Page 1

RELATÓRIO ANUAL 2016  1


A Fundação Beto Studart é uma entidade sem fins lucrativos, que tem como missão p​romover o crescimento ​humano, no apoio e desenvolvimento de talentos. É uma instituição qualificada pelo Ministério da Justiça como OSCIP – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, desde o ano de 2005. Os resultados referentes ao ano de 2016, tem como base os números gerenciais do exercício e os dados financeiros de captação e investimentos nos diversos programas e projetos. NÚMERO DE INSTITUIÇÕES APOIADOS/FINANCIADOS – 2016 POR ÁRE DE ATUAÇÃO

Nº DE INSTITUIÇÕES APOIADAS CULTURAL DESPORTIVA EDUCACIONAL GERAÇÃO DE TRABALHO E RENDA SOCIAL SAÚDE RELIGIOSA TOTAL

18 4 5 01 12 4 4 48

NÚMERO DE BOLSISTAS POR ÁREA – 2016

2


Nº DE BOLSISTAS POR ÁREA ÁREA DE ATUAÇÃO QUANT. CULTURAL DESPORTIVA EDUCACIONAL TOTAL

24 13 33 70

BOLSISTAS COM INSTITUIÇÕES PARCEIRAS

BOLSISTAS COM INSTITUIÇÕES PARCEIRAS CONSERVATÓRIO DE MUSICA ALBERTO NEPOMUCENO ASSOCIAÇÃO PRIMEIRA CHANCE TOTAL ANÁLISE DAS RECEITAS E DOS INVESTIMENTOS

44 53 97

3


Durante o ano de 2016 a Fundação Beto Studart concedeu um total de 70 bolsas, sendo 37 Bolsas Talento nas áreas culturais e desportivas, além de 33 bolsas na área educacional. Todas elas são concedidas diretamente pela Fundação, com amparo em critérios previamente estabelecidos. Além das bolsas concedidas diretamente, a Fundação firmou parceria com duas outras instituições, ampliando assim o quantitativo de bolsistas: A - ​Parceria com Conservatório de Música Alberto Nepomuceno – 44, sendo: 1. Desenvolvimento do Projeto Cultivando Talentos - 25 O “Projeto Cultivando Talento” desenvolvido pelo Conservatório de Música Alberto Nepomuceno em parceria com a Fundação Beto Studart, tem como objetivo principal utilizar a música como ferramenta de inclusão social e gerar oportunidade de desenvolver potencialidades na área da música para adolescentes e jovens de famílias de baixa renda. No projeto estão sendo acompanhados vinte e nove adolescentes e jovens os quais recebem bolsa integral para acesso aos cursos de canto, flauta, violão, percepção musical e laboratório coral. Além da bolsa para o curso, os alunos recebem recursos para transporte e alimentação (lanche). 2. Desenvolvimento do Projeto Canteiros - 19 O Projeto Canteiros é o resultado de uma parceria entre a BS Participações (BSPAR), Fundação Beto Studart de Incentivo ao Talento e o Conservatório de Música Alberto Nepomuceno. O Projeto configura-se como uma oportunidade de gerar acesso ao universo da cultura através da arte musical e como uma ferramenta de inclusão social e desenvolvimento integral às crianças na faixa etária de sete a catorze anos dos filhos dos colaboradores da BS Participações que atuam nos canteiros de obras e escritórios da Empresa​. B - ​Parceria com Associação Primeira Chance​ - 53

Em 2016 foram beneficiados 53 bolsistas na área educacional, com apoio financeiro da Fundação Beto Studart e de outros apoiadores, que juntos viabilizam o desenvolvimento do projeto. Fundada em 2011, Associação Primeira Chance promove a inclusão social de jovens de baixa renda investindo em sua educação. A Primeira Chance age identificando jovens talentosos de famílias de baixa renda que demonstraram capacidade e dedicação necessárias para serem 4


bem sucedidos em sua vida acadêmica e também profissional. Uma vez aprovado no processo seletivo, o jovem se torna bolsista da Primeira Chance e tem acesso a ensino de qualidade e suporte financeiro para custear gastos relacionados à sua educação – como material escolar, transporte e alimentação. A cada bolsista é também designado um mentor para lhe orientar em decisões de carreira,

