Page 1

1.

Edição 4

Redução no pagamento eletrônico de pedágio. Valendo.

DECISÃO COM GOSTO

DE FINAL DE COPA

Como resultado da abertura do mercado de prestação de serviço de Págamento eletrônico de pedágios, realizada pelo Governo do Estado de São Paulo, a operadora que administra o Sem Parar reduziu suas tarifas. A partir de hoje, a empresa passa a comercializar novos planos sem taxas de adesão e Pág. 3 Cinema 2012, Pág. 4

Quando o ponteiro do relógio marcar 21h50min na próxima quarta-feira e a bola rolar no gramado do Pacaembu, não será exagero dizer que estaremos diante da mais importante partida já disputada entre Corinthians e Santos. Depois de 90min e mais alguns de acréscimos, conheceremos a equipe que representará o futebol brasileiro Pag. 7

Política, Economia, Sociedade, pág. 3

A marca da gestão florestal responsável

Não jogue fora este jornal, passe para um amigo e ajude a cuidarmos da nossa informação e do planeta

Bom dia São Paulo, 15 de junho / 2012


Saúde

2.

Saiba quais são as regiões do corpo mais lesionadas A corrida ganha cada vez mais adeptos e, com o aumento da sua popularidade, crescem também as incidências de lesões musculoesqueléticas. Os joelhos, pés, pernas, tornozelo e coluna são as áreas do corpo mais afetadas, de acordo com pesquisa realizada por professores e alunos do Programa de Mestrado em Fisioterapia da Universidade Cidade de São Paulo – UNICID, que teve como intuito descrever hábitos, características de treinamento, histórico de lesões e suas possíveis associações entre 200 corredores recreacionais.

Dentre os principais resultados, a pesquisa ainda revela que quem corre há mais tempo tem menos lesões musculoesqueléticas. “Verificamos que os entrevistados que praticam corrida entre 5 e 15 anos apresentaram uma taxa menor de lesões. Esse resultado pode estar relacionado com pessoas que, com a experiência, se adaptaram ao esporte e agora entendem melhor o seu corpo e, com isso, criaram um fator de proteção”, explica Alexandre Dias Lopes, professor do Programa de Mestrado em Fisioterapia da UNICID.  

Desses avaliados, 55% relataram alguma lesão musculoesquelética ocorrida nos últimos 12 meses. Os problemas mais descritos foram tendinopatias e lesões musculares. O levantamento foi realizado com pessoas que correm por lazer há pelo menos seis meses. A maioria era homem (73%), com idade média de 43 anos e volume de treino de 35 km semanais. “Esses dados indicam um alerta aos participantes do esporte. É importante que eles procurem o acompanhamento de um especialista da área da saúde para saber as consequên-

cias e soluções para os sintomas”, afirma Luiz C. Hespanhol Junior, aluno envolvido no desenvolvimento da pesquisa. De acordo com Hespanhol Junior, o projeto terá continuidade: “Faremos novas análises para que os resultados sirvam como base de implementação de estratégias de prevenção para profissionais de saúde e permitam ações efetivas para reduzir as lesões musculoesqueléticas” enfatiza. Esta iniciativa do Programa de Mestrado em Fisioterapia da UNICID conta com a participação dos professores Alexandre Dias Lopes

e Leonardo Oliveira Pena Costa e dos alunos Luiz C. Hespanhol Junior e Aline C. A. Carvalho, integrantes do grupo de estudos em Lesões da Corrida SPRunIG (São Paulo Running Injury Group). A empresa CORPORE também contribuiu com o recrutamento dos participantes.  

Mural São Paulo - mande sua foto e saia na próxima edição.

Expediente Mande sua foto para o e-mail jornalviversaopaulo@gmail.com autorizando a publicação.

São Paulo Rua Francisco Walter de Menezes, 150 Bairro - Cidade Dutra - São Paulo - SP CEP: 04805-130 CNPJ: 14.977.985/0001-14 Jornalista Responsável: Luzia Neves do Nascimento MTB 53.342-SP Diretor de Comunicação: Tacio Lopes

Tel: 2645.9906 - 5667.2717 Cel: 9963.6620 - 7595.5967 jornalviversaopaulo@gmail.com jornalvivereg@hotmail.com


Política, Economia e Sociedade

3.

Redução no pagamento eletrônico de pedágio. Valendo.

