Page 1

Espaço Pasárgada Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais

Gestão Selma Coelho 2009 a 2013


Apresentação Tendo exercido a gestão do Espaço Pasárgada, equipamento cultural pertencente à Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais da Fundarpe, no período de 01 de maio de 2009 a 04 de setembro de 2013, deixo registradas as atividades e iniciativas ali desenvolvidas , fundamentadas na política cultural do Estado, eixos 2, 3 e 4, como uma prestação de contas à Instituição, ao meio cultural de Pernambuco e à comunidade em geral. Cheguei à Fundarpe em 01/05/2009, por meio de seleção simplificada, conforme Decreto Estadual nº 34.563, para exercer a função de Técnica em Gestão de Equipamentos Culturais e Patrimônio, contando com as experiências da minha formação em letras e artes visuais, os anos de magistério na rede pública estadual, a vivência em gestão cultural e os trabalhos de pesquisa e exposições no Brasil e no exterior. No Espaço Pasárgada defrontei-me com um sótão abandonado, cheio de goteiras, instalações danificadas, cabos de internet e telefone cruzando as salas. Não existiam projetos culturais, a biblioteca estava desativada, não havia bibliotecário, faltavam equipe de trabalho, equipamentos e mobiliário. Ante esse quadro, atuamos no sentido de adquirir as condições mínimas que permitissem o desenvolvimento de um trabalho educativo-cultural à altura, segundo os compromissos culturais do Governo do Estado e a vocação do Espaço Pasárgada. Desdobramos esforços articulando parcerias com instituições e mobilizando valiosas colaborações voluntárias de pessoas pertencentes aos diversos segmentos culturais, entre artistas, acadêmicos, comunicadores, estudantes e aficcionados, o que levou muitas iniciativas terem uma elevada redução de custos, ou mesmo, o custo zero. Ao concluir minha gestão, tenho a consciência tranqüila de ter contribuído, para ampliar e qualificar o serviço cultural público prestado aos cidadãos pernambucanos pela Fundarpe, a Secretaria Estadual de Cultura e o Governo do Estado. Convivi com três diretores, a quem reservei uma atitude de empenho e dedicação. As realizações que marcaram a minha gestão são de conhecimento público, pela sua repercussão na mídia convencional e nas redes sociais. Neste momento, expresso meus agradecimentos a todos os que, atuando nas esferas do poder público ou na sociedade civil, contribuíram para a concretização do que se fez, com um agradecimento especial aos que foram responsáveis pela curadoria e a coordenação dos projetos e das ações que vão aqui relatados.


1 - Providências iniciais Ao assumir a gestão tratei de buscar as condições mínimas que permitissem o desenvolvimento regular das atividades próprias a um espaço cultural público. Com o apoio de documentação fotográfica, procedi a um levantamento da situação das instalações físicas e, com um parecer da Diretoria de Preservação Cultural, encaminhei à Diretoria de Difusão Cultural, atualmente Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais, a solicitação de providências que viabilizassem as intervenções necessárias. Articulei a parceria com as Tintas Iquine, por meio de convênio. Foram realizadas obras de reparo, restauração e pintura do imóvel. O telhado foi restaurado, com aplicação de mantas e reposição de telhas. A restauração se estendeu a portas e janelas, escada e calçada. Houve confecção e reposição das tampas das caixas dos esgotos. Realizou-se a limpeza das caixas d’água. Providenciou-se a dedetização do imóvel. Fez-se pintura de paredes, teto, portas, janelas e fachada. Foram modernizados os sistemas elétricos (trifásicos) e de internet (WI Fi). Foi climatizado o primeiro andar.


2 - Equipamentos e mobiliário

Foi a presença do público nas ações culturais desencadeadas que deu substância à aquisição dos móveis e equipamentos. Antes as cadeiras eram alugadas. O Cine Pasárgada funcionava com o auxílio da televisão e um DVD.A formação de público justificou a compra de Data Show, caixa acústica, e notebook. O que também deu substância à aquisição de um Home Theater, que ainda precisa ser instalado Os cabos de internet atravessavam as salas causando providenciado um Roteador (aparelho para rede Wi Fi ).

acidentes, sendo

Não havia lixeira com tampa, porta-detergente e porta-toalhas de papel, armários ou bancada de pia para guardar os produtos de limpeza no WC do 1º andar, muito menos espelho. Itens que também foram adquiridos.


