Page 1

ENTREVISTA COM SERGIO DOMINGUES “Centro de Convenção será um marco referencial de paisagem de Curitiba”

JORNAL

Págs. 10 e 11

Curitiba, outubro de 2016 | Edição 36

SEHA recebe vereadores comprometidos com o Turismo

Felipe Braga Côrtes, Hélio Wirbinski, João Jacob Mehl, Professor Euler de Freitas, Marco Antonio Fatuch, Sabino Picolo e Darci Piana

Durante o encontro, cada um dos eleitos falou aos diretores e empresários presentes sobre suas óticas da atividade do turismo e como pretende prestar seu auxílio a todos os envolvidos no trade. Pág. 03

HOTELARIA Foz recebe o Hotel Show 2016

REAJUSTE EXTORSIVO FBHA move ação contra Decolar.com Pág. 08

Pág. 06

FICA COMO ESTÁ Projeto sobre comandas é rejeitado

MINISTÉRIO Marx Beltrão assume a pasta do Turismo

Pág. 13

Intenção de viajar cresce 8%, mostra pesquisa

Pág. 05

Pág. 06


2

Curitiba, outubro de 2016

EDITORIAL

COMÉRCIO

O Turismo merece a atenção de nossos prefeituráveis

SEHA, Consulado do Japão e parceiros, juntos!

Está bonita a luta pelo comando municipal. O veterano Rafael Grecca e o emergente Ney Leprevost disputam voto a voto . As propostas diferem muito pouco. De nossa parte esperamos que o futuro Prefeito enxergue, reconheça o turismo como uma atividade rentável. Várias cidades, inúmeros Países, vivem quase exclusivamente do turismo. Curitiba é bela; Jaime Lerner a transformou em cidade modelo, possuímos dezenas de atrativos que o mundo gostaria de ver; por onde passamos recebemos elogios de nossa cidade. Precisamos divulgar, promover, participar de feiras e exposições pelo mundo afora. È necessário que sejamos ousados e agressivos em nossa publicidade. Nós temos belezas incomuns; e de nossa parte possuímos um ótimo parque hoteleiro, e a gastronomia, bastante diversificada, está entre as melhores do mundo. Nossos filiados e associados fizeram sua parte, para receber muito bem o turista. Exigimos a contrapartida do futuro governante. Vote Consciente. Abraço a todos. João Jacob Mehl

EXPEDIENTE Jornalista Responsável Pierpaolo Nota Edição | Eliseu Tisato Colaboração Comunicação FBHA

Rua Júlia da Costa, 64 - São Francisco - Curitiba - Paraná Fone: (41) 3323 8900 www.seha.com.br

GESTÃO 2014-2017 João Jacob Mehl Presidente Lincoln T. Isahias Tarquínio Vice-Presidente  Andersen Prado Vice-Presidente para assuntos de Alimentos e Bebidas/Buffet Zelir Tadeu Massuchin Vice-Presidente para assuntos de Hotelaria e Hospedagem Marilisa Bigarella Vice-Presidente para assuntos de Motéis  Gustavo T Andrade Vice-Presid. para assuntos de Entretenimento e Lazer  Orlando Kubo Diretor Secretário Geral  Julio César Hezel Diretor Financeiro Adelardo Telles Neto Diretor para assuntos de Pizzarias e Deliveries  Aguilar Borsato Silva Diretor 

Carlos Roberto Madalosso Diretor para Ass. de Turismo Ernesto Villela Neto Diretor para assuntos Governamentais Henrique Lenz Cesar Filho Diretor para assuntos Grandes Eventos  Jacques Raul Rigler Diretor para assuntos Tributários e Fast Food  João Ernesto Strapasson Diretor Marco Antônio Fatuch Diretor Delegado  Paulo Sérgio Gralak Diretor de Patrimônio Antonio Tanaka Diretor para Assuntos de Food Trucks e Marketing  Conselho Fiscal:  Jonel Chede Filho, Alceu A Vezozzo Filho e Luiz Fernando P de Aguiar Conselho Fiscal Suplente:  Jayme Canet Neto e Joel Malucelli

Segunda rodada de negociações foi focada em excelência na questão da saúde e qualidade

De Valéria Vicente

O

desenvolvimento humano caminha de mãos dadas com a capacitação séria. Fortalecer a capacitação dos nossos profissionais promoverá uma cascata infinita de benefícios, pois, compraremos melhor, manusearemos com ainda mais excelência, produziremos com ainda

mais propriedade e capacidade de inovar, teremos ainda mais oportunidade de reconhecer, de parabenizar nossos profissionais, e também de sermos reconhecidos como empresa e instituição que somos. Assim ganham todos: funcionários, empresas e clientes. Foi assim que aconteceu mais uma rodada de apresentação de projeto envolvendo a Diretoria

do Seha, o Consulado Geral do Japão, a Diretoria de Relações Internacionais da Fecomércio, o Senac Gastronomia, o Chef Koike e parceiros. Vamos em frente, desbravar caminhos, renovar passos e fortalecer parcerias com quem almeja a excelência. É só trabalhar com foco, porque tudo se pode, é só acreditar. Em breve traremos mais informações.

Associados aniversariantes de outubro Jonel Chede Filho, Hotéis e Turismo Universo Romulo Benito Bado, Nova Lisboa Hotel Marilei Berkembrok, Arquitetas do Queijo Pizzaria Marcio Yabiku, Motel Charm Hewig Passig, Restaurante Dona Ambrosina Acacio Pinto, Ramada Rayon Aguilar Silva, Lanchonete Jatinho Eliane Costa Zacarias, Buffet do Portal João Jacob Mehl, Buffet Ilha do Mehl Gilberto Schuhli, Pizzaria Mercatu Juvevê Daniel Albuquerque Mocellin, Whatafuck Eduardo Maranhão, Camboa Hotéis Paranaguá Marcos Gamper, Pousada e Restaurante Orquídeas Henrique Lenz Cesar Filho, Hotel Lancaster Nicolas Fuchs, Laggus Residencial Náutico Fabio Teidi Ozaki, Restaurante Casa Rosada Sergio Alvez, Restaurante e Hotel Exclusivo Ana Maria Galiotto, Hotel Cracco Julio Carlos Alvarez Junior, Baggio Pizzaria Clodoaldo Moreira, Bistrô Comendador Edelhart Pfaffenzeller, Motel Central Marcelo do Amaral Lupion, Buffet Castelo do Batel Lucimar dos Santos, Restaurante Tratoria Batelli

02/10 03/10 06/10 08/10 08/10 08/10 09/10 10/10 12/10 14/10 14/10 17/10 17/10 17/10 19/10 20/10 22/10 22/10 24/10 25/10 30/10 31/10 31/10


Curitiba, outubro de 2016

3

REPRESENTATIVIDADE

Bancada do turismo na Câmara Municipal conhece pauta do trade Almoço marcou o encontro de três vereadores reeleitos e um novo, que pretendem trabalhar pelo turismo na Capital

