Issuu on Google+

Carro & Cia. agora é Carro&

] Distribuição Gratuita 10.000 exemplares Anuncie (34) 3315-9797 ]

] 25/06 a 01/07/2011 + Editor: Daniel Moisés ] www.temroda.com.br

Uberaba

] 4 - Classic entre os sedãs mais vendidos do país

NOVIDADE NO MERCADO ] NISSAN TIIDA 2012

DIVULGAÇÃO

Tiida mais equipado

Novos itens de série estão presentes nos modelos hatch e sedã para a linha 2012 2012 ] 7

] 8 - Nova gama para o Fiat Linea modelo 2012

] 9 - Renault prepara a chegada ao país do novo SUV Duster

] 5 - Só 3 unidades do 911 GT3 RS 4.0 no Brasil


02  tem roda Uberaba O Salão do Automóvel de Buenos Aires, encerrando-se neste domingo, acertou seu alvo depois de tentativas e da falha, por ausência, há dois anos: secunda o Brasil em importância nas Américas Latina e do Sul. E o fato de, sendo mercado menor - 600.000 unidades x 3.500.000/ano brasileiras - realça o apresentar das estrelas em nosso perímetro. Foco preciso, os argentinos receberam as atrações em ano de não realização da mostra paulista, e o fizeram com os principais picapes do mercado nacional: Ford Ranger; GM Colorado; versão cabine simples, opção motor a gasolina, e cabine dupla enfeitada para o VW Amarok; e novos picape Dodge Ram. Em automóveis, manteve a colocação, ao exibir, em primeira mão, o Chevrolet Cobalt (foto), a ser feito no Brasil ainda este ano para substituir os cansados, porém lucrativos Astra, e seu derivado Vastra - também dito Vectra.

Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

25/06 a 01/07/2011

] DE CARRO POR AÍ ] DE por ROBERTO NASSER (edita@rnasser.com.br)

De Buenos Aires, as novidades para o Brasil Registrou, também, o anúncio formal de produção do Toyota Ethios em 2012, em Sorocaba, SP. Será menor, construção simplificada, com jeito de Daihatsu, associada da marca. Da Volkswagen, estudando produzi-lo no Paraná, o SpaceCross, com decoração e acessórios sugerindo disposição fora de estrada para a versão do SpaceFox. Dúvida há sobre o Honda City, mostrado como argentino, informando-se que a brasileira irá minguar em favor da fabricação vizinha. A Honda no Brasil nega. Feita na Argentina, a versão

ROD A - A - R OD A ODA ROD ODA - Chegou - Prometido para março, atrapalhado pelo Tsunami japonês, só agora apareceu o Fiat Bravo com a motorização T-Jet. 152 cv de potencia, ótimo desempenho, segurança, bem equipado, a R$ 69.000. - Pacote - Para conter custos aos proprietários de Audi A1 a seguradora Porto Seguro criou apólice a partir de R$ 1.880. - Negócio - Resolução Contran 384 proíbe lâmpadas de xenônio em faróis não projetados opticamente para recebe-las. Boa providência, evita o perigo do ofuscamento aos motoristas em sentido contrário. A Osram, fabricante, diz respeitar a regra, produzindo, fornecendo às montadoras e reposição. Pressão e reclamações do técnico paulistano Roberto Gozzo, preocupado com o egoísmo perigoso do uso, queixou-se ao Contran. - Onda - Moras ou vais a S Paulo, Rio, Salvador ou Brasília ? Quer fazer graça com importado ? Alugue um Chevrolet Malibu na Hertz. Modelia descontinuada,

ainda disponível no Brasil, locação para 100 km por R$ 280/dia, + 11 % de curiosa taxa de serviço, + R$ 40 de proteção a terceiro. - Antigos - Um dos leilões do melhor fim de semana antigomobilístico no mundo, é o da Gooding & Company em Pebble Beach, California, 20 e 21 de agosto, terá duas raridades: Bentley 1921, chassi 0003, mais antigo do mundo, e moto Brough Superior 1931, ex Steve Mc Queen. - Ecologia - Sistema destilador de solventes criado pela Renault em sua fábrica paranaense reduziu a geração de resíduos, reaproveita material, diminui custos, e a emissão de gás carbônico. - Gente - Marcel Della Barba, 27, jornalista, promoção. OOOO Saiu da Volks e é novo Supervisor de relações com a imprensa de automóveis da Mercedes-Benz. OOOO Alexandre Carvalho, jornalista, evolução. OOOO Deixou a X-Press, boa assessoria de imprensa, assumiu lugar no cliente Nissan. OOOO

