Page 1

Money | carreira

Último minuto

Crescem vendas a prazo

Negócio promissor

As consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), da ACSP, registraram alta de 9,2 % em julho de 2009 sobre junho passado.

A Salton projeta para 2009 um aumento de 15% na comercialização total de seus produtos, e os números fechados no primeiro semestre indicam que o índice está bastante próximo de ser alcançado.

Tempo é dinheiro

Confira as dicas de especialistas e encontre a maneira eficiente de gerir suas atividades diárias e aumentar sua produtividade. pág |05

Money | invista

www.moneyjornal.com.br

Quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Distribuição dirigida, especializada e gratuita. Venda proibida | Edição Especial • ano 1

Otimismo de investidores espanta fantasma da crise Com diversos setores da economia brasileira voltando a patamares de investimento anteriores ao surgimento da crise, os próximos meses tendem a ser um bom momento para quem pretende começar a investir

Money | pessoal A economia brasileira já respira mais aliviada e dá claros sinais de recuperação. Apesar dos especialistas pedirem cautela quanto à euforia do momento, as boas notícias não param de surgir, como a previsão de um crescimento econômico da ordem de 3,5% a 4% divulgada pelo ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, assim como a estimativa de crescimento da massa salarial e a diminuição do desemprego verificada em diversas regiões brasileiras. Com isso, o índice de confiança na economia brasileira nos próximos 12 meses está em trajetória ascendente. Na matéria de capa desta edição, entenda os motivos desse panorama animador. pág |06

Money | cenário

Informação para investir corretamente Money | negócios Franquias já são um dos mais interessantes investimentos. pág |07

Money | divã Você já ouviu falar em dislexia? Entenda o problema! pág |09

Márcia Tolotti fala das armadilhas do consumo. pág |09

Cobertura das principais notícias do mercado financeiro, varejo, indústria, agronegócio, tecnologia, educação e gestão de pessoas. pág |04

Mercado em construção

Fundos de Investimentos Imobiliários (FII) já receberam aplicações da ordem de R$ 220 milhões só em 2009. pág |08

Money | bistrô Conheça um pouco da requintada noite de São Paulo. pág |10 Money | cenário

Fino paladar

2ª Vinho Outlet, que acontecerá em outubro, reunirá iniciantes e apreciadores da bebida em busca de qualidade e preços atraentes. pág |08 No fechamento

Especialistas no assunto O Índice de Sentimento dos Especialistas em Economia (ISE) chegou ao patamar de otimismo (acima de 100 pontos), fato que não ocorria desde agosto de 2008. Calculado pela Fecomercio em parceria com a Ordem dos Economistas do Brasil (OEB), o indicador apresentou um aumento de 10% em julho em relação a junho, passando de 95,8 pontos para 105,4 pontos, a quarta alta consecutiva, superior aos níveis pré-crise.

Opinião • Indicadores • Charge • Previsão do Tempo • Em alta / Em baixa • Agenda do Investidor • Frase da semana

pág | 03


Eventos com Resultado

Para mais informações sobre datas e locais, acesse www.expomoney.com.br ou ligue (11) 3094-3442 e agende uma reunião com nossa equipe comercial. anúncio_350x260.indd 1

4/8/2009 16:52:23


16/ago

sábado 27

ºC

Nascer do Sol: 06h37 Pôr do Sol: 17h47

domingo 25

ºC

Sol com algumas nuvens. Não chove.

12ºC

Nascer do Sol: 06h37 Pôr do Sol: 17h48

Money | opinião

Idealizado pelos criadores da Expo Money, Circuito Nacional de Eventos de Educação Financeira e Investimentos, o Money Jornal conta com a experiência de um time que já atendeu, desde 2003, mais de 230 mil pessoas que participaram das 36 edições do evento realizadas por todo o País.

[ Henry Ford ]

fora do sério

VALOR ATUALIZ.

Sal.Mín

R$ 465

2009

TR

0,055%

05.ago.2009

CDI

8,600%

05.ago.2009

SELIC

8,75%

23.jul.2009

IPCA

0,200%

14.abr.2009

DI IGP-M IGP-M (PROJ) IPCA PTAX (Venda) TJLP

03/08/2009

8,63 %a.a. -0,10 %a.m. -0,18 %a.m. 0,3600 R$ 1,8369 6,25 %a.a.

29/06/2009 13/07/2009 08/07/2009 03/08/2009 02/01/2008

» 22 e 23 de agosto Sábado e domingo das 10h às 17h • São Paulo • Av. Paulista 807 – 17º andar Sábado e domingo das 10h às 17h • São Paulo • Av. Paulista 807 – 17º andar

3 de setembro Segunda à quinta das 19h às 22h30 • São Paulo • Av. Paulista 807 – 17º andar

Formação de Traders Curso intermediário

Frase do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em resposta a um leitor na coluna O Presidente Responde ao comentar o empréstimo de US$ 10 bilhões que o Brasil fez ao Fundo Monetário Internacional (FMI)

» 15 e 16 de agosto Sábado e domingo das 9h às 17h • São Paulo • Av. Paulista 807 – 17º andar

» 24 a 27 de agosto Segunda à quinta-feira das 19h às 23h • São Paulo • Av. Paulista 807 – 17º andar

Em alta

Em baixa

Roda de samba

Pega ladrão

Em meio à forte crise no mercado automotivo dos Estados Unidos, uma das maiores fabricantes brasileiras de rodas e chassis para veí­culos comerciais, Iochpe-Maxion, anunciou a compra da divisão de rodas da norte-americana ArvinMeritor­ por cerca de US$ 180 milhões. A transação abrange as operações nos Estados Unidos, México e Brasil.

A secretária de Energia do México, Georgina Kessel, admitiu que o país sofre grandes perdas financeiras com o crime organizado que passou a atuar fortemente por meio do uso de alta tecnologia no roubo de combustível. De acordo com a estatal de petróleo Pemex, os prejuízos beiram os US$ 700 milhões (cerca de R$ 1,2 bilhão) só em 2008.

