabin, Luiz França, Murilo Gun, Diogo Portugal e Maurício Meirelles, todos renomados no meio stand-up comedy DIVULGAÇÃO

Testosterona, Deboshow, Clube da Comédia, Cabaré do Diogo Portugal, Santa Comédia (Curitiba), Clube de Comédia em Pé, entre outros. Luiz França já dividiu sua atuação entre a dramaturgia e a comédia. Foi protagonista da peça “A mulher do candidato”, de Walcyr Carrasco, foi elenco fixo do quadro “Saco de Risadas”, do Faustão, e fez stand-up no Japão. Já Murilo Gun é o pioneiro do stand-up no Nordeste. Em 2010 foi considerado pelo UOL um dos 10 melhores comediantes do ano. Atualmente participa do programa Amigos da Onça, no SBT. Serviço: Comédia ao Vivo. Domingo, às 19h, no Teatro Riachuelo. Preço: R$100 (inteira) e R$50 (estudante).

Ágeis e sem maquiagem. Jovens comediantes unem estilos numa noite que promete boas risadas

« SHOW »

De volta ao samba fino de Benito di Paula DIVULGAÇÃO

Rei do “samba-joia”, Benito teve seu auge nos anos 70/80

O

rei do “samba joia” está de volta a Natal. O cantor e compositor Benito di Paula apresenta seus sucessos nesta sexta-feira, às 21h, no Teatro Riachuelo. O show faz parte do projeto Palco Brasil, e exibe um apanhando dos 40 anos de carreira de Benito, com direito ao acompanhamento de uma banda afiada, e a participação especial de Rodrigo Veloso, filho do sambista, tocando e cantando com o pai. Foi ao piano – sua marca registrada – que Benito criou um tipo de samba novo, que permi-

tia acordes jazzísticos e românticos, mais para o salão do que para o terreiro. Benito foi crooner de banda baile, por isso seu estilo diferenciado de interpretar samba. O repertório do show enfatiza os clássicos, como “Charlie Brown”, “Retalhos de cetim”, “Sanfona branca”, “Mulher brasileira”, “Violão não se empresta a ninguém”, “Pagode da cigana”, “Como dizia o mestre”, “Do jeito que a vida quer”, “Bandeira do samba”, entre outros. Benito será acompanhado

por Ney Veloso (guitarra e cavaquinho), Kauan Veloso (cavaquinho), Edu (contrabaixo), Paulo César (bateria), e Luiz Carlos, Dino e Arrepiado na percussão. O sambista jóia brilhou especialmente nos anos 70, mas segue firme na carreira. Lançou seu primeiro DVD em 2009, “Vivo Rio”, com sucessos e canções inéditas. Serviço: Benito di Paula. Sexta, às 21h, no Teatro Riachuelo. Entrada: R$120 (inteira) e R$60 (estudante). Tel.: 4008-3700.


10

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

CINEMA E MAIS DIVULGAÇÃO

Forrozão agita Cidade Satélite O projeto Sexta Cultural da Associação de Moradores da Cidade Satélite (Amocisa) realiza hoje uma noitada regada a forró, a partir das 20h. A festa terá som de Segundo Sanfoneiro, jovem talento de Florânia, e a banda Forró Lengo Tengo, outro grupo local que faz barulho. Entrada: R$15. Onde: Rua das Nogueiras, 7820 (vizinho à 2ª Companhia da PM).

Camila Canta na Catita

Uma jornada de amor e separação

A sexta-feira do Buraco da Catita recebe o show “Camila Masiso Canta Paulo César Pinheiro”, com a cantora homenageando o grande compositor, a partir das 22h. No sábado a banda Novo Grito e seu vocalista Xingu cantarão três horas de samba, colocando o Catita pra balançar. Onde: Rua Câmara Cascudo, Ribeira.

Duo Taufic no Som da Mata

House na Favela O Favela Pub realiza hoje (sexta) mais uma edição da festa House na Favela. O anfitrião DJ Múcio NT receberá como convidados Diego Américo e Jovick, e o paraibano Kevin Luke, nome badalado na noite de João Pessoa. Onde: Rua Mossoró com a Rodrigues Alves, Petrópolis. Tel.: 9958-9361.

