Issuu on Google+

Revista do Grupo Embracon | Santa Catarina | Edição n o 73 | Janeiro de 2014

www.grupoembracon.com.br

REVISTA

shoppings e condomínios

O Verão Chegou!

Manutenção de Piscinas em Condomínios

Sistemas Eletrônicos de Segurança em Condomínios

Animais em Condomínios

www.grupoembracon.com.br www.grupoembracon.com.br


Canapés ao molho Parmesan Ingredientes •2 xícaras (chá) de ricota amassada •½ xícara (chá) de Molho para Salada Parmesan Kenko •1 caixa de mini torradas •Folhas de manjericão Modo de Preparo 1. Em um recipiente coloque a ricota e o Molho para Salada Parmesan Kenko. Mexa bem. 2. Acrescente sobre as torradas e decore com folhas de manjericão.

Dica Use um bico de decorar para colocar o patê sobre as torradas. Rendimento 35 torradas Tempo de Preparo 10 minutos

ompanhar todos os Para ac a, peça os molhos tipos d Kenko de sala

novos sabores! www.sakura.com.br


Índice Revista do Grupo Embracon | Santa Catarina | Edição n o 72 | Dezembro de 2013

Revista Embracon

www.grupoembracon.com.br

REVISTA

Shoppings e Condomínios

Desejamos a toda sua Familia um

6

5

Planejamento Orçamentário Todo condomínio deve ter uma previsão orçamentária de quanto pretende gastar no ano.

www.grupoembracon.com.br www.grupoembracon.com.br

Revista n° 72 - Dezembro

10

12

Confira as edições anteriores no LINK abaixo ou pelo código QR: http://embracon.wordpress.com

Conteúdo na medida certa para seu condomínio.

5 6 7 10

Condomínios

Cuidado com as instalações elétricas

Condomínios Animais em condomínios a eterna briga

Condomínios Jardins são áreas importantes para o convívio Segurança Sistemas Eletrônicos de Segurança em condomínios

12 13 16 22

Feira do Eletro Angeloni A feira é referência no segmento eletrônico Decoração

Entre no Clima do Verão

Saúde

Confira 8 mitos e verdades sobre a atividade física Classificados

Produtos e Serviçõs

Grupo Embracon Rua Charles Ferrari, nº 548 - Kobrasol - São José - Santa Catarina - Fone: (48) 3035-4000 I marketing@grupoembracon.com. br I REDATOR / EDITOR Simone Pereira I REVISÃO Simone Pereira, Fabiano Penafort e José Filipe Neis I APROVAÇÃO/TEXTO Simone Pereira e Fabiano Penafort I Projeto Gráfico e Diagramação: Alexandre Luz I DISTRIBUIÇÃO Dirigida I TIRAGEM 10.000 exemplares I IMPRESSÃO Smart Gráfica I Comercialização: Jef Editora Comunicação e Marketing Contato: (48) 3338 4482 - 9979 1340

3


Editorial

Sejam Bem Vindos a 2014 Mais um ano se inicia, o Grupo Embracon deseja a todos os nossos leitores que tenham um ótimo 2014 . Nesta primeira edição a matéria de capa traz o verão e a preocupação com a manutenção das piscinas. Falando em condomínios confira a matéria sobre os cuidados que devemos ter com as instalações elétricas além de trazer dicas sobre jardinagem em condomínios. Empresas fiquem atentas a contribuição patronal. A promoção Fala Leitor voltou diferente, continue mandando sua sugestão, crítica, opinião e para concorrer diga qual matéria você mais gostou da edição anterior e por quê? Boa sorte!!!

4

Revista Embracon


Condomínios

Revista Embracon

Cuidado com as

instalações elétricas A falta de manutenção, nas instalações mais antigas, ocasiona sobrecargas, curtos-circuitos,

choques e até perda do patrimônio. Mas, em se tratando de condomínios, de nada adianta cada apartamento verificar o seu quadro de luz, fiação e equipamentos, se as instalações do prédio não estão em ordem. 

F

azer uma manutenção preventiva, uma vez por ano, é questão de segurança e não apenas de economia. Faça primeiro um histórico das contas de energia do condomínio, para verificar se o consumo vem aumentando (o que pode ser indício de problemas). Num circuito antigo sobrecarregado, por exemplo, o revestimento dos fios fica ressecado, podendo causar fuga de corrente ou até um curto-circuito. Confie a revisão das instalações sempre a um eletricista habilitado, o qual não deve esquecer de verificar se as emendas de fios, em pontos de luz nos jardins e escadas, estão bem isoladas. Independente de uma manutenção periódica, realizada por um eletricista profissional, o zelador do condomínio deve estar preparado para realizar uma vistoria no prédio, diariamente, verificando todos os componentes do sistema elétrico (chaves, disjuntores, caixas).

