Page 1


Expediente

Sumário EDIÇÃO DE SETEMBRO / 2013

03

SISTEL EM FOCO

18

DE OLHO NO MERCADO

CONEXÃO SISTEL

EDITORIA RESPONSÁVEL Ana cristina vasconcelos

14

espaço informal

22

FICA A DICA

executiva de produção maria carla lobato conexao@sistel.com.br

DIRETOR PRESIDENTE WILSON CARLOS DUARTE DELFINO

06

DIRETORIA DE SEGURIDADE ADRIANA MEIRELLES

SUCESSO e CARREIRA

DIRETOR DE INVESTIMENTO E FINANÇAS CARLOS ALBERTO CARDOSO MOREIRA


Sistel em Foco

Cada dia mais perto essa é a Sistel 2013

“Humanizar e personalizar o atendimento em todos os nossos canais de relacionamento, evitando reincidências e aumentando a satisfação de participantes, assistidos e patrocinadores”

Sistel em Foco

3


Anaisse Ribeiro define o objetivo

A

Relacionamento e a área restrita no portal

da área de Relacionamento com

da Sistel. O grupo também está finalizando

Participantes da Sistel, responsável por

a implantação do novo sistema de CRM,

realizar relacionamento com participantes,

fazendo treinamentos e monitoramento

assistidos, patrocinadores.

dos atendimentos para tornar a abordagem

ssim a coordenadora Lorena

mais personalizada. Vinculada à Gerência de Seguridade e Relacionamento com Participantes, a área

A área já foi vinculada à antiga Gerência

conta com uma equipe de analistas, técnicos

de Marketing, hoje está ligada à Gerência

e estagiários, para fazer o contato, por meio

de Seguridade e Relacionamento com

do Fale Conosco no portal, atendimento

Participantes. Com a criação da Gerência de

presencial, correspondências, telefone

Relações Institucionais, a nova responsável

e e-mail. Além disso, participa direta e

pela comunicação da empresa, o setor pode

indiretamente na implantação de novas

dedicar-se inteiramente ao atendimento.

ações de aproximação previstas no projeto Novo Olhar.

“Apesar da separação da Comunicação e Relacionamento, as áreas – Relacionamento

O departamento é responsável por

e Relações Institucionais – caminham bem

gerenciar programas como Sistel Presente,

integradas. Ganhamos com a mudança em

Sistel Parceria, atendimento da Central de

4

Conexão Sistel * Setembro 2013


muitos aspectos, dentre eles uma comunicação interna mais eficaz e no foco que a área de relacionamento agora pode dar ao atendimento e a programas de relacionamento”, ressalta Lorena.

Sistel em Foco

5


Sucesso na Carreira

Estágio:

Porta de entrada para o sucesso profissional O estágio é um processo de aprendizagem indispensável a um profissional que deseja estar preparado para enfrentar os desafios de uma carreira.

C

om uma sociedade cada vez mais competitiva e um mundo irreversivelmente globalizado, é evidente que a principal forma de conseguir

espaço no mercado de trabalho é buscando formação de excelência. Isso não quer dizer, como deduz a maioria da população, que apenas o porte de um diploma universitário traga consigo o sucesso esperado. É visível o número de cursos superiores e instituições de ensino 6

Conexão Sistel * Setembro 2013


existentes atualmente no Brasil, um dado que, ao invés de retratar um índice confortável e condizente com o bom momento vivido pelo País, apenas retrata preocupações, tendo em vista a existência de um mercado de trabalho cada vez mais escasso de profissionais qualificados para desempenhar funções vitais. É partindo desse norte que se defende a importância da experiência proporcionada pelo estágio para a formação profissional – momento no qual a empresa investe em um estudante, acredita em seu potencial, alimenta o seu sonho, oferecendo-lhe a oportunidade de evoluir. E o desenvolvimento desse estudante é que dará ao mercado de trabalho um profissional preparado para enfrentá-lo. Assim, encontra-se no ambiente do estágio uma grande oportunidade, senão a maior, de unir a teoria e a prática, além de mostrar ao estudante as peculiaridades de determinada profissão. É no estágio que se tem a confirmação da escolha feita, de acordo com suas habilidades e particularidades, o que se deseja exercer no decorrer de toda a sua vida.


