Page 1

REVISTA

1

NOSSA

MISSテグ


Editorial

Anunciar o Evangelho de modo

sempre novo

Índice 03 | Editorial 04 | Província do Rio 05 | Congregação Redentorista 06 | Tudo começou na Glória 07 | Redentoristas no Vale da Floresta 08 | Paróquia Santo Afonso 09 | Paróquia São Sebastião 10 | Identidade Redentorista da Paróquia São José

11 | Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Os Missionários Redentoristas têm por missão continuar o exemplo de Jesus Cristo Salvador, pregando aos pobres a Palavra de Deus. Dessa maneira, participam do mandado da Igreja que é, por natureza, missionária. Const. 1

12 | Basílica São Geraldo 13 | Paróquia Sagrada Família 14 | Comunidade Missionária em Frei Gaspar

15 | Vida, fé e missão dos Leigos Missionários

16 | Obras sociais 18 | O processo formativo para se tornar um Missionário Redentorista

20 | Ano Vocacional Redentorista sta é a NOSSA MISSÃO: anunciar o Evangelho de modo sempre novo, com renovada esperança. Nesta revista queremos partilhar 21 | Juventude Redentorista com você nossa história, nosso carisma e nossa forma de viver a 22 | Rádio Educadora Missão nas variadas frentes de trabalho assumidas em nossa Província do Rio, Minas e Espírito Santo. Partilhamos nossa vida e nossa renovada esperança de um caminho sempre mais missionário.

E

Expediente:

Ser no hoje da história uma presença viva do Cristo Redentor, levando aos homens e mulheres o Anúncio do Evangelho, através de iniciativas eficazes na construção do Reino de Deus. MISSÃO realizada por comunidades consagradas, em comunhão com tantos leigos e leigas que bebem da espiritualidade Redentorista nos santuários e nas paróquias, casas de retiro, missões ou através dos meios de comunicação social.

Revista Nossa Missão

Publicação da Província Redentorista do Rio de Janeiro Superior Provincial: Pe. Vicente de Paula Ferreira, CSsR Secretário de Comunicação: Pe. Flávio Leonardo S. Campos, CSsR

Esta é uma revista que nasce do desejo de partilhar, entre nossas unidades e com nossos amigos e colaboradores, os frutos bons do Produção e redação: caminho missionário. Cresçam entre nós a fraternidade e o compromisso Comunidades Redentoristas da de vivermos juntos NOSSA MISSÂO na Igreja e no mundo, anunciando que Província do Rio de Janeiro “junto d’Ele é Copiosa a Redenção”!

Pe. Flávio Leonardo Santos Campos, C.Ss.R.

Edição e diagramação: SM Propaganda Impressão: Gráfica América Ltda Tiragem: 21 mil exemplares REVISTA

Afonso, nosso pai-fundador, nos alcance a graça da fidelidade, a renovada esperança e as bênçãos de Deus.

3

NOSSA

MISSÃO


Província do Rio P

rovíncia, das Minas, do Rio, do Espírito Santo. Feita não somente de pedra, de água ou de aço, mas de alma missionária. A Holanda deu-lhe origem, com a chegada dos primeiros, em 1893. Atravessou momentos marcantes; uns belos, outros críticos. Importante é que hoje permanecem os frutos bons. Em Paróquias, Santuários, comunidades missionárias, meios de comunicação social, casas de formação e obras sociais, são visíveis as cenas de Redenção Copiosa. Movimentos multiformes, de consagrados e de leigos, formam uma orquestra cujo maestro é o Cristo. A animação do grupo tem a cor de todos. O Governo Provincial aposta na participação responsável como forma de compromisso com a evangelização. Secretariados de Formação, Administração, Comunicação, Pastoral, Vida Consagrada e Pastoral Vocacional são eixos de um serviço dinâmico. Em reuniões variadas, busca-se criar projetos, propor caminhos espirituais e evangelizadores, priorizando a corresponsabilidade como forma conjunta de viver o carisma deixado por Santo Afonso, que é levar a boa nova aos mais abandonados. Em Assembléias, retiros, momentos de formação, o caminho é sempre zelado com esmero. Casas são cuidadas; povo formado com os pilares de um apaixonado espírito missionário. Assim, testemunho grande são as comunidades religiosas. Encarnam, não obstante os desafios, o anúncio da boa nova de Jesus: ser irmãos em cada realidade particular. Ao seu redor, como participantes de mesa fraterna, leigos, adultos, jovens, crianças e idosos ressoam o mesmo refrão: em Cristo a redenção é grande. Tão grande que não tem fronteiras. É para todos que, na docilidade do coração, assumem um caminho de construção do Reino de Deus. É desse modo que segue, com esperança, essa família que tem o nome de Província do Rio. Pe. Vicente de Paula Ferreira, C.Ss.R.

REVISTA

Superior Provincial

4

NOSSA

MISSÃO


CONGREGAÇÃO

Redentorista de levar ao povo a Copiosa Redenção” (Constituições Redentoristas, nº 20).

Atualmente, a Congregação está presente em cerca de 80 países, com aproximadamente 5.500 Missionários atuando em todos os continentes. No Brasil, a presença Redentorista foi registrada com a chegada de membros da Província holandesa em Minas Gerais, em 02 de julho de 1893, iniciando as atividades missionárias no ano seguinte em terras mineiras e, posteriormente, ampliando o trabalho em âmbito opiosa Apud Eum nacional. Os padres Matias Tulkens e Redemptio” (Nele é Copiosa Francisco Lohmeyer foram os pioneiros a Redenção). O lema da e não pouparam esforços em adaptar Congregação Redentorista traduz o o sistema missionário Redentorista à carisma missionário e a dedicação na realidade brasileira. evangelização dos mais abandonados, A Congregação é composta por legado deixado pelo seu fundador, Santo Afonso Maria de Liguori, que a criou no várias províncias, divididas por regiões dia 9 de novembro de 1732, em Scala, geográficas. No País, os Redentoristas só no sul da Itália. “Fortes na fé, alegres não têm residência nos estados do Acre, na esperança, ardentes na caridade, de Roraima e do Amapá. A Província do inflamados de zelo, humildes e sempre Rio de Janeiro abrange os estados do Rio dados à oração, os Redentoristas, de Janeiro, de Minas Gerais e do Espírito como homens apostólicos e genuínos Santo. As outras Unidades Redentoristas discípulos de Santo Afonso, seguem o no Brasil são: Províncias de São Paulo, Cristo Redentor com o coração cheio de Porto Alegre, de Campo Grande, de de alegria, abnegados de si mesmos Goiás; Vice-Províncias de Manaus, de e sempre prontos a enfrentar o que é Recife, de Fortaleza e da Bahia. exigente e desafiador, participam do Brenda Melo mistério de Cristo e o proclamam com Jornalista simplicidade no viver e no falar, a fim

Fortes na fé, alegres na esperança, ardentes na caridade, inf lamados de zelo, humildes e sempre dados à oração.