Elevadores e sistemas de ar condicionado (especialmente em condomínios comerciais) são os itens que mais consomem energia nos edifícios. Em relação aos elevadores, o uso racional ajuda na economia. Por exemplo: não forçar o fechamento das portas e apertar a botoeira apenas para subir ou descer. Campanhas educativas entre os moradores - principalmente adolescentes e crianças - costumam ajudar na conscientização. Prédios que contam com sistemas de ar condicionado central devem orientar os condôminos a usar bem o ar frio que está sendo gerado, mantendo as janelas do ambiente bem fechadas. A limpeza dos dutos do sistema também auxilia na economia de energia, além de garantir a qualidade do ar. A melhor maneira de evitar problemas é procedendo a uma cuidadosa manutenção preventiva. Fonte: Informações Condworks

5


Revista Embracon

Animais em condomínios

A eterna Briga S

e o cachorro é o melhor amigo do homem, é também uma das maiores dores de cabeça da vida em condomínio. Afinal, lidar com as particularidades de animais e donos não é tarefa das mais fáceis. As regras para a presença de animais de estimação nos condomínios devem ser estabelecidas nas Convenções e nos Regimentos Internos. Se tudo que é permitido estiver bem claro é possível evitar desgaste e conflitos entre os condôminos. A lei não proíbe o condômino de criar animais no apartamento, porém o sossego e tranquilidade dos demais deve ser preservada. Questões como o latido excessivo o trânsito pelos elevadores e áreas de lazer devem ser regulamentadas para evitar possíveis problemas no dia a dia do condomínio. VIVER EM CONDOMÍNIO É RESPEITAR A INDIVIDUALIDADE DO VIZINHO.

A Unicred é uma instituição financeira cooperativa que visa, acima de tudo, incentivar o crescimento pessoal e profissional de seus cooperados. Quando associado à Unicred, mais de que um cliente, você é um dos donos da cooperativa. Seja você também cooperado Unicred.

6 - Revista Embracon 6


Condomínios

Revista Embracon

O jardim Os jardins do condomínio são áreas importantes para o convívio dos condôminos e para a valorização do patrimônio.

A

falta de uma manutenção adequada pode, por exemplo, comprometer toda a estrutura, o solo e as plantas do jardim. E ter que refazer um jardim inteiro não é algo barato.  Confira algumas dicas de como realizar a manutenção do jardim do seu condomínio. O responsável pelo jardim deve estar sempre atento às plantas daninhas. Elas podem ser retiradas de maneira

mecânica, com a mão ou com uma pequena enxada mesmo. A terra precisa ser adubada de três a quatro vezes por ano. Cada planta exige um tipo de adubação, por isso, procure orientações com profissionais para não errar o tipo de adubo e a quantidade.  Uma vez por mês é importante que um profissional especializado aplique venenos específicos nos jardins

para combater fungos e pragas. Se feito de maneira errada, esse processo pode causar a morte das plantas e até colocar em risco a saúde de quem fez o trabalho e dos moradores. O processo da poda também exige cuidados e algum conhecimento técnico, já que ele pode levar a planta à morte. O ideal é que sejam podados por um jardineiro.

• Não acrescente uma nova planta ao jardim do condomínio aleatoriamente. Lembre-se que as plantas não crescem só para cima, mas também para baixo. O tamanho e o tipo da raiz podem trazer problemas sérios à estrutura. • Independente da estação do ano, a manutenção nos jardins em condomínios de pequeno a médio porte deve ser feita uma vez por mês, mais especificamente nos períodos de estiagem ou seca quando a irrigação é um procedimento importante a ser realizado periodicamente.

• Tratamentos contra pragas e doenças merecem atenção especial porque podem comprometer qualquer jardim. • As podas devem ser feitas sempre quando a espécie estiver com folhas e galhos grandes, ou quando essa apresentar galhos secos ou doentes. • O inverno é a estação climática do ano que mais afeta as plantas, por isso é importante que o gramado seja coberto com substrato ou terra mista peneirada para manter a umidade e fortalecer o sistema radicular, além de realizar as podas de limpeza.

• É no outono que deve ser feita à limpeza de canteiros e a adubação química específica; primavera e verão são as épocas para poda da grama, novas adubações químicas peculiares a cada espécie e correção do pH do solo caso haja necessário. • Prestar atenção na primavera e no verão, quando as doenças e pragas surgem devido ao clima mais quente e início das chuvas. • Sempre é necessária a renovação da quantidade de matéria orgânica do solo, bem como a correção de possíveis irregularidades. Fonte: SíndicoNet

7


Leis

Revista Embracon

Lei da Empregada Doméstica Quais as verbas rescisórias devidas ao empregado dispensado sem justa causa?

Quais as verbas rescisórias devidas ao empregado que pediu demissão?

Aviso prévio (que será indenizado, quando o empregador deixar de comunicar ao empregado a sua decisão, com antecedência mínima de 30 dias, ou seja, a falta do aviso prévio por parte do empregador dá ao empregado o direito de salário correspondente ao respectivo prazo). A contagem do prazo do aviso prévio se inicia no dia imediatamente posterior ao da comunicação. Saldo de salário. 13° salário proporcional. 13° salário indenizado, quando o aviso for indenizado. Férias vencidas, para o empregado com mais de um ano que não gozou respectivas férias. Férias proporcionais. Adicional de 1/3 constitucional de férias.

