Issuu on Google+

A22 Vida %HermesFileInfo:A-22:20120510:

O ESTADO DE S. PAULO

QUINTA-FEIRA, 10 DE MAIO DE 2012

PLANETA

}

FELIZ ANIVERSà RIO A rainha Beatriz, da Holanda, segura um panda de pelúcia durante as comemoraçþes do 50º aniversårio da organização ambientalista World Wildlife Fund (WWF) em Roterdã. JERRY LAMPEN/EFE

Putin e Hollande participarão da Rio+20 Presidente da Rússia e recÊm-eleito na França confirmam presença na conferência; atÊ agora, mais de 80 países jå informaram comparecimento

Tânia Monteiro / BRAS�LIA

A presidente Dilma Rousseff telefonou para parabenizar François Hollande e Vladimir Putin pelas vitórias nas eleiçþes na França e na Rússia e recebeu como resposta a confirmação da presença dos dois na Rio+20, que ocorrerå no Rio de 20 a 22 de junho. Dilma tambÊm acertou com eles de articular uma posição conjunta para ser levada à reunião do G-20, que serå

realizada nos dias 18 e 19 de junho, no MÊxico. As informaçþes são do porta-voz da presidência, Thomas Traumann. A presidente estå empenhada emtrazeromaiornúmerodechefes de Estado e de governo e conta a seu favor com o fato de a reunião do G-20 ser realizada poucos dias antes, no MÊxico. AtÊ agora, mais de 80 países confirmaram presença. Mas a chanceler da Alemanha, Angela Merlkel, jåavisouquenãovirå.DilmatambÊm não obteve a confirmação do presidente Barack Obama. HotÊis. Hå ainda outras baixas

estadĂŁo.com.br Portal. Acompanhe a cobertura completa da Rio+20 topicos.estadao.com.br/rio-20

por motivos mais prosaicos. Na terça-feira, o Parlamento Europeu anunciou que não virå por questþes financeiras. O deputado holandês Gerben-Jan Gerbrandy,vice-presidentedoComitê Ambiental, alegou que os preços dos hotÊis estão altos demais (mais informaçþes nesta pågina). Ontem, a embaixada de um país latino-americano afirmou ao Estado ter reduzido bastante o tamanhode sua delegação pelo mesmo motivo. As diårias custarim atÊ quatro vezes mais do que o valor habitual cobrado. Mas nem todas as delegaçþes estrangeiras se assustaram com ospreçospraticadosnoRio.Mesmo encontrando valores atÊ 60%maiores doqueaquelespraticadosduranteabaixatemporada, a França reservou 300 quartos em dez hotÊis da cidade. Nemtodosserãoocupadospela delegação oficial – uma parte

AFP

Convite. O recĂŠm-eleito François Hollande vem Ă  Rio+20 serĂĄ usada e paga por empresĂĄrioserepresentantesda sociedade civil. “Para a França, as questĂľes ambientais nĂŁo sĂŁo de responsabilidadesomente dospolĂ­ticos. Para mostrar isso, fizemos o mĂĄximo para que as pessoas de fora do governo tambĂŠm tives-

sem vagas�, disse StÊphane Schorderet, conselheiro da embaixada francesa no Brasil. OItamaratybloqueou5milvagas de hotÊis para a conferência, que estão sendo administradas pela empresa de turismo Terramar.A gerentede eventosdaem-

â—? O senhor vĂŞ o problema com os hotĂŠis como um mau sinal?

ferĂŞncia desse tipo.

É um mau sinal para a Rio+20, sem dúvida. Mas hå notícias bem piores. O foco mudou. Temos de procurar novas formas de desenvolvimento sustentåvel, de uma economia mais responsåvel. Mas o que vemos Ê uma discussão sobre questþes sociais, importantes, Ê claro, mas não centrais para uma con-

� A mudança de foco influenciou a decisão de não enviar representantes?

ir. NinguÊm mais estå esperando pela tomada de decisþes na Rio+20. É um pÊssimo sinal, porque precisamos do comprometimento de nossos líderes.

presa, Thalia Bertani, disse que os preços sĂŁo conhecidos desde o fim do ano, reconheceu que houve alguns abusos, porĂŠm nĂŁo de modo generalizado,e disse que aindahĂĄ “opçþes viĂĄveisâ€?. Mas admitiu que hoje o Rio tem preços de Nova York. Segundo o MinistĂŠrio da Justiça, “ainda estĂŁo ocorrendoconversasâ€?derepresentantesdesseministĂŠrio,doMinistĂŠrio do Turismo e do ComitĂŞ Rio+20comaFederaçãoBrasileira de Hospedagem e Alimentação, o Sindicato de HotĂŠis, Bares e Restaurantes e a Associação Brasileira da IndĂşstria de HotĂŠis para tratar de suposta recusa de prestação de serviços e suposta co/ brança abusiva. COLABORARAM CLARISSA THOMÉ, FĂ BIO GRELLET, HELOISA ARUTH STURM e GIOVANA GIRARDI

ENTREVISTA Gerben-Jan Gerbrandy, deputado holandĂŞs no Parlamento Europeu

‘O Brasil nĂŁo estĂĄ mostrando a liderança que precisarĂ­amos’ Andrei Netto CORRESPONDENTE / PARIS

O eurodeputado holandĂŞs Gerben-Jan Gerbrandy expli-

ca ao Estado as razþes que levaram o Parlamento Europeu a cancelar sua participação na conferência do Rio: logística cara e negociaçþes estagnadas,

 

           

   

Para quem respira literatura e cultura.

Todo sĂĄbado no EstadĂŁo.

Não Ê decisivo. Foi antes de mais nada por causa dos custos. Mas sabemos que os rumos das negociaçþes são uma questão decisiva para que gente como a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, decida não

â—? Qual ĂŠ o papel do governo do

Brasil nos rumos das negociaçþes da Rio+20?

O governo brasileiro desempenha um papel central nessas negociaçþes. No início, o País

não desempenhou uma função muito construtiva. Creio que Brasília tenha um cenårio de urgência para reverter o impasse e aparecer como o salvador da conferência no final. Mas não creio que isso acontecerå. O Brasil não estå mostrando a liderança que precisaríamos para chegar a uma conclusão construtiva.


François Hollande e VladimirPutin na Rio+20