REVISTA

“C

5

NOSSA

MISSÃO


Juiz de Fora | MG Em pé: Padres Sérgio, Fonseca, Ronaldo, Freitas, Jaime (in memorian), Lúcio, Braz e Américo. Na frente, Nelson, Vicente e Irmão Aníbal

Tudo começou

B

na Glória

REVISTA

www.

paroquiadagloria.org.br

erço da Congregação Redentorista no Brasil; a Casa Mãe da Província Redentorista do Rio de Janeiro. Assim pode ser chamada a Igreja da Glória, localizada em Juiz de Fora, na Zona da Mata Mineira. Junto com a Capela São Roque, ela integra a Paróquia Nossa Senhora da Glória que, por sua localização na região central, foi adotada pelos católicos de várias partes da cidade, que aqui formam uma só família em torno do Santíssimo Redentor, sob a coordenação do Pároco, Padre Sérgio Luiz e Silva, C.Ss.R., e do Reitor da Comunidade Redentorista, Padre Ronaldo Divino de Oliveira, C.Ss.R. Aqui, o carisma da Congregação do Santíssimo Redentor se reflete no trabalho missionário realizado pelas diversas pastorais e movimentos, que congregam gente vinda de várias partes do município. Uma verdadeira paróquia urbana que estende o serviço pastoral em diversas frentes, como assistência social, formação, celebrações sacramentais e litúrgicas, trabalho com a juventude, visita aos doentes e às famílias, sempre anunciando a “Copiosa Redenção”. A história da Paróquia da Glória está intimamente ligada à colonização alemã. Tudo começou em 1858, quando o industrial Mariano Procópio trouxe da Alemanha imigrantes dispostos a trabalhar na Companhia União-Indústria, de sua propriedade. Em junho de 1878, a Companhia União-Indústria construiu a primeira capela dedicada a Nossa Senhora da Glória, no então chamado Morro da Gratidão, atual Morro da Glória. Em 1893, desembarcaram os primeiros Redentoristas em terras brasileiras, vindo para a então “Manchester Mineira”. O templo se tornou pequeno para abrigar tantos fiéis e, em 1916, teve início a construção de uma nova igreja, atrás da antiga. Em abril de 1923, quando já estava quase pronta a nova, aconteceu o incêndio que destruiu a velha, salvando-se apenas as imagens. Em agosto de 1924, a nova Igreja da Glória foi abençoada e, em 2000, tombada como Patrimônio Histórico Municipal. Nos últimos anos, recebeu obras de melhoria, principalmente a iluminação, que reforçaram seu caráter de cartão postal de Juiz de Fora. A Paróquia da Glória é, portanto, um importante centro de espiritualidade, que inclui a sede da Província do Rio de Janeiro e duas casas de formação: as Comunidades Vocacionais Santo Afonso e São Clemente. Uma comunidade que respira e vive o carisma de Santo Afonso em toda a sua essência.

6

NOSSA

MISSÃO


Redentoristas no

Vale da Floresta N

o Vale da Floresta se encontra a Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, que cresceu à sombra do Seminário da Floresta. Redentorista desde sua origem e pela geografia que marca o seu traçado, ela se faz necessariamente missionária. Com sete comunidades e duas áreas de missão, pede-se do povo e de nós, consagrados, um constante movimento de ir ao encontro do outro. Este movimento missionário fica mais visível nas festas de padroeiros e encontros de formação. Por não ter uma matriz ou igreja consagrada à sua Padroeira, nossa linha de trabalho é a rede de comunidades. Aqui somos três Missionários Redentoristas vivendo a missão na simplicidade e alegria de estar com o povo. Animamos nossas pastorais e movimentos para junto conosco estar ao lado dos mais desanimados e fortalecer os que estão no caminho. A grande novidade tem sido o trabalho com a juventude, que recebeu novo ânimo com a Jornada Mundial da Juventude. A cada mês saímos em missão visitando e celebrando em uma das comunidades paroquiais. Também podemos contar de modo mais efetivo com a Liga Católica e os Missionários Leigos Redentoristas, que vivendo mais intimamente nosso Carisma, vêm nos ajudando no anúncio da “Copiosa Redenção”. Pe. José Wilker

Juiz de Fora | MG

Pároco

REVISTA

Padres Vicente, Nelson, Carvalhais, Zambom, Vidigal, José Wilker, Araújo e Maikel

7

NOSSA

MISSÃO


Rio de Janeiro | RJ Irmão Pedro, Padres José Marques, Ricardo, Mauro, Penido, Vidigal e Luís Carlos

Paróquia

Santo Afonso N

www.

santoafonsorj.org.br

o centro da Tijuca, a Igreja Santo Afonso desponta como irradiadora do Evangelho. Nos passos de nosso padroeiro podemos contemplar nossos paroquianos com um carisma alegre, acolhedor e dinâmico. À frente da paróquia está a Comunidade dos Missionários Redentoristas, que zelosamente vem cuidando do rebanho de Cristo nestas paragens há mais de 100 anos. Uma das mais antigas igrejas do tradicional bairro da Tijuca, no Rio de Janeiro, a Santo Afonso carrega o patrimônio histórico de ter um templo belo e uma presença forte dos leigos e da Comunidade Redentorista na história da cidade. Por exemplo, recentemente, a Liga Católica Santo Afonso completou 105 anos de existência. No decorrer de sua história participou de momentos dramáticos de quando o Rio ainda era capital do Brasil, enchendo as avenidas do Centro para defender os valores da família e da doutrina social cristã. A paróquia, também, foi um espaço de acolhida, questionamento e postura frente à ditadura militar. Atualmente, a Igreja vem sendo protagonista na parceria com órgãos que zelam pela promoção humana, tais como o SESC, a Obra Social Santo Afonso e São Geraldo e também a Casa da Convivência Mãe do Belo Amor. Insistimos ainda na promoção Cultural através da apresentação de corais, orquestras e concertos de renome como, por exemplo, o Coral e Orquestra Corporativo da Petrobras. Em 2012, tivemos as Santas Missões Redentoristas que bem movimentou o território paroquial; e, este ano, com a presença do Papa Francisco no Rio e a Jornada Mundial da Juventude estamos tendo a graça de recolher resultados muito positivos, como o retorno de muitos irmãos à nossa Igreja. Na paróquia encontramos pessoas com um amor que aquece o coração da gente. É bonito ver o amor dos fiéis por nossa igreja e o zelo com que lidam para melhorar a estrutura de nosso complexo: igreja, adro, salas. De fato, aqui, na simplicidade de nosso espaço de atendimento, muitos irmãos e irmãs encontram o conforto e recuperam o sentido da vida através da acolhida dos missionários de Santo Afonso. É louvável como nosso fundador vem intercedendo por nossa paróquia, através da ternura das crianças, do dinamismo dos adolescentes e jovens, da fidelidade dos adultos e idosos. Isso faz de nossa Comunidade Paroquial uma Igreja Viva e alegre na busca de se construir o Reino de Deus na Terra.

