Page 1

Leia as colunas de Léo Junqueira e Lucas Couto nas páginas 4 e 5

Léo Junqueira Lucas Couto

Nova Serrana-MG, quarta-feira, 14 de março de 2018 | Ano XIII | Nº 1421 | R$2,50

Um homicídio consumado e uma tentativa são registrados em menos de 24 horas Em rápida ação, demonstrando a capacidade de repressão dos militares do 60º BPM, militares prendem autor do homicídio que confessa o crime

Homem é alvejado por vários tiros no Frei Paulo Jairo Ribeiro dos Santos (foto detalhe), foi assassinado com pancadas na cabeça na cidade de Leandro Ferreira; José Lúcio (foto maior) foi preso e confesou o crime

Segundo informações da Polícia Militar a vitima foi atingida nos membros inferiores, duas perfurações na perna direita e uma na esquerda.

Prefeito participa de lançamento do programa Internet Para Todos


NOVA SERRANA-MG | QUARTA-FEIRA, 14 DE MARÇO DE 2018 | ANO XIII | Nº 1421

2 Prefeito participa de lançamento do programa Internet Para Todos Cada um no seu quadrado

Nesta segunda-feira, dia 12 de março, o prefeito de Nova Serrana Euzebio Lago esteve em Brasília para participar do lançamento do projeto internet para todos. Segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), o projeto lançado pelo Governo Federal que pretende levar acesso à internet banda larga para locais remotos

sem conectividade. Para isso o governo federal projeta que cerca de 40 mil localidades no país serão beneficiadas pela iniciativa, que oferecerá aos usuários conexão a preços reduzidos. Ainda segundo o MCTIC o Internet para Todos tem 2.766 cidades prontas para adesão ao programa, de um total de 2.978 municípios cadastrados. Ao todo partici-

param da solenidade 2,4 mil prefeitos para assinar os termos de adesão. A assessoria de comunicação da Prefeitura de Nova Serrana, divulgou ainda nesta seagunda um vídeo do atual prefeito Euzebio Lago, participando da solenidade. No material divulgado Euzebio afirma que o programa viabilizará acesso a internet em áreas como a

Fazenda Paraná, onde a internet ainda não tem conexão adequada para a população. O prefeito ainda afirma no vídeo que o programa viabilizará melhorias para áreas como a segurança e educação em pontos mais distantes de Nova Serrana. Confira o vídeo em nosso site www.opopularns.com.br:

Vestibular curso de Graduação em Pedagogia da UAB acontece no domingo Segundo CVT inscritos devem imprimir o cartão de inscrição e confirmar o local onde será aplicado as provas O Centro Vocacional Técnologico (CVT) convoca a todos os inscritos para o curso de Graduação em Pedagogia da UAB para retirarem seus comprovantes e confir-

marem o local da realização das provas. De acordo com a coordenação do CVT todos os inscritos devem acessar o sitewww.ceps.unimontes.br, e emitirem o cartão de inscrição o qual terá adicionado todas as informações necessárias para participação

do vestibular que acontece nesta semana. Para imprimir o cartão basta acessar o site acima citado e clicar em: Processos Seletivos em andamento / Graduação UAB / Cartão de inscrição. As provas acontecerão neste domingo, dia 18 de mar-

ço, de 8h às 12h, nas escolas Major Agenor e Maria Zeli. As provas contemplarão as disciplinas de Portugês, História e Geografia. Para mais informações sobre o processo os interessados e inscritos no concurso devem entrar em contato pelo telefone (37) 3226-5049.

