{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade.

Page 1

revista

Sindicato Nacional dos Cegonheiros

DOZE ANOS NO CAMINHO DA INFORMAÇÃO

Ano 12 - edição no 153 - janeiro/2015 - Publicação mensal

SEU EXTINTOR É DO TIPO ABC?

EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL Vamos acabar com isso

TEMPO DE FESTA Confraternizações do setor


Palavra do Presidente Presidente: José Ronaldo Marques da Silva Vice-Presidente: Jaime Ferreira dos Santos Secretário Geral: Douglas Santos Silva Secretário de Finanças: Reginaldo Fabretti Diretor Regional: Márcio Galdino da Silva Primeiro Secretário: José Murialdo Generoso Júnior Primeiro Tesoureiro: Josimar Lincon de Freitas Diretores Executivos Efetivos Gilmar Donizette da Silva Benvindo Gonçalves José Laércio da Silva Antenor Garibaldi Clemente Francisco de Assunção Diretores Executivos Suplentes Edimar Moreira de Oliveira Ednilson Azevedo Bitencourt Jurandy Pereira de Albuquerque Luiz Eugenio Baldin Golgatto Antonio Bertin Jardel de Castro Luiz Bianchi Giglio João Soares de Jesus Aroldo Neves de Lima Ronaldo Montagnini Jacinto Tassiano de Sousa e Silva César Wellington Pereira da Rocha Conselho Fiscal Efetivo Adilson Roberto Bento Hamilton Mendes José Vicente Bonetti Conselho Fiscal Suplente Fábio Renato dos Santos João Formiga de Souza Daiana Freitas de Oliveira Jornalista Responsável José Nogueira do Nascimento Mtb 15.211 Editoração de Arte e Produção Gráfica Milton Tonello Editor José Nogueira do Nascimento Publicidade Ítalo Rocha Nogueira Redação Analuiza Tamura e José Nogueira Revisão Maria Isabel Corcete Fotografia Ítalo Rocha Nogueira Impressão Gráfica Gráfica e Editora Referência Tiragem 6.000 exemplares

Endereço Rua Luiz Barbalho, 07/11 - Bairro Demarchi CEP: 09820-030 - São Bernardo do Campo - SP Fone: (11) 4346-5507 Fone/Fax: (11) 4346-5500 www.sindicatodoscegonheiros.com.br revistacegonheiro@sindicatodoscegonheiros.com.br conexaocomunicacao@uol.com.br Revista Mensal dirigida aos Cegonheiros. As opiniões dos artigos assinados e dos entrevistados são de seus autores e não necessariamente as mesmas da Revista Cegonheiro. A elaboração de mátérias redacionais não tem nenhuma vinculação com a venda de espaços publicitários. Os anúncios são de responsabilidade das empresas anunciantes. Ano 12 - edição nº 153 - janeiro de 2015Wg Sindicato Nacional dos Cegonheiros

Revista Cegonheiro

2

Caros Leitores Com energia renovada, começamos mais um ano. Enfrentamos muitas dificuldades em 2014, devido ao cenário econômico e esse quadro deve persistir ainda neste ano. A indústria automobilística voltou aos patamares de 2009 e a Anfavea, entidade que reúne as principais montadoras do país, estima que a produção de veículos deverá crescer abaixo de 5%. Devemos estar preparados para encarar as dificuldades que virão e tenho certeza de que com garra e determinação superaremos essa fase. Como diz aquela frase: “Sou brasileiro e não desisto nunca”. Entre as matérias publicadas nesta edição, quero destacar a que fala sobre o aumento dos pontos propícios à exploração sexual de crianças e adolescentes. Infelizmente o número bateu novo recorde. Todos podemos e devemos fazer a nossa parte para acabar com esse problema que envergonha nosso país. Se presenciar um caso, não hesite: denuncie. Ligue para o Disque 100, um serviço gratuito da Secretaria dos Direitos Humanos, que funciona 24 horas por dia, nos sete dias da semana. As denúncias recebidas são analisadas, tratadas e encaminhadas aos órgãos responsáveis. Vamos fazer nosso papel de cidadãos e combater esse mal. Fique por dentro também de notícias importantes para todos os motoristas. A partir de 1º de abril, será obrigatório o uso do extintor de incêndio do tipo ABC. Quem não cumprir essa regra, receberá multa, perderá cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e ainda terá o veículo retido. Outras novidades são as mudanças na CNH (Carteira Nacional de Habilitação), no CRV (Certificado de Registro do Veículo) e no CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo), que entrarão em vigor a partir de 1º de julho deste ano. A medida visar impedir a adulteração e falsificação desses documentos. Leia estas e outras matérias. Boa leitura!

Índice

José Ronaldo Marques da Silva

Agenda .............................................................................................. 4 Mercado ............................................................................................ 6 Conscientização .................................................................................. 8 Sindical ............................................................................................ 10 Documentação ................................................................................. 12 Reconhecimento ............................................................................... 14 Indústria .......................................................................................... 16 Premiação ........................................................................................ 17 Gente ....................................................................................... 18 e 19 Confraternização ....................................................................... 20 e 21 Qualificação ..................................................................................... 22 Finanças .......................................................................................... 23 Investimento .................................................................................... 24 Segurança ....................................................................................... 25 Restrições ........................................................................................ 26 Licenças .......................................................................................... 28 Classificados .................................................................................... 30


Agenda

Visita ao Sindicato

Os amigos Rogério, José, Bruno e Naerço na sede do Sindicato

Os frotistas Rogério Francisco de Oliveira, José dos Santos Avelino, Bruno Gustavo Colino Ramos e Naerço Severino Siqueira, da Tegma, visitaram a sede do Sindicato Nacional dos Cegonheiros, no dia 11 de dezembro. O grupo veio tratar de negócios e aproveitou para conversar e trocar ideias.

SINDICATO NACIONAL DOS CEGONHEIROS

Regionais: São José dos Pinhais - Paraná Rua Tubarão, 112 - Bairro: Borda do Campo Cep: 83075-060 – São José dos Pinhais/PR Fone: (41) 3385.8245 E-mail: sjpinhais@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: João Soares de Jesus

Porto Real – Rio de Janeiro

Sede Central: São Bernardo do Campo São Paulo Rua Luiz Barbalho, 07/11 Bairro: Demarchi Cep: 09820-030 São Bernardo do Campo/SP Fone: (11) 4346.5500 E-mail: diretoria@sindicatodoscegonheiros.com.br Presidente: José Ronaldo Marques da Silva

Revista Cegonheiro

4

Rua Hilário Ettore, s/n – Bairro: Ettore Cep: 27570-000 – Porto Real/RJ Fone: (24) 3353.4170 E-mail: portoreal@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: José Laércio da Silva

São José dos Campos – São Paulo Rua Ernesto Júlio Nazaret, 201 Vila Tesouro Cep: 12221-770 – São José dos Campos/SP Fone: (12) 3906.0807 E-mail: sjcampos@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: Ednilson Azevedo Bitencourt

Piracicaba – São Paulo Rod SP 304, Km 147 – Sala 02 – Distrito de Tupi Cep – 13422-230 – Piracicaba/SP Fone: (19) 3438-7738 E-mail:piracicaba@sindicatodoscegonheiros.com.br Diretor: Clemente Francisco de Assunção

Serra – Espírito Santo Rua Talma Rodrigues Ribeiro, nº 96 Edif. Metropolitano – Sala 04 Cep: 29168-080 – Serra /ES Fone: (27) 3066-2011 E-mail: serra-es@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: Jurandy P. de Albuquerque Jr.

