Page 6

ECONOMIA & FINANÇAS

QUAL É O MELHOR Investimento para 2017? POR: ELTON PSCHEIDT

O maior erro é achar que poupar pouco não vale a pena, não faz diferença, então é melhor gastar logo tudo que ganhamos! Não faça isso, poupar pouco é melhor do que não poupar nada! O tempo e os juros são excelentes aliados no processo de construção de riqueza! Mas qual o melhor investimento para 2017? Já que decidimos poupar, precisamos decidir onde colocar este dinheiro, investindo na melhor opção! Entendo que 90% do nosso patrimônio deve ser investido em ativos seguros, principalmente do tipo renda fixa! Dessa forma teremos sempre liquidez e previsibilidade nos resultados, melhorando a rentabilidade com investimentos em ações e outros ativos mais arrojados. Vamos analisar as opções: LCA E LCI: São ativos com rentabilidade vinculada ao CDI e isentos do Imposto de Renda na Fonte. Mas essa isenção acaba sendo neutralizada com um repasse a menor da rentabilidade ao investidor. Via de regra, tais opções são oferecidas com rentabilidades de 85% do CDI, percentuais melhores estão vinculados a condições muitas vezes desfavoráveis. Além disso, a tendência para o CDI daqui para a frente não é nada boa! A razão para isso é simples, o CDI está diretamente relacionado ao índice da SELIC, assim, como a taxa básica está em tendência de queda, o CDI também acompanhará esse movimento, reduzindo a rentabilidade dos produtos vinculados ao CDI. CDB E FUNDOS DE INVESTIMENTO: Os CDB e Fundos estão, em sua maioria, vinculados ao CDI, mas dessa vez com um percentual maior, mais próximo dos 100% do CDI quando falamos de um bom fundo ou CDB, além de estarmos garantidos pelo FGC. Mas, aqui também estão vinculados a um indicador que está em ten-

6

dência franca de queda, devendo ser evitado! Salvo se o CDB for prefixado ou indexado ao IPCA, não vejo como uma boa opção para 2017 esse tipo de produto! POUPANÇA: Sem comentários, a poupança é um péssimo investimento em qualquer circunstância! DEBÊNTURES: Aqui temos algo interessante, mas muito arriscado! Além da baixa liquidez, as debêntures possuem um elevado risco de crédito. Assim, se optar por comprar debêntures, escolha muito bem o emissor e atente para o prazo de vencimento, pois dificilmente você conseguirá vendê-la rapidamente. TESOURO DIRETO: Com a tendência de queda dos juros, os títulos públicos prefixados e indexados ao IPCA que forem comprados a taxas interessantes poderão obter uma excelente rentabilidade a mercado (venda antecipada), e garantir uma ótima rentabilidade até o vencimento! O tesouro Selic também é uma boa opção, mas para quem procura liquidez, segurança e por um prazo mais curto, já que os prefixados tendem a oferecer uma melhor rentabilidade num horizonte de médio e longo prazos! BOLSA: Será que realmente 2017 vai ser um ano de crescimento que melhorará o lucro das empresas? Os economistas, e eu compartilho desta opinião, pensam que não! Não vejo espaço para resultados bons nos balanços e DREs das empresas neste ano, de modo que não vislumbro grandes valorizações para os ativos negociados na bolsa! Acredito que diversificar é interessante, mas eu aposto mesmo é nos prefixados. Fonte: administradores.com.br

Sul News - Ed. 09  

Janeiro/2017

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you