Page 1

revista

Sindicato Nacional dos Cegonheiros

DOZE ANOS NO CAMINHO DA INFORMAÇÃO

LANÇADO O DESAFIO

Você poderá ser o melhor motorista de caminhão do Brasil

Ano 12 - edição no 144 - abril/2014 - Publicação mensal

EXPOSIÇÃO DE TRANSPORTES Flores da Cunha aguarda os Cegonheiros


Palavra do Presidente Presidente: José Ronaldo Marques da Silva Vice-Presidente: Jaime Ferreira dos Santos Secretário Geral: Douglas Santos Silva Secretário de Finanças: Reginaldo Fabretti Diretor Regional: Márcio Galdino da Silva Primeiro Secretário: José Murialdo Generoso Júnior Primeiro Tesoureiro: Josimar Lincon de Freitas Diretores Executivos Efetivos Gilmar Donizette da Silva Benvindo Gonçalves José Laércio da Silva Antenor Garibaldi Clemente Francisco de Assunção Diretores Executivos Suplentes Edimar Moreira de Oliveira Ednilson Azevedo Bitencourt Jurandy Pereira de Albuquerque Luiz Eugenio Baldin Golgatto Antonio Bertin Jardel de Castro Luiz Bianchi Giglio João Soares de Jesus Aroldo Neves de Lima Ronaldo Montagnini Jacinto Tassiano de Sousa e Silva César Wellington Pereira da Rocha Conselho Fiscal Efetivo Adilson Roberto Bento Hamilton Mendes José Vicente Bonetti Conselho Fiscal Suplente Fábio Renato dos Santos João Formiga de Souza Daiana Freitas de Oliveira Jornalista Responsável José Nogueira do Nascimento Mtb 15.211 Editoração de Arte e Produção Gráfica Milton Tonello Editor José Nogueira do Nascimento Publicidade Ítalo Rocha Nogueira Redação Analuiza Tamura e José Nogueira Revisão Maria Isabel Corcete Fotografia Ítalo Rocha Nogueira e Renato Frasnelli Impressão Gráfica Gráfica e Editora Referência Tiragem 6.000 exemplares

Endereço Rua Luiz Barbalho, 07/11 - Bairro Demarchi CEP: 09820-030 - São Bernardo do Campo - SP Fone: (11) 4346-5507 Fone/Fax: (11) 4346-5500 www.sindicatodoscegonheiros.com.br revistacegonheiro@sindicatodoscegonheiros.com.br conexaocomunicacao@uol.com.br Revista Mensal dirigida aos Cegonheiros. As opiniões dos artigos assinados e dos entrevistados são de seus autores e não necessariamente as mesmas da Revista Cegonheiro. A elaboração de mátérias redacionais não tem nenhuma vinculação com a venda de espaços publicitários. Os anúncios são de responsabilidade das empresas anunciantes. Ano 12 - edição nº 144 - abril de 2014 Sindicato Nacional dos Cegonheiros

Revista Cegonheiro

2

Caros Leitores Agora é oficial a Expo Nacional de Flores da Cunha faz parte da programação cultural da cidade. E você não pode deixar de prestigiar esse evento que vai agitar a serra gaúcha. Faltam poucos dias para conhecer as novidades e o que há de mais avançado no setor de transporte. Este ano, a exposição será realizada durante a semana de comemoração do 90º aniversário da cidade. A principal atração será a apresentação de uma das principais duplas sertanejas do país, Milionário e José Rico. Com mais de quarenta anos de estrada, eles vão apresentar os seus principais sucessos para os visitantes. Todos os dias haverá uma atração cultural para quem for ao Parque da Vindima Eloy Kunz. O Sindicato acaba de fechar uma parceria com o escritório Tanaka, César e Casagrande para ajudar os seus associados na hora de se aposentar. Leia a matéria que fala sobre mais este benefício que oferecemos para você. A Scania quer descobrir quem é o “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil”. Vamos mostrar a força de nossa categoria e que tem muito cegonheiro bom de braço e de volante. Veja a matéria que mostra como participar e faça a sua inscrição. Conheça também a Caravana Siga Bem 2014 lançada pela Volvo. Apontada como o maior projeto itinerante das estradas na América Latina, a ação leva serviços, entretenimento e qualificação profissional para o caminhoneiro e para a comunidade por onde passa. Boa leitura!

Índice

José Ronaldo Marques da Silva

Agenda .............................................................................................. 4 Feiras e exposições ............................................................................. 6 Mercado ............................................................................................ 8 Caminhão ....................................................................................... 10 Meio Ambiente ................................................................................. 12 Investimento .................................................................................... 14 Esporte ............................................................................................ 16 Transporte ....................................................................................... 18 Gente ....................................................................................... 20 e 21 Dicas ............................................................................................... 22 Aposentadoria ........................................................................... 24 e 25 Competição ............................................................................... 26 e 27 Automóveis ...................................................................................... 28 Tecnologia ....................................................................................... 30 Ação Social ...................................................................................... 32 Restrições de Tráfego ...................................................................... 34 Licenças .......................................................................................... 36 Classificados .................................................................................... 38


IMPERDÍVEL! Programe já a aquisição do seu MAN Em

TGX

60 meses para pagar

Plano Especial para associados do Sindicato dos Cegonheiros

A MENOR TAXA DO MERCADO

Adquira agora suas cotas! Ligue já para um de nossos representantes: Ricardo Camargo Carlos Passini Consórcio Maggi

(11) 9.8278-8502 ID 129*32610 ricardo.camargo@consorciomaggi.com.br (11) 9.8157-0300 ID 129*29093 carlos.passini@consorciomaggi.com.br (11) 4025-6000 www.consorciomaggi.com.br/caminhoes


Agenda

Diretoria vai a Brasília foto: Emanuel Evest

Márcio, Douglas, Júnior, Samuca e Jaime em Brasília

O vice-presidente do Sindicato Nacional dos Cegonheiros, Jaime Ferreira dos Santos, o secretário geral, Douglas Santos Silva, o diretor regional, Márcio Galdino da Silva, o primeiro secretário, José Murialdo Generoso Júnior e o diretor da Sintrauto Samuca foram até Brasília no dia 9 de abril, para assistir à votação do projeto de lei nº 5.943 que regulamenta e disciplina a profissão de motorista e estabelece a jornada de trabalho. O pedido de urgência, no entanto, só foi aprovado no dia 22 de abril.

SINDICATO NACIONAL DOS CEGONHEIROS

Regionais: São José dos Pinhais - Paraná Rua Tubarão, 112 - Bairro: Borda do Campo Cep: 83075-060 – São José dos Pinhais/PR Fone: (41) 3385.8245 E-mail: sjpinhais@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: João Soares de Jesus

Porto Real – Rio de Janeiro

Sede Central: São Bernardo do Campo São Paulo Rua Luiz Barbalho, 07/11 Bairro: Demarchi Cep: 09820-030 São Bernardo do Campo/SP Fone: (11) 4346.5500 E-mail: diretoria@sindicatodoscegonheiros.com.br Presidente: José Ronaldo Marques da Silva

Revista Cegonheiro

4

Rua Hilário Ettore, s/n – Bairro: Ettore Cep: 27570-000 – Porto Real/RJ Fone: (24) 3353.4170 E-mail: portoreal@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: José Laércio da Silva

São José dos Campos – São Paulo Rua Ernesto Júlio Nazaret, 201 Vila Tesouro Cep: 12221-770 – São José dos Campos/SP Fone: (12) 3906.0807 E-mail: sjcampos@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: Ednilson Azevedo Bitencourt

Piracicaba – São Paulo Rod SP 304, Km 147 – Sala 02 – Distrito de Tupi Cep – 13422-230 – Piracicaba/SP Fone: (19) 3438-7738 E-mail:piracicaba@sindicatodoscegonheiros.com.br Diretor: Clemente Francisco de Assunção

Serra – Espírito Santo Rua Talma Rodrigues Ribeiro, nº 96 Edif. Metropolitano – Sala 04 Cep: 29168-080 – Serra /ES Fone: (27) 3066-2011 E-mail: serra-es@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: Jurandy P. de Albuquerque Jr.

Sindicatos parceiros:

Gravataí - Rio Grande do Sul

Sintraveba - Bahia

Av. Eli Correa, 6.651 - RS 030 Bairro: Passo da Cavera Cep: 94010-972 – Gravataí /RS Fone: (51) 3431.7889 E-mail: gravataí@sindicatodoscegonheiros. com.br Diretor: Antenor Garibaldi

Sintrauto – Goiás Rua Mandaguari, 36 - Bairro: JK Cep: 75709-010 - Catalão/GO Fone: (64) 3411.2907 Presidente: Juarez Rodrigues da Silva Rua Gurupi, 23 – Bairro Goiana Cep: 42808-200 - Camaçari /BA Fone: (71) 3622.6700 Presidente: Renato Santana www.sindicatodoscegonheiros.com.br


OFERTAS IMPERDÍVEIS

Só a CVC oferece viagens nacionais e internacionais com apoio total, segurança e os melhores preços.

Brasil 5 dias – Saídas diárias

12X

SEM JUROS

75,REAIS

À vista R$ 900. Inclui passagem aérea, transporte aeroporto/hotel/aeroporto, hospedagem no Hotel Praia Mar com café da manhã, centro de lazer Tôa-Tôa e festa noturna. Preço para saída 3/agosto.

12X

SEM JUROS

108,REAIS

12X

SEM JUROS

109,REAIS

A PARTIR DE

Foz do Iguaçu

8 dias – Saídas diárias A PARTIR DE

Fortaleza

8 dias – Saídas diárias A PARTIR DE

Natal

A PARTIR DE

Porto Seguro 8 dias – Saídas diárias

12X

SEM JUROS

67,REAIS

À vista R$ 1.296. Inclui passagem aérea, transporte aeroporto/hotel/ aeroporto, hospedagem no Hotel Natal Praia com café da manhã, passeio pela cidade e praia de Pirangi. Preço para saída 31/maio.

À vista R$ 1.308. Inclui passagem aérea, transporte aeroporto/hotel/ aeroporto, hospedagem no Hotel Boreas com café da manhã, passeio pela cidade e praia de Cumbuco. Preço para saída 25/maio

À vista R$ 804. Inclui passagem aérea, transporte aeroporto/hotel/aeroporto, hospedagem no Hotel Turrance Green com café da manhã, passeio para a hidrelétrica de Itaipu e Duty Free Iguazu. Preço para saída 3/junho.