Sindicatos parceiros:

Gravataí - Rio Grande do Sul

Sintraveba - Bahia

Av. Eli Correa, 6.651 - RS 030 Bairro: Passo da Cavera Cep: 94010-972 – Gravataí /RS Fone: (51) 3431.7889 E-mail: gravataí@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: Antenor Garibaldi

Sintrauto – Goiás Rua Mandaguari, 36 - Bairro: JK Cep: 75709-010 - Catalão/GO Fone: (64) 3411.2907 Presidente: Juarez Rodrigues da Silva Rua Gurupi, 23 – Bairro Goiana Cep: 42808-200 - Camaçari /BA Fone: (71) 3622.6700 Presidente: Renato Santana www.sindicatodoscegonheiros.com.br


RINO COM

Caminhões Scania. Desempenho como o transporte de veículos nunca viu. Com força, potência e desempenho, os caminhões Scania oferecem tudo para que os seus negócios estejam sempre em movimento. Em todas as estradas, você realiza a melhor entrega, com mais segurança e a maior economia de combustível.

Respeite os limites de velocidade.

Faz diferença ser Scania.

TAUBATÉ

SÃO BERNARDO DO CAMPO

facebook.com/ScaniaBrasil

Cabine Scania.

Driver Support.

Serviços Scania.

Mais conforto, segurança e visibilidade. A melhor cabine da categoria.

Sistema de apoio que faz leituras sobre o modo como o veículo é conduzido e fornece sugestões ao motorista, visando melhorar o desempenho e aumentar a economia.

A Scania oferece uma série de soluções em serviços, com mão de obra qualificada para prestar o suporte adequado a cada ocasião e mais de 100 Casas Scania em todo o Brasil.

Av. Nicola Demarchi, 601 S.B. do Campo - SP - Tel.: (11) 2176-0000


Mercado

Produção e vendas caem foto: Divulgação

Um ano para esquecer: produção caiu 15%, recuando aos patamares de 2009

A indústria automobilística amargou um péssimo ano. Em 2014, a produção caiu 15%, recuando aos patamares de 2009, e as vendas tiveram queda de 5%. De acordo com os números divulgados pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de veículos Automotores), as montadoras fabricaram 3.146.118 veículos – em 2013, foram montados 3.712.3780 unidades. O resultado ficou abaixo das expectativas da entidade, que estimava que a retração seria da ordem de 10%. Em dezembro, muitas montadoras entraram em férias coletivas, por isso a produção atingiu 203.760 veículos, o que representou queda de 23,1% na comparação com novembro quando Revista Cegonheiro

6

foram montadas 264.830 unidades. As vendas em 2014 somaram 3.498.012 veículos – volume 7,1% inferior ao registrado no ano anterior, que foi de 3.767.370 unidades. O resultado também ficou abaixo do esperado pelos técnicos da Anfavea que estimavam queda de 5,4%. No último mês de 2014, muitos consumidores aproveitaram as promoções e o último mês de vigência do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido para colocar um carro zero na garagem. Foram licenciados 370.028 veículos, resultado 25,6% superior ao obtido em novembro, com 294.651 unidades; e 4,6% a mais que no mesmo mês de 2013, quando foram licenciados 352.843 veículos.

O pior resultado, no entanto, veio no comércio exterior. O efeito Argentina fez que as exportações despencassem 40,9%, com 334.501 unidades ante os 566.299 veículos de 2013. O país vizinho é o principal parceiro comercial do Brasil, mas devido à crise econômica endureceu as regras para a importação de veículos. Expectativa para 2015 Em entrevista coletiva à imprensa, o presidente da Anfavea, Luiz Moan, falou sobre a expectativa do setor para este ano. A produção deverá aumentar 4,1% e atingir 3,27 milhões de unidades. As vendas devem repetir os números alcançados em 2014 e a exportações, apresentar um ligeiro aumento, de 1%.


ISO 9001 : 2008

www.transzero.com.br São Bernardo do Campo SP • São José dos Campos SP Taubaté SP • São José dos Pinhais PR • Gravataí RS Vitória ES • Rio Grande RS • Camaçari BA • Catalão GO


Conscientização

É uma vergonha ... foto: Divulgação

Os números de casos de exploração sexual de crianças e adolescentes são assustadores

Infelizmente a notícia não é nada boa: o número de pontos propícios à exploração sexual de crianças e adolescentes bateu novo recorde. De acordo com a sexta edição do “Mapeamento dos Pontos Vulneráveis à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes nas Rodovias Federais Brasileiras”, foram mapeados 1.969 locais entre 2012 e 2013 – aumento de 9% em relação ao estudo anterior, quando foram identificados 1.776 pontos. Elaborado pela Polícia Rodoviária Federal, em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a organização não governamental Childhood Brasil, a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e o Ministério do Trabalho, o estudo aponta a região Sudeste como a que reúne mais pontos de vulnerabilidade (494), seguida pelo Nordeste (457), Sul (448), Centro-Oeste (392) e Norte (160). Os estados de Minas Gerais, Bahia e Pará lideram o ranking na quantidade absoluta de pontos críRevista Cegonheiro

8

ticos ou de alto risco. O que são pontos vulneráveis? A fim de padronizar o estudo, foram definidos como pontos vulneráveis de exploração os ambientes ou estabelecimentos onde os agentes da polícia rodoviária federal encontram adultos prostituindo-se, falta de iluminação, ausência de vigilância privada, locais de parada de veículos e consumo de bebidas alcoólicas. Esse mapeamento permite à Polícia Rodoviária Federal e a seus parceiros elaborarem um trabalho conjunto para combater a violência sexual e proteger crianças e adolescentes. A edição de 2014 avaliou duas novas questões: a primeira,o sexo/gênero das vítimas, e a segunda, o local de origem dessas vítimas. Na avaliação dos pesquisadores, esses dados contribuirão para estabelecer novas políticas preventivas e de encaminhamento. Do total de pontos de risco mapeados, 1.121 forneceram respos-

tas quanto à origem e ao gênero das crianças e adolescentes: 428 pontos (38%) mostraram que a vítima era originária de outra localidade, ou seja, poderia estar em situação de tráfico de pessoas. Além disso, em 448 pontos com registro de crianças e adolescentes em situação de exploração sexual, identificou-se que 69% eram do sexo feminino, 22% transgêneros e 9% do sexo masculino. Faça a sua parte Você, motorista profissional, tem um papel muito importante no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes. Ao presenciar um caso, denuncie. Ligue para o Disque 100, da Secretaria dos Direitos Humanos. O serviço de atendimento telefônico é gratuito e funciona 24 horas por dia, nos sete dias da semana. As denúncias recebidas são analisadas, tratadas e encaminhadas aos órgãos responsáveis. A identidade do denunciante é mantida em sigilo.


Sindical

Obra finalizada

Rua é a rota principal dos caminhõescegonha e tanque em direção ao polo petroquímico

Os caminhoneiros pediram e o Sintraveba (Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Veículos e dos Transportadores Autônomos de Veículos da Bahia) atendeu. Agora é possível trafegar com mais segurança na rua das Transportadoras, no bairro Polo Petroquímico, em Camaçari. Antes, era necessária atenção redobrada para desviar-se da sequência de buracos. “Nem carro pequeno conseguia transitar direito. Imagina os caminhões-ce-

Sintraveba realizou a Operação Tapa Buracos com recursos próprios

Revista Cegonheiro

10

gonha e tanque. Era impossível. Por isso, a primeira ação desta nova diretoria foi lançar, com recursos próprios, a Operação Tapa-buraco”, afirma o presidente da entidade, Carlito Alves. Com quatro quilômetros de extensão, a rua é a rota principal dos caminhões-cegonha e tanque com destino ao polo petroquímico. A Operação Tapa-buraco foi concluída em apenas um mês.