Os desafios são grandes, mas a Prefeitura de São Paulo não para de avançar na área de habitação. Já são mais de 30 favelas com novas unidades habitacionais, saneamento básico e serviços públicos essenciais. A cidade ganhou mais parques e áreas verdes. E o lazer foi reforçado com a implantação de novos trechos de ciclovias e ciclofaixas.

Mais de 100 mil famílias beneficiadas.

Crescimento de 34 para 81 parques municipais.

Mais de 54 km de ciclovias e 65 km de ciclofaixas.

Como resultado da abertura do mercado de prestação de serviço de pagamento eletrônico de pedágios, realizada pelo Governo do Estado de São Paulo, a operadora que administra o Sem Parar reduziu suas tarifas. A partir de hoje, a empresa passa a comercializar novos planos sem taxas de adesão e instalação e de transferência em alguns modelos. Também houve redução na mensalidade e agora os usuários das rodovias paulistas contam a modalidade pré-pago. Antes do Governo de São Paulo abrir mercado para novas empresas operarem nas rodovias paulistas, o usuário do Sem Parar pagava R$ 66,72 de taxa de adesão e mensalidades que custavam R$ 11,90 no Plano Clássico e R$ 15,76 no Adesão Zero. Após a homologação de uma empresa concorrente, a DBTrans, que deve iniciar operação a partir de agosto, o Sem Parar se comprometeu a praticar as seguintes alterações, que passam a valer a partir de hoje: - Não haverá taxa de adesão em ambos os planos, com exceção do Clássico; - A mensalidade será de R$8; - Deixa de ser cobrada a taxa de R$ 39,97 de transferência de tag nos veículos.

Novos planos Sem Parar  1. São Paulo Sem Parar - Mensalidade de R$

8,00; - Zero de taxa de adesão, substituição e renovação.   2. Sem Parar Pré-Pago - Cargas de R$ 25 a R$ 150. - Zero de taxa de adesão, substituição e renovação. - Zero de mensalidade. - Taxa de recarga entre R$ 4 e R$ 15 – dependendo do valor carregado. Obs: Nesse plano é necessário deixar um depósito calção no valor de R$ 40.   O plano é válido exclusivamente para rodovias paulistas. Caso o usuário utilize rodovias federais, mesmo nos trechos paulistas, rodovias de outros Estados e outros serviços, como estacionamentos, no mês da utilização pagará uma taxa adicional no valor de R$ 3,90. Os produtos podem ser adquiridos em qualquer um dos 250 postos de atendimento do Sem Parar/Via Fácil no Estado. Os endereços estão disponíveis no site www. semparar.com.br.   O início dos novos serviços integra uma política de transporte público em desenvolvimento pela Secretaria de Logística e Transportes, com o objetivo de prestar mais e melhores serviços, com eficiência e modernidade.


Cinema

4.

Destaque Tom Hanks

Footloose A nova vida de Ren McCormick (Kenny Wormal) numa cidade pequena está cheia de surpresas porque as pessoas com quem ele convive agora são muito conservadoras. Para completar o quadro, o Reverendo Moore (Dennis Quaid) proibiu o rock e a dança. A revolta de Ren com a situação acaba atingindo também a filha de Morre, Ariel (Julianne Hough), mas isso não permanecerá por muito tempo já que Ren e Ariel apaixonam-se.

Meu País

Ricky Katie (Alexandra Lamy) é apenas uma mulher comum, que trabalha numa fábrica e luta para cuidar de sua pequena filha. Quando conhece Paco (Sergi López), também um homem comum, algo mágico acontece e eles se apaixonam. Do amor dos dois surge outro milagre: um bebê extraordinário chamado Ricky (Arthur Peyret).

Criação

Meu País acompanhamos Armando (Paulo José, em participação especial) em seus últimos momentos de vida. Com a morte do patriarca, é preciso que a família se una, e isso significa a vinda do filho mais velho, Marcos (Rodrigo Santoro, em mais uma atuação de destaque), do exterior. Ele, um homem de negócios de sucesso, mora em Roma e está casado com uma italiana. Um filme que mostra uma jornada de reencontros.

O naturalista inglês Charles Darwin discute suas teorias revolucionárias sobre a evolução das espécies com sua mulher religiosa.

O Enviado

Tudo Pelo Poder

história gira em torno de uma estudante de New York, de 17 anos (Anna Paquin), que pode ter contribuído para um acidente de ônibus quando, inadequadamente, flertava com um de seus professores (Matt Damon). A partir disso, a adolescente se vê envolvida em uma ação judicial contra o motorista do ônibus (Mark Ruffalo).

