Page 1

Pessoas, serviços e produtos comprometidos com a sua saúde.

SAÚDE

em foco

EDIÇÃO Nº

07 2014

Gripes e Resfriados Vitaminas e minerais para prevenção e tratamento

Foto: Fotolia

Echinacea – Fitoterapia imunoestimuladora Própolis – Protegendo a cidade Dicas de saúde


EDIÇÃO Nº

SAÚDE 07 em foco

EDITORIAL Difícil conseguir passar um inverno sem um resfriado ou ao menos uma coriza. Faz parte. Nesta edição falamos um pouco das diferenças entre gripes e resfriados para você saber como agir quando alguns sintomas aparecerem.

MATÉRIA DE CAPA

2014

Gripes e resfriados

O mais importante é cuidar da saúde e ter ações preventivas para evitar que complicações tirem o brilho da estação. Aproveite o que o inverno tem de melhor para chegar com muita energia e saúde na primavera. Boa leitura! DIRETORA TÉCNICA

MÁRCIA APARECIDA GUTIERREZ

N

vila madalena

Tel.: (11) 3031 0222 Rua Luminárias, 211 CEP 05439-000 vila mariana

Tel.: (11) 5089 6646 Rua Joaquim Távora, 1524 CEP 04015-014

www.sensitiva.com.br

PRÓPOLIS PARA PREVENIR E TRATAR GRIPE E RESFRIADOS Apresente este cupom e ganhe Tel.: (11) 5089 6646 DESCONTO Rua Joaquim Távora, 1524 CEP 04015-014

em toda linha de produtos Tel.: (11) 3031 0222 Rua Luminárias, 211 com própolis. vila madalena

CEP 05439-000

www.sensitiva.com.br

No Brasil, o aumento de casos de gripe geralmente ocorre entre os meses de maio e outubro. O conjunto de sintomas que costumam aparece em pacientes com gripe – como febre, tosse e dor de cabeça, entre outros – é responsável por aproximadamente 15% do total de atendimentos nas unidades de saúde em todo o país. Gripes Gripes e e resfriados são responsáveis por 40% das faltas no trabalho e 30% das faltas na escola. Na busca por resfriados são soluções rápidas muitas vezes são administrados meresponsáveis por dicamentos inadequados ou ineficientes que podem 40% das faltas até mesmo prolongar os sintomas e retardar a cura. Prevenir e tratar adequadamente pode tornar o inno trabalho e verno uma estação ainda mais agradável. A DIFERENÇA ENTRE GRIPE E RESFRIADO

*Desconto não cumulativo.

10 %*

vila mariana

o final do outono os termômetros já registram temperaturas baixas e elas deverão continuar assim nos próximos meses. Com as temperaturas em queda, devemos ficar atentos, pois durante o inverno é comum o aumento das doenças respiratórias transmissíveis, como gripes e resfriados. A queda de temperatura, o ar mais seco e a maior concentração de pessoas em ambientes fechados favorecem a circulação dos diversos tipos de vírus respiratórios, como os vírus influenza, que causam gripe – tanto a gripe comum, também chamada de influenza sazonal, quanto a gripe H1N1, que surgiu no mundo em 2009.

Foto: Fotolia.com

FARMACÊUTICA | CRF - SP 12880

30% das faltas na escola.

A gripe é causada apenas pelo vírus da Influenza. Ele pode ser tipo A, B ou C, sendo os vírus do tipo A os que, historicamente, provocam os quadros mais problemáticos. Já os resfriados são provocados por outros tipos de vírus, como os rhinovírus e o vírus sincicial respiratório (VSR), que é o maior responsável por infecções respiratórias em crianças menores de dois anos. ESTOU GRIPADO OU RESFRIADO?

No caso da Influenza A e B, os sintomas são mais severos devido, por exemplo,


EDIÇÃO Nº

em foco 07 SAÚDE

2014

O quadro clínico desenvolvido por um paciente sempre será resultado de uma conjunção de fatores ambientais, virais e do próprio indivíduo. No entanto, há mais chances de complicações em casos de gripe do que em casos de resfriados. NEM TODO ESPIRRO É GRIPE OU RESFRIADO

A rinite alérgica é muito comum em cidades como São Paulo por causa dos alérgenos soltos na poluição ambiental. Os sintomas se manifestam especialmente no nariz que fica obstruído, com secreção, e a pessoa espirra várias vezes durante certo período de tempo. No resfriado, os sintomas são parecidos com os da rinite alérgica, mas vão além. Ele pode vir acompanhado de uma faringite branda, ou seja, uma leve dor de garganta (o paciente diz que a garganta arranha ou arde um pouco), uma discreta febre (37º e fração) e um pequenino mal-estar. Quem está resfriado apresenta essa sintomatologia durante três ou quatro dias e ela vai desaparecendo espontaneamente; quem está resfriado não interrompe suas atividades, sejam elas de caráter físico ou intelectual. Apenas o desconforto do nariz incomoda e exige pausas para a higiene nasal adequada. NO FRIO TODO MUNDO SE RESFRIA

