Issuu on Google+

O projeto Implantação do Telessaude Rondônia O projeto Implantação do Telessaude Rondônia está em andamento desde setembro de 2010, a primeira parcela do orçamento foi liberadas em dezembro de 2011 e a execução do planejamento realizado nos diversos campos de atuação, dentro das diretrizes da PORTARIA Nº 402, DE 24 DE FEVEREIRO DE 2010. A partir das publicações das portarias no. 2.073, DE 31 DE AGOSTO DE 2011 e no. 2546 27 OUTUBRO DE 2011, com as alterações e regulações do Telessaude Brasil, agora, Telessaude Brasil Redes, ampliou-se as ações e interrelações das Unidades de Serviço, fortalecendo a participação das Redes de Atenção Básica. Num esforço conjunto entre o governo do Estado de Rondônia, os municípios e a Universidade Federal de Rondônia, para fortalecer as ações da Rede de Atenção Básica através do Programa de Telessaúde Brasil Redes. A aplicação dos recursos tem sido dedicados a aquisição de mais equipamentos para beneficiar os municípios que não incluídos no primeiro projeto de implantação, no auxílio a estruturação e do acesso a internet, na ampliação da capacidade do Núcleo para treinamento das novas equipes e teleconsultoria e, ainda, na estruturação e capacitação de Unidades de Telessaude no nível Estadual, Regional e Municipal. A situação atual do Telessaude Brasil Redes Rondônia é de franca implantação que propõe alcançar todos os 52 municípios do estado afim do 1 semestre de 2014. Temos o Núcleo de telesssaude montado na UNIR em parceria com a Rede Universitária de Telemedicina – RUTE, além de pontos avançados em fase de implantação em hospitais e ambulatórios de especialidade, em parceria com a SEMUSA/Porto Velho e a SESAU/RO. Dos 50 pontos de telessaude recebidos na primeira leva, através da UNIR, 15 já foram entregues e os outros serão entres juntamente com os novos equipamentos adquiridos até o fim de 2013. O site do Telessaúde RO está ativo e pode ser acessado pelo endereço: wwww.tessaude.unir.br, e está em processo de implementação contínua, abrigando a plataforma Telessaude do UFRGS. Com a inclusão do médico regulador e teleconsultor, esperamos iniciar as atividades de teleconsultoria no próximo mês, expandido o tipo de ações disponíveis no núcleo de Rondônia. Ainda, o Núcleo de Rondônia conta com o suporte do Telessaude do Amazonas e do Rio Grande do Sul para matriciamento local e atenção aos médicos do programa PROVAB e Mais Médicos no estado. Desafios a frente incluem a dificuldade de acesso a internet de boa qualidade em muito dos municípios no estado, treinamento e acompanhamento das equipes na UBS, credenciamento e treinamento de teleconsultores e integração da regulação física e virtual do Telessaude. Alguns passos tem sido tomados para resolver ou mitigar estes


problemas: a contratação da Fiocruz em parceria com a UNIR para orientar no processo de programação das ações e convencimento institucional para a Saúde Pública regional, o envolvimento de diretores de instituições provedoras de atendimento físico na logística e governança da regulaçãoo de encaminhamentos no estado e municípios e a disponibilizaçãoo pelos gestores de saúde de parte da carga horaria de seu pessoal especialista para atender como consultores no Telessaude.


A037