Page 1

4

Ceará em Brasília www.casadoceará.org.br

Ano XXVII - 292 Outubro de 2016

Inaugurada a TV Casa do Ceará. Nas comemorações dos 53 anos da Casa do Ceará em, evento que reuniu 160 pessoas. Leia mais na pág. 20

Fernando César, JB Serra e Gurgel, Osmar Alves de Melo e Jose Jezer de Oliveira

Geraldo Vasconcelos, João Jacob Gonçalves, Estênio Campelo e sra. e Fernando César Mesquita

Dir de Educação e Cultura Casa do Ceará Vicente Nunes de Magalhães, Dir de Promoção Social da Casa do Ceará José Sampaio de Lacerda Júnior, Artista Plástico Bruno Pedrosa, Presidente da Casa do Ceará Osmar Alves de Melo, Dir de Obras da Casa do Ceará Carlos Euler Currlin, Assistente Social da Casa do Ceará Ivete Simonette, José Anchieta, Superintendente da Casa do Ceará Antônia Lúcia G. Aguiar.

Carlos Motta e Sra,, Estênio Campelo e Sra, e desembargador Cruz Macedo e Sra,

Casa do Ceará mobilizada para festejar mais um Natal Feliz dia 26.11. Leia mais na pág.

Fotos de Hermínio Oliveira

Leia nesta edição Expediente, pág. 2 Editorial, pág. 2 Espaço Luciano Barreira, pág. 2 Conversando com o Leitor, pág. 2 Samburá pág. 3 Ceará participa de feira de energia eólica, pág. 4 78,0 mil ton de melões cearenses para o mundo, pág. 4 Indústria aeroespacial de Israel quer negócios com o Ceará, pág. 4 Anúncio de José Lírio de Aguiar, pág. 4 Bruno Pedrosa, maior pintor cearense, vivo, é recebido na Casa do Ceará, pág. 5 Anúncio do Natal Feliz, pág. 5 Leituras l - A Poesia de Jarbas Júnior pág. 6 Sérvulo Esmeraldo: Um reencontro com o torrão natal, pág. 6 Comissão aprova relatório de Pimentel sobre a caatinga, pág. 6 Leituras II - artigo de Wilson Ibiapina, Adeus Piantela, pág. 7 Anuncio do Uniceub pág. 7 Leituras III - artigos de Gonzaga Mota, pág. 8 O escritor Linhares Filho recebeu da ACL o título de Príncipe dos Poetas Cearenses, pág. 8 Leituras IV - artigo de JB Serra e Gurgel, pág. 9 Acima do Brasil Ceará supera metas do Ideb para Ensino Fundamental e lidera ranking no Nordeste, pág. 9 Ceará perde Rangel Cavalcante, pág. 9 Anúncio do Governo do Estado do Ceará, pág. 10 Anúncio de M. Dias Branco, pág. 11 Leituras V - artigo de Narcélio Limaverde, o Bode Iôiô, pág. 12 Ceará já realizou 1.047 transplantes, pág. 12 Uece mais uma vez é a melhor universidade estadual do Norte,, Nordeste, pág. 12 Leituras VI - Em defesa do DNOCS, de Cássio Borges, pág. 13 77 das 100 melhores escolas do País estão no Ceará, mostra Ideb, pág. 13 Leituras VII - artigo de João Soares Neto, O ESTADO 80 anos depois, pág. 14. Câmara de Fortaleza terá 60% de renovação, pág. 14 Leituras VIII - artigo de Macário Batista, pág. 15 Christiano Câmara/Acervo pessoal guarda registros do passado Família, pág. 15 Tradição para premiar talentos, pág. 16 Anúncio da Nacional Gás, pág. 16 Momentos marcantes da vida do Comendador Albery Mariano, pág. 17 Os novos prefeitos do Ceará, pág. 18; Humor Negro e Branco Humor, pág. 19 Os cearenses na Cozinha de Brasília, pág. 19 Anúncio do Beach Park, pág. 20

Sra. Ivete Alves de Melo, José Oleskovicz e sra, Tadeu Felippelli e sra

Presidente da Casa do Ceará Osmar Alves de Melo, Promoção Social da Casa do Ceará José Sampaio de Lacerda Júnior, Artista Plástico Bruno Pedrosa.

José Sampaio de Lacerda Filho e Andreia, e Frederico Porto e Eliane

O casal Carlos Euler Curlin Perpétuo e Ângela Parente com familiares

Antônio Pessoa de Oliveira, Augusto César, Antônio Assunção e sra. comandando a mesa de Iguatu

Pessoal de Sobral, os Aguiar Antônio Carlos, Elaudy, Marcos e Messias com as sras.

Artista Plástico Bruno Pedrosa.

Presidente da Casa do Ceará Osmar Alves de Melo

Presidente da Casa do Ceará Osmar Alves de Melo, Artista Plástico Bruno Pedrosa.

Eleições 2016: conheça os prefeitos eleitos nos 182 municípios do Ceará. Leia mais na pág. 18

Fotos de Hermínio Oliveira

Jornal da Casa do Ceará

DEVOLUÇÃO GARANTIDA

CORREIOS


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Espaço Lúciano Barreira O mistério do quarto 311, em Portugal ! ...

Edi t o r i a l

Tivemos eleições municipais As novidades nas eleições foi o tsunami nacional que passou sobre o PT, que coloca em risco a sobrevivência de suas lideranças no Ceará, o sumiço do financiamento empresarial que tirou cerca de R$ 4 bilhões no patrocínio eleitoral, a presença do narcotráfico e das milícias que operam com caixa dois. Neste momento, os derrotados querem a volta do financiamento empresarial (pessoa jurídica) em detrimento da pessoa física e o aumento do tempo de campanha. Com o Mensalão e o petróleo na cola, não se sabe ainda como serão as eleições de 2018, para a Presidência da Republica, Senado, Câmara dos Deputados e Assembleias Legislativas. A presença do narcotráfico e das milícias, fortes no Maranhão, Ceará , Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul, está sendo objeto de uma intervenção forte do governo lançando uma nova política de segurança pública para travar o avanço desses grupos. NO Ceará, fortaleceu-se a liderança do ex-governadores Cid e Ciro Gomes, inclusive com a eleição do irmão, Ivo, para a prefeitura de Sobral e a eleição de 52 prefeitos . O Partido tinha 4. O senador Tasso e o Deputado Eunício ficaram no ponto de equilíbrio. O desastre eleitoral implodiu o PSB que baixou de 39 para 2 prefeituras, o PT, de 28 para 15. PSD e PRB. Inácio de Ameida (Baturité) Diretor. Expediente

Fundada em 15 de outubro de 1963 Fundadores – Chrysantho Moreira da Rocha (Fortaleza) e Álvaro Lins Cavalcante (Pedra Branca) Diretoria Presidente - Osmar Alves de Melo (Iguatu): Estênio Campelo Bezerra (Crateús) 1º vice; Adirson Vasconcellos (Santana do Avcaraú), 2º vice; Luis Gonzaga de Assis (Limoeiro do Norte), Administração e Finanças; Maria Madalena da Silva Carneiro (Garanhuns/PE) Vicente Magalhães (Aurora), diretor de Educação e Cultura; Francisco Machado da Silva (Pedra Branca), Saúde; JB Serra e Gurgel (Acopiara), Comunicação Social, Carlos Euler Currlin Perpétuo (Joinville/SC) José Sampaio de Lacerda Júnior (Fortaleza) , Promoção Social, e João Rodrigues Neto (Independência), Jurídico. Conselho Fiscal Membros efetivos: Evandro Pedro Pinto (Fortaleza) presidente, José Ribamar Oliveira Madeira (Uruburetama), José Colombo de Souza Filho (Fortaleza) ( Itapipoca); Membros suplentes: José Aldemir Holanda (Baixio). Maria Aurea Assunção Magalhães (Fortaleza) e Lúcia Maria Percy Bastos (Matias Olimpio/PI) Jornal da Casa do Ceará Fundador e Editor Emérito - Lúciano Barreira (Quixadá) Conselho Editorial Adyrson Vasconcellos (Santana do Acaraú), Ary Cunha (Fortaleza), Carlos Pontes (Nova Russas), Edmilson Caminha (Fortaleza), Egidio Serpa (Fortaleza), Frota Neto (Ipueiras) Geraldo Vasconcelos (Tianguá), Gervásio de Paula (Fortaleza), Haroldo Hollanda (Fortaleza), Jorge Cartaxo (Crato), J. Alcides (Juazeiro do Norte), José Jézer de Oliveira (Crato), Luís Joca (Fortaleza), Marcondes Sampaio (Uruburetama), Milano Lopes (Fortaleza), Narcélio Lima Verde (Fortaleza), Paulo Cabral Jr. (Fortaleza), Raimunda Ceará Serra Azul (Uruburetama), Roberto Aurélio Lustosa da Costa (Sobral) e Tarcisio Hollanda (Fortaleza). Diretor Inácio de Almeida (Baturité) Editores JB Serra e Gurgel (Acopiara) e Wilson Ibiapina (Ibiapina) serraegurgel@gmail.com / zewilsonibiapina@gmail.com Editoração Eletrônica: Vanessa Gonçalves Distribuição: Antônia Lúcia Guimarães Circulação: apoio da ANASPS O jornal não se responsabiliza por textos assinados. Banco de dados com apoio da ANASPS - Brasília – DF SGAN Quadra 910 Conjunto F - Asa Norte | Brasília-DF CEP 70.790-100 | Fone: 3533 3800 Email: casadoceará@casadoCeará.org.br / www.casadoceará.org.br

Outubro/16

2

Voltando à sala, o médico encontra o homem profundamente deprimido e pergunta: - Então, o que você e sua esposa resolveram? Pedro Freitas: A mãe disse ao Joãozinho:-Vamos O cara responde: visitar o bebê da vizinha, mas ele nasceu sem orelhas, - Ela prefere reformar a cozinha e eu não quero gracinhas, ouviu ? Chegando la, Joãozinho põe a mão na cabeça do bebê e diz:-Deus te dê boa visão meu filho. Aconteceu no Hospital D. Pedro, em Aveiro A mãe surpreendida, acha linda sua atitude e (fato verídico). pergunta:-Por que você diz isso meu filho ? -Por que se ele precisar usar óculos ele ta lascado! Durante alguns meses, acreditou-se que o quarto 311 ALGUÉM MATA ESSE JOAOZINHO tinha uma maldição. Todas as sextas-feiras, os enfermeiros descobriam um *P, M ou G* paciente morto, neste quarto da unidade de cuidados Um cara sofre um acidente de carro e seu pênis é intensivos. Claro que os pacientes tinham sido alvo de tratamentos dilacerado. Seu médico assegura-lhe que a medicina moderna de risco, mas, no entanto, já não se encontravam com a poderá trazer o seu pênis de volta, através de um vida em risco. A equipe médica, perplexa, pensou que existisse alguma transplante, mas o plano de saúde não cobrirá a contaminação bacteriológica no ar do quarto. Alertadas cirurgia, pois é considerada estética. O médico diz que os preços da cirurgia são os pelos familiares das vítimas, as autoridades abriram um inquérito. seguintes: Os doentes do 311 continuaram, no entanto, a morrer no R$ 5.000,00 - tamanho pequeno; mesmo ritmo semanal, e sempre às sextas-feiras. R$ 9.000,00 - tamanho médio; Colocada uma câmera filmadora no quarto, o mistério R$15.000,00 - tamanho grande. O homem aceita o transplante, só ficando em dúvida finalmente se resolveu : ‘Todas as sextas-feiras, de manhã, lá pelas 7 horas, a quanto ao tamanho: P, M ou G. mulher da limpeza desligava os aparelhos do doente para O médico o aconselha a conversar com a esposa antes de decidir e sai da sala para deixá-lo à vontade. ligar o aspirador de pó!!!’ O homem telefona para a esposa e explica a situação.

Conversando com o Leitor Sensibilizou-me memória da parteira das cinco mil vidas de Acopiara, muito bem retratada pelo expoente escritor João Bosco Serra e Gurgel, uma delas, como também eu. Sempre que leio sua coluna no “ CEARÁ EM BRASÍLIA”, revivo o período que lá vivi. Abraços do acopiarense Cícero Barbosa da Silva - Campo Grande MS. + Recebemos o Binóculo de agosto de 2016 com artigos do Dias da Silva, Batista de Lima, Jacob Fortes, Maria Lúcia Ranel, Januário Bezerra. Poesias de Francisco Carvalho. Horácio Dídimo, Gelmirez Fones. Sebastião Dias de Lima, Marcos Antônio Frota, Aila Sampaio e Sânzio de Azevedo. + Sensibilizou-me memória da parteira das cinco mil vidas de Acopiara, muito bem retratada pelo expoente escritor João Bosco Serra e Gurgel, uma delas, como também eu. Sempre que leio sua coluna no “ CEARÁ EM BRASÍLIA”, revivo o período que lá vivi. Abraços do acopiarense Cícero Barbosa da Silva - Campo Grande MS. + Finalmente chegamos com relativo atraso as 300 mil visualizações no site da Casa do Ceará www.casadoceara.org.br + Em setembro, tivemos 6.079 sessões, 4,392 usuários e 12.926 visualizações. + Fomos visitados por cearenses em 14 países especialmente Reino Unido, Estados Unidos (Nova Iorque), Índia (Nova Delhi), Israel (Herzliya), Alemanha, Holanda, Bélgica, França. Coreia, Moldávia, Portugal e Singapura.

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

+ No Brasil, fomos visitados por cearenses e não cearenses de 124 cidades, inclusive Brasília, Goiânia, Rio de Janeiro, São Paulo, Fortaleza, Águas Lindas de Goiás, Porto Alegre, Manaus, Belo Horizonte, Cuiabá, Luziânia, Recife, São Gonçalo, Curitiba, Juazeiro do norte, Campo Grande, Natal, Petrolina, Santo Antônio do Descoberto, Uberlândia, João Pessoa, Iguatu, Unaí, Anápolis e Formosa. + Como já explicamos em edições anteriores. Usamos um contador que difere do contador do Google. Pelo Google Analytics ultrapassamos há muito tempo as 300 mil visualizações. Isto apenas compra que o nosso site continua aproximando os cearenses no Brasil e no exterior. +O mesmo vem acontecendo com o nosso facebook que registra uma enxurrada de visitas, de curtições e de compartilhamentos, o que nos assegura ampla visibilidade. + Os nossos outros sites continuam sendo visitados. O www.Brasília50anosdoceara.com.br esta chegando as 90 mil visitas. É o site que conta a presença do Ceará e dos cearenses na consolidação de Brasília. A primeira geração dos cearenses que aqui chegaram, pioneiros ou não + O outro site que marcou os 50 anos da Casa do Ceará, em 2013, chegou as 13 mil visitas. + Neste momento, estamos colocando no ar mais um instrumento de comunicação: a TV Casa do Ceará que, correndo por cima do Youtube será relevante para construirmos a memória digital da Casa do Ceará bem como de filmes, reportagens, documentários sobre o Ceará e os cearenses.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Foto Patricia Parley.

SAMBURÁ - Avenida Beira Mar Macário Batista e Mônica Bérgamo Conta a Mônica Bérgamo E, em meio à tensão da Operação Lava Jato, o juiz Sergio Moro viajou aos EUA para palestras na Universidade da Pensilvânia. Ele tinha participação confirmada como o convidado principal de um simpósio com o tema “Produzindo Líderes de Caráter e Integridade: Incutindo Valores na Vida Pública”. Esta semana foi para berlinda no documento espalhado na ONU contra ele e a lava a jato Dessalinização O assessor Especial de Assuntos Internacionais do Governo do Ceará, Antônio Balhmann, representando o governador Camilo Santana, participou de visita oficial a uma usina de dessalinização da água do mar, em Busan, na Coreia do Sul. A planta com capacidade de dessalinizar e tratar 45 milhões de litros por dia pertence à empresa Doosan Heavy Industries & Construction. Balhmann participou ainda de reunião com o vice-presidente da Doosan, Sang-Woo Byun e com a área técnica da empresa. Na ocasião, ele conversou com os empresários sobre a possibilidade de instalação de um projeto de dessalinização da água do mar em Pecém. Boa parte dos projetos de grande escala no Oriente Médio e na Arábia Saudita foram feitos pela Doosan”, informou. A equipe da Doosan virá ao Ceará ainda esse ano para avançar nas negociações. Cun-ver-sé-e-essa!!! Se um cearense virar pra você e disser “cun-ver-sé-é-essa”, fique sabendo que não estará acreditando numa letra do que cê estiver falando. Cultura da coluna. BNB Antônio Rosendo Neto Júnior é o novo diretor de Negócios do Banco do Nordeste. Ele entra no lugar de Joaquim Alfredo da Cruz Filho. O novo diretor tem 51 anos, é funcionário concursado da Secretaria da Fazenda do Maranhão (Sefaz-MA) e exerceu atividades de gerente e diretor em diferentes empresas nos últimos 20 anos. Administrador de empresas, Rosendo Neto Júnior tem pós-graduação em Gestão Pública e Direito Tributário. Era o secretário-adjunto no Governo do Maranhão Dialeto Cearensês Reginaldo Vasconcelos, presidente da Academia Cearense de Literatura e Jornalismo, em 2011 , colocou no mercado sua obra “Dialeto Cearense”, Dicionário de Cearense ou Glossário de Termos Cearenses, com 107 páginas, que segue a trilha de diversos autores cearenses que se debruçaram sobre desde Raimundo Girão.