Na última semana um vereador da cidade de Divinópolis, conhecido como Cleitinho, mais famoso por seus vídeos musicais e clips engraçados do que pelos seus projetos sustentáveis e embasados como vereador, apresentou um projeto de lei na cidade. A pauta sugerida pelo vereador dispunha da obrigatoriedade da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (COPASA) em instalar nos registros das residências um aparelho que teoricamente - porque não tem comprovação técnica -, retira o ar dos canos e estabelece um menor consumo de água nas residências. Não se sabe ao certo se a pauta não passou de mais uma piada ou vontade de se fazer estardalhaço, contada pelo vereador que adora ser sensacionalista e faz barulho como ninguém nas reuniões e nas redes sociais. Ao divulgarmos nas redes sociais de Nova Serrana a pauta, foram inúmeros os comentários que afirmaram que um projeto sem embasamento técnico, em um estudo de impacto e até mesmo viabilidade, não deveria ser feito por aqui. Alguns até mesmo afirmaram que só faltava um vereador de Nova Serrana copiar esse projeto sem base e tentar passar mais uma pauta desnecessária na Câmara de nossa cidade. E adivinhem caros leitores, na pauta da 5ª Reunião Ordinária desta terça-feira, dia 13 de março, está o famigerado projeto, porém junto com ele veio também uma pauta que prevê o aumento nos salários dos servidores públicos, inclusive os seus. Parece que em Nova Serrana é possível prever o futuro, e diante do projeto que não vamos aferir sua atuação econômica (se é que ela existe), vamos questionar aqui outra situação com a qual os vereadores deveriam se preocupar muito mais do que com o ar que passa pelo hidrômetro das residências, além do fato de estarem pensando em encher o bolso enquanto a população não percebe. Os vereadores deveriam ficar no seu quadrado e começar a preocupar não com o ar, mas com a falta de água na tubulação. Com a falta de água passando pelo hidrômetro e chegando até as torneiras. Já vivemos uma vida a beira da falta de dignidade, uma vez que somos reféns em nossas casas, que temos que andar pelas ruas com o sinal de alerta ligado para não sermos assaltados, que sobrevivemos, comprando o jantar com o suor do almoço, para podermos comer. Já vivemos a beira da falta de dignidade quando chegamos as unidades de saúde e temos atendimento limitado, e falta medicamento, e falta esperança, e falta estrutura nas ruas e sobram desculpas. Quanto a situação da Copasa o que vemos é o desrespeito com o cidadão que chega em sua casa após um dia e trabalho e não pode tomar um banho, pois falta água no chuveiro, e falta água por falta de comprometimento e responsabilidade, e não pelo fato da conta estar paga, porque essa o trabalhador tem a dignidade de deixar de comer, mas não deixar de pagar. Os vereadores poderiam parar de balela e cobrar efetivamente que algo fosse feito. Alguns ainda carregam meio que sozinhos o processo da CPI, outros, fazem discursos inflamados, batem na mesa, falam palavras bonitas (mal faladas digam-se de passagem), mas produzem muito pouco para ser gentil com os NOBRES edis. Nós da imprensa temos que ficar no nosso quadrado e noticiar as ações da Câmara. Agora os vereadores poderiam ficar no seu quadrado e começar a legislar efetivamente. Em prol da população Se assim fosse feito talvez, talvez os edis tivessem preocupações mais populares do que o reajuste de seus salários, pauta que será votada na reunião ordinária desta semana, talvez os vereadores fossem mais responsáveis com o dinheiro público e se querem agir com responsabilidade, porque efetivamente não reduzem os gastos dos gabinetes e cortem o ar que está sobrando nos satisfatórios salários dos políticos de Nova Serrana. Enquanto cada vereador entender que estar em seu quadrado e desenvolver projetos eleitoreiro para imigrante ver as coisas continuaram da mesma forma em Nova Serrana, ou seja continuaram ineficientes, continuam imorais. No momento de crise pelo qual se passa toda a economia nacional, essa seria a hora dos legisladores serem coesos reduzir seus salários e não gastar tempo de nossas vidas propondo redução de ar nos hidrômetros. O momento requer que os vereadores fiquem no seu quadrado, façam o seu trabalho e se preocupem muito mais com a falta de água nas torneiras, eles deveriam se preocupar em economizar o dinheiro público e não gerar a falsa sensação de que se preocupam com o custo de vida do cidadão de Nova Serrana.


