Page 1

JORNAL

SÉRGIO PÓVOA PIRES: É importante ter a participação de todos para fazer com que o ministro do Turismo não esqueça de Curitiba. Págs. 10 e 11

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016 | Edição 32

Inaugurado Senac Portão Obra foi projetada para conquistar a certificação LEED Platinun, principal selo de construção sustentável do mundo. Pág. 14 Parceria entre o Diretor Regional do Senac PR, Vitor Monastier e o presidente do SEHA, João Jacob Mehl, gerou 1.100 vagas gratuitas em diversos tipos de cursos

Jurídico Consultoria Criminal 24 horas Pág. 03

FBHA PIS/Cofins e Tributação do Airbnb Pág. 06

na área da alimentação. Informações estão disponíveis na página 05. Inscrições para os cursos podem ser feitas no site do SEHA, no www.seha.com.br

Litoral Visita ao Porto de Paranaguá Pág. 12

Aviação Gol volta voar Curitiba/Foz Pág. 13


2

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

EDITORIAL

AUDIÊNCIA PÚBLICA

Inscrições abertas no site do SEHA

Em discussão o novo modelo de coleta e transporte de resíduos

É empolgante levar aos empresários ligados ao ramo da alimentação a conquista dessas 1.100 vagas gratuitas para profissionalizar seus colaboradores, divididas em cerca de 30 cursos diferenciados e ministrados com a qualidade Senac. Conquista que não existiria sem a colaboração, ajuda e participação mais do que ativa do Diretor Regional do Senac no Paraná, Vitor Monastier, um verdadeiro amigo do SEHA. A ele, em nome de toda nossa diretoria, o nosso muito obrigado. E que essa parceria perdure por muito e muito tempo. Assim como também o trabalho que vem sendo executado pelo Senac pelo Brasil afora, abrilhantado ainda mais agora pela inauguração do Senac Portão, prédio modelo em todos os sentidos. E para quem quiser participar as inscrições para essas 1.100 vagas, 1.000 em Curitiba e 100 em Caiobá, nosso Litoral, já podem ser feitas em nosso site. E assim como na edição passada, a entrevista das páginas 10 e 11 dessa vez também não acontece com ninguém ligado ao trade do turismo, mas nem por isso é menos interessante. Vale muito ler o que falou ao Jornal do SEHA o presidente do IPPUC, Sérgio Póvoa Pires, que planeja Curitiba desde 1975. Obrigado por participar. Como não poderia deixar de ser, trazemos também aos nossos associados notícias nacionais, de nosso presidente Alexandre Sampaio, da FBHA, todas de maior interesse de nossos segmentos. E o abraço da edição vai para o novo Superintendente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina, Luiz Henrique Dividino, que nos atendeu muito bem em Paranaguá, em uma reunião que já gerou uma primeira parceria. Agora a leitura é com vocês. Até a próxima. João Jacob Mehl

EXPEDIENTE Jornalista Responsável Pierpaolo Nota Edição | Eliseu Tisato Colaboração Comunicação FBHA

Rua Júlia da Costa, 64 - São Francisco - Curitiba - Paraná Fone: (41) 3323 8900 www.seha.com.br

GESTÃO 2014-2017 João Jacob Mehl Presidente Lincoln T. Isahias Tarquínio Vice-Presidente  Andersen Prado Vice-Presidente para assuntos de Alimentos e Bebidas/Buffet Zelir Tadeu Massuchin Vice-Presidente para assuntos de Hotelaria e Hospedagem Marilisa Bigarella Vice-Presidente para assuntos de Motéis  Gustavo T Andrade Vice-Presid. para assuntos de Entretenimento e Lazer  Orlando Kubo Diretor Secretário Geral  Julio César Hezel Diretor Financeiro Adelardo Telles Neto Diretor para assuntos de Pizzarias e Deliveries  Aguilar Borsato Silva Diretor 

Valéria Vicente Diretora de Marketing Carlos Roberto Madalosso Diretor para Ass. de Turismo Ernesto Villela Neto Diretor para assuntos Governamentais  Henrique Lenz Cesar Filho Diretor para assuntos Grandes Eventos  Jacques Raul Rigler Diretor para assuntos Tributários e Fast Food  João Ernesto Strapasson Diretor Marco Antônio Fatuch Diretor Delegado  Paulo Sérgio Gralak Diretor de Patrimônio Antonio Tanaka Diretor para Assuntos de Food Trucks  Conselho Fiscal:  Jonel Chede Filho, Alceu A Vezozzo Filho e Luiz Fernando P de Aguiar Conselho Fiscal Suplente:  Jayme Canet Neto e Joel Malucelli

Debate sobre o tema na capital paranaense foi transferida para o dia 16 de agosto

A

Prefeitura de Curitiba transferiu para o dia 16 de agosto a audiência pública sobre o projeto de parceria público-privada que implantará um novo modelo de coleta e transporte de resíduos sólidos na cidade. A audiência seria realizada no dia 4, mas foi transferida para dar maior segurança jurídica ao processo, com a publicação do informe no Diário Oficial do município. Com isso, o período de consulta pública para a apresentação de comentários e sugestões pela internet também foi alterado, e ocorrerá de 16 de agosto a 14 de setembro. Concluída essa fase, será lançado o edital da concorrência pública internacional que vai selecionar uma empresa para a prestação do serviço de coleta e transporte de resíduos pelos próximos 15 anos.

A audiência, a consulta pública e a licitação, prevista para o segundo semestre, compõem a primeira etapa de um processo que se completará com uma nova concorrência, em 2017, para o serviço de tratamento de resíduos. Com isso, Curitiba pretende implantar um modelo moderno e inovador de gestão de resíduos, baseado no tripé qualidade, economia e sustentabilidade. A audiência pública será realizada das 14 horas às 16 horas do dia 16 de agosto, uma quinta-feira, no auditório do Mercado de Orgânicos, que fica no Mercado Municipal de Curitiba, na Rua da Paz nº 608, mezanino. No mesmo dia começa a consulta pública, que se estenderá até 14 de setembro. Os interessados poderão apresentar dúvidas, comentários e sugestões pelo e-mail consulta-

ppplixo@smma.curitiba.pr.gov.br. As participações deverão ser encaminhadas com a identificação do autor (nome, denominação, endereço, e-mail e telefone). Os documentos sobre o processo estarão disponíveis para consulta durante todo o período no endereço eletrônico http://www. curitiba.pr.gov.br/conteúdo/consulta-ppp-lixo/2800

Você sabia? Atualmente Curitiba envia para aterros em torno de 47,3 mil toneladas de resíduos por mês. O custo desse serviço é altamente subsidiado. Em 2015, o município arrecadou R$ 95,3 milhões com a taxa de lixo - que é cobrada junto com o IPTU - e gastou R$ 218,5 milhões com limpeza pública, coleta e destinação de resíduos.