Envie cartas e sugestões de pauta para a redação: money@fullcase.com.br

Diretores responsáveis: Idealização:

Carlos Vallim vallim@expomoney.com.br

Redação:

Raymundo Magliano Neto magliano@expomoney.com.br

Juliana Klein juliana@fullcase.com.br

Robert Dannenberg robert@expomoney.com.br

Sheyla Pereira sheyla@fullcase.com.br

Editores:

Maurício Barroso Mauricio@fullcase.com.br

Cristiane Moraes – Mtb 9778 cristiane@expomoney.com.br

Taxa/Índice

Formação de Investidores Curso básico

Uma publicação periódica com distribuição gratuita na cidade de São Paulo e adjacentes, editada por Expo Money e Fullcase Comunicação.

Karina Alméri – MTb. 45.403 karina@fullcase.com.br

Data

» 29 e 30 de agosto

Expediente

Edgar Melo – MTb. 47.499 edgar@fullcase.com.br

Indexador

» 31 de agosto a

Com uma pauta variada, ofereceremos além de informações de grandes especialistas, dicas de negócios, carreira, gestão pessoal e, por que não, excelentes opções de happy-hour.

Outros indicadores

Taxas e índices

Agenda do investidor

“Hoje, nós é que estamos dizendo o que o FMI deve fazer e não o contrário, como sempre acontecia”

Com uma linguagem simples, traremos informações relevantes para o planejamento das finanças pessoais das famílias, na busca da independência financeira.

Boa leitura e ótimos investimentos! Os Editores

03

inverno

Roosewelt Pinheiro /ABr

Bem-vindo ao primeiro Jornal de Finanças Pessoais e Investimentos de distribuição gratuita, criado para oferecer educação financeira de qualidade para quem deseja administrar e investir seu dinheiro com sucesso.

São Paulo, 12 de agosto de 2009

"Economia frequentemente não tem relação com o total de dinheiro gasto, mas com a sabedoria empregada ao gastá-lo"

Com a palavra...

Educando e formando investidores

11ºC

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.

Diretor de arte: Angel Fragallo angel@fullcase.com.br Diagramação: Rodrigo R. Matias arte@fullcase.com.br

Criação publicitária: Miguel Fein miguel@expomoney.com.br Eventos com Resultado

Administração e Departamento comercial comercial@expomoney.com.br Av. Brigadeiro Faria Lima, 1993, 7º andar Conj. 71, CEP: 01452-909, São Paulo-SP

3094-3442

Para anunciar ligue: (11) Acesse o site: www.moneyjornal.com.br

Conteúdo:

Impresso nas oficinas do

É proibida a reprodução de textos e fotos publicadas, mesmo citando a fonte, sem a Toda vez que uma empresa de capital aberto for mencionada, seu código será divulgado.

expressa autorização assinada pelos diretores da publicação. Os artigos e matérias assinadas são de responsabilidade exclusiva de seus autores.

Formação de Traders

divulgação

15/ago

Inscreva-se! A 7ª Expo Money chega a São Paulo em setembro e conta com a estimativa de aproximadamente 20 mil participantes. O evento focado na pessoa física e com acesso gratuito a exposição e palestras é reconhecido por levar informação relevante e conhecimento para quem quer aprender a administrar as suas finanças pessoais e conhecer as diversas opções de investimentos disponíveis no mercado.

7ª Expo Money São Paulo Local: Centro de Convenções Transamérica • Av. Dr. Mario Vilas Boas Rodrigues, 387 • 17 e 18 de setembro: das 13h às 22h • 19 de setembro: das 12h às 20h Informações e inscrições: www.expomoney.com.br

Intensivo de Análise Técnica

Curso intermediário » 15 e 16 de agosto Sábado e domingo das 9h às 17h • Brasília • W3 Norte SCLRN 702/703 - Bloco A, 47 Asa Norte O curso Formação de Traders é focado em análise de gráfico, enquanto o curso Formação de Investidores é mais amplo para educar o novo investidor. Mais informações: (11) 3246-0774 www.investeducar.com.br

Fonte: Programação Investeducar


04

São Paulo, 12 de agosto de 2009

Comemoração

A Gafisa (GFSA3) acaba de lançar campanha em comemoração ao seu 55º aniversário. Criada pela Giovanni+Draftfcb, ela trará histórias reais da Gafisa ao longo de toda a sua trajetória.

Money | cenário Varejo

Mercado em ação

Gôndolas em alta

A Petrobras (PETR3, PETR4) avançou da 37ª para a oitava posição no ranking que reúne as 300 maiores empresas globais, sendo a única brasileira entre as dez primeiras. É o que afirma o levantamento feito pela consultoria Ernst & Young, estudo que teve como base o valor das ações no fim do primeiro semestre e mostra a recuperação dos papéis da Petrobras depois do momento mais crítico da crise mundial em 2008. Se apresentando como uma das companhias que mais se valorizou no mundo no período, o valor de mercado da Petrobras subiu significativamente, passando de US$ 95,9 bilhões para US$ 164,8 bilhões.

Novata

A partir de setembro, o Ibovespa­ poderá contar com um novo integrante, as ações da MMX

(MMXM3) – empresa de Eike Batista. A primeira prévia do indicador, divulgada pela própria Bolsa, aponta entrada dos papéis ON da MMX Mineração. Ao todo, o índice registra 65 ativos de 59 empresas.

Fator Real

De acordo com dados levantados pela consultoria Economatica, desde o início do ano a BM&FBovespa (BVMF3)­acumula uma alta de 45%. Se analisarmos apenas o período que vai de janeiro a julho, este é o melhor resultado já verificado desde 1999 que apresentou alta de 53,91%. Desde a implantação do Plano Real, o melhor momento da Bolsa ocorreu em 1997 com o saldo positivo de 82,84%.

