Issuu on Google+

3


Jóias Contemporâneas desde 1990

4 Rua Rio Branco esq. c/ Av. Cuiabá, 1332 Centro Comercial Montello - 2º andar - Sala 201 Centro - Rondonópolis-MT - (66) 3423-1766 Imagens meramente ilustrativas.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Acerte no ponto!

O melhor lugar para seus clientes e sua empresa. Um moderno empreendimento espera por você, localizado no centro da cidade, o Edifício Comercial Montello tem tudo para oferecer à sua empresa, a estrutura e o requinte que ela mereçe, dispondo de amplo espaço, modernos elevadores, garagem e total segurança para sua empresa. Venha fazer uma visita e conheça o espaço ideal para o seu negócio.

Moderno - Bem Localizado - Seguro

R u a R i o B r a n c o , E s q . c / A v. C u i a b á - C e n t r o

-

Rondonópolis - MT

Central de Atendimento: (66) 8111-1234 / 3425-5799

5


6

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


7


indíce

28

Sapezal – Campo Novo dos Parecis – Cáceres

36

Mato Grosso o Estado que mais cresce no Brasil

40

Aniversário Elusmar Scheffer

54

Páginas Douradas: Especial Ano VI Revista Gold

60

A exuberante cidade de Tangará da Serra

64

Festa Egito: Comemoração dos 50 anos de vida e 20 de colunismo de Tamires Ferreira


90

Copa 2014

104

Vila Konceito: Daslu chega a Cuiabá pelas mãos da empresária Karine Roder.

86

Premiação em Cuiabá: Cubanacuya

20 26 62 72 78 80 84 100 106 108 110 112 114 116 118 120 122 126 128 130 134 136 138 140 142 144 146 148 150 152 154 155 158 160

Projeta Empreendimentos: Residêncial Classic Cocolândia inaugura sua nova sede 10 Razões para investir em revista – Hospital do Câncer de MT Rondonópolis Todeschini Sorriso e Lucas do Rio Verde. Sorriso: Lugar de Gente feliz APAMS: Sinop Sinop Variedades Papo de Mulheres Frases Comportamento Moda Feminina Moda Masculina Decoração e Designer Tecnologia Beleza Arquitetura e Construção Reflexão Direitos e Deveres Gastronomia Estética Saúde Música e Cinema Automóveis Motociclismo Turismo Cultura Educação e Pedagogia Economia Esporte Agricultura Pecuária Naútica Aviação


Colocamos a sua disposição 50 amplos e aconchegantes apartamentos com piso frio e sacada, sendo 02 suítes de luxo, 24 apartamentos casal, 18 apartamentos duplos e 05 apartamentos triplos e 01 suíte máster. Para maior conforto de nossos hóspedes oferecemos room service noturno com cardápio variado. O hotel conta com área de lazer com Sauna, Piscina com charmoso deck, Espaço Acauã (Kioski para churrasco) e Espaço Cotovia (Kioski com bar). O Ucayali Hotel ofereçe o espaço ideal para realização de reuniões, simpósios e eventos com muito conforto e praticidade. 5 salas de eventos, sendo o Auditório Aruanã, 3 salas de reuniões e 1 sala de negócios.

10

www.ucayali.com.br Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Em Sinop um 贸timo lugar para ficar. 11 Av. das Figueiras, 180 - Centro CEP 78.550-000 - Sinop/MT (66) 3517-1212


www.boutiquesantafe.com.br

Inspire 12 Rua Arthur A l m ei d a, 1 3 6 - Co o p acem

-

contato@boutiquesantafe.com.br

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18

(66 ) 34 22 - 1 66 2

-

R o n do n รณ p o lis / M T


13


editorial

PALCO DA VIDA

O

lá tudo bem? Esta é a 18ª edição da Revista Gold. A primeira edição do ano de 2012 chega com inovações e mudanças em suas 164 páginas. A mudança não assegura necessariamente o progresso, mas o progresso implacavelmente requer mudança. Estamos no Ano VI de nossa publicação e comemoramos a renovação e modernização do projeto gráfico de toda a revista. Sendo assim criando uma identidade cada vez mais própria. Ao longo dos anos, fomos reformulando e aprimorando nosso espaço, conquistando credibilidade e respeito. Nossos clientes e leitores são nossas maiores inspirações na busca de novidades. A Revista Gold é hoje sinônimo de referência e qualidade. Atingimos o número de abrangência em 30 cidades do Estado pelo exemplar físico e um número ainda maior tanto fora do Estado como também fora do País através da revista on line em nosso site. Eu costumava dizer, “Eu certamente espero que as coisas mudem”. Então eu aprendi que o único modo de as coisas mudarem para mim é quando eu mudo. Certa vez li de um escritor famoso que disse que você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa que existe. E você pode evitar que ela vá à falência. Há muitas pessoas que precisam, admiram e torcem por você. Gostaria que você sempre se lembrasse de que ser feliz não é ter um céu sem tempestade, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem desilusões. Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza. Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos. Não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e

14

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

expediente Diretor Golther Carlos Neres Ferreira Colaboradores Ana Cristina Crespani, Françoase Seletti e Paula Munchen. Fotografias Antônio Filho, Celina Schneider, Éssio Orsi, Josué Pereira, Silvana(Foto Revelação),

períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar o autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito de sua existência. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta. Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples, que mora dentro de cada um de nós. É ter maturidade para falar “eu errei”. É ter ousadia para dizer “me perdoe”. É ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você”. É ter capacidade de dizer “eu te amo”. É ter humildade da receptividade. Desejo que a vida se torne um canteiro de oportunidades para você ser feliz... E, quando você errar o caminho, recomece, pois assim você descobrirá que ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância. Usar as perdas para refinar a paciência. Usar as falhas para lapidar o prazer. Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência. Jamais desista de si mesmo. Jamais desista das pessoas que você ama. Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo imperdível, ainda que se apresentem dezenas de fatores a demonstrarem o contrário. Pedras no caminho? Guardo todas... Um dia vou construir um castelo! Na Bíblia, no livro de Romanos 8:28 está assim: “Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.”

Sinophoto, Valter Arantes e Wagner Parreira. Diagramação / Editoração Estúdio 3/A Projeto Gráfico Estúdio 3/A Correção Rosilene R. de Carvalho CTP/Impressão/Acabamento Idealizagraf Periodicidade Trimestral (3 em 3 meses) Tiragem 6.000 exemplares Circulação Rondonópolis, Primavera do Leste, Jaciara, Pedra Preta, Alto Araguaia, Alto Garças, Alto Taquari, Itiquira, Guiratinga, Barra do Garças, Campo Verde, Chapada dos Guimarães, Cuiabá, Várzea Grande, Nobres, Nova Mutum, Nova Olimpía, Lucas do Rio Verde, Sorriso, Sinop, Cláudia, Vera, Santa Carmen, Colider, Alta Floresta, Sapezal, Campo Novo dos Parecis, Barra do Bugres, Tangará da Serra e Cáceres. Publicação Revista Gold Fone: (66) 9633-9480 Caixa Postal 1093 - CEP: 78.740-970 Rondonópolis-MT www.revistagold.com.br Fale conosco revistagold@yahoo.com.br

Jesus Cristo é o Senhor nosso Deus.

Para anunciar

Um grande abraço!

Para assinar

comercial@revistagold.com.br

assinatura@revistagold.com.br A Revista Gold não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos encartes publicitários e nos artigos assinados por seus colaboradores e não tem vínculo empregatício com os mesmos. É vedada a reprodução parcial ou total de suas páginas sem a devida autorização e citação de fonte.

15


gold

01 02 Fotos: Valter Arantes

Em Rondonópolis

03

04

01

O Senador Blairo Maggi e a esposa Terezinha Maggi.

02

06

As empresárias: Tânia Trojan, Aidê Gavinho, Saleti Hubner e Elenice Laurindo.

03

Em recente e belíssima união os noivos: Juliani e Alex Arruda.

04

Os empresários: Raul Amaral, Gilberto Devitto e Adirceu Jerônimo.

05 07

05

O empresário Pedro Jacir Bongiolo com a esposa Glaci Bongiolo.

06

Casal empreendedor: Julio e Tânia Martins.

07

16

09 08

Casal de sucesso: Emanoel Bezerra e Gina Borges Bezerra.

08

As belas: Renata Bezerra, Stela Gavinho, Mariele e Andressa Maggi.

09

A alegria do casal: Aline e Gustavo Bongiolo Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


17


18

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


19


Residence

Classic P

rojetta Empreeendimentos, empresa do segmento de construção e incorporação de edifícios, lançou Residence Classic em 2010, sucesso total de vendas, mostra como morar em apartamento de 80,36 m2 com conforto e seguranca. O ramo imobiliário extremamente aquecido, requer muitos imóveis, para atender a necessidade das pessoas que escolhem esta cidade para viver, e Rondonópolis oferece um mercado de trabalho extremamente atuante para todas as atividades profissionais. Residence Classic com 96 apartamentos, área de lazer completa, local privilegiado entrega a 1ª etapa do empreedimento neste ano. A mostra do apartamento decorado vem reafirmar o

20

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

conceito de invovação que a Projetta Empreendimentos quer fixar como característica determinante da empresa. Tamanho, qualidade e custo diferenciado. Suely Leiva, sócia proprietária da empresa, designer interiores, cuidou de cada detalhe da decoração do apartamento, priorizando praticidade, versatilidade, conforto para corresponder as expectativas e necessidades de todos os moradores. “A satisfação de nossos clientes está em primeiro lugar. Respeitar a característica e necessidade individual deles é extremamente importante para nós”, comenta Suely. A Família Projetta (100% Rondonópolis) já prepara novos projetos para 2012. Acreditamos na nossa cidade, temos o privilégio de fazer parte do seu desenvolvimento.


Fotos: Josué Pereira e arquivo pessoal.

“A satisfação de nossos clientes está em primeiro lugar. Respeitar a característica e necessidade individual deles é extremamente importante para nós, comentam Cláudio e Suely”.

Rua Teodomiro Alcântara Gouveia, 1650 - Vila Birigui (A 50m da Av. Pres. Médici / Atrás da Faculdade. ESUD) Rondonópolis-MT Fone: (66) 3425-1043 Fax: (66) 3425-4716 Email: contato@projettaempreendimentos.com.br Site: www.projettaempreendimentos.com.br

21


Aproveite os bons momentos que a vida oferece. 22 Piscinas em fibra de vidro: compacta, média, grande e especial. Alto padrão de qualidade Condições e facilidades no pagamento

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


R. Fernando Corrêa da Costa, 2318 (66) 3426-3300 - Rondonópolis - MT ro n d o n o p o l i s @ i g u i . w s Av. do Comércio, 1455 (66) 8438-1628 - Bairro Castelandia Primavera do Leste - MT

23


gold

Em Rondonópolis

02

Fotos: Valter Arantes

01

03 01

As amigas: Saleti Fabris e Iza Aguiar.

02

04

As empresárias: Maria França Galdino e Marina Bortoli.

03

Os sorrisos de: Liziane Tosta e Ediane.

05

04

O casal de empresários Lúcia e Elói Marchett.

05

Em momento de descontração: Dna Ilka, Terezinha Maggi, Fafá Henry, Fátima Maggi e Deolinda.

06

06

Em comemoração pelo matrimônio os noivos: Mario e Viviane Tosta.

07

07

A cumplicidade do casal: Giovana e Sílvio

08

24

A felicidade do casal: Renata e Julio Hubner Teis com a filha Betina.

08

09

A simpatia de: Franciele, Thais, Elisa e Michelle.

09 Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


25


Capa Região Sul

novo comple industrial

Cocolândia inaugura seu

N

este ano, a Cocolândia Industria e Comércio de Frutas Ltda estará completando 20 anos de atuação no comércio de coco fruta, verde e seco. E no seguimento de água envasada há nove anos. Uma empresa que a cada ano veio consolidando-se no mercado e cada vez mais investindo em qualidade e tecnologia. Esse equilíbrio tornou-se ainda mais realidade após a inauguração de sua nova sede que possui uma infraestrutura totalmente preparada, capacitada e qualificada em todos os setores necessários, sejam eles em máquinas ou humanos. Atualmente, a empresa comercializa água de coco em garrafa de 300 ml, garrafa de 500 ml, garrafa de um litro, gelo de água de coco e coco ralado congelado. E projeto de aproveitamento da casca do coco para produção de fibra como substrato agrícola.. Água essa, envasada nos

26

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

mais exigentes parâmetros de higienizaçao e qualidade, totalmente adequado com as exigênias do MAPA (Ministériio da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), e Vigilância Sanitária, onde possuímos os registros. Nosso processo, totalmente inovador e automatizado, constitui de lavagem dos frutos, filtragem, resfriamento e envasado automaticamente em ambiente adequado com profissionais capacitados. Nos últimos tempos, a água de coco se tornou uma preferência nacional. Tanto é que se foi a época em que só era prestigiada nas praias e durante o verão. Prova disso é que, de tão popular, já deixou de ser encontrada apenas na sua

forma natural, servida diretamente da fruta, e invadiu bares, supermercados e restaurantes. E não é para menos. Além de refrescante e deliciosa, é rica em sais


Fotos: Éssio Orsi

lexo minerais e nutrientes. Em 100 ml apresenta cerca de 250 mg de potássio (a porcentagem total das necessidades diárias) e 105 mg de sódio (metade do valor recomendado por

dia), além de boas doses de cálcio, magnésio e vitamina C (veja tabela). Por isso, é considerada um isotônico natural, ideal para repor os líquidos e os sais perdidos através do suor durante a prática de atividades físicas. Agora que você conhece profundamente esse líquido poderoso, deve estar se perguntando quanto à industrialização. É bom esclarecer que todo produto fresco conserva melhor seus nutrientes, aponta os nutricionistas. Contudo, como na água de coco os principais são o sódio e o potássio, não há diferenças significativas quando ela é engarrafada, uma vez que esses minerais não se perdem facilmente.

Rua Valdomiro dos Santos, 587 – Bairro Sagrada Família – Em frente ao Lar dos Idosos - Rondonópolis-MT (66) 3422-4650 Av. Miguel Sutil, 11842 - Cidade Verde Cuiabá-MT - (65) 3626-4650 contato@cocolandia.com.br www.cocolandia.com.br

“Coloque mais sabor em sua vida com água de coco Cocolândia.” 27


Sapezal:

Cidades

Produtor de grandes

riquezas

“Sapezal passa a ser um município com potencial de crescimento muito grande.”

Fonte e fotos: Tributação da Prefeitura Municipal de Sapezal

S

apezal é um município fundado em 1994, estando em franco desenvolvimento, pois recebe migração de todo o país. Possui uma grande diversidade cultural,

e grande necessidade de investimentos para acompanhar e incentivar seu desenvolvimento. Sua economia é baseada no agronegócio, o que respalda seu crescimento de forma ordenada, com índice acima de 15% ao ano, superiores a média estadual e nacional. Esta economia, predominantemente agrícola, enfatiza o município, sendo hoje, o 2º maior produtor de grãos do país, destacando-se principalmente na produção de soja, algodão e milho, atraindo a atenção de investidores, devido a grande oferta de matéria prima. A produção de energia também vem sendo destaque no município, que conta hoje com três PCH´s já instaladas, cinco em fase de finalização e seis em construção, transformando o município em um dos maiores produtores e fornecedores de energia elétrica do Estado. O setor energético conta hoje com mais de R$ 800 milhões de investimentos, e será responsável pela produção de 1/3 da energia do estado tendo uma demanda aproximada de 3.000 funcionários diretos. Com sua localização estratégica e com a pavimentação da MT 235 e da BR 364, Sapezal passa a ser um município com potencial de crescimento muito grande, buscando a verticalização da produção, agregando desta maneira valor ao produto primário produzido. Destaca-se ainda nas áreas de saúde, educação, nas quais são feitos grandes investimentos, e também na área de lazer, uma vez que possui grandes belezas naturais e áreas de lazer.

Campo Novo do Parecis: viabiliza mais 4 novos empreendimentos no Polo Pindorama

28

E

Fonte: Alessandra Costa Marques Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal.

m Campo Novo do Parecis, o Polo Pindorama vai receber nos próximos meses quatro novos empreendimentos. O Prefeito Municipal, Mauro Valter Berft, assinou em janeiro os contratos com as empresas Arca S/A Agropecuária, Parecis Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Máquinas Agrícolas, Everest Transportes e Sortil, que se instalarão no Polo Pindorama. Para o Secretário José Diogo Dutra, que esteve presente no ato, o momento é de mais desenvolvimento para o município, “Hoje o Polo tem instituído 16 empre-

sas e recebe hoje oficialmente mais quatro e ainda temos oito para se instalarem” explicou o secretário. Para o prefeito Mauro, “é motivo de alegria receber novos empreendimentos no município, são pessoas que acreditam e confiam no desenvolvimento de Campo Novo do Parecis e, ainda, a instalação dessas novas empresas garante geração de novos empregos, beneficiando a população”, concluiu o prefeito. Para o senhor Ademir, representante da PAMAGRIL - Parecis Máquinas Agrícolas, “Esse apoio do Governo Municipal é fundamental e representa um novo momento para nossas empresas e com certeza, para o contínuo sucesso e desenvolvimento de Campo Novo do Parecis”, finalizou.

“A instalação dessas novas empresas garante geração de novos emprego.”


Fiquepor dentro de tudo que

Cáceres:

acontece na sociedade

matogrossense. Fonte e fotos: pt.wikipedia.org/navegador.com

Festival Internacional de Pesca (FIP), registrado no Guinness Book como o maior campeonato de pesca do mundo em águas fluviais. Agropecuária

A

pecuária é a principal atividade econômica da cidade, que possui um dos maiores rebanhos de gado bovino

do Brasil. Cáceres possui o único frigorífico de jacaré da América Latina, a COOCRIJAPAN. A estrutura conta com 3 criatórios comerciais, um frigorífico e um curtume. Com o apoio do Sebrae em Mato Grosso por meio do Projeto Animais Silvestres, objetivos vêm sendo obtidos para o desenvolvimento dessa atividade. O projeto iniciado em 2006, além de fomentar a atividade, tem capacitado os produtores, implementando novas tecnologias e principalmente a preservação do meio ambiente. Cáceres possui ainda indústrias

Assine!

de couro (abate diário de cinco mil cabeças de gado bovino em cinco frigoríficos, quinze laticínios e três curtumes), cana-de-açúcar (duas usinas com produção de oitenta e cinco milhões de litros de álcool), madeira (vinte e três mil hectares com plantação de teka e extração de borracha) e mineral (calcário e brita).

Infraestrutura Nos últimos anos, Cáceres vem estruturando-se como importante porto fluvial matogrossense, incorporando-se à política de Integração Latino-Americana, buscando a implantação do sistema de transporte intermodal, e a ligação por rodovia com a Bolívia, terminando no Oceano Pacífico, no Chile. A hidrovia Paraguai-Paraná, em Cáceres, é um modal alternativo às exportações estaduais.

Turismo Cáceres se destaca no turismo histórico e esportivo. Encontra-se situada numa das regiões mais privilegiadas do pantanal matogrossense, visto que ostenta uma das maiores potencialidades turísticas do estado, ou seja, a grandiosidade e a beleza do Rio Paraguai e seus afluentes. Se desenvolve em torno da pesca esportiva sendo sede de um evento mundial: o Festival Internacional de Pesca (FIP), registrado no Guinness Book como o maior campeonato de pesca do mundo em águas fluviais.

Exemplar nas bancas

Assinatura anual (onde possui circulação)

R$

R$

14, 60, 90

00

90,

Outras localidades

R$

Acesse e assine

00

29

revistagold.com.br


07

Fotos: Bossah, Celita Scheneider e Sinophotorevelação

01

gold Em Sinop

01

02

O diretor do Grupo Paloma Veículos concessionária Fiat Gustavo Oliveira com a esposa Milena Luiz.

02

Marcelo Rosa e Daniele Pozzobon.

03

03

08

Almir e Delcimara Salvadori.

04

Parceiros do site Bossah: Miriam Zuanazzi, Luciano Oliari e Celita Schneider.

05

Roberto Oliveira e Rubia Dal Maso

06

Dep. Federal Roberto Dorner e a esposa Ivone.

04

07

09

Em evento da CDL na cidade: O Governador do Estado, Silval Barbosa e a esposa a primeira dama, Roseli Barbosa.

08

Prefeito de Sinop Juarez Costa com a esposa, Secretaria de Assistência Social e primeira dama, do município Ivone Latanzi Costa.

05

09

30

10

O Presidente da CDL de Sinop, Afonso Teschima Junior e a esposa Eliana Maciel Escobar.

10

06 Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

O empresário do setor industrial moveleiro Rafael Scheneider, Diretor da Obra Delle.


31


32

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


33


รณtimo pedido Um

para

34

R u a d o s A n g i c o s, 2 3 7 s a l a 0 2 Centro - Sinop-MT (66) 3531-7082 / 9985-6996 / 9662-1838

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


dia noite

o seu

ou sua

35


Fonte e fotos: www.mt.gov.br

Governador do Estado Silval Barbosa.

Saiba porque investir em Mato Grosso, o Estado que mais cresce no Brasil. Terra de Oportunidades

Comércio

ato Grosso experimentou um salto de desenvolvimento e de mudança em seu perfil econômico na última década. O Estado alcançou lugar de destaque como grande celeiro agrícola e hoje, além de ser o maior produtor de grãos, tem o maior rebanho bovino comercial do Brasil Através de incentivos para o desenvolvimento industrial, o estado tem atraído grandes grupos nacionais e internacionais para investir em solo mato-grossense.

Com a crescente migração e o aumento do poder aquisitivo da população do estado, o comércio de Mato Grosso vem experimentando um sensível e inédito crescimento nos últimos anos. Dentre os Estados do Centro-Oeste, Mato Grosso tem o segundo melhor desempenho em receita bruta de revenda e em número de estabelecimentos comerciais. O segmento do comércio de veículos e peças é o que apresenta maior crescimento com 47,24%, no período 2007-2008. Este segmento tem peso de 13,4% no comércio estadual total. O co-

M

36

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

mércio varejista, que representa 31% do comércio total cresceu 21,7% no mesmo período.

Indústria Mato Grosso passou por um processo de industrialização nos últimos anos, principalmente na parte de alimentos. O beneficiamento de grãos e carne produzidos no estado agregou valor à produção local. Dentre as atividades desse segmento, a indústria de produtos alimentícios contribui com 58% do valor de transformação industrial, seguido pela indústria de produtos de madeira e de produtos químicos, com 9% cada. Ao se analisar os dados relativos a atividade industrial de Mato Grosso, observa-se o crescente aumento deste segmento, sendo que em 2008 havia 2.559 indústrias instaladas e já ocupava 85.183 trabalhadores. (IBGE 2010) Dentre os segmentos destacam-se, por ordem de geração de emprego e renda: produtos alimentícios; produtos de madeira; produtos minerais não-metálicos; produtos de metal; produtos derivados do petróleo e biocombustíveis.

Mineração O Governo de Mato Grosso realizou um completo levantamento aerogeofísico em 125 mil km². Nesta área foram identificadas potencialidades de depósito de minerais com informações confiáveis e de


qualidade. Com este mapa, o Estado pode oferecer mais segurança para o investidor do setor mineral, facilitando as decisões na hora de aplicar seus recursos. Entre os principais minérios encontrados em Mato Grosso estão o fosfato, ouro, diamante, calcário, rochas ornamentais, água mineral, argila, areia e cascalho. A partir de 2003, os levantamentos minerais do estado foram retomados e com o diagnóstico do solo mato-grossense ficou mais fácil atrair investidores para o setor mineral. No ano de 2010, foram emitidos 1280 requimentos minerários. O estado passou do 11º lugar, em 2002, para o 4º lugar na lista dos estados que mais emitem esse documento no país.

Turismo Mato Grosso possui belezas incomparáveis. Ao norte, 550 km² da maior floresta do planeta - a Floresta Amazônica. Ao centro, árvores retorcidas, cachoeiras e montanhas – o Cerrado, um dos biomas mais importantes do Brasil. Sua flora, com mais de 10 mil espécies de plantas, compõe uma paisagem de beleza exótica e imenso conjunto de riqueza medicinal. Ao Sul, o Pantanal, declarado pela Unesco como Reserva da Biosfera e Patrimônio Natural da Humanidade, com 230 mil km² de vida silvestre. E ainda a Planície do Araguaia, uma imensa área cortada por rios volumosos, onde surgem extensas praias fluviais. Os segmentos do ecoturismo, da pesca esportiva, turismo de aventura, cultural, de eventos e negócios, tecnológicos, rural etnoturismo e de contemplação crescem a cada ano e constituem-se grandes oportunidades de investimento. Mato Grosso é o destino de muitos turistas internacionais. De janeiro a julho de 2011, o estado recebeu mais de 320 turistas estrangeiros segundo dados do ecobooking do Ministério do Turismo. A maioria veio dos Estados Unidos, Alemanha e França. O Estado também é visitado por turistas brasileiros, que vêm, principalmente, atrás das belezas de Chapada dos Guimarães e Pantanal.