DIVULGAÇÃO

1.6 turbo do Peugeot 408; importados europeus, 508 e Citroëns DS3 e DS4. Boa referência é o Renault Duster, utilitário esportivo com opção de tração total, focado no sucesso do Ford Ecosport, porém maior, sobre a antiga, porém resistente plataforma B090,

base de Logan e Sandero. O governo também aproveitou a presença maciça anunciando medidas legais pró-segurança, como pelo menos um engate Isofix; cintos de segurança com três pontos em 2013, e dois airbags e ABS em 2014. DE VOLTA - O Ranger virá carregado de esperanças de voltar a disputar os primeiros lugares de venda. Já foi líder por décadas na Argentina e perdeu o posto para o Toyota Hi-Lux. No Brasil estava nos primeiros lugares, mas ficou para trás. Sua atualização terá leque aberto para

concorrer em todas as faixas de versões, aplicativos e preços. Ganhos em porte, confortos, mecânica como a transmissão de seis velocidades, e novas motorizações. Da cabine simples com motor diesel importado, Duratec 2.5 e modesta tropa de 122 cv, até o 3.2 de ampla cavalagem, incluindo nas opções versão a gasolina. ESPERANÇA - O GM Cobalt renovará a marca no Brasil, alento em meio a produtos antigos. Projeto original Daewoo, assumido pela GM, grande auxiliar no processo de recuperação. Linhas marcantes atribuídas ao designer Carlos Barba, fazedor de milagres com carrocerias novas para plataformas antigas. Originalmente o projeto se chama GM Emerging Market Gamma II Vehicle e não foi criado no Brasil. As dimensões maiores indicam substituirá o Astra e seu derivado Vastra - também dito Vectra.

Questão de influência, a Fiat na Itália Usualmente fábricas de automóveis tem muita importância nas cidades onde estão instaladas. Fácil entender, dão emprego, garantem o consumo, fortificam comércio, indústria, melhoram os serviços públicos, geram muitos impostos. Apesar da situação comum, nenhuma delas tem tanto relevo quanto a Fiat em Turim, Itália. Ali nascida, foi mantida para garantir a importância regional depois que deixou de ser capital. A decisão gera influencia, garante as condições citadas, e deu destaque á agradável cidade na razão direta da importância de seus condutores, a família Agnelli, do primeiro ao último Giovanni, e de seu peso específico e institucional na economia e na política italianas. Um outro aspecto de caráter

DIVULGAÇÃO

] Mais mítico veículo da história, o Jeep agora é Fiat

histórico e econômico, é o de ter assumido boa parte das montadoras italianas, impedindo-as de fechar por variadas razões - gestão, capital, capacidades. A Fiat as absorveu, com sinergias industriais, ou as manteve com suas marcas, da pioneira Ceirano, à Siata, como as mais recentes aquisições, Ferrari, Maserati,

Lancia, Auto Bianchi, Inocenti, Alfa Romeo. Exceto Lamborghini, a Fiat detém todas as marcas italianas de veículos, e ter assumido o controle da Chrysler e suas marcas Dodge e Jeep, fincando base como vencedora no mercado norte-americano, aumentará este capital institucional.

EXPEDIENTE • Tem Roda é uma publicação semanal da Imprima Editora & Gráfica Ltda., distribuído gratuitamente em vários pontos de Uberaba • Editor: Jornalista Daniel Moisés (dmoises@terra.com.br) • Diretores: Abrão Moisés Neto, Paulo Cesar de Oliveira e Daniel Moisés • Redação, Comercial e Parque Gráfico: Rua Edson Gonçalves Prata, 200 Parque do Mirante - CEP 38.081-232 Uberaba/MG • PABX: (34) 3315-9797 • www.temroda.com.br • Críticas e sugestões podem ser enviadas para o endereço acima, para o e-mail dmoises@terra.com.br, ou ainda pelo fone (34) 3315-9797


Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

25/06 a 01/07/2011 DIVULGAÇÃO

] PARCEIRO DA SELEÇÃO ]

Volksw agen vvai ai sor olkswagen sorttear Gol A Volkswagen do Brasil (representada em Uberaba pela concessionária Distrive), patrocinadora oficial da Seleção Brasileira, lançou a campanha publicitária do Gol (foto), o carro oficial da seleção, que inicia em julho a disputa da Copa América na Argentina. No comercial “Tulio”, criado pela agência AlmapBBDO, a Volkswagen ajudará o jogador Tulio Maravilha a conquistar seu objetivo, que é atingir a marca de 1.000 gols. O filme, com duração de 30 segundos, será veiculado em TV aberta e canais a cabo. A campanha também conta com vinhetas em espaços específicos. O filme, gravado na montagem final da fábrica Volkswagen de Taubaté, no Estado de São Paulo, apresenta o jogador em cenas de jogos e descreve sua trajetória de destaque no futebol brasileiro: 14 partidas pela Seleção Brasileira, 13 gols, nenhuma derrota e ainda um gol inesquecível contra a Argentina. Ao final do filme, Tulio aparece na linha de produção lustran-