Biblioteca do investidor

Coleção Expo Money Os brasilenses vão conhecer em primeira mão, na 3ª edição da Expo Money Brasília, o primeiro livro pela Coleção Expo Money do coordenador da série, o consultor Gustavo Cerbasi, escritor consagrado de finanças, que possui cinco títulos e que lidera ranking de livros mais vendidos. A nova obra publicada pela Editora Campus “Como organizar sua vida financeira” traz orientações sobre como consumir mais, privar-se menos, aproveitar melhor as oportunidades de crédito, equilibrar dívidas, selecionar produtos financeiros, investir

Indústria

Agronegócio A operação da Divisão Agrícola voltou a integrar a estrutura da Amanco Brasil, que retoma a execução de projetos agrícolas e a venda de kits de irrigação. A divisão havia sido vinculada à Mexichem, controladora da Amanco, em junho de 2008, quando passou a se chamar MSA Brasil (Mexichem Soluções Agrícolas). Neste período, a Amanco continuou a ser fornecedora dos produtos. Agora, a área manterá o foco em agropecuária, a fim de aproveitar as oportunidades do mercado de manipulação de água para alimentos e biocombustíveis.

LANÇAMENTO com correção, segurança e disciplina e, ainda, equilibrar as finanças para uma vida com mais realizações. A série de livros de finanças lançada em parceria com a editora CampusElsevier já conta com 19 títulos. 3ª Expo Money Brasília 12 e 13 de agosto das 13h às 21h30 Centro de Convenções Brasil 21 Endereço: SHS – Quadra 6 Lote 1 – Conjunto A – Bloco C Mais informações e inscrições: www.expomoney.com.br/brasilia

Treinamento

A Asyst Sudamérica, especializada em gestão e operação de TI, criou um programa de treinamento a distância batizado de “Webtraining Asyst”. A iniciativa de e-learning, que tem como objetivo desenvolver os talentos internos, pretende capacitar, no prazo de um ano, todos os colaboradores da operação brasileira. “A meta é incrementar, cada vez mais, a qualidade técnica dos nossos projetos de service desk”, diz o vicepresidente para a América Latina da Asyst Sudamérica, Oswaldo Brancaglione.

Gestão de pessoas

A executiva Laura Castelhano assumiu a direção geral do Grupo BPI do Brasil, multinacional francesa especializada em reestruturação de empresas e gestão de carreira. A partir de agora a executiva será responsável pela direção geral da empresa, trabalhando para posicionar a BPI como empresa líder em programas de gestão de carreira, o que já acontece em toda a Europa.

Vinho Outlet

divulgação

Entre as maiores

De acordo com o Índice Nacional de Vendas, divulgado mensalmente pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras), as vendas do setor supermercadista em junho de 2009 cresceram 4,83%, em relação ao mesmo mês de 2008. No acumulado do primeiro semestre de 2009, em comparação com o mesmo período do ano anterior, o resultado chega a 5,27%. Com o bom resultado do setor supermercadista até o primeiro semestre do ano, a Abras prevê um crescimento para 2009 de 4,5%.

Nossa gente

E-commerce

Foco no negócio Para atender a demanda de comércio eletrônico das micro e pequenas empresas, a MaxiHost­, data center especializado em hospedagem corporativa, criou a “Loja Virtual em 10 minutos”. O sistema possui ativação automática de e-commerce que inclui meios de pagamentos e inteligência de vendas e permite que o empreendedor fique focado apenas em seu negócio. “Além da tecnologia, disponibilizamos serviços de valor agregado, sem cobrar adicionalmente por isso”, observa o diretor da Loja Virtual, Eduardo Alberto.

O único evento de vinhos voltado para o consumidor final já tem novo local e data marcada. Apreciadores e iniciantes poderão degustar e comprar produtos nacionais e importados com até 50% de desconto.

2ª Vinho Outlet Entrada: R$ 30,00 com direito a taça de degustação • Centro de Convenções Frei caneca • Avenida Frei Caneca,569 – 5º andar, São Paulo, SP • De 15 a 18 de outubro de 2009, das 14h às 22h. www.vinhooutlet.com.br

glossário Ibovespa Índice que exprime a variação média diária das negociações da Bolsa de Valores de São Paulo. É o principal índice da bolsa paulista.


Caiu na rede é...

Novas oportunidades

Com a abertura de 119.495 empregos formais em junho, o Brasil fecha o primeiro semestre com saldo positivo de quase 300 mil novos postos de trabalho.

O site de empregos Curriculum.com.br passou a divulgar suas vagas pelo Twitter. Acesse: twitter.com/curriculumvagas

São Paulo, 12 de agosto de 2009

Gestão do Tempo/Administração

Money | carreira

Contra o relógio Entre no ritmo do crescimento e aprenda com especialistas como alcançar o sucesso no mundo e manter a qualidade de vida

divulgação

Por Edgar Melo

“Algumas pessoas são tão desorganizadas e avessas às regras que têm mais dificuldade para adquirir novos hábitos de produtividade” Christian Barbosa, diretor executivo da Tríade do Tempo

Encontre o foco

deve ser encarada como algo mais profundo, e o primeiro passo é a conscientização de que o tempo já está definido e que não temos como interferir sobre isso. Carla avi-

sa que mesmo com as metas estabelecidas, é preciso fazer uma coisa de cada vez, portanto a falta de foco pode prejudicar totalmente o alcance de seus objetivos.

“Fazer muitas coisas ao mesmo tempo é sinal de inteligência e para ter sucesso é necessário estar absolutamente informado sobre tudo o tempo todo” Carla Zanna, especialista em psicologia organizacional da Fator Consultoria

In company

Ganhe tempo com o Outlook

Confira as 10 dicas, extraídas do curso de produtividade com Microsoft Outlook oferecido pela Tríade do Tempo, que podem ajudálo a ganhar mais tempo no uso desta ferramenta:

dem na execução das tarefas. Outra sugestão interessante é iniciar o dia com um trabalho de respiração e relaxamento. “A pressão diária aumenta nossa adrelina e deixa nosso ritmo mais ansioso e agitado, o que propicia a falta de foco. Quando você respira e relaxa, você diminui sua ansiedade e aumenta sua capacidade de concentração”, explica. Segundo a consultora Carla Zanna, para tornar o trabalho mais produtivo podemos utilizar estratégias, desde as mais simples como diminuir pequenos vícios (cafezinhos e papos no corredor), adquirir novos hábitos (registrar compromissos em uma agenda, concentrar reuniões mais curtas para uma mesma tarde), ou até mesmo reduzir ou eliminar atitudes que consomem tempo excessivo como o uso incorreto da Internet.

