Page 1

Distribuição Gratuita - ABRIL/maio 2011 - edição 4

Lua de Mel Paris e outros três destinos inesquecíveis para os casais apaixonados no Brasil

PEDRO NOVAIS Novo ministro do Turismo fala do que fará em seu mandato

PAIXÃO DE CRISTO Thiago Lacerda interpreta Cristo no maior espetáculo teatral do país

OVOS DE PÁSCOA A origem e história deste presente feito de chocolate

limousines O glamour dos carros especiais para as noivas


Super

Capital A I A B I AT

I A A VAI VER! ATIB FVEARI

! R E V FER

Local:

www.trendope


r Show

l Inicial

eradora.com.br


editorial

Palavra do Presidente

A

migos, bastante interessante a essência da nossa edição da já consagrada Segue Viagem. Falar, sentir, viver, compartilhar e principalmente compreender o amor e as cíclicas influências da paixão certamente é um dos desafios da felicidade plena do ser humano.

E, por falar em felicidade, vamos mostrar onde, como e por que esses sentimentos merecem o que há de melhor para que esses momentos fiquem registrados para sempre em nossas mentes e corações. Amor e felicidade é algo que aqui na Trend apelidamos de paixão. Buscamos, por meio de um simples telefonema, de um muito bom dia, de um texto de e-mail, de um sorriso na recepção de nossos andares, demonstrar um de nossos principais diferenciais competitivos: a paixão pelo que se faz. Tenho muito orgulho de comandar um time de pessoas que realmente dedica horas do seu dia no desenvolvimento de uma organização que visa transmitir aos nossos clientes e fornecedores o nosso rotineiro prazer em servir e atender bem. Isso só é possível quando se leva o coração para o trabalho, tema inclusive de um de nossos palestrantes durante o Treina Trend de 2011. Reforçamos isso diariamente, como se estivéssemos vivendo experiências novas todos os dias e tentando refletir o nosso brilho nos olhos de fazer bem feito e com carinho aquilo que deve ser feito. Esta edição tem tudo a ver com a nossa missão de gerar facilidades e benefícios ao agente de viagens por meio de um atendimento surpreendentemente excepcional. Estamos em busca dos 100% do atendimento perfeito, assim como estamos 100% apaixonados pelo que fazemos. Uma ótima leitura! Um forte abraço, Luis Paulo LUPPA Diretor-presidente

Expediente A revista Segue Viagem é uma publicação da TREND Operadora. Internet: www.trendoperadora.com.br. Tiragem: 10.000 exemplares. Projeto gráfico e Diagramação: Tatiana Barboza. Editor e Jornalista Responsável: Stevan Lekitsch (MTB 36.017 SP) imprensa@trendoperadora.com.br. Revisão: Jussemara Varella. Impressão: W Gráfica. Colaboradores: Alessandra Assad, Alexandre Camargo, Dr. Amaury Simoni, Luis Vabo, Mário Braga, Maurício Góis, Nilda Brasil e Raul Candeloro. Marketing - Gerente: Ana Kuba. Assistente: Talita Andrade. Equipe de Redação e criação: André Torres, Bruno Matinata, Fernando Figueiredo, Paulo André Calazans e Thaise Salzgeber. Foto da capa: montagem banco de imagens Shutterstock. Créditos de Fotos: Banco de imagens, Shutterstock, divulgação, arquivo TREND. As demais fotos estão com o devido crédito do fotógrafo. Para anunciar nesta revista, entre em contato com a nossa área comercial: publicidade@trendoperadora.com.br. Distribuição gratuita. www.revistasegueviagem.com.br


Vitamina/A

Conheça o hotel Business Class que fará da sua viagem de negócios um sucesso. • 154 apartamentos

• Centro de convenções para 250 pessoas

• Restaurante e lobby bar • Piscina e fitness center • Uma equipe totalmente preparada para atender suas necessidades Venha estar em contato com todas as riquezas que Salvador pode oferecer.

Av. Professor Magalhães Neto, s/nº - Loteamento Aquárius Bairro: Pituba – Salvador – BA - Brasil Hotéis Business Class em: Belo Horizonte | Lagoa dos Ingleses – Alphaville | Guarulhos São Paulo | Rio de Janeiro | Manaus | Santiago do Chile.

Central de Reservas Brasil: São Paulo: 11 3004-0404 • Demais Localidades: 0800 722 0404 www.caesarbusiness.com


editorial

Conselho de Amigo palavra dos conselheiros Amor. É assim que temos conduzido a nossa empresa desde o seu surgimento, com muito amor, que é o tema desta edição da nossa revista Segue Viagem. E é esse mesmo amor que é capaz de gerar uniões, casamentos, que gera luas de mel e, consequentemente, viagens inesquecíveis! Quem é que se esquece de sua lua de mel? A emoção de escolher o local, sonhar com aquele momento até o esperado dia, e desembarcar no sonho realizado. Com certeza uma emoção que mexe com todos os sentidos. É o que queremos proporcionar: emoções de experiências de viagens felizes. O tempo todo nosso objetivo é fornecer a melhor experiência em viagem possível, para que ela seja inesquecível. Para que isso aconteça, é preciso muito trabalho, dedicação, treinando nossos colaboradores, capacitando-os para dar o melhor atendimento, oferecer as melhores opções, criar as melhores soluções de viagens. Tudo, claro, com muito amor no que fazem, que é o que move todas as nossas atitudes. Queremos sempre oferecer o melhor a você, incluindo o conteúdo da nossa revista Segue Viagem. Esperamos que você embarque em nossa lua de mel, que a sua leitura seja uma viagem até esses românticos destinos e o casamento perfeito entre o que é prazeroso e o que você precisa saber para ficar bem informado. Boa leitura!

José Anjos

Diretor-conselheiro

Washington Preti Diretor-conselheiro


61

A Operadora marca presença em eventos nacionais e internacionais

60

ESPAÇO TREND

34

Quais os cuidados que as grávidas precisam ter para voar

58

SaÚde

32

Uma combinação muito proveitosa entre o teatro e a hotelaria

52

Cultura

28

As noivas sonham em chegar à igreja em carros cheios de luxo e glamour

50

CONSUMO

47

A história e o fascínio dos ovos de Páscoa acompanhados de um prato para a Sexta-Feira Santa

40 20

GASTRONOMIA

12

Milhares de turistas são atraídos a Nova Jerusalém para vivenciar a maior peça teatral ao ar livre do planeta

08

CURIOSIDADES

Waldemar Niclevicz conta como foram suas viagens e escaladas pelo mundo

EXPERIÊNCIAS DE VIAJANTE

Todo o charme de quatro estilosos hotéis da capital francesa

HOTEL INTERNACIONAL EM DESTAQUE Entrevista

O local no mundo mais procurado quando o assunto é romantismo e amor: Paris

DESTINO INTERNACIONAl EM ALTA

A rede BHG de hotéis numa lua de mel com a TREND Operadora

Parceria

TREND cria conceito do On e Pos-Travel para atender cada vez melhor o cliente

Atendendo Bem

As praias e grandes áreas de lazer são os pontos fortes desses hotéis em Fortaleza, Natal e Maceió

HOTEL NACIONAL EM DESTAQUE

A lua de mel e toda a sua história em três destinos inesquecíveis

DESTINO NACIONAL EM ALTA

O amor impera nas dicas e orientações de nossos colunistas para os agentes e hoteleiros

Colunistas

Novo ministro Pedro Novais fala dos planos do MTur

Sumário

36

62


o r t s i s i n i a M v o o N v No dro seu nos Pe la dolho nos fa aba os a tr óxim pr al/M mar io A Serg

Tur

ENTREVISTA

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

ais v o oN r d sta a Pe p ea m rio u é s t s s a ini M no o do sm uri T ma l i o D d FF rno e v o G ROUSSE

8

O

advogado Pedro Novais, 80, nasceu em Coelho Neto (MA). Formado pela Universidade Federal do Espírito Santo, teve experiências com Direito Tributário em Londres (Inglaterra) e Planejamento e Administração Tributária em Washington (EUA), além de ter sido auditor do Tesouro Nacional e secretário da Fazenda do Estado do Maranhão em dois mandatos. Foi deputado estadual filiado à Arena (atual Partido Progressista) e deputado federal por seis mandatos, sempre eleito pelo Estado do Maranhão. Já participou das Comissões de Finanças e Tributação, Constituição, Justiça e Relações Exteriores, e Mista de Orçamento. Apresentou em setembro do ano passado um Projeto de Lei que dispõe sobre medidas destinadas a melhorar as condições de turismo no território nacional, oferecendo aos usuários de aeroportos nacionais, internacionais, estações rodoviárias e ferroviárias locais de acesso para fornecimento de publicações, mapas e informações de interesse turístico para divulgação dos recursos próprios de cada região. Sua justificativa foi a total ausência de locais de informações para o turista nesses recintos. Estava no seu sétimo mandato de deputado federal (PMDB), eleito em outubro de 2010, quando se lincenciou para assumir o Ministério do Turismo no atual governo Dilma Rousseff. O ministro Pedro Novais, a convite da revista Segue Viagem, vem às nossas páginas falar como foi a transição de ministério com o seu antecessor, o ministro Luiz Barretto (que também deu entrevista à nossa revista), e confirmar o que continua em seu mandato e quais são os seus desafios. Confira!


SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

9

A Organização Mundial do Turismo estima que o setor terá crescimento Como foi a transição com o ex-ministro Luiz Barretto? O Ministério do Turismo faz o seu planejamento a partir de diretrizes estabelecidas no Plano Nacional do Turismo (PNT). No momento, estamos trabalhando na elaboração do PNT 2011/2014, que prevê a continuidade de várias das ações da administração anterior, o que simplifica o processo de transição.

entre 4% e 7%

que os Estados de Pernambuco e Ceará já assinaram contrato com as instituições financeiras. Então, é um programa que está a pleno vapor e que será fundamental no esforço de preparação dos destinos turísticos para receber turistas dos grandes eventos internacionais.

nas Américas

Como irão funcionar os programas de qualificação profissional para a Copa de 2014 no Brasil?

O que estava sendo feito pela gestão anterior que será mantido pela sua gestão?

Para atender a essa demanda de preparação de mão de obra, o ministério criou o Bem Receber Copa, desenvolvido em parceria com entidades do setor de alimentação, hospedagem, transportes, entre outros. Os cursos, para os profissionais de hotelaria e de alimentação, já começaram em todas as 12 cidades-sedes da Copa do Mundo. Nossa meta é investir R$ 440 milhões para qualificar 310 mil profissionais até 2013.

Podemos adiantar que daremos continuidade a projetos de investimentos em infraestrutura e de qualificação incluídos nas ações de preparação do Brasil para a Copa do Mundo e das Olimpíadas.

O Prodetur é realizado em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a Corporação Andina de Fomento (CAF) e tem propostas de financiamento de quase US$ 3 bilhões. Participam do programa, em diversas fases, 32 Estados e municípios, sendo

Sergio Amaral/MTur

O Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur) terá continuidade?

Uma preocupação por parte dos brasileiros referente à Copa é em relação aos aeroportos brasileiros. Quais as providências a serem tomadas nesse âmbito?


Sergio Amaral/MTur

ENTREVISTA

O foco do Ministério do Turismo é melhorar as condições de acesso aos destinos consolidados ou com vocação SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

para a atividade

10

turística

Esse é um assunto que envolve vários órgãos, e o governo federal está empenhado na solução dos problemas causados pelo aumento da demanda por transporte aéreo. Os aeroportos são fundamentais para fomentar o turismo. Por isso, nos últimos sete anos, o Ministério do Turismo direcionou mais de R$ 490 milhões, dos quais R$ 350 milhões em convênios com a Infraero para melhorar a infraestrutura de aeroportos de todo o Brasil.

Como vai funcionar a renovação do parque hoteleiro com crédito do BNDES? Tendo em vista as demandas do setor e os grandes eventos esportivos da década, o Ministério do Turismo articula a criação de mecanismos de concessão de crédito com prazos estendidos e taxas especiais para financiar reformas, ampliação do parque hoteleiro e implantação de novos empreendimentos por todo o país. Uma dessas iniciativas foi a linha BNDES ProCopa Turismo, criada há um ano com valor inicial de R$ 1 bilhão.

Outro problema sério que afeta o turismo brasileiro são as rodovias e o transporte público. O que está sendo feito para melhorar esses gargalos? O foco do Ministério do Turismo é melhorar as condições de acesso aos

destinos consolidados ou com vocação para a atividade turística. Por isso, realizamos investimentos, por exemplo, na construção de vias e estradas que facilitem a circulação dos turistas. Perto de 80% do orçamento do ministério é aplicado em projetos de infraestrutura turística.

Um produto turístico que tem crescido muito são os cruzeiros marítimos. Porém, muitos dos nossos portos ainda possuem problemas para receber esse tipo de embarcação e acomodar os passageiros adequadamente. O que podemos oferecer aos navios de cruzeiros para que aumente o número de atracamentos em nosso país? O Ministério do Turismo coordena o Grupo de Trabalho de Turismo Náutico, que reúne órgãos públicos, a iniciativa privada e o terceiro setor. Estão representados, por exemplo, os Ministérios do Trabalho, da Marinha, dos Transportes, da Justiça, do Meio Ambiente, a Secretaria de Portos, ou seja, todos os órgãos envolvidos com a administração e navegação no país. Essa questão da carência de infraestrutura dos terminais de passageiros é um dos assuntos dos quais o Grupo de Trabalho está tratando. Além disso, o Ministério do


SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

11

80% do orçamento do Ministério é aplicado em projetos de infraestrutura, como construção de vias Turismo também realiza investimentos na construção e adaptação de terminais de passageiros e outras obras de infraestrutura turística.

e estradas que facilitem a circulação dos turistas

Como o senhor vê o negócio do turismo nos próximos dez anos?

Sergio Amaral/MTur

As perspectivas para o Brasil são muito boas. Temos que lembrar que o país foi um dos menos afetados pela crise internacional, devido à expansão do mercado interno de viagens. E, na primeira medição do ano, já temos boas notícias: os desembarques domésticos e os internacionais cresceram, respectivamente, 17,6% e 14,6%, na comparação com o mês de janeiro de 2010.

O agente de viagens tem papel fundamental para o desenvolvimento do mercado de turismo. É um dos elos da cadeia produtiva que estão mais próximos do consumidor e dos demais atores que atuam no segmento. O país depende do agente para que os destinos brasileiros sejam “bem vendidos” tanto no mercado interno quanto no externo. O Ministério do Turismo, ao promover projetos de qualificação e de premiação para a categoria, como o Brasil Vendo Melhor, está reconhecendo a importância e o valor desses profissionais.

Sergio Amaral/MTur

Para o senhor, qual o papel do agente de viagens no processo turístico?

Acima, Ex-ministro Luiz Barretto parabenizando novo ministro Pedro Novais; abaixo, evento ITB berlin


Colunistas

Trend Training Center Esta edição é realmente um grande presente para você, nosso amigo leitor, levando em conta o peso dos profissionais que redigiram estas matérias e o valor educacional das mesmas.

Se queres colher em três anos, planta trigo. Se queres colher em dez anos,

O TTC (Trend Training Center) nesta edição traz dicas e informações importantíssimas do trade e sobre a empresa.

planta uma árvore. Mas, se queres colher para sempre, desenvolve o homem. Provérbio Chinês

Além dos treinamentos internos, o TTC leva o colaborador TREND até eventos externos, como o da KLA (11º Congresso de Vendas) e Limit (vivencial), sempre preocupado com a evolução do saber. Para os próximos dois meses, o TTC está preparando vários treinamentos, tendo sempre cuidado e respeito com nossos colaboradores e parceiros, desenvolvendo jogos de orientação, criatividade, atitude, espírito de equipe, geografia, atendimento e outros.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Os autores das matérias lançaram algumas mensagens de reflexão que mexerão com você por meio das temáticas que giram em torno da excelência do bom profissional.

12

Os textos abordam, estrategicamente, as competências Conhecimento, Habilidade e Atitude. O que é o Conhecimento? Saber o que é um prego e para que ele serve. O que é Habilidade? Saber usar a ferramenta certa e a forma de colocar aquele prego na parede com eficiência. O que é Atitude? Querer colocar o prego na parede. Aproveitem a leitura, busquem referências, conheçam o mercado e degustem com muito prazer os pontos que tratamos aqui.