Associados aniversariantes da 2ª quinzena de julho 16.07 17.07 18.07 20.07 22.07 24.07 25.07

Alceu Vezozzo Filho, do Hotel Bourbon Salvatore di Chiara, do Hotel Caravelle Georgia de Souza, da Cafeteria Lucca Café Jonel Chede, do Hoteis e Turismo Universo Osmar Vilson Sanson, do Hotel Curitiba Palace Paulo Badotti, do Motel Vis a Vis Vivian Nunes, do Restaurante Castelo Sant Angelo


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

3

OBJETIVO

Aumentar fluxo de turistas internacionais é prioridade Presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, entregou à Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados uma série de pautas prioritárias para o setor

O

aumento do fluxo de turistas internacionais é uma das prioridades do setor para 2016. Só para se ter uma ideia, o primeiro semestre desse ano registrou alta nas despesas dos visitantes estrangeiros no Brasil. Entre janeiro e junho, o total desembolsado foi de US$ 3,15 bilhões, enquanto no mesmo período do ano passado ficou em US$ 2,94 bilhões. A expectativa ainda é maior para o segundo semestre, por conta da realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Mas as perspectivas não param por aí. Várias medidas, se tomadas, podem fazer com esse aumento seja ainda maior, como a continuidade da isenção de visto para os turistas americanos, australianos, canadenses e japoneses, por conta dos Jogos; e a participação do país em eventos de atração de turistas em mercados remotos como China e Austrália. Para o presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, a China é um país estratégico para a promoção do Brasil. No fim de maio deste ano, Sampaio entregou à Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados (CTUR) uma série de pautas prioritárias para o setor. Entre elas, estava a questão da flexibilidade e reciprocidade do visto de estrangeiros. O presidente da FBHA defendeu, também, que não só os turistas daquelas nacionalidades deveriam ter esse privilégio, mas também

Embaixador Roberto Jaguaribe (Apex-Brasil), o presidente da Embratur, Vinícius Lummertz; e diretor da Embratur, Gilson Lira, em reunião para planejar ações conjuntas os chineses. “Queremos ampliar o escopo com a inclusão da China e discutir a possibilidade de a isenção ser um grande legado dos Jogos para o turismo, não terminan-

do em setembro, mas sim continuando depois”, afirma Alexandre Sampaio. Entidades do setor, como a Embratur e a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos),

reconhecem a importância do aumento do fluxo desses turistas. No dia 26 de julho, foi realizada uma reunião entre os órgãos para debater possíveis ações conjuntas, em prol desse crescimento.

CONSULTORIA 24H NA ÁREA CRIMINAL Mais um serviço que só o SEHA oferece: Com o advogado Francisco Noronha Neto Escritório na Alameda Dr.Muricy, 970, em Curitiba Telefones: 41-3324-1960 ou 9526-0420 Atendimento exclusivo mediante apresentação do Cartão Associado SEHA


4

Curitiba, 2ÂŞ quinzena de julho de 2016


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

1.100 vagas gratuitas Fique ligado e profissionalize seus colaboradores nas mais diversas áreas DATA 15/ago 16/ago 17/ago

HORÁRIOS

CURSOS

14h às 17h

Preparo de fondue

14h às 17h 09h às 12h 14h às 17h 19h às 22h

22/ago

23/ago 24/ago 29/ago

30/ago

31/ago

14h às 17h 09h às 12h 14h às 17h 19h às 22h 19h às 22h 09h às 12h 14h às 17h 19h às 22h 09h às 12h 14h às 17h 19h às 22h 09h às 12h 14h às 17h 19h às 22h

Todos os 12/set 19h às 22h cursos são 09h às 12h certificados! 13/set 19h às 22h

VAGAS 15

Técnicas de rechaud e flambagem Café: Diferentes métodos Técnicas de atendimento para garçom Harmonização de vinhos Técnicas de serviço de garçom com ênfase em vendas Mise-em-place: a arte de servir Hamburguer gourmet Food Desgn Coquetelaria clássica Finger food Brigadeiro gourmet Organização de coffe-breack Maçãs decoradas Decoração de bolos lembrancinhas comestíveis Massas coloridas Arte e técnica do sushi Preparo de peixes e fundos do mar Qualidade de atendimento para garçom Comida de boteco Aproveitamento de alimentos

1000

Grande Curitiba

100

Caiobá

15 20 20

DATA 14/set 15/ago 16/ago 19/set

20

17/ago 20/set

20

22/ago 21/set

20 15 15 20 20 20 20 20 20 20 20 20 20 20 15 15

26/set 23/ago 27/set 24/ago 28/set 29/ago 03/out 04/out 30/ago 05/out 10/out 31/ago

HORÁRIOS 14h 19h às às 17h 22h 14h 19h às 17h 22h 09h 19h às 12h 22h 14h às 17h 19h às 22h 19h às 22h 19h às 22h 19h às 22h 14h às 17h 19h às 22h 14h às 17h 09h às 12h 19h às 22h 14h às 17h 19h às 22h 19h às 22h 19h às 22h 09h às 12h 14h às 17h 19h às 22h 09h 14h às 12h 17h 14h às 17h 09h às 12h 19h às 22h 09h às 12h 09h às 12h 14h às 17h

19h 09h às 22h 12h Cursos 11/out 14h às 17h com17/out 3 horas 12/set 19h 09h às 22h 12h 18/out 09h às 12h de duração. 09h às 12h 13/set 24/out 31/out

14h às 17h 19h às 22h 14h às 17h 09h às 12h 14h às 17h

CURSOS

VAGAS

Harmonização de cervejas Preparo de fondue 15 20 artesanais Técnicas de rechaud e 15 Queijos e vinhos 20 flambagem Técnicas de rechaud e Café: Diferentes métodos 20 flambagem Técnicas de atendimento para Técnicas de atendimento para 20 garçom 20 garçom Harmonização de vinhos 20 Sobremesas 15 Técnicas de serviço de Café: Diferentes métodos 20 garçom com ênfase em 20 Fondue 15 vendas Harmonização de vinhos 20 Mise-em-place: a arte de Técnicas de atendimento para 20 servir 20 garçom Hamburguer gourmet 15 Coquetelaria clássica 20 Food Desgn 15 Mise-em-place: a arte de Coquetelaria clássica 20 servir Finger food 20 Harmonização de cervejas Brigadeiro gourmet 20 artesanais Organização de coffe-breack 20 Qualidade de atendimento Maçãs decoradas 20 para garçom Decoração de bolos 20 Aproveitamento de alimentos 15 lembrancinhas comestíveis 20 Sushi: arte e técncas 20 Massas coloridas 20 Preparo de peixes e fundos Arte e técnica do sushi 20 do mar Preparo de peixes e fundos 20 Sobremesas Inscrições disponíveis no do mar Decoração de bolos 20 Qualidade de atendimento site do SEHA. Saiba mais 20 lembrancinhas comestíveis 15 para garçom Brigadeiro gourmet 15 através 41 3323 8900 Comida de do boteco 15 Queijos e vinhos 20 Aproveitamento de alimentos 15 Food Design 15 Hamburguer gourmet 20 Comida de boteco 20