Com quatro quilômetros de extensão, a rua teve obras concluídas em apenas um mês


Documentação

Contra fraudes Veja como ficarão os novos documentos

Para impedir a falsificação e a adulteração dos documentos de veículos, além de fraudes no pagamento de licenciamento e do IPVA (Imposto de Propriedade de Veículo Automotor), o Contran (Conselho Nacional de Trânsito) aprovou mudanças na CNH (Carteira Nacional de Habilitação), no CRV (Certificado de Registro do Veículo) e no CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo). As alterações entram em vigor a partir de 1º de julho de 2015 e não trarão custos para os condutores e proprietários de veículos. Por enquanto, os motoristas que têm o modelo atual desses documentos não precisam solicitar a emissão dos novos modelos. A regra já vale para os seguintes casos: primeira permissão para dirigir; substituição da permissão, pela CNH definitiva; mudança ou adição de nova categoria; perda, dano ou extravio de documento; renovação de exames da CNH; reabilitação Revista Cegonheiro

12

ou alteração dos dados do condutor e substituição do documento de habilitação estrangeira. O que mudou A nova versão dos documentos tem 28 dispositivos de segurança na carteira de motorista e 17 no CRV e CRLV. O principal item é o QR Code, um código cifrado e com informações criptografadas. Ele é gerado com base nos números de documento e licenciamento do veículo e da unidade da federação e deverá conter o código do Renavam, a placa do veículo, CPF ou CNPJ do proprietário, ano da fabricação, ano do modelo e o código de segurança. Durante uma fiscalização, o agente de trânsito poderá, com o auxílio de um aplicativo de leitura do QR Code, comparar os dados impressos no documento com as informações codificadas.


Reconhecimento

Motorista homenageado

Nelson Roncen homenageia Jefferson pelos seus dez anos de dedicação

O motorista Jefferson Romualdo da Silveira foi homenageado pela Transportadora Roncen pelos dez anos de trabalho e dedicação à empresa. No dia 3 de dezembro, recebeu uma placa das mãos do diretor Nelson Roncen. “Esta homenagem representa o reconhecimento aos profissionais que se esforçam para o desenvolvimento da empresa”, afirmou Roncen. Jefferson atua na frota 2190, da Tegma Linha ASL Sul. Para ele, completar dez anos de trabalho significa dizer que tem muito orgulho em fazer parte da empresa e seu desejo é poder continuar durante muitos anos. Com 41 anos de atuação no mercado, a Transportadora Roncen têm o hábito de homenagear seus profissionais. Revista Cegonheiro

14

Um pioneiro Nelson Roncen foi um dos pioneiros a atuar no segmento de transporte de veículos novos no Rio Grande do Sul. Começou a carreira como cegonheiro em 1968, com um Mercedes-Benz 1111, na Brazul. Depois passou pelas transportadoras Translor, Schllater, e Axis Sinimbú. Com sede na cidade gaúcha de Caxias do Sul, a Transportadora Roncen foi fundada em 1973. Para ajudá-lo no comando da empresa, Nelson Roncen conta com a ajuda da esposa, Teresinha Roncen, e dos filhos, Anderson e Maicon, ambos formados em engenharia.


Indústria

Jaguar Land Rover lança pedra fundamental

Primeiro veículo a sair da linha de montagem será o Discovery Sport

Jaguar Land Rover divulga projeção de como será a unidade de Itatiaia

No dia 2 de dezembro último, a montadora britânica Jaguar Land Rover iniciou a construção de sua fábrica na cidade de Itatiaia, localizada na região sul do estado do Rio de Janeiro. Com investimentos de R$ 750 milhões, a unidade deverá ser inaugurada em 2016 e o primeiro veículo a sair da linha de montagem será o Discovery Sport - SUV inédito de sete lugares que sucederá ao Freelander. A cerimônia de lançamento da pedra fundamental foi prestigiada pelo governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, e pelo CEO global da Jaguar Land Rover, Ralf Speth. Em seu discurso, o executivo também anunciou planos da montadora de abrir seu primeiro centro educacional na América Latina. “A confirmação do primeiro centro educacional da Jaguar Land Rover na América Latina demonstra nosso compromisso com o auxílio ao desenvolvimento das habilidades necessárias para uma geração de futuros trabalhadores, de forma a criar uma indústria sustentável de construção de veículos premium no Revista Cegonheiro

16

Brasil”, afirmou o executivo. A fábrica A linha de produção terá capacidade de fabricar até 24 mil veículos/ ano com cerca de 400 empregados diretos – a empresa já deu início ao processo seletivo que será feito em parceria com a Câmara Municipal de Itatiaia. Segundo informações da montadora, a empresa utilizará uma série de componentes nacionais de fornecedores locais, porém, vai importar alguns itens de sua rede global. Para aumentar a nacionalização dos veículos, a empresa ainda investirá em serviços de assistência técnica junto aos fornecedores locais. Em seu pronunciamento, o governador Pezão declarou que “a Jaguar Land Rover abre caminho para consolidar o Rio de Janeiro como o segundo mais importante polo automotivo do país. O Rio de Janeiro oferece as condições perfeitas para a instalação da montadora, já que temos um polo automotivo na região Sul Fluminense

que concentra mão de obra qualificada e importantes fornecedores”. O centro educacional Inspirado no programa de educação que a montadora mantém no Reino Unido, o centro educacional oferecerá aos participantes uma série de atividades em sala de aula. O objetivo é desenvolver habilidades e conscientizar as crianças em idade escolar da vida profissional e, principalmente, inspirá-las a seguir carreira na empresa. Antes mesmo da construção de sua fábrica, a Jaguar Land Rover vem mantendo um forte vínculo com as comunidades de Itatiaia e Resende. Recentemente foi lançada a primeira fase do programa “Inspirando os trabalhadores de amanhã”. Implantado em conjunto com o Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), o programa oferece treinamento para jovens com idades entre 17 e 26 anos, com o fim de capacitá-los a atuar na indústria automotiva.


Premiação

Uma equipe muito especial

Motoristas homenageados com a equipe da Tegma e os atores do grupo Pontapé

O dia 17 de dezembro foi muito especial para os colaboradores e transportadores da Tegma. Nessa data foi realizada a cerimônia de encerramento do Programa Forte para homenagear os profissionais que ajudaram a empresa a alcançar as metas de qualidade e reduzir o índice de avarias. “Apesar das dificuldades enfrentadas ao longo deste ano, melhoramos o desempenho da empresa. Isso é resultado do trabalho desenvolvido pela Tegma e pelos nossos transportadores para alcançar a excelência operacional”, agradeceu a coordenadora de Relacionamento do CAT, Ilma Rodrigues. O motorista Jeferson Peres, da frota 51029, foi um dos homenageados. “Conquistar o prêmio significa que a empresa valoriza meu trabalho”, disse. Premiado pela primeira vez, Paulo Ricardo Andriolo, da frota 21328, conta que batalhou muito para ser um dos contemplados. Seu colega Roque Toledo, da frota 21417, deu a receita para faturar o prêmio: trabalhar com calma, cautela e, principalmente, paciência. Também foram homenageados: João Natal Tavares Peres, José Francisco Coelho, Eric Brito da Silva, Daniel Consolini da Silva, Gilmar Cardoso, Laurentino José Martins, Paulo Victor Vita Simões, Fábio Celestino dos Santos, Fabiano Gonçalves Santos, Rodolfo Henrique Montani, Gilson Coelho da Silva, Reginal-

