Page 1

Deputados aderem à Frente Parlamentar de Apoio à Cultura

A Frente Parlamentar de Apoio à Cultura (Pró-Cultura) foi instalada no dia 28 de março e ganhou a adesão de 13 dos 24 deputados estaduais. A solenidade foi realizada no plenário Ruy Araújo, da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM). A iniciativa, que nasceu de proposição dos deputados Sidney Leite (DEM), presidente da Comissão de Educação e Cultura da ALE, e Tony Medeiros (PSL), recebeu o apoio dos artistas do Estado. A solenidade contou com a presença do presidente do Conselho Municipal de Cultura, Thiago de

Mello; a representante do Ministério da Cultura (Minc) Luciana Monteiro; o representante do Fórum Permanente da Música no Amazonas, Caio Mota; dos editores do Amazonas, Elson Farias; das Artes Plásticas Turenko Beça e Moacir de Andrade; do Conselho Estadual de Cultura, Luiz Carlos Bonates; do Fórum Nacional de Música e da Cooperativa de Música do Amazonas, Ellen Mendonça e o representante da Superintendência da Zona Franca de Manaus, Marcelo Dias. A cantora Márcia Siqueira fez a

leitura da Carta da Cultura do Amazonas, um manifesto dos artistas definindo os anseios e eixos de luta na perspectiva de fortalecer o Movimento Cultural do Estado, visando à garantia de novos investimentos para o setor. Aderiram à Frente Parlamentar, os deputados Ricardo Nicolau (PSD), Marcelo Ramos (PSB), José Ricardo (PT), Luiz Castro (PPS), Josué Neto (PSD), Sinésio Campos (PT), Orlando Cidade (PTN), Abdala Fraxe (PTN), Conceição Sampaio (PP), Chico Preto (PSD) e Fausto Souza (PSD).

ano de crédito ALE aprova pedido de criação de Pl para pecuaristas que sofrem com a cheia Requerimento do deputado estadual Sidney Leite, solicitando ao Governo do Estado a criação de um plano de crédito aos pecuaristas do Médio e Baixo Amazonas atingidos

dos pastos, o gado está sendo pela cheia dos rios, foi aprovado pela gação ntado com ração, o que encareAssembleia Legislativa. O recurso é alime a mais para os pecuaristas, que para o manejo do gado e aquisição de ce aind ém enfrentam dificuldades para insumos e implementos agrícolas. tamb o rebanho para terras mais altas. Segundo o parlamentar, com a ala- levar


Sidney Leite cobra resposta do IPAAM e MPE às denúncias sobre o lixão de Maués O deputado estadual Sidney Leite cobrou uma resposta às denúncias feitas por ele ao Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) e ao Ministério Público Estadual (MPE), sobre o lixão de Maués, que está poluindo o meio ambiente e trazendo prejuízos à saúde da população. Em novembro do ano passado, Sidney Leite protocolou uma denúncia no IPAAM e no MPE contra a Prefeitura do município, pedindo providências aos órgãos, mas, até hoje, não obteve resposta. O parlamentar constatou, em visita ao município, que a sujeira do lixão está contaminando o igarapé que corre para o rio Moraes, braço do rio Maués-Miri e causando doenças de pele nas crianças que moram nas comunidades vizinhas. Denúncias também dão conta de

Escola de Maués serve de abrigo e mais de 400 alunos ficam sem aula

O deputado estadual Sidney Leite (DEM) vai encaminhar denúncia ao Ministério Público do Tribunal de que o mesmo caminhão que desContas e ao Ministério Público Fedepeja o lixo é o que leva a produção ral por causa da situação de mais de 400 crianças e adolescentes da Esde farinha de mandioca e banana à cola Municipal Jandira Mc Comb, feira municipal, na sede de Maués. situada no bairro do Éden, em Maués “Se o Ipaam não tem compro(a 276 quilômetros de Manaus). misso de fiscalizar uma situação Desde 8 de abril, a escola tornou-se como essa, não tem autoridade para abrigo para as famílias que tiveram fiscalizar os pescadores e produas casas alagadas naquele bairro. tores que necessitam de pequenas Sidney Leite, que preside a Comissão de Educação da Assemextrações de madeira”, observa o bleia Legislativa do Amazonas, afirdeputado. mou que não pode permitir que alunos tenham o ano letivo prejudicado, quando existem outras alternativas possíveis para resolver a situação das 17 famílias desabrigadas. O deputado estadual Sidney O parlamentar ressalta que no bairro Senador José Esteves foram Leite defende o pagamento do construídas casas do Ministério das novo piso salarial dos professoCidades, com recursos da Caixa res, estabelecido em R$ 1.451,00 Econômica Federal, porém dezenas e que não é cumprido na maioria estão fechadas, porque foram doadas cidades brasileiras. De acordo das a pessoas que não precisam do com o parlamentar, há uma imóvel. decisão do Superior Tribunal de “Além de usurpar os recursos do Justiça que obriga o Ministério da Fundo de Manutenção e DesenEducação e Cultura (MEC) a volvimento da Educação Básica e de completar a diferença do valor reValorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), que estão ali ferente ao pagamento dos propara recuperar escolas, melhorar a fessores, caso o município com- cumprido. “Não podemos retroagir. qualificação do professor e pagar os prove que não possui recursos Entendo que os municípios e os salários, a Prefeitura de Maués doa Estados estão sobrecarregados para tal. casas com recursos federais para Sidney Leite enviou ao MEC um em relação aos investimentos na quem não precisa, enquanto poderia, ofício para que o órgão esclareça educação, mas é preciso fazer alojar os desabrigados da enchente de onde virão os recursos para cumprir o piso de forma clara e temporariamente”, o parGabinete do Deputado Interaja nasdestaca Redes Sociais que esse valor possa ser, de fato, efetiva”, defende o parlamentar. lamentar. Av. Mário Ypiranga Monteiro (Antiga Recife), nº 3.950 - Ed. Dep. José de Jesus Lins de Albuquerque.

