Page 1


PÁGINAS Índice Onde encontrar...

06 08 Existe opção? 10 12 14 16 Fashion 20 Influências 23 24 Rede 3E 26 28 Capa 30 42 44 46 Água 53 56 Chimarrão 58 Dá pra diminuir?

Consumismo

Liberdade Holandesa Sociedade moderna

Orientação Sexual

E seCristãos fosse você? Perseguidos

Corrupção Política Somos responsáveis

Algum voluntário? Trabalho Voluntário Moda e Comportamento

Jovem: O Alvo da Propaganda

Missão mais que Possível

Existe JEC Pós-Casamento? Família jovem

Bullying: Você é uma vítima?

De quem é o problema?

2012: A Verdade Sobre o Fim

A História do Jovem Rico

A história do jovem sem Deus

A História do Jovem Rico

A história do jovem sem Deus

JecAção

Estou Grávida!

Casamento ou aborto? Tradições

Testemunho Digital

Sua cara na web


ABERTURA

“ Não devemos ver os jovens como garrafas vazias que precisam ser enchidas, mas sim como velas que precisam ser acendidas”

Roberto Chafar

Trabalhamos com a juventude e pela juventude porque acreditamos no potencial que cada jovem tem. E nosso objetivo como JEC do Brasil é ser justamente o fósforo que acende a vela juvenil, para que cada jovem possa cumprir o propósito para qual foi criado por Deus, e fazer resplandecer a luz de Jesus, fazendo a diferença na vida, na família, na igreja e na sociedade, dissipando com as trevas!

Com esse objetivo em mente, o ALÔ JUVENTUDE POCKET, é lançado. Uma revista em um formato contemporâneo, com assuntos atuais e relevantes para a vida do jovem, trazendo informação e formação. Desejamos a você uma boa leitura, que explore e aproveite da melhor forma possível, lendo, comentando e repassando adiante, como uma forma de influenciar mais e mais a sua geração! Que Deus o abençoe e que o Espírito Santo o guie nessa jornada. Pr. Charles Renner Presidente da JEC do Brasil

Alô Juventude Pocket Publicação: Jec do Brasil Tiragem: 1 mil exemplares Impressão: Gráfica Positiva Edição/Diagramação: Tioni Oliveira Os artigos publicados são de inteira responsabilidade de seus autores.


OUTRO MUNDO É POSSÍVEL

O Departamento Juvenil da AIPRAL (Aliança de Igrejas Presbiterianas e Reformadas da America Latina), a qual a IECB, e consequentemente a JEC do Brasil fazem parte, convida como jovens cristãos, a promover ações em nossos grupos juvenis sob o lema:

“Não renunciamos a nossos sonhos, mas damos as costas ao consumismo” Isso nos leva a refletir sobre nosso papel e a maneira como contribuímos para um mundo onde os valores morais e éticos estejam por cima das políticas de consumo. Que nós possamos participar dessa campanha nos conscientizando, levando isso as atitudes práticas. E que possamos mobilizar mais pessoas nessa campanha, pois Deus nos deu a terra para sermos mordomos dela, e não consumidores dela.

06

AJ POCKET


Por Pr. Charles Renner

Este é o tema que vem sendo proclamado nos últimos anos no Fórum Social Mundial. Como cristãos e cristãs estamos convencidos que não só é possível senão necessário. Qual é o papel da igreja e especialmente do jovem cristão na transformação necessária e possível do mundo criado, para que exista vida para todos e todas na terra onde Deus nos tem colocado como seu mordomo e representante?

Conheça algumas ações práticas dessa campanha: RECHAZAR o consumo de produtos que nos oferecem uma falsa identidade e que levam a perda cultural de cada país. UTILIZAR produtos artesanais nacionais que conservem a identidade de nossos povos, resgate e promovam as raízes latino americanas. RENUNCIAR ao consumo de produtos das empresas multinacionais que financiam a guerra e exploram a mão de obra do povo. ADQUIRIR produtos nacionais que ofereçam uma alimentação saudável e contribua ao desenvolvimento das economias solidárias. PROMOVER espaços de reflexão e analises da realidade com jovens das igrejas. DAR TESTEMUNHO a partir do apoio comunitário as comunidades menos favorecidas. CELEBRAR A VIDA em nossas igrejas e com jovens de outras igrejas cristãs. ANUNCIAR AS BOAS NOVAS de amor, paz e justiça que nos leva a vida em abundancia que Deus quer para todos e todas nós. // AJ POCKET

07


O país que legalizou a eutanásia, o aborto, as drogas, o ‘casamento’ entre homossexuais e a prostituição reconhece que essa posição não melhorou o país. Ao contrário: aumentou seus problemas. Em matéria publicada na revista Veja de 5 de março, sob o título “Mudanças na vitrine”, o jornalista Thomaz Favaro ressalta que, desde que a prostituição e as drogas foram legalizadas, tudo mudou nas ruas de De Wallen (foto de fundo), famoso bairro de Amsterdã, capital holandesa, onde a tolerância era aceita. “A região do De Wallen afundou num tal processo de degradação e criminalidade que o governo municipal tomou a decisão de colocar um basta. Desde o início deste ano, as licenças de alguns dos bordéis mais famosos da cidade foram revogadas. Os coffee shops já não podem vender bebidas alcoólicas nem cogumelos alucinógenos, e uma lei que tramita no Parlamento pretende proibi-los de funcionar a menos de 200 metros das escolas. Ao custo de 25 milhões de euros, o governo municipal comprou os imóveis que abrigavam dezoito prostíbulos. Os prédios foram reformados e as vitrines agora acolhem galerias de arte, ateliês de design e lojas de artigos de luxo”.

08

AJ POCKET


Foto: Rungbachduong

Um dos países mais liberais do mundo, está em crise com seus próprios conceitos.

APÓS APOIAR A LIBERAÇÃO DAS DROGAS E DA PROSTITUIÇÃO, 67% DA POPULAÇÃO HOLANDESA É, AGORA, A FAVOR DE MEDIDAS MAIS RÍGIDAS. Baseado em dados da revista Veja de 05 de março de 2008.

A matéria destaca ainda que a legalização da prostituição na Holanda resultou “na explosão do número de bordéis e no aumento da demanda por prostitutas”. Nos primeiros três anos de legalização da prostituição, aumentou em 260% o tráfico de mulheres no país. E a legalização da maconha? Fez bem? Também não. “O objetivo da descriminalização da maconha era diminuir o consumo de drogas pesadas. Supunham os holandeses que a compra aberta tornaria desnecessário recorrer ao traficante, que em geral acaba por oferecer outras drogas (…)”. O problema é que Amsterdã, com seus coffee shops, atrai ‘turistas da droga’ dispostos a consumir de tudo, não apenas maconha. Isso fez proliferar o narcotráfico nas ruas do bairro boêmio. O preço da cocaína, da heroína e do ecstasy na capital holandesa está entre os mais baixos da Europa”, afirma a matéria da Veja. Estudiosos e criminologistas da Universidade de Amsterdã, afirmam que hoje, a população está descontente com essas medidas liberais, pois elas criaram uma expectativa ingênua de que a legalização manteria os grupos criminosos longe dessas atividades. Pesquisas revelam que 67% da população holandesa é, agora, a favor de medidas mais rígidas. E ainda tem gente que defende que o Brasil deve legalizar a maconha, o aborto, a prostituição, etc, citando a Holanda e outros países de primeiro mundo como exemplos de ‘modernidade’. Dessa ‘modernidade’, não precisamos! Nunca! // AJ POCKET

09


MULHER CANADENSE CRIADA POR HOMOSEXUAIS, PEDE AOS GOVERNANTES QUE PROTEJAM O VERDADEIRO CASAMENTO. Em seu relato, Dawn Stefanowicz explica que devido a uma enfermidade grave da sua mãe deveu ficar aos cuidados de seu pai homossexual quando ainda era uma

A sociedade brasileira está se tornando cada vez mais tolerante com o avanço dos movimentos homossexuais e suas conquistas, diante disso, devemos nos fazer alguns questionamentos e pensar algumas respostas:

QUAL É O PLANO DE DEUS NO QUE SE REFERE À SEXUALIDADE?