REVISTA

Pe. Luis Carlos de Carvalho Silva, CSsR 8

NOSSA

MISSÃO


“ ” Uma rede de comunidades

Paróquia

São Sebastião A

• Caixa comum (divisão igual dos bens). • Não há um missionário fixo para cada comunidade ou celebração (favorece o acolhimento). • Diversidade de grupos (o Espírito sopra onde quer). • Comunidade Missionária (Espírito de solidariedade onde a convivência é um aprendizado). • Projeto pastoral (guia pastoral, o projeto Crer-Ser, Projeto de Vida e a Catedral é 10, você também é 10). Com isto, as linhas prioritárias do nosso caminhar são: a escuta da palavra, a formação e educação na fé, a dignidade humana e o social e, por fim, a grande ação de graças, pois tudo é graça. É deste modo que nós, Comunidade Redentorista e Paróquia São Sebastião de Coronel Fabriciano, expressamos o nosso retrato.

Coronel Fabriciano | MG Seminarista Rodrigo, Dom Lélis, Padres Maikel, Macedo, Irmão Afonso, Padres Wanderlei, Cláudio, seminaristas Julio e Benedito REVISTA

pergunta motivadora para este artigo foi: qual a marca, a identidade de sua Comunidade Redentorista e da Paróquia São Sebastião de Coronel Fabriciano? Você, nós que somos Redentoristas e vivemos inseridos em nossos trabalhos pastorais e apostólicos, sabemos que na prática é difícil separar comunidade Redentorista e paróquia. Aqui, no Vale do Aço, existe esta “mistura” que deu certo. Caminhamos construindo e efetivando o Reino de Deus. Já faz 65 anos desta grande parceria dos missionários Redentoristas com a Diocese de Itabira-Coronel Fabriciano (MG). Sustentar esse trabalho no modelo de rede de comunidades é exigente e fascinante. É preciso encanto. A palavra de Deus encanta e seduz. Só caminha com fidelidade e coragem quem está encantado. Vivemos em um tempo de des-encanto. Só um anúncio explícito e um convite direto às pessoas faz uma paróquia caminhar. Nossa rede é formada por 17 comunidades. Ocupamos um grande espaço territorial da cidade e um espaço maior ainda com os laços afetivos estendidos em todo o Vale do Aço. Neste ano de 2013, ao inaugurarmos o Centro Pastoral São Geraldo, criamos uma logomarca para a Paróquia. Ser rede de comunidades é sempre desafio, mas também é edificante. Desafio, porque nossa cultura atual valoriza o subjetivo, o meu pequeno mundo. Edificante, porque ser discípulo e ser Igreja é viver a caridade, a solidariedade, a alegria de caminharmos juntos (At 1,42-47). Para que a comunidade Redentorista e a Igreja façam presença nesse grande espaço oferecido por Deus, destacamos pontos favoráveis e as conquistas desta rede de comunidades:

9

NOSSA

MISSÃO


Belo Horizonte | MG Padres Flávio, Carrara, Zambom, Vicente, Irmão Pedro, Padres Neves, José Augusto e Lima

Identidade Redentorista da

Paróquia São José N

www.

igrejasaojose.org.br

ós, missionários Redentoristas, atuamos na Paróquia São José, no coração da capital das Minas Gerais, desde 1900. Como membros de uma Congregação que está presente em todos os continentes, podemos dizer que somos formados para ser cidadãos do mundo. Digo isso porque, desde suas origens, nossa Congregação nasceu com a missão de continuar a obra redentora de Jesus. Então, nossa identidade é a missionariedade. Anunciar a Boa Notícia do Evangelho aos cabreiros de todas as épocas de um modo sempre novo. Qual é a marca dos missionários Redentoristas na Igreja São José? Nossa paróquia tem todas as características de um santuário. Como tal, é uma igreja de “passantes”. Isso requer de nós uma atenção muito grande no sentido de como ser pastores, como evangelizar, como atender às demandas dos que nos procuram. Sem pretensão alguma: o diferencial está no aprendizado que fazemos, a cada dia, no sentido de acolher bem a todos, independentemente da classe social. Gastar tempo considerável no confessionário. Ainda são muitos os que procuram esse lugar em nossa paróquia para mudar de vida, para partilhar o fardo do dia a dia. As celebrações eucarísticas bem preparadas fazem com que os participantes aprendam a ligar fé e vida. A não cair na tentação do intimismo espiritual, muito presente em nosso meio hoje em dia. O atendimento aos doentes e idosos é feito com um carinho todo especial. O cuidado com a catequese bem organizada que cativa e que envolve. O espaço largo e acolhedor para os jovens se expressarem, para serem jovens. Uma frente de trabalho de muita expressão é o da área social. Não obstante os grandes avanços do nosso País, também no social, o atendimento em nossa paróquia, nesse setor, é um termômetro de que muita coisa ainda precisa ser feita, e urgentemente. Podemos dizer que nossa identidade traz o selo dos Missionários da Copiosa Redenção.

REVISTA

Pe. Zambom, C.Ss.R.

10

NOSSA

MISSÃO


Santuário: lugar da experiência de Deus!