3. Equipe técnica

Durante o tempo em que exerci a função de gestora do Espaço Pasárgada, não tive condições de estruturar uma equipe segundo as exigências de um trabalho cultural voltado para a literatura. Tive de atuar com base em pessoas encaminhadas pelo escalão superior, sem o perfil adequado, o que constituiu um permanente complicador do trabalho. Em razão, a biblioteca se manteve fechada por tanto tempo. Para garantir a dinamização do espaço cultural, tive que assumir funções de monitora, fotógrafa, recepcionista, produtora de eventos e pesquisadora. Com a saída da minha auxiliar imediata, a sugestão de trazer para a equipe, com o mesmo salário, uma pessoa qualificada, que trazia carta de apresentação da UFPE e detinha no seu currículo um mestrado e um doutorado em literatura, não teve a acolhida da Diretoria.


4 - Projetos e ações culturais desenvolvidos

4 - Projetos e ações culturais desenvolvidos Ativamos 10 (dez) projetos permanentes e executamos diversas ações específicas. 4. 1- Iluminuras de Bandeira - O Projeto foi criado a partir de pesquisa sobre a obra de Bandeira, buscando a criação de diálogos entre a literatura e as outras linguagens artísticas. Como resultado desta proposta, hoje o Pasárgada conta com um cineclube, Cine Pasárgada. 4.2 - Cine Pasárgada - Em parceria com a Federação Pernambucana de Cineclubes, o projeto foi criado em julho de 2009, visando fortalecer o diálogo entre a literatura e o cinema, integrando diversas atividades. Além de exibições de filmes seguidos de debates, oferece cursos, oficinas e palestras (4º ano) 4.3 - Café em Pasárgada - Projeto de jornalismo cultural com ênfase na poesia, voltado para favorecer a ligação entre autores e professores, estudantes, críticos e jornalistas da área de cultura.(3º ano incompleto)


4.4 - Pasárgada vai às Comunidades - (desde abril/2012) Projeto de Itinerancia pelas escolas, universidades, academias de letras, associações de moradores, centros culturais e equipamentos da Fundarpe, proporcionando a outros públicos acessibilidade às ações do Pasárgada. 4.5 - Férias em Pasárgada- O projeto visa oferecer atividades culturais recreativas aos estudantes que se encontram em período de férias escolares, propensos a situações de vulnerabilidade. 4.6 - Biblioteca Especializada Manuel Bandeira- Projeto criado a partir da demanda de visitas de estudantes, pesquisadores, professores e turistas ao Espaço Pasárgada, a finalidade de conhecer e pesquisar a obra do poeta Manuel Bandeira. Para a elaboração do projeto contou-se com o apoio voluntário da bibliotecária Lúcia Gaspar (Fundaj) e das alunas de Biblioteconomia da UFPE.


4.7 - Bacanal do Bandeira- Projeto desenvolvido a partir da obra Carnaval, de Manuel Bandeira, com o título, as ações e a estética inspirados nos seus poemas. Envolve um leque de ações: curso ( estudo da obra ); oficina (diálogo entre literatura, moda e artesanato); Troça Carnavalesca Bacanal do Bandeira, com desfile e paradas com recital de poesia, sendo a concentração uma festa de bacantes com muita poesia, saindo do Espaço Pasárgada, com destino à estátua de Bandeira, na Rua da Aurora o gesto finalizado a festa ao som do Hino da Troça Carnavalesca Mista Bacanal do Bandeira, poema de Manuel Bandeira em música de Myriam Brindeiro, [1ºano], com partitura do maestro Carlos Gomes. No 2º ano, música de C l a u d i o N o a h ( D e m o d a p r é - p r o d u ç ã o ) ( http://soundcloud.com/claudio-noah/bacanal-2013-novo).Participação voluntária dos três. 4.8 - Semana Manuel Bandeira - Uma semana de atividades culturais em comemoração ao aniversário do poeta. Cursos, oficinas, palestras, exibição de filmes, exposições, visitas pedagógicas, recital de poesia e lançamento de livros.