A Sistel acredita, investe e valoriza seus estagiários, para que alcancem sucesso profissional dentro e fora da instituição. Por isso, já reconheceu o empenho de diversos profissionais. Frederico Yan Nakamura é um deles. Estagiou apenas três meses e foi efetivado como técnico de seguridade. Durante meu estágio fui delegado com funções que pediam muita responsabilidade, e isso me deu mais confiança. A Sistel acreditou na minha capacidade, eu desenvolvi meu trabalho e a consequência disso foi o reconhecimento por meio da efetivação. Sou muito grato pela oportunidade. Murilo Aleixo Rocha Almeida,

Na época, a contratação veio na

tem 25 anos e ficou onze meses como

hora certa. Existia uma expectativa

estagiário; hoje é assistente administrativo

da minha efetivação e assim que recebi

e trabalha no departamento de Recursos

a proposta fiquei muito contente. Agora

Humanos, responsável pela folha de

posso participar mais ativamente,

pagamento e benefícios dos funcionários,

exercendo uma função de mais

além de prestar apoio ao Programa

responsabilidade. A Sistel valoriza o período

de Qualidade de Vida e nos processos

de aprendizado do estagiário, dando

de Desenvolvimento de Pessoas.

oportunidades como a que eu tive.

8

Conexão Sistel * Setembro 2013


Atualmente exercendo a função de

Logo em seu primeiro estágio, Márcia

assistente administrativo financeiro, Kliver

Cristina Siqueira de Araújo, de apenas 19

Duarte Godoy, de 26 anos, começou na

anos, foi contratada para exercer a função

Sistel em julho de 2011 como estagiário e

de auxiliar administrativa na Gerência de

foi contratado após um ano e dois meses.

Planos de Saúde, em abril de 2013, após

Foi uma oportunidade muito grande que eles me deram

ficar um ano e três meses estagiando na Sistel.

Tudo o que eu sei, tudo o

e eu não deixei escapar. A empresa

que eu

sou, eu aprendi dentro

é grande e tem uma visibilidade muito

da Sistel, e tudo mudou completamente;

boa no mercado.

minha visão hoje é outra. Foi uma oportunidade única que eu agarrei com as duas mãos. Sucesso e Carreira

9


Hoje, Cecília Martins Ribeiro, de 25 anos, é técnica de seguridade na instituição,

Exercendo atualmente a função de analista

mas começou sua carreira profissional

de seguridade na Gerência de Planos

como estagiária em março de 2010.

Assistenciais, Raquel de Sousa Cunha

Para mim foi uma grande

Lemos ingressou na instituição por meio de estágio em 2008, e um ano depois foi

oportunidade, pois quando

eu entrei estava cursando a faculdade

efetivada.

A Sistel foi meu

e obtive a confiança da empresa. Eu quero

primeiro

emprego, e as

me desenvolver mais profissionalmente

oportunidades oferecidas ao longo

e ascender dentro da instituição.

desses seis anos, são, sem dúvida, o alicerce na construção de

Ingressando na Sistel em junho de

minha carreira profissional.

2005, Paulo Alves Ferreira foi contratado

É muito bom olhar para trás e perceber

após um ano de estágio. Inicialmente

o quanto já pude construir e o quanto já

desempenhava a função de assistente

pude contribuir na melhoria de alguns

administrativo e, a partir de 2009, passou

processos de trabalho da entidade.

a desempenhar a função de analista

O programa é muito importante para

financeiro com foco no acompanhamento

o desenvolvimento profissional

de renda variável e renda fixa. O estágio é muito importante

para quem está no início de uma

formação profissional, pois poderá dar um rumo novo à vida dos jovens, que foi o meu caso. Mudou a minha vida pessoal e profissional, e sou muito grato.

dos jovens estagiários.


Isa Fernanda Fernandes da Silva começou sua carreira profissional cursando o quarto semestre do curso de Direito, como estagiária da Gerência Jurídica. Após um ano e sete meses, foi contratada como auxiliar administrativa, cargo que ocupou por três anos, até

Tive na Sistel a minha primeira recentemente ser promovida a advogada. e única experiência de trabalho, local

em que conheci pessoas

maravilhosas e que me ensinaram muito, o que me deu um ganho

profissional e pessoal imenso. A instituição valoriza o trabalho desempenhado

pelos jovens e reconhece a mão de obra interna.

