Page 1

1


2


3


ÍNDICE

COLEÇÕES - “Game on” - “Colonial view”

7

TRABALHO BASQUIAT

46

DESCONSTRUÇÕES - T-shirts básicas - Calças de ganga

52 4


IDENTIDADE VISUAL ILUSTRAÇÕES - coordenados de malha - criação de coordenados e moodboar - Imagens reais x ilustrações

58

OUTROS TRABALHOS - Desenho - Fotografia

70

80 5


“GAME ON”

COLEÇÃO FINAL DE CURSO

A coleção foi inspirada no mundo ficcional dos jogos electrónicos. O jogo usado como ponto de partida foi o GTA V, tratando-se de um jogo de ação-aventura. A história envolve três protagonistas criminosos, que têm de desenvolver missões sob a pressão de uma agência governamental. Dada a versatilidade do jogo e do mundo aberto que é oferecido aos jogadores, foram distinguidos dois lados do mapa do jogo, o lado mais rural e o lado mais urbano representado pela cidade em si, correspondendo à alteração dos básicos e clássicos em termos de coleção. Os três protagonistas do jogo são masculinos e associadas ao mundo do crime e missão, logo, houve uma associação direta ao mundo gangster, onde a peça que se destaca deste mundo é o perfecto, daí que toda a coleção tenha detalhes desta peça de roupa, assim como de básicos masculinos como a camisa e o blazer. A simbiose da coleção tem como base peças clássicas masculinas fundidas entre si e coordenadas com algo mais básico. Cada coleção tem um objeto do quotidiano associado, neste caso, o objeto são as algemas. Primeiro porque são três os protagonistas com três histórias diferentes interconectadas, daí fazer logo referência ao número 3, que se pode ver quando as algemas estão abertas. De seguida, porque este tipo de objeto associa-se ao mundo do crime, ação e aventura, o qual o jogo faz parte. Los Santos é uma personificação de Los Angeles, cidade real da Califórnia. A cidade em si inspira no universo da ficção e hollywood, assim como é conhecida pela sua publicidade e também pelo trânsito intenso e pelas placas de sinalização. Detalhes da coleção são inspirados nas placas de sinalização da cidade de Los Angeles, tais como as formas mais arredondadas, assim como as luzes que a cidade exibe num ambiente noturno A abstração foi o movimento artístico associado a esta coleção, uma vez que a imagem do mapa do jogo faz referência a uma certa abstração geométrica, através da representação das ruas, tendo sido Piet Mondrian o artista escolhido para a representar.

6


7


Ficção

Missão

Abstração

8


Algemas Gangster

Masculino

Los Angeles

9


10


11


12


13


14


15


16


17


18


19


20


21


22


23


24


25


26


27


28


29


Colonial view

30


“COLONIAL COLEÇÃO VIEW” FINAL DE CURSO

Esta coleção foi inspirada na descoberta colonial, que consiste na exploração do mundo Oriental por parte do Ocidental. Pretende ser uma viagem ao mundo Oridental através das cores e das formas num estilo reto, confortável e fluído. As formas natur listas ajudam a definir a paleta cromática, assim como o tipo de tecidos usados, que remetem para uma textura peculiar como o linho. Este material tem também origem no Oriente e a sua textura revela as irregularidades da fibra, remetendo também para um trabalho feito à mão, assim como a própria descoberta colonial. A arquitetura colonial com o seu ritmo ondulante e o exotismo que lhe está associado estará presente em toda a coleção, assim como as várias camadas de roupa, que fazem referência ao processo e às jornadadas de descoberta e exploração. É uma viagem contemporânea com sabor retrô.

31


32


33


34


35


36


37


38


39


40


41


42


43


44


45


BASQUIAT

CONSTRUÇÃO DE UMA PEÇA TENDO E M C O N TA U M A P E R S O N A Neste trabalho o objetivo foi a criação de uma peça em pano cru, com base numa persona, neste caso Basquiat, um artista norte-americano com uma linguagem visual muito marcada. O conceito do trabalho foi baseado num episódio marcante na sua infância de Basquiat. Aos 7 anos foi atropelado, ficando com o braço partido, tendo ainda de ser submetido a uma intervenção cirúrgica. Este episódio foi essencial, já que enquanto estava no hospital, a sua mãe ofereceu-lhe um livro denominado “Gray’s anatomy”, que continha representações detalhadas sobre anatomia humana e, isto fez com que Basquiat começa-se a sentir interesse pelo corpo humano, sendo visível em algumas das suas obras os desenhos esqueléticos deste. Para definir a silhueta da peça, foi usada como inspiração a bata de um médico que se relaciona diretamente com o acidente da sua infância. Um dos elementos principais que constituem a peça são os bolsos de chapa que se encontram na parte da frente. Para estes bolsos foi criada uma textura diferente do resto do pano cru, de modo a dar uma certa evidência e marcar a diferença. A textura foi criada a partir de pormenores de uma obra de Basquiat, “Philistines”, em que é possível ver corpos esqueléticos. Foram colocados bocados de pano cru uns em cima dos outros, de modo a imitar as sobreposições desta obra, sem grande formalidade, de maneira a revelar a espontaneidade e atitude característica do artista. Esta textura também faz lembrar um pouco dos curativos que teve durante a sua cirurgia, mas também todo o racismo que sofreu na pele. Um dos pormenores que também ajuda na compreensão da peça está na parte de trás, e tem como objetivo evidenciar o corpo, tanto pelos cortes feitos horizontalmente, como pelo entrançado vertical sobre os cortes, de forma a que fosse possível a recriação da espinha das costas do corpo humano. Por fim, a peça resultou numa dicotomia, entre o formal e o despojado. Formal pois a inspiração da silhueta provém de uma bata de médico, e despojada por causa da textura criada, cortes e fios à solta que fazem referência à tinta aleatória e sobreposta uma sobre a outra e as pinceladas energéticas e desleixadas das suas obras. , revelando assim a dicotomia, espontaneidade e a desconstrução que caracterizam Basquiat.

