Issuu on Google+

Prédio da Calçada do Gaio que ameaçava tapar Farol irrita grupo de moradores

3ª edição do “Sound & Image Challenge” salta fronteiras

PÁg 8

澳 門 論 壇 日 報

PÁg 9

Director José rocha Dinis | Director Editorial executivo Sérgio Terra | Nº 4015 | sexta-feira, 27 de abril de 2012

10 Patacas

VERBA ATRIBUÍDA PELA FUNDAÇÃO MACAU JÁ COMEÇOU A SER TRANSFERIDA NO 1º TRIMESTRE

Mais 8,5 milhões para a EPM A Escola Portuguesa de Macau já começou a receber no primeiro trimestre deste ano parte dos 8,5 milhões de patacas, aprovados e atribuídos pela Fundação Macau, que vão custear algumas das despesas de funcionamento do estabelecimento de ensino,

revelou ao JTM José Luís Sales Marques, administrador e portavoz da Fundação da EPM. Este valor corresponde a 49% do défice orçamental da escola. Em relação ao subsídio atribuído no ano passado regista-se uma descida de 200 mil patacas. Pág 3 Casinos sem desculpas para deixar entrar menores de 21 anos

Pág 2

Expansão do Galaxy obriga a investimento de 16 mil milhões de HKD Pág 7 Irmão de Bo Xilai apresentou demissão de empresa estatal

última

JTM volta no dia 2 Devido às comemorações do Dia do Buda e do Dia do Trabalhador, o JORNAL TRIBUNA DE MACAU regressará ao convívio dos leitores na quarta-feira, dia 2. Aos nossos leitores, colaboradores e anunciantes aproveitamos para desejar bons feriados.

Chefe defende prudência e planos a longo prazo PÁG 5


BOMBEIROS EM FESTA. Como celebração do seu 129º aniversário o Corpo de Bombeiros tem prevista para hoje uma série de iniciativas. Pelas 8 horas haverá o hastear da bandeira no Posto Operacional do Lago Sai Van, às 9 horas uma missa na Capela do Cemitério de S. Miguel Arcanjo, e, pelas 19h30, um jantar de confraternização no restaurante Plaza.

local

PRÉMIOS PARA EMPREGADOS COM DEFICIÊNCIA. Irão decorrer, entre 2 e 31 de Maio, as inscrições para a “5ª Edição do Projecto sobre Prémios de Excelência para os Melhores Empregados Deficientes”. A cerimónia de atribuição de prémios será realizada no 3º trimestre do ano, com os vencedores a receberem 6.000 patacas e uma taça.

ENFERMEIROS QUEREM FORMAÇÃO CONTÍNUA. Macau necessita de apostar na formação contínua de enfermeiros em várias áreas de especialização, por forma a criar uma equipa profissional com diferentes níveis, defendeu Estela Ma, enfermeira-adjunta da Direcção do Centro Hospitalar Conde de São Januário, durante as comemorações do Dia Internacional do Enfermeiro.

local

SINOSKY TEVE PERDAS DE 43,5 MILHÕES. A Sinosky Energy, fornecedora de gás natural, registou prejuízos de 43,5 milhões de patacas em 2011, noticiou a Macau Business. A empresa, cujas perdas acumuladas já ascendem a 92,5 milhões, está a negociar com o Governo da RAEM uma possível revisão dos termos do contrato.

VERBA ATRIBUÍDA PELA FUNDAÇÃO MACAU JÁ COMEÇOU A SER TRANSFERIDA NO 1º TRIMESTRE

Clarificada responsabilidade de casinos

Mais 8,5 milhões para a Escola Portuguesa

As operadoras não vão poder alegar desconhecimento ou negligência caso alguém menor de 21 anos entre ou trabalhe num casino. Esta foi uma clarificação feita na proposta de lei entregue à Assembleia Legislativa. Mas quem, com menos de 21 anos, já esteja contratado quando esta lei entrar em vigor vai beneficiar de um regime de excepção, desde que o casino informe a a Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos

Corresponde ao financiamento de 49% do défice orçamental da instituição de ensino e que antes era assegurado pela Fundação Oriente. Valor atribuído pela Fundação Macau para este ano lectivo é mais baixo 200 mil patacas, mas Sales Marques, administrador e porta-voz da Fundação da EPM, assegura que é a verba suficiente para se manter o regular funcionamento da escola. Saída da Fundação Oriente já está negociada com Ministério da Educação, mas falta o acerto de vários pormenores

FOTO ARQUIVO

PROPOSTA DE LEI QUE ESTABELECE IDADE MÍNIMA PARA JOGO EM 21 ANOS

helder almeida

A

proposta de lei que estabelece os 21 anos como a idade mínima para a entrada, trabalho e jogo nos casinos regressou à Assembleia Legislativa (AL) e deverá entrar em vigor a 2 de Julho deste ano. No novo texto está ainda claramente estabelecido que as concessionárias podem ser punidas com multas entre as 10 mil e as 500 mil patacas se o permitirem, não podendo alegar negligência ou desconhecimento. Não há muitas alterações feitas à proposta de lei inicial. Mas um dos pontos acrescentados estabelece que os trabalhadores das concessionárias, quando no exercício de funções de fiscalização da entrada nos casinos, possam não só solicitar prova de idade às pessoas que pretendam frequentar os casinos, como também vedar a entrada a quem se recuse fazê-lo.

Seguranças vão poder vedar a entrada a quem recuse mostrar a identificação à entrada

Para o jogador ou trabalhador menor de 21 anos são preconizadas multas entre as mil e as 10 mil patacas. As sanções podem ser aplicadas, para além da entrada, por recusa de identificação a um agente da PSP ou inspector da Polícia Judiciária, por entrada num casino de onde tenha sido expulso há menos de três dias úteis, por violação das regras dos jogos, por causar distúrbios ou vender quaisquer bens ou serviços no interior do espaço, sem autorização da concessionária. A excepção para a entrada limitada prende-se com quem, com menos de 21 anos, já esteja contratado quando esta lei entrar em vigor. Mas as concessio-

nárias estão obrigadas a enviar para a Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos (DICJ), num prazo de 30 dias, uma lista com os trabalhadores que satisfaçam este requisito. Noutro ponto, a lei estabelece que os montantes apostados e o valor dos prémios ou outros benefícios dos jogos de fortuna ou azar ganhos pelas pessoas interditas de jogar revertem para a RAEM. Quanto às operadoras, a falta de colaboração com a Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos (DICJ), por exemplo, pode levar à aplicação da sanção mais grave: uma multa de meio milhão de patacas.

A fiscalização de quem entra nos casinos fica a cargo, dos inspectores da DICJ e respectivas chefias, agentes da PSP e inspectores da PJ, directores dos casinos e os seguranças das operadoras. As concessionárias e subconcessionárias ficam ainda responsáveis por adoptar as medidas adequadas a assegurar o cumprimento do disposto na lei. Os casinos podem impedir a entrada ou determinar a saída de alguém, “sem prejuízo do princípio da não discriminação, nomeadamente por motivos de sexo, raça, etnia, cor, ascendência, nacionalidade, local de residência, língua ou religião”. O director da DICJ pode ainda interditar a entrada em todos os casinos, ou em apenas alguns deles, pelo prazo máximo de dois anos, às pessoas que o requeiram ou que confirmem requerimento apresentado para este efeito por cônjuge, ascendente, descendente ou irmão. Mas o interessado pode pedir em qualquer momento a revogação da interdição, só que a mesma só produz efeitos 30 dias após o pedido. O Chefe do Executivo, os titulares dos principais cargos do Governo, membros do Conselho Executivo e membros dos órgãos sociais das concessionárias ou das sociedades gestoras, assim como os seus convidados quando acompanhados por eles (relativamente aos casinos abrangidos pela respectiva concessão) não podem jogar, mas podem entrar livremente nos casinos. Há outra norma ainda que interdita os funcionários das concessionárias de jogar nos casinos explorados pela respectiva entidade patronal.

TUI JULGOU PROCEDENTE RECURSO SOBRE CASO QUE ENVOLVE TERRENOS NA PENHA

Chefe vence processo contra Pedro Chiang O Tribunal de Última Instância julgou procedente um recurso interposto pelo Chefe do Executivo num caso que envolveu a concessão de terrenos na Penha ao empresário Pedro Chiang

A

disputa judicial, agora julgada no Tribunal de Última Instância (TUI), foi desencadeada em Maio de 2009, quando o então Chefe do Executivo, Edmund Ho, decidiu declarar a nulidade de um despacho datado de Julho de 2006. Em causa estava a troca do direito de propriedade de dois prédios urbanos localizados na Calçada e no Beco do Lilau, com áreas de 63 e 236 metros quadrados e pertencentes ao empresário Pedro Chiang, pela concessão para arrendamento de um lote com 669 metros quadrados, situado junto à Estrada da Penha. Segundo recorda o TUI, o despacho assinado pelo Chefe do Executivo em Maio de 2009 fundamentou-se no facto do procedimento que culminou na referida troca ter envolvido actos de corrupção passiva para acto ilícito, pelo qual foi condenado judicialmente o então Secretário para os Transportes e Obras Públicas, Ao Man Long. Pedro Chiang, que mais tarde viria a ser condenado por corrupção activa, recorreu da anulação do despacho

e viu o Tribunal de Segunda Instância (TSI) dar-lhe razão em Outubro de 2011, “por preterição da formalidade da audiência dos interessados” no procedimento que conduziu ao despacho de 2009. No entanto, o Chefe do Executivo decidiu levar o caso até ao TUI, que acabou por revogar a decisão da Segunda Instância. Na perspectiva do Chefe do Executivo, era evidente que tratando-se de uma declaração de nulidade do despacho anterior, “a Administração encontrava-se vinculada a essa nulidade, pelo que os eventuais factos ou motivos a apresentar pelos interessados se mostrariam totalmente irrelevantes e inócuos, nunca passíveis de alterar o sentido do acto”. Além disso, o Chefe do Executivo argumentou que o despacho impugnado pelos recorrentes “não foi praticado ao abrigo de um poder discricionário da Administração”, mas sim “no âmbito de um poder estritamente vinculado”. Recordando ter ficado provado que o procedimento da troca dos terrenos envolveu a prática de um crime de corrupção passiva por acto ilícito, por parte de Ao Man

Long, o texto do recurso frisava ainda que, “com ou sem a audiência prévia dos interessados, o acto contenciosamente recorrido teria sempre que ser aquele”. Estes argumentos acabaram por merecer a concordância do TUI que, num acórdão datado de quarta-feira, salienta que “o que interessa é que está definitivamente assente que na base do acto administrativo está a prática de um crime de corrupção, pelo qual foi condenado o corrupto passivo”, facto que “inquina irremediavelmente o despacho de 6 de Julho de 2006”. Segundo o acórdão do TUI, a audiência de Pedro Chiang antes da anulação da concessão foi considerado como “uma formalidade não essencial”. Sobre esta questão, o juiz Viriato Lima expressou opinião diferente, sem prejuízo de subscrever o acórdão. Na declaração de voto de “vencido em parte”, Viriato Lima sustenta a propósito que “em qualquer momento de aplicação do Direito é essencial o contraditório”, na medida em que contribui para uma melhor qualidade da decisão, mesmo quando esteja em causa o exercício de “poderes vinculados”.

jornal tribuna de macau Propriedade: Tribuna de Macau, Empresa Jor­na­lística e Editorial, S.A.R.L. • Administração: José Rocha Dinis • Director: José Rocha Dinis Director Editorial Executivo: Sérgio Terra • Grande Repórter: Raquel Carvalho • Redacção: Fátima Almeida, Helder Almeida, Pedro André Santos e Viviana Chan • Colaboradores: José Luís Sales Marques, Miguel Senna Fernandes, Rogério P. D. Luz (S. Paulo) e Rui Rey • Colunistas: Albano Martins, António Aresta, António Ribeiro Martins, Daniel Carlier, Henrique Manhão, João Guedes, Jorge Rangel, Jorge Silva, Luis Machado e Luíz de Oliveira Dias • Grafismo: Suzana Tôrres • Serviços Administrativos e Publicidade: Joana Chói (jtmpublicidade@yahoo.com e jtmagenda@yahoo.com) • Agências: Serviços Noticiosos da Lusa e Xinhua Impressão: Tipografia Welfare, Ltd • Administração, Direcção e Redacção: Calçada do Tronco Velho, Edifício Dr. Caetano Soares, Nos4, 4A, 4B - Macau • Caixa Postal (P.O. Box): 3003 • Telefone: (853) 28378057 • Fax: (853) 28337305 • Email: jtmagenda@yahoo.com (serviço geral) pág 02 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

helder almeida

A

Escola Portuguesa de Macau (EPM) já começou a receber no primeiro trimestre deste ano parte dos 8,5 milhões de patacas, aprovados e atribuídos pela Fundação Macau, que vão custear algumas das despesas de funcionamento do estabelecimento de ensino, revelou ao JTM José Luís Sales Marques, administrador e porta-voz da Fundação da EPM. Este valor foi aprovado no último trimestre de 2011, ainda não foi publicado em Boletim Oficial e corresponde a 49% do défice orçamental da escola, que era assumido pela Fundação Oriente e que agora tem sido suportado oficiosamente pela Fundação Macau. Em relação ao subsídio atribuído no ano passado regista-se uma descida de 200 mil patacas: o valor aprovado tinha então sido de 8,7 milhões. Mas Sales Marques assegura que as verbas atribuídas este ano correspondem “mais ou menos” ao que foi pedido e que, mais importante, “são suficientes para manter um regular funcionamento da escola, sem prejudicar a qualidade”. Desvalorizando a descida do valor do subsídio, explica que “o saldo da escola por vezes varia”, pelo que a razão para esses 200 mil a menos se prende “a um défice menor neste ano, em relação ao ano transacto”. Este é um apoio “essencial” para a escola, e sem o qual seria difícil funcionar, mantendo a mesma qualidade de

Subsídio atribuído pela Fundação Macau está de acordo com o que foi solicitado pelos responsáveis da Fundação da EPM

ensino. “Se calhar teríamos de subir as propinas”, refere Sales Marques. No segundo semestre será definido o pedido de subsídio para o próximo ano lectivo. Esta forma de financiamento não é a ideal, de acordo com o que Sales Marques já tinha explicado noutra ocasião ao JTM, porque enquanto se anda a pagar o défice, todos os anos, não há futuro para aumento de investimentos porque não há folga orçamental. Ideal seria, disse então, a constituição de um fundo para o investimento da escola. SAÍDA DA FUNDAÇÃO ORIENTE JÁ ESTÁ NEGOCIADA MAS FALTAM PORMENORES. Relativamente à saída “oficial” da Fundação Oriente do

financiamento da escola, que o presidente, Carlos Monjardino, já confirmou que aconteceria este ano, Sales Marques explica que “já está tudo acertado” (entre a fundação e o Ministério da Educação). Porém, “há pormenores a resolver, como pequenas questões jurídicas de tramitação, que parecem menores mas que têm atrasado uma solução que até já está negociada”. Os estatutos da EPM, por exemplo, têm de ser revistos, uma vez que neles está inscrita a participação do Ministério da Educação e da Fundação Oriente no financiamento do défice da escola. Sales Marques até admitiu, anteriormente, que no futuro este item pode não estar descrito estatutariamente.

Outro problema jurídico prende-se com o facto da Fundação da EPM estar sedeada em Macau. “O Governo português não pode simplesmente fazer um decreto-lei para Macau”, lembra. À parte deste subsídio, o orçamento para a instituição, para este ano lectivo, é de 34 milhões de patacas. “Sem novidades”, segundo Sales Marques, continua o processo relativo a uma eventual transferência da Escola Portuguesa para as instalações do antigo Hotel Estoril. Houve diálogo entre o Governo de Portugal e as autoridades da RAEM, mas não foi estabelecido qualquer acordo sobre a mudança de instalações para aquele local. Situação que se mantém.