Desenvolvendo trabalhos

na área de planos de saúde, a analista de seguridade Sheylla Cristina de Freitas Brandão, de 25 anos, foi efetivada após um ano e três meses de estágio. Essa oportunidade oferecida pela Sistel é um método de

formação de estudantes em profissionais. A fundação também

se preocupa com a inclusão dos estagiários como integrantes da equipe, onde são capazes de assumir responsabilidades e desenvolver tarefas para contribuir de forma significativa para a conclusão de trabalhos e alcance das metas. A técnica em seguridade na área de Planos de Saúde Crislaine Lopes

da Silva diz: “Como universitária, já havia passado por outros estágios, mas desde os primeiros dias na Sistel percebi que existia a oportunidade de crescimento, pude desenvolver aqui o que aprendia na faculdade. Sempre incluída pelo grupo nos processos, fui obtendo uma nova visão profissional de trabalho, mercado e equipe.

A profissional foi efetivada no quadro

de colaboradores

da Fundação após 1 ano de estágio.


Diego Morais de Andrade passou a integrar o quadro de funcionários da Sistel após, aproximadamente, um ano e meio de estágio, e ressalta a importância pessoal da experiência. nos dias de hoje,

É fundamental que as empresas se utilizem deste procedimento pois o grande sucesso destas, atualmente, tem sido a mescla

entre a experiência daqueles que já estão há mais tempo no mercado de trabalho somada à motivação e vontade de crescer que os jovens trazem consigo. Foi importante esse processo na minha vida, o que proporcionou algumas situações de melhoria. Todavia, procuro não me acomodar para conseguir alcançar novos objetivos. Analista de seguridade, Kátia Pereira dos Santos ingressou na fundação por meio de

Após dois anos como estagiário, Rodrigo Sena

estágio e já foi promovida duas vezes.

participou de um processo seletivo e trabalhou na

Eu sempre trabalhei com dedicação e muita esperança de ter um futuro na Sistel. Divido minha rotina profissional com muitas pessoas boas, competentes, que não têm medo de trabalho, estão sempre pensando no melhor para a empresa e assistidos, e isso motiva muito. Graças a Deus, as coisas estão fluindo muito bem e meus objetivos profissionais estão no caminho certo. 12

Conexão Sistel * Setembro 2013

área de Seguridade, e posteriormente por meio de um processo seletivo interno foi efetivado no cargo de assistente administrativo jurídico. A Sistel incentiva e ajuda jovens que pretendem ingressar no mercado de trabalho, que hoje está um pouco difícil de conseguir. Na minha vida somente influenciou no melhor, pois comecei como


estagiário e hoje sou funcionário da Sistel e também por conhecer como funciona um fundo de pensão. Há mais de dez anos na instituição, Fabíola Barroso Assunção Aragão destaca a importância da valorização de quem está ingressando no mercado de trabalho. Por meio do estágio, tive a oportunidade de aprender, crescer, mostrar meu

potencial, testar meus limites, possibilitando, assim, minha ascensão

profissional, e sei que posso muito mais. Incentivar os jovens por meio do estágio é muito proveitoso, pois o estagiário vai dar o seu melhor para ser o mais novo ‘sistelado’. A analista de recursos humanos Luciene Holanda Brandão foi efetivada em 2009, após dois anos de estágio. A Sistel tem um foco grande

de desenvolvimento nas

atividades exercidas pelos estagiários, a qual proporciona grande aprendizado. Desenvolvendo atualmente a atividade de técnica em seguridade, Taiane Cristina da Silva

Gomes, de 25 anos, foi contratada após estagiar durante sete meses. Todo estagiário sempre cria uma grande expectativa com a empresa onde

trabalha, pois ao ser efetivado seu trabalho e competência estão sendo reconhecidos. Ser contratada foi uma boa oportunidade para meu desenvolvimento profissional. Sucesso e Carreira

13


Espaço Informal

LookdoDia Cada tipo de ambiente pede

o prazer para desenvolver as

uma roupa específica. Para um

habilidades laborais. A autoestima

casamento, geralmente o estilo do

influencia, de maneira positiva, o

traje está especificado no convite;

desempenho. De acordo com a

para um evento esportivo, peças

designer e consultora de imagem

folgadas e que ofereçam movimento;

Nathaly Rabelo, as regras variam

para uma balada, roupa “descolada”.

de um local de trabalho para outro.