46


47


48


49


50


51


T-SHIRTS

D E S C O N S T R U Ç Ã O D E T- S H I R T S BÁSICAS BRANCAS

O objetivo deste trabalho foi a desconstruçãode t-shirts básicas brancas com vista à construção de uma nova peça com um conceito associado. Neste caso, foram usadas 5 t-shirts cujo o conceito passou pelo estilo gótico onde preodominam as formas pontiagudas. A cor branca das t-shirts lembra-nos a luminosidade predominante na época, uma vez que os edifícios tinham bastantes janelas onde permitiam a entrada da luz, mas também faz referência ao espiritualismo e ao divino. Já o material, a malha, é uma superfície têxtil leve, que nos remete para um naturalismo, e daria a leveza necessária à construção. O exagerar, em termos de tamanho de elementos simples como uma gola ou os bolsos revela a ambição, característica presente nas construções do período gótico. Também a tridimensionalidade das construções foi conseguida através do enchimento da malha, nomeadamente da gola e das palas dos bolsos. O corte do formato dos bolsos teve inspiração nos arcos ogivais do gótico, que tinham como principal característica a forma arredondada, permitindo o alcance da verticalidade necessária às construções. A introdução de machos nos bolsos lembra também a tridimensionalidade, mas faz igualmente referência às portas e janelas das catedrais. A gola foi feita através da junção de vários triângulos ligados entre si, que remetem para a ideia de verticalização, principalmente por causa da forma pontiaguda que apresenta. Por fim, a ideia de fazer um macacão surge pelo fato de ser uma construção em termos de vestimenta que liga a parte de cima do corpo à parte de baixo, mas ornamentado com formas que remetem para este período.

52


53


CALÇAS DE GANGA DESCONSTRUÇÃO DE CALÇAS DE GANGA

Este trabalho de desconstrução começou com a escolha de peças velhas, neste caso calças de ganga, com o objetivo de reconstruir uma nova completamente diferente das originais, Para isso foi utilizado o mono, onde foi construída a peça, e acessórios como afinetes e fita cola, de modo a unir as diferentes partes. De seguida, foi necessário selecionar e imprimir os resultados da experimentação de volumes mais interessantes e, a partir das impressões, foram feitos alguns esboços completando ou polindo os desenhos, de modo que, fosse escolhida uma peça final a ser confecionada no mesmo tecido. A seguir foram elaborados os moldes, definindo em primeiro lugar definir as linhas de corte que compõem o modelo criado, sendo depois retirados os moldes finais diretamente das peças usadas para a construção da peça final, dando os devidos valores de costura. Por fim, a peça final foi construída toda no mesmo tecido, neste caso um tecido com textura, preto, de modo a uniformizar o look final. Foram mantidos os volumes e para os acabamentos foram feitas vistas e foi usada a máquina de corte e cose, de modo a limpar a peça por dentro.

54


55


56


57


COLEÇÃO IDENTIDADE FINAL DEVISUAL CURSO

58


IDENTIDADE VISUAL

O objetivo deste trabalho foi a criação de uma identidade visual, com um logotipo, assim como o conceito que se associa a este. O logótipo teria de ser facilmente transposto para diversos formatos e suportes. Foram então criados mockups dos suportes e feitos na realidade um saco de pano cru, um saco de papel, um cartão de visita, uma etiqueta de marca e um cabide de madeira. Para a construção do logotipo foi necessário , definir em primeiro lugar o nome da marca. O nome surge pelo nome da aluna, Sílvia Salgado, destacando-se a letra S em primeiro lugar. A marca SAL nasce do apelido Salgado , tendo sido simplificado . Para complementar a marca e elevá-la a outro nível, foi pensado num slogan que se complementa com o seu nome, tendo as letras da marca SAL como iniciais, Style another level, remetendo imediatamente para uma marca de vestuário. A marca SAL também provém da personalidade da aluna, nomeadamente da característica da timidez, sendo o sal complemento para a sua expressão pessoal. É um pouco como nós também precisamos de um bocadinho de sal na nossa vida para esta ter um pouco mais de sabor, e esta, é uma tentativa de incutir esse propósito na roupa que a marca tem para oferecer. Para a definição de identidade, primeiro iniciou-se a pesquisa por fontes serigráficas em busca de uma letra que exprimisse bem a marca. A letra teria de ser moderna e ter personalidade ligada a uma marca jovem. Foi descoberta a letra Break e depois foi escrita a marca SAL nessa tipografia. Observou-se que esta tinha uma espécie de ondulação natural que poderia ser explorada. O conceito passou pela ondulaçãoe a ligação do sal ao mar, assim como pela assimetria. Os esboços realizados foram uma tentativa de criar um símbolo gráfico mais orgânico, da mesma forma que a letra “A” se revela na letra Break. Foram feitas várias tentativas em volta das letras e por detrás destas como máscara reduzindo a opacidade até chegar à versão final do logo .