Ceará em Brasília

Piantela O fechamento do Piantela em Brasília encerra a Nova República em Brasília. O famoso causídico, Kakay, quando assumiu levou um parente para ser o gerentão. O homem chegou e despediu o chefe de cozinha, que também era patrimônio do Piantela. O fato abalou a cozinha e o subchefe que tinha tempo para se aposentar pediu as contas. Nunca mais a comida foi a mesma. Os clientes sumiram e as portas fecharam. Leia mais sobre o Piantela na coluna do Wilson Ibiapina que foi frequentador assíduo, com cadeira cativa na mesa idem de Carlos Henrique. Conta a Mônica Bérgamo E, em meio à tensão da Operação Lava Jato, o juiz Sergio Moro viajou aos EUA para palestras na Universidade da Pensilvânia. Na quinta (15), ele tinha participação confirmada como o convidado principal de um simpósio com o tema “Produzindo Líderes de Caráter e Integridade: Incutindo Valores na Vida Pública”. Esta semana foi para berlinda no documento espalhado na ONU contra ele e a lava a jato Casa de Juvenal Galeno O Conselho Estadual do Patrimônio aprovou, o tombamento em definitivo da Casa de Juvenal Galeno, local onde nasceu o escritor cearense Juvenal Galeno, nacionalmente reconhecido. O tombamento veio após estudo que durou cerca de oito meses. A Casa, que fica ao lado do Teatro José de Alencar (Rua General Sampaio, 1128 – Centro), é hoje um centro cultural mantido pela Secretaria da Cultura do Estado e sendo sede de várias entidades literárias e artísticas. O secretário estadual da Cultura, Fabiano dos Santos, anunciou investimento no valor de R$ 100 mil em um novo edital para a programação artística da Casa de Juvenal Galeno. Memorias São muitas as histórias de Wilson Ibiapina sobre o Piantela, o mais famoso restaurante de Brasília que fechou. Outros famosos fecharam e não deixaram saudades como a Churrascaria Porcão, reduto de mulheres bonitas, prefeitos do interior e políticos corruptos, Stella, reduto de velhos jornalistas, políticos e advogados, o Vecchia Cuccina, o Antiquário. Nos restaurantes que restam, políticos e lobistas só pagam conta em dinheiro vivo. Tinha um magnata da educação que pagava sem constrangimento algum 15 /18 mil reais por um almoço regado aos melhores vinhos. Uma loucura. Saudades do Tim Maia É dele: “Este país não pode dar certo! Aqui prostituta se apaixona, cafetão tem ciúmes, traficante se vicia e pobre é de direita”. Tem quem complemente... e ladrão vira ministro.

Posse na Academia Foi em 18.10 a posse do novo acadêmico da Academia de Letras de Brasília, escritor Osmar Alves de Melo (Iguatu), presidente da Casa do Ceará em Brasília, na Cadeira XXIII, patroneada pelo escritor Gonçalves Dias. A solenidade foi na embaixada de Portugal e reuniu os inúmeros amigos de Osmar que já é membro do Instituto Histórico e Geográfico de Brasília. Na Academia, fará companhia ao cearense Adirson Vasconcelos (Santana do Acaraú) e considerado o Historiador de Brasília. Na edição de novembro, mais detalhes da posse. Pichação Grupo de turistas da amizade e seguidor da coluna do Macário Batista ficou assustado com o que viu em Fortaleza. – Jamais vimos uma cidade com tanta pichação do Brasil como Fortaleza. Olhando com mais cautela faz sentido. A cidade está imunda da presença nefasta desses infelizes que teimam em emporcalhar muros, ruas, viadutos, tudo enfim. Uma sujeira só. Veículo Leve Sobre Trilhos O Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) de Sobral atualmente funciona em regime de operação assistida, nos horários de 8h às 12h, de segunda a sexta-feira. O equipamento transporta por dia, em dia 2.600 passageiros. Para ampliar o horário de funcionamento e dar início à operação comercial do sistema sobralense, a Cia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor) lançou edital de seleção pública para o VLT de Sobral. Mariana Ximenes Uma bela surpresa reservou Luciano Hook no seu Caldeirão para Mariana Ximenes, filha de cearenses e que um dia foi a Groaíras , a 220 km de Fortaleza, e que fica na região de Sobral, visitar sua bisavô, acompanhada da avó e da mãe. A equipe de Luciano recriou o cenário da casa da bisa em Groaíras, com ênfase dada ao pé de siriguela e a um bode que ficava amarrado no pé. Com família que hoje mora com ela no Rio curtiu muito. Na falta de siriguela madura, pois é fruta do verão, tinha siriguela verde e caju maduro. Quando a idade decide Em Cariús, no Centro-Sul cearense, a eleição foi decidida de forma inusitada: pela idade dos candidatos. Iran (PSDB) e Nizo (PMB) obtiveram, ambos, 5.811 votos. Empatado, o pleito foi decidido por regra eleitoral que prevê que quando há empate entre candidatos, é eleito o candidato mais idoso. Essa situação está prevista no artigo 110 do Código Eleitoral. Assim, Iran que tem 46 anos venceu seu adversário Nizo, que tem 41 anos. Ou seja, ter nascido apenas cinco antes, garantiu a Iran os próximos quatro anos à frente da prefeitura de Cariús. Os dois tiveram 48,34% do votos dos eleitorado. Ana Maria (PCdoB) teve 2,98% e Luiz Caximbo (Psol) obteve 0,33% dos votos.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

3

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Ceará participa de feira de energia eólica

78,0 mil ton de melões cearenses para o mundo

Indústria Aeroespacial de Israel quer negócios com Ceará

O Ceará já conta com cadeia produtiva de energia renovável – tem fábricas de pás, torres, aerogeradores, escadas, elevadores e componentes - e está fortalecendo a atuação no setor. Vários são os fatores, como sua estrutura logística, localização geográfica privilegiada que permite a escoação desses componentes para a execução de parques eólicos, melhores ventos do mundo, que foram apresentados pela secretária do Desenvolvimento Econômico (SDE), Nicolle Babosa, na 7ª edição do Brazil Wind Power, maior evento de energia eólica da América Latina. Pela primeira vez, o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico (SDE) e sua vinculada, a Agência do Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), participa com estande na Brazil Wind Power. A titular da SDE está apresentando aos investidores nacionais e internacionais do setor de energias renováveis as potencialidades das vantagens de se investir no Ceará. A secretária lembra que o Brasil atingiu a importante marca de 10.000 MW gerados através de energia eólica. Nos próximos três anos serão R$ 60 bilhões em investimentos já garantidos por contratos e 150 mil novos empregos diretos e indiretos gerados por conta destes novos projetos, numa demonstração de que o mercado é extremamente promissor. Como diversos parques estão em construção no País, a expectativa é de que alcance 20 GW de capacidade de energia eólica até 2019 a uma taxa de crescimento anual média de 20%.

O pico Pico da safra de melão deve ser atingido no fim de setembro. Começou, na segunda quinzena de agosto, a colheita de melão, principal produto da pauta de exportação do agronegócio do Estado em 2015. Os primeiros contêineres da fruta já começaram a ser embarcados para o exterior. Iniciada na 32ª semana do ano, a colheita da safra 2016/2017 já começou a impactar na geração de empregos das regiões produtoras. E mesmo diante do quinto ano consecutivo de seca no Estado, a expectativa da maior produtora de melões do País, a Agrícola Famosa, é de aumento da produção, das exportações, e de faturamento. “Além do aumento da área plantada, a gente tem uma expectativa de aumento de produtividade em 5%”, diz Luiz Roberto Barcelos, sócio e diretor de Produção da Agrícola Famosa, empresa sediada em Icapuí, no litoral leste do Estado, na divisa do Ceará com o Rio Grande do Norte. A empresa estima que, com um aumento de 5% da área plantada entre 2015 e 2016, conseguirá obter um crescimento de 10% da produção, em relação ao resultado do ano passado. Entretanto, considerando a safra total do Estado, a estimativa é de que a produção de melão seja de 78 mil toneladas neste ano, o que representa uma queda de 30%, em relação às 111,4 mil toneladas colhidas em 2015. E com relação à área plantada, a estimativa é de queda de 34%, Apesar da expectativa de queda, a estimativa para a safra de melão 2016, feita em agosto pelo LSPA, já é 14,4% maior do que a realizada em janeiro (68.174 toneladas).

O Ceará recebeu em 13.09 dirigentes da Israel Aerospace Industries (IAI), fabricante e desenvolvedora israelense de satélites, veículos aéreos não tripulados, aeronaves civis e militares, radares, mísseis, barcos de patrulha e sistemas de defesa cibernética e soluções de comando e controle. A empresa atendeu convite da secretária do Desenvolvimento Econômico, Nicolle Barbosa. Segundo Nicolle Barbosa, o objetivo da visita foi identificar possíveis investimentos a serem realizados pela empresa no Ceará, bem como possibilidades de intercâmbio tecnológico. Durante encontro com representantes do Governo, os dirigentes da empresa apresentaram a vasta linha da corporação, contemplando desde fabricação e desenvolvimento de aeronaves e veículos aéreos não-tripulados (VANTs) até soluções em comunicação e segurança cibernética. Organizada em seis divisões, a IAI possui 15.000 funcionários e faturou cerca de US$ 4 bilhões no último ano, com 80% da receita oriunda de exportações. O CEO da empresa no Brasil, Henrique Gomes, destacou que atualmente a empresa possui cerca de US$ 9 bilhões em encomendas contratadas.

Há 44 anos

Outubro/16

4

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Bruno Pedrosa, maior pintor cearense, vivo, é recebido na Casa do Ceará e faz doação de quadro.

O consagrado pintor cearense Bruno Pedrosa do nascimento de Joaquim Vieira, 250 anos de Rio de Janeiro e do Rio há 25 anos foi para a Itália, (Lavras da Mangabeira) que mora na Itália foi nascimento de Antônio Félix Vieira, 144 anos da levando consigo grandes recordações do Ceará, obhomenageado com café da manhã pela diretoria fundação da capela de São Sebastião no sitio São jetos que pertenceram a seus familiares e reafirmou da Casa do Ceará em 28.09, presentes o presidente José, 120 do nascimento de Maria José do Espírito que “a gente sai do Ceará mas o Ceará não sai da Osmar Alves de Melo e os diretores José Sampaio Santo, 50 anos de carreira de Raimundo Pinheiro gente”, parafraseando o jornalista Wilson Ibiapina. Disse que recriou na sua Casa e atelier, na de Lacerda Júnior, JB Serra e Gurgel, Itália, um ambiente típico do Ceará “a fim Vicente Magalhães e Eurler Curlin de manter os laços com a terra natal, com Perpétuo, quando anunciou a doação várias manifestações que me transportam de um quadro para a Pinacoteca Alvaao Sítio São José, às minhas raízes e que ro Lins Cavalcante, da Casa do Ceará. me ensinaram meus avós, bisavós e meus O quadro está no Rio de Janeiro e será pais”.Para resgatar seus laços familiares incorporado à Pinacoteca. Na edição empreendeu uma ampla pesquisa que o de julho do Ceará em Brasília regislevou a revolver arquivos e cartórios em tramos a repercussão do lançamento Lavras da Mangabeira, Crato e em Portugal. em Fortaleza. Na sua visita à Casa, Bruno estava Bruno Pedrosa veio a Brasília para o acompanhado de seu primo José Anchieta lançamento do seu livro sobre O Povo de Oliveira e do primo de sua mulher, Ludo São José - Memória Genealógica ciano Brasil. de uma Família Sertaneja, no Senado O presidente da Casa aproveitou a oporFederal, de 1.251 páginas. Este foi o Luciano Brasil, Diretor de Obras da Casa do Ceará Carlos Euler Currlin, Diretor de Educação e Cultura Casa do Ceará Vicente tunidade para lhe mostrar a Pinacoteca 4º lançamento do livro com tiragem Nunes de Magalhães, Jornalista Inácio de Almeida, José Anchieta, Presidente da Casa do Ceará Osmar Alves de Melo, Artista Plástico Bruno Pedrosa, Diretor de Comunicação Social da Casa do Ceará João Bosco Serra e Gurgel, Diretor de Promoção Social Alvaro Lins Cavalcanti, onde está o acervo numerada de mil exemplares que foi da Casa do Ceará José Sampaio de Lacerda Júnior, Superintendente da Casa do Ceará Antônia Lúcia G. Aguiar. que inclui telas de Raimundo Cela, consiinicialmente lançado no Instituto Histórico e Geográfico do Ceará, em Fortaleza, depois Pedroza (Bruno Pedrosa). São apresentados os derado o maior pintor do Ceará, Sinhá d’Amora, na Universidade do Cariri, no Crato e na Fazenda dados genealógicos de 10 gerações advindas de Aldemir Martins, Tárciso Viriato, Barrica, Chico Antônio Félix Vieira e Maria Joaquina. Deste casal da Silva, Afonso Lopes, Heloisa Juaçaba, Otacílio Torrões, da família, em Lavras da Mangabeira. No lançamento do livro em Fortaleza, Edmilson surgiram cinco filhos e 46 netos, 296 bisnetos e atu- Azevedo. O acervo, em principio, será mostrado Caminha, articulista desta flamante folha, sugeriu almente, segundo sua pesquisa, estão catalogadas em Fortaleza, em 2016, no Shopping Bemfica e no Centro Cultural Dragão Mar, com a colaboração do a Bruno Pedrosa que doasse um livro à biblioteca 12.174 pessoas. Bruno Pedrosa recordou que saiu de Lavras da escritor João Soares Neto. da Casa do Ceará. Prometeu e cumpriu. O livro foi escrito para homenagear os 400 anos Mangabeira para estudar no Crato e de lá foi para o

4º NATAL FELIZ NA CASA DO CEARÁ Faça sua doação de cestas básicas e brinquedos, e colabore com o Natal de centenas de famílias carentes!

C o r te d e c a b e l o M a n i c u re e p e d i c u re Assessoria jurídica A fe r i ç ã o d e p re s s ã o P re s t a ç ã o d e s e r v i ç o s d e O d o n to l o g i a e M e d i c i n a Distribuição de cestas básicas e b r i n qu e d o s Re c re a ç ã o i n fa n t i l

26/11/2016 a partir das 07:30

Postos para doações:

Casa do Ceará KSA Materiais de Construção - Taguatinga SGAN 910, conjunto F/G M Norte - (61) 3372.1400 (61) 3533-3800 / (61) 3533-3808 SDE 01 CJ. D - Lote 2/6 e 10/14 Apoio :

KSA Materiais de Construção - Taguatinga L Norte - (61) 3475.1400 CNJ 4 - Bloco A - Lojas 03 a 08

Comendador Dr. Albery Mariano

Casa do Ceará Brasília

SGAN 910 Conj. F/G Fone: 61 3533-3800

Gráfica Rápida

Ceará em Brasília

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

Copiadora

5

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras I

Impasse Político

Jarbas Júnior (*) Dilma era mesmo diabo de saia? Corrupta vítima vilã do sistema, surpreendida pela maracutaia astuta e venal desse esquema montado para perdê-la diante da opinião pública irrelevante entre a verdade e o vil engodo aliciante, com bastante mídia alimentando esse tempo todo a televisiva hipnótica perfídia. Inocente ninguém é, da laia bandida, salafrária dos dois lados, o ardil para que caia na armadilha a presa, pois ela caiu achando que podia incauta com toda ousadia abusar da tolerância digna do povo bom que a elegeu. O vice amigo da onça, maligna trama preparou e ela mordeu a própria cauda política afoita, enquanto, ele agia na moita. Não confio mais na politicalha. Que partido serve? Canalha Em qualquer cínica legenda. Gatunagem explícita, roubo franco, patifaria tremenda! Não comemoro nada, quem sai não deixa saudade nem na beleza física, moral ética. O que uma mulher feia tem de poética e de graciosa? Eis o problema: entra no posto dela, talvez, outro desgosto.

Seca de 2016 no Ceará

A seca sedenta primeiro bebe toda a água restante. Depois, o suor do retirante, ou até um mangue inteiro! A morte, quando lhe bebe a própria vida e o sangue.

Reclame

Eu não escrevo mais para quem não me responde. A poesia está onde não somos irracionais.

Iniciação do Olhar

A foto é o espelho invertido da imagem, além do sentido da miragem, fascina, seduz a sombra refletida na luz! Engano que nos hipnotiza, vemos apenas imaginária face daquilo que se fixa, Narciso afogado pela sua visão a olho nu refratária. Cego de paixão ele busca a transcendência brusca!´ (*) Jarbas Júnior (Fortaleza) poeta.

Outubro/16

6

Um reencontro com o torrão Exposição de Sérvulo Esmeraldo homenageia o Crato 65 anos após a primeira mostra do artista na terra natal

A mostra inclui 59 obras do artista, entre relevos, pinturas, desenhos e esculturas. Elas ficarão expostas na Urca e na Encosta do Seminário. Era 1951 quando o artista cearense Sérvulo Esmeraldo adentrou as dependências da então Faculdade de Filosofia, no Crato, para apresentar ao público sua primeira mostra individual. Sessenta e cinco anos depois, ele retorna ao mesmo lugar - hoje Universidade Regional do Cariri (Urca) - para apresentar o que chama de “exposição dos sonhos”, um projeto sobre o qual tem falado durante boa parte de sua carreira. A mostra “Sérvulo Esmeraldo: A Linha, A Luz, O Crato”, cuja abertura acontece amanhã (10), é composta por 59 obras do artista - entre pinturas, desenhos e esculturas -, mas passa longe de uma retrospectiva. A escolha das peças leva em consideração aspectos como o afeto do artista por determinadas obras. Além disso, a mostra inclui peças inéditas. É fato que Sérvulo nunca deixou que sua cidade natal escapasse de dentro de si. A relação dele com o Crato é tão intensa que não há dia que termine sem uma mínima referência dele ao lugar onde nasceu. Aos 87 anos, o artista ainda arrisca uma sugestão à esposa Dodora Guimarães (que assina a curadoria da exposição): “Vamos morar no Crato?”. “Agora já é tarde”, ela responde, consciente da relação intensa entre o marido e a cidade. “A relação dele com o Crato é de muito amor. A região foi uma grande escola pra ele”, diz Dodora. Referências O Crato é um dos pilares do trabalho artístico de Sérvulo Esmeraldo - seja na inspiração ou nas inúmeras referências para que desenvolvesse desenhos, pinturas e esculturas. “Ele costuma dizer que tudo começou no Crato: com seus inventos, a xilogravura que conheceu nas feiras, as esculturas aprendidas pelos esvotos”, conta Dodora. E é justamente por isso que hoje Sérvulo teima no desejo de devolver à cidade parte do que desenvolveu ao longo da carreira por meio de obras de arte - em galerias, mas também sob a gentileza da arte pública, nas ruas. “A exposição é um grande desejo dele e foi planejada pra cumprir isso. Estamos expondo 59 obras, na Urca e na Encosta do Seminário. Próximo ao Seminário São José, onde ele estudou, há duas esculturas monumentais na rua.

