Issuu on Google+

ANO IIl - EDIÇÃO 10 - MARÇO | ABRIL | MAIO 2010

Logística é desafio na Campinas do futuro A tendência são os condomínios que valorizam a flexibilidade

Finanças e investimento Mercado imobiliário atrai investidores

Nota fiscal eletrônica Campinas é a mais nova cidade a implantar sistema


Editorial

Indice

Prezado Leitor, A Revista Corporativa chega com este número à sua décima edição. O simbolismo do número 10 faz com que celebremos esta edição de forma especial, pois representa para a Revista Corporativa a superação de ter vencido o ciclo numérico e o início de um novo ciclo. Assim, como você leitor poderá verificar, nesta edição inovamos em vários sentidos: mudamos o papel da revista; aumentamos o número de páginas; trocamos de editoria; realinhamos o foco em negócios; entre outros temas que serão verificados por você leitor nas páginas seguintes. Aproveitamos a ocasião para dizer o quanto você, leitor, é peça fundamental para o nosso sucesso, assim como todas as empresas parceiras que já apostaram e apostam no sucesso da publicação. Esperamos, já nas próximas páginas, fazer parte da rotina de leitura de todos que buscam a excelência em sua atividade profissional. Queremos a médio prazo ser uma importante ferramenta de geração de negócios entre empresas. Logo nas primeiras páginas criamos um espaço de entrevistas com personalidades que tem know how e se destaca na área em que atua. Com a proximidade da Copa do Mundo, escolhemos o jogador brasileiro naturalizado português Deco, atualmente no Chelsea da Inglaterra e jogador da seleção de Portugal, para ser nosso primeiro personagem em destaque. Já a nossa reportagem de capa é sobre logística. A Revista Corporativa ouviu a opinião de especialistas que mostram Campinas como uma cidade extremamente promissora e competitiva neste aspecto dentro do cenário mundial. Na nossa coluna de Ação Social, em destaque está o Centro Corsini, que está ampliando as suas instalações para melhor atender à sociedade e precisa da colaboração de todos. Há também uma reportagem sobre a implantação da nota fiscal eletrônica e suas implicações nas rotinas das empresas. Por fim, reservamos duas matérias para o deleite final dos leitores: o universo retrô, para os saudosistas e uma dica de viagem para quem quer fugir do estresse. Não deixem de participar! Sugestões e críticas podem ser feitas através do e-mail revistacorporativa@ini2.com.br Desejamos a todos uma boa leitura! Carlos F. Corsini - INI2 Implantações Imobiliárias.

Expediente

4

Entrevista Dos gramados para a mesa de trabalho

8

Especial A Campinas do futuro depende de aprofundamento logístico

14

Artigo Jurídico Empresas de logística: a bola da vez

16

Ação Social Ajuda necessária

18

Mundo Digital Nota fiscal agora é eletrônica

06

Novos Negócios A eficiência do gerenciamento de projetos e obras

22

Recursos Humanos Qualificar é preciso

24

Finanças Mercado imobiliário na mira dos investidores

26

Comportamento Na crista da onda retrô

30

Turismo Perto Aventura até para quem não se arrisca

Revista Corporativa é uma publicação da INI2 Implantações Imobiliárias Ltda.

Rua Dr. Sylvio de Moraes Sales, 95 Cambuí, Campinas CEP 13025-160 - Fone: (19) 3251.2388 www.ini2.com.br - revistacorporativa@ini2.com.br Conselho Editorial: Augusto Manarini, Beatriz Marra, Carlos F. Corsini, Denis Piassa, Guilherme Gomes, Hélio Bazílio e Henrique Cicchetto. Projeto editorial: newslink comunicação Jornalista Responsável: Élcio Ramos, Mtb: 27.784.

Reportagens: Lívia Mota, Carolina Pimentel, Raquel Mattos e Janaína Nascimento. Projeto Gráfico: Charles de Souza Leite. Fotos: Celso de Menezes. Capa e especial: Campinas Visitors Bureau.Entrevista Deco: Lana Torres. Comercial: Talita Mollar (newslink comunicação). Fone (19) 3579.2233 www.newslink.com.br - contato@newslink.com.br

Corporativa | 3


Entrevista

Dos gramados para a mesa de trabalho P O R R AQ U E L M AT TO S

O que o esporte pode ensinar ao mundo corporativo? Deco, jogador de futebol de carreira internacional, diz que dedicação, competição e determinação são algumas das lições

4 | Corporativa

A

tleta e empresário. O meia Anderson Luis de Souza, o Deco, tem uma bela carreira no futebol internacional e também investe em algumas áreas no mercado brasileiro e europeu. O camisa 20 do Chelsea de 32 anos diz que planeja sua carreira e compara as dificuldades e desafios dos profissionais do esporte às outras áreas, seja ela qual for. Diz que gostar do que se faz, dedicação e determinação são “lições” que o esporte pode dar aos profissionais que almejam sucesso em suas carreiras. Em Indaiatuba, Deco mantém o Instituto Deco 20, uma entidade sem fins lucrativos, que atende cerca de 300 crianças de 5 a 15 anos em alto grau de vulnerabilidade social, oferecendo-lhes a oportunidade de descobrir seus talentos. É sócio também de uma

escola particular na cidade, com infraestrutura e proposta pedagógica de excelência, que iniciou suas aulas com sucesso no início desse ano. E conta que possui negócios em outros mercados também. Portanto, Deco é um empresário que traz os aprendizados da carreira esportiva para o mundo empresarial. E tem tido sucesso. Pelo telefone, de sua casa na Inglaterra, Deco – muito sério e concentrado - conversou com a Corporativa. Falou sobre os investimentos no Brasil, no exterior, sobre o que pretende fazer quando pendurar as chuteiras e como vai trabalhar o emocional na Copa do Mundo, quando jogará contra o Brasil pela seleção de Portugal logo na primeira fase. Conheça então, alguns segredos do profissional com alto desempenho na carreira tanto de atleta como de empresário.


Gerenciar uma carreira de atleta de sucesso é como gerenciar qualquer outra carreira ou há algumas estratégias específicas? Não dá para afirmar que uma carreira de atleta é como outra carreira. O atleta profissional planeja sua carreira dependendo do contrato que consegue, do salário que esse contrato estabelece. E ainda planeja em função dos anos que tem por jogar, e sempre tem que contar com fatores como lesões por exemplo. Talvez no caso do executivo ele saiba que tem a vida profissional toda para exercer aquilo que ele estudou e se preparou. O tempo de vida de um jogador de futebol, assim como da maioria dos atletas, é curto. E isso faz com que o planejamento se torne um pouco mais difícil. Mas tenho certeza que quem consegue planejar tem mais sucesso. Enquanto atleta com uma carreira de sucesso internacional, o que você acredita que pode ensinar a outros profissionais? Que tipo de dica poderia dar àqueles que querem ter uma carreira sólida, qualquer que seja a área? A garantia de sucesso em qualquer carreira profissional é fazer o que gosta. Fazer o que se sabe fazer de melhor, gostando muito do que se faz. Trabalhar apenas pelo retorno financeiro não faz alguém ser bem sucedido. Acredito muito nisso. Quem gosta do que faz, faz com mais vontade, e esse é o primeiro ponto. Ter muita dedicação e não ter medo de abdicar de coisas para se chegar aonde se quer. Finalmente, estabelecer metas e saber aonde se quer chegar.

Executivos se deparam diariamente com a necessidade de determinação, perseverança e insistência para conseguir fechar negócios e se manter no mercado. Tudo isso também é muito comum no mundo esportivo. O esporte, então, pode ensinar ao mundo corporativo? Ah, sim! E mais ainda no futebol. Acho que nenhuma profissão as coisas acontecem tão rápido como no futebol. Sucesso e fracasso estão sempre lado a lado. Um dia você está no auge, dizem

que seu desempenho é fenomenal. Na semana seguinte está sendo criticado. Então, no futebol a necessidade de se ter garra e estar sempre se superando pode servir de lição. Todo dia é preciso provar seu valor. Não dá para relaxar. O esporte ensina isso mesmo. E todo mundo tem que conviver com isso, não tem como fugir. Você, hoje, tem 32 anos e poderia estar trabalhando de terno e gravata, em frente a uma mesa e computador, com todas as características do cotidiano

Corporativa | 5


Entrevista empresarial. Por mais que sua rotina seja diferente, calçando chuteiras e jogando bola, você diria que passa pelas mesmas dificuldades na carreira que passam os engravatados? Acho que sim. Passo por conflitos similares: a competição é diária. Tenho que me manter bem fisicamente, tenho que me impor dentro do time. Sei que tem muita gente boa e tenho que manter o meu lugar. Só meu local de trabalho é diferente. Você acha que podemos comparar a perda de um título importante ou de um gol praticamente feito com um negócio que não se concretiza ou com a perda de uma venda importante? A sensação, você diria, é praticamente a mesma? Ah, nesse caso acho que não! Uma venda que não foi feita hoje pode ainda ser feita em outra ocasião, quem sabe no dia seguinte, depois de uma negociação. Já o momento do gol não volta mais.