Talvez o segredo para as mudanças com sucesso esteja na estabilidade. Estabilidade só acontece quando se mostra, se explica para as pessoas o porquê das mudanças, quando elas se sentem envolvidas no senso de urgência das coisas. É preciso deixá-las se comprometerem, delegar tarefas, compartilhar decisões e analisar junto os resultados. E quem consegue isso nas corporações modernas? Apenas os grandes líderes, sem sombra de dúvidas.

Shutterstock

Onde está o seu coração?

É preciso aprender a ouvir os colaboradores e suas necessidades

Afinal, eu não decido para onde ir, mas decido como vou chegar lá e se eu quero chegar lá. E esta decisão vai depender muito mais do compartilhamento da visão, que tem de ser clara para todos da equipe. Não basta ter a visão da mudança. É preciso despertar esta visão nas pessoas e ainda mostrar para elas que, onde quer que estejam, haverá claramente um rumo, uma luz no fim do túnel, e quais os impactos que estas mudanças gerarão positivamente em suas vidas, mesmo que isso aconteça a médio e longo prazos.

Para conquistar corações e mentes é preciso ter sensibilidade e transparência, que são o núcleo básico da credibilidade. O colaborador precisa acreditar nisso e só o fará se o seu coração disser que sim. O compromisso com a transformação é o que gera a transmutação das pessoas e as mudanças nas corporações. É preciso entender a diferença entre o contagioso e o contagiante. E quem pode controlar todo este fluxo emocional é apenas um líder bem preparado É preciso inspirar a mudança, e isso só se consegue auditivamente. conhecendo profundamente as necessidades inspiradoras de É preciso aprender a ouvir os colaboradores e suas necessicada indivíduo, um a um, e costurando-as de uma forma que dades. Mas o primordial é aprender a ouvir a voz do coração consiga se alinhar para o bem comum, e só quem ama o que de cada um deles e a ler o que diz o brilho de cada olhar. faz consegue chegar neste nível. O amor fraterno é a única Uma vez que as mudanças são contínuas e a pessoas força capaz de gerar a verdadeira coesão entre as pessoas. apaixonadas pelo trabalho, o crescimento é nítido e notável Este é o diferencial que vai gerar o compromisso. E é o da corporação e das pessoas. Num processo contínuo e no compromisso que vai determinar o tempo de vida útil de uma qual as pessoas são realmente envolvidas, os sucessores pessoa dentro de uma organização. Por sua vez, o tempo de estão em treinamento constante e diário para não deixar a vida útil de uma pessoa dentro de uma organização interfere peteca cair. É preciso que este alinhamento estratégico esteja diretamente no sucesso ou na ruptura de um processo de muito claro entre os níveis de alta gerência e de suas equipes. mudanças. A simplicidade na comunicação e a assertividade no envolvimento são as peças-chave para o sucesso de Alinhando as vozes dos corações das pessoas com os qualquer mudança numa organização. Ações e palavras discursos sinceros dos líderes das corporações, dificilmente comunicam, mas são as atitudes que servem de exemplo e haverá ruído nas comunicações, dificilmente haverá falhas espelho para tirar as pessoas de suas zonas de conforto ou nos processos, dificilmente alguém morrerá de infarto antes voltarem a acreditar em algo, aumentando sua autoestima e da hora. Por um único motivo: o coração será capaz de falar aquilo que está sentindo. querendo que dê certo realmente. Alessandra Assad é diretora da AssimAssad Desenvolvimento Humano. Formada em Jornalismo, pós-graduada em Comunicação Audiovisual e MBA em Direção Estratégica, é professora na FGV Management, palestrante e colunista de vários meios de comunicação. É autora do livro Atreva-se a Mudar! – Como Praticar a Melhor Gestão de Pessoas e Processos. E-mail: alessandra@alessandraassad.com.br

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

13


Colunistas

Lua de mel a 900 km por hora

Nem todos tÊm a sorte de encontrar uma comissária tão

Shutterstock

compreensiva

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Ao longo dos anos muitas coisas mudaram em nossas vidas. Novos hábitos, novos desejos e até novas culturas surgiram no planeta e, se olharmos bem, quase todas estas transformações foram diretamente influenciadas pelas novas tecnologias.

14

para recém-casados. Algumas tinham inclusive tarifas diferenciadas, outras ofereciam serviços especiais a bordo, como recepções com champanhe e flores. Ao longo dos meus quase 20 anos de aviação, ouvi várias histórias hilárias sobre casais em lua de mel querendo unir o “útil” ao “agradável” dentro do próprio avião. Certa vez me contaram sobre dois jovens recém-casados viajando entre São Paulo e Los Angeles, a bordo de um 747 da Varig. Os noivos saíram da igreja direto para o aeroporto. O jumbo mal decolara e eles tentaram entrar juntos na toalete da aeronave. A comissária, por questões óbvias de segurança, não permitiu que os pombinhos concluíssem seu plano. Mas, determinados a não esperar 12 horas pela noite de núpcias, eles tentaram várias vezes entrar juntos no banheiro. Até que a pobre noiva, inconformada com a situação, chamou a comissária de lado e, de mulher pra mulher, explicou a impaciência do casal.

Hoje está em moda falar da geração Y – jovens que falam por smarthphones e colecionam em suas redes sociais amigos virtuais que nem viram. Mas por que estamos falando de tecnologias que mudam o planeta se o tema de nossa coluna sobre aviação é falar sobre lua de mel? A resposta é simples: a tecnologia também alterou (e muito) o conceito sobre lua de mel. E o fator tecnológico desta revolução foi Convencida, a comissária decidiu ajudá-los. Poucas pessoas sem dúvida nenhuma o avião. sabem, mas os aviões transatlânticos possuem um comparHá quase um século a lua de mel não tinha o glamour de timento de descanso para os pilotos. A aeromoça explicou a hoje. Poucos noivos tinham condições de partir em viagens situação para o comandante, que liberou por algumas horas inesquecíveis e, quando o faziam, normalmente era de carro esta área privativa para que os noivos, enfim, realizassem seu para uma casa na praia ou no interior. Com raras exceções, os desejo, a 40 mil pés de altura e a 900 km por hora. mais abonados viajavam em grandes cruzeiros. Esta era a Varig, fazendo de tudo para satisfazer seus clientes. Com o surgimento da aviação comercial, preparar a lua de Obviamente que, hoje em dia, nem todos têm a sorte de mel passou a significar programar uma viagem! Se fizermos encontrar uma comissária tão compreensiva. Por isso, uma uma pesquisa entre casais que acabaram de ficar noivos, posrecomendação que esta coluna pode te dar é: nunca saia da sivelmente descobriremos que muitos definem primeiro o desigreja direto para o avião! Fale sempre com seu agente de tino da lua de mel e só depois a igreja onde querem se casar. viagens e peça para ele reservar pela Trend ao menos uma Há algumas décadas, as companhias aéreas, de olho no novo noite especial de núpcias em um dos mais de 1.500 hotéis nicho de mercado que surgia, criaram produtos especiais que temos em nosso tarifário. E só depois siga viagem! Alexandre Camargo é diretor de vendas da TREND Operadora, pós-graduado em Administração e Marketing, já foi diretor do Grupo Varig, Vasp e Copa Airlines e é autor do livro O Ano em Que Só Nós Tivemos Lucro, da Editora Matrix. E-mail: acamargo@trendoperadora.com.br


Shutterstock

A tecnologia casa as pessoas Lembro-me do tempo em que as cerimônias de casamento eram marcadas com três a seis meses de antecedência, as listas de presentes eram deixadas em lojas reais para que os convidados escolhessem pessoalmente o presente a telefone, ir ao cinema, acessar o Facebook ou simplesmente ser ofertado aos noivos e as festas eram administradas viajar (de avião, de carro ou de navio, por exemplo). por alguém da família, em geral a irmã ou a mãe da Rituais sociais importantes, como uma cerimônia noiva, ou ainda por uma amiga mais próxima. de casamento, não poderiam ficar de fora, até pelas Hoje os casamentos são planejados com dois anos inúmeras implicações e possibilidades que a tecnologia de antecedência, as listas de presentes podem ser oferece, permitindo aos noivos montar seu próprio hotsite encontradas em variados sites na internet, os convidados do casamento, postar e receber comentários dos parentes não escolhem pessoalmente nem levam os presentes e e amigos no blog, postar fotos antes e após a cerimônia, as festas são preparadas por uma trupe liderada por um compartilhando com antecedência um dos momentos “cerimonialista”, profissional especializado na arte de mais importantes de suas vidas. fazer acontecer uma festa. A tecnologia auxilia também a escolha da viagem de Pode-se contratar tudo pela web para uma cerimônia de lua de mel, que pode ser pesquisada em detalhes antes casamento, desde as flores, buffet, bebidas, fotógrafo, etc. de se buscar a contratação de um agente de viagens, Além disso, também contrata-se pela web o convite somando os desejos dos noivos aos conhecimentos de virtual, o decorador, o cinegrafista, o iluminador, a igreja, um profissional com múltiplas experiências em viagens o vestido da noiva, a roupa do noivo, das mães e pais dos tão especiais como esta. noivos, dos padrinhos e madrinhas, a viagem de lua de Uma busca no Google com a expressão “casamento pela mel, entre outros... internet” retorna a bagatela de 4.340.000 resultados! A Existem diversos ensaios sociológicos tentando provar tecnologia já permite até que se escolha o noivo ou a que a tecnologia separa as pessoas, mas da mesma forma noiva, já existem milhares de sites de encontros para quem outros tantos estudos indicam exatamente o contrário, ou deseja encontrar uma pessoa com o propósito específico seja, a tecnologia catalisa os relacionamentos e permite de se casar, e estima-se que 4,8% dos casamentos que mais pessoas se relacionem, e com mais qualidade, realizados nos Estados Unidos em 2010 tiveram a internet numa época em que o tempo parece cada vez menor para como ponto de encontro entre os noivos. tantas atribuições do trabalho e oportunidades de lazer. E você? O que está esperando para encontrar sua caraNão me refiro aqui somente às redes sociais virtuais, mas a metade? tantas situações em que nos reunimos com outras pessoas a tecnologia catalisa para compartilhar momentos proporcionados tão somente porque alguma solução tecnológica está presente, sem a qual os relacionamentos e aquele momento não existiria, como assistir à TV, falar ao

permite que mais pessoas

Luis Vabo é diretor do Sistema Reserve e da Solid Corporate Travel, conselheiro da ABGEV e associado da Abracorp. E-mail: luisvabo@reserve.com.br

se relacionem, com mais qualidade, numa época em que o tempo parece cada vez menor

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

15


Colunistas

O hotel com um “nicho doce”

estamos na época propícia para aumentar a taxa de ocupação hoteleira com ações práticas e de baixo custo, para atrair casais em Lua de Mel, bem como aqueles

Shutterstock

que celebram os anos de casamento que têm Felizmente ainda há casamentos duradouros, e a turma • de casais da “Melhor Idade” comprova isso! • Agora estamos na época propícia para aumentar a sua taxa de ocupação hoteleira com ações práticas e de • baixo custo, para atrair casais em lua de mel, bem como aqueles que celebram os anos de casamento que têm! Há programas que cada hoteleiro criativo pode oferecer para atrair e fidelizar novos e antigos clientes.

Oferecer café da manhã no quarto sem custo extra. Oferecer parcelamento em duas ou três vezes das quatro ou mais diárias. Idealizar um brinde, dependendo do casal, na primeira lua de mel ou nas subsequentes. Que tal duas taças para vinho com as iniciais do casal? Ou cem cartões de visita “Sr. e Sra.” com o endereço que temos no Registro do Hóspede?

Eis algumas “provocações” aos nossos leitores, para, além das tradicionais e rotineiras ofertas (champanhe no apartamento, upgrade, etc.), pensar em reais atrativos para estadas de quatro ou mais dias:

Além disso, é vital que o casal seja atendido pelo gerente ao fazer seu check-in e que seu apartamento seja cuidadosamente verificado quanto ao funcionamento dos equipamentos disponíveis, bem como a parte • Veículo de primeira linha para transfer de/para hidráulica, os amenities, a folheteria, os cardápios e os demais componentes disponíveis ao casal. aeroporto. A camareira deve ser avisada pelo pessoal do restaurante que o casal está lá e arrumar o apartamento, que pode • Flores no apartamento no primeiro dia e duas rosas ser ordenado duas vezes no dia! sobre a cama em cada dia subsequente. Oferecer jornais da “cidade de origem dos hóspedes”, • Colocar um DVD com músicas suaves. pois isso é sabido por ocasião da reserva. Extratos de • Oferecer, no segundo dia, uma ligação para a família jornais são fáceis de obter na internet, se os originais forem difíceis. de cada nubente (5 minutos cada).

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

• Um City Tour com o mesmo veículo.

16

Mário Braga é diretor-executivo e CEO de AUDIT HOTEL e HOTEL LABOR, divisões especializadas no apoio à gestão hoteleira, e consultor de hotelaria e restauração. E-mail: mbragarc@unisys.com.br


As sete espadas Shutterstock

Há, na história do mundo do turismo, sete orientações básicas que se transformaram, no decorrer das décadas, em sete espadas para você vencer a guerra dos mercados de viagens. Conheça cada uma destas espadas e o que está escrito nelas:

O objetivo (ou sonho) de toda empresa é crescer, ganhar 1. A Espada da Produção: “Nosso hotel tem elevadores mercado, ocupar seu espaço de possibilidades, expandirpanorâmicos. Hospede-se conosco”. se para os limites máximos de sua inovação, fisgar uma 2. A Espada Financeira: “Esta viagem é barata, compre fatia maior de clientes, atingir o topo da competitividade competente e do lucro ótimo. Mas para que isso aconteça nossa passagem”. a empresa precisa vencer seus oponentes. Ou, pelo menos, 3. A Espada das Vendas: “Nós lhe damos quatro segurar ou desarmar o concorrente que mais incomoda. benefícios, viaje conosco”. Ganhar mercado virou sinônimo de fazer o outro perder 4. A Espada do Cliente: “Nosso produto deve ser o espaço. Fazer um cliente preferir uma agência, por exemplo, que o cliente quer que seja, elevadores panorâmicos é fazê-lo não preferir outra. A fidelidade de um consumidor ou barato, ou quatro benefícios. É o que o cliente acha. por um serviço ou produto está também na razão direta Qualidade é o que o cliente quer e ponto final. E o da sua rejeição por outro serviço ou produto. Se você está contente com a sua fatia de mercado e não faz nada, pode importante é o deslumbramento”. ser surpreendido por uma tática ou estratégia adversária. E 5. A Espada do Marketing: “Nosso produto é o que as você pode desaparecer da competição por não lutar por mais pesquisas dizem. E elas mostram que Natal é a cidade tempo com a sétima espada. Aliás, como seria interessante da hora segundo os turistas”. o mundo se só existisse você em seu mercado! Quanto 6. A Espada do Politicamente Correto: “Nosso hotel dinheiro você ganharia! Os clientes não teriam opção para e agência devem atender às necessidades emergentes rejeitar você. Acontece que esse é também o pensamento de seus oponentes. Vencer no negócio turístico não é sobreviver. ambientais e zelar pela responsabilidade social”. Quem pensa assim, morre ou empobrece. Vencer é você 7. A Espada do Concorrente: “Estamos perdendo fatias avançar ou permanecer estrategicamente. Muitas vezes é de mercado para nossos concorrentes, que oferecem arrancar certos pedaços do bolo mercadológico que está passagens com baixo custo, com qualidade e alto no garfo dos outros. Concorrente é aquele que “corre com” atendimento. Eles estão mudando tendências e nós você na direção de um alvo que é a decisão de compra estamos ficando obsoletos. A não ser que os vençamos, dos clientes. Quem corre está sujeito a vencer, a parar, ser iremos desaparecer ou empobrecer. Vamos contraultrapassado, chegar tarde ou por último. Concorrência é atacar, desarmar, flanquear, cercar, fazer ataque de a sua luta pela ampliação ou permanência numa fatia do contorno, de guerrilha, etc. mercado, a qual jamais terá um fim. O dia em que termina a Qual destas sete espadas é a melhor para vencer as luta, morre a empresa. O fracasso ou sucesso de um negócio batalhas do dia a dia do setor turístico? O importante não no setor turístico, no mercado da era do caos e do desarranjo, está diretamente ligado às suas práticas competitivas. é saber qual das sete é a melhor.