Santuário Nossa Senhora do

O

A Marca Redentorista A partir do encontro com a pessoa de Jesus Redentor e a vivência da espiritualidade Mariana, somos uma Igreja Missionária, promovendo a alegre acolhida dos que chegam e possibilitando a todos uma experiência da Graça de Deus, alicerçados no Evangelho e iluminados pelo ideal Redentorista. Somos um lugar sacramental da presença de Maria, casa da mediação materna. Maria no Santuário não só intercede,

mas cuida e educa como mãe. Ela aponta a Jesus, mostra caminhos, chama à conversão, corrige e não apenas “resolve os problemas” ou “faz milagres”. Somos casa de uma mãe educadora. A casa da mãe não é somente casa de acolhimento e de socorro na hora do desespero, Neste Santuário, o filho se encontra com Deus e Sua vontade, na escuta da Palavra, nos sacramentos e nas formas esclarecidas de piedade popular. Nessa casa, o filho se encontra com seus irmãos, aprendendo a servi-los em suas necessidades e a viver em comunhão com eles. Atualmente temos 28 pastorais que dinamizam a obra evangelizadora e um trabalho missionário nas comunidades do Carvão e Chatuba.

Padres Waldo, Nelson e Souza Pe. João Egg (in memorian)

REVISTA

Santuário é um lugar especial. O Povo de Deus é sempre atraído aos Santuários em busca do mistério. E faz uma experiência profunda com Deus, sente o alívio de suas penas, o conforto da Palavra de Deus que é proclamada, partilha da Eucaristia e reconcilia-se com Deus, consigo mesmo e com os irmãos. Embora presente em Campos (RJ) desde janeiro de 1923, somente em 1955, foi inaugurado o templo em louvor a Nossa Senhora. Os padres Gabriel e Ambrósio, desde o início, já sonhavam com um Santuário. Mas, somente em 1996, a igreja do “Convento” tornou-se oficialmente o “Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro”. A Comunidade Redentorista foi pioneira na Diocese de Campos, que era tradicionalista naquele tempo, implementando as mudanças do Vaticano II.

Campos | RJ

www.

santuarioperpetuosocorro.org.br

Perpétuo Socorro

11

NOSSA

MISSÃO


Curvelo | MG Padres Leite, Antônio Luiz, Ivo, Paulo, Mário, Assis, Anderson e Irmão Geraldo

Basílica de

São Geraldo N

REVISTA

www.

basilicasaogeraldo.org.br

ossa presença aqui em Curvelo vem de 1906, quando chegaram nossos primeiros confrades vindos da Holanda: Ir. Filipe Winter, Pe. José Gossens e Pe. Tiago Boomars. Já vieram com a incumbência de ser presença missionária Redentorista no sertão de Minas e também de trazer com eles o Irmão Geraldo Majela, que acabara de ser canonizado (1904). Poucos anos depois deram início à construção do Santuário e do convento de São Geraldo. Foram acolhidos pela família Alves Ribeiro, moradores nas proximidades do terreno ganho para construir o que se pensava: o Santuário e o convento. Logo deram início às atividades pastorais missionárias, com a Oitava, nos meados de outubro, encerrando-se com o dia da festa: 16. Desde o começo este trabalho foi muito bem aceito pela população, que, inclusive, ganhou de presente a imagem do Santo, esculpida toda em madeira preciosa e vinda da Holanda, ofertada por um devoto após alcançar uma graça por intercessão de São Geraldo. E assim é que o povo vem sempre chegando, desde então! Com o tempo foi criada a Revista de S.Geraldo, espalhada por muitos lugares no Brasil. O trabalho diário é o atendimento pastoral: confissões, aconselhamento, bênçãos, visitas a enfermos e, atualmente, presença também nos Meios de Comunicação e em momentos catequéticos para jovens e adultos, com os grupos de leitura bíblica pelos bairros, etc. Tudo vem ganhando boa aceitação, graças a Deus. No momento vivemos a reforma da pintura interna da Basílica, coisa que já se fez mais de uma vez!

12

NOSSA

MISSÃO


Paróquia

Sagrada Família A

organizada que, com nossa presença, discute assuntos de seu interesse, os quais tangem ao cotidiano de nossas vidas (segurança, saúde etc.). Com o corpo missionário formado pelos Padres José Maurício e André, Diácono Alfredo e Irmão Domingos, temos nos esforçado “para continuar o exemplo de Cristo pela vida apostólica que compreende, a um só tempo, a vida especialmente dedicada a Deus e a obra missionária dos Redentoristas” (Const. 1). Pe. José Maurício de Araújo, C.Ss.R. Reitor e Pároco

Cariacica | ES Padres José Maurício, André, Frater Alfredo e Irmão Domingos REVISTA

s Constituições da Congregação Redentorista dizem que a finalidade deste Instituto é “continuar o exemplo de Jesus Cristo Salvador, pregando aos pobres a Palavra de Deus, como disse Ele de si mesmo: Enviou-me para evangelizar os pobres” (...). “A Congregação (...) é, por natureza, missionária” (...), realiza isto “atendendo, com dinamismo missionário, às urgências pastorais e se esforçando por evangelizar os mais abandonados, principalmente os pobres” (Const. 1). E “para cumprir essa missão na Igreja, reúne a Congregação membros que, vivendo em comum, constituem um só corpo missionário que, consagrados pela profissão religiosa, a ela se dedicam organicamente, de acordo com o ministério próprio de cada um...” (Const. 2). A Paróquia Sagrada Família, sob os cuidados dos Missionários Redentoristas, situada na Grande Nova Rosa da Penha, periferia de Cariacica (ES), às margens da BR 101, tem buscado manter sua índole missionário-evangelizadora. Assim o fazemos, na liturgia e na vida, respeitando o ritmo dos seus paroquianos, cuja identidade se esvai em meio à complexidade sócio-política-religiosa da região. Além disso, nossa residência tem se transformado em um espaço evangelizador e propício para reuniões e formação dos diversos grupos pastorais. Nossos espaços físicos (residência e paróquia) são cedidos para reuniões da sociedade civil

13

NOSSA

MISSÃO


Frei Gaspar | MG Padre José Carlos, Irmão Argemiro e Padre Élio

Comunidade Missionária em

Frei Gaspar

A

REVISTA

Província do Rio designou uma equipe missionária, composta pelo Pe. Élio da Silva Atayde, Pe. José Carlos Campos e Irmão Argemiro Herculano de Melo para atuar em Frei Gaspar (MG). A experiência de trabalho teve início em fevereiro de 2012, construída em diálogo com as necessidades pastorais da Diocese de Teófilo Otoni. A iniciativa está de acordo com as interpelações do Governo Geral Redentorista e com os anseios da Província do Rio em buscar novas fronteiras de evangelização. Não se trata de uma fundação, mas de uma comunidade Redentorista inserida na vida do povo. A equipe missionária está instalada na Paróquia Nossa Senhora da Imaculada Conceição, formada por 22 comunidades rurais, sendo que uma é a matriz. Para o Pe. José Carlos, a presença Redentorista no Vale do Mucuri tem sido muito gratificante. - O sentimento que me toca vem da minha formação como Redentorista. Eu sempre aprendi que o carisma nosso é desafiante, é estar entre os mais pobres e aqui é uma realidade muito carente. Estar aqui é ajudar o povo a ter consciência de tudo para aproveitar as chances que lhes são dadas e irem para frente com a graça de Deus - disse o sacerdote.

