Page 1

Carta Aberta Servidores Federais da Cultura do Iphan no Pará Belém/Pa, 20 de junho de 2014. Senhores (as) gestores e políticos do Sistema MinC, A Greve Nacional da Cultura 2014 configura-se em um movimento unificado no qual os servidores estão demonstrando sua indignação não somente em relação à Acordos não cumpridos, mas principalmente a preocupação com o sucateamento das instituições responsáveis por desenvolver políticas públicas de Estado na área da Cultura no Brasil. Os servidores públicos federais da cultura, lotados no Iphan/PA, respeitando as deliberações do movimento nacional, que acredita ser essa a única saída para a abertura efetiva de negociação, adotaram os encaminhamentos assumidos por todos os comandos estaduais e, utilizando-se do termo requerido, informa que SUSPENDEU, em 18/06/14, a greve até o dia 27/06/2014, cumprindo assim os cinco dias úteis necessário para aguardar negociação, conforme o comunicado do DEC-CONDSEF, de 18/06/14. Nesse momento de retorno aos postos de trabalho, após uma greve marcada pela coação, não negociação e assédio moral, informamos novamente sobre a instauração de Delegacia Sindical no Iphan/PA, ela será responsável, entre outras atividades, por interceder pelos servidores que forem alvo de assédio moral. O assédio moral é caracterizado pela humilhação sistemática do trabalhador por seus superiores hierárquicos. A humilhação no trabalho envolve os fenômenos vertical e horizontal. O fenômeno vertical se caracteriza por relações autoritárias, desumanas e aéticas, onde predominam os desmandos, a manipulação do medo, a competitividade, os programas de qualidade totalmente associados à produtividade. O fenômeno horizontal está relacionado à pressão para produzir com qualidade e baixo custo. Este fenômeno se caracteriza por algumas variáveis:  Internalização, reprodução, reatualização e disseminação das práticas agressivas nas relações entre os pares, gerando indiferença ao sofrimento do outro e naturalização dos desmandos dos chefes.  Dificuldade para enfrentar as agressões da organização do trabalho e interagir em equipe.  Rompimento dos laços afetivos entre os pares, relações afetivas frias e endurecidas, aumento do individualismo e instauração do ’pacto do silêncio’ no coletivo.  Comprometimento da saúde, da identidade e dignidade, podendo culminar em morte.  Sentimento de inutilidade e coisificação. Descontentamento e falta de prazer no trabalho.  Aumento do absenteísmo, diminuição da produtividade.  Demissão forçada e desemprego. Fonte: http://www.assediomoral.org/

Deste modo, consideramos que, ao invés de tratar os servidores com assédio moral e coações baseadas em ilegalidades, se poderia ter considerado que esse movimento demostra a forte ligação que estes servidores possuem em relação às atividades que desempenham e com a proteção e valorização da Cultura, sendo assim, ao manifestar respeito pelo movimento e realizar negociações efetivas, os


gestores e políticos do Sistema MinC demonstrariam responsabilidade para com a solução de profundas fragilidades; e real interesse em motivar e valorizar os servidores. Em relação à volta aos postos de trabalho, também informamos que, diante das situações vivenciadas durante a greve, os servidores do Iphan/Pa continuarão exercendo seus deveres com a urbanidade, legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência como sempre fizeram, porém não continuarão se sujeitando a situações degradantes de sobrecarga de trabalho, pressão emocional e assédio moral ocasionadas, entre outros motivos, pelo sucateamento das instituições públicas da cultura e manifestadas nas deficiências de recursos humanos, materiais e financeiros dessas instituições. Cordialmente, Servidores Federais da Cultura do Iphan no Pará Andréia Loureiro Cardoso Carla Ferreira Cruz Cyro Holando de Almeida Lins Denise Rosário de Carvalho Fernando José Lima de Mesquita Giovanni Blanco Sarquis Ivan Palmeira de Souza Leão Larissa Maria de Almeida Guimarães Maíra Maroja Silveira Raimundo Nonato dos Santos Cardoso Suellen Martins Nobre Tatiana Carepa Roffé Borges

Carta aberta servidores IPHAN  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you