Issuu on Google+

Outubro de 2013 | Número 12 | Ano 2 www.sindiauditoria.org.br

em ação PALAVRA DO PRESIDENTE No último mês de setembro realizou-se em Fortaleza (CE) o 34º Congresso Brasileiro de Auditoria Interna (CONBRAI), considerado o maior evento do gênero na América Latina, que tem como principais objetivos a disseminação de conhecimento, atualização e networking em Auditoria Interna, do qual tive a honra de participar como representante do Sindiauditoria. A participação em evento de tal envergadura nos possibilita o conhecimento das melhores práticas de gestão de riscos, controle e governança corporativa do mercado, a atualização dos assuntos pertinentes à nossa atividade, além da interação com colegas auditores internos de todo o país. Outro ponto importante a destacar também é o crescimento do espaço destinado à auditoria governamental, que, se por um lado ainda não

alcançou os níveis de excelência atingidos pela auditoria interna exercida em organizações privadas, por outro, já demonstra a preocupação com a observância de normas e padrões estabelecidos por organismos internacionais, atendendo assim, não apenas aos princípios legais consagrados na Constituição Federal/88, mas otimizando a aplicação dos escassos recursos para que atendam efetivamente as necessidades da sociedade, sem perder de vista o equilíbrio das contas públicas. Espero que apreciem a leitura de nosso boletim. Até breve! Clóvis Coelho Machado Vice-presidente

“Transparência é o melhor antídoto contra a corrupção” Fotos: Divulgação/Educação Fiscal

Durante a abertura do 5º Seminário Catarinense sobre Transparência Pública e Controle Social, que ocorreu no dia 11 de outubro, no auditório da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), a presidente do Conselho Nacional de Controle Interno (CONACI), Ângela Maria Soares Silvares, abriu a programação com a palestra “Transparência Pública e Cidadania”. Durante sua fala, ela defendeu que o governo precisa conscientizar e capacitar melhor o cidadão sobre importância das informações que disponibiliza. “Cidadania é trazer educação nos campos social, político e civil, sobre a compreensão do papel do Estado”, definiu. Neste sentido, ela acredita ser fundamental qualificar a informação de forma acessível e gerencial. “Buscar sair da linguagem técnica para uma linguagem mais compreensível”, completou. Ângela avalia que a sociedade precisa aprender a apropriar-se da informação adequadamente, acompanhar melhor as mudanças tecnológicas e contribuir no aprimo-

Jaime Luiz Klein

Décio Vargas

ramento do Poder Público. “Transparência é o melhor antídoto contra a corrupção”, afirmou. A presidente entende que a sociedade brasileira ainda não está capacitada para se apropriar das informações e usá-las para a melhoria dos serviços públicos. “Os brasileiros precisam canalizar sua energia para construir um país consciente”, defende, ao compreen-

der que essas mudanças são de aspecto cultural e não acontecem da noite para o dia. Contribuíram no evento os Auditores Internos do Poder Executivo Décio Vargas, no painel “Os órgãos de controle e a transparência pública” e Jaime Luiz Klein, partilhando a experiência do Observatório Social de São José (OSSJ).


2

SINDIAUDITORIA em ação

NOTÍCIAS

Divulgação

comemoração Os Auditores Internos do Poder Executivo, que passaram no segundo concurso da categoria no Estado, se reuniram, na sede da Diretoria de Auditoria Geral (DIAG), em Florianópolis, para comemorar o marcante 18 de setembro de 2006, data da posse da primeira turma do concurso realizado em 2005. Sete anos depois, é unânime o entendimento que a Auditoria Geral, da Secretaria da Fazenda (SEF/SC) se desenvolveu muito e deixou de apenas fiscalizar e apagar incêndios para ter uma atuação mais preventiva e de parceria com os gestores, buscando as melhores soluções para os problemas de gestão com a implementação de ações preventivas, corretivas ou evolutivas, objetivando a otimização do gasto público e a eficiência na administração pública.