A fidelidade de um Maurício Góis é empresário, palestrante, autor e estrategista. E-mail: contato@mauriciogois.com.br

consumidor por um serviço está também na razão direta da sua rejeição por outro serviço ou produto

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

17


Colunistas

Uma equipe campeã em 10 lições 4 lição a

Recentemente fiz um programa em uma empresa que chamamos da fórmula dos 3 E’s: Entusiasmo + Entendimento = Encantamento. E, ao escrever esta coluna, lembrei-me de que devemos comentar exatamente sobre essas três competências como fundamentais para o sucesso da nossa equipe campeã. Antes da cortina do show dos atendimentos ser aberta, algumas perguntas devem ter sido respondidas por cada um para si mesmos: 1. Eu faço o que gosto? A paixão pelo meu trabalho é um sentimento que está presente no meu coração, minha alma e minhas atitudes? Sabemos que o Entusiasmo está presente na paixão, e é uma grande força que está dentro de nós e que nos impulsiona para a frente, para o sucesso. É como uma onda que nos contagia e nos faz ter Vontade, Energia. É a Paixão em movimento, uma necessidade de realização.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

dúvida já estaremos no caminho certo para

Se conseguirmos traduzir este sentimento em ações, os nossos clientes, que estão tomados pela mesma energia, vão poder entrar em sintonia imediata com vocês. É como disse Saint-Exupéry em O Pequeno Príncipe: “Tu és responsável por tudo aquilo que cativas“. Com Entusiasmo, sem dúvida já estaremos no caminho certo para cativar nossos clientes.

Nilda Brasil é psicóloga com especialização no Disney Institute na Gestão de Pessoas e Atendimento e Serviços. E-mail: nildabrasil@nildabrasil.com.br

Shutterstock

cativar nossos clientes

Em total sintonia com o foco deste número da revista, que é lua de mel, e por isso contaminada por esta época de amor, esperança e grandes sonhos de felicidade que tomam conta dos casais, resolvi que deveríamos pular uma etapa nas nossas lições e, ao invés de falar da importância da acolhida aos novos colaboradores, vou discorrer um pouco sobre como os profissionais devem estar preparados para atender estes clientes tão especiais: recém-casados ou aqueles que desejam comemorar a relação mais uma vez com uma viagem especial e inesquecível.

18

Com Entusiasmo, sem

2. Eu estou preparado(a) para atender estas pessoas? Conheço e Entendo as necessidades e desejos destes momentos? A função de vocês, profissionais de atendimento, é auxiliar a construir sonhos, pois, a partir de cada nova oportunidade de travar estes contatos, poderão ajudar a estabelecer novos ciclos na vida das pessoas e elas certamente lembrarão de vocês com o mesmo carinho que receberem. Acreditamos que com Entusiasmo e Entendimento podemos continuar no caminho para gerar nos nossos clientes o Encantamento! Trata-se de causar surpresa, maravilhar, provocar experiências únicas e especiais em cada pessoa que vocês tiverem a felicidade de atender. Deixem a marca de vocês, façam diferente. Como diz Tom Peters: “Se você não for distinto, será extinto“. Pare neste instante e lembre-se das situações nas quais os clientes já lhe agradeceram dizendo (mesmo que de maneira não verbal) que você de fato foi importante para a realização do futuro deles. Os seres humanos são mesmo motivados pela Paixão! Seja protagonista da sua história! Só depende de cada um. Acredite sempre! Vista-se de Entusiasmo e de Compreensão! Abra-se para o futuro das equipes verdadeiramente campeãs! Some e Multiplique.


Os ingredientes da felicidade Shutterstock

fazer feliz a outra pessoa é fazer feliz a si mesmo Há 66 anos, William D. Ogden escreveu uma coluna para o New York Tirnes a respeito da arte da felicidade. O texto foi publicado na edição de 30 de dezembro de 1945. Aqui estão algumas passagens que, pela sabedoria, mostram como isso poderia ter sido escrito na semana passada: “Hoje existe uma condição curiosa no mundo. Jamais houve uma época em que tanto esforço oficial fosse feito para produzir felicidade, e também uma época em que o indivíduo prestasse tão pouca atenção para criar as qualidades pessoais que contribuem com ela...” O que está sendo mais desprezado nos dias atuais é a determinação pessoal de desenvolver um caráter que, por si mesmo, dadas as condições razoáveis, contribua para a felicidade. Toda nossa ênfase recai sobre a reforma das condições de vida, de melhores salários, ou controle sobre a estrutura econômica, casa própria para mais gente – sempre com o enfoque no governo – e muito pouco para que as próprias pessoas possam se aperfeiçoar como seres humanos. Os ingredientes da felicidade são tão simples que podem ser contados nos dedos da mão. Antes de mais nada, a felicidade deve ser compartilhada. O egoísmo é seu inimigo; fazer feliz a outra pessoa é fazer feliz a si mesmo. A felicidade é silenciosa. Raras vezes nos encontramos com ela em grandes aglomerações. Pode-se obtê-la com mais facilidade em momentos de solidão e reflexão. Ela vem de dentro e descansa com mais segurança na bondade simples e numa clara consciência. A religião pode não ser essencial para consegui-la, mas não se sabe de ninguém que a tenha alcançado sem uma filosofia baseada em princípios éticos.

Não pode ser comprada. Na verdade, o dinheiro, por estranho que pareça, pouco tem a ver com ela. Foi Thomas Kempis quem disse, sabiamente, que “uma competência modesta é o suficiente”. As pessoas não são felizes a menos que estejam razoavelmente satisfeitas consigo próprias, de modo que a busca da tranquilidade deve começar necessariamente por um exame de consciência. Muitas vezes não ficaremos felizes com o que encontrarmos nessa busca. Temos tanto para fazer e tão pouco feito! Mesmo assim, desta severa autoanálise depende a descoberta das qualidades que tornam únicas todas as pessoas e cujo desenvolvimento é a única forma de ser feliz. De todos aqueles que tentaram nestes anos criar um sistema para se obter a felicidade, poucos tiveram tanto êxito quanto William Henry Channing, um padre que era o capelão do Senado americano na metade do século passado. Ele explicava sua filosofia desta maneira: “Viver contente com poucos meios. Buscar a elegância mais do que o luxo e o refinamento mais do que a moda. Ser merecedor de respeito em vez de respeitável e ter dinheiro em vez de ser rico. Estudar com força, pensar em silêncio, falar com suavidade, atuar com franqueza, escutar as estrelas e os pássaros, criaturas e sábios. Suportar com alegria, fazer tudo com valentia, esperar a ocasião, nunca apressar-se. Em uma palavra, deixar que o espiritual, o instinto e o espontâneo se desenvolvam de forma normal. Esta é minha sinfonia”. “Devemos advertir”, conclui Ogden, “que nenhum governo pode fazer isso por você. Você mesmo tem de fazê-lo”. Quer ser feliz? Então aqui vai minha dica aos recém-casados: entenda a partitura do outro e tentem tocar, juntos, como um casal, uma grande, feliz e duradoura sinfonia.

Raúl Candeloro é palestrante, autor de diversos livros sobre vendas e gestão e editor das revistas VendaMais®, Liderança® e InvestMais®. Formado em Administração de Empresas e mestre em Empreendedorismo, é responsável pelo maior portal de vendas e marketing da América Latina: www.vendamais.com.br. E-mail: raul@vendamais.com.br

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

19


Destino NACIONAL em alta

Todo o casal sonha, além de seu próprio casamento, com uma

E belos destinos no Brasil não faltam para passá-la

Arquivo TREND

Shutterstock

lua de mel inesquecível.

20

Antônio Tenório Divulgação / Secretaria do Turismo do Ceará

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Imagens: Maceió, natal e fortaleza


lua de mel

inesquecível

É

o período de celebração privada que acontece logo após o casamento. Antigamente era o momento tão esperado, quando a esposa e o marido passavam seus

primeiros momentos juntos a sós. Afinal, em outros tempos os contatos íntimos eram permitidos só após o casamento. De lá pra cá, muita coisa mudou, e a lua de mel, além de ser uma oportunidade de se fazer uma viagem prazerosa, serve também para um merecido descanso após a “maratona” que são os preparativos e o casamento em si. No chamado “mês das noivas”, nada melhor do que já escolher um local para ir.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

uma

21


Destino NACIONAL em alta

Shutterstock

Origem

casamentos Segundo o senso do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de 2008, aconteceram naquele ano 960 mil casamentos, número que aumenta 5% ao ano graças à melhoria no acesso aos serviços de Justiça, como o registro civil de casamento, com menos tempo de espera e burocracia. Podemos esperar mais de 1,1 milhão de casamentos para 2011, sendo que a faixa etária que mais casa está entre 20 e 24 anos. Ou seja, serão mais de um milhão de luas de mel a serem consumadas. Haja lua, mel e destinos! Maio sempre foi tido como o “mês das noivas” devido a uma tradição do Hemisfério Norte que associava o mês com a chegada da primavera e da fertilidade. Outra associação seria por ser o mês da consagração de Maria, mãe de Cristo. Uma terceira versão seria o fato de ser o mês de canonização de Santo Antônio, o santo casamenteiro.

22

Outra lenda conta que na Roma antiga o povo espalhava gotas de mel na soleira das casas dos recém-casados. Outra afirma que entre os povos germânicos era costume casar na Lua Nova e os noivos levavam uma mistura de água e mel para beber ao luar. Uma quarta versão diz que há 2 mil anos antes de Cristo, na Babilônia, era costume o pai da noiva oferecer ao genro uma mistura de água com mel para ser bebida nos 30 dias imediatos ao casamento, quando os noivos comemoravam, só entre eles, a união matrimonial. Na época, a contagem dos dias era feita tomando como base o calendário lunar, razão pela qual esse período de comemoração ficou conhecido como “lua de mel”. Uma versão parecida viria da Irlanda, na Idade Média, onde os jovens recém-casados tinham o costume de tomar uma bebida fermentada composta de água, mel, malte, levedo, entre outros ingredientes. A poção deveria ser consumida durante um mês, ou uma lua. Enfim, versões para a origem deste ritual não faltam.

Praias O mel e a água podem ter desaparecido, mas a tradição de comemorarem a sós a união, longe de pais e parentes, é mantida até hoje. E quanto mais longe, melhor! A viagem pode durar um fim de semana, alguns dias, ou até uma semana inteira. Vai depender da disponibilidade e do fôlego do casal.

Shutterstock

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Independentemente do motivo, o costume de se casar em maio anda perdendo força. Estudos mostram que os casais estão preferindo dezembro por uma questão financeira: as férias de final de ano e o empurrão do 13º salário têm sido decisivos na hora de escolher uma data.

Há diversas versões sobre como se originou a lua de mel. Uma delas contava que a mulher amada era capturada pelo seu par apaixonado e, muitas vezes, contra a vontade da futura noiva. Depois de capturar a moça, o noivo a escondia por um mês, sob a semana da Lua Cheia. Durante esse período os dois bebiam uma mistura afrodisíaca, adocicada com muito mel, até que ela se rendesse aos braços do futuro noivo.

Para curtir esse momento a dois, as paisagens paradisíacas são as melhores e mais pedidas. Por meio de uma pesquisa realizada pela Embratur, as praias nordestinas são as mais procuradas. Caíram no gosto popular destinos como Fernando de Noronha e Porto de Galinhas (PE), Porto Seguro (BA), Serras Gaúchas (RS) e, principalmente, as nossas sugestões: as capitais Maceió (AL), Natal (RN) e Fortaleza (CE).


23

Não é um destino de belas praias apenas. A quantidade de opções culturais na cidade também é algo que impressiona, tanto que já recebeu o título de Capital Americana da Cultura. Além das manifestações folclóricas e de artesanato locais, os equipamentos culturais são inúmeros. São dez teatros, nove igrejas históricas, sete museus, quatro complexos de cinemas e três bibliotecas. O litoral de Alagoas possui piscinas naturais formadas pela segunda maior barreira de corais do mundo, um paraíso para os mergulhadores. Suas praias de areia branca, emolduradas por coqueirais, têm paisagens encantadoras. Vale conferir a Praia de Ipioca, que possui um mirante; Praia da Sereia, de ondas fortes; Praia de Ponta Verde, a área mais VIP da cidade com excelente estrutura; Praia de Cruz das Almas, ideal para pesca de arremesso; Praia de Jatiúca, a mais procurada para a prática do surfe; Praia de Pajuçara, com passeios de jangadas; e as praias urbanas de Jacarecica, Guaxuma e Garça Torta, mais próximas do centro da cidade.

Shutterstock

Maceió (AL)

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

à direita, jangada em Maceió e abaixo, morro do careca, na praia de ponta negra em Natal

a Casa da Ribeira; a Coluna Capitolina, presente de Benito Mussolini; a ponte estaiada Newton Navarro; o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte, com projeto arquitetônico de Oscar Niemeyer, entre outras dezenas de pontos turísticos. No quesito praias, a principal delas é a de Ponta Negra, repleta de bares, restaurantes, hotéis, boates e pequenas galerias de shopping. É também nessa praia que está localizado o Morro do Careca, uma duna de mais de 120 metros de altura, um dos principais cartões-postais da cidade. Outras praias famosas são a Praia de Areia Preta, famosa por suas areias escuras, e a Praia do Forte, protegida por arrecifes que formam piscinas naturais.

Em constante ascensão, tornou-se um dos destinos favoritos para quem busca sossego e belas paisagens, além de ter pontos turísticos e culturais imperdíveis, como o centenário Teatro Alberto Maranhão, no bairro da Ribeira; o Parque das Dunas, uma reserva de mata atlântica no coração da cidade; o Forte dos Reis Magos, primeira e mais antiga edificação portuguesa da cidade; o Centro de Turismo, feito numa antiga prisão; o Farol de Mãe Luiza, construído em 1951 com 37 metros de altura; a nova ponte Newton Navarro;

Shutterstock

Natal (RN)


Destino NACIONAL em alta

Divulgação / Secretaria do Turismo do Ceará

Hotelaria

Fortaleza (CE) É um dos destinos turísticos mais procurados do Brasil, ainda mais por casais apaixonados. Tem como principais atrações o parque aquático Beach Park, em Aquiraz, na região metropolitana, o Centro Cultural Dragão do Mar, a famosa Avenida Beira-Mar, com sua feira de artesanato, a Praia de Iracema, com a Ponte dos Ingleses, e o famoso Pirata Bar e a Praia do Futuro, com seus quiosques oferecendo a melhor culinária de pratos baseados em frutos do mar e, atualmente, os famosos shows de humor.

24

Shuttersttock

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Sua rede hoteleira tem mais de 8 mil quartos, sendo a maior oferta da região Nordeste, com a maioria dos empreendimentos localizados na orla marítima, seguidos dos restaurantes e atrações turísticas. E não se pode conhecer a cidade sem fazer os famosos passeios de buggy nas dunas da Praia do Cumbuco, nas falésias de Morro Branco, Fontes e Canoa Quebrada, e de catamarã na Praia de Lagoinha.

Visando esse nicho cada vez mais crescente no Brasil, o de noivos e noivas ávidos por momentos inesquecíveis, diversos hotéis nacionais estão criando pacotes diferenciais de lua de mel. E criatividade para incrementar os quartos e as demais dependências do hotel por onde os pombinhos vão passar não falta. Abaixo, os hoteleiros terão diversas sugestões infalíveis para tornar a reserva dos noivos garantida e sua estada memorável.

Diferenciais No hotel: • jantar romântico • cardápio especial para os recém-casados • book fotográfico do casal • presença de violinistas • massagem relaxante • banho de ofurô • banho com cromoterapia

Na suíte: • drinque de boas-vindas • garrafa de espumante • garrafa de champanhe • garrafa de vinho • café da manhã especial • cesta de frutas • seleção de aperitivos • tábua de queijos • seleção de petit-fours • caixa de bombons • morangos com chantilly • chocolates especiais • velas decorativas • DVD romântico • CD romântico • pétalas de rosas sobre a cama • caminho de flores do campo • incensos aromáticos • kit de banho aromatizante • kit de sais de banho para banheira • kit de amenities para banheiro • roupão de banho personalizado


Tradições Algumas tradições, e por que não dizer superstições, ligadas à cerimônia de casamento são mantidas até hoje, passam de geração a geração e chegam a ser “obrigatórias” para um casamento feliz e de sucesso.

Noivo: não pode ver a noiva com o vestido antes da cerimônia, pois dará azar à união.

