Issuu on Google+

澳 門 論 壇 日 報

Jornal

www.jtm.com.mo ao serviço de macau desde 1982

Tribuna de Macau Director José rocha Dinis | Director Editorial executivo Sérgio Terra | Nº 3892 | terça-feira, 01 de Novembro de 2011

10 Patacas


“Nesta altura, o IACM já inspecciona produtos alimentares frescos e certos restaurantes, mas a lei em vigor não lhe confere competências abrangentes. Por exemplo, um restaurante num hotel está sob a abrangência dos Serviços de Turismo” - André Cheong, director DSAJ

local

“O IACM passa a ser a entidade principal na fiscalização e inspecção e passa a ser competente para recolher produtos e também para aplicar algumas medidas drásticas, como a proibição da importação ou exportação de certos produtos e também de produtos que já estejam à venda” - Lei Wai Nong, vice-presidente IACM

PROPOSTA ESTÁ EM CONSULTA PÚBLICA ATÉ 16 DE DEZEMBRO

Mais competências para IACM na segurança alimentar A fiscalização da segurança alimentar é regulada por legislação dispersa e por vários serviços. Começou ontem a fase de consulta pública quanto à futura Lei de Segurança Alimentar da RAEM, que confere mais competências ao IACM e ao Centro de Segurança Alimentar que o instituto vai gerir paulo barbosa

E

ntrou ontem em fase de consulta pública o documento que servirá de base à futura Lei de Segurança Alimentar. As propostas foram preparadas pela DSAJ e pelo Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM), em colaboração com outros departamentos e implicam um reforço das competências do IACM na fiscalização e verificação da segurança dos víveres. Numa conferência de imprensa que decorreu no Salão Nobre do IACM, foi apresentado o texto que estará em consulta até 16 de Dezembro, em que se prevê que vários tipos de violação da segurança alimentar passem a ser considerados “infracções administrativas”, não tendo que ser analisados judicialmente. Reconhecendo que a segurança alimentar é regulada por “competências que estão dispersas”, o director dos Serviços de Assuntos de Justiça (DSAJ) afirmou que a proposta “pretende que Macau atinja um patamar internacional no que respeita à segurança alimentar”, conferindo mais competências ao IACM. “Nesta altura, o IACM já inspecciona produtos alimentares frescos e certos restaurantes, mas a lei em vigor não lhe confere competências abrangentes. Por exemplo, um restaurante num hotel está sob a abrangência dos Serviços de Turismo. Queremos alargar as competências do IACM. [De acordo com a nova proposta] Quando é um estabelecimento de comidas e

bebidas, cabe ao IACM a fiscalização, independentemente de quem passa a licença”, explicou André Cheong. Lei Wai Nong, o vice-presidente do IACM, complementou: “O IACM passa a ser a entidade principal na fiscalização e inspecção e passa a ser competente para recolher produtos e também para aplicar algumas medidas drásticas, como a proibição da importação ou exportação de certos produtos e também de produtos que já estejam à venda.” CENTRO DE SEGURANÇA ALIMENTAR. Outro dos pontos em destaque no documento de consulta passa pela criação de um “mecanismo de monitorização e avaliação dos géneros alimentícios na RAEM” (ou seja, o Centro de Segurança Alimentar que o Governo já anunciara em Setembro), que

Competências diversas reduzem eficácia As competências no domínio da segurança alimentar na RAEM estão dispersas por quatro entidades, nomeadamente o IACM, os Serviços de Economia, os Serviços de Turismo e os Serviços de Saúde. Para dar alguns exemplos, cabe ao IACM a “supervisão sobre os estabelecimentos de comidas e bebidas, mercados de vegetais e vendedores ambulantes”, enquanto os Serviços de Turismo licenciam e fiscalizam os restaurantes e bares e os Serviços de Economia supervisionam estabelecimentos industriais de produção e transformação de géneros alimentícios. Já os Serviços de Saúde têm competência para exercer os poderes de autoridade sanitária. No documento de consulta, é reconhecido que a atribuição de competências a vários serviços públicos produz “carência de uniformidade no plano de execução da lei, o que contribui para a eventual diminuição da eficácia na fiscalização e controlo da segurança alimentar”.

ficará a funcionar na dependência do IACM e já estava previsto nas Linhas de Acção Governativa (LAG) de 2010. O centro ainda não está formalmente criado, mas existem 14 funcionários que estão a efectuar trabalhos de apoio à sua criação, tais como a recepção e prestação de informações e a análise de riscos. O protótipo da futura instituição, que será tutelada pelo IACM, está em funcionamento no Centro de Prestação de Serviços ao Público da Zona Norte, na Areia Preta. A este centro competirá agilizar a monitorização e avaliação dos riscos, algo que é considerado necessário “dado que Macau ainda não dispõe de um mecanismo completo” do género. O processo de avaliação, de acordo com os autores da proposta, consiste na estimativa “dos efeitos adversos à saúde humana dos géneros alimentícios com problemas”, bem como na “caracterização dos riscos derivados dos géneros inseguros” e no “lançamento de uma

base científica destinada à formulação de normas de segurança alimentar”. A proposta prevê também a criação de uma Comissão de Segurança Alimentar, que terá uma composição inter-departamental e, de acordo com Lei Wai Nong, “será importante para a definição de políticas quanto à segurança alimentar”. Caberá também à Comissão “a formulação do plano de resposta às situações de emergência no âmbito da segurança alimentar” e a activação de um “mecanismo de segurança alimentar” que servirá para dar “resposta célere” aos incidentes do género. Para já, e enquanto não for estabelecida a Comissão, está a funcionar uma Comissão Inter-departamental para a Segurança Alimentar, que tem competências parecidas com as do futuro órgão. MAIS SANÇÕES ADMINISTRATIVAS. Segundo é referido na proposta, “o IACM passará a efectuar sistematicamente inspecções conjuntas em articulação com os demais serviços de supervisão”. Caso sejam detectadas condições deficientes nos estabelecimentos fiscalizados, estão previstas diversas sanções, para além daquelas já constantes do Código Penal e no Regime Jurídico das Infracções Contra a Saúde Pública e Contra a Economia. Assim, é proposto que sejam qualificados como infracções administrativas “os actos que representam ameaça à saúde pública sem contudo atingir o grau de tornar-se um crime”, nomeadamente “os actos de produção, exploração, transporte, importação ou exportação de géneros alimentícios que não satisfaçam as exigências de segurança alimentar”. O documento sugere também que “as sanções ligeiras, como por exemplo as infracções puníveis só com pena de multa” sejam integradas na categoria de infracções administrativas. O objectivo é que passe a competir aos órgãos administrativos sancionar estar infracções, “evitando, deste modo, os trâmites de julgamento no tribunal, reduzindo a demora processual e elevando a eficiência na implementação da lei”. Na conferência de imprensa, André Cheong avançou que a proposta de lei deverá ser apresentada à Assembleia Legislativa no “início de 2012”.

O exemplo de Hong Kong Os mecanismos vigentes em Hong Kong em matéria de segurança alimentar são várias vezes referidos no documento de consulta, que explica que a RAEHK já tem em funcionamento um Centro de Segurança Alimentar com competências semelhantes ao que é proposto para o seu congénere de Macau. É igualmente mencionada a “Public Health and Municipal Services Ordinance”, que dispõe que as autoridades competentes podem regulamentar sobre aspectos como a composição de alimentos e a rotulagem de marcas ou publicidade dos géneros alimentícios.

jornal tribuna de macau Propriedade: Tribuna de Macau, Empresa Jor­na­lística e Editorial, S.A.R.L. • Administração: José Rocha Dinis • Director: José Rocha Dinis Director Editorial Executivo: Sérgio Terra • Grande Repórter: Raquel Carvalho • Redacção: Fátima Almeida, Paulo Barbosa e Viviana Chan • Editor Multimédia: Pedro André Santos • Colaboradores: José Luís Sales Marques, Miguel Senna Fernandes, Rogério P. D. Luz (S. Paulo) e Rui Rey • Colunistas: Albano Martins, António Aresta, António Ribeiro Martins, Daniel Carlier, Henrique Manhão, João Guedes, Jorge Rangel, Jorge Silva, José Simões Morais, Luis Machado e Luíz de Oliveira Dias • Grafismo: Suzana Tôrres • Serviços Administrativos e Publicidade: Joana Chói (jtmpublicidade@yahoo.com e jtmagenda@yahoo.com) • Agências: Serviços Noticiosos da Lusa e Xinhua Impressão: Tipografia Welfare, Ltd • Administração, Direcção e Redacção: Calçada do Tronco Velho, Edifício Dr. Caetano Soares, Nos4, 4A, 4B - Macau • Caixa Postal (P.O. Box): 3003 • Telefone: (853) 28378057 • Fax: (853) 28337305 • Email: jtmagenda@yahoo.com (serviço geral) pág 02 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau


PREÇOS DAS CASAS COM LIGEIRA QUEBRA. O preço médio por metro quadrado das fracções destinadas à habitação que foram declaradas para liquidação do imposto do selo por transmissões de bens desceu 0,1% para 39.217 patacas em Setembro face a Agosto. Segundo dados dos Serviços de Finanças, registaram-se 538 transacções (mais 2%).

local

IMPOSTO COM SERVIÇO “ONLINE”. A partir de hoje, os contribuintes já podem entregar via Internet a declaração de liquidação do modelo M/4, do Imposto sobre Veículos Motorizados, anunciou a Direcção dos Serviços de Finanças. O serviço está disponível no endereço http://www.dsf.gov.mo.

RELATÓRIO DA ORGANIZAÇÃO PARA A COOPERAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

A caminho da transparência fiscal A OCDE apresentou à RAEM algumas sugestões no sentido de haver uma maior clarificação na lei de modo a promover a transparência fiscal. O próximo passo é integrar essas recomendações na legislação

M

acau está no bom caminho, é a ideia principal que se retira de um relatório apresentado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) quanto ao trabalho legal desenvolvido no campo da transparência fiscal. Ainda assim, há áreas em que são necessárias melhorias, nomeadamente na clarificação da legislação sobre a propriedade e a contabilidade de algumas empresas estrangeiras. O relatório faz um enquadramento da RAEM a nível económico e fiscal. É dito que “a economia de Macau é pequena mas vibrante, com uma média anual de crescimento real de 14 por cento ao ano, entre 2000 e 2008”. Há ainda referência ao território como sendo “um importante elo de ligação entre a China Continental e os mercados globais”. Resumidamente, a OCDE considera que as medidas adoptadas pela RAEM no âmbito de transparência e troca de informações fiscais preenchem os critérios internacionais. Este relatório de revisão visou essencialmente garantir que os actuais diplomas legais e a estrutura fiscalizadora da RAEM são suficientes e seguem à risca o funcionamento da troca de informações fiscais. Mas o relatório da OCDE sugere mais áreas em que deve haver uma maior clarificação, nomeadamente na necessidade das autoridades guardarem

documentação básica sobre registos de contabilidade. Sobre a posse de acções ao portador, é sugerido que as autoridades tornem mais robustos os mecanismos

para identificar os seus portadores ou, caso contrário, devem abolir essas acções. Outras avaliações positivas referem que as empresas formadas em Macau sob o Código Comercial têm de ser registadas e a informação guardada por notários. Mas ainda assim, refere o relatório, não se determinou que a informação sobre a propriedade de todas as empresas está disponível para as autoridades. No sector bancário, o regime anti-lavagem de dinheiro assegura que a informação sobre transacções é guardada por pelo menos cinco anos e que não podem ser abertas contas anónimas. É ainda notado que a autoridade tributária de Macau tem o poder necessário para obter informações relevantes de qualquer instituição ou pessoa. É também enaltecido o facto da RAEM ter acordos para providenciar informações com 13 jurisdições, três dos quais estão já em vigor. Por seu lado, as autoridades de Macau responderam que estão a estender a rede internacional de troca de informações e que nunca foram recusados pedidos de qualquer jurisdição para negociações de acordos tributários. Em 2005, Macau aprovou o padrão da OCDE para informação sobre tributação e assinou vários protocolos que foram concluídos em 2011, três dos quais já estão em vigor. O próximo passo é integrar na legislação as alterações sugeridas no relatório da primeira fase, tendo por objectivo efectuar a articulação com os trabalhos de revisão de segunda fase, a serem promovidos pelo Fórum Global em 2013. H.A.

jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 03


ENCERRADA A ÉPOCA BALNEAR. Os serviços de socorro nas praias de Hac Sa e Cheoc Van estão suspensos a partir de hoje, devido ao fim da época balnear, anunciou a Capitania dos Portos. A reabertura da época balnear ocorrerá a 1 de Maio do próximo ano.

local

PESQUISA AMBIENTAL. Por iniciativa da DSPA, uma instituição científica inicia hoje mais uma pesquisa sobre o nível de conhecimento da população relativamente à protecção ambiental em Macau. A pesquisa será realizada através de amostragem aleatória por telefone, prevendose que possa ser concluída até ao final deste ano.

SINISTRALIDADE RODOVIÁRIA CRESCEU 6% ATÉ SETEMBRO

1.155 acidentes por mês FOTO ARQUIVO

A sinistralidade rodoviária continua a crescer em Macau. Só nos primeiros nove meses deste ano ocorreram mais de 10 mil acidentes, num cenário de estradas cada vez mais congestionadas por força do contínuo aumento do número de veículos em circulação

E

ntre Janeiro e Setembro do corrente ano, registaram-se nas estradas de Macau 10.393 acidentes de viação, o que representa um acréscimo de cerca de seis por cento, comparativamente a igual período de 2010. O balanço dos primeiros nove meses aproxima-se já dos 13.155 acidentes verificados no cômputo geral do ano transacto. De acordo com dados da Polícia de Segurança Pública ontem divulgados pela Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC), a média mensal de acidentes nas estradas de Macau subiu para cerca de 1.155 nos primeiros nove meses deste ano, sendo que esta tendência também se estendeu ao número de vítimas. Os dados da sinistralidade rodoviária entre Janeiro e Setembro inclui 4.056 vítimas, um número próximo do total de 2009 (4.685) e que deixa indicações no sentido de poder vir a ser superado o balanço geral do ano passado (5.313). No período em análise, oito pessoas perderam a vida em acidentes de viação, contra 10 no total do ano transacto e 14 em 2009. Por outro lado, 196 pessoas tiveram de ser hospitalizadas, enquanto que 3.852 sofreram ferimentos ligeiros. Em 1.010 acidentes apenas se registaram prejuízos materiais.

pág 04 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

4.056 pessoas foram vítimas de acidentes até Setembro

Estes números foram contabilizados num período em que se manteve a curva ascendente relativamente ao número de veículos em circulação. Segundo a DSEC, no final de Setembro circulavam em Macau 203.443 veículos, o que representa um crescimento homólogo de cinco pontos percentuais. Os dados oficiais incluem 109.936 motociclos (54 por cento do total) e 79.495 automóveis ligeiros particulares (39 por cento do total). Nos primeiros três trimestres deste ano foram atribuídas 13.260 novas matrículas - com destaque para os casos dos motociclos (55 por cento) e auto-

móveis ligeiros particulares (38 por cento) – o que representa um acréscimo de 10 por cento em relação ao mesmo período do ano anterior. Por outro lado, o movimento nas fronteiras terrestres entre Macau e a China Continental subiu nove pontos percentuais para 3.057.501 viaturas, com o posto fronteiriço das Portas do Cerco a absorver 82 por cento do fluxo total. Relativamente aos transportes aéreos, realizaram-se 26.397 voos comerciais no Aeroporto Internacional de Macau, número que traduz uma subida de um por cento face ao mesmo período de 2010. A maior parte dos voos estabeleceu ligações com a China Continental (33 por cento do total), Taiwan (33 por cento) e Tailândia (10 por cento). O heliporto contabilizou 11.887 voos entre Macau e Hong Kong (mais sete por cento) e 2.700 de ligação à China Continental (mais nove por cento). Por via aérea, a carga exportada nos primeiros três trimestres deste ano atingiu 18.144 toneladas e a importada situou-se nas 7.280 toneladas, ou seja, decresceu 23 e 31 por cento, respectivamente. A carga movimentada em regime de trânsito por via aérea fixou-se nas 3.659 toneladas, o que traduz um decréscimo de 23% relativamente ao mesmo período do ano anterior. No capítulo marítimo, 91.805 viagens de barco transportaram passageiros entre Macau e Hong Kong, representando uma subida de dois por cento. Em contrapartida, as viagens de barco entre Macau e a China Continental diminuíram cinco por cento para 18.591. Nos primeiros três trimestres deste ano, foram movimentados 54.711 contentores com 73.879 TEU, o que equivale a aumentos de 14 e 11 por cento.