U

m almoço no salão de festas do SEHA recepcionou quatro vereadores que sinalizaram que irão trabalhar em prol do turismo em Curitiba nos próximos quatro anos. Três deles foram reeleitos: Felipe Braga Côrtes, Sabino Picolo e Hélio Wirbinski; e um que assumiu sua cadeira na Câmara Municipal pela primeira vez, o Professor Euler. O evento teve como objetivo reiterar todas as necessidades e propostas do trade turístico para os novos representantes. O primeiro a falar foi o presidente do SEHA, que agradeceu a presença dos presentes e salientou a importância de ter vereadores parceiros realmente engajados na causa do turismo. “Nosso setor gera empregos e movimenta a economia, somos a indústria sem chaminés, é essencial que tenhamos quem nos defenda de leis absurdas que são sugeridas constantemente na Câmara dos Vereadores, temos que ter repre-

Franklin Freitas

sentantes que entendam o que é o turismo”, salientou o presidente do SEHA, João Jacob Mehl. Quem também abordou o assunto com propriedade e salientou a importância de ter políticos engajados para defender empresários dos setores de hospedagem e alimentação foi o presidente do Sistema Fecomércio Sesc Senac, Darci Piana, que inclusive expôs a urgente necessidade de Curitiba ter um Centro de Convenções e Eventos Municipal. Cada um dos eleitos também falou aos diretores e empresários presentes e, de certa forma, contou como enxerga a atividade do turismo e como pretende prestar seu auxílio a todos os envolvidos no trade. A partir de agora, mesmo antes da nova gestão começar, reuniões com o grupo serão uma constante, para que o SEHA e todos eles estejam sempre alinhados em prol do desenvolvimento do turismo na capital paranaense. Jacob Mehl, presidente do SEHA, Darci Piana, presidente da Fecomércio e Renato Adur, empresário

Vereador reeleito, Felipe Braga Côrtes

Marco Antonio Fatuch, vereador Professor Euler de Freitas e Jacob Mehl

Professor Euler de Freitas, vereador eleito, Jacob Mehl e Hélio Wirbinski, vereador reeleito em 2016

Vereador Sabino Picollo e o presidente do SEHA


4

Curitiba, outubro de 2016

COMEMORAÇÃO

Vida longa ao presidente! João Jacob Mehl brindou seu aniversário entre amigos no SEHA

O

empresário João Jacob Mehl é uma figura ímpar. Seu poder de aglutinação é impressionante. Desde que assumiu a presidência do SEHA, mais do que ter conseguido atingir objetivos inimagináveis, ter agregado entidades, ter movimentado o litoral paranaense, ter aumentado os serviços disponíveis na entidade, tem colecionado amigos. Entre os que já o conheciam a unanimidade é de 100% e entre os que o conheceram exercendo a difícil função de dirigir um sindicato patronal, o respeito e admiração cresce a cada dia que passa. E foi cercado de gente que lhe gosta que ele comemorou mais

um aniversário. Toda diretoria do SEHA e amigos do presidente se reuniram para brindar a data em um almoço para lá de descontraído. Em suas palavras, Jacob Mehl agradeceu a presença de todos e salientou que mais que presidir o SEHA, o melhor foi ter feito novos e bons amigos. “Sem vocês não teria conseguido”, explicou. A gratidão especial veio através de suas palavras ao ex-presidente do Sindicato e atual vice-presidente da FBHA, Marco Antônio Fatuch. “Foi ele que me escolheu para a função e sou eternamente grato ao Fatuch por isso”, finalizou Jacob Mehl emocionado.


Curitiba, outubro de 2016

5

NACIONAL

Pasta do Turismo tem novo ministro Quem assume é o deputado federal Marx Beltrão, de Alagoas

C

om um discurso ressaltando a importância da inclusão do Turismo na agenda econômica do país e o compromisso de manter o diálogo aberto com o trade turístico e o Congresso Nacional, o deputado federal Marx Beltrão (PMDB/ AL) tomou posse como novo ministro do Turismo. A nomeação feita pelo presidente da República, Michel Temer. Beltrão assume a titularidade da vaga que vinha sendo ocupada interinamente pelo Secretário Executivo do Ministério do Turismo, Alberto Alves. Durante a cerimônia de posse, realizada no Palácio do Planalto, o ministro sinalizou para algumas questões estratégicas para o setor como a criação das Áreas Especiais de Interesse Turístico (AEITs), a isenção de vistos para facilitação de entrada de turistas estrangeiros, ações de qualificação e ampliação do orçamento da Pasta para o desenvolvimento de ações de fortalecimento do setor. “Vamos mapear as prioridades, as cidades-chave em cada região para solucionar os pontos mais urgentes. Meu objetivo é desenvolver o turismo, setor que considero estratégico e fundamental para impulsionar a economia”, assegurou o ministro. “Hoje,

o turismo emprega 3,2 milhões de pessoas e meu compromisso como gestor será de manter o diálogo permanente com o trade e os parlamentares”, complementou. Ainda durante seu discurso, Marx Beltrão reforçou que sua gestão à frente do Ministério do Turismo contará com três premissas: gestão eficiente, busca pelo diálogo e compromisso com a inovação. O ministro também abordou a importância de transformar as riquezas naturais e culturais do país em oportunidades para a população, por meio do turismo, além de ampliar o número de viajantes domésticos. O presidente Michel Temer reforçou a importância do Turismo para a economia brasileira e agradeceu o trabalho desenvolvido pelo secretário-executivo da Pasta, Alberto Alves, durante o período que esteve à frente do Ministério. “Ao anunciar seu programa de turismo, Marx Beltrão também tem os olhos voltado para a geração de emprego e esse governo pensa fundamentalmente na visão do emprego”, disse. “Quero aqui agradecer ao Alberto Alves que prestou extraordinário serviço ao Brasil, como ministro interino, pela maneira muito positiva e firme como conduziu

o turismo”, concluiu. Em seu encerramento, o ministro Marx Beltrão relembrou o sucesso dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 e afirmou que este é o momento de fortalecer o setor no Brasil. “Queremos o protagonismo do Turismo por meio dos legados dos grandes eventos que sediamos como a Copa do Mundo e a Olimpíada para incrementar o

setor no país e fazer com que seja visto como uma questão de estado”, finalizou. Marx Beltrão deixa a Câmara dos Deputados, onde exercia o mandato parlamentar pelo estado de Alagoas desde 2015. Ele é advogado, filiado ao PMDB e iniciou a carreira política no município de Coruripe (AL), onde foi prefeito por dois mandatos consecutivos (2005-2008 e 2009-2012).

Os melhores vinhos italianos, com os melhores preços, maiores prazos, tudo isto ao seu alcance.

