Issuu on Google+

FILIADO À

CUT Boletim Informativo do Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do Estado de Goiás Fone: (62) 3227-7900

e-mail: sinttelgoto@uol.com.br

site: www.sinttelgo.org.br

Nº 40/13 DATA: 26/04/2013

NEGOCIAÇÕES PARA MIGRAÇÃO DA ALCATEL EVOLUEM Após pressão do SINTTEL-GO, trabalhadores conquistam garantias para a primarização

1) Parte dos empregados que recebiam diárias de projetos, de acordo com análise operacional que está sendo elaborada, receberá esses valores incorporados ao salário na OI. Para os demais, que não tiverem a incorporação, será paga mensalmente a mesma importância, sem qualquer perda financeira para o empre-

gado, a título de “Gratificação Extraordinária”. 2) Para os empregados que recebiam sobre-aviso garantido, a OI pagará mensalmente o que manda a lei. Assim, a cada três meses ela complementará o valor “garantido”. Por exemplo: um empregado que recebia 120 horas de sobre-aviso, a partir de agora receberá, a cada mês, as horas efetivamente trabalhadas e no final do terceiro mês fará jus ao saldo das 120 horas garantidas na condição anterior. ou um valor maior, caso ultrapasse essas horas. 3) Todos os empregados receberão, trinta dias após a contratação direta pela OI, um valor adicional de 10% do salário de contratação, como compensação pela internalização. Além disso, em novembro de 2013 (data-base nacional da OI), receberão o reajuste integral dos atuais empregados da OI. 4) Todos os direitos e todas as condições já divulgadas anteriormente também estão garantidos. Como pode ser observado, após as mobilizações houve alguns avanços. Porém, mesmo com essas garantias, os trabalhadores da Alcatel ainda sofreram muitas perdas. A diretoria do SINTTEL-GO está disposta a lutar para que a categoria não sofra prejuízos. Mas para isso, sua colaboração é essencial. Não assine nenhum documento relativo a essa migração sem o conhecimento da assessoria jurídica do sindicato. Lembre-se que, caso essa proposta seja aceita, não haverá nenhuma mudança. Ou seja, serão perdidos todos os benefícios. Em breve, será convocada uma assembleia geral da categoria para a deliberação de um plano de lutas, com o objetivo de obter uma proposta mais justa. Fique atento aos informativos do SINTTEL e participe.

Colabore para a preservação do meio ambiente. Jogue esse folheto apenas no lixo.

Após assumir a administração do SINTTEL, em outubro do ano passado, essa nova gestão do sindicato está moralizando, mobilizando e proporcionando benefícios para todos os trabalhadores. E essa diretoria também está firme no propósito de representar e proteger a categoria, sem jamais desistir dos trabalhadores. Exemplo disso foi observado durante a primarização dos trabalhadores de rede da Alcatel. A grande maioria dos sindicatos se curvaram à proposta de absorção dos funcionários da Alcatel pela OI, mas em Goiás essa nova gestão do sindicato começou um trabalho de mobilização da categoria e procurou conscientizar os sindicatos de outros estados para o perigo dessa transição da maneira que a empresa queria. Diante disso, sindicalistas de vários estados se uniram a Goiás, como os de Santa Catarina e Tocantins, onde inclusive foram promovidas paralisações. Em Goiás, o SINTTEL-GO também mobilizou os trabalhadores da Alcatel a paralisarem suas atividades, porém não houve a adesão necessária. Mas isso não abalou a diretoria. Pelo contrario, o sindicato continuou pressionando a OI e a Alcatel e exigindo que a Federação Nacional dos Trabalhadores em Telecomunicações (Fenattel) se posicionasse de maneira mais firme nessa transição. O importante é que todo esse trabalho valeu a pena. Em reunião realizada ontem (25), foi possível avançar nas negociações e dar garantias a todos os trabalhadores, conforme nova proposta de primarização apresentada pela OI. Confira:


Orelhinha40-13-negociacao-migracao-alcatel-evolu