Page 1

Ferialístico Cidade Perdida de Atlântida Encontrada! p.2 A expedição de 3 anos para 22procurar a cidade perdida de Atlântica foi completada hoje! Cientistas descobriram a cidade às 4 da tarde em março de 21. Esse dia histórico está sendo celebrado por todo o mundo após o anúncio recente dado pela ONU.

Um Hotel Construído na Lua Com a ajuda da tecnologia da NASA, a companhia OS Resorts começou a construir um hotel na lua. OS Resorts estão trabalhando nesta construção há 2 anos.

6

Novo Restaurante Mexicano Abre em São Paulo

5

http://i.space.com/images/i/5980/i02/moo n-watching-night-100916-02.jpg?1294154541

Depois de 10 anos economizando dinheiro, Paula Martinez conseguiu abrir seu próprio restaurante Mexicano chamado Martinez

O Melhor Hotel de Gelo

Um Teletransporte Criado Depois de 15 anos de pesquisa, a NASA anunciou que o engenheiro, Luiz Martinez da NASA conseguiu inventar um teletransporte em 8 de agosto de 2012.

4

Hoje em dia, as opções de hotéis no mundo não terminam. Casas na árvore, palácios, e agora, iglus. Em janeiro de 2004, a cidade Fairbanks no Alaska abriu o Aurora Ice Hotel. Depois de alguns anos, transformou o

6

http://www.atlantis-shortstorycontest.com/site/MyImages/atlantis5.jpg

Paulina Martinez, Rina Fujikawa, Andrea Ferreira, Melanie De La Paz

QUINTA-FEIRA, 1 DE NOVEMBRO DE 2020


Issue [Date] 2 *** #: QUINTA-FEIRA, 1 DE NOVEMBRO DE 2020

Dolor Sit Amet FERIALÍSTICO

Cidade Perdida de Atlântida Encontrada! A busca finalmente acabou

A expedição de 3 anos para procurar a cidade perdida de Atlântica foi completada hoje! Cientistas descobriram a cidade às 4 da tarde em março de 21. Esse dia histórico está sendo celebrado por todo o mundo após o anúncio recente dado pela ONU. Além dos cientistas principais serão russos, americanos, chineses, britânicos e brasileiros a ONU chegou a conclusão que a cidade vai pertencer ao mundo inteiro. A descoberta da cidade não foi muito fácil e muitos dos países já estavam preparados para encerrar a escavação de 8 meses quando o time achou um inseto diferente de tudo o que haviam achado antes. Decidiram chamar o bicho "supercalifragilisticexpialidocious" e esse animal deu esperança a todos

para continuarem as buscas para continuar a escavação. E agora, depois de 3 anos, a cidade foi encontrada. "É o lugar mais bonito que eu já vi" disse Tom Brooks, cientista dos Estados Unidos. Além de ser bonita, a cidade também tem muita tecnologia verde avançada que "Vai mudar as nossas vidas para sempre" comentou o brasileiro Thiago Beneta. E é por essa razão que os cientistas principais e a ONU decidiram que Atlântida deve pertencer ao mundo. Por isso, antes que as cidades pudessem começar a entender esta tecnologia nova, cada país teve que assinar um contrato jurando que não vai roubar ou usar a tecnologia sem primeiro consultar os outros países.

2


Issue #: [Date] FERIALÍSTICO

Sit *** Amet QUINTA-FEIRA, 1 DE NOBEMBRO Dolor DE 2020 3

Os Espíritos Estão Conosco É Esse Época do Ano

O festival dos espíritos é uma tradição de Atlântida desde a fundação do pais. O festival continua por um período de quatro dias nos quais as pessoas caminham para o centro do coração de Atlântida, a lagoa Vespere. Vespere quer dizer "que junta todos nós" significando a importância da água na cidade e de como o povo precisa dela. “A água é tudo para a gente, nos dá vida e nos ajuda aceitar as coisas que fizemos na vida” disse o rei que da início ao festival todo ano. O festival acontece duas vezes no ano, a primeira é em março, quando o gelo derrete e a segunda é em agosto, quando o espírito da água está mais forte. O festival dos espíritos existe por causa de uma menina, Jannen Botecu. A lenda fala que um dia em março, quando não tinha lua no céu, a menina perdeu a sua mãe. Enquanto o pai chorava de tristeza, ela resolveu andar pelo gelo que ainda não havia derretido. Ela parou e começou a chorar e de repente o gelo quebrou. E assim, ela conseguiu ver as estrelas na água e uma estrela brilhou mais do que as outras e ela sabia que essa era a da sua mãe. Desde esse dia, o povo de Atlântida vê a água como uma conexão com os ancestrais deles. A água ajuda-os a lamentar a perda de alguém. http://www.danheller.com/images/UnitedStates/Oregon/CraterLake/Night/milky-way-stars-n-lake-2-big.jpg

3


#: [Date] 4Issue *** QUINTA-FEIRA, 1 DE NOBEMBRO DE 2020

Dolor Sit Amet FERIALÍSTICO

Um Teletransporte Criado Nova Invencao Espetacular da NASA

Depois de 15 anos de pesquisa, a NASA anunciou que o engenheiro, Luiz Martinez da NASA conseguiu inventar um teletransporte em 8 de agosto de 2012. Esta invenção vai te levar para qualquer lugar do mundo em um instante. Martinez ainda está trabalhando nesta máquina para tornar a ida ao espaço possível. Se esta invenção for criada, vai mudar o senso comum que o espaço é um lugar longe da Terra e a viagem para lá é perigosa. Mas a maioria dos acidentes que acontecem não são quando os austronautas estão no espaço então este teletransporte ao espaço vai ser uma invenção que vai fazer a viagem ao espaço uma coisa normal.