Novas creches oferecem 500 vagas Macau vai passar a contar este ano com mais duas creches, que vão oferecer mais de meio milhar de vagas, anunciou Instituto de Acção Social (IAS) viviana chan

O

presidente do Instituto da Acção Social (IAS), Iong Kuong Io, acredita que a entrada em funcionamento de mais duas creches, até ao final do corrente ano, permitirá atenuar as carências sentidas nesta área do ensino ao longo dos últi-

mos anos. Com a oferta de mais de 500 novas vagas, a capacidade total das creches do território vai aumentar para cerca de 5.400. Em declarações à imprensa de língua chinesa, o responsável máximo do IAS reiterou que as autoridades têm procurado dar resposta ao crescimento da procura de vagas nas creches através da implementação de uma

série de medidas, a curto, médio e longo prazo. Iong Kuong Io notou, no entanto, que a procura de lugares nas creches tem sofrido oscilações, até porque depende das necessidades dos pais, nomeadamente da possibilidade de terem ou não soluções para manter as crianças em casa. Nesse contexto, o presidente

do IAS sustentou que não se pode dizer que existe uma falta evidente de creches na RAEM, a não ser que a procura venha a superar a oferta. O IAS garante que tem lançado vários estudos com o objectivo de perceber melhor as necessidades sociais e tentará incluir mais instalações de apoio às crianças nos próximos projectos

de habitação pública. O regulamento para as creches já publicado pelo Governo indica que as vagas devem ser preenchidas por sorteio, uma medida que visa evitar longas filas nos processos de inscrição. No entanto, esta norma não tem um carácter vinculativo, funcionando apenas como linha orientadora.

jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 03


CONDUÇÃO COM DROGA DEU PRISÃO. Um jovem de 22 anos foi condenado a cinco meses de prisão após ter sido apanhado pelas autoridades a conduzir sob a influência de “ketamina”. O caso foi detectado durante uma operação “stop” realizada na madrugada de ontem na Rua de Sintra.

local

FURTO DURANTE O “JOGGING”. Apenas 30 minutos de “jogging” foram suficientes para uma mulher ter ficado sem a carteira e o telemóvel, acabando por ser lesada em 4.100 patacas. Os objectos estavam guardados na mala do motociclo enquanto a vítima praticava exercício.

local

“Estamos a pensar no valor das contribuições. Vamos dar todo o apoio ao Regime de Segurança Social, mas é importante que as contribuições subam” – Chui Sai On, Chefe do Executivo

“Este ano o crescimento económico será positivo, mas ficará apenas por um digito. Portanto, não vai ser tão forte. Temos de ter sentido de risco” – idem

CHUI SAI ON DEFENDE BASE FINANCEIRA SÓLIDA

O “amigo” ficou com os diamantes

“Cuidado na admissão de novos trabalhadores”

Um residente de Hong Kong ficou sem o anel de diamantes que terá dado a outro homem para penhorar pensando que iria receber mais dinheiro. No entanto, acabou por ficar sem nada

Sentou-se e deixou transparecer que abundância não deve ser sinónimo de exagero. Mesmo que as reservas financeiras da RAEM se situem na ordem dos 290 mil milhões de patacas, Chui Sai On defendeu que é preciso trabalhar para uma base económica estável e definir planos a longo prazo que sustentem o desenvolvimento do território. A prudência irá reflectirse também na contratação de funcionários públicos

FOTO ARQUIVO

VÍTIMA FOI LESADA EM 47 MIL DÓLARES

PEDRO ANDRÉ SANTOS

O

objectivo era mesmo vender um anel de diamantes de dois quilates e o dono, um residente de Hong Kong, pensou que iria conseguir cerca de 47 mil dólares de Hong Kong pelo objecto. Entretanto, um “amigo de um amigo” ter-lhe-á garantido que conseguia mais dinheiro pelo anel e a ganância acabou por falar mais alto. Entregou o anel ao indivíduo mas nunca mais soube nada, nem do anel, nem do dinheiro ou sequer do indivíduo. A entrega foi feita em Fevereiro, mas o residente da RAEHK esperou e esperou, e como começou a suspeitar que tinha sido enganado decidiu denunciar o

Anel estava avaliado em 47 mil dólares de Hong Kong

caso às autoridades. A polícia revelou-se bastante eficiente e em 24 horas encontrou o suspeito. No entanto, o anel já teria sido penhorado e por um valor menor (40 mil dólares de Hong Kong), tendo o montante sido gasto na totalidade, se-

Sexagenário detido por roubar gelado Um residente de Macau de 63 anos foi detido na quarta-feira de manhã por ter alegadamente roubado uma caixa de gelado. O furto decorreu numa loja da cadeia “7-11” situada na Avenida do Doutor Mário Soares, tendo o suspeito supostamente pegado na caixa e saído do estabelecimento sem pagar. O funcionário da loja terá visto e apanhou o homem perto do local, chamando de seguida as autoridades.

A APOMAC saúda todos os trabalhadores por ocasião do Dia Mundial do Trabalhador Av. de Sidónio Pais, Nº 49B, r/c, Edf. China Plaza, Macau. Tel: 28788813 Fax: 28788223 E-mail: apomac@macau.ctm.net pág 04 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

gundo o indivíduo terá confessado. CARTEIRA ESCONDIDA NO COLCHÃO. Noutro caso revelado, um homem fez queixa à polícia dizendo que o amigo

com quem vivia lhe tinha roubado a carteira, causando-lhe um prejuízo de 6.500 patacas. Os dois indivíduos, ambos oriundos da Índia, partilhavam um apartamento na Rua Fernão Mendes Pinto, tendo os agentes encontrado a carteira debaixo do colchão do suspeito. Contra factos não há argumentos e o homem terá confessado o furto, prestando-se de imediato a devolver a carteira ao “amigo”, segundo revelaram as autoridades. “KETAMINA” DENTRO DA NOTA. Um residente de Macau de 37 anos foi detido na madrugada de ontem por suspeita de posse de droga. O indivíduo foi detido na zona das Portas do Cerco após revelar um comportamento algo estranho que levantou a suspeita dos agentes. Depois de uma revista foi encontrado na posse do homem uma nota de um renminbi com pó branco que correspondia a 0,57 gramas de “ketamina”. O indivíduo terá confessado que comprou a droga num bar de “karaoke” em Zhuhai.

Entrou com o passaporte do irmão Um residente da China Continental terá conseguido entrar em Macau com o passaporte do irmão e permanecido no território desde Janeiro, aproveitando para se divertir e jogar nos casinos. O caso foi apenas detectado na quarta-feira por uma patrulha de agentes que estava a fazer uma inspecção de rotina na zona de Iao Hon, e terá notado que o indivíduo não era muito parecido com o da foto. O suspeito terá confessado que veio para Macau no início do ano para jogar nos casinos, e como teve problemas com a sua documentação resolveu experimentar o passaporte do irmão. Terá entrado sem dificuldades pelas Portas do Cerco.

O Banco Nacional Ultramarino

saúda todos os trabalhadores por ocasião do Dia Mundial do Trabalhador

raquel carvalho

O

Hemiciclo levantou-se para receber o Chefe do Executivo. Fernando Chui Sai On respondeu às perguntas dos deputados, desenhando o território que deseja. Para responder às ambições da população, será necessário ter uma almofada financeira estável, avisa. E isso só se conseguirá com prudência e um planeamento a longo prazo. Defendeu o aumento de contribuições de patrões e trabalhadores para o Regime de Segurança Social. Deixando garantias, disse ainda que haverá cuidado na contratação de mais funcionários públicos. Foram muitos os deputados a quererem saber como é que o Governo vai distribuir a riqueza e responder às expectativas da população. Gabriel Tong quis mesmo perceber a relação entre o desenvolvimento económico e a despesa pública. “Há uma grande preocupação sobre a contratação de funcionários públicos”, admitiu Chui Sai On. A intenção da Administração é “reajustar posições em que haja sobreposição”, respondendo aos “desejos e procura da sociedade”. Face às críticas de “passividade e inactividade” de alguns serviços, desferidas por Ung Choi Kun, Chui Sai On prometeu também que “a situação e problemas de coordenação” vão ser acompanhados “a par e passo”. Aprofundando a questão das despesas públicas, lembrou a necessidade de ponderar os “saldos financeiros, de modo a prevenir riscos”. Nada deve ser feito sem ter a calculadora na mão. “Vamos ter cuidado na admissão de novos trabalhadores no próximo ano”, garantiu. O Chefe do Executivo defendeu, assim, uma atitude de prudência, mesmo que as águas actuais sejam em abundância. “Este ano o crescimento económico será positivo, mas ficará apenas por um digito. Portanto, não vai ser tão forte. Temos de ter sentido de risco”, sustentou, lembrando que as reservas

“Há falta de parques temáticos” A quantidade de casinos aumentou de modo considerável na última década. E agora “há falta de parques temáticos”. Palavra de Chefe do Executivo. Chui Sai On entende que para que Macau venha a ser um Centro Internacional de Turismo e Lazer é necessário suprir esta carência. “Vamos apoiar e investir neste sentido”, afirmou, dizendo que o Governo pretende também “realizar mais concursos” para “colmatar insuficiências” na área das convenções e exposições.

Acreditação para Croupiers Chui Sai On, face a uma pergunta de Angela Leong, explicou que está a ser preparado caminho para a acreditação de croupiers. “Vamos avançar em primeiro com um regime de exame e registo para depois implementar um regime de acreditação”. Em jeito de resposta a vários apelos das operadoras locais, o Chefe do Executivo salientou ainda que “não é permitido importar mão-de-obra” para esta profissão.

financeiras da RAEM rondam os 290 mil milhões de patacas. Segundo observa, as exigências da população têm vindo a aumentar e, para responder a isso, o Governo deve “reforçar a despesa pública nas áreas da educação, segurança, etc.”. Todavia, “precisamos de ter em conta a estabilidade. Precisamos de uma base económica estável para aperfeiçoar muitos regimes”. Ao mesmo tempo, “pretendemos criar mecanismos de longo prazo para o desenvolvimento de Macau”. A área da saúde a ser pensada a 10 anos foi um dos exemplos dados por Chui Sai On. CONTRIBUIÇÕES A SUBIR. O aumento do valor das pensões de velhice surgiu na boca de vários deputados. Melinda Chan juntou a isso a “avaliação de deficientes” e questionou “como é que o Governo vai apoiar a população mais carenciada”.

Quanto às reformas, Chui Sai On foi claro: “Estamos a pensar no valor das contribuições. Vamos dar todo o apoio ao Regime de Segurança Social, mas é importante que as contribuições subam”. Esse foi um aspecto salientado mais do que uma vez na sessão de perguntas e respostas. “Através de um consenso social, esperamos encontrar uma fórmula definida entre trabalhadores e patrões”. Chui Sai On lançou mesmo a possibilidade de uma subida de “cinco por cento”, na sequência de uma questão lançada por Kwan Tsui Hang. Recorde-se que actualmente os trabalhadores descontam 15 patacas e os patrões 30 patacas. Já em relação ao Regime de Previdência Central, o Chefe do Executivo garantiu que o Governo “vai continuar a abrir contas e a injectar a verba inicial para as pessoas que reúnam os requisitos”. Lembrando que este organismo será revisto dentro de

três anos, Chui Sai On acrescentou que “seria muito melhor se as contribuições para o Fundo de Previdência Central fossem obrigatórias”. Questionado sobre o salário mínimo e outras garantias para quem trabalha, o Chefe do Executivo concordou que “não se deve retroceder nos direitos dos trabalhadores”. O salário mínimo, lembrou, já foi estabelecido para os seguranças e empregados de limpeza. Ao mesmo tempo, está a decorrer a “merecida” revisão da Lei das Relações Laborais, tal como o regime de pagamento de salários em dívida por falência das empresas e a proposta de lei sobre a garantia de créditos emergentes das relações laborais vão entrar em breve em processo legislativo. À ESPERA DO GOVERNO CENTRAL. Repletas de poucas novidades surgiram as respostas sobre o combate à inflação e à diversificação económica. Chui Sai On afirmou que é preciso dar tempo ao tempo. “A diversificação é, sinceramente, um trabalho difícil”. A Ilha da Montanha surge como oportunidade no horizonte, tanto para grandes empresas como para as mais pequenas, assegurou o mesmo responsável. Mas para que surjam mais detalhes falta a luz verde de Pequim. “Estamos a formular o pedido junto do Governo Central para a Ilha da Montanha”. Há benefícios já pensados para os empresários locais que queiram investir, mas “teremos que trabalhar em conjunto com Cantão para que sejam aprovados pelo Governo Central”. De resto, certo é que “o Parque Científico e Industrial de Medicinal Tradicional Chinesa vai ficar sob a gestão de Macau e as obras devem ser adjudicadas ainda este ano”, explicou Chui Sai On.

Habitação para todos “Creio que no futuro poderemos ter terrenos suficientes para satisfazer as necessidades da população”. Segundo Chui Sai On, o Governo da RAEM já conseguiu “reaver 170 mil metros quadrados” em terrenos. De acordo com o mesmo responsável, 80 por cento das famílias hoje em dia já consegue adquirir uma habitação económica. Quando é que as novas inscrições vão abrir é que Chui Sai On não sabe. “Depois de concluídas as 19 mil habitações, poderemos ter um cenário mais claro e avançar com novos planos. (...) A análise acontecerá no final do ano e aí vamos ver melhor as necessidades da população”. Paralelamente, o Governo possui um projecto de cerca de 6.300 fracções de habitação pública, das quais mais de três mil já se encontram em processo de concurso, revelou o dirigente. “O Governo vai continuar a dar prioridade às habitações sociais e as económicas continuarão a ser um suplemento”, realçou, na sequência das perguntas de Pereira Coutinho e Au Kam San.

Reforma política sem irregularidades Apenas dois deputados levantaram a voz para questionar o Chefe do Executivo sobre o processo de reforma política: Tsui Wai Kwan e Ng Kuok Cheong. Afirmando que o Governo disponibilizou vários meios para que as pessoas expressassem opiniões, Chui Sai On admitiu que são necessárias mais acções de divulgação. “Verificámos que as pessoas estão mais preocupadas com a sua vida do quotidiano”. Com o Governo a ser acusado por Ng Kuok Cheong de apresentar “dados exagerados” e falsos, o Chefe do Executivo rejeitou tais afirmações. “Nunca fizemos o que o senhor deputado acabou de referir”, disse, salientando que não foi recebida nenhuma queixa. “Se Governo fizer algo de mal, os residentes têm canais para apresentar as suas queixas. Eu não verifiquei nenhuma irregularidade”, respondeu Chui Sai On. jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 05


MAIS UM CASO DE INFECÇÃO POR ENTEROVÍRUS. Os Serviços de Saúde foram notificados de um caso de infecção colectiva por enterovírus ocorrido na Creche I da Associação das Mulheres. Seis crianças foram afectadas de forma ligeira, não sendo necessário cuidado hospitalar.

Breves ATFPM não sai à rua no Dia do Trabalhador Uma semana depois de ter adiantado que a Associação dos Trabalhadores da Função Pública de Macau (ATFPM) iria organizar uma manifestação no 1º de Maio, Pereira Coutinho disse ontem que, afinal, o protesto ficou sem efeito, por decisão da maioria dos órgãos sociais. “Como houve actualização salarial [...] por outro lado, há ainda a questão da segurança dos próprios trabalhadores, que, como têm os contratos individuais de trabalho pendurados na garganta’ podem ser despedidos com ou sem justa, de um dia para o outro, só pelo facto de participarem numa manifestação”, justificou o presidente da ATFPM, em declarações à Rádio Macau. Desta forma, Coutinho sairá à rua no Dia do Trabalhador a título pessoal.

local

Sands China eleva lucros

16 mil milhões para erguer Galaxy II

Os lucros líquidos da Sands China aumentaram 5,8 por cento no primeiro trimestre do corrente ano, mas ficaram abaixo das projecções

A expansão do Galaxy Macau vai obrigar a um investimento de cerca de 16 mil milhões de dólares de Hong Kong e deverá ficar concluída até meados de 2015. O projecto engloba dois hotéis de luxo, 500 mesas de jogo e mil “slots”

A

Casino do “Four Seasons” está a atrair mais clientes VIP

recorde trimestral de 67,5 milhões de dólares”, sublinhou a empresa, garantindo ainda que continuará a reforçar a aposta no mercado VIP do jogo. Em termos globais, a Las Vegas Sands registou acréscimos de 118,7 por cento nos lucros atribuíveis aos seus accionistas, de 30,8 por cento nas receitas líquidas e de 43 por cento no EBITDA.