Na Urca, há uma sala e outras dez obras a céu aberto, no jardim - bem de acordo com o pensamento dele (Sérvulo) de arte pública”, explica Dodora Guimarães. Dentre as peças da mostra, está uma série de desenhos livres e intuitivos produzidos recentemente (entre 2015 e 2016) em homenagem ao Crato, intitulada “Suite Araripe”. A mostra também inclui relevos, esculturas e gravuras. “Como curadora, eu quis fazer a exposição dos sonhos dele, algo que correspondesse não só à qualidade da obra, mas também aos sentimentos dele pelas obras. Este é um presente para o Crato”, diz Dodora. Apesar das referências e mesmo da relação afetiva com a cidade, Sérvulo Esmeraldo só expôs no Crato três vezes. “A primeira vez foi em 1951. Em 2001, ele fez uma pequena exposição. E agora temos esta mostra, que é rica de significados, tanto que estamos recebendo amigos artistas de diferentes lugares do Brasil”, recorda a esposa. Sérvulo Esmeraldo deixou o Crato em 1947, aos 18 anos, após ser expulso do colégio porque lia um livro do escritor Jorge Amado. “O perigoso comunista!”, ri Dodora. E emenda: “Naquela época, a lei dizia que aluno expulso de escola pública tinha que passar cinco anos sem frequentar. A avó dele mandou telegrama e recebeu resposta do (então) ministro da educação, Gustavo Capanema, e ele garantiu a matrícula do Sérvulo no Liceu, em Fortaleza”. Foi no Liceu que Sérvulo conheceu outros artistas e ingressou na Sociedade Cearense de Artes Plásticas (Scap). O artista iniciado no Crato participou do Salão de Abril e seguiu carreira - chegou a morar na França e em São Paulo e produziu um acervo importante para o Ceará e o Brasil, mas nunca deixou de lado a relação com a cidade natal. Parte de sua história de vida está no livro “Sérvulo Esmeraldo: A Linha e a Luz”, que ele lança amanhã, quando também toma posse da cadeira Aldemir Martins, do Instituto Cultural do Cariri. Mais informações: Exposição “Sérvulo Esmeraldo: A Linha, A Luz, O Crato”, de 10/09 a 08/10, das 8h às 21h, na Urca (Rua Cel. Antônio Luís, 1161, Crato) Contato: (88) 3102.1200

Comissão aprova relatório de Pimentel sobre desenvolvimento da caatinga A região está em avançado estado de desertificação A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) aprovou nesta terça-feira (13/9), por unanimidade, relatório do senador José Pimentel (PT-CE) favorável ao projeto de lei que cria a Política de Desenvolvimento Sustentável da Caatinga. Estão previstas várias ações de fomento a atividades agropecuárias e florestais sustentáveis na região, que se encontra em avançado estado de desertificação, com apenas 0,28% de sua área protegida em unidades de conservação. Segundo Pimentel, “o projeto regulamenta o investimento de recursos do Fundo Constitucional do Nordeste (FNE) em políticas de preservação ambiental, de maneira que possamos reduzir a desertificação na região Nordeste e garantir o reflorestamento e a preservação da caatinga”. O senador disse que “o Brasil precisa ter um olhar diferenciado para o bioma caatinga que está em extinção”.

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

José Pimentel destacou que, “no Ceará, esse processo de desertificação está muito adiantado”. Ele citou como exemplo o município de Irauçuba que “está em avançado estágio de desertificação, por conta da agricultura de subsistência e em face do baixo índice de chuvas”. Características - Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a caatinga é o quarto maior bioma do país e ocupa 10% do território brasileiro, nos noves estados do Nordeste, além de parte de Minas Gerais. A área abriga 23,5 milhões de pessoas. Ações - O PLS 222/2016, de autoria do senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), tem como objetivo articular a atuação do poder público e da iniciativa privada para o desenvolvimento de ações que melhorem a qualidade de vida dos moradores da região da caatinga. A política aprovada na comissão prevê a capacitação de técnicos e produtores, o estímulo ao uso racional da água e a práticas de manejo e de conservação do solo.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras II Wilson Ibiapina (*) Com a queda de Dilma, quem sai de cena também é o restaurante Piantella. Não é que ela e o PT tenham marcado época frequentando o lugar mais nobre da noite brasiliense. O restaurante ficou famoso com o nome Tarantela e sob o comando do mineiro Marco Aurélio. Jornalistas que faziam a cobertura política começaram a atrair para o lugar os parlamentares que faziam política, que geravam notícias. Os outros acharam que bastava frequentar o local para aparecer na mídia. Durante décadas foi o reduto dos políticos de Brasília. Jornalistas e empresários de todo o país almoçavam e jantavam no Piantela. Os políticos do PMDB elegeram o Piantella como seu restaurante preferido. A casa na 202 Sul conservava a mesa onde Ulysses Guimarães costumava se sentar. Ele era um apreciador do picadinho em dias úteis. Às vezes, preferia o ossobuco. Mas, aos sábados, o cassoulet era de lei .A cozinha era comandada pelo cearense Gerardo Palito. Foi ele quem deu personalidade ao restaurante. Vinha gente de longe provar o picadinho à brasileira ou a truta com amendoa. O almoço entrava pelo jantar. Depois da sobremesa de sorvete, vinha a aguardente francesa de pera. O dr. Ulisses adorava. A turma dele passou a ser chamada de turma do poire. Sexta feira era um dia mormo, poucos clientes. Para ajudar Marco Aurélio, Carlos Henrique de Almeida Santos resolveu propor : almoço a vinte dólares por cabeça. A bebida por fora. Marco Aurélio topou. Sexta feira ficou infernal. Todo mundo queria participar. O almoço ficou tão famoso que começou a aparecer pessoas nunca vistas nem imagináveis O importante era o contato com autoridades, jornalistas, pessoas do governo. Queriam pagar tudo pelo simples prazer de estar perto de políticos e autoridades

Ceará em Brasília

Adeus Piantella

do governo. Quando começou a virar um encontro de lobistas resolvemos acabar. Alguns , como Pedro Rogério, Bira Formiga, Roberto Macedo, Reginaldo Castro, Milton Gontijo, Alex Gonçalves, Paulo Lustosa, Paulo Perez, Alcides Barroso, Luis Carlos Carvalho,Sebastião Neri, Afranio Rodrigues e muitos outros ainda tentaram segurar a bandeira das sextas animadas, Não deu. Marco Aurélio não estava mais no Piantella, Palito não comandava mais a cozinha. O restaurante foi remodelado, ficou um horror. A comida não era mais a mesma. Os clientes sumiram. Até o pianista pernambucano, Mariozinho, que alegrava as noites, não estava mais lá. Os namoros entre políticos e secretárias, mulheres da sociedade e empresários viraram histórias do passado. Muitos dos velhos clientes morreram, como Nilson Curado,José Guilherme e Cláudio Julio que achava que ia morrer e carregava a lousa que queria no túmulo. Carlos Henrique ainda lembra: “Sob a branca louça/ Cláudio Julio repousa/ Aliás, nesta vida/ Nunca fez outra cousa”. Os antigos clientes estão velhos ou já morreram. Os jovens estão em busca de novos recantos agradáveis dentro da noite. Foi lá, por exemplo, que o PMDB autêntico discutiu suas estratégias contra a ditadura. Em mesa cativa, Ulysses Guimarães articulou com outros personagens, incluindo o grande Tancredo Neves, o movimento que levou o país à transição democrática. Fernando Henrique Cardoso, José Serra e outros tucanos também foram assíduos frequentadores, e suas mesas assistiram também as conversas que resultaram em sua saída em bloco do PMDB para criar o PSDB. Delfim Neto tinha mesa cativa. Às sextas, Carlos Henrique organizava mesa que juntava Mauro Santayana, Sebastião Nery, Pedro Rogério, Jorge Oliveira e outros nomes da reportagem política. O anúncio foi feito por Kakay, seu atual proprietário. Em mensagem aos amigos e frequentadores do histórico restaurante, informou: “O Piantella era um patrimônio imaterial da cidade. Tem horas, porém, que a realidade tem que ser enfrentada. Me despeço do Piantella como quem se despede de um amigo”.

Aconteceu no Piantella Um dia, levei o Tom Cavalcante ao Piantella. Antes do almoço ficamos fazendo hora no bar. Os amigos foram chegando, a bebida rolando e a conversa solta no mundo, indiferentes ao amigo Tom, não o reconheceram. Aí chegou a hora de apresentá-lo. Quando descobriram que estavam diante do grande humorista de Sobral foi um Deus nos acuda. Nunca vi nada parecido. Transformaram-se em espirituosas criaturas. Cada um queria contar uma história mais engraçada do que a outra. Era como se estivessem querendo que o Tom um dia lembrasse deles, contando no palco uma de suas histórias. O então senador Artur Virgílio contou um fato que protagonizara quando candidato no Amazonas. Um bêbado queria que ele fosse até a mesa onde estava a família dele. Insistiu tanto que não teve saída. O senador, depois das apresentações, resolve abreviar sua passagem pela mesa fazendo um brinde: - Vamos saudar a esposa do nosso companheiro, um brinde a todos. E o bêbado, mais irreverente, não podia: - Esposa, não, senador. Tô só transando. Numa sexta, levei o economista Gonzaga Mota para almoçar no Piantella. Marco Aurélio, o dono do restaurante, chega e apresento o Gonzaga como futuro governador do Ceará. Ele duvidou do potencial do candidato. Poucos meses depois estava em Fortaleza, convidado do governador, participando da posse. Noutra sexta, Carlos Henrique adentra ao bar do Piantella na companhia de Rafael Rabelo. Nesse dia não teve almoço. Foi muito violão, dedilhado com maestria, para nosso deleite, até à seis da tarde. Foi quando fiquei sabendo que Rafael era irmão dos jornalistas Rui Fabiano e João Bosco, dois papas da mídia brasileira e, de quebra, cunhado do Paulinho da Viola. (*) Wilson Ibiapina (Ibiapina) jornalista, diretor do sistema Verdes Mares em Brasília.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

7

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

G-20 Por Gonzaga Mota (*) Nesta semana estiveram reunidos na China o grupo formado pelos 20 países mais ricos do mundo. Tomamos conhecimento, através da imprensa, que os debates e as propostas apresentadas visaram alcançar melhores dias para a comunidade internacional, pois os problemas são vários e significativos. A ganância de determinados países motiva uma desconfiança que prejudica o entendimento, de um lado, e gera desigualdades e desequilíbrios políticos, econômicos, sociais e culturais, de outro. Nessa linha de raciocínio, surgem a exploração desordenada dos recursos naturais não renováveis, a miséria crescente de milhões de pessoas, a corrida armamentista, a falta de solidariedade humana, a ausência de uma paz estável, dentre outros problemas. O radicalismo tem influenciado de forma negativa as alterações de comportamento e de organização social. Crises, desemprego, miséria e violência decorrem de movimentos radicais que não buscam soluções, mas modelos errôneos do ponto de vista político. Segundo Shakespeare, “A politica está acima da consciência”. A hipocrisia é a chaga maior dessa atividade. Os países precisam de caminhos pavimentados pela crença e pela largueza de propósitos, observando-se, acima de tudo, os verdadeiros interesses das populações. A coerência programática, baseada na justiça democrática e em princípios éticos e morais, é o único remédio capaz de combater, atualmente, os conflitos e desencontros da sociedade mundial. Este será o roteiro do desenvolvimento equilibrado, com investimentos produtivos e distribuição de renda, ou seja, a partição de todos na riqueza das nações, o verdadeiro progresso da humanidade.

Gratidão João nasceu numa comunidade muito carente e passou os primeiros anos vivendo num ambiente hostil e perigoso, dominado por pessoas perversas e sem escrúpulos. Prevalecia, literalmente, a lei do mais forte. Pobre criança! Filho de dona Rosa, viúva, diariamente descia o morro para trabalhar como faxineira em apartamentos de um bairro elegante da cidade. O menino ficava com a vizinha, uma sofredora e bondosa prostituta de nome Tereza que foi injustamente castigada pelo destino. A criança presenciava cenas extremamente constrangedores. Homem covarde batendo em mulher, pessoas bêbadas, tráfico de drogas, assassinatos, etc. O poder público pouco fazia para melhorar as condições de vida da população da referida comunidade. Quando Joãozinho completou oito anos, Tereza, mulher de bons sentimentos, procurou dona Rosa e sugeriu que o menino fosse morar na “Casa de Maria”, instituição filantrópica, pertencente a uma senhora aposentada de classe média inferior, cujo objetivo era apoiar crianças pobres e sem perspectivas para o futuro. Dona Rosa concordou e ao ver o filho ingressar na “Casa de Maria”, com os olhos lacrimejando, olhou para Tereza e para a diretora e disse: vocês duas são “santas’, Deus saberá pagar minha dívida. João era muito inteligente. Estudou, recebeu assistência médica e orientação comportamental. Anos depois, ingressou na Universidade, começou a trabalhar e logo foi buscar sua mãe, já cansada, e Tereza, com crises de hemoptise. Ambas recuperadas, voltaram à “Casa de Maria” e passaram a trabalhar, sem remuneração, com a senhora aposentada. A vida, às vezes, é assim. (*) Professor aposentado da UFCE Ex Governador do Ceará e meu amigo

Outubro/16

8

O Novo Principe dos Poetas Cearenses Nova monarquia para as letras do Ceará

O escritor Linhares Filho recebeu da ACL o título de Príncipe dos Poetas Cearenses, pelo conjunto de sua obra O poeta Linhares Filho: aventura poética de 45 anos reconhecida pela ACL. O título tem mais de 90 anos, mas não apenas esse tempo indica sua relevância - sinalizada também pelo peso dos nomes a quem foi concedido. Ao longo das décadas, somente quatro literatos ostentaram a designação de Príncipe dos Poetas Cearenses: Padre Antônio Tomás (1868-1941), que recebeu o inaugural, em 1925; Cruz Filho (1894-1974), laureado em 1963; Jáder de Carvalho (1901-1985), eleito em 1974; e Artur Eduardo Benevides (1923- 2014), tornado Príncipe em 1985. Agora, o quinto eleito chega para fortalecer a lista. Hoje à noite, em cerimônia no Ideal Clube, a Academia Cearense de Letras (ACL) concede o honroso título ao poeta e acadêmico Linhares Filho. Na ocasião, ele será saudado pelo crítico literário Sânzio de Azevedo, colega de ACL. A escolha foi consenso entre seus pares na Academia. “Na verdade, estavam entre mim e Horácio Dídimo, mas ele renunciou a competir o título comigo”, explica Linhares Filho. Os dois fizeram parte do grupo SIN - movimento artístico que reuniu em torno de si a geração dos anos 60, e orientado especialmente pelo conceito do sincretismo artístico. A indicação veio dos colegas de ofício Batista de Lima e Dimas Carvalho, por meio da Alane - Academia de Letras e Artes do Nordeste. “Eles ficaram uns dois, três meses divulgando, até a ACL acolher a proposta”, recorda Linhares. A homenagem vem com uma feliz coincidência, quando a Academia completa 122 anos de existência. Assim, na cerimônia de hoje, a todos os membros será outorgada a medalha “120 anos - benemérito”. Linhares diz-se feliz com o oportuno encontro de datas e celebra o título. “Recebo com muita humildade, mas também satisfação, porque não é um título qualquer”, pondera. Coletânea Se o título de Príncipe dos Poetas Cearenses chama atenção para a obra de Linhares - pelo menos daqueles que não a conhecem com intimidade -, o momento não poderia ser mais propício. Em 2015, o ele lançou “Itinerário - quarenta e cinco anos de poesia”, com título autoexplicativo. O livro reúne toda a produção literária do autor, num volume de 840 páginas - desde a primeira publicação de poemas, “Sumos do Tempo”, lançada em 1968. O conteúdo inclui ainda matérias e artigos sobre Linhares e sua obra; lista de ensaios críticos e outros textos do próprio, em colaboração para livros, revistas, jornais