do o logo da Volkswagen num Gol vermelho e é surpreendido por um engenheiro da empresa, que pergunta: “Tulio, faltam quantos gols?”. O garoto-propaganda responde e pede mais um carro. O filme termina com a assinatura: “Gol. O carro oficial da Seleção Brasileira”. Em seguida, comunica o hotsite da promoção Eu Quero é Ver Gol (www.vw.com.br/euqueroevergol). Por meio da promoção “Eu quero é ver Gol”, a Volkswagen sorteará um novo Gol 0km e 15 viagens com direito a acompanhante para assistir a um jogo da Seleção Brasileira na Argentina, pela Copa América 2011. Para concorrer aos prêmios é preciso realizar o Best Drive com qualquer veículo da Volkswagen em uma das mais de 600 concessionárias da marca no país. Quem quiser concorrer às viagens, deverá fazer o Best Drive até o dia 30 de junho, quinta-feira. Todos que fizerem o test-drive até o dia 18 de julho concorrerão a um novo Gol 0 km.

Vendo Punto ótimo estado Fiat Punto ELX 1.4 Flex 2007/2008, ótimo estado, completo, 4 portas, preto, 26.500 km. Preço a negociar. Tratar 9994-4446

tem roda Uberaba 03


04  tem roda Uberaba

25/06 a 01/07/2011

Carro &Cia. agora é tem roda Carro& ARQUIVO

] Traseira do Classic

Chevrolet Classic ttem em recorde de vendas O Classic (encontrado em Uberaba na Ubervel), sedã mais vendido da história de 86 anos da marca Chevrolet no Brasil, registrou no último mês de maio, o melhor mês de vendas de 2011, com 11.088 unidades emplacadas e um crescimento de 25% comparado com o último mês de abril (8.886 unidades). Comparativamente ao mês de maio de 2010, quando 9.912 unidades foram emplacadas, a Chevrolet registrou um crescimento de 12% em maio de 2011. O Classic também comemora um crescimento de 12,7% nos emplacamentos do modelo no acumulado de janeiro a maio de 2011, com 43.866 unidades, comparado com o mesmo período de 2010 (38.915 unidades). Em quase 16 anos de existência, o modelo foi campeão de vendas 12 vezes na comparação com todos os sedãs vendidos no Brasil. Marcos Munhoz, vicepresidente de comunicação, relações públicas e governamentais da GM do Brasil, comenta que ultrapassar 1.000.000 de unidades vendidas é uma fantástica conquista. “O Chevrolet Classic oferece versatilidade, um portamalas com 390 litros de capacidade e um excelente espaço interno, itens que certamente colaboraram para alcançarmos esta marca”, acrescenta. “O Chevrolet Classic é um carro com custo-benefício excelente, que atende às necessidades dos clientes que procuram um veículo espaçoso e confortável”, observa Ronaldo Znidarsis, diretor geral de marketing e vendas da Chevrolet. O Chevrolet Classic está no seleto grupo de modelos comercializados no Brasil que superaram a marca de 1 milhão de unidades emplacadas. Hoje, ele ocupa a segunda posição, atrás apenas do Volkswagen Fusca.


Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

25/06 a 01/07/2011 DIVULGAÇÃO

Ford apresenta um mo mottor mais econômico

A Ford exibiu no Salão Internacional do Automóvel de Buenos Aires uma de suas mais recentes inovações para aumentar a eficiência dos motores a combustível: a tecnologia EcoBoost. Presente no novo Ford Mon] PORSCHE 911 GT3 RS 4.0 ] deo, a nova geração de motores EcoBoost é capaz de aumentar em cerca de 20% a economia de combustível e reduzir em torno Uma fera com motor de 500 gundos. Disponível apenas de 15% as emissões de CO2, cv. O novo Porsche 911 GT3 com transmissão manual de 6 melhorando ao mesmo tempo a RS 4.0 (foto), uma das versões marchas, vai de 0 a 100 km/h performance de direção. Em mais conhecidas, cobiçadas e em 3,9 segundos e chega a 200 poucas palavras, é uma tecnolode maior sucesso da marca, km/h em pouco menos de 12 gia que permite obter mais com chega para derrubar todos os segundos. A dirigibilidade exrecordes em sua categoria. cepcional do 911 GT3 RS 4.0 Com produção limitada a 600 é fruto de detalhes meticulounidades, o 911 GT3 RS 4.0 samente coordenados. Além reúne em um carro de rua to- de usar componentes da susdas as características que fi- pensão tipicamente encontrazeram do 911 GT3 um vence- dos no automobilismo, ele dor nas pistas. A Stuttgart teve o peso reduzido. Sportcar, importadora oficial O 911 GT3 RS 4.0 vem pinda Porsche no Brasil, trará tado de fábrica na cor branca três unidades que chegarão e sua aparência enfatiza a no final do ano. proximidade com o automobiO 911 GT3 RS 4.0 oferece lismo. A posição rebaixada do tecnologia automobilística veículo, a asa traseira de granpuro-sangue até o seu nível de porte com placas laterais mais profundo. O motor de 6 adaptadas, o escapamento cilindros com 4 litros de cilin- central duplo típico e a cardrada, o maior motor da linha roceria com otimização aero911 na história, também é o dinâmica refletem o parentesmotor naturalmente aspirado co com os Porsche 911 de comde maior potência, com 125 petição. Os defletores de ar cv/litro. Ele alcança potência frontais laterais, as chamadas máxima de 500 cv a 8.250 rpm. aletas, aparecem pela primeira O motor oferece torque máxi- vez em um Porsche de produmo de 460 Nm a 5.750 rpm. ção e são testemunhas de uma O 911 GT3 RS 4.0 oferece engenharia de precisão aerodium desempenho realmente nâmica. Elas criam um aumenimpressionante, e o seu núme- to na força vertical descendenro mais eloquente é o fato de te no eixo e, juntamente com a que ele completa uma volta na asa traseira fortemente inclinapista de Nürburgring-Nords- da, colocam o veículo em equichleife em 7 minutos e 27 se- líbrio aerodinâmico.