do Moacir Soares, Celso Donadelli, Francisco Xavier Martins, Leonel Fachinelli Junior, Jailton Barbosa dos Santos, Gerson L. Singh Gomes, Lisandro Graciliano Silva, Raimundo S. Figueiredo, Oderlei da Silva Souza, Edenildo de Sousa Lima, Roberto Correia de Farias, Ernando Alves de Sousa, Rinaldo J. do Nascimento, Adelino Batista Teodoro, Edvaldo Daniel, André de Carvalho, Eliomar Vieira de Lacerda, Sidnei Bispo dos Santos, Valdecir Carlesso, Sandro Rogério de Lima, Celso Mezzalira, Ricardo Rodrigues, Juelci Rodrigues, Wagner Aparecido Marinho, André R. Assis de Arruda, Francisco Chagas Assunção, Sandro M. Rodrigues Rocha, José Ferreira Tenório Neto, Orlando Nascimento Barbosa, Rogério Dias, Marcos Roberto Maiorano, Ederval Antunes Vieira, Carlos Alberto Santos Matias, José Maria Nascimento Filho e Vilmar Rodrigues Albanese. Um dia dedicado à família Nessa mesma data, a Tegma abriu as portas para receber os familiares de seus transportadores. Com uma programação especial, o evento teve peça teatral, sessões de massagem e muita comida. A criançada se divertiu com a pintura fácil e com as esculturas em balões.

Almoço com os homenageados No dia 10 de dezembro, foi realizado o tradicional almoço com os premiados no Projeto de Redução de Avarias. Além dos motoristas e frotistas premiados, participaram do evento no Hotel Liau, em São Bernardo, o diretor da DLV (Divisão de Logística Automotiva) Sineas Rodrigues Lial, o gerente de relacionamento Enésio Montalvão e os coordenadores Ilma Rodrigues (Relacionamento) e Aparecido de Oliveira Moreira (Logística). Os homenageados foram: Elcio Cabral da Silva, Reginaldo Rangel de Paula, Jeferson Ferreira Serpa, Wagner Rodrigo Cristino, Edmundo Teixeira do Carmo, Sidnei Roberto Bercelli, Geomarcílio Oliveira Costa, Luiz Carlos Rocha, Nilton de Jesus Pereira, Cleber Laudir da S. Oliveira e Fabrício Monteiro Neves.

Premiados durante almoço no Hotel Liau

17

Revista Cegonheiro


Gente

A receita do sucesso

Com muita garra, Aparecido conquistou sucesso profissional

Quem vê o gerente de operações da Tegma, Aparecido Rosa, coordenando o trabalho nos pátios das 12 filiais da empresa, sob sua gestão, não imagina os desafios que ele encarou para conquistar seu espaço. Foram muitas pedras no meio do caminho – e, como poucos, ele soube tirar cada uma delas para dar o passo seguinte em sua longa trilha. Por isso, não é à toa que hoje, aos 55 anos, esse paranaense, nascido na cidade de Centenário do Sul, é um exemplo de profissional bem-sucedido e uma referência no setor. “Agarrei todas as oportunidades que surgiram. Ao mesmo tempo, investi no meu desenvolvimento profissional: sou formado em logística e perdi a conta de quantos cursos fiz ao longo da minha carreira”, conta. Essa determinação de sempre se aperfeiçoar é uma de suas principais características. Aos 18 anos, Aparecido largou a vida e o trabalho na roça, em busca de melhores condições em São Paulo. Na época recebeu ajuda do tio Arlindo e foi morar na casa de sua avó Revista Cegonheiro

18

Cristina, em Diadema. “Comecei a trabalhar como ajudante de obras na Schlatter. Anos depois, a empresa foi adquirida pela Axis Sinimbu e, mais tarde, pela Tegma. Foram tempos difíceis. Sentia muitas saudades dos meus pais, Lupércio e Flauzina. Além disso, não estava satisfeito com o meu trabalho. Não via chances de progredir. Decidi, então, ir até o departamento pessoal e pedi para sair. Fui sincero. Para minha surpresa, disseram que estavam observando meu desempenho e me dariam uma oportunidade como amarrador”, relembra. Dedicado, agarrou a chance e, aos poucos, foi conquistando novas posições: passou a motorista-manobrista, conferente, motorista-subidor, encarregado de carregamento e coordenador de operações de gerenciamento de pátio até chegar ao cargo atual. Sem rodeios, ele dá a receita para alcançar o sucesso profissional? “Gostar do que se faz e acreditar que sempre é possível aprimorar seu trabalho. Jamais podemos cair na rotina. A zona de conforto é uma grande armadilha”, ensina. “A empresa reconhece aquele que contribui para que


No início da carreira, sempre demonstrado dedicação, passou por vários cargos

Elísio Rodrigues da Silva e Aparecido Rosa

ela se destaque no mercado”, completa. Aparecido considera a Tegma o seu segundo lar. “Digo, com muito orgulho, que ajudei a construir essa empresa. Literalmente carreguei concreto”, brinca. Ele não poupa elogios à sua equipe. “Nas 12 filiais, conto com ótimos profissionais, que são meu braço direito. Sou exigente, mas também sei ouvir o que cada um tem para me dizer. Para ser um bom gestor, é preciso estar atento às sugestões. Afinal, na maioria das vezes, as grandes soluções estão nas pequenas coisas”, ensina. Pelos gramados europeus A mesma garra que demonstra no dia a dia da empresa, Aparecido exibe nos campos de futebol. Centroavante dos bons, já participou de vários campeonatos e, em sua sala, há um cantinho reservado só para os troféus e medalhas. Em 2014, Aparecido teve o privilégio de pisar e, o que é melhor, marcar um gol no Estádio Algarve, em Portugal, onde são disputados os jogos da Eurocopa. “Foi uma das maiores emoções da minha vida”, confessa. Ele conta que a partida fez parte de um torneio disputado por cinco equipes brasileiras, uma portuguesa e uma espanhola. Os jogos foram disputados nos dois países europeus, no sistema mata-mata. O time de Aparecido conquistou o vice-campeonato, perdendo o título para uma equipe brasileira, da cidade de Barueri. “É um campeonato muito difícil. Em seis dias, jogamos cinco vezes”, conta. “Mas valeu a pena”, completa.

No ano passado, teve o privilégio de marcar um gol no Estádio Algarve, em Portugal

19

Revista Cegonheiro


Confraternização

Tempo de festa

Frotistas da Transauto se reuniram para almoçar no restaurante Pinheirão

Depois de um ano de muito trabalho, equipe do Sindicato aproveita para relaxar

Muitas confraternizações com pessoas bonitas e animadas marcaram o final de ano do setor. Confira nestas duas páginas como foram as festas.