- Custos: os pais da noiva devem pagar pela cerimônia de casamento. - Igreja: somente foi inserida na realização dos casamentos no século 11, pois até então o ritual era realizado na casa dos familiares e depois à frente das portas das igrejas. - Festa: a mãe da noiva ou as irmãs da mesma devem cuidar de todos os preparativos para a festa, que foi um hábito criado no século 12, comemorar o casamento após a cerimônia religiosa. - Fogo: a noiva deve levar um fósforo em algum lugar da roupa na noite de núpcias para “manter a chama acesa” do noivo.

Arroz: para os antigos povos hindus e chineses esse ritual de jogar arroz nos noivos atraía frutificação e prosperidade, era uma forma de desejar fertilidade e vida longa ao casal. - Dinheiro: a noiva deve esconder uma moeda dentro do sapato para garantir fortuna. - Vestido: até 1840 usava-se trajes de noiva coloridos, mas foi a rainha Victoria que trouxe o traje branco como costume. - Véu: na cultura oriental é a forma de manter a pureza do casal e permitir que eles só se toquem ou se vejam depois de casados.

- Cauda: foi inserida no século 14 para diferenciar os vestidos de noiva dos demais. - Aliança: segundo os egípcios, seu formato em círculo era para definir um amor infinito e é colocada no dedo anular da mão esquerda porque acreditava-se que ali havia uma veia ligada direta ao coração.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

25

Buquê: é um símbolo da sorte de estar se casando e, ao ser lançado às solteiras da festa, acredita-se que pegar o buquê traga à sortuda um casamento em breve. - Copo: ao final da cerimônia judaica, uma taça de vinho coberta por um pano branco é colocada no chão e quebrada com uma pisada, simbolizando a destruição dos antigos templos judeus, uma forma de relembrar a seriedade do compromisso e afastar os maus-olhados do casal.

Colo: dizem que o costume de o noivo levar a noiva no colo é oriental. Acredita-se que os gênios ruins (que atacam apenas as mulheres) ficam à espera da noiva na porta do quarto nupcial. Para protegê-la “deles”, o marido carrega-a para evitar que ela pise em algo ruim. - Chá de panela (ou de cozinha): hábito originário holandês, nasceu da história de uma noiva que iria se casar com um rapaz muito pobre de uma aldeia, e sem o consentimento de seu pai, é claro. Os moradores, impressionados com a união e determinação da moça, que não teria nada em casa, resolveram presentear a noiva com pequenos objetos úteis ao novo lar.

Lua de mel: reza a lenda que ela obrigatoriamente tem de vir logo depois da festa, senão a felicidade do casal não será completa. Hoje em dia, para o bem do turismo, os casais não se limitam a ter apenas uma lua de mel após a cerimônia de casamento, mas, sim, realizam várias outras enquanto são casados para comemorar a duração da união.


Destino NACIONAL em alta

Minha lua de mel Las Vegas (EUA). Um destino fantástico para quem procura muita diversão, entretenimento, romantismo e aventura! Amamos esse destino, pois Fabio de Paula e Cristina Fontes Honeymoon Casamento e Turismo Belo Horizonte – MG

ficamos relaxando num hotel MARAVILHOSO, mais afastado da rua agitada da cidade. Ainda deu tempo de conhecermos Los Shutterstock

Angeles, Santa Mônica e região, e de voarmos para NY.

Nova York, Orlando e Miami. Casei-me em fevereiro de 1990 e começamos a lua de mel por Nova York, com friozinho, Valentine´s Day e todos os passeios que a cidade oferece, inclusive de helicóptero. Seguimos para Orlando, onde alugamos um carro e visitamos todos os parques: Disney, Universal Studios, Sea World e Busch Gardens, incluindo um jogo de basquete da NBA. Muita aventura e diversão. Ainda na costa

Jacqueline Dallal Mikahil Be Happy Viagens São Paulo – SP

26

e Palm Beach, com direito a passeios de barco e muitas compras.

Shutterstock

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Oeste, fomos até Miami, parando em algumas cidades como Boca Raton


SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

27

Canindé Soares / Secretaria de Turismo de Natal

foi em... Santos, litoral sul de São Paulo. Apesar de ter sido há 36 anos, foi inesquecível. Ficamos em uma deliciosa pousada à beira-mar, onde pudemos desfrutar

Natal (RN). Fomos premiados com

toda a paz e

um sol tão maravilhoso que nos

tranquilidade

sentimos acaloradamente bem

que o local

recebidos. Natal é uma das mais

oferecia, mais

lindas cidades que já visitamos e que

ainda naquela

nos recebeu com carinho num hotel com um quarto com frutas e uma piscina à beira-mar

Waldyr Guedes

época.

Propagtur Viagens e Turismo Aracaju – SE

de tirar o fôlego. Passeamos de buggy nas dunas, andamos sobre camelos, foi Flytour Higienópolis São Paulo – SP

uma bela aventura.

Nicholas Sales

Crisleine Benatto

destinos românticos da Itália e também passamos por Paris. O charme do passeio de gôndola em Veneza foi o ápice, pois é um momento que, principalmente para as mulheres, é muito esperado, está no imaginário.

Shutterstock

Além disso, recomendo um jantar em um dos restaurantes típicos instalados perto dos canais, é maravilhoso.

Lenini Lamounier Master Turismo Belo Horizonte – MG


hotel NACIONAL em destaque

Apesar de implantado numa área grande, consegue manter um ambiente intimista que convida ao repouso e à calma, onde o hóspede pode até passear de barco

dom pedro laguna Arquivo Hotel

beach villas & golfa “Veneza” resort tropical

C

onstruídonoresortecológicodeluxo num momento de total sintonia com a Aquiraz Riviera, região metropoli- natureza. A diária inclui meia pensão, tana de Fortaleza, no município com café da manhã e jantar incluídos. de Aquiraz, na Praia de Marambaia, Apartamentos a 40 km do aeroporto de Fortaleza (CE). Com 102 unidades, divididas em 64 De padrão internacional, numa área de apartamentos Deluxe, com varanda ou 300 hectares, com 58 hectares de área de terraço; 22 Water Villas, com quarto e Proteção Ambiental e com 1.800 metros sala; oito Presidential Water Villas, com de litoral, belíssimas praias, coqueirais, dois quartos e sala; e oito Royal Villas, grandes dunas e falésias coloridas únicas. com dois quartos, sala e piscina privativa.

José Wahnon

Gerente de Vendas do Dom Pedro Laguna Beach Villas & Golf Resort

Exclusividade TREND Roupas de seda e pétalas na cama, água e fruta com buquê de flores, espumante ou champanhe com trufas de chocolate e morangos e late check-out (até 17h) aos domingos

Traz também TV LCD, DVD, arcondicionado, telefone, acesso à internet wireless, frigobar, cofre, banheiro com secador de cabelo, espelho de aumento e roupões, além de micro-ondas em alguns apartamentos.

28

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Têm capacidades variáveis, podendo acoNeste lugar paradisíaco é possível Possuem o diferencial de terem um amplo modar em alguns duas adultos e duas cripassear de barco ou carro elétrico, terraço, sendo alguns com vista para o anças, quatro adultos e até seis adultos, utilizando-se os sofás-cama. transformando uma simples ida à piscina mar, e outros com piscina privativa.

Golfe

Pacote Golfe

O hotel está junto ao Ocean Golf Course, um campo com nove buracos com par 36, inaugurados em março de 2010 com grama Sea Shore Conquista (Paspalium) 4 Lagoas. Possui um Driving Range com 325 jardas e Putting Green com 1.300m². Funciona diariamente das 8h às 17h30, e para jogar os nove buracos a última saída é às 15h.

Para os amantes do golfe, o resort disponibiliza pacotes de final de semana que incluem duas ou cinco noites de hospedagem, dois dias de utilização do Ocean Golf Course, café da manhã em bufê, tratamento vip no apartamento, almoço no sábado, hospedagem e meia pensão para duas crianças no quarto dos pais, brinde golfista e late check-out no domingo até às 17h.


SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

29

DBEACH RESORT um lugar DOS SONHOS

O

DBeach ocupa uma área em declive de aproximadamente 30.000 m2, entre árvores centenárias preservadas, típicas do local, e a belíssima Praia de Ponta Negra, entre a mata atlântica e o Morro do Careca, uma imensa duna que é um dos mais bonitos cartões-postais da cidade. Possui 176 apartamentos distribuídos em seis platôs, divididos em Superior Standard e Luxo, com 44 chalés em estilo europeu e três suítes.

Apartamentos Todos dispõem de varanda, cofre eletrônico, TV a cabo, frigobar, ar-condicionado split com controle remoto, telefone, secador de cabelos e conexão para internet sem fio e gratuita. A mobília é cuidadosamente estudada num estilo simples e solar.

Um paraíso

Restaurante

natural

Seu restaurante LaTerrazza tem vista panorâmica para o mar e piscina, onde são servidos o café da manhã e jantar. Oferece três noites temáticas por semana, sendo às terças-feiras noite internacional, às quintas noite italiana, e aos sábados noite nordestina, cada uma com sua respectiva música típica ao vivo.

espalhado na Praia de Ponta Negra

Exclusividade TREND Garrafa de espumante e chocolate no quarto

Lazer

Serviços

Com uma enorme área de lazer, oferece três piscinas, sendo uma para adultos, com bar, uma infantil e outra para prática de esportes aquáticos, fitness center com vista para o mar, sauna, salão de beleza e estética, sala para massagem, anfiteatro para 300 pessoas com programação de shows (de acordo com a ocupação), bosque de mata atlântica com redário, jogos e atividades coordenadas, lazer infantil com piscina, parquinho e assistência de recreadores.

Para fazer jus ao seu complexo de lazer e entretenimento, o hotel oferece serviços como recepção bilíngue, computadores com acesso à internet, lavanderia e segurança interna e externa 24 horas.

Nosso diferencial está no serviço, ótimo preço e excelente localização, na beira-mar da Praia de Ponta Negra Andrezza Varela

Gerente de Vendas do DBeach Resort Natal


maceió

atlantic suítes

T

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

rata-se de um novo conceito de hotelaria, situado na capital alagoana, uma das cidades brasileiras mais visitadas por turistas que buscam tranquilidade e o encanto de suas belezas naturais. É o único hotel de Maceió com o Certificado Internacional de Qualidade ISO 9001:2000 em todos os departamentos e que possui a Certificação do PAS (Programa de Alimentos Seguros) atestando sobre a segurança alimentar de seu restaurante.

30

variações, como a Suíte Plus, que tem closet e rede em uma de suas duas varandas. As Penthouses ficam na cobertura do hotel e possuem uma piscina privativa com vista panorâmica da cidade.

Restaurante e Café

O Riacho Doce fica localizado na varanda da piscina, com capacidade para 140 pessoas dentro e 70 pessoas na parte externa. Oferece cozinha regional e Está localizado na Praia de Jatiúca, internacional com jantares temáticos próximo a vários locais turísticos de todas as noites. Foi vencedor de dois Maceió, e é considerado um cartão- prêmios de culinária regional. postal da cidade devido a sua arquitetura arrojada em forma de Y que proporciona O Atlantic Café & Lounge Bar é o local uma belíssima vista do mar de todos ideal para um happy hour, pois oferece um os seus apartamentos. O hotel dispõe ambiente descontraído e aconchegante, também de área de eventos para quem onde é possível desfrutar deliciosos crepes e tortas acompanhadas de cafés especiais, está no local a negócios. além de drinques e sanduíches.

Apartamentos Todos os apartamentos possuem varanda com vista para o mar, cama king size, minibar, TV a cabo, telefone e cofre digital, internet banda larga, ar-condicionado split, secador de cabelo e telefone no banheiro. São 204 apartamentos, sendo 110 Suítes, 74 Studios e 20 Penthouses. Os apartamentos Suítes possuem

Para os casais em lua de mel, o hotel oferece a exclusiva Suíte Master, que agrega Home Theather, Jacuzzi com hidromassagem e uma adega de vinhos.

Lazer Possui duas piscinas, bar em volta da piscina com petiscos e bebidas. Além disso, oferece quadra de tênis, fitness center, sauna a vapor, salão de jogos e spa, com banhos de ofurô e serviços de massagens. Para as crianças, piscina infantil, playground, kid´s club com equipe de recreação e programação diária.

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

hotel NACIONAL em destaque

Exclusividade TREND para pacotes de lua de mel • Upgrade de apartamento da categoria comprada • Caixinha de Cacau Show

Bombom

• Meia garrafa de espumante nacional, brinde do hotel para casais clientes TREND possui uma característica híbrida, pois se adapta tanto ao mercado de lazer quanto ao mercado de eventos, com Alfredo Rebelo modernos Diretor Geral do salões Maceió Atlantic Suítes


VOCÊ PEDIU... E A TREND ATENDEU! PRODUTOS INTERNACIONAIS

EM 6X SEM JUROS BO

Doubletree Hotel Universal Orlando

M CO



Orlando/EUA /EUA

Diárias a partir de:

DBL USD

306

DBL

Semana Encantada

,00

1 CRIANÇA*

+

Validade: 30/06/2011

USD

Mínimo 5 noites

378

Inclui ingressos para o parque da Universal (entregues no momento do check-in) e café da manhã com personagens.

,00

* Criança menor de 11 anos.

CO

MB

Santiago/Chile /Chile

O

Hotéis em Santiago!

Mínimo 3 noites

Hotel Kennedy Hotel Fundador Crowne Plaza Grand Hyatt Validade: 31/05/2011

SGL USD SGL USD SGL USD SGL USD

178,00 107,00 183,00 339,00

203,00 158,00 209,00 DBL USD 364,00 DBL USD DBL USD DBL USD

Inclui café da manhã + city tour em Santiago (regular) + passeio a Viña del Mar (regular) + transfer-out.

CO

MB

Santiago/Chile /Chile

combo santiago + passeio a Valle Nevado ...E MUITO MAIS. CONFIRA!

Validade: 01/06 a 02/10/2011 Diárias a partir de:

Hotel Kennedy Hotel Fundador Crowne Plaza Hotel Marriott

SGL USD SGL USD SGL USD SGL USD

176,00 125,00 227,00 249,00

O

Mínimo 4 noites

210,00 157,00 261,00 DBL USD 297,00 DBL USD DBL USD DBL USD

236,00 353,00 TPL USD 431,00 TPL USD TPL USD

Inclui café da manhã + tour ao Valle Nevado + tour a Portillo & Laguna del Inca + tour de Vinho e transfer-out.

www.trendoperadora.com.br

Reservas Internacionais: Tel: 55 11 3041 7501 | Fax: 55 11 3123 8562 Outras cidades/Toll Free - Tel: 0800 7737557 | internacional@trendoperadora.com.br Condições gerais: valores sujeitos a alterações e a disponibilidade sem prévio aviso. As tarifas acima não incluem taxas. Estes valores não são aplicáveis a feiras, congressos, eventos e festas comemorativas da cidade, feriados prolongados e etc.


atendendo bem

ON-TRAVEL & Pos-travel:

Montagem - imagens Shutterstock

A QUALIDADE QUE O CLIENTE MERECE

A

s agências de viagens acabam de ganhar mais uma ferramenta para oferecer mais qualidade a seus clientes: o núcleo de OnTravel e Pos-Travel da TREND Operadora. Como sempre, trazendo as melhores soluções em viagens para seus clientes, esses são os novos núcleos criados para atestar e qualificar cada vez mais os nossos produtos. O passageiro, como o cliente é chamado no ramo de turismo, tem sua viagem completamente monitorada em todos os seus trechos, durante a viagem, pelo On-Travel, e após a viagem, pelo Pos-Travel.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

On-Travel

32

Desde o momento em que o passageiro sai de sua casa para usufruir sua viagem, seja a negócios ou a lazer, entra em cena o On-travel da TREND, uma área especificamente criada para cuidar do seu cliente. Com um atendimento 24 horas, em três idiomas, ele é destinado a atender o passageiro durante toda


A TREND cria mais uma facilidade para os Arquivo TREND

agentes de viagens

Carlos Xavier, diretor de pessoas, qualidade e processos, e Roberto Araújo, diretor de operações da TREND

a sua viagem, para que, em qualquer horário ou local, ele tenha um suporte profissional e personalizado a fim de solucionar imprevistos que aconteçam durante o percurso, eliminando-os por completo e com o menor prazo possível. “Por isso, a TREND criou o núcleo On-Travel, destinado a dar soluções relacionadas a qualquer um dos produtos da empresa”, informa o diretor de Operações, Roberto Araújo, um dos aplicadores do conceito na TREND. Todas as solicitações geradas dentro do On-Travel são constantemente planificadas e analisadas para que se tenha um mapa completo do que ocorre durante as viagens, para cada vez mais aprimorar nossos produtos, o atendimento e o relacionamento com os nossos fornecedores. É por meio dessa análise que se entende o que pode ser melhorado para a satisfação plena do cliente e para garantir a sua próxima viagem conosco.