Buenos Aires

Montevidéu

Cancún

Flórida

8 dias – Saídas diárias

4 dias – Saídas diárias

8 dias – Saídas diárias

8 dias – Saídas diárias

À vista R$ 990. Inclui passagem aérea e hospedagem no Hotel Palacio San Telmo Boutique com café da manhã. Preço para saída 4/julho.

SEM JUROS

À vista R$ 980. Inclui passagem aérea, hospedagem no Hotel Europa com café da manhã. Preço para saída 21/julho.

Minicruzeiros

MSC Preziosa 4 noites A PARTIR DE

Entrada: R$ 70 +

10X

SEM JUROS

64,REAIS

98,REAIS

Roteiro: Santos, Búzios, Ilha Grande, Santos. À vista R$ 709. Base US$ 299. Preço por pessoa em cabine interna categoria Super Bingo garantida com saída 27/novembro.

10X

SEM JUROS

469,REAIS

À vista R$ 4.690. Inclui passagem aérea, transporte aeroporto/hotel/ aeroporto, hospedagem no Hotel Park Royal Cancun com Sistema Tudo Incluído. Preço para saída 21/julho.

A PARTIR DE

99,REAIS

10X

A PARTIR DE

SEM JUROS

10X

SEM JUROS

272,REAIS

À vista R$ 2.720. Inclui passagem aérea, hospedagem no Hotel Celebration Suites at Old Town com café da manhã e aluguel de carro. Preço para saída 25/junho.

Splendour of the Seas 3 noites Entrada: R$ 165 + A PARTIR DE

10X

A PARTIR DE

A PARTIR DE

Mundo

10X

SEM JUROS

81,REAIS

Roteiro: Santos, Búzios, Santos. À vista R$ 969. Preço por pessoa em cabine interna categoria L com saída 12/dezembro.

CVC Prestes Maia .................................... 4122-7800 CVC Carrefour Vergueiro ........................ 4122-9877 CVC Shopping São Bernardo Plaza .......... 4128-3663 CVC Golden Square Shopping...................3135-4111 Prezado cliente: os preços são por pessoa em apartamento duplo, com saídas de São Paulo. Preços, datas de saída e condições de pagamento sujeitos a reajuste e disponibilidade. Condições de pagamento com parcelamento 0+10 vezes sem juros no cartão de crédito ou 1+9 no boleto bancário. Taxas de embarque e de serviços cobradas pelos aeroportos e portos não estão incluídas nos preços e deverão ser pagas por todos os passageiros. Cruzeiros: os preços são por pessoa, somente parte marítima, em cabine dupla, de acordo com a categoria mencionada para pagamento em cartão de crédito (consulte outras opções de pagamento). Promoção Cabine Garantida: limitada a 20 cabines por saída, definidas posteriormente por meio de sorteio da companhia marítima, realizado aproximadamente 60 dias antes da data prevista do embarque; sujeita a disponibilidade no ato da reserva. Tarifa Super Bingo: cabine garantida, sujeita a disponibilidade, restrita a 20 cabines por saída, válida somente para cabines duplas; não permite qualquer tipo de alteração e não é reembolsável. Descontos mencionados já estão aplicados aos preços anunciados. Câmbio CVC 11/4/2014 US$ 1,00 = R$ 2,31 e € 1,00 = R$ 3,22. Bases de valor para pacotes internacionais: Montevidéu: US$ 417; Buenos Aires: US$ 423; Cancún: US$ 1.988; Flórida: US$ 1.498. Câmbio MSC 4/4/2014 = R$ 2,37. Condição de pagamento MSC Cruzeiros: entrada de 10% + saldo em 10x sem juros.


Feiras e Exposições

A cidade gaúcha de Flores da Cunha vai comemorar seus 90 anos em grande estilo. Entre os dias 22 e 25 de maio, o município sediará a 2ª Expo Nacional de Transportes, evento reunindo as principais novidades do setor de transporte e muitas atrações culturais. Os moradores da região terão oportunidade de ver de perto os caminhões das principais marcas do mercado nacional e conhecer o que há de mais avançado em termos de tecnologia no mercado de autopeças e carretas. A exposição será realizada no Parque da Vindima Eloy Kunz. A entrada e o estacionamento são gratuitos. A agenda cultural está recheada de atrações. A principal é a apresentação da dupla sertaneja Milionário e José Rico. Com mais de 40 anos de carreira e mais de 35 milhões de discos vendidos, são conhecidos como Revista Cegonheiro

6

“as gargantas de ouro do Brasil”. Quem visitar a exposição, poderá assistir a shows todos os dias. No dia 22, o grupo Throll apresentará o espetáculo “Imagem e sonho”; no dia 23, o show do Trio Nativo; no dia 24 será a vez do Grupo Camoation subir ao palco. No último dia da exposição, antes da apresentação da dupla Milionário e José Rico, a atração será o Balanço Fandangueiro. Saiba mais sobre a cidade Localizada na serra gaúcha, Flores da Cunha fica a 150 quilômetros de Porto Alegre e é conhecida como a Terra do Galo. Desde 1994, a cidade detém o título de maior produtora de vinhos do Brasil. Com 190 vinícolas, 100 indústrias de móveis e 60 malharias e confecções, a cidade atrai cerca de 400 mil turistas/ano. Logo que

chega, o visitante se encanta com o cenário: a natureza é exuberante, com muito verde e ar puro. A temperatura é amena, mas no inverno cai bastante e exige que o turista use muitas roupas de lã. Para abrigá-los, a cidade oferece aproximadamente 400 leitos. A cidade conta com diversos pontos turísticos, como a igreja matriz Nossa Senhora de Lourdes, o Campanário e o castelo da família Castellan. Colonizada por imigrantes italianos, Flores da Cunha tem gastronomia farta. O principal prato típico da região é a polenta mole com galeto. Quem quiser provar uma comida diferente, pode optar por uma massa recheada com abóbora e servida com molho vermelho (geralmente, o bolonhesa). Nos dias mais frios, a dica é a sopa de agnoline – massa recheada com carne, cozida num caldo de galinha e carne.


Mercado

Indústria opera no amarelo foto: Divulgação

PRIORIDADES DO SETOR EM 2014 Na avaliação dos executivos ouvidos pela pesquisa, a capacidade ociosa deve aumentar

Os executivos da indústria automobilística estão pessimistas e acreditam que o setor opera em estado de “sinal amarelo”. Essa é a conclusão de um estudo realizado pela consultoria Roland Berger e o site Automotive Business, sobre as perspectivas do setor para 2014. Na avaliação dos 258 executivos de montadoras, fornecedores, distribuidores, prestadores de serviços, associações e governo, entrevistados entre dezembro de 2013 e janeiro deste ano, a lucratividade e os investimentos deverão cair, enquanto a capacidade ociosa aumenta. E a guerra de preços promete ser ainda mais acirrada. Denominada “Automotive Perspectives”, a pesquisa conclui que haverá poucos lançamentos de impacto e anúncios de novos investimentos. Na Revista Cegonheiro

8

avaliação dos entrevistados, os maiores desafios são lucratividade (57%), capacidade ociosa (31%), fornecedores (28%), mão de obra qualificada (24%), competição com importados (23%), estoques (22%), logística (16%), qualidade (10%) e pesquisa e desenvolvimento (9%). O estudo também mostra os principais assuntos que farão parte da estratégia das empresas, ao longo deste ano: guerra de preços entre as montadoras (51%), entrada de novos players (47%), renovação do portfólio de produtos e elevação da produtividade (os dois itens com 31%).

(% DE EXECUTIVOS QUE VÃO DESENVOLVER ATIVIDADES)

Guerra de preços

51%

Entrada de novos players

47%

Renovação de portfólio

31%

Elevação da produtividade

31%

Melhoria logística

17%

Investimentos em novas linhas de produção

16%

Novas plantas / revisão do footrint

13%

Gerenciamento de resíduos (redução, reutilização e reciclagem)

8%

Novos mercados

7%

Fonte: Automotive Perspectives

Mercado Para a maioria dos entrevistados (56%), em 2014, as vendas de veículos leves deverão oscilar entre -2% e 2% na comparação com 2013. Outros 31% acreditam que poderá haver um ligeiro aumento de 5%. Esse também é o percentual estimado para o aumento da produção – que deverá ser atingido graças a um ligeiro aumento nas exportações. Já no segmento de veículos comerciais, o cenário é um pouco melhor. Cinquenta e cinco por cento estimam que as vendas poderão aumentar em até 5%.


Caminhões

Cegonheiros conhecem o novo Axor 2544 Entre os dias 7 e 11 de abril, a De Nigris, concessionária Mercedes-Benz, promoveu um café da manhã especial para os cegonheiros, para apresentar o caminhão Axor 2544, primeiro trucado da marca, com 3,10 metros de entre-eixos. Os convidados foram recebidos pela equipe da revenda que apresentou as principais características do veículo como o motor de 440 cavalos, o câmbio automático, e as duas opções de tanque de combustível (550 litros e 700 litros). De série, o modelo vem equipado com suspensão pneumática dos eixos traseiros (com quatro bolsas de ar por eixo que vem sendo apontada como a melhor suspensão do mercado, pois garante maior estabilidade e maciez), banco do motorista com seis regulagens pneumática, cabine com suspensão a ar, vidro e travas elétricos, ar-condicionado e climatizador. O frotista Raimundo Melo Cavalcanti, da Transzero, viu e aprovou o modelo. “É um caminhão que atende às nossas necessidades”, disse. Seu colega, Germano Carlos Signer, frotista da Tegma ASL Sul,

Axor 2544 conta com a melhor suspensão do mercado

Equipe da De Nigris apresenta o primeiro trucado da marca para os cegonheiros

Revista Cegonheiro

10

tem a mesma opinião: “Foi feito sob medida para os cegonheiros”. Edson Everaldo Mendonça, frotista da Autoport, destacou a nova configuração dos entre-eixos: “A marca adequou a medida e agora com os 3,10 metros podemos engatar melhor a carreta. Com isso, a Mercedes-Benz eliminou um problema para nós, cegonheiros”. Os três confessam que são fãs da montadora alemã. “É fácil encontrar as peças; e a mecânica não é difícil. Meu primeiro caminhão foi o 1111”, conta Raimundo. “É uma marca tradicional. Meu pai já tinha um Mercedes-Benz”, explica Germano. “Cerca de 90% da minha frota é Mercedes-Benz”, diz Edson.