4.9 -. Semana de Encantamento - Tendo como referência a data da morte do poeta, o projeto objetiva manter viva a sua obra, com atividades envolvendo estudantes de escolas públicas e privadas, poetas, escritores, pesquisadores e público em geral.O poeta não morre, encanta-se” (aniversário de morte do poeta). 4.10 - Educativo Pasárgada – Com ações educativas focadas na obra de Manuel Bandeira, visando provocar a reflexão e a discussão sobre a literatura e suas relações com outras artes.


5 - Ações específicas

- 

Lançamento do Jornal La Voz de Los Barrios de Junín- A publicação circula mensalmente, desde 2004, tendo à frente o poeta argentino Hector Pellizzi, que`retornando à Argentina depois de 20 anos no Brasil, divulga jornalisticamente, no seu país, a poesia pernambucana.

- Exposição Fotográfica AGLAÉ- Uma ficção fotográfica baseada na literatura infanto-juvenil de Martine o Projeto dos franceses Jean-Louis Gonterre e da artista plástica Catherine Baas. Compreende um conjunto de 20 fotografias suavemente coloridas.


6. Projetos e ações pendentes 6.1. Casa Museu Manuel Bandeira - Projeto museológico e museográfico do Espaço Pasárgada, com minuta apresentada no ano 2012 à Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais, elaborado com a participação voluntária da museóloga Regina Batista e Silva, tendo recebido, em 23 de agosto de 2013, em reunião com o Diretor da Diretoria da Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais e o Presidente da Fundarpe, a confirmação de apoio do museólogo e professor da UFPE, Antônio Mota, que estava presente. 6.2 Curso: Ópera e Literatura – encerrando com apresentação de uma ópera. Tem entre seus objetivos capacitar os produtores culturais interessados em desenvolver projetos nesta área, além de disseminar o conhecimento no público em geral. Contou com a colaboração do Prof. Mestre Sérgio Deslanes (UFPE), com larga experiência em ópera. A equipe responsável refez a agenda segundo as sugestões do titular da Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais, que meses após informou que o projeto não seria realizado. 6.3 As imagens poéticas de Alcir Lacerda - Exposição de trabalhos do fotógrafo Alcir Lacerda, junto a poemas construídos a partir de sua obra, sob a curadoria de Polyanna Camelo. O custo seria zero.Foi vetado pelo diretor, que o considerou “ sem relação” com o Espaço Pasárgada.


7 - Propostas 7.1 – Implantar o projeto museográfico e expográfico Casa Museu Manuel Bandeira, que irá qualificar o Espaço Pasárgada na sua função educativo-cultural, vinculado à difusão da obra do poeta Manuel Bandeira e da literatura, com ênfase na poesia. Considere-se a prática já existente das visitações escolares e as possibilidades de afirmar o âmbito estadual da ação num órgão do Governo do Estado, com a utilização dos recursos da informática. . 7.2 – Formar uma equipe a partir de pessoas selecionadas por currículo e experiência afins com os objetivos educativos- culturais propostos para o Espaço Pasárgada. 7.3 - Criar a Associação Amigos do Pasárgada. 7.4 - Garantir o cumprimento da Lei de Acessibilidade, instalando rampa, elevador e reservando vagas no estacionamento, destinadas a pessoas portadoras de deficiência. 7.5 – Reservar os espaços do térreo do imóvel, exclusivamente, às atividades voltadas para o público. Recife, outubro de 2013 _______________________ Selma Maria Coelho selmacoelho1@hotmail.com selmacoelhocultura@gmail.com (81) 97195737 [Galeria de fotos e publicação online: www.issu.com/selmacoelho4/docs/pasargada-2009-2013]


Situação de abandono em 2009 Ausência de projetos culturais e monitores Instalações deterioradas Falta de equipamentos e mobiliário

Estudantes em visita pedagógica sentam no chão por falta de cadeira


Situação de abandono ...

Esgotos a céu aberto


Situação de abandono ...

Portas e janelas deterioradas


O Espaรงo Pasรกrgada em 2013


2013...