ANÚNCIO

ANÚNCIO

[ N.º 118/2012 ]

[ N.º 125/2012 ]

Para os devidos efeitos, vimos por este meio notificar a representante do agregado familiar da lista de candidatos a habitação social abaixo indicada, no uso da competência delegada pela alínea 7) do n.º 1 do Despacho n.º 32/IH/2011, publicado no Boletim Oficial da RAEM, n.º 32, II Série, de 10 de Agosto de 2011 e nos tennos do n.º 2 do artigo 72.° do Código do Procedimento Administrativo, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 57/99/M, de 11 de Outubro: N.º do boletim de candidatura 5009745

Após as verificações deste Instituto, notamos que o total do rendimento mensal e o total do património liquido do agregado familiar de candidato a habitação social acima mencionado ultrapassam o valor constante das tabela I e tabela II do n° 1 do Despacho do Chefe do Executivo n.º 74/2011 alterado pelo Despacho do Chefe do Executivo n.º 170/2011, pelo que não reúne os requisitos exigidos para a candidatura, nos termos das tabela I e tabela II do n.º 1 do Despacho do Chefe do Executivo n.º 74/2011, alterado pelo Despacho do Chefe do Executivo n.º 170/2011, alínea 3 do artigo 2.°, n.º 1 do artigo 3.° e artigo 46.° do Regulamento Administrativo n.º 25/2009 (Atribuição, Arrendamento e Administração de Habitação Social), este Instituto informou-a por meio de ofício, com o n.º 1107260016/DAH, datada de 28 de Julho de 2011, a solicitar à interessada acima mencionada para apresentar por escrito a sua contestação pelo facto acima referido no prazo de 10 (dez) dias a contar da data de recepção do referido ofício, mas não fizeram a entrega da sua contestação dentro do prazo indicado. Neste acto recorrereu uma infracção, nos termos dos artigo 5.°, n.° 2 do artigo 9.° e alínea 2) do artigo 11.° do Regulamento de Candidatura para Atribuição de Habitação Social, aprovado pelo Despacho do Chefe do Executivo n,º 296/2009, assim como do despacho do signatário, exarado na Informação n.° 1403/DAHP/DAH/2011, a respectiva candidatura foi excluída da lista geral de espera. E nos termos dos n.° 3 do Despacho n.º 32/IH/2011 e artigo 155.° do Código do Procedimento Administrativo, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 57/99/M, de 11 de Outubro, cabe recurso hierárquico necessário da respectiva decisão administrativa, ao Presidente deste Instituto, no prazo de 30 (trinta) dias a contar da data de publicação do presente anúncio, o recurso hierárquico tem efeito suspensivo. O Chefe do Departamento de Assuntos de Habitação Pública, Cheang Sek Lam 23 de Abril de 2012

pág 06 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

local

NOVOS PROJECTOS “PRESSIONAM” OPERADORAS. A segunda fase do Galaxy Macau e o novo empreendimento da Sands China representam uma pressão acrescida para os operadores de jogo sem terrenos no COTAI, defendeu ontem o analista Grant Govertsen, da Union Gaming Research Macau. “Há muitas incertezas neste momento”, disse.

EXPANSÃO DO COMPLEXO VAI INCLUIR MAIS DOIS HOTÉIS DE LUXO

N

A Vietnam Airlines iniciou ontem voos regulares entre as cidades de Da Nang e Macau. As ligações àquela cidade vietnamita incluem dois voos semanais, às quintas-feiras e domingos. Esta é a segunda rota para Macau lançada nos últimos dias, depois da Mandarin Airlines ter começado a voar entre o território e Taichung, cidade da região central de Taiwan.

RAEM EM FORUM ASIÁTICO DE COMÉRCIO. Jackson Chang, presidente do IPIM, marcou presença na 25ª edição do “Asian Trade Promotion Forum (ATPF)”, que juntou representantes de organismos de 20 países e regiões em Banguecoque. A importância das PME’s como força motriz do comércio interregional foi um dos temas abordados no evento.

AUMENTO DE QUASE SEIS POR CENTO NO PRIMEIRO TRIMESTRE

o primeiro exercício financeiro trimestral de 2012, a Sands China registou lucros líquidos de 277,4 milhões de dólares americanos (cerca de 2,2 mil milhões de patacas), depois de ter contabilizado 262,1 milhões de dólares nos três primeiros meses do ano passado. Apesar da subida homóloga de 5,8 por cento, os lucros da operadora ficaram aquém das expectativas do mercado, de acordo com o Deutsche Bank. De acordo com os dados da empresa mãe - a Las Vegas Sands - as receitas líquidas da Sands China aumentaram 25 por cento para 1,45 mil milhões de dólares (cerca de 11,6 mil milhões de patacas), e o EBITDA (resultados antes de ganhos e perdas financeiras, impostos, amortizações e subsídios) cresceu 20,5 por cento para um total de 450,6 milhões de dólares (3,6 mil milhões de patacas), face a igual período de 2011. Apesar de os resultados estarem abaixo das perspectivas, Sheldon Adelson, o homem forte da Las Vegas Sands, que detém a Sands China, salientou que a posição de mercado em Macau “nunca esteve tão forte” e destacou ainda subidas no mercado de massas, melhorias no mercado VIP e aumento das receitas fora do sector do jogo. “Os investimentos iniciais que fizemos para expandir as nossas ofertas no segmento VIP estiveram claramente evidentes nos nossos resultados operacionais trimestrais, com o volume de apostas no casino Plaza do Hotel Four Seasons a aumentar mais de 220 por cento, em relação ao mesmo trimestre do ano passado, e a gerar um EBITDA

Vietnam Airlines lança rota Da Nang-Macau

Nome Wong Ut Sim

CUIDAR DA SAÚDE DURANTE OS FERIADOS. Os Serviços de Saúde irão manter amanhã, segunda e terça-feira os serviços de cuidados de saúde adequados durante os feriados oficiais e tolerância de ponto. O Centro de Transfusões de Sangue, contudo, irá suspender os seus serviços amanhã e terça-feira.

s obras da segunda fase do Galaxy Macau já começaram no primeiro trimestre deste ano, com cerca de 500 trabalhadores, e vão duplicar a área do empreendimento para um milhão de metros quadrados, anunciou ontem a empresa, numa conferência de imprensa realizada em Hong Kong. A expansão contempla duas unidades hoteleiras, que serão operadas pelas cadeias Ritz-Carlton e JW Marriott e vão elevar o número de quartos para mais de 3.600 num empreendimento onde já funcionam os hotéis Banyan Tree, Okura e Galaxy. Alargada será também a oferta dos espaços para jogo, com a Galaxy a apontar para a instalação de mais 500 mesas e mil “slots”, que carecem ainda da aprovação do Executivo. O plano inclui ainda um alargamento das zonas comerciais, cuja área irá superar 100 mil metros quadrados e albergar mais 200 lojas de marcas de luxo. Por outro lado, com a criação de 45 novas unidades,

Galaxy espera terminar segunda fase do projecto em 2015

o sector da restauração passará a contabilizar mais de 100 estabelecimentos. O sector das convenções e exposições também não foi esquecido, sendo que a Galaxy planeia aumentar a capacidade destes espaços por forma a acolher, no total, mais de 3.000 pessoas. As novas atracções deverão implicar um investimento total na ordem dos 16 mil milhões de dólares de Hong Kong. Pelo menos para já, a empresa garante não ter intenção de recorrer ao mercado finan-

ceiro para custear o projecto, optando por usar sobretudo capital próprio, incluindo o já existente e o que será gerado pelos seus empreendimentos. As projecções apontam para a conclusão da segunda fase do Galaxy em meados de 2015, uma data que Lui Che-woo destacou como uma aposta estratégica. “Com base no sucesso da primeira fase [do Galaxy Macau], decidimos acelerar a implementação da segunda e alinhar a sua abertura com a conclusão de grandes infra-

estruturas na região de Macau em meados de 2015”, explicou o presidente do grupo Galaxy, numa referência a projectos como a rede de comboios de alta velocidade, o terminal marítimo da Taipa, a ampliação de postos fronteiriços ou a ponte Hong KongMacau-Zhuhai, entre outros. MÃO-DE-OBRA “MAIS ABUNDANTE”. Lui Che-woo defendeu ainda que a questão da mão-de-obra não deverá representar um problema de maior para a construção da segunda fase do Galaxy Macau. “Nos próximos anos, a mão-de-obra será mais abundante. Em 2012 e 2013 não irão abrir muitos projectos”, frisou o presidente do Galaxy. Para o líder da operadora, a concorrência dos novos empreendimentos com casinos é bem-vinda e irá ajudar à criação de massa crítica no destino pelo que “as coisas só vão melhorar”. “Todos pensam que Macau é só jogo, mas nos últimos anos as actividades extra-jogo cresceram ainda de forma mais rápida do que as mesas de jogo”, referiu ainda, ao recordar a realização de convenções, espectáculos e eventos desportivos no território. Por sua vez, o director de operações, Michael Mecca, frisou que as duas fases do Galaxy Macau só ocupam metade dos terrenos do grupo no COTAI, abrindo novas oportunidades para futuros desenvolvimentos. Mecca anunciou que o JW Marriott terá apenas suites e será o “maior hotel do mundo” da marca.

Para os devidos efeitos, vimos por este meio notificar os representantes dos agregados familiares seleccionados da lista de espera de habitação económica abaixo mencionados: Nome Cheong Hao In

N.º do boletim de candidatura 65069

De acordo com os termos do artigo 12.º do Decreto-Lei n.º 26/95/M, de 26 de Junho, o lnstituto de Habitação (IH) informa os representantes dos agregados familiares acima referidos, através de ofícios, para se dirigirem pessoalmente ao IH, sita na Travessa Norte do Patane, n.º 102, Ilha Verde, Macau (perto da Escola Primária Luso-Chinesa do Bairro Norte), no dia 16 de Maio de 2012, às horas fixadas nos respectivos ofícios, para escolha das fracções de habitação económica disponíveis de T2 na zona de Macau. Nessa altura, os agregados familiares da lista de espera acima referidos devem apresentar os documentos comprovativos (originais e cópias) abaixo mencionados, para efectuar a nova verificação dos requisitos da candidatura da aquisição de habitação económica. Caso as respectivas informações afectem os actuais requisitos da aquisição de fracção ou existirem mudança da composição dos agregados familiares acima referidos, este Instituto irá suspender, imediatamente, o procedimento da escolha de habitação económica: 1. Documentos de identificação de todos os elementos do agregado familiar e os seus cônjuges (caso houver) registados no boletim de candidatura de habitação económica. 2. Prova de casamento (aplicável aos indivíduos casados. Caso tenha entregue ao IH, nos últimos três meses, não é necessário a entregar de novo). 3. Boletim de candidatura dos dados dos agregados familiares de habitação económica devidamente preenchidos e assinados. De acordo com os termos do n.º 2 do artigo 13.º do decreto-lei acima referido, com as alterações introduzidas pelo Regulamento Administrativo n.º 25/2002, caso os agregados familiares da lista de espera acima referidos não tenham comparecido no IH, no dia e horas fixados, e apresentado os documentos acima referidos, para escolha de habItaçao ou não pretendam adquirir nenhuma das fracções de habitação económica disponíveis no momento podem optar entre, por motivo não justificado, implica a perda do directo de escolha e passagem automática para o último lugar da lista geral; ou após a apreciação dos dados apresentados, verifique que não reunirem com os requisitos da candidatura, os agregados familiares seleccionados serão excluídos na lista geral. No intuito de proporcionar os agregados familiares seleccionados para terem mais conhecimentos sobre as informações das fracções de habitação económica disponíveis, o IH juntamente os ofícios enviará em anexo o catálogo com descrições das fracções para venda, tabela dos preços, rácio bonificado, pontos de observação, informações sobre a fracção de modelo. Caso os agregados familiares seleccionados não tenham recebidos os ofícios remetidos pelo IH, até sete dias antes da data fixada, poderão dirigir-se ao IH sito na Travessa Norte do Patane n.º 102, Ilha Verde, Macau) ou consultar através do telefone n.º 28594875, durante o horário de expediente. O Presidente, Tam Kuong Man 26 de Abril de 2012

jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 07


Mais atracções e cuidados ambientais no “Mundo do Gelo”

local

FESTIVAL DE JAZZ. O Venetian prolongou as inscrições para a competição de bandas de música jazz e até à próxima sextafeira, 4 de Maio. O evento irá permitir aos finalistas actuar no “Venetian Carnival”, entre 25 e 27 de Maio, havendo um prémio de meio milhão de dólares de Hong Kong a distribuir pelos vencedores.

3ª EDIÇÃO DO “SOUND & IMAGE CHALLENGE” INTERNACIONALIZA-SE

Os condóminos do edifício “Merry Court” exigem ao Governo uma solução para o prédio cuja construção foi suspensa em 2008 na Calçada do Gaio. Em causa está o edifício que ameaçava tapar as vistas para o Farol da Guia e que hoje, é tido como um potencial risco para a segurança pública, por ter sido abandonado

Foi ontem apresentada a edição 2012 do concurso que pretende promover as indústrias criativas de Macau na área do som e da imagem. Pela primeira vez, o concurso salta as fronteiras do território e é aberto a competidores de outros países. Escola das Artes da Universidade do Porto é o parceiro internacional

viviana chan

O

s moradores do edifício “Merry Court”, situado na Rua Nova à Guia, não se conformam com o longo impasse em torno do edifício que há cerca de quatro anos causou polémica, devido ao facto dos seus 34 andares, que implicavam uma altura de cerca de 90 metros, poderem afectar a visibilidade para o Farol da Guia. A construção do prédio está suspensa desde 2008, por decisão de Edmund Ho, então Chefe do Executivo, sendo que, em Abril do mesmo ano, também foi fixada uma altura máxima de 52,5 metros para os edifícios da Calçada do Gaio. No entanto, quatro anos depois da suspensão das obras, o Governo ainda não chegou a acordo com a Empresa de Construção San Va por forma a encontrar uma saída para o problema, apesar da DSSOPT já ter assegurado várias vezes que estaria prestes a alcançar um entendimento com a construtora. Cansados de esperar, os condóminos do “Merry Court”, vizinhos do polémico edifício, vão realizar no sábado uma conferência de imprensa, para a qual convidaram o deputado Ho Ion San, com o objectivo de exigir ao Governo soluções para este caso. Em declarações ao JTM, Tony Yuen, responsável da Associação dos Condóminos do Edifício Merry Court, salientou que o terreno abandonado do prédio ao lado passou a representar uma ameaça à segurança pessoal.

66713 53483 115152 119814 52428 97380 92959 72963 106889 92840 110868 78516 90799 82346 80097 89716

Nome

LEONG LAl PENG TAM KUOK SAN LAM CHONG LEI VAl MAN CHONG KIN MAN WONG IAT KUAN HUNG HSIU LI HO TAT FAI LAO SIO LEI WAN HEONG NENG CHOU SOU CHAN HO KUAI TOU HO WENG CHENG FONG KAM WENG TAM KIT FAN LEI U HONG

N.º do boletim de candidatura

56768 56421 82217 110994 106123 92728 53791 93010 119878 96602 115706 91234 83270 86065 51851

Nome

TANG IN CHI CHAN SUT lN SIT FONG WONG KA LEONG SI HEI MAN WUN U NENG WONG CHAO PENG LAO HOI IAN HO HIN TAT LEONG IAN IAN LAM MEI HA CHAN OI MEI LAl KUOK CHAN CHIANG KUONG CHIO SUN LAI HA

De acordo com os termos do artigo 12.º do Decreto-Lei n.º 26/95/M, de 26 de Junho, o Instituto de Habitação (IH) informa os representantes dos agregados familiares acima referidos, através de ofícios, para se dirigirem pessoalmente ao IH, sita na Travessa Norte do Patane, n.º 102, Ilha Verde, Macau (perto da Escola Primária Luso-Chinesa do Bairro Norte), no dia 16 de Maio de 2012, às horas fixadas nos respectivos ofícios, para escolha das fracções de habitação económica disponíveis de T2 na zona de Taipa.

pág 08 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

Criatividade sem fronteiras

À Moradores acham que o prédio abandonado atrai mosquitos e ameaça a sua segurança pessoal

Tony Yuen assegurou ainda que os moradores de outros edifícios da zona também têm sido afectados pelos problemas derivados do estaleiro de construção, que se tornou numa fonte de proliferação de mosquitos durante a época das chuvas. Além do mau ambiente higiénico, os moradores mostram-se preocupados com os riscos de segurança resultantes dos materiais de construção espalhados pelos vários pisos de edifício. Segundo o mesmo responsável, cerca de 100 famílias vivem actualmente no Edifício “Merry Court”.