NOVA SERRANA-MG | QUARTA-FEIRA, 14 DE MARÇO DE 2018 | ANO XIII | Nº 1421

3

Um homicídio consumado e uma tentativa são registrados em menos de 24 horas Em rápida ação, demonstrando a capacidade de repressão dos militares do 60º BPM, militares prendem autor do homicídio que confessa o crime * Thiago Monteiro thiago@opopularns.com.br

Na tarde desta segunda-feira, dia 12 de março, um homem de 56 anos identificado como Jairo Ribeiro dos Santos, foi assassinado com pancadas na cabeça na cidade de Leandro Ferreira, e após uma rápida ação dos policiais do 60º Batalhão da Polícia Militar em Nova Serrana, o suspeito já foi preso e confessou o homicídio. O autor do crime foi preso na manhã desta terça-feira, dia 13 de março, no bairro Industrial José Silva de Almeida conhecido como Invasão. O autor do crime, um homem identificado como José Lucio, com idade de 49 anos confessou ter efetuado o homicídio. Segundo informações repassadas pela Polícia Militar (PM), após acionada, a PM compareceu à Rua Gabriel Ribeiro, Bairro Bela Vista, onde deparou com a vítima de 56 anos, deitado sobre a cama de sua residência, apresentando grande sangramento no rosto, com sinais de violência, já sem vida. No local, foram angariadas informações tão ricas em detalhes, que não restaram nenhuma dúvida quanto à autoria do homicídio. A própria irmã do assassino formou que recebeu uma ligação do suspeito após cometer o crime afirmando ter matado seu então companheiro. As informações apontam que a motivação do crime está ligada a veemente objeção do suposto autor, ao relacionamento amoroso que a vítima mantinha há aproximadamente quatro meses, com uma irmã do autor, o qual ameaçou de morte a vítima por diversas vezes na presença de testemunhas, uma delas portava consigo uma faca. O autor após matar a vítima, teria ligado para sua irmã, e relatado o fato, bem como ligou para a PM confessando o crime, e que iria se entregar posteriormente. A própria irmã do autor, com quem a vítima morava, confirmou as ameaças sofridas. Após os trabalhos da perícia o corpo foi liberado para a funerária.

Confissão do autor De acordo com o Sargento Paulo Ricardo, a vítima teria sido encontrada após ter confessado a um homem no bairro Industrial José Silva a autoria do crime. “Iniciamos pela manhã as buscas e obtivemos as informações de que um indivíduo no bairro Industrial José Silva, conhecido como invasão, afirmou que havia matado um homem na noite passada, iniciamos assim as buscas e o encontramos, e durante a parlamentação o suspeito confirmou ter cometido o homicídio após um roubo em sua casa e algumas palavras ofensi-

Jairo Ribeiro dos Santos (foto detalhe), foi assassinado com pancadas na cabeça na cidade de Leandro Ferreira; José Lúcio (foto maior) foi preso e confesou o crime vas direcionadas a ele”, explicou o Sgt. Paulo Ricardo. O Autor do crime conversou com a reportagem deste Popular e além de confessar o crime repassou informações sobre os motivos que o levaram a cometer o crime. Segundo o autor, ao chegar em casa não encontrou sua mãe e irmã. Ele então pulou o muro entrou na residência com medo de que algo tivesse acontecido com sua família. Dai percebeu que objetos haviam sido roubado na casa e em sua carteira que estava na residência, foi retirado a quantia de R$150,00. O autor então foi até a casa do homem que tinha o relacionamento com sua irmã, e lá uma discussão levou ao crime. “Quando cheguei à casa dele começamos a discutir sobre os objetos roubados, não fui até lá para matá-lo, mas na discussão ele me falou que ‘comia’ (tinha relações sexuais) com minha irmã e se eu não o deixasse em paz iria me comer também, logo em seguida ele deitou e eu não achei que o que ele disse foi certo, eu não aceitei ouvir isso, então peguei o ferro na casa dele e dei

três pancadas em sua cabeça”, disse o autor. Após ser preso o autor ainda afirmou que se arrepende do ato pela sua mãe, que tem debilidade e necessita de sua ajuda. “Eu me arrependo por minha mãe, não por minha irmã, minha mãe tem uma deficiência na perna ela não anda, eu ajudo a cuidar dela, agora se eu ficar preso não terá como eu ajudar minha irmã a cuidar dela”, finalizou o autor. Ainda segundo informações obtidas com o próprio autor ele trabalha como ajudante de pedreiro, não tem passagem criminal, não havia ingerido bebida alcoólica e reside na cidade de Leandro Ferreira, da qual é natural. Segundo as informações da PM, a vítima tinha passagem criminal e por crime de trânsito, desobediência e ainda já foi enquadrado na lei Maria da Penha. Após o termino dos trabalhos o autor foi transferido para a delegacia de Pitangui, a qual a comarca é responsável pela cidade de Leandro Ferreira.