5


6

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

IMPOSTOS

FBHA trata sobre PIS/Cofins e tributação do Airbnb Questões foram debatidas no Ministério da Indústria, Comércio e Serviços

O

presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, esteve reunido no dia 28 de julho em Brasília, com o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Marcos Pereira. O objetivo do encontro foi debater a questão do aumento do PIS/Cofins e da tributação do Airbnb. “Apresentamos o turismo como um ativo econômico, um indutor de desenvolvimento e grande gerador de emprego e renda numa economia de serviços”, explicou Alexandre Sampaio. Está em estudo uma proposta do governo federal de unificar o recolhimento do Programa de Integração Social (PIS) com o da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), atualmente pagos separadamente por empresas de todos os setores, e que ajudam a financiar a previdência social e o seguro-desemprego. Mas a principal questão é que, com a mudança, setores como serviços, meios de hospedagem e construção civil, por exemplo, deixariam de pagar a alíquota atual de 3,65%, passando a recolher 9,25% do faturamento. Em relação ao Grupo de Trabalho que debate as mudanças na cobrança do Pis/ Cofins, coordenado pelo ministério, Alexandre Sampaio pediu atenção especial ao impacto que as mudanças vão causar no setor de serviços. “Esse provável aumento afetará de maneira majoritária hoteis e restaurantes em lucro real e presumido”, destacou. A proposta que pressupõe o fim do regime cumulativo atinge o setor, que sofreria aumento na tributação. Para Marcos Pereira, o turismo tem sinergia com seu ministério e ele pretende estreitar mais esses laços para promover uma melhora no ambiente de negócios do setor, que ele acredita ter um grande espaço para crescimento. Segundo o mi-

O presidente da FBHA, Alexandre Sampaio e o ministro do MDIC, Marcos Pereira

nistro, o presidente interino Michel Temer considera o turismo altamente relevante e enfatizou que o País pode crescer muito, não só com turismo de negócios, mas com outras vertentes do setor. AIRBNB Já sobre a tributação do Airbnb, Sampaio considera que esse tema é urgente para o setor. “Não é possível

que esses meios alternativos de hospedagem floresçam no Brasil sem um mínimo de parâmetros de regulamentação”, afirma. No fim de junho desse ano, a FBHA, junto com outras entidades hoteleiras, enviou ao ministro interino do Turismo, Alberto Alves, uma carta sobre as campanhas prioritárias dos meios de hospedagem em 2016, e, entre os principais

pontos do documento, está a regulação imediata da atividade exercida pelo Airbnb no Brasil, com a elaboração de anteprojeto para apresentação ao Congresso Nacional. “As entidades hoteleiras já estão trabalhando com afinco pela regulamentação. Queremos que a coexistência esteja dentro de padrões legais, que gerem tributos para a municipalidade”, comentou.

SEHA NO RÁDIO Escute toda terça e quinta-feira na CBN Curitiba, 9h15 da manhã, o “Minuto SEHA”, com espaço para nossos associados.


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

www.seha.com.br Notícias

Convênios

Fique informado, entre em nosso site para ter acesso as informações do nosso setor.

Precisa de convênio médico, odontológico, medicina ocupacional, entre outros? Se houver algum convênio que queira nos sugerir, fique a vontade!

Precisa de funcionários? Publique as suas vagas gratuitamente em nosso site, e se tivermos em nosso banco de dados candidatos que preencham os seus requisitos, os currículos serão encaminhados para sua empresa.

Assessoria Jurídica

Tem dúvidas? Precisa de informação? Sugestões? Entre no nosso canal Fale Conosco, e mande para nós o que precisa.

Está com alguma notificação trabalhista? Ou dúvidas na área trabalhista, comercial, tributária e/ou civil? Possuímos duas assessorias contratadas especialmente para auxiliar nas suas questões. Se houver uma reclamação trabalhista, terá o acompanhamento gratuito de nossos advogados para a sua defesa. E suas dúvidas jurídicas poderão ser também esclarecidas gratuitamente. Novo: Plantão Criminal / 24 horas.

Qualifique sua equipe

Questões Administrativas

O associado tem direito a duas vagas gratuitas por curso na grade disponibilizada em nosso site, e a sua inscrição é feita no próprio site.

Questões como o ECAD, Vigilância Sanitária, Fiscalização Ambiental, NFCe, consulta a Legislação em Vigor fica fácil quando se tem aonde recorrer e tirar informações. Pertencemos ao Conselho Municipal de Urbanismo, caso tenha alguma questão a ser resolvida sobre urbanismo, traga a sua questão para nós.

Contato permanente!

O espaço é seu! Está vendendo algum mobilizado de sua empresa de hospedagem ou alimentação? Anuncie sua venda, mandando as características, preço e fotos do objeto a ser vendido e será publicado em nosso Banco de Negócios, além de enviarmos através de nosso mailing. Basta acessar www.seha.com.br

Informações Legais Tenha acesso às Convenções Coletivas firmadas, sempre que seja necessário.

Basta ligar para: 41 3323-8900

7


8

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

ABIH PARANÁ

Novidade na Regional Oeste Executivo Jefferson Amorim tomou posse dia 29 de julho

A

nova diretoria da Associação Brasileira de Hoteis (ABIH) Regional Oeste Paraná tomou posse dia 29 de julho durante café da manhã no Rafain Palace Hotel, em Foz do Iguaçu. O executivo Jefferson Amorim, do Iguassu Holiday Hotel, assumiu a vice-presidência da entidade, juntamente com o diretor-financeiro, Odivan Eggert. O concorrido evento contou com presença de diversas autoridades, representantes da Gestão Integrada do Turismo, do trade turístico, de órgãos públicos e de instituições da sociedade civil. No registro, da direita para à esquerda: Cândido Ferreira Neto, gerente de marketing e vendas do Rafain Palace Hotel; o empossado; Gilmar Piolla, superintendente de Comunicação Social da Itaipu Binacional e vice-presidente do Fundo Iguaçu; Felipe González, presidente do Conselho Municipal de Turismo de Foz e vice-presidente de Turismo Especializado da ABAV-PR; Carlos Silva, presidente do Sindhotéis Foz e do Fundo Iguaçu; Lourenço Kurten, Secretário Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu; Henrique Lenz Cesar Filho, diretor Financeiro da ABIH-PR e vice-diretor financeiro da ABIH Nacional e Orlando Kubo, presidente da ABIH-PR.