[ N.º 123/2012 ] Para os devidos efeitos, vimos por este meio notificar os representantes dos agregados familiares seleccionados da lista de espera de habitação económica abaixos mencionados:

JAZZ ANIMA CASA GARDEN. Três bandas locais (The Bridge, Macau Jazz Quintet e Delta Jazz Groove) participam amanhã, pelas 22 horas, em mais uma “Jazz Night” na Casa Garden. Uma “jam session” e um “set” ecléctico do DJ Bee Sides completam o programa da iniciativa organizada pelo “Macau Jazz Club”.

helder ALMEIDA

ANÚNCIO

N.º do boletim de candidatura

local

MORADORES EXIGEM SOLUÇÃO PARA PRÉDIO DO “CASO FAROL”

Irritação na Calçada do Gaio

O Mundo do Gelo, o maior evento do género da região asiática, volta este ano ao Venetian Macau, para a segunda edição da exposição de estátuas e divertimentos feitos totalmente em gelo. Com uma temperatura no interior do complexo a rondar os oito graus negativos, a mostra, que estará patente entre 19 de Maio e 16 de Setembro, vai estar dividida em 10 zonas exibindo monumentos locais e atracções internacionais e vários divertimentos para adultos e crianças. Escorregas, um labirinto, instrumentos musicais feitos de gelo são outras atracções da exposição. A organização, patrocinada pelos Serviços de Turismo, elegeu dois desenhos de participantes num concurso para recriar as estátuas desenhadas em blocos de gelo que chegam aos milhares ao Venetian para serem moldados à medida das necessidades e dos objectos a copiar com a orientação dos especialistas chineses da empresa “Heilongjiang Ice and Snow Art Development” que participa no festival do gelo de Harbin. A organização salientou ainda que a mostra deste ano é “mais amiga do ambiente já que conseguiu elevar a temperatura em sete graus fixando-a em oito negativos, sem prejudicar qualquer trabalho na mostra”.

DESCOBERTA BORBOLETA HERMAFRODITA. Victor Wu, responsável por tomar conta das borboletas no “MGM Butterfly Pavilion”, descobriu uma espécie Ginandromórfica, isto é, com um organismo que possuiu características masculinas e femininas. Victor Wu referiu que a probabilidade de tal acontecer é de uma em seis milhões.

terceira edição, o concurso “Sound & Image Challenge”, promovido pelo Centro de Indústrias Criativas (Creative Macau) salta fronteiras e internacionaliza-se. “Para fortalecer o concurso, torná-lo mais competitivo e ganhar mais prestígio”, explicou a coordenadora da Creative, Lúcia Lemos. A Escola das Artes da Universidade do Porto é para já o único parceiro internacional. Destinado a profissionais e amadores de qualquer parte do mundo, vão poder ser submetidos a concurso trabalhos em qualquer língua, apenas com uma condição: conterem legendas em inglês. A ideia, como explicou Lúcia Lemos na conferência de imprensa de ontem de apresentação do projecto, “é que concorram videoclips que tenham características de um anúncio público, de uma campanha e/ou um aviso para um serviço público”, ou seja, “têm que comunicar”, avisando que “não se trata de videoarte”. Ray Granlund, da co-organizadora Panda Management, referiu que “dar exposição ao talento que há em Macau e encorajar novas participações” é um dos objectivos. “Não precisa de haver uma mensagem social, pode conter uma mensagem de fantasia, mas o mais importante é mesmo que comunique, transmita

Conferência de imprensa reuniu ontem a organização do concurso e os patrocinadores na galeria do Centro de Indústrias Criativas

uma mensagem”. Dos trabalhos que forem a concurso seis são premiados nas categorias para melhor trabalho, melhor design de imagem animada, melhor design de som, melhor comunicação media, patrocinado pelo JTM, melhor projecto local e o melhor para o público. Tal como na edição do ano passado, nesta categoria, os trabalhos seleccionados serão disponibilizados na internet, entre 3 e 24 de Novembro, para votação do público. O total dos prémios chega às 70 mil patacas: o mais elevado é de 20 mil, atribuído ao melhor trabalho, enquanto nas outras categorias os prémios são de 10 mil patacas. ATENÇÃO AOS DIREITOS DE AUTOR. O período de registo começou ontem e estende-se até 30 de Junho e os tra-

balhos não poderão ser entregues após 11 de Outubro (as submetidas por via postal até 26). As equipas de produção podem ter entre um e oito elementos e cada equipa só poderá submeter um trabalho, com uma duração entre os 90 segundos e os três minutos. O júri já está a ser escolhido, deverá ter oito elementos de várias áreas, sobretudo ligado ao som e imagem, mas Lúcia Lemos prefere não divulgar ainda nomes porque a selecção ainda não está terminada. Os trabalhos vão estar expostos durante um mês e há “conversações para serem colocados numa sala de cinema, mas não dá para avançar mais para já”, refere a coordenadora da Creative. Certo é que devem ser visualizados a 1 de Dezembro. Uma regra importante a ter em atenção pelos concorrentes é no que diz

respeito aos direitos de autor. “Fazemos muita questão na protecção dos direitos de autor porque nem todos entendem o enquadramento jurídico da propriedade intelectual”, disse José Luís Sales Marques, presidente do Instituto de Estudos Europeus de Macau (que lançou a Creative). Por isso, para 14 de Julho está marcado um seminário que visa dar informações mais pormenorizadas sobre os direitos de autor e a propriedade intelectual. Sobre os vencedores das edições passadas, Lúcia Lemos garante que a Creative não lhes perdeu o rasto. “Até os convidámos para ser membros mas não colaboram e também não temos muitos eventos que proporcionem a actividade”, aponta. “O nosso papel é mais o de promoção, divulgação”.

LIGA DE ELITE

Nessa altura, os agregados familiares da lista de espera acima referidos devem apresentar os documentos comprovativos (originais e cópias) abaixo mencionados, para efectuar a nova verificação dos requisitos da candidatura da aquisição de habitação económica. Caso as respectivas informações afectem os actuais requisitos da aquisição de fracção ou existirem mudança da composição dos agregados familiares acima referidos, este Instituto irá suspender, imediatamente, o procedimento da escolha de habitação económica: 1. Documentos de identificação de todos os elementos do agregado familiar e os seus cônjuges (caso houver) registados no boletim de candidatura de habitação económica. 2. Prova de casamento (aplicável aos indivíduos casados. Caso tenha entregue ao IH, nos últimos três meses, não é necessário a entregar de novo). 3. Boletim de candidatura dos dados dos agregados familiares de habitação económica devidamente preenchidos e assinados. De acordo com os termos do n.º 2 do artigo 13.º do decreto-lei acima referido, com as alterações introduzidas pelo Regulamento Administrativo n.º 25/2002, caso os agregados familiares da lista de espera acima referidos não tenham comparecido no IH, no dia e horas fixados, e apresentado os documentos acima referidos, para escolha de habitação ou não pretendam adquirir nenhuma das fracções de habitação económica disponíveis no momento podem optar entre, por motivo não justificado, implica a perda do direito de escolha e passagem automática para o último lugar da lista geral; ou após a apreciação dos dados apresentados, verifique que não reunirem com os requisitos da candidatura, os agregados familiares seleccionados serão excluídos na lista geral. No intuito de proporcionar os agregados familiares seleccionados para terem mais conhecimentos sobre as informações das fracções de habitação económica disponíveis, o IH juntamente os ofícios enviará em anexo o catálogo com descrições das fracções para venda, tabela dos preços, rácio bonificado, pontos de observação, informações sobre o horário de abertura e o local da visita ao modelo de fracção. Caso os agregados familiares seleccionados não tenham recebidos os ofícios remetidos pelo IH, até sete dias antes da data fixada, poderão dirigir-se ao IH sito na Travessa Norte do Patane n.º 102, Ilha Verde, Macau) ou consultar através do telefone n.º 2859 4875, durante o horário de expediente. O Presidente, Tam Kuong Man 26 de Abril de 2012

Porto com duro teste frente ao Kuan Tai A Casa do Porto em Macau tem esta jornada um confronto complicado frente ao Kuan Tai, equipa sensação da Liga de Elite. Nos outros jogos da ronda, destaque para o confronto entre o Benfica de Macau e a equipa da Polícia, um adversário que já surpreendeu esta temporada ao “roubar” pontos ao Monte Carlo. O Ka I tem uma partida teoricamente fácil frente aos Sub23, que este ano têm estado muito aquém do que fizeram no ano passado pedro andré santos

P

orto e Kuan Tai abrem hoje, pelas 19h30, as “hostilidades” da 13ª jornada da Liga de Elite com um duelo no Estádio de Macau que promete ser interessante entre duas boas equipas do futebol do território. Os “dragões” começaram mal a época, é certo, mas têm vindo a crescer nas últimas rondas, afastando um pouco o “espectro” da descida de divisão. No entanto, e apesar de ter um jogo a menos e um caso por resolver na “secretaria”, a formação orientada por Daniel Pinto contabiliza apenas mais três pontos que os Sub-23, actu-

al penúltimo classificado. Já o Kuan Tai chegou a rondar os três primeiros lugares da tabela mas neste momento é sexto classificado, podendo, em caso de vitória e derrota da Polícia, subir uma posição. Com o campeonato a aproximar-se do fim e com a vitória do Ka I frente ao Benfica na última jornada as contas no topo estarão mais ou menos decididas, embora o Monte Carlo possa ainda ter uma palavra a dizer. Os “canarinhos” jogam amanhã frente ao Lam Ieng que precisa de pontos para fugir dos lugares do fundo da tabela, mas não deverão oferecer grande resistência ao conjunto de Paulo Bento, que ainda tem oito pontos de diferença para o Ka I mas com menos uma partida disputada. Os líderes e actuais campeões jogam também amanhã frente aos Sub-23, uma equipa que tem feito uma época praticamente oposta ao ano passado, sendo nesta altura o principal candidato a juntar-se ao Hong Ngai na descida à segunda divisão. No domingo, a ronda dupla de jogos abre com a partida entre o Benfica e a Polícia, uma equipa de meio da tabela que em “dia sim” pode oferecer resistência aos principais emblemas da Liga de Elite, tendo inclusive já empatado com o Monte Carlo nesta época.

FOTO ARQUIVO

LAWRENCE KU EM MACAU. Considerado como uma das sensações do jazz a nível mundial, Lawrence Ku irá marcar presença no território a 12 de Maio para um concerto de entrada livre. No dia seguinte, o músico irá ainda realizar um workshop, devendo os interessados inscrever-se por e-mail (info@macau-jazz.org).

Porto tem esta jornada a difícil tarefa de vencer o Kuan Tai

A jornada fecha com a partida entre o Lam Pak, que tem vindo a subir na tabela, e o já “condenado” Hong Ngai. Todos os jogos serão disputados no Estádio de Macau. jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 09


Tottenham disposto a avançar com 43 milhões por Hulk. O Tottenham vai propor ao FC Porto 43 milhões de euros pelo brasileiro Hulk, revela o Daily Mail. A proposta deverá ser feita antes do final da temporada. Além do Tottenham também Chelsea e Manchester City já surgiram como possíveis destinos do brasileiro. Ambos os clubes, contudo, nunca chegaram a fazer qualquer oferta pelo jogador. Até ao momento só o Anzhi chegou a oferecer 40 milhões por Hulk, mas a oferta foi recusada.

desporto

Benfica tenta comprar no Twente. O búlgaro Nikolay Mihaylov, guarda-redes do Twente, e o extremo Nacer Chadli, que também milita no emblema holandês, são apontados ao Benfica. Segundo o portal holandês, Voetbal International, o Benfica já está a negociar os passes dos dois jogadores, com vista ao reforço da equipa para a próxima época.

Villas-Boas apontado ao Valencia. André Villas-Boas pode ser o novo treinador do Valencia. A notícia foi avançada pela rádio espanhola que dá conta que o técnico português já terá mostrado interesse na proposta, mas afirmou que só aceitaria o convite se a equipa se apurasse para a Liga dos Campeões.

LIGA PORTUGUESA

Dragão joga verdadeira “final” mas pode sagrar-se campeão no “sofá” O Porto pode sagrar-se campeão nesta jornada se vencer o Marítimo e o Benfica “tropeçar” em Vila do Conde. Os encarnados contam com um desaire dos azuis-ebrancos para manterem acesa a esperança de chegarem ao primeiro lugar, mas também não terão vida fácil frente ao Rio Ave pedro andré santos

Q

uando muitos esperam com ansiedade para ver se o Porto vai passar a primeira de duas “provas de fogo” até ao final do campeonato, acaba por passar algo despercebido que os “dragões” podem mesmo sagrar-se campeões nesta jornada da liga portuguesa. Para tal têm “apenas” que vencer o Marítimo e esperar por um “tropeção” do Benfica frente ao Rio Ave. Se tal acontecer, a formação azul-e-branca vai celebrar o título no “sofá” dado que as “águias” jogam primeiro. O Porto terá domingo um duro teste na Madeira frente ao Marítimo e em caso de derrota poderá relançar seriamente as contas do título dado que o adversário que se segue é o Sporting e os “dragões” estariam obrigados a vencer para

não perderem a liderança. Isto, claro está, partindo do pressuposto que o Benfica irá vencer os seus jogos.

A equipa madeirense tem andado numa disputa acesa com o Sporting pelo quarto lugar mas poderá correr o risco de

perder o quinto para o Vitória de Guimarães, o que ditará também a exclusão das competições europeias para a próxima

BARÓMETRO DA LIGA Helena Brandão está na liderança do ranking dos palpites.

89

Helena Brandão

António Dias Azedo

83

78

Sandra Bártolo

Marques da Silva

77

72

Hélder Fernando

Víctor Marreiros

campeão já no domingo, se vencer o Marítimo. Na luta pelo acesso ao último lugar que oferece “bilhete” para a “Champions”, apesar de ser matematicamente possível não é muito provável que o Sporting de Braga se deixe apanhar pelo Sporting. Para tal os bracarenses não poderiam fazer mais do que três pontos nos próximos dois jogos (na derradeira partida jogam em Alvalade), que são ambos em casa, frente a Olhanense e Beira-Mar. Embora seja um cenário possível, é preciso também não esquecer que o Sporting tem uma deslocação complicada ao “Dragão”. A equipa de Sá Pinto recebe esta jornada a Académica, um encontro que irá antecipar também o embate entre ambos na final da Taça de Portugal. Depois de um arranque muito bom os “estudantes” têm desiludido jornada após jornada e correm sérios riscos de descer, podendo cair para o penúltimo lugar já neste fim-de-semana em caso de derrota em Alvalade e vitória do Feirense em Leiria. Este será também um dos pontos de interesse desta ronda dado que apenas hoje se saberá se os leirienses irão a jogo. A equipa aguarda o pagamento de salários em atraso em mais uma história no futebol português que parece que ainda vai dar muito que falar devido às implicações que uma possível desistência do clube poderá trazer.

Liga discute a 3 de Maio a criação de “liguilha”

Eis os palpites para os jogos da próxima jornada da liga portuguesa de futebol.

