Issuu on Google+


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe SUMÁRIO Leia as manchetes de hoje dos principais jornais brasileiros __________________________ 2 Cultura – Jornal Primeira Página, 13/06/2014, 08h26min. ____________________________ 3 Livros sobre futebol ganham espaço em tempos de Copa ___________________________________________ 3

Mecânica – Inovação Tecnológica, 13/06/2014 ____________________________________ 3 Turbina de rotor aberto reduz consumo de aviões em 15% _________________________________________ 3

Economia – O Globo, 13/06/2014, 8h38min _______________________________________ 3 Depois de recuar em março, economia volta a crescer em abril, diz BC ________________________________ 3

Educação Profissional – Portal FIESP, 12/06/2014 0:19 _____________________________ 3 Em cerimônia de formatura, unidade do Senai-SP do Ipiranga celebra aquisição do prédio da escola ________ 3

Educação Profissional – Portal da Indústria, 11/06/2014 _____________________________ 3 SENAI firma contrato com MIT para desenvolver inovação no Brasil __________________________________ 3

Especial 1: Economia – Valor Econômico, 13/06/2014 às 05h. ________________________ 4 Desemprego represado______________________________________________________________________ 4

Especial 2: Economia – Valor Econômico, 13/06/2014 às 05h. ________________________ 8 Suape pretende chegar a 2015 com 123 companhias ______________________________________________ 8

1 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Leia as manchetes de hoje dos principais jornais brasileiros

Valor - Empresas veem cenário incerto e mantêm hedge. - Incentivos ao mercado de capitais. - PSDB vai dar 'garantias' na área social. - Brasil vence com festa e protestos. - Constituinte, uma saída para desordem atual.

Folha de S.Paulo - Brasil abre a Copa com gol contra, virada e vaia a Dilma. - A cada dois dias, três são mortos em briga de famílai no Estado de SP.

O Globo - Uma vitória sofrida. - Protestos têm confrontos, 17 feridos e 70 detidos. - Fuga de Exército leva caos ao Iraque. - Suíça abre ação contra ex-diretor da Petrobras.

O Estado de S.Paulo - Brasil vence Croácia de virada; Dilma é hostilizada pela torcida. - Abertura é criticada nas redes sociais. - Dez capitais têm protestos; confronto fecha estações em SP.

2 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Cultura – Jornal Primeira Página, 13/06/2014, 08h26min. Livros sobre futebol ganham espaço em tempos de Copa Na onda da Copa do Mundo todo o sistema de entretenimento e diversão, inclui-se aqui projetos culturais – acabaram se voltando à temática do futebol.....

Mecânica – Inovação Tecnológica, 13/06/2014 Turbina de rotor aberto reduz consumo de aviões em 15% Resumo...

Economia – O Globo, 13/06/2014, 8h38min Depois de recuar em março, economia volta a crescer em abril, diz BC Segundo índice da instituição, país começou o segundo trimestre com alta de 0,12%...

Educação Profissional – Portal FIESP, 12/06/2014 0:19 Em cerimônia de formatura, unidade do Senai-SP do Ipiranga celebra aquisição do prédio da escola Terreno no bairro foi adquirido pela instituição, garantindo a continuidade do trabalho de formação profissional em automobilística...

Educação Profissional – Portal da Indústria, 11/06/2014 SENAI firma contrato com MIT para desenvolver inovação no Brasil Instituição brasileira vai investir US$ 6,5 milhões no projeto, que terá duração de cinco anos...