Evento aconteceu durante café da manhã no Rafain Palace & Convention Hotel

Conheça alguns cursos oferecidos pelo SEHA FORMAÇÃO DE PREÇOS E GESTÃO FINANCEIRA EM ALIMENTOS E BEBIDAS 9 a 12/8 - Com Marcelo Rocha Das 13:30h às 17h

Programe seus colaboradores para participar dos cursos. Não perca a oportunidade de profissionalizar seu time . Cada associado tem direito a duas vagas gratuitas.

FAÇA & VENDA 16 a 18/8 - Cristiane Bertho Das 14h às 17h

BISCOITOS E BOLACHAS 20 a 22/9 - Cristiane Bertho Das 14h às 17h Dias e horários sujeitos a alterações

PARCEIROS

Fone (41) 3323-8900 | www.seha.com.br | Alameda Julia da Costa, 64 - São Francisco, Curitiba - PR


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

9

MODELO DE GESTÃO

Senac e SEHA ofertam cursos gratuitos São 1.100 vagas gratuitas, divididas entre Curitiba e Litoral, com 70 turmas previstas

O

Senac PR fechou parceria com o SEHA para a oferta de cursos rápidos para empresas do setor de alimentação. O lançamento oficial aconteceu dia três de agosto, durante uma café da manhã no Restaurante-escola do Senac Curitiba. Ao todo serão 1.100 vagas distribuídas nas unidades de educação profissional de Curitiba e Caiobá. Os cursos são gratuitos com duração de três horas. Na capital serão mil vagas e as aulas acontecem de 15 de agosto a 28 de novembro. Podem participar empresários, gerentes e colaboradores de hoteis, restaurantes, bares e similares, as pré-inscrições podem ser feitas diretamente no site do SEHA. “Essa parceria foi um presente para o nosso Sindicato. É um grande desafio, mas estamos muito contentes pela qualidade de ensino que o Senac oferece. Vale lembrar que esses cursos são destinados para os nossos associados e filiados”, comemorou o presidente do SEHA, João Jacob Mehl. Ao todo são 54 títulos, que vão desde o atendimento, como de técnicas em atendimento para garçom, harmonização de vinhos, até o preparo: hambúrguer gourmet, decoração de bolos, sushi arte e técnica, entre outros. Estão previstas ao todo 70 turmas. Os números de vagas variam conforme a capacidade das salas, de 15

Presidente Jacob Mehl foi o primeiro a falar, enalteceu a parceria e a importância dos cursos a 20 pessoas. “Nosso objetivo é fortalecer ainda mais esse setor que não para de crescer. Estamos cumprindo com a nossa missão, capacitando a mão de obra de

todo o Estado, principalmente na área de gastronomia. Somente em 2015 foram capacitados mais de 2.000 profissionais do setor”, destacou o diretor regional do

Senac PR, Vitor Monastier. Participaram do café a diretoria do SEHA, autoridades, empresários, jornalistas e colaboradores do Senac. Na sequencia o instrutor

de gastronomia do Senac Curitiba, Christian Tamayo Sanches de Souza, acompanhou um grupo pelas dependências do Senac para apresentar os locais dos cursos.

FBHA e Sebrae juntos pelo desenvolvimento do setor N

o dia 28 de julho, o presidente da FBHA, Alexandre Sampaio, se reuniu com o diretor de Administração e Finanças do Sebrae Nacional, Vinícius Lages, em Brasília. Fizeram parte da pauta o trabalho desenvolvido pelo Comitê Brasileiro do Turismo da ABNT/CB-054, do qual Sampaio é o coordenador; e a situação do setor após os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. O Comitê Brasileiro de Turismo da ABNT/CB 54 está reativando a Comissão de Estudo de gestão da sustentabilidade em meios de hospedagem, para acompanhar o trabalho do Comitê Técnico de Turismo da ISO que debate internacionalmente as normas para meios de hospedagem ambientalmente amigáveis. Na ocasião, Vinicius Lages também apresentou o modelo de gestão do Sebrae ao presidente FBHA. O Comitê Brasileiro do Turismo da ABNT/CB 54 trata da normalização no campo do turismo (hotelaria; restaurantes e refeições coletivas; agenciamento e operação e demais funções do setor de turismo), compreendendo a normalização de serviços específicos do setor de turismo e de operações e competências de pessoal, no que concerne à terminologia, requisitos e generalidades.


10

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

ENTREVISTA SÉRGIO PÓVOA PIRES

De estagiário à presidente, 40 anos bem vividos Presidente do IPPUC conhece a Curitiba antiga, planeja à capital daqui 20 anos e tem o turismo na veia Por Pierpaolo Nota

“Agora estamos de mais mãos dadas com o turismo do que estivemos no passado. Até porque não tinha nenhuma instituição, nenhuma entidade que cuidasse do turismo. Há 40 anos não existia o Instituto Municipal de Turismo de Curitiba. Tenho isso comigo porque meu pai (Gilberto de Abreu Pires) foi presidente da Paranatur aqui, na época que o Professor Parigot era governador do Estado. Esse assunto está dentro da minha veia.”

O

bate papo da edição deixou um pouco a desejar, mas para o entrevistador, que ficou com aquele gostinho de que daquela cartola saía muito mais coelho. Trocar ideia com o arquiteto e urbanista Sérgio Póvoa Pires é uma experiência no mínimo revigorante. De fala baixa, mas com grande presença histórica e de conhecimento, envolve quem está presente e passa seu conhecimento de forma simples, como se fosse fácil. O papo flui e o tempo passa rápido. O encontro com o presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba aconteceu no próprio IPPUC, local frequentado pelo entrevistado desde 1975. Quantos anos planejando Curitiba? Sérgio Póvoa Pires - Estou aqui desde 1975, entrei no IPPUC como estagiário. Trabalhava no escritório do Lubomir Fichinski, que é um arquiteto bastante renomado em Curitiba. Fiquei trabalhando com ele durante uns quatro anos, durante o tempo de faculdade. Seis meses antes de me formar ele foi convidado pelo prefeito Saul Raiz para assumir o IPPUC e seis meses antes de eu me formar ele me convidou para participar do grupo. Comecei como estagiário, dia primeiro de janeiro fui efetivado como arquiteto e não sai mais. Tenho 40 anos de IPPUC, bem vividos. Grande parte desses meus anos eu sai, fiz outras coisas, mas sempre como funcionário do IPPUC. Mudou muito Curitiba? SPP - Total! Mudaram-se hábitos e costumes. Só para ter uma ideia, a gente desenhava as coisas aqui no IPPUC com caneta nanquim e papel vegetal. Usava Gillete para corrigir os erros. Os mapas de Curitiba eram todos desenhados com nanquim na escala 1 para 10.000 e 1 para 25.000. Tinha um senhor aqui, o senhor Julius, uma pessoa a quem eu aprendi a admirar, ele veio do Quênia e era um especialista, por-