Aviso prévio (que será indenizado, quando o empregador deixar de comunicar ao empregado a sua decisão, com antecedência mínima de 30 dias, ou seja, a falta do aviso prévio por parte do empregador dá ao empregado o direito de salário correspondente ao respectivo prazo). A contagem do prazo do aviso prévio se inicia no dia imediatamente posterior ao da comunicação. Saldo de salário. 13° salário proporcional. 13° salário indenizado, quando o aviso for indenizado. Férias vencidas, para o empregado com mais de um ano que não gozou respectivas férias. Férias proporcionais. Adicional de 1/3 constitucional de férias.

Quais são os prazos de pagamento da rescisão?

O empregado doméstico tem direito ao seguro-desemprego?

Até o primeiro dia útil imediato ao término do contrato ou aviso (se não coincidir com dia útil, deverá ser antecipado); até o décimo dia, contado da data da notificação da demissão, quando da ausência do aviso-prévio, indenização do mesmo ou dispensa do cumprimento (se não coincidir com dia útil, deverá ser antecipado).

Somente se o patrão optou recolher o FGTS do empregado e tiver um período mínimo de 15 meses nos últimos 24 meses contados da dispensa sem justa causa, que não está em gozo de qualquer benefício previdenciário de prestação continuada, excetuados auxílio-acidente e pensão por morte, e, ainda, que não possui renda própria de qualquer natureza.

Qual o prazo e os documentos necessários para a habilitação junto ao seguro-desemprego?

Para se habilitar ao benefício do seguro-desemprego, o empregado deverá se apresentar às unidades descentralizadas do Ministério do Trabalho e Emprego ou aos órgãos autorizados, do 7º ao 90º dia subsequente à data de sua dispensa, portando os seguintes documentos: Carteira de Trabalho, na qual deverá constar a anotação do

contrato de trabalho doméstico e a data de dispensa, comprovando a duração do vínculo empregatício, durante, pelo menos, 15 meses nos últimos 24 meses; Termo de Rescisão, atestando a dispensa sem justa causa; Documento comprobatório de recolhimento das contribuições previdenciárias e do FGTS referente ao vínculo empregatício, como doméstico.

www.domesticalegal.com.br

8


Revista Embracon

1

2

3

PROCURAÇÃO

VALIDADE

DANOS

01 - Quem pode dar e receber procuração?

Pelo simples decurso do tempo a procuração perde a validade?

Para dar procuração, ou seja, para ser outorgante (mandante) num contrato de mandato, basta ter capacidade civil (cf. arts. 3° a 5° do novo Código Civil), como diz o art. 654, caput, do novo Código Civil: “Todas as pessoas capazes são aptas para dar procuração mediante instrumento particular, que valerá desde que tenha a assinatura do outorgante”. Da mesma forma, para receber procuração, isto é, para ser o outorgado (mandatário), a pessoa deve ter a capacidade civil, com uma exceção, que é a possibilidade do maior de dezesseis e menor de dezoito anos não emancipado ser procurador, como estabelece o art. 666 do novo Código Civil.

A procuração é o instrumento do contrato de mandato. Somente se a procuração tiver sido conferida com prazo certo é que seu decurso fará cessar o mandato. Neste particular, o novo Código Civil relaciona no art. 682 as várias hipóteses de término do mandato, dentre as quais está a pelo decurso de prazo (inciso IV): “Art. 682. Cessa o mandato: I - pela revogação ou pela renúncia; II - pela morte ou interdição de uma das partes; III - pela mudança de estado que inabilite o mandante a conferir os poderes, ou o mandatário para os exercer; IV - pelo término do prazo ou pela conclusão do negócio”.

Quem responde pela queda de objetos dos apartamentos, causando danos a terceiros? Nos termos do art. 938 do novo Código Civil, “aquele que habitar prédio, ou parte dele, responde pelo dano proveniente das coisas que dele caírem ou forem lançadas em lugar indevido”. Assim, se for possível a identificação, será do condômino causador da queda a responsabilidade civil daí oriunda. Caso contrário, não sendo possível a identificação do agente causador da queda, a responsabilidade civil será do condomínio.

9


Segurança

Revista Embracon

Sistemas Eletrônicos de Segurança em Condomínios O sistema de segurança ideal é aquele que promove a interação do homem com os equipamentos eletrônicos, a fim de que a coligação entre ambos possa promover um nível de proteção satisfatória. Atualmente no mercado, existem os mais variados números e tipos de equipamentos eletrônicos de segurança à disposição dos usuários, portanto, deve-se adquirir aqueles que mais se adaptem às necessidades do condomínio. Destacaremos, a seguir, os sistemas e equipamentos eletrônicos de segurança mais utilizados em condomínios:

Sistemas de alarmes

- São equipamentos eletrônicos com avisos sonoros ou não, que servem para alertar sobre situações incomuns em residências ou condomínios, tais como violação de procedimentos e locais, proteção contra roubos, furtos, incêndios, etc. - Esses sistemas se destacam com as seguintes características: alarme de intrusão; sensores de porta e janela, botões de pânico, infravermelho passivo e ativo, etc.