Meio Ambiente

Estradas mais limpas e seguras

Equipe do Departamento de Podas realizou trabalho na rodovia RSC 122

Agora os cegonheiros podem circular pela rodovia RSC 122 mais tranquilos, sem se preocuparem com desviar dos galhos das árvores que já tinham invadido as pistas. É que o Departamento de Podas do Sindicato Nacional dos Cegonheiros concluiu mais um trabalho e limpou o trecho entre os municípios de Portão, Bom Princípio, Farroupilha, Caxias do Sul, Flores da Cunha e Antônio Prado. “Podamos os galhos das árvores até o entrocamento com a BR-116, totalizando 180 quilômetros – ida e volta”, explica o supervisor Paulo Cícero da Silva. A poda nesse trecho era uma antiga reivindicação dos cegonheiros que circulam pela região sul do país. Antes, porém, de iniciar o trabalho foi Revista Cegonheiro

12

necessário obter duas autorizações: primeiro junto ao DAER (Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem) e depois à EGR (Empresa Gaúcha de Rodovias), que é responsável por aquela rodovia. “Só depois de obtermos as duas autorizações, pudemos iniciar os trabalhos”, explica o supervisor. A poda começou em novembro e foi finalizada em março – os trabalhos se interromperam durante as férias escolares, entre os meses de dezembro e janeiro, devido ao aumento do tráfego de veículos nas rodovias. “Para realizar esse trabalho, é necessário interditar parte da estrada e isso poderia provocar grandes congestionamentos e transtornos para os

Agora os cegonheiros podem circular com mais tranquilidade nessa região

motoristas”, diz Silva. Outros trabalhos O Departamento de Podas não para. Na área administrativa, já foi solicitada, junto à EGR e ao DAER de Erechim, autorização para realizar outra poda - nas rodovias RSC 135 e RSC 480 entre as cidades de Passo Fundo (RS) e Chapecó (SC). Além disso, a equipe formada por Wellington Francisco dos Santos, Jeferson Santos, José Raimundo Brito, Manoel Barbosa e Paulo Beck foi deslocada para a rodovia RSC 470 para fazer a poda entre as cidades de Bento Gonçalves e Nova Prata.


Investimento

Ford inaugura fábrica de motores

foto: Divulgação

Autoridades e executivos da montadora na cerimônia de inauguração

Com investimento de R$ 400 milhões, a Ford inaugurou, no dia 9 de abril, uma fábrica de motores no seu Complexo Industrial de Camaçari (BA). A unidade, primeira fábrica de propulsores instalada na região Nordeste, tem capacidade para produzir até 210 mil motores por ano. Chamado de Ford 1.0 3C, o novo motor desenvolve 85 cavalos de potência, quando abastecido com álcool, superando os outros dois concorrentes de três cilindros (o Hyundai HB20 de 80 cavalos e Volkswagen Up! e Fox Bluemotion, de 82 cavalos). Inicialmente vai equipar o novo Ka, previsto para ser lançado em agosto deste ano. Desenvolvido pela equipe de engenheiros brasileiros, o novo motor conta com várias inovações como a tecnologia de duplo comando que aumenta a potência e o torque, além de reduzir o consumo de combustível na compaRevista Cegonheiro

14

ração com os motores convencionais. Padrão global Apontada como uma das mais modernas do mundo, a nova fábrica conta com 40 robôs e carregadores automáticos de peças, 34 centros de usinagem e máquinas especiais para usinagem dos blocos e cabeçotes. Possui também estações ergonômicas na linha de produção, para facilitar o trabalho do operador. Todos os equipamentos são conectados via wi-fi a uma central de gerenciamento, o que permite o monitoramento on line de todo o processo produtivo, da qualidade e da manutenção das máquinas e ferramentas. Para garantir o mais alto nível de qualidade dos propulsores e índice zero de defeitos, câmeras de alta definição verificam o posicionamento correto das peças durante a

montagem do motor. Além disso, 100% da produção é testada. Pensando na preservação ambiental, a fábrica adotou o processo MQL (Mínima Quantidade de Lubrificantes) nos centros de usinagem do motor, o que reduz a quantidade de água e óleo lubrificante utilizados na operação. A unidade conta ainda com uma central de ultrafiltragem que trata 100% dos efluentes industriais. Cerimônia de inauguração Da solenidade de inauguração participaram oministro dos Transportes, César Borges, e o governador da Bahia, Jaques Wagner, entre outras autoridades. Pela Ford, estiveram o presidente da empresa, Steven Armstrong; o vice-presidente de Assuntos Corporativos, Rogelio Golfarb; e o diretor de Manufatura, Vagner Galeote.


Esporte

Futebol, churrasco e forró

Partida reuniu motoristas aposentados e que ainda estão na ativa

As fotos só chegaram agora, mas vale o registro. No dia 28 de dezembro, os cegonheiros da Tegma TVL Norte promoveram a tradicional festa de fim de ano. Organizado por Paulo Filho, mais conhecido como Paulinho, o evento já é uma tradição na cidade de Santa Cruz do Capibaribe (PE) e acontece há seis anos. A partida foi disputada entre proRevista Cegonheiro

16

fissionais ativos e motoristas aposentados. Bastante acirrado, o jogo terminou empatado em dois gols. Depois para recarregar a energia, os atletas saborearam um delicioso churrasco e dançaram um animado forró. No ano passado, o jogo foi prestigiado pelos frotistas Paulo Ramos, Severino Ramos e Naelson Siqueira. Segundo Paulinho, neste ano a

confraternização deverá ser maior e melhor. “O pessoal da Transzero, na cidade de Monteiro, Paraíba, entrou em contato para organizarmos um jogo entre as duas equipes, no final do ano. Estamos acertando os detalhes para ver se o primeiro jogo será em Pernambuco ou na Paraíba. Depois a ideia é disputar o jogo todos os anos, revezando as cidades”, explica.


www.autoport.com.br

SOLUÇÕES SOB MEDIDA. A Autoport oferece soluções sob medida a partir das necessidades de cada cliente. Como resultado, a empresa incorpora uma série de inovações tecnológicas em relação aos sistemas de transportes convencionais. Fazem parte dessas novas tecnologias: sistema eletro-hidráulico de elevação, carregamento e acomodação de veículos, suspensão pneumática, entre outras. Confiança reconhecida pelos clientes. Distribuição nacional de veículos 0 km • Operação portuária • Transporte de peças Gestão de pátios e armazenagem • Serviços automotivos (PDI - Pre Delivery Inspection) Transporte de caminhões, chassis e ônibus sobre pranchas.

Estrada dos Alvarengas, 5600, Assunção, São Bernardo do Campo (SP) (11) 4342-2584 / 4357-8973

comercial@autoport.com.br www.autoport.com.br


Transporte

Rodovia PA 475 é um exemplo de estrada que necessita de melhorias

Dos R$ 182,2 bilhões autorizados pelo governo federal e pelos estaduais para investimento em infraestrutura de transporte, somente R$ 80 bilhões (62%) foram de fato investidos entre os anos de 2007 e 2013. O dado foi apresentado no boletim Economia em Foco, divulgado pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) no dia 14 de abril. De acordo com o estudo, nem todas as obras, no entanto, resultaram em melhorias e expansão do sistema de transporte brasileiro. Na avaliação dos transportadores e especialistas ouvidos nessa pesquisa, a falta de planejamento e de melhor visão do sistema são os principais entraves do setor. Apesar de desanimador, esse cenário não deverá mudar – pelo menos neste ano. Essa é a opinião de 89,3% dos transportadores dos modais rodoviário, ferroviário e aquaviário entrevistados. Para a maioria deles (63,3%), o principal problema é a falta de planejamento. Outras causas apontadas Revista Cegonheiro

18

foram as eleições (30,6%), a realocação de recursos para outras áreas e a Copa do Mundo (empatadas, com 22,1% das citações). Segundo o boletim, o planejamento deve ser feito de forma integrada, isto é, evitando, por exemplo, que uma ferrovia orientada para transporte de bens exportáveis seja construída em direção a um porto sem capacidade para receber esse tipo de transporte ou carga. “A falta de visão sistêmica pode ou tornar um empreendimento inútil ou elevar seus custos de forma a torná-lo inviável”, aponta o estudo. Para a CNT, isso acontece tanto na execução de obras de expansão quanto na manutenção. Por isso, é comum vermos empreendimentos interrompidos por falta de recursos, problemas com licença, ou desapropriação. Além disso, os prazos de entrega geralmente são postergados, aumentando o custo e, como consequência, comprometendo a lucratividade das empresas e o desempenho logístico do país.

Apenas 62% da verba autorizada para obras de infraestrutura foram aplicadas

fotos: CNT

Governo investiu 62% dos recursos para infraestrutura de transporte


Nextel id: 931*29037 | Fone: (54) 9971-3004

gelson.susin@rodoceg.com.br

ESCRITÓRIO DE VENDAS SÃO PAULO


Gente

Três homens e a mesma paixão

Valdir sente muito orgulho da profissão

A história de Valmirio, Valdir e Guilherme dos Santos daria um bom filme. Esses três homens já enfrentaram muitos desafios e, além dos laços familiares, são movidos pela mesma paixão: a profissão de cegonheiro. O chefe desse clã é Valmirio, uma pessoa batalhadora que sempre encarou as adversidades e não poupou esforços para atingir seus objetivos. E esses ensinamentos foram muito bem assimilados pelo filho Valdir e pelo neto Guilherme. Nascido na cidade de Seabra (BA), ele conta que sempre foi um apaixonado pelo mundo das quatro rodas. O primeiro registro em carteira foi como motorista de ônibus, depois passou a dirigir caminhões transportando gás e produtos químicos. A oportunidade de ser cegonheiro surgiu num bate papo com um colega (que infelizmente ele não recorda o nome). “Um rapaz que trabalhava na Dacunha ofereceu uma vaga na TranRevista Cegonheiro

20

sauto. Ele disse que não tinha dinheiro, por isso perguntou se eu me interessaria. Não pensei duas vezes. Pedi as contas da empresa que trabalhava e, com o dinheiro da rescisão, dei a entrada”, relembra. Orgulhoso, ele avalia que foi um passo muito importante na vida. “Deixei de ser empregado para ser patrão”, afirma. A vida, no entanto, não era fácil. “Algumas viagens, como para Forta-

Valmirio e o amigo Nelsinho dão uma pausa antes de seguir viagem para Argentina

leza, por exemplo, levavam 15 dias e a saudade da família era muito gran-

de. Nessa época não tinha telefone. Quando chegava em casa era a maior festa”, conta. Do primeiro casamento com Terezinha, teve dois filhos: Valdir e Maria Aparecida. Depois, ele se casou mais duas vezes. Com Neusa, viveu outra uma fase muito difícil. Ela teve problemas no parto e por causa disso o filho teve vários problemas de saúde. “Não deram muito tempo de vida, mas, graças a Deus, ele viveu durante 25 anos. Muitas vezes deixei de trabalhar, só para cuidar dele. Não reclamo de nada e faria tudo de novo”, diz. Hoje ele vive com Maria e, aos 74 anos, gosta de viajar para o sítio em Ibitiara (BA). De pai para filho Durante os anos de estrada, as melhores recordações para Valmirio são as viagens com o filho Valdir. Para o garoto era uma verdadeira aventura. “As estradas eram muitos ruins e


Guilherme com a mãe Adenicia na Chapada Diamantina (BA)

enrolava a cinta e checava os pinos. Aos poucos, ele ia aumentando minha responsabilidade”, relembra. Mas, nessa época, Guilherme não era o único passageiro de Valdir. O cachorro Michael era figura constante nessas viagens. Integrante da nova geração de cegonheiros, Guilherme mira os exemplos de Valmírio e Valdir para, como diz o slogan do Sindicato Nacional dos Cegonheiros, resgatar a identidade da categoria. “Os princípios básicos do setor são respeito, dignidade, amizade e responsabilidade”, diz.