Money

divulgação

No final do dia, é comum um executivo perceber que deixou de cumprir uma ou outra tarefa por absoluta falta de tempo. Isso sem falar de não conseguir conviver mais com familiares e amigos, ou fazer ginástica e praticar atividades de lazer, que acabam sempre colocadas em segundo plano. Porém, reverter esse quadro é possível. Segundo a especialista em psicologia organizacional da Fator Consultoria, Carla Zanna, existem hoje alguns paradigmas que geram desperdício de tempo, principalmente de executivos, entre eles a concepção de que “fazer muitas coisas ao mesmo tempo é sinal de inteligência e para ter sucesso é necessário estar absolutamente informado sobre tudo o tempo todo”, pontua. Para a psicóloga, esses conceitos precisam ser desconstruídos e reinterpretados, pois devemos gastar nossas energias conscientemente, de acordo com nossas escolhas, objetivos, forças e competências. Baseada na sua experiência profissional, Carla diz que as pessoas precisam se conhecer melhor, com a finalidade de estabelecer prioridades e metas relevantes ao invés de uma longa e inatingível lista. “Definir os objetivos e identificar o foco é muito importante para encontrar o equilíbrio”, afirma. A consultora aponta que a “gestão do tempo”

05

1. Utilize o filtro anti-spam 2. Caixa de Entrada deve ficar vazia 3. Crie ações para seus e-mails 4. Envie e-mails curtos e objetivos

5. Crie uma lógica para organizar suas pastas 6. Visualize sua agenda e suas tarefas 7. Localize mensagens do remetente rapidamente

8. Organize seus projetos com atividades 9. Acesse seus sites favoritos direto no Outlook 10. Faça backup dos seus dados

Pesquisas apontam que um profissional só consegue permanecer focado em uma tarefa por poucos minutos até que o telefone toque. O fato pode levar a uma perda de algumas horas diárias, devido à falta de foco e, consequentemente, gerar uma grande desorganização no trabalho. De acordo com o diretor executivo da Tríade do Tempo, empresa especializada em gestão de tempo e produtividade, Christian Barbosa, o cérebro é facilmente atraído por acontecimentos ao seu redor. O especialista e autor do livro “Mais Tempo & Mais Dinheiro”, que acaba de lançar em aprceria com Gustavo Cerbasi, principal palestrante e coordenador da Coleção Expo Money, diz que em muitos casos basta alguém no escritório iniciar uma música, um falatório ou alguma novidade e pronto, essa é a desculpa que o profissional precisava para trocar a atividade por algo mais interessante. “Algumas pessoas têm uma tendência natural a serem mais organizadas e a seguirem processos. Outras pessoas, por sua vez, são tão desorganizadas e avessas às regras que têm mais dificuldade para adquirir novos hábitos de produtividade”, afirma. Conferencista e empreendedor, Barbosa sugeri algumas estratégias, que podem ser adotadas para combater a falta de foco, como priorizar numericamente as atividades do seu dia e seguir de forma rígida essa or-

Combata a falta de foco

1)

Priorize suas atividades

Quando você se organiza, você define objetivos, se planeja e consegue saber o que precisa realmente fazer no seu dia. Liste todas as atividades e priorize numericamente.

2)

Operação Shutdown

Quando precisar se focar em alguma atividade, desligue seu celular e telefone, televisão, msn, e-mail, feche a porta e peça para ninguém incomodá-lo até terminar.

3)

Para focar crie um padrão

Escolha uma música tranqüila que você goste e o ajude a relaxar. Alguns estudos comprovam que a música barroca aumenta em 3 ou 4 vezes a concentração e a capacidade de absorção do cérebro.

4)

Desligue seu e-mail

Estabeleça horários durante o dia para essa atividade, não deixe que a cada e-mail sua atenção seja desligada. Fonte: Christian Barbosa, diretor da Tríade do Tempo | www.triadedotempo.com.br


06

São Paulo, 12 de agosto de 2009

Liderança

A aquisição em ações no mês de julho liderou a rentabilidade entre os principais investimentos. O Ibovespa também refletiu a melhora na economia com uma valorização de 6,41%.

Money | pessoal A pior fase da crise financeira já passou? Cenário positivo faz com que diversos setores como a indústria enxerguem um segundo semestre promissor Por Sheyla Pereira

Setores otimistas

Antonio Cruz /ABr

Dados animadores acerca do fim da crise internacional ou pelo menos da amortização de seus efeitos não param de aparecer. O presidente dos Estados Unidos, país que deu início, em dezembro de 2007, à onda de recessão financeira em todo o mundo, surgida com a crise do Subprime,­ Barack Obama, declarou que o “começo do fim da recessão” está próximo. Os sinais de estabilização da economia em algumas regiões do país foram apresentados por um relatório do Federal Reserve (FED) – Banco Central Norte Americano – que mostrou que a maior parte dos distritos registrou moderação no ritmo de declínio econômico. Aqui no Brasil, as previsões confirmam essa estimativa. O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, afirmou que haverá uma retomada do crescimento econômico no segundo semestre da ordem de 3,5% a 4%. Já o relatório de avaliação fiscal referente ao terceiro bimestre encaminhado ao Congresso Nacional pelo Ministério do Planejamento revelou que a estimativa de crescimento da massa salarial este ano passou de 5,67% para 8,82%, claro sinal da transposição dos piores momentos.