Cadeias Produtivas O maior desafio do Governo de Mato Grosso é manter as Cadeias Produtivas como uma forte base econômica e de distribuição de renda. Para isso, investe em ações que incentivam a competitividade, inovações tecnológicas e a sustentabilidade de projetos desenvolvidos em todos os segmentos. Em 2010 pelo menos 10

cadeias produtivas foram incentivadas pelo Governo do Estado, incluindo a do arroz, água mineral, indústrias gráficas, móveis e apicultura. O incentivo vem através de linhas de financiamentos específicas e programas de isenção de impostos, como o Prodeic, o Fundeic e o FCO, além de apoio de assistência técnica e consultorias.

Importação e Exportação O Estado de Mato Grosso é o maior exportador do Centro-Oeste e um dos maiores do Brasil. Em 2010 alcançou cifras de U$ 8,45 bilhões, com variação no período 2007/2008 de 52,3%. Com isto, a balança comercial do Estado saltou da 10ª para a 8ª posição no ranking nacional. As exportações estaduais representaram 52% do total do Centro-Oeste, cujo valor exportado da região alcançou U$ 14,2 bilhões. A importância do comércio externo pode ser constatada pelo seu peso na economia, cujo valor no ano de 2008 foi equivalente a 21,5% do PIB do Estado. O fluxo do comércio internacional, que sintetiza o somatório de todas as transações com as exportações e importações, alcançou, em 2008, o valor de US$ 9,089 bilhões, graças à diversidade de sua pauta de produtos exportados e à conquista de novos mercados. Em 2010, Mato Grosso foi responsável por cerca de 37% do saldo da balança comercial brasileira. O Estado vende seus produtos para 160 países. O complexo de soja, carne, milho e arroz ainda são os produtos mais comercializados. Os maiores parceiros comerciais de Mato Grosso, em termos de exportações, continuam sendo a China, os países baixos (Holanda), Suíça, Espanha, Irã e Reino Unido. Por meio do benefício fiscal concedido na importação de produtos sem similares produzidos no Estado, o governo contribui para o desenvolvimento do comércio, renovação do parque industrial, e também na atração de novos investimentos para Mato Grosso. O apoio fiscal é tanto para comércio como para integrar ativo fixo concedido às empresas instaladas em territórios mato-grossenses. Empresários interessados em usufruir do benefício deverão ter suas importações desembarcadas em recinto alfandegado de Porto Seco, além de protocolarem solicitações de enquadramento junto àSecretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia.

37


Em Campo Verde

Ediane Agostinetto recebe clientes em sua loja Sit’s.

A

apaixonada por moda; a empresária Ediane Agostineto está em constante crescimento e em busca da satisfação de seus clientes. Em uma das diversas ações que sua loja Sit’s vem promovendo desde sua inauguração no ano passado, foi um chá de tarde, onde recebeu alguns clientes que foram presenteados com o exemplar da Revista Gold onde a empresária foi capa. A loja trabalha com exclusividade em Campo Verde com as marcas Calvin Klein, Triton, Forum, Colcci, VR e entre outras, que se destacam entre as mais conceituadas da atualidade, apresentando ao público feminino e masculino, roupas e acessórios de classe que estão em sintonia com a moda.

01

03

04

(66) 3419-3837 Av. Mato Grosso, 895 Jd. Campo Real II - Campo Verde-MT sitsmoda@hotmail.com

02

05

06 Fotos: Robson Neves

38 07

08

01-A empresária de moda Ediane Agostinetto com a homenagem recebida por ser capa da revista Gold. 02-A cliente Sandra recebendo o exemplar das mão de Ediane. 03-Com Vicente Dolce. 04-Com Michele Botan. 05-Regiana com a filha Helena. 06-Andreia Yokahama. 07-Isabela Bergamasco. 08-Vanessa Dias. 09-Jackueline Roque. Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

09


39


Super festa!

O empresรกrio Elusmar Scheffer 40 comemora seu aniversรกrio em grande estilo. Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


Foto: Valter Arantes.

41 Elusmar com a esposa Solange Scheffer e as filhas Nayara e Rayssa Scheffer.


A irmã Marina Bortoli a mãe Luzia Maggi e o esposo José Bortoli.

Eliezes Scheffer. A filha Rayssa e o sogro Ferdinando Modolon.

Fotos: Valter Arantes.

Com a mãe, Luzia Maggi.

42

Elusmar e Solange com o Governador Silval Barbosa, o Senador Blairo Maggi e a esposa Terezinha Maggi. Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Rayssa e Nayara Scheffer.


Fotos: Valter Arantes.

Elusmar celebra com as filhas Polyana, Nayara e Rayssa, a neta Júlia e a esposa Solange.

A família com o cantor Michel Teló.

U

ma noite inesquecível e marcante foi a super festa de aniversário do empresário Elusmar Scheffer. Ele celebrou seus 51 anos de vida com a família, amigos e autoridades totalizando 1.100 convidados. A festa aconteceu no Centro de Eventos Santa Terezinha no dia nove de dezembro. Na ocasião o empresário foi homenageado pela Assembléia Legislativa do Estado recebendo o título de cidadão matogrossense

nas mãos do Dep. Estadual J. Barreto, com a presença do Governador Silval Barbosa o Senador Blairo Maggi, o Dep. Estadual Nininho, o Dep. Federal Wellington Fagundes e entre outros. A noite contou ainda com show de grandes artistas nacionais como Michel Teló e a dupla Fernando e Sorocaba. Elusmar agradeceu a presença de todos os convidados. Sem dúvida um grande e inesquecível momento.

43


Renato, Adilton Sacheti e Luiz Antônio

Erides e Armando Corbari.

Zilda e Darci Maggi.

Dep. Estadual Nininho.

O irmão Fernando Scheffer e sua esposa Lucimar Scheffer.

Nélio e Jackeline.

Itamar e Vera Locks.

Orcival Guimaraes e esposa.

Lúcia Maggi.

Rayssa, Nayara, Solange, Elusmar, Júlia e Polyana.

44 O casal recebendo os cumprimentos do Governador Silval Barbosa.

Revista Gold

|

José Orides Bauer e Paulo Bauer.

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Atrações: Anselmo e Rafael, Banda Comunicasom, Dj Corpinho, Fernando e Sorocaba, Michel Teló. Buffet: Idéias Buffet Cerimonial: Making of Eventos Decoração: Célio Corrêa Fotos: Valter Arantes Jóias: Nelcina Mattos Make-up: Vando Rodrigues Moda: Mary Maison


Pedro Jacir Bongiolo e a esposa Glaci.

Jorge Cavalli, Alexandre Carvalho e Roberto Bortoncelo.

Alexandre Lins, Meire e Daniel.

Verane Maggi, Jo茫o Scheffer e Valma.

Michel Tel贸 animando os convidados com os seus grandes sucessos musicais.

Fotos: Valter Arantes.

45


Fotos: Valter Arantes.

A grande noite ainda contou com o show da dupla Fernando e Sorocaba.

O irmão Eraí Maggi e sua esposa Marilene.

Hugo e Fátima Maggi.

Mauro, André e Vando.

Rosângela Maggi e Plínio Shimidt.

Jules e Aline Bortoli.

46 Melvin.

Revista Gold

Nelson Vigolo. |

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Vereadora Sapezal Maria Carolina.


Nayara e Rayssa no embalo com Fernando e Sorocaba.

Os irmãos Eliseu e Eraque Scheffer.

O primo, Senador Blairo Maggi. Silvio, Nádia, Marinês, Lorena e Verane.

Sara.

Gislaine, Glisiani, Guilherme, Carolina, Eliseu , Neto, Aline e Giliard.

47

Elusmar recebendo homenagem da Assembleia Legislativa com o título de cidadão matogrossense pelas mãos do Dep. Estadual J. Barreto.


Fotos: Valter Arantes.

Momento marcante e emocionante de Elusmar com a esposa Solange.

Donato e Horácio.

Elusmar agradecendo feliz à todos os convidados.

48 Eliseu Scheffer.

Revista Gold

O estilista internacional Samuel Cirnansck, que além de prestigiar a festa desenhou o belissímo vestido de Solange. (Mary Maison).

|

Dep. Federal Fagundes.

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18 Wellington


49


50

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


51


evi dên cia

01

02

52

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

03

07


08

05

09

Fotos: Valter Arantes

04

06

10

01-Bruno e Mariana Tosta. 02-Ralf e ThaĂ­s Martins. 03-Cezar e Saleti Hubner. 04-Maria Helena e Benedito Parente. 05-Michelle Tosta. 06-Regina e Waldir Teis. 07-Rayssa Scheffer. 08-Marcos Nishimura e Silvana Yamamoto. 09-Tatiana Colombo e Marcelo Shidas. 10-Elisiane Maura e Dario Togo.

53


Páginas Douradas

Es pe cial 02

01

03

04

05

A

Revista Gold está no Ano VI de sua caminhada. Uma caminhada que começou em abril de 2006 e, quatro meses depois, exatamente no dia três de agosto, chegava a primeira edição em Rondonópolis. Desde a sua primeira edição já conseguiu encantar a todos pelo diferencial que sempre agregou. A Revista Gold surgiu com a proposta de inovar o mercado publicitário. Enfrentando por algumas vezes grandes dificulda-

54

06

08 Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

07


des, mas capaz de mostrar resultados bastante concretos, mensuráveis e rentáveis a seus anunciantes. Inovações acrescentam valor na imagem, produtos e marcas, ajudando as empresas e profissionais a sobreviver num cenário crescentemente competitivo. Elas têm utilidades múltiplas: dão acesso a novos mercados, aumentam lucros e conseqüentemente não só geram emprego e renda, mas também fortalecimento. Tais vantagens tornaram-se cruciais num mundo globalizado, no qual todos os segmentos são obrigados a competir. A cada ano, Mato Grosso vem tornando-se uma vitrine do Brasil em diversos setores. Sendo assim torna-se também uma terra de oportunidades. Oportunidade esta que estamos agarrando não só com alegria e satisfação, mas também com muita transpiração, pois a dedicação tem sido feita de maneira comprometida e bem posicionada, conseqüência disso é um trabalho voltado sempre para as necessidades do nosso público. Prestes a completar seis anos, a Revista Gold consolidou sua marca como símbolo de qualidade. Um produto altamente qualificado não somente em seu designer, estética, material ou acabamento mas, principalmente em seu conteúdo e na capacidade de abrangência em atingir um público seleto distribuídos nas mais diversas áreas como: Empresários, Profissionais Liberais, Agricultores, Pecuaristas, Autoridades e etc. A Revista Gold é hoje um veículo forte e consistente de circulação em 30 cidades do Estado através de seus exemplares e um número maior ainda fora do Estado e até fora do País pela revista on line disponível no site. Nossos parceiros, colaboradores e

09 10

11 12

13

14

15

16

17

55

18 19 01 - Com o Diretor Presidente da Santana Textil do Brasil e da America Latina Raimundo Delfino. 02 - Com a cantora Kelli Key. 03 - O ator Marco Antônio Gimenez e a atriz Vera Gimenez. 04 - O narrador Galvão Bueno. 05 - O Diretor da Revista Gold Golther Carlos com a empresária Maria Eduarda (Filha do

apresentador Amaury Jr.) 06 - Com o Senador por MT, Blairo Maggi. 07 - Com o Modelo e Dj Jesus Luz. 08 - Com a ex-dançarina e apresentadora de TV Sheila Carvalho. 09 - O cantor Fábio Jr. 10 - O jogador Kaká. 11 - Com o ator Sérgio Abreu,

a personal Solange Frazão e o empresário e produtor artístico Claudeci Cortis(Nenê). 12 - A apresentadora de TV Sabrina Sato. 13 - Ex-jogador e Dep. Federal, Romário. 14 - A ex-dançarina Sheila Mello. 15 - A atriz Lady Francisco. 16 - A atriz, Terezinha Sodré e a Miss

Brasil 1985, Márcia Gabriele. 17 - Com o Prefeito de Primavera do Leste-MT Getúlio Viana e a Miss Mato Grosso 2008, Flávia Piana, onde na ocasião os três foram premiados na capital matogrossense. 18 - O ator e cantor Maurício Mattar. 19 - O coreógrafo e dançarino, Carlinhos de Jesus.


20

principalmente nossos clientes foram essenciais nessa conquista de credibilidade e reconhecimento. Em 2012, também comemoro 20 anos de atuação profissional na área de comunicação, marketing, propaganda, eventos e jornalismo. Um trabalho que vem criando-se cada vez mais raízes de comprometimento com a divulgação da marca Gold através de artistas, empresários, políticos, autoridades e das mais diversas personalidades municipais, estaduais e nacionais. Nada acontece por acaso, em tudo há o propósito de Deus. O sucesso também está nas mãos daqueles que têm coragem de sonhar e correr o risco de viver os seus sonhos.

21

Saudações! Golther Carlos.

22

23

24 Revista

25

56

26

20 - A Miss Brasil 2010 Débora Lyra. 21 - O ex-BBB Eliezer e o cantor Wilson Sideral. 22 - O ator Carlos Machado. 23 - O cantor e vocalista do Jota Quest Rogério Flausino. 24 - O cantor Almir Sater. 25 - Diretor Presidente da Braspress do Brasil, Urubatan Helou. 26 - O humorista Renato Aragão(Didi). 27 - Miss Brasil 2000, Josiane Kruliskoski.

Fotos: Josué Pereira, Marcos Miragla, Robson Neves, Valter Arantes e arquivo pessoal.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

27


A qualidade que seu sorriso merece, você só encontra na Neo Odontologia Especializada A correria do dia a dia faz com que muitas pessoas descuidem de vários aspectos de sua vida. A saúde é uma das primeiras a ser negligenciada, ainda mais quando se fala em saúde bucal. Com o passar do tempo, a má higienização pode ocasionar doenças gengivais e até mesmo a perda dos dentes. Por vergonha, muitas pessoas passam a sorrir menos e deixam de conquistar melhores trabalhos e relacionamentos por estarem com a autoestima abalada. A falha na dentição ainda pode ser a causa de outros problemas, como a mastigação errada, por exemplo. Para o procedimento ser bem sucedido é preciso atender não somente as necessidades funcionais, mas também estéticas do paciente.

Implantodontia

É a especialidade da odontologia dedicada a restabelecer a função de mastigação e estética perdidas, devido a ausência de um ou mais dentes, através da instalação do implante sobre o qual, posteriormente, será instalado uma peça protética em substituição ao dente perdido. • • • • • •

Implantes Ósseo Integrados Implantes Imediatos Carga Imediata Enxertos Ósseos Mini Implantes com finalidade ortodôntica Levantamento de seio maxilar

Prótese

Prótese Dentária é a especialidade que tem como objetivo o restabelecimento e a manutenção das funcões do sistema estomatognático, visando a proporcionar conforto, estética e saúde pela recolocação dos dentes destruídos ou perdidos e dos tecidos contíguos. • • • • • • • • •

(

Coroa de Porcelana Onlay de Porcelana e Resina Prótese Fixa de um ou mais Elementos Prótese sobre Implantes Prótese Parcial Removível Prótese Total Facetas Cerâmica e max Cerâmica Metal free

(

O seu melhor cartão de visitas.

Imagens meramente ilustrativas.

Ivan Antônio Panazzolo

Ricardo Sandri Carvalho

Cleiner Naves Ribeiro Carvalho

CRO-MT 1477 Especialista em Implantes Especialista em Dentistica Restauradora

CRO-MT 2676 Especialista em Implantes

CRO-MT 2678 Especialista em Prótese

neoodontologia.com.br R UA A N T Ô N I O J O S É DA S I LVA , 3 0 7 W - C E N T R O

-

TA N G A R Á D A S E R R A / M T

-

(65)3326-3081

57


gold

Em Tangará da Serra

02 01

15 anos Aerofito Tangará da Serra: Claudir e Ivanir Maggi.

02

Valter Locatelli com as filhas Camila e Bruna.

01

03

A mãe da Debutante Geraci Jacobowski com o Padastro Emerson Moraes e a irmã Maria Luiza.

03

04

Coordenadora de Eventos Cristina Delicato.

05

Posto Shopping, reinauguração: Alessandra Wieczorek com sua equipe.

04

06

05

06

58

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Fotos: Lamego Eventos

Formatura do Colégio Ipes: 40 alunos rumo a Universidade.


Cultive as boas lembranรงa.

59

Rua Joรฃo do Prado Arantes, 142 W - Centro (65) 3326-6024 - Tangarรก da Serra - MT


Capa Região Leste

A exuberante cidade de Tangará da Serra. Centro da cidade.

Rondon abriu a rodovia que sobe os chapadões dos Parecis, cujas marcas ainda estão presentes. História

O

Município de Tangará da Serra, no exuberante divisor das águas das bacias Amazônica e do Prata, originou-se em 1959, emergente do antigo povoado surgido pelo loteamento das glebas Santa Fé, Esmeralda e Juntinho, localizadas no município de Barra do Bugres. Os senhores Júlio Martinez, Dr. Fábio Licere e Joaquim Oléa fundaram a SITASociedade Imobiliária Tupã para a agricultura que, atraídos pela excelente condição de clima e solo fértil, implantaram o loteamento Tangará da Serra. Antes, porém, o Marechal Cândido Rondon já havia palmilhado a região em 1913, auxiliado pelos índios Parecis e Nhambiquaras, quando implantou o telégrafo, estudou a flora e a fauna presentes, para fornecer subsídios que seriam uti-

60

Pássaro Tangará, que foi avistado pelos pioneiros na Serra Tapirapuã

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

lizados no futuro. Rondon abriu a rodovia que sobe os chapadões dos Parecis, cujas marcas ainda estão presentes: a exemplo de sua casa e uma ponte construída sobre o Rio Sepotuba, no interior do Município de Tangará da Serra, ainda preservadas. Depois chegaram os extrativistas, atraídos pela mata de poaia, planta com propriedades medicinais, que cobria as encostas da Chapada dos Parecis; onde os tributários do Rio Paraguai têm suas nascentes. Logo após chegaram os madeireiros, devastando a região para ceder lugar aos colonos que derrubaram o cerrado e se iniciaram na agropecuária, atividade ainda tão presente no município: base forte da economia tangaraense. Inspirados pelo canto macio, cheio, vivo e sonoro do pássaro Tangará ( uma


Geografia Sua população estimada de 2010 é de 84.076 habitantes(IBGE). Possui uma área de 11770,3 km². O município de Tangará da Serra foi

tuação melhor e 103 municípios (82,5%) estão em situação pior ou igual.

sões de investir 3 bilhões em Tangará da Serra.

Economia

Relevo e vegetação

Em termos industriais, Tangará da Serra conta com um Plano de Incentivo a novas empresas, que tem atraído alguns investimentos importantes (Lei nº 2168/2004 de 23 de junho de 2004, alterada pelas leis nº 2371/2005 e nº 2424/2005). O Plano oferece incentivo

Pássaro Tangará, que foi avistado pelos pioneiros na Serra Tapirapuã. O relevo tangaraense é caracterizado pela topografia plana (95%), enquanto, topografias suavemente onduladas e montanhosas formam 5% do relevo. A localização de Tangará da Serra entre as serras de Tapirapuã e dos Parecis delimita dois ecossistemas importantes no território brasileiro: o Pantanal (Sul) e o Chapadão do Parecis (Norte). A Serra dos Parecis é o divisor de águas entre as bacias do Amazonas (Norte) e do Paraguai-Paraná (Sul). Quanto à vegetação, Tangará da Serra possui matas densas nas encostas e no alto da Serra Tapirapuã, e cerrado no alto da Serra dos Parecis.

Fonte e fotos: http://pt.wikipedia.org

das aves brasileiras mais famosas) foi que os primeiros visitantes da região aliaram o nome do gracioso pássaro à majestosa Serra de Itapirapuã e batizaram a localidade como Tangará da Serra.

Ensino Superior

Salto das Nuvens, um dos principais pontos turísticos do município

criado em 1976, tendo sua área territorial desmembrada do município de Barra do Bugres.

Recursos Humanos No período 1991-2000, o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M) de Tangará da Serra cresceu 14,87%, passando de 0,679 em 1991 para 0,780 em 2000. A dimensão que mais contribuiu para este crescimento foi a Educação, com 41,3%, seguida pela Longevidade, com 34,7% e pela Renda, com 24,1%. Naquele período, o hiato de desenvolvimento humano (a distância entre o IDH do município e o limite máximo do IDH, ou seja, 1 - IDH) foi reduzido em 31,5%. Se mantivesse esta taxa de crescimento do IDH-M, o município levaria 10,2 anos para alcançar São Caetano do Sul (SP), o município com o melhor IDH-M do Brasil (0,919), e 3,4 anos para alcançar Sorriso (MT), o município com o melhor IDH-M do estado (0,824). Em 2000, o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal de Tangará da Serra é 0,780. Segundo a classificação do PNUD, o município está entre as regiões consideradas de médio desenvolvimento humano (IDH entre 0,5 e 0,8). Em relação aos outros municípios do Brasil, Tangará da Serra apresenta uma situação boa: ocupa a 1040ª posição, sendo que 1039 municípios (18,9%) estão em situação melhor e 4467 municípios (81,1%) estão em situação pior ou igual. Em relação aos outros municípios do Estado, Tangará da Serra apresenta uma situação boa: ocupa a 23ª posição, sendo que 22 municípios (17,5%) estão em si-

para a instalação de Indústrias no município como a doação de terreno, a terraplanagem, energia elétrica no local (no padrão), isenção dos impostos municipais, e o PRODEI (através do Governo do estado - isenção de ICMS). Ressaltamos a Anhambi Alimentos Norte Ltda., que conta com 165 aviários em sistema de integração e abate 80 mil aves/dia, com potencial de ampliação para 120 mil aves/ dia, e possui, também, de 07 à 10 postos de trabalho com 950 funcionários. O Marfrig Ltda abate hoje 1.100 bovinos/dia, com capacidade instalada de

O município é considerado um pólo universitário, contando com as seguintes universidades: Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), que oferece os cursos de graduação de Administração (Adm em Agronegócios ou Adm em Empreendedorismo), Agronomia, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Enfermagem e Letras. Universidade de Cuiabá (UNIC), que conta com os cursos de Administração, Ciências Contábeis, CST Desenvolvimento de Softwares, CST Mecanização Agrícola, Direito, Engenharia de Produção, Farmácia, Fisioterapia, Odontologia e Pedagogia. Instituição Tangaraense de Ensino e Cultura (ITEC), que oferece o curso de Pedagogia.

Pontos turísticos

A economia de Tangará da Serra vem evoluindo a cada dia que passa. 1.500 cabeças/dia, abastecendo, também o comércio exterior. A empresa possui 21 postos de trabalho com 1.050 funcionários. Está em construção, um centro de eventos em Tangará para atender a demanda da região, sendo que no estado só possui um porte dessa área na Capital. A economia de Tangará da Serra vem evoluindo a cada dia que passa. Vem recebendo aos poucos grandes franquias e grandes empresas, como a Novo Mundo, a Clube Turismo, as Lojas Americanas, SubWay e etc. Há industrias de Etanol com preten-

O município possui muitos pontos turísticos, dentre eles: • Cachoeira Salto das Nuvens (Localizada no Rio Sepotuba) • Mirante da Serra • Pesqueiro Piracema • Cachoeira Salto Maciel (Localizado no Rio Sepotuba) • Rio Sepotuba • Rio Formoso • Rio Queima-pé • Córrego Estaca • Balneário Biquinha • Rio Ararão • Rio Juba • Córrego Mina Azul • Hotel Fazenda Primavera – Fica na Serra de Tapirapuã, na divisa entre Tangará da Serra e Nova Olímpia, porém, pertence à Nova Olímpia. • Bosque Municipal • Sítio Burgos • Tangará Shopping Center

61


10

Razões para investir em revista. 1 Amplo alcance: As revistas são importantes fontes de informação e análise. É o primeiro passo para criar nas pessoas o hábito de leitura. 2 Eficiência em atingir públicos específicos: A grande variedade de títulos permite atingir leitores, considerando aspectos demográficos, estilo de vida e interesses, possibilitando direcionar as mensagens de acordo com cada necessidade. 3 Revistas vendem melhor: Estudos demonstram que, ao alocar mais verbas em revistas no mix de mídia, os investimentos de marketing e publicidade são potencializados em todas as categorias de produtos. O leitor de revista tem poder de compra. 4 Experiência única: Ao ler uma revista, o leitor sente que o tempo e o dinheiro investidos realmente valem a pena, pois o tornam mais inteligente e

aumentam o seu poder de reflexão. 5 Total envolvimento: A leitura requer alta concentração. Portanto, as revistas possuem o menor índice de dispersão entre todas as mídias. 6 Alto impacto: O grande envolvimento dos leitores com as revistas faz com que os anúncios tenham maior impacto. 7 Maior longevidade das mensagens: Os leitores consultam as revistas diversas vezes. Muitos deles as colecionam, propiciando exposições adicionais aos anúncios. Revistas duram mais, seus anúncios também. 8 Credibilidade: A revista gera credibilidade para produtos e marcas. O leitor de revista valoriza a publicidade. 9 Multiplicidade de escolhas: As revistas permitem ao anunciante optar entre uma ampla gama de títulos, com soluções que melhor se adéquam às suas necessidades. 10 Maior envolvimento: O conteúdo dos anúncios em revistas faz com que os leitores riam, chorem, pensem, desejem, enfim: se emocionem, fazendo com que as pessoas reajam e se conectem intensamente com as marcas anunciadas.