Stephen Myers (Ryan Gosling), um idealista membro da equipe do candidato à presidência dos Estados Unidos Mike Morris (George Clooney), cai na real ao descobrir as sujeiras em torno da política na corrida pela Casa Branca. Em especial, um caso de corrupção que ameaça a promissora campanha de Morris.

Hanks nasceu em Concord, na Califórnia. Seu pai, Amos Mefford Hanks, era um chef de cozinha. Sua mãe, Janet Marylyn, era empregada num hospital. Eles se divorciaram em 1960.[1] A sua mãe tinha ascendência portuguesa/açoriana.[2] Começou a atuar no teatro na Universidade de Sacramento, na Califórnia. Mudou-se para Nova Iorque, onde conheceu sua futura esposa, a atriz teatral Samantha Lewes, que era a atriz principal da companhia. Tiveram o primeiro filho, Colin Hanks antes do casamento, que ocorreu um ano após o nascimento do menino, em 1978. Quatro anos mais tarde tiveram uma filha, Elizabeth Hanks. Porém, a personalidade extrovertida de Hanks começou a se diferenciar da pessoa tímida que era Samantha Lewes e, em 1987, quando Hanks começava a ganhar fama, os dois divorciaram-se. Em 2001 foi diagnosticado um câncer em Samantha, e ela morreu em Março de 2002. Em 1988 casou com Rita Wilson, uma atriz que ele havia conhecido num episódio de Bosom Buddies, e que reencontrou nas filmagens de Volunteers. Com Rita, Hanks teve mais dois filhos. Em agosto de 2009 foi eleito vice-presidente da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, entidade responsável pela entrega do Oscar. Big Em 1988 protagonizou o filme Big (Quero ser Grande), com grande sucesso comercial, atingindo 100 milhões de dólares de receita,[6] e que levou Tom Hanks à primeira indicação ao Oscar de melhor actor. Nesse filme, Hanks fez uma das cenas mais famosas da década quando tocou com Robert Loggia a canção “Heart and Soul” num piano gigante. Após cinco anos nos quais fez muitos filmes, mas de pouco sucesso, Hanks voltou à fama no filme Philadelphia, em que interpreta um advogado homossexual demitido de uma corporação por ser soropositivo. Hanks fez um trabalho intensivo de estudo junto de pessoas soropositivas e homossexuais para aprender como eram as suas vidas. Todo o seu trabalho de estudo fez com que tivesse uma atuação que lhe valeu mais uma indicação para o Oscar, sendo que desta vez Hanks levou a estatueta. Nos anos seguintes, estrelou o legendário filme Forrest Gump, e outro grande sucesso, O Resgate do soldadp Rayan


Brasil - São Paulo

Descubra uma vida mais saudável Atividade física é sinônimo de Saúde. Mas dar o pontapé inicial é o processo mais difícil. Sabendo disso, o Grupo Nutri Home distribui para todo o estado de São Paulo suplementos alimentares de alta qualidade e eficácia. Promovendo perda de peso e estímulo para realizações do seu dia a dia.

Anúncio

Ligue ou acesse

(11) 5084.3671 | 5081.2702

www.gruponutrihome.com

5.


Mundo - Pessoas

6.

Empresa chega ao Brasil para levar jovens atletas às universidades norte americanas Estudantes com habilidades esportivas poderão ganhar bolsas de estudos integrais ou parciais O CSA (Collegiate Sports of America), uma das maiores e mais tradicionais empresas de recrutamento de jovens esportistas, que há 30 anos auxilia estudantes a conseguir bolsas de estudo nos Estados Unidos, acaba de desembarcar no Brasil com o propósito de selecionar talentos em esportes e encaminhá-los a universidades norte-americanas. Além dos Estados Unidos, o CSA atua na Venezuela, Colômbia, México e Peru e, em breve, estará na Argentina. Em sete anos na América Latina, o CSA já levou cerca de 1.100 jovens para estudar com bolsas esportivas e acadêmicas em universidades norte-americanas. Até 2014, o CSA pretende levar pelo menos 1 mil brasileiros às universidades americanas. Sua estratégia para ganhar mercado no Brasil é oferecer um serviço inédito de gerenciamento customizado de perfil do candidato, que inclui try-outs (provas esportivas seletivas) como primeiro requisito e a busca de vagas em instituições de ensino norte-americanas. O candidato receberá toda orientação e apoio para conseguir uma bolsa de estudo com 65% a 100% de gratuidade na mensalidade, além de hospedagem e alimentação. O primeiro try-out brasileiro está marcado para o segundo semestre deste ano, em São Paulo, aberto a estudantes de todo o País. O grande diferencial do CSA é o forte networking, resultado de seu relaciona-