que as fotografias aéreas sofrem uma deformação nas bordas, a Terra é arredondada, tinha que fazer essa correção. Os mapas que ele desenhava eram os mapas mais precisos do Brasil. A gente fazia planejamento desse jeito. Saia com máquina fotográfica, eventualmente podia ter um voo de avião, mas muito raramente. O planejamento era feito saindo as ruas. Todas as ideias que a gente tinha tinham que ser confrontadas com as realidades dos locais. Tínhamos equipe de topografia, uma equipe muito pequena, carregávamos mais piano nas costas que a gente carrega hoje. Hoje temos todas as facilidades da internet, do Google, wi-fi, telefone celular. Lembro que nos comunicávamos com o mundo através de telex. Aprendi a operar telex, fazia aquela marcação nas fitas, até para o telefonema não sair tão caro. Era um jeito diferente de lidar com a cidade. Parecia que você estava mais próxima dela. Você saia mais as ruas, interagia mais com as pessoas. Hoje acho que temos uma distância maior disso tudo. Um dos grandes objetivos e compromissos da gestão Jacob Mehl no SEHA é trazer mais turistas à capital paranaense e, consequentemente, movimentar toda rede hoteleira, bares, restaurantes e a economia como um todo. O IPPUC tem no planejamento da cidade algum plano, projeto ou atendimento voltado ao turismo ou ao turista? SPP - Desde o começo. Vou dar um exemplo pequeno. Veja: a feira de artesanato do Largo da Ordem foi ampliada, é um centro de atração. Por outro lado, o turista que vem para cá vem também para conhecer o planejamento urbano da cidade, o que se fez. Temos também o turismo de negócios, que a prefeitura tem trabalho muito, tanto é que agora estamos com o projeto do Centro de Feiras, Eventos e Convenções, que vai ser construído atrás do Museu do Imigrante Japonês, no Parque da Imigração Japonesa. Estamos ai com uma discussão para ver

quem vai operar isso tudo. Eu acho que tem que ter um “player” operando que seja mundial para que possa ter um salto quântico nessa história toda. Acho que o DNA de Curitiba sempre foi um DNA internacionalizado, primeiro pela própria formação da cidade. A gente tem imigrantes alemães, poloneses, italianos, ucranianos, etc. Então a gente sempre teve um pezinho fora daqui. Os investimentos que são feitos em Curitiba não são feitos pensando só na cidade, mas na projeção da cidade. Tudo aquilo que conquistamos, o BRT que foi inventado em Curitiba, está em 200 países hoje. Isso é uma forma de atração. As pessoas querem saber quem começou, quem fez. Agora estamos de mais mãos dadas com o turismo do que estivemos no passado. Até porque não tinha nenhuma instituição, nenhuma entidade que cuidasse do turismo. Há 40 anos não existia o Instituto Municipal de Turismo de Curitiba. Tenho isso comigo porque meu pai (Gilberto de Abreu Pires) foi presidente da Paranatur aqui, na época que o Professor Parigot era governador do Estado. Esse assunto está dentro da minha veia, de uma certa forma. Sempre fico pensando que a gente tem que saber vender a cidade. Quando digo saber vender, é que tem que atrair investimentos para cá. Uma forma de fazer isso é atendendo bem as pessoas que vem de fora. Quando a gente fala de turismo, não estamos falando só do estrangeiro, é a pessoa de fora dos limites de Curitiba, que tem que ser muito bem tratada. E para isso tem que treinar. É muito importante o papel do Sindicato, que todos os players da área de turismo, os hoteis, os restaurantes, os taxistas, os motoristas de ônibus, a própria sociedade. A cidade mudou muito nesse sentido, ela é mais hospitaleira. O fato de ter muito evento trazido para cá faz com que a gente saia um pouquinho do nosso jeito tupiniquim de ser. Tocando no assunto Centro de Convenções, o que funciona no cen-

tro da cidade encerra suas atividades no final do ano. O SEHA e outras entidades, como o Movimento Pro-Paraná e Associação Comercial do Paraná defendem sua permanência no local e até ampliação, visando a oxigenação dos hoteleiros e comerciantes do Centro. Qual a visão do IPPUC sobre isso? SPP - Isso é uma questão de visão de negócios. Não sei qual é o plano de negócios e onde é que se quer chegar. Um centro de feiras tem um outro tipo de “aprouch”, convenções é muito menor. Agora é uma coisa questionável porque até onde eu sei a própria Secretaria de Turismo do Estado não existe mais. Se não me engano foi fechada no Dia Mundial do Turismo. Foi integrada à pasta do Esporte. SPP - Isso, integrada ao esporte. É uma forma de o governo ver o turismo. Acho que não é por aí. Quanto mais pudermos ofertar, quanto mais possibilidades nós dermos para que tenhamos eventos de todos os tipos, de todos os tamanhos, para a cidade é melhor, porque a gente tem que trazer divisas para cá, aumentar o nível das pessoas, por consequência aumentando o nível a gente melhora a qualidade de vida de todo mundo. É uma pena, não seu quais razões levaram a fechamento do Centro de Convenções, mas acho que o trade também pode ter propostas para isso. Temos novas notícias sobre o Centro de Feiras Eventos e Convenções que será construído no Parque da Imigração Japonesa? SPP - Não. Estamos esperando. Esse é um dinheiro que vem do governo federal, são R$ 50 milhões, do Ministério do Turismo. A prefeitura vai aportar outros milhões de reais para ajudar na infraestrutura. Agora temos um momento de mudanças no governo federal então estamos em um certo compasso de espera. Temos até o final do ano para ter notícias mais precisas para saber como isso vai acontecer. É importante ter a participação de todos


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

para fazer com que o ministro do turismo não esqueça de Curitiba. Curitiba vai ter metrô? SPP - Com certeza! Tivemos vários momentos na cidade. O primeiro projeto do metrô é de 1969. Na época o prefeito era Omar Sabag, preocupado com as questões de saneamento. Foi na gestão dele que surgiu o primeiro estudo de metrô, que foi o coordenador técnico Euro Brandão. A gente vem acalentando formas diversas de metrô há muito tempo. Estivemos muito perto de começar as obras do metrô, se não fosse uma medida tomada pelo Tribunal de Contas do Estado, que parou a licitação e pediu uma série de informações. Nós tínhamos um ano para retomar tudo isso, acontecerem os episódios que a gente está acompanhando em Brasília e temos uma expectativa muito grande. Para a cidade é um avanço extraordinário. Principalmente porque ao colocar um sistema de alta capacidade embaixo da terra e trocarmos os ônibus da superfície por um grande parque linear, a cidade vai ter um ganho extraordinário. As pessoas passam a ir e vir com mais qualidade e com mais rapidez. E a gente cria um parque linear de 17,6 quilômetros de extensão. Isso por si só é um ganho extraordinário. E a cidade é uma cidade efetivamente da multimodalidade do transporte. Você tem sistemas de alta, média, e baixa capacidade. Para atender as mais diversas situações. Recentemente foi renovada