Participe da campanha

Conteúdo é Nosso forte. Fonte: ANER E MPA The Association of Magazine Medi

troco da esperança.

D

oe qualquer valor nas agências dos Correios e leve alegria e conforto aos pacientes do Hospital do Câncer de Mato Grosso. O projeto visa estimular a solidariedade da população, por meio das agências dos Correios, mobilizando os clientes da empresa em prol dos pacientes do hospital. Por meio da parceria, os usuários dos serviços postais e bancários dos Correios serão incentivados a doar parte do troco para ajudar as crianças com câncer. Todas as 146 agências próprias no Estado serão envolvidas na campanha, que acontece até dezembro deste ano. O diretor regional dos Correios, Nilton do Nascimento, explica que os atendentes das agências serão orientados a respeito da campanha, para que a parceria seja efetiva no Estado. “Este é um convênio

62

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

que faz parte das ações de responsabilidade social da empresa, e vai ajudar a salvar vidas”, destaca Nascimento. Para o presidente da Fundação Hospital de Câncer, Laudemi Moreira Nogueira, o convênio é uma forma de contribuir com o atendimento à população que já é realizado pelo hospital. “Ter a parceria de uma empresa do porte dos Correios vem para fortalecer as ações da família Hospital do Câncer”, reforça Laudemi. Os Correios farão, semanalmente, a divulgação do valor total arrecadado com a campanha, por meio da Gerência de Vendas. Uma Campanha do Hospital do Câncer de Mato Grosso em parceria com os Correios. Mais informações: (65) 3648-7575 www.hcancer.com.br


www.maistga.com.br

Sinta fora d-se em ca e casa sa, .

Pensando no meio ambiente o Mais Hotel é o primeiro de Tangará da Serra com sistema de coleta, tratamento e reciclagem de água utilizada no próprio estabelecimento. São 55 apartamentos, sendo três apartamentos de luxo com tamanho especial de 33 m² com sacada. Todas as unidades são equipadas com ar-condicionado, frigobar, telefone, aparelho de TV LCD, internet Wireless e TV a cabo. O hotel dispõe de três suítes com Hidro, sacada, além do conforto dos apartamentos com ar-condicionado, frigobar, telefone, aparelho de TV LCD, internet Wireless e TV a cabo.

Av. Tancredo Neves, 1620-E Jd. San Rafael - (65) 3326-6900 Tangará da Serra – MT

63


N

64

uma noite inesquecível em Cuiabá, em 2011 a festa que marcou os 50 anos de vida e os 20 anos de colunismo social colunista Tamires José teve como palco o Espaço Leila Malouf. A festa, que homenageou o Egito, reuniu nomes e sobrenomes da tradicional sociedade mato-grossense.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Assim foi a festa mais luxuosa de Mato Grosso.


65

Fotos: SĂŠrgio Soares


02

01

03 Fotos: Sérgio Soares

66 04 01-Monica e o médico José Augusto Curvo. 02-Os advogados e empresários Ligia e Miguel Zaim. 03-Rita Altair Silva. 04-Madrinhas. 05-Mariene e o Dep. Federal Wellinton Fagundes.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Com muito charme e elegância, o colunista Tamires José prometeu e fez dessa noite uma das mais belas e maravilhosas dos últimos tempos em Cuiabá, e por que não dizer de Mato Grosso. O espaço Leila Malouf foi transformado em um cenário mágico e sedutor, idealizado pelo colunista e anfitrião, projetado pelo arquiteto Eduardo Garcia e executado pelo designer Célio Corrêa.

05

67


O buffet impecável foi assinado por Leila Malouf, cerimonial de Izis Dorileo, assessoria de imprensa da jornalista Tânia Melo, música da Cia. Sinfônica, by E-Strings, iluminação decorativa de Ronaldo, participação especial da Academia Danç’ Art e o som sob o comando dos Djs Gilmar e Vasquinho Neves. As roupas que caracterizaram os recepcionistas vieram de Recife (PE), através do produtor cultural Anderson Gomes que ficou encantado não só com a festa como também com a cidade de Cuiabá.

06 07

68 Fotos: Sérgio Soares

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


09

08 10

11

12

13

06-Edson e Marilza Moreira Figueiredo. 07-Madrinhas. 08-Empresário Alexandre e a Promotora de Justiça Márcia Furlan. 09-Maria Helena e o Cirurgião Plástico Fernando Arruda. 10-Liege Tervisam(a dir.) e as amigas encantadas com a festa. 11-O médico Murilo e a Dermatologista, Karin Krause Bonetti. 12-A bela Bruna com sua mãe a Dep. Estadua Luciane Bezerra. 13-Dra. Dirce e o Pres. da Unimed, João Bosco Duarte.

69


14-Aline França e Evandro Caporossi. 15-Marcelo Assunção Queiros e Alice França. 16-Raimundo e Karla Krause Bonna e Margareth Krause (La Provence). 17-Zaina e Marco Antônio Maluf (Construtora São Benedito). 18-Virginia e o mega-empresário Mauro Mendes. 19-Baiana e Antoine Mutran. 20-Madrinhas.

15

16 Fotos: Sérgio Soares

14

17

18

19

Os nossos agradecimentos especiais à empresa Tech Print, a empresa Bimetal, à primeira dama de Cuiabá, Norma Galindo, à presidente da Sala da Mulher(AL) Sra. Janete Riva, à Sra. Antonia Maciel, à Construtora Rossi, à Casa das Molduras, à Scoth Story (Boutique de Bebidas), à Paola Pessoa, à Gran Odara Hotel, ao Diário de Cuiabá e a todas as madrinhas. A noite vai ficar na memória daqueles que estiveram presentes para brindar com Tamires e os demais convidados.

70

20 Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


71


Cidades

Rondonópolis: tem vocação para o desenvolvimento

R

ondonópolis tem como principal atividade econômica a agropecuária, e na produção de grãos e plumas de algodão seu motor central. No rastro da agropecuária despontam duas grandes atividades econômicas: a agroindústria e o agronegócio (deste último Rondonópolis é um dos maiores destinos turísticos do Brasil, sendo um dos polos nacionais do turismo rural). Total da previsão orçamentária de arrecadação para 2010 (incluindo os repasses estaduais e federais): R$ 409.361.281,00 milhões. Taxa de Desemprego – 15,9% em 2008 e 8,2% em 2009. Rondonópolis conta com 155 leitos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), oito Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para adultos e dez UTI’s infantis. A cidade conta com várias universi-

72

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

dades particulares (Facer, Unic, Anhanguera, Unopar, Univag), um campus da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) o que oferece cursos de graduação e pós-graduação. Pôr essa informação após ÜFMT” e o Instituto Federal Mato-grossense (IFMT). Rondonópolis é conhecida como a “capital do agronegócio”, e já sediou as maiores feiras de agropecuária do Brasil e do mundo, tais como a Agrishow Cerrado e a Exponel. Possui um dos melhores parques de exposição da América Latina e sedia uma das 10 maiores exposições agropecuárias do Brasil, a Exposul, que este ano chegou a sua 39º edição, com volume de negócios em mais de R$ 80 milhões. A cidade fica localizada estrategicamente entre duas rodovias federais, a BR 364 e a BR 163, por onde escoa cerca

“A Santana Têxtil do Brasil, escolheu Rondonópolis como sede da quarta e maior unidade do grupo.”


de 30% da produção agrícola do Brasil. Isso faz com que a cidade seja conhecida também como a ‘Capital Nacional do Bitrem’, graças a frota municipal estimada em cinco mil veículos, administrados por 160 transportadoras, que geram sete mil empregos diretos e 21 mil indiretos. Rondonópolis possui quatro distritos industriais e atrai empresas de grande porte. A cidade atrai empresas do ramo têxtil, metal mecânico, insumos agrícolas, reciclagem, biodiesel e frigoríficos que decidiram implantar as unidades industriais na capital do agronegócio para aproximar a produção final da matéria prima, a exemplo do fio do algodão classificado como o melhor do Brasil e um dos melhores do mundo. Maior produtora de grãos e pluma do Centro-Oeste Brasileiro, classificada como capital do agronegócio e apontada como futuro polo industrial de Mato Grosso, a cidade de Rondonópolis, localizada a cerca de 215 quilômetros ao sul de Cuiabá, destaca-se como polo gerador de riqueza e principal potencial econômico do Estado. A Santana Têxtil do Brasil escolheu Rondonópolis como sede da quarta e maior unidade do grupo. Investiu o montante de R$ 260 milhões em equipamentos suíços de ponta e a estrutura necessária para a produção anual de 24 mil toneladas de fios de puro algodão, dos níveis 05 até 180. A Cervejaria Petrópolis da Crystal se destaca como o maior investimento feito

no Distrito Industrial que está localizado às margens da rodovia BR-163. A cidade reúne cerca de 110 empresas nacionais e internacionais de pequeno, médio e grande porte, em três distritos industriais, sendo dois de domínio público e um privado. Dentre essas estão três unidades do Grupo Bunge e duas da ADM. A cidade abriga inúmeras empresas

“Maior produtora de grãos e pluma do Centro-Oeste Brasileiro, classificada como capital do agronegócio e apontada como futuro pólo industrial de Mato Grosso.” de transporte e funciona como corredor de escoamento da soja e do algodão que abastece o mercado brasileiro e mundial. A pecuária local também desperta o interesse de investidores que apostam na consolidação da agroindústria. Três novos frigoríficos se instalaram no município, nos últimos dois anos. O investimento da ordem de R$ 45 milhões na instalação da unidade da indústria de implementos rodoviários Facchini S.A. em Rondonópolis, vai gerar 1,5 mil empregos diretos num prazo de três anos. Essa primeira etapa deve ser concluída no prazo de um ano e gerar os primeiros 300 empregos que vão beneficiar a comunidade local.

O investimento da ordem de R$ 260 milhões em equipamentos suíços de ponta e a estrutura necessária para a produção anual de 24 mil toneladas de fios de puro algodão, dos níveis 05 até 180; somado à indústria de tecelagem que já atingiu a meta de 24 milhões de metros de tecido índigo (jeans) por ano; Rondonópolis se destaca como o município sede da fábrica mais moderna do mundo. O destaque é uma conquista da Santana Têxtil Mato Grosso que deve gerar até 800 empregos diretos. A tecelagem que opera com os equipamentos de fabricação alemã, mais modernos do mundo, emprega 380 pessoas no sistema de transformação do algodão in natura em tecido índigo. As máquinas de última geração são adotadas nas tarefas que vão desde o processo de limpeza e seleção da pluma de algodão até o sistema de fiação, tingimento e produção do tecido que atende o mercado nacional de fabricantes de roupas jeans. A industrialização do fio para atender a demanda nacional gera, imediatamente, 320 empregos diretos e outros cerca de 1,6 mil indiretos. Outro empreendimento que custou mais de R$ 10 milhões e vem gerando 500 empregos diretos, foi o Hiper mercado Big Master que recentemente foi inaugurado na Avenida Fernando Correia da Costa. Fonte e fotos: www.rondonopolis.mt.gov.br

73


74

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


Design moderno e dinâmico, promovendo agilidade e facilidade para sua hospedagem em um único espaço. o horto hotel express. Para quem busca conforto e qualidade em suas viajens.

Ideal para negócios. Perfeito para férias.

(66) 3421-0069

Av. Francisco Goulart, n° 1183 CEP 78745-300 - Rondonópolis/MT

www.hotelhortoexpress.com.br

75


Granville - Rondonópolis-MT

A v. G o v. J o s é J ú l i o d e C a m p o s , 2 0 8 3

(66) 9984-4610 / 9984-8454

76 Nosso principal objetivo é oferecer qualidade, segurança, comodidade e conforto para que o seu evento fique guardado como uma de suas melhores lembranças.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


PARA O MOMENTO SER PERFEITO, O AMBIENTE PRECISA SER INESQUECÍVEL.

77


Capa Região Norte

Conforto em ambientes personalizados. E

quipada com tecnologia de ponta, e certificada pelas Normas ISO 9001 e ISO 14001, a Todeschini é hoje uma das maiores fabricantes de móveis planejados da América Latina. Os produtos da marca, que incluem móveis e complementos para ambientes personalizados, direcionados para residências, empresas e hotelaria, chegam ao mercado comercializados por mais de 330 lojas exclusivas distribuídas no Brasil e no exterior. Com mais de 70 anos de experiência e solidez, a empresa é reconhecida por seu pioneirismo e capacidade de constante renovação, materializada nas novidades lançadas a cada ano e direcionadas para atender um público que conhece o melhor que o mundo oferece e sabe o que quer. A reestruturação de sua operação comercial configurou outro marco importante nos últimos anos, bem como a criação de um programa de treinamento especialmente desenvolvido para as equipes dos lojistas, e que vigora em dinâmica contínua em parceria com a rede de lojas. Mais recentemente, o reposicionamento da marca e a consolidação do desenvolvimento de produtos com foco no mercado veio completar os pilares que constituem os diferenciais competitivos da Todeschini. O casal Babinton Wndey Puva e Natifrank Gamla Puva, proprietários das lojas Todeschini em Sorriso e Lucas do Rio Verde comemoram o sucesso da marca. A loja de Sorriso foi inaugurada em 2006 e a de Lucas do Rio Verde em 2008 ambas com a missão de satisfazer clientes oferecendo soluções personalizadas em mobiliário, de forma integrada à rede de distribuição, atuando com qualidade, agilidade, inovação e rentabilidade, promovendo a consciência ambiental e a responsabilidade social.

78

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Personalize seus ambientes e deixe a vida acontecer.

Todeschini / Sorriso-MT Av. Blumenau, 3514 - (66) 3545-0080 Todeschini / Lucas do Rio Verde-MT Av. Das Acacias, 866-W, Bandeirantes, - (65) 3549-3066 www.todeschinisa.com.br

Excelente em serviços e soluções em mobiliário. Líder no mercado de atuação. A marca mais desejada do Brasil.

79


Cidades

Sorriso

Lugar de gente feliz.

O

Município de Sorriso está situado na região norte do Estado de Mato Grosso, no Km 742 da rodovia federal BR-163, Cuiabá - Santarém, a 412 km da capital, Cuiabá. A sua fundação deu-se através de um projeto de colonização privada, com a maioria absoluta da sua população constituída por migrantes provenientes da região Sul do País. Em 26 de dezembro de1980, foi elevada a categoria de Distrito, pertencente ao Município de Nobres. Em 20 de março de 1982, foi instalada a Sub-Prefeitura no Distrito de Sorriso. Em 13 de maio de 1986 a Assembléia Legislativa do Estado de Mato Grosso,aprovou e o Governo Estadual, através da Lei 5.002/86, elevou o então Distrito de Sorriso à categoria de Município, desmembrado do Município de Nobres. A economia do município está diretamente relacionada ao agronegócio, sendo o cultivo da soja a principal atividade. Atualmente é considerado o maior produtor de soja do país. No município encontram-se instaladas multinacionais como Archer Daniels Midland (ADM), Bunge, Cargill, Dreyfus, Noble e Glencore, além de empresas regionais como Amaggi, Coacen, Fiagril e Multigrain entre outras. Também destaca-se a produção de algodão e milho. Possui 2 abatedouros de aves e 3 de suinos, com previsão de instalação de outro para 2012. É o município que, individualmente, mais produz grãos no Brasil: 3% da produção nacional e 17% da produção estadual. Em seus 600.000 hectares, agricultáveis, produz mais de 1,8 milhão de toneladas de grãos, além de 26,4 mil toneladas de pluma de algodão. A soja é a principal cultura, atingindo quase 84% da produção. Desde 2004 Sorriso possui um shopping center Park Shopping Sorriso, no que ajuda na divulgação da cidade e aumenta a economia. Sorriso é uma cidade planejada sob certos aspectos, pois suas avenidas principais são amplas e largas. Há praças, jardins, áreas verdes e parques bem distribuídas. As boas condições de vida permitem construções de alto padrão por todos os bairros. Os bairros são entregues com água, esgoto, energia e asfalto, pos-

80

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Fonte e fotos: pt.wikipedia.org

sibilitando que a população tenha uma excelente qualidade de Vida. É uma das cidades mais seguras do estado, devido a grande quantidade de empresas do ramo de segurança privada, além da polícia civil e militar instalada no município. conta também com câmeras de vigilancia espalhadas por diversos pontos da cidade. Possui escolas de ensino fundamental, médio, e técnico, além de faculdades locais e a distância. Com uma das melhores médias do ENEM no Estado do Mato Grosso. A cidade é bem sinalizada. Está entre os 200 municípios brasileiros com melhor qualidade de vida, já ocupando o primeiro lugar de Mato Grosso no Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M), segundo o relatório de 2004 do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), recebendo este prêmio no último ano de mandato do prefeito Sr. José Domingos Fraga Filho. Sorriso é ponto referencial da Rodovia BR-163, ligação de Cuiabá a Santarém, que cruza a região, formando um eixo rodoviário de ligação norte/sul/leste/este, juntamente com a BR 242, que corta o Estado do Mato Grosso, ligando ao Estado de Goiás (Leste) e a Rondônia (Oeste), favorecendo o transporte da produção. O rio Teles Pires também é uma importante fon-

te de riquezas. Tais características fazem de Sorriso um importante polo gerador de rendas e divisas para o país.

Está entre os 200 municípios brasileiros com melhor qualidade de vida.


Sinop APAMS O que é a sua instituição? associação Protetora dos Animais do Município de Sinop – APAMS é uma entidade sem fins lucrativos. Fundada em 29 de agosto de 2006 com 12 membros e voluntários. A APAMS nasceu com o fim de proteger a vida animal independente da espécie. A proteção ora tratada caminha nas searas de abandono simplesmente até maus tratos causador por transeuntes ou proprietários de animais que se julgam no direito de fazê-los sofrer.

Segunda Problemática: Maus Tratos Convivemos com uma realidade cruel de animais mal tratados. Diariamente a associação recebe ligações de pessoas que presenciam maus tratos a animais vindo de transeuntes ou não. Por certo que a ciência nos diz que são seres irracionais, mas a mesma ciência não diz que são seres desprovidos de sentimentos, emoções e mais do que tudo, ela não nos diz que os animais não sentem dores. Ao contrário, diariamente, nos deparamos com teses acadêmicas que repreendem estudos de la-

Em que realidade/problemática o Projeto vai atuar? A cidade de Sinop conta com uma população significativa de animais domésticos abandonados, estima-se que existam mais de 30.000 (trinta mil) cães e gatos soltos nas ruas.

boratório com animais. Empresas como é o caso da Natura (cosméticos) expõe como bandeira o fato de não utilizar animais para experimentos e outras seguem seu exemplo. Para a associação, pior do que achar um animal abandonado doente nas ruas é achá-lo espancado, machucado após ser queimado vivo, arrastado pelas ruas, atropelado e deixado à sua própria sorte, casos comuns atendidos pela APAMS. Sofremos junto com esses animais quando os vemos em estado lastimável e a cada resgate deles nos sentimos envergonhados por fazer parte de uma raça que se diz humana e racional e que sente tanto prazer no sofrimento do outro.

A

Primeira problemática: Saúde Publica Animais abandonados estão sujeitos a inúmeras doenças (ex. Leishimaniose Visceral e outras) e Parasitas (ex. sarna, pulgas, carrapatos e outros) que podem, ambos, serem transmitidos aos seres humanos. Além do mais, estando soltos nas ruas, são alvos fáceis de veículos e motocicletas. Houve acasião em que motociclistas foram a óbito após colisão com animais nas pistas. Outro ponto relevante da problemática é a proliferação de espécie que, se não controlada, poderá levar a uma super população de cães e gatos em curto espaço de tempo, haja vista que o ciclo de fertilidade desses animais é curto, variando de dois a seis meses.

“Convivemos com uma realidade cruel de animais mal tratados. ”.

UM ESPAÇO PARA QUEM TEM SEDE DE SABER.

81

Marginal Esquesda, 511 - Jd. Alvorada (Próx. Corpo de Bombeiros) (66) 3544-3418 - Sorriso-MT


Fotógrafo

F

otografar é uma maneira de ver o passado. Fotografar é uma forma de expressão, o “congelamento” de uma situação e seu espaço físico inserido na subjetividade de um realismo virtual. Fotografar é um modo de comunicar e informar. Seguindo o raciocínio, a linguagem visual fotográfica além de ser mais forte não é determinada por uma língua padrão, não precisando assim de uma tradução, uma vez que o diferem são as interpretações. Formando em Administração de Marketing e Pós Graduando em Comunicação e Marketing, o fotógrafo e contato executivo, Wagner Parreira começou suas atividades trabalhando na TV Band Sinop. Na emissora surgiram grandes oportunidades das quais hoje é o fotográfo oficial do site social www.danielcoutinho.com. br. Bem relacionado, o fotógrafo vem em constante crescimento na área com investimentos em equipamentos e cursos, entre eles o que participou no ano de 2011 de um curso com o renomado fotógrafo Calil na NEXT-Photo Morumbi em São Paulo. Na mesma oportunidade, esteve na 19ª Craft Designer, no Terraço da Daslu, onde conferiu as ultimas novidades. Wagner é encantado e dedicado pela fotografia e relembra algo que o marcou muito que diz que: “Fotografar é imortalizar um momento único, ao qual não se poderá mais voltar, senão através daquele registro. Nada mais que um simples clique, um momento, um único e eterno registro.” Amaury Jr.

Renata Fan

82

Revista Gold

Luan Santana

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Daniel Coutinho em premiação


83


Cidades

Sinop: A capital do nortão. Origem

N

o início dos anos 70, tem início a construção de uma cidade no Norte de Mato Grosso originada de uma empresa, a Sinop Terras, que se origina da Gleba Celeste, dividida em 5 lotes. A construção de Sinop se assemelha à construção de Brasília, ocorrida mais de 10 anos antes, pois tanto uma quanto a outra foram construídas muito rapidamente (em poucos anos) e a colonização inicialmente se deu por paranaenses, mas logo, num fenômeno de explosão populacional, se estendeu aos brasileiros de todas as regiões do país, principalmente do Sul, Nordeste e Norte do Brasil. Trajetória histórica Em 1948, Ênio Pipino e João Pedro Moreira de Carvalho fundam a Sociedade Imobiliária Noroeste do Paraná, mais conhecida como Sinop Terras S/A. Em 1954, Ênio Pipino vai ao Estado do Paraná, onde funda várias cidades. No início dos anos 70, o norte de Mato Grosso era populacionalmente vazio. Numa área de 645 mil hectares denominado Gleba Celeste (onde originou-se Sinop) inicia a colonização, situados a 500 km de Cuiabá na BR-163 (trecho Cuiabá-Santarém). O Núcleo de Colonização Celeste pertencia a Jorge Martins Phillip e possuía área inicial de 198 mil hectares de terras destinadas para colonização, sendo adquirido

84

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

em 1971 por Ênio Pipino. A abertura das primeiras ruas de Sinop teve início em maio de 1972 e logo as primeiras famílias de pioneiros chegavam à cidade. Até então viagem do interior do Paraná até Sinop demorava 7 dias. Mas, apesar dessa grande dificuldade, o fluxo migratório na direção Oeste, que acompanhava o adentramento da fronteira agrícola no Norte de Mato Grosso, crescia cada vez mais. A execução do projeto deu-se por cerca de 400 homens e máquinas, que atravessaram o rio Verde e abriram as primeiras picadas na selva. A data de sua fundação acabou sendo em 14 de setembro de 1974 e o nome adotado foi a sigla SINOP (Sociedade Imobiliária Noroeste do Paraná), sendo tudo extremamente rápido e o maior contingente de migrantes ocorreu em 1975. A cidade já era um verdadeiro canteiro de obras, com mais de 20 quadras, 1.400 km de estradas vicinais, campos experimentais, centro comunitários, escolas infraestrutura de apoio para atender aos novos habitantes, que eram brasileiros de todas as regiões do País. No dia 24 de julho de 1976, o então governador José Garcia Neto assinou a Lei 3.754/76, elevando Sinop à categoria de distrito do município de Chapada dos Guimarães. Em 17 de dezembro de 1979, o governador Frederico Campos assinou a Lei 4.156/79, que elevou Sinop à categoria de município.