Pagamento do novo piso aos professores deve ser reforçado pelo MEC

CEP 69050-030 - Parque Dez , 2º andar, Gabinete 209. Fone: (92) 3183-4395 - Fax.: (092) 3183-4395.


ALE aprova pedidos para melhorias no interior Sidney Leite fez requerimento para a realização das obras de balizamento noturno da pista de pouso e decolagem, ampliação da pista e estruturação do terminal de passageiros do aeró-

Parlamentares fazem visita de inspeção em obras do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes

dromo de Maués. “Com a proximidade da Copa de 2014, o número de turistas vai aumentar não só em Manaus, mas em todas as cidades do Estado que

A primeira etapa da reforma e ampliação do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes (AIEG) está sendo finalizada e a partir de maio será iniciada a segunda fase da obra. Ao final da segunda etapa, que deve acontecer em dezembro, mais de 50% da reforma estará concluída. As informações foram dadas pelo superintendente regional da Empresa Brasileira de Infra-estrutura Aeroportuária (Infraero), Rubem Lima Ferreira, aos deputados estaduais

Sidney Leite (DEM), Marcelo Ramos (PSB), Marcos Rotta (PMDB) e Tony Medeiros (PSL), em visita de inspeção às obras, no início de abril. “A obra está andando dentro do previsto, porém, a nossa preocupação é que problemas que ocorrem atualmente no terminal de passageiros sejam sanados com a reforma, como por exemplo, o tempo de desembarque do passageiro, que hoje não é menor que 40 minutos”, afirmou o deputado Sidney Leite.

possuem apelo turístico”, justifica. O parlamentar também pediu para que sejam construídos aeródromos em Jutaí e Boa Vista do Ramos e a ampliação da rede de distribuição de água em Boa Vista do Ramos. Os deputados aprovaram os requerimentos durante a sessão plenária itinerante, realizada em Parintins.

Deputado apresenta proposta com relação aos apagões em Manaus O deputado Sidney Leite propôs a criação de um grupo de trabalho, formado por parlamentares, técnicos e professores da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), para acompanhar e identificar os problemas que estão ocorrendo na Eletrobras Amazonas Energia

e que vêm causando apagões em Manaus. Na avaliação do parlamentar, somente assim será possível saber se o problema está nas usinas de geração de energia ou na falta de capacidade de investimentos da empresa, que somente no ano de 2011 superou em R$ 5 bilhões a previsão orçamentária.


Sidney Leite propõe parcerias para qualificação de cooperados Durante o 1º Encontro da Frente Parlamentar do Cooperativismo do Amazonas (Frencoop), realizado em 12 de março, o deputado Sidney Leite propôs que o Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Amazonas (OCB-AM) busque parcerias com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas

(IDAM) para levar informação e qualificação ao homem do interior. Representantes da OCB-AM e das Frentes no Congresso Nacional, Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) e Câmara Municipal de Manaus estiveram presentes ao encontro, realizado no Da Vinci Hotel, em Manaus. “Boa parte dos programas de qualificação dos cooperados está concentrada na capacitação das lideranças

cooperativistas. A minha proposta é para que possamos levar informação e empreendedorismo a todos os técnicos e produtores do meio rural do Estado”, afirma Sidney Leite, um dos membros da Frencoop na ALE-AM. Atualmente, existem em torno de 180 cooperativas no Amazonas, distribuídas em vinte e sete municípios que beneficiam 20 mil pessoas diretamente no Estado.

Av. Mário Ypiranga Monteiro (Antiga Recife), nº 3.950 - Ed. Dep. José de Jesus Lins de Albuquerque. CEP 69050-030 - Parque Dez , 2º andar, Gabinete 209. Fone: (92) 3183-4395 - Fax: (092) 3183-4395.

facebook.com/leitesidney1

twitter.com/sidneyleite

www.deputadosidneyleite.com.br


Deputado Sidney Leite - Notícias - Maio 2012  

Informativo Eletrônico do Deputado Estadual Sidney Leite - DEM/AM

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you