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

e outras publicações; entrevista dele concedida a Alamir Aquino Corrêa; breve biografia; e, por fim, opiniões de colegas e outros profissionais da área sobre sua poesia. Nessa última parte, encontram-se palavras de nomes indeléveis como Carlos Drummond de Andrade (com quem Linhares chegou a trocar cartas), Moreira Campos, Antônio Girão barroso, Artur Eduardo Benevides, José Alcides Pinto, Ivan Junqueira, Lêdo Ivo, Ângela Gutiérrez, Adriano Espínola e Sânzio de Azevedo. Outra edição do livro já havia sido publicada, em comemoração aos 30 anos de carreira de Linhares. Continha seis livros já publicados - quatro deles estava esgotados - e alguns novos textos e poemas. Em entrevista anterior ao Caderno 3, sobre a natureza de sua produção, Linhares Filho disse sempre ter se considerado “moderno dentro de um sincretismo, que seria uma atualização de tudo o que se experimentou em poesia até então”. A avaliação segue atualmente: “sou um (poeta) clássico moderno”, comenta. Para ele, a participação no gripo SIN foi decisiva. O grupo - cujo nome sinaliza para o conceito de união - surgiu num momento em que seus integrantes consideravam a cena local “estagnada”, apesar da vibração do grupo Clã. Dessa maneira, o grupo SIN tinha a proposta de renovar a produção literária local. Participavam escritores como Horário Dídimo, Roberto Pontes e Pedro Lyra. “Não fizemos manifestos, mas nos reuníamos para falar de literatura, e cada um produzia (de maneira) independente, por isso a grande marca do SIN é a diversidade estética”, falou em entrevista na ocasião do lançamento de “Itinerário”. Em texto de abertura do livro, Linhares Filho resume: “Notícias de bordo da viagem existencial são os registros que realizo nestas páginas, de modo que o meu pensar e o meu sentir aparecem numa oscilação natural como acontece no desenvolvimento da própria vida, que se acha composta de tergiversações, retratações, superações, não se podendo exigir nestes registros uma única atitude filosófica e/ou artística e/ou sentimental, embora eu persiga, o mais possível, ser coerente, em toda a trajetória, com as minhas ideias, comportamentos estéticos e sentimentos...”. Biografia Nascido em Lavras da Mangabeira, Linhares Filho é, além de poeta, ensaísta crítico. Recentemente, passou a professor emérito da Universidade Federal do Ceará (UFC). Mestre em Literatura Portuguesa pela UFRJ e doutor em Letras Vernáculas pela mesma instituição, é membro efetivo da ACL e da Alane e acumula prêmios ao longo da carreira

Ceará em Brasília

(Foto: Natinho Rodrigues )

Leituras III


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras IV

Os marqueses “nossos” e dos outros

Por JB Serra e Gurgel (*) Já escrevi sobre a nossa nobreza imperial (vejam no site da Casa, as edições do Ceará em Brasília 241, de julho de 2012, As armas e os barões assinalados e 243,de setembro de 2012, Nobreza Cearense: os barões e os viscondes não assinalados) . Não falei de duques, arquiduques, condes e marqueses porque a historiografia não menciona nenhum como nascido no nosso chão de fábrica. Mas três marqueses estão presentes na história do Ceará: Os Marqueses de Abrantes, de Aracati e de Lages. Quando cheguei perto deles, verifiquei que o de Aracati teve que intervir uma disputa que envolveu a Gurgelândia em Aracati, celeiro de celebridades cearenses no Império e na República Velha e o de Lages, um dos nomes de Acopiara, nada ver com o dito Marquês mas com os remediados povoadores do meu árido torrão. O ponto em comum é que os três foram senadores pelo Ceará e supõem-se que, na Câmara Alta do Império, tenham defendido nossos interesses, (será que tínhamos?) Faço um parênteses para registrar que no Senado do Império tivemos um outro senador que não sendo cearense, mas mineiro de Grão Mogol, que hoje dá nome a uma cidade do Ceará: senador Sá, (64 no IDH e 170 no PIB do Ceará), cerca de 7.000 habitantes, 297,3 km de Fortaleza, , na micro região de Sobral, além de ser nome de uma importante avenida em Fortaleza, que começa na praça do lliceu e vai até a Barra do Ceará. O Senador Sá foi também governador da Província do Ceará de 1873/1874. Em Minas, há uma cidadezinha com o nome de Francisco Sá. No Rio de Janeiro é nome de uma Praça em São Cristovão. Voltando aos nossos marqueses: O de Abrantes, nome de uma conhecida rua entre o Largo do Machado e Botafogo, no Rio de Janeiro, chamava-se Miguel Calmon Du Pin e Almeida, estirpe aristocrática da Bahia, nascido em Santo Amaro da Purificação, terra de Caetano e Maria Betânia, formou-se em Direito pela Universidade de Coimbra, que brindou Lula com o mimo de dr. Honoris Causa, em homenagem Póstuma

ao Mensalão e ao Petrolão. O Marques de Abrantes foi chamado de ”estadista de dois Impérios”, por sua atuação no Brasil e em Portugal. Embora Pai Google de Aruanda não registre, foi senador pelo Ceará de 1849 a 1865, 25 anos. Foi Ministro da Fazenda e dos Estrangeiros e diplomata em Paris Londres e Berlim. O Marques de Aracati, João Carlos Augusto de Oyenhausen-Gravenburg, com este complicado sobrenome, português de Lisboa, foi presidente da província do Ceará de 1803 a 1809 e senador pela província do Ceará de 1826 a 1831, por cinco anos.. Era filho ilegítimo do conde de Oyenhausen-Gravenburg, oficial alemão radicado em Portugal; sendo assim enteado da célebre poetisa D. Leonor de Almeida Portugal, 4ª marquesa de Alorna. Faço outro parênteses: Como eram bem tratados os filhos da p. , de conselho tutelar, de mãe solteira, de mãe crecheira, de parceiros gays, de jacaré com cobra d’agua, bastardos! Filhos ilegítimos!, Lindo. Veio para o Brasil como governador do Pará, tendo também governado a capitania do Ceará (1803 — 1807), a de Mato Grosso (1807 — 1819) e a de São Paulo (1819 — 1822). Ocupou ainda os cargos de ministro da Marinha e dos Estrangeiros. Desgostoso com a Regência Trina Provisória, renunciou à cidadania brasileira e a todas as vantagens adquiridas no Brasil, aceitando o posto de governador de Moçambique, uma das províncias ultramarinas do Império português, onde faleceu Marques de Lajes . João Vieira de Carvalho, nasceu na Vila de Olivença /Portugal Foi senador do Império do Brasil de 1829 a 1847, pela província do Ceará por 17 anos, tendo sido seu presidente de 1844 a 1846. Foi ministro da Guerra , (por nove vezes), responsável pelo estabelecimento da fábrica de pólvora na Estrela e comandante do Forte de São João(r.j)

Acima do Brasil Ceará supera metas do Ideb para Ensino Fundamental e lidera ranking no Nordeste Nos anos iniciais (1º ao 5º ano), o estado alcançou 5,9 pontos quando a meta prevista era de 4,5. O resultado ultrapassa a meta de 2021 (5,4) e propicia a saída da 11ª posição no Brasil para a 5ª colocação. O Ceará superou as metas propostas pelo Ministério da Educação (MEC) para serem alcançadas em 2015, no ensino fundamental - anos iniciais e ensino fundamental - anos finais, ficando com a primeira posição entre os Estados do Nordeste, de acordo com o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgado nesta quinta-feira (8) pela instituição. Nos anos iniciais (1º ao 5º ano), o Estado alcançou 5,9 pontos quando a meta prevista era de 4,5. O resultado ultrapassa a meta de 2021 (5,4) e propicia a saída da 11ª posição no Brasil para a 5ª colocação. Nos anos finais (6º ao 9º ano), a meta era de 4,3 e o Ceará conquistou 4,8 pontos, superando a projeção para 2017 (4,6). Com relação ao Ensino Médio, o Estado está na 10ª posição em relação às demais unidades da Federação. A média de 2013 foi de 3,6, e em 2015, ficou em 3,7,

Ceará em Brasília

a mesma pontuação do Brasil. Conforme o secretário da Educação, Idilvan Alencar, a evolução do desempenho do Ceará no Ideb é atribuída ao trabalho realizado pelo Programa Alfabetização na Idade Certa (Paic). “Um avanço significativo pode ser visto desde a implantação dessa política que começou com a alfabetização e foi ampliada, em dezembro do ano passado, pelo governador Camilo Santana, até o 9º ano do ensino fundamental, e recebeu o nome de Mais Paic” - enfatiza. O Programa Aprendizagem na Idade Certa – Mais Paic tem como finalidade ampliar o trabalho de cooperação já existente com os 184 municípios cearenses. Com essa expansão, o ensino fundamental foi beneficiado com mais apoio técnico e financeiro para a formação de professores, aquisição de material didático e de literatura, avaliação e gestão municipal. “A iniciativa apoia a aprendizagem dos alunos para que sigam com sucesso, tenham bons resultados e ingressem no Ensino Médio bem preparados” – acrescenta Idilvan Alencar.

Pelo Pai Google de Aruanda e pelo Aruanda Pai Senado não há um só registro de que tenham feito alguma coisa pelo Ceará. O Marques de Aracati foi governador da Província logo depois da ocupação por Pernambuco de 1803 a 1808, quando os portos foram abertos e d. João VI desembarcou no Rio, depois de uma fuga espetacular de Lisboa, sitiada por Napoleão Bonaparte. Não custa lembrar que muitos senadores e deputados federais do Ceará, embora nascidos nos nossos pagos, pouco ou nada fizeram nos seus mandatos de oito ou quatro anos, reeleitos ou não, salvo defender a causa própria, seus interesses pessoais, suas fortunas, suas terras. Não tinham engenhos, fazendas de café e de açúcar, minas, castelos, etc. para defender. Se a historia do Ceará tem uma literatura reduzida para seus nativos, imagine para gente estranha! O cearense até hoje fala mal de quem não conhece. Quando não destrói pela raiz, mata a muda. A elite cearense, na primeira hora, se formou em Coimbra e Lisboa depois no Recife, Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo. Não era fácil ter acesso a corte. Ou comprava ingresso ou escalava o Himalaya. É bom lembrar que muitos cearenses foram convocados pelo Imperador Pedro II para presidentes de outras províncias. O Ceará teve quadros importantes no Império, não apenas pelos seus nobres, Barões e Viscondes, pelos ministros de estado, como por alguns senadores e deputados. O Ceará ficava muito longe da Capital do Império. Em lombo de burro era impraticável. A única alternativa eram os vapores que saiam das praias de Iracema e do Mucuripe e levava m dias para chegar ao Rio de Janeiro. Era difícil até pegar o navio, pois não tinha porto. Chegou a ter uma ponte metálica, dos ingleses, mas haviam ondas e verdes mares bravios... (*) JB Serra e Gurgel (Acopiara), jornalista e escritor. serraegurgel@gmail.com

Ceará perde Rangel Cavalcante

Faleceu em Brasília, o Jornalista Rangel Cavalcante, Membro do Conselho Consultivo da Casa do Ceará. O velório e o sepultamento em Brasília se deu ontem mesmo. Rangel Cavalcante nasceu em Crateús. Começou sua carreira na imprensa aos 13 anos de idade, como auxiliar de revisor no ”Correio do Ceará”, em Fortaleza. Dois anos depois estava no “O Imparcial”, em São Luís do Maranhão; Voltou ao Ceará em 1958 como chefe de reportagem do novo “O Jornal”, ingressou no Jornal do Brasil, como correspondente em Fortaleza. Em fins de 1973 o Jornal do Brasil o transferiu do Ceará, onde era correspondente há dez anos, para a Sucursal de Brasília, onde assumiu a chefia de reportagem. Do seu currículo, além de 26 anos no JB, constam passagens por diversos outros órgãos de imprensa, como a Gazeta de Noticias, Tribuna do Ceará, O Nordeste, além das agências UPI e Asssociated Press, tendo sido também superintendente dos Diários Associados do Piauí e Maranhão. Formado em Direito, tinha especialização em jornalismo no CIESPAL, em Quito, e de Direitos Humanos no Instituto Interamericano de Diretos Humanos, em San José, Costa Rica. Casado com Celina, teve quatro filhos, Patrícia, Rangel Filho, Eugênio e Ana Roberta. Rangel Cavalcante fez parte da geração de Odalves Lima, Flávio Pontes, Moraes Né, Edmundo Maia, Telmo de Freitas, Blanchard Girão, Assis Tavares, Arabá Mattos, Juarez Themóteo, Durval Aires, Lúciano Barreira, Luís Edgar de Andrade Inácio de Ameida, JB Serra e Gurgel, Milano Lopes, Frota Neto, Fernando César Mesquita,Marcondes Sampaio Newton Pedrosa, Edilmar Norões, Narcélio Limaverde, Lustosa da Costa, Dário Macedo, Ciro Saraiva, Tarcisio e Haroldo Holanda. No setor público, foi assessor do Governador Virgilio Távora.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

9

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Outubro/16

10

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

CearĂĄ em BrasĂ­lia


MDB_JornaldoCeará.pdf

1

13/02/15

16:59

acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

Ceará em Brasília

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

11

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras V O Bode Iôiô

Narcélio Limaverde (*)

Bom dia. M u i t o s p e rguntam sobre o famoso Bode Iôiô, ilustre personagem da Fortaleza Antiga. Quem leu a história de Fortaleza sabe que já tivemos por aqui um bode boêmio, o famoso bode Iôiô. Ele era querido e respeitado e, no centro da cidade, frequentava bares e tomava umas e outras. Ainda outro dia ouvi aqui na Fm Assembleia, o escritor Barros Alves falando no Bode, com alguns detalhes esclarecedores. Barros Alves –é acadêmico e tem estilo próprio, por isso mesmo, bom de se ler e ouvir também com sua excelente e radiofônica voz. No livro “Cousas Que o Tempo Levou” de Raimundo Menezes, adquirido no jornal O Povo, Edições Democrito Rocha, li que, realmente o bode IôIô, foi famoso. Sei também de outro livro focalizando o animal, escrito por Nonato Nogueira. A cidade tem suas lendas urbanas, muitas inacreditáveis. No entanto, a do bode é citada por vários historiadores com foros de verdade. Não tive o prazer de ler Nonato Nogueira, que deve ter pesquisado o tema e escrito mais uma contribuição à nossa história. Retorno ao livro de Raimundo Menezes, editado em 1938, onde ele fala em vários acontecimentos desta engraçada cidade que todos amamos. Ele, entre outras coisas, fala nas peraltices dos jovens daqueles tempos, ate que parecidas com os de minha época. Inclusive, além do bode, fala nas baladeiras, intitulando-as de estilingue. Os ,moleques antigos, assim armados, percorriam as margens do Rio Pajeú, à cata de passarinhos para derrubá-los numa pedrada certeira. Nós na rua do Imperador derrubávamos pombos e rolinhas, para depois assá-los, graças à mãe do Djalma Barros, dona Anita, competente na arte. E faziam o mesmo que nós, quando o filme custava a começar no centro. Gritavamos: “ Tá na hora, tá na hora”. Há outras danações, peraltices, mas, o que eu queria mesmo era dizer alguma coisa sobre o bode. Ele era importante, autoridade mesmo, gozava de todas as imunidades fiscais da Prefeitura da época. E, afirmam historiadores, bebia cerveja... O famoso cronista Viriato Correia, de passagem por Fortaleza, gostou e imortalizou-o numa página literária da época. O bicho fugiu da seca do 15, veio para Fortaleza. Teve uma vida de boêmia e se tornou popular. Historiadores contam na sua presença nos botequins, sempre bem recebido pelos boêmios. Há muitas histórias sobre o Bode Iôiô. Contam até que ele foi na Fortaleza Antiga, mais antiga do que eu, eleito vereador. Fortaleza Antiga era muito gaiata... E continua... (*) Narcélio Limaverde (Fortaleza), jornalista escritor, radialista , apresentador de TV

Outubro/16

12

Coração cearense

Setembro Verde: Ceará já realizou 1.047 transplantes este ano. Poderemos bater o recorde de 1.500 transplantes. Todas as do doações são bem vindas.

Projeto cearense de coração artificial é apresentado na África do Sul Cirurgiões cardíacos da África do Sul e convidados internacionais, ?participarão da apresentação e implante experimental do Dispositivo de Assistência Ventricular (DAV) Ax-Tide, desenvolvido pela Studheart, empresa genuinamente cearense e voltada para pesquisas e experimentos científicos direcionados aos estudos do coração. O convite partiu da Divisão “Christian Barnard” de Cirurgia Cardiotorácica, da “Cape Town University”, Cidade do Cabo, África do Sul. O Dr. Christian Barnard, cujo nome batiza o Centro de Pesquisa, foi o responsável pela primeira cirurgia de transplante de coração da história da humanidade, na Cidade do Cabo, em 1967. Hoje o centro é dirigido pelo Prof. Peter Zilla, um dos maiores nomes da cirurgia cardíaca e dispositivos artificiais da atualidade. A Divisão “Barnard” é um dos maiores institutos de pesquisa do mundo em técnicas e equipamentos artificiais para o tratamento de doenças do coração. Isso faz com que o convite para a apresentação do Ax-TIDE seja extremamente comemorado pela equipe Studheart. “Estamos muito felizes com o reconhecimento e com a oportunidade de compartilhar os conhecimentos adquiridos com o projeto do nosso Ax-TIDE para os melhores profissionais de cardiologia do mundo”, comemora o presidente da Studheart, Beto Studart. Os pesquisadores do Instituto Barnard reconhecem a importância para a África do Sul em ter acesso a um dispositivo de assistência ventricular de última geração, e principalmente, com preço acessível a países em desenvolvimento. Após conhecer o projeto Ax-TIDE, e identificar a excelência do projeto, assim como a aplicabilidade à realidade local, solicitaram ao Dr. Alessandro Verona, Diretor Técnico-Científico da Studheart, a participação do instituto no projeto cearense. A intenção é que a África do Sul continue na vanguarda dos estudos em dispositivos artificiais no mundo, e, para eles, o projeto Ax-TIDE é o que há de melhor no setor. Uma comitiva composta por sete membros da Studheart embarcou nesta sexta (09) para o encontro, incluindo o

presidente Beto Studart, o Dr. Alessandro Verona, diretor técnico-cientifico da Studheart do Ax-Tide, Dr. Juan Mejia, chefe da equipe clínica, Dr. Flávio Studart, cardiologista, e Eng. Henrique Carvalho, diretor de projetos. A Studheart também foi convidada a participar e proferir palestra durante o Simpósio Internacional de Cirurgia Cardíaca, sob o tema: “O desafio de desenvolver o sonho de um Dispositivo de Assistência Ventricular acessível a todos, promovido pela Divisão “Christian Barnard” de Cirurgia Cardíaca, na “Cape Town University e será ministrada pelo Diretor Técnico-Científico da Studheart, Dr. Alessandro Verona. Sobre o Ax-TIDE O Ax-TIDE, dispositivo de assistência ventricular implantável (VAD), é um coração artificial projetado para o tratamento da insuficiência cardíaca avançada. O VAD é uma bomba mecânica implantada cirurgicamente e concebida para suplementar a capacidade reduzida de um paciente com falha cardíaca. O coração artificial Ax-TIDE é o primeiro dispositivo totalmente implantável da América Latina e consiste em uma bomba feita de titânio (material duro e anticorrosivo), e de processo de funcionamento axial, que consiste em uma carcaça contendo um “parafuso sem fim”, onde o fluido entra por um lado, e sai “forçado” por outro, promovendo o efeito de bombeamento. Essa bomba tem o tamanho menor que a palma de uma mão, é implantada no coração do paciente e controlada através de um cabo elétrico especial, ligado a um sistema de controle eletrônico normalmente situado em um cinto no paciente. O principal diferencial desse produto é o tamanho e a praticidade. As pesquisas do Ax-TIDE já tiveram sua fase de desenvolvimento do dispositivo concluída, assim como a fase pré-clínica. Nesse momento, o projeto está na fase de adequação e atendimento às normas regulatórias nacionais, com previsão de, ainda esse ano de 2016, ter solicitada às instituições regulatórias e de pesquisa clínica, a anuência para início dos implantes em pacientes na fila de espera para um transplante de coração. Postado por pompeumacario