“Adquirimos serviços como exames de análise e TAC, porque a nossa condição no hospital já não chegava para satisfazer” - Chan Wai Sin, director do Centro Hospitalar do Conde de São Januário

local

“O posto de urgência tem cerca de 50 trabalhadores que são redistribuídos pelo centro hospitalar. Para além disso, já recrutámos mais 10 médicos” - idem

GOVERNO PAGA 910 MIL PATACAS POR MÊS POR NOVA UNIDADE

Urgências públicas na UCTM até 2015 A nova unidade de urgência do Hospital Conde São Januário abre hoje no edifício H da Universidade de Ciência e Tecnologia (UCTM), mediante aluguer mensal de cerca de 910 mil patacas, e deverá permanecer no edifício daquela instituição até 2015, referiu o Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura. Além do espaço, a UCTM vai contribuir para os serviços de exames de sangue e TAC, duas áreas que os serviços públicos não podiam assegurar fátima almeida

A

bre hoje, na Taipa, o Posto de Urgência das Ilhas do Hospital Conde São Januário, um ano depois de terem começado as obras

num espaço de 667 metros quadrados alugado à Universidade de Ciência e Tecnologia de Macau (UCTM). O Governo acredita que a nova estrutura hospitalar pública, com uma capacida-

Serviços mais “convenientes” Quem entrar a partir de hoje na nova unidade de urgências públicas vai encontrar uma sala de espera com capacidade para 40 pessoas. Já no corredor está uma sala com quatro laboratórios mais amplos e abertos para fazer o diagnóstico aos pacientes. Segundo os responsáveis do Governo este tipo de consultórios “são mais científicos e convenientes do que os tradicionais”. Noutros compartimentos haverá ainda cerca de dez camas, sendo que duas estão reservadas para os serviços de Pediatria. Os destinatários destes serviços são sobretudo os utentes da Taipa ou Coloane, mas os que residem na península também poderão recorrer a estas urgências, que funcionam nos moldes das outras também sob alçada do Hospital Conde de São Januário. Os casos mais graves serão transferidos para a unidade de Macau.

de para receber diariamente entre 150 a 200 utentes, “vai aliviar” a pressão dos serviços de urgência do Hospital Conde São Januário. Porém, o Executivo prevê que só deverá ser possível conseguir dar respostas a todas as necessidades em 2015, ano em que poderá ficar concluído o novo Hospital das Ilhas. Até lá, esta unidade de reforço ao serviço de urgência público vai funcionar no mesmo edifício do H ao lado do Hospital privado da UCTM, assegurou ontem o Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura durante uma visita às novas urgências, notando ainda as conveniências associadas à escolha do local já que os cidadãos dispõem de estacionamento e transportes públicos. Esta medida vai obrigar o Execu-

tivo a despender cerca de 910 mil patacas por mês, ou seja 26,4 patacas por cada um dos 37.000 pés quadrados, durante os quase cinco anos de contrato que estão previstos. Além do espaço, foi também pedido à UCTM o empréstimo de alguns equipamentos, nomeadamente para a realização de exames, mediante um reembolso “de acordo com a despesa real”. “Adquirimos serviços como exames de análise e TAC, porque a nossa condição no hospital já não chegava para satisfazer”, justificou o director do Centro Hospitalar do Conde de São Januário, crente também que a nova urgência ajudará a evitar alguns constrangimentos sentidos na unidade da península que recebe por dia entre 450 e 500 casos. Esta estrutura obrigou ainda a um reforço dos profissionais médicos. “O posto de urgência tem cerca de 50 trabalhadores que são redistribuídos pelo centro hospitalar. Para além disso, já recrutámos mais 10 médicos”, referiu ainda Chan Wai Sin aos jornalistas quando questionado sobre a questão da mão-de-obra que tem vindo a ser discutida devido à escassez de profissionais nesta área. Recorde-se, que recentemente o hospital público anunciou o recrutamento de cerca de 10 profissionais de saúde de Portugal entre eles oito médicos. Com a abertura desta unidade que funciona 24 horas a urgência do Centro de Saúde da Taipa passa a funcionar entre as 08h30 e as 20h durante a semana e entre 9h e as 13 aos fins-de-semana.

VAGAS PARA ADJUNTOS TÉCNICOS DE 2ª CLASSE

Serviços de Saúde justificam novo concurso 26 pessoas foram admitidas num concurso aberto pelos Serviços de Saúde de Macau, para o mesmo número de vagas. Mas os Serviços necessitaram de contratar mais pessoal e acabaram por abrir um novo concurso, o que gerou críticas dos que não foram seleccionados na primeira vez

O

director dos Serviços de Saúde de Macau (SSM), Lei Chin Ion, justificou a abertura de um novo concurso de pessoal para admissão de 26 adjuntos técnicos de 2ª classe, já depois de anteriormente se ter aberto também um concurso que ficou sem resultado, devido à falta de elementos interessados. Em Maio de 2011, os SSM concluíram o concurso para adjuntos técnicos de 2ª classe, sendo que os 26 melhores colocados que concorreram foram admitidos. Mas depois, segundo explica Lei Chin Ion, em

resposta a uma interpelação do deputado José Pereira Coutinho, foi necessário contratar mais 37 candidatos. No total havia 132 aprovados. Mas, “destes 63 admitidos, 17 renunciaram ao ingresso, por isso, foram admitidos até ao 80º classificado”. Mas, os SSM consideraram que os restantes 52 candidatos aprovados não seriam suficientes para preencher todas as 69 vagas e por isso decidiram abrir um novo concurso. Lei Chin Ion garante que foi consultado o Comissariado Contra a Corrupção. Pereira Coutinho questionava o critério adminis-

trativo e legal e acusava os SSM de terem ignorado os restantes candidatos aprovados e de nem sequer os terem informado da decisão de abertura de um novo concurso. Alguns, segundo dizia o deputado, chegavam mesmo a questionar se não haveria uma duplicidade de critérios, enquanto Pereira Coutinho sugeria que esta necessidade urgente de contratações tinha mais que ver com a oportunidade de admissão de “determinadas pessoas conhecidas e afilhados”. O novo concurso, para 69 vagas, foi aberto a 6 de Setembro deste ano. jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 05


NOVO SILO COM REGULAMENTO. O Chefe do Executivo aprovou o regulamento de utilização e exploração do auto-silo da Rua da Tranquilidade, com uma capacidade de 151 lugares, dos quais 58 são destinados ao estacionamento de automóveis ligeiros. A tarifa será de três patacas por hora para ligeiros e uma pataca para as motos. O passe mensal, sem direito a lugar reservado, custa 200 patacas.

local

100 MIL VISITARAM EXPO AUTOMÓVEL. A Exposição Internacional de Automobilismo da China, realizada no fim-de-semana no Venetian Macau, atraiu cerca de 100 mil visitantes, segundo a organização. O evento juntou cerca de 360 expositores de 10 países e regiões.

AGÊNCIA DESVALORIZA RECEIOS SOBRE POSSÍVEL ABRANDAMENTO

CASINOS DEVEM FACTURAR 26 MIL MILHÕES EM OUTUBRO

Fitch confirma solidez do Jogo

Sexto recorde do ano

O mercado do jogo em Macau não evidencia sinais de abrandamento, considerou a agência Fitch, que prevê a continuação de um crescimento sólido das receitas em 2012, ainda que com percentagens inferiores às deste ano

A

desaceleração da economia chinesa não produziu impacto negativo na actividade do jogo em Macau, salientou a agência de notação financeira Fitch, desvalorizando assim os receios de investidores e analistas que temem uma quebra das receitas devido a eventuais restrições ao crédito na China Continental. A segunda maior economia do mundo cresceu 9,1 por cento no terceiro trimestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2010, o que representa o ritmo mais lento em mais de dois anos, mas os especialistas da Fitch não detectaram sinais de abrandamento nos casinos de Macau. “Apesar de algumas preocupações recentes de que as operadoras de casinos em Macau poderão em breve enfrentar um ambiente mais difícil em termos das receitas, a Fitch não vê indícios de que as condições mais apertadas de crédito e a desaceleração do crescimento na China

estejam a pressionar a procura do jogo em Macau”, disse a agência em comunicado. Os analistas da Fitch antecipam, inclusive, que o mercado do jogo em Macau irá continuar a registar no próximo ano um crescimento sólido, embora a um ritmo inferior ao de 2011. Para a agência, o crescimento médio das receitas brutas deverá atingir pelo menos 20 por cento em 2012. Em termos de receita bruta acumulada, os jogos de fortuna ou azar renderam 194,35 mil milhões de patacas entre Janeiro e Setembro deste ano, assumindo um aumento homólogo de 45,9 por cento. No início do mês passado, as acções das operadoras do jogo cotadas na Bolsa de Valores de Hong Kong sofreram fortes quebras, devido a receios impulsionados pela possível implementação de restrições ao crédito para privados no Continente, o que teria repercussões negativas na margem de manobra dos promotores das salas de jogo VIP em Macau. “Embora seja possível que alguns pequenos operadores ‘junket’ com menos liquidez possam estar a sentir a pressão da redução da disponibilidade de crédito no Continente, aparentemente, os maiores agentes não foram afectados até agora”, destaca a Fitch.

O jogo em Macau vai mesmo estabelecer um novo recorde de receitas em Outubro, conforme antecipara o JTM. Segundo a agência Lusa, o “bolo” das receitas deverá superar a fasquia dos 26 mil milhões de patacas

O

s casinos de Macau vão encerrar Outubro com um novo recorde de receitas, o sexto de 2011, com os números a ultrapassarem os 26 mil milhões de patacas, disseram à Agência Lusa fontes do sector. De acordo com fontes da Sociedade de Jogos de Macau e da Wynn Resorts, as receitas dos casinos vão fechar o mês de Outubro entre os 26.000 milhões e os 26.500 milhões de patacas, o que traduz um crescimento de cerca de 40 por cento face ao mesmo mês de 2010 e de cerca de 45 por cento em termos acumulados entre Janeiro e Outubro. O último recorde de receitas de jogo foi registado em Agosto quando os casinos registaram receitas brutas de 24.769 milhões de patacas. A confirmarem-se os dados dos operadores contactados pela Lusa, as receitas dos casinos de entre Janeiro e Outubro de 2011 ultrapassam ligeira-

felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário pág 06 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

mente os 220.000 milhões de patacas, passando pela primeira vez a barreira dos 200.000 milhões de patacas e elevando uma previsão anual a cerca de 265.000 milhões de patacas. Além dos impostos directos e indirectos no valor global de quase 40 por cento das receitas brutas dos casinos, o Executivo de Macau cobra ainda uma taxa de mil patacas por cada slot machine, 150.000 patacas por cada mesa comum, 300.000 patacas por cada mesa vip e ainda uma licença anual de operador. Com estas taxas de máquinas, mesas e licenças, o Executivo arrecada um valor que deverá rondar os mil milhões de patacas. JTM/Lusa


APARTAMENTO ASSALTADO NA PRAIA GRANDE. Um homem sofreu prejuízos avultados após o apartamento onde reside ter sido assaltado no fim-de-semana. Segundo relatou às autoridades, quando regressou a casa deu pela falta de 7.000 patacas, 6.500 renminbis e 2.000 dólares de Hong Kong. A polícia não encontrou sinais de arrombamento.

local

AUTORIDADES REGISTARAM AINDA UM DUPLO CASO DE SEQUESTRO

ROUBADO ENQUANTO APERTAVA ATACADORES. Um turista foi vítima de furto enquanto apertava os atacadores, perto da Igreja de S. Domingos. De acordo com a polícia, um indivíduo terá levado a mochila do turista que continha uma máquina fotográfica e lentes, avaliadas em 30.000 patacas.

VOX POPuli

Pausa para WC “custou” meio milhão Um homem foi lesado em 500 mil dólares de Hong Kong em fichas de casino enquanto fez uma pausa para ir à casa-de-banho. As autoridades registaram ainda dois casos de sequestro, também com ligações ao jogo pedro andré santos

O

caso desenrolou-se a 5 de Maio mas só agora a polícia conseguiu encontrar o principal suspeito do furto de 500 mil dólares de Hong Kong em fichas de casino. Segundo relataram as autoridades, um homem estava a jogar numa mesa de um casino quando decidiu fazer uma pausa para ir à casa-de-banho, pedindo a um conhecido para tomar conta de uma ficha de 50 mil dólares e outras 15 de 10 mil dólares. Tudo estaria a correr bem, até que, quando regressou da casa-de-banho, o homem deu pela falta das fi-

Carteiristas apanhados em flagrante Um suposto gangue de carteiristas foi ontem detido ao início da tarde após ter sido apanhado em flagrante durante um furto. Segundo a polícia, quatro indivíduos, com idades compreendidas entre os 33 e os 39, todos da China Continental, foram vistos a roubar uma carteira a uma pessoa na rua recorrendo a uma pinça metálica. Após uma perseguição policial, os quatro homens foram detidos não muito longe do local do crime. A polícia revelou ainda que estavam todos em Macau em situação ilegal, tendo os suspeitos confessado que se deslocaram ao território para a prática de roubos.

Vítima ficou sem as fichas enquanto foi à casa-de-banho

chas e do conhecido. O principal suspeito acabou por ser detido na sexta-feira pela Polícia de Segurança Pública. Noutro caso, decorrido num casino da Taipa, um homem terá sido sequestrado por quatro indivíduos após ter perdido 30 mil dólares de Hong Kong, verba que lhe tinha sido emprestada para jogar. De acordo com o relatado pela polícia, o homem, residente de Macau, terá sido sequestrado na sextafeira por quatro indivíduos, oriundos do Interior da China, mas conseguiu aproveitar um momento de distracção dos supostos sequestradores e ligado à mulher que acabou por denunciar o caso às autoridades. Contornos semelhantes teve outro caso, ocorrido no sábado, com o centro operacional da Polícia Judiciária a receber um telefonema de uma mulher alegando que um amigo estava sequestrado. As autoridades descobriram que o homem terá pedido um empréstimo de 500 mil dólares de Hong Kong a outro indivíduo para jogar num casino da zona do Porto Exterior, acabando por perder todo o dinheiro.

BURLA VIRTUAL RENDEU 4.300 PATACAS

À terceira foi de vez Uma burla virtual que incluiu um “roubo” de identidade lesou um residente de Macau em 4.300 patacas. O prejuízo só não foi maior porque o jovem lesado apercebeu-se que algo não estaria bem e decidiu fazer um telefonema que acabou por desvendar o mistério

N

a tarde de domingo, sem nada para fazer, um jovem estudante da RAEM passava o tempo como grande parte dos jovens da sua geração, conversando com os amigos através das redes sociais e, neste caso, o “MSN”. Do outro lado estava um amigo que lhe pediu para comprar três cartões “My Card 1000”, utilizados

para jogar “online”, na loja 7/11 mais próxima. Acedendo ao pedido, o jovem deslocou-se ao estabelecimento e comprou os cartões, enviando depois os códigos para o amigo através da internet. Algum tempo depois, novo pedido para mais três cartões teve o mesmo desfecho. Mas à terceira solicitação, o jovem acabou por dar resposta negativa, ficando inclusive aborrecido com a situação dado que os montantes envolvidos já totalizavam 4.360 patacas. Decidiu, então, telefonar ao amigo mas acabou por ter uma grande surpresa quando este afirmou desconhecer toda a situação. As autoridades foram posteriormente contactadas, suspeitando-se que houve um “roubo” de identi-

dade, com alguém a fazer-se passar pelo amigo da vítima para conseguir os cartões. CONVERSA CUSTOU-LHE 100 MIL DÓLARES. Um homem foi lesado em 100 mil dólares de Hong Kong numa casa de penhores quando tentava fazer uma transacção. De acordo com as autoridades, o homem ter-se-á deslocado a uma casa de penhores com o intuito de fazer uma transacção, levando na mala 600 mil dólares de Hong Kong. Enquanto estava à conversa com o empregado do estabelecimento, não terá reparado na entrada de quatro indivíduos que lhe terão furtado o dinheiro da mala, tendo os homens saído do local sem levantar suspeitas. P.A.S.