mento de três décadas com 3,5 mil das cinco mil instituições de ensino superior nos Estados Unidos e 17 mil técnicos universitários. O CSA tem o maior banco de dados do setor e um software especializado e de última geração para seleção e encaminhamento dos currículos. Outro diferencial é a seleção de candidatos em praticamente todas as modalidades esportivas, além de sua credibilidade junto aos técnicos das universidades. Try-out – Para participar de uma seletiva, o candidato deve cursar ou ter concluído o ensino médio e ter entre 16 e 20 anos.  Mas o principal requisito é que pratique alguma das 28 modalidades esportivas requeridas pelas universidades, como futebol, natação, atletismo, tênis, golf, basquete e voleibol. “O bom desempenho esportivo do candidato é pré-requisito para que o CSA inicie o processo de contatar universidades que possam se interessar por ele”, afirma Lorenzo Campins, detentor da franquia no Brasil em sociedade com o empresário venezuelano Armando Guevara. Antes de viajar para os Estados Unidos, o estudante precisa ter conhecimento da língua inglesa para concorrer às bolsas de estudo, já que as universidades norte-americanas aplicam notas de corte por meio de exames como TOEFL e SAT. Os candidatos têm um prazo para aprimorar o inglês antes de disputar uma bolsa de estudo, de geralmente um ano, e o CSA os auxilia nesse processo. Para participar

do processo de seleção, o candidato pagará uma taxa de R$ 200,00 pelo try-out e, caso seja aprovado, desembolsará US$ 3,500.00 (cerca de R$ 7.000,00) pelo processo de procura da bolsa. Além de prospectar vagas e bolsas de estudo nas universidades norte-americanas de acordo com o perfil e as preferências do candidato, o CSA oferecerá aos estudantes brasileiros assessoria para atender às exigências burocráticas e encaminhar a documentação necessária.

Quais são as escolhas que você tem feito em sua vida? Quais são as escolhas que você tem feito em sua vida?

Nós somos resultado de nossas escolhas! O significado de nossa vida depende das escolhas que fazemos todos os dias e ao longo dos anos. Nossas escolhas dirigem nossa vida como um leme dirige um navio, um guidão uma bicicleta, uma direção um automóvel. Consciente ou inconscientemente fazemos escolhas baseadas em nossas experiências e aprendizados e achamos que nosso passado determina nosso presente, mas, em verdade, é o nosso futuro que é feito a partir das escolhas que fazemos no presente!Afirmo isso, pois o passado não muda, tornou-se história. O que podemos mudar é o

nosso futuro (possibilidades e incertezas) e somente a partir das escolhas que fazemos no presente (a nossa principal dádiva na vida).Quando assumimos a responsabilidade por nossa vida, tornarmo-nos co-autores da obra divina e através de nossas escolhas podemos atuar com inteligência e criatividade assumindo as rédeas do nosso destino e fazendo valer nosso poder pessoal e nosso propósito de vida no momento presente. Em outras palavras, podemos escrever com consciência a nossa história! Se não assumimos a responsabilidade pela vida no aqui e agora (presente), vivemos em busca das ilusões (do futuro) ou para compensar as mágoas (do passado), sendo vítimas e não autores e protagonistas de nossa história. Como diz o Dalai Lama: “o que mais surpreende é o homem, pois perde a saúde para juntar dinheiro, depois perde o dinheiro para recuperar a saúde. Vive pensando ansiosamente no futuro, de tal forma que acaba por não viver nem o presente, nem o futuro. Vive como se nunca fosse morrer e morre como se nunca tivesse vivido” Estamos todos conectados numa mesma teia, o que afetar uma pessoa, afetará direta ou indiretamente todas as demais. No entanto, vivemos inconscientes e acreditando na idéia de separação e escassez. Para mudar esse paradigma precisamos promover mudanças viscerais e acreditar em nosso poder pessoal e capacidade de transformação da

