Page 1

resistência

junte-se à

capa alterada do livro

'Resistance' de jennifer a. nielsen

Edição nº 4341 • retrospectiva 2018


fotos: adonis guerra

Tribuna Metalúrgica – retrospectiva 2018

“Após a reforma Trabalhista que foi imposta para aniquilar direitos dos trabalhadores, tivemos que focar na defesa e recuperação desses direitos. Foi dessa forma que conseguimos fechar nossa Campanha Salarial e renovar as Convenções Coletivas garantindo os direitos da nossa categoria”, Genildo Dias Pereira, o Gaúcho, coordenador de São Bernardo

“Em 2019, temos que continuar lutando e defendendo aquilo em que acreditamos, a democracia e os direitos dos trabalhadores. A luta sempre se fez necessária, e nesse momento ela é imprescindível para o conjunto da classe trabalhadora”, Claudionor Vieira do Nascimento, coordenador da Regional Diadema

“Neste cenário de retrocessos, os trabalhadores foram à luta contra a aprovação da reforma da Previdência e resistiram à reforma Trabalhista. Em 2019, a união da classe metalúrgica vai ser primordial para garantir os direitos”, Marcos Paulo Lourenço, o Marquinhos, coordenador da Regional Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Resistência e luta, hoje e amanhã

“Só a unidade dos trabalhadores fortalece a luta para melhorar o dia a dia de cada um e da sociedade como um todo. Conquistamos a renovação do acordo na Volks este ano, enfrentamos os ataques contra os trabalhadores e fortalecemos a luta em defesa dos direitos”, Wagner Lima, coordenador geral da representação na Volks

“Deixe para trás tudo que não deu certo em 2018 e abra o caminho para um novo ano de muita luta, solidariedade e conquistas em 2019. Vamos juntos em defesa dos direitos e na construção de uma sociedade melhor para todos e todas”, Regis Guedes, coordenador geral da representação na Scania

gu

im

ar ãe

s

ed

u

gu

im

ar

ãe

s

“2018 foi um ano de grandes preocupações, com a luta pela manutenção da planta da Ford em São Bernardo, com as eleições e o risco de perder nossos direitos trabalhistas. Seguimos na luta, com resistência, organização e unidade”, José Quixabeira de Anchieta, o Paraíba, coordenador geral da representação na Ford

u

aprovação pelo governo do Estado de SP de um decreto construído em conjunto pelo Sindicato e o APL de Ferramentaria do ABC, que permite a liberação de créditos de ICMS retidos das montadoras e autopeças para investimento exclusivo no setor de ferramentaria. O programa será fundamental para revitalizar o setor, trazendo investimentos em qualificação profissional e contratação de trabalhadores. Não podemos esquecer o movimento de denúncia que fizemos ao mundo em relação à arbitrariedade da prisão do ex-presidente Lula. As manifestações dos milhares de companheiros que vieram ao Sindicato prestar sua solidariedade ultrapassaram as fronteiras do País e deixaram registrado na história o respeito e admiração que os trabalhadores têm por esta grande liderança popular. Foi um ano de resistência e o próximo não será diferente. Continuaremos na defesa intransigente do direito do livre pensar e expressar, na defesa da aposentadoria, de um Estado forte indutor do desenvolvimento e da geração de empregos, e na defesa da indústria nacional, linha contrária à que vem sendo apontada pelos governos eleitos – federal e estadual - defensores da privatização e da entrega do Estado brasileiro. A você que enfrentou conosco tantos desafios, meus sinceros agradecimentos. É hora de descansar e compartilhar com a família momentos de alegria para voltar renovado em 2019, pronto para estes e outros desafios que sempre aparecem à nossa frente e para os quais os Metalúrgicos do ABC estão sempre preparados. Um Feliz Natal e um 2019 de muitas conquistas para todos nós! Wagner Santana Presidente