Homem é alvejado por vários tiros no Frei Paulo Um homem de 23 anos foi baleado nesta segunda-feira, dia 12 de março, quando transitava pela rua Assulino Ferreira da Silva, no bairro Frei Paulo (Malvinas). A vítima estava em uma motocicleta CG 125 Titan, vermelha quando foi interceptado por uma caminhonete Fiat Strada, prata, modelo novo, ocupada por dois indivíduos, um trajando camisa amarela e outro camisa vermelha, portando armas de fogo, realizaram vários disparos contra a vítima. Diante da tentativa de homicídio a vitima saltou da motocicleta, e se escondeu em um lote vago. Segundo informações da Polícia Militar a vitima foi atingida nos membros inferiores - duas perfurações na perna direita e uma na esquerda. De acordo com o boletim de ocorrência o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU - 192) foi acionado e encaminhou a vitima até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) No local do atentado foram recolhidas cinco cápsulas calibre 380, sendo constatadas duas perfurações na parede e no portão de uma residência próxima ao fato. Após a tentativa de homicídio os autores evadiram tomando sentido ao bairro Romeu Duarte. A motocicleta foi removida para o pátio credenciado e a PM segue em rastreamento a procura dos autores, contudo até o momento ninguém foi preso e também não se sabe a motivação do crime.


NOVA SERRANA-MG | QUARTA-FEIRA, 14 DE MARÇO DE 2018 | ANO XIII | Nº 1421

4 Lucas Couto

* Lucas Couto - Empreendedor, acadêmico em engenharia civil, coordenador do movimento Livres e defensor da liberdade e da redução da máquina pública.

“Tempos melhores virão para Nova Serrana?

N Cartório Nova Serrana Endereço: Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201, Centro, Nova Serrana, MG - 35519-000 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 10:00 às 17:00

Cartório Nova Serrana Endereço: Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201, Centro, Nova Serrana, MG - 35519-000 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 10:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE NOVA SERRANA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE NOVA SERRANA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Nova Serrana, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº

O/A Oficial do Cartório Nova Serrana, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei

9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a) fiduciante, ROMARIO RODRIGUES SILVA,

nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a) fiduciante, ALESSANDRO LOURENCO

CPF/CNPJ nº 076.006.725-29, CATARINA MARTINS RABELO, CPF/CNPJ nº

GOMES, CPF/CNPJ nº 067.194.006-65, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s),

131.308.026-81,

ou

incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço

inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a)

do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço

fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório

do Cartório Nova Serrana, Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201 , Centro,

Nova Serrana, Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201, Centro, Nova Serrana, MG

Nova Serrana, MG - 35519-000, de segunda a sexta-feira, de 10:00 às 17:00 horas,

- 35519-000, de segunda a sexta-feira, de 10:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no

e satisfazer, no prazo de quinze dias, contados a partir da última publicação deste

prazo de quinze dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será

edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de R$

publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de R$ 3.181,74, em

2.900,75, em 09/03/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e

09/03/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança

despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento, somando-se também os

até a data do efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem

encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº 844441261769-3 e garantido por

855550609648-6 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s)

alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 66.834, do Livro 2 –

matrícula(s) nº(s) 25310, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Nova Serrana . Na

Registro Geral, do Cartório Nova Serrana . Na hipótese de o pagamento ser

hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser

efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Nova

apresentado ao Cartório Nova Serrana. Caso o pagamento não seja realizado

Serrana. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o

diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio

pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou

de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação,

cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias,

no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do

garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor

imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos

fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei

termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento

9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este

do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

que

está(ão)

em

lugar(es)

ignorado(s),

incerto(s)

edital. Nova Serrana, 09 de Março de 2018

Nova Serrana, 09 de Março de 2018 Marco Paulo Guimarães Amaral

Marco Paulo Guimarães Amaral

Oficial de Registro

Oficial de Registro

Cartório Nova Serrana Endereço: Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201, Centro, Nova Serrana, MG - 35519-000 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 10:00 às 17:00