94

temporada. Neste momento as equipas estão separadas por seis pontos, o que “obriga” os insulares a encarar a partida contra o Porto de uma forma séria e com o objectivo de pontuar, nem que seja com um empate. Quatro pontos separam os dois primeiro neste momento e olhando para o calendário o Benfica tem ainda uma hipótese viável de ser campeão. Para tal o Porto terá que perder um dos seus jogos e tem duas possibilidades onde tal desfecho é perfeitamente possível. O Marítimo, especialmente no seu estádio, é bastante perigoso e pode vencer qualquer adversário, tendo já vencido Benfica e Sporting esta temporada. De seguida os “dragões” recebem o Sporting, um jogo de “tripla” onde as competições europeias podem vir a ser um aliado precioso para o líder já que Sá Pinto tem rodado o plantel nas últimas semanas. O Benfica não terá vida fácil amanhã quando defrontar o Rio Ave dado que a formação vila-condense não tem ainda assegurada a permanência na primeira divisão, perspectivando-se que irá vender cara a derrota frente à equipa de Jorge Jesus. Depois da exibição pouco convincente frente ao Sporting (muito por mérito dos verde-e-brancos também), a recepção ao Marítimo já trouxe um Benfica de “cara lavada” e pronto para lutar nos três jogos que faltam. Em caso de derrota ou empate frente ao Rio Ave, o Porto poderá tornar-se

71

70

Guiomar Pedruco

Isa Manhão

Braga - Olhanense

2-1

2-0

2-0

2-2

3-0

2-1

0-0

1-0

Marítimo - Porto

1-2

1-2

0-2

1-2

1-1

1-2

0-2

1-2

Rio Ave - Benfica

1-2

0-2

1-1

1-3

0-2

1-2

0-3

0-2

Sporting - Académica

2-0

1-1

1-0

2-0

2-1

1-0

2-1

2-1

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) vai reunir-se em Assembleia-Geral Extraordinária, a 3 de Maio, para votar novamente o alargamento do campeonato principal com uma proposta de “liguilha” para subidas e descidas no final da presente época. Nas mãos de Fernando Gomes está uma proposta para alargamento da Liga para 20 clubes, que se fará com recurso à disputa de uma “liguilha”, que definirá quem sobe e quem desce, exceptuando os dois primeiros classificados da Liga de Honra, que se mantêm promovidos automaticamente. Na passada sessão extraordinária, a 12 de Março, os clubes reprovaram a proposta na qual constava um regime transitório de subidas e descidas que obrigava à realização de um minicampeonato entre os dois últimos classificados do campeonato principal e o terceiro e quarto classificados da Liga de Honra. Qualquer decisão sobre o alargamento da Liga terá, posteriormente, de ser submetida à ratificação federativa, conforme o estipulado no protocolo contratualizado pelas duas entidades para a organização dos campeonatos profissionais.

LIGA ITALIANA

Juventus mantém liderança presa por três pontos A Juventus venceu em casa do Cesena, por 1-0, em jogo referente à 33.ª jornada do campeonato italiano de futebol, e manteve a liderança segura por três pontos para o AC Milan, que derrotou o Génova (1-0)

E

m jornada de acerto da Série A, interrompida devido à morte de Piermario Morosini, a 14 de Abril, a Juventus não cedeu na deslocação ao terreno do Cesena, que a quatro jornadas do fim da Série A é a primeira equipa despromovida. Marco Borriello, que entrou aos 74 minutos para o lugar de Alessandro Matri, foi o autor do único golo da Juventus, alcançado apenas cinco minutos após ter entrado na partida. O AC Milan recebeu e bateu o Génova, por 1-0, com um golo apontado aos 86 minutos também por um jogador que iniciou a partida no banco e que só entrou aos 50, o ganês pág 10

sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

Kevin-Prince Boateng. O português Miguel Veloso foi suplente na equipa do Génova e só entrou aos 81 minutos para o lugar do ex-portista Fernando Belluschi. O Novara, num último fôlego na luta pela permanência, venceu a Lazio, por 2-1, com golos de Diakité (na própria baliza) e Mascara, aos 35 e 79 minutos. Cadena marcou aos 37 minutos para a Lázio. A Udinese perdeu em casa com o Inter de Milão, por 3-1, e foi ultrapassada na tabela classificativa pelo Nápoles, que venceu por 2-0 no recinto do Lecce (18º) e é agora quarto.

Danilo Laranjeira colocou a Udinese em vantagem, aos 06 minutos, mas o Inter de Milão deu a volta com dois golos do holandês Wesley Sneidjer, aos 10 e 28, e Ricardo Alvarez, aos 37. O Inter subiu duas posições na tabela classificativa e é agora quinto, ultrapassando a AS Roma que perdeu em casa frente à Fiorentina, por 2-1. Nos restantes encontro referente à 33ª jornada da Série A, o Parma (9º) venceu no recinto do Palermo (14º), por 2-1, e o Siena (10º) não foi além de um empate a 1-1 na recepção ao Bolonha (13º). JTM/Lusa pág 11


Raúl no Al Ahli a ganhar 40 milhões. O jornal alemão Sport Bild revela que o futuro do avançado espanhol Raúl, que está de saída do Schalke, passará pelo Al Ahli, dos Emirados Árabes Unidos. O jornal garante que o acordo entre Raúl e Al Ahli já está feito e contempla valores absolutamente incríveis: 40 milhões de euros por época.

desporto

Telma Monteiro campeã europeia. Telma Monteiro sagrou-se ontem, pela quarta vez na sua carreira, campeã europeia de judo, ao vencer a grega Ioulietta Boukouvala na final na categoria de -57 kg.

publicidade

LIGA DOS CAMPEÕES

Bayern junta-se ao Chelsea em Munique O Bayern de Munique qualificou-se para a final da Liga dos Campeões ao vencer o Real Madrid, por 3-1, no desempate por grandes penalidades, depois de perder 2-1 na segunda mão das meias-finais após prolongamento

Q

uatro vezes campeã europeia, a equipa alemã vai disputar a sua nona final, que terá como palco precisamente o seu estádio, a Arena de Munique, onde vai enfrentar os ingleses do Chelsea, que deixaram pelo caminho outra equipa espanhola, o Barcelona. Depois da vitória em Munique, por 2-1, o Bayern, quatro vezes campeão europeu, viu os espanhóis adiantarem-se com um “bis” de Cristiano Ronaldo (6 e 14 minutos), qua atingiu os 10 golos na presente edição da Liga dos Campeões, marcando o primeiro de grande penalidade, mas Robben igualou a eliminatória também de penálti (27), forçando o prolongamento no Bernabéu. No desempate por pontapés da marca dos 11 metros, Schweinsteiger bateu o pontapé decisivo, numa série marcada por

várias falhas, incluindo a de Cristiano Ronaldo, que permitiu a defesa a Neuer no primeiro remate da formação comandada por José Mourinho. Kaká também consentiu a defesa ao guarda-redes germânico e Sérgio Ramos atirou por cima, enquanto Xabi Alonso foi o único a marcar para os “merengues”. Do lado alemão, Kroos e Lahm viram os seus tiros travados por Casillas, mas Alaba, Gomez e Schweinsteiger colocaram o Bayern na “sua” final. O técnico Jupp Heynckes procura a sua segunda “Champions”, depois de ter conduzido o Real Madrid ao seu último título europeu, em 2002. Com este desfecho, o Real Madrid, nove vezes campeão europeu, ficou pelas meias-finais pelo segundo ano consecutivo e adiou a sua 1ª final da competição mais

Mourinho admite continuar José Mourinho lamentou a eliminação nas meias-finais da Liga dos Campeões, mas manifestou-se disposto a tentar de novo na próxima temporada. “O corpo pede-me para continuar e tentar outra vez. Se eu tinha algo em mente era ganhar com este grupo. Ganhar a Taça do ano passado teve grande importância para o clube. Chegar a duas meias-finais não é mau, mas queremos mais e o meu sentimento é de que o grupo tem um grande espaço para crescer”, afirmou Mourinho. “Se o clube pensa que eu posso continuar a acrescentar algo mais e os rapazes também pensam e a minha sensação é de que sim, vou continuar”, acrescentou o técnico português.

importante do continente. Mourinho desperdiçou a hipóteses de chegar à sua terceira final da Liga dos Campeões, após os triunfos alcançados com o FC Porto (2004) e com o Inter de Milão (2010). A Arena de Munique receberá uma final inédita, à qual o Chelsea chegou depois de deixar pelo caminho o ainda detentor do título, o Barcelona, graças a um

empate 2-2 na Catalunha, na quarta-feira, depois de vencerem em Londres, por 1-0. Finalista uma vez, em 2008, o Chelsea, “carrasco” do Benfica nos quartos de final, regressa ao encontro decisivo sob o comando do italiano Di Matteo, que em Março substituiu o português André Villas-Boas. JTM/Lusa

Terminal Marítimo do Porto Exterior Capitania dos Portos

Notificação edital Nos termos do disposto no n.º 2 do artigo 72.º do Código do Procedimento Administrativo, são notificados Lei Sio Heng e outros interessados desconhecidos da seguinte matéria: 1. O terreno n.º X-3 situado em Lai Chi Wun, Coloane tem o número de cadastro 71155001. 2. A última licença de ocupação a título precário do terreno n.º X-3, situado em Lai Chi Wun, Coloane, caducou em 1 de Janeiro de 2011 e, actualmente não se tem direito a usar ou ocupar, a título pessoal, o referido terreno. 3. Nos termos do artigo 7.º da Lei Básica da Região Administrativa Especial de Macau, o terreno n.º X-3, situado em Lai Chi Wun, Coloane, é propriedade do Estado e o Governo da Região Administrativa Especial de Macau é responsável pela sua gestão, uso e desenvolvimento. 4. Quanto à exigência da entrega do terreno n.º X-3, situado em Lai Chi Wun, colocada a Lei Sio Heong e aos interessados desconhecidos, a Capitania dos Portos procedeu a uma audição escrita por meio de notificação edital em 18 de Outubro de 2011. Até ao termo do prazo da audição escrita, a Capitania dos Portos não recebeu resposta por escrito, apresentada por qualquer interessado. 5. Tendo por objectivo gerir eficazmente o terreno n.º x-3, situado em Lai Chi Wun, Coloane, pelo governo da RAEM, e face à situação acima referida e à respectiva análise, por despacho do Chefe do Executivo em 15 de Fevereiro de 2012, exarado na proposta da Capitania dos Portos n.º 3/ATJ/2012 e, nos termos do disposto no artigo 7.º da Lei Básica da Região Administrativa Especial de Macau, na alínea o) do artigo 41.º e na alínea c) do n.º 1 do artigo 174º da Lei de Terras, o Chefe do Executivo manda: 5.1 Devem os interessados desocupar, no prazo de 15 dias contados da recepção da presente notificação, o terreno n.º X-3 em Lai Chi Wun, Coloane e entregar o referido terreno à Administração, sem direito a qualquer indemnização; 5.2 Devem os interessados, no prazo acima referido, remover os bens que ainda se encontram no terreno n.º X-3 em Lai Chi Wun, Coloane, sem causar danos à estrutura do estaleiro instalado no referido terreno; 5.3 Os bens deixados no terreno n.º X-3 em Lai Chi Wun, Coloane, serão primeiramente lavrados em auto e posteriormente depositados temporariamente no estaleiro instalado no terreno n.º X-3 em Lai Chi Wun. Findo o prazo de 15 (quinze) dias a contar da data do depósito e caso os bens não tenham sido levantados, consideram-se os mesmos abandonados. 6. Nos termos do n.º 2 do artigo 144.º do Código Procedimento Administrativo, notifica-se que, findo o prazo e em caso de incumprimento da ordem indicada no ponto 7, a Capitania dos Portos, em conjunto com outros serviços públicos, a partir do termo do prazo atrás referido, procederá à execução da ordem acima referida, e serão responsabilizados os interessados pelas eventuais despesas, indemnizações e sanções pecuniárias. 7. Nos termos do artigo 149.º do Código do Procedimento Administrativo, o interessado pode apresentar a reclamação para o Chefe do Executivo no prazo de quinze dias. 8. Nos termos do artigo 25.º, n.º 2 do Código de Processo Administrativo Contencioso e do artigo 36.º, alínea 8) da Lei n.º 9/1999, republicada pelo Despacho do Chefe do Executivo n.º 265/2004, o interessado pode, querendo, recorrer da decisão para o Tribunal de Segunda Instância da RAEM no prazo de 30 dias. 9. Os interessados podem consultar o processo em causa, no horário de expediente, no Núcleo de Processamento de Matrícula e Licenciamento do Departamento de Embarcações e Assuntos Portuários no Edifício da Capitania dos Portos. Aos 18 de Abril de 2012, RAEM. A Directora, Wong Soi Man

pág 12 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

Espaços a Ceder para Comércio e Publicidade Áreas: Desde 65 a 2,600 pés quadrados Tipos de Utilização: Agências de Viagens / Estabelecimento de Comidas / Recordações/ Retalhos Publicidade Áreas: De 3 x 5 pés ou de 28 x 5 pés Termo de Cedência: Negociável Os interessados poderão contatar por e-mail: shpgdept@macau.ctm.net, por telephone: 28726111, por correio: Terminal Marítimo do Porto Exterior, sala 1099, Piso-1, Macau. E ainda em pessoa para esclarecimentos e visita aos espaços acima mencionados. (Guardamos Sigilo) jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 13


volta ao MUND JAPÃO

O ex-secretário geral do Partido Democrático do Japão, no poder, Ichiro Ozawa foi ontem absolvido por um tribunal de Tóquio das acusações de irregularidades financeiras. O Ministério Público pedia a aplicação de uma pena de três anos de prisão a Ozawa, que liderou o partido até 2010, depois de o ter acusado de engendrar um plano com três assistentes para ocultar ao fisco o investimento de 400 milhões de ienes na aquisição de um terreno em Tóquio, em 2004, através do gabinete que gere os donativos políticos.

CHINA

O presidente da REN - Redes Energéticas Nacionais, Rui Cartaxo, salientou ontem em Pequim que a empresa passou a ter “uma visibilidade internacional muito maior” com a entrada da China State Grid no seu capital. Rui Cartaxo termina na sexta-feira a sua primeira visita à China, realizada cerca de três meses depois de o Governo português ter acordado vender 25 por cento do capital da REN à State Grid por 287 milhões de euros.

ÍNDIA I

A Índia lançou ontem, com êxito, um satélite, com o qual espera melhorar a sua tecnologia de defesa, previsão de catástrofes e agricultura florestal, de acordo com a Organização de Investigação Espacial indiana (ISRO). “É o nosso 20.º lançamento consecutivo bem sucedido. É o primeiro satélite fabricado pela Índia com imagens de radar que entrou em órbita”, disse o chefe do ISRO, K. Radhakrishnan, citado pela agência indiana IANS.

actual

NETA DE LE PEN CANDIDATA NAS LEGISLATIVAS. Marion MarechalLe Pen, neta do líder da extrema-direita francesa, Jean Marie Le Pen, e sobrinha da ex-candidata presidencial da Frente Nacional, Marine Le Pen, vai candidatar-se a um lugar no Parlamento nas eleições de Junho.

EUA

TIMOR I

Romney marca diferenças com Obama Após a sua clara vitória nas primárias de cinco estados, Mitt Romney resolveu a questão da investidura republicana às presidenciais de Novembro, mas tem agora de definir uma estratégia que lhe permita a vitória sobre Barack Obama

N

R

omney obteve bons resultados em todos os cinco Estados, com valores sempre acima dos 50% sobre os dois restantes candidatos: Newt Gingrich e Ron Paul. No discurso após a divulgação dos resultados, o ex- governador do Massachusetts assumiu mais um tom de estadista, garantindo que uma “América melhor está a começar”, para em seguida sublinhar o modo negativo como Obama influenciou a vida dos americanos nestes quatro últimos anos. “Estes quatro anos mostraram o melhor que Obama pode fazer, está longe de ser o melhor que a América pode fazer”, disse no New Hampshire, o Estado em que iniciou a sua campanha há cerca de um ano. Esta é uma referência ao elevado desemprego e à dimensão do défice público. Mas esta linha de argumentos pode ficar comprometida se vierem a concretizar-se as previsões da Reserva Federal (Fed) apresentadas ontem. O Fed prevê um crescimento de 2,4 a 2,9% do PIB em vez dos 2,2 a 2,7% no início do ano; por seu lado, a taxa de desemprego será de 7,8% no final do ano, ao contrário dos previstos 8,2%. Só que quando ontem Romney declarou “que o que está em causa é a economia, e nós não somos estúpidos”, estes números ainda não eram conhecidos. Romney falou na necessidade de diminuir a carga fiscal e

O primeiro-ministro de Timor-Leste, Xanana Gusmão, assumiu a responsabilidade pelo Ministério da Justiça até ao final do processo judicial que decorre contra a ministra Lúcia Lobato, refere em comunicado divulgado à imprensa o governo timorense. A ministra da Justiça começou na segunda-feira a ser julgada pelo Tribunal Distrital de Díli por alegados crimes de corrupção, abuso de poder e falsificação de documentos.