Os amigos da Autoport Sumaré comemoraram as conquistas de 2014

Muita animação na confraternização da Brazul Revista Cegonheiro

20

O deputado estadual Orlando Morando (camisa azul marinho) é recebido por Rogéria, Carlos Caboclo e Tamires


Momento para o brinde na Brazul

Os funcionários do Sindicato participaram de uma animada churrascada

Muita comida e animação foram os ingredientes da confraternização da Transauto

Frotistas da Autoport Sumaré também promoveram sua festa de confraternização

Na Transzero, muitas pessoas caíram na dança

Pessoal da Aetceg também se confraternizou no Pinheirão

21

Revista Cegonheiro


Qualificação

Melhor motorista é um gaúcho

Depois de três participações na competição, Eliardo conquista o título de Melhor Motorista de Caminhão do Brasil

O gaúcho de Carazinho, Eliardo João Locatelli, conquistou o título de Melhor Motorista de Caminhão do Brasil. Em uma decisão marcada pelo alto nível dos competidores, ele venceu outros 27 motoristas que disputaram a final no dia 6 de dezembro, no posto Sakamoto, em Guarulhos (SP). Eliardo é um exemplo de persistência. Esta foi a sua terceira participação na competição promovida pela Scania. Na primeira, em 2010, ele não passou da fase de classificação. Na outra, em 2012, caiu na prova do combo. “Só quando fiquei entre os 18 classificados, senti que tinha mais chances, porque me preparei mais psicologicamente. Na minha opinião, esse fator faz a diferença”, revela. Para conquistar o título, ele superou os adversários na prova final, o Super Z, em que os três melhores Revista Cegonheiro

22

se enfrentam realizando manobras ao mesmo tempo. “Usei todo o conhecimento na prova final e mantive a calma e a concentração para cometer menos erros. Finamente realizei meu sonho, de ser eleito o melhor motorista de caminhão do Brasil”, comemorou. O título de vice-campeão ficou com o também gaúcho Marcos Araldi, da cidade de São Leopoldo. O terceiro colocado foi o mineiro de Contagem, Anderson Dare Gonçalves Andrade. Eliardo recebeu um pacote de prêmios no valor de R$ 40 mil (aparelhos eletrônicos, móveis e eletrodomésticos). Além disso, ganhou uma viagem com acompanhante para conhecer a matriz da Scania, na Suécia, um jogo de seis pneus Bridgestone e um curso de 40 horas do Sest-Senat.

Os três primeiros colocados fizeram muita festa no pódio

Marcos e Anderson ganharam – cada um – uma viagem com acompanhante para um resort no Brasil, um jogo de seis pneus Bridgestone, kits promocionais e um curso de 40 horas do Sest-Senat. Com mais de 65 mil motoristas inscritos, a competição comprovou o processo de renovação do motorista de caminhão do Brasil. A média de idade dos 28 finalistas foi de 36 anos. “Os finalistas mostraram suas habilidades e o compromisso de uma direção mais segura e eficiente nas estradas”, comemorou o gerente de Marketing e Comunicação Comercial da Scania do Brasil, Márcio Furlan. “O pódio refletiu o perfil do motorista de caminhão do Brasil: todos muito motivados, conscientes de suas responsabilidades e otimistas com o futuro da profissão”, completou.


Finanças

Taxa do PSI sobe para 10% foto: Divulgação

Recursos do PSI destinados ao financiamento de caminhões e ônibus é de R$ 16,8 bilhões

O governo endureceu as regras do PSI (Programa de Sustentação do Investimento), principal linha de crédito para financiamento de caminhões e ônibus. As taxas de juro subiram, o prazo foi reduzido e a linha só financia 70% ou 50% do bem. As novas condições já estão em vigor. A taxa de juros agora é de 9,5% para pequenas empresas e 10% para grandes empresas – antes era de 6%. A linha Procaminhoneiro teve a taxa elevada de 6% para 9% ao ano. O percentual de financiamento de ônibus e caminhões é de 50% para grandes empresas e de 70% para pequenas empresas. O prazo máximo, que era de 120 meses, caiu para 72 meses, com seis

meses de carência para início dos pagamentos. No caso do Procaminhoneiro, são 96 meses e carência de 24 meses. O total de recursos do PSI destinados ao financiamento de caminhões e ônibus em 2015 é de R$ 16,8 bilhões, mais R$ 1,4 bilhão para o Procaminhoneiro. Ao anunciar as novas regras, em dezembro do ano passado, o governo destacou que o Tesouro Nacional deixará de subsidiar os empréstimos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Por esse mesmo motivo, também houve aumento na TJLP (Taxa de Juro de Longo Prazo) de 5% para 5,5% - usada como base para diversas linhas de financia-

mento do BNDES, inclusive o Finame, destinado à compra de caminhões e ônibus. Ajuste fiscal Segundo o governo federal, o volume de recursos, que somou R$ 80 bilhões em 2014, cairá para R$ 50 bilhões. A medida é necessária para o cumprimento da meta de superavit primário de 1,2% do PIB (Produto Interno Bruto). Criado em 2009, o PSI já ofereceu recursos de R$ 378 bilhões. A linha de crédito é utilizada no financiamento da compra e das exportações de bens de capital (máquinas e equipamentos usados na produção) e nos investimentos em inovação. 23

Revista Cegonheiro


Investimento

Nissan produzirá motor de três cilindros foto: Divulgação

Novo motor será fabricado na mesma linha do propulsor de quatro cilindros e 1.6 litro

Carlos Ghosn ao lado do motor de três cilindros e 1.0 litro

O presidente mundial e CEO da Nissan, Carlos Ghosn, anunciou, no dia 6 de janeiro, o início da produção do motor de três cilindros e 1.0 litro na fábrica de motores que integra o complexo industrial de Resende (RJ). O propulsor equipará o sedã New Versa, que começou a ser produzido este mês na unidade do lado fluminense do Vale do Paraíba. Para fabricá-lo, a empresa está investindo R$ 100 milhões e já contratou mais 25 funcionários. O novo motor dividirá a mesma linha de montagem do propulsor de quatro Revista Cegonheiro

24

cilindros e 1.6 litro. “A produção do novo motor de três cilindros no Brasil demonstra a determinação da Nissan em ampliar sua presença no país, com produtos modernos e inovadores fabricados localmente. Assim, também aumentamos o índice de integração local dos componentes e deixamos nossos automóveis ainda mais competitivos”, afirmou Ghosn. O motor desenvolve 77 cv de potência e 10 kgfm de torque – o desempenho é o mesmo para qualquer tipo de combustível (álcool ou gasolina).

Com capacidade para produzir até 200 mil motores/ano, a unidade opera com equipamentos de alta precisão técnica e segue rigorosos padrões de sustentabilidade – aplicados tanto na construção quanto na elaboração dos processos produtivos. A linha de montagem, por exemplo, conta com equipamentos de última geração, que, além de garantir o bem estar dos operadores, torna a operação menos nociva ao meio ambiente, ao eliminar os riscos de vazamento de óleo.


Segurança

Extintor do tipo ABC será obrigatório O Ministério das Cidades e o Denatran (Departamento Nacional do Trânsito) definiram o dia 1º de abril como a nova data para o uso obrigatório dos extintores do tipo ABC. O prazo para troca havia vencido em 1º de janeiro, mas foi suspenso devido aos relatos de condutores de diversas regiões que tiveram dificuldade para encontrar o equipamento. O descumprimento da exigência acarretará multa de R$ 127,69 e perda de cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação). A medida tinha sido aprovada em 11 de novembro de 2009 e as autoridades deram cinco anos de prazo para adequação. Até o ano passado, os veículos podiam rodar com extintores do tipo BC ou ABC. O primeiro, que equipou os carros fabricados até 2004, podem combater princípios de incêndios de líquidos inflamáveis e equipamentos elétricos. Já o ABC tem capacidade para atuar nos princípios de incêndio de sólidos, papéis, madeiras e tecidos. Mas fique atento: a validade deste extintor é de cinco anos e ele não pode ser recarregado. Além da multa e da perda de pontos, o infrator terá seu veículo retido para regularização. De acordo com o artigo 105 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro), o extintor é de uso obrigatório em todos os carros de passeio, utilitários, caminhões, ônibus e triciclos fechados. A exigência não se aplica a motocicletas, motonetas, ciclomotores, triciclos e quadriciclos automotores sem cabine fechada, tratores, veículos inacabados ou incompletos, veículos destinados ao mercado de exportação e a veículos de coleção. Confira abaixo as especificações do extintor de incêndio definidas pela resolução 157/2004: - Automóvel, camioneta, caminhonete e caminhão com capacidade de carga útil de até seis toneladas: um extintor de incêndio, com carga de pó seco ou de gás carbônico, de um quilograma - Caminhão, reboque e semirreboque com capacidade de carga útil superior a seis toneladas: um extintor de incêndio, com carga de pó químico seco ou de gás carbônico, de dois quilogramas - Ônibus, micro-ônibus, reboque e semirreboque de passageiros: um extintor de incêndio com carga de pó químico de oito quilogramas, ou dois extintores de incêndios com carga de gás carbônico de seis quilogramas cada