Só 3 unidades para o Brasil

tem roda Uberaba 05

menos, graças à tecnologia de ponta utilizada pela engenharia da Ford mundial. Os novos motores EcoBoost são propulsores que aliam as tecnologias de turbocompressão e injeção direta de combustível para oferecer a mesma potência de um bloco maior, mas com o nível de consumo e emissões de um motor pequeno. A tecnologia EcoBoost está sendo introduzida progressivamente em diversos mercados em todo o mundo e continuará a se expandir, de acordo com a montadora.


06  tem roda Uberaba

25/06 a 01/07/2011

Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

25/06 a 01/07/2011

tem roda Uberaba 07

Nissan já comercializa a família Tiida 2012 ]Disponível nas carrocerias hatchback e sedã, modelo ganha novos itens de série para ficar mais competitivo ] Com qualidade japonesa, a família Tiida chega ao modelo 2012 com mudanças que vão agregar mais conforto e estilo aos veículos (já disponíveis em Uberaba na concessionária Kamelcar). O Nissan Tiida, o pioneiro hatch da família no mercado brasileiro, está disponível em três versões (1.8 S MT, 1.8 SL MT e 1.8 SL AT). Já o Nissan Tiida sedã vem em única versão 1.8 MT. Apesar de agregar novos itens, ambos continuarão com os mesmos preços praticados no modelo anterior, além da garantia de 3 anos de fábrica. Entre as mudanças no modelo 2012 estão a entrada da cor branca para todas as versões e novos itens de série. O Nissan Tiida 1.8 S MT ganhou novas rodas de liga leve aro 16”. Já as versões 1.8 SL (manual e automático) se diferenciam pelos novos para-choques com design mais esportivo, robusto e totalmente na cor do carro, mini-saias laterais na cor do veículo e aerofólio na tampa traseira. Além destas características, a versão SL manual passa a contar com o dispositivo i-Key, a chave inteligente, que até então era oferecida apenas na versão topo de linha (SL automática). Já o Nissan Tiida sedã mantém a versão

FOTOS DIVULGAÇÃO

O amplo conta do conespaço interno junto de bando Nissan Tiicos generosada pode ser mente largos, comparado a que são consum carro de truídos com categoria suespuma de duperior. Isso pla espessura. porque traz Em ambos 4.295 mm de os modelos, o comprimento e painel de ins1.545 mm de trumentos tem altura, enquanseus comandos to seus conde fácil operacorrentes direção e a direção ] Nissan Tiida sedã, que chega na linha 2012 tos trazem mecom assistência didas inferioelétrica (EPS) res, como o e ajuste de alHyundai i30 e tura, que é leve Citröen C4. O em manobras hatch traz ainde baixa veloda porta-malas cidade e procom capacidagressivamente de de 289 lifirme em velotros podendo cidade alta. ] De talhes do painel (esq.) e mo .8 ffle le .) Detalhes mott or 1 1.8 lexx (dir (dir.) chegar a 463 Além do litros nas vernovo ajuste de sões SL, devido ao sistema de altura do banco do motorista, o banco traseiro reclinável e desliO Nissan Tiida Tiida sedã conta ainda com câmzante. bio manual de seis marchas, reO Nissan Tiida sedã propor- é equipado com trovisores e vidros dianteiros e ciona ainda mais espaço interno, traseiros elétricos, ar-condiciopropulsor 1.8 pr opulsor 1 .8 com 4.472 mm de comprimento nado manual, computador de e 1.547 mm de altura. Tudo isso litro flex de 126 bordo, alarme com acionamenaliado ao espaçoso porta-malas to por controle remoto (keyless), cv de potência travamento automático das porcom 476 litros de capacidade. O conforto também é superior por tas, sistema de rádio CD Player

com função MP3, quatro altofalantes e rodas 15” com calotas integrais. O Tiida 1.8 S MT traz todas as características do modelo sedã, além das novas rodas de liga leve aro 16” e airbag duplo. Já as versões 1.8 SL (automática e manual) contemplam os itens da versão de entrada do modelo, além dos novos parachoques esportivos, mini-saias laterais e aerofólio na tampa traseira, chave inteligente I-Key (novidade para a versão manual), piloto automático, sistema de freios ABS, bancos traseiros reclináveis e deslizantes, revestimento dos bancos em couro, teto solar elétrico e ar condicionado automático e digital. MOTOR FLEX - A família Tiida é reconhecida também pelo excelente nível de potência, força e economia. Conta com motor 1.8 16V flex de 126 cavalos quando abastecido com álcool e 125 cv a gasolina. Para garantir o menor consumo, o propulsor utiliza o sistema CVVTCS (variação da abertura das válvulas através de variador de fase). Essa tecnologia proporciona ao motorista respostas rápidas às acelerações. Conforme a pressão no pedal do acelerador, as