Farra no Pepper’s Hall Nesta sábado a festa “A Farra” traz de volta a Natal o paulista Thiago Farra, sensação do sertanejo pop nacional. Ele toca músicas próprias e versões inusitadas de sucessos no melhor estilo “arrocha”. A farra terá ainda DJ Gunner e a banda Farra de Playboy. Entrada: R$40. Onde: Av. Engenheiro Roberto Freire, Ponta Negra. Tel.: 3236-2886.

Forró e Dance na Vogue A Vogue tem nesta sexta a “Noite das Meninas”, ao som de Jaina Elne e banda, Forró da Fugidinha (PB), DJ Lemory (PE) e França. No sábado terá banda Mariloh, Luizinho Nobre e banda, e pista com os DJs Cassiano Lima e França. Onde: Rua José Agnaldo de Barros, 400, Candelária.

Cine Cult Cinemark estreia ‘Abismo Prateado’, filme premiado do diretor Karim Aïnouzd

Q

uando há alguns anos o produtor Rodrigo Teixeira convidou Karim Aïnouz para dirigir um filme inspirado nas canções de Chico Buarque, o diretor não teve dúvidas: “Olhos nos Olhos”. “Porque é a música do Chico que mais me toca, que me emociona, que mais ouvi quando me separei tantas vezes na vida”, explica o diretor. É exatamente a emoção e a separação que dão o tom a “Abismo Prateado”, que estreou na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes. Com roteiro de Aïnouz e de Beatriz Bracher (de “Os Inquilinos”), o filme conta um dia na vida da dentista Violeta (Alessandra Negrini), de 40 anos, que, logo após se mudar para um apartamento em Copacabana, com seu filho adolescente e seu marido (vivido por Otto Jr.), vê sua rotina se revolucionar após descobrir, por meio de uma mensagem deixada no celular, que o marido a deixou. É a longa jornada dia e noite adentro desta mulher, que acaba de despencar no abismo do desamor e do abandono, de que trata “Abismo Prateado”. Para Negrini, este foi um fil-

me difícil, uma vez que a ação está em cima da Violeta o tempo todo. “É ela, sozinha, agindo e reagindo em meio à cidade, quando o abismo se abre, quando o tempo para e ela, diante disso, tem de lidar com a dor e o desamparo. Foi um filme tão difícil, ou até mais, de se preparar do que de filmar”, comentou a atriz sobre seu processo de filmagens e de preparação para viver Violeta. Para Aïnouz, este era um filme em que, “por não ter muita história, destramado”, a canção, e o tom, era crucial para conduzir a narrativa. “Eu queria que este fosse um filme desabusadamente romântico. Foi Olhos nos Olhos que permeou sempre o trabalho”, comenta o diretor. “Há outras músicas do Chico que são lindas, mas que são mais narrativas, mais prosa. Esta canção tem algo de bonito, é mais poesia. Quem é você? Quem é meu bem? Mesmo por tocar meu ponto nevrálgico, é uma canção que me permitia imaginar mais. Quem é esta mulher que canta ‘’quando você me deixou, meu bem?’’ Qual o nome dela?” Após longas premiados como “Madame Satã” e “O Céu de Sue-

li”, Aïnouz conta que desta vez quis fazer um cinema que não fosse tão calcado em momentos de ação e roteiro. “Talvez seja meu filme mais irregular, em que a mise-en-scène está muito mais próxima da pulsação da Violeta que de um preciosismo de enquadramentos. Este é um filme de sensações, que, não por acaso, as mulheres naturalmente sentem mais forte. Não sei como os homens processam o abandono, mas a dor do desamparo é algo humano. E é fisiológico. Dói mesmo”, comenta o diretor, que teve com um dos grandes desafios representar, por meio das imagens, este nervo exposto que a dor deixou em Violeta. Para Negrini, Violeta busca a cura. “É um momento de dor, mas, ao mesmo tempo, de superação. E de muita beleza”, pontua a atriz, cuja atuação forte e ao mesmo tempo delicada dá à personagem a medida real do sofrimento. Cada expressão de Violeta, cada franzir de testa, cada gesto desajeitado, de alguém que se machuca tanto fisicamente quanto emocionalmente, traduz uma desorientação tão surreal quanto realista. “Quem nunca foi deixado e caiu neste abismo? Num nada em que se leva alguns dias para voltar a caminhar direito?”, questiona o diretor. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O projeto Som da Mata deste domingo trará para o Parque das Dunas a apresentação do Duo Taufic, formado pelos irmãos Roberto e Eduardo Taufic. O diálogo entre o violão e o piano da dupla passeia entre o choro, bossa nova e jazz. O som começa às 16h30. Entrada: R$1.