59


60


Saco de pano

61


62


Saco de papel

63


64


CartĂŁo de visita

65


66


Etiqueta de papel

67


68


Cabide

69


ILUSTRAÇÕES DE MALHA

O objetivo deste trabalho foi a criação de 5 coordenados feitos todos em malha. Foi feita a adaptação de cada peça ao tipo de malha escolhida, tendo a sensibilidade de conhecer as características da malha e adaptá-la ao tipo de peça criada. Foram elaboradas ilustrações e as respectivas fichas técnicas. Isto permitiu não só despertar a parte criativa, mas também o próprio conhecimento das matérias-primas, desde o nome, modo como são feitas, fibras utilizadas, assim como as suas características.

70


71


72


73


COORDENADOS MOODBOARD

74


Estes trabalhos de ilustração tiveram como objetivo a criação de 3 coordenados originais, com introdução de padrões, cores e respectivos volumes. De seguido foi elaborado um moodboard com a inspiração do próprio coordenado.

75


76


77


Imagem real

Ilustração

78


Imagem real

Ilustração

79


80


DESENHO

81


FOTOGRAFIA

82


O objetivo neste editorial foi relembrar que a beleza também pode ser efémera, especialmente a beleza física. Foi escolhida uma camisa branca de homem, branco que nos faz criar uma associação direta à inocência, pureza, limpeza, infância e até ao divino, indo ao encontro do mesmo simbolismo presente na água. A camisa, representa por outro lado a presença masculina, sendo habitualmente um elemento que simboliza a força bruta, violência e agressividade, o sangue, tudo elementos contraditórios ao principal elemento aqui representado, a água. Mensagem: Sejas homem ou mulher, no final tudo é efémero, no final tudo vai pelo ralo...

83


SÍLVIA SALGADO

C O N TA C T O

+ 351 918 772 743 silviaasalgado@gmail.com silviaasalgado Rua Cândido José de Carvalho, 1780 , Urgezes, 4810-524 Guimarães, Portugal

EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO

2018 - atual Ensino superior Nível 5 QRQ Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, Guimarães (Portugal) TESP design de moda 2014–2018 Ensino superior Nível 6 QRQ Faculdade de Belas Artes - Universidade do Porto, Porto (Portugal) Licenciatura em Artes Plásticas - Ramo Pintura

PERFIL Sou a Sílvia, tenho 23 anos e sou licenciada em Artes Plásticas pela Faculdade de Belas

Artes do Porto.

Neste momento estou a frequentar o curso de design de moda, curso técnico superior do IPCA, onde pre-

tendo seguir a minha vida profissio-

nal na área onde o curso abrange,

2011–2014 Ensino secundário Escola Secundária Francisco de Holanda, Guimarães (Portugal) 2006–2011 Ensino Básico Escola EB 2 3 Gil Vicente 2002–2006 Primeiro ciclo Escola EB1/ J1 Soutelo Pinheiro

desde a criação à modelação. Sou focada,

determinada,

responsá-

vel e tenho vontade de aprender.

84


D I G I TA L

Microsoft Word Microsoft PowerPoint

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

2017 - presente ZARA PORTUGAL, Guimarães - part-time Atendimento a clientes Levantamento de loja Reposição

Adobe Photoshop Adobe Illustrator

COMPETÊNCIAS

Adobe InDesign

Comunicação Capacidade de comunicação adquirida através do voluntariado em exposições de arte; Capacidade de comunicação com pessoas através do atendimento a clientes numa loja;

Adobe Premiere Marvelous Design

LÍNGUAS INGLÊS Compreender - B1 Falar - A2 Escrever - B1

FRANCÊS Compreender - A1 Falar - A1

Organização Espírito de equipa desenvolvido na colaboração de algumas exposições; Capacidade organizacional adquirida através do trabalho de equipa em loja; Trabalho Competências técnicas de desenho e geometria adquiridas em formação superior; Competências em desenho técnico e conhecimento de matérias-primas mais comuns na confeção de moda; Competências básicas em modelação plana e confeção de prótotipos adquiridas em formação superior; Competências básicas na pesquisa de informação sobre tendências de moda e elaboração de moodboards;

C A R TA D E C O N D U Ç Ã O Categoria B

Escrever - A1

85


86

Profile for Silvia Salgado

Portfolio  

Portfolio  

Advertisement