Você manifestou vontade de voltar ao Brasil após a Copa. Mas já tem algum tempo que você investe no Brasil. Mantém o Instituto Deco 20 e, no ano passado, tornou-se sócio de um dos colégios particulares de maior infraestrutura e ensino de excelência de Indaiatuba. Após “pendurar as chuteiras” você pretende mergulhar no mundo empresarial? Gosto de ser empresário! E com relação ao projeto social, isso me fascina, me dá um enorme prazer. Quero estar bem perto do Instituto quando parar de jogar. E quero poder gerir minha vida e meus negócios. Penso em fazer um curso de gestão quando encerrar minha carreira de jogador. Tenho me programado para o futuro. Ao mesmo tempo em que cuido da minha carreira de atleta, fui aprendendo algumas coisas e tendo experiências para poder investir em alguns negócios. Essa sua característica focada no empreendedorismo e na di-

versificação já te acompanha desde que começou na carreira esportiva? Ou durante a carreira você sentiu a necessidade de pensar no futuro? Sempre pensei e sempre soube que futebol acaba. Meus filhos (Deco tem cinco filhos) vão viver com o que conquistei. Fui me planejando conforme as coisas foram acontecendo e os investimentos foram se concretizando. Com relação à área de educação, vimos a possibilidade de criar uma escola diferente em Indaiatuba. Com método de ensino e infraestrutura diferenciados. Havia mercado para isso. E comprovamos isso com o número de alunos que conseguimos. Vi muitos jogadores que investiram errado. Vi alguns que foram até enganados. O futebol acaba, mas a vida não acaba. Por isso minha preocupação em investir certo. Pretende investir fora do Brasil também, nos locais onde já morou? Principalmente em Portugal? O Deco será também um empresário internacional? Já mantenho algumas coisas fora do Brasil. Quando parar de jogar vou ter meus negócios no Brasil, mas vou continuar ligado à Europa, principalmente a Portugal. Na Copa do Mundo que está prestes a começar você vai jogar contra o Brasil já na primeira fase. É possível manter o profissionalismo e trabalhar com as emoções?

Fachada de colégio em Indaiatuba: um dos investimentos do atleta

6 | Corporativa

Será, sem dúvida, uma situação especial. Vou estar ansioso. Sou brasileiro, mas também amo muito Portugal. Terei que trabalhar com isso e manter o profissionalismo.


Especial

A Campinas do futuro depende de aprofundamento logístico Desafio para o crescimento sustentável, a logística e a armazenagem são assuntos do momento e geram reflexões de que muitas das áreas disponíveis não são adequadas para operações de grande complexidade P O R CA R O L I N A P I M E N T E L

C

ampinas vive o seu melhor momento em décadas, tanto no campo econômico quanto no social. A metrópole nunca esteve tão preparada para receber novos investimentos. Além da cidade, seu entorno também oferece toda a infraestrutura necessária para operações globais e sua logística é uma das mais completas do País. Para o coordenador do Laboratório de Aprendizagem em Logística e Transportes (Lalt) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Orlando Fontes Lima Junior, o Brasil, hoje entre os quatro países emergentes conhecidos como Brics - Brasil, Rússia, Índia e China – é o que mais oferta promissora logística para instalações de novas empresas. E mais: a região de Campinas aparece no cenário mundial como alternativa para as empresas que necessitam de maior aptidão para operar globalmente. “Possuímos um potencial muito grande para o transporte de cargas e isso gera atividade econômica e coloca a RMC dentre os mais qualitativos índices socioeconômicos da América

8 | Corporativa

Latina. Para se ter uma ideia do que estamos falando, ela representa cerca de 10% do Produto Interno Bruto do Estado de São Paulo”, contextualiza. Para Lima Junior, que também é professor da Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo da Unicamp, a logística no setor de cargas é fundamental para a instalação das grandes plantas de empresas. “O aeroporto Internacional de Viracopos é uma porta para o mundo. Ele é o maior centro distribuidor cargueiro do País e também um dos alicerces que aumentam a competitividade corporativa da região. No futuro, tudo o que entrar no Brasil pelo ar vai ser por aqui. Nenhum outro aeroporto possui esse entorno tão bem estruturado”, define. De acordo com os dados da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), as exportações de cargas no primeiro bimestre de 2010 no aeroporto de Viracopos somaram 11.303 toneladas, com a elevação de 35,25 % sobre igual período do ano passado. Já as importações subiram 68,11% equivalentes a 21.246 toneladas de produtos.

Assim como a movimentação de cargas, o setor de passageiros teve alta significativa em relação ao ano passado. A Infraero registrou nos meses de janeiro e fevereiro 819.609 embarques e desembarques domésticos e internacionais, batendo recordes sucessivos. Se comparado com o mesmo período em 2009, a evolução foi de 222,98%. “Esse boom de passageiros já era esperando com a chegada de novas companhias aéreas que atendem a demanda da região. Nos próximos cinco anos teremos uma ampliação fantástica desse aeroporto e, com a construção da segunda pista, esse cenário só tem a melhorar”, afirma o presidente do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau, Luiz Antonio Guimarães. Para o futuro as perspectivas de Guimarães são ainda mais otimistas. “Viracopos será a porta de entrada da Copa do Mundo de 2014 e a nossa região, com sua cultura bastante diversificada, possui um receptivo bastante atraente não só para os turistas, mas também para quem vem trabalhar”, avalia Guimarães.


“A grandiosidade de de Campinas Campinas está está sendo sendo “A grandiosidade colocada à prova. prova. Para Para crescer crescer éé necessário necessário colocada à uma logística logística eficiente eficiente ee flexível” flexível” uma CarlosCorsini Corsini Carlos


Especial Especial

“Campinas “Campinasirá iráse se transformar transformarem emalgo algo semelhante semelhanteààum um Tigre TigreAsiático” Asiático” Lima LimaJúnior Júnior

Orlando OrlandoFontes FontesLima LimaJúnior, Júnior,dadaUnicamp Unicamp

10 10| Corporativa | Corporativa

A ARegião RegiãoMetropolitana MetropolitanadedeCamCampinas pinas(RMC) (RMC)é éformada formadapor por1919 municípios municípiospaulistas paulistase efoifoiinstituinstituída ídaem em2000. 2000.São Sãoaproximadaaproximadamente mentetrês trêsmilhões milhõesdedehabitantes habitantes que quemovimentam movimentamsua suaeconomia. economia. E E mais mais aportes aportes devem devem chegar chegar nos nospróximos próximosanos. anos.Somente Somenteem em Campinas, Campinas,o opotencial potencialdedeconsuconsumo modadapopulação populaçãocoloca colocaa acidacidadedenanaterceira terceiraposição posiçãododoranking ranking estadual estaduale e13º 13ºdodoBrasil, Brasil,segundo segundo dados dadosdodoÍndice ÍndicededePotencial Potencialdede Consumo Consumo(IPC) (IPC)dede2009, 2009,divulgadivulgadodopela pelaTarget TargetMarketing Marketinge ePesPesquisas quisasdedeS��o SãoPaulo. Paulo.Os Osmotivos motivos para paratanta tantaversatilidade versatilidadeem eminvesinvestimentos: timentos: infraestrutura, infraestrutura, localizalocalização çãoestratégica, estratégica,proximidade proximidadecom com centro centroindustrial industriale ecomercial comercialdede São SãoPaulo Pauloe eo ofácil fácilacesso acessoàsàsrorodovias. dovias.A ARMC RMCapresenta apresentaum umpapapel pelrelevante relevantenonodesenvolvimento desenvolvimento econômico econômico dodo Estado Estado dede São São Paulo. Paulo.Nada Nadamenos menosque que5050das das 500 500maiores maioresempresas empresasdodomundo mundo possuem possuemfiliais filiaisneste nesteimportante importante eixo eixo das das rodovias rodovias AnhangueraAnhangueraBandeirantes. Bandeirantes.A Aregião regiãoé éconheciconhecidadacomo comoum umpólo pólodedeexcelência excelência em empesquisa pesquisacientífica científicae etecnolótecnológica. gica.Suas Suasuniversidades universidadesestão estão

entre entreasasmelhores melhoresdodoBrasil, Brasil,o oque que reflete refletediretamente diretamentenanaoferta ofertadede uma umamão mãodedeobra obraaltamente altamentequaqualificada. lificada.Seus Seusíndices índicesdedesaneasaneamento mento básico, básico, pavimentação pavimentação e e energia energiaelétrica, elétrica,entre entreoutros, outros,esestão tãononomesmo mesmopatamar patamarque queososdede outras outrasgrandes grandesmetrópoles metrópolesmunmundiais. diais.A Alogística logísticaprivilegiada, privilegiada,que que além alémdas dasrodovias rodoviasmodernas modernase edodo aeroporto, aeroporto,conta contacom comuma umarede rede ferroviária ferroviáriaque quea aconecta conectacom como o porto portodedeSantos, Santos,o omais maisimporimportante tantedodocontinente, continente,torna tornaa aregião região uma umapotência potênciapara paraum umcrescimencrescimentotoglobal. global.“Nos “Nospróximos próximosanos anosasas maiores maioresfábricas fábricasdodomundo mundoestaestarão rãoinstaladas instaladasnanaregião regiãodedeCamCampinas pinasiráirásesetransformar transformarem emalgo algo semelhante semelhanteà àum umTigre TigreAsiático”, Asiático”, prevê prevê Lima Lima Júnior. Júnior. Outro Outro foco foco dedeatenção atençãodos dosinvestidores investidoresé éa a implantação implantaçãododoTrem TremdedeAlta AltaVeVelocidade locidade(TAV) (TAV)que queligará ligaráCampiCampinas, nas,São SãoPaulo Pauloe eRio RiodedeJaneiro. Janeiro. Será Seráum ummarco marcofundamental fundamentalpara para que quea aregião regiãocaminhe caminhelado ladoa alado lado com comduas duasdas dasmaiores maiorescidades cidades dodo País País e e colocará colocará Campinas Campinas nonomesmo mesmopatamar patamardas dasgrandes grandes cidades cidadesdodomundo, mundo,como comoNova Nova York, York,Tóquio TóquioououParis. Paris.