TIMOR II

O chefe de Estado timorense, José Ramos-Horta, disse ontem que o dinamarquês Finn Reske-Nielsen vai assumir o lugar da actual representante do secretário-geral da ONU no país, Ameerah Haq, que termina funções em Junho. “O lugar será preenchido pelo senhor Finn Reske-Nielsen, que está em TimorLeste há quase dez anos e tem uma enorme experiência”, disse José Ramos-Horta.

subsídios oficiais –“temos de reduzir os cheques do Governo” – ao contrário das propostas de Obama, que aposta no aumento dos impostos, com taxas de 30% para os agregados com mais de um milhão de dólares por ano, e no incremento da despesa pública como motor da economia. Para o próximo ano estão previstos gastos de 300 mil milhões de dólares em incentivos fiscais, aumento de salários no sector da educação e em infra-estruturas públicas. Mas Romney continua com um problema de imagem. A mais recente sondagem Washington Post/ ABC revela números preocupantes: 47% dos americanos têm opinião negativa do candidato republicano enquanto 56% têm boa opinião de Obama. No eleitorado feminino (considerado decisivo para a vitória ou derrota), a situação é ainda mais sombria: só 27% têm opinião positiva de Romney comparados aos 58% que vêem o Presidente com bons olhos. JTM/DN

Gingrich abandona primárias O ex-presidente da Câmara dos Representantes entre 1995 e 1999 e candidato à nomeação republicana às presidenciais de Novembro deste ano anunciou a sua desistência e vai “com toda a probabilidade” apoiar Romney, revelou um seu porta- voz. Falando num encontro com apoiantes, Gingrich declarou considerar-se “melhor candidato” do que Romney, “mas o facto é que os eleitores não pensam isso”. O importante “é que o partido permaneça unido. “Nenhum conservador em ponto algum da América deve ter a menor dúvida de como é importante derrotar Barack Obama”, afirmou Gingrich.

FRANÇA

Líder centrista distancia-se de Sarkozy François Bayrou furioso com ‘ namoro’ do candidato à reeleição presidencial aos votos da extrema- direita patréicia viegas

N

Bayrou, do Modem, ficou em quinto com 9,13%. E até agora ainda só abriu a boca para denunciar a “lepenização” do Presidente. “As declarações de Nicolas Sarkozy, no sentido de confundir os eleitores que votaram em mim e os que votaram em Marine Le Pen, são absurdas e ofensivas”, declarou o líder do Modem à AFP.

pág 14 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

Jardim diz que “não há buraco nenhum” nas contas da Madeira O presidente do Governo regional da Madeira, Alberto João Jardim, recusou existir um ‘buraco’ nas contas da região autónoma e afirmou que o caso se destina a “entreter” o povo português

abel coelho de morais

a política tal como na vida é difícil agradar a gregos e a troianos. Nicolas Sarkozy perdeu a primeira volta das presidenciais francesas mas quer ganhar a segunda de 6 de maio a todo o custo. E para isso tanto tenta conquistar o eleitorado da extrema-direita como os votos do centro. Difícil. Após ter metido no mesmo saco as aspirações de ambos os eleitorados, de Marine Le Pen e François Bayrou, afirmou que a líder da Frente Nacional, que ficou em terceiro, “é compatível com a República”. Ontem ouviu críticas de Bayrou e viu-se forçado a esclarecer até que ponto está disposto a ir na sua deriva para a direita radical: “Não haverá acordo com a Frente Nacional nem ministros”, declarou o Presidente-candidato em entrevista à rádio France Info. Sarkozy, apoiado pela UMP, ficou em segundo lugar no dia 22, perdendo para François Hollande, candidato dos socialistas. Com uns nada desprezíveis 18% ficou Le Pen na terceira posição. 11% teve JeanLuc Mélenchon, candidato da Frente de Esquerda, que agora apoiará Hollande. Já

CHARLES TAYLOR É “CULPADO”, DIZ TRIBUNAL DE HAIA. O ex-presidente da Libéria Charles Taylor foi considerado culpado dos crimes de guerra durante a guerra civil da Serra Leoa (1991-2002), avança a Reuters, adiantando que será marcada uma nova audiência para determinar a pena.

portugal

ÍNDIA II

Os rebeldes maoístas libertaram ontem o deputado indiano Jhina Hikata, raptado há 32 dias, depois de terem anunciado, na quarta-feira, que o iriam fazer se aquele garantisse perante um tribunal rebelde que iria demitir-se. Hikaka disse, em declarações a uma televisão local indiana, que faria “tudo o que os maoístas disseram”, sem especificar.

actual

SENTIMENTO ECONÓMICO MELHORA EM PORTUGAL. O indicador de sentimento económico do Eurostat para Portugal registou uma melhoria em abril, embora permanecendo abaixo da média da União Europeia (UE), foi hoje anunciado.

Lamentando que Sarkozy valide “o discurso da Frente Nacional”, Bayrou referia-se à entrevista que o candidato da UMP deu a oito jornais da Associação de Jornais do Leste de França: “Eu partilho das preocupações de François Bayrou sobre o défice. Ora, se deixarmos a imigração sem controlo, a primeira consequência será a agravação do défice (...) não podemos aceitar uma imigração que apenas pretende viver das prestações sociais (...) deste ponto de vista, as preocupações dos eleitores de Bayrou e da Frente Nacional são as mesmas, ainda que os caminhos sejam diferentes.” No meio da polémica sobre estas declarações e as outras que fez sobre Marine Le Pen, Sarkozy, que obteve na primeira volta 27,1%, enquanto Hollande teve 28,6%, estabeleceu as suas linhas de fronteira em relação aos extremistas da Frente Nacional. Estes poderão procurar um resultado que lhes permita formar um grupo parlamentar nas legislativas de Junho. “Não haverá acordo com a Frente Nacional nem ministros [caso vença as eleições a 6 de Maio].” Mas logo acrescentou Sarkozy: “Tenho que levar em conta o voto, não adianta torcer o nariz.” JTM/DN

ão há buraco nenhum, está-se a repetir a mesma conversa tida durante as eleições regionais. Acho muito estranho que se ande a insistir na mesma coisa e a entreter o povo português, quando não se vai saber porque é que o país entrou na bancarrota, isso é que é grave”, disse Alberto João Jardim. Na segunda-feira, no âmbito de um inquérito-crime relacionado com a alegada omissão de dívida pública da região autónoma da Madeira, a GNR interditou o edifício que foi sede da Secretaria Regional do Equipamento Social para a realização diligências de busca e apreensão. As diligências, determinadas pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), visaram “serviços da extinta secretaria com atribuições relacionadas com o exercício de obras públicas”, culminou na apreensão de “documentos físicos e respectivos registos infor-

máticos”, referiu fonte do Comando Regional da Madeira da GNR. Ontem, em declarações no final de um debate na Figueira da Foz, em que também participou o Bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho Pinto, Alberto João Jardim disse ainda que a Madeira está a ser alvo de um “ataque cirúrgico” aos seus sectores produtivos. “A Madeira vive da zona franca, vive do turismo e construção civil. Atacou-se a construção civil, fixando um tecto de investimento”, disse o presidente do governo regional. No turismo acusou a transportadora aérea nacional (TAP) de praticar “preços muitíssimos mais baratos” para outros destinos, situados à mesma distância entre o Funchal e Lisboa e, no caso da zona franca, “a única” de Portugal, “anda a ser desmantelada, a pouco e pouco, para se estar a beneficiar zonas francas estrangeiras”, argumentou. “Portanto, isto é um ataque cirúrgico à Madeira”, reforçou Alberto João Jardim. Acrescentou ainda que a Madeira “estava a crescer muito mais do que o continente” e que, perante um “temor” desse crescimento económico, “corta-se as pernas” à região autónoma, observou.

Presidente da Ongoing constituído arguido Nuno Vasconcelos foi ontem ouvido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa e constituído arguido, na sequência do chamado “caso das secretas” CARLOS RODRIGUES LIMA, FILOMENA MARTINS e VALENTINA MARCELINO

A

equipa de Maria José Morgado está a investigar as alegadas fugas de informação dos serviços secretos para a empresa dirigida por Nuno Vasconcelos, a Ongoing, protagonizadas pelo ex-director do Serviço de Informações Estratégicas de Defesa (SIED) Jorge Silva Carvalho. O presidente da Ongoing respondeu sobre as suspeitas de ter recebido informação confidencial da parte de Silva Carvalho, quando este ainda estava na direcção do SIED. O “chefe” dos espiões deixaria depois aquele serviço para integrar o quadro de topo da empresa, mais conhecida pelos seus negócios de media no Brasil e em Portugal (o Diário Económico é um dos seus títulos). Silva Carvalho assumiu funções executivas importantes na Ongoing, com responsabilidade em várias direcções, desde os serviços partilhados às auditorias de gestão e segurança, comunicação e relações institucionais, reportando directamente ao conselho de administração. A polémica estalou quando o semanário Expresso denunciou uma alegada troca de emails entre Silva Carvalho e quadros da Ongoing, que antes tinham trabalhado nas secretas, com informação interna. Embora nos inquéritos realizados não tivesse ficado demonstrado que a informação em causa violava o segredo de Estado, o Ministério Público (MP) entendeu que havia outra matéria para investigar. Em Novembro passado, juntamente com a PJ, o MP fez buscas na sede da Ongoing, em Lisboa, e na casa de Jorge Silva Carvalho. Foram apreendidos vários computadores, telemóveis e outra documentação a Silva Carvalho, entre eles os que se encontravam no

Alberto João Jardim nega tudo

“E todos estes ataques, que são repetitivos, quando não se respeita o princípio do contraditório, devo dizer que estamos todos fartos deste regime político português”, afirmou. JTM/Lusa

Prestação da casa a cair Há boas notícias para as famílias com crédito à habitação. A prestação da casa vai continuar a descer até ao final do ano. Pelo menos é essa a expectativa do mercado, a avaliar pela negociação dos contratos de futuro da Euribor, indexante do crédito à habitação bárbara barroso

P

seu gabinete na Ongoing. Da empresa foram levados também computadores e documentos. Terá sido a leitura destes e as suspeitas que alguns levantaram a levar agora à audição de Vasconcelos e à sua constituição como arguido. A investigação do MP incluirá também o caso de alegado acesso ilegal, por parte do SIED, quando Silva Carvalho era director, à lista de chamadas telefónicas de um ex-jornalista do jornal Público, para descobrir as suas fontes. No início do ano, e na sequência dos vários processos que recaíram sobre si, Silva Carvalho acabou por pedir a demissão da Ongoing. JTM/DN

ara uma família com um crédito à habitação de 150 mil euros a 30 anos, indexado à Euribor a três meses, ainda vai beneficiar de mais três revisões este ano que, no conjunto, podem representar uma poupança que ascende a 49 euros. Os futuros da Euribor – taxa de referência para o crédito à habitação – estão a antecipar uma queda das taxas interbancárias pelo menos até ao final do terceiro trimestre deste ano. As expectativas do mercado apontam para que a Euribor a três meses se situe, em Setembro, nos 0,63%. Isto quando ontem esta taxa a três meses caiu para 0,724% (e a média mensal de Abril se encontra actualmente em 0,75%). Esta descida deverá, no entanto, ser faseada. Ou seja, a próxima revisão do empréstimo deverá traduzir-se numa maior descida. Com o abrandamento do ciclo de descida da Euribor as revisões seguintes já deverão ter uma quebra menos expressiva. Mas se por um lado ainda há margem para a Euribor descer, e a prestação cair, até ao final do ano, por outro, tudo aponta para que essa situação se inverta em Dezembro ou, o mais tardar, no iní-

cio do próximo ano. Os futuros da Euribor a três meses apontam para que em Dezembro, esta taxa se situe nos 0,67% e em Junho do próximo ano esteja nos 0,79%, ou seja, acima do valor que está actualmente. Caso esta expectativa venha a confirmar-se, o início de 2013 poderá marcar o começo de um ciclo de subidas, embora não tão expressivo como o que se verificou há uns anos e que levou a taxa Euribor a atingir máximos históricos acima dos 5%, em Setembro de 2008. JTM/DN

jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 15


Dito

“Nunca como hoje, foi tão necessário ser realista e ser realista significa pedir o impossível, já que o possível não está mais ao nosso alcance.”

opinião

Carlos Morais José in “Hoje Macau”

“O grande estratega da modernidade de Macau pós-transição foi de facto Edmund Ho, que liberalizou o jogo, multiplicando exponencialmente as receitas da administração pública e fazendo, como consequência, o PIB crescer quase sustentadamente para os dois dígitos anuais, excepção feita dos períodos de epidemias/crise internacional.” – Albano Martins

opinião

Há 20 anos mami na cozinha

JURISTAS LOCAIS CONVIDADOS EM PEQUIM

Uma delegação composta por uma dezena de juristas de Macau, chefiada por Henrique de Senna Fernandes, partiu para Pequim, a convite da delegação no Território da agencia oficial de notícias “Nova China”. Durante a sua estadia na capital da república popular da China, a missão participará numa conferência sobre a Lei Básica da futura Região Administrativa Especial de Macau, alem de visitar, nomeadamente a Faculdade de Direito de Pequim, o Ministério Público do Povo e um estabelecimento prisional. O programa da visita que se prolonga até ao próximo dia 2, inclui ainda um encontro com dirigentes do gabinete do Conselho de Estado para os Assuntos de Hong Kong e Macau.

EXPLOSÃO EM ZHUHAI ASSUSTOU MACAU

A explosão de uma carga de 17 toneladas de dinamite e, obras em Zhuhai provocou o pânico em Macau, onde milhares de pessoas fugiram das casas e empregos, recendo tratar-se de um tremor de terra. A explosão ocorreu às 15:04 foi sentida em todo o Território e os efeitos nos edifícios assemelhavamse aos provocados pelos abalos sísmicos. Não são conhecidos prejuízos em Macau, tendo a população regressado a suas casas e locais de trabalho cerca de 15 minutos depois da detonação.

O poder das ervas A

s ervas aromáticas, ou ervas-de-cheiro, são plantas de pequenas dimensões que libertam aromas distintos que apelam aos sentidos, sendo por isso utilizadas na cozinha desde os primórdios da culinária. Igualmente associadas a propriedades medicinais activas, as ervas aromáticas são remédios naturais em pequenas doses, devendo por isso fazer parte da decoração ou composição dos nossos cozinhados de forma regular. Os seus poderes medicinais estão resumidamente aglomerados em quatro categorias: o poder dos antioxidantes que protegem o coração, evitam doenças cancerígenas e ajudam ao prolongamento da juventude celular; o poder antiinflamatório e anti microbial que nos defende de doenças de diversa ordem e mantém o organismo são; o poder de impulsionador do metabolismo que nos permite manter o peso regular, pois criam a sensação de saciedade e satisfação antecipada; e o poder agilizador do processo digestivo, funcionando algumas destas ervas como purificadoras e desintoxicantes do organismo. As pesquisas actuais ainda não são conclusivas quanto ao facto das suas qualidades serem potenciadas ou anuladas pelo efeito do calor, no entanto sabe-se que as ervas secas perdem propriedades quando comparadas com as frescas e que o calor lhes retira o atributo aromático (excepção para os orégãos), pelo que devem ser adicionadas no final da confecção ou em cru. Podemos rematar esta conversa, dizendo que as ervas de cheiro transformam positivamente os alimentos e devem ser harmoniosamente utilizadas na sua preparação, e até na substituição do malogrado sal. E aqui ficam doze aromáticas ervas para explorar: hortelã, cebolinho, salsa, coentros, orégãos, rosmaninho, tomilho, estragão, erva-limão, funcho, manjericão, louro. Deixem-me também apontar algumas combinações perfeitas: manjericão com tomate, estragão com frango, tomilho ou alecrim com borrego, orégãos com ovos ou queijo. Mas não se fiquem por aqui… usem e abusem, façam

ICQ dental team is a group of dental specialists with internationally recognized qualifications. We provide all range of dental services: − Oral examination and radiology investigation − Restorative and Cosmetic Dentistry − Children Dentistry − Orthodontic Treatment − Oral and Dental implant Surgery – Endodontic Treatment − Periodontal Treatment − Emergency Treatment We are committed to deliver high quality dental services with personalized care. We ensure the highest level of infection control.