A partir de abril, é obrigatório o uso do extintor ABC

25

Revista Cegonheiro


Restrições

Novas regras na Tamoios Desde o dia 1º de janeiro estão em vigor novas regras para a circulação de veículos de carga na Rodovia dos Tamoios, principal ligação do Vale do Paraíba ao litoral Norte de São Paulo. A restrição, que amplia em duas horas o período de proibição de circulação, vale até o dia 20 de fevereiro. O objetivo da portaria 062 do DER (Departamento de Estradas e Rodagem), publicada em 8 de dezembro de 2014, é garantir mais segurança aos usuários e melhor fluidez no tráfego da rodovia durante os finais de semana e feriados, quando aumenta o volume de veículos em direção ao litoral. Fique atento e veja os dias e horários em que vigoram as restrições: Sentido Litoral - (S. José dos Campos a Caraguatatuba) do km 23,2 (acesso para Jambeiro pela SP 103) ao km 83,4 (rotatória de Caraguatatuba). – Sextas-feiras e vésperas de feriados – das 16:00 às 24:00 – Sábados e feriados – das 8:00 às 12:00 Sentido Planalto - (Caraguatatuba – São José dos Campos) do km 83,4 (rotatória de Caraguatatuba) ao km 10,2

foto: Tamires Santos

Restrição amplia em duas horas o período de proibição de circulação

Caminhões acima de 14 metros e peso bruto total de 23 toneladas – Sextas-feiras e vésperas de feriados – das 13:00 às 17:00 do dia seguinte De acordo com a portaria, estão excluídos da proibição os veículos que transportem cargas de produtos perecíveis ou combustíveis, assim como os que prestem serviços essenciais e de interesse

público, autorizados pelo DER. Restrição fixa Apesar das alterações para temporada, a restrição fixa para caminhões na Tamoios permanece inalterada. Fica proibido o tráfego de caminhões no sentido litoral aos sábados e feriados das 8h às 12h. Já no sentido planalto, a proibição é válida para domingos e feriados das 15h às 23h. foto: Edson Santos Jr.

Objetivo é garantir mais segurança aos usuários e melhor fluidez no tráfego da rodovia

Revista Cegonheiro

26


AGORA É SÓ ESCOLHER. TODA LINHA CHEVROLET DIRETO PARA VOCÊ!

AQUI VOCÊ TEM BENEFÍCIOS ESPECIAIS E ATENDIMENTO PERSONALIZADO. NÃO VAMOS PERDER NEGÓCIO! Plantão:

Parceria:

VIAMAR ABC CAMINHO DO MAR, 2227 RUDGE RAMOS, ABC - SP 4367 8082 | 4367 8090 VIAMAR, 19 ANOS

| TAMBÉM EM MAIS 6 LOJAS EM SÃO PAULO E 4 NO RIO DE JANEIRO 27

Revista Cegonheiro


LICENÇAS Autorização para o tráfego de veículos com carga especial

O Sindicato Nacional dos Cegonheiros tem a disposição dos seus associados e motoristas, o Departamento de Licenças, específico para dar entrada na documentação para a retiradade Licenças Estaduais e Federal de acordo com as normas exigidas pelo DER – Departamento de Estradas de Rodagem e do DNIT – Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes.

ONDE TIRAR AS LICENÇAS São Bernardo do Campo-SP Sede Central – Rua: Luiz Barbalho, 07/11 – Bairro Demarchi Licenças Federal e Estaduais

(11) 4346.5508

Camaçari / Bahia Rua: Gurupi, 23 – Bairro Goiana Licenças do Estado da Bahia

(71) 3622-6500

Gravataí / Rio Grande do Sul Av. Eli Correa, 6.651 – RS 030 – Bairro Passo da Cavera Licenças do Estado do R.G. do Sul

(51) 3431-4848

São José dos Pinhais / Paraná Rua: Tubarão, 112 – sala 02 – Bairro: Borda do Campo Licenças dos Estados de Santa Catarina, Minas Gerais, Tocantins, Paraná, R.G. do Sul, Goiás e São Paulo

(41) 3385-8245

São José dos Campos / São Paulo Rua: Ernesto Júlio Nazaret,201 Vila Tesouro Licenças Federal e Estaduais

(12) 3906-0807

Tocantins (Licença Estadual)

Rio de Janeiro (Licença Estadual)

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta -Contrato Social e CNPJ (pessoa jurídica) -CPF e RG (Pessoa Física) -Licença Federal 4,95m -Todos documentos autenticados

- Documento Cavalo Mecânico e Carreta - RG e CPF (proprietário da empresa) - Contrato Social - Requerimentos (no Sindicato)

Minas Gerais (Licença Estadual)

São Paulo (Licença Estadual e Federal) -Documento Cavalo Mecânico e Carreta

Santa Catarina (Licença Estadual)

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta -Procuração (retirar no Sindicato) -Contrato Social (pessoa jurídica) -CPF e RG (pessoa física)

R. Grande do Sul (Licença Estadual) -Documento Cavalo Mecânico e Carreta

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta

Bahia (Licença Estadual) Goiás (Licença Estadual)

-Documento do Cavalo Mecânico e Carreta

Pernambuco (licença estadual)

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta -Licença Federal 4,95m

Paraná (Licença Estadual e Federal) -Documento Cavalo Mecânico e Carreta

ATENÇÃO MOTORISTAS

Licenciamento São Paulo 2015 Final de Placa

1e2 3, 4 e 5 6, 7, e 8 9e0

Revista Cegonheiro

28

CAMINHÕES Mês do Licenciamento

Setembro Outubro Novembro Dezembro

- Cópia legível do documento do cavalo e carretas (todas as carretas que for acoplar na licença) - Cópia legível da licença federal (Dnit) - Contrato social da empresa (xerox autenticada) - CNH do proprietário ou de um dos sócios da empresa (xerox autenticada) - comprovante de endereço – pessoa física (xerox autenticada)

CARRETAS AUTOMÓVEIS MOTOS Final de Placa Mês de Licenciamento

1 2 3 4 5e6 7 8 9 0

Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro


29

Revista Cegonheiro


Classificados dono. Tratar com Pitol (11) 98411-2223 ou Luiz (11) 99220-2963 Dambroz 1989 – Preta, carreta reformada, estado de nova, impecável. Tratar com Mário (11) 7871-1282 / 7730-8474 Três Eixos 2006, Robocop, com pneus e cintas. Tratar com Nelson -TG (54) 3221-8501

Carreta Dambroz 2008 com pneus e cintas.Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656 Carreta Dambroz 2000, convencional alongada, padrão Tegma. Tratar com Gabriel (48) 9935-6575

Dambroz, ano 2000, convencional, pneus e cintas Brazul. Tratar com Bruno (11) 99389-0869 e 30*56894

Engerauto, 98, padrão Brazul, reformada com pneus e cintas. Tratar com Júnior (11) 98245-6690 ou Bruno (11) 993890869, 118*4328 e 307*56894

Engerauto, ano 1996, elétrica, capacidade para 11 carros. R$ 40 mil. Tratar com Salvador Corrêa (11) 9390-5898 e (11) 4347-9728

Carreta Dambroz, Robocop, 2004/2004, verde TNorte, reformada. Preço: R$ 55 mil. Tratar com Sérgio (21) 98017-8789 ou Nextel 919*3927.