Mercado imobiliário aposta na flexibilidade

Mercado imobiliário aposta na flexibilidade

A área de armazenagem não e às suas expansões futuras. Uma A área de armazenagem não e às suas expansões futuras. Uma acompanhou a expansão pro- tendência no mercado são os conacompanhou a expansão pro- tendência no mercado são os congressiva da região de Campinas, domínios corporativos e logísticos, gressiva da região de Campinas, domínios corporativos e logísticos, que, segundo o professor Lima que ganham a preferência das que, segundo o professor Lima que ganham a preferência das pelo custo Júnior,Júnior, não possui áreasáreas adequanão possui adequa-empresas empresas pelo custovantajoso, vantajoso, segurança e pelas facilidades das para armazenamentos. “A que das para armazenamentos. “A segurança e pelas facilidadesque oferecem. “Para serem funcionais, área de armazenagem é cruel na área de armazenagem é cruel na oferecem. “Para serem funcionais, condomínios RMC. RMC. Atualmente, existem mui-mui-esses Atualmente, existem esses condomíniosdevem devemser ser tos espaços de armazenamento dentro dede umum conceito projetados dentro conceito tos espaços de armazenamentoprojetados ociosos na região, mas mas não estão o recorte dede sustentabiliociosos na região, não estãono qual no qual o recorte sustentabilidade estar muitoalinhaalinhanem na característica e nem temtem queque estar muito nem na característica e nem nos nosdade locais adequados para as operado com o recorte da operação locais adequados para as opera- do com o recorte da operação logística. Hoje, existemgrandes grandes ções logísticas. as empresaslogística. Hoje, existem ções logísticas. Hoje,Hoje, as empresas questões sustentabilidadeque que buscam por esse tipoespaço de espaçoquestões de de sustentabilidade buscam por esse tipo de esbarram diretamente na logística”, para sua instalação e é nesse tipo para sua instalação e é nesse tipo esbarram diretamente na logística”, afirma Lima Júnior. olhoneste neste de empreendimento estãoafirma Lima Júnior. DeDe olho de empreendimento que que estão as apostas do mercado imobiliá- mercado e utilizando referências já as apostas do mercado imobiliá- mercado e utilizando referências já rio”, explica. O setor tem buscado consolidadas nos EUA e Europa, rio”, explica. O setor tem buscado consolidadas nos EUA e Europa, soluções inovadoras para atender dois empreendimentos realizados empreendimentos soluções inovadorascrescentes para atender INI2 Implantaçõesrealizados Imobiliárias as demandas por es-doispela INI2parcerias Implantações Imobiliárias as demandas crescentesonde por as es-áreaspelacom da iniciativa privada paços empresariais parcerias da na iniciativa paçospossam empresariais ondeàs asnecessidaáreas comsão destaques região.privada Com um se adaptar destaques na um o possam adaptar às deregião. R$ 19 Com milhões, desseespecíficas denecessidacada ocupantesãoinvestimento des específicas de cada ocupante investimento de R$ 19 milhões, o

Carlos Corsini da INI2

Carlos Corsini da INI2


Especial Especial Condomínio CondomínioEmpresarial EmpresarialFlex FlexBuilBuildings dingslocalizado localizadonas nasmargens margens da da rodovia rodovia Campinas-Mogi Campinas-Mogi Mirim, Mirim, éé oo primeiro primeiro empreendimento empreendimento que que reúne reúneaaatratividade atratividade estética estética ee oo confortodos doscorporativos corporativoseeaaflexiflexiconforto bilidadeeebaixo baixocusto custodos doscondocondobilidade míniosde degalpões. galpões. Para Paraoodiretor diretor mínios daINI2, INI2,Carlos CarlosCorsini, Corsini,ooempreempreda endimentoééinovador inovadoreeirá irácolabocolaboendimento rarcom comoocrescimento crescimentoda daregião. região. rar FlexBuildings Buildingstraz trazao aomercado mercado “O“OFlex deCampinas Campinas ee região região um um novo novo de conceitoque quevai vaiao aoencontro encontrodas das conceito necessidadesdas dasempresas empresasque, que, necessidades decerta certaforma, forma,estão estão desatendidesatendide das pelo fato de não encontrarem das pelo fato de não encontrarem áreasflexíveis flexíveisde deuso usoeeocupação ocupação áreas e, com isso, acabam se instalando e, com isso, acabam se instalando emimóveis imóveisinadequados inadequadospor porfalta falta em deopção”, opção”, explica. explica. OO complexo complexo de de três edifícios verticais, divididos de três edifícios verticais, divididos em 12 módulos, que vão de840 840 em 12 módulos, que vão de 1.258metros metros quadrados, quadrados, com com a a1.258 pé direto de 10 metros e flexibilipé direto de 10 metros e flexibilidadede deuso usoeeocupação ocupaçãoatravés através dade a expansão do mezanino de acora expansão do mezanino de acordocom comaanecessidade necessidadedo docliente, cliente, do possui restaurante com capacipossui restaurante com capacidadepara para500 500almoços almoçospor pordia diaee dade estacionamentocom com272 272vagas. vagas.EE estacionamento ainda com um sistema de seguainda com um sistema de segu-

12 | Corporativa 12 | Corporativa

rança rançatotal, total,com comcâmeras, câmeras, alarmes alarmes eeportaria portaria24h. 24h. Entregue Entregue em em janeijaneiro, ro, oo empreendimento empreendimento está está apto apto para receber novas empresas. para receber novas empresas. Outra Outra aposta aposta de de empreendimento empreendimento corporativo da da INI2 INI2 Implantações Implantações corporativo Imobiliárias em em parceria parceria com com aa Imobiliárias GR|Properties, éé oo condomínio condomínio GR|Properties, fechado de de galpões galpões modulares modulares fechado GR|Campinas –– Centro Centro Industrial Industrial GR|Campinas Comercial ee Logístico. Logístico. Com Com previpreviComercial sãode deentrega entregapara paraooprimeiro primeiro sesesão mestrede de2011, 2011,ooempreendimenempreendimenmestre modular diferenciado diferenciado possui possui 16 16 totomodular módulos,que quepermite permiteaa ocupação ocupação módulos, flexívelde deáreas áreasde de1.496 1.496aa23.946 23.946 flexível m², com possibilidades de opem², com possibilidades de operações cross cross docking, docking, ou ou seja, seja, rações é ideal para instalação de indúsé ideal para instalação de indústrias leves, leves, empresas empresas de de logística, logística, trias distribuidoras ee transportadoras. transportadoras. distribuidoras Para Guilherme Rossi, diretor da da Para Guilherme Rossi, diretor GR|Properties, a principal vantaGR|Properties, a principal vantagemda dainstalação instalaçãode deuma uma empreempregem sa no empreendimento é o rateio sa no empreendimento é o rateio das despesas comuns. “O custo das despesas comuns. “O custo da segurança, segurança, que que nos nos dias dias hoje hoje da representa um um preço preço muito muito elevaelevarepresenta do, são divididos entre as compado, são divididos entre as companhiaseeainda, ainda,uma umaempresa empresadentro dentro nhias deum umcondomínio condomíniofechado fechado passa passa de ter um “endereço” forte e conheciter um “endereço” forte e conheci-

do, do, que que ajuda ajuda a alavancar os seus negócios”, negócios”, afirma. afirma. Um dos grandes diferenciais diferenciais do do GR|Campinas são os conceitos os conceitos de de sustentabilidade. Durante Durante aa fase fase de construção será feito oo controle controle da emissão de pofeito luentes ee de de sedimentos sedimentos e da efiluentes ciência energética, energética, com a redução ciência do consumo consumo de de água, através do do reaproveitamento de águas cinzas reaproveitamento (esgoto sanitário) sanitário) para irrigação (esgoto das áreas áreas verdes, verdes, entre outros. das “São conceitos conceitos que agregam va“São lor àà imagem imagem dos futuros inquililor nos e, e, ainda, ainda, geram geram uma redução nos dos custos operacionais”, dos custos operacionais”, explica Rossi. Com Com investimento investimento de R$ Rossi. 37 milhões, milhões, oo GR|Campinas GR|Campinas conta 37 com amplo estacionamento com amplo estacionamento para visitantes, condôminos condôminos ee carretas, carretas, visitantes, conceito também também muito muito forte forte nos nos conceito empreendimentos dos Estados empreendimentos dos Estados Unidos. “Detectamos “Detectamos na na região região Unidos. carência de de empreendimentos empreendimentos aa carência desse tipo e passamos buscar desse tipo e passamos aa buscar áreas para o desenvolvimento de áreas para o desenvolvimento de um centro logístico, nos mesmos um centro logístico, nos mesmos moldes do do que que está está sendo sendo consconsmoldes truído em Jundiaí, o GR|Jundiaí”, truído em Jundiaí, o GR|Jundiaí”, explica Rossi, Rossi, se se referindo referindo ao ao ememexplica preendimento que que será será entregue entregue preendimento em maio desse ano, em Jundiaí. em maio desse ano, em Jundiaí.