Não é so isso, mas pode ir para qualquer lugar, como Paris, Londres, Miami, ou a Atlântida. Atlântida que precisa de tempo para chegar, pode ser visitada em só alguns segundos. Vai ser bem conveniente para viagens também. Esta máquina pode ser comprada por dez bilhões de dólares a partir de primeiro de janeiro de 2013. Mas pode ser usada no centro da cidade em qualquer país, então não se preocupe ainda se você não pode comprá-la.

Esta invenção não vai só ser usada para a pesquisa do universo e espaço mas para nossa vida diária tambêm. Com esta máquina, não precisamos estressar sobre coisas como chegar à escola atrasado. Só precisamos acordar alguns minutos antes de a escola começar e usar esta máquina para chegar lá. Não vai ter engarrafamento em nenhum lugar se todas as pessoas começarem a usar este teletransporte. Mas tem algumas pessoas que critícam esta máquina se é realmente segura. Também dizem que as pessoas vão engordar porque não vai ser necessário se mover.

4


Issue #: [Date]

Dolor Sit Amet

Culinária Novo restaurante mexicano abre em São Paulo. Depois de 10 anos economizando dinheiro, Paula Martinez é conseguiu abrir seu próprio restaurante Mexicano chamado Martinez Tacos. Paula Martinez é de Tijuana, México. Ela veio para o Brasil com muito pouco dinheiro na companhia de seu marido e de suas três filhas. Paula sempre sonhou em abrir seu próprio restaurante usando as receitas da sua bisavó.

Para aqueles   interessados   em   ir   a   este   restaurante  fantástico,  tem  um  oferta  limitado   durante  as  feiras.  Paula  Martinez  esta  fazendo   tão   bem,   que   eles   decidiram   dar   50%   de   desconto   para   todo   durante   as   ferias   para   celebrar   o   sucesso   do   restaurante.   Um   dos   pratos   mais   pedidos   e   recomendados   são   o   queijo  fundido  e  as  fajitas.  

Este novo restaurante usa só ingredientes importados do México. Todos os pratos são tradicionais e super deliciosos. Martinez Tacos se esta tornando um grande sucesso no São Paulo. De acordo com um cliente, “Quando você   entra   no   restaurante,   é   como   visitar   o   próprio   México.   Todo   estava   fantástico.  A  comida,  a  música,  o  serviço,  tudo.”  

Endereço do  restaurante:   São  Paulo,  Brasil   Morumbi   Avenida  João  Carlos  Menezes  555  

O também   é   algo   a   ser   apreciado.   O   restaurante   é   pequeno   mais   é   confortável,   bonito,   simples,   a   música   é   perfeita   e   assim   que   você   entra,   você   se   sente   em   casa.   As   decorações   são   todas   mexicanas   e   os   garçons   todos   falam   espanhol.   Este   restaurante   é   praticamente  100%  mexicano.  

Queijo Fundido  

5


Issue #: [Date]

Dolor Sit Amet

Um Hotel Construido na Lua O Primeiro Hotel no espaço Com a ajuda da tecnologia da NASA, a companhia OS Resorts começou a construir um hotel na lua. OS Resorts estão trabalhando nesta contrução há 2 anos. O presidente da OS Resorts disse, “Sem gravidade, a construção é muito fácil. Mas manter o oxigênio dentro do hotel é o nosso maior problema”.

O hotel tem piscinas cobertas e ginásios que podem ser usados a qualquer hora. Tem resutarurantes italianos, franceses, japoneses etc.. O hotel está preparado para atender vegetarianos e pessoas com restrições alimentares. Tem atividades que podem ser feitas só na lua. Por examplo, tem atividades que usam o fato que não tem gravidade para fazer uma atividade chamada “Hopping”. É uma atividade onde você pode ter a experiência de pular na lua e ver a Terra, um cenário maravilhoso.

Esta construção provavelmente vai acabar daqui a 2 anos, mas as reservas já estão esgotadas até 3 anos depois da abertura. Todas as pessoas são bem- vindas exceto crianças menores de 3 anos e adultos com mais de 90 anos. Isso é porque ficar no espaço não é perigroso, mas não é ideal para bebês e pessoas idosas. O cenário da Terra da lua. http://www.google.com.br/imgres?imgurl=http://www.agoracosmopolitan.com/newsimg/maximum/5327.jpg&imgrefurl=http://www.agoracosmopolitan.com/news/ufo_extraterrestrials/2012/03/17/3454.html&h=768&w=1024&sz=87&tbnid=XE5 Oh5oIY3PqsM:&tbnh=106&tbnw=141&zoom=1&usg=__LRGs53lC8aBI0rjLkceR6OzT6FU=&docid=r330jQUukXU1M&sa=X&ei=oY51ULWmFIHS2AX_uYGoBg&ved=0CCgQ9QEwAQ&dur=1819

O Melhor Hotel de Gelo do Mundo Hoje em dia, as opções de hotéis no mundo não terminam. Casas na árvore, palácios, e agora, iglus. Em janeiro de 2004, a cidade Fairbanks no Alaska abriu o Aurora Ice Hotel. Depois de alguns anos, transformou o hotel em um museu para gastar menos dinheiro.

Com 10,000 visitantes por verão as mudanças de hotel para museu foram um sucesso. O interior do museu foi construido totalmente de gelo. Steve Brice, o arquiteto deste projeto, já ganhou quinze vezes o campeonato que se chama “World Ice Art Championship.” No interior tem quatro galerias diferentes de estátuas de gelo, um bar de gelo, e lustres de tetos que tem cor no interior dos cristais. Um visitante que vai lá todo ano falou, “Esse museu sempre é interssante e divertido; não importa quantas vezes uma pessoa venha aqui.” A melhor parte em sua opinão foi a

6

Ferialístico  

Jornal do PFL