Page 26

A VOZ DE PORTUGAL, 24 de Março de 2004 - Página

Noivas

Honras aos noivos Os discursos e os brindes anunciam os festejos. Em poucas palavras, um copo de espumante na mão, passa-se da formalidades às manifestações alegres e festivas. Lugar ao bom humor! Mas é necessário saber controlar o espírito humorístico e saber estar com certa elegância... Qual a origem dos brindes?

Como o dizer?

A cerimónia emocionou toda a gente, o casamento esta oficializado. Pode-se agora respirar, relaxar e se divertir. O principal ingrediente do primeiro brinde é assim, o bom humor. Uma palavra gentil, uma imagem divertida, uma recordação cómica, o público está atento, à escuta e pronto a rir. Porém, nem todos tem à

Uma velha tradição francesa pretendia que se pusesse uma fatia de pão debaixo do copo de vinhos, quando se bebia, o pão absorvia as gotas que inadvertidamente caíssem. Todos quantos fizessem um brinde, deveriam assim esvaziar o copo sem perder vinho, deixando portanto, o pão seco. Por isso, apenas se fazem brindes com bebidas alcoolizadas e bem frias, de preferência.

26

vontade para construírem um texto e fazerem um discurso. Logo, quando o humor do orador não for dos mais alegres, melhor será de se limitar a expressões mais simples. Possa o participante citar um autor clássico ou declamar um poema da sua própria autoria, o importante é de o fazer segundo as regras da arte, quando chegar a sua fez de falar; é aconselhável respirar profundamente duas ou três vezes e concentrar-se na primeira frase, o resto depois deverá encadearse sem grandes problemas. Levante-se, copo de espumante na mão, nem muito alto, nem muito baixo, mais exactamente à altura do ombro em forma de homenagem, e comece o seu discurso com uma voz clara e audível.

“ Os bem passados”

Que dizer? Há os sonetos de Shakespeare, de Camões, ou os versos de Homero ou de Fernando Pessoa; Há também os “ refrains” militares das várias Armas e os patrióticos ou religiosos, de vários países. O brinde tradicional é talvez mais frequente nos casamentos anglo-saxãos que francófonos, onde se compõe um pequeno discurso original. Deve-se preparar com antecedência um curto texto (cinco minutos) que não incomodara ninguém.

Quem deve falar? As pessoas mais implicadas que se encontram na recepção - pais dos noivos e amigos íntimos, são aqueles que geralmente tem direito à palavra. Segundo a etiqueta, a testemunha do noivo faz um brinde à noiva (mesmo se desde há alguns anos já, esse brinde é feito aos jovens esposos) O noivo agradece, dirige algumas palavras à esposa, agradece pais, sogros, familiares e as damas de companhia; a seguir será a vez da noiva de tomar a palavra. Por fim, o pai da noiva agradece a presença de todos e declara que a festa poderá começar.

sabemos. Quando um brincalhão faz tilintar o seu copo a cada cinco minutos para que os noivos se beijem, rapidamente se torna cansativo tanto para os jovens esposos como para a assembleia. Sobretudo se esta “tradição”não é do conhecimento de todos. Gentilmente, os noivos, poderão fazê-lo compreender de que não irão beijar-se à repetição. A fim de controlar este fenómeno, porque não preparar e colocar antecipadamente em cada mesa, um cartão prevenindo os convidados de que, para pedir um beijo dos noivos, dever-se-á previamente dizer algumas palavras ou cantar um pequeno “refrain” ? Verão que os voluntários serão bastantes raros!

A mania dos beijos

No caso das famílias pouco faladores, porque não orquestrar previamente o período dos brindes? Um de cada vez, os sogros poderão dizer o que eles pensam do seu novo genro ou nora, as

testemunhas dos seus amigos recém casados e, para terminar em beleza, o marido da sua jovem esposa e esta do seu marido. Os conselhos Uma variante dos “ bem passados” é de que todos podem dar certos conselhos matrimoniais aos noivos. Pode-se assim fazer falar muita gente em pouco tempo e se divertir bastante pela diversidade das intervenções. Palavras e música Pode-se também cantar ou mimar um ou outro momento da vida do jovem casal no passado. Alguns amigos que reagrupam para interpretar uma mini-peça de teatro, para compor uma canção, gravar um CD ou inspirar-se de canções conhecidas para inventar uma história. Tudo isto necessita apenas de um micro sem fio e de um mínimo de talento e de humor.

A Voz de Portugal saúda todos os noivos

As piadas e anedotas mais pequenas são as melhores,

681, Jarry est Tels.: 273-9638 277-1934

PATISSERIE LAJEUNESSE Faça já a sua encomenda, visitando-nos no 533 Gounod Tel.: 272-0362

Licença do Québec

Prestígio e qualidade em padaria e pastelaria

Temos para si o bolo dos seus sonhos! Do mais requintado ao mais simples, oferecemoslhe a maior gama, aos melhores preços.

Suplemento noivas 2004-a.pmd

18

Tratamos da sua lua-de-mel para qualquer parte do mundo: hotel, automóvel. circuitos turísticos, cruzeiros, etc... 3/8/2007, 12:36 PM

Profile for sylvio martins

2004 03 24  

2004 03 24  

Profile for sylvio999
Advertisement