GR|Campinas GR|Campinas


Trip desembarca desembarca no noFlex FlexBuildings Buildings Trip Trip, maior maior empresa empresa de de transtransAA Trip, porte aéreo aéreo regional regional do do Brasil, Brasil, porte procurou aa versatilidade versatilidade do do Flex Flex procurou Buildings para alojar o escritório Buildings para alojar o escritório de sua sua nova nova sede sedeadministrativa. administrativa. de Para Evandro Evandro Braga Braga de de Oliveira, Oliveira, Para diretorde dequalidade qualidadeda daempresa, empresa, diretor foi fator fator determinante determinante na na escoescofoi lha aa localização localização estratégica estratégica eeaa lha visão dos dos empreendedores empreendedores ao ao visão adaptarum umespaço espaçoprevisto previstopara para adaptar armazenagem armazenagem para para utilização utilizaçãono no formato formato escritório. escritório.“A “AINI2 INI2conseconseguiu guiu agregar agregar um umexcelente excelentecusto custo benefício benefício ee versatilidade versatilidadefrente frente aos aos concorrentes concorrentes analisaanalisados”, completa. dos”, completa. SeSegundo gundooodiretor, diretor,aa

Flex Buildings Flex Buildings

expansãode deViracopos, Viracopos,quando quando expansão virar realidade, realidade, poderá poderá proporproporvirar cionarum umaumento aumentodos dosvoos voosda da cionar Trip na região, mesmo não sendo Trip na região, mesmo não sendo esteoomotivo motivoque quelevou levouaaexpanexpaneste são das dasinstalações instalaçõespara paraooFlex Flex são Buildings. Apesar Apesar de de ser ser uma uma Buildings. empresade deatuação atuaçãonacional, nacional,a a empresa Tripnasceu nasceuem emCampinas CampinaseemanmanTrip terána nacidade cidadeaasua suasede sedeadmiadmiterá nistrativa.AAempresa empresatem temexperiexperinistrativa. mentado mentadoum umintenso intensocrescimento, crescimento, até até mesmo mesmo acima acima das das próprias próprias expectativas, expectativas,ritmo ritmoque, que,segundo segundo Braga, Braga, será será mantido mantido nos nos próxipróximos mos anos. anos. “O “Oconceito conceitomodular modular do doFlex FlexBuildings Buildingspoderá poderános nosajuajudar dar acomodar acomodar as as necessidades necessidades de deampliação ampliaçãofutura”, futura”,analisa. analisa.

Corporativa | 13 Corporativa | 13


Artigo Jurídico

Empresas de logística: a bola da vez

C

om a inevitável expansão do aeroporto de Viracopos a ponto de tornar-se o maior aeroporto de movimentação de carga do País, inegável que as empresas especializadas em logística adquirirão, também, um inequívoco impulso e deverão, cada vez mais, buscar uma estruturação ideal. Essas empresas são verdadeiras “faz tudo”, pois colocam à disposição dos seus clientes desde mão de obra a equipamentos dos mais variados evitando, assim, que os tomadores dos seus serviços necessitem realizar vultosos investimentos e dediquemse, cada um, ao seu “core business”, certos de que encontrarão na empresa de logística tudo que necessitam para colocar o seu produto à disposição do merca-

do, a tempo e hora. Com estrutura complexa, a empresa de logística requer do profissional do direito que prestar-lhe assessoria jurídica profundo conhecimento do Direito das Obrigações, pois terá que elaborar ou examinar um sem número de contratos das mais variadas espécies. Além de dominar referido segmento do direito, referido consultor deverá ser um autêntico generalista com conhecimento pleno das demais áreas que integram o chamado Direito Empresarial. Ao elaborar os contratos, o profissional deve ter sempre em mente o mandamento do artigo 421 do Código Civil que dispõe que “a liberdade de contratar será exercida em razão e nos limites da função social do contrato”. E, também, o artigo 422 do mesmo Código que reza:

A r t h u r Pi n to d e L e m o s N e t to S ó c i o d o e s c r i tó r i o L E M O S E AS S O C I A D O S A DVO CAC I A

14 | Corporativa

“Artigo 422: Os contratantes são obrigados a guardar, assim na conclusão do contrato, como em sua execução, os princípios da probidade e boa-fé.” A liberdade de contratar é um princípio que se harmoniza com outro, qual seja a função social do contrato. Ao lado da liberdade de contratar, que significa escolher o parceiro com quem pretende contratar, há a função social do contrato que também constitui um princípio que deve ser observado. Assim, a liberdade de contratar não é ampla e irrestrita. As partes estão vinculadas à referida função social que impõe-lhes, como baliza, o interesse social que blinda a liberdade contratual das cláusulas ofensivas da ordem pública, moral e bons costumes. Face ao acima, não se admite mais um contrato alicerçado apenas no axioma de que “o contrato faz lei entre as partes” ou “pacta sunt servanda”.Não pode ser esquecido, também, que se o contrato for de execução continuada ou diferida, se o mesmo se tornar excessivamente oneroso para uma das partes, com extrema vantagem para a outra, em virtude de acontecimentos extraordinários e imprevisíveis no momento da formação do ajuste, a parte prejudicada pode pleitear a revisão judicial do contrato ou até mesmo o distrato do mesmo. Inquestionável, portanto, que o profissional do direito terá um amplo mercado de trabalho junto às empresas de logísticas.


Ação AçãoSocial Social

Ajuda Ajuda necessária PR O RJAJA NÍANÍ A N AN N ASC EN TO PO NA ASC I MI M EN TO

H H

oje, por por conta conta dos dos oje, avanços no tratamento avanços no tratamento dossintomas, sintomas,a aAIDS AIDS dos não é é mais mais sinônimo sinônimo não morte iminente. iminente. Entretanto, Entretanto, dede morte seguecomo comouma umadoença doençasem sem segue cura,fazendo fazendocom comque quemedos medos cura, mitoscontinuem continuemlatentes. latentes.SeSee emitos gundo a Organização Mundial da gundo a Organização Mundial da Saúde,cerca cercadede2,7 2,7milhões milhõesde de Saúde, novas infecções pelo vírus HIV novas infecções pelo vírus HIV ocorrempor porano. ano.Em EmCampinas Campinas ocorrem anos,o oCentro CentroCorsini Corsiniéé háhá2323anos, referência nacional e internacional referência nacional e internacional

notratamento tratamentoda daAIDS. AIDS.Em Em2008, 2008, no iniciou uma reforma para criação iniciou uma reforma para criação doespaço espaçomultiuso, multiuso,um um local local de de do apoiopara paracrianças criançaseeadolescenadolescenapoio tesfazerem fazerematividades atividades extracurriextracurrites culares como reforço escolar, auculares como reforço escolar, aulasde deartes, artes,informática, informática, música música las e teatro. “Precisamos do envole teatro. “Precisamos do envolvimento da iniciativa privada, de vimento da iniciativa privada, de ajudapara paraaacompra compra de de material material ajuda para construção e da contratapara construção e da contratação de de mão mão de de obra obra especialiespecialição zadapara paraaafinalização finalização da da obra”, obra”, zada explica a Dra. Silvia Bellucci, explica a Dra. Silvia Bellucci,

Referêncianacional nacionalee Referência internacionalno notratamento tratamento internacional daAIDS, AIDS,ooCentro CentroCorsini Corsini da precisade dedoações doaçõespara para precisa concretizaçãode deum um aaconcretização espaçomultiuso multiuso espaço

16 | Corporativa 16 | Corporativa

presidente do do Centro Centro Corsini. presidente Vale lembrar que Corsini pasVale lembrar que oo Corsini sou aa ser ser uma uma referência referência também sou na disseminação disseminação de de informação. informação. na “Começamos a desenvolver “Começamos a desenvolver palestras, oo tele tele AIDS AIDS ee preparação preparação lestras, de pessoal pessoal para para trabalhar trabalhar com de pacientes com o vírus”, diz. O O imimpacientes com o vírus”, diz. portante, ressalta ela, é que não portante, ressalta ela, é que não existe mais mais oo tratamento tratamento de de uma uma existe pessoa. “É preciso abordar a fapessoa. “É preciso abordar a família toda. Cada paciente você mília toda. Cada paciente você multiplica, em em média, média, por por cinco cinco multiplica, pessoas”, explica. pessoas”, explica.

Dra. Silvia Bellucci Dra. Silvia Bellucci


Vamos ajudar?

Unidade de Apoio Infantil Conhecida como UAI, a Unidade de Apoio Infantil é um abrigo criado para para acolher crianças e adolescentes afetados pela AIDS. Na década de 90, com a feminização da AIDS, começaram a nascer muitas crianças com HIV. “As mães não tinham remédios e morriam. O número de órfaos aumentou. Eram crianças filhas de mãe portadoras que poderiam ser ou não portadoras também. A situação era difícil e devido ao preconceito, a criança seria discriminada para o resto da vida e, assim, nasceu a idéia do UAI”, conta Bellucci. As crian-

ças e adolescentes chegam à UAI encaminhados pela Vara da Infância e da Juventude, Conselhos Tutelares e outros abrigos do município. Hoje, se encontram abrigadas 20 crianças e adolescentes. “A manutenção de um trabalho de qualidade neste tipo de abrigo é bastante dispendiosa, e por isso, necessitamos de muito apoio material, financeiro e voluntário”, completa. Após esse periodo no abrigo, o principal objetivo da UAI é trabalhar para a reinserção em um ambiente familiar, seja a família de origem, família extensa ou substituta.