MONTANTE DE BOLSAS CONCEDIDAS NO EXERCICIO DE 2016 FUNDAÇÃO BETO STUDART CONSERVATÓRIO DE MÚSICA ALBERTO NEPOMUCENO ASSOCIAÇÃO PRIMEIRA CHANCE TOTAL

70 44 53 167

RECEITAS – 2016

5


RECEITAS 2016 DOAÇÕES DE PESSOA FISICA DOAÇÕES DE PESSOA JURÍDICA RECEITAS FINANCEIRAS TOTAL

1.312.260,00 223.100,00 2.689,59 1.538.049,59

Os recursos captados pela Fundação são oriundos de doações de seu instituidor: Jorge Alberto Vieira Studart Gomes e filhos como Pessoa Física e de doações da BSPAR (grupo de empresas pertencente ao instituidor) na condição de Pessoa Jurídica. INVESTIMENTOS – 2016 POR ÁREA DE ATUAÇÃO

6


INVESTIMENTO POR ÁREA CULTURAL DESPORTIVA EDUCACIONAL GERAÇÃO DE TRABALHO E RENDA SOCIAL RELIGIOSA SAÚDE TOTAL

445.728,55 91.414,87 415.650,07 14.400,00 146.151,06 113.987,71 60.600,00 1.287.932,26

POR NATUREZA DE DESPESA - 2016

7


DESPESAS/INVESTIMENTOS 2016 DOAÇÕES E PATROCÍNIOS CONCESSÃO DE BOLSA DESPESAS ADMINISTRATIVAS TOTAL

911.127,13 376.805,13 303.616,10 1.591.548,36

Analisando o uso dos recursos, observa-se que o maior volume é aplicado nas áreas da Cultura e Educação, que juntos somam 67% do total investido nos diversos projetos. É importante destacar que as doações e patrocínios para as 44 instituições apoiadas durante o ano representaram 57% do total dos recursos e que 24% desses recursos foram destinados ao Programa de Concessão de Bolsas, enquanto que apenas 19% foram utilizados para o custeio e despesas operacionais para manutenção das atividades administrativas.

DESTAQUES DE 2016 O CENTRO PARADESPORTIVO EDIVALDO PRADO se consagrou tetracampeão do VIII MEETING CEARENSE DE NATAÇÃO PARALÍMPICA 8


de 2016 Em 1994 não existia a natação paraolímpica no estado do Ceará foi quando Edivaldo Prado começou e foi o pioneiro do esporte paraolímpico aqui em nosso estado, passou por inúmeras barreiras mais nunca desistiu do sonho. Edivaldo contou com o apoio da Fundação Beto Studart que acreditou e Investiu na parceria com a construção do Centro Paradesportivo no município de Maracanaú-Ce. Ao longo dos seus 9 anos de existência, a equipe já conquistou mais de 3.040 medalhas, consagrando-se a maior equipe de natação paraolímpica do Ceará. Centro Comunitário São Vicente - ganha creche e centro comunitário Através de uma parceria firmada entre a Fundação Beto Studart, O Governo do Estado do Ceará, a Prefeitura Municipal de Fortaleza e o Grupo C. Rolim Engenharia, foi realizada a Construção da Creche e a Reforma do Centro Comunitário São Vicente. A unidade realiza atividades de fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, além de orientar a comunidade sobre o acesso a políticas públicas e garantia de direitos sociais. O Centro atende o público dos bairros Aldeota, Meireles, Dionísio Torres, São João do Tauape e Joaquim Távora. A unidade realiza atividades de fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, além de orientar a comunidade sobre o acesso a políticas públicas e garantia de direitos sociais..

O Centro Comunitário São Vicente atende o público dos bairros Aldeota, Meireles, Dionísio Torres, São João do Tauape e Joaquim Távora e realiza, ainda: cursos profissionalizantes nas áreas de Informática; Pães, Pizzas e Folheados; e Customização de Peças Femininas. Até o final de 2016, devem ser realizados, ainda, cursos de Culinária Doméstica, Eletricista, Manicure e Garçom. Além disso, a unidade mantém três Grupos de Convivência para idosos, mulheres boleiras e famílias e realiza oficinas de Música e Capoeira.