Cercas eletrificadas

- É um sistema que está sendo bem aceito em condomínios, pois inibe possíveis tentativas de intrusão pela ostensividade e

pelo receio das descargas elétricas. Deve-se ter cuidado com os instaladores, pois precisa se ter muito cuidado.

CFTV - Circuito Fechado de Televisão

- Através de câmeras com ou sem fio, instaladas em pontos estratégicos da residência ou do condomínio, cujas imagens devem ser gravadas, é possível ter uma visualização de todo o ambiente.

Controle de Acesso Informatizado

- O Sistema de Controle de Acesso tem como

objetivo principal efetuar o controle eletrônico do movimento de pessoas - funcionários e visitantes - dentro de áreas estratégicas dos condomínios. É bastante utilizado em condomínios comerciais.

Sistemas de Segurança Monitorados

- Sistemas monitorados oferecem serviço 24 horas, servem para reduzir riscos de intrusão, incêndios e, combinando vários sistemas, pode se chegar ao controle completo do ambiente, inclusive a segurança de informação. Fonte: Cartilha Secovi São Paulo

O Grupo Embracon trabalha com esses sistemas de segurança. Para maiores informações e orçamentos entre em contato (48) 3035-4000 R:268

PALAVRA DE GUAREZINHO!

• Cheque Pré-datado • Pagamento nos Cartões

10

Forquilhinhas: 3381 4700 · Forquilhas: 3357 0006 · Jd. Eldorado: 3242 2271


Empresarial

Revista Embracon

Contribuição Patronal

Nesse mês de Janeiro você receberá a guia de Contribuição sindical Patronal, entenda um pouco mais sobre esta contribuição:

O que é?

A Contribuição Sindical Patronal é devida por todos aqueles que participarem de uma determinada categoria econômica ou profissional, ou de uma profissão liberal, em favor do Sindicato representativo da mesma categoria ou profissão, ou, inexistindo este, na conformidade do disposto no artigo 591 da CLT. A Contribuição está prevista no art. 149 da Constituição Federal de 1988, devendo ser recolhida no mês de Janeiro de cada ano aos respectivos sindicatos da classe.

Qual é o valor da Contribuição?

O valor será em importância proporcional ao capital social, da firma ou empresa, registrado nas respectivas Juntas Comerciais ou órgãos equivalentes, mediante a aplicação de alíquotas, conforme a tabela divulgada pelo sindicato da categoria profissional a que a empresa pertence.

Para quem se destina a arrecadação?

Pelo artigo 8º da Constituição Federal ninguém está obrigado a filiar-se ou a manter-se filiado a sindicato. No entanto, o fato de não se filiar a sindicato, não isenta os profissionais ou as empresas de recolherem contribuições decorrentes de lei e de natureza tributária, como é o caso da contribuição sindical. “Art. 589 - da importância da arrecadação da contribuição sindical serão feitos os seguintes créditos pela Caixa Econômica Federal, na forma das instruções que forem expedidas pelo Ministério do Trabalho: I - 5% (cinco por cento) para a Confederação correspondente; II - 15% (quinze por cento) para a Federação; III - 60% (sessenta por cento) para o Sindicato respectivo; IV - 20% (vinte por cento) para a “Conta Especial Emprego e Salário“ (Seguro Desemprego e Abono Salarial).

Qual a penalidade pela falta de pagamento da contribuição?

Às entidades sindicais cabe, em caso de falta de pagamento da contribuição sindical, promover a respectiva cobrança judicial, mediante ação executiva, valendo como título de dívida a certidão expedida pelas autoridades regionais do Ministério do Trabalho (Artigo 606 da CLT). A multa administrativa, em caso de fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego, é variável, de no mínimo R$ 8,05 e de no máximo R$ 8.050,65. A gradação da multa atenderá à natureza da infração e às condições sociais e econômicas do infrator.

Fonte: MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) CLT Consolidação das Leis do Trabalho

11


Revista Embracon

Feira do Eletro Angeloni A feira é referência no segmento eletrônico e trouxe todas as novidades e lançamentos da linha branca que são geladeiras, fogões e lavadoras, linha marrom que engloba aparelhos de TV, som e eletroeletrônicos e tecnologia. Neste ano estiveram presentes 33 expositores.

O

espaço foi montado no estacionamento subsolo do Supermercado Angeloni no bairro de Capoeiras em Florianópolis. Para garantir o conforto dos clientes visitantes e deixar o espaço ainda mais agradável foi feita climatização com mais de 900.000 btu´s de capacidade e forração com iluminação embutida. As mais consagradas marcas do país, como LG, Samsung, Electrolux, Sony, Panasonic, Fischer, Whirpool, entre outros, apresentaram uma verdadeira explosão de novas tecnologias e novidades do setor, mostrando a tecnologia atual e o design contemporâneo dos aparelhos. Entre as novidades deste ano estiveram disponíveis na feira o Galaxy Note 3 nas cores branca e preta e como acessório para ele, o relógio inteligente Galaxy Gear em cinco cores com câmera 1.9MP 1.6″ touchscreen e Bluetooth.