Todo o trabalho realizado no Centro Corsini se deve ao apoio de parceiros, colaboradores e voluntários, que por meio de doações, garantem a qualidade e continuidade das atividades. • Socio-contribuinte: Ficha de adesão que é preenchida no Centro Corsini na qual você determina o valor que pode contribuir mensalmente. Sendo socio-contribuinte você ganha um cartão que obtém descontos em empresas parceiras. • Doações: Cada doação no valor de R$100,00 você escolhe um livro entre as opções: - Lisboa/Campinas - Olhares Cruzados - Fernando Kassab. - Diante dos Outros - Miklós Naday. • Cartões Postais de Campinas: R$1,99 ou Cartão Comemorativo: R$2,80. • Cestas Básicas, produtos como luvas descartáveis e leite NAM. • Trabalho voluntário: acesse o site e se inscreva para apoiar essa causa. Tele Corsini: 0800.111213. Conta bancária: Banco do Brasil Agência: 2913-0 C/C - 16000-8 Bradesco Agência: 0310 C/C - 70000-2 www.centrocorsini.org.br

UAI: falta ajuda também de mão de obra especializada

Corporativa | 17


Nota fiscal Nota fiscal

Mundo Digital

P O R L Í V I A M OTA

O sistema está disponível desde

O sistema está

março em Campinas disponível desde e será um março em Campinas instrumento eficiente e será um de administração instrumento eficiente tributária. de administração Porém, atenção! tributária. Treinamento é Porém, atenção! Treinamento essencialé essencial

A A

s 14h36 do dia 09 de março, terça-feira, o portal da prefeitura s 14h36 do dia 09 municipal Campide março, de terça-feira, nas registrava 66.947 notas fiso portal da prefeitura cais eletrônicas emitidas pelos municipal de Campiprestadores serviços nas registravade66.947 notasdafis-cidade. Nesse mesmo dia, pelos 2.269 cais eletrônicas emitidas empresas autorizadas prestadoresestavam de serviços da cimesmo dia, adade. emitirNesse o documento pelo2.269 novo empresasdesenvolvido estavam autorizadas sistema pela ada emitir o documento ministração municipal.pelo A novo meta sistema desenvolvido pela adé que até o mês de julho deste ministração municipal. sejam A metainano, 42 mil empresas é que até o mês de julho deste corporadas. “A nota fiscal eletrôano, 42 mil empresas sejam innica é um instrumento tributário corporadas. “A nota fiscal eletrôeficiente queinstrumento vai nos permitir menica é um tributário lhor fiscalizar as empresas. Nós eficiente que vai nos permitir mesaberemos qualNós éo lhor fiscalizarexatamente as empresas. volume de serviços prestados saberemos exatamente qual é oe, consequentemente, quanto e,de volume de serviços prestados consequentemente, quanto de imposto vai ter que pagar”, avavai ter que secretário pagar”, avaliaimposto Paulo Mallmann, de lia Paulo Mallmann, secretário de finanças de Campinas. Segundo finanças deas Campinas. Segundo Mallmann, empresas prestaMallmann, as empresas prestadoras de serviços terão uma redoras de serviços terão uma redução no custo operacional do dução no custo operacional do processo de emissão e registro processo de emissão e registro de nouso usode depapadenotas, notas, redução redução no P O R L Í V I A M OTA

pel e este novo sistema permitirá maior integração entre o setor de contabilidade da empresa e a pel e este novo sistema permitiadministração municipal. “Agora rá maior integração entre o setor melhores condições dae admidehá contabilidade da empresa a nistração tributária avaliar o exaadministração municipal. “Agora pagamento dos da compromishátomelhores condições admisos das empresas prestadoras nistração tributária avaliar o exaserviços no diz respeito tode pagamento dosque compromissos das empresas prestadoras ao Imposto Sobre Serviços de deQualquer serviços Natureza no que diz(ISSQN). respeito Teaoremos Imposto Sobre Serviços de hacerteza de que não Qualquer Natureza (ISSQN). Teverá evasão fiscal com esse insremos certeza de que onão hatrumento”, completa secretário. verá evasão fiscal com esse insAcompanhando as inovações trumento”, completa o secretário. tecnológicas, os talonários de Acompanhando as inovações nota fiscal são, um de docutecnológicas, os agora, talonários mento digital no espaço da nota fiscal são, agora, um docu-web. O sistema por memento digital desenvolvido, no espaço da web. lhor das intenções que tenha, O sistema desenvolvido, por me- ao serdas colocado traz à lhor intençõesem queprática, tenha, ao ser colocado prática, traz à e tona muitas em dúvidas, incertezas tona muitas e vai dores de dúvidas, cabeça incertezas para quem dores de cabeça para quem vai utilizá-lo. Para implantar o prograutilizá-lo. Para implantar o programa, a prefeitura dividiu as emprema, a prefeitura dividiu as empresas em cinco grupos, de acordo sas em cinco grupos, de acordo com as atividades desenvolvicom as atividades desenvolvidas. O primeiro, com mais de 6,5 das. O primeiro, com mais de 6,5 contribuintes áreas milmilcontribuintes dasdas áreas de de


agora é eletrônica informática, pesquisas e desenvolvimento, saúde e medicina e assistência veterinária, iniciou em 1º de março a emissão das notas fiscais pela internet. “Essas empresas só souberam que estavam no programa no dia primeiro de fevereiro, que é um mês curto, ou seja, tiveram menos de vinte dias para se adequarem ao novo sistema”, relata a contadora e sócia proprietária da Tok Contábil, com sede no condomínio corporativo Praça Capital, Nilcéia Marques. Com isso, segundo ela, os clientes tiveram muitos problemas para acessar o site e aprender a trabalhar com o novo formato. Para a contadora, a prefeitura deveria também ter se integrado ao formato de nota fiscal eletrônica nacional. “O projeto perde a eficácia, pois cada município desenvolve um layout próprio de nota, então o que era para ser simplificado, torna-se mais burocrático. Por exemplo, uma empresa que possui filiais em diferentes cidades deve-se

adaptar ao sistema específico de cada município”, argumenta Nilcéia. Outro ponto negativo discutido é em relação aos pequenos prestadores. “É o caso de estacionamentos. Em muitos, não há computador ou acesso à internet. Agora, os proprietários terão que adquirir uma máquina, pagar um provedor, enfim, terão gastos extras para emitirem a nota fiscal”, expõe a contadora. Sobre a questão de redução no uso de papel, Nilcéia acredita que isso não será relevante, pois o profissional em muitos casos irá imprimir e arquivá-la com o boleto de pagamento. Mas, em médio prazo, a empresária acredita que o sistema poderá trazer benefícios aos prestadores, já que será um meio mais eficaz de cobrança tributária. “Com a prefeitura mais próxima das cobranças, ela poderá rever as alíquotas que recolhe e, quem sabe, rever a carga tributária cobrada de alguns serviços que está muito elevada”, comenta Nilcéia.

Nilceia Marques - Tok Contábil - Praça Capital

Paulo Mallmann - secretário de finanças de Campinas

Para mais informações sobre a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica acesse o site: nfse.campinas.sp.gov.br

Corporativa | 19


Novos Negócios

A eficiência do gerenciam

T

oda construção precisa ter um processo de gerenciamento muito bem estruturado, para que uma ideia ou necessidade vire realidade. Este processo envolve inúmeros participantes, tais como projetistas, órgãos públicos, empreiteiros, fornecedores, consultores, dentre outros profissionais. E a equipe precisar ser gerenciada para produzir o resultado final que é a construção pronta e funcional, dentro do prazo, do custo e

O Project Management Institute (PMI), com mais de 500.000 membros em 185 países, é hoje a maior entidade mundial sem fins lucrativos voltada ao Gerenciamento de Projetos. O profissional que conquista a Certificação Project Management Professional (PMP), compartilha dos mesmos padrões, princípios e ideais que norteiam a atuação global da entidade na busca pelo aprendizado e desenvolvimento do profissionalismo do Gerenciamento de Projetos como ciência e arte.

20 | Corporativa

da qualidade desejados. Mesmo as construtoras e incorporadoras precisam de processos de gestão de projetos e obras. Não há como uma construção acontecer automaticamente. É pelos processos de gestão que os envolvidos em uma construção atuam coordenadamente. Até mesmo essas experientes empresas, muitas vezes, preferem terceirizar o gerenciamento de projetos e obras. As vantagens da contratação são muitas. Para empresas que não

Eng. Augusto Manarini

são do ramo, se aventurarem em uma construção, investindo quantias significativas do seu capital disponível ou até absorvendo financiamentos, pode ser muito arriscado. Com um gerenciador, a realidade é outra. Ele defende seus interesses e o dono da obra poderá contar com a experiência de quem respira o ramo da construção civil e encurtar a curva de aprendizado. O resultado pode ser visto através de economias no orçamento da obra, cumprimento


ento de projetos e obras de prazos, mitigação de riscos e garantia da qualidade. Para empreendedores ou investidores acostumados com o ramo da construção civil, o gerenciamento terceirizado evita que a empresa aumente sua estrutura e custos indiretos. Além disso, pode trazer para os seus clientes as experiências acumuladas em outras obras. Uma outra grande vantagem é que, com uma empresa de gerenciamento tocando o dia a dia, o contratante pode dar ênfa-

se na sua atividade fim (seu “core business”), maximizando seus resultados. Portanto, todo esse trabalho envolve confiança e relacionamento de longo prazo. Por isso, as referências de idoneidade, facilidade de trato, presteza no atendimento e competência são itens a serem pesquisados antes da contratação. Deve-se verificar se o gerenciador dispõe de equipe treinada para seguir as técnicas de Project Management. A certificação PMP também é sempre

um diferencial. Há muitos profissionais no mercado que se intitulam gerenciadores, mas sequer dominam as técnicas básicas de Project Management. Também não se deve confundir o gerenciamento de projetos e obras, que é abrangente, com um mero serviço de fiscalização de obras, que é bem mais restrito. E n g . A u g u s t o M a n a r i n i, PMP D i reto r d a I N I2 I m p l a nt a ç õ e s Imobiliárias


Recursos Humanos

Qualificar é preciso P O R JA N A Í N A N ASC I M E N TO

Empresas têm investido cada vez mais em programas para aprimorar o potencial dos funcionários e abrir novas oportunidades

22 | Corporativa

S

egundo uma pesquisa divulgada pelo IPEA, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, 18% das empresas do Estado de São Paulo investem na educação dos seus funcionários para melhorar a qualidade e eficiência de seus serviços. O número ainda é tímido perto de países europeus, Estados Unidos e Japão que tem a qualificação dentro das empresas como premissa de crescimento das próprias corporações. “No Brasil, o IPEA fala de todo o universo de empresas, a maioria micro e pequenas. No caso das médias, a porcentagem sobe para o dobro disso, e nas grandes empresas, principalmente as multinacionais, 90 % delas oferecem algum tipo de bolsa de estudo. Há também as que possuem suas próprias estruturas de universidade corporativa, ou seja,

cursos feitos sob medida para seus funcionários”, afirma Adilson Mirante, diretor da Korum Consultoria em Transição de Carreira. O investimento na educação dos funcionários é importante porque, além da empresa qualificá-lo para a função que ocupa, acaba não trocando e fortalecendo sua equipe. “Nos próximos anos haverá um problema sério de qualificação. O Brasil não está preparado para crescer em ritmo de 5 a 6% ao ano. Resta às empresas buscarem profissionais nos concorrentes ou investirem em cursos de formação de mão de obra”, afirma Adilson. A vantagem para as empresas, segundo Mirante, é que o custo de contratação e reposição é muito menor. E, para os funcionários, é um atrativo que os mantém mais satisfeitos e, dessa forma, permanecerão mais tempo na empresa.