Guilherme faz parte da nova geração de cegonheiros e mira o exemplo do avó Valmirio

era comum ficar parado esperando socorro. Mas, essas dificuldades tornaram a categoria muito solidária. Se um caminhoneiro via um colega com problemas, parava para ajudar”, diz. Saudoso, Valmirio lembra que sempre que parava no posto, Valdir “assumia” o volante e fazia de conta que dirigia o caminhão. Por isso, não foi surpresa para ninguém quando ele disse que seguiria os passos do pai. Depois de trabalhar alguns anos com o pai, Valdir prestou serviços para outras empresas. Nessa época já era casado com Adenicia. Depois de oito anos de casamento, eles decidiram adotar uma criança. E aí surge o outro personagem dessa his-

tória: Guilherme foi adotado quando tinha dois anos. Ele se emociona ao relembrar da infância e do amor e carinho dos pais. “Quando morávamos no Espírito Santo, passamos por muitas dificuldades. Havia dias em que dividíamos uma marmita para matar a fome. Mas, apesar de tudo isso, sempre estudei em escolas particulares e fiz cursos de inglês. Aos 15 anos, fiz um intercâmbio no Canadá. Cheguei a estudar Comércio Exterior, mas larguei tudo para ser cegonheiro como meu avô e meu pai”, conta. Assim como Valdir, Guilherme guarda boas lembranças das viagens pelo Brasil. “Durante as férias escolares, eu era o chapa do meu pai:

Aos três anos Guilherme viajou com o pai Valdir para Brasília

21

Revista Cegonheiro


Dicas

Dicas para as estradas “Prometeram, privatizaram mas tudo continua igual”. Com essa frase, Geraldo Magela Borges, da frota 3553 da Transzero, define sua insatisfação com as condições, ou melhor, a falta de condições para circular na Régis Bittencourt. No trecho paulista da rodovia, ele classifica a Serra do Azeite, a Serra do Cafezal e a região de Barra do Turvo como os piores. “Na Serra do Azeite, por exemplo, quando chove muito, a terra desaba invadindo a pista. Na Serra do Cafezal, o problema é a pista simples. O trecho vive em obras, o que dificulta o tráfego e aumenta o risco de acidentes e assaltos. Na altura de Barra do Turvo, há muitas curvas fechadas”, explica. Já no trecho que passa pelo Paraná, Geraldo reclama do contorno de Curitiba. “Fizeram essa obra para tirar os caminhões da cidade, mas esse trecho vive congestionado – a qualquer hora e em qualquer dia. Costuma haver filas de cinco a dez quilômetros”, afirma. Há sete anos, Sílvio Rodrigo de Almeida, da frota 1240 da Brazul, dirige pelas estradas brasileiras. “As condições estão melhorando, mas a passo de tartaruga. O país cresceu e está crescendo, porém faltam investimentos na área de transporte. Não temos infraestrutura”, avalia. Para ele, um dos piores trechos está na BR-116, no trecho que vai de Paulo Afonso até Recife: “Há muitos buracos e é muito difícil trafegar. Isso aumenta o tempo de viagem e as chances de quebrar a suspensão ou ter problemas nos pneus. Para complicar, não há lugares para consertar o caminhão. Nesse caso, o motorista tem de ficar parado no acostamento, enquanto o fluxo segue. Há ainda o risco de outro carro vir e bater na traseira”. Outra estrada que exige atenção redobrada do motorista é a que liga os municípios de Montes Claros e Feira de Santana. “A rodovia é mal conservada, com muitos buracos e poucos acostamentos”, diz. Revista Cegonheiro

22


ISO 9001 : 2008

www.transzero.com.br São Bernardo do Campo SP • São José dos Campos SP Taubaté SP • São José dos Pinhais PR • Gravataí RS Vitória ES • Rio Grande RS • Camaçari BA • Catalão GO


Serviço

Programe sua aposentadoria

Antonio Magro com os advogados Tanaka e Montalvão

Depois de trabalhar durante muitos anos, chega a hora da tão sonhada aposentadoria. A maioria das pessoas, no entanto, não se programa adequadamente e pode enfrentar até mesmo apertos financeiros. Para evitar eventuais dores de cabeça para seus associados, o Sindicato Nacional dos Cegonheiros, por intermédio do advogado Alessandro Rafael Montalvão, acaba de fechar uma parceria com o escritório Tanaka, Cesar e Casagrande, que conta com profissionais altamente especializados para auxiliá-los na hora de requerer ou solicitar revisão do seu benefício. Montalvão explica que, até 28 de abril de 1994, a atividade de motorista de caminhão e ônibus era considerada especial, isto é, para cada dez anos de trabalho ganhavam-se mais quatro anos na soma total dos anos trabalhados. Para isso, no entanto, era necessário que o contribuinte tivesse, na carteira de trabalho, o registro como motorista de caminhão. Revista Cegonheiro

24

Com a reforma de 1995, isso mudou. Hoje, apenas profissionais que trabalham diretamente com agentes nocivos (físicos, químicos ou biológicos) têm direito a aposentadoria especial – mas antes da concessão da aposentadoria, o caso é analisado por um perito do INSS (Instituto Nacional de Previdência Social). Além de cuidar dos pedidos de aposentadoria, o escritório presta outros serviços, como revisão de aposentadoria, pedidos de pensão por morte, auxílio doença, inventário, e contagem do tempo de contribuição, com a elaboração de relatórios informando o tempo exato, para que o segurado

tenha direito ao benefício. “Quanto mais cedo for feito o planejamento previdenciário, melhor. Dessa forma, o segurado não será surpreendido quando pedir seu benefício”, diz Montalvão. foto: Yuri Gami - Poesias em Papel

Grupo de mulheres mostram a criatividade em trabalhos manuais


foto: Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo

Eles esbanjaram energia nos Jogos Regionais do Idoso promovido pelo governo paulista

De motorista a empresário O advogado Montalvão chama a atenção dos motoristas que eram empregados e hoje são empresários. “Além das contribuições sociais da empresa, é preciso recolher as taxas previdenciárias da pessoa física. Muitas vezes, o contador paga apenas as contribuições da empresa e não efetua o pagamento do INSS do empresário sobre o pró-labore. Se isso acontecer, quando o contribuinte entrar com o pedido de aposentadoria, o tempo de empresa não entrará no cálculo do benefício”, alerta. O ex-diretor do Sindicato, Antônio Bezerra Dantas, mais conhecido como Antônio Magro, é uma das pessoas que recorreu aos serviços dos profissionais dessa parceria. Ele conta que já havia tentado se aposentar, mas nunca dava certo. “Os advogados regularizaram minha situação e, em três meses, minha aposentadoria foi concedida”, afirma. Saiba mais São vários os tipos de aposentadoria. Os principais são: - aposentadoria por tempo de

contribuição – para solicitá-la o homem tem de comprovar 35 anos de contribuição, enquanto a mulher, 30. Não depende de idade mínima, exceto se o contribuinte optar pela aposentadoria proporcional - aposentadoria por idade – o benefício é garantido ao segurado que atingir determinada idade somada

com 15 anos de contribuição (carência): 65 anos para o homem e 60 anos para a mulher - aposentadoria por invalidez – a incapacidade deverá ser constatada por peritos médicos do INSS. É concedida ao segurado que perder a capacidade de trabalho de forma total e permanente. foto: Secom Itajaí

Dançar é uma atividade que agrada pessoas de todas as idades

25

Revista Cegonheiro


Competição

Mostre que você é fera no volante

Scania lançou a quinta edição da competição Melhor Motorista de Caminhão do Brasil.

A Scania lançou o desafio: mostre que você é capaz de ir além das suas habilidades na direção e participe da quinta edição da competição Melhor Motorista de Caminhão do Brasil. Mas conquistar esse título não vai ser nada fácil. Você terá de encarar testes teóricos sobre legislação e preservação do meio ambiente e comprovar, na prática, que, além de ser bom de braço, sabe dirigir com segurança e eficiência. A concorrência também vai ser forte. A expectativa da montadora é receber cerca de 50 mil inscrições. “O motorista é peça fundamental para tornamos o ciclo do transporte cada vez mais sustentável. Hoje temos produtos modernos com menor emissão de gás carbônico e mais econômicos. Mas precisamos investir no treinamento desses profissionais para que tirem o melhor proveito desses veículos, dirijam com segurança e reduzam acidentes. E esse é o foco da competição: valorizar e capacitar o motorista”, afirmou o diretor de vendas de veículos, Eronildo Santos, na cerimônia de lançamento, no dia 3 de abril, no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo, em Piracicaba (interior de São Paulo). Revista Cegonheiro

26

Como se inscrever As inscrições pela internet já estão abertas e podem ser feitas até o dia 27 de julho, no site www.melhormotorista.com.br. O interessado também pode fazer sua inscrição em diversos pontos credenciados, como a rede de concessionárias Scania, Rede Noma, Rede Bridgestone/Bandag, Rede Graal e unidades do Sest/Senat. A lista completa está disponível na internet.

for aprovado, o motorista participará de provas práticas a serem disputadas em 28 etapas regionais que acontecerão entre os dias 2 de agosto e 16 de novembro, nos finais de semana. Os motoristas classificados em primeiro lugar no sábado e no domingo participarão da final que será realizada de 4 a 7 de dezembro, em São Paulo.