Paciente injectou-se com morfina Um residente da RAEM, de 38 anos, foi denunciado no sábado às autoridades por um médico por suspeita de se ter injectado com morfina. Segundo a polícia, o homem estaria no hospital como paciente, tendo um exame médico revelado indícios de que se terá injectado no interior da coxa direita. A polícia encontrou duas seringas, uma delas contendo restos de morfina. O homem terá confessado que estava com dores e fez uma chamada para um amigo, que lhe terá levado o produto ao hospital. No domingo ocorreu outro caso que envolve morfina, desta feita denunciado por um segurança de um edifício que chamou uma ambulância após ter encontrado um homem com uma seringa espetada no braço numa casa-de-banho do edifício. Após terem sido feitas as respectivas análises, as autoridades constataram que se tratava de morfina.

JULIAO WANG (Turista de Xangai)

“A paz e o caos cruzam-se em Macau” -O que o motivou a visitar Macau? -Sempre gostei de Macau e já visitei a cidade mais de cinco ou seis vezes. Venho cá quase todos os anos. É um local de encontro entre o Oriente e o Ocidente. Também escolho esta cidade como destino de viagens curtas, porque não é muito complicado, a nível burocrático, obter um visto para Macau. -Qual é a sua impressão geral sobre Macau? -É uma terra muito pequena, onde há uma mistura de duas culturas, mas também onde se cruzam a paz e o caos. Por exemplo, quando andamos na rua, por vezes basta virar uma esquina para passarmos da confusão para um espaço muito calmo. Isso também reflecte a existência de duas culturas distintas. Em Macau, podemos encontrar arquitectura chinesa e ocidental misturada nos bairros, bem como igrejas, conventos ou templos, etc. Por outro lado, acho que há uma harmonia entre as dimensões material e espiritual. Os locais do Património mundial representam o lado espiritual, enquanto que os casinos são a parte material. Os dois têm uma ligação íntima nesta cidade. -Enquanto turista, sente alguma dificuldade especial quando passeia pelos bairros antigos? - Não. Nos bairros antigos de Macau, as ruas são menos bem desenhadas e até pode ser um pouco difícil encontrar os monumentos, mas as placas com informações turísticas são suficientes. -Costuma jogar nos casinos? -Sim, mas aposto pouco dinheiro. O jogo é algo que nos permite divertir, mas é preciso que tenhamos dinheiro para o fazer. V.C. jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 07


DEFICIENTES RECEBEM DICAS PARA EMPREGO. Elementos dos Serviços para os Assuntos Laborais estiveram na Escola Luso-Chinesa Técnico-Profissional para realizarem um seminário sobre emprego destinado a pessoas com deficiência. O objectivo foi explicar a actual situação do mercado de emprego e fornecer técnicas para entrevistas.

local

NOVO MÉTODO DE DETERMINAÇÃO DO PRÉMIO DE CONCESSÃO

CENTRO DE FORMAÇÃO PARA ADMNISTRAÇÃO. O Centro de Formação para Hong Kong e Macau, do Instituto Nacional de Administração da República Popular da China, foi inaugurado ontem. O objectivo do centro, segundo a Secretária para a Administração e Justiça, é preparar uma equipa que “preste serviços de alta qualidade ao público”.

REGULAMENTO ADMNISTRATIVO SOBRE REMOÇÃO DE SALAS DE SLOT MACHINES

Lotes para prédios altos “Slots” à distância vão custar mais O objectivo do Governo é reflectir melhor o preço concreto das habitações. A inflação vai estar, futuramente, integrada no método de cálculo do prémio de concessão de terrenos

O

novo método de determinação do montante do prémio de concessão entra hoje em vigor. De acordo com os novos critérios, para as várias finalidades de terrenos vai haver uma diferente ascensão no montante do prémio de concessão, nos quais o maior aumento incidirá nos terrenos destinados a construção de edifícios habitacionais com mais de sete pisos, e cujo prémio vai atingir os 93 por cento. No que se refere ao valor do prémio de concessão dos terrenos afectos a finalidade de comércio e escritório, o aumento vai ser, respectivamente, de 35 por cento e 34 por cento, comparativamente com os padrões definidos em 2007. Para os terrenos afectos às finalidades de estacionamento particular, indústria ou hotel, o prémio de conces-

são para estacionamento particular terá um aumento de 40 por cento, e para indústria, caso sejam constituídos em regime de propriedade horizontal sofrerão um acréscimo na ordem dos 50 por cento. Se, por outro lado, for constituído em regime de propriedade única a subida vai ser de 53 por cento, e para hotel de 35 por cento. A distinção do cálculo para altos e baixos edifícios pretende reflectir melhor o preço concreto das habitações. E em função das necessidades do desenvolvimento social, houve, igualmente no âmbito da terceira revisão, um aumento na classificação dos arruamentos dos vários bairros, nomeadamente na Ilha Verde, Pac On, Seac Pai Van e Estrada do Altinho de Ká Hó, o que significa que o valor do prémio de concessão destes bairros vai crescer. A Administração espera que o novo método de determinação do montante do prémio de concessão possa estar bem ajustado ao mercado imobiliário, sendo que a inflação vai estar, futuramente, integrada no método de cálculo.

A lei que vai regular as “slots” e determinar a área de jogo está na última fase do processo legislativo. As máquinas que ficarem próximas das zonas comunitárias poderão ter de ser retiradas

O

Secretário para a Economia e Finanças, Francis Tam, referiu ontem que o regulamento administrativo sobre a remoção das salas de “slot machines” das zonas comunitárias propõe que a referência seja um casino, considerandose então que a área dentro de um raio de 300 a 500 metros seja considerada zona de jogo. Tudo o que ficar fora passa então a ser classificada como zona de não jogo ou comunitária. Francis Tam avançou ainda que o regulamento encontra-se na última fase do processo legislativo. Ao ser questionado sobre a remoção de salas de “slots” junto do Canídromo, Fancis Tam garantiu que, caso a população considere que estas têm um impacto negativo junto da comunidade, o Executivo vai ponderar a sua remoção. Após a promulgação da lei, o Governo vai negociar com o sector a calendarização de modo a que se proceda à remoção das “slots” das zonas comunitárias. Ontem, o Secretário encontrou-se com o deputado Ho Ion Sang, com a vice-presidente da União Geral das As-

sociações dos Moradores de Macau, Ng Siu Lai, e com outros representantes dos “Kaifong”, tendo recebido um relatório sobre o impacto que a proliferação de instalações de estabelecimentos de jogos de fortuna e azar em zonas comunitárias tem junto dos residentes. Francis Tam garantiu que o documento vai ser apreciado em pormenor. Por outro lado, explicou que desde a liberalização do jogo, a população tem um conceito e visão diferente do sector, vendoo mais como um factor de emprego. Com a entrada em vigor deste regulamento administrativo, vai ser proibido instalar salas de “slots” nas zonas classificadas como zonas comunitárias. No entanto, o Executivo só vai ter em consideração a instalação de salas daquelas máquinas em casinos, hotéis ou edifícios que se dediquem completamente ao uso comercial.

felicita

Santa Casa da Misericórdia de Macau

o Jornal Tribuna de Macau

felicita

pelo seu 29º aniversário Av. de Sidónio Pais, Nº 49B, r/c, Edf. China Plaza, Macau. Tel: 28788813 Fax: 28788223 E-mail: apomac@macau.ctm.net pág 08 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário Travessa da Misericórdia, Nº. 7 Tel: 28337503, 28337504 Fax: 28336957


Adé valorizou o patuá “pela sua crueza, bem como por ser um reflexo de uma cultura viva híbrida” – AFP

local

Patuá “está no seu leito de morte e os médicos estão a correr. Mas tem sido feito mais nesta década do que em muitas anteriores” – Harald Bruning

AFP FEZ REPORTAGEM SOBRE O IDIOMA MACAENSE

Patuá com ecos internacionais Uma das maiores agências noticiosas do mundo dedicou uma reportagem ao patuá. Aida de Jesus e Miguel de Senna Fernandes são dois dos macaenses que contam a história e perspectivas do idioma

O

patuá mereceu ontem algum destaque na imprensa internacional, graças a uma reportagem publicada na “France Presse” (AFP), uma das maiores agências noticiosas do mundo. O artigo de Judith Evans contém excertos de entrevistas a figuras ligadas ao idioma macaense, tais como Aida de Jesus e Miguel de Senna Fernandes. Aos 96 anos, Aida de Jesus é apelidada de “uma das últimas guardiãs de uma língua moribunda”. “Os meus amigos morreram todos, ninguém fala mais comigo em patuá”, lamentou-se a macaense à repórter da AFP, enquanto “ajudava a servir feijão preto brasileiro, peixe cozido português e vegetais chineses no seu restaurante Riquexó”. Em jeito de contextualização, o artigo explica que a “língua doce de Macau” remonta ao século XVI e é um “crioulo que mescla português, cantonês e malaio, para além de vestígios de hindi, japonês e de línguas de outras paragens percorridas pelos portugueses ao longo dos últimos séculos”. “Mas, com o espalhar a educação no século XIX, o uso do patuá diminuiu. Até que, no início do século XX, tornou-se numa língua apenas falada por mulheres. Foi falada em casas, com crianças e às vezes na rua, não nas escolas ou locais de trabalho”, lê-se. No século XX, é destacado o papel de José dos Santos Ferreira - conhecido como Adé e “ainda reverenciado pela comunidade” -, que valorizou o patuá “pela sua crueza, bem como por

Aida de Jesus é apontada como “uma das últimas guardiãs de uma língua moribunda”

ser um reflexo de uma cultura viva híbrida”, de acordo com a AFP. Classificado pela UNESCO como “criticamente em perigo” no ano de 2009, o dialecto continua a representar “a identidade distinta” dos seus falantes, ainda segundo o artigo. Miguel de Senna Fernandes admite que o patuá “perdeu utilidade social”, mas descreve os esforços para “dar vida a uma memória perdida”, revitalizando o seu uso. Para Judith Evans,

o advogado tem “liderado o esforço para que o patuá permaneça como uma expressão da cultura macaense”. A reportagem prossegue com a descrição de “Que Pandalhada!”, a mais recente peça do grupo de teatro Dóci Papiaçam. Manuel Noronha, um investigador da Universidade de Macau, que dedicou a sua tese de doutoramento ao patuá, aponta que a língua misturou influências internacionais, mesmo dentro de uma única palavra. E dá o exemplo de “babachai”, que significa “bebé”, e parece combinar a palavra “baba” (pai em hindi) com “chai”, um sufixo cantonense que serve para caracterizar uma pessoa pequena. Noronha considera que o patuá tem como base “o português arcaico” e está “congelado no tempo”. Na opinião deste investigador, a identidade dos macaenses “é cada vez mais diluída” e “muitos jovens com herança familiar macaense descrever-se-iam simplesmente como chineses, até porque só resta uma escola portuguesa em Macau”. Por sua vez, Miguel Senna Fernandes considera que, num território onde 95% das pessoas são etnicamente chinesas, a intenção de preservar o dialecto por parte do Governo “pode parecer morna”. “Eles querem preservar, mas não sabem exactamente o que estão a querer preservar”, atira. Harald Bruning, o director do Macau Daily Post, é referenciado como “um apaixonado militante do patuá” e defende que sejam feitas gravações de áudio aos poucos falantes fluentes do idioma. Apesar dos obstáculos, Bruning está optimista quanto às hipóteses de sobrevivência do patuá. “Está no seu leito de morte e os médicos estão a correr. Mas tem sido feito mais nesta década do que em muitas anteriores”, disse o alemão à AFP. “Hoje em dia, há possibilidade de manter a memória viva”.

jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 09


RAEM “SOUBE DESENVOLVER-SE”. O vice-presidente da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês e presidente da Federação Nacional da Indústria e Comércio da China, Huang Mengfu, que se encontrou com o Chefe do Executivo, afirmou que a RAEM soube desenvolver-se economicamente, mantendo a estabilidade social.

EXPORTAÇÕES DESCEM 4,3%. O défice da balança comercial de Macau atingiu os 39,57 mil milhões de patacas nos primeiros nove meses deste ano, mais 49,5% em relação a igual período de 2010, segundo dados oficiais divulgados ontem. As exportações durante os primeiros nove meses de 2011 diminuíram 4,3% e as importações aumentaram 40,5%.

local

INICIATIVA DO FOUR SEASONS APOIA ORFANATO E PROGRAMA DO KIANG WU

“Maratona da Esperança” contra o cancro O Four Seasons Macau vai organizar no domingo a terceira “Maratona da Esperança”, também conhecida como corrida Terry Fox, cujos fundos reverterão a favor do programa contra o cancro do hospital Kiang Wu e de um orfanato local

E

m 1980, Terry Fox, um jovem canadiano a quem tinha sido diagnosticado, aos 18 anos, cancro nos ossos da perna direita, que acabou por perder, decidiu percorrer o Canadá a pé para angariar fundos em prol da luta contra a doença. O gesto sensibilizou o fundador da cadeia hoteleira canadiana Four Seasons, Isadore Sharp, que decidiu apoiar a causa de Fox, oferendo-lhe alojamento e refeições nas cidades por onde passasse e onde a empresa tivesse um hotel. “Sharp conheceu Terry Fox, ficou tocado pela sua causa e decidiu apoiar a corrida, até porque também tinha tido problemas de cancro na sua família”, disse à Agência Lusa o director de Food & Beverage do Four Seasons Macau, Gonçalo Monteiro, um dos responsáveis pela organização da corrida na RAEM. Terry Fox correu mais de 3.000 milhas em 143 dias até 1 de Setembro de 1980, quando lhe foi diagnosticado um cancro nos pulmões, tendo acabado por morrer no Verão seguinte, aos 22 anos. A “Maratona da Esperança” conquistou os canadianos e gerou um movimento internacional pela iniciativa da Four Seasons, que há cerca de três décadas organiza por todo o mundo uma corrida em prol da luta contra o cancro. “Sharp pediu aos vários Four Seasons espalha-

A longa caminhada de Terry Fox, em 1980, deu origem à “Maratona da Esperança”

dos pelo mundo para organizarem corridas com o objectivo de angariação de fundos, que revertem a favor de instituições locais ligadas à luta contra o cancro e outras que trabalham em benefício das comunidades locais”, realçou Gonçalo Monteiro. De acordo com o responsável, a iniciativa é organizada pela maioria dos 88 hotéis que a Four Seasons tem em cerca de 50 países, designadamente em Portugal, sendo que na Ásia é a corrida de Singapura que mobiliza mais gente. “Em Macau será a terceira vez que a Four Seasons realiza a corrida”, salientou, destacando que nos últimos dois anos o hotel conseguiu angariar cerca de 160 mil patacas, que reverteram a favor do “programa contra o cancro do hospital [privado] Kiang Wu e de um orfanato local, com apenas cerca de 20 crianças”. Em 2010, participaram na “Maratona da Esperança” em Macau cerca de 300 pessoas e o objectivo do Four Seasons “é fazer melhor todos os anos porque o cancro é uma luta global e o importante é participar por uma boa causa, a correr ou a andar”, sublinhou Gonçalo Monteiro. O responsável considera “muito importante” que as empresas ligadas ao turismo e jogo, principal motor da economia de Macau, “contribuam ao máximo” a favor da comunidade local. Neste contexto, a Four Seasons vai aproveitar o 50.º aniversário que celebra este ano para “plantar o maior número de árvores no território, uma ideia que já tem o apoio do Governo, faltando apenas escolher o local e a data, que em princípio será Abril de 2012”, concluiu. JTM/Lusa

Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário www.iacm.gov.mo pág 10 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau


PREÇO DO ÓLEO A SUBIR 15 POR CENTO. O relatório de Constatação de Preços do Óleo Alimentar, do Conselho dos Consumidores, revela que desde Agosto os preços de várias marcas têm vindo a sofrer um aumento progressivo de 15%. O cálculo foi feito tendo em conta a recolha, a 26 de Outubro, de 23 amostras de diferentes marcas de óleo alimentar de 24 retalhistas.

local

CONSTRUÇÃO AJUDA À SUBIDA DO NÚMERO DE NÃO RESIDENTES. O sector da construção contratou quase 500 empregados não residentes no mês de Setembro, o que elevou os números daquela força laboral para valores próximos dos 90.000. Este valor só tinha sido alcançado em Janeiro de 2009.