O evento teve entrada gratuita ao público e repetiu o sucesso de anos anteriores com o posto “Troca-Troca”, um estande instalado na feira para onde o cliente poderá trazer o seu eletroportátil usado que renderá bônus na compra de um novo. Todos os produtos recolhidos no “Troca-Troca” foram doados para instituições cadastradas pela Ação Social Angeloni. Pelo terceiro ano consecutivo o Grupo Embracon realiza a segurança do evento com profissionais treinados e capacitados para assegurar todos os visitantes e expositores. Estamos aptos de maneira proativos, com profissionais especializados a garantir a segurança de seu condomínio, empresa e eventos. Vigilante do Grupo Embracon em Serviço

12


Decoração

Entre no

Clima

Revista Embracon

do Verão

Da mesma forma que atualizamos o guarda-roupa para receber, de forma fresca e descontraída os meses mais quentes do ano, também devemos fazer o mesmo com as nossas casas, para uma decoração interior que é uma reflexão da beleza exterior. - Inspire-se em cores como o branco, cru, creme, bege, azul, rosa, amarelo, verde e vermelho para animar a casa de uma ponta à outra, afinal de contas, é Verão! - Substitua as cortinas mais pesadas por modelos airosos e transparentes ou semitransparentes ou então esqueça as cortinas por completo! - Use e abuse dos objetos decorativos e funcionais em verga, ráfia, sisal, bambu e corda para um look descontraído e Verão total! - Abra portas e janelas para permitir a comunhão do interior e do exterior e, se for necessário alterar a disposição

do mobiliário para aproveitar ainda mais as vistas, faça-o. - Verão é sinónimo de andar descalço, por isso, aproveite para lavar ou mandar lavar os tapetes e carpetes da casa e deixe o chão a nu, um truque de decoração instantâneo. - Aproveite a fruta da época para criar centros de mesa apelativos ao paladar e aos olhos! Por exemplo, uma taça azul com limões ou um prato branco com pêssegos torna-se um apontamento de destaque em qualquer cozinha ou sala de jantar. - Aproveite as flores da estação para criar arranjos simples e informais.

- Está na altura de renovar as fotografias, substituindo-as por imagens tiradas em outros Verões, nas férias e viagens passadas. Porque não exibir também postais de locais que já teve o privilégio de visitar ou então de destinos de sonho? - Se tiver a sorte de ter uma piscina em casa, tire partido desse espaço único e decore-o com mobiliário de exterior convidativo, velas, uma iluminação noturna original e convide os amigos para um delicioso churrasco. - Rejuvenesça a sala de estar com coberturas de sofá em branco, com motivos florais ou riscas coloridas. Fonte: Eu decoro

Pisos Vinílicos & Laminados Persianas Gesso Acartonado (Drywall) Divisórias Carpetes Forros Grama Sintética Pisos & Formas Revestimentos Rua Prefeito Dib Cherem, 3256, 88090-001 - Capoeiras - Florianópolis/SC Telefone: (48) 3244-1452 // 3304-1452 – E-mail: Contato@pisoseformas.com.br

13


Capa

O Ver達o chegou!

14

Revista Embracon


Revista Embracon

L

embramos que a troca de areia é muito importante para que seja realizado uma boa filtração é indicado efetuar a troca de Areia até no máximo a cada dois anos, verificar como estão os motores e as bombas, também é válido... Um fator muito importante é a o ajuste do Ph e a Alcalinidade, são fatores determinantes para um bom tratamento da piscina, Quando o Ph se apresenta abaixo de 7, a água está ácida igual a 7 está neutra, e alcalina ou básica quando superior a 7. O ph para piscina deve estar entre 7,2 e 7,6 levemente alcalina. Abaixo ou acima desses níveis, pode provocar reações aos usuários (erupções da pele com prurido, ardor dos olhos, ressecamento dos cabelos e da pele) manchas ou reações no acabamento da piscina, além de influenciar na eficiência dos produtos químicos utilizados,isso inclui também uma economia de produtos , a alcalinidade total é soma (em ppm)

das concentrações dos diversos sais alcalinos (bicarbonatos, carbonatos e hidróxidos) presentes na água, que reagem com ácidos, neutralizando-os, e dessa forma, impedem que o Ph baixe. A alcalinidade total da água recomendada depende do tipo de produto usado na desinfecção da água; situa-se entre 80 e 120 ppm. As substâncias que reduzem o pH diminuem a alcalinidade da água. Se a Alcalinidade de sua piscina estiver abaixo de 80 ppm utiliza –se bicarbonato para elevá-lo, já se ele estiver acima de 120ppm só deixar a piscina filtrar, e se estiver muito alta adicionar redutor. Esses são alguns fatores importantes para que sua piscina esteja bem tratada, proporcionando conforto aos banhistas, lembrando-se do grande movimento que temos nesta época do Ano. “Cuide bem de sua Piscina, ela faz parte de seu momento de distração e prazer”.