3 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe

Especial 1: Economia – Valor Econômico, 13/06/2014 às 05h. Desemprego represado

Por Solange Srour

A Copa começou sem aumento de preços de bebidas. O governo adiou o aumento dos impostos sobre bebidas frias, decisão que havia sido tomada para melhorar a tão deprimida arrecadação deste ano e viabilizar parte dos subsídios dados ao setor elétrico. Em contrapartida, o setor terá que preservar empregos e investimentos. A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes chegou a falar em demitir 200 mil pessoas logo após a Copa caso a alta de impostos não fosse adiada. Garantimos, assim, mais alguns meses sem aumento de preços e sem aumento do desemprego. A manutenção do emprego é justamente uma das bandeiras do setor automobilístico nas reivindicações junto ao governo para a flexibilização das leis trabalhistas. O governo já admite subsidiar a redução da jornada de trabalho e dos salários para evitar demissões. Na construção civil, os atrasos nos repasses de recursos para as habitações destinadas às famílias de baixa renda inscritas no Minha Casa, Minha Vida trouxeram inúmeras ameaças de demissões por parte das construtoras. A lista de setores subsidiados, dependentes do crédito governamental e que estão com o nível de emprego acima do desejável é grande e sua tendência é de aumentar bem ao longo desse ano. É emblemático o fato de o governo anunciar neste momento a prorrogação permanente da folha de pagamentos dos 56 setores já beneficiados. Para obter esses e outros benefícios, as empresas se comprometeram informalmente a não demitir. Qual seria a curva do emprego sem a interferência do governo na decisão das empresas de demitir? 4 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Muito se discute hoje sobre a inflação represada, mas pouco se fala no desemprego represado. Nos últimos anos temos crescido ao redor de 2%, enquanto o desemprego ficou estacionado em 5%. Há várias explicações para a baixa contaminação do mercado de trabalho que passam por razões demográficas, políticas sociais e pelos programas governamentais voltados à educação como o caso do Fies. Há, no entanto, outro aspecto que tem segurado o desemprego, de difícil mensuração, que é descrito pelo anedótico acima. A adoção da "nova matriz econômica" resultou em um "equilíbrio" instável. Temos hoje inflação estacionada em 6% e PIB em 2% porque tanto a alta da inflação quanto do desemprego é contida temporariamente pela intervenção governamental. A discussão econômica está polarizada entre os que defendem medidas de ajuste que nos permitam crescer mais com a inflação controlada e os que acreditam que a nova matriz econômica não é problemática, uma vez que estimulando a demanda aumentaremos os investimentos sem grandes riscos inflacionários. Discute-se no meio político se com uma taxa de inflação de 3%, teríamos um desemprego acima de 8,5%. Sem entrar no aspecto da teoria econômica e no "trade-off" inflação e desemprego, a primeira pergunta a responder é: como fazer tal discussão se nem sabemos de fato a verdadeira inflação e o desemprego atual? É preciso entender que vivemos em um equilíbrio artificial. Não há mecanismo de mercado para estabelecer preços e quantidades nem no mercado de bens e tampouco no mercado de trabalho. Qual seria a curva de demanda e oferta de alguns itens essenciais como a gasolina se os preços não estivessem represados? Qual seria a curva de oferta e demanda por emprego se não houvesse a interferência do governo na decisão das empresas de demitir? O problema dos represamentos é ainda mais grave quando consideramos seu aspecto fiscal. É difícil fazermos as contas de quantos bilhões estão sendo gastos com tais políticas. São gastos não transparentes, não sujeitos a nenhum processo de avaliação. São políticas públicas, de montante significativo, que não passam pelo Congresso. Subsídios para represar preços e desemprego não têm o chamado multiplicador fiscal e diminuem a produtividade da economia.

5 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Certamente a sociedade estaria melhor se os substituíssemos por investimentos em infraestrutura e na qualificação da mão de obra. Até quando podemos viver em um mundo onde prosperam tantas distorções que distorcem a própria realidade? Essa depende não somente das condições domésticas da nossa economia, mas também da economia internacional. O crescimento da economia americana está se consolidando, após vários períodos de instabilidade, mas a um ritmo ainda bastante lento, o que traz muitas incertezas em relação ao crescimento potencial do país, além de teorias como a do exsecretário do Tesouro norte-americano Larry Summers, que identificam uma estagnação secular na mais importante economia do mundo. A Europa também emite sinais preocupantes. Apesar dos fortes ajustes estruturais e da melhora de perspectiva de crescimento para a região, a inflação não tem reagido da forma esperada, trazendo à tona teses como a da "japonização da Europa". Não é à toa que o Banco Central Europeu adotou uma série de medidas não convencionais. No Japão, o crescimento e a alta da inflação estão ameaçados pelos fatores estruturais do país que a politica econômica recente não conseguiu endereçar. Já na China, o novo governo tem emitido sinais de que está disposto a levar as reformas econômicas adiante mesmo que à custa de um crescimento menor nos próximos anos. Todos esses desenvolvimentos internacionais permitem que a velha estratégia do nosso país de "prosseguir empurrando com a barriga" as difíceis mudanças na politica econômica ganhe algum fôlego extra. Mas se de fato, o lento processo de normalização econômica nas principais economias for apenas um aspecto natural da recuperação de recessões com crises financeiras, em algum momento o mundo voltará a crescer. Nesse momento, países com baixo crescimento e alta inflação estarão mais vulneráveis. Talvez precisemos esperar um sinal vermelho dos investidores, não mais dispostos a financiar nosso crescente déficit em conta corrente ou mesmo nossa divida doméstica para nos darmos conta de que o mundo de represamento da inflação e do desemprego não é mais factível. Talvez precisemos apenas nos conscientizar que a atual realidade não é tão favorável quanto parece nem tão sustentável como se imagina. 6 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Solange Srour Chachamovitz é economista-chefe da ARX Investimentos. © 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.

7 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Especial 2: Economia – Valor Econômico, 13/06/2014 às 05h. Suape pretende chegar a 2015 com 123 companhias Por Jacilio Saraiva | De Recife