Teve até pódio para os convidados Montadora convidou jornalistas da imprensa especializada para participar das provas

Para participar, é necessário ter carteira de habilitação categoria E, preencher um formulário e responder a um questionário no ato da inscrição. Neste ano, a competição terá quatro fases. A primeira, no ato da inscrição, quando o candidato responde a um questionário com 18 questões – a nota de corte é 12. A segunda fase também é teórica e feita pela internet. São 20 questões de múltipla escolha e uma dissertativa. Se

Prêmios O vencedor ganhará uma viagem com acompanhante para conhecer a matriz da Scania, na Suécia, um pacote de prêmios no valor de R$ 40 mil (distribuídos em aparelhos eletrônicos, móveis e eletrodomésticos), um jogo de seis pneus da Bridgestone e um curso de 40 horas do Sest/Senat. O segundo e o terceiro colocados receberão um viagem com acompanhante a um resort no Brasil, um jogo de seis pneus Bridgestone, kits promocionais e um curso de 40 horas do Sest/Senat.


Desafio é derrubar o cone vermelho entre os azuis sem derrubá-los

Os 28 campeões regionais ganham o curso de treinamento de motorista Scania “Master Drive” de 40 horas. Os aprovados na prova teórica on line (segunda fase) poderão participar do curso série de logística – conceitos e aplicações do Sest/Senat. Além disso, todos os inscritos ganharão um curso on line sobre atendimento eficaz. Meu dia de motorista de caminhão A Scania convidou diversos jornalistas da imprensa especializada para participar das provas práticas e teóricas do Melhor Motorista de Caminhão do Brasil. Veja aqui um resumo dessa experiência vivida pela repórter da Revista Cegonheiro, Analuiza Tamura: “Vou falar primeiro da prova que me fez suar muito. Afinal, quem me conhece sabe que manobrar um carro não está entre as minhas aptidões. Imagine, então, fazer isso com um caminhão, num local estreito, e ainda ter de derrubar um cone com um leve toque do para-choque. Depois de muitas idas e vindas, estacionei o caminhão. Mas o cone ... ficou lá, intacto. O passo seguinte foi derrubar outro cone – desta vez com o pneu. Derrubei o dito cujo, mas não da maneira correta. Ele precisava cair entre outros dois, porém, derrubei todos. A tarefa seguinte foi estacionar o caminhão o mais próximo possível de um alvo fixado no chão. Parei, mas bem distante. A outra prova prática, a princípio, também pareceu assustadora: dar três voltas na pista do autódromo com um caminhão bitrem. Graças à tecnologia dos caminhões Scania, com direção hidráulica e câmbio automatizado, parecia que estava dirigindo um carro de passeio. As provas teóricas abordavam questões sobre legislação e meio ambiente e como deve ser feito o check list antes de uma viagem. Também me saí bem, mas o desempenho nas manobras fez minha classificação despencar. Porém, a experiência valeu”.

Martin Stahlberg dá uma série de dicas para os cegonheiros

Pense no coletivo O presidente da Scania do Brasil, Martin Stahlberg, deu uma entrevista exclusiva para a Revista Cegonheiro, sobre os principais valores que um caminhoneiro deve ter ao assumir o volante. E ele fala sobre esse assunto com conhecimento de causa: já foi motorista de caminhão e dirigiu pelas estradas da Europa. Na avaliação do executivo, os cuidados devem começar muito antes de botar o pé na estrada. “O motorista não deve ingerir bebidas alcoólicas e não pode ter vícios. É preciso também dormir e descansar bem. Nas estradas, é necessário que haja locais com infraestrutura como banheiros e restaurantes. Na França, por exemplo, a cada 30/40 quilômetros de estrada, há um local seguro para o motorista descansar. Sei que estamos falando do Brasil, um país com território quinze vezes maior que o francês, mas isso é necessário para o motorista”, afirma. Stshlberg também diz que o bom condutor é aquele que pensa no coletivo, que respeita os outros carros e motoristas. “O motorista de caminhão tem um papel muito importante na sociedade, por isso deve ser exemplo para os outros. Tem de prestar muita atenção no que acontece ao seu redor e dirigir de forma segura, a fim de prevenir acidentes. Além disso, é preciso ter muita calma para evitar situações adversas. Por exemplo, o bom condutor jamais deve perder o controle e responder a uma provocação”, recomenda. Outra recomendação é usar sempre o cinto de segurança. “Mesmo na Europa ainda se veem motoristas que não utilizam o cinto. É preciso ter em mente que esse equipamento é muito importante e ajuda a salvar vidas”, diz.

27

Revista Cegonheiro


Automóvel

Kia Motors é habilitada no Inovar Auto

Bongo, modelo produzido no Uruguai, será comercializado sem os 30 pontos percentuais do IPI

Mais uma empresa está habilitada no Inovar Auto, programa de incentivo tributário ao setor automotivo, criado pelo governo federal em 2012. Desde o início deste mês, a Kia Motors pode importar até 4.800 unidades por ano sem a incidência dos 30 pontos percentuais do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Na avaliação do presidente da Kia Motors do Brasil, José Luiz Gandini, a habilitação contribuirá para a marca obter um melhor resultado. “Para uma empresa que comercializou uma média anual de 52 mil unidades entre 2010 e 2012, essa cota não será suficiente. Mas certamente vai contribuir muito para que 2014 seja um ano mais alentador”, afirma. Segundo ele, as vendas deverão crescer por volta de 3% na comparação com o ano passado e atingir cerca de 30 mil unidades. Dentro dessa estratégia, além da cota de 4.800 unidades, está prevista a importação de seis mil unidades do Bongo – modelo produzido no Uruguai que pode ser comercializado no Brasil sem os 30 pontos percentuais do IPI e mais Revista Cegonheiro

28

cerca de 20 mil unidades com o IPI diferenciado. Ao se habilitar no programa Inovar Auto, a Kia Motors confirma uma série de lançamentos para este ano. Os dois primeiros já estão definidos. Em maio será apresentado o sedã de luxo Quoris e em junho, a segunda geração do Soul. Os brasileiros, no entanto, ainda vão ter de esperar um pouco para ver o Cerato Hatch, a nova Carens e o Cerato Koup. Devido à incompatibilidade de preços finais, a importadora decidiu postegar o lançamento desses modelos. “De qualquer maneira, agora temos mais alternativas. Com a cota, podemos direcionar os benefícios fiscais para produtos em alto volume ou para produtos de nicho, mas sempre em condições igualitárias em relação a seus principais concorrentes”, enfatiza Gandini. O que é Inovar Auto Para estimular o investimento na indústria automobilística nacional, o governo federal lançou o Programa de Incentivo à Inovação Tecnológica

e Adensamento da Cadeia Produtiva de Veículos Automotores, o chamado Inovar Auto. As empresas que estimularem ou investirem em inovação e em pesquisa e desenvolvimento recebem benefícios em relação ao IPI. Para isso, devem cumprir uma série de metas até 2017, como investimentos em novas tecnologias e capacitação de fornecedores. No ano passado, seis fabricantes de automóveis anunciaram investimento na construção de fábricas no Brasil. Entre eles, a BMW e a Land Rover. A primeira terá sua unidade de produção na cidade de Araquari (SC) e a outra, em Itatiaia (RJ). A Audi anunciou investimento de R$ 500 mil na fábrica de São José dos Pinhais (PR) – que já dividiu com a Volkswagen. Outra montadora que voltará a ter produção local será a Mercedes-Benz, com uma fábrica que vem sendo construída em Iracemápolis (SP). As fabricantes chinesas de caminhões Sinotruk e Metro-Shacman também anunciaram futura fabricação de seus veículos no Brasil.


Tecnologia

3D agiliza e reduz custos de projetos foto: Divulgação

MAN Latin America reduziu em quase 80% o custo de desenvolvimento de modelos conceituais

A impressão 3D já é um recurso bastante utilizado pelas montadoras. Além de reduzir custos, o uso dessa tecnologia agiliza – e muito – o processo de desenvolvimento de novos projetos. A MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e MAN, por exemplo, adquiriu uma impressora 3D em 2013 e, de lá para cá, reduziu em quase 80% o custo de desenvolvimento de modelos conceituais – os chamados mock-ups, em inglês. O ganho no tempo de execução é ainda mais impressionante. A impressão de modelos de quase todas as peças é feita em apenas algumas horas. No método de fabricação normal, eram gastas várias semaRevista Cegonheiro

30

nas. Além disso, poderia haver a necessidade de utilizar ferramentais específicos. Em camadas A impressão da peça é feita por sobreposição de materiais termoplásticos (em vez de tinta) em camadas, até que a peça adquira seu formato final. O equipamento conta com diferentes tipos de bicos capazes de produzir camadas mais, ou menos, espessas, de acordo com o desenho e a necessidade de precisão de cada peça. Segundo o diretor de Engenharia da MAN Latin America, Rodrigo Chaves, uma das principais vantagens da impressora 3D é poder

contar logo com uma peça, para as primeiras análises e avaliações. Já o supervisor da área de Protótipos, André Bogdan, destaca a maior possibilidade de identificar a necessidade de eventuais ajustes ainda na fase inicial. “Quanto mais tardia a alteração, maior seu impacto. A identificação de um eventual ajuste nessa fase inicial chega a custar apenas 10% do que seria, caso só fosse levantado na etapa tradicional de protótipos”, afirma. De acordo com a montadora, as peças confeccionadas na impressora 3D podem ser utilizadas desde a validação de modelos conceituais até a avaliação de sua montagem e acessibilidade.


Ação Social

Caravana bota o pé na estrada foto: Augusto dos Santos foto: Divulgação

A Caravana Siga Bem conta com duas equipes e percorrerá cerca de 30 mil quilômetros

Objetivo da caravana Siga Bem, que neste ano chega a sua oitava edição: levar, aos caminhoneiros, serviços, entretenimento e qualificação profissional, e ainda atender aos moradores das comunidades por onde passar em seu trajeto de cerca de 30 mil quilômetros de estradas, por aproximadamente 95 cidades. Apontada como o maior projeto itinerante da América Latina, a caravana botou o pé na estrada no dia 23 de abril. Neste ano, conta com duas equipes: uma saiu de São Paulo em direção às regiões Norte, Nordeste e parte do Centro Oeste, enquanto a outra partiu para cidades do Sudeste, do Sul e da outra parte do Centro Oeste. A apresentação da caravana foi realizada no dia 16 de abril, no Vila Noah, em São Paulo, e contou com a presença de diversas autoridades, como a ministra dos Direitos Humanos, Ideli Salvatti, e a secretária adjunta de Enfrentamento à Violência contra a Mulher, da Secretaria de PoRevista Cegonheiro

32

líticas para as Mulheres, Rosângela Rigo, além de empresários e representantes dos caminhoneiros. A caravana Formada por 12 caminhões (oito carretas e quatro trucks), dois ônibus e quatro carros de apoio, a caravana é uma parceria entre a Petrobrás e a Volvo. Os pontos de parada são 81 postos, referência em atendimento e qualidade, e 24 concessionárias Volvo. Ali, os caminhoneiros e a população poderão assistir a palestras, fazer um check up rápido, participar de sessões de massagem e cortar o cabelo, entre outras atividades. As palestras abordam temas como a exploração sexual de crianças e adolescentes e a violência contra a mulher. O objetivo é conscientizar o caminhoneiro da importância de seu papel no combate a esses dois crimes. Para denunciar esses casos, existe o Disque 100 (exploração sexual de crianças e adolescentes) e o Disque 180 (violência contra a mulher).