9


Associação PRIMEIRA CHANCE, instituição apoiada pela FUNDAÇÃO BETO STUDART foi homenageada na ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO CEARÁ A Associação Primeira Chance, instituição apoiada pela Fundação Beto Studart desde 2013 ampliou ao longo desses 04 últimos anos o número de bolsistas contemplados de 06 para 43, no Ceará, graças ao fortalecimento e ampliação das parcerias. Pelos serviços prestados à educação de alunos de baixa renda no Estado do Ceará e por oferecer oportunidades para jovens brilhantes terem um caminho de sucesso, a Assembléia​ Legislativa do Ceará realizou, em 26/08/2016, ​uma sessão solene para homenagear alunos que conquistaram medalhas de ouro, prata e bronze na 11ª Olimpíada Brasileira de Matemática de Escolas Públicas (OBMEP) e na 37ª Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), realizadas em 2015.​ ​ Anualmente a Primeira Chance registra a aprovação de seus bolsistas nos vestibulares de Engenharia Mecânica no Instituto Militar de Engenharia (IME) e no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), considerados dois dos vestibulares mais difíceis e concorridos do pais. No ano de 2016, o bolsista Felipe Bastos, de 17 anos, nascido em Saboeiro – interior do Ceará – foi aprovado em ambos: IME e ITA. Filho de uma professora e de um comerciante, Felipe sempre viu a educação como um agente de transformação da sua vida e de sua família.

Beto Studart, instituidor e presidente da Fundação que leva o seu nome, incentivou amigos a DOAR. Ao convidar os amigos para seu aniversário de 70 anos, Beto externou seu desejo de que se alguém tivesse a intenção de presenteá-lo, o fizesse através de doações a duas das entidades apoiadas pela Fundação: ASSOCIAÇÃO RECANTO DO SAGRADO CORAÇÃO que atende a 120 moradores de rua e abriga 25 dependentes químicos e CRECHE SÃO JUDAS TADEU que atende a 80 crianças e familiares do Bairro Jangurussú. Os resultados alcançados foram motivo de alegria para o aniversariante, as entidades beneficiadas, para todos que fazem a Fundação Beto Studart e para os que colaboraram direta e indiretamente para o êxito do evento. ASSOCIAÇÃO RECANTO DO SAGRADO CORAÇÃO: R$ 94.535,00 (novent, o que lhe permitiu: a aquisição de um veículo FIAT Pálio, a reforma do refeitório, aquisição de ventiladores e outros equipamentos. 10


ASSOCIAÇÃO UNIÃO DOS MORADORES DO CONJUNTO JOÃO PAULO II CRECHE SÃO JUDAS TADEU: R$ 81.510,00, que foram aplicados na Reforma e Ampliação de suas instalações, a aquisição de um veículo S-10 4x4, aquisição de freezer, computador e outros equipamentos. CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA DECLARAÇÃO DE AMOR A Fundação Beto Studart em parceria com a BSPAR estruturou e implantou o PROGRAMA DECLARAÇÃO DE AMOR, com o objetivo de estimular a doação de recursos oriundos de Pessoa Física fazendo uso das leis de incentivo fiscal. Por ser o primeiro ano de sua atuação sua adesão deixou muito a desejar mas percebe-se que a semente da cultura de doação foi plantada e que a adesão se dará progressiva.

BOLSISTAS ÁREA CULTURAL Pedro Barreto O bolsista e violinista da FBS desde 2006, atualmente está na Univertat der Kunste Essen – Alemanha.

Folkwang

Por ocasião do Concurso de Música de Câmera Mozartvereins, realizado em 23 e 24 de janeiro de 2016, em Nuremberg - Alemanha, obteve o 1o lugar (prêmio Dr. Wilhelm Doni), executando trios de Ravel e Beethoven. O trio contou com a participação dos jovens colegas coreanos: Jae Yeoun Kang (violoncelo) e Jeong Je Lee (piano). A crítica impressa escreveu: "O primeiro prêmio "Wilhelm Doni" foi para o trio de Pedro Barreto (violino), Jae Yeoun Kang (cello) e Jeong Je Lee (piano), com obras de Ravel e Beethoven: fortemente impressionista, imagens transparentes e um Beethoven arrebatador, com muito efeito." Durante o ano de 2016 participou de concertos, concursos, masterclasses internacionais, formação de novos grupos de câmara, com intensas atividades, não só na Alemanha como em Atenas (Grécia) e Sofia (Bulgária) todos eles com importantes violinistas da atualidade e foi vencedor do concurso para solista do Concerto para violino e orquestra de Mendeissohn, em Nuremberg, sob regência do laureado marstro Guido Rumstadt. Em março de 2016, em visita ao Ceará, participou do Recital no Conservatório de Música Alberto Nepomuceno, situado na Av. da Universidade nº2210, Bairro Benfica em Fortaleza-CE.