Divulgado em 19; 09 o Ranking Universitário da Folha (RUF) (Folha de São Paulo) 016 mostrou que, mais uma vez, a Universidade Estadual do Ceará (Uece) é a melhor Estadual do Norte, Nordeste e Centro-Oeste. O RUF classificou as 195 universidades brasileiras a partir de indicadores de ensino, inovação, internacionalização, pesquisa e mercado. A Uece, em 2016, atingiu melhor classificação nos três primeiros requisitos, se comparado ao ano anterior. No ranking geral, a universidade ocupa a 48ª posição, subindo dois degraus da colocação de 2015. A Uece, portanto, está entre as 25% melhores do Brasil. Entre as universidades cearenses está atrás apenas da UFC. “É um resultado bastante honroso que reflete o excelente trabalho desenvolvido por nossos professores, alunos e servidores na formação de recursos humanos para o Estado. A nova avaliação confirma o ranking dos anos anteriores, posicionando a Uece como a melhor universidade estadual do Norte, Nordeste e Centro-Oeste e a segunda melhor do Ceará”, comemora o pró-reitor de Graduação, professor

Jerffeson Teixeira de Souza. O levantamento da Folha avaliou 19 cursos da Uece: Administração de Empresas, Biologia, Computação, Ciências Contábeis, Educação Física, Enfermagem, Física, Geografia, História, Matemática, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Pedagogia, Letras, Psicologia, Química, Serviço Social e Ciências Sociais. Dentre eles, os cursos de Administração de Empresas, Computação, Ciências Contábeis e Pedagogia estão entre os 5% melhores do país. No ranking dos cursos no Ceará, Medicina Veterinária, Nutrição e Serviço Social ocupam a 1ª colocação entre os melhores do Estado.

Uece mais uma vez é a melhor universidade estadual do Norte, Nordeste e Centro-Oeste

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Guia do Estudante A Universidade Estadual do Ceará (Uece) recebeu do Guia do Estudante, da Editora Abril, 70 estrelas em 20 de seus cursos de graduação. Os melhores avaliados foram os cursos de Nutrição e Pedagogia, de Fortaleza, que conquistaram 5 estrelas cada.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras VI

Em defesa do DNOCS, Cássio Borges (*) Caros Confrades da Sociedade Cearense de Geografia e História Os e-mails que envio para os Confrades dessa Academia, costumo, também, enviá-los para os meus cerca de 1.200 da minha lista de contatos. Alguns deles me fizeram, até pessoalmente, a cobrança para eu mostrar, “se possível”, a carta que, também, foi enviada em 28 de agosto de 2014 pelo Presidente da Sociedade Cearense de Geografia e História, jornalista Vicente Alencar, para o então Ministro da Integração Nacional, o cearense Francisco José Coelho Teixeira. Atendendo a esses solicitantes, estou encaminhando, em anexo, para conhecimento dos Confrades, a referida carta que foi postada no Correio, via SEDEX e, à época, reproduzida e amplamente divulgada na imprensa local. A carta citada faz referência ao Decreto Nº 8.207, de 14.03.2014, assinada pela Presidente Dilma Rousseff pelo qual a Companhia de Desenvolvimento do ale do Rio São Francisco-CODEVASF passa a ser a gestora federal do Projeto de Integração do Rio São Francisco-PISF, em detrimento do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas-DNOCS, não obstante este órgão tenha uma larga folha de serviços prestados na região onde está sendo implantado o referido projeto. Para que os caros Confrades entendam melhor este assunto, basta lhes dizer que o DNOCS deverá transferir para a CODEVASF doze dos seus principais reservatórios, inclusive os Açudes Orós, Banabuiú e Castanhão. E o que mais grave dessa impensada e contraditória decisão, aquela Companhia não sabe, sequer, o que significa a vazão regularizada de um açude, já que ela nunca teve este tipo de preocupação, visto que suas atividades foram sempre voltadas para rios perenes, com excesso de água em disponibilidade, que não é o caso do DNOCS, que atua e tem experiência, de mais de 100 anos, em rios intermitentes de nossa Região, de limitados recursos hídricos. Caros da Academia Cearense de Engenharia Envio-lhes esta troca de e-mails com o amigo Bertino Queiroz, ex-Diretor de Crédito à Infraestrutura do BNB. Sobre a venda de água, uma política adotada pela Secretaria de Recursos Hídricos do Ceará escrevi um artigo no Diário do Nordeste que dizia: “Em plena seca, estamos assistindo a uma verdadeira exportação virtual da água que coloca o Ceará dentre os Estados nordestinos de maior exportação deste insumo em detrimento da prioridade do consumo humano e animal. Uma prática prejudicial ao povo cearense, embora vantajosa para uma dúzia de empresários ligados à irrigação. É preciso que se faça uma profunda análise deste assunto, visto que este é um dos motivos porque o Ceará está enfrentando uma das mais angustiantes falta de água em todos os tempos, apesar da recente construção do gigantesco Açude Castanhão, que se dizia, seria a redenção do nosso Estado”. Atenciosamente,Cássio Bertino Minha mãe, lá na longínqua Sobral, já dizia quando eu era menino: “Quem gasta (dá) o que tem a pedir vem”. Este é o problema. Na ânsia de vender a água, a COGERH, querendo imitar a SABESP de São Paulo, que por milagre foi salva de uma tragédia, gastou mais do que devia. Anualmente exportava 180 milhões de metros cúbicos de água para a Europa, enriquecendo o grupo empresarial da irrigação. E agora nós, os otários consumidores, é que vamos pagar pela imprudência cometida por essa gente. Faltou planejamento. Usaram o Castanhão como se ele oferecesse 30 m³/s quando, na realidade, só dispõe de 10 m³/s. Eis a questão A imprudência e a incompetência andaram juntas. Cássio Cássio, Sem chuva não haverá DNOCS que possa salvar o Ceará da catástrofe, provocada pela maior seca da História. A Transposição é uma ilusão vendida pela mídia mercenária. (*) Cássio Borges (Sobral) Engenheiro, defensor perpétuo do DNOCS

Ceará em Brasília

Deu no jornal O Povo

No que se refere aos primeiros cinco anos de ensino fundamental, 77 das 100 melhores escolas públicas do Brasil estão no Ceará. Os dados são do INEP. As escolas municipais São Joaquim, em Coreaú, e Emilio Sandim, em Sobral, lideram o ranking com nota 9,8. Os números que impressionam são do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) relativos a 2015 e foram divulgados ontem pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Ideb do ensino médio fica abaixo da meta no Ceará e no BrasilEducaçãoQualidade do ensino público se aproxima do privado, em dez anos Esse é apenas um dos parâmetros em que o Ceará se destaca na primeira parte do ensino fundamental. As 24 primeiras posições são todas ocupadas por escolas do Estado. Os desempenhos mais significativos são das escolas municipais São Joaquim, em Coreaú, e Emílio Sendim, em Sobral. Ambas lideram o ranking com nota 9,8 no Ideb. Combate à infrequência, avaliações semanais que baseiam o planejamento da semana seguinte e o ensaio de um tempo integral que oferece reforço escolar no contra-turno são três das ações destacadas pela diretora da Emílio Sendim, Mílvia Carvalho. A escola saiu de uma nota 7,4 na última avaliação, em 2013, para a atual 9,8. A excelência se dá também, conforme a gestora, pela especialização da escola no nicho determinado do ensino fundamental — dos 702 alunos, apenas 75 são da Educação de Jovens e Adultos (EJA). “Isso faz com que tenhamos a certeza de que o aluno que sai no 5º ano está com a alfabetização consolidada. E nos dá mais garantia de que ele obterá sucesso nas próximas etapas de ensino”, comemora Mílvia. Outros índices Tanto nos primeiros anos do ensino fundamental quanto nos finais, do 6º ao 9º, o Ceará é quem apresenta os melhores resultados do Nordeste no Ideb. Na avaliação do 1º ao 5º ano, o Estado é o sexto do País, com nota 5,9, enquanto a média nacional é 5,5 e a do Nordeste 4,8. O Ceará foi também o que mais ultrapassou a meta estipulada, com 1,4 ponto acima dos 4,5 traçados. Dos 183 municípios cearenses avaliados pelo índice, todos alcançaram a meta. Nesse quesito, apenas o Acre também conseguiu unanimidade nas cidades com meta cumprida para os primeiros cinco anos do ensino fundamental. Quando são avaliados os dados do intervalo entre 6º e 9º ano, os números até são mais modestos. Mas os 4,8 obtido pelo Ceará ainda nos deixa na quinta posição do

País e é superior aos 4,5 da média nacional e aos 4 da região. Além disso, o Ceará foi o único estado do Nordeste que conseguiu superar a meta, com meio ponto acima do objetivo traçado. Enfocando os dados municipais, Sobral é a cidade com os melhores resultados, liderando o ranking nacional com nota 8,8. Em segundo lugar, outra cidade cearense: Pires Ferreira, com 8,7. Entre os dez municípios do País com melhores notas, quatro são do Ceará. Além das citadas, Deputado Irapuan Pinheiro (5º lugar, com 8,2) e Brejo Santo (6º lugar, com 8,1). Para alcançar o topo e saltar em um ponto desde a última pesquisa, quando teve nota 7,8, a titular da Secretaria Municipal da Educação de Sobral, Iracema Sampaio, acredita na estruturação da política educacional em três eixos norteadores: fortalecimento da gestão escolar, com escolha de diretores por processo seletivo e autonomia financeira e pedagógica dada ao núcleo gestor; incremento da formação pedagógica, com investimento na formação do núcleo gestor e dos professores e na compra de material didático atualizado; e a valorização do magistério, com gratificações por desempenho. “Esse terceiro ponto é muito importante porque faz com que os professores se redescubram no oficio de educar”, aponta a secretária. Ela destaca também o alinhamento das políticas do município que fizeram com que todas as escolas apresentem notas muito próximas. “Há um alinhamento no pensamento dos gestores de que é possível fazer, de que os meninos de escola pública têm potencial, desde que seja dada condição a eles de aprender e ao professor de ensinar”, explica. Outro fator, apontado pelo secretário estadual da Educação, Idilvan Alencar, é a adoção em todos os municípios das medidas preconizadas pelo Programa Alfabetização da Idade Certa (Paic). A formação continuada dos professores, a premiação dos melhores resultados e o apoio aos piores resultados, a determinação do montante de recurso recebido pelo município que deverá ser destinado à educação são algumas das ações destacadas pelo secretário. “Hoje, uma grande parcela do investimento da Seduc é destinada ao ensino fundamental, porque entendemos que é tarefa do Estado ser parceira do município. Apostar na alfabetização é o que vai nos garantir melhores índices no futuro”, projeta Domitila Andrade e João Marcelo Sena, O Povo

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

13

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Leituras VII O Estado 80 anos depois.

João Soares Neto (*)

Caso você nunca tenha entrado em uma redação de jornal, não sabe o que está perdendo. Hoje está tudo mais tranquilo, com o suave bater das teclas dos computadores, as reuniões de pauta e o bulício do fechamento da edição. Foi-se o tempo da composição a chumbo quente. Vieram as linotipos, os computadores, esses destruidores do ontem, pois precisam sempre do amanhã, diferente do hoje. Em 1936, uma agremiação política, o Partido Social Democrático-PSD, teve a audácia de fundar, em Fortaleza, mais um jornal e deu a ele o nome pomposo de “O Estado”. Fortaleza, com 136 mil habitantes, possuía vários Jornais: Correio do Ceará, fundado em 1915; O Nordeste, em 1922; Gazeta de Notícias, em 1927; e O Povo, em 1928. O PSD escolheu um jovem advogado, José Martins Rodrigues, para dirigi-lo e assim começa a história do “O Estado”, em 24 de setembro de 1936. Agora, 80 anos depois, “O Estado-CE” comemora o octogésimo aniversário. Percalços, muitos. Basta dizer que em 1937, como todos sabem, o Brasil entrou no “Estado Novo”, regime político ditatorial, e dele só sairia em 1945. A história do “O Estado” está sendo escrita pelo jornalista e professor Luiz Sérgio Santos, daí não precisar discorrer sobre todas as vitórias e as barreiras deste jornal que chega às bancas e às mãos dos assinantes todas as manhãs, de segunda a sexta-feira. Os 80 anos, amanhã completados, devem ser motivo de alegria para os que cultuam a democracia, a informação e a liberdade, objetivos maiores deste compacto periódico a cada dia. Ele traz o essencial do acontecido no Ceará, no Brasil e no Mundo, originado não só pelas agências de notícias e o captado pela Internet. Além do jornal impresso, “O Estado” possui blog e televisão, via Youtube. Há que se destacar a argúcia de seus articulistas explorando os eixos sobre os quais passeiam as grandezas, as sutilezas e as vilezas humanas, sem sensacionalismo e com ponderabilidade. A ascensão de Ricardo Palhano à direção do jornal, acolitado pela família, aconteceu desde a morte de Venelouis Xavier Pereira, em 1966. Procurei alguém com densidade jornalística e conhecimento das entranhas do Jornal para falar sobre “O Estado”. A escolha recaiu na pessoa do articulista Macário Batista, esse jornalista globe-trotter a temperar os seus textos diários com a argúcia de veterano, a leveza do humor, e a determinação de “foca” que sai atrás daquilo que, algumas vezes, sequer sabe definir ou mensurar. Macário diz: “Os sonhos nunca duraram tanto. Lá atrás, no tempo, quando os intelectuais-políticos, gente que sabia ler e escrever, criou O Estado, sonhavam com uma imprensa livre, com um lugar pra disseminar ideias, um canto pra repousar o ideário libertário do Ceará. 80 anos do Jornal O Estado, no meu juízo, passando por todos os instantes porque passam instituições feitas de sonhos e desejos é uma realidade madura, generosa, verdadeira, una no seu todo. Estou lá, faz coisa de 25 anos. Humildemente incluo meu nome nesses 80, crente na seriedade dos propósitos dos que deram sequência ao trabalho do saudoso Venelouis Xavier Pereira. O jornal ganhou o rosto da juventude, o gestual meigo da presidente Wanda Palhano e a coragem nunca perdida de seguir a verdade e a legitimidade das instituições democráticas”. (*) João Soares Neto (Fortaleza), empresário, escritor, membro da Academia Cearense de Letras e do Instituto histórico e Geográfico do Ceará.

Outubro/16

14

2017: Câmara de Fortaleza terá 60% de renovação Das 43 cadeiras da Casa Legislativa, 26 serão ocupadas por novatos. Apenas 17 veteranos foram reeleitos Disputando cargo eletivo pela terceira vez, Célio Studart, do Solidariedade, foi o candidato a vereador mais votado em Fortaleza neste ano ( Foto: Lucas Moura ) A Câmara Municipal de Fortaleza terá uma renovação de 60% em sua composição a partir de 2017. Das 43 cadeiras da Casa Legislativa, 26 novos vereadores foram eleitos para integrar a 18ª Legislatura, correspondente a 20172020. O candidato campeão de votos na capital cearense foi o advogado Célio Studart (SD). Ele alcançou um total de 38.278 mil sufrágios. Em 2012, quando disputou o cargo de vereador pela primeira vez, Célio tirou apenas 1.983 votos. Esta é a terceira vez que ele participa de uma eleição. Em 2014, tentou se eleger deputado federal. Em contrapartida, o candidato eleito menos votado foi Dummar Ribeiro, do PPS, que obteve 3.115 votos. Nesta eleição, o total de votos válidos para a Câmara Municipal foi 1.255.604, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Destes, 1.166.719 foram nominais e 88.885 mil de legenda, ou seja, no partido. A disputa proporcional registrou 65.060 votos brancos e 83.631 votos nulos em Fortaleza. Dos 34 vereadores que tentaram reeleição neste pleito, apenas 17 tiveram êxito. Adail Júnior (PDT) foi o vereador reeleito mais votado, com 15.912 mil votos. Em 2012, ele teve 13.695. Em seguida, vem Salmito Filho (PDT), atual presidente da Casa, com 15.551 votos. Na última eleição, ele teve 9.328. Antônio Henrique (PDT) foi o quarto mais votado, com 13.401 votos. Também foram reeleitos Elpídio Nogueira (PDT), Benigno Júnior (PSD), Didi Mangueira (PDT), Márcio Cruz

(PSD), Mairton Félix (PDT), John Monteiro (PDT), Luciram Girão (PDT), Evaldo Lima (PC oB), Ziêr Férrer (PDT), Bá (PTC), Cláudia Gomes (PTC), Guilherme Sampaio (PT), Acrísio Sena (PT) e, ainda, Casimiro Neto (PMDB). No próximo ano, não farão parte da composição da Câmara Municipal os veteranos Gelson Ferraz (PRB), Carlos Mesquita (PROS), Carlos Dutra (PDT), Joaquim Rocha (PDT), Marcus Teixeira (PDT), Fábio Braga (PTN), Alípio Rodrigues (PTN), Eulógio Neto (PSC), Magaly Marques (PMDB), Ronivaldo Maia (PT), Ruthmar Xavier (PR), Robert Burns (PTC), Deodato Ramalho (PT), Paulo Diógenes (PSD), Marcos Aurélio (PSD) e Gerôncio Coelho (PDT). Bancadas Além dos nomes, a representação de partidos também irá mudar no próximo ano, pois legendas que não têm espaço na Casa, hoje, passarão a ter. É o caso do PEN, PRTB, PSDB, PRP, PPL e PPS. Na próxima Legislatura, 18 partidos terão representação. O PDT fez a maior bancada da Câmara, elegendo 11 vereadores. As duas outras maiores bancadas em 2017 são do PR e do PRTB, com quatro vereadores cada. O PPL elegeu três candidatos. Já SD, PEN, PSD, PT, PTC, PRP e PPS elegeram dois parlamentares cada. PSDB, PMDB, PTN, PSL, PCdoB, PSDC e PRB elegeram um nome cada. Nesta eleição, nove vereadores eleitos em 2012 não tentaram voltar à Casa em 2017 para apoiar familiares, como filhos e esposas, outros vereadores ou mesmo por estarem na disputa majoritária, como João Alfredo (PSOL). A renovação neste ano foi superior à registrada na última eleição municipal, em 2012. Naquela ocasião, 19 novos parlamentares foram eleitos. Na época, o candidato mais votado foi Capitão Wagner (PR), que hoje disputa a Prefeitura da Capital.