Website: www.icqoral.com E-mail: info@icqoral.com Facebook: www.facebook.com/icqoral

Consultation by Appointment Office hour: Mon to Sun 10:30 - 19:30 Close on Tue and Public Holiday Fax: (853)28356483

Rm. 1907, 19/F, AIA Tower, Nºs. 251A-301, Avenida Commercial de Macau

H

experiências e combinem sabores que já conhecem com novos, como o prato que hoje vos sugiro. PEITO DE FRANGO COM ERVA-LIMÃO Corte 2 peitos de frango em tiras finas e tempere de sal e pimenta. Numa frigideira larga aloure em 2 colheres de sopa de óleo de canola, 2 dentes de alho picados e ½ cebola em meias luas. Junte a galinha e vá virando até alourar de ambos os lados. Junte 1 chili vermelho cortado longitudinalmente, gengibre ralado e dois pés de erva-limão (lemongrass) cortados grosseiramente, envolva e tape durante 2 a 3 minutos antes de terminar para ganhar molho (molho que pode servir por cima de um arroz basmati)...

(opposite to New Yaohan and Grand Emperor Hotel) pág 16 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

AvisO Faz-se público que, por despacho do Ex.mo Senhor Secretário para a Economia e Finanças, de 28 de Março de 2012, e nos termos definidos na Lei n.º 14/2009 (Regime das carreiras dos trabalhadores dos serviços públicos) e no Regulamento Administrativo n.º 23/2011 (Recrutamento, selecção, e formação para efeitos de acesso dos trabalhadores dos serviços públicos), se acham abertos os concursos comuns, de ingressos externos, com prestação de provas, para o preenchimento dos seguintes lugares: A) Cinco estagiários com vista ao preenchimento de lugares de técnico de estatística de 2.ª classe, 1.º escalão, da carreira de regime especial, na área de estatística; B) Sete lugares de agente de censos e inquéritos de 2.ª classe, 1.º escalão, do grupo de pessoal técnico de apoio. O aviso do concurso encontra-se publicado no Boletim Oficial da RAEM, n.º 17, II Série, de 25 de Abril de 2012, e no website destes Serviços (www.dsec.gov.mo). Para mais informações, dirija-se por favor à Divisão Administrativa e Financeira da Direcção dos Serviços de Estatística e Censos, sita na Alameda Dr. Carlos d’Assumpção n.º 411-417, Edifício Dynasty Plaza, 17.º andar, durante o horário de expediente. Direcção dos Serviços de Estatística e Censos, aos 19 de Abril de 2012. A Directora, Kong Pek Fong

Albano Martins

Criar condições para diversificar a economia

Direcção dos Serviços de Estatística e Censos

Tel: (853)28373266

os desatinados

Manuela Nunes *

Mais receitas em: http://maminacozinha.blogspot.com * Colaboradora. Escreve neste espaço às sextas-feiras.

Direcção dos Serviços de Turismo

Recrutamento de pessoal Faz-se público que a lista dos candidatos aprovados na prova escrita de conhecimentos e admitidos à entrevista profissional do processo de recrutamento de 20 adjuntos técnicos de 2ª classe, 1º escalão, destes Serviços (Ref. nº 003/DST/2010), em regime de contrato além do quadro, encontra-se afixada a partir de 27 de Abril de 2012, no quadro de informação da Direcção dos Serviços de Turismo, sito na Alameda Dr. Carlos d’Assumpção, nºs 335-341, Edifício “Hot Line”, 12º andar, Macau, podendo ainda ser consultada no “website”: http://industry.macautourism.gov.mo Direcção dos Serviços de Turismo, aos 25 de Abril de 2012. O Director dos Serviços, João Manuel Costa Antunes

á dias, em entrevista à Lusa, afirmava que Macau poderia dar-se ao luxo de poder vir a ter o seu governo a acabar com a quase totalidade do seu IRS (Imposto Profissional) ou IRC (Imposto Complementar), movimento em sentido contrário ao que vinha acontecendo um pouco por todo o mundo desenvolvido, nomeadamente a Europa, afundada nos seus enormes problemas de dívida pública (e privada). Como se sabe, Macau não tem dívida pública. Dizia eu, ainda, que em Macau, o único instrumento de política económica que o governo dominava bem era a política fiscal. Como se sabe, não há em Macau qualquer política monetária ou cambial autónoma, dado o peg indirecto ao dólar americano. Por outro lado, a política económica, propriamente dita, consiste simplesmente em pequenos programas de subsidiação de pequenas e médias empresas e num ou noutro programa de apoio para a aquisição de casa própria ou de controlo de determinados preços via subsidiação, mais para gerir um IPC que atingiu o ano passado valores próximos dos seis% (5,81%) e que começa a criar alguma tensão social. O Governo é, como se sabe, totalmente sensível a qualquer manifestação de instabilidade social. O PIDDA ao não ser executado aos níveis previstos, não tem sido um bom dinamizador da actividade económica, provavelmente até porque a falta de recursos humanos acabe por ser a responsável pelo arrastar das diversas obras nele previstas. O grande estratega da modernidade de Macau pós-transição foi de facto Edmund Ho, que liberalizou o jogo, multiplicando exponencialmente as receitas da administração pública e fazendo, como consequência, o PIB crescer quase sustentadamente para os dois dígitos anuais, excepção feita dos períodos de epidemias/crise internacional. Como se sabe, Macau nos quatro anos anteriores à transição afundavase numa recessão sem fim à vista. O governo de Macau, ao tempo da Administração Portuguesa, dava sinais de estar apenas preocupado com o

saldo da conta pública e com a capacidade de poder pagar os vencimentos dos funcionários públicos, ao mesmo tempo que procurava executar um programa de grandes investimentos em infraestruturas, responsáveis pela modernidade que foi deixada a Macau. Não conseguiram fazer mais nos seus últimos anos porque o fundo de terras secava-lhe metade das receitas provenientes das concessões de terrenos, sabido que com o jogo pouco se podia contar pois esse afundava-se no seu marasmo habitual. Por outro lado, Edmund Ho, já senhor de enormes receitas, teve condições de mexer de forma habilidosa na política fiscal, reduzindo substancialmente os impostos sobre o rendimento, nomeadamente o imposto Profissional (IP), o Complementar (IC) e o imposto de Turismo, incentivando assim, o crescimento económico e nomeadamente o investimento e o consumo privado. Para além da suspensão de outros impostos ou contribuições. Nessa perspectiva e em seguimento do que foi delineado por Edmund Ho, acredito que, para diversificar e incentivar a economia, preocupações que não são apenas do Governo da RAEM mas do próprio governo central, Macau poderia continuar hoje simplesmente a investir nessa política fiscal facilitadora do investimento e do consumo interno. Como? Em primeiro lugar, suspendendo temporariamente, o IC para as empresas com capitais maioritariamente locais (o que faria com que os locais se juntassem a não-locais com expertise em determinadas áreas) e ou de empresas que fizessem investimentos em áreas consideradas prioritárias pelo governo, neste último caso com exigência de criação clara de emprego, tendo em vista a diversificação da economia, a sua “libertação do jogo enquanto actividade que hoje mais emprego cria e mais torna oneroso o custo de mão-de-obra”, incluindo-se como beneficiados naturalmente o próprio sistema financeiro, enquanto facilitador dessa criação de emprego. Não deveriam ser abrangidas pela suspensão do IC as concessionárias de qualquer tipo e imobiliárias, por ra-

rendimento de 418.250 patacas, sujeito a imposto complementar, paga as mesmas 23.190 patacas de imposto que um rendimento de 600 mil patacas em sede de imposto profissional. A meu ver, isso constitui claramente um desincentivo ao empreendorismo. Muita gente prefere trabalhar por conta de outrem, fugindo ao risco! O peso do IC e do IP tenderá a cair no futuro dado o aumento exponencial das receitas do jogo. Portanto, o decisor público deveria, para os casos atrás referidos, suspender temporariamente os dois impostos, estudando outros mecanismos que pudessem facilitar uma melhor redistribuição da riqueza gerada e arrecadada pelo governo, de forma diferente do que actualmente existe, e um sistema de aposentação que permitisse uma vida mais digna após o final da vida activa. Naturalmente que acautelada a criação de uma reserva para fazer face a futuros mais sombrios, preocupação sempre constante das elites locais. Em contrapartida da suspensão do IC, o governo poderia estudar a possibilidade de criação de uma taxa social única para fins de aposentação, a ser gerida pelo FSS, convencendo as empresas a contribuir de forma mais significativa para o fim da vida activa dos seus trabalhadores. O Governo, sozinho, não tem essa capacidade! A eliminação do imposto profissional poderia, por outro lado, incentivar as pessoas singulares a aplicarem parte das suas poupanças em PPRs, tendo em vista a aposentação futura. Hoje, como se sabe, não há em Macau praticamente sistema algum de aposentação na vida privada com o mínimo de dignidade. Apenas os trabalhadores da função pública têm reformas que se aproximam das suas remunerações no activo. O total de descontos na economia privada para efeitos de aposentação é de apenas 45 patacas mensais, independentemente do rendimento auferido, sendo que 30 são da responsabilidade da entidade patronal e 15 do trabalhador. Ridículo e perigoso para a sustentabilidade do sistema! Sobretudo o valor das pensões em final da vida activa, naturalmente um espelho dessa ridícula comparticipação. Finalmente, repare-se que os nãoresidentes não beneficiam de qualquer protecção social na reforma, embora sejam alvos dos mesmos descontos! E há muitos não-residentes que trabalham em Macau há mais de três décadas, sem qualquer estatuto de residência. *Economista. Escreve de acordo com a ortografia antiga.

Cartoon

In “Jornal de Macau” e “Tribuna de Macau” 27/04/1992

zões óbvias. Perdia-se muito? Não. Em termos simples qualquer coisa como cerca de 7 dias de receitas correntes, tomando como “amostra” o que aconteceu com a conta pública até Março deste ano. O IC global cobrado em 2010 rondou os 2,3 mil milhões de patacas, sendo que representou apenas cerca de 2,3% das receitas totais do governo nesse ano. Neste momento, como se sabe, paga-se imposto complementar a partir de 200 mil patacas de rendimento, aplicando-se duas taxas, em escada, uma de 9 (nove)% para rendimentos a partir desse valor e até 300 mil patacas e 12% para rendimentos acima desse último valor. Essas taxas e esses escalões não são mudados desde 2007, quando a lógica ensina que deviam ser revistos com alguma frequência dada a evolução da inflação acumulada. Em segundo lugar, o IP, de menor expressão, com a última alteração ocorrida em 2011, deveria ser igualmente suspenso temporariamente, medida que poderia trazer mão-de-obra de elevada qualidade para Macau, ao mesmo tempo que poderia vir a incentivar um maior investimento individual em educação, cultura e formação profissional, para além da própria reforma. Perdia-se muito? Menos ainda. Simplesmente cerca de quase três dias de receitas correntes aos valores de hoje. O IP registou cerca de 836,7 milhões de patacas de cobrança nesse ano, representando cerca de 0,84% da receita total. Apesar da sua isenção ser de 144 mil patacas, de facto ela vem aumentada para 192 mil, dada a dedução de 25% da matéria colectável logo à cabeça. Trata-se de um imposto também em escada, com seis escalões de rendimento, progressivamente de 8 (oito) a 12%, sendo que nesse último caso se aplica para valores acima de 424 mil patacas. A sua suspensão teria como efeito imediato a melhoria da qualidade de vida da classe média e uma maior transparência em matéria fiscal. Ambas as suspensões simplificariam a vida fiscal do cidadão e da própria máquina fiscal, eliminando muita burocracia desnecessária e reorientando recursos públicos para áreas mais carenciadas. Para quem conhece o sistema fiscal, a remuneração do empreendorismo é fortemente penalizada quando se confronta o que se paga em sede do IC com o que é descontado por quem trabalha por conta de outrem. Exemplo: uma remuneração de 600 mil patacas, paga de Imposto Complementar 45 mil patacas e de Imposto profissional 23.190,00. Por outras palavras, um

“A eliminação do imposto profissional poderia, por outro lado, incentivar as pessoas singulares a aplicarem parte das suas poupanças em PPRs, tendo em vista a aposentação futura.” – idem

JTM/DN jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 17


BEACH BOYS EDITAM NOVO ÁLBUM DE INÉDITOS. O grupo norte-americano The Beach Boys vai lançar um novo trabalho que será composto apenas por temas inéditos. O álbum, ainda sem título oficial, chegará às lojas a 5 de Junho.

lazer

LADY GAGA E JUSTIN BIEBER JUNTOS EM “MEN IN BLACK 3”. Lady Gaga e Justin Bieber vão ser extraterrestres no terceiro capítulo da saga de “Men in Black”, confirmou o realizador Barry Sonnenfeld, que juntou ainda o nome de Tim Burton ao elenco. O filme tem estreia marcada para 25 de Maio.

Larissa Riquelme gosta de elogios picantes

Ciara Price “aquece” fãs no Twitter A modelo norte-americana Ciara Price, que já posou para a Playboy, é a nova namorada de Tyler Seguin, mas a sua relação com a estrela dos Bóston Bruins, equipa de hóquei no gelo não a tem impedido de “aquecer” os fãs. As “provocações” têm surgido via Twitter, onde a modelo de 21 anos tem publicado fotos seminuas e atraído uma legião de seguidores.

Fenómeno de popularidade após o Mundial de Futebol 2010, Larissa Riquelme está a fazer furor no Brasil com mais uma sessão fotográfica ousada para a revista “Sexy”, onde aparece como “cheerleader” e afirma gostar dos elogios picantes dos brasileiros. A modelo paraguaia de 27 anos revelou ainda que o seu jogador preferido da canarinha é Kaká. “Ele é óptimo”, frisou.

Katy Perry com novo namorado A cantora Katy Perry foi fotografada em cenas íntimas com Robert Ackroyd, guitarrista da banda “Florence and the Machine” que tem sido apontado como seu novo namorado. Durante o festival de música de Coachella, nos EUA, Katy abraçou e beijou Robert, num sinal de que já terá ultrapassado o divórcio com Russel Brand.