“Sinop conta com aproximadamente 1.000 indústrias, especialmente a indústria madeireira.”


Economia A principal atividade econômica é a prestação de serviços, com grande destaque também para o setor pecuário (bovinos e suínos), cultivo de algodão e cereais (soja, milho e arroz) e indústria madeireira. São mais de 10 mil empresas instaladas e consolidadas em Sinop das quais 1.401 pertencem a indústria, 3.197 pertencem ao atacado, 392 ao varejo e 5.243 a prestação de serviços. A prefeitura está trabalhando na criação de projetos para instalação de dois Distritos Industriais (DIC`s) no município, um destinado para empresas poluentes e outro para não poluentes, facilitando, assim, a estruturação das áreas. Setor primário O setor agropecuário é considerado a sua principal atividade econômica, com destaque para o cultivo de grãos. Setor secundário Sinop conta com aproximadamente 1.000 indústrias, especialmente a indústria madeireira. Comércio Sinop é uma cidade polo e atrai muitas empresas de móveis, eletrodomésticos, automóveis e agropecuária. Transportes Por via aérea o acesso ao município é realizado pelo Aeroporto de Sinop vindo principalmente das cidades de Cuiabá, Brasília, Alta Floresta. O aeroporto está localizado a 13,4 km do centro da cidade, e conta com balizamento noturno desde maio de 2008; tem uma pista com mil e seiscentos metros de extensão. Atualmente 3 empresas atuam na prestação de ser-

viços de voos regulares: Passaredo Linhas Aéreas, Trip e Asta Linhas Aéreas. Por via terrestre o acesso ao município é feito principalmente pela rodovia BR-163, que no perímetro urbano está duplicada. Em Sinop não há transporte por ferrovia e nem por hidrovia. Oito empresas fazem o transporte intermunicipal e uma atua no transporte coletivo urbano.

A arte de eternizar momentos.

Urbanismo Com população atual de 116.013 habitantes,[11] Sinop é uma cidade planejada, observando critérios urbanísticos modernos, com traçado regular e quadras interligadas por mais de quatrocentos quilômetros de ruas e avenidas. E possui 27,00 m² de área verde por habitante (a ONU recomenda um mínimo de 12,00 m²/habitante). As áreas residenciais são limitadas por avenidas de até cinquenta metros de largura, com calçadas de até sete metros. As ruas têm vinte metros de largura, com calçadas de cinco metros. Existem praças, reservas naturais e áreas de lazer. As avenidas e ruas levam nomes de árvores e flores, como Acácias, Sibipirunas, Jequitibás, Tarumãs, Palmeiras, Orquídeas, Avencas, Azaléias, Lírios e Violetas.

Formaturas Casamentos Aniversários Books Restaurações Convites Filmagens Locação de Telões Revelações de fotos digitais e de celulares

Turismo e cultura O município é banhado pelo Rio Teles Pires, afluente do Rio Tapajós, que deságua no Rio Amazonas. O Teles Pires permite diversificadas atividades esportivas, tais como: pesca amadora e esportiva, canoagem, rafting, dentre outras. Também no mesmo rio há a Praia do Cortado, importante opção de lazer do município. Na parte urbana encontra-se o Parque Ecológico de Sinop, situado no Jardim das Primaveras.

Fonte: http://pt.wikipedia.org / http://www.sinop.mt.gov.br Fotos: Ademir Junior/ASSECOM

85 SINOPHOTO

GRUPO

REVELAÇÃO

FOTO

Topônimo Sua denominação deriva-se do acrônimo de Sociedade Imobiliária Noroeste do Paraná, nome da empresa responsável pela colonização do norte de Mato Grosso por agricultores do norte do Paraná.

Matriz: S ino p: Av. Das En b aúb as , 6 1 8 - ( 6 6 ) 3 5 3 1 - 3 9 0 4

Fi l i a i s : S o rriso : Av. Natalin o J o ão B r e s c an s i n , 3 9 5 - ( 6 6 ) 3 5 4 4 - 2 2 9 9 C o lide r: Av. Mar e c h al Ro nd o n , 5 9 - ( 6 6 ) 3 5 4 1 - 1 2 2 3 J uara: Rua R io A r in o s , 1 1 8 5 - ( 6 6 ) 3 5 5 6 - 1 3 9 2


01

02

05

06

Premiação em

Cuiabá

86

9ª edição da Festa Cubanacuya Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


03

04

07

08 Fotos: Cibele Estrela e arquivo Pessoal.

O

colunista social Warner Willon realizou no ano passado a 9ª edição da sua festa Cubanacuya, uma noite de glamour e charme em que premiou as personalidades mato-grossenses com o troféu Dra. Paula Manosso e deputado Romoaldo Júnior que esteve muito bem representado por seu irmão, advogado Juliano Jorge. A decoração foi assinado por Marcos Corrêa, Buffet Thadeu Morelly, Dj Elton Cotrim. A noite contou com a bela presença da miss São Paulo, Rafaela Butarelli. Confiram os flashes registrados pelo Programa Vip. E vem aí a Cubanacuya 2012, 10ª Edição, não perca. 09

01-Rafaela, a homenageada Janaína Defanti, Paula Manosso e Juliano Jorge. 02-Warner Willon, Ellen e André Belandi e Rafaela Butarelli. 03-Warner Willon recebendo a primeira dama do estado, Roseli Barbosa. 04-Leon Ramos, apresentador da Cubanacuya e a convidada especial Rafaela Butarelli, Miss São Paulo. 05-Os noivos Tatiana Romero e Sandro Caramori com a miss. 06-Warner Willon abraçado por suas amigas Flávia Almeida, Vanessa Moraes Casalenuovo e Alessandra Vedoin. 07-Os advogados Daniele Echeverria e Juliano Jorge ladeiam Rafaela Butarelli. 08-A miss, Ana Rubia Ribeiro Cardozo, Paula Manosso e Juliano Jorge na premiação. 09-A patronesse da Cubanacuya, Paula Manosso e o marido Claudinei Gasques com a miss Rafaela Butarelli.

87


INVESTINDO COM POTÊNCIA NA FORÇA DESSA TERRA.

88 O Grupo Dalcar está completando 10 anos de atuação no segmento automobilístico. Iniciando suas atividades no ano de 2002 na cidade de Lucas do Rio Verde com a loja SR Utilitários, em 2004 Sinop recebeu a Dalcar Veículos, e em 2010 foi a vez de Rondonópolis receber a R3 Motor's Concessionária Hyundai. Competividade e inovação são as principais marcas deste Grupo.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Para quem busca os melhores resultados, busque também as melhores ofertas.

89 SR Utilitários Av. Rio Grande do Sul, 90-S – Centro (65) 3549-3233/ (65) 3549-4605 sr@utilitarios.com.br Lucas do Rio Verde-MT

Dalcar Veículos Rua das Primaveras, 2473 – Jd Botânico (66) 3532-5577 www.dalcarsinop.com.br Sinop-MT

R3 Motor’s Hyundai Av. Fernando Corrêa da Costa, 2620 (66) 3423-2000 Rondonópolis-MT


Investi mentos

Cidades

copa 2014.

A construção segue em ritmo normal, segundo o cronograma, com avanços significativos na edificação da superestrutura. Arena Pantanal obra fechou 2011 com 38% dos serviços concluídos, uma das mais avançadas do país, com previsão de entrega para dezembro de 2012. A construção segue em ritmo normal, segundo o cronograma, com avanço significativo na edificação da superestrutura. Arquibancadas oeste, leste e norte já estão sendo erguidas. Terraplanagem e drenagem praticamente concluídas.

A

Corredor Mário Andreazza A duplicação da ponte Mário Andreazza está com 50% dos serviços concluídos. É a primeira grande intervenção de mobilidade urbana da Grande Cuiabá, iniciada em maio deste ano e prevista para ser entregue em maio do ano que vem. Com a duplicação, a nova ponte terá 228 metros, com 11 metros de largura e está sendo construída no modelo pré-moldado, ao custo total de R$ 11,5 milhões. Em outubro foram iniciadas as obras de duplicação da rodovia Mário Andreazza, da Miguel Sutil até o Trevo do Lagarto, num total de 9,4 km, orçadas em R$ 22 milhões. O corredor Mário Andreazza é uma das mais importantes rotas de integração entre Cuiabá, Várzea Grande e a região Norte e Noroeste do Estado. É também uma via que facilita o acesso do Aeroporto Marechal Rondon à Arena Pantanal.

90

Travessia Urbana As obras de Travessia Urbana serão realizadas com recursos do governo federal, na ordem de R$ 165,7 milhões. Serão construídos viadutos, trincheiras e elevados, entre outras intervenções viárias, ao longo das três rodovias federais (BRs 364/163/070),

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

que em seus trechos urbanos compreendem as avenidas Fernando Correa, Miguel Sutil e FEB. Nesta última semana de dezembro, a Secopa publicou os editais de licitação de três trincheiras (Jurumirim/Dante de Oliveira), Santa Rosa e Verdão e um viaduto (Despraiado). Os editais para as demais obras a serem feitas com recursos do Dnit (viaduto na Orlando Chaves - acesso ao Cristo Rei; adequação da rotatória da Av. Miguel Sutil – Bairro Cidade Alta; adequação da rotatória da Av. Miguel Sutil – Bairro Coophamil e o Complexo Viário do Tijucal (trincheira / viaduto) devem ser lançados no início de janeiro. Desbloqueio A Secopa também realiza obras de desbloqueio para criar alternativas de trânsito durante a execução das grandes obras de mobilidade urbana, como o VLT. Estão em andamento a duplicação da avenida Vereador Juliano Costa Marques, o prolongamento da Av. Jurumirim e construção da ponte sobre o córrego Gumitá. Também já foi concluída a pavimentação da estrada do Ribeirão, na região do Ribeirão do Lipa. Três outras obras estão licitadas e aguardam processo de desapropriação para emissão das ordens de serviço. A Secopa também já publicou edital para licitar uma nova ponte sobre o Rio Coxipó, que interligará dois pontos importantes da cidade. Outras obras de desbloqueio serão lançadas nos próximos meses. Estrada da Guarita A Estrada da Guarita será duplicada em conformidade com o Plano de Mobilidade para Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá, no trecho compreendido entre a avenida Ulisses Pompeo de Campos e Passagem da Conceição, totalizando 8,4 quilômetros. A obra, em fase de licitação, também facilitará o acesso ao Centro Oficial de Treinamento (COT) de Várzea Grande, localizado

na Barra do Pari. A distância entre o COT e a Arena Pantanal, palco dos jogos de 2014, será de 2,7 quilômetros. Dessa forma, será atendida também umas das exigências da Fifa, que fixa o tempo máximo de 20 minutos no deslocamento entre COTs e o estádio de futebol. Câmaras Temáticas Para concretizar os compromissos assumidos pelo Estado junto a Fifa, o Comitê Organizador Local (COL) e a Confederação Brasileira de Futebol, o governador Silval Barbosa decretou a criação de nove Câmaras Temáticas para promover as políticas e ações necessárias para o desenvolvimento Copa do Mundo de 2014. Conforme o decreto 777/2011, de 19.11.11 foram instituídas as seguintes Câmaras: Transparência, Infraestrutura, Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Sustentabilidade, Desenvolvimento do Turismo, Tecnologia da Informação, de Educação, Cultura, Esportes e Ação Social e a Câmara Temática Tributária. Centro Oficial de Treinamento CPA O COT-CPA será construído em uma área de cerca de 40 mil metros quadrados, atrás do Hospital do Câncer. Além da localização privilegiada, o centro de treinamento terá capacidade para 1.600 torcedores, salas de imprensa, camarote, vestiários, pista de caminhada e estacionamento com aproximadamente 300 vagas. Após a copa, as salas de imprensa e os camarotes serão transformados em salas de aula para capacitação dos bombeiros. O lançamento do edital está previsto para o início de 2012.


Pode vir quente que nossos pratos estão fervendo. Reservas para eventos no jantar Rodízio de peixe

Imagens meramente ilustrativas.

Almoço todos os dias

Fonte e fotos: www.mt.gov.br

Segurança na Copa 2014 A Secopa já iniciou a elaboração do Plano Master de Segurança para Copa do Mundo de 2014, que deve ser finalizado até julho de 2012. Entre as ações já definidas, estão a construção do prédio do Centro de Comando e Controle, Delegacias de Polícia de apoio ao Turista e Proteção as Marcas, 10° Batalhão de Polícia Militar, reforma do 1° Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar, Instituto Médico Legal (IML), entre outras medidas que serão necessárias. O foco é organizar a segurança da Copa com a integração e cooperação de todos os órgãos de segurança pública (estadual, municipal e federal), deixando um legado para o estado no pós-copa. Aeroporto Marechal Rondon Em 30.11 foi entregue o Módulo Operacional Provisório (MOP) para desembarque dos passageiros do Aeroporto Marechal Rondon, que é a primeira etapa da ampliação do aeroporto visando à copa do Mundo de 2014. Até 2013, todo o aeroporto passará por reforma e ampliação, o que deve elevar a capacidade de passageiros para 5,7 milhões ao ano, obra que deverá custar R$ 87,5 milhões. Trilogia do Pantanal Anunciado em setembro deste ano, o projeto “Trilogia do Pantanal” divulgará a maior planície alagável do mundo em mais de 160 países por meio de um documentário que será exibido em três episódios (Terra, Água e Ar) pelo canal National Geographics. A previsão é que a trilogia seja

exibida a partir do segundo semestre de 2012, atraindo a atenção de turistas nos quatro cantos do planeta. As filmagens se estenderão até abril de 2012. Rede Hoteleira O setor hoteleiro deve crescer 30% até a Copa de 2014. Estão previstas a construção e a ampliação de catorze novos hotéis, o que significa a construção de mais 1.410 apartamentos e 3.644 leitos, totalizando investimentos em torno de R$ 250 milhões. Até 2014 os municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Cáceres, Jaciara, Primavera do Leste, Chapada dos Guimarães, Nobres, Santo Antonio do Leverger e Barão de Melgaço terão 240 locais receptivos de turistas, entre chalés, hotéis e pousadas, 8.962 apartamentos e 22.084 leitos aptos a receber delegações, turistas, visitantes. Rodovia Cuiabá – Chapada dos Guimarães A duplicação do primeiro trecho da Rodovia Emamuel, que liga Cuiabá a Chapada, já foi concluído pela Secretaria de Transportes e Pavimentação Urbana. A cidade de Chapada fica a 60 km da capital e é um importante ponto turístico de Mato Grosso. Rodovia Cuiabá – Santo Antônio de Leverger A duplicação da Rodovia Palmiro Paes de Barros, que liga Cuiabá a Santo Antônio de Leverger, está em andamento e será importante para facilitar o acesso ao município, muito visitado por quem gosta de uma boa pescaria no Rio Cuiabá.

91


01

02

Fotos: Valter Arantes e Mauro Galvão

gold

01

03

04

Familia unida: Chico Paulicéia com a esposa Andréia Camargo e os filhos Vitória e Enzo.

02

O ex-Prefeito de sapezal Cesar Maggi e a esposa Odete Maggi.

03

O casal Mirtes e Dirceu Zuffo.

04

O empresário Adirceu Jerônimo, o agricultor e pecuarista Eraí Maggi e o Senador Blairo Maggi.

05

06

05

Os jovens casais: Rafael Zucatto e Karita Bongilo e Keruse Bongiolo e Leonardo Carvalho.

06

92

08

A advogada Flaviane Ramalho e seu esposo Arthur Pannebecker (Sapezal).

07

Simone Sacoman e James Robson (Sapezal).

07

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

08

O fotográfo Mauro Galvão e sua esposa Nara (Sapezal).


93


Fotos: Josué Pereira

Fórmula Saúde Academia. A

Fórmula Saúde Academia está trabalhando a preparação e bem estar dos alunos através da prescrição de exercício, que está elaborada em função dos objetivos de cada aluno. Sua performance e evolução são acompanhadas e o monitoramento é feito através das avaliações periódicas e esta introduzido na cidade de Rondonópolis um novo conceito de condicionamento físico. Esse método utiliza o treinamento em circuito em que o aluno é submetido a vários exercícios, revezando entre os aparelhos de musculação e pausas ativas, num tempo total de 30 minutos. A academia auxilia as pessoas a atingirem seus objetivos de forma eficaz, porque o foco principal é prover condicionamento físico completo para uma vida mais saudável e feliz.

94

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Everaldo Jose Noveli Cref 002479-G/MT

É ex-atleta Profissional de Basquetebol; Graduado pelo Universidade de Cuiabá(UNIC) com passagem em Seleção Brasileira de Basquete e equipes profissionais no Brasil; Minas Tênis Clube (MG), Telemar (RJ), Monte Líbano (SP), Bauru (SP), Unit-Uberlândia (MG), Unisanta (Santos-SP), Valtra-Mogi (SP). Foi Bi-campeão Brasileiro 2002 e 2005, Bi-carioca e vice-campeão paulista.

Professores de educação física e ex-atletas profissionais, com quinze anos de experiência. soviética de vôlei, CSKA (Moscou), Aurora (Itália), Laqua di Fiori (SP), BCN (SP). Foi tri-campeã europeia, vice-campeã russa e campeã da Copa das Campeãs. Mestre em ciência do Movimento Humano; Pós-Graduada em Treinamento Desportivo.

Ekaterina Bájina Novelli Cref 002010-G/MT

É Russa e ex-atleta profissional de vôlei, graduada pelo Instituto federal Regional de Educação física de Moscou; com passagem na seleção

Av. Lions Internacional, 1344 1º Andar - Rondonópolis - MT Fone: (66) 3422-7389


Imagens meramente ilustrativas.

95 CirurgiĂŁo Dentista Especialista em Cirurgia e Traumatologia Buco Maxilo-Facial.

Cirurgia, Traumatologia Buco-Maxilo Facial e Implantes DentĂĄrios


96

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


97


evi dên cia

01

02

98

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

03

07


04

05

06

01-Ani Melo Soares. 02-Zezo e Veronica Malouf. 03-Iandre Torres. 04-Andrea Coelho. 05-Tania e Ney Ferraz Mello. 06-Ivana e Kamil Fares. 07-Virginìa e Mauro Mendes. 08-Eduardo Carvalho e Marlene Sylveira. 09-Ruth Semiramis e Walber Codeço.

99 08

09 Fotos: Sérgio Soares


charme

Variedades

Por Ana Cristina Crespani

Receber com

Ana Cristina Crespani, cursou direito e hotelaria, fez curso de recepção, eventos e montagem de mesa. Apaixonada por casa, família, decoração e pela arte de receber, tem um blog que fala muito sobre tudo isso.

R

eceber com charme é minha primeira matéria, fala de um assunto que eu adoro... Foi muito pedido por amigas e leitoras do blog, e como receber é uma arte, aí vão algumas dicas para tornar seu evento em obra prima. Quando você convida os amigos para vir até sua casa, seja para um jantar, almoço de domingo, lanche divertido ou até aquele chá com as amigas, certamente já deve estar com tudo organizado para receber seus convidados sem estresse. É importante que haja planejamento para não haver sustos e improvisos de ultima hora. A ideia aqui é descomplicar e fazer com que sua recepção seja prazerosa, tanto para você como para seus convidados. Elaborei algumas dicas bem legais para fazer em casa com a louça básica do dia a dia, ou para aquele jantar especial, usando o seu faqueiro (que não sai da caixa a um tempão). Não esqueça, a grande diferença está nos detalhes, nos mimos que você dedica a seus convidados.

100

Revista Gold

1. Separe tudo que você tiver -com antecedência, isso é importante- louças, talheres, copos e taças, toalhas, guardanapos, travessas, jarras...enfim tudo que for usar. 2. Escolha o cardápio, faça uma lista e corra para o mercado. Não deixe nada pra ultima hora, além de atrapalhar, muda toda sua programação e isso pode deixar você nervosa e preocupada, o que não é nada legal para o clima da festa. 3. Organize o ambiente onde será a recepção. Se escolher a sala, arrume os sofás e disponha lugares que acomodem a todos, coloque mesas laterais (de apoio) para entradinhas, bebidas, ou para seus convidados apoiarem seus copos. Aqui você pode usar a criatividade, use baús, bancos...fica charmoso e descontraído. 4. Se escolher por servir à mesa, já deixe arrumada antes dos convidados chegarem. Eu escolhi pôr uma mesa mais composta, variando combinações. Comece pelo sousplat (suporte para o prato), prato grande e prato pequeno ou bowl (pote) para salada, depois os talheres... lembre-se que você só coloca a mesa aquilo que vai usar. Inicie pelos talheres de salada, prato principal e acima do prato os talheres de sobremesa. 5. Os copos e as taças têm papel importante na mesa, pois são responsáveis por todo charme, ainda mais se você mesclar cores e formas, como eu usei aqui. As taças são colocadas do lado direito, comece pelo vinho branco, tinto, água/refrigerante e espumantes. Serve a mesma regra anterior só coloque o que vai servir.

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

6. Os guardanapos ficam em cima do prato ou na lateral esquerda dos talheres. Ficam ainda mais lindos com porta guardanapos. São bem fáceis de fazer e você pode usar varias coisas para esse mimo... olha essa idéia da foto, lindo e criativo. 7. O centro de mesa, o aparador, bufê, ou qualquer lugar em que a comida for servida merece atenção especial, use sua criatividade, pode ser desde garrafinhas de vidro com flores, velas flutuantes em potinhos de vidro, uma bombonier com frutas e folhas...tem uma infinidade de arranjos para fazer. 8. Agora que o essencial já foi montado, vamos aos mimos e detalhes da casa... monte uma bandeja ou um lugar especial com os utensílios de sobremesa (essa é a melhor parte) sempre depois de uma refeição animada, nada melhor que um doce delicioso. 9. Outra coisa que acho bem bacana é uma bandeja de café e licor para o final da festa...mas já deixe tudo organizado, a cafeteira (ou a garrafa e os apetrechos todos) xícaras, colherzinhas, tacinhas, biscoitos, balas, açúcar e adoçante. 10. Não se esqueça do lavabo (se não tiver, pode ser o banheiro social) coloque toalhas de mão-limpas e cheirosas- papel higiênico sempre dois rolos, fio dental, sabonete liquido (de preferência, porque o outro vira uma meleca) se quiser pode colocar umas balinhas de menta ou enxaguante bucal.


UM ESPAÇO PARA QUEM TEM SEDE DE SABER.

Alguns Mimos que todo mundo ama! • Colocar um bilhetinho de boas vindas, ou com o nome do convidado na mesa (pode ser até para marcar lugar). • Águas aromáticas –canela, hortelãbem geladinhas, na chegada e saída (deixe a jarra com os copos perto para que se sirvam). • Para os homens...taças ou copos para cerveja gelados (coloque no congelador antes dos convidados chegarem) • Biscoitinhos com mensagens especiais enroladinhos em fita de cetim • Flores naturais, compradas especialmente para a data, colocadas em vasos, garrafas...use a criatividade. • Escolha da trilha sonora pensando nos convidados, exclusivamente. • Velas aromáticas espalhadas pela casa seja em castiçais, copos coloridos, bowls... de asas a sua imaginação, da um efeito e deixa o ambiente aconchegante. • Antes de os convidados chegarem, borrife perfume pela casa em todos os ambientes... é uma delícia entrar em uma casa cheirosa. O cheiro nos remete sempre àquele lugar e tráz boas lembranças. • Caixinha de bombons ou docinhos para seu convidado levar pra casa e lembrar sempre deste encontro pra lá de especial.

A dica mais importante... você tem que estar bem e feliz. Receber e preparar tudo com dedicação e amor não tem erro, o resultado é sempre gratificante e garantido. Então até o próximo encontro, e que Deus abençoe seu lar com muita alegria!

101

Av. Arnaldo Estevan, 275 (66) 3421-9723 - Rondonópolis-MT


www.danielcoutinho.com.br

01

01

02

Flash! Quérlia e Sirley Bellicanta inauguraram a belíssima loja de calçados Enkanto. Várias Vips passaram por lá e conferiram as novidades.

02

Solidariedade! Dr Andréia Britz fez lindíssimas poses sobre os flashes das lentes de Wagner Parreira e estampou vários outdoors com o novo tema da campanha da Associação Protetora dos Animais (APAMS) de Sinop. Afinal, chique é ser solidário!

03

03

04

Luxo! O clique é da presença ilustre do Casal Claudinéia Sartori e Wagner Sartori na espetaria e Sushi Bar Josefina.

04

Destaque! A White Moviment foi um verdadeiro sucesso e sem dúvida não poderia passar em branco, mesmo sendo essa a cor dos maravilhosos trajes usados na balada. Na foto a bela Zenaide Cirpriano posa ao lado do empresário Dilceu Dal’ Bosco.