Fonte: RTS Piscinas - Contato: (48) 3369-8937 / 9993-8597 rtcpiscinas@hotmail.com www.rtspiscinas.com.br 15


Saúde

Revista Embracon

Confira 8 mitos e verdades sobre a atividade física 1 – A prática de pilates aumenta a massa muscular e a flexibilidade? VERDADE. O aluno conseguirá definir a musculatura, sem aumentar muito o seu volume. O foco do pilates não é hipertrofia. A consciência corporal adquirida, somada a um trabalho da estrutura musculoesquelética, permite a execução dos exercícios com eficiência e segurança. 2 – Correr com agasalho ajuda a emagrecer ? MITO. Nunca se agasalhe demais ou enrole plásticos no corpo para se exercitar. A perda de peso ocorrerá devido à desidratação. O volume é reposto imediatamente após o exercício. Roupas ideais permitem a regulação da temperatura corporal, necessária para um bom funcionamento das reações fisiológicas que ocorrem durante o treino. 3 – Após a atividade física, você deve sentir dor para que o exercício surta efeito? MITO. Não é preciso que você sinta dor muscular para ter bons resultados. Porém, se você está parado (a) há muito tempo, ao iniciar um programa de exercícios, provavelmente sentirá dor muscular devido ao estímulo dado ao músculo que não está acostumado com determinado exercício. 4 – O treinamento funcional promove hipertrofia muscular? MITO. O treinamento funcional apenas gera ao iniciante um ganho de força expressivo e ligeira hipertrofia, acompanhados de um condicionamento físico excelente. Mas isso ocorre com qualquer pessoa que começa a se exercitar. 5 – Cãibra indica desidratação? VERDADE. A deficiência de potássio pode ser um diagnóstico preco-

ce demais, pois as contrações estão mais ligadas a baixos níveis de magnésio e sódio. Além de hidratação insuficiente, falta de alongamento e excesso de esforço também são possíveis causas. Se encher de banana não é a solução para nunca mais ter cãibra. Ao sentir a dor, é melhor parar, beber água, alongar a região afetada e esperar a dor passar. 6 – Para aumentar a massa muscular, é necessário repouso? VERDADE. O aumento da massa muscular não ocorre durante o exercício, mas no período de repouso. É preciso pelo menos 12 horas de descanso para o músculo recuperar o estoque de energia gasto durante o exercício e se refazer dos micro traumas ou lesões provocados pelo esforço. É esse processo que cria volume e definição muscular. 7 – Exercício localizado auxilia na redução de medidas? MITO. O que faz reduzir as circunferências em excesso é uma boa dieta. Atividade aeróbica também ajuda, porque aumenta o gasto calórico. No treino aeróbio, a pessoa estimula a perda de gordura no corpo todo, não apenas no abdômen. E os exercícios localizados não fazem com que a perda de gordura ocorra em uma região específica. 8 – Quanto maior a passada, melhor a corrida? MITO. A amplitude da passada varia de acordo com o perfil e o tipo físico de cada corredor. Se suas pernas são curtas, por exemplo, a passada longa vai exigir um esforço excessivo. Nesse caso, o ideal é dar passadas mais curtas, em maior número. Assim, você economiza esforço e o exercício rende mais. Mesmo para quem tem pernas compridas, passadas abertas demais podem resultar em um gasto maior de energia e maior perigo de lesão por causa do impacto com o solo. Conheça seu corpo, seus limites e teste diferentes tamanhos de passada até encontrar o ritmo mais confortável.

Filipe Barbosa – Personal Trainner (48) 9964-4165

16


Sustentabilidade

Revista Embracon

Crescendo com a Sustentabilidade

A

s gerações futuras devem ser educadas sobre como colaborar com a construção de um mundo mais sustentável desde agora, para que se tornem criticamente competentes e capazes de tomar decisões positivas do ponto de vista individual e coletivo. Por isso as crianças devem viver a era da sustentabilidade e cabe aos pais e educadores ensinar-lhes desde pequeninos. Confira aqui dicas sobre como ajudar seus filhos a cultivarem uma visão mais ecológica e sustentável do mundo e suas relações: Árvores - Uma forma de aproximar a criança à natureza é conversar sobre o que são as árvores, sua importância simbólica e prática, seus ciclos e ensiná-la a plantar uma. Aproveite para fazê-lo da forma mais descontraída possível. Acompanharem juntos o crescimento dela pode ser uma experiência das mais especiais. Interruptores de luz com desenho de super-herói – Uma das melhores maneiras de se conservar energia em casa é desligando as luzes que não estejam sendo usada, aquela lâmpada ligada onde não há ninguém a ser iluminado. E isso serve para todos os cômodos da casa, desde salas, quartos até banheiros e áreas de serviço. O ato de apagar a luzes é mais fácil para o adulto lembrar, mas para as crianças isso é parecido com memorizar a tabela periódica dos elementos ou a tabuada. Por isso, que tal um interruptor com o desenho do super-herói ou personagem favorito das crianças, para incentivá-las a apagar a luz. Aproveite para dizer que o Batman, por exemplo, está de olho para que apaguem as luzes. Transforme o tempo de banho em uma corrida - Se você conseguir encurtar o tempo de banho em sua casa por apenas um ou dois minutos, você vai economizar até 150 litros de água por mês. Para ajudar a acelerar o tempo de banho da criançada, aproveite para cronome-