ed

Iniciamos 2018 preocupados com a implementação da então recém-aprovada reforma Trabalhista e da terceirização irrestrita e mobilizados para resistir ao ímpeto dos patrões diante das novas possibilidades de maior exploração dos trabalhadores. E agora encerramos o ano com a certeza de iniciar 2019 já em luta contra a reforma da Previdência. Estes fatos, por si só, resumem o que foi 2018: um ano de resistência e de luta pela garantia dos nossos direitos. Foi assim o tempo todo. Resistimos nas fábricas, nas ruas, na nossa negociação de data-base. Fizemos uma Campanha Salarial vitoriosa, em que a principal conquista, mais do que o reajuste salarial, foi a manutenção das cláusulas sociais na Convenção Coletiva, apesar da pressão dos patrões num cenário de total desregulamentação das relações do trabalho. Também resistimos, com muita mobilização, às primeiras tentativas de reforma da Previdência. Em fevereiro, 50 mil companheiros cruzaram os braços em adesão à greve organizada pela CUT e demais centrais sindicais na véspera da sua votação, obrigando o governo a recuar no dia seguinte. No entanto, sabemos que a ameaça ao nosso direito de ter um futuro tranquilo após décadas de trabalho será constante. O governo eleito tem urgência em mudar a Previdência e vai em breve colocar a reforma em votação, num Congresso extremamente conservador. Lutamos muito também em defesa da nossa cidadania, exigindo do Estado o direito de se expressar, debater ideias e se posicionar, tão atacados ao longo de 2018. É triste constatar, mas nossa jovem democracia está sob risco. Apesar do cenário adverso, tivemos conquistas importantes. Conseguimos a

“Estamos vivendo um processo de transformação na sociedade e percebemos as mudanças no mundo do trabalho e na política. Por conta disso, 2018 ficou registrado por muitas lutas e resistências, mas também traz novos desafios. Precisamos cada vez mais estar organizados e unidos”, Ângelo Máximo de Oliveira Pinho, o Max, coordenador do CSE na Mercedes


janeiro 2018 – Tribuna Metalúrgica

janeiro dia 31

Contra a reforma da Previdência A CUT e as demais centrais sindicais se reúnem para tirar os encaminhamentos das manifestações contra a reforma da Previdência e o fim da aposentadoria que o governo Temer insiste em pôr em votação.

dia 19

dia 23

Carro elétrico

divulgação

divulgação

Sindicato participa de reunião em Brasília para discutir os próximos passos da nova política automotiva brasileira, o Rota 2030, e cobra que o país entre no debate sobre carro elétrico.

dia 30

dia 23

O presidente do Sindicato, Wagnão, participa da comemoração dos 60 anos da fábrica da Toyota em São Bernardo. A chegada da montadora no Brasil, em 1958, marcou a primeira operação da empresa fora do Japão.

edu guimarães

juventude na Campus Party

Puxada pela alta nas exportações brasileiras, a produção total de veículos registrou crescimento de 25,2% em 2017 em relação ao mesmo período do ano anterior, com 2,7 milhões de unidades, segundo estudo do Dieese.

A reforma de Temer Empenhado em aprovar a reforma da Previdência antes do fim de fevereiro, Temer atira para todo lado com o objetivo de convencer parlamentares e a população de mais esse desmonte.

dia 30

dia 24

adonis guerra

Pela primeira vez, o Sindicato participa do principal evento de internet e tecnologia do país, a Campus Party, de 30 de janeiro a 4 de fevereiro, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na capital paulista.

Indicadores da Indústria

60 anos da Toyota

proposta do ig metall O IG Metall, maior sindicato industrial da Europa, propôs algo inédito na Alemanha: a redução da jornada semanal de trabalho para 28 horas semanais, distribuídas em quatro dias, sem redução de salário.


4 Tribuna Metalúrgica – fevereiro 2018

fevereiro dia 7

Greve aprovada Na Assembleia Popular contra a reforma da Previdência, na rua do Sindicato, os metalúrgicos do ABC, trabalhadores de diversas categorias aprovam a greve no dia 19.