PDT, PMDB e PSD elegem mais prefeitos no Ceará, e PT perde quase metade dos gestores

PT elegeu 15 prefeitos neste ano no interior do Ceará contra 28 em 2012. Filiação ao PDT do grupo político liderado pelos irmãos Cid e Ciro Gomes foi decisiva para crescimento da legenda no Ceará O PDT foi o partido que mais cresceu na eleição deste ano no Ceará. Com o ingresso do grupo político liderado pelos irmãos Ferreira Gomes na sigla, o partido conseguiu eleger 52 prefeitos entre os 184 municípios do Estado. Há quatro anos, a legenda garantiu apenas 9 prefeituras. Por outro lado, PSB e PT sofreram a maior perda em

comparação com 2012. Há quatro anos, o PSB, quando ainda contava em seu quadro com aliados de Cid e Ciro Gomes, conseguiu eleger 39 prefeitos. A partir de 2017, a sigla terá apenas dois gestores. O PT elegeu 15 prefeitos neste ano no interior do Ceará. Em 2012, os petistas foram escolhidos para 28 prefeituras. Depois de PDT, o ranking com os partidos que mais elegeram prefeitos neste ano no Ceará são PMDB, PSD e PSDB.

Conheça os 43 vereadores eleitos em Fortaleza em 2016

O vereador mais votado foi Célio Studart (SD), que obteve mais de 38,2 mil votos. Totalizadas 100% das urnas apuradas em Fortaleza 02.10, com a confirmação do segundo turno à Prefeitura de Fortaleza entre Roberto Cláudio (PDT) e Capitão Wagner (PR), também foram definidos os 43 vereadores da Câmara Municipal da Capital cearense para a gestão 2017-2020. O vereador mais votado foi Célio Studart (SD), que obteve 38.278 votos, ou seja, mais que o dobro do segundo colocado, Adail Jr (PDT), que registrou 15.912. O PDT, aliás, foi um dos partidos preferidos dos eleitores de Fortaleza na hora de escolherem seus representantes na Câmara. Isso porque, além do segundo colocado entre os eleitos, o

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

partido conquistou o terceiro lugar (Salmito, com 15.551 votos), o quarto (Antônio Henrique, com 13.401), o quinto (Iraguassú Filho, com 12.204), o sexto (Renan Colares, com 11.525) e também o sétimo mais votado, que foi Dr. Elpídio, com 10.394 votos. Chamou a atenção a situação do candidato Ailton Lopes, do PSOL, que foi o quinto mais votado entre todos os candidatos, com 12.483 votos, mas mesmo assim não foi eleito, por conta das regras do quociente eleitoral. Em 2010, seu colega de legenda, Renato Roseno, também passou por uma situação parecida, já que foi o segundo candidato a deputado federal mais votado de Fortaleza e nono no Ceará, mas acabou não sendo eleito.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras VIII Xing ling

Macário Batista (*) Diz um desses adeptos do Fora Dilma, paulistão de 500 anos, sem grandes amores a nada que não seja Sampa, que Temer não deu sorte na China. Segundo CB, o Interino menosprezou lá a grande manifestação contra seu Governo, falando em 30, 40 pessoas, “aqueles que põem fogo em carros”. Era mais gente, e não só quem punha fogo em carros. Teve de comprar, publicamente, sapatos - justamente um dos pontos difíceis das relações com os chineses, que invadiram o mercado mundial e são acusados, pelos exportadores brasileiros, de dumping. E com isso revelou que governar de salto alto, para ele, não é um ato apenas simbólico. Temer, de verdade, usa salto alto. Para quebrar, devia ser bem alto. Mas os chineses gostaram de Temer e o convidaram para nova visita. Simpatia: devem ter visto que, até hoje, seu Governo está sendo xing-ling. Por sinal, ajudando o amigo aí na tradução livre do chinês: Xing Ling é um termo empregado no Brasil para distinguir um produto genérico ou falsificado (copiado) de grandes marcas (imitação), tais como Nokia, Samsung, Apple Inc., Sony, Kingston e outras menos conhecidas, dos quais não se sabe a origem, pois a sua procedência é duvidosa. Desculpe aí, mas sexta feira, no meio de um imprensadão não pode sair mesmo coisa boa, do agrado da turma do golpe. Azelite, porém, do bico grande, vai entrar em puro orgasmo cívico. A frase: “No Brasil até a natureza mente,engana,sacaneia e é desonesta”. Fruto da observação dos profetas de chuva que também estão sendo vítimas de trote da dita cuja. A frase: “Lugar de mulher é onde ela quiser”. E brá! Saudades do Tim Maia É dele: “Este país não pode dar certo! Aqui prostituta se apaixona, cafetão tem ciúmes, traficante se vicia e pobre é de direita”. Tem quem complemente...e ladrão vira ministro.

Mea culpa Lembro como se fosse agora Monsenhor Gonçalo Eufrásio cobrando da gente acolitar a Santa Missa, em latim. No Confiteor, estava lá: Quia peccavi nimis cogitatione, verbo, et opere: mea culpa, mea culpa, mea maxima culpa. Quer que traduza? Pequei por pensamento, palavras e omissões: por minha culpa, minha culpa, minha tão grande culpa. Isso não é cultura, é erudição. Erudição no entender do humilde escriba é a arte de bem decorar um texto e tal. Já cultura, entendo como saber fritar um ovo sem quebrar a gema, pregar um botão com uma linha onde o camelo não passe pelo fundo da agulha e vai pela aí. Aliás, sabe o que é camelo no texto bíblico? Depois explico. Então...Mea culpa aqui se faz em nome de zilhões de brasileiros que irão às urnas em outubro. Vão votar novamente em ladrões, bandidos conhecidos, bandidos novatos, bandidos desconhecidos e os que sairão da cadeia direto pro nome na urna eletrônica. Com todo respeito ao(a) leitor(a) que se supõe em estado de seriedade, tudo isso aí, supostamente passado a limpo, o que é só mais um leriado de quem quer o poder, a culpa é da turma da rede,da telha,do pneu de bicicleta,da conta de luz,da conta do telefone,da dentadura,do óculos,da receita médica...cês sabem do que tou falando. Não existiria tanto corrupto na política brasileira se não fosse o corruptor, o eleitor bandido. A frase: “A fofoca é um pouco a narrativa do fracassado”. Cabe nos tempos políticos. Cabe,sim (*) Macário Batista (Sobral) jornalista, blogueiro, multimídia

Ceará em Brasília

Christiano Câmara

Acervo pessoal guarda registros do passado Família recusou ofertas de compra após a morte do memorialista e garante que casa voltará a receber o público Fortaleza nunca foi uma cidade reconhecida por preservar sua história. Mas a Capital cearense seria ainda mais “desmemoriada” não fosse o número 162 da Travessa Baturité. A pequena casa de paredes verdes guarda, em seu interior, um grande e rico acervo. Tudo colecionado ao longo de décadas pelo intelectual Christiano Câmara. Começou pelos discos. Depois vieram os livros, os filmes, as fotografias, as raridades. Ao longo de décadas, reuniu em sua própria residência um arquivo pessoal de peças a perder de vista e de conta. O local onde viveu e seu trabalho como memorialista se tornaram referência para todo o Estado. Preservar arquivos particulares é desafio Com sua morte, em março deste ano, a coleção ficou órfã e viveu um período de incertezas. Muito se especulou sobre qual seria seu destino. Cogitou-se se os itens seriam colocados à venda e se o espaço fecharia para sempre as portas ao público. Ofertas foram feitas para a compra do arquivo. No entanto, seguindo o desejo de Christiano, a família recusou todas as propostas. Garante que, embora deva levar algum tempo, o espaço voltará a servir à sociedade, possivelmente sob a forma de museu. “Nunca pensamos em vender nada. Logo que ele morreu, ligaram oferecendo dinheiro pelo acervo, mas ficamos chocadas. A gente vivia independente do trabalho dele, não era o nosso foco. Mas desde muito tempo falamos que queríamos preservar o acervo”, destaca Wanda Câmara, filha de Christiano. Continuidade “A grande mudança é que queremos que a casa passe a ser um museu. Antes, era como um museu vivo, porque ele estava lá dentro, explicando tudo. Agora, ainda estamos pensando em como vai ser, mas essa é a nossa ideia”, completa. Hoje, a casa passa por uma fase de transição. Depois da morte do pai, Wanda e a irmã Zuleika Câmara tomaram a frente da manutenção do acervo. Tudo continua exatamente como o memorialista deixou. Estantes e paredes abarrotadas de livros, fitas de vídeo, artigos de música, fotografias de personalidades e

artistas brasileiros e relíquias dos mais diversos tipos. A quantidade e o valor histórico e cultural dos itens é quase imensurável. Mas as visitações ao espaço foram suspensas enquanto a família resolve pendências e trabalha na criação de um projeto mais detalhado para buscar apoio para o museu, o que deve acontecer até o fim do ano, segundo Wanda. Apoio Obter algum tipo de ajuda financeira para colocar o projeto em prática e manter o acervo vivo pode ser a maior dificuldade da família. Christiano adquiria as peças por conta própria e as preservava à sua maneira. Porém, para a transformação da residência em um equipamento cultural, será necessário um investimento maior. Para Wanda Câmara, a importância do acervo para a cidade deverá atrair apoiadores. “Penso que, pelo valor que tem o acervo, haverá grande interesse em preservar, ajudar. É uma referência muito grande”, destaca. Mas Zuleika lembra da frequente desvalorização do patrimônio histórico e cultural em Fortaleza. “Sabemos que há muita dificuldade. A crítica do meu pai era que aqui é velharia, mas na Europa é antiguidade. Aqui, não há ideia de se preservar história. E só se preserva a história uma cidade com memórias”, afirma. Em abril deste ano, o acervo e a casa de Christiano foram indicados para tombamento na Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultor). Segundo Jober Pinto, coordenador de Patrimônio Histórico e Cultural do órgão, já existe um pedido em análise na Prefeitura Municipal, mas ainda não há previsão para a emissão de parecer. Diante da preocupação com a preservação do legado do memorialista, a família ainda não tem opinião formada sobre a possibilidade de tombamento. A única certeza é o desejo de dar continuidade ao trabalho de Christiano. “Queremos que seja um museu da nossa família, mas que serve ao mundo inteiro”, diz Wanda. Mais informações Casa de Christiano Câmara Travessa Baturité, 162 - Centro de Fortaleza

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

15

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Tradição para premiar talentos. Sereia de Ouro 2016 Com a grande emoção que aflora neste momento, fica difícil me expressar como gostaria. Agradeço aos que nos têm acolhido nestes últimos meses, tanto aqueles aqui presentes, que estão se emocionando conosco, como aqueles que aqui já estiveram para homenagear tantos outros. Tivemos perdas inestimáveis neste último ano, as quais nos deixaram muitas saudades. Assim como minha mãe, nosso querido colaborador Edilmar Norões também fez a sua partida definitiva. Ambos eram tão positivos e otimistas, em seus espíritos e em suas ações, que não podemos estar aqui nesta solenidade e pensar neles sem sentir algo que não seja absolutamente BOM! Eles inspiram uma sensação de alegria e felicidade, em todos! A Sereia de Ouro foi idealizada pelo meu pai Edson Queiroz, tendo, em seguida, minha mãe Yolanda Queiroz assumido a própria identidade desta solenidade do Sistema Verdes Mares, que constitui o evento culminante na vida social do Ceará.

trabalho no Hospital São José, de Fortaleza, fazendo dele uma referência no tratamento de doenças infecciosas, em especial, da Aids, leishmaniose e doença de Chagas. Quando foi secretário da Saúde do Ceará, foi eleito presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde e da Sociedade Brasileira de Doenças Infecciosas. Integra o corpo docente do mestrado em Patologia da Universidade Federal do Ceará e do doutorado interinstitucional, uma cooperação com a Fundação Oswaldo Cruz. Ainda é coordenador do Núcleo de Medicina Tropical da Faculdade de Medicina e membro da Academia Cearense de Medicina. Descendente de uma numerosa família de Juazeiro do Norte, o desembargador Teodoro Silva foi atraído desde jovem para as carreiras ligadas ao Direito, atendendo a um anseio vocacional. Tornou-se professor de Processo Penal na Universidade de ForEsta tradição tão querida e que vem incentivando bons frutos ao taleza - Unifor, instituição de ensino superior na qual se graduou. longo do tempo merece ter continuidade, para distinguir e premiar Como promotor público foi promovido a Procurador pelo critério os talentos que se manifestam nos diversos setores, como forma de do merecimento. Integrou o Conselho Superior do Ministério Na solenidade no Theatro José de Alencar, os sereiados Karim Aïnouz, Teodoro Santos, Anastácio preparar com seu exemplo as futuras gerações. Neste ano, como nos Queiroz Público no Ceará e coordenou o Núcleo de Atuação Especial de e Ângela Gutiérrez, com Lenise Queiroz Rocha, no centro da foto, que representou os anfitriões da noite. anteriores, a comissão julgadora escolheu assertivamente os quatro Combate à Sonegação Fiscal do Ministério Público. Em 2011, foi brilhantes agraciados para o Troféu Sereia de Ouro: a escritora nomeado desembargador do Tribunal de Justiça do Ceará, tornando-se membro Ângela Maria Rossas Mota de Gutiérrez, o médico Anastácio de Queiroz Sousa, da 5ª Câmara Cível. É coordenador da Comissão Permanente de Articulação o Desembargador Teodoro Silva Santos e o cineasta Karim Aïnouz. Federativa e Legislativa do Conselho Nacional de Justiça na Região Nordeste. Enfileirando-se na consagrada linhagem de grandes escritores cearenses, Karim Aïnouz é um dos mais premiados cineastas brasileiros, estando nos Ângela Gutiérrez estreou como romancista em 1989 com o livro “O mundo de holofotes do cenário internacional. Nascido em Fortaleza, formado em arquiFlora”; deu sequência à sua veia ficcional com o romance “Luzes de Paris e fogo tetura pela Universidade de Brasília, cursou mestrado em arte na New York de Canudos”. Em agosto último, foi lançada sua mais nova obra “O silêncio da University. Seu primeiro longa-metragem foi “Madame Satã”, que estreou no penteadeira”. Com grande lastro intelectual, ela também fez poesia com “Canção Festival de Cinema de Cannes, em 2002; já os longa “O céu de Suely” e “Viajo de menina” e “Avis rara”; escreveu ensaios como “Vargas Liosa e o romance porque preciso, volto porque te amo” (codirigido com Marcelo Gomes) estrearam possível da América Latina”. Professora de literatura na Universidade Federal ambos no Festival de Veneza. É corroteirista de filmes, tendo integrado o júri do do Ceará, é doutora e pós-doutora em Letras; participou da gestão universitária Festival de Cannes e escolhido presidente do júri no Festival do Rio de Janeiro. na Pós-Graduação em Letras, no Instituto de Cultura e Arte e na Casa de José de Seu último documentário experimental foi “Domingo”. Atualmente, filma um Alencar. Requisitada conferencista, ela é membro da Academia Cearense de Letras documentário sobre os quatro aeroportos de Berlim e prepara um projeto sobre e do Instituto Histórico do Ceará. uma jornada noturna por cinco cidades do Ceará. Benemérito da saúde pública no Ceará, doutor Anastácio de Queiroz angariou Aos sereiados, os nossos parabéns. Agradecemos as presenças das autoridades projeção internacional com sua obra científica nessa área. Desenvolve um profícuo e de todos aqui presentes nesta solenidade. Muito obrigada! Lenise Queiroz Rocha

Outubro/16

16

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Comendador e esposa recebem homenagens em Minas Gerais, Goiás e no Distrito Federal No dia 06 de setembro de 2016 foi realizado o evento SC DESTAQUES 2016 no House Fest/ Barra Park, em Patos de Minas-MG. A Colunista Social Sandra Castro e o Promotor de Eventos Wellis Martins prestaram homenagem ao Casal Comendador Dr. Albery Mariano e esposa Prof°. Cleuza Luiza Mariano, com o certificado SC DESTAQUES 2016, entregue pela elegante, bonita e charmosa Rainha do Milho, Bárbara Barbosa, foi realizado no dia 09 de setembro de 2016, em Caldas Novas Goiás no Ipê Business, o Evento MELHORES DO ANO 2016. O Promotor do Evento Cícero Campos, com criatividade, bom gosto e sofisticação parisiense premiou o Casal Cultural 2016, o Comendador Dr. Albery Mariano e esposa com o TROFÉU MELHORES DO ANO 2016, entregue pela Miss Goiás 2016. A Academia Latino Americana de Ciências Humanas, em glamorosa Sessão Solene no Salão Nobre do ASBAC em Brasília-DF, dia 10 de setembro de 2016, deu Posse como Conselheiro Consultivo ao nobre e talentoso Poeta Comendador Dr. Albery Mariano. O Evento foi digno de grandes elogios, abrilhantado pelos Dragões da Independência, Músicas Clássicas, Ópera, requintada Decoração, Bulfet especial e com a honrosa presença do Presidente do Clube dos Pioneiros de Brasília, Conde Roosevelt Dias Beltrão. Ao Presidente do Conselho Internacional da ALACH, Dr. Raul Canal e ao digno Amigo Di-

retor Secretário Geral da ALACH Comendador Edson Costa, os sinceros cumprimentos do Casal.