A modelo da Nissan pode vir com câmbio manual ou automático

A linha 20 12 201 ganha novos itens, mas continua com os mesmos preços

1.8 MT e ganhou ajuste de altura do banco do motorista, antes disponível apenas no modelo hatch, que proporciona maior comodidade e prazer ao dirigir.

válvulas se movimentam com maior ou menor grau de abertura e fechamento, proporcionando a queima de combustível mais eficiente e, com isso, melhora o rendimento do motor em qualquer rotação. O Nissan Tiida pode ser equipado com câmbio manual ou automático. Com câmbio manual de 6 velocidades, atinge a velocidade máxima 195 km/h e leva 9,6 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h - com etanol. Na versão automática, o modelo hatch tem o desempenho mais suave. Acelera de 0 a 100 km/h em 11 segundos e chega aos 178 km/h de velocidade máxima abastecido com combustível vegetal.

GLOBAL - Produzida em diferentes fábricas espalhadas pelo mundo, como Japão, China, Taiwan, Tailândia, México, África do Sul e Malásia, e vendida em praticamente todos os países dos cinco continentes, a linha Tiida tem mais de 2 milhões de unidades vendidas. Os modelos oferecidos no Brasil são produzidos no México. A família Tiida é líder absoluta de vendas em seu segmento nos Estados Unidos e vice-líder no México.


08  tem roda Uberaba

25/06 a 01/07/2011

Carro &Cia. agora é tem roda Carro& DIVULGAÇÃO

Nova gama para o Fiat Linea 20 12 201 O Fiat Linea (foto, encontrado em Uberaba na San Marco), acaba de ganhar sua linha 2012, que traz algumas novidades. A nova versão Essence 1.8 16V, por exemplo, pode contar com câmbio mecânico ou Dualogic. Muito bem equipada, ela tem os conteúdos de série da antiga versão LX, como computador de bordo, direção hidráulica, airbag duplo, ar-condicionado, faróis de neblina, volante em couro, vidros, travas e espelhos elétricos, mais os novos itens de série: freios ABS, roda de liga leve 15” e quadro de instrumentos com display Dot Matrix. Além da Essence, a nova gama mantém a versão Absolute 1.8 16V Dualogic, que agora chega com rodas de liga leva 17” de série e sem repasse de preço. Essa versão possui uma lista de equipamentos de série bem completa. Entre os itens, ar-condicionado digital, bancos em couro, Blue&Me, sensor de estacionamento, volante em couro com comando do rádio e telefone, saída de ar para bancos traseiros, apóia-braço central dianteiro com portas objetos, entre outros. Para completar a nova gama, a versão T-Jet Turbo 152 cv. Ela não sofre alterações e continua com excelente proposta de conteúdos específicos que personalizam a esportividade. Com a linha 2012 chegam também dois novos kits para a versão Essence: Emotion 1 e Emotion 2. O primeiro traz banco revestido em veludo, apóiabraço central dianteiro com porta-objetos, saída de ar para banco traseiro, luzes de leitura dianteira com spot, lentes fumê e bordas cromadas. Tudo isso por R$ 500,00. O Emotion 2 contém os conteúdos acima com a diferença que o banco é revestido parcialmente em couro e sai por R$ 2.300,00. O Linea é muito bem equipado, com conteúdos tecnológicos como Blue& Me NAV, side bags dianteiros + window bags e piloto automático mais sensores crepuscular e de chuva.


Carro &Cia. agora é tem roda Carro& A Renault (representada em Uberaba pela Kamelcar) ampliará a sua gama de produtos, disponibilizando o utitilitário esportivo Duster, um autêntico modelo SUV, que será mais uma opção para o consumidor brasileiro nesse concorrido segmento do mercado. “O nosso plano estratégico prevê aumentar a nossa participação no mercado brasileiro e uma das principais ferramentas é a ampliação da nossa gama de produtos. É por essa razão que a Renault do Brasil lançará o Duster, um modelo que reúne todos os atributos e qualidades que os consumidores desse concorrido segmento do mercado brasileiro buscam”, explica JeanMichel Jalinier, presidente da Renault do Brasil. Os números comprovam a