Cerimônia de apresentação foi prestigiada pela ministra Ideli Salvatti

A Polícia Rodoviária Federal também participa da Caravana Siga Bem, destacando a necessidade de sempre dirigir preventivamente, com o fim de evitar acidentes e combater o uso de drogas e álcool. Os participantes ainda poderão testar os caminhões e concorrer a mais de R$ 1 milhão em prêmios. Caminhoneiro do Ano Os profissionais do volante poderão participar do concurso “Caminhoneiro do Ano” 2014. Para isso é preciso ter carteira de habilitação C, D ou E e responder a questões que envolvem mecânica, leis de trânsito, segurança, proteção ao meio ambiente e responsabilidade social. Os 24 participantes com maior número de acertos em menor tempo serão selecionadas para a final, que acontecerá na capital paulista. Os prêmios vão de um caminhão Volvo FH 460 a um automóvel zero quilômetro ou uma moto 125cc zero quilômetro.


AGORA É SÓ ESCOLHER. TODA LINHA CHEVROLET DIRETO PARA VOCÊ!

AQUI VOCÊ TEM BENEFÍCIOS ESPECIAIS E ATENDIMENTO PERSONALIZADO. NÃO VAMOS PERDER NEGÓCIO! Plantão:

Parceria:

VIAMAR ABC CAMINHO DO MAR, 2227 RUDGE RAMOS, ABC - SP 4367 8082 | 4367 8090 VIAMAR, 19 ANOS

| TAMBÉM EM MAIS 6 LOJAS EM SÃO PAULO E 4 NO RIO DE JANEIRO 33

Revista Cegonheiro


Restrições de Tráfego

para carretas cegonhas em

2014

O Departamento de Polícia Rodoviária Federal através da portaria 46 do dia 20 de dezembro de 2013, divulgou o calendário de restrição à circulação de Combinações de Veículos de Carga (CVC), Combinações de Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Veículos e Cargas Paletizadas (CTVP), autorizados a circular portando ou não a Autorização Especial OPERAÇÃO DIA de Trânsito (AET), bemDA comoRESTRIÇÃO o trânsito dos demais veículos portadores da AET. HORÁRIO DA RESTRIÇÃO O descumprimento desta proibição constitui infração de trânsito prevista no artigo(sexta-feira) 587 do Código de Trânsito Brasileiro (Código 574-63), sendo que o veículo que for autuado, 28/02/2014 16h00 às 24h00 poderá seguir viagem somente após o horário de término da restrição. 01/03/2014 (sábado) 06h00 às 12h00 Carnaval DE VEÍCULOS LONGOS, PORTADORES DE AET, VÁLIDO APENAS EM RODOVIAS RESTRIÇÃO 04/03/2014 (terça-feira) 16h00 às 24h00 FEDERAIS COM PISTA SIMPLES

05/03/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 17/04/2014 (quinta-feira) 16h00DA àsRESTRIÇÃO 24h00 OPERAÇÃO DIA DA RESTRIÇÃO HORÁRIO Semana 18/04/2014 (sexta-feira) 06h00 àsRESTRIÇÃO 12h00 OPERAÇÃO DIA DA RESTRIÇÃO HORÁRIO DA OPERAÇÃO DIA HORÁRIO DA RESTRIÇÃO Santa/Tiradentes OPERAÇÃO DIA DA DA RESTRIÇÃO RESTRIÇÃO HORÁRIO 28/02/2014 (sexta-feira) 21/04/2014 (segunda-feira) 16h00DA àsRESTRIÇÃO 24h00 28/02/2014 (sexta-feira) 16h00 24h00 01/03/2014 (sábado) 06h00 às 12h00 28/02/2014 (sexta-feira) 16h00 24h00 01/05/2014 (quinta-feira) 06h00 às 12h00 28/02/2014 (sexta-feira) 16h00 às às 12h00 24h00 Dia Carnaval do Trabalho 01/03/2014 (sábado) 06h00 04/03/2014 (terça-feira) 16h00 24h00 01/03/2014 (sábado) 06h00 12h00 04/05/2014 (domingo) 16h00 às 24h00 Carnaval 01/03/2014 (sábado) 06h00 às 24h00 12h00 Carnaval 04/03/2014 (terça-feira) 16h00 05/03/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 Carnaval 04/03/2014 (terça-feira) 16h00 24h00 19/06/2014 (quinta-feira) 06h00 às 12h00 04/03/2014 (terça-feira) 16h00 às 24h00 Corpus Christi 05/03/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 17/04/2014 (quinta-feira) 05/03/2014 (quarta-feira) 06h00 12h00 22/06/2014 (domingo) 16h00 às 24h00 05/03/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 Semana 17/04/2014 16h00 24h00 18/04/2014(quinta-feira) (sexta-feira) 06h00 às 12h00 17/04/2014 (quinta-feira) 19/12/2014 (sexta-feira) 16h00 às 24h00 Semana Santa/Tiradentes 17/04/2014 (quinta-feira) 16h00 às 12h00 24h00 Semana 18/04/2014 (sexta-feira) 06h00 21/04/2014 (segunda-feira) 16h00 às 24h00 Semana 18/04/2014 (sexta-feira) 24/12/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 Santa/Tiradentes 18/04/2014 (sexta-feira) 06h00 às 12h00 Santa/Tiradentes Fim de Ano 21/04/2014 16h00 às 24h00 Santa/Tiradentes 01/05/2014(segunda-feira) 06h00 12h00 21/04/2014 (segunda-feira) 01/01/2015 (quinta-feira) 16h00 às 24h00 21/04/2014 (segunda-feira) 16h00 às 24h00 Dia do Trabalho 01/05/2014 06h00 12h00 04/05/2014(quinta-feira) (domingo) 16h00 às 24h00 04/01/2015 às 01/05/2014 (quinta-feira) 06h00 12h00 Dia do Trabalho 01/05/2014 (quinta-feira) 06h00 às 24h00 12h00 Dia 04/05/2014 (domingo) 16h00 Dia do do Trabalho Trabalho 19/06/2014 (quinta-feira) 06h00 às 12h00 04/05/2014 (domingo) 16h00 às 24h00 04/05/2014 (domingo) 16h00 às 24h00 Corpus Christi 19/06/2014 06h00 12h00 22/06/2014(quinta-feira) (domingo) 16h00 às 24h00 19/06/2014 (quinta-feira) 06h00 às 12h00 Corpus Christi 19/06/2014 (quinta-feira) 06h00 às 24h00 12h00 Corpus 22/06/2014 (domingo) 16h00 Corpus Christi Christi 19/12/2014 (sexta-feira) 16h00 às às 24h00 22/06/2014 (domingo) 28/02/2014 (sexta-feira) 06h00 às 19h00 22/06/2014 (domingo) 16h00 24h00 19/12/2014 (sexta-feira) 16h00 24/12/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 19/12/2014 (sexta-feira) 16h00 às 24h00 24h00 01/03/2014 (sábado) 06h00 às 19h00 Fim de Ano 19/12/2014 (sexta-feira) 16h00 24h00 24/12/2014 06h00 12h00 Carnaval 01/01/2015 (quarta-feira) (quinta-feira) 16h00 às 24h00 24/12/2014 (quarta-feira) 06h00 às 12h00 Fim de Ano 05/03/2014 (quarta-feira) 12h00 às 22h00 24/12/2014 (quarta-feira) 06h00 às 24h00 12h00 Fim 01/01/2015 16h00 04/01/2015(quinta-feira) (domingo) Fim de de Ano Ano 01/01/2015 (quinta-feira) 16h00 às 22h00 24h00 09/03/2014 (domingo) 12h00 às 01/01/2015 (quinta-feira) 16h00 24h00 04/01/2015 (domingo) 16h00 às 24h00 04/01/2015 (domingo) 16h00 às 04/01/2015 (domingo) 16h00 àsE 24h00 24h00 RESTRIÇÃO DE TRÂNSITO NA BR-101, ENTRE OS MUNICÍPIOS DE RIO BONITO (RJ) ITABORAÍ (RJ), KM 269 E 308 DO RIO DE JANEIRO E NA BR-493, NOS MUNICÍPIOS DE MAGÉ (RJ) E ITABORAÍ (RJ), KM 0 AO 26 28/02/2014 (sexta-feira) 06h00 às 19h00

12h00 às às 19h00 22h00 06h00 06h00 às 22h00 19h00 12h00 às 06h00 19h00 06h00 19h00 12h00 às 22h00 06h00 às 19h00 06h00 às às 22h00 19h00 12h00 12h00 às 22h00 12h00 às 22h00 12h00 às 22h00 12h00 às 22h00 12h00 às 22h00 12h00 às 22h00 RESTRIÇÃO DE TRÂNSITO NA BR-135 NO ESTADO DO MARANHÃO, DO KM 00 AO 100 – ENTRE OS Festejos Juninos MUNICÍPIOS DE 21/06/2014 às 22h00 SÃO LUIZ (sábado) (MA) E ITAPECURU-MIRIM (MA)15h00 01/03/2014 (sábado) 12h00 às 22h00 (São João) 22/06/2014 (domingo) 15h00 às 22h00 22h00 Carnaval 01/03/2014 (sábado) 12h00 às 05/03/2014 (quarta-feira) 01/03/2014 (sábado) 12h00 às 12h00 22h00 Carnaval 23/06/2014 (segunda-feira) 06h00 às 01/03/2014 (sábado) 12h00 22h00 Carnaval 05/03/2014 (quarta-feira) 12h00 às 22h00 Carnaval 05/03/2014 (quarta-feira) 12h00 às 22h00 05/03/2014 (quarta-feira) 12h00 às 22h00 Carnaval Carnaval Carnaval Carnaval Carnaval

