Issuu on Google+

Nosso Bairro - 58 - final_Layout 1 28/04/14 18:05 Page 36

Especial

Por Thaís Barcellos Fotos Divulgação

Em busca do

corpo perfeito BRASIL É O SEGUNDO PAÍS NO MUNDO EM NÚMERO DE CIRURGIAS PLÁSTICAS alhar nem sempre é a única solução para quem sonha em ter o corpo sa­ rado e esculpido. Os consultórios médicos e clínicas de estética são bastante procurados por quem está na busca do corpo perfeito de forma rápida e eficaz. Muitas vezes, o caminho para essas pessoas é a cirur­ gia plástica. O Brasil é o segundo país no mundo que mais realiza cirurgias plásticas, de acordo com dados da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps) e da Sociedade Brasi­ leira de Cirurgia Plástica (SBCP). O país já rea­ lizou mais de 905.124 procedimentos, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. De acordo com João Portocarrero, cirur­ gião plástico e membro titular da SBCP, não existe diferença entre cirurgia estética ou re­ paradora, já que todas têm por objetivo me­ lhorar a estética e corrigir algum problema que causa incômodo ao paciente. Ainda segundo ele, algumas cirurgias, como as que corrigem orelhas em abano ou lábio leporino, podem ser feitas a partir dos 6 ou 7 anos de idade. O preparo inicial para uma cirurgia é feito a partir da consulta e exames físicos solicita­ dos pelo médico. “Os exames necessários para a cirurgia programada devem contemplar ava­ liação de funções cardíaca, respiratória, renal e hepática, além de um perfil hematológico completo. Os exames aprofundam a avaliação pré­operatória para que não haja surpresas durante a cirurgia”, explica o especialista.

M

36

ABRIL’2014

Após a realização dos exames, é recomen­ dada uma avaliação psicológica. Além disso, no decorrer das consultas, o próprio cirurgião ob­ servará o comportamento do paciente e se per­ ceber algo fora do habitual, o encaminhará para uma avaliação com um psicólogo. No pós­operatório devem­se cumprir todas as prescrições médicas para cada caso. Inde­ pendente de qual tipo de procedimento o pa­ ciente realize, ele só deve ser feito em centro ci­ rúrgico, independente do tamanho da área a ser tratada.

Segundo o cirurgião João Portocarrero, as estatísticas da SBCP mostram que os homens geralmente procuram mais por cirurgias de im­ plante capilar e lipoaspiração. Já as mulheres são mais adeptas das cirurgias das mamas, tanto para implante de prótese de silicone, quanto para redução. Elas também buscam muito a ab­ dominoplastia. No ranking mundial de cirurgias mais pro­ curadas estão a lipoaspiração, blefaroplastia (ci­ rurgia nas pálpebras), o implante de silicone nas mamas e a abdominoplastia. l


Nosso Bairro - 58 - final_Layout 1 28/04/14 18:05 Page 37

Os tipos de cirurgias plásticas mais comuns no Brasil: >> LIPOASPIRAÇÃO – Também conhecida como lipoescultura, a lipoaspiração serve para remodelar áreas específicas do corpo, removendo o excesso de gordura, melhorando os contornos do corpo. A lipoaspiração é realizada através de tubos de plástico ou metal chamados de cânulas, de diferentes tamanhos, que são conectados a um aparelho lipoaspirador. Com pequenas incisões na pele, a cânula é introduzida e a gordura é aspirada. >> AUMENTO DE MAMA – A mastoplastia, ou popularmente conhecida como cirurgia para o aumento das mamas, é feita através da introdução de próteses de silicone. A prótese é inserida através de uma incisão pequena (que pode ser feita na axila, na auréola ou no sulco inframamário) e colocada atrás da glândula mamária. As restrições ficam por conta do estado geral da paciente ou existência de doença prévia grave que contraindique a cirurgia. >> ABDOMINOPLASTIA – É uma cirurgia que tem como objetivo retirar gorduras localizadas que estejam interferindo na silhueta corporal. No pré­operatório deve­se ter os mesmos cuidados de qualquer procedimento, como exame clinico e laboratorial, além de avaliação cardiorrespiratória. A cirurgia é feita a partir da retirada do excesso de pele do abdômen e reforçando a musculatura da parede abdominal para promover uma melhora do contorno corporal.

>> BLEFAROPLASTIA – Popularmente conhecida como cirurgia das pálpebras, tem como objetivo harmonizar o excesso de tecido periorbital, melhorando o aspecto das pálpebras superiores e inferiores, eliminando bolsas de gordura, rugas, flacidez e, com isso, promovendo um rejuvenescendo da região em torno dos olhos. São retirados os excessos de pele, músculo e tecido adiposo. Após a cirurgia, o paciente deve usar óculos escuros até que a cicatrização esteja completa. A ação do sol pode dificultar a cicatrização e deixar a pele da região manchada.

ABRIL’2014

37


Em busca do corpo perfeito - NB PLUS