11


No terceiro trimestre, Pedro foi selecionado para estudar com o famoso Professor de Violino “Stephan Picard” em Berlim tendo aulas particulares com referido professor. Pedro participou de mais de 5 ensaios e 5 concertos com a Orquestra “Orchestergemeinschaft Lauf-Hersbruck”, além de outros concertos e participações como solista em diversas atividades. Alexandre Sousa Bezerra "Alexandre Sousa Bezerra é bolsista desta Fundação e se encontra na França cursando: Licenciatura em Interpretação e História da Música, na “Université de Versailles” e no Conservatório de Versailles, uma das mais bem conceituadas no ensino da música barroca na Europa." Aline Maria Araújo de Sousa Aline toca violino desde os 12 anos de idade. Começou no SESI da Barra do Ceará, tocando na Orquestra Filarmônica do Ceará e na Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual do Ceará. A bolsista estuda música no Conservatório de Briançon – França, com aulas em tempo integral de segunda a sexta-feira, nas áreas de Regência Orquestral, Formação Musical, Música de Câmara e Harmonia do jazz. Antônio Carlos Garcia Pessoa Junior O bolsista encontra-se cursando Canto Lírico na University of Wisconsin-Madison, onde faz Mestrado em Performance Vocal tendo sido aprovado para o Curso de Doutorado em Performance Vocal. Cássio Braga da Costa Cassio foi um dos bolsistas selecionado para o Projeto Briançon Tempo de Brasil ano letivo 2014/2015, no Centro de Ensino Musical Hulda Lage desenvolvido pelo Conservatório de Artes Integradas de Briançon, na França. O projeto foi criado em 2006 e já contemplou 27 músicos do Ceará, que obtiveram o diploma de nível médio Certificat de fin d'études musicales (Certificado de Conclusão dos Estudos Musicais) emitido pelo Conservatório de Briançon. A Bolsa Talento concedida pela Fundação Beto Studart, destina-se a auxiliar nas despesas pessoais e compra de instrumento, viabilizando a participação do bolsista na comunidade de Municipios da região de Briaçon, tendo como objetivo a obtenção do “Certificat de fin d’eétudes musicales”.

12


ÁREA DESPORTIVA Thiago Monteiro Thiago Monteiro está vivendo uma grande fase, encerrou o ano de 2015 sagrando-se campeão do Brasil MasterCup, evento que reúne os oito melhores tenistas profissionais brasileiros. É considerado o tenista brasileiro que mais pontuou no Ranking Mundial da ATP. Iniciou 2016 ocupando a posição de 463º do ranking mundial e finalizou o ano de 2016 ocupando a posição de 99º ​no mundo da ATP, ou seja, ele entrou no seleto grupo TOP 100. Letícia Monteiro Em janeiro de 2016, Letícia foi declarada Atleta Revelação pelo Diário do Nordeste e continuou sua fase de conquistas, consagrando-se campeã da 2ª Copa Vandeci Soares – VTI Open. O evento aconteceu nas quadras da Academia Cearense de Tênis. Campeã no SODEXO Super Tennis Open realizado no período de 22/01 a 22/02/2016; Vice-campeã no DJEI TII realizado no período de 19 a 29 de fevereiro no Winner Tennis & Fitness; Campeã do XII Torneio Top de Tênis; Vice-campeã no ITF BEACH TÊNIS, realizado em Fortaleza – CE; Campeã no XII Torneio Top Tênis em maio 2016; Campeã DJC TII Super Tennis X-Treme realizado em junho 2016; Em agosto/setembro 2016 foi vice-campeã no V Super Tennis e campeã no Jub’s Cuiabá, e no X-Treme Open em S. Paulo/SP. CONCLUSÃO: Ao finalizarmos o nosso Relatório, podemos dizer que os investimentos realizados ao longo do ano de 2016 geraram grandes resultados no leque de bolsistas, nas instituições apoiadas e no público beneficiado, mostrando-nos que estamos trilhando o caminho certo e com decisões coerentes com a Missão e os Valores da Fundação Beto Studart.

13

Relatorio 2016  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you