14

NOSSA

MISSÃO


Vida, fé e missão dos

Leigos Missionários

Três são os eixos norteadores que alimentam a espiritualidade dos leigos nesta Província do Rio, fazendo florescer “a missão no coração e o coração na missão a serviço da abundante Redenção”: formação, aprofundamento na espiritualidade cristã e Redentorista e a vivência e o despertar da criatividade missionária. Sem dúvida, muitos leigos têm descoberto que o carisma e a espiritualidade Redentorista encontram eco na sua vida, fé e missão. Com certeza, essa parceria proporciona nova mentalidade missionária, novo jeito de fazer apostolado e outras tantas maneiras de se tornarem presentes no mundo da família, do trabalho, da sociedade e, até mesmo, como enfrentar os muitos desafios do dia a dia. Sendo os Redentoristas desafiados à reestruturação da Congregação, é sim, fecundo esse chamado à comunhão para a missão. Assim, de mãos dadas, Redentoristas e leigos vão proclamando, de modo sempre novo, a Boa Nova de Jesus Cristo aos mais abandonados. Angelo Farias Missionário Leigo Redentorista –Unidade Dom Muniz – BH/MG

REVISTA

A

bonita parceria desta Província Redentorista vem fortalecendo e oferecendo novas possibilidades de comunhão mútua e experiências no cotidiano da vida, fé e missão dos leigos. Parceria essa que encoraja e suscita compromisso e discernimento dos leigos como membros do povo fiel ao Cristo, o Redentor das nossas vidas e histórias. Como missionários, participam com alegria e audácia da missão de Jesus e da Igreja, no espírito do pai espiritual, o fundador Santo Afonso e seus seguidores. Organizados em Unidades, verdadeiras comunidades de fé e de vida, os leigos reúnem-se periodicamente com a presença amiga e fraterna de um assessor (Redentorista) para formação, orações e partilhas. Compostas por homens, mulheres (casados ou não) e jovens, respondem com esperança à vocação batismal, em comunhão com o carisma da Congregação Redentorista. Retiros e assembleias anuais, animadas e coordenadas também pelos Redentoristas, estimulam e provocam disponibilidade para a missão e a vida apostólica.

15

NOSSA

MISSÃO


Obras

Sociais

Promoção humana que supera o assistencialismo

O

REVISTA

ser cristão nos faz trilhar o caminho da solidariedade como via de aproximação de Cristo, que assumiu nossa humanidade e se identificou de forma especial com o pobre e oprimido. Cristo nos deixa o mandamento da caridade fraterna como forma de realização pessoal e transformação do mundo marcado pela injustiça em algo totalmente novo que é o seu Reino. Para viver esse mandamento de Jesus e anunciar a Redenção que atinge o ser humano na sua integralidade, os Missionários Redentoristas buscam caminhos de ajudar as pessoas a serem capazes de, com as próprias forças, superar os males que os oprimem, como elemento essencial da pregação do Evangelho (Est 09). Atualmente, a Província do Rio de Janeiro conta com sete Obras Sociais vinculadas às suas comunidades, nas cidades de Belo Horizonte, Curvelo, Coronel Fabriciano, Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Cariacica e Juiz de Fora. Em todas vemos acontecer a missão de suscitar obras que visam a promoção humana e social, superando o assistencialismo que impede a pessoa de buscar seus direitos e de se qualificar.

16

NOSSA

MISSÃO


O

s Missionários Redentoristas têm como incumbência o anúncio explícito do Evangelho e a solidariedade com os pobres, a promoção de seus direitos fundamentais na justiça e na liberdade, com o emprego dos meios que sejam, ao mesmo tempo, conformes ao Evangelho e eficazes. (Const. 5)

Com projetos de capacitação, convivência e geração de renda, a obra social Redentorista avança na qualificação de milhares de atendidos por ano. Assim colaboramos para que o mundo se transforme, o Reino de Deus se amplie e o ser humano se realize como o sonho de Deus.

I Congresso Social Redentorista

A

REVISTA

Província do Rio, Minas e Espirito Santo promoveu entre os dias 14 e 18 de outubro, o I Congresso Social das Unidades Redentoristas do Brasil com o tema “A Cultura do cuidar: à luz do Carisma Redentorista”. O evento reuniu províncias, vice-províncias, religiosos gestores e trabalhadores das unidades mantidas de educação e assistência social das (Vice) Províncias de todo o País. O congresso foi uma oportunidade para partilhas e trocas de experiências das ações desenvolvidas por meio da cultura do cuidar à luz do Carisma Redentorista. “Cuidar é uma atitude de amor e interesse por outra pessoa. A capacidade de uma sociedade cuidar dos seus membros é a marca do seu desenvolvimento”. O encontro realizado na Casa de Retiros São José, em Belo Horizonte (MG) contou com palestras, apresentações das unidades, mesa redonda, apresentações culturais e uma peregrinação à Basílica de São Geraldo em Curvelo (MG) para visitar uma das obras sociais redentoristas.

17

NOSSA

MISSÃO


O processo formativo para se tornar um

Missionário Redentorista na Na Província do Rio de Janeiro, o processo formativo para se tornar um missionário Redentorista é longo, exigente e sólido. Um missionário Redentorista é fruto de um longo trabalho de preparação que tem diversas etapas. O objetivo é levar o formando à maturidade humana e cristã.

1ª etapa: O despertar e o acompanhamento vocacional

Primeiramente, acontece o trabalho de suscitação e divulgação da obra Redentorista. Isto se faz através das várias frentes de trabalho dos Missionários Redentoristas. Antes de ingressar em uma de nossas comunidades vocacionais, o jovem vocacionado é acompanhado pelo Secretariado de Vocações Redentoristas, situado em Belo Horizonte (MG).