e ampliada a rota das ciclovias, entra no projeto da intermodalidade? SPP - Sem dúvida. Vamos completar ao final dessa administração 127 quilômetros aproximadamente de vias ciclárias, como a gente chama. Porque existem várias tipos: ciclofaixas, ciclovias, ciclorotas, passeios compartilhados e a via calma. Isso vai ser o mesmo que Curitiba fez em 40 anos, estamos fazendo em quatro. E estamos deixando para os próximos anos um acervo de muitos quilômetros de projetos. Dia três de junho o jornal espanhol El País publicou uma matéria sugerindo que Curitiba perdeu sua identidade e....? SPP - ....Lamentável! Infelizmente a jornalista não entendeu Curitiba, por isso escreveu o que escreveu. O que o nosso próximo prefeito, seja continuação desse governo ou não, precisa saber sobre Curitiba? SPP - Vou te dizer o seguinte, o próximo prefeito será o Gustavo Fruet. Não sou eu que vou ensinar ele a ser prefeito. Ele tem feito coisas extraordinárias pela cidade. Sua honestidade e a transparência como tem tocado a causa pública, só isso já é um baita de um avanço. Mas temos para levar adiante todos os projetos que fazem parte do Plano Diretor, uma série de planos setoriais, estratégicos, planos de desenvolvimento. Existe uma séria de outros assuntos que serão tocados pelo

prefeito agora na campanha que vai ser bom mostrar para todo mundo. O Gustavo é uma pessoa diferenciada. Eu acho que ele está fazendo um bem extraordinário para essa cidade ao apostar na educação. A educação é quem efetivamente vai mudar os nossos rumos. O planejamento de uma cidade também passa pelo momento econômico que o país, estado e município vive. No seu entendimento de arquiteto a situação econômica vai melhorar ou vamos continuar sofrendo? SPP -Tem que melhorar. Se vai não sei. Vai depender dos mandatários atuais. Mas tem que melhorar, porque não pode. Temos todo tipo de problema. O país parou. Os investimentos deixaram de acontecer. Foram drenados para outros lugares que estávamos vendo agora. O brasileiro não merece isso que está acontecendo. É um povo trabalhador, um povo alegre. Um povo que acredita nas instituições. E estamos vendo que o que fazemos em Curitiba pode ser um exemplo para o resto do Brasil. A maneira séria, transparente, honesta. Sem misturar estações. Somos também a capital cívica? SPP -Eu acho que sim. Curitiba ganhou recentemente um prêmio nacional do Ministério Público como a cidade mais transparente do Brasil. Isso mostra a maneira como o prefeito Gustavo Fruet tem gerido essa cidade.

Para encerrar, qual sua avaliação sobre a gestão que o presidente Jacob Mehl vem fazendo à frente do SEHA? SPP -Sou particularmente fã dele, porque torcemos para o mesmo time....rsrsrs. O que está acontecendo é o seguinte, um somatório de esforços para a cidade atingir os patamares que nós todos achamos que são importantes. O Jacob tem os associados que ele tem que dar a resposta, a cidade que ele tem que dar a resposta, importante ele dar as mãos. Ele é uma pessoa muito conciliadora, que vê o mundo além dos seus próprios muros. Isso é muito importante. Porque a gente precisa de pessoas que sonhem mas que transformem os sonhos em realidade. Senão vira um devaneio. Se perde nas nuvens. Ele me parece uma pessoa dedicada a isso, a dar as mãos, a fazer com que todos caminhemos juntos na mesma direção. Quer acrescentar mais alguma coisa? SPP -Acrescentar que Curitiba é uma cidade viável. Que vale a pena amar a cidade que a gente nasceu, escolheu para viver, trabalhar, enfim. Isso é um esforço de todos nós. Quando planejamos a cidade não estamos planejando para nós, estamos planejando para quem vem depois. Então a visão que temos aqui no IPPUC é de uma cidade daqui há 20 anos. As decisões são tomadas hoje, mas olhando um horizonte de 20 anos.

11

Ele (Jacob Mehl) é uma pessoa muito conciliadora, que vê o mundo além dos seus próprios muros. Isso é muito importante. Porque a gente precisa de pessoas que sonhem mas que transformem os sonhos em realidade. Senão vira um devaneio. Se perde nas nuvens. Ele me parece uma pessoa dedicada a isso, a dar as mãos, a fazer com que todos caminhemos juntos na mesma direção.”


12

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

ATUAÇÃO NO LITORAL

SEHA no Porto de Paranaguá Presidente Jacob Mehl visita novo superintendente da Appa, Luiz Henrique Dividino

U

ma reunião entre o presidente do SEHA, João Jacob Mehl, e o novo superintendente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina, Luiz Henrique Dividino, no Porto de Paranaguá, selou uma parceria que vai liberar em breve novamente visitas técnicas certificadas no porto para grupos de acadêmicos das mais diversas áreas. Entre elas: gestão portuária, comércio exterior, administração, logística e área ambiental com foco no desenvolvimento econômico sustentável. O conteúdo programático será dividido em cinco temas: história; a importância do porto no contexto nacional; projetos de infraestrutura e logística; programas na área de meio ambiente; projetos de expansão e projetos futuros. Aguarde para breve informações mais detalhadas no Jornal do SEHA ou ligue para 41 3323 8900.

Gastos de estrangeiros cresce 7% no semestre A entrada de capital estrangeiro no Brasil registrou o crescimento de 7% nos seis primeiros meses do ano. O gasto dos turistas internacionais alcançou a marca de US$ 3,16 bilhões este ano, quanto no mesmo período de 2015, a receita foi de US$ 2,94 bilhões, segundo do Banco Central. Para o ministro interino do Turismo, Alberto Alves, a expectativa é de que os Jogos Olímpicos, impulsionem os gastos dos estrangeiros no país. “É uma oportunidade para os visitantes de mais de 200 países descobrirem os nossos destinos e aproveitarem o que há de melhor nos serviços turísticos. Este será o momento de valorização no turismo nacional”, afirma.