Em Gn 1 e 2 percebemos que o casamento é uma instituição sagrada, onde a ordem é a formação da família, ou seja, o casamento é constituído por homem e mulher, portanto a humanidade coloca em risco todo plano de Deus com a prática da homossexualidade. E QUAL DEVE SER A NOSSA POSTURA ENQUANTO CRISTÃOS DIANTE A PRÁTICA DA HOMOSSEXUALIDADE? Todas as respostas que precisamos, encontramos na Bíblia, pois ela é clara quanto à condenação da prática da homossexualidade. Podemos observar em Rm 1 que a prática homossexual já é uma forma de condenação para todos aqueles que abandonaram os planos de Deus, e se é condenação isso quer dizer que haverá sofrimento nessa prática. 10

AJ POCKET


Por Leila Werner

menina. “Estive exposta a um alto risco de enfermidades de transmissão sexual devido ao abuso sexual, aos comportamentos de alto risco do meu pai e a numerosos casais”, relata. Ontario, Canadá.

É importante ressaltar que, conforme o texto de Jo 13:34 devemos amar a todos independente de suas práticas. Porém não devemos concordar com o pecado (1Jo 2:15), ou seja, devemos odiar e condenar o pecado mas não a pessoa que comete o pecado, o que indica que ao contrário de excluir, desprezar, devemos repreender as pessoas que possuem preferências homossexuais, levá-las ao arrependimento e orientá-las de forma que encontrem a felicidade nos planos de Deus (Gl 6:1). De acordo com o texto de 1Cor 6:9-11, os injustos não herdarão o reino de Deus, mas se reconhecerem o seu pecado, forem santificados e justificados em Cristo, serão libertados da escravidão do pecado, que traz a morte eterna (Rm 6:23). Devemos por tanto ter uma postura firme, embasada na palavra de Deus, para saber lidar em meio a esta situação, sem deixar de fazer a vontade do Pai. “E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus Rm 12:2”. //

AJ POCKET

11


Por Priscila Fróes L. Jungbeck

No dia 13 de Maio de 2004, Hellen Berhane, uma cantora evangélica de 32 anos, que estava sendo perseguida por pregar o evangelho na Eritréia, África, foi presa pouco depois de lançar um álbum, que estava se tornando muito popular entre os jovens. Hellen se recusou a acatar ordens de lideres do ministério da defesa “Operação 5” para que assinasse um documento renegando sua fé em Cristo e para que prometesse parar de cantar e de participar de qualquer atividade cristã na Eritréia. Hellen ficou presa por dois anos em condições desumanas e degradantes, dentro de um contêiner de metal usado como cela. As autoridades, segundo relatos, a torturaram por várias vezes para fazê-la renunciar a sua fé. Mas Hellen resistiu, e ela conta que através da oração sentia seu coração cheio de paz e de esperança. Em outubro de 2006 Helen foi solta, e cuidada pelos membros da missão Portas Abertas. A Bíblia diz para orarmos uns pelos outros (Tg 5:16), para levarmos as cargas uns dos outros (Gl 6:2) e para sermos bons despenseiros da multiforme graça de Deus (1Pe 4:10). A PORTAS ABERTAS existe para servir aos cristãos perseguidos. Esse ministério é um canal para que nós, cristãos da igreja livre, possamos conhecer, interceder e encorajar os nossos irmãos que são perseguidos por crerem no único salvador Jesus Cristo. Os cristãos que sofrem perseguição por causa da fé em Jesus dependem de pessoas como nós, brasileiros. Dependem de pessoas disponíveis espiritualmente para orar, para ajudálos financeiramente, para enviar palavras de encorajamento, para falar em nome deles em nossas igrejas... Visite o site www.portasabertas.org.br e veja como você pode fazer parte de projetos que levam vida e crescimento espiritual para irmãos ao redor do mundo.// 12

AJ POCKET


Por Lucas Kreuz

12

AJ POCKET


Acredito sinceramente que Deus espera que eu exerça minha cidadania, e dessa forma contribua para um mundo melhor. A única forma de melhorar uma circunstãncia é se envolvendo, e enquanto o povo de Deus não assumir sua responsabilidade política, a sociedade vai ser liderada por homens de caráter duvidoso. Graças a Deus que, ao menos, existe uma minoria convertida no poder legislativo, judiciário e executivo. Há muitos anos o Brasil vem sendo palco de vários escândalos políticos, e diversas instituições tentam avaliar o tamanho da corrupção política no Brasil. Algumas chegam a falar em 6% do PIB nacional (produto interno bruto). A Fundação Getúlio Vargas (FGV), uma das entidades mais respeitadas do Brasil lançou pesquisas recentes onde avalia o desvio do dinheiro público no Brasil entre 1% e 4% do PIB. Por motivos óbvios, é muito difícil quantificar o dinheiro desviado no Brasil, mas com uma leitura extremamente otimista podemos dizer que é pelo menos 0,5% do PIB nacional. O PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil em 2010 foi estimado em 3,67 trilhões de reais. 0,5% disso é aproxidamente 18 bilhões de reais. Só para ter uma idéia desse número, se nós tivéssemos pessoas dizimistas, com um salário de R$ 900,00, e que ofertassem R$ 90,00 para alimentar os necessitados, precisariamos de 200 milhões de brasileiros para ofertar esse valor em um mês. Isso é mais que toda a população do Brasil. Lembrando que a corrupção é apontada como muito maior que 0,5% PIB ou 18 bilhões, e que a maioria das pessoas não ganha R$ 900,00, não oferta 10% do que ganha e tampouco a igreja consegue dedicar esse valor para obras sociais. Será que não estamos “coando o mosquito e engolindo o camelo”? Será que ser um cidadão omisso é menos pecado do que não ofertar para a obra de Deus? Se amamos o próximo não podemos compactuar com esse rio de dinheiro que é desviado todos os anos no Brasil, enquanto tantos passam fome e ao mesmo tempo em que nós mesmos fazemos uso de serviços de educação e saúde com qualidade ruim. Que Deus nos ajude a assumir nossa responsabilidade política. // AJ POCKET

15


Por Daniele Jungbeck

“A gente vê que para o jovem, tão importante quanto ter um trabalho estável, com segurança financeira, é ter um trabalho que traga também satisfação pessoal. Trabalho e felicidade é uma busca muito forte dessa geração jovem”. Diz o sociólogo Gabriel Milanez.

16

AJ POCKET


O trabalho voluntário faz bem para as pessoas e para o currículo. O jovem voluntário é visto como uma pessoa pró-ativa, com grande capacidade de se adaptar a novas situações. Muitas empresas consideram a ajuda ao próximo como um diferencial na hora de contratar para o primeiro emprego. Por isso crie em seu currículo um item para incluir o ano e o local em que você foi voluntário. A pesquisa conduzida por uma empresa de comportamento revelou ainda um dado curioso: só 5% dos jovens brasileiros sonham em ficar ricos. “A nossa grande descoberta é que o jovem pensa no trabalho numa forma de expressar quem ele é e qual a relevância que ele pode ter para a sociedade” explica o sociólogo. Fonte: G1 AJ POCKET

17


Podemos perceber que principalmente os jovens, têm visto a necessidade e a importância do trabalho voluntário e que este tem sido um diferencial nas suas vidas e em seu currículo. Para nós, que cremos em Deus, o trabalho

Podemos, através do trabalho voluntário, ser instrumentos para que as pessoas tenham a vida em abundância que Jesus conquistou para elas. (Jo 10:10)

voluntário pode ser muito mais do que uma oportunidade de melhorar o currículo e adquirir experiência. Precisamos lembrar que nossa missão não é somente pregar o evangelho, mas sim viver o evangelho do reino de Deus e fazer esse reino conhecido por todos. Que Deus encontre em cada um de nós disposição para servir, encontre também um coração sensível para perceber a necessidade do nosso próximo e compaixão para demonstrar o amor de Deus da mesma maneira que Jesus fazia: servindo, curando, abrindo mão do seu tempo e da sua vida.

MAIS NA WEB Acesse o site

www.voluntariosonline.org.br

e encontre mais informações sobre ações de voluntariado próximas a você. 18

AJ POCKET


10VOLUNTÁRIO SER DICASPARA UM

01

ÁREA DE ATUAÇÃO Escolha uma com a qual tenha afinidade. Seja ela: ajuda a populações carentes, educação, meio ambiente...

02

TIPO DE TRABALHO Dê preferência a uma atividade que já conheça. A entidade conta com você para ajudar a resolver problemas de forma eficaz.

03

ESCOLHA DA ENTIDADE Pesquise a cerca das entidades de sua cidade, conheça os objetivos e necessidades de cada uma delas antes de escolher em qual atuar.