E no trabalho, o que pode e o que não

“Em primeiro lugar, menos é mais.

pode? É importante vestir-se bem

Independente da profissão, a dica

e de modo adequado, pois assim a

principal que eu deixo é: evite

pessoa aumenta sua autoconfiança

muitos acessórios, estampas e

e autoestima e, por conseguinte,

cores extravagantes. A roupa tem

o prazer para desenvolver as

que agregar valor ao visual da

habilidades laborais. A autoconfiança

profissional”, explicou. Nathaly diz

influencia, de maneira positiva, o

que outro detalhe é o decote.

14

Conexão Sistel * Setembro 2013


Para elas

“Hoje em dia as mulheres têm conseguido o seu espaço no mercado de trabalho. Então, tem que tomar cuidado com a questão da sensualidade. Muitas vezes isso muda a visão dos outros sobre o profissionalismo da entrevistada”, concluiu. Para as mulheres é aconselhável o uso do tailleur (paletó + saia) ou do terninho (paletó + calça). Essas vestimentas inspiram credibilidade e profissionalismo. Look do Dia

15


Para eles

O paletó (ou o blazer) é peça indispensável no guarda-roupa da mulher do mundo corporativo. A variação dessa peça básica inclui outras saias ou calças para expandir o leque de looks. É um item muito importante no vestuário, pois transmite uma imagem mais formal e profissional. O comprimento das saias deve coincidir com a linha dos joelhos ou um pouco acima. Os vestidos devem ser confortáveis e discretos. 16

Conexão Sistel * Setembro 2013


existir uma política de vestimenta e

DICAS DE COMO SE VESTIR NO AMBIENTE DE TRABALHO

o cargo que se ocupa também não

* Use de muito bom senso e autocrítica com

Já para os homens, se na empresa não

é formal, pode-se vestir de maneira esportiva, mas elegante. As camisas podem ser de algodão, polo, com listras ou xadrez, de manga curta ou comprida que sempre serão ótimas opções. Entretanto, procure manter distância dos modelos com estampas, pois não combinam com o ambiente de trabalho. Se for um cargo mais formal, pode-se usar um terno risca de giz, uma camisa clara com a gravata combinando (para dar harmonia ao traje), pois a gravata é um dos acessórios mais importantes

relação ao vestuário e à maquiagem; * Roupas discretas em cores harmoniosas; * Na dúvida opte pelo clássico; cuidado com

a moda e os modismos; * Escolha relógio e acessórios que

complementam a roupa; cuidado com os excessos; a gravata também é um acessório. * Evite qualquer tipo de “excesso”: nas cores,

no comprimento, na largura das roupas, na fragrância do perfume. * Evite decotes e transparências; * Prefira batom e esmalte claros, saias na altura

do joelho e tailleurs; * Cuidado com babados e rendas; nunca deixe

o sutiã visível;

e essenciais no traje masculino; é ela

* Maquiagem deve ser discreta e funcional;

que vai determinar a harmonia do

* Opte por sapatos fechados;

conjunto e valorizar o terno. A altura de

* Cuidado com colo à mostra.

uma gravata elegante é sempre com a pontinha tocando a fivela do cinto. Look do Dia

17


De Olho no Mercado

D

esde sua criação, em 1977, a Sistel sempre teve preocupação em ter em seus quadros

profissionais qualificados, que fazem da empresa um dos maiores, mais tradicionais e sólidos fundos de pensão do País. Prova disso é que 100% dos profissionais que ocupam cargos na área de investimento, gestores ou analistas, têm certificado de qualificação, emitido pelos órgãos competentes. O processo consiste na aferição de conhecimento e/ou habilidades em determinada área, com o objetivo de atestar a competência dos profissionais no exercício do cargo ou função. Em 2009, foi publicada a Resolução CMN 3.792/2009, do Banco Central,