2ª etapa: Comunidade Vocacional Santo Afonso

É a primeira das Comunidades Vocacionais. Os formandos cursam o ensino médio nos colégios da rede particular da cidade. Está localizada em Juiz de Fora (MG). Tem como lema crescer e florescer como gente, na verdade, liberdade e responsabilidade, possibilitando que a formação aconteça em todas as dimensões: humana, espiritual, comunitária e acadêmica.

3ª etapa: Comunidade Vocacional São Clemente

REVISTA

Nesta etapa, os formandos fazem o curso de Filosofia na Universidade Federal de Juiz de Fora. Busca-se uma formação acadêmica sólida para alargar a consciência da História e do mundo. Trabalha-se de forma mais profunda a identidade Redentorista. Há a inserção no trabalho pastoral e nas missões Redentoristas. A Comunidade Vocacional São Clemente está situada em Juiz de Fora.

18

NOSSA

MISSÃO


Província do Rio de Janeiro 4ª etapa: SPES

Aqui acontece uma pausa na experiência de estudos acadêmicos para uma Síntese Pessoal das Experiências Substantivas. O objetivo básico é o de rever e aprofundar o que foi vivido nas etapas anteriores, para fazer um discernimento vocacional consistente. Esta comunidade vocacional está localizada em Coronel Fabriciano (MG), junto à Comunidade Redentorista.

5ª etapa: Noviciado

Como afirma a Constituição 86 da Congregação Redentorista, “o noviciado tem por finalidade que os candidatos examinem mais profundamente se realmente são chamados por Deus a seguir a Cristo, pela profissão religiosa, na vida apostólica da Congregação”. Ao término do noviciado (12 meses), o formando faz a primeira profissão, tornando-se de fato, um missionário Redentorista. O noviciado é interprovincial, por isso se realiza na Província de São Paulo, na cidade de Tietê (SP).

6ª etapa: Comunidade Vocacional Dom Muniz

É a última etapa da formação inicial, sendo a primeira experiência de vida religiosa; enquanto se prepara para a consagração definitiva pelos votos perpétuos e para o presbiterato. Tem como eixo central o estudo de Teologia e a experiência pastoral junto aos mais abandonados. O curso de teologia é feito na FAJE (Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia). A Comunidade Vocacional Dom Muniz está localizada em Belo Horizonte (MG).

7ª etapa: Transição para o Ministério

Após a graduação em Teologia e a profissão perpétua, segue a experiência Redentorista em uma comunidade da Província. A primeira opção é na Equipe de Missão Inserida, em Cariacica (ES); realidade desafiante e que corresponde muito bem ao Carisma Redentorista de evangelizar os pobres e mais abandonados. Após o diaconato, o jovem Redentorista faz um estágio pastoral em outra unidade da Congregação, em outro país da América Latina.

A formação do Irmão Redentorista:

REVISTA

Os formandos que se preparam para serem Irmãos Redentoristas percorrem boa parte deste processo, porém não têm a exigência dos cursos acadêmicos de Filosofia e Teologia. São oferecidos cursos técnicos, curso de Teologia para leigos e outros que serão úteis para o seu trabalho na Congregação Redentorista.

19

NOSSA

MISSÃO


Sê forte na fé e alegre na esperança!

Ano

O Redentor te chama pelo nome

Vocacional Redentorista

01 de agosto de 2013 a 09 de novembro de 2014

A

ssim começamos um novo tempo! Uma iniciativa do Governo Geral da Congregação, que foi abraçada por todos os Redentoristas, leigos, jovens e institutos afiliados. No período acima citado, vamos com o coração voltado para o Santíssimo Redentor cuidar do chamado que recebemos e que transmitimos aos que conosco avançam na ousadia de sempre despertar-nos para a vocação que cada um traz consigo! Fiéis ao nosso carisma, refletiremos e rezaremos sobre pontos básicos da Vocação Redentorista, olhando com muito carinho as vocações especificas e nelas descobrindo nosso compromisso, assim como fez Santo Afonso ao inspirar-se na passagem do Evangelho de Lucas: proclamaremos o ano da graça do Senhor. Assim, caro leitor, o convite que aqui expressamos é: fiquem atentos, pois muita coisa boa irá acontecer e com sua colaboração compreenderemos sempre mais que somos chamados a sermos fortes na fé e alegres na esperança! Então, responderemos ao convite do Senhor da Messe, valorizando a diversidade de dons e carismas de nossa Igreja. Vocação não é só chamado, mas é também resposta... Já pensou qual é a sua?

Oração Vocacional

REVISTA

Senhor, foi por amor que nos destes a vida. Por isso, sentimos vosso convite ressoar em nosso coração chamando-nos pelo nome para sermos discípulos missionários vossos. Fortes na fé, alegres na Esperança, queremos dizer SIM, enfrentando os desafios próprios de nosso tempo, manifestando a todos a alegria de partilhar vossa vida. Dai-nos perseverança no anúncio da Copiosa Redenção, de modo especial às pessoas marcadas pelo abandono e pelo desânimo, por causa da violência, do tráfico e de tantas desventuras. Que este Ano Vocacional Redentorista desperte-nos para a vocação que cada um traz consigo! Que sejamos pessoas realizadas para viver com intensidade o projeto redentor de Cristo, descobrindo nossa missão no mundo! Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, protegei nosso coração cheio de vida e de esperança. Dai-nos a graça de viver sempre junto de vosso Filho Jesus! Santo Afonso, rogai por nós e por toda a juventude! Amém!

20

NOSSA

MISSÃO


Juventude Redentorista

E

m 2012, quando foi fomentada a criação da Juventude Redentorista nas paróquias e santuários da Província do Rio, a esperança era de que os jovens ganhassem cada vez mais destaque e voz dentro das comunidades. Afinal, eles seriam os protagonistas de 2013 com as jornadas Mundial e Afonsiana. A Jornada Afonsiana (22/07/2013), que reuniu mais de dois mil jovens de todas as (Vice) Províncias Redentoristas do Brasil e de diversos outros países, mostrou como a Espiritualidade Redentorista tocou a todos. Foram centenas de jovens das nove casas da Província do Rio e, o mais importante, todas tinham seus representantes. Assim, as expectativas iniciais foram superadas. Grupos cada dia mais consistentes, com jovens bem dispostos, fizeram da Juventude Redentorista referência em quase todas as casas da Província. Ocorreram encontros, retiros e romaria que uniram todas as juventudes de Minas, Rio e Espírito Santo em uma só identidade, criando laços do Rio de Janeiro a Frei Gaspar, de Cariacica a Curvelo. Dia após dia, a Juventude fortalece a identidade Redentorista. Infusa com a presença de Deus, compromissada com os mais necessitados e vivendo no Espírito o anúncio da Copiosa Redenção se torna, cada vez mais, tarefa simples do cotidiano dos jovens.