05

05

Spa! Chiquérrimo também foi a inauguração da franquia Spa da Pele em Sinop. As belas mãe e filha, Talita e Eva Dadan Dal’Bosco.

06

A loja! Nilson Lopes Ribeiro e Lismara Bertoleti Ribeiro da Nilson Jóias, um espaço dedicado aos clientes vips como a Poliane, Ana Maria e o Luiz Otávio.

06

07

Clique! Em um giro de decoração pela Criare, a arquiteta Letícia Ferreira e a estagiaria Monica Chaves foram conferir as últimas novidades que a franquia oferece.

08

07 08

09

09

Novidades! A Amazônia Corretora de Seguros completou 21 anos de vida e o amigo José Carlos Ramalho esteve presente no evento internacional chamado de “Life Insurence Sales Seminar”, realizado em New Orleans – EUA. O intuito da viagem foi trazer as últimas tendências do mercado internacional de seguros.

10

Big Apple! Mara Rios, Tânia Pitombo, Ana Maria Moliane e Liliane Faganelo em Nova York. As belas foram conhecer de pertinho os motivos do sucesso da potência mundial.

10

102

Presença Vip! O Cantor Luan Santana deixou os clientes do Kaloa Costelaria enlouquecidos depois de uma passadinha pelo point. Na foto ele faz pose com Jorge Abreu e Wagner Fritzen, que é o chef de cozinha do restaurante e preparou um peixe especial para o cantor.

11

11

Prêmio! Daniel Coutinho recebendo o prêmio de melhor colunista social do interior de Mato Grosso. Na foto ele faz pose ao lado da primeira dama do Estado, Roseli Barbosa.

12

12 Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

NY! Passeando por Nova York, Heliton de Paula, Dr. Mauro, Alfredo Pitombo e Douglas Kasburg fizeram uma pausa no inesquecível e incrível passeio para fazerem um clique da belíssima viagem.


m o c w o h S Bandvivaose Dj's ao

Va l o r d a c a m i s e t a :

1º Lote: R$ 69,90 2º Lote: R$ 89,90

Imagens meramente ilustrativas.

O evento que não sai da sua memória voltou.

Atração artística nacional Spa com massagens Stand de expositores Qualidade e conforto

Crianças de até 8 anos na pagam. Haverá brinquedo com monitores para a criançada. Piscina de bolinhas, escorregador, pula-pula e etc. Fo t o s d a 4 ª E d içã o

103 Local:

Bistrô do Valle - Sorriso-MT

Aguardem!

Local: AMI- Associação dos Funcionário da Fundação Mato Grosso (em frente ao Horto - Rondonópolis-MT)

30jun.2012 -

Informações:

revistagold.com.br

Início às 12h e término às 20h


Luxo,

sofisticação e

elegância

Fotos fornecidas pela loja.

Daslu chega a Cuiabá pelas mãos de Karine Roder.

A

empresária abriu em Cuiabá a Vila Konceito, maior shop in shop da Daslu no Brasil De volta ao mercado, a empresária Karine Roder trouxe para o estado a marca de artigos de luxo Daslu, facilitando a vida da clientela que encontra os produtos da Maison com os mesmos preços praticados nas lojas de São Paulo e Rio de Janeiro. Formado por quatro pavimentos, a Vila Konceito possui ambiente amplo e espaçoso, com um atendimento personalizado e de qualidade. No térreo é possível encontrar a Daslu Homem, Details e Casa. No subsolo, o maior espaço do prédio é destinado à linha feminina da Daslu, Boys and girls e Bebe.

104

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

É possível ainda encontrar no primeiro andar da Vila Konceito, parceiros de vários segmentos. Estão lá a Capri 284, a Boutique de Viagens, a Phloraceae Farmácia de Manipulação e a Lamalu moda infanto juvenil. Karine conseguiu reunir no mesmo ambiente sofisticação, luxo e elegância, sempre com muito bom gosto, transformando a Vila Konceito em um espaço único. Rua Sirio Libanesa, 312, Esq. com a Av. Dom Bosco Goiabeiras – Cuiabá www.vilakonceito.com.br (65) 3054-7891 contato@vilakonceito.com.br


01

02 03

04

07 05 06

10

08

105

09

13

11 12

01-Andreia Belandi. 02-Adriana Maitelli Fernandes. 03-Janaina Riva. 04-Karine e Rivania. 05-Jessica Riva. 06-Ana Vitoria Maluf. 07-Ao centro A Empres谩ria Karine Roder, Ladeada por Camila e M么nica Carvalho. 08-Dora e Angela Asckar. 09-Isabelle Carvalho. 10-Joanil Bulhoes, Karine Roder, Jocira Bulhoes e Norma Galindo. 11-Bruna Neves. 12-Andreia Oliveira, Karine e Camila Carvalho. 13-Maria Adiles, Raisa, Karine, Mayara, Kellen e Valeria Roder.


Papo de mulheres Por: Françoase Seletti e Paula Munchen.

Jardim Encantado

C

ada vez mais antenados com a moda, os adolescentes provam que guarda-roupa e personalidade não tem idade! Os fashionistas mirins sabem o que querem e gostam de acompanhar o universo fashion, estando sempre em dia com as tendências! Então, para essa turminha, listamos aqui alguns itens indispensáveis para essa temporada:

Flores grandes ou pequenas, delicadas ou folhagens, não importa! Apostem nas estampas florais para trazer romantismo ao look.

Cor sim cor não

Listras coloridas, preta e branca, fina ou grossa, elas entram no look e trazem alegria e estilo!

106 O bicho está solto

Continuando a onda das onças e cobras, mas agora acrescentando cor. Abuse da estampa selvagem colorida. Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Retrô

Bolinhas, crochê, cintura alta, saia rodada. A brincadeira de voltar no tempo está em alta!

Marinheiros á vista

Azul Marinho, Branco e Vermelho são as cores clássicas do verão.

107

Fotos:

Valter Arantes |

Figurino:

Happy Teens |

Modelo:

Vitória


Frases O que é necessário para mudar uma pessoa é mudar sua consciência de si mesma. (Abraham Lincoln)

As dificuldades são o aço estrutural que entra na construção do caráter. (Carlos Drummond de Andrade)

Ando devagar, mas nunca ando para trás. (Abraham Lincoln)

Se um homem pudesse ter metade dos seus desejos realizados, teria mais aflições do que prazeres. (Benjamin Franklin)

Purificando as vossas almas pelo Espírito na obediência à verdade, para o amor fraternal, não fingido; amai-vos ardentemente uns aos outros com um coração puro; (Pedro 1:22) Procure ser um homem de valor, em vez de ser um homem de sucesso. (Albert Einsten) Não se pode criar experiência. É preciso passar por ela. (Albert Einsten) Amar uma pessoa significa querer envelhecer com ela. (Albert Einsten) Nenhuma técnica psicológica funcionará se o amor não funcionar (Augusto Cury)

Agrada-te do SENHOR, e ele satisfará os desejos do teu coração. Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nele, e o mais ele o fará. (Salmos 37:4,5)

Se um dia fecharem-lhe as portas da vida, pule a janela. (Augusto Cury)

O sucesso é um professor perverso. Ele seduz as pessoas inteligentes e as faz pensar que jamais vão cair. (Bill Gates)

Invoca-me, e te responderei, anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas que não sabes. (Jeremias 33:3)

Qualquer um pode zangar-se - isso é facil. Mas zangar-se com a pessoa certa, na medida certa, na hora certa, pelo motivo certo e da maneira certa - não é fácil. (Aristóteles)

É muito melhor perceber um defeito em si mesmo, do que dezenas no outro, pois o seu defeito você pode mudar. (Dalai Lama) Seja a mudança que você quer ver no mundo. (Dalai Lama)

|

Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças (Charles Darwin)

Viver sem problemas é impossível. O sofrimento nos constrói ou nos destrói. (Augusto Cury)

Aprimorar a paciência requer alguém que nos faça mal e nos permita praticar a tolerância. (Dalai Lama)

Revista Gold

Achar que o mundo não tem um criador é o mesmo que afirmar que um dicionário é o resultado de uma explosão numa tipografia. (Benjamin Franklin)

Precisamos dar um sentido humano às nossas construções. E, quando o amor ao dinheiro, ao sucesso nos estiver deixando cegos, saibamos fazer pausas para olhar os lírios do campo e as aves do céu. (Érico Veríssimo)

Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ontem e o outro se chama amanhã, portanto hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer e principalmente viver. (Dalai Lama)

108

Paz e harmonia: eis a verdadeira riqueza de uma família. (Benjamin Franklin)

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Temos o poder de mudar vidas com simples ações. Por isso devemos pratica-las com discernimento, responsabilidade e, acima de tudo, muito AMOR. (Rui Barbosa) E o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado. (Matheus 23:12)


109


Comportamento

Fonte: http://www.algosobre.com.br/carreira

S

egundo estudos realizados pelo psicólogo Daniel Goleman, autor do livro “A Inteligência Emocional”, (Editora Campus/ Elsevier, 1995), 90% da diferença entre as pessoas que obtêm grande sucesso pessoal e profissional, e aquelas com desempenho apenas mediano, se deve a fatores relacionados a competências comportamentais, mais do que às habilidades aprendidas na escola. O conjunto dessas competências é o que podemos chamar de Inteligência Emocional. Elas têm cinco componentes principais: • Autopercepção - que é a capacidade de as pessoas conhecerem a si próprias, em termos de seus comportamentos frente às situações de sua vida social e profissional, além do relacionamento consigo mesmo. • Autocontrole - ou capacidade de gerir as próprias emoções, seu estado de espírito e seu bom humor. • Auto-motivação - capacidade de motivar a si mesmo, e realizar as tarefas e ações necessárias para alcançar seus objetivos, independente das circunstâncias. • Empatia - habilidade de comunicação interpessoal de forma espontânea e não verbal, e de harmonizar-se com as pessoas. • Práticas sociais - capacidade de relacionamento interpessoal e de trabalho em equipe.

110

Revista Gold

Analisando esses fatores comportamentais que compõem a inteligência emocional, percebemos que eles estão intimamente relacionados ao sucesso e às realizações pessoais. Em qualquer área da atividade humana, pessoas com estrutura emocional sólida, conseguem melhor produtividade, e, por isso, destacam-se entre as demais. |

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Como desenvolver sua Inteligência Emocional Um esportista que não estiver bem, emocionalmente, mesmo sendo um atleta de destaque, dificilmente obterá vantagem sobre aquele que se apresentar com alto quociente emocional. Também nas empresas ocorre o mesmo, o profissional instável emocionalmente tem sua produtividade prejudicada ao desempenhar suas funções. Existe um estudo do professor John Kotter, da Universidade de Harvard, apresentado no livro As Novas Regras. Ele acompanhou um grupo de 115 alunos desta universidade, durante 20 anos, após sua formatura em 1974. Comparou o desempenho profissional deles ao final do período, com as suas notas obtidas, ao concluírem o curso. O resultado, ao contrario do que se esperava, mostrou que não havia relação positiva entre as notas obtidas e o sucesso pessoal e profissional alcançado pelos participantes. Ou seja, os melhores alunos não foram os que obtiveram maior sucesso pessoal e profissional. Baseado nos estudos atuais, é possível afirmar que a Inteligência Emocional tem maior impacto na realização pessoal, profissional e na felicidade de uma pessoa, do que o QI, quociente de inteligência. Por isso é tão importante aprendermos a desenvolver nosso quociente emocional, ou QE. No entanto, surge uma questão: é possível desenvolver a Inteligência Emocional? E como fazer para desenvolver essa habilidade tão importante? Desenvolvendo a Inteligência Emocional Um programa para desenvolver a inteligência emocional de uma pessoa, precisa cumprir as seguintes etapas: • Relacionar as suas principais competências comportamentais em relação ao seu contexto, pessoal e profissional. • Fazer uma avaliação dos comportamentos, comparando o grau atual das competências, com o grau desejável naquele contexto. • Executar um treinamento, em relação aos comportamentos pouco desenvolvidos, com ações práticas. • Controlar os resultados até conseguir atingir as metas pretendidas. Depois de saber quais os pontos fortes e as limitações, a pessoa deve ser orientada a desenvolver as competências comporta-

mentais que mais estão prejudicando seu desenvolvimento pessoal e profissional. Habilidades como empatia, flexibilidade, espírito de liderança, poder de persuasão, motivação, comunicação e relacionamento interpessoal, entre outras, devem fazer parte do programa de desenvolvimento de sua Inteligência Emocional. É preciso que a pessoa faça uma planilha com as competências que precisa desenvolver e aproveite todas as situações de sua vida pessoal e profissional para praticá-las. Treinando, treinando, treinando É como andar de bicicleta, é preciso praticar até tornar essas competências algo natural em sua vida. Se alguém tem dificuldade de falar em público, e esta competência é fundamental para o desenvolvimento de sua carreira, então será preciso praticar esta atividade até tornar-se espontânea. Segundo pesquisas, o cérebro emocional aprende através de experiências repetidas. Portanto, depois de identificar seus pontos fracos, é preciso centrar forças neles até desenvolvê-los. É necessário enxergar as oportunidades do dia a dia para praticar suas competências em desenvolvimento. Quem precisa desenvolver a Inteligência Emocional Todas as pessoas se beneficiarão ao desenvolver sua Inteligência Emocional. Estudantes conseguirão melhor aproveitamento na escola. Jovens terão melhores condições de conseguir seu primeiro emprego, e construí uma carreira de sucesso desde o início. Profissionais terão melhores oportunidades de crescimento e condições de assumir cargos de chefia. Chefes terão melhores condições de liderar suas equipes. Enfim, a Inteligência Emocional poderá ser a diferença entre uma trajetória bem sucedida, com uma vida cheia de realizações, ou uma carreira medíocre. Por isso, sugerimos a todas as pessoas: profissionais, estudantes, médicos, executivos e empresários, que busquem identificar seus pontos fortes e pontos fracos em relação à Inteligência Emocional, e desenvolvê-los da melhor forma possível. Lembre-se que nunca é tarde para o crescimento pessoal.


VocĂŞ nĂŁo precisa mais sonhar.

111 1271

Imagens meramente ilustrativas.


Moda feminina

O que Estará na Moda feminina 2012

M

uitas pessoas não conseguem entender o que os fashionistas querem dizer em suas coleções nas passarelas, e ficam um pouco perdidas na hora de escolher no que investir em compras para arrasar nas próximas estações. O que Fica na Moda? As calças skinny continuam sendo muito usadas, deixando as pernas super modeladas. Podemos arriscar que aquele jeans largo não volta durante um bom tempo! Os vestidos continuam super em alta, embora os macacões comecem a competir com eles, cada vez mais elaborados. Os anos 80 vão ser muito relembrados na moda feminina, virando tendência com suas roupas e acessórios, como o óculos Wayfarer em coleções passadas. As listras estão voltando com tudo, e realmente são uma ótima opção para as mulheres mais magrinhas. As que estão acima do peso devem tomar cuidado, pois as listras quando dispostas em maneira horizontal, podem dar a impressão da mulher estar mais larga. Mas no geral, todos podem fazer bom uso das peças listradas. A cor laranja foi a aposta de muitos estilistas, que também abusaram dos decotes nos desfiles. As estampas florais protagonizam os looks femininos 2012, dando ar romântico. As pantalonas voltam com tudo principalmente as coloridas e estampadas. Dão sofisticação e um ar mais maduro. O que vai ter de novo? Os recortes nas peças são uma novidade, que também marcam as próximas tendências, deixando a pele à mostra. Mas cuidado: Mostrar um pedaço da barriga não quer dizer estar vulgar, se usado corretamente. A mistura de estampas também é uma aposta, mas a novidade se torna um pouco perigosa, pois é necessário grande conhecimento de moda para compôr looks bacanas. Se você souber usar, é uma ótima pedida. A cor nude promete ser a cor do verão 2012 principalmente nos vestidos. Pra quem não sabe, nude é uma cor parecida com a da pele, super fina!

112

Fonte e fotos: portaldamoda.com.br

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Afinal o que é uma tendência de moda?

T

endências nada mais são do que previsões e especulações quanto ao uso de determinado fit, rapport, cor, tecido, estilos, estampas, manualidades, acessórios, aviamentos etc. Mas estas previsões não são infundadas ou sem base. Elas são produto do ciclo da moda. São os resultados do ritmo contínuo deste mercado e reflexo do seu interesse social. As tendências são obtidas através de pesquisa de consumo, comunas de acordo, análise de valores sociais, de desejos particulares dos consumidores, de criações inovadoras de estilistas, de releituras de quadros históricos, etc. E podem consagrar e focar uma infinidade de coisas e valores: costumes e valores mídiatistas, consagração de ídolos e ícones, costumes étnicos, personagens, personalidades, cores e formas determinadas pelo sentido. O objetivo do emprego de determinadas cores, texturas, formas etc nas roupas, levado por uma tendência é impressionar os sentidos, e educá-los a sentir as emoções impressas pelo conjunto. Daí o emprego de verdes ao falar de natureza, rosas ao exaltar carinho, fetiches aos vermelhos e carnais etc. Estes são os recursos da moda para enfatizar o foco da tendência. Em geral, a moda brasileira sofre maior influência dos países europeus e dos Estados Unidos uma vez que estes antecipam uma estação em relação a nossa. Ou seja, a coleção primavera /verão que está sendo comercializada agora lá, serve de influência, referência e modelo para as criações da nossa próxima coleção primavera/verão. Como a moda brasileira passa por transformações atualmente (com uma maior valorização da criatividade e originalidade do produto nacional), uma fatia do mercado já se desprende deste compromisso com o legado internacional.


Tenha tudo que você quer ao seus pés. Começando pelos sapatos.

113


Moda masculina

10 dicas para escolher um terno: A

tualmente, poucos homens usam terno obrigatoriamente para trabalhar. Porém, há sempre uma ou outra ocasião em que todo mundo precisa vestir um. Veja as dicas dos consultores para que você consiga se vestir bem, mesmo não estando acostumado ao traje. 1. Comece pelo paletó. O ponto mais importante é observar como ele está nos ombros: não pode sobrar, nem estar justo. Deve estar exato. Repare, também, se as ombreiras não estão grandes demais. 2. O próximo passo é o comprimento do paletó. Com os braços para baixo, veja se ele termina a meio palmo do fim do braço. Esse é o tamanho ideal. 3. As mangas, para estarem certas, precisam estar com o comprimento na altura da junção do pulso e da mão, para que fique com um dedo de camisa aparecendo. 4. Sobre o número de botões, os mais comuns são os de três ou dois botões, sendo que a segunda opção é mais moderna. Existe, hoje, até os de um botão. 5. Na hora de ver se a calça está em um bom tamanho, sente-se e observe se as pregas ficaram estufadas e os bolsos apertados. Caso fiquem, está justa. Use um número maior.

114

Fonte e fotos: estilo.ig.com.br/estivanellicg.com

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

6. A barra da calça deve cair sobre os sapatos, que pode ser tradicional ou “italiana” – como é chamada aquela barra que fica permanentemente dobrada. Porém, se você não é alto, opte pela lisa, para não dar impressão de ser mais baixo ainda. 7. Na hora de escolher a cor, cuidado – principalmente se você não vai ter vários ternos no armário. As cores escuras são mais formais. O risca de giz também é uma boa dica. 8. Para não errar, prefira os sapatos pretos. Com cinto preto e meias pretas. Importante: o cinto e o sapato são sempre da mesma cor. 9. Quando o terno for cinza, é possível usar um par de sapatos marrom escuro com meias cinzas ou marrons. Os sapatos marrons são mais usados com terno bege e, nesse caso, as meias podem ser marrons ou beges – os mais escuros ficam melhor com a primeira opção, e os mais claros, com a segunda. 10. É mais comum usar gravatas estampadas com camisas lisas e vice-versa. Mas é possível (e até recomendável) misturar padrões. Para não errar, combine as cores da camisa com as da gravata, mesmo que sejam de padronagens diferentes. E esqueça as gravatas muito extravagantes ou divertidas (com bichos, por exemplo). Para ser clássico, listras.


Seu sorriso é a nossa especialidade. Invista na sua saúde. Ortodontia preventiva e corretiva Clareamento à laser - Profilaxia Restaurações - Endodontia Implantes dentários - Próteses fixas e removíveis Tratamentos preventivos - Tratamento periodontal Exodontias Cirurgia oral menor - Reabilitação oral

Dra Nádia Janzkovski Cardoso de Mello Especialista em Prótese Dentária Mestre em Lasers em Odontologia CRO-MT 5335

Dr Guilherme Sfier de Mello Especialista e Mestre em Ortodontia e Ortopedia Facial CRO-MT 5334

115 Imagens meramente ilustrativas.

Rua Rio Branco, 153 - (66) 3421-9956 Centro - Rondonópolis-MT ortolaser@hotmail.com


Decoração e Design

Decoração de Quartos A decoração de quartos é aquela que mais liberdade nos dá. O motivo é simples: o quarto é aquela divisão mais pessoal, onde podemos deixar transparecer, mais do que em qualquer outra divisão, a nossa personalidade e os nossos gostos. Afinal, essa é uma das divisões da casa mais íntimas. Vamos deixar algumas dicas para a decoração de interiores de quartos em várias etapas da vida:

Decorar quartos de crianças: A decoração de interiores dos quartos de crianças é muito fácil, mas requer alguma planificação por causa dos cuidados associados a ela. É preciso ter em atenção que as cores devem ser suaves, mas ao mesmo tempo com objetos de cores vivas para contrastar. Um dos cuidados que precisamos ter em atenção são os cantos dos móveis, pois devem ser sempre arredondados para evitar cortes nas arestas ou outro tipo de acidentes quando as crianças chocam com os cantos dos móveis algo muito frequente nessa fase.

Decorar quartos de jovens: A decoração do quarto de um jovem, quer seja rapaz ou moça, deve ser feita tendo em conta a sua opinião e gostos pessoais. Nesta idade ter um espaço próprio, adaptado à sua personalidade, é extremamente importante para o desenvolvimento dos jovens. Uma curiosidade interessante, especialmente para as mães que insistem em manter os quartos dos filhos muito arrumados: alguns especialistas afirmam que faz parte da idade a desarrumação dos quartos dos jovens. É bom que sejam eles a tomar a iniciativa de arrumá-los.

Fonte e fotos: decoracaointeriores.org

Decorar quartos de casal Antes de começar a decorar o quarto de um casal é de extrema importância que a decoração de interiores do quarto seja considerada pelos dois. A tarefa não é exclusiva das mulheres pois também o homem se deve sentir confortável no espaço. Aliás, é preciso contar que o quarto é dos dois, espaço privado onde devem relaxar e recuperar energias ou gastá-las! O importante é não decorar o quarto para que os padrões sejam visualmente cansativos ou incomodativos.

116

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


117


Tecnologia

Apple lança nova versão do leitor digital iBooks e foca na educação.

A

Apple anunciou neste ano, o iBooks 2, nova versão do programa para a leitura de livros digitais para iPhone, iPod touch e iPad. Os livros, disponíveis na loja virtual iBook Store, terão conteúdo multimídia como vídeos e gráficos

animados. Ao lado do iBooks 2, a empresa revelou o programa iBooks Author, que permitirá que os usuários criem seus próprios livros com textos, imagens e vídeos, focando o uso dos recursos para as salas de aula. Durante a apresentação, realizada em Nova York, nos Estados Unidos, a Apple mostrou que é possível usar o iBooks 2 e o iBooks Author na escola. A empresa apresentou provas escolares e exercícios criados por professores que são entregues aos alunos em seus iPads. O programa iBooks Author, que foi anunciado como um editor de livros, aceitando textos do Word, por exemplo, e adequando-os às páginas de forma automática, pode ser usado em instituições de ensino. Além de professores, os alunos podem criar trabalhos e pesquisas usando os recursos do iBooks Author. Já o aplicativo iTunes U, voltado à educação universitária, foi expandido e agora permite aos professores criarem cursos on-line para seus alunos, que poderão baixar o conteúdo em áudio ou em vídeo direto da loja virtual iTunes Store para o iPhone ou iPad.

118

Fonte e fotos: g1.globo.com

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Câmeras ganham conexão sem fio e publicam fotos em redes sociais

A

s câmeras fotográficas estão cada vez menores, mas trazem qualidade de imagens e recursos superiores a cada ano. Na Consumer Electronic Show (CES), em Las Vegas, maior feira de tecnologia do mundo, elas apresentaram conexão Wi-Fi com o computador, dispensando o uso de fios para passar as fotos para a máquina. E, para atender os consumidores que gostam de aventuras, ficaram mais resistentes. Alguns modelos exibidos permitem até mergulhar na piscina ou no mar sem danificar a máquina. Outros ganharam GPS. Adeus, ‘cabinho’ No estande da Samsung na CES, uma câmera se destacava por ser compacta, ter 14,2 megapixels e se conectar ao PC por meio de uma conexão Wi-Fi. O sistema funciona de modo similar ao existente em notebooks e tablets: é necessário que a máquina fotográfica se conecte em uma rede sem fio. Esta rede pode ser tanto doméstica quanto pública. A partir daí, o usuário pode transferir as fotos tiradas com a câmera para todos os computadores da casa ao mesmo tempo sem a necessidade de usar cabos. Mas o uso do Wi-Fi nas câmeras vai além da simples transferência de arquivos. Com o aparelho conectado, o usuário pode publicar as imagens direto nas redes sociais, em sites de armazenamento e ou enviá-las por e-mail para familiares e amigos. Outra novidade é que, caso o usuário utilize algum serviço de armazenamento na nuvem, as imagens podem ser enviadas para ele e, desse modo, serem acessadas por qualquer dispositivo como celulares e tablets.