Outra boa notícia é que, após cinco meses sem redução, a taxa de desemprego em cinco regiões metropolitanas e no Distrito Federal caiu em junho de 15,3% para 14,8% da População Economicamente Ativa, o que

“Haverá uma retomada do crescimento econômico no segundo semestre da ordem de 3,5% a 4%” Paulo Bernardo, ministro do Planejamento

pense

10 práticas que uma empresa deve

evitar na crise 1. Negar o impacto da crise 2. Não exagerar na cautela 3. Descuidar da comunicação 4. Não ponderar os custos e os ingressos para cada cenário

significa 112 mil pessoas fora das estatísticas de desemprego. De acordo com a análise do diretor da InvestPort, que atua na área de consultoria e gestão de recursos, Dany Rappaport, a economia brasileira tem sido beneficiada por dois aspectos. Um deles é o bom panorama da demanda doméstica. “Além de o brasileiro ser pouco endividado, os bancos não tiveram exposição aos ativos internacionais problemáticos”, analisa. O outro diz respeito às parcerias comerciais do País, que não sofreram tanto com os efeitos da turbulência, a exemplo da China. “As exportações, que tiveram forte queda no início da crise, se recuperaram rapidamente, principalmente em relação às matérias-primas para a China”, observa Rappaport. Para ele, a recuperação americana, portanto, seria apenas um ingrediente a mais no bom cenário que o Brasil já apresenta.

Em momentos de crise, bom saber o que não fazer e assim evitar prejuízos ainda maiores. Para ajudá-lo, a escola de negócios espanhola Centro de Estudos Financeiros (CEF) publicou uma lista com as dez coisas que as empresas não devem fazer em época de crise. Confira!

5. Passar dos orçamentos para os endividamentos

8. Não atender as mudanças de mercado

6. Descuidar da delegação de decisões

9. Ter uma reação exagerada

7. Continuar com projetos e investimentos sem reavaliá-los

10. Não prever os possíveis cenários uma vez superada a crise

De acordo com o Indicador Sensor Econômico do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), há uma maior confiança na recuperação da economia brasileira nos próximos 12 meses. Segundo o índice, que reflete as perspectivas de 115 entidades ligadas à indústria, agropecuária, serviços e comércio, e aos trabalhadores - representantes de 80% do PIB nacional - as expectativas melhoraram em relação ao desempenho da indústria e agropecuária, além das contas nacionais. A Confederação Nacional  da Indústria (CNI), por sua vez, com a Sondagem Industrial do segundo trimestre de 2009, também indicou que o otimismo está de volta ao setor industrial brasileiro. Porém, o coordenador dos cursos de Administração da Faculdade Módulo e coautor do livro “Como sair do vermelho e se tornar um investidor de sucesso”, Cláudio Carvajal, diz que os setores que mais estão animados são exatamente aqueles que receberam incentivos do Governo Federal, como o de construção civil e o automobilístico, que foram beneficiados pela redução do Imposto Sobre Produto Industrializado (IPI). “Esses segmentos estimulados com ações do Governo passaram mais tranquilamente pela crise”, diz. Além disso, segundo Carvajal, alguns segmentos foram menos sensíveis ao quadro recessivo como os de alimentação, vestuário, dentre

Empresas

Segundo o Indicador Serasa Experian de Inadimplência de Pessoa Jurídica, a inadimplência das empresas apresentou queda de 9,6% em junho de 2009, na comparação com maio último.

outros serviços essenciais. Outros, ainda, cresceram com a crise, como aqueles que identificaram oportunidades mesmo em cenário adverso. “A tecnologia VOIP, que ajudou a reduzir custos das empresas, se expandiu nesse momento”, explica.

Perspectivas Sobre o futuro da economia brasileira, Carvajal acredita depender do cenário externo, principalmente em relação aos Estados Unidos e China, já que os mercados financeiros estão altamente globalizados. “É preciso que se confirme a redução do quadro recessivo. Mas os índices de convergência de esforços são animadores”, observa. De acordo com o professor, como a crise foi essencialmente de confiança, a partir do momento que há uma retomada do crédito, há também uma expansão dos investimentos como um todo.

tome nota!

Como enfrentar tempos de crise 1. Planejar com criatividade 2. Rever seus processos e reduzir seus custos 3. Conhecer profundamente seus concorrentes, seus produtos e serviços 4. Fortalecer o espírito das equipes e incentivar a participação de todos 5. Selecionar pessoal autoconfiante e seguro 6. Manter um canal de comunicação aberto a todos 7. Investir constantemente no desenvolvimento das equipes Fonte: Paulo Ancona Lopez, diretor da Vecchi & Ancona, consultoria especializada em gestão

glossário Subprime Trata-se da crise financeira iniciada a partir da quebra de instituições de crédito dos Estados Unidos, que concediam empréstimos de alto risco a maus pagadores, fato que levou os bancos americanos à bancarrota e desencadeou a recessão financeira no mundo todo.


O mundo delas

O número de mulheres donas de empreendimentos iniciais supera o de homens pela primeira vez. Elas controlavam 52,4% dos negócios em 2007, ante 43,8% em 2006, segundo recente divulgação da Global Entrepreneurship Monitor (GEM).

Inovação

O Banco de Cordão Umbilical (BCU) foi a primeira empresa de alta biotecnologia a participar da ABF Franchising Expo 2009. Eles inauguraram o primeiro laboratório da empresa no Brasil.

São Paulo, 12 de agosto de 2009

07

Money | negócios Com a marca do sucesso 10 Boa fase do segmento de franquias no Brasil é acentuada com tendência de internacionalização Por Sheyla Pereira

O mercado de franquias parece ter ficado imune à inconstância financeira e se estabelecido definitivamente como um dos mais seguros investimentos. Somente no ano passado, em pleno “olho do furacão”, o segmento registrou, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), um faturamento de R$ 55 bilhões, crescimento de 19,5% em relação a 2007. Para este ano, a previsão é de uma evolução de 13%. É também um dos maiores geradores de emprego e renda. Motivos para tamanho sucesso

não faltam. Estatisticamente, esse tipo de empreendimento corre muito menos risco que os negócios independentes, por contar com o suporte e o know-how de uma marca já consagrada. “O setor de franquia tem no menor risco sua maior vantagem. Permite também que pessoas­ entrem em áreas onde não têm conhecimento”, explica o presidente da Global Franchise, consultoria de desenvolvimento de canais de distribuição por meio do sistema de franquias, Paulo César Mauro. De acordo com ele, esta tendência não é exclusiva do Brasil, e sim de âmbito mundial, tanto em países

formas para abrir uma franquia sem sustos

desenvolvidos como em desenvolvimento. Há inclusive uma internacionalização das marcas brasileiras nos últimos cinco anos. “Quem tem uma marca nacional, quer agora ter uma marca mundial”, diz. Mauro explica, porém, que o alvo, neste caso, não deve ser um país carente de franquia, mas aquele onde os conceitos brasileiros têm maior aceitação e competitividade. Para alcançar esses mercados, os franqueadores terão que buscar parceiros locais para serem seus franqueados máster ou unitários. “A tendência mundial é a maior interação de produtos, conceitos e marcas. Quem tiver esse poder vai exportar mais franquias”, acredita.