Pos-Travel A partir de agora, as mais de 10 mil agências de viagem que trabalham com a TREND ganham mais esta ferramenta, que vai gerar um feedback muito importante para oferecer cada vez mais qualidade em seus produtos e no seu atendimento: o Pos-Travel TREND.

Incrementando a cadeia produtiva do turismo, a TREND implementa a área de Pos-Travel, mais uma solução destinada a ouvir e cuidar do seu cliente por meio de um atendimento proativo, em que nós temos a responsabilidade de entrar em contato para verificar qualquer desconforto ou sugestão de melhorias que o passageiro tenha a respeito da viagem que acabou de realizar e dos produtos que adquiriu. “Assim como no On-Travel, todos os atendimentos e solicitações feitas no Pos-Travel são monitoradas ainda mais de perto, para se entender o que está acontecendo durante todo o processo, incluindo as informações geradas pelo On-Travel anteriormente”, explica o diretor de Pessoas, Qualidade e Processos, Carlos Xavier, responsável pela criação e implantação do conceito de Pos-Travel na empresa. Com metas e prazos agressivos, o Pos-Travel busca uma excelência no atendimento, com soluções em no máximo três dias. Os casos mais comuns são de alterações nos prazos, tipos de hospedagem ou nos itens a serem cobrados. É a TREND com mais uma solução para o agente de viagens atender cada vez melhor e com mais qualidade o seu passageiro, para que ele volte sempre.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

33


Parceria

REDE BHG E TREND

UNINDO HOTÉIS E RESORTS COM TARIFAS IMBATÍVEIS

A TREND É, sem dúvida, nossa maior cliente, por abranger uma parcela

C

om a operação societária de incorporação envolvendo a Invest Tur Brasil e Latin America Hotels (LAHotels) surgiu no ano de 2009 a BHG S.A. – Brasil Hospitality Group, uma das principais empresas de hotelaria do Brasil, com alguns hotéis próprios e outros administrados, divididos nas categorias 3, 4 e 5 estrelas. Seus serviços remetem tanto à hotelaria de negócios quanto ao desenvolvimento imobiliário em áreas destinadas a projetos de segunda residência, sempre ancorados em um resort de luxo. A companhia é responsável pela bandeira Golden Tulip na América do Sul, que engloba as marcas Royal Tulip, Golden Tulip e Tulip Inn. Em parceria com a TREND, a maior operadora nacional no mercado corporativo, a BHG pretende alavancar suas vendas, principalmente pela vasta cartela de agências de viagens que a operadora tem em todo o país. “A TREND Operadora possui informações e tarifas de inúmeras agências de viagens. É, sem dúvida, nossa maior cliente, por abranger uma parcela significativa do mercado, ter diversas opções hoteleiras,

significativa do mercado

Noite de Núpcias

Divulgação

34

A Rede BHG também montou pacotes diferenciados com nomes sugestivos como Encanto, Sedução, Fascinação, Charming, em vários destinos do país. Com serviços voltados ao bem-estar e à satisfação do casal, eles podem incluir: Divulgação

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

André Lameiro, diretor de Vendas e Marketing da BHG S.A.

• upgrade de apartamento • apartamento com banheira


trabalho de vendas proativo no mercado e importantes canais de vendas”, afirma André Lameiro, diretor de Vendas e Marketing da BHG S.A. “Além disso, o portal da TREND, que oferece um sistema de reservas totalmente online, é um grande aliado nas vendas”, afirma Lameiro. Atualmente, a BHG e a TREND atuam com hotéis em São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Paraná, Bahia, Distrito Federal, Rio Grande do Sul, Mato Grosso e Espírito Santo, além de dois empreendimentos recém-inaugurados em Belém do Pará.

O portal da TREND que oferece um sistema de reservas totalmente online é um grande aliado nas vendas

Com grande experiência tanto na área de marketing quanto na de hotelaria, Lameiro, que sempre acreditou no potencial da Trend, estabeleceu uma sólida parceira com a operadora desde o início. “Iniciamos nossas atividades na mesma época, ainda quando a bandeira chamava-se Chambertin, estabelecendo uma parceria que se solidificou e fez com que a TREND se tornasse nossa principal operadora e com maior número de Room Nights em toda a rede.”

Hotéis da Rede BHG com a TREND SÃO PAULO - SP • Golden Tulip Paulista Plaza* • Golden Tulip Park Plaza* • Golden Tulip Belas Artes** • Tulip Inn Interative* • Tulip Inn Paulista Convention* • Grand Plaza* • Luz Plaza* • Hampton Park* RIO DE JANEIRO - RJ • Golden Tulip Regente** • Golden Tulip Continental** • Tulip Inn Copacabana** FORTALEZA - CE • Golden Tulip Iate Plaza* • Tulip Inn Saint Martin* • Praia Mansa Suíte Hotel* RECIFE - PE • Golden Tulip Recife Palace** NATAL - RN • Golden Tulip Interatlântico* CURITIBA - PR • Tulip Inn Batel** • Tulip Inn Santa Felicidade** • Bonaparte Express Curitiba* SÃO JOSÉ DOS PINHAIS - PR • Tulip Inn São José dos Pinhais** CAMPO LARGO - PR • Tulip Inn Campo Largo** FOZ DO IGUAÇU - PR • Golden Tulip Internacional Foz**

• decoração no apartamento

• porta-retrato com foto do casal

• garrafa de espumante

• amenities especiais

• café da manhã no quarto

• sais de banho

• cesta com produtos regionais

• roupão

• cesta de frutas da época

• pantufas

• aromatização do ambiente

• massagem no spa

• pétalas de rosas sobre a cama

• acesso à área de lazer

• enxoval diferenciado

• acesso à área de fitness

• flores

• late check-out

• velas

• vaga no estacionamento

• doces de La Patisserie

Verifique em cada hotel o que a rede BHG preparou para os casais em lua de mel.

• chocolates finos

SALVADOR - BA • Golden Tulip Rio Vermelho** • Tulip Inn Centro de Convenções** BRASÍLIA - DF • Royal Tulip Brasília Alvorada* • Golden Tulip Brasília Alvorada* PORTO ALEGRE - RS • Tulip Inn Centro Histórico** CUIABÁ - MT • Golden Tulip Pantanal** BELÉM - PA • Tulip Inn Batista Campos** • Tulip Inn Nazaré** VITÓRIA - ES • Golden Tulip Porto Vitória* * hotel administrado ** hotel próprio

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

35


destino interNACIONAL em alta

PARIS

CIDADE LUZ O DESTINO ROMÂNTICO PREFERIDO NA EUROPA Sua arquitetura clássica, seus jardins e seus

36

cenário perfeito para o amor

Shutterstock

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

cafés são o


NÃO DEIXAR DE IR

Shutterstock

Torre Eiffel Construída em 1889, foi planejada inicialmente para durar apenas 20 anos para um evento e é considerada o símbolo da cidade.

Shutterstock

Por mais opções que o nosso planeta ofereça de destinos turísticos, quando se fala em romantismo e amor fora de nosso país a

Catedral de Notre-Dame Famosa catedral gótica construída em 1163 e dedicada a Nossa Senhora (Notre-Dame).

primeira cidade que vem Shutterstock

À cabeça é Paris

NOME

P

aris é a capital e a cidade mais populosa da França. Localizada em um dos meandros do Rio Sena, entre os confluentes do Rio Marne e do Rio Oise, sua posição, cruzamento de rotas comerciais terrestres e fluviais e no centro de uma rica região agrícola, contribuiu para que a cidade se tornasse uma das principais do país a partir do século 10. Devido à sua importância, foi beneficiada com a construção de palácios reais, ricas abadias e uma catedral. Nos séculos seguintes, se tornou um dos primeiros focos europeus do ensino e da arte. Ao abrigar a realeza francesa, sua importância econômica e política só cresceu. No século 14, Paris era a mais importante cidade de todo o mundo ocidental. A efervescência cultural durante o Iluminismo lhe deu o título de Cidade Luz. Sua arquitetura, seus parques floridos, suas avenidas arborizadas e seus museus já lhe deram várias vezes o título de cidade mais visitada do mundo, e cenários românticos estão por todos os lados.

Disneyland Resort Paris Complexo turístico da Disney localizado em Marne-la-Vallée, que inclui os parques multitemáticos Disneyland e Walt Disney Studios e é o ponto turístico mais visitado da Europa.

Avenida Champs-Élysées Uma das mais largas e famosas avenidas do mundo, sempre cheia de turistas. Significa Campos Elíseos (campo dos heróis).

Shutterstock

O nome de Paris vem do povo gaulês de origem celta que se chamava Parisii ou também conhecido como parísios.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

37


destino interNACIONAL em alta Centro Georges Pompidou

Shutterstock

Complexo cultural fundado em 1977 que abriga museu, biblioteca, teatros, entre outros equipamentos culturais.

Arco do Triunfo

Shutterstock

Construído por Napoleão Bonaparte em 1806, é uma homenagem às vitórias francesas e aos que morreram no campo de batalha.

Museu do Louvre

38

Bairro de Montmartre área histórica da cidade onde se localiza a Basílica de Sacré-Coeur, famosa pelos seus cafés, estúdios e casas de shows.

Shutterstock

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Shutterstock

Um dos maiores do mundo, famoso por abrigar obras de arte importantes como a pintura Mona Lisa, de Da Vinci, e a escultura Vênus de Milo.

História A região já era habitada desde os tempos pré-históricos e foi a última tribo gaulesa a habitar o local que deu seu nome à cidade: os Parisii. Durante o período do Império Romano, Paris foi uma cidade comum e pequena, ofuscada por outras cidades mais importantes da Europa. Com a vinda do Renascimento e com o estabelecimento definitivo de Paris como sede do poder real francês, iniciou-se o estudo das artes, das letras, da música e da arquitetura. Porém, o convívio entre a nobreza e uma população agitada com novas ideias foi rompido com a Revolução Francesa. Após a Revolução e as cinzas do Império, Paris ressurgiu cheia de problemas sociais e de instabilidade política. Em meados do século 19, tornou-se novamente capital de um império, firmouse como centro industrial e passou de cidade medieval para a cidade de parques e avenidas que hoje se conhece. Abrigou os maiores pensadores e foi fonte de todas as modas da época. Vitoriosa na Primeira Guerra Mundial, foi palco de crises sociais e econômicas, e chegou a abrigar braços do Nazismo. O descontentamento com a linha de governo, com as dificuldades econômicas e com a repressão política culminou nos protestos, greves e batalhas civis que ocorreram no famoso Maio de 1968, uma revolução no país que se refletiu por toda a Europa, causando uma reviravolta que nortearia a criação de uma nova Paris, e uma nova França, dentro de uma nova Europa. Hoje, Paris prossegue rica, bela e ocasionalmente agitada. Entre seus atuais desafios estão o desemprego e a marginalidade dos imigrantes. Ela ainda guarda seu caráter de capital da França e da cultura francesa, e todo ano acolhe visitantes de todas as partes que vão ver seus numerosos monumentos datados de séculos diversos, testemunhos de sua duradoura expressão no mundo ocidental.

Bistrô: restaurante ou bar pequeno e simples, porém muito aconchegante, onde se servem comidas a preços acessíveis, além de bebidas alcoólicas, café e outros aperitivos.


Museu de Orsay

Cultura Das dez atrações turísticas mais visitadas no mundo, duas localizamse em Paris: a Catedral de Notre-Dame e a Disneyland Paris. E atrações são o que não faltam. São 403 pontos turísticos e culturais, entre museus, teatros, castelos, monumentos históricos e centros culturais.

Cemitério de Père-Lachaise Onde estão enterrados famosos como JeanFrançois Champollion, Édith Piaf, Chopin, Allan Kardec, o cantor americano Jim Morrison e o escritor irlandês Oscar Wilde. Katia Grimmer-Laversanne

A França está no topo da lista de países mais visitados por turistas há alguns anos consecutivos, segundo a Organização Mundial de Turismo, recebendo aproximadamente 80 milhões anualmente. Paris, por sua vez, está entre as três cidades mais visitadas do mundo, recebendo 10 milhões de turistas estrangeiros por ano, ficando atrás somente de Londres e Bangcoc.

Hospedagem

Gastronomia As opções são igualmente variadas. Os 496 restaurantes que se espalham pela cidade trazem todo tipo de culinária, desde a cozinha tradicional até a alta gastronomia francesa, com destaque para os famosos bistrôs, cafés, brasseries, casas de chá, pubs, além dos especializados em frutos do mar, em culinária francesa interiorana e na de outros países, como os europeus, asiáticos, latinos e até de cozinha brasileira. Um novo conceito na cidade também são os restaurantes românticos flutuantes, montados dentro de barcos que navegam pelo Rio Sena, e bares especializados em degustação de bebidas, como vinhos e champanhes.

Brasserie: restaurante com ambiente descontraído e requintado, que oferece pratos simples e outras refeições, geralmente aberto todos os dias da semana e que serve o mesmo cardápio diariamente.

Palácio de Versalhes Localizado na cidade de Versalhes, é a maior atração turística do mundo e abrigava a corte do Rei Sol (Luís XIV), designando poder, glória e riqueza.

Shutterstock

São mais de 675 hotéis para se escolher, entre os mais simples, os chamados “cama e café” (bed & breakfast), os albergues estudantis, passando pelos flats e os mais sofisticados, incluindo o novo conceito de hotéis-boutique cheios de estilo e design. Há também na cidade locais para camping para os casais menos exigentes e mais aventureiros.

Moulin Rouge Antigo cabaré e bordel muito famoso entre os franceses, que hoje se tornou ponto turístico da cidade com espetáculos.

Shutterstock

Muito de tudo

Shutterstock

Foi no passado a estação de trem que ajudou a originar a cidade, e hoje reúne importantes coleções de arte impressionistas, como as de Van Gogh, Monet, Degas, entre outros.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

39


Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

Hotel interNACIONAL em Destaque

HOTEL INTERNACIONAL

K + K CAYRE PARIS SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

O ponto

40

de partida perfeito para se conhecer as várias atrações da cidade

O

Saint-Germain-des-Prés é uma das áreas mais sofisticadas de Paris, onde se encontra o charme essencial e a alegria de viver urbana. O hotel possui uma fachada em art déco e seu interior decorado com extremo bom gosto. O charme e romantismo do edifício combina com a atenção e a delicadeza dos funcionários. É o local perfeito para servir como ponto de partida para as várias atrações da cidade: ruas de compras, museus, parques e tudo o mais que Paris oferece.

Quartos O design dos quartos caracterizase por linhas claras e tonalidades quentes, criando uma agradável atmosfera com o uso de seletos materiais e tecidos. Colchões feitos sob encomenda e edredons de plumas de ganso garantem um sono repousante e profundo, para quem quiser dormir, é claro. Os 125 quartos, divididos entre Classic e Executive, possuem ar-condicionado e aquecimento individualmente reguláveis, janelas


com isolamento sonoro, TV de tela plana com canais internacionais, telefone com secretária eletrônica, cofre, minibar, máquina de café e chá, acesso à internet banda larga gratuita e fechadura eletrônica.

partir das 6h30 até as 11h, e nos fins de semana e feriados até o meio-dia, é servido café e chá e até uma taça de champanhe.

Os banheiros são decorados com mármore negro, aquecimento de chão, pantufas, secador de cabelo e roupão, se solicitado.

Possui um bistrô cheio de estilo, com uma pequena e fina variedade de pratos para o almoço e jantar. Aberto diariamente das 12h à meia-noite.

Café da manhã

Spa & Academia

O elegante e harmonioso ambiente estimula para iniciar as atividades do dia e saborear com tranquilidade e a dois as delícias seletas de um abundante bufê. A diversidade culinária é grande e inclui algumas especialidades regionais da França. A

Nada melhor do que fazer um relaxamento e um repouso após um dia cheio de passeios a dois. Sessões de massagem podem ser agendadas e serão cobradas à parte. A sauna e academia estão à disposição para os hóspedes até as 22h.