Aqueça apenas o que realmente importa.

Manuten ç os mode ão em todos l de Ar Co os e marcas ndiciona do VENDAS - INSTALAÇÃO - MANUTENÇÃO - RESIDÊNCIA - COMÉRCIO - INDÚSTRIA

TETO NORMAL (SPLIT)

TETO LUXO (SPLIT)

TETO CANTO (SPLIT)

JANELA

Aparelhos SPLIT nas voltagens de 220v e 110v.

CLIMATIZADOR / UMIDIFICADOR

AR CONDICIONATO PORTÁTIL

TETO CASSETE (SPLIT)

CORTINA DE AR

119 Imagens meramente ilustrativas.

Revenda e Serviços Autorizados:

(66) 3421-7492 Assistência Técnica Especializada:

Av. Bandeirantes, 3910 - Jd. Assunção Rondonópolis - MT


Beleza Então, identifique o seu tipo de pele e cuide-se melhor: Pele Oleosa: apresenta um brilho excessivo devido ao excesso de óleo produzido e possui poros abertos. Normalmente apresenta cravos e espinhas. Merece um cuidado especial que retire e controle essa oleosidade.

Cuide da sua pele. S

egundo os dermatologistas e a indústria de cosméticos, existem quatro tipos de textura de pele do rosto. Saber qual é o seu tipo de pele não é frescura ou algo sem importância, mas é essencial na hora de escolher o cosmético certo.

Pele Mista: possui oleosidade excessiva na chamada zona T (testa, nariz e queixo), e é seca no restante do rosto. É a mais comum de todas as peles, e a oleosidade deve ser retirada apenas da zona T. Pele Normal: é uma pele bonita, com a textura da pele do bebê. É iluminada, suave, sem oleosidade ou secura excessiva. Apresenta poros fechados. Em geral, não necessita de cuidados exagerados, pois já é uma boa pele. Pele Seca: é uma pele sem vida e áspera, de aspecto opaco e sem brilho. É muito sujeita a manchas, rugas e marcas de expressão. Necessita de hidratação intensa.

É importante escolher um que traga o melhor benefício, e que ajude no cuidado diário da pele, assim como no combate às rugas e ao envelhecimento precoce. Saber o tipo de pele que se tem é também essencial para não gastar dinheiro à toa!

Descanso para os pés. U

ma das partes mais sensíveis do corpo são os pés. Muitas vezes esquecidos. Além de aguentar o peso do corpo o dia todo, é recheado de terminações nervosas e pontos energéticos. Podólogos que são expert em deixá-los mais bonitos e saudáveis, revelam alguns truques para fazer em casa.

120

Revista Gold

Relaxamento: Escalda-pés com sais e aromaterapia são ideais para pés e pernas cansadas. Alguns minutos de molho, seguido de auto-massagem com creme específico para esta parte do corpo, garantem uma sensação de bem estar e relaxamento. Também vale apelar para os cremes que aliviam o cansaço e o peso das pernas.

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Unhas: As unhas devem ser cortadas retas, ou seja, sem cortar os cantos. Não utilizar lixas muito ásperas. Isso pode fragilizar a queratina. Lixar os pés: Com um micro motor especial ou uma lixa própria, é indicado para retirar a calosidade e dar maciez aos pés. Cuidado para não exagerar e acabar se ferindo. Outro grande aliado são os esfoliantes próprios para esta parte do corpo. Hidratação: Procure cremes especiais para a pele dos pés. Toda hidratação deve ser feita à noite, quando o produto poderá agir por cerca de oito horas. Procure esfoliar antes sempre que possível.


121


Arquitetura e Construção

Construção

Fonte e fotos: forumimobiliario.com.br

sustentável.

R

eflita sobre o conceito de “construção sustentável”. O que você imaginou? Tijolos ecológicos, madeira certificada e aquecimento solar? Tudo isso faz parte, mas o conceito de sustentabilidade engloba incontáveis princípios muito mais simples e de fácil aplicação. O mais importante deles e que, sozinho, garantiria facilmente o status de “sustentável” a qualquer obra, é a redução do desperdício. Projetos de residências evoluem ano após ano; modernizam-se os materiais, os formatos, os espaços, mas o grande erro do desperdício persiste. Estima-se que aproximadamente 30% de tudo que entra numa obra vira resíduo. Vira lixo. Materiais nobres como madeira e metais ajudando a entupir aterros e detonar com recursos naturais, sem falar no encarecimento indiscutível da construção. “Veja um exemplo simples: compramos pregos por quilo e usamos indiscriminadamente, com exagero e abundância. Mas pense no tempo que o ferro demora para formar-se na natureza. Consumimos muito mais do que a natureza tem capacidade de repor”, ilustra a arquiteta Andrea Naguissa Yuba. Andrea é a pessoa perfeita para explicar esses princípios. Ela ministra a disciplina de sustentabilidade no curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), o que a torna uma das responsáveis pela aplicação do conceito pelos futuros profissionais do Estado. “O interesse dos alunos pelo assunto é nítido e crescente. Logo, ele estará incorpora-

do a todas as outras disciplinas e se tornará uma preocupação constante na construção civil”, estima a arquiteta. Ela acaba de construir a própria casa incorporando os tais conceitos que deveriam fazer parte de toda e qualquer construção. E atenção: os tijolos são convencionais, os pregos são convencionais, o cimento é convencional. O que tornou a obra “sustentável” foi o processo produtivo, preocupado com o desperdício, e a aplicação de detalhes estruturais diferentes, mas básicos: tubulação que separa águas de

verde permeável do terreno. Como ela fez isso é a parte mais legal da história. A residência ganhou o famoso “telhado verde”, que refresca o ambiente e auxilia na captação de águas pluviais. “Foi o investimento mais caro de toda a obra. Foi necessário reforçar toda a estrutura para suportar o peso do telhado”, explica. Um telhado convencional, com telhas de cerâmica sobre estrutura de madeira, pesa cerca de 50 quilos por metro quadrado. A estrutura da casa de Andrea foi calculada para suportar 250 quilos por metro quadrado. O investimento foi consideravelmente alto e, periodicamente, a arquiteta terá que subir no telhado para cortar a grama. O risco de infiltração existe mas, segundo a arquiteta, não é maior do que o de um telhado convencional, desde que bem cuidado. “O telhado verde não vai dar problema porque é verde, vai dar problema porque é telhado. Todo tipo de material demanda manutenção, senão estraga”, esclarece. Andrea resolveu “experimentar” essas novidades na casa dela, com a autoridade de quem entende do assunto e com plena consciência do custo um pouco mais alto e do trabalho que teria. Se valeu a pena? “Claro que sim. Não vim até aqui para desistir e, se preciso, faria tudo de novo. Muito em breve todas as casas serão construídas pensando no reúso da água, na iluminação natural e na otimização da área verde permeável. Isso não tem volta”.

“São investimentos pequenos; alguns metros de canos, alguns registros a mais e pronto. Mas a economia que isso trará é incontestável”

122

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

pias, chuveiros e vaso sanitário, tubulação que capta água da chuva para reaproveitamento, tubulação preparada para receber aquecimento solar. “São investimentos pequenos; alguns metros de canos, alguns registros a mais e pronto. Mas a economia que isso trará é incontestável”, explica. Quando ela fala em “economia”, se refere à economia de dinheiro e de recursos naturais. O casamento entre sustentabilidade ambiental e econômica que deveria ser uma constante em qualquer empreendimento. Além das tubulações eficientes, Andrea investiu na iluminação e ventilação natural e na ampliação da área


Piscina, Jardim e Varanda.

123


124

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


125


Reflexão

Mudanças V

ivemos um momento que se pode qualificar como ímpar na história do homem, não pelo fato de ocorrerem mudanças, porque elas fazem parte da dinâmica da vida e proporcionam ao ser humano sua evolução. O que se apresenta como singularidade é a velocidade com que essas transformações vêm ocorrendo, atingindo a todos. A mudança do ano velho para o ano novo marca um momento em que todos nós renovamos nossas esperanças. Analisamos o que fizemos, o que deixamos de fazer e o que deveríamos ter feito. Além disso, é um momento propício às mudanças: mudanças de atitude, de conceitos, de preconceitos e muito mais. Há quem passou a meia-noite do dia 31 de dezembro apoiado em um só pé, dando pulinhos, jogando sal para o alto, fazendo promessas que vai mudar que vai ser melhor e outras mais. Gostamos de acreditar que a partir do ano que se inicia tudo dará certo e a partir daquele momento mágico nossas vidas se transformarão em um eterno “mar de rosas”, com “rios de ouro”, “jar-

126

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

dins com flores verdinhas de dólares” e etc. Todos nós gostaríamos que se concretizassem tudo que pedimos, planejamos, prometemos a nós mesmos e aos outros nesse momento mágico. Porém, nesse momento de magia, nem sempre temos nossos desejos atendidos ou atendidos ao nosso tempo. Entretanto, não podemos perder a oportunidade desse momento. É uma época propícia para a reflexão. Nessa profunda reflexão anual, questionamos várias coisas. Essa é a oportunidade que temos de definir ou redefinir o nosso foco, estabelecendo o verdadeiro sentido de tudo. É bom lembrar de que a civilização sempre foi impulsionada por uma pequena minoria. O restante, bilhões de indivíduos, seguem atrás, passivamente, como na boiada e deixa-se levar pelas circunstâncias. Isso nos mostra que existem diversos fatores que refletem no nosso dia-a-dia, e muitos de nós não paramos para analisar. O indivíduo cria assim, em sua vida,

uma zona de conforto. É difícil aprender ou fazer coisas novas, é doloroso mudar atitudes, porque isso está fora da zona de conforto. O medo do desconhecido cria então uma situação desconfortável, que passa a ser considerada inconveniente. No entanto, o verdadeiro aprendizado ocorre sempre fora da zona de conforto. Nós temos dificuldade com o novo até que o aprendamos. Depois é fácil verificar que todo o conhecimento anterior ficou obsoleto. Na Bíblia, no livro de Isaías, no capítulo 40 verso 31 diz: “Mas o que esperam no Senhor renovam suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam”. Que o Senhor Jesus Cristo nosso Deus possa abençoar e iluminar o seu caminho e em todas as mudanças necessárias. Confie... Tenha fé... Acredite... Abra o coração... E permita que ele guie os seus passos. Um ano repleto de bênçãos e realizações.


O toque especial para o seu ambiente.

Do bรกsico ao luxo. Mรกrmores e Granitos, Nacionais e Importados.

127

Imagens meramente ilustrativas.

(65) 3027-4145 Rua Berna, 1 - Rodoviรกria Parque - Cuiabรก - MT nerismarmoraria@ibest.com.br


Direitos e Deveres

Direitos e

Deveres do Consumidor Os direitos e deveres do Consumidor aqui reproduzidos estão em conformidade com a IOCU (International Organizational Consumer’s Union).

Direitos:

Deveres

Direito à Informação Conhecimento dos dados indispensáveis sobre produtos ou serviços para uma decisão consciente.

Dever de informar-se Informar-se sobre as condições de mercado e sobre a real adequação dos bens e serviços oferecidos.

Direito a Ser Ouvido Os interesses dos consumidores devem ser levados em conta no planejamento e execução das estratégias e sistemática das organizações.

Dever de bem usar Utilizar corretamente produtos e serviços que adquire.

Direito à Segurança Garantia contra produtos ou serviços que possam ser nocivos à vida ou à saúde. Direito à Escolha Opção entre vários produtos e serviços com qualidade satisfatória e preços competitivos. Direito à Indenização Reparação financeira por danos causados por produtos ou serviços. Direito a um Meio Ambiente Saudável Defesa do equilíbrio ecológico para melhorar a qualidade de vida agora e preservá-la para o futuro. Direito à Educação para o consumo Meios para o cidadão poder exercitar conscientemente sua função no mercado.

128

Direito a Bens e Serviços Básicos Garantia de acesso à alimentação, saúde, educação e habitação.

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Dever de resistência Resistir às práticas comerciais agressivas ou fraudulentas. Dever de cautela Estar atento aos termos dos contratos que assina. Dever de previsão Planejar seus recursos. Dever de responsabilidade Usufruir, com responsabilidade, das facilidades de crédito. Dever ecológico Preservar e recuperar o meio ambiente. Dever de reclamar Reclamar quando necessário. Reclamar não é tolice: é um dever social. Dever de solidariedade Ser solidário com os demais. Neste dever de solidariedade repousa, inclusive, a possibilidade de uma ação capaz de proteger todos os consumidores, dando-lhes melhores condições de vida.


129


Gastronomia

Gastronomia e

sociedade A

gastronomia de uma região é sempre fruto de um determinado ambiente natural e da cultura própria das comunidades que a habitam e foi sendo caldeada, no decurso dos séculos, pelos recursos disponíveis, pelas necessidades da população e pelas práticas ancestrais de cada sociedade. As grandes mudanças sociais implicam, por sua vez, alterações profundas nos hábitos e práticas diárias e a gastronomia não foge a esta regra geral das sociedades humanas. As sociedades modernas, nomeadamente a partir das últimas décadas do século passado, são sociedades altamente competitivas, que se movimentam a um ritmo frenético, em que o homem parece estar numa permanente luta contra o tempo. Consequência natural destas transformações sociais, a nível da alimentação, são as várias soluções encontradas, entretanto, pelo homem, com o fito de gastar o menos tempo possível a alimentar-se, recorrendo a soluções várias, desde o “comer em pé” ou o “comer qualquer coisa”, sentado a um balcão ou a uma mesa de café, até a opção pela compra de refeições pré-cozidas, fabricadas em série, práticas e rápidas, que basta aquecer num forno eléctrico ou no micro-ondas. Entramos, assim, no domínio da chamada fast-food, em relação à qual não se pode falar de gastronomia, já que, em bom rigor, visa apenas satisfazer as necessidades alimentares do homem e garantir a sua sobrevivência, faltando-lhe as vertentes da escolha e da degustação, próprias da gastronomia, vertentes a que devemos juntar a arte do fazer, da apresentação e do convívio. Mas, como todos os fenomenos sociais, a gastronomia não é só consequência de um determinado meio ambiente e de uma determinada realidade social e cultural. A gastronomia também tem implicações sociais várias que influenciam, de forma significativa, as sociedades e os homens, nomeadamente com repercussões diretas sobre a sua saúde (“somos aquilo que comemos”) e nas relações que se estabelecem entre eles. É sobre este segundo aspecto do problema, isto é, sobre as implicações sociais da gastronomia, que gostaria de deixar mais algumas reflexões, necessariamente limitadas e breves, considerando a riqueza e a multiplicidade das facetas que podem ser consideradas. É importante realçar a gastronomia na família. É, em grande parte, à volta da mesa que se fazem os encontros familiares e se reforça o espírito de coesão e de união das famílias,

130

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

quer da família nuclear, quer da família alargada. Este é, igualmente, um momento importante para a socialização das crianças, compelidas, desde pequenas, a cumprir as regras sociais vigentes sobre o que comer, como comer e, mais tarde, como fazer, orientações que lhes vão sendo transmitidas pela família, como agente intermediário, por excelência, entre elas e a sociedade. Constatamos, por outro lado, que os grandes momentos de alegria das famílias e das sociedades são sempre acompanhados de manifestações gastronômicas, como é o caso dos nascimentos, dos batizados, dos aniversários, dos êxitos escolares, dos casamentos e, de uma maneira geral, de todas as datas festivas e simbólicas das sociedades. E quem pode ignorar a importância da gastronomia nas relações a dois e na criação de um clima muito próprio de sedução e encantamento que o “jantar a dois” proporciona (em especial, quando foi preparado especificamente para esse momento), com as consequências que a imaginação ou a prática de cada um pode, facilmente, adivinhar… O último aspecto que queria abordar é o do convívio, sempre presente em todas as manifestações gastronômicas. É conhecida a importância que tem para a nossa saúde e bem-estar a amizade e o convívio com os outros, a alegria e a boa disposição e, enfim, o sentirmo-nos considerados e estimados.


Banana empanada Ingredientes 30g de biscoito mousse de chocolate ao leite 2 bananas nanicas 2 colheres (sopa) de mel 1 colher de (sopa) de açúcar mascavo 10g de aveia em flocos 10g de castanha do pará, triturada 10g de gergelim

Modo de preparo

Numa tigela funda, junte os biscoitos picados em pedaços bem pequenos, o açúcar mascavo, a aveia, a castanha do Pará, o gergelim, misture bem até envolver todos os ingredientes e reserve. Com a ajuda de um pincel, espalhe o mel nas bananas e empane-as com a farofa nutritiva. Unte uma assadeira pequena com margarina, acomode as bananas e leve ao forno pré-aquecido (180º) por 10 minutos. Retire do forno, regue mel e sirva a seguir.

Salada de legumes com maionese Ingredientes ½ kg de batatas cozidas com a casca 1 lata de seleta de legumes ½ colher (chá) de sal 1 xícara (chá) de maionese Cheiro-verde picado

Modo de preparo

Descasque as batatas frias e corte em cubos pequenos. Coloque em uma tigela, junte a seleta de legumes e misture. Junte o sal e a maionese. Misture e leve à geladeira. Sirva levemente gelada. Salpique com cheiro-verde antes de servir.

Mousse de açaí

Ingredientes 1 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo 2 colheres (sopa) de açúcar 150 g de margarina culinária 1 unidade de gema de ovo Raspas de limão 500 g de Ricota 1 lata de leite condensado desnatado 3 unidades de ovo 1 colher (chá) de essência de baunilha Raspas de limão

Modo de preparo

Misture tudo com as mãos e abra a massa em forma sem untar. Bata todos os ingredientes no liquidificador , começando pelos líquidos para não empelotar. Despeje o recheio sobre a torta, e asse em forno a 130 graus por 10 minutos em temperatura alta; e depois mais 60 min. em temperatura baixa; ou até que se tire um palito seco do centro. Com uma colher, derreta a goiabada, em água, e, coloque sobre a massa fria.

Modo de preparo

Numa tigela, bata o açaí com 3 xícaras de chá de açúcar. Em outra tigela, bata as gemas com 10 colheres (sopa) de açúcar até obter um creme claro. À parte, dissolva a gelatina na água e leve ao fogo, mexendo até derreter completamente. Junte ao açaí batido o creme de gemas e a gelatina dissolvida e misture bem. Despeje em uma forma para pudim e leve ao congelador até ficar firme. Para servir, desenforme a mousse e decore com tapioca. Faça a mousse na véspera para dar tempo de congelar bem.

Fonte e fotos: gastronomia.com terra.com.br/gastronomia

Torta Romeu e Julieta

Ingredientes 2 litro(s) de polpa de açaí 3 xícara(s) (chá) de açúcar 10 unidade(s) de gema de ovo 40 gr de gelatina incolor sem sabor 1 xícara(s) (café) de água Tapioca granulada

131


132

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


133


Estética

Lipolaser uma das novidades na área das cirurgias plásticas. A

laserlipólise utiliza uma haste fina de quartzo que é introduzida por um furo milimétrico no corpo do paciente. Através desta haste, o aparelho emite um feixe de luz que segue direto para a camada gordurosa, para destruir estas células gradativamente. Além de combater a gordura, ele também pode atuar sob a pele na derme profunda (área do colágeno)para retrair a pele flácida. Este método é menos traumático, mais seguro, provoca menos inchaço e dor se comparado ao tradicional. No entanto, apesar da laserlipólise ser um método mais seguro, os cuidados e procedimentos de segurança devem ser observados da mesma forma. A laserlipolise é feita com anestesia local e em ambulatório...o uso de modeladores/cintas compressivas deverá ser usado no período de um mês e devem ser feitas drenagens linfáticas como na lipoaspiração tradicional, além de ser rara a presença de hematomas na pele.

134

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Quais são as vantagens do Lipolaser? 1. Cânula flexível com menos trauma e menos complicações 2. Seletividade do laser somente para células de gordura, poupando outros tecidos que antes eram atingidos durante o procedimento 3. Menor sangramento durante a cirurgia 4. Recuperação mais rápida, necessitando de menos repouso e volta ao trabalho mais rápida 5. Efeito de retração da pele através do aquecimento e estimulação do colágeno.


Abdominoplastia Lipoaspiração e lipoescultura Silicone de mamas Rinoplastia (nariz) Blefaroplastia (pálpebras) Otoplastia (orelha) Ritidoplastia (rosto) Plástica de coxas e braços Gluteoplastia (prótese de glúteos) Ninfoplastia (cirurgia íntima) Ginecomastia (mamas masculinas) Preenchimento facial Toxina Botulínica

Novidade!

Lipolaser

Abdome, dorso, culotes, braços, coxas, papada e axilas (Hiperlidrose)

Bem estar Sinta todos os dias.

135

Imagens meramente ilustrativas.

maristelanarciso.com.br J a c i a r a - M T: R. Caiçara, 2509 - Centro - (66) 3461-1593

R o n d o n ó p o l i s - M T: R. João Goulart, 1377 - Vila Aurora - (66) 3422-4222


Saúde

Saúde Mental Como Viver Bem. E se nós somos corpo e mente, cuidemos dos dois com o carinho que nós mesmos merecemos.

V

iver bem é um desejo de todo ser humano. Na verdade trata-se de um dos maiores desejos, juntamente com o de ser reconhecido, valorizado, admirado e respeitado, ao contrário do que pensa muita gente que defende a teoria do homo economus, dizendo que os homens vivem em busca do dinheiro. Essa teoria já está ultrapassada, visto que os que buscam o dinheiro, o buscam para atenderem aqueles desejos que mencionei nas frases iniciais do texto. Porém esse artigo pretende tratar de um assunto mais amplo: como viver bem. Para se viver bem é necessário que se tenha saúde mental e essa, temos que cultivar a todo o tempo no

136

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

nosso dia-a-dia. Isso passa desde pela relevação de estímulos estressantes até o cultivo de estímulos relaxantes. Ao invés de se estressar com o trânsito, o que é bem corriqueiro, procure relaxar com o brilho do sol no topo dos prédios ou com os pingos de chuva no para-brisa. Pense no milagre que é a vida: no lugar certo (a terra), à distância certa da fonte de vida (o sol), com as substâncias certas na quantidade certa (água, oxigênio, carbono) para que num conjunto de coincidências, tenha gerado um grupo de proteínas e RNA que conseguiu interagir entre si até formar um ser vivo simples que foi evoluindo, dando origem a espécies diferentes até chegar às aves, plantas e mamíferos. Pense dessa forma positiva nas coisas. Procure valorizar o lado bom e ao invés de esquecer o lado ruim, buscar as causas que lhe deram origem para que você possa prevenir da próxima vez. Cultive a paciência como se fosse uma prova de valor e virtude da sua pessoa em todos os momentos. Ficar nervoso(a) é fácil, qualquer um consegue. Principalmente os fracos. Ficar calmo em momentos complicados é que é difícil. E isso só os fortes conseguem.

Fonte e fotos: http://pt.shvoong.com/medicine

Tente ser forte e ficar calmo, calmo para si e para os outros. Todas as pessoas têm qualidades e defeitos. Dividem-se em dois grupos inicialmente: os que sabem disso e os que não sabem. Por sua vez, o grupo dos que sabem disso se divide em mais dois grupos: o dos que sabem das suas qualidades e defeitos e o dos que não sabem (porque não se observam corretamente ou porque ninguém os ajudou a perceber). O primeiro grupo se divide em outros dois: o dos que procuram melhorar as qualidades e corrigir os seus defeitos e o dos que se acomodam iludindo-se (para não terem trabalho) de que isso faz parte de sua “personalidade”. Não se iluda. O grupo das pessoas que são mais felizes é o daquelas que buscam sempre se aperfeiçoarem em todos os aspectos: éticos, profissionais, inter-pessoais, morais, sexuais, físicos e intelectuais. Ajudemos as pessoas que amamos também, porque amar a outras pessoas é provar que se ama e que se acredita no amor. Aí está outra dica. ame sem pré-condições ou interesses. Ame de graça e receba a graça de também ser amado de graça.


Imagens meramente ilustrativas.

Sรกude na medida certa.