Na transmissão da gripe, o problema não é o frio propriamente dito, mas as aglomerações que se formam em ambientes fechados quando baixa a temperatura. A proximidade entre as pessoas facilita a transmissão do vírus. Portanto, o frio não é causa da gripe, apenas cria condições para maior disseminação do vírus em lugares não ventilados onde as pessoas tossem, espirram, ou falam muito perto umas das outras.

Flavonoides

O

s flavonoides são substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias que ajudam a recuperar pacientes que já estão gripados. Eles são encontrados em vegetais e frutas secas, no chá verde, vinho tinto, suco de uva e de laranja além da cebola, tomate e até no chocolate amargo.

VITAMINA A , VITAMINA C E VITAMINA E

causar sérios danos às estruturas das células, detonando o processo de envelhecimento. Alimentos ricos em vitamina E são o germe de trigo (fonte mais importante), óleos de soja, arroz, algodão, milho e girassol, amêndoas, nozes, castanha do Pará, gema, vegetais folhosos e legumes.

A Vitamina A apresenta um papel muito importante na manutenção da integridade das membranas mucosas. Por isso, a sua deficiência no nosso organismo provoca uma redução do número de linfócitos T circulantes (células do sistema imunológico), aumentando a probabilidade de ZINCO E SELÊNIO infecções bacterianas, O principal papel do virais ou parasitárias. zinco no organismo Os alimentos ricos Administração é fortalecer o sistema nesse nutriente são os imunológico. O zinco de zinco até vegetais e frutas que é importante tanto apresentam cores vium dia depois para a síntese de céluvas e fortes, tais como: do início dos las imunológicas como abóbora, abacate, acelem sua ação de defesa ga, brócolis, alfafa, caju, sintomas do contra vírus, bactérias cenoura, espinafre, esresfriado acelera e fungos. Um estudo carola, mamão, manga feito com mais de mil a recuperação. e fígado. pessoas no Instituto A Vitamina C estimula de Pós-Graduação em a resistência às infecções através da Educação Médica e Pesquisa de Chanatividade imunológica de leucócitos digarh, na Índia, afirma que a adminis(glóbulos brancos). Ela aumenta a tração de zinco até um dia depois produção dessas células de defesa, do início dos sintomas do resfriado que tem efeito direto sobre bactérias acelera a recuperação dos pacientes, e vírus, elevando a resistência a infece que o mineral também é capaz de ções. Acerola, frutas cítricas (limão, encobrir os vírus do resfriado e imlaranja, lima), kiwi, caju, tomates e vepedi-los de entrar no organismo por getais folhosos crus são fontes excemeio da mucosa do nariz. São fontes lentes. Morangos, repolho e pimentão de Zinco: ostras, sementes oleaginoverde também são boas fontes. Mas sas, como nozes e castanhas, semente não se esqueça: a vitamina C é facilde abóbora, todos os tipos de carne e mente destruída pela luz e pelo calor. alimentos integrais. Um suco de laranja com acerolas, por exemplo, deve ser consumido imediaAssim como a vitamina E, o Selênio tamente após preparo para que não possui grande capacidade antioxihaja grande perda da vitamina C. dante, ou seja, neutraliza a ação dos radicais livres (formados devido A Vitamina E tem a capacidade de a ação dos raios solares, poluição, interagir com as vitaminas A e C e fumaça de cigarro, entre outros) no com o mineral selênio, agindo como nosso corpo, retardando o processo antioxidante. Sua função primordial de envelhecimento e evitando o é proteger as membranas celulares desencadeamento de algumas formas contra substâncias tóxicas, radiação de câncer. Castanha do Pará, alimene os temerosos radicais livres que tos marinhos, fígado, carne e aves são são liberados em qualquer reação química do organismo e podem os alimentos mais ricos em selênio.

Foto: Sxc.hu

a uma resposta imune mais intensa do organismo. Isso significa que o paciente tem mais febre, prostração e dores no corpo, sintomas que se estendem entre três e sete dias, além de mais possibilidades de desenvolver um quadro pulmonar. Pacientes com doenças de base, como diabetes, asma, hipertensão e problemas cardíacos têm 100 vezes mais chances de desenvolverem complicações, como infecção bacteriana secundária associada à gripe.


EDIÇÃO Nº

SAÚDE 07 em foco 2014

Foto: Sxc.hu

Echinacea purpúrea

A

Equinacea é um fitoterápico utilizado para estimular o sistema Imunológico em casos de resfriados, gripes, infecções respiratórias e urinárias de repetição.