Parceria deve incrementar movimento em hoteis e restaurantes

Isenção de vistos completa dois meses A medida agradou as entidades internacionais de turismo. “Vamos defender que essa ação tenha continuidade. A gente quer um apoio de todos os políticos para isso continuar de forma a trazer mais turistas e mostrar cada vez mais o Brasil para o mercado internacional”, defendeu o presidente da Associação Brasileira de Agência de Viagens (ABAV), Edmar Bull. Com a estimativa de chegada de cerca de 12 mil voos no aeroporto Internacional do Rio de Janeiro, a previsão é de que a maior competição esportiva do mundo gere receitas da ordem de R$ 2,68 bi para o setor turístico do Rio de Janeiro entre agosto e setembro. Os dados são da Confederação Nacional de Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Para o ministro interino do Turismo, Alberto Alves, a decisão do governo brasileiro tem se mostrado acertada. “Estamos confiantes de que a isenção do visto para os turistas das quatro nacionalidades beneficiadas foi importante para a atrair os viajantes e consequentemente de mais receitas para o país. Toda essa bonita movimentação de estrangeiros em nosso país mostra que o Turismo será o grande legado dos jogos”, avaliou. AUTORIZAÇÃO PARA DIRIGIR A autorização temporária tem como objetivo facilitar o trânsito de turistas que virão ao país para acompanhar os Jogos Olímpicos Rio 2016. Além do documento

de habilitação, o turista deverá portar passaporte ou documento com registro da data de entrada no país. A Resolução 578/2016 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) permite que visitantes de países não-signatários da Convenção de Viena de 1968 – acordo que estabelece regras que devem ser seguidas por todos os condutores de veículos quando trafegarem em qualquer um dos países signatários - possam dirigir até dezembro no Brasil. Esta medida possibilitará que turistas que estiverem no país para acompanhar a Olimpíada e que desejam conhecer diversos destinos turísticos, com autonomia, possam fazê-lo em um automóvel alugado. Os profissionais que estiverem a serviço no país durante a maior competição esportiva do mundo também serão beneficiados com a decisão.


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

13

AVIAÇÃO

Gol volta a voar de Curitiba para Foz Mais uma conquista do SEHA em prol do turismo paranaense

A

Gol voltou a oferecer voos entre Curitiba e as cidades de Londrina, Maringá e Foz do Iguaçu. Mais uma vitória da pressão feita pelo SEHA e por diversas entidades em cima do governo estadual para baixar o ICMS do combustível utilizado nas aeronaves que reabastecem no Paraná. A companhia aérea terá duas frequências semanais para a cidade das Cataratas e, a partir de 1º de setembro, a rota será ampliada para quatro vezes por semana. Também em setembro, Londrina e Maringá passarão a contar com quatro frequências semanais para a capital paranaense. “A retomada de frequências para o interior do Paraná é importante para atender à demanda da região e proporcionar ainda mais conveniência a todos que viajam conosco”, explica o gerente-executivo de Planejamento de Malha da Gol, Eduardo Wakami. No Paraná, a companhia conta com voos diretos para seis aeroportos do Brasil, sendo eles São Paulo (Guarulhos e Congonhas), Rio de Janeiro (Santos Dumont e Galeão), Brasília e Porto Alegre.

Além de Foz, Londrina e Maringá também tiveram seus voos reestabelecidos

, a r o h m e t o ã n r o ! l a O am i c e p s e r a g u l m e t mas

BR-277 - Rodovia do Café, 3335, Bairro Orleans - Curitiba/PR Fone: (41) 3285.3965 CONSULTE NOSSAS PROMOÇÕES: www.moteisvisavis.com.br


14

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

ESTRUTURA

Senac inaugura sua mais moderna e sustentável escola Obra foi projetada para conquistar a certificação LEED Platinun, principal selo de construção sustentável do mundo

O

presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-PR, Darci Piana, e o diretor regional do Senac, Vitor Monastier, inauguram dia 29 de julho, em Curitiba, a mais moderna e sustentável unidade de educação profissional da instituição, localizada no bairro Portão. “Esta obra, uma estrutura voltada a estabelecer um novo patamar de tecnologias aplicadas ao ensino, faz parte do nosso plano de expansão. Até o fim de 2017, estaremos atendendo praticamente todo o Estado”, disse Piana. Segundo ele, a obra foi pensada para comodidade e conforto dos alunos e colaboradores. “Priorizamos a sustentabilidade desde a construção até o seu funcionamento. Mas uma das coisas que mais chama a atenção é o fato de a obra ser multifuncional: ela se adapta às demandas da comunidade. Pode ser configurada de diversas maneiras”, afirmou. “Em termos de mobilidade, a escola

Orlando Kissner/ANPr

tem localização privilegiada. Estamos ao lado de dois grandes shopping centers, um terminal de ônibus, um museu e dois supermercados. Toda a população da capital e região metropolitana tem fácil acesso”, destacou o diretor Vitor Monastier. O novo Senac Portão levou um ano e meio para ser concluído. A obra foi projetada para conquistar a certificação LEED Platinun, principal selo de construção sustentável do mundo, que atesta o comprometimento de uma edificação com os princípios da sustentabilidade para a construção civil – antes, durante e depois de suas obras. Ao todo são 3.174,66 m², distribuídos em cinco pavimentos, construídos para cursos nas áreas de gestão, comunicação, informática e saúde, com capacidade de atendimento diário de 1.914 alunos, em três turnos. São dez ambientes pedagógicos convencionais; quatro laboratórios de informática Richa também prestigiou inauguração da nova unidade educacional do Senac equipados com avançados computadores e notebooks; um laboratório de óptica para atender as áreas de Contatologia (especialidade que cuida da adaptação das lentes de contato ao olho), Surfaçagem (processo de transformação de blocos oftálmicos em lentes) e Montagem; amplo espaço para a Educação a Distância (EAD), com cursos de Aprendizagem e WEB TV para todo o Brasil. O espaço ainda possui biblioteca e auditório com 112 lugares. Mais do que uma escola, o novo prédio foi pensado com base em uma concepção arquitetônica eficiente e racional de Eduardo Pereira e André

Leite, arquitetos do próprio Senac. Fazem parte da estrutura 228 placas de captação e energia solar importadas do Canadá. Trata-se da maior planta fotovoltaica (eletricidade gerada a partir da luz do sol) do Estado, responsável pela produção de até 40% da energia consumida no local; cisternas para a captação de água; estacionamento verde – para carros com baixa emissão; instalação de sistema de economia na utilização da água; e ambientes amplos, iluminados e bem ventilados, proporcionando economia e conforto aos usuários.

A escola terá cursos nas áreas de gestão, comunicação, informática e saúde, e atenderá 1.914 alunos diariamente


Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

15

Associe-se ao SEHA. Uma entidade que defende os interesses dos setores de hospedagem e alimentação

convênios Com empresas MEDICINA DO TRABALHO

NOVOS: PLANTÃO DE ADVOGADO CRIMINALISTA SEGURO DE RISCOS DE RESPONSABILIDADE TRANSRESIDUOS ( em fase final de fechamento de contrato)

Policlínica San Tiago - 41 3022-2727 Medicina Ocupacional e Engenharia de Segurança - PCMSO (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional) - PPRA (Programa de Prevenção de Riscos Ambientais PPP (Perfi l Profissiográfi co Profi ssional) Exames Admissionais, Periódicos,Demissionais - Planos com valores especiais para associados SEHA-Ctba. CONSULTORIA ESPECIALIZADA Jr. Consultoria - UFPR - Desconto de 10% nos projetos de consultoria aos associados SEHACtba. A empresa é formada e gerida por alunos dos cursos de administração, ciências econômicas, ciências contábeis e gestão da informação. Sem fins econômicos, seu principal objeti vo é formar profissionais de valor e contribuir para o desenvolvimento sustentável da sociedade, através da realização de consultorias que focam em micro e pequenas empresas. Mais informações pelo 41 3360-4473

Com faculdades SPEI 10% de desconto em Cursos de Pós-Graduação – direcionado aos funcionários de empresas associadas e filiadas. Informações: www.spei.br Fone 41 3364-4579 OPET 10% de desconto em todos os Cursos, e PósGraduação - direcionado aos funcionários de empresas associadas e filiadas. Informações: www.opet.com.br cezarroberto@opet.com.br Fone 41 3021-4848 FACINTER 10% de desconto em Cursos na área de Turismo direcionado aos funcionários de empresas associadas e filiadas. Informações: www.facinter.com.br Fone 41 2102-3300 UNICENP 10% de desconto em Cursos de Pós-Graduação na área de Turismo - direcionado aos funcionários de empresas associadas e fi liadas.