Bar & Bistrô

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

41

Elegância e charme numa das áreas mais sofisticadas de Paris Quarto para não fumantes Check-in: 14h Check-out: meio-dia

Exclusividade TREND Early check-in (de acordo com disponibilidade) e presente de boas-vindas do hotel (válida para estadas até 30/10/2011)


Hotel interNACIONAL em Destaque

HOTEL PARIS

EIFFEL CAMBRONNE

42

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

R

odeado por pontos turísticos como a Torre Eiffel, a Escola Militar construída por Luis XV, o Museu da Marinha, o Rio Sena, esse hotel irradia charme e espirituosidade. Reformulado com um aconchegante e contemporâneo estilo, oferece espaços elegantes. Tudo começa com uma recepção personalizada e um serviço atencioso, com o objetivo de tornar a estada prazerosa por meio de um atendimento acolhedor e amigável. Seus espaços foram remodelados com uma mistura de estilos contemporâneos e cosy, que mistura o clássico com o rococó. Imprime um ar elegante para a viagem, seja ela a passeio ou a trabalho. E, falando em trabalho, oferece internet gratuita e computadores disponíveis na área comum do hotel.


SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

43

hotel irradia charme e espirituosidade, Reformulado com um contemporâneo

Arquivo Hotel

estilo

Gastronomia Como um dos primeiros eventos do dia, o café da manhã é servido em sistema de buffet numa sala ensolarada ao lado de um perfumado jardim florido, com paisagens inesquecíveis.

Arquivo Hotel

O charme parisiense num estilo moderno e prazeroso, em que as cores adicionam elegância ao ambiente. Itens de conforto também estão presentes: ar-condicionado, vidraças duplas para isolar o quarto de som e das baixas temperaturas do inverno ou as altas do verão, TV de tela plana, com canais via satélite, aparelho de DVD, som HiFi, telefone com linha direta, internet gratuita Wi-Fi e secador de cabelo.

Arquivo Hotel

Apartamentos

Exclusividade TREND

(válida de abril a agosto de 2011)

Arquivo Hotel

Early check-in ou late check-out + 2 ingressos para passeio de barco no Rio Sena


Hotel interNACIONAL em Destaque

Arquivo Hotel

Amor à primeira vista...

Hôtel

ASTOR SaintHonoré

A

decoração é clássica e rica em detalhes glamorosos, e as condições são perfeitas para uma estada bem romântica. A localização, entre os bairros Champs Élysées e Opèra, dá uma vista privilegiada a todos os quartos e varandas, de onde se pode desfrutar um delicioso café da manhã a dois com uma paisagem inesquecível. A proximidade do Rio Sena propicia um passeio romântico por uma de suas 37 pontes ou pelas alamedas dos Campos Elísios. Próximo também à Rue du Faubourg Saint-Honoré, rua das compras de luxo onde ficam as lojas de alta-costura Pierre Cardin, Yves Saint Laurent, Guy Laroche, Nina Ricci, Givenchy, Christian Dior, Louis Féraud, Hermès, Chanel, entre outras, e a todos os pontos turísticos da cidade. Nesse 4 estrelas, o estilo inglês do histórico hotel parisiense reconhecese no toque do famoso decorador Frédéric Méchiche, que reinterpreta o estilo Regency (misto de barroco com rococó).

Quartos Seus 130 quartos, divididos em sete andares, criam uma mistura de beleza e harmonia atemporal refletida nos mínimos pormenores da decoração, mesclando seus detalhes em pérola, branco e creme, com azuis, verdes, violeta e lilases.

Arquivo Hotel

Dos acolhedores quartos Classic às Suítes com terraço privativo, todos possuem comodidades: ar-condicionado, internet w gratuita e, em alguns quartos, televisor de tela plana de 32 polegadas, sistema Hi-Fi com leitores de CDs e bandeja de boas-vindas.

Localização privilegiada na região mais inquietante

44

Arquivo Hotel

Numa atmosfera acolhedora, sob um estilo art nouveau, é servida a cozinha criativa e generosa do chef Nicolas Clavier. Abre de segunda a sexta-feira, das 12h30 às 14h para almoço, e das 19h30 às 22h no jantar. Para aguardar a mesa, um bar com a influência do Lorde Astor relembra os pubs britânicos.

Entre os serviços do hotel, uma belíssima biblioteca nomeada de Hemingway à disposição, jornais internacionais, internet gratuita nas áreas comuns, concierge, balcão de informações turísticas e de reserva de excursões, com transfers e limusines, business e fitness center, salas de reuniões e estacionamento privativo. O nome do hotel se deve à visita a Paris do Lorde Astor, colaboração entre a França e a Inglaterra. Por ocasião de sua estada, durante a belle epoque de Marcel Proust, quando a cidade recebia a elite intelectual francesa, enamorou-se da Rue D’Astorg e decidiu fundar, no ano de 1907, o Hôtel Astor Saint-Honoré.

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

de Paris

Bar & Restaurante

Exclusividade TREND Garrafa de champanhe (mínimo de três noites)


HOTEL CITADINES

no coração do

BASTILLE GARE pelos bairros BastilleDE LYON Nation-Gare de Lyon

Este hotel três estrelas oferece 98 apartamentos divididos em sete andares, com 63 estúdios para duas pessoas, 33

Cada estúdio possui banheiro, uma cozinha completamente equipada com fogão, micro-ondas, chapa, lavadora de louça, utensílios de cozinha, máquina de café e torradeira. Possui também TV com canais via satélite, telefone com linha direta, despertador, sistema de som, fechadura eletrônica, tábua e ferro de passar roupa e secador de cabelo.

Serviços O hotel oferece internet de banda larga, serviço de baby-sitter, business center, estacionamento privativo, lavanderia, apartamentos para não fumantes e para pessoas com problemas de mobilidade.

Animais domésticos são permitidos

Exclusividade TREND Café da manhã cortesia

Arquivo Hotel

Apartamentos

apartamentos de cama única para três ou quatro pessoas, e dois apartamentos com duas camas de casal para cinco ou seis pessoas. Os estúdios podem ter cama de casal ou de solteiro. Nos apartamentos há sofás-cama na sala e camas de solteiro e de casal nos quartos.

Arquivo Hotel

L

ocalizado no coração do triângulo formado pelos bairros BastilleNation-Gare de Lyon, numa típica quadra parisiense, este apart-hotel tem seu próprio e romântico jardim privativo e fica próximo aos principais pontos turísticos e administrativos da cidade, incluindo a Opéra Bastille e dezenas de bares e restaurantes. Uma visita obrigatória é o mercado Aligre, que abre todos os dias (exceto às segundas-feiras).

triângulo formado

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Arquivo Hotel

45


WALDEMAR NICLEVICZ O ALPINISTA DAS MAIORES MONTANHAS DO MUNDO

W

aldemar nasceu em Foz do Iguaçu (PR) em 1966, é formado em Turismo pela Universidade Federal do Paraná, e também se destaca como escritor, fotógrafo e palestrante, tendo já realizado mais de 600 palestras para grandes empresas. Niclevicz enfoca em suas palestras temas como superação de desafios, planejamento estratégico, gerenciamento de riscos e espírito de equipe. Com dezenas de viagens para as montanhas mais altas do planeta, Waldemar tem muita história para contar, principalmente de suas aventuras pela América do Sul. Neste seu depoimento para a revista Segue Viagem, ele vai descrever como foi a sua última expedição, realizada em fevereiro deste ano.

Arquivo Pessoal

Niclevicz escalando o Salto Angel, na Venezuela

47 SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

experiências de viajante


experiências de viajante

Arquivo Pessoal

“Com a escalada do Everest, do K2, da maior montanha de cada um dos continentes, não tem mais nada para você escalar.” Essa é uma afirmação que me fazem com frequência, o que não é verdade. Seria o mesmo que eu falar: “Bem, se você já foi para Nova York, Londres, Paris e Roma, não tem mais nenhum outro lugar para você conhecer”. E isso, bem sabe o leitor da Segue Viagem, não faz nenhum sentido. Existem milhares de lugares no mundo, infinitos comparados a nossa curta existência, e o mesmo posso dizer das montanhas. Quanto mais provamos a sensação de desvendar o desconhecido, mais deslumbrados ficamos com a possibilidade de novas experiências, em lugares que a princípio nem sabíamos que existiam, e essa é e sempre será a magia de uma grande viagem, a descoberta de culturas, histórias e da rica e cada vez mais rara natureza selvagem.

Quanto mais provamos a sensação de desvendar o desconhecido, mais deslumbrados ficamos com a possibilidade de

48

A primeira vez que eu fui para os Andes foi em 1985, para os Alpes foi em 1990 e para o Himalaia foi em 1991. Já escalei mais de cem montanhas nas principais cordilheiras do mundo, mas foram nessas primeiras viagens que percebi que o universo das montanhas vai muito além de um Aconcágua, de um Mont Blanc ou de um Everest, e que uma vida é pouco para tantas possibilidades. Já se vão mais de 25 anos de expedições, uma média de duas por ano, correndo contra o tempo para escalar mais e mais montanhas. Para mim é o que dá sentido a minha vida, é a forma de eu demonstrar a Deus toda a minha gratidão à sua criação mais perfeita, a Natureza! Recentemente estive em um dos lugares que coloquei na minha lista de prioridades há mais de 20 anos, e pode ter a certeza de que a demora de ir até lá não foi falta de dedicação, mas sim porque esta minha lista é imensa, praticamente infinita. Como não podia deixar de ser em espíritos curiosos como o meu, desde que vi as primeiras fotos surgiu em mim o desejo de conhecer este lugar que não está lá do outro lado da Terra, mas aqui, bem pertinho do Brasil, a Grande Savana, pontilhada de Tepuyes, na Venezuela.

Arquivo Pessoal

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Arquivo Pessoal

novas experiências

Do alto da maior dessas impressionantes montanhas tabulares, o Auyantepuy, com um topo de 700 km2, se precipita o Salto Angel, uma linda queda d’água com 979 m de altura, sendo


À esquerda: acima, Niclevicz a primeira vez no cume do Everest, em 1995 ao centro, acampamento no meio da parede de Salto Angel abaixo, escalando na Tasmânia Nesta página, visual de Salto angel

Montanhas já escaladas • Everest (Nepal/Tíbet) • K2 (China/Paquistão) • Ojos del Salado (Chile) • Illimani (Bolívia) • Huascaran (Peru) • Chimborazo (Equador) • Matterhorn (Suíça/Itália) • Mont Blanc (França/Itália) • Elbrus (Rússia) • Vinson (Antártida) • McKinley (Alasca) • Carstensz (Nova Guiné) • Shisha Pangma (Tibete) • Cho Oyo (Tibete) • Gasherbrum (Paquistão) • Lhotse (Nepal) • El Capitan (Estados Unidos) • Trango Tower (Paquistão) • Mont Cook (Nova Zelândia) • Totem Pole (Tasmânia) • Gunnbjørns Fjeld (Groenlândia) • Makalu (Nepal) • Lenin (Quirguistão) Arquivo Pessoal

• Khan Tengri (Quirguistão)

que 807 m são em queda livre, ou seja, o paredão, que no total tem 1.100 m de altura, é simplesmente o maior paredão negativo do mundo. Todo o conjunto do lugar, somado a centenas de outras cachoeiras e a dezenas de outros tepuyes, que abrigam no topo inúmeras espécies endêmicas, forma uma das maravilhas da natureza, tombada pela Unesco como Patrimônio da Humanidade. Eu não ia me contentar em apenas contemplar lá de baixo a maior queda d’água do mundo. Fui coletando informações, fazendo um planejamento minucioso, formei uma equipe com alguns dos mais competentes escaladores da atualidade, todos brasileiros, fomos até a Venezuela e escalamos o Salto Angel. Imagine a nossa emoção! Tornamos o Brasil o primeiro país das Américas a superar este desafio, considerado o big wall mais difícil do mundo, que só havia sido superado totalmente em outras três oportunidades, por equipes da Espanha, Inglaterra e França. Levamos 17 dias para escalar todo o paredão, sendo que durante 13 dias ficamos literalmente vivendo em um “mundo vertical”. Dormíamos, comíamos e íamos ao banheiro, sempre amarrados a uma corda, contemplando a cachoeira cintilando ao sol envolta por arco-íris ou com o seu véu esbranquiçado pelo brilho das estrelas flutuando na escuridão do precipício. Se você ainda não viajou para aquele destino tão sonhado, ou ainda não escalou nenhuma montanha, não perca mais tempo. Você vai descobrir que o mundo é muito maior, e muito mais bonito, do que você imagina. Sonhar é muito bom, mas realizar um sonho é muito melhor. Boa viagem, boa escalada!

w w w. n i c l e v i c z . c o m . b r

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

49


curiosidades

PAIXÃO DE CRISTO EM NOVA JERUSALÉM Thiago Lacerda é Jesus no maior espetáculo teatral ao ar

50

Rebeca Morais

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

livre do país


SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

51

Encenação atrai mais de 80 mil visitantes, incluindo

João Tavares

Rebeca Morais

Sidney Sampaio como Pilatos, Fafá de Belém como Maria, Thiago Lacerda como Jesus e Vanessa Lóes como Madalena

P

ela 44ª vez consecutiva, a Sociedade Teatral de Fazenda Nova realiza o maior espetáculo teatral do Brasil, no distrito de Fazenda Nova, a 180 km da capital de Pernambuco: a Paixão de Cristo, encenada em Nova Jerusalém entre os dias 13 e 23 de abril.

Vanessa Lóes (como Madalena), Sidney Sampaio (como Pilatos), e mais de 550 atores e figurantes que compõem o elenco e se misturam com a plateia, dando a sensação de que todos fazem parte do povo que há dois mil anos seguiu os passos de Jesus na Palestina.

A expectativa é de que nesta temporada o megaespetáculo alcance novo recorde de público, superando 2010, quando mais de 80 mil pessoas vindas de 22 estados brasileiros e também de 12 países assistiram à apresentação.

Neste ano, a produção preparou um projeto cenográfico inédito, com novos efeitos especiais, renovação no figurino e melhorias no sistema de iluminação. A peça acontece em nove monumentais palcos construídos nesse local, que é o maior teatro ao ar livre do mundo, com 100 mil metros quadrados. É cercado por uma muralha de pedras de quatro metros de altura e com 70 torres de sete metros cada uma, concebidas por vários arquitetos e cenógrafos nordestinos e por seu fundador, Plínio Pacheco.

Thiago Lacerda interpreta Jesus Cristo pela terceira vez, e por um motivo muito especial: “Este ano completo 33 anos, a idade de Cristo, e por isso queria me despedir desse personagem em Nova Jerusalém com uma encenação especial, que encerre com chave de ouro e vire uma página na minha vida”, afirmou. Quanto à sua interpretação, o ator revelou que o público verá um Cristo diferente. “Estou mais maduro, e isso reflete na minha atuação. Mesmo sem liberdade para criar em cima do personagem, já que o espetáculo é dublado, quero imprimir um tom mais ativo. Viver um Jesus com mais autoridade e personalidade.” No palco, Thiago estará acompanhado de Fafá de Belém (como Maria),

22 estados brasileiros e de 12 países

Em números: • 100.000 m2 de área total • 80.000 espectadores • 860 refletores de iluminação • 800 peças de figurino • 550 atores e figurantes • 400 profissionais na equipe técnica • 44 anos do megaespetáculo • 9 monumentais palcos-plateia • 9 dias de apresentação EXCLUSIVIDADE TREND Na compra de qualquer hotel de Recife (PE) + transfer aeroporto/hotel e hotel/aeroporto o hóspede ganha um passeio de visitação ao local da Paixão de Cristo em Nova Jerusalém (ingresso para a encenação não incluso). Válida para o período de 20 a 23 de abril.

O espetáculo Paixão de Cristo de Nova Jerusalém teve origem nas encenações do Drama do Calvário, iniciativa do comerciante e líder político Epaminondas Mendonça, que teve a ideia a fim de atrair turistas e, assim, movimentar o comércio da cidade. Os ingressos custam entre 50 e 80 reais, e idosos e estudantes pagam meia-entrada, com descontos especiais para grupos de agências de viagens.

Arquivo Hotel

João Tavares

João Tavares

turistas de

TREND indica Resort Villa Hípica, localizado na cidade de Gravatá, a 120 km do local da Paixão de Cristo, com tarifas exclusivas TREND.


gastronomia

OVOS DE

PÁSCOA Shutterstock

A tentação do chocolate em

250

600

1500

O chocolate é, sem dúvida, o alimento mais bem balanceado que existe, com uma equilibrada associação de cacau, leite e açúcar. É perfeito do ponto de vista energético, pois o organismo humano, em qualquer idade, absorve facilmente o chocolate que, pouco tempo após a ingestão, transforma-se em energia. Possui carboidratos, glicídios, lipídios, protídios, celulose, água, potássio, magnésio, cálcio, ferro, vitamina B1, vitamina B2, vitamina PP, açúcares, proteínas, albuminas, globulinas e caseína.