Cadastre-se e receba a visita de um representante:

41 3085 2448 ou 41 9995 7770


6

Curitiba, outubro de 2016

ABUSIVO

FBHA move ação contra Decolar.com por reajuste extorsivo de taxas Entidade pretende reverter o aumento unilateral da taxa de comissionamento cobrada pela agência online

RETOMADA NO HORIZONTE

Intenção de viajar cresce 8% no último ano, aponta pesquisa E

m setembro, a intenção de viagem do brasileiro para os próximos meses atingiu o maior percentual do ano, 24,3%. O dado do estudo Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem, do Ministério do Turismo, representa um crescimento de 8% em relação ao mês de setembro do ano anterior. Para 80,3% dos futuros viajantes, a ideia é desbravar os destinos nacionais e desfrutar de belos cenários naturais, rica gastronomia e manifestações culturais. O estudo também revela que a Região Nordeste segue como a mais desejada por estes turistas, com 48% das preferências. Este índice representa um crescimento de 23% no desejo de visitar os destinos do Nordeste. A Região Sul ficou em segundo lugar com 25,3% das intenções de visita, seguida pelo Sudeste (19,2%), Centro-Oeste (4%) e Norte (3,5%). “Hoje, cerca de 60 milhões de brasileiros viajam pelo País, mas há ainda 70 milhões prontos para entrar nesse mercado. O fortalecimento do turismo doméstico, em suas múltiplos formas - negócios, ecológico, esportivo, cultural, religioso - é um caminho que precisa ser explorado”, afirmou o ministro do Turismo, Marx Beltrão. Em relação aos meios de hospedagem, 46,3% dos brasileiros que

manifestaram intenção de viajar desejam hospedar-se em hotéis e pousadas durante a viagem dos próximos seis meses. A segunda opção mais desejada pelos viajantes foi a casa de parentes e amigos (42,5%), seguida pelos meios de alternativos de hospedagem que somaram 11,2% das preferências. Outro destaque do levantamento do Ministério do Turismo revela que a intenção de viajar de avião nos próximos meses cresceu 9,6% em relação ao mesmo período do ano anterior, registrando o índice de 56,8% das

preferências dos potenciais turistas. O automóvel foi o segundo meio de transporte preferido para a próxima viagem com o índice de 30,4%, seguido pelo ônibus com 11,3%. ESTUDO A Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem é realizada todos os meses em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Juntas, as sete capitais brasileiras monitoradas representam 70% do fluxo turístico do Brasil.

Após diversas tentativas de negociação frustradas, a Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA) decidiu entrar na justiça contra a Decolar.com. A ação, que corre no Tribunal de Justiça de Brasília, pretende reverter o aumento unilateral da taxa de comissionamento cobrada pela agência online, que passou de 19% para 22% sem nenhuma negociação entre as partes. Na ação, a entidade defende os empresários do setor com os seguintes argumentos: > Abuso do direito de intermediar os serviços de hospedagem, mediante desequilíbrio contratual e onerosidade excessiva; > Elevação da taxa de intermediação e dos preços no mercado de consumo sem justa causa; > Concentração de mercado e lesão à concorrência; e > Falta de informação precisa no site da Decolar.com sobre as condições integrais da oferta (formas de pagamento, disponibilidade e prazo de execução do serviço/ entrega do produto). O reajuste afeta diretamente o setor de turismo, que já está em crise. Para o presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, a alta representará uma redução no resultado final dos meios de hospedagem e significará aumento de preços para o consumidor final, uma vez que os estabelecimentos vêm sofrendo quedas nas taxas de ocupação e não terão condições de absorver o aumento. A alta taxa de comissionamento, que, no efeito em cadeia, representa bem mais do que apenas 3 pontos percentuais, já fez diversos hotéis desfazerem a parceria com o site. “Isso também afasta o hóspede, que fica com menos opções de escolha. Esta ação foi nossa última opção para não aceitar esse aumento”, ressalta Sampaio.


Curitiba, outubro de 2016

7

MAIS RIGOR

Lei Seca: multa ficará mais pesada para quem for pego Lei mais rigorosa pode ser boa oportunidade para restaurantes e bares que têm parcerias com empresas de radiotaxis ou motoristas

Q

uem for pego pela Operação Lei Seca dirigindo alcoolizado ou se recusar a fazer o teste do bafômetro, a partir do dia 1º de novembro, pagará uma multa muito superior ao valor cobrado atualmente, que é de R$ 1.915. Devido a mudanças na legislação de trânsito, o valor subirá para R$ 2.934,70 e o motorista ainda terá a carteira de

habilitação suspensa pelo prazo de 12 meses. O motorista que falar ao celular enquanto dirige também será penalizado com mais rigor: de infração média (multa de R$ 85,13) para gravíssima (R$ 191,54). E quem estacionar indevidamente em vaga de idoso ou deficiente perderá sete pontos na carteira. De acordo com o coordenador

da Lei Seca, tenente-coronel da Polícia Militar, Marco Andrade, para que o trânsito seja humanizado, é necessário a contribuição de todos. Existe o esforço legal de tentar inibir as transgressões através das penalizações. A multa é para chamar a atenção. “O grande objetivo é a reeducação, não temos prazer em multar”, explicou.

A Operação Lei Seca, iniciada em 2009, trouxe uma mudança para a realidade da segurança nas ruas e estradas do Estado do Rio. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o número de mortes em 2009 foi de 59 por 100 mil veículos. No ano passado, ficou em 29 para cada 100 mil veículos, uma redução de aproximadamente 50%. Segundo o coronel Marco Andrade, “quando começamos, há sete anos, 20% dos motoristas eram flagrados sob efeito do álcool. Hoje, este número caiu para 7%. Da mesma forma, esperamos

um amadurecimento com relação ao uso do cinto de segurança no banco de trás, com a não utilização do celular ao volante e o respeito às regras de velocidade. Precisamos que a sociedade compre essa ideia”, afirmou. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil é o quarto país do mundo com o maior número de mortes em acidentes de trânsito por ano. O país tenta cumprir uma meta estipulada pela Organização das Nações Unidas (ONU): uma redução em 50%, no período 2011-2020, de casos fatais em acidentes viários.

EXCLUSIVO PARA ASSOCIADOS

Advogado do SEHA atende no Litoral O advogado Olavo Muniz de Carvalho presta consultoria na área trabalhista para os filiados e acompanhamento nas demandas trabalhistas das empresas associadas mediante apresentação do cartão Associado SEHA. Tire todas suas dúvidas diretamente com ele, em seu escritório, na Rua Gabriel de Lara, 679, ao lado do Fórum Cível, em Paranaguá.