Conbrai reuniu profissionais de todos os cantos do Brasil

EXPEDIENTE

Informativo do Sindicato dos Auditores Internos do Poder Executivo do Estado de Santa Catarina - SINDIAUDITORIA

Joaquim Saldanha

Profissionais de todo país se reuniram no Congresso Brasileiro de Auditoria Interna (Conbrai), em Fortaleza (CE), de 22 a 25 de setembro. Entre os mais de 600 participantes, esteve o vice-presidente do Sindiauditoria, Clóvis Machado, e os Auditores Internos do Poder Executivo de Santa Catarina Clarice Ehara, Rafael Palmares e Leandro Morais. A participação do presidente do Instituto dos Auditores Internos Global, Paul Sobel, foi um dos destaques da programação. Na palestra de abertura, ele apresentou os avanços recentes da categoria e apontou as novas possibilidades que se abrem no cenário internacional. Sobel convidou os congressistas a imaginarem o futuro da auditoria e as possibilidades de crescimento que a carreira conquistará em poucos anos. O IIA-Brasil agradeceu a todos que acompanharam o congresso. “Ganhamos com o crescimento re-

Auditores internos acompanhados dos senhores Paul Sobel, presidente do IIA Global e Renato Trisciuzzi, presidente do Conselho de administração do IIA Brasil.

gistrado em 2013 uma imensa responsabilidade para as próximas edições e nos comprometemos com o amadurecimento gradual do Conbrai”, considerou o presidente, Braselino Carlos Assunção da Silva. Outra inovação deste ano foi a

participação de grandes empresas públicas e privadas que abraçaram os objetivos do encontro e emprestaram a imagem de confiança e credibilidade refletidas por suas marcas. A próxima edição será em Goiânia (GO).

Presidente Rodrigo Stigger Dutra

Diretor Jurídico Sérgio Augusto Michalczuk

Vice-presidente Clóvis Coelho Machado

Secretária Fabiana Ribeiro Borges

Diretora de Comunicação Cristina Keller Sartori

Diretora Administrativo-financeiro Inês Marina de Souza


SINDIAUDITORIA em ação

3

PERFIL

Os três primeiros meses na Fazenda da Capital

Diretor de Relações Sociais e Intersindicais Aginolfo José Nau Júnior Conselho Fiscal Herta Machado Capaverde, Maria Eliane Silva Furlan e Rafael de Lima Palmares

Divulgação

O conhecimento na iniciativa privada e na área pública faz com que o Auditor Interno do Poder Executivo André Luiz de Rezende esteja preparado para enfrentar os desafios à frente da Secretaria da Fazenda de Florianópolis. “A experiência como auditor interno me ajuda muito, pois aqui preciso estar atento às limitações legais, aos impactos que as decisões podem ter e às limitações da LRF”, afirma. Natural do Rio de Janeiro (RJ), ele encontrou em Florianópolis alguns pontos em comum com a terra natal: o Verão, as praias, belezas naturais e o turismo. Mas, apesar disso, precisou de um ano para se adequar bem na cidade. “A adaptação no começo foi difícil. A vida deu uma desacelerada e o trabalho também”, explica. Hoje, ele já não quer ir mais embora. Segundo Rezende, a experiência no Governo do Estado ajuda no dia a dia no controle das despesas, nos enquadramentos legais e nos cuidados para tomar as decisões. “Com certeza, aprendi lá e trago para o resto da minha vida”, reconhece. Casado, ele espera o nascimento do segundo filho, que assim como o primeiro, nascerá em Florianópolis, no próximo mês. “Dois manezinhos”, destaca. No tempo livre, ele brinca, assiste desenho e vai ao parque. “Curto muito isso. Esperei pra ser pai e estou me dedicando”, justifica. Formado em Administração de empresas, tem especializações na área corporativa e empresarial. À frente da secretaria municipal, Rezende percebe que as suas decisões estão muito perto da vida das pessoas. “Você está gerindo o caixa da pre-

André Luiz de Rezende está como secretário da Fazenda de Florianópolis, desde 18 de julho de 2013

feitura que é responsável por pagar a merenda escolar, o remédio nos hospitais. As coisas acontecem com muita celeridade”, concluiu. Neste sentido, Rezende percebe que as suas decisões estão muito próximas da vidas das pessoas, em razão disso precisam de muita agilidade. Ele queria sair dos bancos, por isso começou a estudar para concurso. No primeiro momento, voltou sua atenção para a vaga de auditor fiscal da Previdência Social. Mas, acabou que essa prova não ocorreu. Foi aí que começou a fazer provas em vários lugares do Brasil, inclusive no Amazonas. Hoje, na Prefeitura vai dando um passo de cada vez, buscando que a lógica financeira se espelhe no funcionamento de uma empresa privada “Tento me colocar como se eu tiSuplentes do Conselho Fiscal Caio Jamundá, Clarice Taffarel e Marco Antonio Barbosa Lopes Jornalista Jaércio Bento (DRT|SC 4026)

vesse trabalhando em uma empresa privada”, disse. “Sempre que aceito um convite, eu aceito para trabalhar. Não vim para fazer pose de secretário, eu estou como secretário e assumo a função como um trabalho”, evidencia, ao mostrar que a rotina é intensa, com uma jornada que muitas vezes chega a 12 horas diárias. Agora em outubro, Rezende participa de um curso no Japão, com outros 40 gestores municipais de todo mundo. Do Brasil, apenas ele e o secretário de João Pessoa (PB) embarcam para dez dias de treinamento. Ele também é um apaixonado pelos estudos. Atualmente se dedica ao inglês e, mais recentemente, ao mandarim. “O chinês apesar de assustar, é mais fácil. O importante é a entonação das palavras”, experimenta.