Clóvis de Oliveira - Diretor da Unidade de Negócios Avicultura Empresa: Merial Saúde Animal

Tarcisio Teixeira Fernandes IT Project Manager Empresa: DHL

Rodrigo Pizani Auditoria Contábil Empresa: Deloitte

“Faço MBA Executivo Empresarial na Fundação Dom Cabral, em Belo Horizonte, e acredito que esse investimento da empresa só vai agregar melhorias das competências necessárias para a gestão empresarial. Estou no primeiro ano do curso que vai até fevereiro de 2011 e a empresa investe 80% do valor, um diferencial enorme para o meu futuro que pretendo reverter para a empresa”.

“A DHL investiu em mim pensando em obter resultados financeiros alinhados com seus objetivos corporativos. Os dois módulos do curso LEP (Leadership Enrichment Program) melhoraram o meu entendimento sobre qual o modelo de liderança esperado pela empresa. Identifiquei meus pontos fortes e fracos e quais elementos que motivam as pessoas. Assim, o objetivo de montar um time de alta performance tornase uma consequência”.

“Na Deloitte, o treinamento é praticamente o coração da empresa que subdisia 100% da faculdade e dependendo da condição do profissional também um curso de inglês. Alguns anos atrás optei por fazer uma MBA In Company, na FGV em SP, classe exclusivamente de profissionais da Deloitte. Esse MBA me tornou um profissional com uma visão mais ampla das condições da empresa e melhorou o dia a dia de trabalho”.


Finanças

Mercado imobiliário na mira dos investidores P O R CA R O L I N A P I M E N T E L

Para o presidente da Master Minds, Juliano Graff, os Fundos Imobiliários são vantajosos ao investidor de menor porte que passam a ter acesso a imóveis normalmente disponíveis somente a grandes investidores

24 | Corporativa

A

s expectativas para 2010 continuam condicionadas à crise econômica que atingiu o mercado financeiro nos últimos anos. As melhores perspectivas para esse ano estão no setor imobiliário, que é um dos segmentos, segundo o Sindicato da Habitação de São Paulo, que estima um crescimento de 10% a 15% em todo o País. O mercado imobiliário brasileiro contrariou as previsões depois do estouro da bolha nos Estados Unidos e vive em brilhante fase. Para os próximos anos, a tendência é que continue aquecido, já que é uma das alternativas mais seguras diante das incertezas políticas e econômicas. De acordo com Juliano Graff, administrador de empresas e presidente da Master Minds Investimentos, grandes fatores impulsionam o setor imobiliário, que com a crise obteve certo favorecimento nas estratégias da diversificação de investimentos. “Com a constante queda da taxa de juros nos últimos anos, o aumento do crédito, a volatidade do

mercado de capitais, o elevado déficit habitacional, os incentivos do próprio governo, a Copa do Mundo de 2014, as Olimpíadas de 2016 e, principalmente, por causa dos investidores estrangeiros que estão entrando Brasil, não dá para imaginar que esse mercado não será promissor nos próximos anos”, explica. Não são somente os imóveis residenciais que estão em alta, existe certa expectativa para os imóveis comerciais alternativos. “Vejo muito potencial nesse tipo de imóvel ainda mais em condomínios fechados, pois o Brasil ainda tem um problema de segurança muito sério. A tendência é que se criem condomínios logísticos e até mesmo industriais para que custos altos como o de segurança, manutenção e administração de propriedade sejam compartilhados. Investir nesse tipo de imóvel é acertar em cheio”, enfatiza Graff, que também é pós-graduado em Logística Empresarial pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e ainda em Gestão pela Harvard Business School.


“O “Odiferencial diferencial do do Fundo Fundo Imobiliário em relação Imobiliário em relação às às demais demaisalternativas alternativas de de investimento investimento coletivo coletivo em em imóveis imóveiséé aa sua sua liquidez” liquidez” Juliano JulianoGraff Graff

Investimento Investimento certo certo Paraàqueles àqueles dispostos dispostos aa aposaposPara tar no setor imobiliário, há vátar no setor imobiliário, há várias alternativas alternativas de de investimeninvestimenrias to. Apenas Apenas atente-se atente-se para para uma uma to. característica do mercado de característica do mercado de imóvel:sua suabaixa baixa liquidez. liquidez. “O “O ininimóvel: vestidor em imóveis deve adotar vestidor em imóveis deve adotar umapostura posturade delongo longo prazo”, prazo”, rereuma comenda Graff. Graff. Existem Existem alguns alguns comenda estudos que apontam que estudos que apontam que oo imóvelcomprado compradona naplanta planta comcomimóvel parado ao lançamento e ao imóparado ao lançamento e ao imóvelentregue, entregue, oferece oferece ganho ganho de de vel aproximadamente 40% na média aproximadamente 40% na média histórica. Para Para oo presidente presidente da da histórica. MasterMinds, Minds,oosegredo segredo éé estar estar Master por dentro de novos lançamenpor dentro de novos lançamentos imobiliários. “É fundamental tos imobiliários. “É fundamental que faça antes do lançamento, que faça antes do lançamento, pois há uma valorização obviapois há uma valorização obviamente grande do imóvel lançado mente grande do imóvel lançado e pronto”. Uma moderna forma e pronto”. Uma moderna forma de investimentos no setor imobilide investimentos no setor imobiliário, que são recomendados por ário, que são por Graff, são os recomendados Fundos Imobiliários. Graff, são os Fundos Imobiliários. Esses fundos são administrados Esses fundos são por gestoras que administrados fazem investipor gestoras que fazemO investimentos diversificados. investimentos diversificados. O investi-

dor adquire quotas que dor que são são emiemitidas para subscrição mediante tidas subscrição mediante ofertas públicas e comercializaofertas comercializadas no mercado secundário, das secundário, em em mercado de balcão. “A vantagem mercado “A vantagem desses fundos é que desses que oo investidor investidor de menor porte pode ter de menor porte pode ter acesso acesso imóveis normalmente normalmente disponíaa imóveis disponíveis somente somente aa grandes veis grandes investiinvestidores e dessa maneira, diversidores e dessa maneira, diversifica seu seu risco, risco, co-investindo fica co-investindo em em diversos empreendimentos diversos empreendimentos de de uma só vez, com retornos releuma só vez, com retornos relevantes”, explica. explica. vantes”, O diferencial O diferencial competitivo competitivo do do FunFundo Imobiliário Imobiliário em do em relação relação às às dedemais alternativas de investimento mais alternativas de investimento coletivo em imóveis é a sua liquicoletivo em imóveis é a sua liquidez, que é decorrente da possidez, que é decorrente da possibilidade da venda parcial ou total bilidade da venda parcial ou total das quotas representativas do das quotas representativas do investimento no mercado de balinvestimento no mercado de balcão sem as complicações opecão sem as complicações operacionais inerentes às transações racionais inerentes transações imobiliárias. Outra às característica imobiliárias. Outra característica positiva é que os fundos são positiva é impostos. que os fundos são isentos de Nos últimos isentos de impostos. Nos últimos anos muitas empresas da consanos muitas empresas da cons-

trução trução civil civilabriram abriramseus seuscapitais capitais na bolsa de valores para se na bolsa de valores para secacapitalizarem pitalizaremcom comrecursos, recursos,principrincipalmente, palmente, oriundos oriundos do do exterior. exterior. Essas empresas utilizam Essas empresas utilizam esses esses capitais capitaispara paraaplicar aplicarrecursos recursosem em diversas regiões do País. “Com diversas regiões do País. “Coma a crise crisemuitas muitasações açõesse sederreteram derreteram ee houve houve muita muitaperda perdade deinvestiinvestimentos, mas já houve uma mentos, mas já houve umarecurecuperação. peração.Porém, Porém,há hápouco poucoespaespaço çopara paraque queações açõesdo dosegmento segmento se valorizem muito mais se valorizem muito maisno nomémédio prazo já que muitas empresas dio prazo já que muitas empresas estão estão com comsuas suasações açõessobrevasobrevalorizadas”, lorizadas”, avalia avalia Graff. Graff. Na Naavaavaliação do especialista, o cenário liação do especialista, o cenário imobiliário atual vai continuar “ferimobiliário atual vai continuar “fervendo” e a tendência é que os vendo” e a tendência é que os preços dos imóveis subam mais preços dos imóveis subam mais no médio prazo, devido à grande no médio prazo, devido à grande movimentação nesse setor aliada movimentação nesse setor aliada à abundância de capital, inclusià abundância de capital, inclusive estrangeiro. Sem contar com estrangeiro. Sem esportivos. contar com avevinda de eventos a vinda de eventos Essas são razões que esportivos. justificam Essas são razõesem que justificam porque se investir imóveis. O porque se investir em imóveis. O momento de investir é agora! momento de investir é agora!