25/06 a 01/07/2011

tem roda Uberaba 09

Renault prepara cchegada hegada do Dust er Duster DIVULGAÇÃO

afirmação de Jean-Michel Jalinier. O volume de vendas de modelos SUVs no mercado brasileiro de veículos de passeio entre os anos de 2000 e 2010 registrou um crescimento superior a 16 vezes, enquanto o mercado cresceu 2,2 vezes no mesmo perío- ] SUV Dust er enault traz est e ano para o Brasil Duster er,, que a R Renault este

do. Em termos de participação do segmento SUV no mercado, houve um salto de 1% das vendas de veículos de passeio, em 2000, para 7,6% no ano passado. O Duster vem para satisfazer os consumidores que valorizam características como robustez,

espaço interno e conforto, além das generosas dimensões externas, o que garante versatilidade de utilização e segurança. Por isso, o Renault Duster é um veículo não só para uso no dia-a-dia, mas também projetado para o lazer. Fruto de um vitorioso projeto mundial, o Renault Duster reflete o know-how do grupo Renault no universo dos veículos com tração do tipo 4x4. O Duster é um autêntico utilitário esportivo: pela concepção, desenho externo, espaço interno, altura livre em relação ao solo e pela disponibilidade de dois tipos de tração 4x4 e 4x2. O Duster permite ao motorista guiar em outros tipos de terrenos, além do asfalto, graças, por exemplo, aos bons ângulos de entrada e de saída: 30 graus e 35 graus, respectivamente.


10  tem roda Uberaba

Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

25/06 a 01/07/2011 ARQUIVO

] AL TA R OD A ] AL ALT ROD ODA por FERNANDO CALMON (fernando@calmon.jor.br)

Opor tunidades perdidas Oportunidades

] Durante o inverno a bateria requer mais cuidados, porque exige mais energia

]CONSULTÓRIO MECÂNICO ]

A bateria do carro gasta mais energia com o frio Um dos temores de quem viaja com veículo próprio é ter problema com a bateria do carro. De acordo com o engenheiro de desenvolvimento da Baterias Moura, Thiago Dantas, para evitar surpresas desagradáveis, é importante tomar algumas precauções antes da hora de viajar. “Peça ao seu eletricista de confiança para medir a tensão do alternador com o veículo em funcionamento”, sugere. “Dessa forma, ele pode verificar se o dispositivo está funcionando corretamente. Isso garantirá a recarga da bateria”. Segundo Dantas, se houver muitos equipamentos instalados no veículo - como faróis de milha, som de alta potência, DVD e rastreadores - também é importante medir a tensão do alternador com o veículo em funcionamento e com todos os equipamentos ligados. “Com isso, pode-se avaliar se a peça não está sobrecarregada pelo ex-

cesso de equipamentos. Se a tensão estiver abaixo de 13,6V, a bateria não estará sendo recarregada adequadamente”, aponta o especialista. Para não descarregar a bateria, é importante evitar utilizar

Para não descarregar a bateria, evite o som por períodos longos com o veículo desligado o som por períodos prolongados com o veiculo desligado. Ao desligar o carro, mesmo que por pouco tempo, verifique se não deixou nenhum instrumento ligado, como som ou faróis. Se, ao

dar a partida, houver dificuldade ou demora em acionar o motor, procure um técnico de confiança para avaliar a bateria e o motor de partida. “O motor de partida pode estar com defeito ou a bateria pode estar com carga baixa ou no final da vida útil”, diz o engenheiro de desenvolvimento da Moura. O clima frio também exigirá mais energia da bateria. “Caso ela tenha descarregado, deve-se recarregá-la completamente utilizando a carga lenta por 24 horas. Isso evita a formação de cristais de sulfato, que podem causar danos irreversíveis ao equipamento”, aconselha Thiago Dantas. “É importante mantê-la sempre recarregada e em bom estado”. Caso seja a hora de trocar a peça, é fundamental exigir uma de boa qualidade. As melhores baterias possuem normalmente três componentes que as diferenciam das demais, de segunda linha: agente químico, mecânico e elétrico. O agente químico é uma composição de aditivos que facilitam a recarga da bateria e a protegem dos danos da descarga profunda em uso prolongado. O agente mecânico promove a robustez da bateria, garantindo seu uso prolongado. Por fim, o agente elétrico, uma composição de ligas especiais, promove a melhor condução de corrente da bateria. “Com isso, a energia consegue fluir livremente, facilitando a partida mesmo em temperaturas mais baixas”, conclui Dantas.