137


Música e Cinema

Lançamentos no cinema para 2012.

Paulinha

Sanfona!

da

N

atural de Santa Catarina, atualmente reside no estado de Mato Grosso. Oriunda de uma família de músicos, não foi difícil descobrir seu talento. Aos cinco anos de idade, Paulinha já viajava com seu pai pelo mundo artístico e já cantarolava as primeiras canções. Passaram-se alguns anos, um dia no escritório de seu pai, pegou a sanfona de 80 baixo e começou a tocar algumas notinhas musicais. O pai, ao perceber o dom da filha, a presenteou

com uma sanfona em uma viagem à cidade de Gurupi-To. Em alguns meses, Paulinha já estava tirando suas primeiras notas. Paulinha começou a cantar e tocar sanfona aos 10 anos de idade e já traz em seu currículo importantes apresentações, umas delas com o Grupo Tradição, quando Michel Teló ainda era integrante. Michel, ao ver Paulinha tocando sanfona, ficou encantado e a convidou para tocar no palco com eles, momento em que fez a platéia vibrar de emoção. Na seqüência, foram surgindo oportunidades de ela participar de grandes shows, a nível nacional com artistas de destaque no cenário musical brasileiro como: Maria Cecília & Rodolfo, Calçinha Preta, Janaynna Targino, Nechivile e, atualmente com Michel Teló. Participou de importantes programas de TV como: PROGRAMA RAUL GIL, QUAL É SEU TALENTO e PROGRAMA ELIANA CAMARGO. Dona de uma capacidade nata e de um talento vocal impressionante, com apenas 13 anos de idade, Paulinha vem se apresentando em shows por todo o Brasil, mostrando seu talento e versatilidade na sanfona e arrancando aplausos por onde passa.

O cinema vive uma boa fase apostando em super produções de estilo. Em 2012 já se faz previsão da estreia de alguns novos filmes nas telinhas do cinema.

Confira alguns:

Os vingadores: Reunião dos super-heróis Homem de Ferro, Thor, Capitão América, Hulk, Viúva Negra e Gavião Arqueiro. Estreia prevista: 27 de abril

Homens de preto 3: Na nova aventura dos agentes K e J, Josh Brolin interpreta uma versão mais jovem do personagem que ficou famoso por Tommy Lee Jones. Estreia prevista: 25 de maio

138 Paulinha da Sanfona e banda. Contato para Shows: (66) 9652-6467 / 9644-7899 Email: paulapignat@hotmail.com

O espetacular homem aranha: Reinício da saga do estudante Peter Parker, que se transforma no herói Homem Aranha. Estreia prevista: 3 de julho Fonte e fotos: tvfoco.pop.com.br

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


139


Automóveis

A

Volkswagen anunciou o lançamento da Amarok com cabine simples no Brasil. A versão já tinha sido apresentada na Europa e chega ao Brasil na configuração de entrada e com opção de tração 4x4. Segundo a VW, a cabine da Amarok tem 25 centímetros de espaço para bagagens atrás dos bancos. A caçamba também cresceu, com 2,20 metros de comprimento e 1,62 metro de largura e área total de 3,57 metros quadrados. Há seis ganchos para fixar a carga e é possível transportar até 1.142 quilos. O motor é o 2.0 turbodiesel, que entrega 122 cv e torque máximo de 34,7 mkgf. Já o câmbio é o conhecido manual de seis velocidades. Ou seja, ainda não foi desta vez que a transmissão automática vai equipar a Amarok. Maiores informações: Carolina Veículos. Rondonópolis: (66) 2101-4900 – Primavera do Leste: (66) 3498-3838

VW Amarok Cabine Simples chega ao Brasil.

Fonte e fotos: Quatro Rodas

Land Rover Caramori.

N

A Caramori convida os clientes e admiradores da marca a percorrerem o circuito e sentirem essa emoção que é adrenalina pura! Todos que realizaram o “test-drive” na pista até agora saíram impressionados com a performance dos veículos. Venha conhecer a força de um Land Rover e desenvolva suas habilidades off-Road. Mais informações no telefone: (65) 3313-9000

o mês de outubro/2011, a Caramori Motors inaugurou ao lado de sua concessionária na Avenida Miguel Sutil, uma pista off-road batizada de Discovery Experience. A pista é composta por obstáculos com depressões e inclinações que simulam diferentes tipos de condução e que testam a habilidade dos veículos Land Rover no percurso fora de estrada. Fonte e Fotos: Caramori Veículos

140

Visita dos proprietários de concessionárias Hiunday do Brasil na nova Fábrica em Piracicaba-SP.

O

terreno tem 139 hectares, dos quais sete serão dedicados à área fabril, a nova fábrica demandará um investimento de 600 milhões de dólares, com a geração de 3800 empregos diretos. Os fornecedores, a maior parte deles de origem coreana, investirão mais 300 milhões de dólares, com um total de 6000 empregos em todo o complexo. Tudo, por ora, para fabricar apenas um veículo: o compacto HB. Esse é apenas o nome de desenvolvimento do projeto. O definitivo será diferente, sendo o mais cotado i15, para diferenciá-lo do i20 (modelo já vendido no exterior, que lhe cede à plataforma) e o i30, hatch médio de bastante sucesso no mercado brasileiro.

Fonte e fotos: R3 Motor’s Hyundai

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


Estamos no carro e no coração do consumidor. Vencedora do Prêmio ACIR 2011.

nas e p a sta a b o ça, Nã n a r o. gu t e r s o f r e t con o s i c e é pr

Imagens meramente ilustrativas.

141 Assistência Técnica Automotiva e Agrícola Instalação e Manutenção Carga de Gás Higienização Profissionais Capacitados Nacionais e Importados

(66) 3421-9693 - 8415-1167 R u a D o m Pe d r o I I , 2 1 4 - C e n t r o -

Rondonópolis - MT


Motociclismo

De volta ao Brasil, MV Agusta lança moto feita em parceria com a Ferrari.

A

pós encerrar a parceria com o Grupo Izzo e ficar fora do mercado brasileiro por cerca de um ano, a MV Agusta especializada em motos de alta cilindrada é agora representada pela Dafra. A MV Agusta apresentou no Salão Duas Rodas, que ocorreu no ano passado, a linha que será comercializada no país. Montada em Manaus, em parceria com a Dafra, a moto F4, já tem seus preços definidos. A esportiva F4 é a mais cara da marca italiana e custará cerca de R$ 68 mil. Para impulsionar a moto, a empresa a equipou com motor de 4 cilindros de 998 cm³, desenvolvido em parceria com a Ferrari, que é capaz de atingir 187,3 cv de potência máxima a 12.900 rpm e torque de 11,4 mkgf a 12.900 rpm. A motocicleta tem grande parte do processo de produção feito à mão, inclusive, as soldas de seu chassi de aço. Todas as peças da moto desembarcam no Brasil pelo sistema de CKD (Complete Knock Down, totalmente desmontados, em inglês) e são montados pela Dafra, em Manaus. “O Brasil é o único país do mundo que monta as motos da MV Agusta, além da Itália”, explica Umberto Uccelli, diretor de vendas da MV Agusta que está no Brasil. “A escolha pelo processo de CKD ocorreu pelos benefícios fiscais que a Zona Franca de Manaus oferece”, acrescenta Uccelli. “Em 2012, o Brasil estará entre os principais mercados para a marca”, garante Uccelli. A expectativa da marca é comercializar 1.200 motos em um ano.

142

Fonte e fotos: g1.globo.com

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


143


Mato Grosso de olho no mercado internacional.

Turismo

Teté Bezerra – Deputada estadual licenciada e Secretária de Estado de Desenvolvimento do Turismo de Mato Grosso.

M

ato Grosso em seu planejamento para o exercício de 2012 incluiu diversas ações na área do turismo. As feiras locais e nacionais que iremos participar, assim como os “road show” (modelo de workshop, porém realizado em circuito) irão criar a visibilidade que precisamos para sermos inseridos em roteiros importantes. Vale ressaltar que essa proposta faz parte do programa do Governo Silval Barbosa, o qual considera o turismo na cadeia produtiva, como a atividade do terceiro setor que contribuirá significativamente para economia do nosso estado. Conseqüência da reunião ocorrida em Cuiabá, em dezembro, com a nova diretoria da CVC, uma das maiores operadoras de turismo do país, ficou decido que a Secretaria de Estado de Desenvolvimento do Turismo (Sedtur) vai apresentar, nos dias 8 e 9 de fevereiro durante o workshop promovido por essa empresa em São Paulo, um planejamento para a realização de “road shows” em importantes cidades do país como, Campinas, o grande ABC, Ribeirão Preto, Porto Alergre, Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo - lembramos que o maior número de visitantes do nosso estado é oriundo de São Paulo. É importante ressaltar que a operadora CVC passa por uma mudança de estratégia com relação a Mato Grosso. A empresa vê agora o nosso estado com uma perspectiva privilegiada de investimento em turismo. O aumento do poder aquisitivo do povo brasileiro e a inclusão do turismo em seu consumo tornam o hábito de viajar, não só uma postura prazerosa, como também uma efetiva melhoria na qualidade de vida de nosso povo. Esse dado é um importante fator que faz com que Sedtur se preocupe com o mercado e com a imagem do nosso estado. Precisamos trazer mais turistas a Mato Grosso, mas não podemos nos restringir apenas ao mercado interno, apesar do seu crescimento singular. A decisão da Secretaria em estar presente nas feiras internacionais do setor é de extrema importância para a divulgação, conquista e consolidação da imagem de

144

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Mato Grosso no exterior. O Brasil desperta um interesse espetacular nos países europeus pela sua diversidade cultural, pelo clima e sol abundante, pela natureza, fauna e flora extraordinária. E, em Mato Grosso, o Pantanal é crescentemente mencionado como o destino de maior interesse dos turistas estrangeiros. Os europeus que amam a natureza, que valorizam a preservação e o uso sustentável dos ecossistemas sonham conhecer o Pantanal. Também não é por acaso que o Governo do Estado estará investindo consideráveis recursos em todo Pantanal, contribuindo com a melhoria da infraestrutura nos municípios de Cáceres, Poconé, Barão de Melgaço, Santo Antonio de Leverger e no Distrito de Mimoso. Cabe à Sedtur, como representante oficial e institucional de um ente federativo, o papel, o compromisso e a responsabilidade, junto com a Embratur - órgão de divulgação e promoção de nosso país no exterior - demonstrar que estaremos, sim, cada vez mais presente nessas feiras internacionais. Alias, a Embratur tem comemorado essa nova postura de Mato Grosso, como bem disse o presidente da empresa Dr. Flávio Dino em um artigo recentemente divulgado e intitulada “Mato Grosso – Bonito por natureza”. O presidente reconhece o valor, a importância e o destaque que o turismo e a natureza devem receber em nosso estado. Esse prestígio também é manifestado por diversas Embaixadas Brasileiras que demonstram satisfação em ver Mato Grosso cada vez mais presente nesses países. Nosso estado se faz presente através das operadoras de turismo como, por exemplo, a Interativa Pantanal Expeditions que opera no Pantanal, Chapada dos Guimarães, Jaciara, Juscimeira, Tangará da Serra, Nobres e a capital Cuiabá. Outra operadora que vem ampliando suas atividades é a Confiança Turismo, que já atua em 17 estados brasileiros. A empresa opera em Mato Grosso nos municípios de Nobres, Jaciara, Pantanal e Chapada dos Guimarães com várias pousadas e também opera um city tur por Cuiabá. Já a Natural Mystic Tours que opera no Pantanal através de Poconé estará presente no Workshop da CVC 2012, através de seu diretor proprietário Mirko Vergnanini. Recebemos também com muita alegria a visita a Mato Grosso de Mr. Kees Boele, diretor da Brazil Nature Tours que opera em vários países do mundo como: Austrália, África, Namíbia e no Brasil, Pantanal e Amazônia. Percebemos o crescente interesse dos operadores pelo Brasil e em especial por Mato Grosso. Em reunião realizada aqui em Utrech

(Holanda) da qual participaram a Sedtur, a Secretária de Turismo de Cuiabá, Tania Bartelli, o coordenador de Marketing da Embratur, Alexandre Nakagawa e o Sr. Ivens Signorini, responsável pelo bureau de turismo e trade da nossa embaixada na Holanda, ficou assegurada a realização em Mato Grosso de um FANTUR ainda neste primeiro semestre de 2012, com a participação de operadores e jornalistas dos países Baixos – Holanda, Bélgica, Luxemburgo, que alias, predominam nesta importante feira (Vakantiebeurs) que encerrou no dia 15. O turismo é um segmento que ocupa o 4º lugar a nível mundial em importância econômica, perdendo apenas para a indústria automobilística, a produção de petróleo e para os produtos petroquímicos. É uma atividade do setor terciário que mais agrega serviços e oportunidades para comunidade local, sendo de relevante importância compreender o envolvimento de todos os parceiros e interessados. A necessidade de se ter bem definido o papel de cada um é Imprescindível. As linhas de crédito, inclusive subsidiado, precisam ser acionadas. Os desafios de mudança de postura e de visão são incontornáveis para que possamos avançar na melhoria e na qualidade dos serviços prestados. Os turistas, principalmente os internacionais, estão habituados a um serviço de qualidade, que agregue preço compatível com o atendimento. A disponibilidade de um segundo idioma como o inglês é fundamental para a valorização dos nossos serviços. O estado, assim como o sistema “S” e o Ministério do Turismo sistematicamente tem oferecido cursos gratuitos de qualificação em todas as áreas. Não é compreensível que se percam oportunidades como essas. Como disse, o desafio é de todos nós. Da comunidade local, do poder público e do setor privado. Vamos cada um de nós assumirmos responsabilidades. Acontecendo isso, o sucesso será compartilhado por todos. Fonte e fotos: www.sedtur.mt.gov.br


145


Cultura

Um patrimônio histórico e artístico na paisagem arquitetônica matogrossense.

O

Cine Teatro Cuiabá foi Inaugurado em 23 de maio de 1942, durante o governo de Júlio Strübing Muller e fazia parte do conjunto de “obras oficiais” do Estado Novo. Com seu estilo arquitetônico art-decó e uma capacidade para 600 pessoas, a partir desta data o Cine Teatro Cuiabá ocupou-se de oferecer à sociedade matogrossense uma programação diversificada de filmes e peças teatrais nacionais. Esse espaço cultural recebeu renomados artistas brasileiros daquele período, como exemplo, o primeiro filme exibido foi “A noiva veio como encomenda” da Warner Bros, estrelado por Bety Davis e James Cagney. A construção do Cine Teatro Cuiabá deu à capital matogrossense uma nova e importante conotação no aspecto social, cultural e econômico do Estado. Tornou-se o principal ponto de encontro da sociedade cuiabana nas décadas de 50 e 60 com seu salão de chá, cinema e teatro, o que proporcionava à população em geral, um novo referencial em entretenimento. Serviu também como referência da circulação pela capital, de ilustres autoridades nacionais como políticos, empresários e artistas e pode ser alvo de um volumoso fluxo de espetáculos e atividades artísticas por várias décadas, o que o colocou como elemento de contribuição político-social para a permanência da cidade de Cuiabá, como capital de Mato Grosso. Em 1984 ocorre o seu tombamento, definindo-o como patrimônio histórico e artístico do cenário arquitetônico de Mato Grosso. O Cine Teatro Cuiabá é patrimônio da Secretaria de Estado de Cultura, doado à extinta Fundação Cultural de Mato Grosso pelo Governo do Estado, através do Decreto nº. 478/84 de 08 de fevereiro de 1984. É constituído como Patrimônio Histórico e Artístico Estadual, tombado pela Fundação Cultural de Mato Grosso, conforme portaria nº. 30/84 de 31 de setembro de 1984, publicada no Diário Oficial de 10 de setembro do mesmo ano. O Cine Teatro Cuiabá se estabeleceu como um centro das atividades culturais cuiabanas por mais de 55 anos e mesmo sendo um marco da evolução sócio-cultural da capital, foi arrendado por várias vezes e

146

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

a partir de 1996, ficou fechado por quase 12 anos. Após uma grande reforma, que manteve as características arquitetônicas da época de sua construção, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Cultura - SEC e da Secretaria de Estado de Infra-estrutura - SINFRA, devolve à sociedade cuiabana, o centro cultural que marcou a história de Cuiabá com a exibição de inúmeras produções cinematográficas e teatrais, por várias décadas. O mais novo Cartão Postal Cultural da capital mato-grossense. A partir de outubro de 2009, o Instituto Mato-grossense de Desenvolvimento Humano – IMTDH, na qualidade de OSCIP vencedora do Concurso de Projeto de Gestão junto à Secretaria de Estado de Cultura, assume a implantação e gerenciamento do Cine Teatro Cuiabá – CTC. É uma empreitada de comprometimento em dar continuidade às suas finalidades e missão, planejando, gerenciando e realizando a sua programação, preservando seu patrimônio histórico e artístico e possibilitando contribuir com a difusão da arte e da cultura no estado de Mato Grosso. O Cine Teatro Cuiabá institucionalmente será um Centro Cultural de referência, destinado a representar o estado de Mato

Grosso, através de um permanente intercâmbio com os artistas locais, nacionais e internacionais, buscando oferecer uma programação artística, cultural e científica que cumpra com os seus objetivos imediatos e realize, sócio-culturalmente, as afinidades de sua missão: Contribuir para o desenvolvimento humano através da oferta democrática da informação, da arte e da cultura. O Termo de Parceria é oriundo de Processo de Seleção por Concurso, regido pelas leis nº. 9.637/98 e 9790/99, Decreto Federal 3.100/99 e Lei Estadual 8.687, que estabelece Concurso de Projeto de Gestão através do Edital nº. 02/2009, da Secretaria de Estado de Cultura, conforme resultado de aprovação publicada no Diário Oficial Nº. 25108, de 02 de julho de 2009. O Termo de Parceria de que trata a gestão de implantação e gerenciamento do Cine Teatro Cuiabá – CTC, tem validade de 05 (cinco) anos, podendo ser renovado por igual período, conforme o que estabelece o item 1.1 do Artigo I – DO OBJETO do Edi-

tal nº. 02/2009 da Secretaria de Estado de Cultura. É com essa perspectiva que o Instituto Matogrossense de Desenvolvimento Humano – IMTDH se apresenta a toda sociedade do estado de Mato Grosso e convida-a a fazer parte do mais novo grupo de gestores culturais que, de maneira coletiva, democrática e cultural possam construir cidadania e transformação social. A partir de então, continuará residindo, no coração da Avenida Getúlio Vargas, mais precisamente no número 161, a mais histórica Casa de Espetáculos da capital, o Cine Teatro Cuiabá, para onde convidamos todos a fazer um delicioso passeio pelo centro histórico mais antigo e romântico que Mato Grosso possui. Assim, convidamos artistas, produtores, familiares e toda a sociedade a nos visitar, rever amigos, reencontrar e relembrar histórias e amores e de sobra, aplaudir as produções culturais que nele estarão sendo encenadas, ao prazer e ao entretenimento cultural de nosso povo e da nossa gente. Fonte e fotos: www.cineteatrocuiaba.com.br - Texto construído por Carlos Ferreira a partir das fontes: Site da Secretaria de Estado de Cultura: www.cultura.mt.gov.br; da Secretaria de Estado de Comunicação: www.secom. mt.gov.br e do Folder de Inauguração do Cine Teatro Cuiabá, de autoria de Aníbal Alencastro.


p r i l l a v. c o m . b r

Imagens meramente ilustrativas.

Mais qualidade de vida pra você e sua família.

LAVA G ENS A SE C O E Ú M IDO | L AVAGENS DE TAPETES | LAVAGENS DE ESTOFAD OS CO N SE RTO S RÁPIDO S DE ROUPAS | TI NGI MENTO DE ROUPA USADA D ELI V ERY (COLETA E ENTREGA)

ATENDEMOS:

Residência - Comércio - Indústria

RONDONÓPOLIS:

CUIABÁ

LOJA 01: R. Dom Ped ro II, 239 - Cen t ro (6 6) 3423-2386 / 432 3 - 4 8 1 0

L OJ A 0 1 : Av. M a t o Gros s o, 418 - Ara é s (6 5 ) 3 6 2 4 - 2 220

LOJA 02: R. Rio Branco, 1994 - L a S alle (6 6) 3421-7144

L OJ A 0 2 : Av. L a vap és , 64 - D ona Lol l a - D uque de Ca xi a s (6 5 ) 3 0 2 3 - 4 996

LOJA 03: R. Ariad ne F. Camp os, 2 8 3 - V ila A u ro r a (6 6) 3422-8890

147


Educação e Pedagogia

A Mente Infantil:

Criando uma mente saudável.

Fonte e fotos: uol.com.br/ed_integral

A

criança não aprende a engatinhar, ela apenas pratica aquilo que já sabe, e isso ninguém a ensinou a fazer. Chama-se a isso de instinto, igual a sua capacidade de saber chorar ao sentir fome ou desconforto físico. Do mesmo modo, ninguém a ensina a ouvir, ou a ter paladar, ou a ser sensível ao tato, ou a ter a capacidade de enxergar. Tudo isso são processos involuntários, que mais tarde, servirão de meios para que ela seja capaz de entender o seu mundo. Assim, a criança não aprende a sentir gosto pelos alimentos, ela aprende, mais tarde, a interpretar intelectualmente o que está comendo. A mesma regra vale para todas as demais situações nas quais os sentidos se façam presentes. Através da dedução lógica, o adulto acha que é capaz de imaginar, o que uma criança muito pequena está pensando; mas ele está enganado, pois, sendo ela muito pequena, ainda não pensa. E coloque-se qualquer objeto diante dela, e este será alvo de sua infinita curiosidade. O fato de ser naturalmente curiosa diante de qualquer coisa, não significa que possua uma vontade dirigida, voluntária e consciente. Diante de qualquer objeto, motivada por uma curiosidade inata, ela tende a se sentir naturalmente atraída. Trata-se de puro

148

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

instinto, sua curiosidade, nessa fase da vida, até por uma questão de ligeira adaptação ao mundo onde pretende sobreviver. Mas, isso tende a deixá-la vulnerável a todo tipo de influência externa, seja ela coisa má ou boa. Sua mente ainda está limpa, não possui memórias suficientes, nem uma experiência prática para que seja capaz de elaborar pensamentos lógicos. Um pensamento lógico só pode surgir quando há experiência de qualquer natureza, uma vez que a ordem da lógica é resultado de uma comparação, medição, entre um meio conhecido, que são as memórias, e outra coisa, como um desafio novo, por exemplo. Por instinto, a criança tende a se apegar rapidamente, mecanicamente, a qualquer objeto que lhe dê a sensação imediata de segurança física, pois segurança física é a única coisa de que necessita nesse momento. Ainda não sente medo, pois sua psique não possui memórias, lembranças de eventos vividos que a facultem lembrar de situações desagradáveis, ou atemorizantes. Também não sente necessidade de segurança psicológica, como os adultos, pois seu cérebro ainda não possui dados suficientes para isso. A mãe é um desses objetos, ao qual ela se apega, uma vez que participa do seu

bem estar, lhe dando alimento, conforto físico, aliviando seu stress, e tudo isso significa segurança física. Seus primeiros brinquedos tendem a atrair sua atenção, não porque sejam bonitos, ou interessantes do ponto de vista estético, ou engraçados, uma vez que todos esses conceitos são conclusões do intelecto, de uma mente que pensa, coisa que ela ainda não é capaz de, conscientemente, fazer. Mas, para seus sentidos, o toque em objetos é coisa que a conforta, e quanto maior a quantidade de sentidos que ela possa trabalhar, exercitar, ao mesmo tempo com aquele acessório, mais atração e apego sentirá por ele. Daí sua enorme necessidade de pegar e sentir tudo que está à sua volta, sem preconceitos, sem cuidado algum, sem receios. Usar os sentidos à exaustão, é o preparo base que sua psique precisa nesse momento. É lá onde serão gravadas informações essenciais, tais como, aquilo que é coisa desagradável e coisa agradável. Esse é o ponto de onde sua inteira personalidade será traçada. Daí nascerá o modo de comportar-se daquele indivíduo, a forma como interpretará o mundo e o modo como aparentemente “esse mundo” funciona. Sentir-se-á segura ao depender daquele objeto, pois sua mente já começa a construir um ponto seguro sobre o qual pretende se apoiar. E o objeto se torna seu conhecido, e o fato de repeti-lo muitas vezes, na sua mente, faz iniciar o processo de identificação pessoal com seu mundo. E sua personalidade começa a se formar, e também suas preferências, tudo isso a depender da sensação de conforto, ou prazer, que o objeto lhe proporciona. A partir desse ponto, ela começa a comparar a sensação obtida com aquela experiência, com as demais que terá daí por diante. Pode ser um timbre de voz, uma música, um gesto tátil de carinho, um som desagradável ou agradável, um temor, e assim por diante. Como ela nada conhece desse mundo novo, só é capaz de aprender através da imitação, por isto repetirá dos adultos, seus costumes, manias, medos, alegrias, vícios, tristezas, e tudo o mais. E mais uma vez, precisará repetir cada uma dessas coisas até fixar bem como memória definitiva em seu cérebro. Cria-se assim um novo indivíduo, cresce um novo veículo humano, mas com a mesma antiga mente que os adultos já possuem. Por isso mesmo, nós, como adultos e educadores, conscientes desse fato, podemos criar esse novo indivíduo, com uma nova mente, sem repetir nossos velhos vícios, medos e amarguras. Ou podemos simplesmente, ignorar o fato, e apenas repetir a mesma e antiga mentalidade, com suas deformações e incoerências; repetir o mesmo padrão de violência e insensatez que conhecemos bem, enfim, repetir o mesmo “pensamento” que já criou o atual modelo de mundo onde vivemos. Para criarmos na criança nova, uma nova mentalidade, primeiro não temos que ter em nós mesmos essa nova mente?