Recomendações Recomendações

• Atentar-se para incorporadoras que possuam histórico, melhor estruturadas e especializadas. ••Atentar-se incorporadoras que possuam histórico, melhor estruturadas especializadas. Focar empara empresas de desenvolvimento imobiliário que tem expertise parae obtenção de licenças para •construção Focar em já empresas de desenvolvimento imobiliário tem expertise parae obtenção é uma redução na velocidade com que o que seu projeto é entregue vendido. de licenças para construção já é uma redução com queestá o seu projetoou é entregue e vendido. • É muito importante conhecernao velocidade local onde o imóvel instalado vai ser construído. ••ÉTer muito localcompra, onde o avaliação imóvel está instalado vai ser construído. umaimportante assessoriaconhecer financeiraopara e vendas deou ativos é um grande diferencial. • Ter uma assessoria financeira para compra, avaliação e vendas de ativos é um grande diferencial. Corporativa | 25 Corporativa | 25


Comportamento

Na crista da onda retrô Elvis não morreu. Nem os Mutantes, Raul Seixas, He-Man, Itubaína ou a Sete Belo. Os ícones das décadas passadas estão mais vivos do que nunca para alguns nostálgicos, assumidos ou não P O R L Í V I A M OTA

A

s décadas de 60, 70, 80 não saíram de moda. Estão mais presentes nos dias atuais do que se imagina. Alguns ícones desse tempo, não tão remoto, continuam a fazer a cabeça de muitos “antiquados”. Os desenhos animados He-man e Caverna do Dragão continuam em exibição em alguns canais de TV, o refrigerante Itubaína, lançado nos anos 50, ganhou uma nova versão, a Itubaína Retrô, em garrafas long neck de 355 ml, e as bandas Capital Inicial, Paralamas do Sucesso e U2 continuam a arrebatar milhares de fãs. “Uma forma de pensar, um estilo de vida, um estado de espírito são expressos pelo consumo de produtos que, no universo simbólico, trazem a referência de uma época, um romantismo, valores e crenças”, explica o sociólogo e professor de Ciências Sociais da PUC – Campinas, Duarcides Ferreira Mariosa. A expressão nostalgia, de acordo com o nosso dicionário de língua portuguesa, significa melancolia, tristeza causada pela saudade de sua terra, saudade do passado

26 | Corporativa

e de um lugar. No caso, podemse excluir as palavras tristeza e melancolia. É justamente a lembrança de momentos alegres e memoráveis que levam milhares de “nostálgicos” à procura desenfreada de sabores, cheiros e sons que fizeram parte de sua infância e juventude. Para Ferreira, essa referência ao passado é uma seleção de coisas que interessa para a pessoa e ela as transfere para o presente. “É como se as coisas existissem simultaneamente e cada um escolhe seu estilo de vida. Por exemplo, um cowboy com sua caminhonete importada, seu iphone, celular e notebook que ouve no rádio do carro música caipira da época do seu avô”, completa o professor. O amante de cinema, histórias em quadrinhos, vídeo games e café, Arian Carneiro de Mendonça, 31, é publicitário e, nas horas vagas, se dedica a descobrir e colecionar objetos, brinquedos, doces, discos e gibis que fizeram parte de sua vida. O saudosista e nostálgico assumido garante que ao saborear um “Chocolapis” ou uma bala “Sete Belo” sente o sabor da

infância novamente. “A memória funciona por um estímulo e nos remeter ao passado é muito gostoso. É um momento só seu, que te relaxa”, garante. Fã de Guerra nas Estrelas, Caverna do Dragão, He-Man, Ultraje a Rigor, Blitz e Magazine, Arian é um almanaque ambulante dos anos 80. Em um rápido passeio pelo centro de Campinas, foi possível viajar no tempo. “Aqui no Mercado Campineiro, na banca do seu Adriano (Bomboniere Riviera), eu encontro os doces que comia quando ia ao cinema na infância, como os chocolates em formato de moeda e lápis e as balas Chita”, conta enquanto aponta para outros produtos da barraca que fizeram sucesso no passado e, hoje, continuam à disposição dos saudosistas. Logo adiante, à rua Ferreira Penteado, uma simples portinha é a entrada para um “mundo encantado”. A loja Folha Solta, do proprietário Claudinei Garbin, mais conhecido como Nei, é um dos lugares onde Arian passa horas. Cercado pelo vilão Esqueleto, pelo herói He-Man, pelo Gorpo e pelos mais de 500 bonecos de perso-


nagens nagens do do sebo, sebo, ele ele relembra relembra aa infância com alegria. infância com alegria. “Nostalgia “Nostalgia para para mim mim não não tem tem nada nada de de triste. ÉÉsó só coisa coisa boa”, boa”, afirma. afirma. Segundo Segundo Nei, que também é apaixonado Nei, que também é apaixonado pelas pelas raridades raridades do do passado, passado, aos sábados, sábados, dia dia de de mais mais movimento movimento na naloja, loja,passam passamem em média média 50 50 pessoas, soas, ee aa procura procura pelos pelos objetos objetos é maior por por parte parte dos dos colecionacolecionamaior dores. “Mas “Mas muitos muitos pais pais passam passam dores. com oo filho filho pela pela loja loja ee acabam acabam com comprando um um brinquedo brinquedo que comprando não puderam puderam ter ter na na infância. infância. Isso não acontece comigo, comigo, pois pois quando quando tiacontece nha 12 12 anos, anos, oo dinheiro dinheiro não não dava nha para comprar os brinquedos para comprar os brinquedos que queria. Agora, Agora, mais mais velho velho ee trabatrabaqueria. lhando,posso possofazer fazer isso”, isso”, filosofa filosofa oo lhando, dono da loja. A última parada na dono da loja. A última parada éé na mesma Ferreira Penteado, número mesma Ferreira Penteado, número 720, no no reduto reduto dos dos fliperamas, fliperamas, oo 720, World Game, da proprietária Geni World Game, da proprietária Geni de Melo Scremim. “Agora o que de Melo Scremim. “Agora o que está na na moda moda são são as as coisas coisas ananestá tigas”, responde ela quando indatigas”, responde ela quando indagada sobre sobre oo número número de de pessopessogada as que param ali para jogar. A R$ R$ as que param ali para jogar. A 1,00l aa ficha, ficha, os os jogos jogos de de pinball pinball 1,00l desafiam Arian. “Sempre joguei desafiam Arian. “Sempre joguei ee até hoje dou uma escapada para até hoje dou uma escapada para brincar”, conta. brincar”, conta.

Claudinei Garbin Claudinei Garbin

Corporativa | 27 Corporativa | 27


Comportamento Comportamento

“No “NoMercado Mercado Municipal, Municipal, na nabanca bancado do seu seuAdriano Adriano (Bomboniere (Bomboniere Riviera), Riviera),eu eu encontro encontroos os doces docesque que comia comiaquando quando iaiaao aocinema cinemana na infância infânciacomo como os oschocolates chocolates em emformato formatode de moeda moedaeelápis lápisee as asbalas balasChita” Chita” Arian ArianCarneiro Carneiro de deMendonça Mendonça

28 28| Corporativa | Corporativa


“Eu sempre fui antiquado” O jornalista Fábio Bonillo, 22, não se considera um nostálgico. Ele ouve Bob Dylan ou VillaLobos sem saudosismo e sem pensar que aquela época é que era boa. “Só acho que é importante conhecer a cronologia das coisas, sou um pouco obcecado com isso”, revela. Guiado por essa obsessão, ele não se rendeu as facilidades e economia de tempo e dinheiro da câmera fotográfica digital. “Eu achei melhor começar do começo, ou seja, aprender primeiro o que é fotografia (desenho que a luz

faz nas superfícies). E com uma câmera digital não se consegue isso”, explica Bonillo. Os discos de vinil que coleciona não são para tocar na vitrola, mas sim para apreciar a arte das capas e os filmes mudos que gosta de assistir, ironicamente, são vistos pela Internet ou no DVD. Leitor dos clássicos “Ilusões perdidas”, do francês Honoré de Balzac, e de “Moby Dick”, do americano Herman Melville, Fábio acredita que esses autores do século XIX têm mais a ensinar para os dias de hoje do que os escritores que

vivem o presente. “Eu sempre fui antiquado e sempre achei que tudo que é muito recente, salvo raras exceções, é um lixo, no quesito cultural”, assume o jornalista, que reconhece o lado bom das evoluções tecnológicas. “Gosto de viver na era da tecnologia justamente porque ela permite juntar tudo o que já foi e estudar quase tudo o que já passou. Eu nunca usei máquina de escrever para fazer matérias porque isso é coisa de quem parou no tempo, mas tenho uma em casa, confessa”.