Para agendar horário ligue 41 3425-6311 ou 9905-4831


8

Curitiba, outubro de 2016

VISAO TÉCNICA

EVENTO

Preposto de pessoa física não precisa ser empregado

Hotel Show 2016

Um trabalhador procurou a Justiça do Trabalho pedindo que a condenação da empregadora em diversas parcelas trabalhistas. No polo passivo, indicou varias empresas como sendo do mesmo grupo econômico e seus administradores, pessoas físicas. Ao julgar o caso, a juíza de 1º Grau aplicou a confissão ficta aos reclamados, presumindo verdadeiros os fatos narrados na petição inicial. É que alguns reclamados não compareceram à audiência em que deveriam apresentar defesas, outros apresentaram defesa oral por negativa geral, e uma das pessoas físicas não compareceu pessoalmente, enviando outra pessoa como representante. Como resultado, todos foram condenados a cumprir as obrigações determinadas na sentença. Sentindo-se prejudicado, o reclamado pessoa física recorreu e conseguiu reverter a decisão, pois ao contrário do posicionamento adotado pela juíza sentenciante, a Turma Recursal do Tribunal da 3ª Região de Juiz de Fora entendeu que a pessoa enviada como representante na audiência não precisaria ser empregada dele, assim os Desembargadores deram provimento ao recurso para acolher a nulidade, e afasram a revelia reconhecida. A relatora do acórdão fundamentou seu voto de acordo com o disposto no item I da Súmula 74 do TST que diz: “aplica-se a confissão ficta à parte que, expressamente intimada com aquela cominação, não comparecer à audiência em prosseguimento, na qual deveria depor”. Por sua vez, a Súmula 377/TST prevê exceção à regra anterior, e enuncia que “exceto quanto à reclamação de empregado doméstico, ou contra micro ou pequeno empresário, o preposto deve ser necessariamente empregado do reclamado. Inteligência do art. 843, § 1º, da CLT e do art. 54 da Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006”. No caso, a preposta do recorrente deixou claro prestar serviços particulares para ele, como pagamento de contas, sem ter a carteira assinada, assim na visão da desembargadora, a exigência de que se tratasse de empregada do recorrente não faz sentido. “A exigência do preposto ser empregado está direcionada à pessoa jurídica, em face da necessidade do representante ter conhecimento dos fatos que se passam na empresa, contribuindo para a busca da verdade real e evitando a “indústria” de prepostos profissionais”, explicou. De acordo com as ponderações da magistrada, se a Súmula 377 excetua o micro ou o pequeno empresário da regra de preposto empregado, muito mais razão há para afastar a regra em relação à pessoa física do reclamado. Em reforço ao entendimento adotado, foi citada no voto a decisão do TST, reconhecendo que a regra concernente ao preposto empregado não se aplica em todas as circunstâncias. Por exemplo, no caso do micro e pequeno empresário e do empregador doméstico, a exigência é incompatível com a realidade fática, uma vez que não é razoável exigir de reclamados pessoas físicas representação processual por meio de preposto empregado. PJe: Processo nº 0010255-27.2015.5.03.0052 (RO). Acórdão em: 09/08/2016 Fonte: Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região ANDRE FATUCH NETO Assessor Jurídico SEHA Proprietário do escritório ANDRE FATUCH ADVOCACIA afatuch@hotmail.com (41)3088-2607

Feira traz inovações nas áreas de hospedagem e gastronomia

C

om o intuito de apresentar as principais inovações em equipamentos, produtos e serviços para hotéis, motéis, restaurantes, bares e similares, o Hotel Show 2016 reunirá empresários das áreas de Hospedagem e Gastronomia para trocar experiências, conhecimentos e informações. O evento, que está em sua 10ª edição, promoverá representantes das regiões Oeste, Sudoeste e Noroeste do Brasil, além do Paraguai

e Argentina. “O Hotel Show é um fundamental para o desenvolvimento do turismo, sobretudo para a hotelaria, gastronomia, motelaria. O evento tem o diferencial de reunir no mesmo espaço equipamentos modernos e alta tecnologia, facilitando assim para os empresários o acesso às novidades do setor. Outro ponto alto são as capacitações por meio de workshops e palestras pensadas especialmente

para gestores, colaboradores e empresários”, diz Carlos Antonio Silva, presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Foz do Iguaçu (Sindhotéis), promotor do evento. O Hotel Show - Salão da Hotelaria & Gastronomia, Panificação e Conveniências será realizado entre os dias 27 e 29 de outubro no Rafain Palace Hotel & Convention Center, em Foz do Iguaçu e possui o patrocínio da FBHA.

Azul inicia operação no aeroporto de Ponta Grossa A Azul Linhas Aéreas começou a operar nesta quinta-feira (13) voos regulares no aeroporto de Sant’ana, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. O projeto marca o início dos voos comerciais do terminal, que recebeu investimentos de R$ 1,3 milhão do Governo do Paraná, viabilizados por meio da Secretaria de Infraestrutura e Logística. Antes da reforma, o terminal aéreo recebia apenas voos particulares de pequenas aeronaves. O Governo do Estado apoiou também a retomada de voos regulares. Em junho, o governador Beto Richa assinou com a empresa aérea um protocolo de intenções que garante redução de 2% no ICMS sobre o combustível a cada novo aeroporto atendido. Além

de Ponta Grossa, a previsão é que outros municípios como Umuarama, Guarapuava e Pato Branco sejam atendidos futuramente pela empresa. Para o vice-presidente da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (Acipg), Nilton Antonio Fior, a linha comercial trará desenvolvimento econômico para a região. “É um marco que se compara à chegada primeira indústria em Ponta Grossa. A retomada vai gerar movimentação não apenas de passageiros, mas também de cargas. Esperamos que no futuro as rotas sejam ampliadas com possibilidade de voos para Santa Catarina, Cascavel e Foz do Iguaçu”, afirmou. Fior lembra que Ponta Grossa chegou a ter voos

comerciais há mais de dez anos, mas o fluxo de passageiros não sustentou a operação. “Agora, com o crescimento dos investimentos e as indústrias na região, acredito que teremos um volume grande de passageiros, incluindo executivos das empresas”, diz. As primeiras conexões regulares serão feitas exclusivamente entre Ponta Grossa e o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP). De Viracopos, os passageiros poderão pegar conexões para diversos destinos, como Rio de Janeiro (Santos Dumont), Belo Horizonte, Recife, Porto Alegre, Manaus, entre outros, além de Fort Lauderdale/ Miami, nos Estados Unidos, e Lisboa, em Portugal.


Curitiba, outubro de 2016

www.seha.com.br Notícias

Convênios

Fique informado, entre em nosso site para ter acesso as informações do nosso setor.

Precisa de convênio médico, odontológico, medicina ocupacional, entre outros? Se houver algum convênio que queira nos sugerir, fique a vontade!

Precisa de funcionários? Publique as suas vagas gratuitamente em nosso site, e se tivermos em nosso banco de dados candidatos que preencham os seus requisitos, os currículos serão encaminhados para sua empresa.

Assessoria Jurídica

Tem dúvidas? Precisa de informação? Sugestões? Entre no nosso canal Fale Conosco, e mande para nós o que precisa.

Está com alguma notificação trabalhista? Ou dúvidas na área trabalhista, comercial, tributária e/ou civil? Possuímos duas assessorias contratadas especialmente para auxiliar nas suas questões. Se houver uma reclamação trabalhista, terá o acompanhamento gratuito de nossos advogados para a sua defesa. E suas dúvidas jurídicas poderão ser também esclarecidas gratuitamente. Novo: Plantão Criminal / 24 horas.

Qualifique sua equipe

Questões Administrativas

O associado tem direito a duas vagas gratuitas por curso na grade disponibilizada em nosso site, e a sua inscrição é feita no próprio site.

Questões como o ECAD, Vigilância Sanitária, Fiscalização Ambiental, NFCe, consulta a Legislação em Vigor fica fácil quando se tem aonde recorrer e tirar informações. Pertencemos ao Conselho Municipal de Urbanismo, caso tenha alguma questão a ser resolvida sobre urbanismo, traga a sua questão para nós.

Contato permanente!

O espaço é seu! Está vendendo algum mobilizado de sua empresa de hospedagem ou alimentação? Anuncie sua venda, mandando as características, preço e fotos do objeto a ser vendido e será publicado em nosso Banco de Negócios, além de enviarmos através de nosso mailing. Basta acessar www.seha.com.br

Informações Legais Tenha acesso às Convenções Coletivas firmadas, sempre que seja necessário.