04

INFORME-SE SOBRE O TRABALHO Visite a entidade antes de começar e procure saber exatamente qual é o trabalho que esperam de você.

05

LOCALIZAÇÃO DA INSTITUIÇÃO Para facilitar as visitas, prefira uma entidade perto de sua casa, trabalho, escola ou faculdade.

06

CONHEÇA A ENTIDADE Não tenha vergonha de fazer perguntas sobre a instituição. Procure saber quem manda, como é administrada e se tem existência legal.

07

SERIEDADE PROFISSIONAL O trabalho voluntário exige o mesmo grau, se não maior, de dedicação e profissionalismo que o necessário em uma empresa.

08

NÃO ESPERE ELOGIOS Seja humilde, não espere ser paparicado por estar ajudando.

09

TOLERE CRÍTICAS Não desanime se as pessoas não baterem palmas nem vibrarem com seu trabalho.

10

NÃO DESISTA A experiência pode não dar certo na primeira vez. Tente de novo em outra entidade porque tem muita gente precisando de sua ajuda. //

AJ POCKET

19


MODA e comportamento

“C O SE ME XIS RC MO IAL AT CO RA M “A SA GIS Po min DO EL l i í s ”D EM qu tica tra e IZ s O pe d p a MI STR a a NI a la m pro ra M Se ST A ter mulh odel paga ulhe cret RA . rep um er c o Gi nda res, aria s a r o I d N e r e mu en co mo le iny ac e em lher dida ndiç um Bün ling Lop iona ca ent tem , pr ão i ind dche erie es, l d no racte revis boc ecisa gual ivíd n e estr diss e es tícia riza ta à a pa se itária uo q stere elad e de tar v ruim com TV E ra fa vale , ou ue, otip a atr cert estid ap o co stad lar” r do nã par a , a o as o r e ad e e a no nas reto ão. “A afirm corp se o e rra rm am p ou o. “ r d a e r A o su do lm e lin ulh pa Irin pe rad cara nte. geri er d gan y, o.” cte Es e e ar u da riz sa Re a u d erra ma vis m efin do ta se içã Ve xis o ja, mo ou

A

tub

ro

de

20

11 .

Por Angela Schumann e Leila Werner

matéria acima demonstra a construção de estereótipos e conceitos que a mídia e a moda propõem às pessoas como verdades absoluta, influenciando nitidamente na forma de como devemos nos comportar, pensar e falar. Diante disso, nós, como Jovens Cristãos, precisamos criar uma identidade onde podemos fazer a diferença para Jesus neste meio, exercitando os valores cristãos. Portanto, segue ao lado algumas dicas no que se refere à moda evangélica. 20

AJ POCKET


Seja elegante e não extravagante, pois tudo o que é em excesso é desnecessário.

Não importa o que você tem, mas a forma como você se comporta perante a vida, portanto, seja ponderado nos pensamentos, nas palavras e nas atitudes.

Para impor respeito não é necessário grosseria, apenas uma expressão facial pode mostrar o quanto você está insatisfeito com uma atitude que não condiz com suas convicções.

A boa aparência deve permanecer quando a boca se abre. Existem palavras e expressões que podem tirar o encanto da face mais formosa.

Rótulos saem com facilidade, mas o conteúdo permanece, ou seja, você pode até ter uma roupa de marca ou da moda, mas o mais importante é que você conheça a palavra de Deus para pregar o Evangelho.

Não é necessário usar um “belo decote”, uma peça de roupa curta, uma maquiagem exagerada, deixar as roupas íntimas a mostra, dar risadas muito altas ou gritos extravagantes para ser notado, mas basta um belo sorriso, cordialidade, uma atitude humilde e sincera para ser elegante.

Cuidar da higiene pessoal é essencial, portanto, escovar os dentes, ter barba e cabelos bem cuidados, tomar banho, depilar-se, usar desodorantes, perfumes e colônias não é só para quem tem dinheiro, pois é uma necessidade básica.

AJ POCKET

21


Nem tudo que “está na moda” deve ser usado por um filho e servo do Senhor. “...todas as coisas me são lícitas,

mas nem todas as coisas edificam.” 1Co 10:23

No seu trabalho seja confiável, honesto, ético, evite situações constrangedoras, fale sempre a verdade, de modo que as pessoas percebam que você é cristão também pelas suas atitudes. Cuidar da higiene pessoal é essencial, portanto, escovar os dentes, ter barba e cabelos bem cuidados, tomar banho, depilar-se, usar desodorantes, perfumes e colônias não é só para quem tem dinheiro, pois é uma necessidade básica.

Moda é o que todo mundo usa, mas o estilo é particular. Seja você mesmo. Se você está em dúvia sobre alguma coisa ser certa ou errada, vá para o seu quarto, dobre os seus joelhos e peça a benção de Deus sobre o assunto (Col 3:17). Se você não puder fazê-lo, aquilo é errado (Rm 16:23).

Para concluir, nosso corpo é templo do Espírito Santo, e se Deus habita em nós, devemos cuidar dele com responsabilidade, segundo 1Ts 4:7 nós não fomos chamados para a prática do pecado, mas para a santificação. // 22

AJ POCKET


Por Leila Werner

“(...) Dentro da cidade do rock, as vestimentas escuras ostentam uma profusão de frases como “O martelo da justiça vai te esmigalhar”, “Perder toda a esperança é alcançar a verdadeira liberdade”, em meio às caveiras e o sangue de nomes de bandas pouco conhecidas como Septic Flesh e Killswitch Engage. Al Qaeda, a seleção da Alemanha, o Cristo Redentor e Seu Madruga também decoram o pano preto do Rock in Rio.” Revista ÉPOCA, 25 de Setembro de 2011 A onda de camisetas pretas no Rock in Rio, mostra o poder de influência que atualmente tem atraído os jovens e a impressionante forma com que os mesmos têm sido persuadidos a aderirem alguns movimentos na necessidade de satisfazer suas necessidades emocionais, tornando o jovem escravo do consumo. Atualmente há um mercado específico que regula os hábitos de consumo, e a faixa etária que compreende a juventude é bombardeada pela publicidade e pela moda, já que o jovem é um consumidor em potencial, que ao mesmo tempo necessita de independência e possui pouco poder aquisitivo para saciar a sua ansiedade em sentir-se amado, aceito e poder ter liberdade de expressão. Em João 3:16 diz que nós podemos nos sentir amados e aceitos porque não há amor maior do que encontramos em Deus, a ponto d’Ele dar o seu amado filho a nosso favor, e com o texto de Gálatas 5:1 podemos ter a certeza que em Cristo nós temos a verdadeira liberdade, mas que devemos evitar aquilo que nos escraviza, que nos torna cegos e que preenche superficialmente o nosso vazio. // AJ POCKET

23


Por Pr. Lic. Paulo Celso da Silva

Jesus nos deixou as instruções da Grande Comissão, em Mt 28:18-20, como forma de povoar o céu. Ele veio para buscar e salvar o perdido; Deus escolheu criar o homem, resgatá-lo de sua condição, e usar homens para resgatar outros homens. Fazer discípulos é o único modo de desenvolver crentes saudáveis, que se reproduzirão em sua própria área de atuação. Os lideres destes crentes saudáveis e que se reproduzem podem, então, ser enviados para as Judéias, Samarias e outras regiões remotas do nosso mundo. O discipulado leva à reprodução e, finalmente, à multiplicação, que são o projeto e o método de Deus para alcançar o mundo. Porém, muitas igrejas ignoram, em grande parte, este processo, e a obra e causa de Cristo tem sofrido grandemente. Quero encorajar tanto quem tem dúvidas sobre a necessidade de fazer discípulos, quanto os que anelam por tornar isso real em sua igreja, pois todo discípulo deve fazer discípulos. Jesus deu a ordem aos apóstolos, que representavam o melhor e o pior da humanidade. Como nós temos a mesma capacidade e a mesma responsabilidade dos discípulos originais (os doze que aprenderam diretamente de Jesus), todo discípulo contemporâneo é tão capaz de responder ao chamado quanto os doze foram. Fazer discípulos inclui conduzir pessoas a Cristo, edificá-las na fé e enviá-las ao campo de colheita. Pensando nisso e preocupada com a missão que Jesus nos deixou a JEC do Brasil apresenta a todos um movimento radical com o único propósito de Evangelizar, Edificar e Enviar os jovens: A REDE 3E. O objetivo da REDE 3E é retornar ao cerne da grande comisão evangelizado aos perdidos (os que não conhecem a Cristo), Edificando aos novos convertidos e enviando os “edificados” a fazerem novos discípulos. Para alcançar o objetivo, a REDE 3E conta com você! Faça parte deste projeto. Unindo nossas forças iremos transformar o mundo. Você não estará sozinho nessa batalha, terá material didático de apoio, bem como encontros de edificação e preparo (Pré-congresso), e o mais importante de tudo e de todos, Jesus estará com você, assim como Ele mesmo prometeu em Mt 28:20. // 24

AJ POCKET


AJ POCKET

23


EXISTE JEC PÓS-CASAMENTO? Por Tioni e Nádia Christmann Oliveira

Foi-se o tempo que as ligas, encontros e congressos da JEC eram exclusivamente para os jovens solteiros e namorados. Embora seja grande o número de casais que deixam de participar das programações da JEC após o casamento, cresce a cada congresso a quantidade de “novas famílias” engajadas no departamento jovem da IECB.