BISPO DENUNCIA GOLPE

dia 3

adonis guerra

bloco BoraLá!

dia 10

Pá de cal na reforma

dia 21

edu guimarães

Durante a missa de um ano da morte de Marisa Letícia, realizada no Sindicato, o bispo Dom Angélico Sândalo Bernardino denuncia o golpe no Brasil para os que vieram prestar homenagens.

Certificação de alunos do MOVA

dia 16

Em reunião com o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), os Metalúrgicos do ABC defendem o fortalecimento da ferramentaria no Brasil. A proposta é viabilizar a liberação de R$ 2 bilhões em créditos retidos de ICMS.

dia 22

adonis guerra

“A greve foi a pá de cal para enterrar a reforma da Previdência”, declarou Wagnão. Com a pressão dos trabalhadores e sem ter votos suficientes para aprovar a mudança na Câmara dos Deputados, o governo recuou.

ferramentaria mais forte

dia 19

O bloco BoraLá! dos Metalúrgicos do ABC desfila pela Marechal Deodoro, acompanhado por músicos e artistas fantasiados sobre pernas de pau cantando marchinhas de protesto. No dia anterior desfilou o bloco EURECA.

250 alunos do Movimento de Alfabetização Regional ABC, o MOVA, do qual o Sindicato é idealizador, recebem seus certificados durante cerimônia realizada na Sede.

agora É greve! Mais de 50 mil metalúrgicos do ABC param contra a reforma da Previdência. Em todo o país, são realizadas manifestações convocadas pela CUT e demais centrais sindicais.


março 2018 – Tribuna Metalúrgica

5

março dia 9

Abertura do 9º Congresso A abertura do 9º Congresso relembra a luta das mulheres da categoria por direitos na sociedade e nas fábricas e marca os 40 anos do 1º Congresso das Metalúrgicas do ABC, realizado em 1978.

dia 1º

dia 1º

Vitória na Fris

edu guimarães

adonis guerra

A Tribuna noticia a participação do vice-presidente do Sindicato e da CNM-CUT, Paulo Cayres, o Paulão, na posse do presidente do Tribunal Superior do Trabalho, o TST, ministro João Batista Brito Pereira.

tribuna Especial Mulher

dia 16

dia 6

Trabalhadores na antiga Fris Moldu Car comemoram a vitória após 11 anos de luta para receber seus direitos. São cerca de 430 companheiros representados pelo Sindicato na ação judicial.

Tribuna divulga as plenárias para tirada de delegados e delegadas para o 9º Congresso dos Metalúrgicos do ABC que mobilizaram companheiros nas montadoras Volks, Ford e Mercedes, na Toledo e ZF, e nas regionais.

Visita internacional Uma comitiva da United SteelWorkers, USW, confederação sindical que representa 850 mil trabalhadores nas indústrias nos EUA e Canadá, que vieram ao Brasil para participar do Fórum Social Mundial, visitam o Sindicato.

dia 20

dia 16

edu guimarães

A Tribuna inicia uma série especial sobre questões relacionadas à mulher. O primeiro tema é o aumento do feminicídio. Foram 4.606 mulheres assassinadas em 2016, no Brasil.

Tirada de delegados

Presença em posse no TST

Sindicalização na Rassini Trabalhadores aderem à sindicalização na Rassini, em São Bernardo, para fortalecer a luta e a organização no local de trabalho. Ao todo, são cerca de 300 associados na fábrica, o que representa 70% do total.


6 Tribuna Metalúrgica – abril 2018

abril dia 7

“Sonharei pelos sonhos de vocês” Ex-presidente Lula é carregado nos braços do povo após discurso em frente à Sede durante ato ecumênico em homenagem à sua companheira falecida Marisa Letícia.

De olho no futuro

dia 2

adonis guerra

luta na Mercedes

dia 4

Trabalhadores na Mercedes aprovam em assembleia disposição de luta para barrar as 250 demissões anunciadas pela empresa e redução de salários em 5% com redução de jornada.