Comendador Dr. Albery Mariano - Advogado, Teólogo, Escritor o Poeta. Ele possui invejável Currículo Profissional, Social, Cultural e Literário. Atualmente é ex-presidente da Academia de Letras e Artes de Caldas Novas – Alacan; Conselheiro da Academia Brasileira de Ciências, Artes, História e Literatura – Abrasci;

Ceará em Brasília

P Esprojeto eci s ais

Conselheiro Consultivo da Academia Latino sentadoria, em sua segunda residência na cidade – Americana de Ciências Humanas – Alach; hidrotermal de Caldas Novas – Goiás. Comendador das Letras da Academia de Letras do Distrito Federal – ATL; Membro da Associação Nacional dos Escritores – ANE; Sócio Benemérito do Clube dos Pioneiros de Brasília. Recebeu, com muita honra, a faixa JUSCELINO KUBITSCHECK DE OLIVEIRA, nosso Saudoso JK e a Comenda GRÃ-CRUZ de PIONEIRO. Considerando o Poeta Cearense das Rimas Melodiosas, foi homenageado como ex-aluno de sucesso do famoso e tradicional Colégio Liceu de Fortaleza – Ceará e agraciado, em sua terra Natal, Santana do Acaraú, com o Premio Escritor Talentos Notáveis e o Troféu Dom Quixoto.

Dr. Albery recebe Brasão da ABRASCI

Dama Comendador Prof°. Cleuza Luiza Mariano Pedagoga, Especialista em Educação e Escritora. Minera de Patos de Minas, e Personalidade de Sucesso, por onde passa. Juntamente com o esposo, pertence a três Academia de Letras ALACAN; ABRASCI e ALACH. Seu Prazer e se dedicar as atividades Culturais e Literárias. Como Escritora, do enfoque principal, ao papel da Mulher na Sociedade, suas lutas, seus sonhos e seus Desafios em um mundo dominado e mantido pela figura masculina. Como profissional da Educação e Pioneira de Brasília, recebeu o Diploma e a Medalha JK pela excelência de seu trabalho na área educacional. Foi agraciada com o Diploma e a Medalha Tiradentes, reafirmando seu valor e amor a Minas Gerais. Autora de livro didático, que enriquece o trabalho de professores de pré-escola e Alfabetização, teve, em Brasília-DF, uma carreira profissional coroada de elogios, como professora, diretora, coordenadora pedagógica e supervisora do Ensino. Recebeu o Título Honorifico de Cidadã Caldasnovense, e se considera goiana de coração, curtindo sua apo-

A Academia Brasileira de Ciências, Artes, História e Literatura - ABRASCI, por meio de seu Vice-Presidente, Comendador Gilberto Rosa Siqueira, agraciou o Comendador Dr. Albery Mariano - Advogado, Teólogo, Escritor e Poeta, com o lindo e significado BRASÃO da ABRACI em Solenidade comemorativa ao mês Independência do Brasil, no dia 30 de setembro de 2016 no salão Nobre do Kubitscheck Plaza Hotel em Brasília – DF, O evento foi abrilhantado com a imponência e da honrosa presença dos familiares de novas Acadêmicos empossados. Nossos cumprimentos a este Poeta das Rimas melodiosas. Membro da Associação Nacional dos Escritores, inscritos na ordem dos Advogados do Brasil. Sócio Benemérito do clube dos Pioneiros de Brasília, conselheiro Consultivo da Casa do Ceará em Brasília e digno cidadão Caldasnovense.

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

17

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Eleições 2016: conheça os prefeitos eleitos nos 182 municípios do Ceará

Fortaleza e Caucaia, os únicos municípios com possibilidade de segundo turno, confirmaram tal condição e têm a disputa final no próximo dia 30 de outubro. Roberto Cláudio (PDT) com 40,81% dos votos válidos enfrenta Capitão Wagner (PR) com 31,15% pelo cargo de prefeito da Capital cearense. Em Caucaia, Naumi (PMB) que obteve 48,1% dos votos válidos duela com Eduardo Pessoa (PSDB), que registrou 31,79%. Os 10 partidos que mais elegeram prefeitos no Ceará: • PDT: 52 prefeitos eleitos (28,8% de todo o Ceará) • PMDB: 25 prefeitos eleitos • PSD: 18 prefeitos eleitos • PSDB: 15 prefeitos eleitoções • PT: 15 prefeitos eleitos • PR: 13 prefeitos eleitos • PP: 8 prefeitos eleitos • PC do B: 8 prefeitos eleitos • SD: 6 prefeitos eleitos • PTB: 5 prefeitos eleitos 100% apurado: veja lista com prefeitos eleitos: Município - Eleito (partido) - % votos válidos 1. ABAIARA: Afonso (PT) com 51,20% 2. ACARAPE: Dr. Franklin (PSD) com 53,52% 3. ACARAÚ: Alexandre Gomes (PDT) com 100%* 4. ACOPIARA: Dr. Vilmar (PDT) com 98,24% 5. AIUABA: Adalberto Feitosa (PMDB) com 100%* 6. ALCÂNTARAS: Joaquim do Quinca (PDT) com 58,07% 7. ALTANEIRA: Dariomar (PT) com 54,11% 8. ALTO SANTO: Iris (PSB) com 50,23% 9. AMONTADA: Dr. Valdir (PDT) com 60,36% 10. ANTONINA DO NORTE: Evandro Arrais (SD) com 59,27% 11. APUAIRÉS: Dr. Roberto (PSD) com 51,33% 12. AQUIRAZ: Edson Sá (PMDB) com 60,74% 13. ARACATI: Bismarck Maia (PTB) com 57,33% 14. ARACOIABA: Antônio Cláudio (PSDB) com 40,05% 15. ARARENDÁ: Aristeu (PT) com 59,98% 16. ARARIPE: Dr. Giovane (PR) com 57,90% 17. ARATUBA: Tirira do Júlio César (PR) com 61,09% 18. ARNEIROZ: Edgar Monteiro (PMDB) com 54,11% 19. ASSARÉ: Evanderto Almeida (PSD) com 62,06% 20. AURORA: Dr. Júnior Macedo (PR) com 48,15% 21. BAIXIO: Zé Humberto (PSB) com 56,08% 22. BANABUIU: Edinho Nobre (PDT) com 54,60% 23. BARBALHA: Argemiro Sampaio (PSDB) com 49,44% 24. BARREIRA: Alailson (PT) com 51,15% 25. BARRO: Dr. George (PSDB) com 95,90% 26. BARROQUINHA: Professor Ademar (PTB) com 51,56% 27. BATURITÉ: Assis Arruda (PDT) com 51,05% 28. BEBERIBE: Padre Pedro (PSD) com 52,76% 29. BELA CRUZ: Cachimbão (PTB) com 54,41% 30. BOA VIAGEM: Aline Vieira (PR) com 63,02% 31. BREJO SANTO: Dra. Tereza Landim (PDT) com 75,70% 32. CAMOCIM: Mônica (PDT) com 50,33% 33. CAMPOS SALES: Moésio Loiola (PDT) com 96,75% 34. CANINDÉ: Rozário Ximenes (PMDB) com 47,35% 35. CAPISTRANO: Inês (PSDB) com 55,15% 36. CARIDADE: Amanda Lopes (PDT) com 52,14% 37. CARIRÉ: Elmo Aguiar (PDT) com 76,71% 38. CARIRIAÇU: Edmilson Leite (PDT) com 51,72% 39. CARIUS: Iran (PSDB) com 48,34% (eleito por idade) 40. CARNAUBAL: Ademir Martins (PMDB) com 50,90% 41. CASCAVEL: Ivonete Queiroz (PDT) com 52,69% 42. CATARINA: Dr. Thiago (PMDB) com 60,36% 43. CATUNDA: Ravenna (PDT) com 53,08% 44. CAUCAIA: Naumi (PMB) com 48,1% e Eduardo Pessoa (PSDB) com 31,79% disputam o segundo turno no próximo dia 30 45. CEDRO: Dr. Nilson (PDT) com 51,49% 46. CHAVAL: Sebastiãozinho (PDT) com 69,36% 47. CHORÓ: Marcondes Jucá (PEN) com 100%* 48. CHOROZINHO: Dr. Júnior (PSD) com 54,70% 49. COREAU: Roner (PSDB) com 51,64% 50. CRATEUS: Marcelo Machado (SD) com 50,61% 51. CRATO: Zé Ailton (PP) com 58,78% 52. CROATÁ: Thomaz (PDT) com 50,06% 53. CRUZ: Jonas Muniz (PSDB) com 53,78% 54. DEPUTADO IRAPUAN PINHEIRO: Claudenilton Pinhei-

Outubro/16

18

ro (PSDB) com 72,26% 55. ERERÊ: Toinho de Luizão (PP) com 52,64% 56. EUSÉBIO: Dr. Acilon (PEN) com 81,20% 57. FARIAS BRITO: Zé Maria (PC do B) com 62,87% 58. FORQUILHA: Gerlasio Play (PT) com 54,47% 59. FORTALEZA: Roberto Claudio (PDT) com 40,81% e Capitão Wagner (PR) com 31,15% disputam o segundo turno no próximo dia 30 60. FORTIM: Naselmo Ferreira (PMDB) com 62,56% 61. FLECHEIRINHA: Carleone Júnior (PP) com 50,65% 62. GENERAL SAMPAIO: Chico Cordeiro (PDT) com 58,17% 63. GRAÇA: Augusto Brito (PC do B) com 51,09% 64. GRANJA: Amanda do Romeu (PDT) co 65,33% 65. GRANJEIRO: João do Povo (PSD) com 52,39% 66. GROAIRAS: Ueliton Vasconcelos (PPS) com 54,90% 67. GUAIUBA: Marcelo Fradique (PR) com 54,92% 68. GUARACIABA DO NORTE: Adail Machado (PMDB) com 67,74% 69. GUARAMIRANGA: Roberlandia (PDT) com 47,16% 70. HIDROLANDIA: Íris Martins (PDT) com 54,44% 71. HORIZONTE: Chico César (PSDB) com 70,88% 72. IBARETAMA: Edson Morães (PMDB) com 60,96% 73. IBIAPINA: Leandro Linhares (PR) com 59,96% 74. IBICUITINGA: Franzé Carneiro (PDT) com 50,72% 75. ICAPUÍ: Lacerda (PMDB) com 54,58% 76. ICÓ: Laís Nunes (PMB) com 52,32% 77. IGUATU: Ednaldo Lavor (PDT) com 60,09% 78. INDEPENDÊNCIA: Valdi Coutinho (PSD) com 80,38% 79. IPAPORANGA: Toinho Contábil (PT) com 61,78% 80. IPAUMIRIM: Dr. Geraldo (PMDB) com 53,18% 81. IPU: Sérgio Rufino (PC do B) com 53,31% 82. IPUEIRAS: Nenem do Cazuza (PDT) com 50,42% 83. IRACEMA: Zé Juarez (PT) com 61,69% 84. IRAUÇUBA: Nonatinho (PSD) com 56,02% 85. ITAIÇABA: Dr. Enenarco (PMDB) com 51,53% 86. ITAITINGA: Abel (PMDB) com 49,53% 87. ITAPAJÉ: Dimas Cruz (PP) com 40,50% 88. ITAPIPOCA: João Barroso (PSDB) com 46,52% 89. ITAPIÚNA: Dário Coelho (PMDB) com 48,79% 90. ITAREMA: Elizeu Monteiro (PDT) com 54,41% 91. ITATIRA: Antônio Almir (PDT) com 53,87% 92. JAGUARETAMA: Glairton Cunha (PR) com 62,95% 93. JAGUARIBARA: Juju (PSDB) com 87,37% 94. JAGUARIBE: Zé Abner (PDT) com 100%* 95. JAGUARUANA: Roberto da Viúva (PTN) com 51,83% 96. JARDIM: Dr. Aniziario (PC do B) com 63,88% 97. JATI: Neta (PSD) com 100% 98. JIJOCA DE JERICOACOARA: Lindbergh Martins (SD) com 36,28% 99. JUAZEIRO DO NORTE: Arnon Bezerra (PTB) com 42,72% 100. JUCÁS: Luna (PDT) com 55,11% 101. LAVRAS DA MANGABEIRA: Ildsser (PDMB) com 53,63% 102. LIMOEIRO DO NORTE: Dr. Zé Maria (PMDB) com 71,93% 103. MADALENA: Sonia (PMDB) com 69,58% 104. MARACANAÚ: Firmo Camurça (PR) com 72,10% 105. MARANGUAPE: João Paulo Xerez (PHS) com 100%* 106. MARCO: Roger Aguiar (PSD) com 59,07% 107. MARTINÓPOLE: Júnior Fontenele (PSD) com 54,45% 108. MASSAPÊ: Jacques Albuquerque com 53,92% 109. MAURITI: Mano Morais (PDT) com 57,59% 110. MERUOCA: Fonteles (PP) com 44,94% 111. MILAGRES: Lielson Landim (PDT) com 52,57% 112. MILHÃ: Darlan Dantas (PSD) com 53,02% 113. MIRAÍMA: Ednardo Filho (PR) com 58,56% 114. MISSÃO VELHA: Dr. Tardniny (PT) com 100%* 115. MOMBAÇA: Ecildo Filho (PMDB) com 53,51% 116. MONSENHOR TABOSA: Jeová Madeiro (PDT) com

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

54,89% 117. MORADA NOVA: Wanderley Nogueira (PT) com 54,69% 118. MORAÚJO: Áquila (PDT) com 55,68% 119. MORRINHOS: Carlos Bruno (PSDB) com 51,91% 120. MUCAMBO: Canarinho (PC do B) com 100%* 121. MULUNGU: Robert Viana (PMN) com 54,54% 122. NOVA OLINDA: Afonso Sampaio (PSD) com 60,96% 123. NOVA RUSSAS: Dr. Rafael Moura (PMN) com 51,81% 124. NOVO ORIENTE: Vanaldo Moura (PC do B) com 50,49% 125. OCARA: Amália Pereira (PP) com 51,79% 126. ORÓS: Simão Pedro (PSD) com 57,19% 127. PACAJUS: Flanky Chaves (PP) com 42,01% 128. PACATUBA: Carlomano Marques (PMDB) com 33,77% 129. PACOTI: Kiko (PV) com 55,83% 130. PACUJÁ: Alex Melo (PDT) com 52,76% 131. PALHANO: Dinho (PT) com 59,62% 132. PALMÁCIA: David do Cláudio (PROS) com 63,83% 133. PARACURU: Ribeiro (PSDB) com 40,48% 134. PARAIPABA: Dimitri Batista (PSDB) com 52,67% 135. PARAMBU: Filho Noronha (SD) com 60,11% 136. PARAMOTI: Eduardo (PDT) com 47,86% 137. PEDRA BRANCA: Gois (PRP) com 63,12% 138. PENAFORTE: Agabio (PDT) com 52% 139. PENTECOSTE: João Bosco (PDT) com 60,53% 140. PEREIRO: Neto Estevam (PDT) com 62,30% 141. PINDORETAMA: Valdemar (PT) com 56,06% 142. PIQUET CARNEIRO: Bismark (PDT) com 64,51% 143. PIRES FERREIRA: Marfisa (PDT) com 57,78% 144. PORANGA: Dr. Cárlisson (PDT) com 51,32% 145. PORTEIRAS: Fábio (PTB) com 69,37% 146. POTENGI: Edivanio (PR) com 100%* 147. POTIRETAMA: Eudes (PSD) com 57,27% 148. QUITERIANÓPOLIS: Dr. Barreto (SD) com 96,02% 149. QUIXADÁ: Ilário Marques (PT) com 56,94% 150. QUIXELÔ: Fátima Gomes (PT) com 50,78% 151. QUIXERAMOBIM: Clébio Pavone (SD) com 54,33% 152. QUIXERÉ: Bessa (PDT) com 90,05% 153. REDENÇÃO: Davi Benevides (PHS) com 83,49% 154. RERIUTABA: Osvaldo Neto (PDT) com 75,92% 155. RUSSAS: Weber (PRB) com 47,22% 156. SABOEIRO: Dr. Tácito (PMDB) com 89,67% 157. SALITRE: Rondilson (PT) com 100%* 158. SANTA QUITÉRIA: Fabiano Lobo (PDT) com 75,91% 159. SANTANA DO ACARAÚ: Marcelo Arcanjo (PMDB) com 52,27% 160. SANTANA DO CARIRI: Daniele (PSL) com 50,36% 161. SÃO BENEDITO: Gadyel (PC do B) com 53,36% 162. SÃO GONÇALO DO AMARANTE: Cláudio Pinho (PDT) com 61,79% 163. SÃO JOÃO DO JAGUARIBE: Acácio Chaves (PDT) com 54,56% 164. SÃO LUIS DO CURU: Carol Ramalho (PR) com 61,22% 165. SENADOR POMPEU: Maurício Pinheiro (PDT) com 61,50% 166. SENADOR SÁ: Regina (PSD) com 50,74% 167. SOBRAL: Ivo Gomes (PDT) com 51,44% 168. SOLONÓPOLE: Webston Pinheiro (PRB) com 53,43% 169. TABOLEIRO DO NORTE: Dr. Rildson (PSD) com 54,78% 170. TAMBORIL: Pedro Calisto (PMDB) com 50,98% 171. TARRAFAS: Taiano (PP) com 53,67% 172. TAUÁ: Carlos Windson (PR) com 50,14% 173. TEJUÇUOCA: Heloide Estevam (PMDB) com 54,09% 174. TIANGUÁ: Jean Azevedo (PDT) com 93,35% 175. TRAIRI: Dr. Marcos Prado (PSDB) com 51,56% 176. TURURU: Fátima Galdino (PDT) com 45,11% 177. UBAJARA: Renê do Ari (PDT) com 53,47% 178. UMARI: Alexandre (PT) com 50,04% 179. UMIRIM: Felipe Uchoa (PSD) com 51,29% 180. URUBURETAMA: Dr. Hilson (PC do B) com 76,47% 181. URUOCA: Kilsem (PDT) com 56,38% 182. VARJOTA: Célia (PMDB) com 54% 183. VÁRZEA ALEGRE: Zé Helder (PMDB) com 57,63% 184. VIÇOSA DO CEARÁ: Zé Firmino (PMDB) com 55,93% *Eleito. Candidato(a)(s) em disputa no município não teve(tiveram) seus votos validados devido à sua situação jurídica ou à do seu partido.