ACADÉMICA DE LISBOA FALOU SOBRE NARRAÇÃO E CATÁSTROFES

Sismo de 1755 lançou debates ainda actuais Passados 256 anos do terramoto que devastou Lisboa, as questões suscitadas por acontecimentos da actualidade não se distanciam muito das que surgiram em 1755, observou ontem Helena Buescu, numa palestra em Macau. A académica destacou que aquele acontecimento do século XVIII lançou vários debates, sobretudo em torno da Teologia, e contribuiu para o aparecimento de ciências como a sismografia fátima almeida

O

“dia primeiro do corrente ficará memorável para todos os séculos pelos terramotos, e incêndios que arruinaram uma grande parte desta cidade”, escrevia a Gazeta de Lisboa cinco dias depois do sismo de 1755 que deixou a capital portuguesa em ruínas. A notícia chegou a

todo o mundo, até “ao Brasil onde não havia ainda nenhum jornal”, até porque Lisboa era a cidade mais importante da Península Ibérica e uma dais mais relevantes do panorama europeu no século VXIII. A catástrofe, que se tornou no “primeiro evento global”, marcou o início de vários debates em inúmeras áreas, observou Helena Buescu, professora catedrática da Universidade de Lisboa, que ontem proferiu uma palestra sobre a narração

e catástrofe, tendo por base o terramoto de 1755.

“Duas das maiores discussões são o debate teológico, ou seja, como compatibilizar a ideia de Deus com esta noção de um mal cego que mata pecadores, mas também mata inocentes. Por outro lado, lançou o debate político. Por exemplo o terramoto de 1755 é considerado do ponto de vista científico como o início da sismografia, de um discurso científico sobre os sismos”, explicou ao JTM Helena Buescu, acrescentando que surgiram muitas reacções jornalísticas e literárias como um “conto de Conto de Manuel da Fonseca”. Apesar de terem passado mais de dois séculos daquele acontecimento as questões que hoje surgem após algumas ca-

tástrofes são semelhantes às que em 1755 despoletaram em Lisboa, relaciona a académica, exemplificando: “As questões urbanísticas sobre o Grand Zero em Nova Iorque são discussões muito semelhantes às que se colocaram para a reconstrução de Lisboa: se Lisboa era reconstruída ou não, se deixava ficar em ruínas ou se a cidade era construída noutro sítio”. O terramoto de 1 de Novembro de 1755 é descrito como um caso “interessante porque mostra muitas vezes que aquilo a que chamamos fenómenos da natureza são na realidade uma forma de cultura e tem a ver com a discussão entre os seres humanos e a sociedade que eles formam”, salientou.

Macau na Literatura do Mundo Helena Buescu está a coordenar um projecto que visa a publicação de três antologias “em torno da noção da literatura do mundo” e em que a Universidade de Macau vai colaborar. Segundo explicou a académica, o primeiro volume será sobre as literaturas escritas em português nos vários continentes, sendo que na vertente asiática serão abordados Macau e a Índia. Já o segundo volume vai debruçar-se sobre as literaturas europeias e o terceiro fica reservado para a literatura propriamente dita, uma vez que estão a tentar reeditar peças literárias sobre as quais há pouca tradução, como a chinesa. Este trabalho será feito através de pessoas qualificadas, tendo em Macau o contributo de Yao Jing Ming poeta e tradutor de excelência, considerou Helena Buescu.

O Banco Nacional Ultramarino felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário Av. Almeida Ribeiro, Nº 22 Tel: (853) 28355111 Fax: (853) 28355653 P.O. Box 465 - Macau Website: http://www.bnu.com.mo/ E-mail: markt@bnu.com.mo jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 11


Hipotecam casas em Macau para comprar na China. Cerca de 80 por cento das casas pertencentes a um projecto de um condomínio em Tanzhou, uma zona de Zhongshan (a 15 minutos de carro da fronteira de Gongbei), foi adquirida por residentes de Macau. Segundo o jornal “Ou Mun”, os preços das habitação em Tanzhou equivalem a um oitavo dos praticados em Macau e a um terço dos valores pagos por casas em Zhuhai. Os compradores têm hipotecado as residências de Macau para pedir empréstimos com juros baixos. Muitos destes proprietários investem já a pensar numa possível abertura da fronteira durante 24 horas.

loc

OFICINA DE MÚSICA NO CLUBE AMIGOS DO RIQUEXÓ

Cavaquinho e guitarra para os mais pequ O projecto é da autoria de Marcelino Marques, da banda “Sam Ko Pang Yao”. Mas quem recebe os alunos da nova Oficina de Música é o Clube dos Amigos do Riquexó. Todas as segundas-feiras à tarde há espaço para uma oportunidade de enriquecimento musical pelas mãos das crianças. A oferta abrange todas as culturas e idiomas

D

os pequenos dedos podem sair os mais belos sons de música popular portuguesa. Sentados num banco, os primeiros alunos da nova Oficina de Música do Clube dos Amigos do Riquexó escutavam atentamente as indicações do professor Marcelino Marques sobre o lugar do “Dó-Ré-Mi”. “Este é um projecto meu”, como contou ao JTM Marcelino Marques, músico da banda “Sam Ko Pang Yao”. “Conheci Maira Bellati e o marido, que passaram pelo Festival da Lusofonia. Associei-me a eles e aceitaram este projecto. É um espaço aberto, onde as pessoas se enriquecem com os contributos que dão. É para todas as idades, mas é muito dirigido para as crianças para trabalhar na música popular portuguesa”, explicou Marcelino Marques. É na “Ludoteca Roots”, feita em parceria com o Clube de Amigos do Riquexó, que vão decorrer todas as segundas-feiras à tarde as aulas de música com diversos instrumentos, desde o cavaquinho à guitarra. “Acreditámos neste projecto. Este não é um espaço para dar aulas apenas para portugueses, temos um objectivo multicultural. Macau é um lugar de muitas culturas, temos de descobrir

os horizontes e ajudar os miúdos a estar abertos. O que queremos mostrar é que os miúdos não têm problemas de comunicação através das artes, é um meio de comunicação fantástico”, garantiu Maira Bellati, da “Marannatha Arts Society”, companhia responsável pela “Ludoteca Roots”. O primeiro dia de aulas decorreu ontem e foi “de prova”. Agora espera-se a adesão de pais e filhos. “Já abriram as inscrições. Está difícil a divulgação do espaço, não tenho a menor ideia de quantos miúdos vão vir”, disse a responsável. As turmas vão contar com um máximo de oito a 12 alunos. “Gosto de juntar idades diferentes. À medida que as coisas vão funcionando quero aumentar o horário para as 16 e as 18 horas”, garantiu o músico. O PALCO DA VIDA. A guitarra e o cavaquinho

de Marcelino Marques já levaram música a muitas pessoas. Em Lisboa, o músico já desenvolvia um projecto semelhante ao que está a desenvolver agora no Clube dos Amigos do Riquexó. “Consegui juntar mais de 100 pessoas nos claustros do Mosteiro dos Jerónimos, a convite da direcção. Juntámos as guitarras e os cavaquinhos e fizemos um grande espectáculo”, contou. Agora, o objectivo é trazer a música aos jovens de Macau. “A Oficina de Música é um espaço que pode ser aberto a pais e filhos, para contribuir para que todos nós sejamos actores. A vida é um palco, onde nos expomos aos outros. Então o que quero fazer é preparar as pessoas. A música é uma linguagem universal e penso que corresponde a uma aprendizagem para a vida”, defendeu Marcelino Marques. “Vou introduzir essencialmente

o cavaq também essas ca gens. A acresce Par por est constru sonoras que são haver c blico e coisa po instrum já feitos jectivo àquele espaço cancion blioteca trumen Ap multicu com os coisa qu ses e o ter cont porque Há uma Macau defend ra ter u portugu

UNIVERSIDADE DE MACAU felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário

pág 12

terça-feira, 01 de Novembro de


cal

uenos

quinho. Vamos tocar canções de embalar, m com instrumentos de repercussão. São anções que nos trazem grandes aprendizaA ideia é ser um espaço lúdico e de prazer”, entou. ra além de ensinar música, o responsável e projecto quer ainda criar um “atelier de ução de instrumentos musicais e esculturas s”. “Há outras vertentes. Há instrumentos o simples, que se constroem, em que pode coisas mais elaboradas, depende do púde quem está. O conceito é que qualquer ode fazer som, e fazermos nós próprios os mentos, não é só ir buscar os instrumentos s”, explicou o responsável. Mas é ainda oblevar mais pedaços da cultura portuguesa espaço de brincar. “A ideia é enriquecer o com um acervo de recolha de música, com neiros, para partilhar. Quero criar uma bia, onde cada miúdo pode trazer o seu insnto para partilhar”, disse. pesar do espaço “Roots” se assumir como ultural, Marcelino Marques está “a contar filhos da comunidade portuguesa”. “Uma ue me espanta é que os pais são portugueos filhos falam inglês. Os miúdos querem tacto com a cultura portuguesa e não têm, e são entregues a filipinas e vietnamitas. a lacuna na educação dos miúdos aqui em e eu penso que posso dar um contributo”, eu. Para o Natal, Marcelino Marques espeum grupo de alunos para espalhar a música uesa por Macau. A.S.S.

e 2011 jornal tribuna de macau

Número de cibernautas subiu 25 por cento. O número de utentes da internet em Macau cresceu 25 por cento para 204.548 no final de Setembro deste ano, comparativamente a igual período de 2010. Segundo estatísticas oficiais, no total, os cibernautas locais “navegaram” 382 milhões de horas ao longo dos primeiros nove meses deste ano, o que representa uma subida de 24 por cento. Ainda no capítulo das comunicações, Macau contava no final de Setembro com 1.291.617 utentes de telemóvel, mais 17 por cento do que um ano antes. Em contrapartida, o número de utentes de linhas telefónicas fixas diminuiu um por cento para 166.725.

Casa de Macau em Lisboa recebeu Ho Chio Meng O Procurador da RAEM, Ho Chio Meng, visitou a Casa de Macau no âmbito da sua recente deslocação a Portugal. Segundo salientou ao JTM o presidente daquela associação, António Faria Fernandes, a visita “demonstrou, uma vez mais, as excelentes relações da Casa com as autoridades da RAEM”. Durante a visita, que foi registada com muito agrado por ambas as partes, Ho Chio Meng assinou o Livro de Honra da Casa de Macau e brindou, com um Porto de Honra, à amizade entre Portugal e a RAEM.

O Macau Daily Times Felicita o Jornal Tribuna de Macau pela passagem do seu 29º Aniversário

pág 13


RESPONSÁVEL DO COI EM MACAU. O Chefe do Executivo, Chui Sai On, teve ontem um encontro com o vice-presidente do Comité Olímpico Internacional (COI) e vice-presidente do Comité Olímpico da China, Yu Zaiqing. Foi discutida a forma de continuar a popularizar a prática desportiva e promover um modelo de vida saudável na população.

local

ATLETA DA MONGÓLIA TRIUNFA NO CITY OF DREAMS. Jadamba Narantungalag, da Mongólia, foi coroado como campeão de pesos-médios na prova de artes marciais “Legend”, que terminou no sábado no City of Dreams. Jadamba derrotou Adrian Pang, da Austrália, no terceiro round.

Seminário sobre Macau teve “boa casa” no Rio

Hakkinen vai a Zhuhai mas “adia” visita ao GPM

O Rio de Janeiro acolheu a terceira edição do seminário “Macau e o Intercâmbio Sino-Luso-Brasileiro”, um evento que teve “muito boa participação”, segundo o Instituto Internacional de Macau

Mika Hakkinen estará em Zhuhai poucos dias antes da realização do Grande Prémio de Macau (GPM), mas o exbicampeão de Fórmula 1 finlandês não assistirá às provas do circuito da Guia

D

epois das sessões realizadas na RAEM e em Lisboa, o terceiro seminário subordinado ao tema “Macau e o Intercâmbio Sino-LusoBrasileiro”, organizado pelo Instituto Internacional de Macau (IIM) e Instituto Brasileiro de Estudos da China e Ásia Pacífico (IBECAP), cumpriu a etapa final no Rio de Janeiro. De acordo com o IIM, o evento decorreu na sede da Confederação Brasileira do Comércio e no Real Gabinete Português de Leitura, a mais emblemática instituição cultural lusa do Brasil, “com muito boa participação” e a presença do cônsul-geral de Portugal e do cônsul-geral interino da República Popular da China. Moderada pelo jornalista Carlos Tavares de Oliveira, a sessão realizada na Confederação do Comércio contou com intervenções da embaixadora Maria Edileuza Fontenele Reis, secretáriageral para os Assuntos Políticos do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, responsável pela zona da ÁsiaPacífico, do presidente do IBECAP, Se-

verino Cabral, e do presidente do IIM, Jorge Rangel. Na ocasião, foi feita a apresentação do opúsculo “Macau e o intercâmbio Sino-Luso-Brasileiro - Importância do Fórum de Macau para o Brasil”, palestra proferida por aquela responsável política brasileira durante o II Seminário realizado no Rio de Janeiro em 2010. O programa incluiu ainda o lançamento de uma nova edição do IIM, intitulada “À descoberta da China e dos Países Lusófonos - Potencialidades Turísticas e Estratégias Promocionais”, um volume com mais de 300 páginas, ricamente ilustrado e com ampla informação sobre o turismo na China e no mundo lusófono. No Real Gabinete foi feita a apresentação de mais uma edição do IIM, produzida em conjunto com aquele Gabinete e relativa a um estudo do investigador Carlos Francisco Moura sobre o tema “Liou She-Shun, Plenipotenciário do Império da China, Viagem ao Brasil em 1909”. Segundo o IIM, Arno Wehlig, presidente do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, enalteceu a qualidade e a oportunidade da obra. Na mesma linha, o presidente do Real Gabinete e os dois representantes consulares também elogiaram “a acção relevante e as múltiplas iniciativas” levadas a efeito pelo IIM nos últimos anos, no Brasil.

Congratulates Jornal Tribuna de Macau for its 29th anniversary

pág 14 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

F

oi feito um convite a Mika Hakkinen, para visitar o Grande Prémio de Macau este ano aproveitando a sua estadia na Ásia, na cidade vizinha de Macau. No entanto, foi recebida a informação de que Mika Hakkinen já tinha outros compromissos promocionais na mesma semana do Grande Prémio de Macau (GPM), pelo que não pôde aceitar o nosso convite”, revelou a Comissão Organizadora do GPM ao JTM. O piloto finlandês terá dito, no entanto, que gostaria de visitar o Grande Prémio de Macau numa oportunidade futura. O convite a figuras célebres do automobilismo que se destacaram no Circuito da Guia é uma prática seguida pelos promotores do GPM. Mika Hakkinen foi um dos “jovens lobos” que se evidenciou na Guia, travando um famoso duelo com Michael Schumacher na edição de 1990, numa pro-

Hakkinen e Schumacher travaram duelo aceso em Macau em 1990

va que o alemão acabou por vencer. Hakkinen vai estar em Zhuhai a participar na Intercontinental Le Mans Cup, uma prova de resistência com a duração de seis horas, que se disputa no dia 13 de Novembro. A prova contará também com o italiano Edoardo Mortara, que venceu a corrida de F3 do GPM por duas vezes consecutivas e se apresentará agora a bordo de um carro de turismo da Macau GT Cup. Em Zhuhai, aproveitará para testar o Audi com que alinhará em Macau. P.B.


local

ARTISTA LOCAL EXPÕE NA AFA. Uma exposição da artista local Peng Yun é inaugurada na sexta-feira, na AFA, no Edifício da Fábrica de Baterias, Areia Preta. Esta é a primeira exposição a solo da artista, que vai apresentar várias fotografias, bem como criações em vídeo arte.

PROGRAMA INCENTIVA JOVENS. Um programa de apoio a cerca de 500 jovens vai arrancar este mês, com o objectivo de ajudar os participantes a desenvolver valores de vida positivos. Durante a acção de formação, deverão descobrir os seus pontos fortes de modo a maximizá-los.

FIMM CHEGA AO FIM COM ESPECTÁCULO DE ÓPERA ALEMÃ

A história do atirador fracassado “O franco atirador – ópera em três actos de Carl Maria von Weber” é o espectáculo que encerra o XXV Festival Internacional de Música de Macau. O Centro Cultural vai receber amanhã, sexta-feira e sábado uma “ópera muito alemã e muito romântica”, interpretada pela Orquestra de Macau e pelo Coro do Teatro Nacional de Ópera e Ballet da Lituânia

E

ra uma vez um atirador que, subitamente, não consegue ter sucesso. Quando se apaixona por uma mulher, esta exige que ele seja bem sucedido. “Era mais do que desporto, algo social, uma actividade muito importante, tal como o golfe nos dias de hoje. E para ter sucesso, ele faz um pacto com o diabo. E este é o início da sua queda”. É esta a história de “O franco-atirador – Ópera em três actos de Carl Maria Von Weber”, um espectáculo que chega pela primeira vez ao território para encerrar mais uma edição do Festival Internacional de Música de Macau (FIIM). “É uma ópera muito alemã e muito romântica na música e também na história. Na Alemanha teve muito importância no âmbito das artes”, contou Dieter Kaegi, encenador de um espectáculo que tem como base a música do compositor Carl Maria von Weber, que viveu entre 1786 e 1826.

