Page 21

3.3 MARKETING PÚBLICO Se extrapolarmos as várias definições para o espaço de administração de uma cidade, a Prefeitura, entendo-a como uma empresa social, uma S.A. cujo objetivo não é o lucro e sim o bem comum, a promoção de regulação, fiscalização ou gestão de infraestruturas sociais e econômicas de interesse coletivo, podemos enfim enfrentar a falsa noção de marketing como um perverso instrumento de manipulação e poder. Podemos entendê-lo como uma disciplina da administração destinada a pesquisar e compreender a cidade como um organismo dinâmico e conciliatório entre o homem, a natureza e suas necessidades sociais. Uma disciplina que almeja atender de forma satisfatória anseios individuais e coletivos. O administrador que souber alinhar sua determinação executiva a novas perspectivas oferecidas por essa visão de marketing público, estará praticando um novo conceito de governança social e terá mais representatividade para sustentar suas ações. Nesse caso, os grupos organizados só terão força quando tiverem a legitimidade do que reivindicam. Praticar marketing público é sustentar ação com legitimidade de interesses e valores éticos.

21

Marketing público aplicàvel à gestão de cidades  

Livro sobre gestão de marketing aplicado aos governos municipais.

Marketing público aplicàvel à gestão de cidades  

Livro sobre gestão de marketing aplicado aos governos municipais.

Advertisement