Exposição permanente [térreo]


Pesquisa sobre a obra de Bandeira

Entrevista com Édson Nery da Fonseca


O projeto Iluminuras de Bandeira tem entre seus objetivos manter vivos os escritos do poeta com interpretações culturais diversas: música, dança, artes cênicas, gastronomia, arquitetura, artes visuais e outras, resultando em exposições, oficinas, cursos, palestras, conferências e outros.

Clipagem online:


Projeto Iluminuras de Bandeira Recife Sob o Olhar do Poeta Exposição fotográfica


Roda de debate Literatura e Pintura dialogam

Profª. Drª. Madalena Zaccara (UFPE/UFPB) Profª. Drª. Jacineide Travassos (UNIVERSO/UFPB)


Aulas no Pasรกrgada

Curso: Tristura de Pierrot em Carnaval de Bandeira com o prof.d Dr. Ricardo Postal

11/2010


Roda de diálogo Literatura e cinema

Doutores e mestres falam sobre a intercessão entre as artes. Maria do Carmo Nino, Ângela Gandier, Fernando de Mendonça e Raquel do Monte


Iluminuras de Bandeira...

Escritor Ă‚ngelo Monteiro e o Ator Adriano Cabral


Projeto Engolindo Sapos Corpo, Cinema e Educação

Selma Coelho , Amanda Ramos, coordenadora dos Cineclubes Azouganda e Curta Doze e Meia; Conrado Falbo , especialista em Teoria da Literatura e dança contemporânea.

12/2010


Poemas dançados A literatura do corpo

Apresentação com palestra das Profªs Márcia Virgínia Araújo e Letícia Damasceno [UFPE]


Projeto Café em Pasárgada

O Café em Pasárgada tem, como objetivo promover, divulgar e preservar a cultura pernambucana, por meio da literatura do poeta pernambucano Manuel Bandeira. A dinâmica do Café em Pasárgada se dá mediante a presença de um convidado, seja uma personalidade artística ou acadêmica, que possa expor para o público, objetos pessoais e travar uma conversa sobre as referências da sua vivência. Assim, o evento pretende se utilizar da memória, como veículo de reflexão, para pensar circunstâncias contemporâneas. Acompanhando o clima de nostalgia e envolvimento. Acompanhando o clima de nostalgia e envolvimento, o Café em Pasárgada oferece ao público um delicioso café, em contraponto ao debate levantado pelo entrevistado. O evento tem início às 19h e se realiza durante a penúltima terça-feira de cada mês. Clipagem online:


Iluminuras de Bandeira...

Filha do escritor Oswald de Andrade, MarĂ­lia Andrade, visita o PasĂĄrgada durante o curso de cinema e literatura.


Café em Pasárgada...


Café em Pasárgada...


Café em Pasárgada...


Café em Pasárgada...


Café em Pasárgada...


Café em Pasárgada...

Marcelo Mário de Melo [Curador e Coordenador do projeto] e os poetas Jomard Muniz de Brito, Pedro Américo e Juarez Correia em edição do Café em Pasárgada.


Café em Pasárgada...

Escritor Pedra Américo e o poeta Samuca Santos


Um novo olhar sobre Manuel Bandeira “11.11.11 – Misticismo e Erotismo em Bandeira”


Projeto Cine Pasárgada

Realizado quinzenalmente às quintas-feiras, às 18h, com a exibição de filmes nacionais e/ ou estrangeiros, podendo variar entre longas e curtas-metragens, de acordo com a temática sugerida para a sessão. O público é convidado a participar de um debate, com a presença de convidados, professores universitários, artistas realizadores do audiovisual. O cineclube tem a capacidade para 50 lugares e a entrada é gratuita.


Cine Pasรกrgada...


Cine Pasรกrgada...


Cine Pasรกrgada...


Cine Pasรกrgada...


Cine Pasรกsgada...


Cine Pasรกsgada...


Projeto Pasárgada Vai às Comunidades

Projeto de itinerância pelo estado de Pernambuco [escolas, universidades, academias de letras, associações de moradores, centros culturais e equipamentos culturais da Fundarpe ], levando a outros públicos às ações culturais desenvolvidas pelo Pasárgada, proposta em consonância com a política cultural do governo de democratização da cultura“.


Pasárgada Vai às Comunidades...

Faculdade de Escada - PE


Pasรกrgada Vai as Comunidades...