trar o tempo deles no chuveiro e ofereça recompensas pequenas caso ele consiga bater o tempo estipulado ou se fizer um tempo melhor do que o último banho. Só que na regra da brincadeira precisa ficar claro que não vale pular a parte da higiene pessoal por causa de um prêmio. Se por acaso seu filho gostar de assistir ou praticar esportes que envolvem corrida, aproxime essa paixão ao cotidiano. Brigada dos carregadores – Se suas crianças possuem seus próprios celulares ou quaisquer outros aparelhos, provavelmente elas também possuem um monte de carregadores. Mesmo quando não estão conectados a algum desses aparelhos, os carregadores continuam a consumir eletricidade, por isso é melhor desconectá-los quando não estiverem em uso. Se por acaso encontrar dificuldades na prática dessa regra, a associação descontraída da suspensão de alguma regalia por curto período de tempo associada a cada carregador encontrado plugado na tomada pode ser uma alternativa legal. E isso pode servir também para vídeo-games, TVs, aparelhos de som, etc. Coloque as crianças no comando da reciclagem - Para mudança dos hábitos dos seus filhos, em qualquer assunto, que tal colocá-los no comando das ações? Atribua à molecada o controle da reciclagem, pois assim entenderão sua importância e darão mais valor à separação do lixo doméstico. Reaproveitando a água da chuva - Mostre as crianças que a água da chuva pode ser reaproveitada. Basta a criança colocar um balde fora da casa com uma pedra dentro, para não tombar, e esperar a chuva. Quando parar é só pegar esse balde e usar essa água para molhar as plantas que estão dentro de casa ou mesmo nos sanitários. Isso fica mais fácil de ser feito se você morar em uma casa, mas se morar em apartamento basta descer no térreo. Fonte: Blog Vida Organizada

17


Turismo

Praias

Revista Embracon

Praia do Caldeirão

Onde fica? Sul da Ilha, a 21 km do Centro de Florianópolis, com acesso pela Via Expressa Sul, SC405 e SC-406. A entrada é logo após o Morro das Pedras. Protegida por dunas e vegetação de restinga preservada, oferece um ambiente tranquilo para quem deseja sossego. O mar aberto de águas geladas é bem agitado, portanto, exige muita atenção ao banhar-se. A prática da pesca é comum no local, a partir das rochas do Morro das Pedras.

Praia do Saquinho

Onde fica? Sul da Ilha, a 32 km do Centro de Florianópolis, acessível pela Via Expressa Sul, SC-405 e SC-406, até o final da Praia da Solidão, de onde parte uma trilha. É acessível a partir de uma trilha pavimentada de concreto, de aproximadamente 1 km, com início na Praia da Solidão (ou Rio das Pacas). Outro caminho possível é a partir da Praia de Naufragados, no extremo sul da Ilha, mas essa via é bem mais longa (8km), demorada e difícil de ser percorrida, com trilha parcialmente coberta por vegetação, uma vez que é pouco utilizada.

Caiacangaçu

Onde fica? Sul da Ilha, acesso pela Via Expressa Sul e SC-405, em direção ao Ribeirão da Ilha, com entrada no km 12,5 da Rodovia Baldicero Filomeno. A Ponta do Caiacangaçu tem acesso no km 12 da Rodovia Baldicero Filomeno, pouco mais de 6 km depois da igreja do Ribeirão da Ilha. Integra um sítio arqueológico, patrimônio nacional e reserva da cultura dos índios carijó.

Praia das Palmeiras

Onde fica? Continente, a 5km do Centro, acessível a

partir da Rua Desembargador Pedro Silva, ao final da Praia de Itaguaçu, no bairro Coqueiros. Separada da Praia de Itaguaçu por uma pequena ponta de pedras, a Praia das Palmeiras tem forma de uma curva acentuada, voltada para a Baía Sul, com águas calmas e límpidas. 18

Fonte: Vivendo Floripa


Gastronomia

Revista Embracon

Gelado de Chocolate INGREDIENTES 1 lata de leite condensado 1 caixinha de creme de leite 3 colheres (sopa) de licor de laranja (ou raspas da casca de 1 laranja) 1 colher (sopa) de margarina 3 colheres (sopa) de chocolate em pó 1 colher (sopa) de farinha de trigo 1 caixa de biscoito de waffer picado (recheado e coberto com chocolate) (140 g) 1 1/2 litro de sorvete de creme

MODO DE PEREPARO 1 - Numa panela coloque 1 lata de leite condensado, 1 caixinha de creme de leite, 3 colheres (sopa) de licor de laranja (ou raspas da casca de 1 laranja), 1 colher (sopa) de margarina, 3 colheres (sopa) de chocolate em pó e 1 colher (sopa) de farinha de trigo, misture e leve ao fogo médio, mexendo sempre, até ferver. Abaixe o fogo e deixe fervendo por mais 6 minutos, mexendo sempre. 2 - Transfira o creme de chocolate para uma tigela untada com manteiga e deixe esfriar. Depois de frio adicione 1 caixa de biscoito de waffer picado (recheado e coberto com chocolate) e misture bem. 3 - Em taças coloque uma camada de sorvete de creme, uma camada de creme de chocolate (feito acima) e uma camada do sorvete de creme. Com as costas de uma colher alise bem o sorvete e leve as taças ao congelador por +/- 1 hora. Na hora de servir, retire as taças do freezer 30 antes e sirva com calda de morango.