Cartório Nova Serrana Endereço: Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201, Centro, Nova Serrana, MG - 35519-000 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 10:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE NOVA SERRANA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE NOVA SERRANA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Nova Serrana, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei

O/A Oficial do Cartório Nova Serrana, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei

nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a) fiduciante, NIOMAR FERNANDO

PINTO, CPF/CNPJ nº 064.456.606-06, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s),

RODRIGUES BRAGA, CPF/CNPJ nº 113.561.266-85, que está(ão) em lugar(es)

incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço

ignorado(s), incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao

do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA

endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao

ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Nova Serrana, Rua

endereço do Cartório Nova Serrana, Rua Vereador Jesus Martins, 45, sala 201 ,

Vereador Jesus Martins, 45, sala 201, Centro, Nova Serrana, MG - 35519-000, de

Centro, Nova Serrana, MG - 35519-000, de segunda a sexta-feira, de 10:00 às

segunda a sexta-feira, de 10:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze

17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze dias, contados a partir da última

dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três

publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo

dias consecutivos, o encargo no valor de R$ 3.411,71, em 09/03/2018, sujeito à

no valor de R$ 4.445,99, em 09/03/2018, sujeito à atualização monetária, juros de

atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do efetivo

mora e despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento, somando-se

pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta

também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato

intimação, relativo ao contrato nº 844441132072-7 e garantido por alienação(ões)

nº 844440514330-4 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s)

fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 64587, do Livro 2 – Registro

matrícula(s) nº(s) 45656, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Nova Serrana . Na

Geral, do Cartório Nova Serrana . Na hipótese de o pagamento ser efetuado

hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser

diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Nova Serrana.

apresentado ao Cartório Nova Serrana. Caso o pagamento não seja realizado

Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento

diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio

perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a

de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação,

cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito

no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do

de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA

imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos

ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E,

termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento

para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

Nova Serrana, 09 de Março de 2018

9.514/1997,

vem intimar o(a) devedor(a) fiduciante,

Nova Serrana, 09 de Março de 2018

Marco Paulo Guimarães Amaral

Marco Paulo Guimarães Amaral

Oficial de Registro

Oficial de Registro

LUCAS

CECILIO

a última semana, fui convidado para conversar com um grupo de moradores de nossa cidade e a primeira pergunta que me fizeram foi: “Tempos melhores virão para Nova Serrana?” Como faço questão de mencionar sempre e com orgulho, sou nascido e criado em Nova Serrana, e em todo esse tempo, é a primeira vez que senti que a população está desacreditada e incerta com o futuro da cidade. O brilho no olhar dos moradores que sempre olhavam com esperança de dias melhores na capital nacional do calçado esportivo, está desaparecendo aos poucos. O sentimento de incredulidade é tamanho que, mesmo diante de dados que deixaria qualquer pessoa otimista, como a diminuição da violência ou a crescente geração de empregos, o que se constata ao conversar com moradores é que a esperança está acabando. Nova Serrana passa por um dilêma quase paradoxal. Mesmo com a cidade vivenciando um bom momento econômico, com a arrecadação em alta e com a taxa de desemprego imperceptível, a cidade não consegue refletir esses bons números na infraestrutura e no saneamento. Os problemas não são restrito a bairros antigos ou periféricos, bairros novos criados já no periodo de expanção da cidade e também a região central, carece com a falta de estrutura necessária para manter as condições básicas de sobrevivência para a população. No debate político, o problema é sempre levantado juntamente com a necessidade de achar um culpado. Acredito sim, que é necessário encontrar a raiz do problema, mas, focar energia e ideais em atacar pessoas ao invés de buscar soluções manter a situação como está. O poder executivo municipal, tenta atribuir toda a culpa dos problemas recorrentes as gestões passadas, tentando ganhar tempo para inventar uma fórmula que não existe de conseguir manter o alto custo da maquina pública e resolver os problemas municipais. Os problemas existentes na cidade são possíveis de serem resolvidos, basta um planejamento eficiente alinhado com o comprometimento de nossos representantes públicos. Antes de mais nada, é preciso cortar gastos, e isso significa acabar com cargos do alto escalão, reduzir o número de comissionados, buscar fazer mais com menos, algo que a iniciativa privada nos ensina muito bem. Para que isso seja feito, os políticos precisam abrir mão de gastar dinheiro público em sua base política, já que, a engorda da maquina pública é feita buscando manter por perto, aqueles que são capazes de garantir varios votos em uma próxima eleição. Após esse corte de gastos, basta destinar recursos para setores prioritários como infraestrutura, segurança, educação e saúde. Dinheiro que outrora seria gasto para pagar regalias, e bens desnecessários, agora seria investido em algo que beneficiaria a cidade. Tempos melhores virão para Nova Serrana e também para Minas Gerais, quando virão, isso depende do comprometimento de todos em cobrar dos representantes e tratar com cuidado e zelo daquilo que é fundamental para o exercicio da democracia, a participação de todos ao escolher pessoas para estarem a frente das questões públicas.