1. Identificar-se com o tipo de negócio 2. Investir até 70% do seu capital disponível 3. Checar as franquias existentes no tipo de negócio que você se identifica

4. Conversar com o franqueador e saber qual a proposta da franquia e os diferenciais em relação às concorrentes 5. Ler atentamente a Circular de Oferta de Franquia 6. Submeter o Contrato de Franquia à apreciação de um advogado

7. Conversar com os franqueados e checar os resultados que cada um está obtendo e o nível de satisfação com o franqueador 8. Conversar com ex-franqueados 9. Solicitar do franqueador uma avaliação do ponto comercial 10. Verificar com a franquea­ dora se é possível acompanhar, durante um período, o dia a dia de uma unidade franqueada ou própria

Fonte: Wagner D´Almeida, diretor da Global Franchising

O Melhor HOME BROKER do Brasil melhorou ainda

R$ 5,90

por ordem executada de opções e ações no fracionário

Módulo de Opções o novo serviço exclusivo do investBolsa

• • • •

Cálculo das Gregas em tempo real; Precificação de opções através do módulo de Black-scholes; Simulação de estratégia; Gráficos, etc.

0800-728-0300

www.investbolsa.com.br


08

São Paulo, 12 de agosto de 2009

Redes sociais

Cerca de 15% das visitas ao site da Tecnisa (TCSA3) no primeiro semestre de 2009 partiram do blog corporativo da empresa ou por conteúdos postados no Youtube, Orkut e Facebook.

Money | invista Lucre tijolo por tijolo Especialista esclarece principais tendências em torno das opções de investimento no setor imobiliário Por Juliana Klein

Nos últimos tempos, em função da grande quantidade de empreen­ dimentos lançados pela indústria imobiliária, investir no setor tem sido uma boa opção para quem quer iniciar um negócio ou ampliar sua carteira. Desta forma, os Fundos

lo, FII são grupos de investidores que aplicam recursos em negócios de base imobiliária, como edifícios comerciais, shoppings centers, empreendimentos residenciais, entre outros. “Por exemplo, uma empresa constrói um empreendimento avaliado em R$ 50 milhões e vende cotas deste bem para investidores que queiram fazer parte. A construção deste imóvel passa ㄰a   ser financiada por essas pessoas, sejam elas físicas 㤵ou jurídicas”, explica. Melo destaca que a 㜵 vantagem dos FII é que eles democratizam um investimento, ou seja, per㈵mitem que um investidor que tem menos recurso compre 㔀uma parte de um grande empreendimento. Entretanto, atualmente,   existe no Brasil apenas um pouco mais de 70 fundos imobiliários em funcionamento, um número baixo se comparado com outros países. Ele considera, inclusive, este como o momento ideal para os investidores aplicarem em FII, especialmente porque a taxa de juros brasileira para financiamento nunca esteve tão baixa, entre 7% e 14% ao ano. “Embora seja uma das taxas mais altas do mundo, permite ao consumidor um acesso mais facilitado ao financiamento. Além disso, sempre houve uma demanda reprimida nesse mercado, ainda mais na área de habitação popular e de classe média, explica.

de Investimentos Imobiliários (FII), que de acordo com a Comissão­ de Valores Mobiliários (CVM), já recebeu uma aplicação de mais de R$ 220 milhões só em 2009, representa uma ótima chance para construir seu sucesso financeiro. Segundo o coaching e consultor de educação financeira, Ricardo Me-

  㤵 㜵

㈵ 㔀

 

divulgação

Aprenda os principais conceitos da bolsa de valores enquanto se diverte.

O Jogo da Bol$a é o simulador em tabuleiro que ensina de forma divertida como operar em mercados em alta ou em baixa. O jogo tem a teoria de um livro - vem com 300 análises -, permite alavancagens e não envelhece: tem sempre novidades no site. Além de assimilar os conceitos com mais facilidade, você ainda corre o risco de se divertir muito com a família e amigos.  

㤵 㜵

Confira o preços promocionais. ㈵ 㔀  

“Como o setor imobiliário está aquecido, é claro que as cotas de um fundo vão se valorizar, agora se o mercado desaquecer, em linhas gerais, as cotas também se desvalorizam”

Riscos  

O consultor diz que mesmo sen㤵do um bom momento, aplicar em Fundos de Investimento Imobiliá­ 㜵 rio é um negócio arriscado como qualquer outro que dependa do equilíbrio econômico do País. “Co㈵mo o setor imobiliário está aquecido, é claro que as cotas de um fundo 㔀vão se valorizar, agora se o mercado desaquecer, em linhas gerais, as co  tas também se desvalorizam”, argumenta Melo. Outra questão que ele aponta é que o fundo esteja bem in-

Ricardo Melo, coaching e consultor de educação financeira

gerido no segmento, ou seja, a proposta do empreendimento tem que ser boa para o mercado para que as cotas tenham valor. Melo alerta também sobre a importância de conhecer bem o gestor do empreendimento, analisar o histórico dele no segmento, pesquisar se outras pessoas fizeram um investimento com ele, se tiveram retorno no passado, ou seja, avaliá-lo em todos os detalhes. “É difícil vermos fundos imobiliários sendo oferecidos por grandes instituições, por exemplo, em um Fundo de Renda Fixa o seu gestor é um Bradesco­, Banco do Brasil ou Itaú. E como os fundos imobiliários são relativamente novos, então é importante você estudar o gestor de cada produto”, aconselha.

Zona oeste em alta

Segundo o Secovi-SP, os imóveis novos do bairro da Lapa foram os que mais valorizaram na cidade nos primeiros meses do ano. O preço médio das novas unidades na Lapa cresceu 62,51%, passando de R$ 2.302 para R$ 3.741.