01/03/2014 (sábado) 28/02/2014 (sexta-feira) 01/03/2014 (sábado) 28/02/2014 (sexta-feira) 05/03/2014 (quarta-feira) 28/02/2014 (sexta-feira) 01/03/2014 (sábado) 05/03/2014 (quarta-feira) 01/03/2014 (sábado) 01/03/2014 (sábado) 05/03/2014 (quarta-feira) 09/03/2014 (domingo) 05/03/2014 (quarta-feira) 05/03/2014 (quarta-feira) 09/03/2014 (domingo) 09/03/2014 (domingo) 09/03/2014(sexta-feira) (domingo) 20/06/2014

RESTRIÇÃO APENAS NOS ESTADOS DAS BAHIA, PARAÍBA, PERNAMBUCO E 20/06/2014 (sexta-feira) 12h00 às 22h00 RIO GRANDE DO NORTE

Festejos Juninos Festejos Juninos (São João) Festejos Juninos Festejos Juninos (São João) (São João) (São João)

20/06/2014 (sexta-feira) 21/06/2014 (sábado) 20/06/2014 (sexta-feira) 20/06/2014 (sexta-feira) 21/06/2014 (sábado) 22/06/2014 (domingo) 21/06/2014 (sábado) 21/06/2014(domingo) (sábado) 22/06/2014 23/06/2014 (segunda-feira) 22/06/2014 (domingo) 22/06/2014 (domingo) 23/06/2014 (segunda-feira) 23/06/2014 23/06/2014 (segunda-feira) (segunda-feira)

12h00 22h00 15h00 às 12h00 às 22h00 12h00 às às 22h00 22h00 15h00 15h00 às 22h00 15h00 às 22h00 15h00 22h00 06h00 às 12h00 15h00 às 22h00 15h00 às 22h00 06h00 às 12h00 06h00 às 12h00 06h00 às 12h00

Fonte: Portaria 46 de 20 de dezembro de 2013 – CGO/DPRF OBSERVAÇÃO: É NECESSÁRIO OBSERVAR AS MUDANÇAS NAS RESTRIÇÕES DOS FERIADOS REGIONAIS DE CADA ESTADO Revista Cegonheiro

34


LICENÇAS Autorização para o tráfego de veículos com carga especial

O Sindicato Nacional dos Cegonheiros tem a disposição dos seus associados e motoristas, o Departamento de Licenças, específico para dar entrada na documentação para a retiradade Licenças Estaduais e Federal de acordo com as normas exigidas pelo DER – Departamento de Estradas de Rodagem e do DNIT – Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes.

ONDE TIRAR AS LICENÇAS São Bernardo do Campo-SP Sede Central – Rua: Luiz Barbalho, 07/11 – Bairro Demarchi Licenças Federal e Estaduais

(11) 4346.5508

Camaçari / Bahia Rua: Gurupi, 23 – Bairro Goiana Licenças do Estado da Bahia

(71) 3622-6500

Gravataí / Rio Grande do Sul Av. Eli Correa, 6.651 – RS 030 – Bairro Passo da Cavera Licenças do Estado do R.G. do Sul

(51) 3431-4848

São José dos Pinhais / Paraná Rua: Tubarão, 112 – sala 02 – Bairro: Borda do Campo Licenças dos Estados de Santa Catarina, Minas Gerais, Tocantins, Paraná, R.G. do Sul, Goiás e São Paulo

(41) 3385-8245

São José dos Campos / São Paulo Rua: Ernesto Júlio Nazaret,201 Vila Tesouro Licenças Federal e Estaduais

(12) 3906-0807

Tocantins (Licença Estadual)

Rio de Janeiro (Licença Estadual)

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta -Contrato Social e CNPJ (pessoa jurídica) -CPF e RG (Pessoa Física) -Licença Federal 4,95m -Todos documentos autenticados

- Documento Cavalo Mecânico e Carreta - RG e CPF (proprietário da empresa) - Contrato Social - Requerimentos (no Sindicato)

Minas Gerais (Licença Estadual)

São Paulo (Licença Estadual e Federal) -Documento Cavalo Mecânico e Carreta

Santa Catarina (Licença Estadual)

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta -Procuração (retirar no Sindicato) -Contrato Social (pessoa jurídica) -CPF e RG (pessoa física)

R. Grande do Sul (Licença Estadual) -Documento Cavalo Mecânico e Carreta

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta

Bahia (Licença Estadual) Goiás (Licença Estadual)

-Documento do Cavalo Mecânico e Carreta

Pernambuco (licença estadual)

-Documento Cavalo Mecânico e Carreta -Licença Federal 4,95m

Paraná (Licença Estadual e Federal) -Documento Cavalo Mecânico e Carreta

ATENÇÃO MOTORISTAS

Licenciamento São Paulo 2014 Final de Placa

1e2 3, 4 e 5 6, 7, e 8 9e0

Revista Cegonheiro

36

CAMINHÕES Mês do Licenciamento

Setembro Outubro Novembro Dezembro

- Cópia legível do documento do cavalo e carretas (todas as carretas que for acoplar na licença) - Cópia legível da licença federal (Dnit) - Contrato social da empresa (xerox autenticada) - CNH do proprietário ou de um dos sócios da empresa (xerox autenticada) - comprovante de endereço – pessoa física (xerox autenticada)

CARRETAS AUTOMÓVEIS MOTOS Final de Placa Mês de Licenciamento

1 2 3 4 5e6 7 8 9 0

Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro


37

Revista Cegonheiro


Classificados

Três Eixos, Robocop original, anos 2001, 2003 e 2006. Tratar com Joel - TG (54) 3027-7966 site web: htpp://zip.net/ bwmdGF Três Eixos 2007 – Tratar com Márcio Galdino 7881-4656 Dambroz 1989 – Preta, carreta reformada, estado de nova, impecável. Tratar com Mário (11) 7871-1282 / 7730-8474 Três Eixos 2006, Robocop, com pneus e cintas. Tratar com Nelson -TG (54) 3221-8501 Dambroz, ano 2000, convencional, pneus e cintas Brazul. Tratar com Bruno (11) 99389-0869 e 30*56894 Engerauto, ano 1996, elétrica, capacidade para 11 carros. R$ 40 mil. Tratar com Salvador Corrêa (11) 9390-5898 e (11) 4347-9728 Carreta Robocop Dambroz 2003, reformada em 2010 e com pistões novos. Padrão Tegma. Impecável. Tratar com Wadson (11) 7661-3377 e (79) 9876-9353 Vendo ou alugo carreta cegonha Três Eixos, ano 1997, freio novo, cor verde Dacunha, aberta e alongada. Ótimo estado de conservação. Engata caminhão Toco. Valor: R$ 38 mil. Carreta cegonha Dambroz, ano 2000, aberta, alongada, engata caminhão truckado, cor verde Dacunha. Ótimo estado de conservação. Freio feito há dois meses. Valor: R$ 39 mil. Carreta FNV, ano 91, aberta, alongada, cor preta, toda reformada como Engerauto, boa de carga, engata caminhão Toco. R$ 28 mil. O aluguel de qualquer carreta é de R$ 2.000 por mês. Tratar com Valdivino Neto (Val das Tintas) (11) 7009-3838, 34231555 e 966*10355 Vendo conjunto Volkswagen Constellation 19370, ano 2009, vermelho e carreta Contin Robocop, ano 1987, verde toda reformada. Preço total: RW 210 mil. Se for vendido separado, R$ 150 mil (cavalo) e R$ 60 mil (carreta). Tratar com Sílvio (11) 97717-3278 e 7*3199 Carreta Engerauto 1998, padrão Brazul amarela, alongada e preparada para “cara chata”, boa de carga (sete pickups e três médios), com oito pneus semi usados. Tratar com Hamilton (11) 98114-0119 Carreta Três Eixos, 2001, com pneus em ótimo estado. Tratar Toninho Pirajuí (11) 98361-6717 Carreta Engerauto, ano 2000, verde, alongada, com pneus e cintas. Preço: R$ 40 mil. Tratar com Nilton (11) 98644-5354 e 99263-2336 Carreta Dambroz 2008, azul (Transauto), com pneus e cintas. Tratar com Reginaldo (11) 7738-7296 9*43047 Carreta Robocop Goldin 1987 com rodas e pneus. Capacidade para 11 carros. Totalmente reformada. Preço: R$ 43 mil. Tratar com Sílvio (11) 7717-3278 Carreta Nego 2008, verde e com pneus. Tratar com Hong (13) 9112-2716 Vendo ou alugo as seguintes carretas: Dambroz 2000/2001, aberta, convencional, preta, R$ 38 mil. Três Eixos, 1997/1997, aberta, convencional, preta, R$ 37 mil. Dambroz, 1998, aberta, alongada, convencional, verde, R$ 39 mil. Três Eixos 1997/1997, aberta, alongada, convencional, verde, R$ 39 mil, Dambroz 2000/2000, aberta, alongada, convencional, engata truck, verde, R$ 39 mil. FNV 1991, aberta, alongada, convencional, R$ 28.500. Tratar com Valdivino Neto (Val das Tintas) (11) 7009-3838, 3423-1555 e 966*10355 Carreta Dambroz 2002, preta padrão Tegma, convencional, com pneus e cintas. Tratar com Osmar (11) 7725-4962 e ID 105*106 951.