NOVA SERRANA-MG | QUARTA-FEIRA, 14 DE MARÇO DE 2018 | ANO XIII | Nº 1421

5 “ - Diz que gosta de Nova Serrana, mas....”

C

omo é do conheci mento de todos e amplamente divulgado pela imprensa e órgãos governamentais, Nova Serrana apresentou nos últimos anos um crescimento de proporções impressionantes. Além do crescimento da industria e do comércio, houve também um aumento substancial da população, que hoje supera a casa dos 95 mil habitantes, gente que veio de todos os cantos do país e reforçam o apelo de um município em ebulição, em constante movimento criando um contraste fortíssimo pela sua importância no cenário econômico nacional. Até aqui tudo bem, porque podemos ter orgulho de atrair as pessoas pela capacidade de geração de emprego e renda. Pois bem. Quando isto acontece é importante que o poder público entenda, que as pessoas precisam estar de bem com a cidade, é fazer parte de sua história e mais do que isso: é fazer cada dia melhor que o outro. Aparentemente, a falta de consciência da atual gestão municipal não entendeu, que não pode desprezar o envolvimento do cidadão como parte integrante e co-responsável pelo desenvolvimento da cidade que lhe acolheu e lhe proporciona condições de evolução profissional e econômica. Parece que existe uma grande lacuna entre nossos administradores e a população, que não encontra nas ações da prefeitura as condições para interagir, seja pelas expectativas ou necessidades para melhorar a qualidade de vida. Por outro lado a prefeitura se sente dona da verdade para determinar ações sem benefícios ou efeito positivo algum. Por esta razão, venho cobrando um plano de ações para Nova Serrana, um trabalho sério que envolva todos os setores da administração pública da cidade. Podemos dizer que outros governos tiveram iniciativa e planejaram suas ações com resultados que agradaram ou deixaram a desejar, mas fizeram um planejamento. Pois muito bem, caros leitores, é isto que faz a diferença entre a modernidade de uma administração e outras que se prendem apenas no objetivo eleitoreiro de curto prazo repetindo erros sem justificativas. Uma diferença que afeta a vida de todos, porque um bom plano contempla a potencialidade da cidade, (como é a força de Nova Serrana no setor produtivo de calçados), mas vai além: apresenta as reais perspectivas de crescimento, de melhoria da qualidade de vida e da criação de raízes para a construção de uma história que é motivo de orgulho para todos que escolheram Nova Serrana como sua casa. Será que é tão complicado cobrar responsabilidades da COPASA para não deixar faltar água por tanto tempo em tantos bairros? Será que é tão difícil brigar com a CEMIG para evitar aumentos no custo da energia consumida pelas indústrias e que afetará diretamente a competitividade da produção industrial? Tapar buracos nas ruas resolve o problema da má pavimentação? A cada ameaça de chuva é um “Deus nos acuda”, porque é previsível que carros vão quebrar, prejuízos serão gerados, o caos no trânsito vai se estabelecer entre outros problemas. Na recente brincadeira nas redes sociais do “ diz que é de Nova Serrana, mas...” aparece uma boa afirmação: “diz que é de Nova Serrana, mas não viu a cidade sem buracos. Diz que é de Nova Serrana, mas não viu a população sorrindo e tranquila. Diz que é de Nova Serrana, mas acredita no trabalho da prefeitura”. Quem sabe ainda poderemos dizer que somos de Nova serrana, porque temos orgulho de receber bons serviços? Quem sabe ainda diremos que somos de Nova Serrana, a cidade que cresce com organização, respeito ao cidadão e confiança em dias melhores? O jornal O Popular completará 12 anos neste mês mostrando como a cidade cresceu e como vivemos hoje. Aos políticos que pretendem conquistar um espaço na vida da cidade vai o meu recado: que vocês possam um dia dizer que “são de Nova Serrana”, porque verdadeiramente participaram da luta para fazer de nossa cidade um local de muita alegria e tranquilidade... Sem mentiras!