John Cusack no Passeio da Fama O actor John Cusack tornou-se na mais recente estrela representada no Passeio da Fama de Hollywood. Cusack recebeu a 2469ª estrela do Passeio da Fama, três dias antes da estreia do seu último filme “The Raven”. Cusack foi assim homenageado pelos seus quase 30 anos de carreira.

pág 18 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

fox movies 23:30

Gulliver’s Travels

Roteiro

tdm

(dia 27) 13:00 TDM News (Rep.) 13:30 Jornal das 24h 14:45 RTPi DIRECTO 17:35 Liga Europa: Atlético de Bilbao - Sporting (Rep.) 19:00 TDM Talk Show (Rep.) 19:30 Amanhecer 20:30 Telejornal 21:00 Ásia Global 21:30 Regresso a Sizalinda 22:15 Passione 23:00 TDM News 23:30 Resumo Liga Europa 23:45 Glory Road 01:30 Telejornal (Rep.) 02:10 RTPi DIRECTO (dia 28) 11:10 Oggy 11:40 Magia no País das Maravilhas 12:00 Zig Zag 12:35 Chefs 13:00 TDM News (Rep.) 13:30 Jornal das 24h 14:45 Amanhecer (Compacto) 19:00 Quem quer ser Milionário 20:00 Ásia Global (Rep.) 20:30 Telejornal 21:00 Liberdade 21 22:30 Tempo Final 22:45 Nativos Digitais 23:00 TDM News 23:30 Nico à Noite 00:40 Há Conversa 01:30 Telejornal (Rep.) 04:00 RTPi DIRECTO (dia 29) 11:00 Missa Dominical 12:00 O Meu Bairro 12:35 Entre Pratos 13:00 TDM News (Rep.) 13:30 Jornal das 24h 14:45 Zig Zag 16:40 Best of Portugal 17:10 Jogo Duplo 18:00 Paixões Proibidas 19:30 Professores Soldados 20:00 Música Movimento 20:30 Telejornal 21:00 Contraponto 22:00 Tailândia - Justiça sob Fogo 23:00 TDM News 23:35 Navegadores.PT 00:15 TDM Talk Show (Rep.) 00:45 Telejornal (Rep.) 01:15 RTPi DIRECTO

30 ESPN

13:00 ABL 2012 Weekly 13:30 Nextgen Series 2012 Ajax vs. Inter Milan 16:00 Fina Diving World Series 17:30 Unlikely Heroes 18:30 Baseball Tonight International 2012 19:30 (LIVE) Sportscenter Asia 2012 20:00 Football Asia 2012/13 20:30 Spirit Of London 21:00 Global Football 2011 21:30 The Football Review 22:00 Sportscenter Asia 2012 22:30 Football Asia 2012/13 23:00 Spirit Of London 23:30 Melbourne 1956

31 Star Sports

13:00 Total Rugby 13:30 2 Wheels 14:00 FIA F2 Champ. 15:00 Rebel TV 19 15:30 Auto GP World Series 17:30 Asian 5 Nations Rugby 2012 Sri Lanka vs. Philippines 19:30 FIA F1 WC - Bahrain GP 21:00 SBK Superbike World Championship 2012 21:30 (LIVE) Score Tonight 2012 22:00 V8 Supercars Championship Series 23:55 (LIVE) Asian 5 Nations

Rugby - UAE vs. Hong Kong

40 FOX movies

12:00 The Chronicles Of Narnia 13:55 Dear John 15:45 Enron 17:40 Black Hawk Down 20:00 Homeland 22:00 The Resident 23:30 Gulliver’s Travels

41 HBO

12:00 There Will Be Blood 14:35 Losing Isaiah 16:30 Black Sheep 18:30 Dead Poets Society 21:00 Game Of Thrones 22:00 Gladiator 00:35 A Nightmare On Elm Street 4 The Dream Master

51 NGC

13:25 One Ocean 14:20 The Truth Behind 15:15 Is It Real? 16:10 World’s Creepiest Killers 17:05 Mega Factories 18:00 Trapped 19:00 Seconds From Disaster 20:00 Secrets Of The First Emperor 21:00 Is It Real? 22:00 Built For The Kill 23:00 Taboo

54 History

13:00 Modern Marvels 14:00 After Armageddon 16:00 Top Shot 17:00 Ice Road Truckers 18:00 Pawn Stars 18:30 Kings Of Restoration 19:00 The Pickers 20:00 Monster Quest 21:00 Kings Of Restoration 22:00 Nazi Titanic 00:00 Ice Road Truckers

55 Biography Channel

14:00 Psychic Kids 15:00 Celebrity Close Calls 16:00 The Quon Dynasty 17:00 Private Chefs Of Beverly Hills 18:00 Storage Wars 18:30 Airline USA 19:00 Psychic Kids 20:00 Celebrity Nightmares Decoded 22:00 Jennifer Aniston 23:00 Psychic Kids

62 axn

13:55 Caught On Camera 14:50 NCIS: Los Angeles 15:45 The Amazing Race 16:35 Wipeout 17:25 CSI: Ny 18:15 The Voice 19:10 Criss Angel Mindfreak 19:40 Ebuzz 20:10 Caught On Camera 21:05 CSI: Ny 22:00 The Voice 22:55 The Amazing Race

63 Star World

13:05 American Idol 14:55 Greek 15:50 Masterchef Australia 17:10 Best of How I Met Your Mother 18:00 American Idol 19:00 Glee 20:00 American Idol 20:55 Junior MasterChef Australia 21:50

Model Specials 22:45 Parenthood 23:40 American Idol 00:35 Glee

82 RTPi

(dia 27) 07:00 24 Horas 08:16 5 Para A Meia-Noite 09:23 Praça Da Alegria (Rep.) 12:00 Repórter África - 2ª. Edição 12:29 24 Horas 13:01 Zig Zag 14:37 Tec@Net 14:51 Rota Das Estrelas 15:16 Sexta Às 9 16:00 Bom Dia Portugal 16:59 Portugal Negócios Com: Mário Ferreira 17:31 Musicais Fernando Pereira - Um Espetáculo De Digressão 19:08 Estado De Graça 20:00 Jornal Da Tarde 21:16 O Preço Certo 22:01 Ler +, Ler Melhor 22:13 Couto & Coutadas 22:43 Portugal No Coração 01:00 Portugal Em Directo (dia 28) 07:00 24 HoraS 08:17 5 Para A Meia-Noite 09:22 Nobre Povo 09:48 Praça Da Alegria (Rep.) 12:28 Repórter África 12:57 24 Horas 13:29 Janela Indiscreta - Mário Augusto 14:00 Telejornal Madeira 14:30 Modalidades Memória - Fernando Lima Bello 15:00 Magazine Timor 15:30 Grande ReportagemSic - Eu E Os Meus Irmãos 16:00 Bom Dia Portugal Fim De Semana 17:00 Herman 2012 18:00 Portugal Sem Fronteiras 20:00 Jornal Da Tarde 21:15 Mais Europa 21:45 Os Compadres 22:30 Podium 23:45 Modalidades Memória - José Alves 00:00 Atlântida (AçoRes) 01:30 Magazine Timor 02:00 Tempos Modernos Rtpi 02:30 História Essencial De Portugal - Da Restauração Ao Liberalismo (dia 29) 07:00 24 Horas 08:15 5 Para A Meia-Noite 09:30 Magazine Timor 10:00 Liga Zon Sagres Marítimo X Porto (Diferido) 11:45 Nha Terra Nha Cretcheu 2012 12:30 24 Horas 13:00 Músicas De África 14:00 Telejornal Madeira 14:30 História Essencial De Portugal - Os Primeiros Passos De Portugal 15:00 Magazine África Do Sul 15:30 Ver De Perto 16:00 Bom Dia Portugal Fim De Semana 17:00 EucarisTia Dominical 18:15 Guimarães, Capital Europeia Da Cultura 2012 19:15 Barcelona, Cidade Neutral 20:00 Jornal Da Tarde 21:15 A Festa É Nossa 23:45 Cinco Sentidos 00:45 Magazine África Do Sul

A programação é da responsabilidade das estações emissoras

hbo

21:00

28822866

Game of Thrones

www.macaucabletv.com cinema

CINETEATRO S1 Battleship

THEATER 9

S2 The Avengers 3D

theater DIRECTORS Cl 2 (6*)

14:30 • 16:45 • 21:30 14:15 • 16:45 • 19:15 • 21:45

TORRE DE MACAU

The Avengers 3D 14:15 • 16:45 • 19:15 • 21:45

GALAXY theater DIRECTORS Cl 2 Man on a Ledge 14:10

THEATER 9* (7)

Battleship - 14:00 • 16:30 • 19:00 • 19:30* • 21:30 • 22:00*

theater DIRECTORS Cl 1* (8) A Simple Life -14:30* • 20:05 • 22:20

theater 8 Mirror Mirror 13:50 • 18:00

The Lorax - 16:00

Wrath of the Titans 3D 16:05 • 22:40*

theater DIRECTORS Cl 1 (6*) Love in the Buff 14:15* • 21:50 • 00:40*

theater GRAND THEATER (6*) Titanic 3D 14:00 • 17:30 • 19:05* • 21:00

theater 6 The Hunger Games - 16:25

theater DIRECTORS CLUB 1 3D Sex & Zen: Extreme Ecstasy 00:05

Clube Militar de Macau

Avenida da Praia Grande, 975, Macau Tel: 28714000 Telefones Úteis Número de Socorro 999 Bombeiros 28 572 222 PJ (Linha aberta) 993 PJ (Piquete) 28 557 775 PSP 28 573 333 Serviços de Alfândega 28 559 944 Centro Hospitalar Conde S. Januário 28 313 731 Hospital Kiang Wu 28 371 333 CCAC 28 326 300 IACM 28 387 333 DST 28 882 184 Aeroporto 88 982 873/74 Táxi (Amarelo) 28 519 519 Táxi (Preto) 28 939 939 Água - Avarias 28 990 992 Telecomunicações - Avarias 28 220 088 Electricidade - Avarias 28 339 922 Directel 28 517 520 Rádio Macau 28 568 333

anima Sociedade Protectora dos Animais Sociedade de Macau Sociedade Protectora Protectora dos Animais Telefone: dos Animais de Macau de Macau 28715732 63018939 fax: 28715732 //63018939 Telefone: fax: 28703224

jornal tribuna de macau sexta-feira, 27 de abril de 2012 pág 19


jornal tribuna de macau www.jtm.com.mo Administração, Direcção e Redacção: Calçada do Tronco Velho, Edifício Dr. Caetano Soares, Nos4, 4A, 4B - Macau Caixa Postal (P.O. Box): 3003 Tel.: (853) 28378057 Fax: (853) 28337305 • Email: jtmagenda@yahoo.com e jtmpublicidade@yahoo.com

en passant José Rocha Dinis

Insubstituível Encontrámo-nos ao descer da rua. -“Sabe... morreu o Luís!”. Sabia há um dia. Não por conhecimento pessoal, mas por o seu nome andar de boca em boca entre os portugueses, cujos carros consertava desde que há vários anos se estabelecera na Taipa, por detrás do New Century. -“De repente, apagou-se... foi do coração... ainda tão novo, tinha pouco mais de 40 anos”. Ironia do destino, há cerca de um ano investira na remodelação da oficina, “era do melhor”, dizia-me o meu interlocutor, que era seu cliente permanente. Por um momento, calámo-nos, em silêncio respeitoso. Depois estivemos largos momentos a filosofar sobre as fragilidades desta comunidade portuguesa que quando desaparece um dos seus filhos, perde uma figura insubstituível na vida de Macau.

DESPEDIDA APÓS TER DOADO RIM À CHEFE A vida de Debbie Stevens (na foto), de 47 anos, deu uma reviravolta em Agosto de 2011, quando fez uma cirurgia para doar um rim à chefe, Jackie Brucia, de 61 anos, mas acabou por ser despedida. “Sinto-me muito traída. Tem sido uma experiência muito dolorosa para mim”, disse Stevens. O problema terá residido no facto do rim de Debbie não ser compatível com o da chefe, pelo que acabou por beneficiar outro paciente, em Saint Louis. Em troca, a chefe de Debbie recebeu um rim de doador de São Francisco. A operação teve consequências em Debbie como dores, desconforto nas pernas e problemas digestivos, mas ainda assim foi pressionada pela chefe para voltar a trabalhar. Como não o pode fazer, foi despedida, mas já colocou o caso em tribunal.

CHEGOU TARDE AO ALTAR E A NOIVA CASOU COM OUTRO Jameel chegou tarde ao próprio casamento e a mulher com quem deveria casar acabou por dar o nó com outro homem. O retardatário e a família ainda foram espancados por familiares da noiva, Nagma, por terem chegado tarde à cerimónia. Segundo o site “Weird World News”, o casamento estaria marcado para quarta-feira, às 10:30 da manhã, hora local de Muradnagar, na Índia. Porém, o noivo e familiares só chegaram ao local cerca de oito horas depois. ATribuna confusão tanta a polícia de Macaufoi 25.5X4 cm.pdfque 1 4/10/12 2:58 PM foi chamada ao local para colocar ordem.

última

tempo

fonte: serviços meteorológicos e geofísicos www.smg.gov.mo

hoje

amanhã 22 C 260C 0

23 C 270C 0

câmbios - indicativos Pataca Compra US Dólar 7.94 EURO 10.52 yuan (rpc) 1.219

fonte: bnu

Venda 8.04 10.65 1.280

IRMÃO DE BO XILAI DEMITE-SE DE EMPRESA ESTATAL O irmão de Bo Xilai, um dos mais poderosos políticos chineses, que caiu em desgraça, demitiu-se hoje da empresa de investimento China Everbright International, devido às ligações com o antigo líder chinês, anunciou ontem, o grupo, de propriedade estatal. Bo Xiyong demitiu-se para “minimizar qualquer possível impacto adverso para a empresa, após diversas notícias recentemente publicadas na imprensa, sobre os seus antecedentes familiares”, disse em comunicado a China Everbright International. A empresa, que faz parte de uma sociedade de participações estatal, está cotada na bolsa de Hong Kong, tendo as acções aumentado 8,18 por cento, após a notícia da demissão. Bo Xilai, que os observadores da política chinesa esperavam ascendesse este ano à Comissão Permanente do Partido Comunista Chinês (PCC) – o grupo dos nove líderes mais poderoso das China – foi demitido recentemente de todos os postos políticos que ocupava, no maior escândalo politico a abanar a China em décadas. No comunicado à bolsa de Hong Kong, a China Everbright disse que a polémica recente sobre a queda em desgraça de Bo Xilai não afectou as actividades normais da empresa. Bo Xilai, que era até agora secretário-geral do PCC em Chongqing, no sudoeste da China, está a ser investigado por “graves violações da disciplina” – o que, no partido, significa corrupção – enquanto a mulher, Gu Kailai está desaparecida, sob detenção, acusada da morte de um homem de negócios britânico. Bo Xiyong e Bo Xilai são filhos de Bo Yibo, um dos mais poderosos líderes da primeira geração de comunistas chineses, que chegou a ser ministro das Finanças de Mao Zedong.

40 MIL PESSOAS CANTAM EM OSLO MÚSICA ODIADA POR BREIVIK Cerca de 40 mil pessoas concentraram-se ontem em Oslo para cantar uma música que é odiada pelo extremista de direita Anders Behring Breivik, autor confesso dos ataques de Julho passado na Noruega, divulgou a polícia local. A iniciativa pretendeu ser um sinal de desagrado para com os ideais defendidos pelo extremista, que está a ser julgado num tribunal em Oslo pela morte de 77 pessoas. Apesar da chuva, a multidão concentrou-se numa praça próxima ao tribunal e entoou a canção “Crianças do arco-íris” de Lillebjoern Nilsen, um músico que o extremista odeia. Com chapéus-de-chuva, bandeiras da Noruega e rosas nas mãos, milhares de anónimos cantaram em coro a letra da música, tocada no local pelo próprio compositor. Também aderiram à iniciativa alguns ministros da Cultura de países nórdicos. “A canção nunca foi tão bonita”, afirmou à agência noticiosa francesa AFP Lill Hjoennevaag, uma das promotoras desta acção lançada na rede social Facebook em reacção a uma resposta de Breivik. O extremista de direita, de 33 anos, afirmou na passada sexta-feira diante do tribunal que o cantor norueguês era “um bom exemplo de um marxista” que se infiltrou no meio cultural e cujas composições serviam para “fazer uma lavagem cerebral aos noruegueses em idade escolar”.

ver vídeo na edição online do jtm www.jtm.com.mo

TESTEMUNHA DIZ QUE SÓCRATES FALOU DE “ARQUITECTOS ERRADOS” O antigo director de operações da Benoy Architects disse ontem que o então ministro do Ambiente José Sócrates forneceu uma folha com o nome e número de telefone da empresa de arquitectos Capinha Lopes para o Freeport. Nicholhas Lamb, que falava através de videoconferência para o Tribunal do Barreiro como testemunha do processo Freeport, disse que José Sócrates alegou que a Freeport tinha os “arquitectos errados” [Promontório] e que “apoiavam o partido errado”. Segundo o director de operações da Benoy, que ocupou o cargo entre 1999 e 2002, tudo se passou numa reunião realizada em Janeiro de 2002, já depois do chumbo do processo Freeport, com o então ministro do Ambiente José Sócrates. “Não estive presente na reunião, mas segundo o que o sr. Rawnsley me disse, que foi quem esteve na reunião, o ministro disse que tinham os arquitectos errados”, acrescentou. “O que o ministro disse foi que o problema não era a Benoy, mas a equipa de arquitectos. Eram os arquitectos errados e apoiavam o partido errado”, frisou. Acrescentou ainda que José Sócrates terá dito que, com a equipa de arquitectos de Capinha Lopes, teriam “muito mais hipóteses de o projecto ser aprovado”. Nicholas Lamb mostrou-se ainda surpreendida por sempre lhe terem falado de um prazo de “seis a oito meses” para a realização de um estudo de impacto ambiental e de o projecto do Freeport ter sido viabilizado “em pouco mais de dois meses” depois da sua inviabilização. E quando questionado pelo tribunal se a Capinha Lopes tinha mais experiência do que a Promontório naquele tipo de trabalhos, Nicholas Lamb disse peremptoriamente que “não”.

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

pág 20 sexta-feira, 27 de abril de 2012 jornal tribuna de macau

fecho desta edição jtm - 00:50horas


JTM 27-04-2012