NÃO FIQUE MUITO TEMPO SEM COMER

Echinacea é a planta imunoestimulante mais pesquisada no mundo.

Tem uma aparência espinhosa, o que justifica a origem do seu nome. Echinos é um nome grego para ouriço-do-mar. Suas flores assemelham às margaridas e suas pétalas são arroxeadas.

Echinacea é a planta imunoestimulante mais pesquisada no mundo. Os índios americanos foram os primeiros a utilizar esta planta, pois tinham conhecimento dos seus poderes medicinais e a usavam para tratar todo tipo de picadas de insetos, na forma de infusão. O sistema imunológico é responsável por nos manter vivos e protegidos dos milhares de microorganismos que diariamente invadem nossos corpos e nos expõe a todo tipo de doenças. E a mais importante indicação da Equinacea é a ação como imunoestimulante, aumentando a defesa em pacientes com baixa imunidade, prevenindo infecções e doenças temporárias, como gripes, resfriados, dor de garganta, entre outros.

Própolis Em tempos de pandemias respiratórias e epidemias sazonais, combatê-las com produtos naturais pode propiciar uma boa recuperação a baixo custo. Dentre os produtos empregados com esse objetivo, a própolis vem se destacando mundialmente, em virtude de seu imenso potencial na prevenção e no tratamento de diversas doenças. Foto: Fotolia.com

Dicas de saúde para prevenir gripes e resfriados

A própolis é uma mistura complexa de aspecto pastoso formada por materiais resinosos e balsâmicos de origem vegetal. É coletada por abelhas e modificada por meio de suas secreções salivares. As abelhas utilizam a própolis no reparo de frestas e danos na colmeia. Esse fato serviu de inspiração para a palavra: em grego, própolis significa “em defesa da cidade” ou “em defesa da colmeia”. Esse produto é usado pelo homem desde 350 a.C. Os gregos aplicavam- no em abscessos e os egípcios o empregavam em mumificação; romanos e incas tratavam ferimentos com ele. Mas ele só viria a se tornar realmente popular na década de 80, quando ganhou importância na medicina complementar. Atualmente são atribuídas à própolis muitas propriedades farmacológicas, como atividade antimicrobiana, antiviral, antitumoral, anti-inflamatória, anestésica, cicatrizante e antioxidante. Conhecem-se diversos tipos desse produto. Só no Brasil existem 13, incluindo própolis verde, própolis vermelha, própolis marrom, própolis preta, própolis amarela e o geoprópolis. Esses são diferenciados pela cor, pelo odor e pela consistência. As características da própolis estão associadas à planta de origem e à espécie de abelha produtora.

Passar horas em jejum é prejudicial para o organismo, não só durante a gripe. O corpo passa a trabalhar em estado de alerta nessas situações, periodizando as funções vitais e reduzindo o combate as infecções do corpo. BEBA MUITO LÍQUIDO

Manter-se hidratado pode prevenir diversas infecções. A recomendação é ingerir dois litros de água por dia para manter a mucosa bem hidratada. O uso de soro fisiológico também melhora a drenagem da secreção e das impurezas. A vaporização feita com salvia, alecrim e eucalipto traz ótimos resultados na desobstrução nasal. MANTENHA AS MÃOS LIMPAS

As mãos são os membros mais propensos a entrar em contato com o vírus da gripe, portanto é preciso sempre lavá-las antes de comer, colocar a mão nos olhos ou na boca, bem como sempre que chegar em casa ou no trabalho. ALIMENTE-SE BEM

Fracione as refeições durante o dia com a presença de todos os grupos alimentares. Dessa forma o sistema imunológico fica protegido contra gripes e infecções, além de auxiliar a manter o peso e a qualidade de vida. NÃO BEBA OU COMA NADA GELADO

Ao ingerir uma bebida ou alimento muito gelado, a mucosa reage para manter a temperatura estável, o que pode liberar substâncias que causam alergias deixando a mucosa vulnerável a infecções. EVITE AMBIENTES FECHADOS

Em ambientes fechados aumentam as chances de inalar micro-organismos. O contato maior com grande número de micro-organismos exige uma resposta imunológica rápida para que eles não penetrem no corpo. Prefira ambientes abertos e mantenha a casa arejada.

PRESCRITOR MAIS INFORMAÇÕES SOBRE ESSE ARTIGO

Acesse a página www.sensitiva.com.br/prescritor

Saúde em Foco - Ed07 - Junho 2014  

Boletim da Farmácia Sensitiva Tema: Gripes e Resfriados Vitaminas e minerais prevenção e tratamento Echinacea – Fitoterapia imunoestimulador...

Advertisement