Os maias emigram para regiões ao norte da América do Sul (Yucatán), iniciando as mais antigas plantações de cacau conhecidas.

A alta classe asteca se apropria do cacau dos maias, adotando o Xocalat, nome que dá origem à palavra chocolate (e significa bebida amarga), passando a comercializar amêndoas de cacau.

52

História do Chocolate

A elite da sociedade maia aprecia uma bebida feita de grãos moídos, extraídos de uma fruta chamada cacau.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

formatos ovais

O cacau é importante pelo teor de hidrato de carbono, gordura natural, proteínas, cafeína e de teobromina, substância que oferece estímulos para o sistema neuromuscular, favorecendo as funções renais, cardíacas e aliviando o cansaço intelectual. Um único tablete de 100 gramas de chocolate corresponde a 6 ovos, ou 3 copos de leite, ou 220 gramas de pão branco, ou 750 gramas de peixe, ou 450 gramas de carne bovina. Veja, ao lado, como foi a história de sua criação:


A

palavra Páscoa vem do nome em hebraico da festa judaica (Pessach), à qual a Páscoa cristã está intimamente ligada, não só pelo sentido simbólico de “passagem”, comum às celebrações pagãs (passagem do inverno para a primavera) e judaicas (da escravatura no Egito para a liberdade na Terra Prometida).

celebra a Ressurreição de Cristo é um bom motivo para consumir

1502

1519

1544

1570

1585

1657

1674

Uma tribo maia da região de Kekchi (Guatemala) chega à Espanha para visitar o príncipe Filipe levando uma jarra com a bebida de cacau moído, consumo que fica restrito à corte espanhola, que passa a adicionar açúcar e aromatizante como a baunilha na bebida.

A bebida de cacau é consumida largamente na Espanha por suas qualidades medicinais e afrodisíacas.

Chega em Sevilha (Espanha) o primeiro carregamento de amêndoas de cacau, partindo do Porto de Vera Cruz (México).

É aberta a primeira casa de chocolate em Londres, por um francês, chamada The Coffee Mill and Tobacco Roll, onde a bebida é vendida por peso e custa 15 shillings, valor alto, sendo consumida somente pela elite britânica.

Inicia-se o hábito de degustar chocolate na forma de bolos e doces servidos nos empórios de chocolate.

chocolate

O explorador espanhol Hernando Cortez registra o uso do cacau pela corte do imperador asteca Montezuma.

Depois de morrer na cruz, Cristo foi colocado em um sepulcro, onde ali permaneceu por três dias, até sua ressurreição. É o dia santo mais importante da religião cristã. Muitos costumes ligados ao período pascal originam-se dos festivais pagãos da primavera. Outros vêm da celebração do Pessach, que é uma das mais importantes festas do calendário judaico, celebrada por oito dias e em que é comemorado o êxodo dos israelitas do Egito, da escravidão para a liberdade. Um ritual de passagem, assim como a “passagem” de Cristo da morte para a vida.

Data que

Cristóvão Colombo encontra uma grande canoa em Guanaja (Honduras) comercializando amêndoas de cacau.

Os cristãos celebram a Ressurreição de Jesus Cristo depois da sua morte pela crucificação na Sexta-Feira Santa, que teria ocorrido nesta época do ano em 30 ou 33 da Era Comum. O termo refere-se também ao período do ano canônico, que dura cerca de dois

meses, desde o domingo de Páscoa até o Pentecostes.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

53


gastronomia

O coelho

romana, ou Ishtar na mitologia assíria (a Deusa dos famosos portões).

A festa tradicional que se comemora atualmente é associada à imagem do coelho, um símbolo de fertilidade, o famoso coelhinho da Páscoa. Ovos coloridos de chocolate são dados como presentes.

1730

1732

1765

1795

1819

1828

1847

O chocolate é levado para os Estados Unidos pelo irlandês John Hanan com amêndoas da Índia, processadas com a ajuda do dr. James Baker, que viram sócios fundando (em 1780) a primeira fábrica de chocolates, chamada Chocolate Baker.

O inglês dr. Joseph Fry of Bristol emprega a primeira máquina de vapor para fabricação de chocolate, o que permite a produção em grande escala.

O francês François Louis Callier funda a primeira fábrica suíça de chocolate.

O holandês Conrad Van Houten inventa, em Amsterdã, a primeira prensa de cacau, que ajuda a diminuir os custos de fabricação ,melhorando também a qualidade dos produtos de chocolate.

O inglês Joseph Fry & Son descobre que, misturando um pouco de manteiga de cacau e açúcar ao chocolate, poderia moldar o produto em barras sólidas criando o chocolate na forma como conhecemos hoje.

Graças ao ovo que segura nas mãos, as pessoas pintavam ovos cozidos, decorando-os com desenhos e formas abstratas, ou com gravuras que tentavam representar algum tipo de planta ou elemento natural. Em outras situações, o enfeite desse ovo festivo era feito por

O inventor francês monsieur Dubuisson cria um moinho movido a água para moer amêndoas de cacau.

54

O ovo

A entrada destes símbolos para o conjunto de festividades cristãs aconteceu com a organização do Concílio de Niceia, em 325 d.C., quando os clérigos tinham a expressa preocupação de ampliar o seu número de fiéis por meio da adaptação de algumas antigas tradições e símbolos religiosos a outros eventos relacionados ao ideário cristão. A partir de então, observaríamos a pintura de vários ovos com imagens de Jesus Cristo e sua mãe, Maria.

O cacau cai de preço, aumentando o seu consumo.

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Ambas as tradições vêm da Idade Média, em que os antigos povos pagãos europeus, anglo-saxões, nórdicos e germânicos, nesta época do ano, homenageavam Ostera (em alemão), ou Esther, ou Easter, que quer dizer Páscoa em inglês. Ostera é a Deusa da Fertilidade e anunciava a chegada da primavera. Equivale a Astarte na mitologia grega, ou Ceres na mitologia

A Deusa Ostera segura um ovo em uma mão, enquanto observa uma lebre pulando alegremente ao redor de seus pés nus, símbolo da fertilidade, da chegada de uma nova vida. Essa lebre daria origem ao coelho da Páscoa que conhecemos hoje.

meio do cozimento deste junto a alguma erva ou raiz impregnada de algum corante natural. Atravessando a Antiguidade, este costume ainda se mantinha vivo entre as populações pagãs que habitavam a Europa durante a Idade Média.


No auge do período medieval, nobres e reis de condição mais abastada costumavam comemorar a Páscoa presenteando com ovos feitos de ouro e cravejados de pedras preciosas, como os conhecidos ovos ingleses ou os russos Fabergé.

O ovo de chocolate veio com o desenvolvimento da culinária e a descoberta do continente americano. Ao entrarem em contato com os maias e astecas, os espanhóis foram responsáveis pela divulgação do alimento no Velho Mundo. No século 17, os franceses tiveram a ideia de fabricar os primeiros ovos de chocolate da história. A primeira fábrica de chocolates surgiu em

1819, criada por François Louis Cailler, e somente em 1960 surgiram os primeiros ovos industrializados, feitos de plástico, recheados de bombons e chocolates.

1849

1851

1861

1868

1876

1879

1879

O príncipe Albert apresenta em Londres os primeiros bombons de chocolate.

Richard Cadbury faz o primeiro coração de chocolate para o Valentine’s Day (Dia dos Namorados).

John Cadbury lança a primeira caixa de chocolates num mercado popular.

O suíço Daniel Peter cria o chocolate ao leite em Vevey (Suíça).

O suíço Rodolphe Lindt inventa uma máquina de processamento de chocolate em Berna (Suíça).

Daniel Peter e Henri Nestlé se associam para fundar uma das maiores fábricas de chocolate do mundo, na Alemanha.

Hoje em dia podemos encontrar uma grande variedade de ovos, a fim de agradar aos mais diversos gostos: ovos para crianças, recheados com brinquedinhos; ovos para casais, recheados com bombons ou em formato de coração; ovos personalizados, recheados com presentes especiais; de diversos sabores, recheios, cada vez mais inusitados e criativos. A tradição religiosa pode não ser a mesma, mas se transformou em uma gostosa troca de presentes.

Joseph Fry & Son e Cadbury Brothers apresentam na exposição de Bingley Hal, em Birmingham (Inglaterra), o chocolate em barras.

Shutterstock

Com o passar dos tempos, algumas culturas começaram a furar os ovos e substituir o seu conteúdo por objetos ou até mesmo outros recheios.

Ovo de chocolate

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

55


gastronomia

A tradição dos pratos de peixe na Páscoa

Adoro os sabores da frutas regionais com os peixes nacionais

Ovo de Páscoa Crokito Ingredientes

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

650 g de chocolate meio amargo 100 g de açúcar refinado 80 g de nozes

56

Preparo Faça um caramelo com o açúcar e adicione as nozes. Deixe esfriar sobre uma mesa. Depois de frio, triture com o auxílio de um rolo. Reserve. Derreta o chocolate meio amargo a 45º C. Em uma mesa de granito, tempere o chocolate ate atingir 29º C. Acrescente as nozes trituradas. Passe camadas de chocolate nas fôrmas para ovo de Páscoa no tamanho desejado. Leve à geladeira até cristalizar. Desenforme.

Daniel Valay apresenta prato de bacalhau pascal A tradição reza que deveríamos ficar 40 dias sem comer carne no período da Quaresma, que se iniciaria na Quarta-Feira de Cinzas até o Domingo de Páscoa. Porém, com as alterações religiosas, essa restrição de não comer carne resumiu-se somente à SextaFeira Santa. E, consequentemente, a carne bovina foi substituída por pratos feitos com peixe. E é um prato feito com bacalhau que o renomado chefe de cozinha do Royal Palm Plaza Resort na cidade de Campinas (SP), Daniel Valay, apresenta em nossa revista. Nasceu na França e, aos 15 anos, já trabalhava em restaurantes. Com 18 se formou em gastronomia no Lycée d´Enseignement Profissionnel de Guérande e seguiu para o mundo.

Arquivo Royal Palm Plaza

combinação de

Começou em Londres (Inglaterra), onde conheceu sua esposa brasileira, responsável por sua vinda para o Brasil. Aqui, passou pelo Restaurante Grenoble, de cozinha francesa, pelo Hotel Paulistânia, sendo seu último local de trabalho o Restaurante Leopolldo, em São Paulo, antes do Royal. Daniel preza pelos detalhes, por uma apresentação primorosa dos pratos e pela utilização de ingredientes selecionados. Tem paixão pelos sabores e aromas do Brasil, como frutas típicas, peixes nacionais e delícias da terra. A seguir, ele apresenta lombo de bacalhau grelhado sobre couscous de laranja e abobrinha, e, do lado esquerdo, a receita de um delicioso ovo de Páscoa artesanal.


Arquivo Royal Palm Plaza

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

57

Lombo de bacalhau grelhado sobre couscous de laranja e abobrinha Ingredientes 600 gramas de lombo de bacalhau dessalgado (pode ser comprado já dessalgado e congelado) 200 ml de azeite de oliva extravirgem 2 abobrinhas Italianas Grãos de pinoli assado 1 cebola roxa cortada em leque 160 gramas de grãos de couscous cru Gengibre fresco Suco de 2 laranjas, raspas e gomos Sal e pimenta-do-reino Manteiga sem sal 4 raminhos de ciboulette

Preparo Corte as abobrinhas em quatro fatias no sentido do comprimento. Pique em cubinhos o que sobrar. Descasque o gengibre e pique na ponta da faca. Colocar os grãos de couscous numa tigela e acrescente uma colher de sopa de azeite de

oliva, gengibre picado, sal, e pimenta-doreino e raspas de laranja. Cubra com água fervida até um dedo acima. Cubra com filmeplástico e deixe assim durante 10 minutos. Quando pronto, finalize com a manteiga e mexa para soltar os grãos. Reserve coberto. Grelhe os lombos de bacalhau na frigideira utilizando a metade do azeite de oliva. Grelhe também os leques de cebola roxa e depois as fatias de abobrinhas. Reserve. Ferva o suco de laranja até reduzir pela metade e acresente o restante do azeite, sal e pimenta.

Montagem do prato Usando um aro de inox de 8 cm de diâmetro, coloque uma fatia de abobrinha em volta dele pelo lado de dentro. Encha o aro com o couscous pronto, fazendo pressão com uma colher. Desenforme. Coloque um lombo de bacalhau por cima do couscous. Regue o molho de laranja e azeite ao redor. Decore com um raminho de ciboulette, os gomos de laranja e os grãos de pinoli assados.


Consumo

NOIVAS CIRCULANDO

58

Um dos itens mais pensados e selecionados Arquivo Black Tie Limousines

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Arquivo Black Tie Limousines

Shutterstock

COM ESTILO

num casamento é o carro que vai levar a noiva à igreja


Shutterstock SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

59

Os mais utilizados são os carros grandes e diferenciados, como as limousines e os antigos

V

Quando a decisão fica por conta do noivo, a preferência é pelos antigos, como o Galaxie Landau. Alguns modelos novos e grandes também são escolhidos.

• Packard

Shutterstock

Os mais pedidos e locados: • Chevrolet 1938 • Chevrolet 1951 • Simca 1966 • Rolls Royce Limousine • Fordinho 1929

Shutterstock

• Simca 1967

• Chevrolet Bel Air • Jaguar S-Type • Limousine Cadillac Branca Informações acima e fotos ao lado: www.blacktielimousines.com.br

Shutterstock

Os modelos mais procurados são o Galaxie Landau no estilo antigo, por ser um automóvel clássico e confortável, além de ser um top de linha produzido no Brasil. Depois vem o Chrysler PT Cruiser, a Mercedes Classe E e a Mercedes SLK 320, um dos mais caros para locação.

Shutterstock

Apesar de muitos especialistas afirmarem que o carro precisa estar de acordo com a situação, em relação a cores e tamanhos e ao estilo da festa, o gosto dos noivos, sobretudo da noiva, é o que mais é levado em consideração. Vale lembrar que o modelo escolhido, além de luxuoso e elegante, deve ter um amplo espaço para não amassar o vestido, a cauda e o véu.

Divulgação Mercedes-Benz

estido longo, carros caros, luxo e glamour. Qual mulher nunca sonhou em transformar seu casamento em um verdadeiro conto de fadas? E para que isso se torne verdade todos os detalhes fazem a diferença, incluindo, principalmente, o carro que levará a noiva até a porta da igreja.


Cultura

O TEATRO

DENTRO DOS HOTÉIS

S

já perceberam esse excelente nicho de mercado, e em sua maioria estão construindo teatros em seus interiores, ou já saem com eles projetados ainda na planta, para poder abrigar grandes shows, peças e espetáculos.

As cidades mais visitadas estão cada vez mais construindo ou reformando seus grandes teatros, para oferecer sempre mais opções de peças para seus turistas. E os hotéis também

É o caso dos três hotéis localizados na cidade de São Paulo (SP) que oferecem esse diferencial. Cada um com seu tamanho e estilo, hospedam diferentes tipos de espetáculo. Vamos abrir as cortinas!

empre que se fala em lazer, lembramos de cultura. E como fazer turismo é uma forma de lazer, a cultura está inserida dentro de um passeio turístico, seja a um museu, a exposições de arte ou, como não podia ficar de fora, a um teatro!

TEATRO ALFA (Hotel Transamérica)

Jairo Goldflus

Estreou no dia 26 de março no Teatro Alfa, localizado dentro do Hotel Transamérica, na região de Santo Amaro, o musical Evita. Como já revela o nome, conta a história de Evita Perón, a primeira-dama argentina que se destacou por seus feitos públicos e morreu jovem, aos 33 anos. De origem humilde, batalhou até chegar ao posto que a consagrou. Com direção de Jorge Takla, a peça é contada por Che Guevara, amigo de Evita, em flashbacks. Evita é interpretada por Paula Capovilla, o consagrado ator Daniel Boaventura faz o papel do presidente argentino Juan Perón e o ator Fred Silveira, Che Guevara. Imperdível!