Academia Escadense de Letras e Faculdade de Escada-PE


Clippagem Projeto Pasárgada Vai às Comunidades


Educativo PasĂĄrgada

Para atender a visitantes, estudantes e professores das escolas da rede pĂşblica e privada, foram planejadas atividades de assessoramento e monitoramento considerando o grau de escolaridade, a faixa etĂĄria, e necessidades especiais. O programa oferece atividades de fĂŠrias.


Educativo Pasárgada...

Oficina de Leitura.

Apresentação de trabalhos. o 2010


Oficinas...

Estudantes interpretam Bandeira

Estudantes visitam a Biblioteca Manuel Bandeira

oď Żâ€Ż2010


Plantão Literário

o 

Poeta Sérgio Leandro 2010


Visitas pedag贸gicas...

2010


Visitas pedag贸gicas...

2010


Visitas pedag贸gicas...

2010


Plantรฃo Literรกrio...

Poeta Fernanda Jardim

2010


Visitas pedag贸gicas...

2010


Visitas pedag贸gicas...

2010


Visitas pedag贸gicas...

2010


Oficina Pintando Bandeira

Poemas gerando pinturas 2010


Oficinas de Pintura...


Oficina Pintando Bandeira...

2010


Oficinas de Pintura...

2010


Projeto Semana Manuel Bandeira

Evento de comemoração ao aniversário do Poeta com palestras, cursos, oficinas, exposições, sarau, exibição de filmes. Participação das escolas, academias de Letras, instituições culturais e universidades. Assessoramento prévio aos professores para apresentação de trabalhos dos estudantes das escolas da rede pública e privada na casa do poeta.


Semana Manuel Bandeira 2010...

Estudantes, pesquisadores, poetas, escritores e professores das redes pĂşblica e privada.


Semana Manuel Bandeira...

Mesa redonda - Os desafios da literatura para a juventude e o livro virtual. Com os escritores Alexandre Santos, Cyl Galindo, Ana Maria CĂŠsar, Zuyla Cartaxo e a professora de literatura, Teca Carlos [Fundarpe]. 4/2010


Semana Manuel Bandeira 2011...

Performance de Gê Domingues

Exibição do documentário “O Poeta do Castelo” e debate com Pedro Arão


Lançamento de Livro O Brasil de Manuel Bandeira - André Cervinsky

Escritores Olimpio Bonald e André Cervinsky


Semana Manuel Bandeira...

Poetas Jose Luis Minduca, Sevatil Lobo [Academia Escadense de Letras], Si Cabral e Malungo.


Semana Manuel Bandeira 2011...

Palestra da acadĂŞmica Polyana Camelo sobre a obra de Bandeira


Semana Manuel Bandeira...


Semana Manuel Bandeira 2011...

A atriz Geninha da Rosa Borges declama

Estudantes e professores


Semana Manuel Bandeira 2012

A escritora Fabiana Guimar達es dramatiza poemas de Bandeira.


Semana Manuel Bandeira...


Semana Manuel Bandeira 2012 A obra revisitada.

Palestra de Maria Rita Santos [Mestra em literatura – UFPB]


Semana Manuel Bandeira...

Apresentaçþes das escolas.


Lançamento de livro...

Bruna Bleygher [14 anos] fala do seu livro Entre Fogo e Gelo para estudantes da 7ª série. Mediação: Fabiana Móes Miranda, mestra em teoria literária (UFPE) e especialista em literatura infanto-juvenil e crítica literária.


Semana Manuel Bandeira...

Oficina de Marionete com o Grupo de Teatro Lobatinho


Semana Manuel Bandeira...


Semana Manuel Bandeira...

Lançamento do CD “ Myriam Brindeiro Canta Manuel Bandeira”


Semana Manuel Bandeira...


Semana Manuel Bandeira...


Projeto Engolindo Sapos Políticas públicas para literatura

Roberto Azoubel . Assessor Técnico da Representação Regional do Ministério da Cultura (Minc), Teca Carlos, Coordenadora do Sistema Estadual de Cultura e representante da FUNDARPE, Heloisa Arcoverde, da Gerência Operacional de Literatura e Editoração.