Turismo TurismoPerto Perto

Aventura Aventura até para quem

U

ma ma mistura mistura de de boas boas sensações. Adrenalina sensações. Adrenalina eeansiedade ansiedadeaamil. mil.Um Um frio na barriga que logo frio na barriga que logo é ésubstituído substituídopor porboas boasgargalhagargalhadas. das.Muita Muitaforça forçanos nosbraços braçoseenas nas pernas. pernas.Assim Assiméése seaventurar aventurarpepelas corredeiras rio abaixo em um las corredeiras rio abaixo em um bote boteinflável. inflável.Assim Assim éé praticar praticar oo rafting raftingaoaolongo longode de88km kmno noRio Rio Jacaré Pepira, um dos poucos Jacaré Pepira, um dos poucos não nãopoluídos poluídosno noEstado, Estado,localizalocalizadodonanacidade cidadede deBrotas, Brotas,que quenasnascecenonomunicípio de São Pedro, município de São Pedro,na na Serra Serrade deItaqueri, Itaqueri,eeapós apóspercorpercor174Km, Km,desagua desaguano norio rioTietê, Tietê, rerrer174 na represa de Ibitinga. O percurna represa de Ibitinga. O percurcomduração duraçãode deaproximadaaproximadasosocom mentetrês trêshoras horasmescla mesclatrechos trechos mente de remanso e muitas corredeiras, de remanso e muitas corredeiras, quecausam causamcerto certofrio friona nabarriga, barriga, que masque quevale valeaapena, pena,eemuito! muito! mas aventuraéérecomendada recomendadatanto tanto A Aaventura paraquem quemjájáéécraque craqueno noesporesporpara te como para quem não se conte como para quem não se considera um aventureiro nato. Uma sidera um aventureiro nato. Uma

30 | Corporativa 30 | Corporativa

P O R L Í V I A M OTA P O R L Í V I A M OTA

das das agências agências responsáveis responsáveis pelo pelo rafting é a Brotas rafting é a Brotas Aventura, Aventura, que que fornece fornece os os equipamentos, equipamentos, seseguro, transporte interno, instrutoguro, transporte interno, instrutores, res, colete colete salva-vidas, salva-vidas, capacete capacete ee lanche lanche para para os os que que chegam chegam famintos depois de gastar famintos depois de gastar muita muita energia energia remando. remando. O O preço, preço, por por pessoa, pessoa, éé R$ R$ 75,00. 75,00. Eleita, Eleita, em em 2009, 2009, como como oo segunsegundo melhor destino do melhor destino de de ecoturismo ecoturismo do do Brasil, Brasil, pela pela revista revista Viagem Viagem e Turismo, Turismo, da da editora editora Abril, Abril, Brotas possui possui infraestrutura infraestrutura completa completa para parareceber, receber,acomodar acomodar ee satisfasatisfazeros os turistas. turistas. AA um um km km do do cenzer tro da da cidade, cidade, encontra-se encontra-se uma tro

área de 32 32 alqueires alqueires que que reúne reúne área de todos os itens para lazer, aventodos os itens para lazer, aventura, diversão ee conhecimento. conhecimento. tura, diversão O Eco Brotas Resort, com cacaO Eco Brotas Resort, com pacidade de hospedagem para pacidade de hospedagem para aproximadamente 300 pessoas, pessoas, aproximadamente 300 oferece atividades para crianoferece atividades para crianças e adultos, acomodações em ças e adultos, acomodações em apartamentos chalés, boa boa cocoapartamentos ee chalés, mida, parque parque aquático, aquático, parede parede de escalada, campo campo de de paintball, paintball, ginásio poliesportivo, poliesportivo, bicicross, bicicross, arvorismo, tirolesa, tirolesa, mini mini fazenda fazenda e uma hospitalidade hospitalidade sem sem igual. igual. Além de um refúgio refúgio de de tranquilitranquilidade e descanso, descanso, as as empresas empresas podem utilizar utilizar as as ferramentas ferramentas do do ecoturismo, oferecido oferecido pelo pelo hotel, hotel, para treinar e unir unir os os funcionários, funcionários, pois as atividades atividades se se ampliam ampliam para uma dinâmica dinâmica que que exercita exercitaoo trabalho em equipe, equipe, assim assim como como em um ambiente corporativo. ambiente corporativo. OO valor da da diária diária com com três três refeições refeições por pessoa é de R$ 185,00 por pessoa é de R$ 185,00 mais mais 10% de 10% de taxa taxa de de serviço. serviço.


não se arrisca Nas Nasalturas alturas Andar Andarpor por cabos cabos de de aço, aço, atravessar atravessar um um obstáculo com ripas de madeira, uma obstáculo com ripas de madeira, escalar escalar uma teia numa teiafeita feitade de cordas cordas ee depois depois se se jogar jogar numa tirolesa. Tudo isso a uma altura de seis oito tirolesa. Tudo isso a uma altura de seis aa oito metros. O desafio pode parecer simples na metros. O desafio pode parecer simples na teoria, teoria,mas mas na na prática prática éé preciso preciso concentração, concentração, equilíbrio, força e coragem. Esse equilíbrio, força e coragem. Esse éé apenas apenas um conta umtrecho trecho do do circuito circuito de de arvorismo arvorismo que que conta com com19 19estações estações ee uma uma tirolesa tirolesa de 180 metros de comprimento que o Brotas de comprimento que o Brotas Eco Resort possui. possui.Se Se aventurar aventurar por por entre entre as árvores com os ospés pésum um tanto tanto quanto quanto distantes distantes do chão é um umdesafio desafio pessoal. pessoal. Vencer Vencer a altura e encarar os osobstáculos obstáculos rende rende uma uma sensação sensação única de prazer prazereeliberdade. liberdade.

Para aliviar o estresse Para aliviar o estresse dodia diaaadia diaeeextravasar extravasar do adrenalina,aacidade cidade aaadrenalina, deBrotas, Brotas,no nointerior interiordo do de Estado,ééum umrecanto recantode de Estado, tranquilidade,diversão diversão tranquilidade, aventuraem emmeio meioàà eeaventura naturezapreservada preservada natureza

AAjornalista jornalistaLívia Lívia Mota foi Mota foiconferir conferirde de perto pertoaaestrutura estruturado do Brotas BrotasEco EcoResort Resort

Corporativa | 31 Corporativa | 31


Turismo TurismoPerto Perto Pelo Pelo espaço espaço Em de Estudos Estudos do do Universo Universo Em Brotas, Brotas, nem nem oo céu céu éé oo limite. limite. O O Centro Centro de (CEU), Resort, éé uma uma estrutura estrutura de de (CEU), localizado localizado ao ao lado lado do do Eco Eco Brotas Brotas Resort, primeiro mundo que agrega planetário, observatório, caverna cinematoprimeiro mundo que agrega planetário, observatório, caverna cinematográfica, estação meteorológica meteorológica ee as as gráfica, base base de de lançamento lançamento de de foguetes, foguetes, estação réplicas de um alossauro, dinossauro do período jurássico, e das ruínas réplicas de um alossauro, dinossauro do período jurássico, e das ruínas de divulgação de de astronoastronodeStonehenge. Stonehenge. “O “O CEU CEU éé um um lugar lugar de de ensino ensino ee divulgação mia, físico ee professor professor mia, ciência, ciência, geologia geologia ee meio meio ambiente”, ambiente”, apresenta apresenta oo físico do CEU, Denis Eduardo Peixoto. Na noite da visita, o céu estrelado de do CEU, Denis Eduardo Peixoto. Na noite da visita, o céu estrelado de Brotas, permitiu a visão, por meio dos modernos telescópios, da nebuBrotas, permitiu a visão, por meio dos modernos telescópios, da nebulosa losa do do cinturão cinturão de de Órion Órion ee do do planeta planeta Saturno. Saturno.

Centro de Estudos do Universo (CEU) Centro de Estudos do Universo (CEU)

32| |Corporativa Corporativa 32


Turismo Perto No coração do Estado A 242 km da capital e a 140 km de Campinas, sob um clima de calmaria, vive a cidade de Brotas. Localizada no centro do Estado de São Paulo, a considerada capital nacional do esporte de aventura, nasceu por volta de 1839. Brotas tem como principal fonte de renda a agricultura (cana-de-açúcar, laranja e eucalipto) seguida pela arrecadação proveniente da atividade turística. A posição geográfica estratégica e privilegiada, com grande manancial hídrico e uma considerável área de mata nativa são responsáveis pela bela paisagem que emoldura o município de 22 mil habitantes, segundo estimativas de 2009 do IBGE. O local, referência para a prática de esportes de aventura aquáticos, como rafting, o bóia-cross, a canoagem e o canyoning, é uma válvula de

Corporativa 34 | Corporativa

escape para quem vive o estresse da cidade grande e a correria do dia a dia. “Brotas está muito ligada à água, que é um dos principais motivos que o ecoturista e o turista de aventura procuram. As rodovias de acesso e a posição geográfica são fatores favoráveis”, destaca Tomás Santo André, técnico da Secretaria de Turismo de Brotas. Para receber os turistas, a cidade conta com uma infraestrutura de mais de 30 opções de hospedagem, 14 agências para prática dos esportes de aventura, 25 restaurantes, além de casas de artesanato, museus e o Centro Cultural. “Ao chegar, no portal de entrada da cidade, o turista recebe um mapa e um folder institucional com o contato de todos os empreendimentos turísticos”, completa Tomás.

Brotas Eco Resort www.brotasecoresort.com.br Rua Emilio Dalla Dea Filho, s/nº Portão 3, Brotas - SP Fone: (11) 3812-2106 Brotas Aventura www.brotasaventura.com.br Avenida Mario Pinotti, 113 Centro - Brotas - SP Fone: (14) 3653-8000 Centro de Estudos do Universo (CEU) www.fundacaoceu.org.br Rua Emilio Dalla Dea, s/nº Campos Eliseos - Brotas, SP Fones: (11) 3812.2112 (14) 3653.4466



Corporativa nº10