Apesar da diferença temporal, o encenador considera que o público vai compreender uma ópera que se mantém contemporânea. “Este é o texto original. Apenas fizemos algumas mudanças nos fatos e nos aspectos visuais. Apenas encurtámos os diálogos porque eram muito longos, mas mantém-se compreensível”, disse Dieter Kaegi.

Para estes três espectáculos de ópera, o encenador está contente por saber que vai receber um público diversificado. “O que eu ouvi é que este festival não é apenas para a população chinesa, mas também para os turistas e os estrangeiros que residem em Macau. É sempre interessante ter uma audiência com pessoas que trazem diferentes perspectivas, com uma variedade de público, e não apenas especialistas de ópera”, confessou. ÓPERA MENOS ELITISTA. Para o encenador deste espectáculo, há cada vez mais pessoas a ir ver este tipo de eventos culturais. “No século XIX, as pessoas conheciam todas as canções e foi no século XX que ela se tornou mais elitista. Ainda tem essa reputação, mas já não é verdade. A ópera está a fazer mais esforços para chegar às pessoas. A crise económica também foi boa porque nos obrigou a reinventar uma série de coisas”, garantiu, acrescentando que “a ópera europeia tem vindo a tornar-se muito popular na China”. Sobre a edição do FIIM que agora chega ao fim, Dieter Kaegi focou a “variedade” de sons que o público pôde ouvir. “Penso que é muito bom para o festival oferecer uma grande variedade de músicas, desde a ópera até ao jazz. É bom para as pessoas que vêm poderem escolher diferentes coisas em cada semana. É uma oportunidade para verem coisas com um nível artístico elevado”, salientou. A.S.S.

O Banco Comercial de Macau felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário

Felicita

felicita

o Jornal Tribuna de Macau

o Jornal

pela passagem do seu 29º aniversário

Alameda Dr. Carlos d’Assumpcao, nº 263 Edf. China Civil Plaza, 20 Andar, Macau Tel: (853) 2875 7962 Fax: (853) 2875 7964 Website: www.aciml.org.mo

Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário

jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 15


Terra treme mas árbitro manda seguir. Um terramoto de 3,6 na escala de Richter fez-se sentir este domingo na vila de Aquila, no centro de Itália, enquanto decorria o Aquila-Catanzaro. Vincenzo Todaro, que apitava a partida referente à 4ª Divisão italiana, ignorou e mandou seguir.

DESPORTO

Hamburgo na zona de despromoção. Depois de empatar no domingo 1-1 na recepção ao Kaiserslautern, o Hamburgo mantém-se na zona de despromoção à 11.ª jornada da Bundesliga. Os pupilos de Thorsten Fink têm mesmos nove pontos que o Mainz, ocupando o 16º lugar na classificativa.

SERIE A

LIGA PORTUGUESA

Lazio pula para o segundo lugar

Sporting em perseguição aos líderes

A Lazio, adversário do Sporting no grupo D da Liga Europa, foi ao terreno do Cagliari vencer por 3-0, em jogo da 10.ª jornada da Liga italiana de futebol, pulando para o segundo lugar, com 18 pontos. O internacional francês Djibril Cissé foi uma unidade influente no triunfo categórico da equipa da capital romana, ao estar envolvido nos dois primeiros golos, assistindo Lulic, aos 39 minutos, e o internacional alemão Klose, aos 44. Cissé seria substituído aos 50 minutos por Rocchi e seria justamente este a reforçar o triunfo a dois minutos do fim, marcando o terceiro golo. Com este triunfo, a Lazio subiu ao segundo lugar com os mesmos pontos da Udinese, 18, menos um do que a Juventus, líder do campeonato com 19 pontos, depois de ter batido no sábado o Inter em Milão por 2-1. Nos outros jogos, a Udinese recebeu e venceu o Palermo por 1-0, graças a um golo de Di Natale, recuperando o segundo lugar ocupado provisoriamente pelo campeão AC Milan, que tinha vencido no sábado a AS Roma por 3-2 na capital italiana, e é agora quarto classificado com 17 pontos. O Génova “tropeçou” diante da Fiorentina (1-0) e caiu para a 12.ª posição do campeonato, agora em igualdade com a equipa de Florença e o Parma, que venceu o Cesana (2-0). O Siena recebeu e goleou o Chievo (4-1), com um “bis” de Destro e um golo de D’Agostinho e Calaio. Moscardelli marcou o “tento de honra” para o Chievo. Nos restantes jogos, o Bolonha, agora 14.º classificado, venceu o Atalanta (15.º), por 3-1, e o Lecce (19.º) não foi além de um empate 1-1 com o Novara (18.º).

O Sporting, que somou a sua 10.ª vitória consecutiva frente ao Feirense, em jogo da nona jornada da Liga de futebol, manteve a perseguição ao duo da frente, Benfica e FC Porto, conservando três pontos de atraso

O

s “leões” venceram a equipa de Santa Maria da Feira por 2-0, dando sequência a uma dinâmica de vitória que lhe permitiu recuperar dos tropeções iniciais no campeonato e estar em boa posição para discutir o título com os seus principais rivais. Quem perdeu terreno para a liderança do campeonato foi o Sporting de Braga, que não foi além de um nulo na deslocação a Coimbra, frente à Académica, que tem vindo a ter um desempenho acima das expectativas, como o demonstra o actual sexto lugar, com 13 pontos. O treinador Leonardo Jardim assumiu há dias que o Sporting de Braga não luta pelo título, mas os adeptos minhotos, habituados a uma cultura de vitória nas últimas épocas, é que não estão de acordo e vaiaram-no no final da partida com os “estudantes”.

O FC Porto e o Benfica cumpriram a sua obrigação, mas os resultados de um e outro, vitórias sobre Paços de Ferreira e Olhanense, por 3-0 e 2-1, respectivamente, não exprimiram o que se passou no Dragão e na Luz. Com efeito, o resultado dos portistas, que realizaram uma exibição medíocre, não traduz as dificuldades que sentiram para levar de vencida a equipa pacense, enquanto a vitória tangencial dos “encarnados” transmite a ideia de dificuldades para superar a equipa algarvia, que não existiram na realidade. O Nacional venceu o Beira-Mar por 2-1 na despedida do treinador Ivo Vieira, que vai ser rendido por Pedro Caixinha, ex-treinador da União de

Leiria, e conseguiu sair da posição incómoda em que se encontrava na tabela, “encostando” ao Vitória de Setúbal, com 10 pontos, na oitava posição. A equipa sadina perdeu por 2-0 em Leiria, frente à União, permitindo a esta sair do antepenúltimo lugar, com nove pontos, ultrapassando de uma assentada Beira-Mar, Paços de Ferreira e Feirense, que somam sete cada um. Jogo de grande tensão foi o que opôs os dois últimos da tabela classificativa, Vitória de Guimarães e Rio Ave, com os minhotos a marcarem o golo da vitória (2-1) no derradeiro minuto do período de descontos, através de uma grande penalidade discutível. Com este triunfo “arrancado a ferros”, o Vitória pôde aliviar um pouco a pressão que recaía sobre o treinador Rui Vitória e os jogadores e deixar o lugar de “lanterna vermelha” para o Rio Ave. A 10.ª jornada encerra na segunda-feira com a partida entre o Gil Vicente e o Marítimo (madrugada de ontem em Macau). Em caso de triunfo dos insulares, o Sporting passa a ter companhia na terceira posição, já que o Marítimo somará os mesmos 20 pontos, confirmando-se como uma das boas surpresas da Liga.

felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário Telephone: 28371688 Fax: 28347798, 28329203, 28331998, 28332688

pág 16 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau


Conte comparado a Mourinho. António Conte, o técnico da Juventus desde o início da presente temporada, depois de ter alcançado a promoção à Serie A com o Siena, foi comparado a José Mourinho pela imprensa italiana, por devolver a “vecchia signora” ao topo do futebol italiano.

DESPORTO

Cristiano Ronaldo insultou adeptos. Cristiano Ronaldo está novamente no centro da polémica em Espanha depois de, no túnel de acesso aos balneários, ter sido «apanhado» a responder aos adeptos do Real Sociedad em... bom português.

LIGA DOS CAMPEÕES

Benfica e Barcelona, os invencíveis da Europa O Benfica e o “todo-poderoso” FC Barcelona, campeão europeu e espanhol em título, são as únicas equipas invencíveis em 2011/2012, entre todas as que estão, ou estiveram, na presente edição das taças europeias de futebol

O

s “encarnados” somam 12 vitórias e cinco empates, em 17 jogos oficiais, enquanto a formação catalã, que já conquistou dois troféus (Supertaça Europeia, face ao FC Porto, e Supertaça espanhola) conta 11 triunfos e cinco “nulos”, em 16. Curiosamente, e apesar de invencíveis, nem o Benfica, a efectuar o melhor arranque – à nona jornada – desde a época 1990/91 -, nem o FC Barcelona lideram os respectivos campeonatos nacionais, embora estejam perto dos líderes. O conjunto de Jorge Jesus apenas perde para o campeão FC Porto na diferença de golos, sendo que já tem a vantagem de ter empatado 2-2 no Dragão, enquanto o “onze” de Pep Guardiola

segue a um escasso ponto do Real Madrid. A exemplo dos “encarnados”, também a formação da Catalunha já empatou a dois no reduto do rival, na primeira “mão” da Supertaça, troféu que, depois, arrebatou em Nou Camp, com um triunfo por 3-2, selado pelo inevitável Lionel Messi. Em termos da fase de grupos da Liga dos Campeões, Benfica e FC Bar-

celona ostentam igualmente trajetos similares: dois triunfos e um empate, que colocam os dois conjuntos bem posicionados para seguir para os oitavos de final. A formação da Luz só cedeu pontos na recepção ao Manchester United (1-1), tendo somado dois triunfos fora – apenas havia conseguido um em todas as anteriores participações -, enquanto o “Barça” também cedeu os únicos

Porto joga hoje em Chipre Benfica amanhã na Luz Como de costume esta jornada da Liga dos Campeões divide-se por dois dias, destacando-se na próxima madrugada em Macau, o APOEL-FC Porto, enquanto o Benfica recebe o Basileia no dia seguinte no estádio da Luz. São os seguintes os encontros de hoje: Grupo E: Racing Genk-Chelsea e Valencia-Bayer Leverkusen; Grupo F: Arsenal-Marseille e Borussia DortmundOlympiakos; Grupo G: Zenit St. Petersburg-Shakhtar Donetsk e APOEL Nicosia- FC Porto; Grupo H: BATE Borisov-AC Milan e Viktoria Plzen-Barcelona. Amanhã realizam-se os restantes encontros: Grupo A: Bayern Munich-Napoles e Villarreal-Manchester City; Grupo B: Inter Milan-Lille e Trabzonspor-CSKA Moscow; Grupo C: Benfica- Basel e Manchester United-Otelul Galati; Grupo D: Ajax Amsterdam-Dinamo Zagreb e Lyon-Real Madrid

pontos no seu reduto e face a outro campeão europeu, o AC Milan (2-2). Entre os conjuntos dos 53 países do “ranking” da UEFA, existem mais equipas invencíveis, mas nenhuma delas está, ou esteve, nas taças europeias em 2011/2012. A Juventus, que procura regressar aos “velhos tempos”, depois de ter sido atirada para a “Série B” por casos de corrupção, é a mais notável, com cinco triunfos e quatro empates no campeonato italiano, que lidera. As outras formações sem derrotas são Fenerbahçe (Turquia), Atromitos (Grécia), AEL Limassol (Chipre), Radnicki (Sérvia), Debrecen (Hungria), Vardar (Macedónia), Hibernians (Malta), Gravenmacher (Luxemburgo) e AC Libertas (São Marino). A lista integrava também o surpreendente Levante, que perdeu domingo a liderança e a invencibilidade na Liga espanhola, após sete vitórias e dois empates, ao cair por 2-0 no reduto do Osasuna, em encontro da 11.ª jornada.

felicita o Jornal Tribuna de Macau pelo seu 29º aniversário

Av. da Amizade, Nºs. 273-279, r/c -Macau Tel: 28595512, 28570004, 28786684 Fax: 28516856, 28533975 Websit: http://www.atfpm.org.mo E-mail: info@atfpm.org.mo jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 17


volta ao MUND Afastado perigo de cheias em Banguecoque A primeira-ministra tailandesa, Yingluck Shinawatra, declarou ultrapassado o perigo de agravamento das inundações que afectam alguns bairros de Banguecoque e disse que serão necessários três meses para que as zonas industriais alagadas possam retomar as suas actividades. “A situação melhorou”, disse a chefe do Governo tailandês numa conferência de impresa após uma reunião com o gabinete de crise do Executivo. Ainda que o centro de Banguecoque tenha escapado às inundações, muitos bairros da capital, principalmente nas zonas norte e este, ficaram alagados, situação idêntica à de várias províncias do centro do país que continuam inundadas. Cerca de 14 mil empresas, foram obrigadas a encerrar devido aos prejuízos causados pelas inundações. “Esperamos que depois da descida das águas, as zonas industriais retomem a sua actividade em três meses se for possível reparar os danos nos equipamentos”, disse Yingluck Shinawatra.

Seul quer aprofundar diálogo com Norte A Coreia do Sul procura uma terceira ronda de diálogo com a Coreia do Norte de forma a tentar retomar as conversações a seis sobre o desarmamento nuclear de Pyongyang, revelou ontem a agência Yonhap. Na nova ronda de contactos, Pyongyang deveria, segundo Seul, mostrar que tem o firme propósito de renunciar ao seu programa nuclear, referiu uma fonte do Ministério sulcoreano dos Negócios Estrangeiros, citada pela agência Yonhap. Seul não fixou, contudo, uma data para a eventual terceira ronda de contactos, que daria continuidade a encontros anteriores realizados já este ano entre as duas Coreias para debater o regresso à mesa das negociações a seis.

actual

China lança nave espacial A China anunciou que vai lançar amanhã uma nave espacial para tentar a primeira acoplagem com um laboratório que se encontra em órbita há cerca de um mês

A

experiência será o embrião da primeira estação espacial chinesa, numa proeza tecnológica até agora conseguida apenas pelos Estados Unidos e a Rússia. A nave será lançada às 05:58 (hora local), cerca de uma hora antes do sol nascer, da base de Jiuquan, na província de Gansu, noroeste da China, disse um porta-voz do programa espacial chinês. Trata-se da Shenzhou-8, que irá acoplar com o laboratório espacial Tiangong-1, lançado no passado dia 29 de setembro, e que se encontra numa órbita situada a 343 quilómetros da Terra. A acoplagem deverá ocorrer dois dias após o lançamento da Shenzhou-8, precisou a porta-voz, Wu Ping. Entretanto, duas missões tripuladas já começaram a preparar-se para a mesma operação, em 2012, quando a China tenciona lançar a Shenzhou-9 e a Shenzhou-10. Os membros da tripulação já foram seleccionados e estão a treinar os procedimentos manuais para a acoplagem, indicou Wu Ping numa conferência de imprensa no Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan. Se tudo correr como programado, a primeira estação espacial chinesa estará operacional em 2020. Até agora, apenas os Estados Unidos e a Rússia conseguiram dominar esta tecnologia, e o Japão e a União Europa têm recorrido àqueles dois países para acoplar à Estação Espacial Internacional que

Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais

NOTIFICAÇÃO EDITAL N.º 271/2011 (Pagamento da multa aplicada) Raimundo Vizeu Bento, Chefe do Departamento de Inspecção do Trabalho, manda que se proceda, nos termos dos artigos 14.° e 15.° do Regulamento Administrativo n.º 26/2008 - Normas de funcionamento das acções inspectivas do trabalho, conjugados com os artigos 58.°, n.º 2 do artigo 72.° e n.º 2 do artigo 136.° do Código do Procedimento Administrativo, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 57/99/M, de 11 de Outubro, à notificação da transgressora da Notificação n.° 224/IA/2011, sociedade “Ginásio Estrela Limitada”, sita na Avenida Concórdia, n.º 85, Edifício Wang Hoi, Torre A, 14.° andar A, em Macau, para no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do 1.° dia útil seguinte ao da publicação dos presentes éditos, proceder ao pagamento da multa aplicada na aludida notificação, no valor de Mop$200,00 (duzentas patacas), por prática da infração administrativa prevista nas alíneas b) e c) do n.º 1 do artigo 6.° do Decreto-Lei n.º 60/89/M, Regulamento da Inspecção do Trabalho, de 18 de Setembro, e punida no n.º 6 do artigo 6.° do mesmo regulamento, devendo ainda, nos 5 (cinco) dias subsequentes ao do termo do atrás citado prazo, fazer prova do pagamento efectuado. As cópias da informação e do despacho, a notificação e a guia de depósito deverão ser levantados, dentro das horas normais de expediente, no Departamento de Inspecção do Trabalho, sita na Avenida do Dr. Francisco Vieira Machado, n.ºs 221-279, Edificio “Advance Plaza”, 1.° andar, Macau, sendo facultada a consulta do processo em causa, instruído por estes Serviços. Decorridos os prazos, sem que tenha sido dado cumprimento à presente notificação, as cópias de todos os documentos acompanhadas do comprovativo de cobrança coerciva serão remetidos à Repartição das Execuções Fiscais da Direcção dos Serviços de Finanças para ser efectuada a cobrança coerciva nos termos legais. Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais - Departamento de Inspecção do Trabalho, aos 24 de Outubro de 2011. O Chefe do Departamento, Raimundo Vizeu Bento

pág 18 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

Confirmadas armas nucleares na Líbia. O primeiroministro interino da Líbia confirmou a presença de armas químicas na Líbia e disse que inspectores internacionais chegam esta semana para averiguarem a situação. Mahmoud Jibril garantiu que a Líbia não tem qualquer interesse em manter esse arsenal bélico.

se encontra em órbita. O Tiangong-1 (Palácio Celestial), previsto para operar durante dois anos, pesa 8,5 toneladas e tem 10,4 metros de altura e um diâmetro máximo de 3,35 metros. Nesse período, a China deverá também lançar as suas primeiras mulheres astronautas. O primeiro astronauta chinês, Yang Liwei, foi para o espaço em Outubro de 2003 e cinco anos depois, o seu compatriota Zhai Zhigang saiu da nave e efectuou o primeiro passeio espacial.