Ceará em Brasília


acesse o site: www.casadoceara50anos.com.br

Leituras IX

O Humor Negro e o Branco Humor Curiosidades Interessantes.. O vidro demora um milhão de anos para se decompor, o que significa que nunca se desgasta e pode ser reciclado um número infinito de vezes! O ouro é o único metal que não enferruja, mesmo estando enterrado no solo por milhares de anos. A língua é o único músculo do corpo que está ligado apenas a uma extremidade. Se você parar de ficar com sede, você precisa beber mais água. Quando o corpo humano está desidratado, o mecanismo de sede é desligado. A cada ano, dois milhões fumantes param de fumar ou morrem de doenças relacionadas com o tabaco. Zero é o único número que não pode ser representado por algarismos romanos. Pipas foram utilizadas na Guerra Civil Americana para entregar cartas e jornais. A canção, Auld Lang Syne, é cantada a meia-noite, em quase todos os países de língua Inglesa para celebrar o novo ano. No Brasil, Portugal, França, Espanha, Grécia, Polônia e Alemanha, é uma canção de despedida. (Adeus amor eu vou partir…) Beber água depois de comer reduz 61 por cento do ácido na boca. O óleo de amendoim é usado para cozinhar em submarinos, porque não solta fumaça a menos que seja aquecido acima de 450F ou 232C. O barulho que ouvimos quando colocamos uma concha junto ao nosso ouvido não é o oceano, mas sim o som do sangue correndo nas veias da orelha. Nove em cada 10 seres vivos vivem no oceano. A banana não pode reproduzir por si só. Ela só pode ser reproduzida pela mão do homem. Aeroportos em altitudes mais elevadas requerem uma pista mais longa, devido à menor densidade do ar. A Universidade do Alaska abrange quatro fusos horários. O dente é a única parte do corpo humano que não pode se curar or regenerar. Na Grécia antiga, jogar uma maçã a uma mulher era uma proposta de casamento. Pega-la significava aceitação. Warner Comunications pagou 28.000 mil dólares para os direitos autorais da canção Parabéns pra Você. As pessoas inteligentes têm mais zinco e cobre em seu cabelo. A cauda de um cometa aponta sempre para longe do sol. A vacina contra a gripe suína em 1976 causou mais mortes e doenças do que a doença pretendia evitar. A cafeína aumenta o poder da aspirina e outros analgésicos, é por isso que é encontrada em alguns medicamentos. A saudação militar é um gesto que evoluiu desde os tempos medievais, quando os cavaleiros de armadura levantavam suas máscaras para revelar sua identidade. Se você estiver no fundo de um poço ou embaixo de uma chaminé alta e olhar para cima, você verá as estrelas, mesmo estando no meio do dia. Quando uma pessoa morre, a audição é o último sentido a desaparecer. O primeiro sentido perdido é a visão. Nos tempos antigos estranhos apertavam as mãos para mostrar que estavam desarmados. Morangos são os únicos frutos cujas sementes crescem na parte exterior. Abacates têm calorias mais altas do que qualquer outra fruta: 167 calorias para cada cem gramas. A Lua se afasta da Terra cerca de dois centímetros por ano. A Terra fica 100 toneladas mais pesada a cada dia devido à queda de poeira espacial. Devido à gravidade da Terra é impossível montanhas serem mais altas do que 15 mil metros.

Ceará em Brasília

Culinária

Os Cearenses na Cozinha de Brasília

Bar dos Cunhados Pedro Prado e Paulo Prado Donos (Hidrolândia) . Garçons: Raimundo Vieira (Viçosa do Ceará), Edmilson Bezerra,(Poranga), Johnson de Souza e Raimundo Pacheco (Santa Quitéria). CLN 115 BL. B lj. 21- Asa Norte 70772520 - Tel (61) 3274-7805. Bar dos Cunhados no Tênis do Iate Clube Damázio Prado (Hidrolândia) arrendatário – 337988763 Setor de Clubes Esportivos Norte Trecho 2 Conj. 4 -70800-120 Bar dos Cunhados Veleiro no Iate Clube Antônio Prado (Hidrolândia) arrendatário 3329-8761 e 3323-4207 Bartolomeu SHCS Quadra 409 bloco C loja 06 Asa Sul 70257-180- 3442 1169 Chefe de Cozinha: Manoel Facundo de Almeida (Boa Viagem), Maitre e sommelier: José Felismino (Cintra Netro) (Fortaleza), Cozinheiros: Francisco Leonardo Nascimento (Bela Cruz) e Jose Alex Facundo de Almeida (Boa Viagem) Beirute Sul Proprietário Francisco Martins (Ipu) SCLS 109 Bloco”A” Loja 2/4 – Asa Sul - 3244 1717 Beirute Norte Maitre Bartolomeu Martins (f.cearense, Brasília) Coco Bambu – Frutos do Mar Gerente Geral Eilson Studart (Fortaleza) - SCES Trecho 02, Conjunto 36, Parte Cicone Parque - 70200-002 Tel 3224 5585 Brasília Shopping SCN Qd 05 BL.A , 70715-900 - Tel 3038-1818 Baby BeefRubaiyat - Brasília Maitres: José Itamar Ferreira Gomes (Acaraú), Silva (Ubajara) e Manoel Adilson Rodrigues (Jijoca), Garçons: Luis Neto Alves Sobrinho (Acopiara) e Antenor Neto Rodriges (Ibiapina), bar-men: Doniseti Ferreira Chaves (Ibiapina), Hernandes Freitas (Jijoca) e Gleison Ferreira da Silva (São Benedito), Recepcionista Viviane Bezerra da Silva (Ipueiras). SCES – Setor de Clubes Esportivos Sul, Trecho 1, lote 1 A - Asa Sul - Tel 61 3443-5000 Dom Francisco SCS 402 Bloco B Loja 09, 3224-1634 / 3226-1816 Gerente: Wilton Melo (Ipu); maitre: Valdemir Alves Souza (Sobral); garçom: Evandro Magalhães (Santa Quitéria) Dom Francisco ASBAC SCES Trecho 02 Conj. 3226 2005 3224 8429 3223 5679 Garçons: Iran Matos (Independência), Antônio Melo (Independência) Antônio José Barbosa (Monsenhor Tabosa). Elisimar Barbosa Oliveira (Monsenhor Tabosa); barman Francisco Ricardo Ferreira Gomes (Nova Russas); cozinheiros: Romário Vieira Barreto (Tauá) Francisco das Chagas Gomes (Nova Russas) e Francisco Dermival dos Santos (Nova Russas). Dona Graça Maitre – Carlos Ângelo Veras (Viçosa do Ceará) Vila Planalto, Acampamento Pacheco Fernandes Rua 07 casa 15 Vila Planalto - Tel 3032-1062 - 70804-270 Forneria Parole Maitre Antônio Carlos de Souza (Guaraciaba do Norte); garçom: José Gerardo de Azevedo (Guaraciaba do Norte); cozinheiros Juvêncio Fernandes Neto (Tauá), pizzaiolo Sinobilino Bezerra Neto (Tauá) e Adinaldo Fernandes Bezerra (Tauá) - QI 9/10 Comércio Local Loja 39 Lago Norte - 3368 3337 Gero Gerente: Célio Freitas (Hidrolândia) cozinheiros: Alexandro Araújo Nascimento (Itarema) e João Moura Rodrigues (Itarema). SHIN C 04 Lote A Loja 22 Térreo Iguatemi 3577 5522 8110 0209 Galeteria Beira Lago Proprietário João Miranda Lima (Ipueiras) Gerente José Afonso Miranda Lima (Ipueiras). Maitre: Raimundo,Chaves de Carvalho (Nova Russas) garçons: Hélio Martins de Melo (Nova Russas) e Antono Alcimario (Pereiro (churrasqueiro: Valdemar Araújo de Souza; serviços gerais: Joaquim Rodrigues Ferreira (Nova Russas) SCES Trecho. 02 conjunto 33, ao lado do PIER 21

Ki Filé Maitre – Maitre, Roberto Cavalcante (f.Cearense), Chefe de Cozinha, Raimundo Cavalcante (Sobral). Gerente Eduardo Vasconcelos (f.Cearense), garçons: Francisco Souza (Sobral) e Raimundo Mourão (Nova Russas), cozinheiros Alessandro Loyola (Sobral) e Francisco Ferreira (Granja) 405 Norte, bloco A - lojas 55/65/69 - (61)3274-6363 Le Palace Proprietário: Edilson Aguiar (Sobral); Cozinha: Marilza / Regina (Camocim); Garçom: Zé Vanildo (Sobral) - Especialidade: Picanha na chapa; - Pratos da terrinha: Carne de sol, baião de dois, panelada, rabada, sarapatel, peixada; Q-04 Conjunto J Lote 60 Planaltina-DF (em frente à Feira de Confecções de Planaltina) 33897000 Libanus Proprietário Narciso Martins (Ipu) SCLS 206, Bloco “C”,loja 36 – Asa Sul / 3244 9795 Moqueca do Chefe 404 Norte, Bloco B, Loja 2 3201 5204 Dono e Maitre – Francisco Holanda (Cascavel) Moranguim Chefe de Cozinha Francisco da Silva (Icó) SHIN QI2, Área Especial, Quiosque 14., Lago Norte/21947641 Em frente a loja do Pão de Açúcar. New Koto (comida japonesa) SQS 212 loja 20 - 3346 9668 Garçons: Francisco Olavo Aprigio, Francisco Antônio Souza, Gelinaldo Brito e Genildo Brito, todos de Guaraciaba do Norte, José Wilson (Boa Viagem), cozinheiro José Aurélio (Sobral), sushiman João Carlos Nascimento e o ajudante dele, Eridam Lopes e o ajudante de cozinha Francisco Alan, todos de Guaraciaba do Norte Oxente Carne de Sol Q 04, Conjunto J, Vila Buritis, Planaltina DF, 3389, 4005 - Copeiro Francisco das Chagas Aguiar (Sobral); -Pizzaiolo Narcelio Oliveira da Silva (Crateus); Cozinheira Edilza Maria (Fortaleza), ajudante de cozinha José Dalmir do Nascimento Sousa Prado(Sobral), ajudante de cozinha Francisco Tadeu Prado Nascimento Sousa ( Sobral); Copeiro Manoel Bezerra Aguiar de Araújo ( Sobral) Pizzaria Primu’s Grill Dono: Chico Élcio (Sobral) Quadra 4. Conj, A Lt 60 – 9627 6430 Planaltina 73.300-000 Praliné SCLS 205 Bloco A – Loja 03 – ASA Sul 70.235-510 – 3443 7490, 3443 7090 - Garçons – Antônio Viana (Crateús), Jose Osmar Gabalia (Sobral),Francisco Edmar Alves de Souza (Ipueiras) . Caixa: Eliane Paiva (Groaíras) Recanto do Norte Donos: Eudes Braga Mesquita e Antônia (Toinha) Celeste Jorge Mesquita (Santa Quitéria) 409 Norte , Bloco B, Loja 65 – Tel 3271 8722 Restaurante Central Proprietário: José Maria Aguiar (Sobral); Churrasqueiro e especialista em pratos e tira gostos especiais: Titico (Sobral). Especialidades: Self service, caldo de mocotó, sarapatel; Aos Sábados: Feijoada. Praça de Alimentação da Feira de Confecções de Planaltina-DF - 9631-3335 (Vivo) 9232-2855 (Claro) Taperas Restaurante Maitre – Francisco Tadeu de Oliveira (Iguatu) Sobreloja do Garvey Palace Hotel Tel 3328-4265 Tejo SQS 404 Asa Sul Tel 3264 7005 Chefe de Cozinha: Custódio Rodrigues Alves (Reriutaba) Trindade Maitre Lúciano Rodrigues (São Benedito) Chefe de Cozinha - Francisco Alves (Acaraú) SHCS Quadra 105, Bloco D Conjunto 35 0 Asa Sul/ 73.344-000 - Tel 3242-4039 Verde Perto Proprietário Carlos Pontes (Nova Russas) EPTG Chácara 56 sentido Taguatinga-Guará (ao lado do Posto de Polícia) 3567 8217

Veja a TV Casa do Ceará - acesse: tvcasadoceara/youtube

19

Outubro/16


acesse o site: www.casadoceara.org.br

Fotos de Hermínio Oliveira

Inaugurada a TV Casa do Ceará Nas comemorações dos 53 anos da Casa do Ceará em, evento que reuniu 160 pessoas

Sra. Mara Oliveira, desembargador Cruz Macedo e Sra. Tarcísio Macedo e Sra e Maria Dione de Araújo

Sônia, Sebastião Holanda, Luis Duarte e Sra. e Vanda Lúcia Gurgel

Família de José Colombo de Souza Filho

Luiz Gonzaga de Assis e sra, Inácio de Almeida, Luiz Joca.

Nas comemorações dos 53 anos de fundação da Casa do Ceará em Brasília, que foi em 15 de outubro de 1973, quando 50 cearenses oficialmente instalaram a Casa na 909/Norte, a Casa do Ceará deu um novo passo na incorporação de novas mídias na sua comunicação para a prática da cearensidade entre os cearenses espalhados pelo mundo e pelo Brasil ao inaugurar a TV CASA DO CEARA, que operará através do canal do Youtube: www.youtube/tvcasadoceara. A Casa do Ceará em Brasília inicialmente se comunicava através do jornal Ceará e Brasília que foi criado e dirigido por Luciano Barreira. Posteriormente, aderiu ao site www.casadoceara.org.br, disponibilizou dois outros sites sobre a presença dos cearenses nos 50 anos de Brasília www.brasiia50anosdeceara.com. br e sobre os 50 anos da Casa do Ceará www.50anosdacasadoceara.com.br. Mais recentemente, aderiu ao facebook www. facebook/casadoceara, que vem revolucionando a comunicação da Casa. A TV Casa do Ceará ficará no ar por tempo indeterminado, com uma programação exclusivamente voltada para a divulgação das coisas do Ceará, as ações do governo do Estado do Ceará, seus eventos, sua programação cultural, seu turismo, indústria, comercio, agricultura e pecuária, duas universidades, seus hospitais públicos e privados, seus transplantes, suas belezas naturais, como Jijoca e Canoa Quebrada, seus escritores, poetas, pintores, humoristas, cantores. As comemorações dos 53 anos da Casa e do lançamento da TV Casa do Ceará

ocorreu no 2º Jantar de Solidariedade do Jornal Ceará em Brasília que reuniu 160 participantes. No evento, o escritor e 2º vice presidente da Casa, Adirson Vasconcelos (Santana do Acaraú), doou um quadro para a Pinacoteca Alvaro Lins Cavalcante, o comendador Albery Mariano (Santana do Acaraú) doou uma cesta de chocolates finos, os empresários Francisco Crispim (Ipaumirim), (lojas Blumenau e Dular) e José Fagundes Maia (Nova Russas) e o advogado João Estenio Bezerra Campelo (Crateús) doaram brindes para sorteio entre os participantes. Entre os presentes, o Assessor Especial da PR, Tadeu Felippelli e sra. o Superintendente da Receita Federal no DF, José Oleskovizc e Sra. os ex-presidentes, Fernando César Mesquita, fundador da Casa, e José Jezer de Oliveira, o presidente da Confraria dos Cearenses , Geraldo Vasconcelos, desembargador Cruz Macedo, general Paulo Sergio Nogueira de Oliveira, brigadeiro Antônio Pinto de Macedo e Sra. José Colombo de Souza Filho e Sra. lideranças de Iguatu, à frente Antônio Assunção, de Sobral, Antônio Carlos e Elaudy Aguiar, de Aurora, Vicente Landim, Vicente Magalhães e Manuel Macedo , de Acopiara, Sebastião Gurgel Holanda e Luiz Duarte, de Baxio, José Aldemir Holanda, de Iracema, general Nilton Cavalcante, de Juazeiro, Geová Sobreira, de Baturité, Inácio de Almeida, de Mauriti, desembargador José Cruz Macedo, de Reriutaba, João Jacob Gonçalves, de Limoeiro do Norte, Luiz Gonzaga de Assis, de Novo Oriente, ministro José Coelho Ferreira.

Outubro/16

20

acesse o site: www.facebook.com/casadoceara

Ceará em Brasília

Profile for shadown shadown

Jornal out2016  

Jornal da Casa do Ceará

Jornal out2016  

Jornal da Casa do Ceará

Profile for shadown21
Advertisement