12/2010


Projeto Bacanal do Bandeira

O projeto tem entre seus objetivos divulgar a obra “Carnaval” de Manuel Bandeira, garantir a presença da literatura no carnaval de Pernambuco e tornar mais poética a maior festa popular do nosso estado. No período que antecede o carnaval várias ações são propostas pelo Espaço Pasárgada, com o intuito de tornar mais belo o desfile da “Troça Carnavalesca Mista Bacanal do Bandeira”, no dia 06 de fevereiro [dia do frevo]. A concentração é no Espaço Pasárgada, com apresentação de show, desfile de fantasias e recital de poesias. Minicurso “Tristura de Pierrot” – Em “Carnaval” de Manuel Bandeira. (C/H 20h.) Oficina de costura; O mergulho na obra, permitirá aos participantes um encontro com a sua própria fantasia.


Troça Carnavalesca Mista Bacanal do Bandeira Desfile

A troça poética literária “Bacanal do Bandeira”, desfila pelas ruas do recife durante a semana pré carnavalesca [dia 06 de fevereiro, dia do frevo], guiada pelo boneco gigante manuel bandeira, ao som do hino da troça, [letra de Manuel Bandeira:poema “Bacanal, do livro “Carnaval”],musicado no primeiro ano por Miryam Brindeiro [partitura do Maestro Carlos Gomes] e Cláudio Noah, no segundo ano [Demo da pré-produção - http://soundcloud.com/claudio-noah/bacanal-2013-novo ].

O percurso prioriza as ruas citadas no poema Evocação do Recife, com paradas obrigatórias para recital de poesias e performance, finalizando o percurso na Rua da Aurora, no bairro da Boa Vista, onde encontra-se a estátua de Manuel Bandeira, aqui celebra-se o “Bacanal”.


Troça Carnavalesca Mista Bacanal do Bandeira...

Selma Coelho ao lado do artista Carlinhos Melo, responsável pela confecção do boneco (desfile/2013).


Troรงa Mista Carnavalesca Bacanal do Bandeira...

Grupo As Benditas


Tro莽a Carnavalesca Mista Bacanal do Bandeira...

Celinha do Cariri e Mir贸 da Muribeca


Troรงa Carnavalesca Mista Bacanal do Bandeira...

Desfile [2013]

Hebe Cavalcante e Lula Cardoso Ayres Filho Desfile [2013].


Galeria de fotos e clipagem online: 1 - Clipagem Bacanal do Bandeira: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/bacanal_do_bandeira_2 – Clipagem Café em Pasargada: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/cafe_em_pasargada 3 – Clipagem Cine Pasárgada: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/cine_pasargada 4- Clipagem Gestão Selma Coelho: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/gestao_selma_coelho 5 – Clipagem Iluminuras de Bandeira: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/iluminuras_de_bandeira 6 – Clipagem Nação Cultural: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/pernambuco_nacao_cultural 7- Clipagem Semana de Encantamento: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/semana_de_encantamento 8- Clipagem Semana Manuel Bandeira: http://issuu.com/selmacoelho4/docs/semana_manuel_bandeira


Espaço Pasárgada

O Espaço Pasárgada, equipamento cultural da FUNDARPE – Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco, órgão executor da Política Cultural do Estado de Pernambuco, tem como missão a preservação da vida e da obra literária do poeta pernambucano Manuel Bandeira e sua relação com a música, o teatro e as artes plásticas. Funciona em sobrado do século XIX, imóvel tombado pelo Governo do Estado desde 1986, localizado à Rua da União, nº 263, bairro da Boa Vista, Recife/PE. Velho sobrado ao gosto neoclássico brasileiro, onde Manuel Bandeira viveu parte da sua infância. Está situado no centro da cidade do Recife, num dos mais tradicionais bairros, ás margens do rio Capibaribe, que separa o bairro da Boa Vista do de Santo Antônio. Pela Ponte Maurício de Nassau, próximo alguns monumentos e equipamentos culturais, como o Palácio do Campo das Princesas, o Teatro de Santa Izabel, o tribunal de justiça e o Cinema São Luis.

Pasárgada 2009 2013  

Adequação das instalações físicas, aquisição de mobiliário e equipamentos. Desenvolvimento de projetos culturais a partir da obra de Manuel...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you