Apesar dos percalços, o mercado argentino se integra cada vez mais ao brasileiro e vice-versa. Bom exemplo é o Salão do Automóvel de Buenos Aires. Teve início modesto em 1998 e apenas cinco edições entremeadas pelas crises econômicas no país vizinho que atingiram sua indústria automobilística. Desde 2005 passou a ser organizado nos anos ímpares e assim se intercalar com o Salão de São Paulo, nos anos pares. A exposição bienal em 2011, de 17 a 26 deste mês, tem público previsto em torno de 500.000 pessoas, segundo os organizadores. Proporcionalmente ao tamanho dos mercados surpreende, pois com toda a tradição é difícil São Paulo atrair mais de 600.000 a 700.000 visitantes. Essa edição do salão portenho apresenta grandes novidades para os dois mercados. Os fabricantes aproveitaram o bom momento para antecipar o que chega nos próximos meses. Entre as surpresas o Chevrolet Cobalt, novo sedã compacto desenvolvido na Coreia do Sul com participação brasileira. Embora apresentado como carro-conceito e superequipado, está pronto para o lançamento nesse segundo semestre, sucedendo o Corsa sedã. A nova picape S10 surgiu disfarçada como Colorado (nome nos EUA) na versão Rally. Retirados os pesados adereços, é o mesmo produto que será lançado aqui logo no início de 2012. A Ford também antecipou como será a nova Ranger, mostrada antes no Salão da Austrália, em outubro do ano passado. Fabricada na Argentina e prevista para meados de 2012, pôde ser apreciada por inteiro em versão definitiva, inclusive o interior evoluído da cabine dupla. A Renault exibiu o utilitário esporte compacto paranaense Duster que chegará em quatro meses. A Sport Cross, versão aventureira da station argentina SpaceFox, está pronta e prevista para agosto. O Fiat 500 mexicano estreou para o mercado argentino com o motor 1.4 Multiair, de 102 cv, fabricado nos EUA. E a Nissan surpreendeu ao exibir o Sunny, sucessor do Tiida sedã, que também virá do México, em 2012. Otimismo quanto ao crescimento dos dois mercados ninguém tem dúvidas e marcou o Salão de Buenos Aires. No entanto, a capacidade da indústria instalada competir com veículos importados já não parece tão clara. Um executivo brasileiro, que pediu anonimato à coluna, fez as contas: em 2013, se nada for mudado para aumentar a competitividade, sairá mais barato importar um modelo compacto da China, pagando imposto de 35% e o frete, do que produzir aqui. Há outros sinais claros sobre essas dificuldades, como a escalada dos custos de mão de obra evidenciados

na longa greve de 37 dias enfrentada na fábrica paranaense da Volkswagen. A vizinha Renault pagou o que o sindicato pediu para evitar uma parada às vésperas de um lançamento. A japonesa Mazda volta ao mercado brasileiro no próximo ano, mas preferiu abrir uma fábrica no México. A BMW anunciou que planeja produzir na América Latina. O Brasil, ainda candidato, enfrenta a forte concorrência mexicana pelo investimento da marca alemã. De oportunidade em oportunidade perdida, o país precisa decidir o que quer da vida em termos industriais. Consolidar-se como polo produtivo e exportador ou simplesmente passar a importar carros completos ou desmontados com baixo conteúdo local. • RODA VIVA AUMENTA aos poucos a oferta de câmbio automático em modelos mais acessíveis. Renault terá essa opção no Sandero e também no Logan até agosto. É unidade convencional, com conversor de torque, fabricada na França pela STA, subsidiária da marca. Câmbio robotizado, mesmo de produção nacional, foi desconsiderado. ÚLTIMA forma: Fiat 500 terá motor flex (1,4 Fire Evo) e também câmbio de cinco marchas produzidos no Brasil e exportados para o México, de onde virá sem imposto. Para compensar os 12 cv a menos em relação ao motor atual, utilizará marchas mais curtas que as da atual caixa de seis velocidades. Futuro Multiair flex virá dos EUA, mas com desenvolvimento brasileiro. FREELANDER 2 agora dispõe de motor diesel com turbocompressor de geometria variável de 2,2 l/190 cv/43 kgf·m e autonomia de até 972 km, segundo a Land Rover. O preço, como todo diesel, é um pouco puxado: de R$ 130.000 a R$ 173.000. Motor de seis cilindros em linha a gasolina, 3,2 l e mais 43 cv custa R$ 7.000 a menos: ideal para quem roda menos. INVESTIMENTO na nova fábrica da BorgWarner, em Itatiba (SP), totaliza R$ 70 milhões. Capacidade de produção de turbocompressores subirá de 300.000 para 500.000 unidades/ ano. Para alcançar esse volume a empresa conta que motores turboflex, na faixa de 1 a 1,4 litro de cilindrada, serão ofertados no Brasil visando a menor consumo de combustível. SEGUNDA animação da Disney.Pixar sobre automóveis, Carros 2 estreia dia 24 deste mês. Filme em 3D vale ainda mais a pena de ser assistido por quem tem conhecimentos automobilísticos para perceber sutilezas e bom humor dos diálogos. Prende a atenção dos menos iniciados pelo ritmo acelerado e enredo mais apurado do que no primeiro filme.