Basta ligar para: 41 3323-8900

9


10

Curitiba, outubro de 2016

ENTREVISTA SERGIO DOMINGUES

“Centro de Convenção será um marco referencial de paisagem de Curitiba” Curitiba tem um projeto para captação de grandes eventos visando fomentar o segmento de Turismo de Negócios

Vamos apresentar uma proposta ao prefeito para criação de um Fundo Municipal de Turismo. Um dos objetivos com o fundo é que o Instituto Municipal de Turismo tenha recursos bem maiores. Outro projeto diz respeito ao ISS sobre grandes eventos, para tornar Curitiba mais competitiva. Hoje a Capital paranaense tem o índice do imposto de 5% enquanto outras cidades concorrentes cobram 2%.”

O

presidente do Instituto Municipal de Turismo, Sergio Domingues, fez um balanço sobre o desempenho do turismo na capital paranaense. E mesmo em final de governo, anuncia algumas ações, ainda nesta gestão, como a criação do Fundo Municipal de Turismo. Outra notícia positiva é que Curitiba terá seu Centro Convenções, que já tem área que pertence à Prefeitura de Curitiba, não significando ônus para o Município. Será próximo a BR-277, ao lado do Aeroporto Internacional Afonso Pena. Como anda o processo do Centro de Convenções de Curitiba? Tem previsão de início da obra, da entrega? Sergio Domingues - Há tempos Curitiba precisa de um espaço para realizar grandes feiras, convenções e eventos, porém, isso não poderia representar despesa extra para o Município com desapropriações, demolições e realocações de pessoas. Para tanto, o local escolhido dá condições de realização do projeto arquitetônico, de engenharia, de paisagismo e de ocupação, respeitando a legislação ambiental e que tornem o endereço um marco referencial de paisagem de Curitiba. A área já pertence à Prefeitura de Curitiba, não significando ônus para o Município. Com localização estratégica, próximo a BR-277, ao lado do Aeroporto Internacional Afonso Pena e no corredor de acesso Aeroporto – Rodoferroviária, a construção do Centro de Convenções, Feiras e Eventos de Curitiba ocupará o espaço contíguo do Parque do Centenário da Imigração Japonesa. A definição do local de construção do Centro de Convenções dependeu da disponibilidade de terrenos acima de 50.000 m² no município. O recurso é de R$50 milhões, pelo PAC, através do MTUR, celebrado em 13/12/2013. O valor do projeto com a contrapartida do município é de

R$ 68.377.875,72. Em fase de licitação para contratação integrada de empresa para elaboração do projeto básico executivo de engenharia e execução das obras. Serão 13.649,38m² de área construída, 28.396,16m² de estacionamento e 70.558,25m² de área de aterro. Os ônibus de turismo encontram muitas dificuldades em deixar e pegar hóspedes em hotéis da cidade. São constantemente multados pelo Setran. Existe a possibilidade de um entendimento entre o Instituto e o órgão para melhorar essa situação? Sergio Domingues - Na verdade existem locais como é o caso no Jardim Botânico onde é permitido estacionar. Porém pode ocorrer que alguma empresa não respeita a demarcação, dai é procedida a multa. No caso de paradas em frente de hotéis, é comum também o desrespeito da legislação de trânsito. Existe, por exemplo, um tempo para embarque e desembarque e as vezes isso não é respeitado. Já foi pensado em criar um espaço num local específico para que os ônibus de turismo estacionem. Mas é comum as agências programarem um tour. Ou seja, é utilizado o mesmo ônibus que transportou o turista até à capital para fazer passeio interno. Daí gera o desrespeito a legislação de trânsito, com relação ao tempo para pegar os passageiros e espaço de parada que nem sempre é respeitado. Com certeza é preciso um melhor entendimento entre os órgãos responsáveis pelo trânsito, as agências de turismo, os hotéis e outros serviços envolvidos. Quais os principais projetos futuros do Instituto Municipal de Turismo? Sergio Domingues - Vamos apresentar uma proposta ao prefeito para criação de um Fundo Municipal de Turismo

que posteriormente será encaminhado à Câmara em forma de mensagem. Um dos objetivos com o fundo é que o Instituto Municipal de Turismo tenha recursos bem maiores. Com esse projeto vamos deixar algum legado que vai gerar recursos para a nova gestão. Outro projeto diz respeito ao ISS sobre grandes eventos, para tornar Curitiba mais competitiva. Hoje a Capital paranaense tem o índice do imposto de 5% enquanto outras cidades concorrentes cobram 2%. Em razão disso perdemos muitos eventos, como shows, eventos de negócios. E uma agenda oficial da Cidade que não existe? Sergio Domingues - Já existiu uma . Hoje estamos estudando elaborar uma para colocarmos todos nossos eventos nesta agenda. E quanto a investimentos para divulgar o destino de Curitiba para outras cidades, estados, e também no exterior? Sergio Domingues - Atualmente nossos recursos são limitados. Com a criação do Fundo Municipal de Turismo poderíamos ter recursos para alavancar a divulgação da capital paranaense internamente e no exterior. Como foi o desempenho do turismo da capital paranaense em 2016? Sergio Domingues - Mesmo em momento de crise política e econômica nacional, nos últimos anos Curitiba recebeu investimentos em infraestrutura tanto pela iniciativa pública quanto pela privada, principalmente pela demanda do Turismo Negócios e Eventos, que cada vez mais se consolida na capital. Para Curitiba é essencial, já que é o segmento do turismo que mais atrai visitantes a cidade, além do mais, o turista de negócios movimenta toda a cadeia de serviços voltados à

atividade turística praticamente o ano inteiro. Curitiba tem recebido mais de 4 milhões de turista ao ano. Os atrativos turísticos preferidos dos turistas são o Jardim Botânico, a Ópera de Arame, a Praça Tiradentes e o parque Tanguá, segundo pesquisa realizada na Linha Turismo em 2014. Em 2015 o número de embarques da Linha Turismo, foi de 657.227 turistas. Nos postos de informações turísticas foram realizados 87.162 atendimentos: Pit Aeroporto – 64.005 (73%); CAT Rua 24 Horas – 7.592 (8,71%) e Disque Turismo – 7.421 (8,51%). E um total de 107.905 visitantes na Torre Panorâmica. Para se ter uma idéia, de comparação aqui um quadro de estimativas de Turistas/Ano : 2015 - 4.289.874; 2016 4.380.391 e 2017 - 4.434.270. Qual a qualificação de Curitiba no ranking das capitais quanto ao turismo? Sergio Domingues - E m 2014, Curitiba foi considerada como o 5º melhor destino indutor do Brasil (classificação feita pelo Ministério do Turismo e SEBRAE Nacional com base em dados do Índice de Competitividade do Turismo Nacional, avaliados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Em 2015, Curitiba subiu para o 4º lugar entre os melhores destinos. Principal motivo: políticas públicas de turismo. Vale ressaltar que Curitiba permanece como o destino turístico com o maior índice alcançado na dimensão Infraestrutura geral (89,1 pontos), que corresponde ao nível 5, o mais alto da escala de competitividade.