Carreta Robocop Dambroz 2003, reformada em 2010 e com pistões novos. Padrão Tegma. Impecável. Tratar com Wadson (11) 7661-3377 e (79) 9876-9353

Alugo ou vendo uma carreta Engerauto 1996, toda Robocop, verde Transzero com pneus e cintas. Para venda R$ 35 mil. Tratar com Roberto (11) 991921817

Vendo ou alugo carreta cegonha Três Eixos, ano 1997, freio novo, cor verde Dacunha, aberta e alongada. Ótimo estado de conservação. Engata caminhão Toco. Valor: R$ 38 mil. Carreta cegonha Dambroz, ano 2000, aberta, alongada, engata caminhão truckado, cor verde Dacunha. Ótimo estado de conservação. Freio feito há dois meses. Valor: R$ 39 mil. Carreta FNV, ano 91, aberta, alongada, cor preta, toda reformada como Engerauto, boa de carga, engata caminhão Toco. R$ 28 mil. O aluguel de qualquer carreta é de R$ 2.000 por mês. Tratar com Valdivino Neto (Val das Tintas) (11) 7009-3838, 3423-1555 e 966*10355

Vendo duas carretas Três Eixos. A primeira é convencional aberta, com pneus, cintas, ano 2002, verde. Preço: R$ 40 mil. A outra também é convencional aberta e foi reformada na Rodoceg. Vem com pneus, cintas, ano 1995, verde. Preço: R$ 40 mil. Tratar com Márcio (51) 7811-3363

Vendo conjunto Volkswagen Constellation 19370, ano 2009, vermelho e carreta Contin Robocop, ano 1987, verde toda reformada. Preço total: RW 210 mil. Se for vendido separado, R$ 150 mil (cavalo) e R$ 60 mil (carreta). Tratar com Sílvio (11) 97717-3278 e 7*3199

Carreta Três Eixos, 2001, modelo 2002, boa de carga, com pneus e cintas, verde Transzero. Preço R$ 40 mil. Tratar com Cristiano do Pereba (12) 99163-2988

Scania T113 Topline, ano 1997, com seis pneus Michelin novos, rodas de alumínio, conversor de bateria e televisão. Segundo dono. Impecável! Tratar com Márcio (51) 7811.3363 MAN TGX 29440, 6x4, ano 2012, ótimo estado de conservação. Preço: R$ 300 mil. Tratar com Claudete (11) 99851-7954 ou Denis (11) 97639-1191 Vendo dois caminhões: um Scania 420, ano 2005, azul, com motor e pneus novos; o outro é um Volvo FM 370, ano 2011, prata. Tratar com Jorge (11) 97409-7282 e 95124-8818. Vendo caminhão Scania R440, ano/ modelo 2014, Toco, prata, com cerca de 65 mil quilômetros rodados. O veículo conta com retarder e tanque de arla (regulamentado. Preço: R$ 320 mil. Tratar com Wagner (11) 96671-5715 Vendo um caminhão Scania G420, ano/modelo 2010/2010, prata, e outro Mercedes-Benz 2040, premium, ano/ modelo 2010/2011, prata. Tratar com Zé Itabaiana (11) 99426-7886 Vendo dois caminhões Volvo FM 370 I-Shift, 2011, trucado, com 155 mil quilômetros rodados. Preço: R$ 195 mil. Tratar com João (11) 4368-9206, 98605-4369, 7865-9192 e 82*16840 Vendo caminhão Axor 2035, ano 2008. Único dono e em ótimo estado. Tratar com Ronaldo Jacinto (Brazul) (11) 97626-7257

Vendo carreta Tecnoceg, 2008/2008, robocop, toda revisada, com pneus e cintas. Preço: R$ 60 mil. Tratar com Wagner (11) 96671-5715 Vendo duas carretas Três Eixos. Uma é ano/modelo 99 e outra 2002. Tratar com Gersino, da Transzero (11) 99977-6410 e 98526-0564

Toyota Hilux SW4 3.0 SRV 4X4 16V Turbo Intercooler Dieses 4P Automático – Preto Km – 120.000. Tratar Wagner ID: 960*7864 / 7769-3096

Carreta Engerauto, ano 2000, verde, alongada, com pneus e cintas. Preço: R$ 40 mil. Tratar com Nilton (11) 986445354 e 99263-2336

MB 1634, 06, branco.Tratar:(11) 94418547 com Umberto Nóbile – TS

Pajero, ano 98, prata, motor novo, a gasolina. Tratar com Itamar – TG (11) 9222-5234 e ID 9*67333

MB 608 Dguincho, 1980. R$ 30 mil. Tratar:(11) 999134-8945/7833-2201/ID 84*23068 com Gilberto - TN

Voyage confortline1.6,flex,09/10,comp leto. Tratar com Enzo (11) 4396-1869 e 7765-2487

Iveco Stralis, 2009,modelo Power cegonheiro, turbina e unidades novas, vermelho,pneusnovos.Valor: R$ 210 mil. Tratar: (11) 9935-7917 com Delmiro – TNorte

Uno 2009, azul metálico, duas portas, completo, flex. Tratar com Marcelo – BZ Taubaté (12) 9239-2287 e 91782857

Vendo ou alugo as seguintes carretas: Dambroz 2000/2001, aberta, convencional, preta, R$ 38 mil. Três Eixos, 1997/1997, aberta, convencional, preta, R$ 37 mil. Dambroz, 1998, aberta, alongada, convencional, verde, R$ 39 mil. Três Eixos 1997/1997, aberta, alongada, convencional, verde, R$ 39 mil, Dambroz 2000/2000, aberta, alongada, convencional, engata truck, verde, R$ 39 mil. FNV 1991, aberta, alongada, convencional, R$ 28.500. Tratar com Valdivino Neto (Val das Tintas) (11) 7009-3838, 3423-1555 e 966*10355

Axor 2035, 2008, prata, completo e em bom estado de conservação. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656.

Carreta Dambroz 2002, preta padrão Tegma, convencional, com pneus e cintas. Tratar com Osmar (11) 94720-3166 e ID 45*4*148025 Três carretas pranchas para transporte de caminhões (duas Facchini e uma Dambroz). Todas em bom estado e com pneus. Tratar com João (11) 7865-9192 e 4368-9206. Carreta Dambroz Robocop, 2008, com pneus e cinta. Tratar com Valter (Transzero) (11) 99999-3024 Carreta Três Eixos Robocop, 2008, com pneus e cintas em bom estado. Preço: R$ 78 mil. Tratar com Vanderlei (11) 98192-0069 e (75) 9823-6842 Carreta Dambroz, Robocop, 2008, amarela, com pneus e cintas. Único

Revista Cegonheiro

30

D20, 86, turbo, vermelho perolizado, segundo dono, 160 mil quilômetros rodados, carro de garagem, com guincho na frente. R$ 32,5 mil. Tratar com Geraldo Saraiva Filho (11) 7076-0632, 4109-1279 e 4358-1313

Axor 2044, 2008, prata, completo, com motor e câmbio revisados. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656.