Mercosul e União Europeia

dia 4

edu guimarães

Os integrantes do Coletivo de Políticas Industriais do Sindicato visita o laboratório da Fábrica Digital da Volks. A plataforma virtual permite simular todo o planejamento de engenharia.

Congelamento dos gastos

dia 17

A Tribuna divulga reunião dos dirigentes do Sindicato no Ministério das Relações Exteriores, onde conquistam espaço nas discussões do acordo de livre comércio entre os países do Mercosul e da União Europeia.

dia 5

autonomia sindical

Tribuna inicia uma série sobre os efeitos da PEC dos gastos, fixada por Temer, que congela os gastos públicos por 20 anos. Estudos apontam que ela aprofunda desigualdades socioeconômicas.

Estabilidade na Ford

dia 19

Os trabalhadores na Ford aprovam o acordo coletivo que garante a estabilidade no emprego até novembro de 2019, reajuste salarial e renovação das cláusulas sociais. E criam o primeiro Comitê Lula Livre. edu guimarães

Os integrantes dos CSEs em São Bernardo, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra debatem a proposta de fortalecimento da representatividade com novos sócios para garantir a liberdade e autonomia sindical.


maio 2018 – Tribuna Metalúrgica

7

maio dia1º

Dia do trabalhador e da trabalhadora Metalúrgicos do ABC, integrantes de movimentos sindicais e sociais caminham até a Praça da Matriz, levando a imagem de São José Operário. A missa foi seguida de um ato inter-religioso em defesa dos direitos.

dia 17

dia 7

dia 9

adonis guerra

adonis guerra

Saab em São Bernardo

adonis guerra

adonis guerra

Wagnão e diretores participam do evento que marca o início da instalação da fábrica Saab Aeronáutica Montagens, em São Bernardo. “É uma vitória para os trabalhadores”, afirma o presidente.

Acordo na Scania

Ato de resistência

Trabalhadores na Scania aprovam o acordo de campanha salarial válido por dois anos. “Tudo foi construído com a mobilização, unidade e diálogo constante”, diz o diretor executivo e CSE na Scania, Carlos Caramelo.

Companheiros na Mercedes aprovam o acordo coletivo válido por dois anos e encerram a greve de 8 dias. O acordo garante a incorporação do INPC, aumento real de 1,5%, abono, PLR e renovação das cláusulas sociais.

dia 24

dia 9

edu guimarães

Conquista na Mercedes

Milhares de apoiadores, entre lideranças sindicais e integrantes de movimentos sociais, caminham da Sede até a Matriz, em ato que marca os 30 dias de resistência e luta contra a prisão injusta de Lula.

Emprego apoiado A Associação Brasileira de Emprego Apoiado, ABEA, tem novo parceiro para garantir a continuidade dos trabalhos na sede, a empresa de logística Sesé, com projetos voltados a trabalhadores com deficiência.


8 Tribuna Metalúrgica – retrospectiva 2018

#


retrospectiva 2018 – Tribuna Metalúrgica

fotos: adonis guerra

#lulalivre

9


10

Tribuna Metalúrgica – junho 2018

junho dia 12

Acordo na Toyota Trabalhadores na Toyota, em São Bernardo, aprovam o acordo coletivo negociado pelo Sindicato com a empresa, que inclui PLR, data-base e cláusulas sociais. A validade do acordo é de dois anos.

dia 6

dia 7

Propostas para o Brasil As centrais sindicais CUT, CSB, CTB, Força Sindical, Intersindical, Nova Central e UGT lançam a Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora, com 22 propostas para o desenvolvimento do Brasil. roberto parizotti

Metalúrgicos do ABC participam do Seminário Desafios da Indústria no Brasil e dos trabalhadores e trabalhadoras, realizado pelo TID-Brasil e o Macrossetor da Indústria da CUT.

dias 13 e 14

Seminário TID-Brasil

dia 21

adonis guerra

Agenda Prioritária

Luta na IGP Sindicato cobra da IGP, em Diadema, o cumprimento dos acordos de estabilidade feitos com os trabalhadores em 2014. Em protesto, companheiros estão acampados há um mês na porta da fábrica.