60

(Novotel São Paulo Jaraguá Convention) Ainda na linha das biografias, voltamos ao Brasil para contar a trajetória da cantora de MPB Nara Leão, musa da Bossa Nova com 25 anos de carreira, com importante envolvimento político e artístico na história do país, tendo sido amiga e apoiadora de Chico Buarque, Maria Bethânia, Fagner e muitos outros, com quem cantou e gravou versões em mais de 25 discos. Na peça, a atriz e cantora Fernanda Couto canta as 20 músicas mais famosas da cantora.

TEATRO RENAISSANCE (Hotel Renaissance)

Lenise Pinheiro

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

TEATRO JARAGUÁ

Especializando-se em espetáculos de comédia, o teatro traz uma temporada de stand-up, a nova febre no país. Na sexta, à meia-noite, acontece Comédia ao Vivo, em que Dani Calabresa, Fábio Rabin, Luiz França e Marcelo Adnet revezam-se no palco. Em 29 de abril estreia a comédia 6 Aulas de Dança em 6 Semanas, com direção de Ernesto Piccolo, contando a história de Lily (Suely Franco), de 72 anos, que resolve ter aulas de dança com Michael (Tuca Andrada), de 42 anos, e vão discutir temas como família, amigos, velhice, juventude, solidão, vaidade, preconceitos, liberdade, opressão e as alternativas para uma vida feliz e plena, independentemente da idade que se tenha.


A mulher grávida

GRAVIDEZ

tem uma condição que pode agravar

E VIAGEM AÉREA Aeroespacial e de Altitude e Atendimento a Turistas)

M

ulheres grávidas que irão voar em uma aeronave comercial devem seguir certos conselhos. Geralmente, não são permitidos voos em rotas internacionais acima de 32 semanas (8 meses) de gestação, sendo esta restrição aumentada para 36 semanas (9 meses) em voos domésticos. Muitas empresas aéreas solicitam um relatório de um obstetra contendo o estágio da gestação e detalhes apropriados. Isso é aconselhável para provar o tempo da gravidez, pois se existir alguma dúvida e essa mulher for encaminhada para o ambulatório médico do aeroporto, o mesmo pode não ter conhecimentos específicos na área para certificar a idade gestacional aproximada. A vestimenta de roupas soltas não irá enganar uma comissária astuta, mesmo no check-in ou na entrada da aeronave. Deve-se levar em conta também as datas de retorno do voo, para assegurar a legitimidade em se voar mesmo nos estágios mais avançados da gestação. O ideal é contatar pessoalmente a empresa aérea a respeito dos regulamentos para voo, particulares de cada companhia. Às vezes, empresas diferentes têm procedimentos e condutas diferentes para casos de mulheres gestantes. Também é aconselhável levar os registros das consultas de pré-natal, incluindo qualquer remédio que esteja sendo usado para tratamento, preferencialmente o nome do princípio ativo. As grávidas devem solicitar assentos no corredor quando for marcada a passagem, para facilitar a locomoção, devido ao risco de longo período de imobilidade, podendo levar a inchaços das pernas, tromboflebites e trombose venosa profunda, o que a gravidez, por si só, já contribui para aumentar o risco, prejudicando o retorno venoso das pernas e alterando fatores de coagulação. É de vital importância que grávidas caminhem pela aeronave a cada hora ou duas. Roupas apertadas devem ser evitadas, mas meias compressivas e sapatos bem confortáveis devem ser usados. E evite salto alto!

Shutterstock

Por Dr. Amaury Simoni (especialista em Medicina

certos incidentes relacionados ao vOo

Mulheres grávidas com uma história prévia de trombose e que irão voar devem discutir com seu médico a necessidade do uso de uma terapia anticoagulante. O cinto de segurança em determinadas partes do voo é obrigatório e deve ser usado, de preferência na parte baixa do abdome, logo acima da pelve. Esse é um local seguro tanto para a mãe quanto para o feto. Preferencialmente, mantenha o cinto afivelado durante todo o tempo em que estiver sentada. Anemia é muito comum na gravidez, um período para a máxima utilização das reservas de ferro, além da hemodiluição. Mulheres grávidas com anemias significativas não devem voar, a não ser por uma boa justificativa para tal. Grávidas com anemia falciforme não devem voar, a mesmo que seja por curtíssimo período, uma vez que a baixa pressão parcial de oxigênio, que ocorre dentro de uma aeronave, pode precipitar uma crise, que se manifesta com dores intestinais ou nos ossos. A mulher grávida está sujeita aos mesmos problemas que passageiros comuns, e às vezes sua condição pode agravar certos incidentes relacionados ao voo. Ter uma alimentação que produza menor quantidade de gases, boa hidratação, minimizar a ocorrência de jet leg (medicações para tal são contraindicadas) são alguns conselhos. A consulta prévia com médico qualificado ou mesmo com seu obstetra deve ser realizada com tempo hábil a fim de se decidir qual a melhor época para se viajar e sobretudo planejar a data de retorno, preferencialmente algumas semanas antes do término da gestação. Datas prováveis de parto podem ser muito imprecisas, e seus médicos devem prever certa faixa de tempo de segurança para minimizar eventos indesejáveis. Geralmente, entre 14 e 28 semanas de gestação não há razão para uma mulher saudável, sem complicações em gestações passadas ou na atual, não poder voar em aviões comerciais pressurizados. Após 28 semanas, voar passa a ser cada vez menos recomendado.

61 SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

saúde


Espaço TREND

TREND invade a Europa Visando entrar cada vez mais no mercado internacional, a TREND Operadora tem apostado forte nas feiras de turismo pelo mundo. Nos primeiros meses do ano, ela já participou de três feiras internacionais, respectivamente em Londres (Inglaterra), Lisboa (Portugal) e Berlim (Alemanha), além de marcar presença por meio de anúncios em publicações impressas, numa feliz parceria com o Jornal Mercado&Eventos.

62

De 9 a 13 de março, foi a vez de Luppa, juntamente com o diretor comercial, Daniel Santos, e a gerente de Negociações Internacionais, Flávia Oliveira, comparecerem na ITB Berlin (Alemanha), que contou com palestras de renomadas personalidades que falaram de negócios, política, ciência e tecnologia, tudo voltado para o turismo. A feira contou com mais de 11 mil expositores e 170 mil visitantes.

Arquivo M&E

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

No final de fevereiro, Luis Paulo Luppa, diretor-presidente, e José Carlos Anjos, diretorconselheiro da TREND, estiveram presentes na BTL – Feira Internacional de Turismo de 2011, que aconteceu em Lisboa (Portugal) de 23 a 27 de fevereiro no Parque das Nações. Com 980 expositores, a feira teve mais de 74 mil visitantes.

Arquivo M&E

A editora publicou para cada uma das feiras em que estava presente revistas com informações sobre o Brasil, cada uma na língua do país onde a feira acontecia. E, para acompanhar as publicações, a TREND Operadora traduziu um belo anúncio com paisagens brasileiras para quatro idiomas: inglês, italiano, espanhol e alemão.

Acima, ANÚNCIOS DA TREND PARA FEIRAS EUROPEIAS DE TURISMO EM ITALIANO, ESPANHOL E ALEMÃO. Meio, Diretor comercial, Daniel Santos e Gerente de negociações internacionais, Flávia Oliveira atendendo participante da ITB. Abaixo, gerente de arquitetura e engenharia de TI, Emanuel Lima, Flávia Oliveira, Luppa e Daniel Santos na ITB


Divulgação

Capital encerrará o 13º Workshop TREND

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

63

Está confirmado! A banda brasiliense de rock´n´roll Capital Inicial fará o show de encerramento do 13º Workshop TREND que acontece no Bourbon Atibaia no dia 1º de outubro de 2011. Como já acontece há algumas edições, os workshops da TREND Operadora sempre trazem nomes de peso para fazer o show que é a atração final do evento. Já passaram pelos palcos dos workshops nomes como Jota Quest, Alceu Valença, Daniela Mercury e Margareth Menezes.

A banda Capital Inicial, criada em 1982 na capital do país, é formada pelo vocalista Dinho Ouro Preto, Fê Lemos na bateria, Flávio Lemos no baixo e Yves Passarell na guitarra e tem como estilo principal o rock´n´roll. Em seu repertório estão músicas nacionalmente conhecidas, como Primeiros Erros, Natasha, Independência, Olhos Vermelhos, Quatro Vezes Você, Fátima, Música Urbana, A Sua Maneira, O Mundo, entre as mais de 200 que o grupo já gravou.

A TREND estará presente na 34ª edição da Aviestur, que acontecerá nos dias 15 e 16 de abril no Convention Center da cidade de Campos do Jordão (SP), região serrana do interior do Estado de São Paulo. A TREND terá um grande estande, no qual vai demonstrar seus produtos, principalmente as novidades internacionais, foco da empresa este ano. A operadora participa também como Patrocinador Platinum do evento.

A feira é um grande ponto de encontro de todas as agências de viagens, tanto do interior de São Paulo quanto de Estados vizinhos, como Minas Gerais. A edição do ano passado recebeu 2.817 agentes de viagens de 1.092 agências de turismo de 202 cidades, um aumento de 10% do ano anterior. Foram 1.400 expositores com 126 estandes, número que deve aumentar nesta edição. Nos vemos lá!

Arquivo TREND

TREND presente na 34ª Aviestur

estande da TREND Operadora em 2010


Espaço TREND

Presidente da TREND em destaque Aula Luis Paulo Luppa, diretor-presidente da TREND Operadora e autor do best seller O Vendedor Pit Bull, ministrou no dia 15 de março uma Aula Magna para as turmas de Turismo, Eventos e Hotelaria da Universidade Anhembi Morumbi, no campus Vila Olímpia, na capital paulista.

A Anhembi Morumbi tem programas de graduação regular e tecnológica, e pós-graduação lato e stricto sensu com mais de 27 mil alunos inscritos em suas sete escolas, e desde 2005 faz parte da Rede Internacional de Universidades Laureate, presente em 27 países.

Arquivo TREND

Ele explanou sobre o tema “A Valorização do Capital Humano nas Áreas de Turismo e Hospitalidade” e falou sobre a importância de se elevar o prestígio dos colaboradores.

Revista Ed. 03 / Fevereiro 2011

MIDAS PIT BULL

O escritor e palestrante Luis Paulo Luppa movimenta agora as viagens de negócios e o turismo

BOM NEGÓCIO Eventos e convenções aquecem hotelaria no país ESPAÇO FÉRIAS Os mistérios da ilha de Páscoa, o umbigo do mundo

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Reprodução

MERCADO As vantagens do cartão de crédito corporativo

Estilo:

O que vestir no casual day

Gastronomia:

Os melhores lugares de SP, RJ, BH e Campinas

Cultura:

A hora de Natalie Portman

Luppa também foi capa da edição 3 (fevereiro/2011) da revista Viagens s/a. Com a chamada de capa “Midas Pit Bull”, ele contou sua trajetória, desde que começou a trabalhar com vendas ainda jovem, suas aventuras e desventuras pelo mundo dos negócios, até se tornar o palestrante e escritor de sucesso que é hoje e o seu caminho até a presidência da TREND. A entrevista feita pela editora executiva da revista, Simone Galib, tem sete páginas com fotos de Luppa em sua sala na TREND e em algumas das mais de 930 palestras para as maiores empresas do Brasil e do mundo, em mais de 12 países. A revista tem uma tiragem de 50 mil exemplares e é distribuída gratuitamente nos aeroportos de São Paulo e em outros locais turísticos da cidade e do país.

64

O diretor-presidente da TREND marcou sua presença durante o Fórum Panrotas 2011, que aconteceu no prédio da Fecomércio em São Paulo (SP) nos dias 28 e 29 de março. No segundo dia do evento, Luppa foi um dos participantes do painel “Os Desafios e o Crescimento Invejável do Mercado Corporativo no Brasil”, que discutiu o avanço das viagens corporativas e como driblar os gargalos, que seriam as companhias aéreas e a mão de obra.

Arquivo TREND

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

Fórum

O painel foi aberto com a pergunta bombástica de quem era mais agressiva: a TREND ou a CVC? A questão foi feita pelo mediador Sidney Alonso foi para Alceu Vezozzo Filho (vice-presidente da Bourbon Hotéis e Resorts), que respondeu politicamente que cada uma era forte no seu segmento. Questionado sobre turismo e sua empresa, Luppa resumiu sua resposta em uma premissa: “Todo o trade tem que, cada vez mais, dar apoio e valor ao agente de viagens, pois ele é indispensável e nunca vai deixar de existir”.


Em 2010, a TREND bateu todos os recordes de vendas para o destino Argentina. Em reconhecimento a esse grande feito, os operadores argentinos convidaram todos os 15 gestores das filiais TREND para receber um prêmio em Buenos Aires (Argentina). Aproveitando a oportunidade, a equipe de vendas comandada pelo diretor de vendas Alexandre Camargo, estará realizando entre 17 e 21 de fevereiro a 1ª Reunião Internacional de Vendas, em que novas metas e objetivos serão traçados, fortalecendo ainda mais as estratégias da TREND para o mercado internacional. Para entender o peso que a TREND está dando para seus produtos internacionais, a reunião de vendas contou com a presença do diretor-presidente, Luis Paulo Luppa, que iniciou os trabalhos anunciando que este ano a TREND não

poupará esforços para se transformar na maior e mais bem preparada operadora de destinos internacionais do Brasil.

Arquivo TREND

Equipe de vendas bate recorde em Buenos Aires

Equipe de vendas conhecendo um dos destinos comercializados pela TREND

Segundo o diretor de operações, Roberto Araújo, que também está com a equipe de vendas em Buenos Aires, toda a estrutura de operações da TREND está sendo capacitada para atender os Agentes de Viagens com um serviço ágil e diferenciado. “Estamos formando uma equipe de consultores para atender a qualquer dúvida que os agentes de viagens tenham sobre nossos destinos internacionais”, comentou Araújo.

Departamento de TI alinha tecnologias e objetivos Arquivo M&E

Os mais de 30 colaboradores do Departamento de TI (Tecnologia da Informação), sendo que destes, 15 acabaram de ingressar na Equipe de TI reunida em São Paulo área, reuniram-se em São Paulo (SP) no mês de fevereiro para um dia inteiro de treinamento e troca de informações.

ao diretor Cumagai, representando o trabalho em equipe, a velocidade, o comprometimento e a exatidão com os prazos, que comparou com as voltas que acontecem numa verdadeira corrida de Fórmula 1.

Todo esse trabalho visa melhorar ainda mais o sistema da TREND Operadora, que é 100% online e tido como um dos melhores do mundo, já premiado internacionalmente. Com a inclusão de novos produtos e novas melhorias, o aumento da equipe era uma O objetivo foi fazer um alinhamento de toda a equipe para necessidade premente, e esse treinamento veio para deixar esse apresentar a nova estrutura e a metodologia de trabalho, por time mais alinhado, diminuir o tempo das demandas e aparar as meio de palestras e dinâmicas de grupo. Comandada por Marcos arestas dos sistemas, tanto internos quanto externos. Cumagai, diretor de TI da TREND, a reunião trouxe Hélcio Honda, diretor da Honda Consulting, para falar sobre Governança de TI. A TREND, além de possuir um sistema 100% online, tanto para agentes de viagens quanto para os hoteleiros de seu Emanoel Lima, gerente de Arquitetura de Sistemas, comandou portfólio, possui seu faturamento e o acompanhamento de uma palestra sobre Gestão do Conhecimento, e Renato Pereira, vendas completamente integrados e que podem ser acesgerente de Projetos, falou sobre projetos para 2011. sados até remotamente, sendo um dos mais modernos do O diretor-presidente da empresa, Luis Paulo Luppa, que es- mercado. Após essa reunião só basta esperar muitas noviteve presente no evento, entregou um capacete de corrida dades em seu sistema para 2011!

SEGUE VIAGEM Abril/maio 2011

65


1 CLIQUE, MILHÕES DE SOLUÇÕES 130 promotores e 20 regionais de

Norte a Sul do Brasil.

Sistema

100% online e atendimento 24h trilíngue.

Mais de

3 milhões

de diárias comercializadas por ano!

Reservas Internacionais: 55 11 3041.7501 | 0800 773 7557 Reservas Nacionais: 55 11 3123.0333 | 0800 770 8555

Mais de 1.500 hotéis nacionais online.

Mais de 120.000 hotéis no mundo online.

A maior facilitadora do país para viagens corporativas.

Viagem é com agente. www.trendoperadora.com.br

Revista Segue Viagem Edicao 04  

Revista Segue Viagem Edicao 04

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you