Clube de Engenharia lança programação O projeto Sextas da Música do Clube de Engenharia, ganha sua agenda fixa a partir deste dia 25. O grupo DNC, composto por Dikkê, Neide e Charles, fará a animação musical ao som de Bossa nova, jazz, MPB e clássicos do samba, sempre a partir das 21h30.Couvert artístico: R$10,00 Serviço de Bar e restaurante com Temístocles e sua trupe.

Arvorismo In Door no Shopping A criançada tem até o dia 09/11 para viver grandes aventuras nos percursos, tirolesa e parede de escalada do Arvorismo Indoor, montado na praça de eventos do Natal Shopping. Sempre das 10h às 22h, crianças a partir dos três anos e adultos com até 100 quilos podem brincar no circuito de 12,80 por 6,40 metros de largura.


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

CINEMA

★ RUIM ★ ★ REGULAR ★ ★ ★ BOM ★ ★ ★ ★ ÓTIMO ★ ★ ★ ★ ★ EXCELENTE l ESTREIA

★ ★ ★ ★ ★ GRAVIDADE (12 anos, legendado) Moviecom 1. Sessões 15h15, 17h20, 19h25 e 21h30 / Cinemark 7. Sessões (3D) 12h (sáb e dom), 14h20, 16h50, 19h10, 21h40 e 23h50 (sáb) A Dra. Ryan Stone (Sandra Bullock) parte para sua primeira missão espacial, com o astronauta veterano Matt Kowalsky (George Clooney). Mas, durante um passeio espacial, aparentemente rotineiro, ocorre um acidente. A nave é destruída, deixando Stone e Kowalsky completamente sozinhos, dependendo um do outro em um ambiente de total escuridão. O silêncio ensurdecedor confirma que eles perderam qualquer ligação com a Terra… e qualquer chance de resgate. Conforme o medo vai se tornando pânico, o oxigênio que resta vai sendo consumido desesperadamente. E, provavelmente, o único jeito de ir para casa seja encarar a imensidão assustadora do espaço. Direção: Alfonso Cuarón ★ ★ ★ É O FIM (16 anos, legendado) Moviecom 5. Sessão 21h20 Seis amigos presos em uma casa após uma série de eventos estranhos e catastróficos devastarem Los Angeles. Enquanto o mundo entra em colapso do lado de fora da casa, os suprimentos estão acabando e os ânimos ameaçam acabar com a amizade deles. Eventualmente, eles são forçados a sair da casa, encarando seu destino e o verdadeiro significado de amizade e redenção. Direção: Evan Goldberg e Seth Rogen ★ ★ ★ TÁ CHOVENDO HAMBURGUER 2 (Livre, dublado) Moviecom 2. Sessões 15h e 17h / Moviecom 6. Sessões (3D) 15h40, 17h50 e 20h / Cinemark 1. Sessões 12h50, 15h10, 17h20 e 19h30 (exceto ter e qui) Após a desastrosa tempestade de comida no primeiro filme, Flint e seus amigos são obrigados a deixar a cidade de Boca Grande. Sem saída, ele aceita o convite de seu ídolo, Chester V, e junta-se à The Live Corp Company, que reúne os melhores inventores do mundo. Direção: Cody Cameron e Kris Pearn ★ ★ ★ ROTA DE FUGA (12 anos, dublado e legendado) Moviecom 2. Sessão 19h Um arquiteto especializado em prisões de segurança máxima é condenado por um crime que não cometeu e preso em uma cadeia que ele mesmo projetou. Direção: Mikael Håfström

★ ★ ★ MATO SEM CACHORRO (12 anos, nacional) Moviecom 3. Sessões 15h30, 18h10 e 20h50 / Cinemark 4. Sessões 15h, 17h40, 20h20 e 23h (sáb) Deco (Bruno Gagliasso) e Zoé (Leandra Leal) se conheceram quando ele quase atropelou Guto, um cachorro que desmaia toda vez que fica animado. Mas depois de um relacionamento de dois anos, Deco leva um pé na bunda de Zoé, que fica com Guto e de sobra arruma um novo namorado. Deco, revoltado, tentará tomar as rédeas da situação e com a ajuda do primo Leléo (Danilo Gentili) pegar o cachorro do casal de volta. Direção: Pedro Amorim