Um caso interessante é o do casal Jefferson e Daiana Schulz, de Marechal Cândido Rondon no Paraná. Casados há 8 anos, participam ativamente das programações da JEC local, regional e nacional, sempre na companhia de seus filhos: Davi (06), Matias (04) e Isaque (02). Eles acreditam que a participação das crianças desde cedo no ambiente junto com os jovens, pode influenciar no interesse dos filhos pela JEC no futuro, e conseqüentemente pelas programações da igreja como um todo. “Participamos não por eles, mas por nós. Ainda somos jovens, e além do primordial que é busca por Deus, gostamos do ambiente e dos amigos que temos lá. Adaptamos a nossa participação conforme a possibilidade dos nossos filhos, quando eles podem ir, então nós vamos”, completa Jefferson.


Eles lembram ainda que na adolescência quando participavam dos programas da JEC, haviam casais no grupo de jovens, e este fato também os incentivou a continuar no grupo após o casamento. “No congresso de 2007 em Pato Bragado – PR, o Davi tinha 1 ano e 11 meses e eu estava grávida do Matias. Naquele congresso decidimos que era possível continuar participando das programações da JEC mesmo com os filhos pequenos”, diz Daiana.

Congresso 2007 Pato Bragado - PR

“Eu lembro do acampamento que tinha uma gincana. Eu ajudei minha equipe fechar os furos do barril azul, com os dedos”, conta Davi, o filho mais velho, falando do Cristo Vale 2011.

Após o casamento, Jefferson foi por quatro vezes presidente da sua liga de jovens e participa da atual diretoria além de outras atividades da igreja. Daiana é professora do culto infantil, onde além de seus três filhos ensina também outras crianças da comunidade. Trabalhando continuamente na obra do Senhor, essa jovem família mostra que a juventude não acaba quando começa o casamento. // AJ POCKET

27


“Estudante diz ser vítima de bullying e que chegou a ser ferido com canivete. Adolescente disse que há sete meses apanha constantemente de cinco colegas.” G1, agosto de 2011

Considerando a relevância do tema nos nossos dias, informamos que o bullyng, termo de origem inglesa, é utilizado para qualificar comportamentos agressivos no âmbito escolar, praticados tanto por meninos quanto por meninas. Os atos de violência (física ou não) ocorrem de maneira intencional e repetitiva, onde os “mais fortes” utilizam os mais frágeis como mero objeto de diversão e poder, com o intuito de humilhar e amedrontar sua vítima.

A vingança não é um bom caminho. Ela traz mais lenha para o fogo e acaba machucando outras pessoas. Mas, nossa atitude precisa ser a de denunciar! Não podemos nos calar frente às injustiças. Se não denunciamos, a justiça entende como se fossemos cúmplices. E tenho a certeza que você não quer compactuar com esses bullies que são como uma lata vazia: podem fazer barulho, mas não tem nada por dentro! Estão vazios....

Discuta o assunto na sua escola, com sua família e grupos a que pertença. Quanto o número de informações e mais pessoas participarem dessa discussão, o caminho das possibilidades vai se ampliando e ganhando formas para encorajar as vítimas a procurar ajuda.

Os bullies (agressores) costumam atacar vítimas que possuem algo que destoa do grupo, como os tímidos, os nerds, os muito magros, os que possuem credo, raça ou orientação sexual diferentes, etc. Na verdade, não há justificativas aceitáveis para a escolha, mas certamente os alvos são aqueles que não conseguem agir frente às agressões sofridas. Todavia, parece que esse fenômeno vem ganhando forças, aumentando o número de vítimas e a gravidade da agressão.

Você pode estar pensando que esse assunto é “papo” para a escola resolver. Porém, se você pertence ao grupo dos jovens radicais, que seguem a causa de Cristo, com certeza possui fome e sede de justiça!

Seja profeta dessa geração! Denuncie a maldade no coração humano e anuncie o caminho da perfeita justiça de Deus. //

Estadão, maio de 2010

“Jovem é morto devido a suposto caso de bullying em Porto Alegre.”

AJ POCKET

28


Por Gismara Wingert Renner

Fontes: Cartilha 2010 – Justiça nas Escolas .Org. Daniel Issler www.bullyngnaoebrincadeira.com.br

29

AJ POCKET


28

AJ POCKET


AJ POCKET

29


A PROFECIA BÍBLICA É CLARA E PRECISA

Assim como muitas profecias bíblicas já se cumpriram literalmente no tempo e no espaço e são historicamente verificáveis, outras ainda esperam seu cumprimento futuro e algumas estão se cumprindo hoje, diante dos nossos olhos. O cumprimento passado já seria mais do que suficiente para nos convencer da veracidade e da precisão daquilo que Deus manda anunciar antecipadamente. O próprio Senhor Jesus usou a profecia como argumento para legitimar sua credibilidade, por exemplo em Jo 13:19, onde Ele disse: “Desde já vos digo, antes que aconteça, para que, quando acontecer, creiais que Eu Sou”, e repetiu em Jo 14:29: “Disse-vos agora, antes que aconteça, para que, quando acontecer, vós creiais”. Ao crermos que a Bíblia toda é a Palavra do Deus vivo, também cremos que as profecias nela relatadas são igualmente Palavra de Deus. Não existe razão para negligenciarmos uma parte tão extensa das Sagradas Escrituras (28%!) a não ser nossa preguiça mental e nosso comodismo. O fato de muitas seitas e heresias usarem as profecias bíblicas de forma deturpada e arrancadas de seu contexto, também deixa muitos cristãos receosos de se aprofundar naquilo que a Bíblia tem a dizer sobre as coisas que virão. Mas estudar o que a Bíblia ensina sobre o futuro tem enorme valor na nossa caminhada com Jesus, e de forma alguma deveríamos ignorar ou deixar esse assunto de lado. Uma passagem clássica acerca do valor da profecia bíblica é 2Pe 1:19: “Temos, assim, tanto mais confirmada a palavra profética, e fazeis bem em atendê-la, como a uma candeia que brilha em lugar tenebroso, até que o dia clareie e a estrela da alva nasça em vosso coração”. Encaixando as profecias em seu devido lugar teremos luz na escuridão da época em que vivemos.

32

AJ POCKET


OS PRÓXIMOS EVENTOS SEGUNDO O CALENDÁRIO DE DEUS Segundo nosso entendimento, os próximos eventos a esperar são: O Arrebatamento da Igreja A Tribulação e o reino do Anticristo A volta de Jesus para instalar Seu Milênio

1 2 3

O ARREBATAMENTO Muitos cristãos têm dúvidas se Jesus voltará uma ou duas vezes. Acerca da volta gloriosa no Monte das Oliveiras existem menos dúvidas. Mas a vinda de Jesus para arrebatar a Sua Igreja parece envolto de incógnitas. É muito importante lembrar que essa vinda de Jesus para buscar Sua Noiva era um mistério até de ser revelado a Paulo, por exemplo em 1Co 15:51-52. Isso combina muito bem com o futuro ministério do Espírito Santo, que iria revelar coisas vindouras aos salvos por Cristo “...quando vier... o Espírito da verdade, ...vos anunciará as coisas que hão de vir” Jo 16:12-14. E uma dessas “coisas por vir” era o Arrebatamento, que Paulo descreve de forma tão vívida em 1 Ts 4:15-18, reforçando que “seremos arrebatados... para o encontro do Senhor nos ares”.