Neve no Leste dos EUA faz oito mortos. Uma forte tempestade de neve, invulgar para o mês de Outubro, atingiu a costa Leste dos Estados Unidos e provocou pelo menos oito mortos e deixando sem energia eléctrica cerca de três milhões de lares.

actual

Lucro da Toshiba encolhe 18,7%. A Toshiba fechou o terceiro trimestre com lucros de 199 milhões de euros, menos 18,7% do que o registado em igual período de 2010, anunciou ontem o fabricante tecnológico japonês.

China

Política “um casal, um filho” é para continuar A drástica política de controlo da natalidade imposta pela China há trinta anos (“Um casal, um filho”), continuará em vigor para permitir ao país “manter um baixo índice de reprodução, afirmou a responsável pelo planeamento familiar chinês

A “

sobre-população continua a ser um dos maiores desafios ao desenvolvimento social e económico”, disse a ministra que dirige a Comissão Estatal da População e Planeamento Familiar, Li Bin, a propósito do nascimento do cidadão 7.000.000.000 do planeta, assinalado ontem pela ONU. Numa entrevista difundida pela agência noticiosa oficial chinesa, Li Bin salientou que, se a China não tivesse

adoptado a política de “um casal um filho”, no final da década de 1970, a sua população já teria excedido 1.700 milhões, mais 400 milhões do que os actuais cerca de 1.340 milhões.

ONU elege bébé filipino A ONU elegeu simbolicamente uma filipina, Danica May Camacho, nascida com 2,5 kgs pouco depois da meia-noite em Manila, com o bebé sete mil milhões. No entanto, a escolha não é pacífica: Índia e Rússia também reclamam para si o título. Tecnicamente, ninguém sabe ao certo onde nasceu ou nascerá o habitante que assinala mais um degrau na escalada demográfica mundial. Ainda assim, e apesar da contestação, funcionários das Nações Unidas já visitaram e presentearam os pais da pequena Danica com um bolo de chocolate onde se pode ler “bebé sete mil milhões”. A menina, cujo nome significa “estrela da manhã”, contará ainda com uma bolsa que visa assegurar o seu acesso à educação e os pais vão receber ajuda financeira para poderem abrir uma loja.

Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais

A esperança média de vida da população chinesa, entretanto, subiu para 73,5 anos e o índice de mortalidade infantil é considerado baixo entre os países em vias de desenvolvimento. “Temos de continuar a seguir a politica actual, elevar a qualidade da população e optimizar a sua estrutura para alcançar o desenvolvimento sustentável da população, da sociedade, do ambiente e da economia”. Defendeu Li Bin. A ministra chinesa reconheceu, contudo, que “além da sobre-população, a China continua confrontada com outros desafios relacionados com a população, incluindo o desequilíbrio entre o número de homens e de mulheres e o envelhecimento da sociedade”. Ao contrário do que aconteceu na

Europa e no Japão, a China começou a envelhecer antes de se tornar rica. Os chineses com mais de 60 anos (a idade da reforma) já representam 13,2% da população, apenas menos 3,3 pontos dos que têm menos de 14 anos, e em 2050, a percentagem chegará a 34% mais de um terço! O país onde vive hoje 19% da humanidade terá então um quarto de toda a terceira idade do planeta e a sua população activa descerá para 750 milhões, quase menos 200 milhões do que em 2011. Alem de abortos e esterilizações forçadas, denunciadas nomeadamente pelo advogado Chen Guangcheng, a imposição da política de “um casal, um filho” provocou uma acentuada diferença entre o número de homens e de mulheres. Dada a tradicional preferência por filhos do sexo masculino, os únicos que perpetuam o apelido da família e apoiam os pais na velhice, muitos casais interrompem a gravidez se o feto for do sexo feminino. Oficialmente, por cada 100 raparigas nascem 118 rapazes, quando o ratio considerado normal é de 103 para 107, e dentro de poucos anos, haverá mais vinte milhões de homens do que mulheres. Tibetanos, mongóis, uigures e as outras 52 minorias étnicas do país, que no conjunto representam 8% da população, estão isentas de seguir a política de “um casal, um filho”.

Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais

NOTIFICAÇÃO EDITAL N.º 269/2011

NOTIFICAÇÃO EDITAL N.º 270/2011

(Exercício do direito de defesa)

(Reparação coerciva)

Considerando que não se revela possível notificar, nos termos dos artigos 10.° e 58.° do Código do Procedimento Administrativo, aprovado pelo Decreto-lei n.º 57/99/M, de 11 de Outubro, a sociedade “GINÁSIO ESTRELA LIMITADA”, sita na Avenida Concórdia n.º 85, Edifício Wang Hoi, Torre A, 14.° andar A, em Macau, pessoalmente, por ofício, telefone, ou outra forma, sobre a matéria acusada pela eventual infracção ao disposto da Lei n.º 7/2008 - Lei das relações de trabalho, Raimundo Vizeu Bento, Chefe do Departamento de Inspecção do Trabalho, manda que se proceda, nos termos do n.º 2 do artigo 11.° do Decreto-Lei n.º 52/99/M, de 4 de Outubro, conjugado com o artigo 94.° do mesmo código, à notificação da sociedade “GINÁSIO ESTRELA LIMITADA” por a referida sociedade não ter observado o n.º 2 do artigo 17.° e n.º 1 do artigo 31°., ambos da Lei n.º 7/2008, respectivamente inobservância de celebração dos contratos de trabalho de forma escrita com os menores JING YUXIA e LEI NENG FAI, bem como a não comunicação à DSAL, por meio de apresentação das respectivas cópias no prazo de quinze dias a contar da data da sua celebração, em virtude de os dois trabalhadores menores em causa terem sido admitidos ao trabalho pela aludida sociedade em 04/06/2010. Dos factos acima referidos, nos termos da alínea 2) do n.º 1 do artigo 88.° do mesmo diploma, a infracção ao n.º 2 do artigo 17° da mesma Lei é punida com multa de MOP5,000.00 (cinco mil patacas) a MOP10.000,00 (dez mil patacas) por cada trabalhador, em relação ao qual a infracção se verificar, perfazendo assim o cúmulo material da pena de multa em MOP10.000,00 (dez mil patacas) a MOP20.000,00 (vinte mil patacas) e, nos termos da alínea 3) do n.º 2 do artigo 88°. do mesmo diploma, a infracção ao n.º 1 do artigo 31° da mesma Lei, é punida com multa de MOP1,000.00 (mil patacas) a MOP5.000,00 (cinco mil patacas) por cada trabalhador, em relação ao qual a infracção se verificar, perfazendo assim o cúmulo material da pena de multa em MOP2.000,00 (duas mil patacas) MOP10.000,00 (dez mil patacas). Face ao exposto, é facultado ao notificado o exercício do seu direito de defesa por escrito no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do 1.° dia útil seguinte ao da publicação do presente édito. A notificação da acusação em causa pode ser levantada no D.I.T., sita na Avenida do Dr. Francisco Vieira Machado, nºs 221-279, edifício “Advance Plaza”, 1.º andar, Macau, dentro das horas de expediente, sendo também permitida a consulta do respectivo processo n.º 7533/2010. Após a falta de apresentação de defesa escrita pelo notificado, dentro do prazo acima referido, é aplicada a multa. Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais, aos 24 de Outubro de 2011. O Chefe do Departamento, Raimundo Vizeu Bento

Raimundo Vizeu Bento, Chefe do Departamento de Inspecção do Trabalho, manda que se proceda, nos termos do n.º 3 do artigo 9.º e do artigo 11.º do Regulamento Administrativo n.º 26/2008 - Normas de funcionamento das acções inspectivas do trabalho conjugados com os artigos 58.°, n.º 2 do 72.º e n.º 2 do 136.º do Código do Procedimento Administrativo, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 57/99/M, de 11 de Outubro, à notificação da transgressora do Auto n.º 251/0708/2011, de 16 de Setembro de 2011, sociedade ROYAL WEALTH LIMITADA, para no prazo de 15 (quinze) dias, a contar do 1.º dia útil seguinte à da publicação dos presentes éditos, proceder ao pagamento da multa aplicada no aludido auto, no valor de Mop$1.585.000,00 (um milhão, quinhentas e oitenta e cinco mil patacas), por prática das transgressões laborais previstas na alínea 5) do artigo 10.º, n.º 3 do artigo 62.º, nos artigos 75.º e 77.º e punida nas alíneas 2) e 6) do n.º 1 e alíneas 4) e 5) do n.º 3 do artigo 85.º da Lei n.º 7/2008 - Lei das relações de trabalho, de 18 de Agosto, bem como, no mesmo prazo, proceder ao pagamento das quantias em dívida às trabalhadoras CHE KIT LIN, CHAU IOC SIM, LAO I HAN, SUN IOK MIO, LAM SIO LENG, LAM CHOI HA, LAM SOl FONG, CHIO IM U, KUOK FONG LENG, HO OI, LAO IN LENG, AO MEl KENG, CHAO KAM SIO, CHEONG IEOK HONG, IEK WAI IENG, LEI LAI SAN, LEONG KAM HOU, CHAN WENG MUI, TAl CHOI NGO, CHEONG UT WA, LEONG KUAI SAN, SOU CHOI FONG, CHEANG KUN MUI, WONG CHOU KUN, LAO SIO MENG, CHANG SI WENG, KAM IOK KUN, LOU IOK SAM, IP MAN FAN, CHEONG KIM FONG, CHIO HOU PENG, TANG SOK KENG, MA CHENG FONG, LON SOK I, CHANG OI CHIO, LAM WAI CHAN, LEONG FONG HENG, LAM PEK CHI, LEONG WENG NGAI, CHEOK SIO IN, CHEONG SIO CHAN, LEONG OI LIN, WU LAI I, KUONG IENG CHU e WONG LAI FONG, no valor de Mop$940.303,30 (novecentas e quarenta mil, trezentas e três patacas e trinta avos), devendo ainda, nos 5 (cinco) dias subsequentes ao do termo do atrás citado prazo, fazer prova do pagamento efectuado. A cópia do auto, a notificação, o mapa de apuramento das quantias em divida às referidas trabalhadoras e as guias de depósito deverão ser levantados, dentro das horas normais de expediente, no Departamento de Inspecção do Trabalho, sita na Avenida do Dr. Francisco Vieira Machado, n.ºs 221-279, Edifício “Advance Plaza”, 1.º andar, Macau, sendo facultada a consulta do processo em causa, instruído por estes Serviços. Decorridos os prazos, sem que tenha sido dado cumprimento à presente notificação, seguir-se-á a tramitação judicial, com a remessa do auto ao Juízo. Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais - Departamento de Inspecção do Trabalho, aos 27 de Outubro de 2011. O Chefe do Departamento, Raimundo Vizeu Bento

jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 19


Dito

“Ora dizes tu, ora digo eu”

opinião

Titulo do “Hoje Macau”

Há 20 anos

Vemos, Ouvimos e Lemos

In “Jornal de Macau” e “Tribuna de Macau” 01/11/1991

O SENADO É LEAL MAS ALGO VAGAROSO Reagindo com assinalável presteza a uma circular deste Jornal, o Leal Senado, em sessão ordinária de 18 de Outubro, deliberou no sentido de inserir um anúncio de um quarto de página no Jornal de Macau para nos felicitar pela passagem do nono aniversário. Tradicionalmente a questão não chega a ser decidida, porque quando vai à sessão já o aniversário do Jornal passou, perdendo objectivo a análise da questão. Por isso mesmo, ao longo de nove aniversários, só uma vez a Câmara Municipal teve oportunidade de nos felicitar, em contraste, aliás, com a Câmara das Ilhas, que nunca falhou esse objectivo. Desta vez, tomada a decisão no dia 18 quando o aniversário do Jornal era a 29, parecia que a coisa ia. Não foi. Com data de 31 de Outubro, foi-nos hoje entregue o ofício em que o Leal Senado nos comunica a sua decisão e a maqueta do anúncio que desejava inserir. Tarde demais, portanto, para que possamos satisfazer a deliberação. Agradecendo a intenção (que afinal é o que conta), fica-nos a preocupação de saber se situações semelhantes não ocorrerão também em situações mais graves. Se em outros casos, quando o Leal Senado manda o remédio ao doente, este não estará já enterrado. Provavelmente os serviços da Câmara nem acharão excessivo que sejam necessários 13 dias para elaborar um simples ofício, mas se alguém tivesse feito um simples telefonema informando da decisão, deixando para mais tarde a formalização do ofício, talvez acabasse por se dar eficácia prática às decisões que a Câmara toma... e que a burocracia inviabiliza.