REVISTA

Que novos desafios surjam, pois os jovens, hoje, estão prontos.

21

NOSSA

MISSÃO


Rádio Educadora,

há 45 anos anunciando a Redenção Copiosa

N

o dia 18 de março de 1968 surgia o primeiro veículo de comunicação de massa na região do Vale do Aço. Com ligação profunda, no dia a dia dos ouvintes, a Rádio Educadora AM 1010 consolidou-se ao longo dos anos como o mais forte veículo de formação de opinião da região, promovendo a veiculação da boa notícia e despertando a consciência e o interesse dos ouvintes para os mais variados temas sociais, culturais e, principalmente, religiosos. Nestes 45 anos, a Rádio Educadora não apenas cresceu junto, mas também ajudou a construir uma cultura de Paz no Vale, que permanece, ao manter uma programação que atinge a todas as classes, sempre prezando pela ética na informação jornalística de qualidade e verdade e o ponto forte: a evangelização. Em 2004, foi inaugurado o Canal FM 107,1, que veio somar, no crescimento da consciência da missão cultural e educacional, com uma programação musical de alto nível no segmento adulto-contemporâneo, abrangendo poesia, saúde, gestão e notícias. Chegamos aos 45 anos conscientes de que muito ainda podemos caminhar e realizar, sempre buscando a qualidade na cultura e a evangelização. E contamos com a presença de nossos parceiros e apoiadores culturais, bem como de nosso Clube de Amigos e Amigas do Rádio. Ao participar desta família evangelizadora, Você adquire os méritos de Evangelizador. Pe. Vanderlei Santos de Sousa C.Ss.R. Diretor

Você pode acompanhar toda a nossa programação pela internet

acessando nossas páginas eletrônicas www.

educadoramg.com.br

RadioEducadoraMG,

www.facebook.com/

REVISTA

utilizando ainda os aplicativos no Itunes e Google Play.

22

NOSSA

MISSÃO


Endereços da

Congregação Redentorista MG - RJ - ES Juiz de Fora - MG

Sede Provincial Av. dos Andradas, 855 - Morro da Glória. Juiz de Fora – MG. CEP: 36036-000. Caixa Postal 45011 – CEP: 36035-970 Tel.: (32) 3218-4715 / (32) 3216-1215 Fax: (32) 3216-1171 E-mail: contato@provinciadorio.org.br Web: www.provinciadorio.org.br Igreja da Glória Av. dos Andradas, 855 - Morro da Glória. Juiz de Fora – MG. CEP: 36036-000. Tel.: (32) 3215-1831 Fax: (32) 3211-9811 E-mail: gloria@paroquiadagloria.org.br Web: www.paroquiadagloria.org.br Comunidade Vocacional Santo Afonso Casa de Formação / Ensino Médio Rua Dom Pedro II, 155 - Mariano Procópio. Juiz de Fora – MG. CEP: 36035-090. Tel.: (32) 3218-2242 Fax: (32) 3213-2916 Comunidade Vocacional São Clemente Casa de Formação / Filosofia Av. dos Andradas, 855 - Morro da Glória Juiz de Fora – MG. CEP: 36036-000 Tel: (32) 3216-3192 Fax: (32) 3215-6918 Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Capela São Sebastião) Rua Henrique Pimenta Braziel, 277 Bairro Jardim Esperança Juiz de Fora – MG. CEP: 36072-290. Tel: (32) 3237-4308 E-mail: paroquiansperpetuosocorro@yahoo.com.br Seminário da Floresta – Casa de Retiros Rodovia BR 267 – Km 85,7. Juiz de Fora – MG. CEP: 36073-130. Tel.: (32) 3235-7408 Fax: (32) 3235-7204 E-mail: contato@seminariodafloresta.com.br Web: www.seminariodafloresta.com.br

Belo Horizonte - MG

Escritório Central da Província Rua Tupis, 204/sl 300 – Centro Belo Horizonte – MG. CEP: 30190-904 Tel.: (31) 3226-9595 Fax: (31) 3226-5832 E-mail: escritoriocssr@terra.com.br adm@provinciadorio.org.br Igreja São José Rua Tupis, 164 – Centro. Belo Horizonte – MG. CEP: 30190-060 Tel.: (31) 3273-2988 Fax: (31) 3226-4138 E-mail: comunicacao@igrejasaojose.org.br Web: www.igrejasaojose.org.br Comunidade Vocacional Dom Muniz Casa de Formação / Teologia Rua Capitão Leonídio Soares, 751 – Planalto Belo Horizonte – MG. CEP: 31720-590 Tel.: (31) 3494-4519 Fax: (31) 3494-3234 Secretariado Vocacional Redentorista Rua Capitão Leonídio Soares, 751 – Planalto. Belo Horizonte – MG. CEP: 31720-590. Telefax: (31) 3494-4519 E-mail: pvredentoristarj@ig.com.br Web: www.vocacionalredentorista.com.br Casa de Retiros São José Av. Itaú, 475 - Dom Bosco Belo Horizonte – MG. CEP: 30850-035 Tel.: (31) 3411-5040 Fax: (31) 3411-4813 E-mail: contato@casaderetirossaojose.com.br Web: www.casaderetirossaojose.com.br

Curvelo - MG

Basílica de São Geraldo Praça do Santuário, 60 – Centro Curvelo – MG. CEP: 35790-000

Tel.: (38) 3721-7955 Fax: (38) 3721-3487 E-mail: basilicasaogeraldo@hotmail.com Web: www.basilicasaogeraldo.org.br

Obra Social Padre Nilton Fagundes Hauck Rua Sérgio Barbosa, 23 – Bairro Retiro Juiz de Fora – MG. CEP: 36072-580 Tel.: (32) 3215-2987 E-mail: socialpadrenilton@provinciadorio.org.br

Paróquia São Sebastião Rua Dr. Querubino, 303 – Centro Coronel Fabriciano – MG. CEP: 35170-001 Tel.: (31) 3842-1091 / (31) 3841-2733 Fax: (31) 3841-5129 E-mail: paroquia_saosebastiao60@yahoo.com

Obra Social Redentorista Rua Manoel Joaquim Pires, 63 - Centro. Tel.: (31) 3842-1091 Coronel Fabriciano – MG. CEP: 35170-082 Email: socialredentorista@provinciadorio.org.br