As feiras são tratativas para o turismo de e negócios? Sergio Domingues - Curitiba tem um projeto para captação de grandes eventos afim de fomentar o segmento de Turismo de Negócios e Eventos,


Curitiba, outubro de 2016

11

o Curitiba MICE – Meeting (Encontros), Incentive (Incentivos), Conference (Conferências) and Exibitions (Feiras). O Curitiba MICE é resultado de parceria entre o Instituto Municipal de Turismo, Curitiba, Região e Litoral Convention & Visitors Bureau – CCVB, Federação de Convention & Visitors Bureaux do Estado do Paraná – FCVB-PR, Fecomércio-Pr, Sebrae e Paraná Turismo. Criado em 2014, o projeto MICE tem o objetivo de debater soluções para o desenvolvimento do turismo de negócios e eventos na capital paranaense e consolidar

a cidade como destino no cenário nacional e internacional. Curitiba está posicionada no 9º lugar do ranking ICCA como cidade brasileira que mais recebe eventos internacionais. Qual o futuro político Sergio Domingues ao final da gestão de Gustavo Fruet? Sergio Domingues - Independente de quem ganhar a eleição, vamos deixar um legado, não só o Sergio, mas toda nossa equipe. Estamos buscando em Brasília, recursos de emendas. Inclusive o Deputado Alex Canziani, já destinou uma

emenda ao turismo de Curitiba para o próximo ano. O objetivo é deixar pontos positivos para o nova gestão. Com relação a sua ligação com o deputado Alex Canziani. Isso abre caminho e garante verba para o turismo em Curitiba? Sergio Domingues - O deputado Alex Canziani, embora Curitiba não seja seu reduto politico, sempre nos apoiou em Brasília a pedido do nosso prefeito. Sempre atendeu as nossas reivindicações. Cito como exemplo a questão do terreno para o

Centro de Convenções que estávamos tendo problemas, com o risco de perder. Foi quando o deputado interviu resolvendo o impasse. Acredito até que trade turístico de Curitiba deveria ter uma aproximação maior com este parlamentar que muito faz por Curitiba. E como mensagem posso deixar meu testemunho que foi um prazer fazer parte da equipe do Gustavo Fruet, que sempre deu uma atenção especial ao nosso segmento. E deseja sucesso ao futuro prefeito salientando que estamos a disposição na fase de transição.

O deputado Alex Canziani, embora Curitiba não seja seu reduto politico, sempre nos apoiou em Brasília. Cito como exemplo a questão do terreno para o Centro de Convenções que estávamos tendo problemas, com o risco de perder. Foi quando ele interviu resolvendo o impasse. Acredito até que o trade turístico de Curitiba deveria ter uma aproximação maior com este parlamentar que muito faz por Curitiba”.

SEHA NO RÁDIO Escute toda terça e quinta-feira na CBN Curitiba, 9h15 da manhã, o “Minuto SEHA”, com espaço para nossos associados.


12

Curitiba, outubro de 2016

RECONHECIMENTO

CURSO DE INGLÊS APLICADO A SERVIÇOS DE ATENDIMENTO Datas: 7, 9, 14 e 16 de Novembro Duração: 2h50 minutos cada aula com um intervalo de 10 minutos. Frequência: Segundas e Quartas-feiras Horários: 09h – 12h Curso de Inglês para iniciantes, visando apresentar aos profissionais da área de atendimento ao público, situações cotidianas nas quais a comunicação e interação em inglês com clientes e turistas estrangeiros é requerida. O curso tem como objetivo, proporcionar aos seus alunos contato com os tópicos mais relevantes nas interações na língua inglesa. O foco está no intercâmbio de informações cotidianas e importantes, possibilitando que esse profissional possa expressar-se e entender o mínimo necessário para que ambos, ele e o turista estrangeiro, tenham suas necessidades atendidas. Aula 1: Noções Básicas de Inglês e Pronúncia, Apresentações Pessoais, Expressões Usadas para Saudar e se despedir De turistas, Países e Nacionalidades. Aula 2: Horas e Números, Serviços de Reserva de Restaurantes, Hotel e Check-in e Out, Dias da Semana, Meses e Como dizer os Anos e Feriados. Aula 3: Templo, Clima, Previsão do Tempo, Compras, Como Indicar Endereços e Locais e Distância, Receber e Cobrar pagamentos. Aula 4: Conversar ao telefone, Descrição de Pontos Turísticos de Curitiba, Falar Sobre a Culinária e Ingredientes e Oferecer Ajuda aos Turistas. As aulas são interativas e a participação dos alunos é encorajada desde o início. A apostila trará além das explicações, exercícios para serem realizados em sala de aula, bem como atividades de fixação para casa.

Público Alvo: Este curso foi desenhado para profissionais que trabalham com atendimento ao público, como maîtres, garçons, chefs, recepcionistas, bell boys, e atendentes em geral, interessados em se comunicar melhor em inglês, aprendendo o idioma de uma maneira prática e interativa, melhorando seu valor no mercado e ampliando sua área de atuação. Instrutor: Alvaro (Vavo) Krieck

Alexandre Sampaio eleito personalidade do ano Presidente da FBHA venceu no segmento institucional, do Prêmio Caio 2016

O

presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, Alexandre Sampaio, foi eleito ‘Personalidade do Ano’, no segmento institucional, do Prêmio Caio 2016. A premiação, que teve sua primeira edição em 2010, é resultado de indicação por um corpo de jurados composto, neste ano, por 380 profissionais de todos os Estados do país, com larga experiência na realização de eventos e na promoção do turismo nacional para eleger as personalidades mais significativas entre segmentos da Indústria Brasileira de Eventos e Turismo.

Experiências bem-sucedidas impulsionam o setor

C

erca de 45 milhões de brasileiros apresentam algum tipo de deficiência, o que corresponde à 23,9% da população do país, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Destes, 3,6% têm deficiência visual e 1,1% deficiência auditiva. Trata-se de uma parcela significativa de pessoas que ainda vive com pouco acesso à maioria dos produtos culturais oferecidos em museus e exposições. Entretanto, algumas experiências de inclusão por meio de atendimento qualificado em Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) - para os surdos - e audiodescrição e equipamentos táteis para os cegos ou pessoas com baixa visão têm mostrado a importância do turismo acessível. O servidor público Luciano Pacheco visitou, no Museu Nacional da República, em Brasília, a exposição A arte monumental de Marianne Peretti. Luciano ficou muito satisfeito com o serviço oferecido em audiodescrição, essencial para que pessoas cegas como ele possam experimentar a arte da criadora de obras monumentais como os vitrais da Catedral de Brasília.


Curitiba, outubro de 2016

13

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO PARANÁ

Projeto sobre regulamentação de comanda em bares é rejeitado Tema é polêmico mas não teve apoio da maioria dos deputados que votaram. Donos de estabelecimentos e muitos consumidores defendem o modelo

A

pós ser retirado da pauta de votação da sessão do dia 29 de agosto para ampliar as discussões sobre o tema, o projeto de lei nº 20/2015, do deputado Pastor Edson Praczyk (PRB), que proíbe o uso de comandas por bares, boates, danceterias, casas de shows e similares, como único sistema de cobranças, foi rejeitado com 20 votos contrários e 19 favoráveis, na Assembleia Legislativa do Paraná. Apesar das emendas apresentadas ao projeto, que determinavam aos estabelecimentos ofertarem outra forma de cobrança além das tradicionais comandas, o projeto não conseguiu o apoio da maioria. O deputado Luiz Claudio Romanelli

(PSB), disse que o projeto era contrário aos interesses do consumidor. “É uma tradição que se utilize a comanda como forma de fazer o controle do pagamento de determinada despesa. A pessoa faz o consumo, tem o controle sobre o que ela gastou e faz o pagamento individualizado. Entendo que outra forma de estabelecer isso vai gerar confusão e prejuízos ao consumidor”, defendeu. Já o autor do projeto disse que não existiria óbice para a aprovação da proposta, pois o uso da comanda não seria abolido, e os estabelecimentos comerciais deveriam apenas apresentar outras opções de cobrança aos consumidores.