Maria Lourenço*

Ser (se) Humano... A

final, não há oposição entre emoção e racionalidade... Isto, no parecer do conceituado investigador português, António Damásio, radicado nos USA, torna-se bastante tranquilizador para quem não pode fugir à “civilização do écran”, a que Macau se rendeu, muito antes de Portugal... No dia em que, tardiamente, eu fechava a leitura de “O Sentimento de Si”, que dá continuidade à “pedrada no charco”, no limiar do milénio, que foi “O Erro de Descartes”, também da autoria daquele nosso insigne compatriota, “descobri” uma outra investigadora: Rosalind Picard. Trabalha no “Massachusets International Laboratory of Tecnology”, numa perspectiva que completa e aperfeiçoa a tese de António Damásio. Essa professora terá lido (em versão electrónica?...) “The Feelings of What Happens”, a tradução americana do livro de Damásio que reitera a tese segundo a qual “a capacidade de decisão e o conhecimento dependem de um fundamento biológico e regulador de que a emoção é um aspecto” e daí surgiu a inspiração para uma tentar uma descoberta que será outro passo revolucionário no âmbito das nanotecnologias ! Tal como ele, aquela investigadora defende que “para sermos capazes de sentir que existimos e estamos vivos, que temos uma mente, sabendo que essa mente é nossa, é necessário fazer uma representação do nosso organismo, através da representação do corpo no cérebro. Aquilo a que chamamos consciência é o estabelecer de uma relação entre um objecto e as modificações que ocorrem no corpo durante o período em que se percebe o objecto que pode estar no interior do nosso cérebro”. A professora americana está a ultimar um computador com capacidade para analisar e sintetizar as emoções do utilizador - coisa que, para os “experts” em novas tecnologias, provavelmente, já não constituirá novidade... Com os outros compartilharei, então, a entusiasmante convicção da pesquisadora: através da instalação de um sofisticado sistema em adornos de

todos os dias - que Macau tão bem saberá promover - anéis, brincos, relógios são transmitidos sinais biológicos, tais como a pressão sanguínea, contracção muscular e respiração. Esses objectos, longe de se tratar de comuns extravagâncias do mercado de consumo, parece certo que serão promovidos a instrumentos inteligentes - menor certeza se tem quanto à faculdade dos utilizadores compulsivos das novas tecnologias puderem vir a emocionar-se, num tempo que poderá coincidir com o lançamento desses promissores computadores... Todas as pesquisas mostram que a emoção tem um papel fundamental na tomada de decisão, na criatividade, em todas as funções cognitivas. Ora, os computadores têm as capacidades extraordinárias que lhes reconhecemos, mas falta-lhes inteligência. A partir da descoberta de Rosalind Picard poderão, futuramente, vir a exprimir as emoções que atuarão na máquina !.. Nos seus testes no “Massachusets International Laboratory of Tecnology”, diz ter, entretanto, conseguido, que os computadores captem a alegria, a cólera e o ódio. Só não informa para quando, o medo (de estarmos, progressivamente, a anular a condição humana), nem a decisão de acabar com as agressões ambientais, as desigualdades e todas as outras formas de violência em expansão e, também, idealmente, numa versão com penetração mais frutuosa que o esquecido “computador Magalhães”, a detecção e erradicação do tão português “contentamento descontente”... Por hora, contentemo-nos com a expectativa à volta da pesquisa da professora americana, Rosalind Picard e da questão suscitada pelas brilhantes conclusões do expatriado cientista português António Damásio, sobre a relação entre o sentimento e a racionalidade: a arte será, a par da ciência, o caminho para encontrar, enfim, resposta às questões do Ser (se) Humano !

TRIBUNAL JUDICIAL DE BASE Juízo Cível ANÚNCIO

ICQ dental team is a group of dental specialists with internationally recognized qualifications. We provide all range of dental services: − Oral examination and radiology investigation − Restorative and Cosmetic Dentistry − Children Dentistry − Orthodontic Treatment − Oral and Dental implant Surgery – Endodontic Treatment − Periodontal Treatment − Emergency Treatment We are committed to deliver high quality dental services with personalized care. We ensure the highest level of infection control.

Website:www.icqoral.com

Consultation by appointment: Mon to Sat: 10:30am - 7:30pm Sun: 10:30am - 2:00pm Tue and public holidays: closed

Execução Ordinária nº CV2-08-0098-CEO

Exequente: Lei Kuoc Peng, masculino, casado, de nacionalidade chinesa, residente na Av. Coronel Mesquita, edf. Caravela Court, 24° andar G, Macau. Executado: Lam Kai Meng, masculino, de nacionalidade chinesa, residente na Av. de Artur Tamagnini Barbosa, edf. Jardim Cidade, bloco 7, 5° C, Macau. Faz-se saber que nos autos acima indicados são citados os credores desconhecidos dos executados para, no prazo de quinze dias, que começa a correr depois de finda a dilação de vinte dias, contada da data da fixação do presente edital, reclamar o pagamento dos seus créditos pelo produto dos bens penhorados sobre que tenham garantia real e que são os seguintes: Bens penhorados 1° Denominação: Direito da 1/2 indivisa inscrita a favor do executado Lam Kai Meng da fracção autónoma designada por “B2” do 2° andar “B” Situação: n° 1 do Pátio dos Velhos e n° 18 da Calçada das Verdades. Fim: Para habitação. Número de matriz: art° 013154 Número de descrição na Conservatória do Registo Predial: nº 7648, do Livro B25 a fls. 72. Número de inscrição da propriedade horizontal: nº 11730, do livro nº F13, a fls. 81 vº. 2° O montante de MOP$2.000,00 (duas mil patacas) que o executado tem direito a receber no “Plano de Comparticipação Pecuniária no Desenvolvimento Económico do ano 2010”. 3° O montante de MOP$1.333,33 (mil trezentas e trinta e três patacas e trinta e três avos) que o executado tem direito a receber no “Plano de Comparticipação Pecuniária no Desenvolvimento Económico do ano 2011”. Macau, aos 20 de Outubro de 2011. O Juiz, Jerónimo Santos A Escrivã Judicial Principal, Loi Wai Leng

Tel: 28373266 Fax: 28356483 Email: appoint@icqoral.com Avenida da Praia Grande, Nº 665, Edifício Great Will, 2º Andar A

pág 20 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

2° Juízo Cível

2ª Vez

“JTM” - 1 de Novembro de 2011

* Professora/jornalista. Ex-residente em Macau.

ANÚNCIO Anuncia-se, para os devidos efeitos, que conforme deliberação dos sócios de 14 de Outubro de 2011, foi deliberada a dissolução e o encerramento da L & P - INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO, LIMITADA, com sede na Avenida Doutor Mário Soares, n.º 25, Edifício Montepio, Ap. 25, 2.º andar, em Macau, registada na Conservatória dos Registos Comercial e de Bens Móveis sob o n.º 25.765(SO), O acto supra mencionado foi devidamente registado na aludida Conservatória pela inscrição a que se refere a apresentação n.º 48/19102011 e o título em que se baseou o mesmo encontra-se arquivado na respectiva pasta, pelo que a referida sociedade é considerada extinta, para todos os efeitos legais. Macau, 25 de Outubro de 2011 Pela Administração, Jim Tsai


“Em termos gerais podemos garantir que defenderemos até aos limites, os princípios Humanitários, Democráticos e de são convivência que são as mais distintas marcas da secular vida de Macau..”- José Rocha Dinis

opinião

editorial

“(...) “Coisa feita com pressa é coisa mal feita”, dizia Confúcio. O mestre sabia do que falava: casou cedo e teve um rapaz. Mas a seguir vieram duas meninas. Há 2500 anos não faltavam noivas..” - Leonídio Paulo Ferreira

José Rocha Dinis

29 anos depois H

oje, o Jornal Tribuna de Macau comemora a entrada no 29º ano ininterrupto de publicação. Desde 30 de Outubro de 1982, como semanário, e após 1 de Novembro de 1998, como diário resultante da fusão com o “Jornal de Macau”. Hoje é o único diário local em Língua Portuguesa que se publica seis vezes por semana. Estamos à beira de entrar no 30 º ano de publicação, um marco na imprensa diária local, não confessional, em Língua portuguesa. Ao longo dos séculos, muitos foram os diários em Macau que apareceram e desapareceram. A passagem do 29º ano é, desde já, um record que nos orgulha, e que nos acarreta ainda maior responsabilidade. Tem sido um percurso tão trabalhoso, como difícil mas fascinante. Muitos foram os profis-

tribuna

sionais que por aqui passaram, sendo a Tribuna conhecida como uma escola prática de jornalismo. Orgulha-nos também que tenha sido nas páginas da Tribuna que muitos membros das comunidades locais, portuguesa e chinesa, iniciaram as suas colaborações escritas. A todos a minha gratidão, com uma palavra especial, para alguns que faleceram nestas décadas, mas fazem parte da História do jornal e de Macau. Tivemos sempre objectivos estratégicos bem definidos. A “nossa gente” é a população que nasceu e trabalha em Macau. A comunidade de lusofalantes que reconhece a seriedade de processos que fazem parte do nosso Estatuto Editorial e que reconhece credibilidade e qualidade no trabalho diário que apresentamos, em Língua Portuguesa. Membros de outras comunidades residentes em

Leonídio Paulo Ferreira

Macau têm-nos dado provas de que acreditam no JTM, acompanhando-nos nesta já longa jornada. É para todos eles que trabalhamos. Não temos dúvidas que se o passado e o presente foram difíceis, o futuro será igualmente repleto de desafios. Agora numa renovação constante, estamos crentes que, com trabalho sério e determinação, continuaremos a servir Macau. Aproveitando o avanço das novas tecnologias, estaremos abertos a todas as correntes de opinião e sem “tabús” noticiosos. Em termos gerais podemos garantir que defenderemos até aos limites, os princípios Humanitários, Democráticos e de são convivência que são as mais distintas marcas da secular vida de Macau.

um ponto é tudo

Ferreira Fernandes

Chineses cheios de massa mas com falta de mulheres

As mamas das ucranianas

P

T

odem continuar a traficar jovens das aldeias ou a mandar vir vietnamitas, mas a escassez de mulheres em idade de casar é já uma realidade na China. E no final da década faltarão 40 milhões de noivas. A culpa é da política de filho único, que dura há 30 anos. E da tradicional preferência por um rapaz. Mima-se hoje de tal forma esses meninos que até são chamados de pequenos imperadores. Deviam nascer 105 chinesinhos por cada 100 chinesinhas. É a regra biológica. Mas a facilidade com que na China endinheirada se tem acesso a ecografias fez disparar os abortos selectivos. Por isso, nascem 122 rapazes por cada 100 raparigas, 130 em certas províncias. Mas não se pense que a sociedade chinesa é assim tão mais machista que o resto - apenas imagina o filho a cuidar dos pais velhos, enquanto a filha servirá outra família. Preconceito idêntico ocorre na Índia, onde um provérbio diz que “criar uma filha é como regar a horta do vizinho”. Aliás, os chineses até tiveram no último século várias mulheres poderosas, como a imperatriz Ci Xi, a Madame Chiang Kai- -shek ou Jiang Qing, a viúva de Mao. Mas sobretudo nas cidades, onde a política de filho único é mais rígida, os casais insistem em ter um rapaz. Só que além de os condenarem a não ter irmãos e sobrinhos, estão a fazê-los penar para ter mulher. E há já pais a juntar uma espécie de dote para vender melhor o filho casadoiro, mais uma área em que o capitalismo parece dar cartas na China comunista. Desde 2010 segunda economia mundial, a China duplica a riqueza a cada sete anos. Com a crise da dívida soberana, europeus e americanos olham com cobiça para as reservas de divisas chinesas, que vão nos três biliões de dólares. A nível interno, a febre consumista é tremenda, como bem o sabem os carros alemães e os vinhos franceses. Ora é com espírito prático que as novas classes abastadas tentam resolver o problema do celibato. O site www.95195.com anuncia noivas à medida.

Mas como não passa de promessas, há quem prefira mulheres sequestradas nas províncias pobres. E até quem importe dos países vizinhos. É uma imitação da Coreia do Sul, onde 11% dos casamentos são já mistos. O desequilíbrio entre os sexos é perturbador para qualquer sociedade. Há quem diga que potencia a violência. No caso da China está a ter uma consequência curiosa, notada por um sexólogo da Universidade de Xangai: 90% dos homossexuais casavam, mas agora, com a falta de mulheres, assumem mais a sua opção, também ajudados pelas brechas na moralidade confucionista. Porém, com poucos velhos e crianças, a China atravessa um momento em que tudo joga a favor da economia, tamanha é a população activa. O que virá a seguir é que assusta. Neste dia em que a ONU assinala o habitante sete mil milhões, a China relembra que poupou ao planeta 400 milhões, justificação para a sua política demográfica. O drama é como obteve esse sucesso, imposto pelo regime e com resultados relâmpago. “Coisa feita com pressa é coisa mal feita”, dizia Confúcio. O mestre sabia do que falava: casou cedo e teve um rapaz. Mas a seguir vieram duas meninas. Há 2500 anos não faltavam noivas. JTM/DN

irando as sociedades sem válvula de escape para o vapor - como vimos em alguns países árabes -, as manifestações não servem para derrubar governos. O mais longe a que chegam é amplificar uma ideia, e, aí, o tamanho conta pouco. Um dia, o então líder radical italiano Marco Pannella fez uma greve de fome. Ele, que era pela desobediência civil, na esteira de um Luther King, por que escolhera uma forma violenta de manifestação individual (mais, só imolar-se pelo fogo)? No dia seguinte, Pannella recebeu os jornalistas a comer uma perna de galinha. Explicou-se: “Respeito demasiado a vida humana para fazer uma greve de fome sem comer.” As ucranianas do grupo Femen seguem esse respeito por nós próprios e essa eficiência em passar a mensagem. Elas atacam o governo por fechar os olhos aos bordéis e temem o pior quando os turistas vierem ao Europeu de Futebol, em 2012. Então, elas dão o corpo ao manifesto: vão para a rua de mamas ao léu. As fotos têm corrido mundo e nunca se viram polícias tão felizes a correr atrás de manifestantes. Mas, além da propaganda eficiente, há também a justeza com que defendem a sua causa. Ser contra bordéis é identificado com moralismo, o que a exposição dos corpos das mulheres do Femen desmente: elas não são contra o sexo, mas contra a violência empregada pelo submundo no tráfico das mulheres. Da perna de galinha de Pannella às mamas das ucranianas, um ponto comum: manifestar-se com a cabeça. JTM/DN jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 21


Brad Pitt esconde computadores dos filhos. O actor Bard Pitt escondeu os computadores dos filhos por considerar que passavam demasiado tempo a jogar nos PCs. O pai de seis crianças (Maddox, 10 anos, Pax, sete, Zahara, seis, Shiloh, cinco anos, e os gémeos Knox e Vivienne, de três anos) quer que passem tempo a brincar juntos.

lazer

Joanna Krupa preocupa-se com os direitos dos animais A modelo americana, de origem polaca, Joanna Krupa que ficou em quarto lugar no concurso “Dancing With The Stars” tem revelado uma imensa preocupação com os direitos dos animais. Protagonizou quatro campanhas da PETA, algumas recebidas com polémica, e neste ano de 2011 tem ganho crescente visibilidade em revistas de todo o mundo. Este facto levou a que tivesse sido convidada para ser júri do concurso “Poland Next Top Model”, mas Joanna já esclareceu que toda a publicidade que tem recebido não vai alterar as suas preocupações sobre os animais.

França recordou George Brassens. A França recordou o halo libertário de George Brassens, autor irreverente falecido há 30 anos, e que marcou a poesia e a canção francesa do século passado com a ironia crítica dos seus versos e a sobriedade da sua viola.

Milla Jovovich deslumbra em calendário da Campari A ex-modelo e actriz Milla Jovovich protagoniza o calendário de 2012 da Campari e as fotos são absolutamente deslumbrantes. Sob o tema «É o fim do Mundo», Milla surge magnífica em várias fotos, com um copo da bebida na mão enquanto atrás de si se sucedem cenários apocalípticos com cheias, sismos e poluição, por exemplo. Aos 35 anos, Milla sucede a nomes como Jessica Alba e Eva Mendes no famoso calendário. Numa das imagens, o vestido azul de Milla simula uma onda gigantesca, como se fosse um tsunami, enquanto noutra das fotos o cabelo da actriz imita um tufão. Apenas 9.999 cópias do calendário são impressas, que são depois distribuídas aos principais clientes e colaboradores da Campari.

Madonna prepara regresso Steven Tyler mostra para os Jogos Olímpicos foto após queda Madonna tem planeado um concerto grandioso no Hyde Park de Londres para coincidir com o início dos Jogos Olímpicos na capital inglesa. «Ela acredita que não há melhor oportunidade que essa», contou uma fonte ao Sun. A artista tem outra aparição de vulto preparada para o mercado americano: em 2012, deverá ser Madonna a actuar no intervalo do Super Bowl. Quanto ao novo álbum, é certo que chegará em 2012 com um single de avanço a ser revelado no primeiro trimeste. De acordo com o site de fãs Madonnarama.com, o título da canção deverá ser «Give Me All Your Love». Segundo a mesma fonte, M.I.A. e Nicky Minaj são convidadas. Uma outra possível interveniente no disco é St. Vincent que, em entrevista ao NME, não negou a hipótese.