Consulte nosso banco de empregos

www.SEHA.com.br Somos alinhados com a Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação. Acompanhamento em ações trabalhistas. Promovemos efetivas ações junto aos órgãos públicos e privados em defesa de interesses do setor. Cursos gratuitos de aperfeiçoamento em diversas áreas do trade. Oferecemos serviços e produtos indispensáveis às empresas.

Assessoria jurídica gratuita.

Convênios com plano de saúde, faculdades e outros serviços que contemplam expressivos descontos em seus serviços. Estamos fortemente divulgados através de nosso jornal, site na internet, nas redes sociais e na Rádio CBN. Mais de 940 mil estabelecimentos dos segmentos hotelaria e gastronomia no Brasil são representados pela FBHA e seus sindicatos regionais.

Junte-se a nós! Informe-se na secretaria pelo fone 41 3323-8900


16

Curitiba, 2ª quinzena de julho de 2016

IN FOR MA TIVO

FECOMÉRCIO PR B O L E T I M I N F O R M AT I V O D O S I S T E M A F E C O M É R C I O S E S C S E N A C P R | 2 0 1 6

nº 33

Empresários para15ª etapa do Circuito O novo Portão que naenses recuperam Sesc Caminhada e se abre para você expectativa favorável Corrida de Rua será Otimismo cresce após cinco semestres em queda

Sabemos que país está endividado e precisa arrecadar impostos para cobrir rombos que não fomos nós que fizemos. Quem vai cobrir o buraco das contas públicas são as empresas, com faturamento e os impostos que pagam. O que nos anima é a pesquisa de opinião realizada pela Fecomércio Paraná, que mostra um espírito diferente daquele que tínhamos há alguns meses. Já houve época em que 90% da opinião dos paranaenses era de otimismo, antes dos índices desabarem. Nos primeiros seis meses deste ano, caímos de 58% para 30% no item esperança. É a esperança de que os gestores públicos estejam imbuídos em tirar o país da situação em que nos encontramos, ao diminuir despesas e aumentar receita sem sobrecarregar ainda mais quem gera empregos. Somado a isso, o ideal é que tenhamos no mês de agosto a solução definitiva para a questão do impeachment. Esta será a verdadeira medalha de ouro que o Brasil pode dar aos seus empresários, no mês das Olímpiadas. 

Darci Piana

Presidente do Sistema Fecomércio Sesc Senac PR

A 30ª Pesquisa de Opinião do Empresário do Comércio, Serviços e Turismo, realizada semestralmente pela Fecomércio PR, revelou que o otimismo voltou ao Paraná. Ao todo, 45% dos empresários têm expectativas favoráveis para o segundo semestre de 2016, índice superior ao verificado na pesquisa do primeiro semestre, para quando apenas 31% dos empresários estavam otimistas. Desde o primeiro semestre de 2014 esse indicador estava em queda. A segunda maior parte dos empresários (29,7%) ouvidos pela Fecomércio PR não sabe o que esperar para o segundo semestre. Essa opção de resposta demonstra a insegurança dos gestores com relação ao futuro. Esse foi mais um indicador de melhora nas perspectivas empresariais, mostrando que os empresários já começam a ter uma visão mais clara do futuro. Na pesquisa anterior o índice de indefinição foi 38%.  Veja a pesquisa completa no site www.fecomerciopr.com.br/servicos/pesquisas.

AGENDA FECOMÉRCIO PR

INSC

R

P RO S E IÇÕ

GA R RO

DA S

realizada em Curitiba

O Sesc Paraná realiza a 15ª etapa do Circuito Sesc Caminhada e Corrida de Rua, na capital paranaense. A prova acontece no dia 14 de agosto, com largadas no Quartel General do Exército Brasileiro no Pinheirinho (Rua 31 de março, s/n). O prazo para as inscrições encerra em 5 de agosto, e devem ser feitas somente pelo site www.sescpr.com.br. O número de inscrições é limitado. No mesmo dia acontecem as corridas de 5km, para participantes acima de 16 anos; de 10km, acima de 18 anos, ambas com largadas às 7h30; além da Caminhada da Família, com inscrições gratuitas, que também conta com percurso de 5km, e largada às 8h15. Os kits dos atletas participantes das provas dos 5km e 10km serão entregues no dia 13 de agosto, das 9h às 17h, no Sesc da Esquina (Rua Visconde do Rio Branco, 969). Todos os participantes que concluírem a prova serão premiados com medalhas, e com troféus do primeiro ao quinto colocados na Categoria Geral Masculina e Feminina, das provas de 5km e 10km. A prova é realizada com apoio do Exército Brasileiro. Para a inscrição em todas as etapas do Circuito é indispensável à apresentação de atestado médico comprovando aptidão para atividade física, emitido no prazo de até 12 meses de validade. Para a Caminhada da Família não é necessário apresentar atestado médico. 

Curitiba, anos 1700. A passagem e o comércio de animais na trilha em direção ao sul levaram à instalação de um posto de fiscalização na região. Nascia assim o bairro Portão. O bairro é tão importante que o Sistema Fecomércio Sesc Senac PR construiu ali a mais inovadora, tecnológica e sustentável unidade do Senac. Concepção arquitetônica eficiente e racional. São 3 mil m² para cursos nas áreas de gestão, comunicação, informática e saúde, além de biblioteca e auditório. Capacidade para 1914 alunos por dia. Ambiente pedagógico com 10 salas de aula equipadas. Área tecnológica com quatro laboratórios de informática e um laboratório de óptica para atender as áreas de Contatologia, Surfaçagem e Montagem. Amplo espaço para a Educação a Distância (EAD), com cursos em diversas áreas para todo o Brasil. Sistema para captação de águas pluviais e de energia solar. Geração de energia por fonte fotovoltaica. Ecologia, compromisso cumprido: dezenas de plantas de árvores nativas doadas para a prefeitura de Curitiba. O novo Senac Portão é o universo contemporâneo de qualificação profissional que se abre para você. 

Jornal seha ed 032  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you