Issuu on Google+

Turismo A Região Sul possui uma variedade de lindas paisagens naturais, além disso, sua composição arquitetônica, herdada dos imigrantes lá estabelecidos, cria uma verdadeira atração turística, uma vez que foge da realidade dos outros estados e regiões. Outros atrativos são as tradicionais festas nas colônias européias, como danças, culinária e todas as formas de manifestações culturais preservadas pelos imigrantes europeus. No entanto, a natureza é o que mais encanta, nesse sentido o sul tem muito a oferecer, a seguir alguns dos pontos turísticos naturais mais conhecidos e visitados. - Parque Nacional do Iguaçu, no qual está localizado as Cataratas do Iguaçu, considerada como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, Balneário Camboriú , Parque Nacional de Aparados da Serra e Ruínas Jesuítico-Guaranis.

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELÉM SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR HELDER FIALHO DIAS

Lecy Barbosa Diretora

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELÉM SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR HELDER FIALHO DIAS

Domingos Eduardo Professor de Geografia

Tatiana Tavares Professora da Sala de Informática

Sabrina Santos Aline Lais Milena Souza Larissa Lopes Beatriz Vilhena Lorena Lopes

Cataratas do Iguaçu

Equipe Estamos também na Web! escolahelderfialhodias.blogspot.com.br

Belém/Pará 2013


Sul A Região Sul é composta por três estados: Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Com 576.409,6 km² de extensão, é a menor região do Brasil fazendo fronteira com a região sudeste e centro-oeste, além dos países Uruguai, Paraguai e Argentina. Algumas cidades do Sul celebram as tradições dos imigrantes em festas típicas, como a Oktoberfest, em Blumenau (SC) e a Festa da Uva, em Caxias do Sul (RS).

Vegetação A vegetação sulista é bastante variada, encontramos a devastada Mata das Araucárias nas regiões mais frias, além dos campos limpos do pampa gaúcho. No litoral, encontramos minoria de vegetação costeira, que dividem-se desde mangues, até restingas.

Relevo O relevo sulista constitui-se principalmente de duas diferentes divisões do planalto brasileiro. Um deles é o planalto cristalino ou planalto atlântico, que formam as elevações no leste da região, algumas até próximas ao litoral. Esta elevação é responsável pelo grande número de morros na região, conhecido como "mar de morros". O planalto meridional ocupa a maior parte da região sul, formando as conhecidas serras, como a Serra Geral. Planícies também são encontradas na região.

Clima O clima da Região Sul é o subtropical, exceto pelo norte do Paraná onde predomina o clima tropical. Com grandes variações de temperatura, é a região mais fria do país onde, durante o inverno ocorre geadas, e em algumas localidades como a região central do Paraná, e o planalto serrano do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, pode ocorrer até neve.

Cidades As principais cidades da Região Sul são: Curitiba (capital do Paraná), Porto Alegre (capital do Rio Grande do Sul), Florianópolis (capital de Santa Catarina), Joinville, Londrina, Caixas do Sul, Maringá, entre outras.

Hidrografia Por conta do relevo, a maioria dos rios segue em direção de leste para oeste. As duas principais bacias hidrográficas são a Bacia do Paraná e a Bacia do Uruguai. Os rios da região tem grande potencial hidrelétrico. A Usina de Itaipú, uma das maiores usinas hidrelétricas do mundo, localiza-se no Rio Paraná

O Povo e seus costumes A região Sul do Brasil é composta pelos Estados do Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina. Apresenta grande diversidade cultural, as maiores influências culturais são dos imigrantes europeus. O gaúcho, que não dispensa a bombacha, o lenço e o poncho, aprecia o chimarrão e o churrasco. Grande parte das danças gaúchas é de origem portuguesa, se destaca também as danças espanholas, como a tirana e o anu. A festa de Nossa Senhora dos Navegantes, de origem portuguesa, é realizada em Porto Alegre No Paraná, a culinária inclui o barreado, um cozido de carne. É um prato caboclo típico do litoral. Alguns eventos culturais são marcantes, e mobilizam várias pessoas. O boi-de-mamão, por exemplo, vai do Natal ao carnaval. Começa com as prendas e pedidos de ajuda e termina com a morte e ressurreição do boi.


Região sul folder