FEIRA INTERNACIONAL Diretorias do SEHA e FBHA participam de evento internacional de alimentação e hotelaria. O evento aconteceu no Rio de Janeiro

CONSULTORIA 24H NA ÁREA CRIMINAL Mais um serviço que só o SEHA oferece: Com o advogado Francisco Noronha Neto. Escritório na Alameda Dr.Muricy, 970, em Curitiba. Telefones: 41-3324-1960 ou 9526-0420 Atendimento exclusivo mediante apresentação do Cartão Associado SEHA


14

Curitiba, outubro de 2016

CURSOS OFERECIDOS PELO SEHA Certificação com aproveitamento de 75%, material e apostila! Associado SEHA tem direito a 2 (duas) vagas gratuitas por curso. Não associado R$50,00 SEGURANÇA E HIGIENE E SEGURANÇA ALIMENTAR DE 08 A 11/11 DAS 13:30 AS 17:00 Adequado a RDC 216/04, o curso visa treinar em segurança e qualidade dos alimentos; identificar os procedimentos básicos da qualidade e segurança; conscientizar sobre a higiene pessoal e alimentar no controle da contaminação de alimentos, visando implementar o manual de boas práticas. Público-Alvo: Chefes de cozinha, cozinheiros, auxiliares de cozinha, proprietários de empresas de alimentos e público em geral. Instrutor: Marcelo Rocha GARÇOM INICIANTE (BÁSICO) DE 16 A18/11 DAS 13:30 AS 17:00 Atribuições do garçom, requisitos comportamentais do garçom, arrumação das mesas( mise-en-place completo), atendimento ao cliente, etiqueta à mesa, técnicas de venda em restaurante, promoção de vendas , relacionamento com o cliente , higiene e segurança alimentar, técnicas dos diversos serviços, tecnologias de bar, enologia: princípios básicos e serviços, atender reclamações do cliente, relacionamento entre produção e serviço, terminologia técnica utilizada. Público-Alvo: Profissionais do ramo e público em geral . Instrutor: Marcelo Rocha CEIA DE NATAL DE 21 A 24/11 – DAS 14:00 AS 17:00 Nesse curso o aluno aprende a preparar uma ceia de Natal completa, com opções de carnes, aves, peixes, frutos do mar e seus acompanhamentos, além de deliciosas sobremesas e coquetéis. Tendo como objetivo o do preparo das receitas e a comercialização desses produtos. PúblicoAlvo: Profissionais do ramo e público em geral.Instrutora: Cristiane Bertho QUALIDADE NO ATENDIMENTO AO CLIENTE DE 21 A 23/11 – DAS 09:00 ÀS 12:00 Melhore o atendimento da sua equipe e conquiste

novos clientes. Objetivo: desenvolver habilidades comportamentais no atendimento para conquistar e manter clientes. Público alvo: Todos que tenham acesso direto com clientes. Instrutora: Cristina Correia RELAÇÕES INTERPESSOAIS DE 28 A 30/11 DAS 09:00 ÀS 12:00 O relacionamento interpessoal é de extrema importância. Um relacionamento interpessoal positivo contribui para um bom ambiente dentro da empresa, o que pode resultar em um aumento da produtividade. No trabalho, esse relacionamento saudável entre duas ou mais pessoas é alcançado quando as pessoas conhecem a si mesmas, quando são capazes de se colocar no lugar dos outros (demonstram empatia), quando expressam as suas opiniões de forma clara e direta sem ofender o outro (assertividade), são cordiais e têm um sentido de ética. Público-Alvo: Profissionais do ramo e público em geral. Instrutora: Cristina Correia BARTENDER II DE 06 A 09/12 – DAS 13h30 AS 17h PRAZO PARA INSCRIÇÃO 01/12 Direcionado para profissionais na área ou que já tenham feito o curso básico que desejam crescer em conhecimento para melhores colocações no mercado de trabalho. Objetivo deste curso é fazer com que o aluno aprimore e desenvolva sua criatividade na arte da coquetelaria profissional criando seus próprios coquetéis.Neste curso traremos informações do mundo das bebidas atualizadas, coquetéis a base de café, cerveja, energéticos, com criações contemporâneas e mixologia, onde degustaremos e conheceremos profissionalmente: vodkas, uísque, tequilas, vinhos e outras bebidas bem como seus serviços ao cliente. Os alunos colocarão em prática todo seu conhecimento e técnicas no preparo dos mais variados coquetéis. Idade mínima do participante 18 anos. Instrutor: Marcelo Rocha.

Inscrições www.seha.com.br

Associe-se ao SEHA e conte com assessoria jurídica gratuita Conte também com acompanhamento em ações trabalhistas


Curitiba, outubro de 2016

15

Associe-se ao SEHA. Uma entidade que defende os interesses dos setores de hospedagem e alimentação

convênios Com empresas MEDICINA DO TRABALHO

NOVOS: PLANTÃO DE ADVOGADO CRIMINALISTA SEGURO DE RISCOS DE RESPONSABILIDADE TRANSRESIDUOS ( em fase final de fechamento de contrato)

Policlínica San Tiago - 41 3022-2727 Medicina Ocupacional e Engenharia de Segurança - PCMSO (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional) - PPRA (Programa de Prevenção de Riscos Ambientais PPP (Perfi l Profissiográfi co Profi ssional) Exames Admissionais, Periódicos,Demissionais - Planos com valores especiais para associados SEHA-Ctba. CONSULTORIA ESPECIALIZADA Jr. Consultoria - UFPR - Desconto de 10% nos projetos de consultoria aos associados SEHACtba. A empresa é formada e gerida por alunos dos cursos de administração, ciências econômicas, ciências contábeis e gestão da informação. Sem fins econômicos, seu principal objeti vo é formar profissionais de valor e contribuir para o desenvolvimento sustentável da sociedade, através da realização de consultorias que focam em micro e pequenas empresas. Mais informações pelo 41 3360-4473

Com faculdades SPEI 10% de desconto em Cursos de Pós-Graduação – direcionado aos funcionários de empresas associadas e filiadas. Informações: www.spei.br Fone 41 3364-4579 OPET 10% de desconto em todos os Cursos, e PósGraduação - direcionado aos funcionários de empresas associadas e filiadas. Informações: www.opet.com.br cezarroberto@opet.com.br Fone 41 3021-4848 FACINTER 10% de desconto em Cursos na área de Turismo direcionado aos funcionários de empresas associadas e filiadas. Informações: www.facinter.com.br Fone 41 2102-3300 UNICENP 10% de desconto em Cursos de Pós-Graduação na área de Turismo - direcionado aos funcionários de empresas associadas e fi liadas.

