Page 1

Sinttel-Rio

boletim

do

CLARO

PROPOSTA TIRA DIREITOS

www.sinttelrio.org.br

DIA

18

MES

JAN

ANO

Fenattel

2018

Em assembleia hoje (18) e amanhã (19), nos diversos prédios (veja local e horário no box) os trabalhadores vão avaliar e decidir os rumos da campanha. Participe!

P

elo terceiro ano consecutivo a Claro, premeditadamente, empurrou a negociação do Acordo Coletivo de Trabalho e da PPR 2017, para o final do ano (a data base é 1º de setembro). O resultado é que estamos até agora sem reajuste. Na tentativa de nos fazer engolir sua proposta, a Claro fez ameaças, chantagem e utilizou-se de práticas antissindicais inaceitáveis. Mas, teve que recuar devido à pressão do Sinttel Rio e dos trabalhadores. A nova proposta teve avanços, mas os retrocessos superam esses avanços e ferem de morte direitos trabalhistas duramente conquistados. Todas as horas extras realizadas vão para o banco de horas. Uma ilegalidade! Para isso, ela quer o aval dos trabalhadores e do Sinttel Rio para aplicar. Fez a mesma coisa com relação às escalas de revezamento. Quer impor as escalas com o intuito de mudar a jornada de trabalho de seus empregados. Um exemplo disso são os técnicos de campo que tinham jornada de 40 horas, de segunda a sexta-feira, ou até de 44 horas semanais, agora sob o regime de escala de revezamento, tiveram sua jornada de trabalho modificada e quem não aceitou foi demitido. Além do banco de horas e das escalas de revezamento, a empesa também extinguiu direitos como a estabilidade após o retorno das férias, a antecipação de 50% do 13º salário em fevereiro, bem como a redução da complementação do auxílio doença.

PROPOSTA: = Reajuste salarial - 2,07% linear. Estão excluídos de receber os cargos de gerentes, consultores e diretores com classificação: G2, G1, GS2, GS1, CSR2, CSR1, DIR2, DIR1, CEO, VP e PRE; =Vale refeição/alimentação - 2,07% para todos os trabalhadores; =Auxílio creche educação infantil - 2,07% = Quebra de caixa - 2, 07% O reajuste tanto para os salários quanto para os benefícios será retroativo a 1º de setembro para todos os trabalhadores do Grupo Claro S/A (Claro, Embratel, Star One, TV Sat, Primes, Telmex Brasil e Americel). NÃO DISCUTIREMOS BANCO NEM ESCALAS A direção do Sinttel-Rio não submeterá à apreciação dos trabalhadores na assembleia os itens da proposta de Acordo Coletivo relativos a banco de horas e escalas de revezamento. O Sindicato entende que a proposta precariza ainda mais as condições de trabalho, causa prejuízos aos trabalhadores e fere direitos. Por isso deve ser tratada separadamente e com ampla discussão com a categoria. RETROCESSOS Piso salarial - 0% de reajuste, manutenção dos valores atuais; Auxílio educação especial (PNE) 0% de

reajuste, manutenção dos valores praticados; 13º salário - extinção da cláusula de adiantamento de 50% do 13º em fevereiro; Fica mantida a possibilidade de adiantamento de 50% do 13º no período de férias de janeiro a novembro, mediante solicitação; Complementação do auxílio doença/acidentário – alteração do período máximo de complementação para 120 dias, nesse período a empresa garante 100% do salário base, a contar do 16º dia de afastamento; Estabilidade no retorno das férias - extinção de cláusula que garante emprego ou salário em caso de desligamento no retorno de férias; PAGAMENTO DAS DIFERENÇAS ATENÇÃO! O pagamento das diferenças de salários e benefícios ocorrerá em até 10 dias após a aprovação da proposta de acordo pela assembleia. As demais cláusulas do ACT ficarão

LOCAIS E HORÁRIOS DAS ASSEMBLEIAS Dia 18/01

12 horas - Pres. Vargas, 1012 14 horas - Alexandre Mackenzie

Dia: 19/11

10 horas - Guaratiba 14 horas - Mena Barreto

quem decide é você. vote de forma consciente


PROPOSTA DA PPR 2017 O target é de 2,4 a 3,6 salários, isto C

se todas as metas forem batidas

onforme já denunciamos diversas vezes, muitos dessas metas são inatingíveis, algumas não dependem diretamente dos trabalhadores. A Claro/Embratel/Net, mesmo sendo uma única empresa, a Claro S/A, diferencia o peso das metas para cada uma das suas unidades: Unidade de Negócio Pessoal (Claro); Unidade de Negócio Empresarial (Embratel); Unidade de Negócios Residenciais (NET), assim o resultado final é diferente para cada unidade, já que os pesos são diferentes para cada uma delas. Além disso: = A Claro manteve o famigerado gatilho = Não fez proposta de antecipação = Elegibilidade é de 30 dias, exceto em período de experiência e jovens aprendizes = Pagamento será até 31 de março para todos os empregados (Claro, Embratel e Net). Os trabalhadores oriundos da Net que recebiam sempre antes do

carnaval, agora vão receber depois. = Ficam mantidas as demais cláusulas do Acordo de PPR 2016

MODELO ÚNICO

A reivindicação do Sinttel Rio é e sempre foi por um modelo único de PPR que não diferencie empregados, sem gatilho e que possibilite a todos baterem suas metas de acordo com a sua produtividade. Os trabalhadores de determinada unidade não podem ser penalizados porque a venda de produtos da Claro por uma empresa terceira não atingiu 100% das suas metas, ou porque a Claro não investiu como deveria na ampliação de sinal de uma determinada região. Os trabalhadores contribuíram para gerar o lucro total e é isso que deve contar. Queremos que todos sejam tratados com igualdade.

quem decide são os trabalhadores

votem com consciência

Não fique só, fique sócio Siga o Sinttel no twitter e no instagram Acesse o Portal do Sinttel: www.sinttelrio.org.br Leia o Jornal do Sinttel e os boletins especiais

Fique ligado no Sindicato Telefone 2204-9300

E-mails: sinttelrio@sinttelrio.org.br / denuncia@sinttelrio.org.br

Boletim Claro - 18/01/18  

Proposta tira direitos

Boletim Claro - 18/01/18  

Proposta tira direitos

Advertisement