Page 1

8

melhores momentos couromoda 2007 A Couromoda 2007 foi marcante para o Pólo de Birigüi. Confira as imagens dos melhores momentos da Fantástica Fábrica de Sapatinhos.

IMPRESSO Informativo do Sindicato das Indústrias do Calçado e Vestuário de Birigüi Ano V • Nº 41 • Janeiro/Fevereiro 2007 • www.sindicato.org.br

Birigüi éo grande destaque da Couromoda 2007

Autoridades como os presidentes da Fiesp e Ciesp, Paulo Skaff e Cláudio Vaz; o ex-presidente do IBTEC, Martinho Fleck, e o atual presidente do instituto, Rui Guerreiro; o prefeito de Birigüi, Wilson Carlos Borini; e a governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius, visitaram a Fábrica de Sapatinhos

O presidente do Sinbi, José Roberto Colli, marcou sua presença na Fábrica apresentando Birigüi aos visitantes

Mais de 70 empresas de máquinas, equipamentos e serviços para o setor calçadista foram parceiras da Fantástica Fábrica de Sapatinhos

A Fantástica Fábrica de Sapatinhos chamou a atenção de lojistas e crianças na feira O presidente do IBTEC, Rui Guerreiro, agradeceu e parabenizou os colaboradores pelo belo trabalho desenvolvido no projeto

Acesse www.sindicato.org.br e compartilhe conhecimento e negócios.

Lojistas e importadores visitaram a fábrica temática. Divulgação da marca indica de bons negócios

A Fantástica Fábrica de Sapatinhos, montada em parceria entre o Pólo de Birigüi, o IBTEC e a Couromoda Feiras, foi a grande atração da Couromoda 2007. Nos quatro dias de evento, a fábrica recebeu mais de 10 mil pessoas, que conheceram as etapas da produção dos calçados infantis e o conforto dos produtos de Birigüi. O projeto serviu para agregar valor à marca da Capital Brasileira do Calçado Infantil e apresentá-la a lojistas e importadores presentes no evento. A grande divulgação da marca Birigüi e a movimentação nos estandes animaram os empresários do Pólo. O crescimento esperado para 2007 é de 5%. O Sinbinforma registrou os melhores momentos da feira. Confira nesta edição especial Couromoda 2007.

Estande coletivo vende cerca de R$ 3 milhões As 17 empresas do estande coletivo do Pólo de Birigüi venderam cerca de R$ 3 milhões na Couromoda 2007. A localização do estande e a melhoria na qualidade dos produtos apresentados facilitaram a visitação dos lojistas e a realização de negócios. Página 7. Número de empresas no estande cresceu 40%


2

EDITORIAL

Empresas se unem e vendem cerca de R$ 3 milhões

União é o segredo do sucesso de Birigüi na Couromoda Capital Brasileira do Calçado Infantil”. Com certeza, este objetivo foi alcançado com louvor, pois a fábrica estava fantástica e sempre com muitas visitas, mais de 10.000 pessoas passaram por ela, e foi muito importante ver profissionais do setor se reunindo. Este evento “foi um ponto de encontro do setor”. Birigüi deu demonstração de união e mostrou o porquê José Roberto Colli, presidente do Sinbi, na Fábrica Temática conseguimos crescer 7% em 2006, enquanto o setor em geral caiu O ano de 2007 começou de maneira única e marcante para todas 3%. O grande diferencial é a união dos as pessoas envolvidas no setor cal- empresários onde todos lutam por um çadista de nossa cidade. Durante a benefício comum, buscando novos coCouromoda no mês de janeiro Birigüi nhecimentos e desafios. Nosso pólo conquistou mais participou de forma maravilhosa com ações diferenciadas que consagraram credibilidade e prestígio e com certeza também conquistou mais valores, e eu o nosso Pólo. O principal evento com certeza não tenho dúvidas que este ano tamfoi a fábrica temática. “A Fantástica bém teremos mais crescimento. Gostaria de agradecer a todas as Fábrica de Sapatinhos” foi um exemplo de união e parceria com muitas empre- pessoas que se dedicaram a este evensas do setor. Capitaneados pelo IBTEC, to, principalmente aos profissionais do Couromoda e SINBI, conseguimos unir IBTEC em nome do Paulo e da Nilde; ao mais de 70 empresas fornecedoras de Francisco da Couromoda; ao Ricardo do componentes, máquinas, transportes SEBRAE e ao Paulo do Bando do Brasil; e serviços. Todos entenderam a im- ao Fábio dos Correios; e a todos os portância do evento e colaboraram de empresários da cidade que acreditaram maneira entusiástica com o projeto, no projeto. Aos nossos fornecedores de pois o principal objetivo era de mostrar forma geral e a toda equipe do SINBI, a todos os visitantes da feira a força pois todos trabalharam com paixão; e e o potencial das empresas de Birigüi ao companheiro Samir que sempre está e agregar valor para a marca “Birigui presente conosco. Obrigado a todos.