realidade. Um novo mundo nos espera, o das escolhas conscientes, e já foi vislumbrado por visionários. Para citar só um deles, vale destacar o discurso de Nelson Mandela, sempre atual e assim perene! Nosso receio mais profundo não é de que sejamos inadequados. Nosso receio mais profundo é que o nosso poder não tem limites. É a nossa Luz, não a nossa sombra que mais nos amedronta. Quem sou eu para ser genial, grandioso, talentoso e admirável? Na verdade quem é você para não o ser? Seu agir pequeno não serve ao mundo. Não há nada de esclarecedor em se diminuir para que outras pessoas não se sintam inseguras perto de você. Nós nascemos para tornar manifesto o Brilho; ele está em cada um de nós! E à medida que deixamos nossa luz brilhar, inconscientemente, damos aos outros a permissão para fazer o mesmo. À medida que nos libertamos dos nossos próprios medos e limites auto-impostos, a nossa Presença, automaticamente, liberta o outro. Nelson Mandela Pense, reflita e escolha: com consciência! M.A.O.F. – Mude a Atitude. Otimize o Futuro! Marcos Antonio Oliveira Fernandes Coach Ontológico maofcoaching@gmail.com


Futebol

7.

DECISÃO COM GOSTO

DE FINAL DE COPA DO MUNDO

Quando o ponteiro do relógio marcar 21h50min na próxima quarta-feira e a bola rolar no gramado do Pacaembu, não será exagero dizer que estaremos diante da mais importante partida já disputada entre Corinthians e Santos. Depois de 90min e mais alguns de acréscimos, conheceremos a equipe que representará o futebol brasileiro na final da Taça Libertadores da América.

Exagero?

Alguns mais puristas podem achar que sim. Principalmente o torcedor mais antigo que se

Mario Gobbi e o Collector´s Book Nação O novo presidente do Corinthians, Mario Gobbi, foi presenteado pela Toriba Editora com um Collector´s Book Nação. O super livro de 32 quilos, 600 páginas, com valor de R$ 7.000,00 e que homenageia o clube alvinegro. Nação Corinthians é

acostumou a ver confrontos memoráveis entre os alvinegros. E dentre estes mais puristas, a parcela maior é de torcedores do peixe. Afinal como ser santista e não se lembrar dos inúmeros jogos decididos por Pelé (que como todos sabem tinha uma “vontade a mais” quando enfrentava do Timão) a favor do alvinegro praiano, e que contribuíram para o longo tabu de vitórias santistas sobre o Timão que duraram 11 anos. Ou mais recentemente em 2002 quando Robinho pedalou pra cima de Rogério e ajudou na conquista do título Brasileiro jogando num

o primeiro Collector´s Book editado no país e o maior livro já produzido por uma editora brasileira. Ele traz muito mais do que os 100 anos de história de um dos clubes mais populares do país. Desde sua concepção editorial, em 2008, ele consumiu 24 meses de trabalho de fotógrafos, pesquisadores, jornalistas, artistas gráficos e im-

Morumbi lotado de corintianos. Já entre os corintianos encontramos um maior número de torcedores que aceitam esta afirmação. A explicação é que nunca antes o time chegou tão bem equilibrado e maduro numa semifinal. Para os torcedores a vantagem obtida na primeira partida foi importante, mas a campanha de ser a única equipe invicta, que sofreu apenas dois gols (nenhum jogando em casa), pesa mais a favor do alvinegro da capital. Ou seja, o time está com a “pegada” de campeão, como gostam de afirmar os mais entendidos. E o tí-

pressores. O resultado são apenas 1500 unidades, que jamais serão reimpressas, da mais primorosa obra de arte editorial já publicada no Brasil. Todo esse cuidado, que incluiu o acabamento individual de cada Collector´s, teve o propósito de trazer a essência da emoção, o DNA do torcedor corintiano.

tulo da Libertadores é o grande sonho de consumo de qualquer torcedor do Timão. Portanto para grande parte da Fiel, nesta quarta-feira cada guerreiro corintiano estará em campo com a missão de dar mais um passo adiante na conquista deste sonho de quase 30 milhões de torcedores Seja qual for a sua opinião sobre o grau de importância desta partida, uma certeza é quase unânime: estaremos diante de um jogo espetacular. Uns apontarão os aspectos técnicos e táticos, outros a raça e vontade, mas ninguém que ama futebol, independente

da camisa que gosta, deixará de acompanhar esta partida. Na próxima quarta-feira, o Brasil parará para ver o duelo decisivo entre o Campeão Brasileiro de 2011 e o Campeão da América do mesmo ano. E que a rivalidade entre estes dois clubes que se iniciou em 1913 com uma vitória santista no primeiro confronto, nos proporcione muitos mais jogos como este que se aproxima. Bom jogo a todos!


8.

Anúncio


Jornal Viver São Paulo  

Jornal Viver São Paulo

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you