11

l MEU PASSADO ME CONDENA (12 anos, nacional) Moviecom 4. Sessões 14h50, 17h05, 19h20 e 21h35 / Cinemark 2. Sessões 13h, 15h30, 17h50, 20h10 e 22h25 / Cinemark 6. Sessões 11h40 (sáb e dom), 14h, 16h30, 18h50, 21h10 e 23h30 (sáb) Com apenas um mês de namoro Fábio e Miá resolvem se casar e passar a lua de mel em um cruzeiro até a Europa. O problema é que na viagem eles encontram seus respectivos ex-namorados, Julia e Tiago, agora casados e também em lua de mel. Direção: Júlia Rezende

★ ★ ★ SERRA PELADA

(14 anos, nacional) Moviecom 5. Sessões 14h35 (sáb e dom), 16h50, 19h05 e 21h20 / Cinemark 4. Sessão 12h55 / Cinemark 5. Sessão 18h30 Os amigos Juliano (Juliano Cazarré) e Joaquim (Júlio Andrade) deixam São Paulo em busca do sonho do ouro. O ano é 1980. Os dois chegam à Floresta Amazônica, como tantos outros milhares de homens, repletos de sonhos e ilusões. Mas a vida no garimpo muda tudo. A obsessão pela riqueza e pelo poder os destrói. Juliano se torna um gangster. Joaquim deixa todos os seus valores para trás. Uma história sobre a febre do ouro, sobre ganância e violência.

Sobre uma grande amizade e seu fim. Com Wagner Moura, Sophie Charlotte e Matheus Nachtergaele no elenco. Direção: Heitor Dhalia l O CONSELHEIRO DO CRIME (16 anos, legendado) Moviecom 7. Sessões 14h10, 16h40, 19h10 e 21h40 / Cinemark 5. Sessões 13h10, 15h50, 20h50 e 23h25 (sáb) Um advogado (Michael Fassbender) encontra o amor (Penélope Cruz) ao mesmo tempo em que se envolve com o tráfico de drogas, mas, em sua cabeça, acha que pode evitar fazer parte do mundo do crime. Quando as coisas se complicam, ele precisa tomar decisões rápidas para salvar a si mesmo e as pessoas com quem se importa. Direção: Ridley Scott ★ ★ ★ ELYSIUM (12 anos, legendado) Cinemark 1. Sessão 21h50 No ano de 2159, existem apenas duas classes de pessoas: os muitos ricos, que vivem em uma estação espacial isolada, chamada Elysium, e o resto da humanidade, que vive em uma superpovoada Terra em ruínas. Na esperança de uma vida melhor, várias pessoas tentam entrar ilegalmente em Elysium sem muito sucesso. Até que Max (Matt Damon) recebe uma missão que pode não só salvar sua vida, mas trazer igualdade para esses mundos tão distintos. Jodie Foster, Wagner Moura e Alice Braga também estão no elenco. Direção: Neill Blomkamp l O ABISMO PRATEADO (14 anos, legendado) Cinemark 1. Sessão 19h30 (ter e qui) Violeta (Alessandra Negrini) é uma dentista de 40 anos, casada e com um filho adolescente, que está pronta para começar mais um dia em sua rotina, entre seu consultório, a academia e um novo apartamento em Copacabana. Parece ter uma vida dos sonhos, até que recebe um recado no celular, o que muda drasticamente seu cotidiano, fazendo com que ela passe por uma dolorosa experiência, durante a qual busca entender a situação, andando pelas ruas do Rio de Janeiro. Direção: Karim Ainouz ★ ★ ★ ★ OS SUSPEITOS (14 anos, legendado) Cinemark 3. Sessões 11h50 (sáb e dom), 14h50, 18h, 21h e 0h (sáb) Após ter sua filha de seis sequestrada sequestrada e ver a polícia falhar nas investigações, o carpinteiro Keller Dover (Hugh Jackman) enfrenta o departamento de polícia e o jovem detetive (Jake Gyllenhaal) encarregado do caso para fazer justiça sozinho: ele captura os suspeitos em busca da verdade. Direção: Denis Villeneuve