Três carretas pranchas para transporte de caminhões (duas Facchini e uma Dambroz). Todas em bom estado e com pneus. Tratar com João (11) 7865-9192 e 4368-9206. Carreta Dambroz Robocop, 2008, com pneus e cinta. Tratar com Valter (Transzero) (11) 99999-3024 Carreta Três Eixos Robocop, 2008, com pneus e cintas em bom estado. Preço: R$ 78 mil. Tratar com Vanderlei (11) 981920069 e (75) 9823-6842 Carreta Tecnoceg, modelo Robocop, 2009, padrão Tegma, com pneus e cintas e em excelente estado. Tratar com Osmar (11) 7725-4962 e ID 105*106 951 Carreta Dambroz, Robocop, 2008, amarela, com pneus e cintas. Único dono. Tratar com Pitol (11) 98411-2223 ou Luiz (11) 99220-2963 Carreta Dambroz 2008 com pneus e cintas.Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656 Carreta Dambroz 2000, convencional alongada, padrão Tegma. Tratar com Gabriel (48) 9935-6575 Engerauto, 98, padrão Brazul, reformada com pneus e cintas. Tratar com Júnior (11) 98245-6690 ou Bruno (11) 99389-0869, 118*4328 e 307*56894 Carreta Três Eixos Robocop, 99, padrão Tegma. Preço: R$ 55 mil. Tratar com Geraldo (Tegma) (11) 98174-2220 ID 7*16311

Volvo FM 340 4x2, anos 2001 e 2003 Tratar com Joel - TG (54) 3027-7966 site web: htpp://zip.net/bwmdGF Vendo caminhões – Volvo FM – Marrom – 2008/2009, Volvo FM – Branco – 2008/2009 Mercedes Benz 2035 – Branco – 2007 e Mercedes Benz 2035 – Branco – 2008. Tratar com Ronaldo (Brazul) – 2374-2780 / 9- 7626-7257. MB 1634, 06, branco.Tratar:(11) 94418547 com Umberto Nóbile – TS MB 608 Dguincho, 1980. R$ 30 mil. Tratar:(11) 999134-8945/7833-2201/ID 84*23068 com Gilberto - TN Iveco Stralis, 2009,modelo Power cegonheiro, turbina e unidades novas, vermelho,pneusnovos.Valor: R$ 210 mil. Tratar: (11) 9935-7917 com Delmiro – TNorte Axor 2035, branco, 2007/2008. Tratar com Silvana ou Félix (11) 97028-9782, 984363376, 11*6514 ou 7734-5921 Axor 2035, 2008, prata, completo e em bom estado de conservação. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656. Axor 2044, 2008, prata, completo, com motor e câmbio revisados. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656. Mercedes Axor 2040, ano 2009, vermelho e em ótimo estado. Tudo original. Preço a combinar. Tratar com Brandão (Transauto) (11) 99141-7572 e 4109-2280 Volvo FH 6x2, Globetrotter, 2012/2012, branco, completo e em perfeito estado de conservação. Pronta entrega. Valor: R$ 340 mil. Aceito caminhonete em troca. Tratar com Peterson, da Transzero (11) 98124-1450 Mercedes-Benz Axor 2035, 2008. Tratar com Valter (Transzero) (11) 99999-3024 Mercedes-Benz 2035 4x2, 2007, prata. Preço: R$ 120 mil. Tratar com Vanderlei (11) 98192-0069 e (75) 9823-6842 Scania G 420, ano modelo 2011, com 383 mil quilômetros rodados, banco e cama em couro e faróis xênon original de fábrica.

NOTA DE FALECIMENTO Daniel Garcia Carvalho, cegonheiro da TNorte, faleceu no dia 16 de março, vítima de câncer. Ele deixou a esposa Edleuza, três filhos Daniel Cleuder, Fabiane e Marcos. Os familiares agradecem o apoio dos amigos.

Revista Cegonheiro

38

Preço: R$ 270 mil. Tratar com Luciano ou Vagner (11) 4335-1568, 97014-8615 e 98115-9750

Toyota Hilux SW4 3.0 SRV 4X4 16V Turbo Intercooler Dieses 4P Automático – Preto Km – 120.000. Tratar Wagner ID: 960*7864 / 7769-3096 Fiat Strada Working CD 1.4 flex, 2010, completa. Tratar com Erivaldo (11) 98688-5488 Moto ano 97. Tratar com Itamar – TG (11) 9222-5234 e ID 9*67333 Caminhoneta 82 cabine dupla, original, turbinada, hidráulica, raridade. Tratar com Daniel-TNorte Curitiba - BZ (15) 3278-1214 Pajero, ano 98, prata, motor novo, a gasolina. Tratar com Itamar – TG (11) 9222-5234 e ID 9*67333 Citroen ZX furion, 1995, completo,1.8. Tratar com Geraldo – Sindicato (11) 98764955 e 4357-9255 Voyage confortline1.6,flex,09/10,comp leto. Tratar com Enzo (11) 4396-1869 e 7765-2487 Uno 2009, azul metálico, duas portas, completo, flex. Tratar com Marcelo – BZ Taubaté (12) 9239-2287 e 9178-2857 Golf Black Edition 2010/2011, preto, completo. R$ 50.400,00. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656 D20, 86, turbo, vermelho perolizado, segundo dono, 160 mil quilômetros rodados, carro de garagem, com guincho na frente. R$ 32,5 mil. Tratar com Geraldo Saraiva Filho (11) 7076-0632, 4109-1279 e 4358-1313 Moto BMW GS 1200 R, 2009/2009, prata. Vendo ou aceito troca por carro ou outra moto. Tratar com Peterson (11) 98124-1450 e 916*855 Saveiro Cross 2012, cinza, completa. Preço: R$ 39 mil. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656 Moto XT 600 Tenere, 1989, com 19 mil quilômetros rodados, nas cores azul e amarela. Ótimo estado de conservação. Tratar com Júlio (Tegma) 7*30605 e (51) 9804-4632 Mitsubishi Outlander GT, 2011, completa, branca. Preço: R$ 80 mil. Tratar com Márcio Galdino (11) 7881-4656, 6348-2425 e 80*2223 Saveiro Trend 2009, prata, com cerca de 40 mil quilômetros rodados. O veículo é equipado com direção hidráulica, alarme, rodas de magnésio, trava e vidros elétricos. Preço: R$ 23 mil. Tratar com Francisco (11) 99454-9337 e 2861-0196 Moto Fazer, 2007, preta, com 11 mil quilômetros rodados. Tratar com Nelson (11) 98442-0969

ACasa em Dias Dávila (BA) com 850 metros quadrados de terreno. A casa possui quatro quartos (dois com suíte), sala, cozinha, banheiro e varanda. Tem ainda gramado na frente e várias árvores frutíferas. Vendo ou troco por um cavalo e carreta. Tratar com Angela (71) 9178-3389 e 966*8632 Vendo uma casa no Jardim Nosso Lar (próximo ao Clube da Ford). O imóvel possui dois dormitórios (sendo um deles com suíte e sacada), sala, cozinha, banheiro, lavanderia e garagem com portão automático e capacidade para quatro carros. Tratar com Eraldo ou Silvana (11) 98397-4705 e 98384-4799 Vendo ou troco chácara em Boituva por uma casa em São Bernardo do Campo

ou Santo André. A chácara fica a quatro quilômetros da cidade, possui pomar e quarto para hóspede. Tratar com Nilton (Transauto) (11) 4127-9324 e 98784-7600 Vendo ou troco apartamento no Condomínio Praia Center, a 50 metros da praia do Morro, em Guarapari (ES). Com área total de 106,54m², o imóveltem um quarto, uma suíte, sala de estar, varanda (sacada), um banheiro, um lavabo e uma cozinha e área de serviço. Todo mobiliado. Tratar com Washington (43) 9105-4141 Sítio em Boituva (SP), com área de 50 mil metros quadrados. A casa sede tem 450 metros quadrados, quatro quartos com suíte, sala, cozinha e dois banheiros. A área de lazer conta com piscina, salão de jogos, quiosque, churrasqueira, forno a lenha.e lagoa para pesca. Possui ainda casa para caseiro, pomar em formação, um cavalo, cinco cabeças de gado. Preço: R$ 580 mil. Aceito apartamento como parte do pagamento. Tratar com Lúcio (Tegma) – (11) 7732-5305 ou Ailton (11) 3536-4926 e 99701-8824 Um sobrado com três casas em São Bernardo do Campo (rua Salim Mahfoud – Terra Nova II. Tratar com Edinaldo (11) 98731-4599 e 98924-3642 Apartamento em Peruíbe a 400 metros da praia. O imóvel tem 120 metros quadrados, com três dormitórios (sendo uma suíte planejada),dois banheiros, sala com dois ambientes, cozinha americana planejada e duas vagas de garagem coberta. Preço: R$ 320 mil. Aceito proposta. Tratar com Marcos (11) 98559-5938 e 7002-4217 Apartamento com 86 metros quadrados no Jardim do Mar, em São Bernardo do Campo (de frente para a avenida Índico). O prédio tem três andares com elevador. Bem amplo, o apartamento possui dois quartos, terraço na cobertura, sala, cozinha, dois banheiros e duas vagas de garagem. Tratar com Fernando ou Márcia (31) 84363703 ou (31) 8436-3712 Alugo dois galpões com 750 metros quadrados (cada um). Os imóveis estão instalados no bairro Batistini, em São Bernardo do Campo (SP). Valor: R$ 11 mil (cada um). Tratar com Leandro Golgatto (11) 99685-9385 Vendo, alugo ou troco apartamento no Edifício Rei Salomão (avenida Castelo Branco, 8442 – em frente ao quiosque 44), na Viação, Praia Grande. O imóvel é todo mobiliado e possui dois quartos, sala, cozinha e banheiro. O prédio conta com piscina, churrasqueira, salão de festas e de jogos. Tratar com Geraldo CTV Tegma (11) 98763-8517, 98670-8877, 964266970 (TIM) e 54*134019 (Nextel) Sobrado no Demarchi com três dormitórios (sendo uma suíte com closet, sacada e hidromassagem), sala de estar, sala com lareira e sacada, sala de vídeo, sala de jantar, cozinha ampla e planejada, lavabo, dois banheiros, área de serviço fechada, jardim de inverno, corredor lateral, quintal amplo, salão de festas e garagem para dois carros. Preço: R$ 950 mil. Tratar com Rodrigo (11) 7773-3171, 968*27731 e 95343-4807 Casa mobiliada no Condomínio Terra Bonita, no bairro Demarchi. Com área de 108 metros quadrados, a casa tem três quartos, sala de estar, sala de jantar, dois banheiros, lavabo, cozinha, lavanderia e quarto de despensa. O quintal possui 20 metros quadrados – metade dessa área é coberta com vidro – e conta com deck de madeira e toldo. A garagem é coberta com vaga para dois carros. O valor anual do IPTU é de R$ 1.200 e do condomínio, R$ 400. Tratar com Alessandra ou Gilberto (11) 98105-8519, 98258-1115 e 2355-5184 Vendo terreno no bairro Demarchi, com 10 x 19,7 metros, próximo ao restaurante São Judas. Tratar: Ramos de Oliveira – (11) 97320-1551 Vendo ou alugo sobrado no bairro Demarchi. O imóvel possui quatro dormitórios (uma suíte), sala ampla, cozinha, sala de jantar e garagem para três carros. Tratar: Ramos de Oliveira – (11) 97320-1551

ANUNCIE

4346-5507

(11)

e-mail: revistacegonheiro@sindicatodoscegonheiros.com.br


Revista Cegonheiro - Edição 144  
Revista Cegonheiro - Edição 144  
Advertisement