Moto BMW GS 1200 R, 2009/2009, prata. Vendo ou aceito troca por carro ou outra moto. Tratar com Peterson (11) 98124-1450 e 916*855

Volvo FH 6x2, Globetrotter, 2012/2012, branco, completo e em perfeito estado de conservação. Pronta entrega. Valor: R$ 340 mil. Aceito caminhonete em troca. Tratar com Peterson, da Transzero (11) 98124-1450

Saveiro Trend 2009, prata, com cerca de 40 mil quilômetros rodados. O veículo é equipado com direção hidráulica, alarme, rodas de magnésio, trava e vidros elétricos. Preço: R$ 23 mil. Tratar com Francisco (11) 99454-9337 e 2861-0196

Mercedes-Benz 1630, 1995, com motor novo e em ótimo estado. Tratar com Valter (Transzero) (11) 99999-3024

Vendo ou troco S10, ano modelo 1998, 4.3, V6, completa, cabine dupla,prata, com kit gás. Ótimo estado de conservação. Tratar com Nelson (11) 98442-0969

Scania G 420, ano modelo 2011, com 383 mil quilômetros rodados, banco e cama em couro e faróis xênon original de fábrica. Preço: R$ 270 mil. Tratar com Luciano ou Vagner (11) 4335-1568, 97014-8615 e 98115-9750 Volvo FH, 2005, segundo dono, motor e câmbio novos, pneus meia vida, prata. Caminhão de cegonheiro. Tratar com Buriti (11) 7830-4211 e (11) 999438656 Scania G420 4x2, 2008/2008, azul, com 940 mil quilômetros rodados. Ótimo estado de conservação. Preço: R$ 190 mil. Tratar com Gustavo (12) 98314-0000 e 96*37039

Sítio com cincoalqueires na rodoviaCasteloBranco Km 162, em Porangaba. Tratar com Buriti (11)99943-8656 e 6949-5995 Sítio em Pilar do Sul-SP próximo a Sorocaba,1 e ½ alqueire formado. Tratar com Daniel TNorte Curitiba – BZ (15) 3278-1214 Terreno em Piedade, próximo a Sorocaba. R$ 25.000,00.Troco por carro. Tratar com Marcinho TG (15)3311-4043 e 9574-0272 Casa no bairro Demarchi. Vende-se valor R$ 450 mil ou aceito imóvel de menor valor. Quatro dormitórios (sendo uma suíte), três wcs, cinco vagas, dois terraços, copa, cozinha planejada, sótão, salão de festas e depósito. Tratar com Maria Lúcia (11) 4347-6001 e 91362383

Cobertura duplex(nova) no centro de São Bernardo do Campo.Tratar com Jorge - BZ (11) 6734-4797

MB Axor 2040, 2008/2008, único dono R$ 190 mil. Tratar: (11) 9430-3098/ ID 55*100*30421 (Cajaiba – TG)

Axor 2035, branco, 2007/2008. Tratar com Silvana ou Félix (11) 97028-9782, 98436-3376, 11*6514 ou 7734-5921

Apartamento no centro de Diadema, três dormitórios, 65m², churrasqueira, duas piscinas, de festa, sala de ginástica. Valor: R$ 240.000,00.Tratarcom Eduardo – Cazu (11) 6710-9965

Caminhoneta 82 cabine dupla, original, turbinada, hidráulica, raridade. Tratar com Daniel-TNorte Curitiba - BZ (15) 3278-1214

Carreta Três Eixos, 2001, com pneus em ótimo estado. Tratar Toninho Pirajuí (11) 98361-6717

Carreta Nego 2008, verde e com pneus. Tratar com Hong (13) 9112-2716

Terreno Caçapava 248m² Bairro – Vitória Vale - R$ 85.000,00 / Terreno Caçapava - Vitória Vale 7X25 - R$ 55.000,00 Tratar Latino (Tegma) (11) 9 – 8632-6532 / (11) 4066 - 4510

Moto ano 97. Tratar com Itamar – TG (11) 9222-5234 e ID 9*67333

Volvo FH – 2005 – prata – - Tratar com Sergio (11) 7864 – 6955 ID – 80*62169 – Aceita troca

Carreta Robocop Goldin 1987 com rodas e pneus. Capacidade para 11 carros. Totalmente reformada. Preço: R$ 43 mil. Tratar com Sílvio (11) 7717-3278

Fox Trend 1.6, 2012/2013, prata, com 10 mil quilômetros rodados e todos opcionais- exceto ar-condicionado. Único dono e ótimo estado. Preço: R$ 31,5 mil. Tratar com Alan Oliveira (11) 98660-5851.

Sobrado no Terra Nova II, três dormitórios amplos, uma suíte com varanda. Todo reformado e tudo em porcelanato, Possui jardim de inverno na sala, cozinha embutida, rack sob medida, copa e coifa. Valor: R$ 400 mil. Tratar com Nildo (11) 7364-4324 e 4396-9008

Fiat Strada Working CD 1.4 flex, 2010, completa. Tratar com Erivaldo (11) 98688-5488

Carreta Engerauto 1998, padrão Brazul amarela, alongada e preparada para “cara chata”, boa de carga (sete pickups e três médios), com oito pneus semi usados. Tratar com Hamilton (11) 98114-0119

Carreta Dambroz 2008, azul (Transauto), com pneus e cintas. Tratar com Reginaldo (11) 7738-7296 9*43047

(11) 94720-3166 e ID 45*4*148025

Pick up Strada 2009/2010, 1.4 flex, cabine simples, cinza, com 50 mil quilômetros rodados. Tratar com Osmar (Tegma)

Apartamento novo em Nova Petrópolis (São Bernardo do Campo). O imóvel tem dois dormitórios, sala, cozinha, WC, área de serviço com sacada, área de lazer e piscina, etc. Área útil de 49 metros. Entrega prevista para abril de 2013. Preço: R$ 250 mil. Tratar com Salvador (11) 4347-0931 Apartamento no Rudge Ramos, em São Bernardo do Campo. Com dois ou três dormitórios, duas garagens, área de lazer, área de construção 100 metros quadrados. R$ 330 mil mais saldo de prestações. Tratar com Guilherme6605-7953 sui quatro quartos (dois com suíte), sala, cozinha, banheiro e varanda. Tem ainda gramado na frente e várias árvores frutíferas. Vendo ou troco por um cavalo e carreta. Tratar com Angela (71) 91783389 e 966*8632 Vendo uma casa no Jardim Nosso Lar (próximo ao Clube da Ford). O imóvel possui dois dormitórios (sendo um deles com suíte e sacada), sala, cozinha, banheiro, lavanderia e garagem com portão automático e capacidade para quatro carros. Tratar com Eraldo ou Silvana (11) 98397-4705 e 98384-4799 Vendo ou troco chácara em Boituva por uma casa em São Bernardo do Campo ou Santo André. A chácara fica a quatro quilômetros da cidade, possui pomar e quarto para hóspede. Tratar com Nilton (Transauto) (11) 4127-9324 e 987847600

ANUNCIE

4346-5507

(11)

e-mail: revistacegonheiro@sindicatodoscegonheiros.com.br


Profile for Sinaceg

Revista Cegonheiro - Edição 153  

Revista Cegonheiro - Edição 153  

Profile for sinaceg
Advertisement