Issuu on Google+

“(...) Esta é a Páscoa do Senhor. Nesta mesma noite passarei pelo Egito e matarei todos os primogênitos, tanto dos homens como dos animais, e executarei juízo sobre todos os deuses do Egito. Eu sou o Senhor! O sangue será um sinal para indicar as casas em que vocês estiverem; quando eu vir o sangue, passarei adiante. A praga de destruição não os atingirá quando eu ferir o Egito. Este dia será um memorial que vocês e todos os seus descendentes celebrarão como festa ao Senhor. Celebremno como decreto perpétuo.” Êxodo 12 versos 11 a 14.

O Verdadeiro Significado da Páscoa. No texto bíblico hebraico, a palavra traduzida por “Páscoa” é pesah, que traz a ideia de passar. Assim, a páscoa significa "passagem". Esse termo faz referência aos hebreus escravizados no Egito durante 400 anos e de como eles foram "libertados” de Faraó pela mão de Deus. No texto desta semana, percebemos que Faraó rejeitava a ideia de libertar os israelitas da escravidão, mesmo com o apelo de Moisés. Deus, então, amaldiçoou o Egito com 10 pragas. A pior delas, sem dúvida, foi a última, que condenou a morte todos os primogênitos do Egito. Entretanto; antes do terrível juízo, os hebreus foram avisados por Deus para que matassem um cordeiro, comessem sua carne e aspergissem seu sangue sobre as vergas e umbrais das portas. Assim, em toda a casa que havia a marca nos umbrais, à noite quando a Morte "passar" nenhum dos primogênitos morreria. Nesta mesma noite, o "Anjo da Morte" passou por pelo Egito. Houve angústia, luto e pranto. Faraó perdeu seu sucessor e, abalado por não ter dado ouvido a Deus, ele finalmente liberta o povo de Israel. Agora, meus colegas, acompanhem-me alguns séculos depois. É perceptível a visão de um “certo homem”, inocente e manso, sendo crucificado entre dois malfeitores, e como aquele cordeiro no Egito, o seu Sangue foi derramado para que nossa vida fosse preservada. Isto se tornou um sinal de que estamos livres da morte eterna e somos verdadeiramente protegidos pelo Senhor. Assim como aquela cerimônia deu início a um novo período para o povo de Israel, hoje a Páscoa mostra que o sangue derramado por Cristo possibilita o começo


de uma nova vida para os que entregam suas vidas a Ele. Por isso Paulo afirma em I Coríntios 5;7: “(...) Jesus Cristo é a nossa Páscoa!” Essa é a verdadeira história da Páscoa, que simboliza o livramento da escravidão. Somente em cristo temos a certeza de que o Juízo da Morte não nos alcançará! Louvado Seja Jesus Cristo - O Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo! CONVITE: “Convidamos nossos colegas a participarem conosco de nossas reuniões, toda sextafeira, no horário de 12:10hs as 12:50hs, na salinha próxima da medicina do trabalho.”


Mensgem intranet o verdadeiro significado da páscoa