O vocalista dos Aerosmith, Steven Tyler, enviou uma foto sua após a queda que sofreu no fimde-semana passado num hotel no Paraguai para o programa de televisão da NBC «Today Show». A imagem mostra o cantor com cortes na fronte e no lábio, bem como os dois dentes da frente partidos. Tyler disse que a queda enquanto tomava duche se deveu a um problema gastro-intestinal e a desidratação, o que o fez perder os sentidos. Tyler, um dos membros do júri do «American Idol», tem um passado de consumo de drogas e álcool, mas o veterano rocker garantiu que a queda nada teve a ver com isso.

felicita

O Macau Daily Post

o Jornal Tribuna de Macau

felicita o Jornal Tribuna de Macau

pelo seu

pela passagem

29º aniversário

do seu 29º Aniversário pág 22 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

Add.: 82-86, Rua dos Pescadores, 2º, Bl. B, C, Macau Tel: 28337972 - Fax: (853) 28330571 E-mail: welfare@macau.ctm.net


TDM Sport 03:45

Arsenal vs Marselha tdm 13:00 13:30 14:30 16:30 18:00 18:30 19:30 20:30 21:00 21:30 22:00 23:00 23:30 00:00 00:30 01:00

Roteiro

40 star movies TDM News - Repetição Jornal das 24h RTPi DIRECTO Feirense - Sporting (Rep.) That 70s Show TDM Desporto (Repetição) Amanhecer Telejornal TDM Entrevista Cougar Town Passione TDM News Magazine Liga dos Campeões Landmarks (Ex-Líbris) Telejornal (Repetição) RTPi DIRECTO

12:45 13:35 15:35 17:20 19:25 21:00 23:50

The Walking Dead Mighty Joe Young Deadly Impact Bad Boys Alvin And The Chipmunks Avatar The Code

41 HBO 12:00 13:45 15:30 17:30 19:50 22:00 23:50

Ace Ventura When Nature Calls Big Daddy The Time Traveler’S Wife Hulk Tears Of The Sun Couples Retreat The Bounty Hunter

30 ESPN

42 Cinemax

15:30 17:30 19:30 20:00 20:30 21:00 22:00 22:30

12:00 14:00 16:00 17:10 19:00 20:30 22:00 23:50

Women’s College Volleyball AFC 2011 Suwon Samsung Bluewings vs Al Sadd (LIVE) Sportscenter Asia Wgc HSBC Champions Preview Emotions - Sports Magazine Winter X Games Sportscenter Asia AFC 2011 Jeonbuk Hyundai Motors vs Al lttihad

Escape From Alcatraz Kill Speed The Invisible Man Fahrenheit 451 Exterminator 2 Best Of The Best 4 Rocknrolla Delta Force 2

19:00 20:00 21:00 22:00 22:30 23:00

World War II In Colour Ghost Lab Rogue Nature With Dave Salmoni Lost Tapes Destroyed In Seconds A Haunting

51 NGC 13:00 14:00 15:00 16:00 17:00 18:00 19:00 20:00 21:00 22:00 23:00 00:00

Truth Files Long Way Down Dragon Chronicles In The Womb Built For The Kill Dog Whisperer Most Amazing Moments Megastructures The Indestructibles Hooked Search For The Giant Octopus The Indestructibles

54 History

13:00 Modern Marvels 14:00 Prehistoric Monsters Revealed 16:00 Pawn Stars 17:00 The Pickers 18:00 Modern Marvels 19:00 Life After People 20:00 Modern Marvels 43 MGM 21:00 Greatest Tank Battles 12:15 Love Bites 22:00 Battleplan 14:00 In the Custody of Strangers 31 Star Sports 23:00 Hidden Cities 15:45 Mission of the Shark 13:30 Engine Block 2011 14:00 Lake Malaren Shanghai Masters 17:30 Death Wish V: The Face of Death 00:00 Swamp People 17:00 International Motosport News 19:15 A Doll’s House 18:00 Palembang Musi Championship 21:00 The Case of the Hillside Stranglers 55 Biography Channel 22:45 The Fortune Cookie 13:00 Intervention 19:00 Commonwealth Bank 00:45 588 Rue Paradis 14:00 Road to Hajj Tournament of Champions 19:30 Inside Racing 2011 15:00 Storage Wars 20:00 Le Mans Series 2011 17:00 Flip This House 50 Discovery 21:00 Engine Block 2011 18:00 Sell This House 13:00 Mythbusters 21:30 (LIVE) Score Tonight 18:30 Caesars 24/7 14:00 Dual Survival 22:00 FINA Aquatics World 2011 19:00 Road to Hajj 15:00 Man Vs. Wild 22:30 Golf Focus 2011 20:00 Tycoons Of Asia 16:00 Deadliest Catch 23:00 MotoGP WC 2011 - Malaysian 17:00 Rampage! 21:00 Gene Simmons: Family Jewels Motorcycle Grand Prix 22:00 Heavy (South Carolina) 18:00 How It’s Made 23:45 Inside Racing 2011 18:30 How Do They Do It? 23:00 Road to Hajj

62 AXN 14:00 14:55 15:45 16:35 17:25 18:15 19:10 20:05 20:35 21:05 22:00 22:55 23:50

The Amazing Race Justified CSI: Crime Scene Investigation Leverage Ncis: Los Angeles The Voice Hawaii Five-0 Criss Angel Mindfreak Sony Lifestyle Tv Magazine Ncis: Los Angeles House The Voice House

63 Star World 13:05 14:00 14:55 15:25 17:15 18:10 19:05 19:30 20:00 20:55 21:50 22:45 23:40

Hell’s Kitchen America’s Next Top Model Melissa & Joey Castle America’s Next Top Model Junior MasterChef Australia How I Met Your Mother Melissa & Joey Hell’s Kitchen America’s Next Top Model Greek Junior MasterChef Australia How I Met Your Mother

82 RTPi 14:00 15:35 15:57 16:27 16:59 18:00 18:51 19:39 20:06 21:00 22:20 23:00 23:43 00:15 02:45

Telejornal Madeira Gostos E Sabores Magazine Austrália Contacto Mudar De Vida Bom Dia Portugal O Elo Mais Fraco Resistirei A Alma E A Gente Os Presidentes Jornal Da Tarde O Preço Certo Magazine Austrália Contacto Mudar De Vida Palcos Portugal Em Directo

HBO

Serviço de atendimento a clientes

19:50

28822866

Tears of the Sun

www.macaucabletv.com

cinema

Cineteatro Sala 1 You are the apple of my eye Um filme de: Giddens. Com: Michelle Chen, Chen-Tung Ko.

14:30H 16:30H 19:30H 21:30H Cineteatro Sala 2 mayday 3dna

Um filme de: Kung Wen Yen. Com: May Day, Richie Jen.

14:30H 16:30H 19:30H 21:30H Cineteatro Sala 3 SpyKids:Allthetimeintheworld Um filme de: Robert Rodriguez. Com: Jessica Alba, Jeremy Piven.

14:30H 16:30H 19:30h Torre de macau Bridesmaids

Um filme de: Paul Feig. Com: Kristen Wiig, Maya Rudolph.

14:30H 16:45h 19:15h 21:30H

Clube Militar de Macau

Avenida da Praia Grande, 975, Macau Tel: 28714000 Telefones Úteis

Número de Socorro Bombeiros PJ (Linha aberta) PJ (Piquete) PSP Serviços de Alfândega Centro Hospitalar Conde S. Januário Hospital Kiang Wu CCAC IACM DST Aeroporto Táxi (Amarelo) Táxi (Preto) Água - Avarias Telecomunicações - Avarias Electricidade - Avarias Directel Rádio Macau

999 28 572 222 993 28 557 775 28 573 333 28 559 944 28 313 731 28 371 333 28 326 300 28 387 333 28 882 184 59 888 88 28 519 519 28 939 939 2990 992 1000 28 339 922 28 517 520 28 568 333

anima Sociedade Protectora dos Animais Sociedade de Macau Sociedade Protectora Protectora dos Animais Telefone: dos Animais de Macau de Macau 28715732 / 63018939 Telefone: fax: fax: 28715732 / 63018939 28703224

Comissão do Grande Prémio de Macau

Atribuição de subsídio a pilotos locais participantes nas corridas no exterior em 2012 I. Requisitos do pedido e critérios de atribuição do subsídio 1. O requerente, ao abrigo do nº 1 do artigo 34º do Decreto-Lei nº 67/93/M, de 20 de Dezembro, deve satisfazer uma das seguintes condições: 1) Ser natural da Região Administrativa Especial de Macau (R.A.E.M.); 2) Ser de nacionalidade portuguesa ou chinesa e ter na R.A.E.M. a sua residência há mais de 1 ano; 3) Residir na R.A.E.M. há, pelo menos, 3 anos. 2. O requerente deve, ainda: a) Ser sócio da Associação Geral de Automóvel de Macau, China (AAMC), e ser portador de todas as licenças legais e indispensáveis para a participação em corridas no exterior e obter a representividade da AAMC; b) Ter terminado e obtido classificação oficial nas corridas do Grande Prémio de Macau (GPM) realizado no ano de 2011. 3. A atribuição de subsídio será limitada à participação em corridas homologadas pela Fédération Internationale de Motocyclisme (FIM) ou pela Fédération Internationale de l’Automobile (FIA), devendo estas competições no exterior ser do mesmo tipo e de nível equivalente ao da efectivamente participada pelo piloto requerente no GPM em 2011 (motos, carros de turismo ou fórmula 3). A atribuição está sujeita aos seguintes padrões de avaliação: 1) Classificação geral numa das corridas do Grande Prémio de Macau realizado no ano de 2011 (em comparação com o resultado dos primeiros 3 classificados na mesma corrida), analisando o nível de competição do requerente nestas corridas; 2) Classificação geral do requerente nas corridas realizadas no exterior (em comparação com o resultado dos primeiros 3 classificados da mesma corrida), analisando-se o nível de competição do requerente nestas corridas; 3) Potencialidade de desenvolvimento do requerente no desporto motorizado (incluindo idade, etc.); 4) Importância e popularidade da corrida em que irá participar, analisando-se o nível de competição do requerente em diferentes tipos de corridas, internacionais ou regionais; 5) Efeito promocional e divulgação de Macau. 4. A atribuição será calculada com base na percentagem correspondente à participação efectiva nas corridas declaradas pelo piloto no pedido de atribuição de subsídio no ano de 2011.

II. Documentos a apresentar com o requerimento: 1) Carta de pedido, indicando obrigatoriamente o valor do subsídio requerido; 2) Plano de actividades (incluíndo a designação, datas, locais e os nos. das corridas exterior da RAEM e respectivas mangas); 3) Mapa pormenorizado das despesas previstas; 4) Curriculum vitae do requerente; 5) Cópia do B.I.R. do requerente; 6) Cópia do cartão de sócio na Associação Geral de Automóvel de Macau, China; 7) Cópia de todas as licenças legais e indispensáveis para a participação em corridas exterior da RAEM; 8) Documento comprovativo da obtenção de representatividade da Associação Geral Automóvel de Macau, China; 9) Prova de participação obrigatória e obtenção de resultados oficiais das corridas Grande Prémio de Macau no ano de 2011; 10) Prova da classificação final e oficial do requerente obtida em corridas realizadas exterior da RAEM no ano de 2011.

no

no de do no

III. Qualquer alteração às informações apresentadas deve ser comunicada dentro do prazo de 30 dias a contar da apresentação do pedido de subsídio, com declaração expressa do motivo justificativo, findo o qual, salvo comprovadas situações de cancelamento por parte da organização do evento ou motivos de força maior, o piloto terá necessariamente que concretizar as restantes corridas que no pedido de atribuição de subsídio declarou ter a intenção de participar, para lhe ser reconhecido o direito ao subsídio. Os interessados podem apresentar o requerimento, a partir do dia 1 até ao dia 31 de Janeiro de 2012, na Comissão do Grande Prémio de Macau. Endereço da Comissão do Grande Prémio de Macau: Nº.207, Av da Amizade, Edif. do Grande Prémio de Macau. Telefone: (853) 87962200 ou 87962204.

jornal tribuna de macau terça-feira, 01 de Novembro de 2011 pág 23


jornal tribuna de macau www.jtm.com.mo Administração, Direcção e Redacção: Calçada do Tronco Velho, Edifício Dr. Caetano Soares, Nos4, 4A, 4B - Macau Caixa Postal (P.O. Box): 3003 Tel.: (853) 28378057 Fax: (853) 28337305 • Email: jtmagenda@yahoo.com e jtmpublicidade@yahoo.com

última

Ultimazinhas Em busca de co-produções entre Hollywood e China

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) reviu ontem em baixa as previsões de crescimento económico para a zona euro no próximo ano, de dois por cento para 0,3. A dias do começo da reunião do grupo das 20 maiores economias do mundo, em Cannes, França, a OCDE efectuou um corte acentuado nas previsões que tinha realizado em Maio para a zona euro, segundo as quais a região iria crescer dois por cento em 2011 e o mesmo valor em 2012, passando agora a prever um aumento do PIB de 1,6 por cento para este ano e de 0,3 para o ano seguinte.

Sobe desemprego em Portugal A taxa de desemprego em Portugal voltou a agravar-se em Setembro, fixando-se nos 12,5%. A variação tem já em conta o fim do efeito sazonal positivo que o Verão tem no mercado laboral, através da criação de posto de trabalho temporários. Em Junho e Julho registaram-se duas descidas consecutivas

pág 24 terça-feira, 01 de Novembro de 2011 jornal tribuna de macau

fonte: serviços meteorológicos e geofísicos www.smg.gov.mo

hoje

amanhã 22 C 270C 0

22 C 270C 0

câmbios - indicativos Pataca Compra US Dólar 7.95 EURO 11.13 yuan (rpc) 1.206

fonte: bnu

Venda 8.05 11.27 1.270

Palestina entra na UNESCO

O Festival Internacional de Cinema Digital regressa hoje a Macau com a participação de profissionais de 15 países e a expectativa de que venham a ser firmadas parcerias para co-produções entre Hollywood e a China. Scott Billups, realizador e produtor especialista em 3D, Elizabeth Avellán, produtora de filmes como “Machete”, “Sin City” e “Spy Kids”, Gabor Csupo, que produziu os primeiros 65 episódios de The Simpsons e Randal Kleiser, realizador de “Grease”, são alguns dos convidados desta edição. Ivo M. Ferreira é o único português entre os oradores do evento, que vai ter lugar entre hoje e quinta-feira no Four Seasons contando com nomes de destaque do cinema chinês, como o relizador e actor, Li Yang, o produtor Zhao Jie e o empresário de Hong Kong, Percy Fung, entre outros. O director artístico do festival, Randall P. Dark, garantiu à agência Lusa que a “edição deste ano será maior e melhor”, salientando que a organização tem “adorado realizar o evento em Macau por ser um lugar muito especial”. “Quando juntamos criativos, queremos que isso aconteça num ambiente que os fascine e os inspire e Macau tem essa capacidade ao aliar a história, o património português, e o ambiente de Las Vegas”, sustentou. Ao realçar a importância do festival por “ajudar a criar laços de confiança entre a China e a América e oferecer a oportunidade a profissionais do cinema de várias partes do mundo de se conhecerem para poderem trabalhar em conjunto”, Randall Dark considera que “Macau é o local perfeito porque é neutro”. “Não é Hong Kong, não é China, não é América, é Macau e isso é muito especial”, acrescentou.

0,3 de crescimento na zona euro

tempo

para 12,5% e 12,4%, respectivamente, com uma estagnação em Agosto.

Ucranianas em topless contra o Euro2012 Um grupo de mulheres em topless do grupo Femen protestou frente ao estádio Arena Lviv, na Ucrânia, contra o facto de o Euro2012 trazer ao país “turismo sexual, prostituição e consumo de álcool”, como alegam. A Ucrânia organiza o Euro2012 em conjunto com a Polónia e o estádio Arena Lviv, inaugurado no domingo à noite, é um dos principais palcos do evento. No dia da inauguração do reestruturado Estádio Olímpico de Kiev-que vai receber a final do Euro2012 - activistas conseguiram mesmo entrar (e despirse) no relvado para mostrar o seu desagrado.

ver vídeo na edição online do jtm www.jtm.com.mo

A UNESCO decidiu aceitar a Palestina como membro do organismo, uma subida do estatuto dos palestinianos, que eram até agora entidade observadora no organismo. A organização cultural foi a primeira agência da ONU a quem os palestinianos pediram para ser membro de pleno direito desde que o líder palestiniano Mahmoud Abbas entregou um pedido, na assembleia-geral, para a adesão de um Estado palestiniano à própria ONU. Os Estados Unidos ameaçaram cortar financiamento à UNESCO caso a organização aceitasse a Palestina como membro de pleno direito.

JTM regressa na quinta Devido ao feriado do Dia dos Finados, o JORNAL TRIBUNA DE MACAU não se publica amanhã regressando ao convívio dos leitores no dia seguinte, quinta-feira, 3 de Novembro. O JTM aproveita a ocasião para desejar um bom feriado a todos os seus leitores, colaboradores e anunciantes.

fecho desta edição jtm - 01:00horas


JTM 01-11-2011