Léo Junqueira

Com apoio da Guarda Municipal PM prende assaltantes no Beija Flor Na manhã desta segunda-feira, dia 12 de março a PM compareceu na Travessa Treze de Maio, bairro Beija Flor, em apoio a Guarda Municipal que acabara de aborda um veículo GM Monza, cor azul, placa GNI-xx77, que teria cometido um assalto. Segundo a vitima, um homem identificado com idade de 54 anos, ele teria sido assaltado pelos ocupantes do referido veículo, no qual estavam os suspeitos, quatro homens com idadede 19, 20, 25e 32 anos. Durante as buscas no veículo foi encontrado o celular roubado da vítima, além de outros objetos. Ainda durante essa ocorrência compareceram ao localmas três vitimas, duas senhoras de 48 e 54 anos e um senhor de 49 anos, os quais relataram também terem sido vitimas dos autores abordados, informando que foram abordados na rua e que os autores simulando estarem armado e proferindo ameaças a agressões roubaram seus pertences, que também estavam no interior do veículo. Diante dos fatos os autores foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia juntamente com o material recuperado, o veículo foi removido ao pátio credenciado.

Na ação criminosa além da motocicleta foi ainda subtraído dois aparelhos celulares. Os bandidos evadiram em seguida tomando sentido ao bairro centro. O rastreamento segue em aberto.

PM recupera carro roubado em Pitangui e prende autores Na cidade de Pitangui, um homem de 30 anos teve seu carro Chevrolet celta, cor preta, placa OLW-xx69, roubado enquanto estacionava seu veículo na porta de sua casa. Após acionar os militares a vitima relatou que quando estacionava seu veículo, em frente sua residência na Rua Honor Caldas, bairro Morada do Sol, foi abordada por quatro indivíduos, estando um deles de posse de um revólver, vindo a anunciar o assalto. Após subtrair o veículo da vítima, os autores evadiram tomando sentido a comunidade de Campo Grande. Foi acionado cerco nas cidades circunvizinhas, sendo que a viatura da cidade de Papagaios deparou com o veículo, que tentou evadir vindo a capotar. No local foram presos três autores e um revólver calibre 38 com seis munições apreendidas, um quarto autor conseguiu fugir.

Motociclista toma coronhada Homem é preso por tráfico em Perdigão e tem bicicleta roubada no A PM compareceu à avenida Serro, no bairro Novo Horizonte, Sagrada Família onde através de denúncia anônima, abordou o autor de 21 anos Um homem de 64 anos, acionou a Polícia Militar e informou que teve sua motocicleta Honda Bros, de cor amarela, placa HHO-xx08 roubada por volta das 20h desta segunda-feira, dia 12 de março. Segundo a vitima ele transitava pela rua Galileia, bairro Sagrada Família, quando foi abordado por dois indivíduos em uma motocicleta de pequeno porte, de cor escura, tendo o passageiro sacado uma arma de fogo, desferindo uma coronhada no braço da vítima e anunciado o assalto.

pela suspeita de tráfico de drogas. Segundo os registros dos militares, o suspeito ao perceber que seria abordado pelo policiamento dispensou uma bucha de maconha deum tamanho considerável. Ainda segundo a ocorrência foram localizados junto com o suspeito um cigarro e uma outra bucha de maconha, os quais foram apreendidos. O autor foi então preso e encaminhado à Depol juntamente com o material angariado.


NOVA SERRANA-MG | QUARTA-FEIRA, 14 DE MARร‡O DE 2018 | ANO XIII | Nยบ 1421

6

O popular 1421  
O popular 1421  
Advertisement