Page 1

ORGANIZANDO DOCUMENTOS DIGITAIS NOS DIÁRIOS ASSOCIADOS DO DISTRITO FEDERAL

Versão 1.0 23 de setembro de 2011


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

1. 2. 3. 4. 5.

O PROJETO CONCEITOS BÁSICOS METODOLOGIA APLICAÇÃO NA D.A PRESS

OFICINA PRÁTICA


PROJETO DE GESTテグ DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diテ。rios Associados no Distrito Federal

1. O PROJETO


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

OBJETIVO Implementar no Grupo Diários Associados no Distrito Federal uma política de gestão de documentos digitais por meio de instrumentos – diretrizes, normas e padrões – que assegurem e racionalizem a produção, o acesso e a preservação de documentos confiáveis em ambiente legal.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

Visão geral do Programa

O PROJETO NO PROGRAMA MEMÓRIA DIÁRIOS ASSOCIADOS


PROJETO DE GESTテグ DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diテ。rios Associados no Distrito Federal

PRINCIPAIS PASSOS


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

O QUADRO ATUAL NOS DIÁRIOS ASSOCIADOS NO DISTRITO FEDERAL Os documentos em suporte físico recebem tratamento arquivístico adequado, porém estes valores não são aplicados aos documentos digitais. AS CONSEQUÊNCIAS • • • • •

Dificuldade de recuperação de dados, ocasionando perda de tempo e retrabalho; Perda de documentos; Documentos sem valor e/ou duplicados ocupando espaço nos servidores; Retenção de documentos pelos colaboradores e Perda da memória institucional.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

O QUADRO ATUAL NOS DIÁRIOS ASSOCIADOS NO DISTRITO FEDERAL Os documentos em suporte físico recebem tratamento arquivístico adequado, porém estes valores não são aplicados aos documentos digitais. Formou-se, portanto, uma massa documental digital acumulada que ocupa cerca de

*

em nossos servidores Este valor encontra-se desatualizado, pois as estatísticas foram elaboradas na fase inicial do projeto.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

O QUADRO ATUAL NOS DIÁRIOS ASSOCIADOS NO DISTRITO FEDERAL Análise estatística da capacidade de armazenamento, medida em gigabytes, dos nossos servidores de acordo com a diretoria: •Call Center - 48,1. •Diários Associados Logística (DALOG) - 0,08. •Diários Associados Press (DAPRESS) - 778,1. •Diretoria de Comercialização e Marketing (DICOM) - 756,9. •Diretoria Estatutária (DIEST) - 9,14. •Diretoria Financeira (DIFIN) - 282,8. •Diretoria Industrial (DIINT) - 247,7. •Diretoria Jurídica (DIJUR) - 3,6. •Diretoria de Rádio (DIRAD) - 0,03. •Diretoria de Redação (DIRED) - 784,8. •Fundação Assis Chateaubriand (FAC) - 40,05. •Superintendência de Tecnologia (SUTEC) - 201,9.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

O QUADRO ATUAL NOS DIÁRIOS ASSOCIADOS NO DISTRITO FEDERAL Análise estatística da capacidade de armazenamento, medida em gigabytes, dos nossos servidores de acordo com a diretoria: Memória ocupada no servidor

FAC; 40,05; 1% DIEST

CALL CENTER; 48,1; 2% DIFIN; 282,8; 9%

DIRED

DIEST; 9,14; 0%

SUTEC; 201,9; 6%

DIRED; 784,8; 25%

DIINT; 247,7; 8%

DICOM DIRAD DAPRESS DIJUR DALOG

DALOG; 0,08; 0%

DIINT

DIJUR; 3,6; 0% DAPRESS; 778,1; 25%

DIRAD; 0,03; 0%

DICOM; 756,9; 24%

SUTEC DIFIN CALL CENTER FAC


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

2. CONCEITOS BÁSICOS


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

DOCUMENTO ARQUIVÍSTICO Informação em suporte físico ou digital produzida e/ou recebida por uma pessoa física ou jurídica, no decorrer das suas atividades.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

ATIVIDADE FIM É aquela que está diretamente ligada à finalidade da empresa. No caso da D.A Press, tudo que envolve GESTÃO DA DOCUMENTAÇÃO e COMPARTILHAMENTO E COMERCIALIZAÇÃO DE CONTEÚDO. Estas atividades geram documentos como termos de uso de conteúdo, e-mails com solicitações de clientes, pedidos de parceria, etc. ATIVIDADE MEIO É aquela que está indiretamente ligada à finalidade da empresa. No caso da D.A Press, tudo que envolve ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS. Estas atividades geram documentos como currículos de candidatos a funcionários, manual de identidade visual da empresa, solicitação de compra de passagens aéreas, etc.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