Coronel Fabriciano - MG

Ano SPES Casa de Formação Rua Dr. Querubino, 303 – Centro. Coronel Fabriciano – MG. CEP: 35170-001 Tel.: (31) 3841-1091 / (31) 3841-2733 Fax: (31) 3841-5129

Obra Social Sagrada Família Av. Santo Afonso, 208. Parque Rosário Campos dos Goytacazes – RJ. CEP: 28027-142 Tel.: (22) 2722-3744 E-mail: socialsagradafamilia@provinciadorio.org.br

Frei Gaspar - MG

Obra Social Santo Afonso e São Geraldo Av. Maracanã, 701 – Tijuca. Rio de Janeiro – RJ. CEP: 20511-000 Telefax: (21) 2569-0207 E-mail: socialrj@provinciadorio.org.br

Campos dos Goytacazes - RJ

Obra Social São Geraldo Praça do Santuário, 60. Centro Curvelo – MG. CEP: 35790-000 Tel.: (38) 3721-7955 E-mail: socialsaogeraldo@provinciadorio.org.br

Comunidade Missionária Redentorista Rua Francisco Bessa Couto, s/nº – Centro Frei Gaspar – MG. CEP: 39840-000 Telefax: (33) 3512-1224 Santuário N. Sra. do Perpétuo Socorro Av. Santo Afonso, 208 - Parque Rosário Campos dos Goytacazes – RJ. CEP: 28027-142 Tel.: (22) 2722-0988 Fax: (22) 2733-0026 E-mail: santuario@santuarioperpetuosocorro.org.br Web: www.santuarioperpetuosocorro.org.br

Rio de Janeiro - RJ

Igreja Santo Afonso Rua Barão de Mesquita, 275 – Tijuca Rio de Janeiro – RJ. CEP: 20540-001 Tel.: (21) 2264-6162 Fax: (21) 2284-6588 E-mail: paroquiasantoafonso@santoafonsorj.org.br Web: www.santoafonsorj.org.br

Cariacica - ES

Centro Missionário Redentorista Rua 15, nº 91. Quadra 13 - Nova Rosa da Penha I Cariacica – ES. CEP: 29157-413 Telefax: (27) 3284-3647/ (27) 3254-7322 E-mail: cmredentorista@hotmail.com

Obra Social São José Unidade Centro Rua Tupis, 164 – Centro. Belo Horizonte – MG. CEP: 30190-060 Telefax: (31) 3273-2217 E-mail: socialsaojose@provinciadorio.org.br Unidade Dandara Av. Horácio Terena Guimarães, nº 188 Bairro Céu Azul Belo Horizonte – MG. - CEP: 31585-000 Tel.: (31) 3646-0186 E-mail: socialdandara@provinciadorio.org.br

Outros endereços

Assistência Social Nossa Senhora da Glória Av. Senador Feliciano Pena, 187 - Mariano Procópio Juiz de Fora (MG) - CEP: 36080-030 Tel.: (32) 3215-9698 E-mail: assnsg@veloxmail.com.br

Paróquia Sagrada Família Rua 15, nº 71. Quadra 13 – Nova Rosa da Penha I Cariacica – ES. CEP: 29157-413 Tel.: (27) 3284-3962 E-mail: paroquia.sagrada.familia@hotmail.com

Biblioteca Redentorista Av. dos Andradas, 855 - Morro da Glória Juiz de Fora – MG. CEP: 36036-000 Tel.: (32) 3314-1688 / Fax: (32) 3314-1689 E-mail: bibliotecaredentorista@gmail.com

Noviciado Interprovincial Redentorista Caixa Postal: 20 Tietê – SP. CEP: 18530-970 Tel: (15) 3285-4050

Casa da Convivência Nossa Senhora Mãe do Belo Amor Rua Conselheiro Ferraz, 10 - Lins Vasconcelos Rio de Janeiro (RJ). CEP: 20710-350 Tel.: (21) 2581-5491 / Telefax: (21) 2581-2426 E-mail: casadaconvivencia@ig.com.br Web: www.casadaconvivencia.com.br

Dom Fernando José Monteiro Guimarães, C.Ss.R Av. Santo Antônio, 40. Centro Garanhuns - PE. CEP: 55290-000 Tel.: (87) 3761-2765 / (87) 3761-0805 E-mail: bispogaranhuns@yahoo.com Web: www.diocesegaranhuns.org

Confederação Nacional das Ligas Católicas Jesus, Maria, José Av. Nossa Senhora do Carmo, 433 - Parque Maciel Campos dos Goytacazes – RJ. CEP: 28025-480. Telefax: (22) 2738-0103 E-mail: ligacatolica@hotmail.com

Pe. Carlos Viol, C.Ss.R. Via Merulana, 31. 00185 - Roma – Itália. Casella Postale: 2458. I-00100 – Roma – Itália Tel.: 0039-06-494901 / 0039.339.364.3082 Fax: 0039-06-49490665 E-mail: cviol@terra.com.br / econ.casagen@cssr.com Pe. Válber Dias Barbosa, C.Ss.R Rua Manoel de Castro Evangelista, 127 (casa paroquial). Itacajá – TO. CEP: 77720-000 Tel.: (63) 3439-1717 E-mail: valberkraho@hotmail.com

Fundação Cultural e Educacional Santo Afonso Rua Dr. Querubino, 303 – Centro Coronel Fabriciano – MG. CEP: 35170-001

Tietê - SP

Missionários Além Fronteiras

Obras Sociais

Centro Nova Geração Rua 97, 166, Quadra 118 - Nova Rosa da Penha II Cariacica – ES. CEP: 29157-325 Tel.: (27) 3254- 4696 / 3284-4481 / 8117-5265 E-mail: cng@provinciadorio.org.br Blog: blogdocng.wordpress.com

Obra Social N. Sra. do Perpétuo Socorro Av. Santo Afonso, 208 - Parque Rosário Campos dos Goytacazes – RJ. CEP: 28027-142 Rádio Educadora Rua Manoel Joaquim Pires, 63 – Centro Coronel Fabriciano – MG. CEP: 35170-082 Tel.: Secretaria: (31) 3842-1400 Estúdio: (31) 3842-1112 / Fax: (31) 3846-2292 E-mail: educadora@educadoramg.com.br Web: www.educadoramg.com.br


REVISTA

24

NOSSA

MISSテグ

Nossa Missão  

Congregação Redentorista - Minas, Rio e Espírito Santo

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you