Carro &Cia. agora é tem roda Carro&

25/06 a 01/07/2011 ARQUIVO

Brasil volta à 4ª posição no ranking mundial A JATO Dynamics do Brasil, líder em fornecimento de informações automotivas, divulga seu release com os dados de veículos vendidos mundialmente no mês de abril de 2011. Os EUA ultrapassaram a China nas vendas em abril, com crescimento de 17,9% em comparação ao mes-

] MAIS UM PRÊMIO PARA A KIA ]

Spor tage ganha destaque Sportage O SUV Kia Sportage (foto), que já recebeu diversas homenagens desde seu lançamento, soma a essa extensa lista o prêmio Veículo Satisfação 2011, da empresa de consultoria norte-americana AutoPacific, baseado em comentários positivos de proprietários de veículos Kia. O Sportage (encontrado em Uberaba na Kamelcar) foi nomeado veículo top da categoria SUV compacto e marcou 10 pontos a mais que o produto que ficou em segundo lugar. Além disso, o aclamado sedã Optima registrou aumento significativo no feedback positivo dos proprietários, ficando em segundo lugar na categoria médio premium, enquanto a marca Kia subiu doze posições na última pesquisa. “O Sportage recebeu feedback positivo do mercado e atraiu novos consumidores para a marca desde que chegou aos showrooms, graças a sua combinação imbatível de design, eficiência de combustível líder na categoria, tecnologia inovadora e longa lista

de itens de conforto”, disse Michael Sprague, vice-presidente de marketing e comunicações da Kia Motors America. “Este prêmio da AutoPacific não só destaca o compromisso da marca com a satisfação do cliente, mas ressalta o fato que oferecer estilo, produtos de qualidade a um preço competitivo e ter garantia líder da indústria são fatores que continuam a repercutir entre os consumidores”. O estudo resume os resultados de mais de 68 mil proprietários de veículos novos para determinar os vencedores em cada segmento. O Sportage 2011 foi selecionado por entregar valor e altos níveis de satisfação em 48 categorias distintas, que medem objetivamente a experiência do proprietário. Todo ano AutoPacific publica uma grande variedade de estudos da indústria automotiva. A empresa também realiza extensa pesquisa de propriedade e consultoria para fabricantes de automóveis, distribuidores, comerciantes e fornecedores de todo o mundo.

(34) 3312 3030 / (34) 3332 2030 - Fox 1.0 City 4p 08/08 cinza alarme, trava, ldt - Fox 1.0 City 4p 08/08 prata sargas, completo (sem ar) - Gol 1.6 Power 07/08 cinza urano, dh - Gol 1.6 Power 4p Total Flex 07/08 branco cristal, ar, dh - Gol GL 92/92 bege básico - Santana 2.0 95/95 cinza, completo - Polo 1.6 03/03 preto metálico completo - Saveiro 1.6 CE Total Flex 10/11 vermelho, completo (sem ar) - Pampa 1.6 L 96/96 gasolina azul básica - Fiesta Flex 1.0 07/08 prata - Ka 1.0 09/00 vermelho, básico - F-1000 86/86 azul + CD - Civic EX 98/98 gasolina azul automático completo, ar, dh, ve, te - Corsa W Sup 4p 98/99, branco, trava, alarme - Corsa Wind 4p 00/01, prata, trava, ldt - Monza GL 94/94, azul, 2p, ve - Pick-up Corsa Sport, 03/03 preta, completa

- S10 2.4 CD EXE 09/10 preta, completa - S10 2.4 CD Advant. 07/07 prata completa - Palio ELX 1.4 Flex 07/08 prata, completo (sem ar) - Palio Week 1.0 01/02 vermelho, completo (sem ar) - Palio Fire Flex 4p azul 09/10 Economy - Strada Fire 1.3 CE flex 04/05 prata, dh - Strada Work 01/01 branca - Uno Mille Fire 2p 06/06 azul básico - Uno Mille Fire flex 4p 07/08 prata - Uno Mille Fire 4p 02/03 verde, te, alarme, ldt - Clio S Expres 1.0 05/06 prata completo - C3 1.6 Exclusive 07/08 prata, completo, ar, dh, ve, 36.000 km - Tucson GL 2.0 07/08 preta, completa, mecânica, 41.000 km - Corolla XE-i 09/10 preto, completo - Hilux SW4 07/07 bege metálico, SRV, 4x4, aut., completo (+ banco couro)

Confira estoque com fotos no site www.temroda.com.br

tem roda Uberaba 11

mo período de 2010, deixando para trás o país asiático, que obteve apenas 3,5% de crescimento. Em terceiro lugar no ranking mensal, segue a Alemanha com crescimento de 2,8% em abril. Os dados chineses incluem apenas veículos de passeio. Para o restante dos países

os números englobam carros e comerciais leves. O Brasil segue na quarta colocação com aumento de 4,2% nas vendas de veículos em abril em relação a 2010. Rússia e Índia obtiveram crescimento significativo de 42,4% e 14,1% em relação ao ano anterior.


12  tem roda Uberaba

25/06 a 01/07/2011

Carro &Cia. agora ĂŠ tem roda Carro&


Tem Roda - 25-06 a 01-07-2011