Em todas as épocas a espera pelo Arrebatamento foi a “bendita esperança” dos santos. E essa espera é uma característica de cada cristão verdadeiro, pois Ap 22:17 diz: “O Espírito e a Noiva dizem: Vem!” Esperar por Jesus é fundamental e básico, pois o que uma noiva espera acima de tudo é estar com seu noivo. Paulo escreveu aos tessalonicenses que eles tinham se convertido a Deus deixando os ídolos, passando a servir o Deus vivo e verdadeiro e “aguardando dos céus o seu Filho”! (1Ts 1:9-10). Então, o que falta para o Arrebatamento?

AJ POCKET

33


NA HORA MAIS NEGRA A Tribulação será um tempo “como nunca houve nem haverá jamais”. Nesses sete anos (dois períodos de três anos e meio), que também aparecem na profecia como “tempo, tempos e metade de um tempo” ou “quarenta e dois meses” o mundo conhecerá e experimentará o ápice dos juízos divinos. Deus vai julgar e castigar toda a maldade humana infligindo sofrimentos indizíveis aos homens e à própria natureza. Sabemos que, por causa do pecado do homem, a própria natureza está sujeita ao cativeiro da corrupção, gemendo e aguardando a revelação dos filhos de Deus. Então, quando a ira do Senhor tiver sido derramada sobre a terra e seus habitantes, Jesus voltará em poder e glória.

A VOLTA GLORIOSA DE JESUS No final da Tribulação Jesus voltará à terra para reinar. Seus pés estarão sobre o monte das Oliveira, em Jerusalém, em Israel. Seu reinado será de paz e justiça, concedendo aos homens o que a humanidade sempre desejou. Nesse reino de mil anos conhecido como Milênio, muitas profecias que ainda estão em aberto se cumprirão literalmente. A passagem mais clássica acerca dessa época maravilhosa é Is 65:25: “O lobo e o cordeiro pastarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; pó será a comida da serpente. Não se fará mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz o Senhor”. 34

AJ POCKET


TODA PALAVRA SE CUMPRIRÁ

O QUE O CUMPRIMENTO DAS PROFECIAS NOS ENSINA? Se Deus está cumprindo literalmente tudo aquilo que Ele prometeu ao mundo, a Israel e à Igreja, e se estamos observando e vendo muitos desses cumprimentos, é mais do que justificado que creiamos e confiemos que o Senhor também cumprirá todas as promessas relativas às coisas espirituais e invisíveis.

Um Deus que reconduz de volta à sua terra uma nação dispersa por quase dois mil anos não seria capaz de nos guardar do mal?

?

Não seria capaz de nos conceder paz no coração? Por que duvidaríamos do perdão dos nossos pecados? E da promessa de vida eterna? Talvez esse seja o maior benefício resultante do estudo diligente das profecias bíblicas. Ele deseja revelar Seus planos a Seus amigos, como o fez com Abraão no passado. E Jesus também nos chama de amigos Seus, que sabem o que faz o seu Senhor (Jo 15:15). Outro aspecto relevante diante das profecias se cumprindo é a prontidão. Jesus ilustrou a necessidade de estarmos prontos para o encontro com Ele através da parábola das dez virgens e por meio de muitos outros exemplos. Mas o que Ele queria era que estivéssemos sempre prontos e vigilantes. “Vigiai!” era uma ordem, um pedido, um alerta, certamente válido hoje mais do que nunca. AJ POCKET

35


ENTÃO, O MUNDO VAI ACABAR EM 2012?

De forma alguma. O que quer que aconteça em 2012, não será o fim do mundo. Este somente virá, no mínimo, daqui a 1007 anos, se Jesus vier ainda hoje para nos buscar. O resto é especulação e falsa profecia. A Igreja sendo arrebatada dará lugar à tribulação de sete anos, e depois ainda virá o Milênio. Mas por que será que as pessoas se inquietam tanto com profecias vãs e falsas enquanto negligenciam a palavra profética da Bíblia, tão firme e tão confirmada? Porque a profecia bíblica nos desafia a uma vida de santidade e obediência e quer conduzir o pecador ao arrependimento. Isso é desagradável à carne e ao homem natural, que prefere perecer em suas transgressões e pecados. 36

AJ POCKET


O ARREBATAMENTO DEPENDE DE SINAIS? Não. O único critério para que o Arrebatamento aconteça é a “plenitude dos gentios” (Rm 11:25). Quando estiver completo o número de pessoas salvas, quando a Igreja estiver plena, Jesus vem buscá-la. E esse número só Deus sabe. Por isso, a grande tarefa da Igreja é proclamar o Evangelho a todos os homens para que mais pessoas sejam ganhas para Cristo e a plenitude dos gentios seja alcançada o quanto antes.

O QUE SÃO OS “SINAIS DOS TEMPOS”? Todos os sinais dos tempos finais mencionados na Bíblia são sinais que acontecerão durante os sete anos apocalípticos. E hoje vemos muitos desses sinais começando a tomar forma. O palco apocalíptico está sendo montado passo a passo. Por exemplo, o controle total que o Anticristo exercerá mundialmente não pode acontecer de um momento a outro, pois é um processo gradual, um desenvolvimento paulatino. Ou o retorno de uma quantidade considerável de judeus à sua terra também vem se dando em etapas sucessivas. A restauração do quarto império, mencionado em Daniel 2, que sabemos ser a Europa moderna, é hoje uma realidade inegável e visível. A globalização é um fato. Os sinais já estão começando a se delinear nitidamente. O Apocalipse é cada vez mais viável.

AJ POCKET

37


O QUE VIRÁ DEPOIS DO ARREBATAMENTO? A partida da Igreja representará o fim da era da graça. Então Deus passará a trabalhar mais uma vez com Seu povo Israel. O vácuo deixado pelo desaparecimento dos salvos vai abalar o mundo, e entrarão em cena o Anticristo e o Falso Profeta, enganado e seduzindo o mundo, prometendo paz e segurança, porém escravizando as almas e as vidas, exigindo adoração como se fossem Deus e perseguindo Israel. Nessa fase negra da História, que a Bíblia chama de “angústia de Jacó”, começará a restauração espiritual de Israel. Hoje estamos vendo sua restauração nacional, mas somente quando a pressão do Anticristo for insuportável, essa nação se converterá a Jesus: “olharão para aquele a quem traspassaram” (Zc 12:10). A restauração nacional de Israel é uma obviedade para nós, pois já é fato consumado. Porém essa é uma profecia bíblica que veio a se cumprir apenas em 1948.

Jesus já havia anunciado que os judeus seriam espalhados pelo mundo todo e outra vez reunidos no fim dos tempos. E tudo se cumpriu. A restauração nacional de Israel é um sinal muito forte que prova que a profecia bíblica é verdadeira. A própria profecia é a prova de que Deus é o Senhor do tempo e o condutor de todos os eventos, tanto no mundo como na nossa vida pessoal. O que Ele promete Ele cumpre sempre! Desde que Israel voltou para a terra de seus ancestrais, o relógio profético de Deus está andando de forma mais acelerada. E já estão em curso muitos preparativos para a era que virá depois da era da Igreja. 38

AJ POCKET


A IMINÊNCIA DO ARREBATAMENTO Se os eventos e sinais da Tribulação já estão lançando diante de si as suas negras sombras, como deve estar próximo o Arrebatamento! A iminência desse acontecimento sempre esteve presente na história da Igreja, pois desde o início esta foi a sua “bendita esperança”. Mas atualmente existem muito mais razões e evidências para crermos que Jesus pode vir a qualquer momento para nos buscar.

AJ POCKET

39


O ARREBATAMENTO NÃO SERIA DURANTE A TRIBULAÇÃO?