Encontro de ferramentaria

dia 26

edu guimarães

Dirigentes da CUT e demais centrais sindicais entregam ao ministro do Trabalho, Helton Yomura, a “Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora”, durante a 7ª Reunião Ordinária do Conselho Nacional do Trabalho.

Unidade na magna cosma

dia 8

Trabalhadores na Magna Cosma aprovam o plano de indenização negociado pelo Sindicato em função do fechamento da fábrica. O acordo assegura direitos e garante pacote adicional a todos. edu guimarães

Trabalhadores e empresários debatem os desafios e as políticas para o setor, entre elas o Rota 2030, a liberação de créditos de ICMS, o ex-tarifário e a criação de um observatório da indústria.


julho 2018 – Tribuna Metalúrgica

11

julho dia 5

Campanha Salarial Trabalhadores aprovam o tema “Se você acha que o sindicato pode fazer mais, faça com a gente” e os eixos: Convenção Coletiva é Direito; Participação é Democracia; Salário é Emprego e Reposição da Inflação+Aumento Real.

dia 20

dia 11

Metalúrgicas do ABC

edu guimarães

adonis guerra

Sindicato critica a Medida Provisória do governo que cria o Rota 2030, já que não garante produção, empregos, renda, qualificação profissional nem atração de investimentos para o Brasil.

dias 21 e 22

dia 13

adonis guerra

A diretoria do Sindicato participa da atividade de inauguração do espaço da Comissão das Metalúrgicas do ABC na Regional Diadema. As paredes foram cobertas com imagens de luta.

Arraiá em diadema O tradicional Arraiá dos Metalúrgicos do ABC, em frente à Regional Diadema, mescla festa e protesto com pedidos de Lula Livre. Shows, comidas e bebidas típicas e a quadrilha improvisada animam os dois dias.

Lula manda uma carta ao presidente do Sindicato, Wagner Santana, o Wagnão, reafirma que é candidato, que pode recuperar o Brasil e manda abraços para toda a categoria.

Entrega da pauta A FEM-CUT entrega a pauta da Campanha Salarial para os representantes do G3, no Sindipeças, e recebe uma contraproposta com retirada de direitos, o que mostra o ambiente difícil de negociação.

dia 23

dia 27

Carta de Lula

Sai o Rota 2030

Encontro dxs Cipeirxs No Dia do Cipeiro e da Prevenção de Acidentes de Trabalho, os cipeiros da base e de diversas categorias da região debatem os riscos da reforma Trabalhista para a saúde dos trabalhadores.


12

Tribuna Metalúrgica – agosto 2018

agosto dia 21

Categoria mobilizada Trabalhadores estão mobilizados na luta por avanços na Campanha Salarial. Em Diadema, a assembleia reuniu os trabalhadores na Apis Delta, Legas Metal, Delga e Metalpart. Em São Bernardo, Kostal e Selco.

Economia Solidária

dias 9 e 10

adonis guerra

formaturas: Cses e escola

dias 3 e 10

A Rassini, em São Bernardo, é a primeira empresa da base a receber a Feira de Economia Solidária promovida pelo Sindicato, Fórum Regional de Economia Solidária do ABCDMRR e a Unisol.

dia 30

Compromisso firmado

Divulgação das formaturas de 521 alunos dos cursos do 1º semestre da Escola “Dona Lindu”. Os CSEs passam pelo Curso de Formação de Dirigentes para encarar os desafios do mandato.

dia nacional do Basta de retrocessos

dia 10

Com Supremo, com tudo

dia 31

adonis guerra

A FEM-CUT firma compromisso com as bancadas patronais para que não haja retirada de direitos até a assinatura da Convenção Coletiva, já que a data-base dos metalúrgicos é 1º de setembro.

