Page 105

Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Excitotoxicidade e Neuroproteção (INCT-EN) Comitê gestor Diogo Onofre Gomes de Souza (Coordenador) Carlos Alberto Gonçalves (Vice-coordenador) Susana Tchernin Wofchuk João Batista Teixeira da Rocha Jean Pierre Oses Principais pesquisadores Diogo Onofre Gomes de Souza, Carlos Alberto Saraiva Gonçalves, Moacir Wajner, Luis Valmor Portela, Carlos Alexandre Netto, Susana Tchernin Wofchuk, Lisiane Porciúncula, Cristhiane Gazzana Salbego, Diogo Losch de Oliveira, Marco Stefani, Vanessa Schein, Letícia Petenuzzo, Ana Paula Horn, Diogo Rizzato Lara, João Batista Teixeira da Rocha, Paula da Costa Ribeiro, Jean Pierre Oses, Lucia Helena Vinadé, Carla Ines Tasca, Marcelo Farina, Antonio Galina, Adriano Tort Principais linhas de pesquisa Excitotoxicidade, suas conseqüências e estratégias de neuroproteção, com uma abordagem multidisciplinar básica e clínica. Formação de recursos humanos altamente qualificados no tema ao nível de pós-graduação. Difusão do conhecimento em Neurociência, envolvendo estudantes do ensino médio, de graduação e de pós-graduação. Resumo dos resultados e perspectivas Durante o ano de 2009 e primeiro semestre de 2010 (18 meses), foram publicados 173 artigos científicos, dos quais quase a totalidade em revistas internacionais indexadas. Foram defendidas 28 teses de doutorados e 42 dissertações de mestrado e atualmente temos 66 teses e 31 dissertações em andamento. A contribuição científica do nosso INCTEN reside no avanço da compreensão de mecanismos de doenças cerebrais que envolvem a excitotoxicidade glutamatérgica bem como o uso de novas estratégias de prevenção e/ou tratamento: 1) o uso de guanosina, GMP e a manipulação farmacológica de receptores de adenosina em modelos experimentais de isquemia cerebral, convulsões, epilepsia e processos de dor; 2) estabelecimento de novos marcadores de doenças cerebrais e de eficácia de estratégias preventivo-terapêuticas; 3) melhor entendimento de: a) parâmetros neuroquímicos de distúrbios do metabolismo intermediário cerebral, como acidemias orgânicas; b) participação de astrócitos nas doenças cerebrais e nas estratégias de neuroproteção; c) mecanismos envolvidos nos efeitos benéficos do exercício físico regular sobre o cérebro; d) medidas de funcionalidade da transmissão sináptica por eletrofisiologia que possam ser utilizados como marcadores de distúrbios cerebrais e da eficácia de estratégias neuroprotetoras; e) parâmetros neuroquímicos envolvidos na neurotoxicidade de metais tóxicos e nas estratégias neuroprotetoras, como o uso de calcogênios e antioxidantes; f) parâmetros neuroquímicos envolvidos em pacientes com traumatismo cerebral. 104

Principais publicações • SCHMIDT, ANDRÉ P. ; PANIZ, LUCAS ; SCHALLENBERGER, CRISTHINE ; BÖHMER, ANA ELISA ; WOFCHUK, SUSANA T. ; ELISABETSKY, ELAINE ; PORTELA, LUIS VALMOR C. ; SOUZA, DO. J. Pain, 11: 131-141, 2010. • ARDAIS, AP, VIOLA, GG, COSTA, MS, NUNES, F, BEHR, GA, KLAMT, F, MOREIRA, JC, SOUZA, DO, ROCHA JB, PORCIÚNCULA LO. Toxicol Sci. 113: 434-443, 2010. • SCHMIDT, AP ; BÖHMER, AE ; ANTUNES, C ; SCHALLENBERGER, C ; PORCIÚNCULA, LO ; ELISABETSKY, E ; LARA, DR ; SOUZA, DO. British J.Pharmacol.156: 163-172, 2009. • RODRIGUES, L ; BIASIBETTI R ; SWAROWSKY A ; LEITE, MARINA C ; QUINCOZES-SANTOS A ; QUILLFELDT, J. A. ; ACHAVALL, MATILDE ; GONÇALVES, C. A. .J. Alzheimer’s Dis.17: 193-202, 2009. Contatos Depto. de Bioquímica – Universidade Federal do Rio Grande do Sul Rua Ramiro Barcelos, 2600 (prédio anexo). CEP 90.0035-003, Porto Alegre/RS E-mail: diogo@ufrgs.br; casg@ufrgs.br www.incten.com.br

Caffeine prevents the degeneration of neurons in the brain (hippocampus) caused by ß-amyloid peptide, which is the main component of senile plaques that surround the neurons in Alzheimer’s disease. Marking for synaptophysin (green) and MAP-2 (red)

livroinct2010  

Carlos Alberto Aragão de Carvalho Filho Presidente do CNPq 1

livroinct2010  

Carlos Alberto Aragão de Carvalho Filho Presidente do CNPq 1

Advertisement