Outro papo

Diversifique sempre Segundo o consultor Ricardo Melo, outra boa alternativa para se investir no mercado imobiliário são os imóveis na planta, já que se tornam interessantes, pois são adquiridos com deságio e a medida que o imóvel fica pronto a pessoa passa a ter o valor integral do bem. “Acredito ser um excelente negócio, é só a pessoa investigar o histórico da construtora, fazer um bom plano de pagamento para não acertar o bolso e sempre acompanhar a construção para cobrar da construtora aquilo que foi prometido”, orienta. Além disso, outra opção de investimento são os imóveis fracionados, na qual várias pessoas investem na compra de um imóvel e dividem os lucros. “O lado positivo deste tipo de negócio é que ele permite que a pessoa tenha acesso a um bom investimento colocando menos dinheiro. Ela diminui o seu lucro, mas também diminui o seu risco. O único alerta é que o investidor faça bem a escolha de seus parceiros, pois na eventualidade de vender o imóvel, desavenças podem gerar problemas”, conclui.

Money

5

dicas ao aplicar em Fundos de Investimentos Imobiliários

1. Procure um gestor qualificado 2. Investigue no mercado a experiência que ele tem 3. Avalie o portfólio do empreendimento e leve em consideração a liquidez

glossário Comissão de Valores Mobiliários (CVM) Orgão normativo, criado em 1976 para desenvolver, disciplinar e fiscalizar o mercado de valores mobiliários não emitidos pelo sistema financeiro ou pelo Tesouro - basicamente o mercado de ações e debêntures. www.cvm.gov.br

4. Nunca invista um dinheiro que você vai precisar em curto prazo 5. Só faça a venda se você tiver um investimento melhor

Fonte: Instituto Ricardo Melo www.institutoricardomelo.com.br


Remuneração e benefícios

Mais confiança

Pesquisa da GfK revela que sentimento negativo do brasileiro com relação ao desemprego para os próximos 12 meses foi neutralizado.

Catho Online aponta que 76,9% das mulheres ganham salários menores que o do marido, número que cai para 28,9% na situação inversa.

09

Artigo/Consumo

Money | divã

As armadilhas do consumo Por que as pessoas compram tanto? Quais são as razões do consumo em excesso? O que fazer para combater a impulsividade e o endividamento?

divulgação

Por Márcia Tolotti

Todos querem ganhar dinheiro, mas primeiro é preciso parar de perder. Percebi que além de aprender a gerenciar o dinheiro através da educação financeira, é necessário que cada um compreenda os reais motivos envolvidos no ato da compra. Constatei na prática que pessoas­ com pouco ou com muito dinheiro têm em comum o sofrimento e a angústia. Observando tão de perto, que a condição econômica, realmente não determinava o bem estar, ficava intrigada, por que as pessoas associavam tão facilmente dinheiro com felicidade, se quando possuíam uma condição financeira confortável, o sofrimento não era menor. Não há uma proporção direta, entre o aumento do saldo bancário e a diminuição do sofrimento. Uma das razões são as dívidas. Não apenas dívidas financeiras, mas dívidas afetivas, porque muitas pessoas estão endividadas mesmo quando não possuem contas para pagar. Estão inundadas por culpas, ressentimentos, arrependimentos. Sentem-se devedoras de mais empenho profissional, mais atenção para os filhos, mais beleza, mais bens, mais isso ou aquilo! Resolvi demonstrar que as dívidas financeiras, em muitos casos, são contraídas por motivações afetivas e não apenas por má gestão financeira. Afinal, o que são dívidas afetivas? São os afetos que in-

São Paulo, 12 de agosto de 2009

terferem nas escolhas financeiras, por exemplo, quando os pais compram um presente para o filho, mesmo sabendo que não seria o momento adequado. Muitos pais se sentem culpados por passar pouco tempo com os filhos e compensam com algum presente, ou seja, eles se sentem endividados com os filhos. A lei da compensação é uma das grandes armadilhas! Comprar por estar angustiado, triste ou por acreditar que um sapato novo, um celular mais moderno ou um carro mais sofisticado trarão segurança, auto-estima ou felicidade, são exemplos dos afetos que interferem na hora das compras. Gastar mais do que recebe, não ter um planejamento financeiro, utilizar cheque especial, parcelar o cartão de crédito ou fazer diversos financiamentos, são exemplos de má gestão financeira. Todas essas questões são abordadas no meu livro “As Armadilhas do Consumo” (Coleção Expo Money, Editora Campus-Elsevier). Com linguagem clara e objetiva demonstro que o consumismo pode ser uma armadilha financeira e psicológica. Através do meu trabalho clínico, o Autora: Márcia Tolotti Editora: Campus/Elsevier Páginas: 216 • Preço: R$ 45,00

estudo psicanalítico e meu interesse em projetos sociais, consegui identificar as causas econômicas e psicológicas do consumo em excesso e do endividamento financeiro. No livro são apontadas as principais formas de combater o endividamento, inclusive com a indicação prática de serviços oferecidos nessa área. O estudo aprofundado mostra o perfil do endividado, a cultura do endividamento e como construir uma relação saudável com o dinheiro. Mas, sobretudo, traz uma forma de reflexão e para alguns, de mudança efetiva. Para nascer um investidor é necessário que o devedor

Leia mais

Para uma mente lucrativa Com ampla produção de pesquisa e bibliografia, a área denominada como "Psicologia Econômica" existe há mais de 100 anos na Europa e nos EUA. O Brasil, que não dispunha de publicações específicas sobre o assunto, preenche esta lacuna agora, com a obra Psicologia Econômica Estudo do Comportamento Econômico e da Tomada de Decisão, editado pela Campus/Elsevier, que faz

“Dívidas financeiras, em muitos casos, são contraídas por motivações afetivas e não apenas por má gestão financeira” Márcia Tolotti