AS TRÊS IDADES DOCUMENTAIS Arquivo Corrente Nele, encontram-se documentos utilizados com frequência pela pessoa ou setor que o produziu ou recebeu. Devem ficar sob custódia do setor que o produziu. Arquivo Intermediário São encontrados documentos com baixa frequência de uso, mas que necessitam ser guardados para fins probatórios. Devem ficar sob custódia do Arquivo Central. Arquivo Permanente Fazem parte deste arquivo, documentos preservados indefinidamente por conterem informações históricas e/ou de caráter vital para a instituição; também é conhecido como “arquivo histórico”. Devem ficar sob custódia do Arquivo Central.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

AS TRÊS IDADES DOCUMENTAIS NA PRÁTICA

A planta-baixa do prédio de uma empresa foi fundamental no momento da construção do mesmo. Este documento, portanto, estava em sua fase corrente.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

AS TRÊS IDADES DOCUMENTAIS NA PRÁTICA

Após o término das obras, sua guarda é fundamental para eventuais reformas, reparos e vistorias prediais. Este documento, portanto, está em sua fase intermediária.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

AS TRÊS IDADES DOCUMENTAIS NA PRÁTICA

Supondo que a empresa mude-se para outro prédio, a guarda desta planta-baixa não terá nenhuma serventia prática, mas deverá ser guardada para preservar a história da instituição. Este documento não servirá mais para os fins em que foi criado. Estará portanto, em sua fase permanente.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

GESTÃO ARQUIVÍSTICA DE DOCUMENTOS São procedimentos e operações técnicas para gerir os documentos corretamente. Isso inclui sua produção, tramitação, uso, avaliação e arquivamento durante as três idades documentais.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

ENTERPRISE CONTENT MANAGEMENT Conjunto de tecnologias, ferramentas e métodos usado para captar, gerenciar e preservar informações não estruturadas (aquelas que não estão em banco de dados).


PROJETO DE GESTテグ DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diテ。rios Associados no Distrito Federal

3. METODOLOGIA


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 5. Aquisição e implantação de uma ferramenta de ECM: métodos a definir. 4. Implementação de gestão arquivística de documentos digitais: capacitação de funcionários e organização dos acervos. 3. Levantamento da produção documental: entrevistas e diagnóstico dos servidores. 2. Análise da Estrutura Organizacional, Funções, Macroprocessos e Atividades. 1. Criação de política de gestão de documentos digitais


Projeto de Gestão de Documentos Digitais Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 1.

Criação de política de gestão de documentos digitais:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 2.

Análise das funções, estrutura organizacional, macroprocessos, processos e atividades executadas pelos D.A DF.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 3.

Levantamento da produção documental: entrevistas com os responsáveis por cada área, diagnóstico dos servidores e mapeamento de processos.

Capta as atividades e seus documentos e os organiza em um fluxograma.

MACROPROCESSO

FUNÇÃO

ATIVIDADE PROCESSO

DOCUMENTO


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA

4.

Desenvolvimento do Plano de Classificação;

instrumento de distribuição de documento em classes elaborado a partir do mapeamento de processos. No caso dos documentos digitais, a árvore de diretórios será um reflexo do mesmo.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 5.

Desenvolvimento da Tabela de Temporalidade e Destinação;

instrumento que compreende o documento de acordo com sua fundamentação jurídica ou administrativa e dá o parecer quanto à sua destinação: guarda permanente ou eliminação.

PRAZO DE GUARDA CÓDIGO

CLASSIFICAÇÃO

211.3

Contratos de parceria com veículos nacionais

DESTINAÇÃO

Arquivo Corrente

Arquivo Intermediário

Eliminação

Enquanto estiver em vigência

10 anos

x

Guarda Permanente

OBSERVAÇÕES De acordo com a política de Contratos dos Diários Associados


Projeto de Gestão de Documentos Digitais Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 6.

Criação de política de instalação de comissões:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

METODOLOGIA 7.

Capacitação de comissões setoriais que formarão multiplicadores para a gestão arquivística de documentos; Criação da Comissão Central

Criação das Comissões Setoriais Capacitação das Comissões Setoriais

Multiplicação do conhecimento

Funcionários da D.A Press envolvidos no projeto

Representantes de cada área, diretoria ou empresa dos D.A DF

Representante de cada empresa ou diretoria dos D.A DF

Demais colaboradores


PROJETO DE GESTテグ DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diテ。rios Associados no Distrito Federal


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

ATRIBUIÇÕES DAS COMISSÃO CENTRAL

Indicar representantes das Comissões Setoriais da área que representa;

Avaliar, adequar e aprovar as propostas do Plano de Classificação, Tabela de Temporalidade e Destinação dos documentos digitais elaborados pelas Comissões Setoriais junto ao Arquivo Central.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

ATRIBUIÇÕES DAS COMISSÕES SETORIAIS •

Multiplicar o conhecimento adquirido nas oficinas para os demais colaboradores;

Participar da entrevista de levantamento de produção documental da sua área;

Propor critérios para auxiliar o Arquivo Central na elaboração do Plano de Classificação e a Tabela de Temporalidade e Destinação dos documentos digitais;

Acompanhar os trabalhos de organização dos documentos digitais de sua área;

Transferir o arquivo intermediário e permanente para o Arquivo Central.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

4. A APLICAÇÃO NA D.A PRESS


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

APLICAÇÃO NA D.A PRESS

1.