Caio Ramos: empresas do complexo geram mais de 25 mil postos de trabalho

O Complexo Industrial Portuário de Suape recebeu, nos últimos seis anos, investimentos de mais de R$ 2 bilhões - R$ 1,4 bilhão do Estado de Pernambuco e R$ 577,9 milhões da União. "Já a soma de investimentos privados chega a R$ 50 bilhões", afirma Caio Ramos, vicepresidente do porto pernambucano, que abriga 105 empresas. Desse total, mais de 70 companhias foram atraídas entre 2007 e 2013. A expectativa é chegar a 123 organizações em operação, em 2015. Atualmente, há 45 grupos em fase de instalação. Segundo Ramos, as empresas do complexo geram mais de 25 mil postos de trabalho diretos. Este ano, dois novos empreendimentos entraram em operação: a Aguilar y Salas e a Cristal Pet, respectivamente, indústrias de caldeiraria pesada e de pré-formas PET, que servem de base para garrafas de refrigerantes. Ainda em 2014, está prevista a inauguração de mais cinco empresas: Central PET, também de pré-formas; Shineray, de montagem e distribuição de motocicletas; a fábrica de cimento CBMC, além da planta PET da Petroquímica Suape e a Refinaria Abreu e Lima. No ano passado, o porto superou seu recorde de movimentação de cargas, com mais de 12,8 milhões de toneladas. "O volume é quase 15% superior ao último pico, de 11,2 milhões de toneladas, em 2011", explica. Em 2012, o fluxo atingiu 11,1 milhões de toneladas e, este ano, a previsão é chegar a 14 milhões de toneladas de carga. Para 2015, a estimativa é movimentar cerca de 30 milhões de toneladas, por conta do início da operação da refinaria. 8 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Enquanto o volume de cargas cresce, o complexo também toca obras de infraestrutura. Estão em obras o acesso aos estaleiros Atlântico Sul e Vard Promar, no valor de R$ 110 milhões; um novo pátio de veículos, com investimentos de mais de R$ 20 milhões, e uma zona de serviços, com aporte de R$ 500 milhões. O local será formado por dez edifícios empresariais, lojas e um hotel, além da nova sede administrativa do porto. Também está em andamento a implantação de um terminal de açúcar, com conclusão prevista para o próximo ano. Terá capacidade para movimentar 540 mil toneladas, ao ano. O investimento é de R$ 120 milhões. Há planos, ainda, para um segundo terminal de contêineres, com recursos de R$ 837 milhões, e de uma plataforma para granéis sólidos, com aporte superior a R$ 1,5 bilhão. "O porto se tornou um instrumento estratégico na atração de investimentos para outras regiões do Estado, impulsionando a interiorização do desenvolvimento" diz Ramos. "Um dos principais exemplos é o polo automobilístico, ancorado pela fábrica da Fiat, em instalação no município de Goiana". De acordo com Stefan Ketter, vice-presidente mundial de manufatura da Fiat Chrysler -Projeto Pernambuco, a planta terá capacidade de produzir mais de 200 mil unidades ao ano. Ocupa 260 mil metros quadrados de área construída ou o equivalente a 26 quadras de rua. "Será o centro do polo automotivo, que reunirá 16 fornecedores, em um modelo integrado de produção". Os investimentos superam R$ 7 bilhões. Cerca de 85% das obras da fábrica estão executadas. "É o maior projeto industrial realizado pelo grupo e o mais moderno da marca, no mundo". A produção em escala comercial deve começar em 2015 e vai gerar oito mil empregos, incluindo as empresas sistemistas, que fazem parte do parque de fornecedores. O local ocupará 12 edifícios e vai produzir 17 linhas de peças, que responderão por 40% da demanda de componentes da montadora. O investimento inclui um centro de pesquisa e inovação, que poderá contratar até 500 profissionais, nos próximos anos. A iniciativa tem como parceiros, além do governo do Estado e a prefeitura do Recife, o Parque Tecnológico Porto Digital, o Centro de

9 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Escola SENAI Antônio Adolpho Lobbe Estudos e Sistemas Avançados do Recife, a Universidade Federal de Pernambuco e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). "Confiamos nas aplicações feitas na infraestrutura do Estado", diz Ketter. "Um dos exemplos é o projeto do Arco Viário da Região Metropolitana do Recife (RMR), que deve escoar as demandas produtivas da região, a partir de Suape". Para facilitar a implantação da fábrica, foram doados 12 milhões de metros quadrados de terrenos. O governo também está construindo estradas e instalando serviços públicos ligados à planta. Segundo o executivo, a companhia também optou pelo Estado por considerá-lo uma região estratégica para atender a demanda de produção e abrigar um dos portos mais modernos do Brasil. Para o consultor Francisco Cunha, sócio-fundador da TGI Consultoria em Gestão, de Recife, "o porto transformou-se no fiel da balança para a atração de estaleiros, enquanto a refinaria e a petroquímica funcionam como âncoras dos demais investimentos", diz o especialista, responsável pela elaboração técnica do projeto Pernambuco 2035, conjunto de metas projetadas para os próximos 20 anos, pelo governo do Estado e um consórcio de consultorias.

© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico. Leia mais em:

http://www.valor.com.br/brasil/3582768/suape-pretende-chegar-2015-com-123-companhias#ixzz34WVvvLE2

10 SENAI Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Faculdade de Tecnologia e Escola SENAI “Antônio Adolpho Lobbe”

Endereço: Rua Cândido Padim, 25-Vila Prado CEP 13574-320-São Carlos/SP Tel.: (16) 2106-8700 http://saocarlos.sp.senai.br/ http://www.facebook.com/senaisaocarlos


Clipping de notícias 13 06 2014