Consulte nosso banco de empregos

www.SEHA.com.br Somos alinhados com a Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação. Acompanhamento em ações trabalhistas. Promovemos efetivas ações junto aos órgãos públicos e privados em defesa de interesses do setor. Cursos gratuitos de aperfeiçoamento em diversas áreas do trade. Oferecemos serviços e produtos indispensáveis às empresas.

Assessoria jurídica gratuita.

Convênios com plano de saúde, faculdades e outros serviços que contemplam expressivos descontos em seus serviços. Estamos fortemente divulgados através de nosso jornal, site na internet, nas redes sociais e na Rádio CBN. Mais de 940 mil estabelecimentos dos segmentos hotelaria e gastronomia no Brasil são representados pela FBHA e seus sindicatos regionais.

Junte-se a nós! Informe-se na secretaria pelo fone 41 3323-8900


16

Curitiba, outubro de 2016

IN FOR MA TIVO

FECOMÉRCIO PR B O L E T I M I N F O R M AT I V O D O S I S T E M A F E C O M É R C I O S E S C S E N A C P R | 2 0 1 6

A importância do turismo rodoviário

No final de novembro, vamos promover em Curitiba o I Simpósio de Turismo Rodoviário, tema da maior importância para o setor. Se é verdade que cidades como Curitiba e Foz do Iguaçu dependem muito do turismo por via aérea, a diminuição da grade de voos devido à crise econômica tem atrapalhado muito a programação de quem pretende viajar de avião. A única exceção é novo voo entre Ponta Grossa e Campinas, pela Azul, ainda que a rota se destine prioritariamente a viagens de executivos.

Neste cenário, o turismo rodoviário ganha destaque. É pelas rodovias que se deslocam os participantes das viagens do programa Turismo Social, do Sesc Paraná. É em ônibus que viajam os que se dedicam ao turismo religioso. Também é pela via rodoviária que se deslocam estudantes e jovens em geral, em busca de diversão e descanso. O turismo rodoviário incrementa o comércio em diversos segmentos. Hotelaria, restaurantes, bares e lojas de produtos típicos, entre outros. Em Cianorte temos procura intensa por confecções. Em Apucarana, pelos bonés ali fabricados. Nas estações de águas, pessoas procuram saúde e rejuvenescimento. É preciso que lutemos para a permanente melhoria das estradas e pela democratização das tarifas. O turismo rodoviário é fundamental para o desenvolvimento do Estado do Paraná. 

Darci Piana

Presidente do Sistema Fecomércio Sesc Senac PR

Sem contratempos Durante uma viagem, seja de férias ou a trabalho, imprevistos com cartão de crédito geram desconforto. Com a vantagem de ser pré-pago, o Fecomércio PR Card é uma alternativa para os que buscam segurança e praticidade. Uma forma de prevenir possíveis contratempos é levar cartões desabilitados na mala. No Fecomércio PR Card o saldo está na conta cadastrada, não no cartão. Se acontecer algum problema, como roubo ou perda, basta bloquear o antigo cartão e transferir o saldo da conta para o novo. O controle das despesas pode ser feito de forma simples, já que é possível acompanhar

o saldo pela internet, diferente dos cartões de crédito convencionais, em que a fatura chega apenas no fim do mês. A carga é feita antes do uso, então não gera dívidas posteriores. Outra vantagem é que as recargas são feitas apenas em Real; a conversão para a moeda local, se necessária, é feita no momento da compra. Sobre o cartão Sem necessidade de vinculação com uma conta bancária e comprovação de renda, o cartão da Fecomércio PR funciona como cartão de crédito: permite compras à vista em lojas físicas e online. Possui bandeira Mastercard®, aceita em mais de 30 mil estabelecimentos no mundo inteiro. 

Campanha do Brinquedo inicia em 32 cidades

nº 38

Falsa divulgação de vagas gratuitas no Senac

Com o tema Veja com os olhos de uma criança, ação social será realizada entre os dias 7 de outubro e 12 de dezembro

O Sistema Fecomércio Sesc Senac PR inicia um novo tempo com a chegada da 8ª edição da Campanha do Brinquedo. Com o tema Veja com os olhos de uma criança, a entidade ao lado de seus sindicatos filiados se une ao Instituto GRPCOM e à RPC realizando a promoção no período de 7 de outubro a 12 de dezembro. A Campanha do Brinquedo terá postos de arrecadação nas unidades de serviço do Sesc e do Senac PR distribuídas em 32 cidades paranaenses e, também, em empresas do comércio de bens, serviços e turismo do estado que aderirem à campanha. Podem ser doados brinquedos novos e usados – desde que em perfeitas condições de uso. As doações serão destinadas as crianças atendidas em instituições sociais. Em oito edições a campanha arrecadou 257.090 brinquedos, beneficiando 654 instituições sociais do Paraná. Somente em 2015, 60.583 foram doados e 121 instituições atendidas. O Exército Brasileiro mais uma vez é parceiro da campanha. O Jornal Gazeta do Povo, 98 FM e a Rádio Mundo Livre FM também apoiam a iniciativa.  Mais informações pelo 0800 643 6346 e pelo site www.sescpr.com.br.

Seja solidário, participe!

Algumas páginas estão divulgando informações incorretas sobre os programas de gratuidade e de processo seletivo do Senac PR. Qualquer informação sobre vagas e novas turmas devem ser checadas no site www.pr.senac.br, ou redes sociais oficiais da instituição. Além das falsas informações sobre vagas, esses sites vêm divulgando que o Senac encaminha os alunos para atuarem no mercado de trabalho, garantindo assim um emprego ao finalizar o curso. O Senac possui um Banco de Oportunidades, em que as empresas cadastram as vagas disponíveis e os alunos e ex-alunos podem se candidatar, mas nesse caso cabe à empresa selecionar ou não. O Senac prepara o aluno para o mercado de trabalho no setor de comércio, bens, serviços e turismo tanto em cursos presenciais e a distância.  Todas as vagas estão disponíveis no site www.pr.senac.br (presenciais) ou no www.ead.senac.br.

AGENDA FECOMÉRCIO PR

Missões Técnicas levam empresários aos principais centros de inovação As missões promovidas pela Fecomércio PR são oportunidades para trocar experiências e repensar estratégias e operações das empresas. Na Missão Técnica do Comércio – Nova York, que acontecerá em janeiro de 2017, os participantes, acompanhados por especialistas do Sebrae/ PR, poderão ter acesso a modelos de gestão que são referência nos Estados Unidos, na cidade considerada uma das mais importantes metrópoles do

varejo, além de participar da NRF Big Show, maior feira mundial do setor. Para o presidente do Sistema Fecomércio Sesc Senac PR, Darci Piana, as viagens permitem aos empresários paranaenses conhecerem ideias inovadoras, que elevam a competitividade do comércio de pequeno porte paranaense. “As missões técnicas são fundamentais para se conhecer novos modelos de varejo. A troca de experiências ajuda o empresário

a enxergar mais longe, a entender que o comércio varejista é um setor dinâmico, que exige permanente atualização e preparo”, avalia Piana. Anualmente a Fecomércio PR realiza diversas missões nacionais e internacionais. Fique atento aos períodos de inscrição e participe das próximas Missões Técnicas. Mais informações: www.fecomerciopr.com.br

Jornal seha ed 036  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you