7

estande coletivo

E x p e d i e n t e

Diretoria 2003/2007 José Roberto Colli Presidente Carlos Alberto Mestriner 1º Vice-presidente Jacir Inácio Migliorini 1º Secretário José Luis Fernandes 2º Secretário Antônio Liranço 1º Tesoureiro Luiz Antônio Michilin 2º Tesoureiro Antônio Ramos de Assumpção Diretor de Patrimônio

A participação coletiva das micro e pequenas empresas integrantes do APL de Calçados Infantis de Birigüi foi um sucesso. As 17 empresas participantes venderam cerca de R$ 3 milhões nos quatro dias de feira, com uma média de 50 contatos com compradores por empresa. O número de expositores no estande coletivo de Birigüi cresceu 40% em relação à primeira participação coletiva do Pólo na Francal 2006, quando 12 empresas dividiram o espaço. Dentre elas, nove também estiveram no estande na Couromoda 2007 e registraram um

aumento de 16,54% nas vendas. Para o comitê gestor do APL de Birigüi, o sucesso da participação coletiva é resultado de fatores como a excelente localização e estrutura do estande na Couromoda e da melhoria da qualidade dos produtos expostos na feira. “Com a participação em feiras, as pequenas empresas têm a oportunidade de perceber o mercado e trocar experiências com outros fabricantes, adequando assim seus produtos à demanda e gerando mais contatos e vendas”, afirmou a gestora do APL, Regiane Almeida.

O comitê também ressalta que essa conquista é fruto da união entre empresários, Sinbi e Sebrae, através do APL, para fortalecer o Pólo de Birigüi e proporcionar o crescimento e a lucratividade de todas as empresas integrantes. Participaram do estande coletivo as empresas Anita Calçados, Be a Kid, Bolsart, Biri, Broonk’s, Danzer, Flib, Giz de Cera, Hobby, Lulobalo, Meli, Mania de Moça, Pinókio, Pitcho’s, Roodok, Tapiti e Tatipé. Elas tiveram subsídio de 50%, sendo 40% do Sebrae, através do APL, e 10% da Prefeitura Municipal de Birigüi.

Ubiraci Chaves de Oliveira Diretor Social Sérgio Gracia Diretor Social Wagner Aécio Polli Diretor-Administrativo Membros do Conselho Fiscal: Wilson José da Silva Antônio Carlos Candelária Denílson Eckstein Membros Suplentes do Conselho Fiscal: Valdir Lino Pulzato Anésio Sorato Sérgio Chagas Delegados na Federação: 1- Carlos Alberto Mestriner 2- Samir Nakad Suplente Delegado na Federação: José Luis Fernandes Rua Roberto Clark, 460 – Centro 16200-043 Birigüi – SP Fone: (18) 3649-8000 Fax: (18) 3649-8022 E-mail: sindicato@sindicato.org.br Projeto gráfico Pontual Propaganda Fone: (18) 3624-3366 Reportagens: Karen Silva imprensa@sindicato.org.br Jornalista responsável Paulo Mantello – MTb 24.441 Impressão e fotolitos Efral – Editora Folha da Região Fone: (18) 3636-7777

Em um espaço de 290 metros quadrados, as empresas venderam cerca de R$ 3 milhões Número de empresas no estande cresceu 40% em relação à primeira participação coletiva, na Francal 2006


6

Números Couromoda 2007

Foto: Couromoda

A Couromoda é considerada como o maior evento em moda e negócios do setor calçadista de toda a América Latina. Por ser realizada nos meses de janeiro, a feira mostra as expectativas dos empresários para o ano, sendo assim o termômetro das vendas. Confira abaixo os números da Couromoda 2007.

Feira recebeu 70 mil visitas profissionais

a1.200 expositores; a70 mil visitas de lojistas, distribuidores, importadores e industriais; apresença de importadores de 68 países; avolume de negócios estimado em R$ 5,2 bilhões, para vendas imediatas e contratos para os 60 dias seguintes ao evento; acrescimento de 9% nas visitas profissionais e 4% no volume de negócios, em relação a 2006; apresença de 90% da produção calçadista brasileira na feira; asegundo a Couromoda, a feira é responsável por 25% das vendas anuais realizadas pelas expositoras.