Os metalúrgicos do ABC iniciam as mobilizações em assembleia às 5h com os trabalhadores na Mercedes. O ato conjunto das centrais sindicais acontece em frente à Fiesp, na Av. Paulista.

nova fábrica da Scania

dia 28

Capa da Tribuna mostra que o Supremo Tribunal Federal dá aval à terceirização irrestrita. A medida é mais um golpe nos trabalhadores e já tinha sido aprovada no Congresso e sancionada por Temer. adonis guerra

A montadora inaugura a 1ª fábrica de solda de cabinas a laser. Presidente do Sindicato, Wagnão, ressalta que o investimento de R$ 340 milhões garante empregos e mostra a importância do ABC para o futuro da indústria.


setembro 2018 – Tribuna Metalúrgica

13

setembro dia 27

Renovação do acordo Na Volks, a renovação do acordo de Garantia de Empregos e Investimentos é aprovada em assembleia. Fica garantida a data-base, PLR, cláusulas sociais, efetivação de aprendizes e investimentos na planta.

dia 4

dia 21

plano Indústria 10+

adonis guerra

adonis guerra

O Plano Indústria 10+ propõe diretrizes para o setor no Brasil em defesa da indústria e dos empregos para os próximos 10 anos. A proposta é do Instituto Trabalho, Indústria e Desenvolvimento, o TID -Brasil, e do Macrossetor da Indústria da CUT.

Em visita às montadoras da região, Fernando Haddad, Manuela D’Ávila e Luiz Marinho defendem a recuperação da indústria e geração de emprego, além da revogação da reforma Trabalhista.

Fala Wagnão especial O presidente do Sindicato, Wagner Santana, o Wagnão, inicia uma série de análises e alertas sobre os principais temas que mudam a vida dos trabalhadores e que estão em jogo nas eleições.

dia 5

dia 21

Tribuna especial no Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência trata sobre os temas de inclusão de trabalhadores no mercado de trabalho, preconceitos e projetos da Comissão dos Metalúrgicos do ABC com Deficiência.

adonis guerra

Haddad + Manu + Marinho

Pessoa com deficiência

Chão de Fábrica Lançamento do filme Chão de Fábrica, de Renato Tapajós e Hidalgo Romero, na Sede. O documentário resgata a história de luta dos trabalhadores desde 1978 e é continuação do documentário Linha de Montagem, que também foi lançado no Sindicato em 1982.


14

Tribuna Metalúrgica – outubro 2018

outubro dia 17

Vitória Mais de 42 mil trabalhadores no G2, G3, G8, Sindratar e Sindicel conquistam Convenções Coletivas que incluem reposição da inflação, aumento real e cláusulas sociais. O G3 estava há quatro anos sem Convenção.

Mobilização na base

dia 1º

adonis guerra

Futuro na Ford

dia 4

Trabalhadores em diversas empresas da base se mobilizam para a Assembleia Geral em defesa de reajuste salarial, aumento real e renovação de cláusulas sociais.

Aviso de greve

dia 3

adonis guerra

Os trabalhadores na Ford se reúnem em plenária na Sede para debater o futuro dos empregos e do país, além da luta por um plano de investimentos com a vinda de um novo produto.

lançamento da HQ Ditadura no sindicato

dia 23

Os metalúrgicos do ABC rejeitam, em Assembleia Geral, a proposta patronal de reposição da inflação e aprovam a entrega do aviso de greve para avançar na Campanha Salarial.

dia 26

defenda suas liberdades

Lançamento da História em Quadrinhos organizada pela Associação dos Metalúrgicos Anistiados e Anistiandos do ABC sobre os anos sombrios da ditadura militar.

Acordo na Dura Automotive

dia 25

adonis guerra

No último Fala Wagnão antes do 2º turno das eleições, o chamamento é em defesa das liberdades de cada um, do direito de pensar, capacidade de refletir, decidir e agir.