Muitos exegetas colocam o Arrebatamento durante ou no meio da Tribulação. Mas algumas evidências e acontecimentos que ocorrerão no período apocalíptico excluem a presença da Igreja. Vejamos: o ministério das duas testemunhas (Ap 11:3-13) é irreconciliável com a atual dispensação da graça. Esses dois poderosos profetas judeus farão sinais extremamente poderosos como transformar água em sangue, jogar todo tipo de pragas tantas vezes quantas quiserem, fechar o céu para que não chova, podendo matar qualquer inimigo durante seu ministério de 1.260 dias. Esse falar de Deus através desses dois homens, que surgirão com o poder e o espírito de Moisés e Elias, é um falar diferente do que o de hoje, por meio da pregação do Evangelho e da atuação do Espírito Santo nos corações. Deus estará falando novamente a Israel, e, através de Israel, com o mundo. Será a linguagem de Deus como a que Ele usou no AntigoTestamento. Muitos dizem: Mas Deus não é o mesmo? Sim, Deus é o mesmo, ontem, hoje e para sempre. Mas seu falar muda, e Ele não age sempre da mesma forma. Por exemplo, hoje não mais sacrificamos animais. Deus não mudou, o que mudou foi Sua maneira de Se relacionar com os homens. Cremos que a Igreja será retirada e preservada da hora da tentação que virá sobre toda a terra. 40

AJ POCKET


PARA TERMINAR Só nos resta reforçar e repetir a exortação de Jesus em Mt 25:13: “Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora” e em Mc 13.37: “O que, porém, vos digo, digo a todos: vigiai!”. //

REINHOLD FEDEROLF

O AUTOR

Missionário alemão, artista gráfico e palestrante. Trabalha com a Obra Missionária Chamada da Meia Noite há 30 anos no Brasil, fazendo parte de sua diretoria. Ele viaja por todo o Brasil, com um grande ônibus-trailer, o VERBUS, representando a missão, palestrando nas mais diversas igrejas e divulgando a literatura cristã. Reinhold desenvolveu em seu ministério a pregação audiovisual que tem sido uma bênção para muitos.

AJ POCKET

41


Você sabia?

1 2

A copa do mundo no Brasil deve ser a mais cara da história, podendo chegar a R$75 bilhões (quase 20 vezes o orçamento da Usina de Belo Monte) e custando mais para os cofres públicos do que as três ultimas copas somadas. Os gastos de R$30 milhões somente com a festa do sorteio das eliminatórias foram patrocinados integralmente com dinheiro público da prefeitura e do estado do Rio de Janeiro, enquanto o governo se recusava a negociar o aumento do salário dos professores e bombeiros. Este dinheiro foi em grande parte “destinado” à Rede Globo e RBS, organizadoras do evento.

3

Só para as obras de infraestrutura de transportes no Rio de Janeiro, devem ser realizados mais de 3 mil despejos e remoções forçadas, também havendo intervenções e desapropriações nas outras cidades, inclusive Curitiba. Nas Olimpíadas de Pequim mais de 1 milhão de pessoas foram desalojadas. 42

AJ POCKET


4

O Município de Curitiba concedeu R$ 90 milhões em “potencial construtivo” (Lei nº 13.620/2010) para a realização das obras do estádio do Clube Atlético Paranaense - Arena da Baixa - além de ter isentado a FIFA e seus parceiros do pagamento de impostos até 2014 (Lei Complementar n. 77/2010). Serão gastos mais de R$ 200 milhões nas obras para os jogos da Copa, enquanto 60 mil famílias esperam há anos na fila da COHAB.

5

O Ministério dos Esportes está tentando aprovar uma Lei Geral da Copa, que entre outras coisas, cria juizados especiais criminais dentro dos próprios estádios de futebol (como já aconteceu em Curitiba) e tira do governo brasileiro o poder sobre a concessão de vistos para jornalistas e funcionários FIFA e torcedores portadores de ingressos.

6 7

O preço desses ingressos da Copa será estabelecido pela FIFA, que já teve várias denúncias de fraudes e irregularidades, e os valores para os principais jogos devem passar de R$1.000, podendo haver redução ou cancelamento da meia-entrada para estudantes. Em Curitiba, nos dias dos jogos da Copa, haverá uma zona de exclusão de 2 km de raio em torno da Arena da Baixada, onde apenas pessoas e carros autorizados poderão circular, o comércio ficará restrito às lojas oficiais da FIFA e apenas patrocinadores da Copa poderão realizar propaganda, anuncios e cartazes.

8 9 10

O Tribunal de Contas da União já identificou graves riscos de descontrole dos gastos públicos, falta de transparência, problemas nos contratos e superfaturamento das obras para a Copa do Mundo. Em todas as últimas Copas e Jogos Olímpicos foram construídos diversos “elefantes brancos”, obras gigantescas que se tornaram inutilizáveis para a população local. No Brasil, pelo menos 5 projetos de estádios estão na mesma situação.

Baseado nessas preocupações, mobilize-se! Acompanhe as informaçoes sobre os investimentos que estão sendo feitos para a copa. Cobre a transparência por parte do poder público de forma virtual, participando de campanhas e abaixoassinados em favor de uma copa justa e solidaria. Use a ferramenta da internet para participar desse movimento, para que um evento de alegria não se torne um tormento de muitos anos após a sua realização.

AJ POCKET

43


A história do jovem Rico. A história do homem sem Deus. Por Pr. Iran Goes

O texto abaixo nos traz a história de um jovem decidido! Ele tem sérios problemas no seu interior; há muitas perguntas sem respostas; há muito vazio sem que se encontre uma solução. Mas por providência divina e plano sagrado, Jesus passa na sua cidade, na sua rua, na sua vida.

17 “ Marcos 10:17-22

18 19 20 22 23 44

AJ POCKET

E, pondo-se a caminho, correu para ele um homem, o qual se ajoelhou diante dele, e lhe perguntou: Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna? E Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom senão um, que é Deus. Tu sabes os mandamentos: Não adulterarás; não matarás; não furtarás; não dirás falso testemunho; não defraudarás alguém; honra a teu pai e a tua mãe. Ele, porém, respondendo, lhe disse: Mestre, tudo isso guardei desde a minha mocidade. E Jesus, olhando para ele, o amou e lhe disse: Falta-te uma coisa: vai, vende tudo quanto tens, e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, toma a cruz, e segue-me. Mas ele, pesaroso desta palavra, retirou-se triste; porque possuía muitas propriedades.


As perguntas do tipo: quem sou, de onde vim? Para onde vou? Atormentavam a vida deste jovem rico e a vida de qualquer pessoa na face desta terra que não tem resposta para estas perguntas, que quando não são respondidas satisfatoriamente, roubam a paz, a alegria e o bem estar da pessoa, fica uma coisa no ar, sem expectativa. Mas ele encontra alguém que pode ajudá-lo nestas questões, nestas perguntas sem resposta da parte humana, da parta da vida em si; e ele parte sem detença a Cristo, porque ele vê e sente em Cristo a pessoa certa e indicada para auxiliá-lo! E vemos nesta decisão dele a forma certa de encontrar respostas para seus dilemas e questionamentos. 1. 10:17 Ele procurou a pessoa certa: Jesus! Jesus é a resposta certa para todas as inquietações que as pessoas tem no seus corações. Ele é a solução para as crises existenciais, para os dramas pessoais, do passado acusativo. Ele é a resposta da incerteza do futuro; 2. 10:17 Ele teve a atitude certa: se ajoelhou! Quando precisamos de alguma coisa, precisamos nos despir de toda arrogância e orgulho, principalmente se trata de ajuda na vida interior, de nossa alma insatisfeita e doente. Ele se ajoelha porque reconhece em Cristo é o Senhor da vida, mesmo sendo ele uma pessoa de muito poder aquisitivo e poder de influência naquela comunidade; 3. 10:17 Ele fez a pergunta certa: como ser salvo? Na busca de encontrar o vazio da sua alma, ele sabia que era algo a tratar de eternidade, sobre vida após a morte. Ele sabia que não tinha certeza de vida eterna, mesmo com muito dinheiro e posses, ele respeitava a morte! Não sabia o seu destino quando fosse encontrar com ela; 4. 10:21 Ele teve a resposta certa: segue-me! O único meio de salvação é Cristo; não adianta fazer nada para ser salvo pois Cristo já fez tudo o que era possível para que o homem encontrasse a salvação. A vida eterna só é possivel mediante a obra de Cristo na cruz do calvario e não de nenhuma boa obra de nossa parte, por mais cheia de boa vontade (Ef. 2:8-9); 5. 10:22 Ele tomou a decisão errada: rejeitou a Cristo! Ele não aceitou o convite do próprio Jesus, o autor e consumador da nossa salvação! Esteve com Jesus face a face e ainda assim voltou as costas à Ele. Teve a oportunidade da resposta para todos os seus dilemas, todos os problemas interiores, perder o medo da morte, sentir a vida cheia de vida, ter certeza de vida eterna! Mas não aceitou a condição: se render à Cristo. No caso deste jovem foram as riquezas, os prazeres deste mundo, as amantes e o status, que o fizeram rejeitar a oferta de Jesus. E você querido leitor, tem algum impedimento? Quais são as barreiras entre você e Deus? Lembre-se sempre que nada neste mundo vale a pena, por mais prazeroso que seja, porque tudo neste mundo passa, e nós temos que dar valor para aquilo que é eterno, e eternidade bem aventurada e feliz somente quando nesta vida, nos entregamos a Jesus e abandonamos tudo o que o Senhor não se agrada. Pense nisso! // AJ POCKET