Marca Birigüi se fortalece na Couromoda A Capital Brasileira do Calçado Infantil teve um momento ímpar de crescimento e valorização de sua marca durante a Couromoda 2007. A parceria no projeto Fábrica Temática do IBTEC deu ao Pólo a oportunidade de mostrar a lojistas e importadores de diversos países toda a qualidade de seus produtos

e a força de sua indústria. O projeto, com foco na valorização da marca, segue uma tendência observada em Birigüi há algum tempo. Os empresários vêm discutindo a importância de agregar valor e diferenciar seus produtos através do design. Para ajudá-los a agir nessa direção, o

Sinbi vem realizando vários projetos como palestras, cursos e workshops. O conforto e a saúde para os pés das crianças foi o grande valor agregado aos produtos de Birigüi apresentados através da fábrica. O projeto foi o maior investimento na marca Birigüi já realizado no Pólo até os dias atuais.

Birigüi começa 2007 com expectativa de crescimento de 5% Empresas calçadistas do Pólo de Birigüi retornaram da Couromoda otimistas para o ano de 2007. A feira, realizada de 15 a 18 de janeiro no Anhembi, em São Paulo, teve visitação 9% maior do que em 2006 e clima positivo, indicando melhoras no setor. Na avaliação dos empresários, a movimentação de lojistas nos estandes de Birigüi foi muito boa, principalmente no segundo e terceiro dias de feira, e os contatos com os compradores também foi satisfatório. A feira foi momento de apresentar as coleções aos lojistas e coletar informações para as empresas aplicarem

na melhoria contínua dos produtos. As expectativas que as expositoras tinham antes do evento foram superadas e a aceitação das coleções por parte dos lojistas foi excelente, mostrando que a preocupação das empresas de Birigüi em diferenciar seus produtos e agregar valor a eles está correta. Para o presidente do Sinbi, José Roberto Colli, a participação de Birigüi na Couromoda foi muito significativa. “Nossas empresas estiveram muito bem representadas na feira, fazendo muitos investimentos em marketing e apresentando suas novas coleções com

Veículos da grande imprensa como TV Globo, Band, SBT, Rede TV!, Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo abordaram em suas matérias o conforto dos produtos de Birigüi. Revistas e jornais especializados divulgaram o assunto, assim como veículos da região Birigüi. As assessorias de imprensa do Sinbi, IBTEC e Couromoda se uniram para divulgar a Fantástica Fábrica de Sapatinhos de Birigüi, realizando contatos com

a grande imprensa e veículos regionais. Para chamar a atenção de jornalistas, foram encaminhados às redações um pé de sapatinho infantil de Birigüi junto com um convite para conhecer a Fábrica e completar o par na feira. A união de esforços das entidades e das empresas do Pólo envolvidas no projeto foi a grande responsável pelo sucesso da Fantástica Fábrica de Sapatinhos e do crescimento da marca de Birigüi no

muita modernidade”. José Roberto destacou que os lojistas gostaram muito das novidades apresentadas pelas empresas e iniciaram suas compras ainda no mês de janeiro. O volume de pedidos para o mercado externo foi razoável, apesar de o volume de visitas de importadores ter sido menor que o normal em feiras. Para 2007, a expectativa do Sinbi é de que as indústrias tenham um crescimento de 5%. “Esperamos um pequeno crescimento de 5%, o que com certeza será muito bom tendo em vista as dificuldades que o setor calçadista vem atravessando”, afirmou Colli.

Participação

Pólo é destaque na mídia

Além de apresentar sua marca para lojistas e importadores, Birigüi se mostrou para todo o Brasil através da grande divulgação da Fantástica Fábrica de Sapatinhos em diversos veículos de comunicação do país. Reportagens ao vivo e matérias realizadas dentro do espaço de 744 metros quadrados, que rendiam boas imagens para televisões e fotografias, foram realizadas nos quatro dias em que a fábrica funcionou.

3

balanço Couromoda 2007

capacitação

Movimentação nos estandes da rua de Birigüi na Couromoda 2007 superou as expectativas dos empresários

Ao todo 30 empresas de Birigüi apresentaram as novidades de suas coleções Outono-Inverno 2007. A 34ª Couromoda contou com a presença de Bical, Brink, Finobel, Kidy, Kiuty, Klin, Mario Prata, Ortopasso, Pampili, Pé com Pé e Tiptoe em estandes individuais no pavilhão de exposições. Adélia Moreno e Sonho de Criança participaram no espaço Couromoda Collections, no Hotel Holiday Inn. Outras 17 empresas participaram do estande coletivo do Pólo (leia mais na página 7). O grande objetivo dos empresários de Birigüi na Couromoda 2007 foi divulgar a marca do Pólo e fazer com que os calçados produzidos na cidade sejam reconhecidos como produtos diferenciados, de grande valor agregado e de muita qualidade. “Queremos que os lojistas brasileiros e os importadores vejam os nossos calçados como produtos competitivos e que são produzidos por indústrias que têm responsabilidade social”, afirma o presidente do Sinbi, José Roberto Colli.