12

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Gilvan Passos [gilvanpassosvinhos@gmail.com]

MEDITANDO NA ADEGA

O Vinho

ì Hoje tem Vinexpo

no Rio Grande do Norte Com todos os esforços da mídia, apoio do Governo e ações individuais de enólogos e enófilos, o mercado do vinho no Brasil cresceu na última década, porém, essa evolução foi mais qualitativa que quantitativa DIVULGAÇÃO

Quem ainda não adquiriu sua senha, precisa fazê-lo urgente. A 2ª Edição do Vinexpo Natal, o Salão do Vinho de Natal, acontecerá hoje, das 16h às 22h no Expaço de Eventos Guinza, na Via Costeira, com uma oferta de 120 rótulos disponíveis para degustação em prova aberta. Nesta edição, 04 lojas locais farão parte dessa que é a maior Mostra de Vinhos de Natal, uma pequena mostra do mix das lojas integrantes: A Casa dos Vinhos, Adega São Cristóvão, Grand Cru e Magazzino Vinhos & Cozinha. As senhas ainda estão à venda nas lojas participantes do evento ao preço de R$ 100,00. E como tudo que é bom, as vagas são limitadas.

Vinho da semana

O Sul ainda é o campeão no consumo, seguido pelo Sudeste. Mas o Nordeste e capitais, como Natal, estão entre os que mais consomem

O

consumo de vinho no Brasil é inexpressivo, mas o seu potencial é imenso. No entanto, toda mobilização dos órgãos e entidades ligadas ao vinho no Brasil, da mídia impressa, virtual, cinematográfica e televisiva, somadas as atividades isoladas promovidas por enófilos e consultores, não fizeram o consumo crescer em termos quantitativos, mas qualitativos. Quem se reportar a uma década atrás, recordará o expressivo espaço que os vinhos de garrafão ocupavam nas seções de vinhos dos supermercados e o baixo número de lojas especializadas que

havia no Brasil. A região Sul continua sendo a líder no ranking de consumo por Estados, seguida da Sudeste (berço de inúmeros e grandes restaurantes), mas o Nordeste na última década vem dando o que falar às importadoras, todas esbanjando assédio com a nossa região. Em 1996, o Estado do Rio Grande do Norte ocupava o 21º lugar no ranking nacional por Estado, com um consumo per capita de 140 ml/pessoa/ano (dados da OIV – Office International the La Vigne et du Vin – Órgão Internacional da Uva e do Vinho). Nos últimos 10 anos, o vinho passou, de

forma crescente, a fazer parte dos hábitos de consumo dos norteriograndeses, ou mais apropriadamente dos natalenses, uma vez que Natal é a cidade que lidera disparado o consumo do Estado. Na última década o número de eventos, confrarias, cursos e lojas se multiplicaram, isso refletindo o interesse do natalense pela matéria vinho, não apenas como bebida, mas como estilo de vi da. A melhoria da gastronomia natalense tem contribuído sobremaneira para o crescimento do consumo. Afinal, comida de qualidade pede vinho. Atualmente não há uma estatística oficial que

indique o consumo per capita do Estado, mas a julgar pela oferta que Natal apresenta (cerca de 5.000 rótulos distintos), seria óbvio pensar que o nosso consumo cresceu substancialmente nos últimos dez anos, e não só em qualidade, mas também em quantidade. E o melhor de tudo é intuir que o que assistimos nesse cenário não é um modismo que vai passar como uma nuvem, mas uma tendência que veio para fazer parte da vida cotidiana das gerações vindouras, porque apreciar vinho moderadamente é bom para o corpo, para o espírito e para o intelecto. Saúde.

Casas Del Bosque Pequeñas Produciones Syrah 2010. Um Syrah puro sangue que ganhou uma dimensão extra apreciado na própria vinícola. Com uvas procedentes do Vale do Casablanca este vinho apresentar um frescor e elegância únicos, com taninos surpreendentemente finos, formando um conjunto prá lá de gastronômico. Trata-se de uma partida diminuta da vinícola (uma boutique de vinhos chilena), produzido de forma muito criteriosa, que resulta numa das mais incríveis expressões do Syrah multiclonal chileno. Não me consta que seja comercializado em nosso mercado.


Tribuna do Norte - 25/10/2013  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you