149


Economia

Número de milionários em Mato Grosso sobe 39%. No ranking nacional de 2011 o Estado é o 12°.

150

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

M

ato Grosso, estado conhecido pela pujança agropecuária, também passa a ser referência como um estado de milionários. Segundo levantamento divulgado ontem pelo portal Exame existem no Estado 1.435 milionários, ou seja, pessoas com patrimônio de US$ R$ 1 milhão ou mais. Os dados foram elaborados por meio de informações do Haliwell Bank. Esses números mostram que o Estado é o quarto que mais ampliou o número de milionários entre 2003 a 2010. Neste período, Mato Grosso ampliou em 39% o número de milionários. No ranking nacional de 2011, o Estado é o 12° e São Paulo é o campeão com mais de 63 mil pessoas. Entre os estados que mais cresceram, o pódium é liderado pelo Rio Grande do Norte com expansão de 55% em oito anos, seguido do Tocantins (46%), Mato Grosso do Sul (41%) e Mato Grosso (39%). Considerando apenas a região Centro-Oeste, Mato Grosso concentra o terceiro maior volume de milionários (1.435), mas o Distrito Federal é o líder com 2.800 milionários, seguido de Goiás com 2.233. Mato Grosso do Sul tem 1.211. Os números apenas confirmam outros dados oficiais que mostram a dinâmica da economia estadual, movida pela soja, pelo algodão, pelo milho segunda safra e pelo rebanho bovino, atividades que o Estado lidera a produção nacional. Os recursos primários que começam a ganhar traços de industrialização fazem com que o Estado – que assim como o país enfrentou crises, como a 2008 eclodida nos Estados Unidos – consiga manter a média de crescer acima do Produto Interno nacional (PIB). Conforme o último dado do IBGE, PIB 2009, o Brasil retraiu 0,3% e o Estado avançou 2,4%. Na série de sete anos, o Estado acumula crescimento de 50,4%, o segundo maior do Brasil, atrás apenas de Tocantins com 52,6% e o Brasil acumula alta de 27,5% e mais uma vez, Mato Grosso supera quase em duas vezes esse percentual. O PIB mato-grossense, avaliado em R$ 57,29 bilhões em 2009, tem 60% do seu valor gerado em apenas doze municípios, locais onde a economia superou a cifra de

R$ 1,1 bilhão. Desses doze, nove são essencialmente agropecuários (Sorriso, Campo Verde, Campo Novo do Parecis, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Primavera do Leste, Sapezal, Sinop e Tangará da Serra), um é agroindustrial (Rondonópolis) e dois de economia mais diversificada (Cuiabá e Várzea Grande). Todos eles registraram em 2009 PIB de R$ 32,02 bilhões, cifras que equivalem a 60% dos R$ 57,29 bilhões do Estado. As três maiores economias do Estado são: Cuiabá, com PIB de R$ 9,81 bilhões, seguido de Rondonópolis com R$ 4,86 bilhões e de Várzea Grande, R$ 3 bilhões. No ranking nacional dos maiores PIBs do agronegócio, composto por 15 municípios, Mato Grosso tem oito representantes. Sorriso, com a maior economia agrícola do Estado e 3° no país, soma R$ 647 milhões, Sapezal (2° MT e 4° Brasil) R$ 636,8 milhões, Campo Verde (3° MT e 6° Brasil) R$ 541,3 milhões, Diamantino (4° MT e 9° Brasil) R$ 480,3 milhões, Primavera do Leste (5° MT e 10° Brasil), Campo Novo do Parecis (6° MT e 12° Brasil) R$ 468,5 milhões, Nova Mutum (7° MT e 13° Brasil) R$ 464,3 milhões e Lucas do Rio Verde (8° MT e 15° Brasil) R$ 373,9 milhões. Em outro importante indicador, o PIB per capta – a riqueza total dividida pelo número de habitantes – mostra que no ranking nacional das maiores rendas per capita de 100 municípios, Mato Grosso participa com 15 e todos têm a economia atrelada ao campo. Campos de Júlio, com população de pouco mais de 5,22 mil pessoas, tem a maior per capita do Estado, R$ 119,56 mil e a 8ª maior do Brasil. O LUXO - E é esse cenário que vai dando suporte aos milionários mato-grossenses, a maior parte deles, ou mais que a maioria, fez a sua fortuna no campo. Com uma quantidade tão representativa de milionários, outros ricos começam a investir no mercado de luxo. Esse dinheiro, que para alguns é algo inimaginável, é responsável pela chegada recente de grandes marcas do mercado de luxo, como por exemplo no segmento de veículos como a BMW, Land Rover entre outros em diversos segmentos. O mercado da exclusividade encontra tanto suporte em Mato Grosso, que segundo publicação da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Mato Grosso (Fecomércio), este nicho do consumo já corresponde a cerca de 15% do total do varejo estadual. FORBES - O Brasil ganha cerca de 19 milionários por dia desde 2007, segundo artigo publicado no site da revista Forbes, que realiza anualmente o mais famoso ranking das pessoas mais ricas do mundo. De acordo com a revista, o Brasil tem atualmente aproximadamente 137 mil milionários (em moeda local, o que corresponde a uma riqueza de US$ 540 mil).

Fonte e fotos: O Documento / Diário/ noticiadahora.com.br


Decorações e interiores, móveis contemporâneos e modernos. Qualidade e bom gosto fazendo a diferença no seu ambiente.

a arte de transformar. 151 Imagens meramente ilustrativas.

Av. L i o n s I n t e r n a c i o n a l , 3 1 Rondonópolis / MT (66) 3422-7613


Esporte

Cuiabá sediará quatro jogos na primeira fase da Copa de 2014. Cronograma da Seleção Brasileira no primeiro semestre: cinco jogos, todos fora de casa. Fonte e fotos: noticianahora.com.br

S

egundo o calendário apresentado pela Fifa em Zurique, a Seleção Brasileira atuará em São Paulo, Brasília e Fortaleza, nesta ordem, nos três jogos brasileiros na primeira fase da Copa do Mundo de 2014. Para jogar no Rio de Janeiro, o Brasil deverá avançar até a decisão do torneio. O cruzamento do calendário indica o caminho da Seleção Brasileira caso seja primeira colocada de seu grupo e avance até o sétimo jogo: Belo Horizonte nas oitavas, Fortaleza nas quartas de final, novamente Belo Horizonte na semifinal e, enfim, a decisão no Maracanã. Brasília será o palco do confronto de terceiro lugar. Caso o Brasil seja segundo colocado de seu grupo, o caminho é bastante diferente: Fortaleza passa a ser o palco do duelo de oitavas de final e Salvador, ainda no Nordeste, receberia a Seleção nas quartas. São Paulo, neste caso, seria a sede do confronto semifinal. Naturalmente, o Maracanã também é palco da final e, Brasília, do confronto de terceiro lugar. A Fifa, que assegura que cada cidade sede receberá ao menos uma cabeça de chave, também divulgou o palco de todos os duelos de mata-mata. As oitavas de final serão em: Belo Horizonte (28/06), Rio de Janeiro (28/06), Fortaleza (29/06), Recife (29/06), Brasília (30/06), Porto Alegre (30/06) e Salvador (01/07) e São Paulo (01/07). As quartas de final serão em: Fortaleza (04/07), Rio de Janeiro (04/07), Brasília (05/07) e Salvador (05/07). Já as semifinais em Belo Horizonte (08/07) e São Paulo (09/07), a decisão de terceiro lugar em Brasília (12/07) e a final no Maracanã (13/07). Cuiabá, Curitiba, Manaus e Natal são as cidades com menor participação no Mundial, já que não terão jogos no mata-mata. Cada uma abrigará quatro partidas da primeira fase na Copa 2014.

152

Jogos em Cuiabá: 13/06/2014 / Sexta-Feira / Grupo B = B3 x B4 17/06/2014 / Terça-Feira / Grupo H = H3 x H4 21/06/2014 / Sábado / Grupo F = F2 x F4 24/06/2014 / Terça-Feira / Grupo C = C1 x C4

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

A

Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou em sua página oficial, o calendário de jogos da seleção no primeiro semestre deste ano. Foram agendados cinco amistosos, contra Bósnia Herzegovina, Dinamarca, Estados Unidos, México e Argentina. Vale lembrar que o Brasil não disputará competição oficial no período. Todos os confrontos serão fora do país, sendo dois na Europa e três nos Estados Unidos. A equipe entrará em campo pela primeira vez no dia 28 de fevereiro, na Suíça, contra a Bósnia Herzegovina. O adversário seguinte será a Dinamarca, em 26 de maio, e o confronto será em Hamburgo, na Alemanha. O Brasil medirá forças contra os Estados Unidos no dia 30 ou 31 de maio, em Boston ou Washington. Ainda em solo norte-americano, a seleção jogará contra o México, em Dallas, no dia três de junho e terá o clássico contra a Argentina, em Nova Jersey, em nove de junho. Esse confronto não será pelo Superclássico das Américas, já que pelas regras do torneio as seleções devem atuar em seu próprio território. Calendário: 28 de fevereiro, na Suíça, contra a Bósnia Herzegovina. 26 de maio, em Hamburgo, na Alemanha, contra a Dinamarca. 30 ou 31 de maio, em Boston ou Washington, contra os Estados Unidos. 03 de junho, em Dallas, nos EUA, contra o México. 09 de junho, em New Jersey, nos EUA, contra a Argentina. Fonte e fotos: copa2014.gov.br


aquarionatacao.com.br

erapia Hidrot pia ra ar Fisiote pia Domicili ra Fisiote 9 22-859

Hidroginástica Musculação Natação Atendimento Vip Resultados Comprovados

/ 34 3 2 2 8 18 (66) 81

153

(66) 3422-8599 Ruberval S. Volpe

CREF 000864-G/MT Prof. Educação Física

Eloisa Paula Fortes CREFITO /90345 - F Fisioterapeuta

Rua Domingos de Lima, 1.120 Vila Aurora pte III - Rondonópolis-MT


Agricultura

Mais opções de qualidade e rentabilidade ao produtor.

D

e 31 de janeiro a 10 de março o Programa Soja é Livre realizou a 3ª temporada de dias de campo nas Unidades Demonstrativas do Programa (UD´s), instaladas nas principais regiões produtoras do estado. Os dias de campo têm por objetivo avaliar novas cultivares de soja desenvolvidas pela Embrapa e oferecer mais opções de qualidade e rentabilidade ao produtor. O Soja Livre ofereceu 18 cultivares de soja convencional e nestes dias de campo foram apresentados seis, sendo três de ciclo precoce e três do ciclo médio. Entre as opções para ciclo precoce estão: BRSMG 752S, que é uma cultivar moderadamente resistente ao nematoide de galha e possui boa tolerância a chuvas durante a colheita; BRSMG 810C cultivar resistente ao nematoide de cisto com boa tolerância ao Pratylenchus brachiurus; BRS 217 (Flora) possui excelente potencial produtivo e é de grande adaptabilidade e estabilidade. Todas essas cultivares garantem safrinha de milho e algodão. Já as de ciclo médio são: BRS Jiripoca, cultivar resistente ao nematoide de cisto de raça um e três, moderadamente resistente as raças cinco, seis, nove e 14 e possui boa tolerância a chuvas na colheita; BRSGO 8660 resistente ao nematoide de cisto e apresenta bom potencial produtivo; BRSGO Chapadões, resistente as principais raças de nematoides de cisto, possui bom desempenho em áreas com Pratylenchus e nematoide de galha.

154

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

O Soja Livre iniciou em setembro de 2010 por conta da crescente dificuldade dos produtores em obter sementes não transgênicas. O programa é uma parceria da Aprosoja, Associação Brasileira de Produtores de Grãos Não Geneticamente Modificados (Abrange), Embrapa, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e Governo Federal. O primeiro município que recebeu os dias de campo do Soja Livre é Campo de Júlio, no dia 31 da janeiro, na fazenda Sebben. Confira abaixo a programação completa: Dia 02/02 – Sapezal: fazenda Nossa Senhora Aparecida Dia 07/02 – Campo Novo dos Parecis: fazenda Cristina Dia 09/02 – Sinop: fazenda Vale do Verde Dia 11/02 – Sorriso: fazenda Itachin Dia 14/02 – Piranga do Norte: fazenda São Vitor Dia 16/02 – Lucas do Rio Verde: Fundação Rio Verde Dia 18/02 – Nova Mutum: fazenda Mutum Dia 23/02 – Diamantino: fazenda Soybem Dia 25/02 – Deciolândia: fazenda Agrodinâmica Dia 06/03 – Querência: fazenda Agro Delta Dia 08/03 – Canarana: fazenda Andréia Dia 10/03 – Nova Xavantina: fazenda Monte Alegre Fonte e fotos:Ascom Aprosoja/Portal Agrícola MT.


Imagens meramente ilustrativas.

Conforto e praticidade mais próximos de você.

155 Vendas e Instalação de Ar Condicionado Split.

(66) 3423-3121 - Rua Rio Branco 2173 Jardim Monte Líbano - Rondonópolis - MT


Pecuária

Senepol: Raça forte da cabeça aos pés.

S

empre em busca da excelência e da qualidade, a Fazenda Água Limpa dedica-se com muita raça ao melhoramento genético, seleção e reprodução do gado Senepol, oferecendo aos seus clientes um negócio seguro e lucrativo. Com foco na criação de gado de elite, a Fazenda Água Limpa investe na raça Senepol em função de suas principais características: habilidade de sobreviver às difíceis condições climáticas e nutricionais, tolerância ao calor, baixo custo de manejo, resistência às doenças, precocidade sexual, desmama mais pesada. Além, é claro, dos excelentes resultados em cruzamentos, confinamentos e maciez da carne. A Fazenda Água Limpa promove ações que valorizam e engrandecem a raça Senepol através do uso de tecnologia de ponta, melhoramento genético e profissionais altamente especializados, reafirmando sua posição de excelência em qualidade, sempre focada nos interesses econômicos de seus clientes. Resistência a doenças e insetos: Pesquisas da USDA indicam que o Senepol tem grande imunidade a doenças quando comparado com outras raças de bovinos de corte. Amostras de contagens de carrapatos demonstraram menor infestação no Senepol que em qualquer outra raça de corte, mesmo quando comparados com o

Brahman e Santa Gertrudes. Doenças como câncer e olhos avermelhados nunca foram encontradas no Senepol. Estudos e pesquisas de contagem de mosca do chifre detectaram que Angus puros tiveram 82% de infestação na contagem de moscas enquanto animais Senepol cruzados com Angus obtiveram contagem de 18% de infestação. Este estudo também determinou que o nível de stress em cruzamentos com Senepol foi menor, resultando em melhor aptidão para produção de leite para amamentar o bezerro. Isto é graças a influência do N´Dama no Senepol, assim como também à contribuição da herança de resistência a parasitas e insetos. Esta característica de resistência foi mantida na seleção da raça Senepol em Saint Croix. Tolerância ao calor: Pesquisadores do USDA detectaram temperaturas corporais mais baixas mantidas pelos animais Senepol comparadas com o Brahman, Angus e Hereford, durante o pastoreio nos meses de verão na Flórida. O mesmo estudo revela que bezerros F1 (Senepol em vacas Hereford ou Hereford em vacas Senepol) mantêm as temperaturas retais quase idênticas ao Senepol Puro. Facilidade de parto e vigor dos bezerros: Uma grande vantagem que o Senepol oferece é o vigor dos bezerros. Criadores em todas as partes têm aumentado o número

de animais sobreviventes ao parto, o bezerro se levanta e começa a mamar rapidamente. Os pesos de nascimentos do ano de 2003 mostraram uma media de 35 kg ao nascimento para os machos e uma media de 33 kg para as fêmeas. Com uma conformação fina ao nascimento, a raça Senepol pode se considerar uma das tops para facilidade de parto. Eficiência maternal: Vacas Senepol possuem um tamanho moderado, com uma excelente conversão alimentar. Vacas adultas têm uma média de peso de aproximadamente 454 a 545 kilos, e consistentemente desmama um bezerro com 50% ou mais que seu peso corporal e mantendo um intervalo entre parto bastante eficiente. Longevidade: Todos os criadores quando visitam Saint Croix pela primeira vez ficam impressionados com o número de vacas ao redor dos 15 a 20 anos de idade e ainda em produção. Das características frequentemente tomadas em conta, talvez nenhuma e mais significativa para medir a rentabilidade de uma operação comercial de vacas de cria como a característica da longevidade das matrizes. Fazenda Água Limpa Itiquira – MT Fazenda Pimenteira Santo Antônio do Leverger – MT

156

Fazenda Cachoeira do Norte Paranatinga – MT Escritório Rua Afonso Pena, 938, Centro Rondonópolis, MT, Brasil CEP: 78700-070 Fone/fax: +55 66 3421.4220 www.senepol.com.br

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18


157


Náutica

Luxo no mar

Pilar Rossi, iate de Nelson Piquet, com 100 pés e valor aproximado de R$ 12 milhões.

I

ates de luxo são verdadeiras casas em alto mar. Alguns medindo mais de 80 pés (24 metros), são considerados megaiates e chegam a ter cinco suítes e são decorados com muito requinte para oferecer todo o conforto a seus ocupantes. Podem ser equipados com televisores de plasma e home theaters, de acordo com o desejo do comprador. Em todo o mundo, são fabricados cerca de 1.000 iates de luxo por ano, com preços que chegam a ultrapassar facilmente R$ 10 milhões e levam de oito a dez meses para ser construídos. No restrito mercado de vendas de iates de luxo, o Brasil representa aproximadamente 1,5% do consumo mundial. A Itália é maior produtora de iates de luxo do mundo, com 260 unidades, em segundo lugar estão os Estados Unidos, com 85. Holanda, Reino Unido e Alemanha ocupam terceiro, quarto e quinto lugares, respectivamente. Para se considerar um iate como sendo de luxo, normalmente, existe uma referência de preço. Dificilmente um iate de luxo custa menos do que R$ 1 milhão.O iate italiano Azimut de 47 pés (cerca de 15 metros) custa R$ 3 milhões no Brasil e o iate da Sea Ray de 35 péss (11 metros) chega no País por R$ 1,1 milhão.

Nem lancha, nem jet ski: o jet boat é a sensação do verão.

J

et boat é uma interessante mistura de lancha com jet ski. Ele tem o casco de uma e a forma de propulsão do outro, com jatos de água no lugar dos tradicionais hélices. Uma embarcação híbrida, com o melhor dos dois tipos. Sua principal característica é a propulsão hidrojato, mesmo princípio do jet ski, e um sistema parecido com o das turbinas dos aviões – só que com água no lugar do ar. A água é captada no fundo do barco, sugada, comprimida num tubo e injetada para trás, por uma espécie de bomba (ou, no caso, um rotor). Ou seja, é um barco impulsionado por um hidropropulsor (“turbina”).

158

Este é o principal atrativo dos jet boats: a simplicidade de funcionamento, bem como a sua segurança, já que não há hélice exposta. Outra diferença entre os jet e as lanchas, costumo dizer, é que lanchas são feitas para serem dirigidas (na maioria das situações, o barco segue um rumo previamente definido pelo condutor). Já os jet skis são pilotados, com alteração na direção e velocidade a todo momento. No caso do Jet Waves Boat, a diferença é que este é impulsionado por um jet ski atracado inteiro ao conjunto. Portanto, ele é conduzido exatamente como um jet. Fonte e fotos: náutica.com.br

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

Fonte e fotos: portaldoluxo.com.br

Brasil representa 1,5% do crescente mercado de iates de luxo no mundo, onde anualmente são vendidos 1000 unidades.


159


Aviação

Voar de jatinho: uma questão de luxo e também de negócio. Jato Gulfstream G550.

O

empresário Eike Batista é figura tarimbada na aviação executiva. Possui seis aeronaves: um Phenom 300, um Legacy 600, um Gulfstream G550, um Citation 7 e dois helicópteros. No entanto, ao contrário do que muitos pensam, o setor dos voos privados vai além do que está reservado a bilionários como Eike. Tais aviões, alguns luxuosos e outros bem desconfortáveis, são cada vez mais utilizados por empresários e algumas pessoas comuns. Na esteira do desenvolvimento econômico brasileiro, serviços de fretamento e táxi aéreo deixaram de ser exclusividade dos detentores de fortunas e hoje refletem os avanços das empresas que se espalham pelo interior e da própria moeda. Mercado maduro: O Brasil é atualmente o segundo maior mercado de aviação executiva, atrás apenas dos Estados Unidos. Suas 12.300 aeronaves circulam pelo território nacional movimentando uma parcela da população que prefere deixar aos outros a opção de pegar um avião comercial. O país possui cerca de 4.000 aeroportos e aeródromos públicos e privados – sendo que apenas 700 têm pista pavimentada. Deste número, 128 são atendidos por voos comerciais, segundo levantamento da Associação Brasileira de Aviação Geral (Abag). Essa estatística demonstra que a aviação comercial, mesmo crescendo 10% ao ano, o que, aliado ao descaso do investimento público, já lhe rende sérios gargalos, ainda chega a poucos destinos. Esse vácuo tem sido suprido, em parte, por voos privados. “O desenvolvimento de mercados no interior do país exige que as empresas se

160

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Março | 2012 | Ano VI | nº 18

voltem a estados que ainda não possuem abundância de rotas comerciais. Disso depende a sobrevivência delas , e por isso elas precisam da aviação executiva. A nova classe rica: Hoje, não é somente a precariedade da aviação comercial e o dinamismo das empresas brasileiras que impulsionam o setor. O aumento da renda dos brasileiros é outro fator a explicar o crescimento anual de 7% da aviação executiva. De acordo com a Fundação Getúlio Vargas

(FGV), cerca de oito milhões de pessoas migraram para as classes AB na última década. Esse aumento se projeta no mercado de voos privados de várias maneiras. Primeiramente, a nova classe A, turbinada por milhares de milionários recém-chegados, anseia por serviços de luxo e status, como voar em primeira classe, fretar ou comprar jatinhos. Em segundo lugar, a ascensão da classe C provocou uma expansão substancial no fluxo de passageiros dos voos regulares que se utilizam de aeroportos com péssima infraestrutura. Somente no ano passado, o movimento cresceu 23%.

Assim, para evitar atrasos, cancelamentos, overbooking e chateação, os passageiros com alta renda escolhem a aviação executiva. Custo elevado – Apesar do avanço desse tipo de serviço no país, ele está longe de ser acessível a qualquer cidadão. Uma viagem de ida e volta entre São Paulo e Rio de Janeiro, em uma aeronave de cinco lugares, custa em torno de 11.000 reais. O valor chega a ser dez vezes maior do que o cobrado para o mesmo trecho por uma companhia aérea convencional numa tarifa sem descontos. Nos Estados Unidos, uma viagem semelhante pode custar o equivalente a 3.600 reais. Os preços na aviação executiva são, de fato, elevados se comparados aos de voos comuns. No entanto, se o futuro de uma empresa ou de um negócio depende da rapidez da viagem, correr o risco de aguardar horas em uma sala de embarque de um grande aeroporto pode acarretar prejuízo tamanho que vale a pena pagar pelo serviço. Empresários representam 90% do público que circula em aviões privados pelo território brasileiro e são os maiores responsáveis pelo crescimento desse setor. Os 10% que restam fazem parte do público que todos imaginam flutuar pelos ares em aeronaves confortáveis, como Eike e outros grandes executivos; cantores famosos como Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Victor e Léo, Luan Santana; e o apresentador Luciano Huck. A presidente Dilma Rousseff também integra o seleto clube, com seu “exuberante” Lineage 1000, da Embraer, que conta com suíte presidencial, quatro salas, três lavatórios e etc. Fonte e fotos: veja.abril.com.br


161


A revista da sociedade matogrossense.

162

Revista Gold

|

Janeiro, Fevereiro, Marรงo | 2012 | Ano VI | nยบ 18


18ª Edição Revista Gold