45


Por Marcos Toebe

De acordo com o estudo “Tendências Demográficas” do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, a população evangélica brasileira cresceu quase sete vezes, de 1940 a 2000, passando de 2,6% para 15,4%, com mais de 26 milhões de pessoas. Ainda segundo o IBGE, o número de cristãos evangélicos cresce quatro vezes mais que a população em geral. De acordo com os professores Paulo Cristiano e João Flávio Martinez (Análise das Igrejas Evangélicas no Brasil - 2007), o crescimento do número de evangélicos é tal que se continuar no mesmo ritmo, a igreja evangélica no Brasil alcançará 50% da população no ano 2045. Segundo o Ministério de Apoio com Informação - MAI , em grande parte do país o percentual de evangélicos já ultrapassa os 20%, e em alguns estados, 35% da população. No segmento gospel estima-se que o faturamento, incluindo toda a cadeia (CDs, DVDs, livros, roupas, acessórios, shows), gira em torno de R$ 1 bilhão ao mês, segundo a gravadora MK Music. Os evangélicos ocupam espaços nobres em emissoras de TVs, de rádio e em sites na internet. Pode-se dizer que estão em todos os lugares. 46

AJ POCKET


Tendo conhecimento da magnitude do crescimento no número de evangélicos em todo o país, nos cabe uma pergunta:

Onde estão todos esses evangélicos ? Hoje, uma a cada cinco pessoas no Brasil, é ou se diz evangélica. Reflita: na sua cidade, é isso que você pode perceber? Temos visto o crescimento da quantidade, mas perdido as referências bíblicas da qualidade de ser cristão de verdade. Se representamos um quinto da população brasileira deveríamos estar impactando positivamente a sociedade. Infelizmente não é isso o que esta acontecendo, visto que os verdadeiros cristãos estão sendo cada vez mais oprimidos. Além disso, tem se proliferado todo o tipo de doutrinas que profanam a verdade cristã, nos levando a acreditar que todo pastor é ladrão e que os seguidores são “pobres coitados” que entregam tudo o que têm para a igreja. Pessoas pecando contra Deus e contra o Espírito Santo. Pessoas comercializando a fé e profanando templos e locais sagrados, como acontecia em Jerusalém na época de Jesus Cristo. Segundo o Pr. Paulo Júnior, muitas igrejas “evangélicas” estão levando mais pessoas para o inferno do que outras doutrinas e inclusive, ditadores, pois iludem os seus seguidores e ensinam coisas que não são da parte de Deus. >> AJ POCKET

47


Nós jovens Congregacionais, somos instigados por nossos pastores a buscar na Palavra o verdadeiro sentido de sermos seguidores de Cristo, e as responsabilidades que estão embutidas nessa escolha. A vida cristã nem sempre é próspera e fácil. Muitos dizem que precisamos aprender a negar a nós mesmos, carregar a cruz e estar dispostos a morrer por Cristo, mas no seu íntimo, você esta disposto a entregar sua vida pelo seu Salvador?

Não basta dizer “Jesus te ama” se não quebrantamos o nosso coração e não nos interessamos realmente em ouvir e ajudar as pessoas.

48

AJ POCKET


Como podemos dizer que estamos dispostos a renunciar a nossa vida por Cristo, se não conseguimos estender a mão a um irmão necessitado? O que você tem feito pelo enfermo, drogado, faminto, mendigo, prisioneiro e por todos aqueles que estão sedentos de alimento físico e espiritual? Como podemos espalhar as boas novas do evangelho, se não estamos preocupados com as pessoas? Falamos do amor de Cristo dentro do templo, e fora dele temos atitudes que não nos diferenciam das demais pessoas. Se cada cristão fizesse sua parte, o Brasil seria o palco de uma das maiores manifestações do poder de Deus. Para que isso de fato aconteça precisamos voltar às origens do cristianismo, ao primeiro amor, amor incondicional. Precisamos aprender a amar os nossos amigos e muito mais, nossos inimigos. Aprender a nos compadecer do sofrimento das outras pessoas e a nos preocupar com elas. Não basta dizer “Jesus te ama”, se não quebrantamos o nosso coração e realmente nos interessamos em ouvir e ajudar essas pessoas. De nada adianta admirarmos a maravilhosa criação, se continuarmos a poluir a cada dia mais o planeta para satisfazer nossas próprias vontades. Infelizmente todos sabemos disso, mas fazemos muito pouco para mostrar que Deus habita em nós. A Bíblia é enfática em afirmar que somos salvos pela graça por meio da fé (Ef 2:8-9) e não por nossas obras, mas também mantém a ênfase de que a fé sem obras é morta (Tg 2:17-18) . Dessa forma, precisamos amar as pessoas e toda a criação de Deus de todo coração. O JECAÇÃO é um projeto que dá oportunidade a você jovem, de fazer a diferença nessa sociedade mediante seu comprometimento, apoiado na igreja, mostrando de fato seu amor pelas pessoas e pela criação, como um todo. >>

AJ POCKET

49


JECAÇÃO: PASSADO, PRESENTE E FUTURO

Temos muito que aprender, mas estamos no caminho certo. O JECAÇÃO é um programa da JECB (JECBRASIL) que serve para incentivar a prática das boas obras entre a juventude congregacional, com a visão de ser o meio de promoção e capacitação dos jovens para a salvação e discipulado integral. Os principais objetivos estão direcionados na promoção de campanhas de ações sociais, educativas, ambientais, culturais, política e econômicas, entre outras. Nos primeiros anos deste programa, diversos projetos foram desenvolvidos e impactaram positivamente a vida de muitas pessoas em diferentes locais. Diferentemente de 2012, nos primeiros anos do programa, a temática foi de livre escolha por parte dos grupos de jovens. No ano de 2011, foram elaborados seis projetos, descritos brevemente abaixo: A JEC REI DAVI de Nova Santa Rosa - PR participou com o tema “Edificando Vidas” que teve o objetivo de levar o evangelho de Jesus as crianças e adolescentes que residem num loteamento do município, falando do amor de Deus e da salvação por meio de Jesus. O grupo JECSIÃO de Santa Rosa - RS participou com o projeto “Evangelizando através da arte cênica”. Esse projeto visa a ação evangelística por meio da arte cênica / teatral, em parceria com uma escola local, através da implantação de um grupo de teatro cristão, levando à comunidade escolar uma mensagem de paz e de esperança. O grupo JEDES de Esperança do Sul - RS elaborou um projeto denominado “Os Benefícios da Doação de Sangue”, com a finalidade de mostrar uma opção para quem quer ser diferente e provar que amar vale a pena, abençoando outras pessoas e incentivando estas a doar sangue. Em Rincão Fundo / Panabi - RS, o grupo de jovens JERF deu continuidade ao projeto “Farol”, que ensina e demonstra o amor de Jesus Cristo às crianças, em diferentes locais da cidade. O projeto no ano de 2011 foi ampliado para que mais pessoas pudessem ter acesso à mensagem de salvação desenvolvida pelos jovens participantes do JECAÇÃO na localidade. 50

AJ POCKET


Os jovens do grupo JESÉS de Vila ParaísoRS participaram com o projeto “Despertar” para resgatar pessoas dominadas pelo vício do álcool e fortalecer aquelas que já estão na luta contra a dependência. O projeto consiste peças teatrais com os jovens do grupo, abordando as conseqüências do alcoolismo, com posterior apresentação nas escolas municipais e estaduais, grupos de alcoólicos anônimos e também na Igreja IECB de Vila Paraíso. Por fim, o grupo de jovens JV.COM de Curitiba - PR participou com o projeto “Pracinha do Samuca” que se refere à construção de pracinhas de lazer e entretenimento para dois bairros de Colombo - PR. Essas pracinhas servirão de espaço de entretenimento, lazer e aprendizagem para as crianças, onde terão a oportunidade de ouvir a voz de Deus, e de serem marcadas pelo poder transformador de Cristo. Desde já parabenizamos esses grupos de jovens pelo empenho em proclamar o amor de Jesus para as outras pessoas, e também contribuir na melhoria da qualidade de vida das mesmas. Agradecemos também a todos os grupos de jovens que durante o ano de 2011, mesmo sem projeto junto ao JECAÇÃO, se empenharam em conquistar outras pessoas para Cristo. Para o ano de 2012, a temática central é direcionada para a ÁGUA. Estudos apontam que dos atuais sete bilhões de humanos, aproximadamente 1,5 bilhão não tem acesso regular a fontes de água e outros três bilhões usam água sem tratamento. Além disso, há uma crescente mobilização para a exploração comercial dos recursos hídricos por meio da privatização da água. Evidências apontam que as pessoas pobres não padecerão apenas de alimentos, mas também do acesso a água. Assim, no ano de 2012 a temática central do JECAÇÃO será a ÁGUA, num formato de campanha para a preservação desse recurso e seu livre acesso a todos os seres humanos. Entendemos que a água simboliza a vida e como seguidores de Cristo devemos lutar para assegurar a vida espiritual e também a vida física dos humanos, num mundo mais igualitário. //