Acordo negociado pelo Sindicato evita demissões de trabalhadores e garante estabilidade até março do próximo ano na Dura Automotive, em Rio Grande da Serra.


novembro 2018 – Tribuna Metalúrgica

15

novembro dia 28

o perigo pode morar ao lado Sindicato e trabalhadores estão mobilizados e alertam sobre o risco de fechamento da Delga, que emprega mais de 600 trabalhadores, caso a construção do prédio residencial vizinho seja concretizada.

dia 8

Dias 1º e 14

20 anos do Solano

raquel camargo

adonis guerra

O Centro Cultural Afro Brasileiro Francisco Solano Trindade, mantido pelos trabalhadores na Volks e que já atendeu mais de 10 mil crianças e jovens, recebe homenagem na Câmara de São Bernardo em atividade da vereadora Ana Nice (PT).

dia 12

dia 8

A FEM-CUT assina as Convenções Coletivas de Trabalho com as bancadas patronais da Estamparia e da Fundição, que garantem os direitos conquistados, reposição da inflação e aumento real a cerca de 1.600 trabalhadores. adonis guerra

Aposentadoria miserável As centrais sindicais aprovam a campanha permanente em defesa da Previdência e alertam sobre o risco do modelo chileno, que o governo quer para o Brasil. Lá 78% dos aposentados não atingem o salário mínimo e 44% estão abaixo da linha da pobreza.

Edição sobre a Consciência Negra realizada no dia 24, com arte e debate sobre racismo. A atividade marca a transição da coordenação da Comissão de Igualdade Racial e Combate ao Racismo. Assume Carlos Alberto Queiroz Rita, o Somália.

Decreto do Rota 2030 é assinado O decreto que regulamenta o Rota 2030 é assinado por Temer na abertura do Salão do Automóvel. Medida inclui qualificação profissional defendida pelo Sindicato, mas está muito longe de ser um programa automotivo.

dia 27

dia 9

especial TribuNegra

Acordos com Estamparia e Fundição

Ferramentaria fortalecida Proposta do Sindicato e do APL de Ferramentaria do ABC, a liberação de créditos do ICMS das montadoras e autopeças do Estado de São Paulo para investir em ferramentarias é publicada no Diário Oficial do Estado.


16

Tribuna Metalúrgica – dezembro 2018

dezembro dia 5

Contratações na Mercedes Negociação com o Sindicato garante mais de 700 contratações na Mercedes, sendo 600 trabalhadores no início de 2019 mais a efetivação de 130 temporários. Acordo é fruto das negociações de futuro da planta iniciadas em 2014.

Quanto vale o seu tempo?

dia 4

adonis guerra

Formação de dirigentes

dia 1º

No Curso de Formação para Dirigentes, os CSEs aprofundam o debate sobre a atuação nas fábricas, os desafios sobre o futuro do trabalho e do Sindicato. A formatura da segunda turma é realizada em Cajamar.

Juventude Metalúrgica

dia 6

adonis guerra

No último Fala Wagnão do ano, o presidente do Sindicato faz uma reflexão sobre o que foi mais importante no período e os preparativos para o próximo ano ao reavaliar quais são as prioridades de atuação.

Comissão da Juventude Metalúrgica do ABC faz um convite aos jovens da categoria para estar juntos no dia a dia e discutir os assuntos de interesse comum. Também apresenta as novas artes visuais da Comissão.

Boas festas a todas e todos! Que 2019 seja de vitórias para a classe trabalhadora!

Sede Rua João Basso, 231 – Centro – São Bernardo CEP: 09721-100 – Fone: 4128-4200 www.smabc.org.br – imprensa@smabc.org.br Regional Diadema Av. Encarnação, 290 – Piraporinha CEP: 09960-010 – Fone: 4061-1040 Regional Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra Rua Felipe Sabbag, 149 – Centro – Ribeirão Pires CEP: 09400-130 – Fone: 4823-6898 Diretor Responsável: Aroaldo Oliveira da Silva. Repórteres: Luciana Yamashita e Olga Defavari. Arte e Diagramação: Rogério Bregaida. CTP e Impressão: Simetal ABC Gráfica e Editora – Fone: 4341-5810

juntos somos mais fortes!

Tribuna Retrospectiva 2018  
Tribuna Retrospectiva 2018  
Advertisement