4

FÁBRICA TEMÁTICA - COUROMODA 2007

A Fantástica Fábrica de Sapatinhos é o grande destaque da Couromoda 2007

A Fantástica Fábrica de Sapatinhos chamou a atenção dos visitantes da Couromoda 2007

O grande destaque da Couromoda 2007 foi “A Fantástica Fábrica de Sapatinhos”, montada na feira através do projeto Fábrica Temática do IBTEC (Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçado e Artefatos) para mostrar aos visitantes da feira todo o conforto e qualidade dos produtos fabricados pelo Pólo Calçadista de Birigüi. Nos quatro dias de feira, 20 colaboradores de fábricas calçadistas de Birigüi demonstraram a confecção de oito modelos de calçados infantis, testados e certificados pelo IBTEC, em um espaço lúdico e diferenciado, inspirado no filme “A Fantástica Fábrica de Chocolates”. Mais de 10 mil pessoas, entre lojistas, importadores e profissionais do setor calçadista, passaram pela fábrica e conheceram processos e tecnologias modernos da produção de calçados. A iniciativa de montar a “Fantástica Fábrica de Sapatinhos” na Couromoda teve como objetivo divulgar a marca do Pólo de Birigüi como a Capital Brasileira do Calçado Infantil, o que na avaliação do presidente do Sinbi, José Roberto Colli, foi alcançado. “Com certeza, o nome de Birigüi foi muito valorizado, as pessoas viram nosso Pólo de maneira diferente e conseguimos agregar valor para nossas empresas e produtos”, afirmou. O presidente do IBTEC, Rui Guerreiro, destacou a união das empresas do Pólo de Birigüi na realização do projeto. “Além da superação de sair de uma empresa para um pólo no projeto Fábrica Temática, a união de Birigüi foi uma grande inovação desta feira e facilitou todo o desenvolvimento do projeto”, disse. Rui Guerreiro também destacou o compromisso das empresas de Birigüi com o conforto para os pés das crianças. “O comprometimento das empresas com o segmento que elas escolheram é o que chama a atenção para o Pólo. A certificação dos calçados não é mercadológica, mas mostra o compromisso de Birigüi com o conforto e qualidade do calçado infantil”, afirmou. Os calçados produzidos na Fantástica Fábrica de Sapatinhos serão doados para instituições de caridade que serão definidas pelo Pólo de Birigüi, IBTEC e Couromoda.

FÁBRICA TEMÁTICA - COUROMODA 2007

5

Colaboradores mostraram as etapas da produção dos calçados de Birigüi

Grande equipe trabalhou no projeto O sucesso da Fantástica Fábrica de Sapatinhos foi completo graças ao trabalho de uma grande equipe de parceiros e colaboradores que se empenharam no desenvolvimento do projeto. Além do grupo de 20 colaboradores das fábricas de Birigüi, quase 70 empresas do setor de logística, equipamentos e serviços para o setor calçadista perticiparam do projeto. Para os colaboradores, participar da Fábrica foi motivo de muita ale-

gria. Além de valorizá-los, mostrando seu trabalho e importância para o pólo, proporcionou momentos diferentes e de lazer. “Esta é a primeira vez que eu participei de uma feira como a Couromoda. A semana foi muito proveitosa e gostaria muito de participar de outros projetos como esse”, afirmou a colaboradora Márcia Lahos. Empresas e entidades como Correios, Banco do Brasil, Sebrae, Couromoda e IBTEC foram grandes

Mais de 10 mil pessoas passaram pela Fantástica Fábrica de Sapatinhos

parceiros do projeto. Dentro da Fábrica Temática eles puderam apresentar aos profissionais que visitaram o projeto toda a qualidade de seus produtos e serviços e aumentar a sua visibilidade no setor. O Sinbi agradece em nome do Pólo de Birigüi a todos os parceiros e envolvidos na Fantástica Fábrica de Sapatinhos pela disposição e excelência do trabalho de todos e por acreditar no potencial da indústria da Capital Brasileira do Calçado Infantil.

O espaço, decorado de forma lúdica, tinha centopéia calçada com os sapatos das 159 fábricas de Birigüi


Sinbinforma - Ano V - nº 41 - Janeiro e Fevereiro de 2007  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you