Outro papo

Palavras cruzadas Pouco discutido no universo empresarial, mas que merece igual atenção, a dislexia, distúrbio ou transtorno hereditário de aprendizagem atinge de 7% a 15% da população mundial segundo estimativas da International Dyslexia Association (IDA). Conheça mais sobre o distúrbio e ajude colaboradores ou colegas de trabalho quem apresentam os problemas em destaque: • Dificuldade na área escrita e leitura, como a troca e omissão de letras, tanto na leitura, quanto na escrita, assim como aglutinação e separação de palavras • Erros ortográficos e de gramática na elaboração de cartas, relatórios e/ou qualquer documento que dependa da sua escrita • Dificuldade na memorização de informações (embora existam estratégias para isso) • Déficit de atenção

saia de cena, portanto é fundamental estar atento para As Armadilhas do Consumo e acabar com os endividamentos, sejam financeiros, sejam afetivos! Márcia Tolotti é Psicanalista, Mestre em Letras e Cultura, Especialista em Psicologia Clínica, Especialista em Psicologia Organizacional e do Trabalho e Psicóloga. Além de atender há 15 anos na área clínica, ministra cursos e palestras em empresas, escolas e universidades. www.moddo.com.br

• Disgrafia • Dificuldades na memória auditiva imediata e na organização espacial e temporal • Insegurança, embora seja ótimo profissional em sua área • Mais lentidão para finalizar trabalhos específicos Fonte: Mônica Bianchini, psicóloga do grupo de apoio Amigos e Dislexia

parte da Coleção Expo Money - Pro. Neste livro, a psicanalista, consultora e professora de Psicologia Econômica, Vera Rita de Mello Ferreira, apresenta o assunto por meio de informações sobre diferentes tipos de situações como poupar, investir, comprar e endividar. Vera enfoca descobertas intrigantes sobre as limitações cognitivas e emocionais quando as pessoas buscam fazer as melhores escolhas, mas se veem vulneráveis a distorções de percepção, memória e avaliação. Autora: Vera Rita de Mello Ferreira Editora: Campus/Elsevier Páginas: 360 • Preço: R$ 73,00


10

São Paulo, 12 de agosto de 2009

Direto de Dublin

Diversão/Gastronomia

A Boxer do Brasil, uma das principais importadoras de cerveja do País, agora também distribuirá os barris da renomadíssima cerveja irlandesa Guinness.

Money | bistrô Para aqueles que desejam tirar o terno e a gravata, mas manter o requinte, a cidade de São Paulo é o lugar certo gem da época da Lei Seca, anos de 1930 nos Estados Unidos, e se refere a um estado inebriante tão intenso que uma pessoa literalmente vê um elefante cor-de-rosa dançando ao redor da cabeça.

Para comer

um restaurante e casa noturna. Na pista de dança tem vasos com bambu japonês, sofás e pufes decorados com tecidos de Bali, luminárias da Indonésia, além de um globo com 1,5m de diâmetro, que remete a era disco. Para o cardápio – que oferce também os tradicionais pratos da culinária japonesa – o sushiman da casa, Ângelo Jodai, também criou receitas exclusivas com ingredientes modernos, por isso vale a pena conferir.

Homens pagam R$ 300,00 e mulheres R$ 200,00. Em noites com DJs internacionais o valor pode subir para R$ 1.000,00 Alameda Lorena, 2.119 Jardins – São Paulo – SP www.bluepepperclub.com.br Reservas: (11) 3062-7654

Pink Elephant A entrada é de R$ 250,00 para homens e de R$ 100,00 para mulheres e o local conta com serviço de cabeleireiro e maquiador. www.pinkelephantclub.com.br Reservas: (11) 2769-2003/2004

Mokai A entrada para os homens é de R$ 220,00 e para as mulheres R$ 90,00 e o ambiente conta até com um camarim para os clientes Rua Augusta, 2.805 Jardim Paulista – São Paulo - SP Reservas: (11) 3081-3103

Asia 70

divulgação

Mas quem procura por uma incrível experiência gastronômica em um ambiente com música agradável, um exemplo é o Ásia 70, ótimo lugar para quem aderiu a culinária japonesa, mas não dispensa um pouco de agitação, já que o local conta com

Happy-hour Money Blue Pepper Club

Noites paulistanas Desde dezembro do ano passado até junho deste ano, a cidade de São Paulo já conta com quatro novas casas noturnas direcionadas ao público que procura bom gosto e muito estilo. Com investimento de R$ 4 milhões, a Pink Elephant, que foi inaugurada no final de 2008, apresenta diferenciais únicos. Com seletos freqüentadores que adoram dançar, encontrar amigos e degustar um bom Whisky, a casa representa um pouco da metrópole econômica brasileira. O nome Pink Elephant vem da figura de lingua-

serviço

Rua Domingos Andrade, s/no. ou avenida Nova Independência, 865 – Brooklin Paulista – São Paulo-SP www.asia70.com.br Reservas: (11) 5506-4903

!J\^d\ekf9FM<JG8

&*!..

YZXdggZiV\Zb

Z>cbZgVhkVciV\Zch

"-deZhYZeaViV[dgbVh#8VYVjbVVYZfjVYV|hjVcZXZhh^YVYZ# "8jhidOZgdYZXjhi‹Y^V!hVfjZhZbVcjiZcdYZXdciV# "B‹YjadYZVejgVdeVgV>bedhidYZGZcYV# "KZcYVYZhXdWZgiVcd^cigVYVnXdbWVhZZbhjVh\VgVci^Vh# "DeZgVZhk^VXZajaVg# "Egdbdd-%dgYZch#>hZcdYZXdggZiV\ZbVeVgi^gYV-&¯dgYZbYdb„h#

Cd7Vc^[>ckZhikdX„gZVabZciZh‹eV\VViVmVYZXdggZiV\Zb# HZbhjgegZhVhdjXjhidVY^X^dcVa# 8VYVhigZ"hZ_{#6XZhhZlll#WVc^[^ckZhi#Xdb#Wg


MONEY_ZERO_FULL  
MONEY_ZERO_FULL  

Franquias já são um dos mais interessantes investimentos. pág |07 Você já ouviu falar em dislexia? Entenda o problema! pág |09 Money | carre...

Advertisement