Análise da estrutura organizacional, funções, macroprocessos e processos da D.A Press:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

APLICAÇÃO NA D.A PRESS 2.

Criação de um novo diretório no servidor S-fs1:

antigo

novo


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

APLICAÇÃO NA D.A PRESS 3.

Construção do Plano de Classificação de todos os núcleos:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

APLICAÇÃO NA D.A PRESS 4.

Construção da Tabela de Temporalidade de cada um dos núcleos:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

APLICAÇÃO NO NCP 5.

Criação da nova árvore de diretórios da D.A Press no novo servidor:

Todos os documentos produzidos, recebidos ou consultados a partir da data desta oficina devem ser salvos neste diretório obedecendo a esta estrutura.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

ACESSO

EXCLUSÃO

CRIAÇÃO OU RECEBIMENTO

RECUPERAÇÃO

SALVAMENTO


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE O ACESSO A DOCUMENTOS Para garantir acesso e dar segurança à informação institucional, trabalhamos com níveis de acesso que garantirão a segurança dos nossos documentos nos servidores. São eles:

Independentemente do nível de acesso, os usuários dos servidores devem possuir responsabilidade sobre todos os seus atos.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE A CRIAÇÃO DE DOCUMENTOS Todos os documentos digitais devem a identidade visual da D.A Press e dos Diários Associados. Consulte o Manual de Identidade Visual da D.A Press e veja os padrões dos Diários Associados na intranet:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE O SALVAMENTO DE DOCUMENTOS Os documentos devem obedecer à seguinte nomenclatura:

sigla_espécie_assunto_data


PROJETO DE GESTÃO DOS DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE O SALVAMENTO DE DOCUMENTOS Exemplo:

dap_guia_gestao_de_documentos_digitais_23set11 Se necessitar atualizar o documento no mesmo dia, utilize a terminação “_v2”, “_v3”, etc., por exemplo: dap_guia_gestao_de_documentos_digitais_23set11_v2

É permitido o uso de: -Caracteres minúsculos; -Siglas institucionais; -Underline (_)

Não é permitido o uso de: -Caracteres especiais (.?“/>\<*|’º;:{}@&[]); -Acento, espaço, cedilha, abreviatura e algarismo romano -Caracteres maiúsculos


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE O SALVAMENTO DOS DOCUMENTOS Nos diretórios do servidor, os três primeiros níveis das pastas serão estáticos, ou seja, não devem sofrer alteração. Os três posteriores são dinâmicos e podem sofrer alteração de acordo com a demanda.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE A RECUPERAÇÃO DE DOCUMENTOS A navegação nas pastas será intuitiva e de acordo com as funções e atividades da área. Se mesmo assim, não encontrar o documento, basta utilizar o sistema de busca do próprio Windows.


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

SOBRE A EXCLUSÃO DE DOCUMENTOS Os funcionários que possuírem perfis de administrador, serão os responsáveis por comandar a avaliação da massa documental acumulada de sua área, bem como da exclusão dos documentos que já tiverem cumprido seu prazo de guarda de acordo com a Tabela de Temporalidade.


PROJETO DE GESTテグ DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diテ。rios Associados no Distrito Federal

MASSA DOCUMENTAL DIGITAL ACUMULADA NOS SERVIDORES


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

A MASSA DOCUMENTAL DIGITAL ACUMULADA NOS SERVIDORES Todos os documentos produzidos, recebidos ou consultados a partir desta oficina devem ser salvos (ou migrados) para o novo servidor. Todo o legado já produzido deverá ser migrado conforme o cronograma abaixo. 3 vistorias serão realizadas para verificar o cumprimento dos prazos. 1ª: 4 de janeiro

3ª: 29 de fevereiro

2ª: 31 de janeiro


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

5. OFICINA PRÁTICA


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

EXERCÍCIO Renomeie os seguintes documentos:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

EXERCÍCIO Agora salve-os no lugar correto de acordo com o Plano de Classificação:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

INSTRUMENTOS Você receberá por Outlook: -o endereço eletrônico do Guia de Gestão de Documentos Digitais:


PROJETO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diários Associados no Distrito Federal

INSTRUMENTOS Você receberá por Outlook: -o endereço eletrônico para acesso a esta apresentação de slides:


PROJETO DE GESTテグ DE DOCUMENTOS DIGITAIS Diテ。rios Associados no Distrito Federal

TRABALHE MELHOR!

Oficina instrutiva - D.A Press - módulo 2  

Apresentação de slides de oficina instrutiva sobre como organizar documentos digitais na D.A Press.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you