18

Conexão Sistel * Setembro 2013


que tornou obrigatória a certificação de administradores e demais participantes do processo decisório dos investimentos por entidade de reconhecido mérito pelo mercado financeiro nacional. Com isso, a Sistel buscou o Instituto de Certificação de Seguridade Social (ICSS), com o objetivo de aferir os profissionais da empresa, ainda não certificados por outro órgão, e classificá-los com base nas competências de cada um. O processo é destinado aos profissionais de investimentos (ênfase em finanças) e administradores em geral (ênfase em gestão e previdência).

A avaliação é feita de duas maneiras: a De Olho no Mercado

19


primeira é a certificação por experiência

de certificação a todos os profissionais

(conselheiros, dirigentes e ocupantes

que pretendam administrar Planos

de cargo de gestão), que faz a análise

de Previdência Complementar. A

curricular, do memorial com descrição

coordenadora de RH e Administração da

da trajetória profissional, entrevista e

Sistel, Célma Gomes, diz que a qualificação

cartas de recomendação; a segunda

foi criada “com o intuito de legitimar a

é a certificação por prova (analistas e

competência técnica dos profissionais que

ocupantes de posição mais de campo), da

administram os recursos dos diversos

qual constam sessenta questões objetivas.

beneficiários que têm seu dinheiro nas

Por experiência, os profissionais podem ser

mãos das referidas entidades, o que

certificados em duas modalidades: na área

compõe o Manual de Governança dos

de investimento ou em administração-

Fundos de Pensão”.

geral. Em ambas as formas, a certificação tem validade de três anos e poderá ser renovada por meio de Programa de Educação Continuada – PEC do ICSS.

A coordenadora explica que passou a ser obrigatório às entidades ter 100% dos profissionais de investimentos, bem como ocupantes do Conselho Deliberativo

Atualmente, a Previc (Superintendência

e Dirigentes das Fundações certificados

Nacional de Previdência Complementar)

em seu quadro até 2014. “A Sistel iniciou

é responsável por estabelecer regras

sua certificação em 2010/2011 e já tem

20

Conexão Sistel * Setembro 2013


seu quadro de gestores e analistas das áreas com obrigatoriedade para certificação 100% certificados. A empresa fez isso não porque atenderia à exigência da resolução, mas sim por entender que fortalece a competência de seus gestores no que tange a aspectos de qualificação e legitimidade na Administração da Entidade nos diversos segmentos”, comemora Célma Gomes. Para ela, isso evidencia a adesão da Sistel aos princípios de Governança

e Qualificaçã d s a m o For P 1ª Certificação por Experiência {conselheiros, dirigentes e ocupantes de cargo de gestão}

Faz a análise curricular, do memorial com descrição da trajetória profissional, entrevista e cartas de recomendação.

que uma Entidade de Previdência Complementar necessita ter.

2ª Certificação por Prova {analistas e ocupantes de posição mais de campo}

60 questões objetivas.

De Olho no Mercado

21


Fica a Dica

22

Conex達o Sistel * Setembro 2013


A

lmoçar uma

O restaurante tem a proposta de

comidinha caseira

almoço executivo com um precinho

todos os dias é

amigo – e um ambiente charmoso

a vontade de todo mundo

e aconchegante. O cardápio é

que trabalha longe de casa.

variado e foi desenvolvido pelo

Fazer as refeições em um

chef suíço Dominique Fuhrer.

restaurante convencional,

Os destaques vão para o clássico

para o almoço do dia a dia, à

picadinho de filé e para a feijoada

la carte, conciliando agilidade

(que é servida toda sexta-feira).

com qualidade: esse foi o

As sobremesas são deliciosas

pensamento das irmãs Fernanda

e caprichadas. O atendimento

e Daniela Morato ao criar o

é ótimo e os pratos não demoram

Nazareth Café.

a ser servidos.

Serviço: Nazareth Café Funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 19h. srtvs 701, Bloco “O”, Edifício Multiempresarial Tel: (61) 3038 1008

Fica a Dica

23

Conexão Sistel  

edição de setembro 2013.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you