Calda de morango INGREDIENTES 1 caixa de morangos 3 colheres (sopa) de açúcar MODO DE PREPARO 1 - Num liquidificador coloque 1 caixa de morangos e 3 colheres (sopa) de açúcar e bata até formar uma mistura homogênea. Fonte: Receitas Ana Maria Braga

19


Tecnologia

Revista Embracon

Banda Larga Velocidade da Internet cresceu 31% em um ano

A

velocidade da conexão à internet em banda larga fixa no Brasil cresceu 31% de setembro do ano passado a setembro deste ano. Hoje, a velocidade média da banda larga  fixa no País é de 8,9 Mbps, segundo dados da consultoria NetIndex. Se considerarmos os últimos três anos, a velocidade mais do que dobrou, subindo de 4,4 Mbps para 8,9 Mbps. De acordo com a Telebrasil, essa evolução é resultado da melhoria nos três eixos que têm forte influência na velocidade da rede como um todo: em primeiro lugar, as operadoras oferecem cada vez mais banda pelo mesmo valor a seus clientes;

em segundo, cresceram os investimentos em infraestrutura, que no primeiro semestre deste ano somaram R$ 11,2 bilhões; e, finalmente, os dispositivos dos usuários estão mais velozes, com sistemas operacionais de melhor desempenho. A velocidade da banda larga fixa também tem sido comprovada pela Anatel nas medições mensais divulgadas pelo órgão regulador. De acordo com os dados de setembro, as prestadoras estão entregando ao cliente uma velocidade média da banda larga fixa que varia entre 80% e 103% do que foi contratado.

Fonte: Exame Tecnologia

20


Revista Embracon

Vibe - Steyoyoke In Brazil Inédito no Brasil, chega em Florianópolis, polo da música eletrônica no Brasil, a turnê de Berlim/Alemanha da gravadora Steyoyoke. Data: 07/01/2014 Hora: 20:00h Local: Confraria Valor: A partir de R$15,00

David Guetta O DJ das multidões, que mais atrai público no mundo, David Guetta, volta a Floripa para mais uma noite inesquecível no Devassa on Stage Data: 05/01/2014 Hora: 21:00h Local: Devassa on Stage Valor: A partir de R$100,00

Planeta Atlântida 2014 Data: 17 e 18/01/2014 Hora: 18:00h Local: SAPIENS PARQUE Valor: A partir de R$170,00 Algumas atrações: DONAVON FRANKENREITER SÓ PRA CONTRARIAR P9 JOTA QUEST LULU SANTOS

ARMANDINHO IVETE SANGALO RAIMUNDOS CONECREW GABRIEL O PENSADOR

Creamfields 2014 Atrações: Steve Aoki Jamie Jones R3HAB Hernan Cattaneo Thomas Gold Life is a Loop Mathias Tanzmann Infinity Ink

Tone Of ARC Renato Ratier HNQO & Fabo Rodrigo Ferrari Michael Saad Data: 25/01/2014 Hora: 18:00h Local: Jurerê Music Park Valor: A partir de R$90,00

21


Empresarial

Revista Embracon

Data base das categorias de Asseio e Vigilância O mês base para o reajuste da categoria da Asseio é no mês de janeiro, já na categoria da Vigilância é no mês de fevereiro. Caso a homolgação aconteça nos meses subsequentes a diferença salarial será paga de forma retroativa.

grupo

Assessoria Condominial Contabilidade Empresarial Segurança e Vigilância Monitoramento Eletrônico Asseio e Conservação

Grupo Embracon Rua Charles Ferrari, nº 548 - Kobrasol - São José - SC Fone: (48) 3035-4000 / www.grupoembracon.com.br

22


Serviços

Revista Embracon

DESINSETIZAÇÃO DESRATIZAÇÃO DESCUPINIZAÇÃO LIMPEZA DE CAIXA DE ÁGUA E CISTERNA euroambiental@hotmail.com (48) 3248-4850 - (48) 3028-4343

23


grupo

Fale conosco pelas redes sociais.

Conecte-se já!

www.facebook.com/GrupoEmbracon

www.facebook.com/GrupoEmbracon

Grupo Embracon Rua Charles Ferrari, nº 548 - Kobrasol - São José - Santa Catarina - Fone: (48) 3035-4000 www.grupoembracon.com.br


Ed 73 web