CONTATO assessoria@sindiauditoria.com.br Rua Anita Garibaldi, 79 - Sala 603 Centro - Florianópolis


4

SINDIAUDITORIA em ação

NOTÍCIAS

Belém sediou o Encontro Nacional e Reunião Técnica do Conaci Divulgação/CONACI

Com o tema “Fortalecer o Controle Interno para Combater a Corrupção”, o IX Encontro Nacional do Conselho Nacional de Controle Interno reuniu representantes dos estados, que compõem o CONACI, convidados e autoridades. O evento ocorreu em Belém (PA), nos dias 25 e 26 de setembro. O Auditor Interno do Poder Executivo Frederico da Luz, que atua na Diretoria de Auditoria Geral da Secretaria da Fazenda, representou Santa Catarina. Ele acredita que o conselho é uma forma de compartilhar informações sobre o controle interno, em todos os âmbitos, bem como discutir e propor melhorias, tanto na legislação como nas técnicas existentes. “Trago do CONACI a certeza que Santa Catarina se encontra em um lugar diferenciado em termos de controle. Temos trabalhos de referência, como o SC Regularidade, sistema replicado para vários estados”, constatou. O principal convidado, da programação, foi o ministro Gilson Dipp, vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que abordou o tema

FREDERICO DA LUZ (no canto direito) representou SC no Encontro Nacional e Reunião Técnica do CONACI

“A Contribuição do Poder Judiciário no Combate à Improbidade Administrativa”. Na ocasião, o magistrado discorreu sobre as dificuldades enfrentadas no Judiciário a partir de sua experiência e trajetória profissional e reforçou particularmente a relevância da Lei n. 12.846, conhecida como Lei Anticorrupção, que entrará em vigor a partir de janeiro de 2014. Luz também participou da 8ª Reunião Técnica do Conaci, realizada no dia 27 de setembro, também

Governador nomeia servidores para Saúde O governador Raimundo Colombo autorizou a nomeação de 15 servidores para a Secretaria de Estado da Saúde, na Superintendência de Hospitais, no Controle Interno e na recém-criada Superintendência de Compras e Logística. A medida faz parte do Plano de Gestão da Saúde, força tarefa do Governo, conduzida pelas secretarias da Saúde, Fazenda e da Administração, que visa melhorar condições de trabalho e atendimento nos hospitais públicos estaduais. O Auditor Interno do Poder Executivo Rodrigo Stigger Dutra assume a Superintendência de Compras e Logística, que vem atender uma necessidade identificada durante o trabalho da Consultoria, de reduzir a complexidade

e aumentar a agilidade dos processos de compras. Até então, os procedimentos de compras e logística estavam distribuídos em três superintendências distintas, o que tornava os processos complexos e até demorados. Com o novo modelo, a área de Compras e Logística ficará responsável também pelo Controle Interno, em cumprimento ao decreto nº 1.670, de 8 de agosto de 2013, que dispõe sobre a estrutura de controle interno nos órgãos da administração direta, autarquias, fundações e empresas estatais dependentes do Poder Executivo estadual. Para esta função, foram nomeados os Auditores Internos do Poder Executivo Frederico da Luz e Cristina Keller Sartori.

na capital do Pará, onde os membros do CONACI elegeram a nova diretoria para o biênio 2014-2015. Em 21 de novembro de 2013 será realizada a 9ª Reunião Técnica do Conaci, no Estado do Rio Grande do Sul, onde se dará continuidade à transição entre as diretorias e cujos trabalhos focarão no aprofundamento na Lei Anticorrupção, que entrará em vigor em janeiro de 2014 e na apresentação do Manual do Controle Interno.

Redes Sociais O Sindiauditoria está presente nas principais redes sociais, promovendo a difusão das notícias referentes ao trabalho desenvolvido pela entidade, bem como pelos Auditores Internos do Poder Executivo. Na página da instituição no Facebook e Twitter, as notícias, perfis, eventos e destaques na mídia, podem ser acompanhados pelos associados e público em geral. facebook.com/Sindiauditoria twitter.com/sindiauditoria


SINDIAUDITORIA em ação - Outubro