AJ POCKET

51


48

AJ POCKET


AJ POCKET

53


A família, de modo geral, tem falhado no seu papel de educar seus filhos. E o resultado são estas pesquisas alarmantes. A escola está cada vez mais liberal e os princípios e valores que outrora eram importantes passaram a ser caretas e ‘fora de hora’. A transa ou prática de sexo que Deus estabeleceu para o casamento passou a ser praticada indiscriminadamente, nas diferentes idades. Pois se crianças de 10 anos engravidam, é o resultado direto desta prática. Um erro é a pratica do sexo antes do casamento, o casal de namorados deve aprender a se respeitar, não se defraudar e esperar em oração essa pratica (1Ts 4:1-8; 1Co 6:12-20). Agora, erro ainda maior é de abortar, quem aborta não aprendeu a lição e facilmente engravidará novamente. Pois o aborto é um assassinato, o bebê não pediu para nascer e muito menos para morrer. Sem falar nos riscos de vida que corre a menina ou mulher. 54

AJ POCKET


>> “No Brasil a cada ano, cerca de 20% das crianças que nascem são filhas de adolescentes, número que representa três vezes mais garotas com menos de 15 anos grávidas que na década de 70, engravidam hoje em dia (segundo o IBGE). A grande maioria dessas adolescentes não tem condições financeiras nem emocionais para assumir a maternidade e, por causa da repressão familiar, muitas delas fogem de casa e quase todas abandonam os estudos. A Pesquisa Nacional em Demografia e Saúde, de 1996, mostrou um dado alarmante; 14% das adolescentes já tinham pelo menos um filho e as jovens mais pobres apresentavam fecundidade dez vezes maior. Entre as garotas grávidas atendidas pelo SUS no período de 1993 a 1998, houve aumento de 31% dos casos de meninas grávidas entre 10 e 14 anos. Nesses cinco anos, 50 mil adolescentes foram parar nos hospitais públicos devido a complicações de abortos clandestinos. Quase três mil na faixa dos 10 a 14 anos”.

Abortar é o mesmo que assassinar, e pior, pois você nem conhece a quem esta matando! O rapaz que engravida a moça e pede para abortar ou não a impede é cumplice nesse assassinato. Outro erro é forçar o casamento. Como o sexo está sendo praticado sem pudor e amor verdadeiro, será um erro forçar que os jovens se casem, pois as chances de não dar certo são muito grandes e a separação já esta anunciada. O ideal é que o rapaz assuma a paternidade e auxilie no sustento da criança e da moça, e, se depois de um tempo perceberem que daria certo o casamento, aí sim, com muita oração e a busca da consagração de ambos poderá se tornar num casal feliz realmente. Mas, que seja a partir do casamento! Nada de viver amasiado, fora das bênçãos de Deus. // AJ POCKET

55


TRADIÇÕES Por Alexandre Matter

O chimarrão pode ser usado como ferramenta para fortalecer a comunhão e propagar o evangelho entre os jovens? “Chimarrão muda para atrair consumidor jovem: Depois de amargar baixas taxas de crescimento de mercado durante pelo menos seis a sete anos, as indústrias de erva-mate do Rio Grande do Sul decidiram partir em busca do público jovem e urbano para alavancar as vendas de chimarrão. As empresas começam a se organizar para lançar uma campanha institucional de divulgação do produto, sem se limitar à figura do gaúcho do pampa como consumidor típico, e já apresentam novidades como erva embalada a vácuo e cuias de polietileno, algo que há não muito tempo seria considerado uma heresia para os mais conservadores. As indústrias também estão adaptando o sabor do chimarrão ao gosto dos novos consumidores...” Fonte: Jornal Valor Econômico

Foto: Adonis Faller / Picasaweb 56

AJ POCKET


O chimarrão, tradicional e salutar hábito do Rio Grande do Sul, é um símbolo da hospitalidade do gaúcho, que o oferece sempre a qualquer visitante. Atualmente, é bebido em uma cuia onde depositamos um pouco de erva-mate já moída e de onde sorvemos o líquido (água quente sem ferver), através de uma bomba de metal. O costume de tomar chimarrão está bastante difundido, indiferente de faixa etária, tanto no meio rural como no urbano e faz parte da vida do gaúcho desde o amanhecer até a noite, quando encerra suas tarefas do dia. O envolvimento do jovem gaúcho com o chimarrão está crescendo com o decorrer dos anos. É uma tradição que vem de geração em geração, um costume sadio que traz a união, harmonia e paz entre o povo. E esta “fome” que o jovem tem de seguir os costumes dos pais que tem feito com que os traços da cultura gaúcha permaneçam preservados ao longo dos anos. Assim como seguimos com orgulho as tradições gaúchas e temos anseio em conhecer mais sobre a tradição, de igual forma devemos ser para com a nossa igreja, ter prazer em conhecer a sua história, possuir interesse de aprender mais a cada dia, de buscar o entendimento nas doutrinas da igreja, saber quais são os rituais, os ofícios da igreja, os deveres e os direitos de cada membro, enfim, ter o mesmo anseio de conhecer mais e mais a tradição da nossa IECB. Não basta apenas ter anseio em conhecer melhor a igreja, mas principalmente o evangelho, nos aprofundando na Bíblia, que é a palavra de Deus, ter sede e fome desta palavra, alimentar o nosso ser espiritual, prosseguir, conhecer, entender e acima de tudo, para que a nossa principal tradição seja propagar o evangelho a todas as nações, assim como nos recomenda o apóstolo Paulo em 2Ts 2:15 “assim, pois, irmãos, permanecei firmes e guardai as tradições que vos fora ensinadas, seja por palavra, seja por epístola nossa.” //

AJ POCKET

57


Por Tioni Oliveira

Em julho de 2011, o Facebook tornou-se mais popular que o Orkut no Brasil alcançando a casa dos 30 milhões de perfis, e o “curtir” – um dos termos mais utilizados na rede social do momento – espalhou-se pela internet. Fotos, textos, vídeos, jogos, idéias, conceitos, propagandas, enfim, a quantidade de conteúdos que podem ser “curtidos” na internet e expostos ao lado da sua foto nas redes sociais limita-se ao tamanho da internet: é grande! Enquanto alguns não dão muita importância para as redes sociais, há muita gente que leva isso a sério, e faz do perfil na internet um reflexo de sua vida real, levando o que acontece aqui fora pra dentro da rede, e deixando se influenciar por aquilo que encontra lá dentro. Tome cuidado com o que você anda curtindo na internet. Talvez para você não passe de um “curtir” descompromissado em uma propaganda bem bolada de whisky em uma página do Facebook, ou em um vídeo com apelo sexual que você viu por acaso no Youtube. Mas para o seu irmão na fé, que leva a vida digital a sério, pode ser um escândalo bem real. Por isso, se a comida escandalizar a meu irmão, nunca mais comerei carne, para que meu irmão não se escandalize. 1Co 8:13

O que “curtir” sem dor na consciência? • jecbrasil.com • gospelmais.com.br • cristaosite.com.br • clipgospel.com.br • gospelcifras.com.br • gospelmusiccafe.com.br • jesus10.com.br • danieis.com • iecb.org.br • supergospel.com.br 58

AJ POCKET


AJ POCKET

55


Vídeos, fotos, músicas, entrevistas, notícias, estudos e variedades... enfim, tudo que te interessa.

WWW.JECBRASIL.COM

Nosso site tá de cara nova! Acesse:

Alô Juventude Pocket  

Revista lançada no Congresso Nacional da JECBRASIL em 2012.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you